Page 1

DE VOLTA PARA

O FUTURO CHEIO DE ENERGIA, NOVO DISCO ‘THE NEXT DAY’ TRAZ DAVID BOWIE EM EXCELENTE FORMA PÁG. 08 ABC Segunda-feira, 4 de março de 2013 Edição nº 810, ano 4 MÍN: 18°C MÁX: 31°C

www.readmetro.com | leitor.abc@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metro

ABC já teve 412 quedas de árvores só em 2013 Natureza e perigo. De janeiro até hoje, região registrou dez temporais fortes, que originaram as ocorrências que podem causar apagões e até mortes. Prefeituras prometem estudos para minimizar problemas e plantação de espécies mais adequadas PÁG. 03

São Caetano inicia obra para conter enchentes

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Obras de reestruturação do sistema de drenagem começam hoje na avenida Fernando Simonsen PÁG. 02

FALTOU BRILHO

Inflação corrói ganhos de todas as aplicações Caderneta de poupança foi a categoria de investimento que menos perdeu em fevereiro PÁG. 06

Julgamento do ex-goleiro Bruno Craques decepcionam e começa hoje

clássico acaba sem gols Danilo, do Corinthians, e Marcos Assunção, do Santos, disputam bola no empate de 0 a 0 ontem no Morumbi | LUCAS BAPTISTA/FUTURA PRESS

PÁG. 14

Bruno retorna hoje ao fórum de Contagem para ser julgado pela morte de sua ex-amante PÁG. 04


|02|

1 FOCO

ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

Obras reduzirão enchentes no bairro Cerâmica

DIVULGAÇÃO

NERCY BONATO Gerente da Sabesp no ABC diz que serviço será universalizado até 2018

Investimento. Intervenções na avenida Fernando Simonsen terão início hoje. Motorista pode encontrar barreiras em alguns trechos São Caetano inicia hoje a reestruturação do sistema de drenagem de águas pluviais da avenida Fernando Simonsen, no bairro Cerâmica. A via é importante acesso à avenida Guido Aliberti e ao ParkShoppingSãoCaetano. É onde estão localizados o Espaço Verde Chico Mendes e a prefeitura. A obra deveria ter começado em junho do ano passado. As galerias de águas pluviais serão trocadas por outras que suportem maior quantidade de chuva. As obras devem ser concluídas até o final do ano. A maior parte da verba para a execução da intervenção é do governo federal, por meio do Ministério das Cidades. A União desti-

Empresa responsável pelo saneamento em São Bernardo, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra irá investir R$ 280 milhões até 2014.

Novas galerias já foram implantadas em outros bairros | DIVULGAÇÃO

nou R$ 3,1 milhões para o projeto e a contrapartida da prefeitura é de R$ 300 mil. Interdição Os trabalhos de engenharia serão executados do cruzamento com a avenida Engenheiro Armando de Arruda

Pereira até o encontro com a rua Antônio de Andrade, atingindo três quarteirões. Por conta da obra, a avenida Fernando Simonsen terá interdições parciais. Os bloqueios serão sempre no sentido rua Amazonas/avenida Guido Aliberti. METRO ABC

A Sabesp conseguirá cumprir a promessa de universalizar os serviços até 2018? É o nosso grande desafio. Temos feito esforço para conseguir diversas formas de financiamento, junto ao governo federal e BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). Estruturamos programas a médio e longo prazo para atingir 100% de distribuição de água, coleta e tratamento de esgoto até o prazo. O que se avançou até agora? Na distribuição de água, chegamos a praticamente

100%. Já para coleta e tratamento de esgoto temos 88% coletado e 70% disto tratado em Ribeirão Pires, 64% e 85% respectivamente em Rio Grande da Serra e para São Bernardo, 89% e 29%. O investimento na rede coletora, que levará o esgoto até a estação de tratamento, é caro e passa por importantes avenidas. Quanto será investido até 2014 nesses municípios? Em São Bernardo, os programas mais importantes são o Projeto Tietê e o Pró-Billings, com cerca de R$ 200 milhões. Boa parte das obras são na região do Demarchi. Para Rio Grande da Serra e Ribeirão Pires, serão mais R$ 80 milhões. VANESSA SELICANI

Investigação

Deputado se defende Acusado de enriquecimento ilícito e corrupção, o deputado federal Gabriel Chalita (PMDB-SP) disse que abre mão de seus sigilos bancário e telefônico para provar sua inocência. “Pode investigar tudo na minha vida”, disse Chalita em entrevista ao “O Estado de S. Paulo.

Cotações Dólar + 0,20% (R$ 1,98) Bovespa - 0,94% (56.883 pts)

Olhar cidadão

JOSÉ LUIZ DATENA

JUSTO É LEGAL “A integridade moral é a sua própria recompensa.” Falando no português claro, ser bom, honesto, legal, como diria um amigo meu do interior, “já ta bão demais”. Só que isso não se aplica muito nesse país onde corruptos, maus políticos, bandidos e até assassinos levam vantagem. E com a bênção das leis, na maioria das vezes. Nosso ministro do Supremo, Joaquim Barbosa, foi claro quando disse, na semana passada, mais ou menos o que disse agora há pouco: as leis do país são frouxas para tanto bandido, cada vez roubando mais, matando mais, abusando mais e escapando praticamente quase sempre pelas portas da impunidade. Impunidade que as vezes é legal, está no Código. Caso do Gil Rugai, condenado por homicídio duplo qualificado em que umas das vítimas era o próprio pai, e o cara sai andando pela porta da frente do tribunal da Barra Funda. Culpa do juiz? Claro que não! Já ouvi juiz macho, tão macho que precisa ser protegido pela policia vinte e quatro horas por dia, como o dr. Alexandre, lá do Rio de Janeiro, que chegou a dizer a um criminoso que tinha certeza de que ele era culpado, mas que, pela lei, não tinha como puní-lo. Moral da história: sabia que o vagabundo era vagabundo, menos perante a nossa lei. É legal? É legal, mas é justo? Não adianta você condenar dois canalhas, como os irmão Cravinhos, que mataram sob as ordens de uma facínora, ban-

FALE COM A REDAÇÃO

Euro - 0,24% (R$ 2,57) Selic (7,25%)

Salário mínimo (R$ 678)

leitor.abc@metrojornal.com.br 011/3528-8520 COMERCIAL: 011/4122-0501

O jornal Metro circula em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. Épublicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

dida mesmo, como a Suzane, os próprios pais da dita cuja. Mataram a golpes de porrete duas pessoas dormindo. Tomaram trinta e oito anos de cadeia. O que adianta? Cumpriram onze e vão para as ruas. Vai explicar isso para um americano... ou até para um marciano. Não vai longe. Essa semana, no Brasil Urgente, mostrei um caso de um sujeito que matou a mulher a marretadas. Você entendeu? Matou a mulher a marretadas! Tomou doze anos de pena, cumpriu três, como a lei determina, deveria ter ido para o regime semiaberto, onde não havia vaga, e ganhou liberdade condicional. Livre como um passarinho. Resumindo: arrumou outra companheira e matou de novo com extrema crueldade com o aval e incompetência do Estado. Parece até que no Brasil o crime compensa. O ministro Joaquim diz que as leis são fracas em relação aos criminosos do mensalão e, por incrível que pareça, leio que o deputado João Paulo Cunha, um dos condenados, vai estudar direito. Melhor seria se ele tivesse exercido o direito antes mesmo de sentar num banco de faculdade para aprendê-lo. Qualquer cidadão, seja ele da roça ou da NASA, sabe o que é certo ou errado. Hoje começa mais um caso pontual: o julgamento do goleiro Bruno. Aí a Justiça, até agora, andou bem próxima da opinião pública do que parece ser justo, independente de famoso ou não, Bruno e sua corja estão respondendo pelo processo na cadeia, mesmo que o corpo de Eliza Samúdio não tenha aparecido. É mais uma oportunidade para mostrarmos que o justo, na maioria gritante das vezes, é legal.

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Comercial Nacional: Ricardo Adamo. Metro ABC. Editor-Executivo: Marcelo Camargo (MTB: 33.618). Editor de Arte: Eli de Souza Filho. Gerentes Comerciais: Tânia Biagio e Elizabeth Silva.

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: rua Tabapuã, 81, 14º andar, Itaim, CEP 04533-010, São Paulo, SP. Tel.: 011/3528-8500. O jornal Metro é impresso na Log&Print Gráfica e Logística S.A. A tiragem e distribuição desta edição são auditadas pela BDO. 30.000 exemplares


ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{FOCO}

Eletropaulo afirma que árvores são causa de 40% dos apagões | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

Problema é recorrente em dias de vento e chuva | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

|03|◊◊

Galho de figueira matou uma pessoa em 2011 | ANDRÉ AMERICO/METRO ABC

Temporais já derrubaram 412 árvores neste ano na região Perigo. Ocorrências causam apagões e levam a risco de morte. Prefeituras prometem estudos para retirar espécies comprometidas Foram cerca de dez temporais desde o início do ano, responsáveis pela queda de ao menos 418 árvores nos últimos dois meses no ABC. Os dados são das prefeituras, que atendem às ocorrências. As quedas estão concentradas em Santo André, com cerca de 260 no período, distribuídas em dez bairros. De acordo com a AES Eletropaulo, galhos e troncos são responsáveis por cerca de 40% das ocorrências de falta de energia. Para agilizar o atendimento a este tipo de problema, a empresa instalou no ano passado 180 religadores no ABC. Os aparelhos permitem o conserto da rede, quando não há ruptura, automaticamente, sem a necessidade que técnicos visitem o local. Além dos problemas estruturais, a região registrou nos Trânsito

últimos cinco anos ao menos duas mortes causadas por queda de galhos e troncos. As prefeituras prometem estudos para apontar onde estão as árvores com problemas nas cidades. Santo André planeja a aquisição de um sistema de georeferenciamento e diagnóstico fitossanitário para todas as árvores da cidade. São Bernardo afirma que vai realizar levantamento e substituir espécies com problemas utilizando o apoio do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas). Em São Caetano, a prefeitura disse estar em andamento um mapeamento sobre a situação das árvores. VANESSA SELICANI

Histórico Relembre os principais problemas causados pelas árvores na região Sã Cae a 2008 - um homem morreu após ser atingido por uma árvore próximo a estação de trem Sa A d é 2009 - Uma mulher ficou ferida após ser atingida por um galho de uma palmeira no calçadão da rua Oliveira Lima Sa A d é 2011 - A queda de um galho da figueira do Parque Celso Daniel matou uma mulher

METRO ABC

Morro do Alemão

Brinquedo

Começam obras na João Pessoa

Marinho visita teleférico no Rio

GCM flagra jovem com revólver

Tiveram início no final de semana obras de duplicação na rua João Pessoa, em São Caetano. A intervenção tem parceria com a General Motors. Ela vai ajudar a desafogar o trânsito, marcado pela grande movimentação de caminhões. METRO ABC

O prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, visitou na semana passada o Morro do Alemão, no Rio de Janeiro. Ele conheceu o teleférico implantado no local, no valor de R$ 210 milhões. Marinho quer levar o meio de transporte para São Bernardo. METRO ABC

A GCM (Guarda Civil Municipal) de Santo André informou ter flagrado um jovem de 14 anos com uma réplica de revólver calibre 38 no Parque Central. O adolescente foi encaminhado ao 1º DP e terá de se apresentar ao Conselho Tutelar. METRO ABC

53.000 15

600

árvores em conflito com a rede foram podadas pela AES Eletropaulo ano passado no ABC

pedidos de moradores para retirada de árvores foram registrados no ano passado em Santo André

bairros registraram queda de árvores desde o início do ano nas três cidades


|04|

Julgamento de Bruno recomeça hoje em MG

Política

CLÁUDIO HUMBERTO CLAUDIO@METROJORNAL.COM.BR

DF: EMPRESÁRIO AMEAÇA ‘QUEBRAR A CARA’ DE AGNELO. O governador do

DF, Agnelo Queiroz (PT), está na mira de certo tipo de empresários. Jurado de morte por Dalmo Amaral, cujas empresas de ônibus estão sob intervenção, também recebeu recado ameaçador de Paulo Eduardo Montenegro, presidente do Sindvest, o sindicato de indústria de vestuário do DF, que prometeu quebrar-lhe a cara, após visitar o galpão onde projeto do governo vai ensinar pessoas pobres a produzir roupas e uniformes, inclusive para a rede pública de ensino.

CONCORRÊNCIA. O presidente do Sindvest-DF ficou exaltado ao se convencer de que a produção de uniformes na Fábrica Social vai arruinar sua atividade. TESTEMUNHA. O gestor do

projeto Fábrica Social ouviu a ameaça de Montenegro e, preocupado, levou-a ao governador e às autoridades de segurança.

“EM MOMENTOS DE CRISE, VOCÊ TEM UM DESEMPENHO FRACO” MINISTRO GUIDO MANTEGA (FAZENDA) AO TENTAR JUSTIFICAR O ‘PIBINHO’

“provável” caravana do senador Aécio Neves (MG). ME ENGANA QUE EU GOSTO. Políticos do Rio, a co-

meçar pelo governador Sergio Cabral, enganam seus eleitores ao não adverti-los de que é remota a chance de vitória, no caso dos royalties. É só se lembrar a coleção de derrotas, a mais recente no STF. E o veto presidencial tem tudo para ser derrubado.

INVESTIGAÇÃO. Com base no relato do gestor, feito por escrito, o chefe do Gabinete Militar, coronel Rogério Leão, abriu o devido procedimento policial. PSDB

SEM

ESTRATÉGIA.

PSDB aninha-se no muro, diante da ofensiva do ex-presidente Lula de atrair eleitores à reeleição de Dilma em 2014 com as caravanas de “resgate do legado do PT”. Tucanos minimizam o potencial dos eventos anunciando uma

Sergio Cabral | ALE SILVA/FUTURA PRESS

MARTÍRIO. Lula, que já se

comparou a Cristo, Getúlio Vargas e Lincoln, sabe que a glória dos três começou pelo fim. É um bom começo para virar o disco.

PODER SEM PUDOR

Apelando aos céus Além de ser recebido pelos estudantes da Universidade Federal de Viçosa com nacos de grama recém-plantados nos jardins da Biblioteca que havia inaugurado, o ex-ministro Paulo Renato (Educação) experimentou uma das maiores saias justas, na austera sala de reuniões da Reitoria. Foi quando o folclórico líder ruralista Sô Pontes en-

ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

tregou-lhe um memorial e começou mais um de seus irados discursos contra a situação. Bradou com voz forte: “Este Brasil, ministro, só uma pessoa pode dar jeito: Deus! Por isso, vamos todos rezar!” E puxou, impávido, a oração do Pai Nosso, acompanhado pelo compungido Paulo Renato e todos os honoráveis doutores presentes...

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

Retomada. Após 971 dias atrás das grades, ex-goleiro retorna diante de júri popular e deve encarar novos elementos, como entrevista do primo e testemunha surpresa O ex-goleiro Bruno Fernandes, 28 anos, retorna hoje ao Fórum de Contagem, região Metropolitana de Belo Horizonte (MG), para ser julgado pela morte da ex-amante, Eliza Samudio, 24 anos. Com processo desmembrado desde novembro de 2012, a defesa do jogador terá que enfrentar novos elementos que surgiram e que podem complicar sua situação. Bruno, preso na Penitenciária Nelson Hungria, é acusado de mandar sequestrar a ex-amante, levar para seu sítio em Esmeraldas (MG), onde teria sido morta. Até hoje, o corpo de Eliza não foi achado. Sua ex-mulher, Dayanne Rodrigues, responde em liberdade e será julgada pelos crimes de sequestro e cárce-

re privado do filho do jogador com a ex-amante. Entre os pontos que podem ser explorados no julgamento estão o atestado de óbito de Eliza Samudio, expedido pela Justiça a pedido da juíza Marixa Rodrigues. A promotoria deve explorar ainda o fato de Luiz Henrique Romão, o Macarrão, ter sido condenado e afirmado, em juízo, que Bruno foi o mandante do crime. Macarrão foi condenado a 15 anos de prisão por participação no crime. Apesar de ser considerado uma testemunha dúbia, o primo de Bruno, Jorge Luiz Rosa, em entrevista recente, deu a entender que o goleiro sabia que a ex-amante seria morta.

Rio de Janeiro. Polícia prende 16 suspeitos em operação

Estudo propõe volta da rede de bondes na capital

A megaoperação de ocupação nas comunidades do Complexo do Caju e da Barreira do Vasco, na zona norte do Rio, ontem, resultou na prisão de 16 suspeitos, segundo a Secretaria de Segurança Pública. A área é dominada por traficantes da facção criminosa Comando Vermelho. Cerca de 2 mil policiais militares e 200 fuzileiros navais ocuparam na madrugada de ontem 13 favelas do complexo para a implantação de duas UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora). A ocupação foi rápida e não houve resistência e nem troca de tiros. A polícia acredita que os principais chefes do tráfico na região deixaram o local dias antes da operação. O governador Sérgio Cabral (PMDB) comemorou a ocupação. “É o renascimento de uma região”, disse o governador do Rio. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, esse é o último passo antes de ocupar as favelas vizinhas do Complexo da Maré, que tem hoje mais de 130 mil habitantes. METRO

Estudo realizado por técnicos da SPTrans, empresa que gerencia o sistema de transporte público da capital, propõe o resgate do sistema de bondes, que operou na cidade entre 1871 (tração animal) até a década 1960. O estudo também sugere ampliar a rede de trólebus. Atualmente, dos 15 mil ônibus em circulação em São Paulo, apenas 109 são trólebus (1,2%), espalhados em 10 linhas. Já a última linha de bonde foi desativada em março de 1968. De acordo com o documento, a volta dos bondes é a melhor alternativa para reduzir as emissões de poluentes, uma vez que o sistema é alimentado pela rede elétrica. Na Rio+20, São Paulo se comprometeu a reduzir em 45% as emissões de gás carbônico até 2030. Os técnicos afirmam que, como o Brasil possui uma matriz energética composta por 87% de fontes renováveis, o uso desse estoque deveria ser incentivado. Além disso, há linhas de transmissão suficientes para garantir o bom funcio-

Bruno e Dayanne começam a ser julgados hoje | JOÃO GODINHO/O TEMPO/FUTURA PRESS

Além disso, uma testemunha surpresa da acusação e a inclusão de um inquérito paralelo aos autos, que indica a participação de mais dois policiais na morte de Eliza, pro-

metem tornar o julgamento ainda mais complexo. Segundo a juíza Marixa Rodrigues, o julgamento de Bruno deve durar pelo menos três dias. METRO BH

Último dia da circulação de bondes na avenida São João, no centro, em 12 de agosto de 1966 | ARQUIVO FOLHAPRESS

namento do sistema. A volta dos bondes e a expansão dos trólebus trariam outras vantagem. De acordo com a SPTrans, a vida útil de um trólebus é três vezes maior do que a de um ônibus comum. A previsão da prefeitura no ano passado para investimentos em trólebus era de R$ 10,8 milhões, mas apenas R$ 2,8 milhões foram efetivamente investidos. O restante do dinheiro está parado no Fundo de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, aguardando a aprovação de projetos para a expansão dos trólebus.

Viabilidade Especialistas em transportes apontam que o retorno dos bondes depende da decisão da prefeitura de priorizar o transporte coletivo em detrimento do individual. O modelo, hoje, pode ser adotado com um sistema auto-suficiente de energia, sem a necessidade de uma rede aérea. Com isso, é possível colocá-lo em operação em linhas no centro expandido, servindo como alternativa para viagens de curta distância e desafogando o metrô nessa região. MÁRCIO ALVES METRO SÃO PAULO


ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{BRASIL}

Dívida com precatórios atinge R$ 100 bilhões Demora. Apesar de decisão da Justiça, pagamentos cobrados do poder público se arrastam e deixam população e empresas aguardando por anos

Milhares de processos de precatórios já julgados pela Justiça aguardam execução | MOACYR LOPES JUNIOR/FOLHAPRESS

Um cidadão comum ou uma empresa quando são multados a partir de uma decisão judicial precisam pagar a dívida sob o risco de terem os bens bloqueados ou até mesmo serem presos (no caso da empresa, seu representante legal). Em muitos casos, nem o parcelamento do valor devido é possível. Situação diferente, porém, têm União, DF, estados e municípios brasileiros. Um privilégio concedido pela Constituição Federal há mais de quatro décadas, permite que o poder público acumule dívidas em precatórios que atingem a expressiva marca de R$ 100 bilhões, segundo cálculos da OAB (Ordem dos Advo-

2024 é o prazo limite fixado pela Emenda Constitucional 62 para que o poder público possa zerar os precatórios. gados do Brasil). O valor das dívidas equivale a 0,7% do PIB, Não há, contudo, o número exato de sentenças que precisam ser pagas e a quantidade de pessoas ou empresas que esperam para receber seus direitos. Em relação à dívida da União é possível conseguir um pouco mais de informação. Neste ano, de acordo com o orçamento, o governo pretende pagar R$

17 bilhões de 73.536 sentenças judiciais. O costume geral tem sido postergar e, em três oportunidades, os gestores públicos conseguiram morátorias no STF. Em 1998, a dívida foi rolada por mais oito anos. No ano 2000, houve reconhecimento de que não seria paga e houve prorrogação por mais uma década. Em 2009, novo prazo de mais 15 anos. O CNJ (Conselho Nacional de Justiça) montou um grupo de trabalho para tentar adiantar os pagamentos, mas ainda não há resultados. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

|05|◊◊

Critérios O pagamento de precatórios segue algumas regras definidas pela Emenda Constitucional 62 de 2009. P efe ê cia Maiores de 60 anos, portadores de doenças graves e créditos inferiores a R$ 17 mil.

A ig idade Metade do Orçamento destinado ao pagamento deverá ir para senteças judiciais antigas.

Ac d A liberação do dinheiro devido se torna mais ágil caso o credor abra mão de parte do valor integral.

Fi a 3% dos recursos serão usados no pagamento em ordem única e crescente de valor por precatório, do menor ao maior montante.


|06|

Empreendedorismo

BRUNO CAETANO BCAETANO@SEBRAESP.COM.BR

A ARTE DE VENDER PARA ELAS Dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher. Independentemente das homenagens que elas tanto merecem (deixo aqui meus parabéns e desejo felicidades a todas elas), a data tem também forte apelo comercial. Sua proximidade é acompanhada de inúmeras propagandas do comércio direcionadas ao público feminino. Porém, quantos dos que voltam seus esforços de marketing para elas fazem um discurso vazio ou realmente têm algo diferenciado a oferecer-lhes? Será que o varejista sabe vender para esse público? Homens e mulheres reagem de forma diferente a estímulos de consumo, portanto os desiguais devem ser tratados de forma desigual. As mulheres são mais detalhistas que os homens, gostam mais de comprar, ato que para elas é uma experiência mais rica e demorada do que para eles. Envolva-a em uma boa conversa, em um ambiente bonito e agradável e a possibilidade de sucesso aumenta. Elas prezam muito o atendimento e falhas são capazes de minar o relacionamento com a loja. Levantamento da empresa de pesquisa Sophia Mind aponta que 41% das mulheres vão embora do ponto de venda e não retornam por conta de mau atendimento. E mais: 23% não compram e ainda falam mal do estabelecimento nessa situação. Portanto, o vendedor (ou vendedora) tem de fazer o papel de consultor pessoal, mostrar sensibilidade no trato e paciência para agradá-la, nem que seja para mostrar todo o estoque da loja para a cliente. As mulheres precisam ser atraídas pela vitrine (vale para comércio virtual também), que deve apresentar combinações de roupas e acessórios e variadas opções. O visual é fundamental para conquistá-las. O aspecto sensorial faz diferença, pois a consumidora quer ser envolvida naquele ambiente. Engana-se o varejista com a ideia ultrapassada de que o público feminino só compra itens de valor baixo. Elas são relevantes consumidoras de produtos de luxo, carros, imóveis e artigos eletrônicos. O comerciante que quiser aproveitar o Dia da Mulher para impulsionar seu faturamento precisa estar atento a esses aspectos. Tratar o sexo feminino de forma especial é o que faz a diferença entre o mero discurso e a real oferta de um diferencial. Bruno Caetano é diretor superintendente do Sebrae-SP e mestre e doutorando em Ciência Política pela Universidade de São Paulo. O Sebrae-SP é uma instituição dedicada a ajudar micro e pequenas empresas a se desenvolverem e se tornarem fortes. Saiba mais em www.sebraesp.com.br

Gasolina. Mistura de etanol aumenta em maio O governo formalizou na última sexta-feira o aumento de 20% para 25% da quantidade de etanol que é misturada na gasolina, a partir do dia 1º de maio. A Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar) garante que não haverá dificuldade para atender a demanda devido ao aumento na mistura.

ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{ECONOMIA}

De acordo com a entidade, a expectativa do setor é de uma safra maior em 2013/2014. Na safra 2010/11, o Brasil produziu aproximadamente 620 milhões de toneladas de cana, matéria-prima utilizada para a produção de 37,8 milhões de toneladas de açúcar e 27,4 bilhões de litros de etanol. METRO

Ganho de aplicações perde para inflação Seu bolso. Caderneta de poupança lidera o ranking de investimentos no mês de fevereiro. Para economista, com juro baixo e inflação alta, será preciso assumir mais riscos em 2013 A vida não anda fácil para o pequeno investidor brasileiro. Em um cenário de inflação alta e juros baixos, as suas tradicionais aplicações financeiras vêm oferecendo ganhos bem menores. No mês passado, assim como aconteceu em janeiro, os investimentos perderam mais uma vez para inflação. Se a previsão de IPCA de 0,43% em fevereiro se confirmar, o investidor verá outro mês em que suas aplicações foram corroídas pela alta de preços. A melhor rentabilidade ficou com a poupança antiga, com depósitos feitos até 3 de maio, que oferecem ganho mensal de 0,50%. Em seguida, vieram as cadernetas novas, com rendimento de 0,41%. Os fundo DI apresentaram o mesmo ganho, mas sem descontar o Imposto de Renda. Já a alta da renda fixa foi de apenas 0,27%. “Há cinco anos o mundo não consegue sair dessa crise, que está afetando os investimentos. Nesse cenário, os países estão pagando juros menores e isso faz com que o investidor tenha de se adaptar a uma nova realidade”, afirma Luiz Calado, vice-presidente do IBEF (Instituto Brasileiro dos Executivos de Finanças). Para o economista, isso significa que o investidor

RANKING Mês

Rendimento em fevereiro, em %

0,41

0,83

POUPANÇA NOVA

FUNDO DI

INFLAÇÃO 1,29

0,98

1,02 0,41

Ano

0,29

0,27 RENDA FIXA

DÓLAR

BOLSA

OURO

0,63

IGP-M

0,43 IPCA*

-0,65

-3,19 -3,99

-5,79 -6,54

-8,68 FONTE: ANBIMA, BANCO CENTRAL E FGV

*PROJEÇÃO DO MERCADO

terá de assumir um pouco mais de riscos se quiser ganhar da inflação, podendo até perder dinheiro em alguns momentos. “O mundo mudou. Todos estão perdendo no atual cenário econômico e não há sinais de grandes mudanças no futuro”, afirma. Na sua avaliação, entram como opções fundos multimercados e os fundos de ações – aplicações mais arriscadas em um momen-

to de incertezas – ou investimentos de longo prazo, como o Tesouro. Em fevereiro, o ouro foi o pior investimento, com perdas de 6,54%. A bolsa aparece na sequência com uma queda de 3,19% na rentabilidade. Depois, vem o dólar, que fechou o mês com um recuo de 0,65%. “O investidor precisará pesquisar e aprender a acompanhar a tendência do mercado”, diz o economista. METRO

“O mundo mudou e todos estão perdendo. O investidor precisará se adaptar a esse novo cenário e assumir mais riscos para ganhar da inflação.” LUIZ CALADO, ECONOMISTA

Bancos começam a oferecer linha para antecipar IR

Selic. BC deve manter taxa em 7,25%

Os bancos já começaram a oferecer a antecipação do IR (Imposto de Renda) aos clientes. As linhas já estão disponíveis em instituições como Banco do Brasil, Itaú, Bradesco e HSBC. A Caixa e o Santander ainda não informaram quando vão liberar a modalidade de crédito. A antecipação do IR pode ser uma oportunidade para trocar uma dívida cara por outra mais barata. As taxas cobradas pelas instituições financeiras variam de 1,89% ao mês a 2,99% ao mês. No crédito pessoal, por exemplo, a taxa média mensal de

Os analistas do mercado financeiro apostam na manutenção da taxa básica de juros, a Selic, na segunda reunião de 2013 do Comitê de Política Monetária do Banco Central, que acontece amanhã e quarta-feira. E a expectativa é de a Selic continue nos atuais 7,25% ao ano por mais tempo. Apesar da pressão inflacionária, que fez parte do mercado acreditar em uma alta em abril, a taxa deve permanecer no mesmo patamar para impulsionar a economia, que cresceu apenas 0,9% em 2012. METRO

Confira

1,89% é a menor taxa entre os maiores bancos para antecipar o IR. juros nos bancos estava em 2,93% em janeiro, segundo a Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças). Já no cartão de crédito a taxa é de 9,3% ao mês. Os valores dos empréstimos vão de 75% a 100% da restituição. Em geral, o teto varia de R$ 20 mil a R$ 30 mil, conforme o banco. METRO

Taxas mensais das linhas para antecipar o IR Ba c d B a i 2,13% B ade c

1,89%

Cai a Ainda não definida HSBC 2,99% Ia

1,9%

Sa a de De 2,99% a 3,59%


ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{MUNDO}

Aos 86 anos, rainha Elizabeth é hospitalizada Reino Unido. Monarca apresenta sintomas de gastroenterite. Compromissos foram cancelados, incluindo uma viagem a Roma A rainha britânica Elizabeth 2a foi internada ontem no hospital Eduardo 7º, em Londres, com sintomas de gastroenterite. Aos 86 anos e conhecida por sua saúde robusta, a rainha foi hospitalizada pela última vez em 2003, quando fez uma cirurgia no joelho. A rainha estava no hospital para avaliações de precaução e deve permanecer lá por dois dias, disse ontem um porta-voz do Palácio de Buckingham. A última vez que esteve no hospital foi no ano passado, visitando seu marido, Príncipe Phillip, internado com uma infecção na bexiga.

A rainha Elizabeth, que comemorou seus 60 anos de reinado no ano passado, normalmente mantém uma agenda lotada de compromissos públicos e privados, embora nos últimos anos ela tenha reduzido seu agitado calendário de viagens ao exterior. Todos os compromissos da monarca para a semana, incluindo uma viagem a Roma, foram cancelados ou adiados como medida de precaução, segundo o porta-voz. A rainha iria visitar a Itália como convidada do presidente Giorgio Napolitano entre 6 e 7 de março. METRO

Rainha Elizabeth 2ª, em foto na quinta-feira | IAN GAVAN/REUTERS

Novo papa. Cardeais começam reuniões preparatórias Os cardeais começam a realizar reuniões preliminares, conhecidas como congregações, para decidir a data para o conclave para escolher o sucessor de Bento 16. A primeira congregação será hoje a partir das 9h30 local (5h30 de Brasília). A expectativa é que a eleição seja concluída até meados de março, para que o novo papa possa realizar os serviços da Semana Santa, culminando no domingo da Páscoa na semana seguinte. “Não foi decidido, nem se deve esperar a decisão sobre o início [do conclave]”, disse o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi. Também não estão programadas missas para hoje. Os cardeais que votam no conclave são aqueles que têm menos de 80 anos. Estarão aptos 115 eleitores, dos quais cinco brasileiros: dom Raymundo Damasceno, dom Cláudio Hummes, dom Odilo Scherer, dom

Praça São Pedro no primeiro domingo sem a bênção papal | MAX ROSSI/ REUTERS

Geraldo Majella Agnelo e dom João Braz de Aviz. A Igreja Católica Romana marcou ontem seu primeiro domingo sem uma bênção papal, o que não acontecia desde 3 de abril de 2005, o dia após a morte de João Paulo 2. As janelas do apartamento papal com vista para a Praça de São Pedro estavam fechadas, o que normalmente ocorre quando um papa está fora de Roma e oferece a bênção em outro lugar. METRO

|07|◊◊

Egito. Novo julgamento de Mubarak será em 13 de abril A Justiça do Egito marcou para 13 de abril o novo julgamento do ex-ditador Hosni Mubarak. Ele foi condenado em junho à prisão perpétua, mas a pena foi anulada. Os rebeldes que participaram de sua derrubada em janeiro de 2011 pedem que ele seja condenado à morte. Em visita no Cairo ao presidente Mohamed Mursi, o secretário de Estado americano, John Kerry, anunciou ontem uma ajuda de US$ 250 milhões ao Egito, mas cobrou o compromisso com reformas políticas e econômicas no país. METRO

Ex-ditador é visto em sua cela, em junho de 2012 | REUTERS


|08|

2 CULTURA

ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{CULTURA}

O retorno de David Bowie Novo disco. Após dez anos sem um álbum de inéditas, cantor lança, em streaming no iTunes, o vigoroso ‘The Next Day’ Não é só a capa do vigoroso “The Next Day”, novo álbum de David Bowie, que faz referência à “Heroes” (veja o texto ao lado). Logo na primeira faixa, “The Next Day”, outra lembrança do álbum da década de 1970 surge quando Bowie canta com energia como há muito não se via em seus discos – e que pode ser comparada às músicas de “Heroes”, como “The Secret Life of Arabia” ou “Blackout”. A sequência do novo, lançado na última sexta em streaming no iTunes, remete também às lembranças de seu melhor período criativo, a chamada “fase Berlim”, que engloba ainda “Low” (1976) e “Lodger” (1979). Para ir mais longe nas referências, escute “Valentine’s Day” com suas guitarras, violões e até backing vocals quase como uma homenagem ao período Space Oddity, entre 1969 e 1973. Disponibilizar o álbum pa-

ra streaming foi o segundo lançamento de Bowie nos últimos dias. Antes, o “camaleão” apresentou o clipe de “The Stars (Are Out Tonight)”, com a atriz Tilda Swinton. O jornal The Independent classificou “The Next Day” como o “maior retorno na história do rock’n’roll”, enquanto o The Guardian diz que “embora contenha referências ao trabalho passado de Bowie, o novo álbum não se tornou uma memória sonora de uma carreira musical estelar”. Com muita dignidade e em ótima forma, David Bowie surge com novo disco sem parecer uma caricatura de si. Disponível para pré-venda no iTunes (R$ 20), o álbum tem uma versão delux, com mais três músicas inéditas (R$ 26). A data oficial de lançamento está marcada para o próximo dia 11. PAULO BORGIA

Michelle Pfeiffer

TCM faz homenagem às mulheres

“Heroes” (1977)

O designer Jonathan Barnbrook, criador da capa de “The Next Day”, escreveu em seu site, VirusFonts, sobre o conceito da arte. Para ele, “‘Heroes’, coberta pelo quadrado branco, é sobre o espírito da grande música pop e rock que é ‘do momento’, que se esquece do passado, ou o faz desaparecer.”

“The Next Day” (2013) Álbum é o 24º de estúdio na carreira de Bowie | JIMMY KING/DIVULGAÇÃO

METRO SÃO PAULO

À espera. Filho de Michael Jackson estreia como ator Aos 16 anos e já com pinta de astro, Prince Michael I, o filho mais velho do rei do pop Michael Jackson, morto em 2009, não vê a hora de estrear em Hollywood como ator de cinema. Enquanto a oportunidade não surge, ele dá seus primeiros passos rumo à fama – por conta própria – na TV. O adolescente, que recentemente foi anunciado repórter especial do programa “Entertainment Tonight”, está gravando participação no episódio final desta quinta temporada da série “90210”. Na atração, exibida no Brasil pelo canal Sony Spin, às terças, 21h, Prince Michael será Cooper, jovem cheio de problemas que se envolve com Silver (Jessica Stroup).

Um e outro

Com os primeiros trabalhos na TV, como ator e repórter, o herdeiro de Michael Jackson espera conseguir longa carreira na indústria do entretenimento. “Eu estou querendo ser produtor, diretor, roteirista e ator. Eu fui criado em torno de coisas como essas, então foi diferente ser o entrevistador, em vez de quem está sendo entrevistado’’, afirma Prince, que já entrevistou, no “Entertainment Tonight”, os atores James Franco, Zach Braff e o diretor Sam Raimi, do filme “Oz: Mágico e Poderoso”. No cinema, ele quer trabalhar com Peter Jackson, “Eu amo suas produções. Adoro o jeito que ele filma”, confessa Prince. METRO RIO

Canal vai exibir até sexta, às 22h, cinco filmes que mostram personagens femininos marcantes. Hoje é a vez da Mulher Gato (foto), em “Batman – O Retorno”.

Prince Jackson está com 16 anos | VALERIE MACON/GETTY IMAGES

Veja quem ganhou a promoção para encontrar com Justin Bieber

Bieber durante show em dezembro do ano passado | CHRIS MCKAY/GETTY IMAGES

Chegou ao fim a promoção ‘Encontro Marcado com Justin Bieber”, um concurso cultural criado pelo Metro em todo mundo e que tem como prêmio a chance de um fã de ficar bem pertinho do ídolo teen. A grande vencedora da premiação foi a peruana Valeria Viteri, de 15 anos. Além de ter sua foto escolhida por um júri especial, a jovem ainda conseguiu incríveis 9.022 votos do público no Facebook (www.facebook.com/metrojornal). Para se ter uma ideia, a se-

gunda colocada, uma chilena, obteve 4.878 votos. A terceira na competição foi uma brasileira, que obteve 3.093 “curtidas”. Para participar da promoção, o fã precisava tirar uma foto com o anúncio do concurso publicado diariamente no Metro desde o dia 15 de fevereiro. Essa imagem deveria ser feita em um lugar especial para o qual você gostaria de levar Bieber em um encontro. A partir de um júri escolhido pelo Metro, as melhores fotos, somados ao

número de “likes” no Facebook, apresentariam os melhores colocados no resultado final. Agora, Valeria Viteri vai acompanhar um show de Justin Bieber durante a turnê europeia do álbum “Believe Acoustic”, com passagem e hospedagens pagas. Para completar, e o mais importante, ela vai pode conhecer o cantor no backstage da apresentação, de pertinho, com direito a beijos, abraços e fotos. É ou não é um grande prêmio? METRO


|10|

ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{VARIEDADES} Os invasores

Leitor fala

Ecoinovação

ANDRÉ J. A. GABRIEL

UPA em Santo André

DE VOLTA À BASE O planeta Terra sustenta a vida há 3,5 bilhões de anos. Os insucessos e os sucessos evolutivos criaram o mundo como é hoje. A natureza possui uma rede de vida que mantém cada parte deste planeta conectado de forma sustentável. Até quando? O crescimento humano chegou ao patamar dos sete bilhões, que consomem mais que este planeta pode suportar. O humano criou uma estratégia de sociedade que não corresponde ao processo natural de seleção através do desenvolvimento lento. A produtividade favorecida pela Revolução Industrial e o aumento do conhecimento da Revolução Científica afastaram o humano da natureza. Este hiato fez com que nos supuséssemos melhores, mais fortes, mais adaptados. Agora começamos a perceber que os recursos naturais escasseiam, as mudanças climáticas se tornaram realidade e o mundo superlotado tenta encontrar saída nas mesmas fontes que o trouxe até aqui. Existe uma crise de inovação. E não estamos encontrando soluções a partir dos modelos que temos na modernidade. É hora de voltarmos à base. Que base? A casa, a Terra, Gaia. A natureza é o maior exemplo de sucesso de manutenção da vida. Cada forma de vida no planeta possui a sabedoria de sobrevivência de 3,5 bilhões de anos. O ponto de mutação da sociedade está em passar a olhar a vida ao redor como fonte inspiradora. A biomimética fala disso: olhar a natureza como fonte inspiradora para as questões atuais, trazendo as soluções pela observação dos modelos das expressões de vida e dos ciclos naturais. A volta à base consiste em usar a natureza como mentora – o que podemos aprender com ela, não o que podemos extrair dela. Esta é uma chance de solucionarmos as questões ambientais, reconhecendo as leis naturais e efetivando a sustentabilidade: mover-nos pela energia solar, não gastar energia desnecessária, reciclar tudo, cooperar, respeitar a diversidade e não ter excessos. Estas leis naturais são nossas conhecidas de longa data. Vamos pensar nisso?

Cruzadas

Não concordo com o fechamento da Unidade de Pronto Atendimento localizado na Rua Cel. Agenor de Camargo, no domingo, dia 24 de fevereiro, estive lá acompanhando um paciente. A unidade atende sim aos que procuram para consulta de emergência, tanto que tinham muitas pessoas sendo medicadas e tratadas e muitas reclamando que mesmo com a demora de alguns procedimentos (como resultados de exames de emergência), era muito melhor passar por ali do que ter que ir até o Hospital Municipal que estava com superlotação e a demora estava muito mais eminente. Os serviços que estão se monstrando eficientes para a população, agora querem tirar do povo que precisa? Acredito que possa ter outra solução que não o fechamento. CLAUDETE MAGALHÃES, SANTO ANDRÉ

Metro Pergunta

Qual a sua avaliação sobre os primeiros 60 dias do governo Fernando Haddad? Sudoku

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metro

@samuelpervc

Ainda é cedo para qualquer avaliação. Mas pelo que sei até agora ele tem se mostrado bem disposto em cuidar da cidade. @alexferrarese

Dentro do esperado, adota medidas de certo impacto para assegurar a confiança do eleitor. Nada de excepcional. @RafaGottschalk

Não achei nada demais. Não melhorou nada, continua tudo ruim nessa cidade. André J. A. Gabriel é coordenador do curso de Engenharia Ambiental da Universidade Metodista de São Paulo. É engenheiro químico (UFRRJ), especialista em psicologia junguiana (IJEP), mestre em química orgânica (UFRRJ) e doutor em ciências (USP).

Metro web Para falar com a redação:

leitor.abc@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Dia de atropelos e com situações que esta-

Leão (23/7 a 22/8) Força pessoal e grande capacidade de articulação, bom momento para fazer parcerias que lhe tragam vantagens imediatas e também para realizar bons discursos.

Sagitário (22/11 a 21/12) Paixões e extravagâncias podem agi-

Touro (21/4 a 20/5) Grandes ideias e projetos mirabolantes podem acabar absorvendo todo o seu tempo e todas as suas energias. Procure não se aventurar demais, controle-se.

Virgem (23/8 a 22/9) Dia de mostrar serviço e acabar lideran-

Capricórnio (22/12 a 20/1) O mundo está girando um pouco mais rápido hoje e você precisa acelerar o seu ritmo para poder acompanhar os acontecimentos. Não fique parado, agilize-se.

Gêmeos (21/5 a 20/6) Pensamentos positivos e atitudes coerentes podem trazer destaque pessoal e brilho para a sua carreira. Organize as suas ideias e mostre que você é capaz.

Libra (23/9 a 22/10) Vontade de ousar e se aventurar mais pode trazer novas atividades e algumas preocupações. Procure não criar coisas se você não tiver tempo para continuá-las.

Aquário (21/1 a 19/2) Muita pressa e muitas ideias na cabeça, o apoio de pessoas importantes poderá impulsionar os seus objetivos, mas será preciso atenção para não se perder.

Câncer (21/6 a 22/7) Novidades causando muito estresse para

Escorpião (23/10 a 21/11) Procure se adaptar às novidades ra-

você, tanto no trabalho quanto na vida amorosa. Dia de correr atrás de muitas coisas para poder abrir os seus caminhos.

pidamente, algumas mudanças estão acontecendo e se você demorar para reagir poderá ficar cada vez mais difícil assimilá-las.

Peixes (20/2 a 20/3) Hoje o coração tem boas chances de bater mais forte. Pessoas interessantes cruzando o seu caminho ou novas experiências para curtir no relacionamento atual.

rão acontecendo com muita rapidez. Procure ser focado para não perder tempo demais com coisas que não interessam.

do as pessoas com as suas ideias e com a sua grande capacidade de comunicação. Estresse devido ao excesso de trabalho.

tar o seu dia deixando tudo muito excitante. Procure não se separar demais dos seus objetivos, curta a vida com moderação.


|12|

3 ESPORTE

ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Liderança é com o Tricolor Após perder a dianteira momentaneamente para a Ponte Preta, o São Paulo voltou à ponta do Campeonato Paulista. Em Penápolis, o Tricolor venceu os donos da casa por 2 a 0 e, com um jogo a menos do que os demais clubes, chegou à liderança isolada do estadual com 22 pontos. O time volta a campo na próxima quinta-feira, contra o Arsenal de Sarandí (ARG), no Pacaembu, pela Taça Libertadores.

No interior. Equipe reserva do São Paulo bate o Penapolense e chega à sétima vitória em nove partidas pelo Campeonato Paulista

Reservas resolvem Poupando o time titular para o duelo na competição continental, o técnico Ney Franco escalou a equipe com 11 reservas, entre eles, o meia Paulo Henrique Ganso e o zagueiro Rhodolfo. E foi o defensor que abriu o caminho da vitória: Cañete levantou bola na área e o capitão tricolor empurrou para as redes, logo aos 4 minutos da etapa inicial. Ganso arriscava passes, mas esteve longe de fazer a diferença. O Penapolense até tentava atacar, mas parava no goleiro Dênis. O atacante Ademilson, que foi o melhor tricolor no jogo, deu números finais aos 24 minutos do 2º tempo em chute certeiro de fora da área. METRO

“Já estou em um ritmo bom, quero melhorar sempre para ir para a equipe titular.” GANSO, MEIA DO SÃO PAULO

02 PENAPOLENSE Roni Luis Felipe Biro Gualberto Rodrigo Biro Neto Fernando Liel A. Carvalho Guaru Magrão Felipe Alves Silvinho Fio Técnico: Pintado Capitão do São Paulo na tarde de ontem, Rhodolfo anotou o primeiro gol tricolor em Penápolis | Fernando Calzanni/Sigmapress/Folhapress

SÃO PAULO Dênis João Filipe Wallyson Rhodolfo Edson Silva Carleto Fabrício Lucas Farias Rodrigo Caio Maicon Ganso Cañete João Schmidt Ademilson Técnico: Ney Franco

G Rhodolfo aos 4 minutos do 1º tempo e Ademilson aos 24 minutos do 2º tempo A bi age Fábio Jesus Vopato Mendes (SP)

Série A2

Xô, zica! Sem problemas

Kleber Sondado recentemente pelo Palmeiras, o atacante Kleber, do Grêmio, admitiu que retornaria ao Verdão, de onde saiu de forma conturbada no fim de 2011: “Não teria problema nenhum”, disse o Gladiador à “Rádio Bandeirantes”.

Lucas comemora vitória do Botafogo

0 2

| FERNANDO SOUTELLO/AGIF

Felipe; Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Cáceres (Gabriel ), Ibson e Elias (Rodolfo); Carlos Eduardo (Renato ), Rafinha e Hernane. Técnico: Dorival Junior

FLAMENGO

Jefferson ; Lucas , Bolívar, Dória e Julio Cesar (André Bahia ); M. Mattos, Fellype Gabriel , Lodeiro (Vitinho), Seedorf e Andrezinho (Gabriel); Rafael Marques. Téc: Oswaldo de Oliveira

BOTAFOGO

G Julio Cesar a 1 minuto do 1º tempo e Vitinho, aos 48’ do 2º A bi age Graziani Maciel, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Luiz Claudio Regazone (RJ)

Foi dramático, como a torcida do Botafogo está acostumada. No dia do aniversário de 60 anos de Zico, o Flamengo entrou com camisas estilizadas, com o nome do maior ídolo da história do clube escrita atrás. Já o Botafogo, entrou em campo engasgado com um incômodo tabu: o de nunca ter vencido o maior rival dentro do próprio estádio, o Engenhão. Em quase três anos, desde que o Maracanã foi fechado para a reforma, foram 10 partidas: três vitórias rubro-negras e sete empates. A última vitória do Glorioso sobre o Flamengo tinha sido no dia 18 de abril de 2010, no famoso jogo da cavadinha de Loco Abreu. O jejum caiu por terra ontem, com a vitória por 2 a 0, em um jogo eletrizante e de tirar o fôlego. Com o resultado, o time do técnico Oswaldo de Oliveira avançou à final da Taça Guanabara, apesar da vantagem do empate, ontem, ser do Flamengo, dono da melhor campanha da fase classificatória e até então invicto. Julio Cesar, a um minuto de jogo, e Vitinho, aos 48 mi-

nutos do segundo tempo, selaram a vitória alvinegra. O adversário na decisão, domingo, às 16h, no Engenhão, será o Vasco, que sábado eliminou o Flu na outra semifinal. O cruzmaltino tem a vantagem do empate. O Flamengo não chutou ao gol no primeiro tempo. Julio Cesar fez o gol-relâmpago e a festa alvinegra. Mas, o clima no segundo tempo foi de apreensão. O rubro-negro partiu para cima e teve chances claras de virar o marcador. O Botafogo se fechou e passou a jogar nos contra-taques. Incomodou um pouco, mas Jefferson foi quem mais trabalho. O Flamengo reclama de pênalti, após a bola bater no braço de Marcelo Mattos dentro da área. No penúltimo minuto de jogo, o goleiro Felipe foi para a área rival para cabecear. Não conseguiu. Deixou o gol aberto e Vitinho chutou no ângulo para fechar o placar. PATRÍCIA TRINDADE METRO RIO

Lusa vence e mantém liderança A Portuguesa venceu o Capivariano por 2 a 1 ontem e seguiu na ponta da Série A2 do Paulistão. METRO Stock Car

Cacá Bueno vence em Interlagos Cacá Bueno venceu a primeira prova da Stock Car no ano. Rubens Barrichello foi o 25º. METRO UFC

Wanderlei ganha de americano No Japão, Wanderlei Silva nocauteou Brian Stann pelo UFC, na noite de sábado para domingo. METRO


|14| Paulistão 10ª rodada

SEXTA-FEIRA

OESTE

2

X

2

X

0

U. BARBARENSE

XV PIRACICABA

2

MIRASSOL

ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

Clássico centenário e sem festa à altura Decepcionante. Duelo entre alvinegros tem poucas chances de gol e pontaria fraca

Cenas 1 . MARCOS BEZERRA/FUTURA PRESS 2 . MARCOS BEZERRA/FUTURA PRESS 3 . RODRIGO COCA/FOTOARENA

1

Esvaziado. No Morumbi, apenas 17.155 torcedores assistem ao duelo alvinegro

SÁBADO

1

X

BRAGANTINO

LINENSE

2

A. SOROCABA

0

X

0

X

0

PONTE PRETA

SÃO CAETANO

1

2

BOTAFOGO

ONTEM

SANTOS

0

X

0

X

0

X

2

X

CORINTHIANS

PENAPOLENSE

GUARANI

0

2

SÃO PAULO

2

MOGI MIRIM

SÃO BERNARDO

0

ITUANO

QUINTA-FEIRA (14/3) 20h30

X PALMEIRAS

PAULISTA

CLASSIFICAÇÃO P V GP SG 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

SÃO PAULO MOGI MIRIM PONTE PRETA SANTOS BOTAFOGO LINENSE PALMEIRAS CORINTHIANS PENAPOLENSE PAULISTA BRAGANTINO MIRASSOL OESTE XV PIRACICABA ITUANO A. SOROCABA SÃO BERNARDO GUARANI U. BARBARENSE SÃO CAETANO

22 20 20 18 18 17 16 15 13 13 13 11 11 10 10 9 9 8 5 5

7 6 5 5 5 4 4 3 4 3 3 3 3 2 2 2 2 2 1 1

19 19 14 18 15 15 18 15 11 10 17 14 8 17 9 14 10 13 6 10

10 10 8 5 4 4 7 6 -3 1 -1 -1 -6 -2 -5 -2 -6 -7 -9 -13

Classificados para a fase final Rebaixados para a Série A2

7 gols anotou Lincom, atacante do Bragantino, artilheiro do Paulistão

Neymar disputa bola com o corintiano Edenilson no Morumbi | RODRIGO COCA/FOTOARENA

Santos e Corinthians não fizeram um jogo daqueles para entrar na história centenária do clássico alvinegro. Se, em 22 de junho de 1913, no primeiro confronto entre os clubes, o Peixe venceu por 6 a 3, ontem o placar ficou inalterado no Morumbi. Um pouco por falta de tentativa, um pouco por falta de pontaria. Fato é que o empate não pareceu incomodar as equipes, ao contrário dos 17.155 torcedores pagantes. Obrigado a mandar o jogo longe da Vila Belmiro, o Santos deu a primeira investida aos 7 minutos, com Cícero, de cabeça. O meia, porém, estava em posição irregular e o gol não valeu. O vacilo acordou o Corinthians, que passou a dominar o confronto. Alexandre Pato e Renato Augusto, titu-

0 0

Rafael; Galhardo (Bruno Peres), Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Marcos Assunção , Cícero e Montillo (Felipe Anderson); Neymar e André (Giva). Técnico: Muricy Ramalho

Sobe e desce

SANTOS

Cássio; Edenilson , Gil, CORINTHIANS Paulo André e Igor; Ralf, Paulinho, Danilo (Douglas) e Renato Augusto; Pato (Romarinho) e Guerrero (Emerson). Técnico: Tite

E ádi Morumbi, em São Paulo. A b i age Guilherme Ceretta de Lima, auxiliado por Alberto Poletto Masseira e Maria Nubia Ferreira Leite (SP).

lares, comandavam a movimentação da equipe. E dá-lhe gols perdidos. Aos 33, Guerrero recebeu passe de Pato e foi travado no momento do chute. Aos 38, foi a vez de Paulinho errar. No início do 2º tempo, Renato Augusto tentou encobrir Rafael, sem sucesso. Neymar, pouco aparecia. Quando não tentava resolver sozinho, cavava pênaltis, o que lhe

rendeu cartão amarelo e suspensão da partida contra o Atlético Sorocaba, domingo. Aos 34, quando o empate parecia ser o melhor para todos, veio a melhor chance do Peixe: Marcos Assunção acertou o travessão de Cássio. E foi só.

C

fi a e e de ac e e ã f i be c á ic de e e e Sa e C i hia M bi

RAFAEL

MONTILLO

PATO

GUERRERO

MATHEUS ADAMI METRO SÃO PAULO

Neymar admite má fase; Timão ‘troca o chip’ Após mais uma atuação apagada, o atacante Neymar admitiu que está em má fase: “Estou, estou”, disse o atacante santista, após ser questionado se estava ou não tendo desempenho abaixo da média. O lateral esquerdo Léo saiu em defesa do camisa 11: “Tem que questionar cabeça de bagre, não craque. Ele foi muito bem marcado, o jogo foi muito truncado.”

No lado corintiano, sobraram reclamações de que a equipe foi superior ao Peixe, mas que o ataque não conseguiu concluir: “O único puxão de orelha, até no intervalo, foi a finalização de média distância. Tem de bater! Abriu, bate!”, disse o técnico Tite. O atacante Alexandre Pato afirmou que, agora, o foco é outro: “Agora é esquecer esse jogo e pensar na Libertadores”, disse. Quar-

ta-feira, o Timão enfrenta o Tijuana, no México. Caso Kevin O presidente corintiano Mário Gobbi declarou que o clube vai procurar a família de Kevin Beltrán Espada, torcedor do San José (BOL) que foi morto por um sinalizador disparado por um corintiano em Oruro: “Na próxima semana entraremos em contato com a família do Kevin.” METRO

3

1

Neymar passa em branco.

Grande esperança de gols do Santos, Neymar não conseguiu se destacar. Ontem, ele vestiu a camisa 360 por conta do patrocinador e prejudicou o Peixe ao receber o terceiro amarelo. METRO

2

Guerrero fica no quase.

O atacante peruano por muito pouco não deixou sua marca no duelo, aos 33 minutos do 1º tempo. O camisa 9 foi substituído por Emerson Sheik aos 16 minutos da etapa final. METRO

3

Chance desperdiçada.

Léo saiu em defesa de Neymar | MARCOS BEZERRA/FUTURA PRESS

O meia-atacante Renato Augusto, que teve boa atuação, lamenta oportunidade de gol perdida cara a cara com o goleiro Rafael, aos 4 minutos do 2º tempo. Ele tentou encobrir o arqueiro santista. METRO


ABC, SEGUNDA-FEIRA, 4 DE MARÇO DE 2013 www.readmetro.com

{ESPORTE}

|15|◊◊

GILSON KLEINA Técnico do Palmeiras explica como faz para evitar vaidades no grupo, afirma que Verdão não vai deixar Libertadores de lado e que saída de Barcos está superada

‘SER JUSTO É OBRIGAÇÃO’ Treinador do Palmeiras desde setembro, Gilson Kleina segue firme no clube mesmo após o rebaixamento para a Série B. Mantido pelo presidente Paulo Nobre, ele fala, ao Metro, de seu modo de trabalho e das expectativas para a Libertadores.

CESAR GRECO/FOTOARENA

Na Ponte Preta você já tinha o mérito de trabalhar vaidades no grupo e era visto pelos jogadores como um técnico justo. Qual é o segredo para evitar problemas e manter a motivação? Ser justo não é mérito, é obrigação. Se existe uma disci-

plina, o comando passa por atitudes, definições e coerências. Sempre lidamos com o grupo dessa maneira. Todo problema interno se resolve internamente. O que pudermos extrair e ajudar os jogadores, vamos fazer. Com a saída de Barcos, muito se falou que o Palmeiras abriria mão da Libertadores para priorizar o retorno à Série A do Brasileirão. Até que ponto isso é verdade? De forma alguma. Seguimos trabalhando bastante para conquistarmos bons resultados na Taça Libertadores e ao

longo de toda temporada. A saída do Barcos foi uma decisão da diretoria, mas estou contente com os jogadores que chegaram e que vão nos ajudar muito. O que a torcida pode esperar do Valdivia para 2013? Muita dedicação, comprometimento e foco. Ele quer muito voltar a conquistar títulos pelo Palmeiras e voltar à Seleção Chilena. Tenho certeza que dará muitas alegrias à torcida nessa temporada. WILSON DELL’ISOLA METRO SÃO PAULO


20130304_br_metro abc