Page 1

Zumbis invadem a Band A 1a temporada de ‘The Walking Dead’ estreia hoje, às 22h30 PÁG. 10

O FIM DO SILÊNCIO APÓS 10 ANOS, DAVID BOWIE SURPREENDE COM NOVO ÁLBUM PÁG. 13 CURITIBA Quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 Edição nº 419, ano 2 MÁX: 23°C MÍN: 19°C

www.readmetro.com | leitor.ctb@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metroctb showers sunny showers sunny

snow

rain

partly

cloudy

sleet

thunder

part sunny/

thunder

windy

Paraná derruba casos de dengue em 90% hazy

showers

Força-tarefa. Balanço da Secretaria da Saúde aponta que foram 3 mil ocorrências no ano passado. Em 2010, elas passaram de 30 mil. Apesar do resultado, cuidado deve continuar porque as chuvas e os dias quentes do verão aumentam o risco da doença PÁG. 03

DEBAIXO D’ÁGUA

Chuvas causam alagamentos no interior do Paraná PÁG. 04

Redução começa em fevereiro | RODRIGO F. LEAL/METRO CURITIBA

Conta de luz cairá 20%, garante União Gastos com geração de energia térmica não comprometem plano de redução, afirma Ministério PÁG. 08

Vencedores da Mega-Sena deixam de buscar R$ 27 mi Temporais que atingiram Curitiba nos últimos dias devem perder a força hoje, aponta Simepar | RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

Apostadores acertam os números, mas muitos perdem o bilhete. Dinheiro vai para educação PÁG. 06


1 FOCO

02

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

FOCO

Famílias carentes terão R$ 4 mil para negócios Fomento. Programa vai atender pessoas indicadas pela Secretaria da Família A Secretaria Estadual da Família vai começar a oferecer, neste ano, micro-crédito para as famílias em situação de vulnerabilidade abrirem empresas. “Essa novidade foi ofertada para nós (da secretaria) há pouco, através da Fomento Paraná. As famílias terão crédito de até R$4 mil para começar seus negócios, informalmente”, contou ontem a secretária Fernanda Richa ao telejornal Band Cidade. O pagamento será feito em 12 parcelas e, se as 11 primeiras forem quitadas em dia, a última parcela não será cobrada. “Em um segundo momento, o crédito pode chegar a até R$ 20 mil, no programa Família Solidária”, disse Fernanda. O último estudo do IVFPR (Índice de Vulnerabilidade

61,8%

das familías paranaenses têm algum tipo de precariedade em suas casas, segundo um estudo feito pelo Ipardes. das Famílias Paranaenses) feito pela secretaria e o Ipardes (Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social), mostrou que, em 64% das famílias, metade dos adultos não trabalha. “Grande parte do Estado está com um índice de desenvolvimento humano muito baixo, e o desenvolvimento das cidades também está muito aquém do esperado”, avalia a secretária. METRO CURITIBA COM TV BAND

Fernanda Richa participou do Band Cidade ontem | RODRIGO FÉLIX LEAL /METRO CURITIBA

Licenciamentos ambientais cresceram 19% em 2012 Decoro

CPI

De um total de 23 vereadores de Ponta Grossa, 18 assinaram requerimento para abrir uma CPI que vai investigar o sequestro forjado pela vereadora Ana Maria Branco de Holleben (PT). Ela está presa e pode ser cassada por falta de decoro parlamentar.

Cotações Dólar + 0,39% (R$ 2,04) Bovespa - 1,30% (61.127 pts) Euro + 0,10% (R$ 2,65) Selic (7,25%)

Salário-mínimo (R$ 678)

Biometria chega ao interior O TRE-PR começa em março o cadastro biométrico de eleitores de Londrina e Maringá. Segundo o órgão, 26% do eleitorado do Estado vai votar pelo sistema em 2014 | RODRIGO F. LEAL/METRO CURITIBA

FALE COM A REDAÇÃO leitor.ctb@metrojornal.com.br 041/3069-9189 COMERCIAL: 041/3069-9200

O jornal Metro circula em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Segundo balanço do IAP (Instituto Ambiental do Paraná) divulgado ontem, no último ano foram emitidos 21,5 mil licenciamentos ambientais no Estado – um acréscimo de 19% em relação a 2011. “A melhoria no sistema de informática de emissão e o empenho da equipe foram importantes”, afirma o diretor de Recursos Ambientais do órgão, Paulo Barros. Os autos de infração, por outro lado, diminuíram. Foram 2 mil em 2012, contra 3,4 mil no ano anterior. De acordo com o IAP, um novo modelo foi implantado e agora, quando o dano ambiental é considerado pequeno, o infrator é apenas advertido. Em caso de reincidência há

Órgão multou menos em 2012. Na foto, o presidente do IAP | DIVULGAÇÃO

multa. “Procuramos realizar ações programadas, pontuais e com inteligência”, explica Barros. No último ano, o instituto recebeu R$ 6,414 milhões em autos de infração, que são referentes a vários anos anteriores. METRO CURITIBA

“O governador autorizou, para 2013, a contratação de 106 funcionários e também o reajuste da gratificação.” LUIZ TARCÍSIO MOSSATO PINTO, IAP

EXPEDIENTE

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145). Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Curitiba. Gerente Executivo: Rodrigo Afonso. Editora-Executiva: Martha Feldens (MTB: 071). Editor de Arte: Antonio Virgili. Grupo Bandeirantes de Comunicação Curitiba - Diretor Geral: André Aguera. Grupo J. Malucelli - Presidente: Joel Malucelli.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: rua Santa Cecília, 802, Pilarzinho, CEP: 80820-070, Curitiba. Tel.: 041/3069-9200 O jornal Metro é impresso na Gráfica RBS – Zero Hora Editora Jornalística S/A. A tiragem e distribuição desta edição de 30.000 exemplares são auditadas pela BDO.


CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

Casos de dengue caem 90% no PR Boa notícia. Em 2012, foram registradas cerca de 3 mil ocorrências, contra mais de 33 mil em 2010. Participação conjunta do governo, municípios e população contribuiu para a queda Os casos de dengue no Paraná registraram uma queda de 90% na comparação entre 2010 e 2012, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. No ano passado, foram confirmadas 3.068 ocorrências, ante 33.456 em 2010. “Os dados legitimam nossa estratégia de trabalhar de forma integrada, com a participação do Governo do Estado, municípios, população e outros setores da sociedade em todas as etapas do enfrentamento da dengue”, afirmou o secretário da Saúde, Michele Caputo Neto. Outro fator apontado é a melhor capacitação de profissionais para o diagnóstico e tratamento da doença. “Trabalhamos na questão do controle do vetor, na assistência ao paciente e na mobilização da população”, cita o coordenador da Sala de Situação da Dengue, Ronaldo Trevisan. Em 2010, 71 municípios tiveram epidemia de den-

478

casos de dengue foram confirmados no Estado de agosto de 2012 até a última segunda-feira, segundo a Secretaria de Saúde. gue. No ano seguinte foram 24 e, em 2012, o número caiu para dez. As regiões Oeste, Norte e Noroeste são as mais infestadas com o mosquito transmissor da doença, o Aedes aegypti. Apesar da redução, Trevisan alerta que o cuidado com a dengue não deve ser deixado de lado. “Estamos com chuvas desde o final de dezembro e o tempo está quente. Esses dois fatores favorecem o desenvolvimento do mosquito transmissor. Precisamos estar atentos e chamar a atenção de todos, desde os gestores até a população”, coloca.

Curitiba A capital paranaense registrou, no ano passado, 64 focos do mosquito da dengue e 26 casos importados da doença, principalmente de municípios do Paraná, do Rio de Janeiro e do Mato Grosso. A última ocorrência na cidade foi em 2002, de acordo com a prefeitura. “Isso é resultado de um trabalho de prevenção exaustivo feito

durante os 12 meses do ano. Os agentes fazem as inspeções em residências, estabelecimentos comerciais e pontos estratégicos que têm possibilidade de serem criadouros do mosquito”, diz a coordenadora do programa municipal de Controle da Dengue, Rita Sandra Franz. LINA HAMDAR

FOCO

CONFIRA ALGUMAS DICAS PARA EVITAR OS FOCOS DE MOSQUITO DA DENGUE Evite acumular entulho e lixo

Não deixe água parada em pratos de vasos de plantas e coloque areia no lugar

Recolha todo o material que possa acumular água como garrafas, pneus e latinhas

Trate a água da piscina com cloro e faça a limpeza uma vez por semana

çu e Guaíra. Em Londrina serão abertas 576 vagas femininas e, em Piraquara, 516 vagas para presos de 18 a 25 anos de idade. As ampliações serão em Piraquara, Maringá, Ponta Grossa, Cascavel, Foz do Iguaçu e Londrina.

Guarde garrafas sempre de cabeça para baixo para evitar o acúmulo de água dentro delas

Coloque o lixo em sacos plásticos e mantenha a lixeira bem fechada

Evite o cultivo de plantas aquáticas

Não deixe água acumulada sobre a laje das residências

METRO CURITIBA

Mantenha totalmente fechadas cisternas, caixas d'água e reservatórios provisórios como tambores e barris

A água das vasilhas dos animais deve ser trocada diariamente

Paraná tem 97 municípios em situação de alerta | VALDECIR GALOR/SMC

Estado vai abrir seis mil vagas em presídios O governador do Paraná, Beto Richa, assina hoje, em Curitiba, contrato com a Caixa Econômica Federal para receber R$ 117 milhões para a construção e ampliação de presídios no Estado. Serão seis novas unidades e oito ampliações, criando 6.350 vagas. O valor final do acordo será de R$ 160 milhões, sendo que R$ 131,9 milhões virão do governo federal e o restante será de contrapartida estadual. As unidades novas ficarão prontas até o final de 2014. As vagas vão desafogar as delegacias do Estado. Pelos números da Secretaria Estadual da Segurança Pública, hoje existem 9.714 presos nestas condições, para apenas 4.487 vagas. No entanto, houve queda e no começo de 2011 eram 16.205 detidos em delegacias, ainda de acordo com a secretaria. Os novos presídios serão construídos em Apucarana, Campo Mourão, Foz do Igua-

03

Saúde Mental

Grupo de trabalho será criado para fazer diagnóstico

40%

foi a redução de detidos em delegacias do Paraná nos últimos dois anos, aponta a Secretaria da Segurança Pública.

METRO CURITIBA

Presídio para presos entre 18 e 25 anos será em Piraquara | ALBARI ROSA/GAZETA DO POVO

Perspectivas do novo Fórun de Almirante Tamandaré | REPRODUÇÃO

TJ. Dez prédios serão inaugurados neste mês O TJ-PR (Tribunal de Justiça do Paraná) vai inaugurar dez novos prédios até o final deste mês. Vão ganhar novos fóruns os municípios de Almirante Tamandaré, Campina da Lagoa, Siqueira Campos, Terra Boa, São João do Ivaí, Santa Fé, Ibaiti e Guarapuava. Em Curitiba, o Departamento de Tecnologia da Informação e Comunicação e o Departamento do Patrimônio do Tribunal de Justiça serão localizados na esquina das ruas Álvaro Ramos e Ly-

símaco Ferreira da Costa, no Centro Cívico. O imóvel tem área construída de 7 mil metros quadrados, distribuídos em quatro andares. O custo da obra é de aproximadamente R$ 15 milhões. Depois de ser desapropriada, será oficialmente inaugurada a sede Mauá do Tribunal de Justiça. O prédio tem 31 pavimentos e custou R$ 91 milhões. Os recursos são provenientes do Fundo de Reequipamento do Poder Judiciário. METRO CURITIBA

Um grupo de trabalho para diagnóstico e reestruturação da rede de Saúde Mental será criado em Curitiba para identificar a situação dos 24 contratos de 13 empresas prestadoras de serviços assistenciais na área. A determinação é do secretário da Saúde, Adriano Massuda. “Queremos fazer um diagnóstico detalhado de como está a situação do serviço hoje e, se for necessário, rever o modelo de gestão adotado”, explicou. O levantamento deve ficar pronto em 30 dias. Segundo a prefeitura, ela foi “surpreendida” com o fechamento do Caps Ômega, no Rebouças. Os usuários serão remanejados em caráter de urgência para evitar interrupção do atendimento. METRO CURITIBA


04

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

FOCO

Chuvas afetam 968 no Paraná Alagamentos. Do total de afetados, 308 ficaram desalojados e 25 desabrigados. Em Foz do Iguaçu, 100 casas foram atingidas. Alerta continua para o norte e o Litoral Os temporais que atingiram o Paraná ontem causaram enxurradas e alagamentos em sete municípios da região Oeste, afetando 968 pessoas, conforme boletim da Defesa Civil Estadual divulgado às 17h30 de ontem. A situação mais grave aconteceu em Foz do Iguaçu, onde 200 pessoas ficaram temporariamente desalojadas e 25 desabrigadas. A cidade fronteiriça registrou 70 milímetros de chuvas em apenas seis horas. Toledo teve o maior volume, com 134 milímetros de precipitação, mas sem alagamentos. Todos os afetados pelas chuvas retornaram para casa antes do fim do dia, segundo o Corpo de Bombeiros. Amanhã

Defesa Civil dá dicas de ação contra catástrofes

Moradores do bairro Jardim Primavera, Foz do Iguaçu | DIVULGAÇÃO/DEFESA CIVIL

Previsão e alerta A situação de alerta para temporais, feita pelo Instituto Tecnológico Simepar, continuou durante todo o dia de ontem e ficaria ao longo da madrugada de hoje para as sete cidades do Litoral e algumas regiões do Norte, principalmente na área de Maringá e Paranavaí. “A frente fria com umidade permanece provocando temporais, entretanto, nada comparado ao que aconteceu em Foz do Iguaçu”, afirmou o meteorologista Reinaldo Olmar. Na capital, a previsão é de temporais ainda hoje, mas com menor volume. A temperatura deve cair amanhã e na sexta-feira, aponta o Simepar. METRO CURITIBA Segurança

Falta d’água afeta seis bairros de Curitiba e RMC

Carro de casal é roubado dentro de shopping

Os moradores do bairro Santa Terezinha, em Fazenda Rio Grande, podem ficar sem água amanhã. A Sanepar fará a interligação de rede no sistema de abastecimento. A normalização está prevista para a tarde. A Sanepar também instala amanhã uma nova válvula no Reservatório Jacob Macanhan, em Pinhais, podendo afetar o abastecimento de Curitiba, Campina Grande do Sul, Colombo, Quatro Barras e Pinhais. Na capital, os bairros atingidos serão Tarumã, Capão da Imbuia, Jardim Social, Atuba, Santa Cândida e Bairro Alto. METRO CURITIBA

O casal de noivos Taís Rauscher e Douglas Fagundes tiveram pertences roubados de dentro do carro deles, um Gol, que estava no estacionamento do Shopping Estação, na capital, no dia 27 de dezembro. Segundo eles, quando voltaram de uma sessão de cinema, o carro estava com a porta aberta e “revirado”. Segundo Taís, até ontem o caso não havia sido esclarecido pela segurança do shopping. “Não houve ressarcimento algum”, disse. O Estação emitiu uma nota prometendo esclarecer o caso. METRO CURITIBA

Com os recorrentes casos de temporais registrados neste início de janeiro em quase todo o Paraná, a Defesa Civil Estadual aponta algumas dicas. Em locais onde há possibilidade de alagamentos, a orientação é para que os cidadãos mantenham prontos água potável, roupas e remédios em caso de uma eventual saída de casa. Colocar documentos e objetos de valor dentro de sacos plásticos é uma saída para não perdê-los. Desconectar aparelhos elétricos vai evitar a possibildade de curto-circuito nas tomadas. É importante também ter um lugar previsto para levar a sua família, mesmo com os abrigos públicos a disposição. Após a enchente, é importante retirar o lixo e limpar a casa, além de desinfetar obje-

tos que tiveram contato com a água suja. É importante ainda ter cuidado contra ratos, aranhas e cobras. Vendavais e granizo Em caso de ventos fortes, a primeira orientação é desligar os aparelhos elétricos e o gás. Em segundo lugar, é importante colocar objetos em locais mais baixos, evitando que eles caiam. Se houver chuva de granizo, não fique abrigado embaixo ou próximo a árvores ou coberturas metálicas. Ao sair de casa, é importante evitar o contato com eventuais redes elétricas e árvores caídas. Caso sejam identificadas estas situações, o morador deve entrar em contato com a Defesa Civil (199) ou com o Corpo de Bombeiros (193). METRO CURITBA

Árvores e redes elétricas caídas representam risco | RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURTIBA

Ponta Grossa. MP-PR Concurso. Governo abre investiga obra pública com inscrição para Policial banheiros transparentes e Bombeiro Militar O Ministério Público do Paraná está investigando possíveis irregularidades na construção do Conservatório Musical Maestro Paulino Martins Alves, em Ponta Grossa. A obra, feita por uma empreiteira e sob responsabilidade da prefeitura, tem banheiros com paredes transparentes e saídas de emergência cujas portas estão a três metros de altura, mas não há escadas, entre outros problemas. O prédio, que foi inaugurado no fim de 2012, levou dois anos para ficar pronto e custou R$ 3 milhões. A Secretaria de Planejamento da cidade informou que a obra foi inaugurada sem a devida finalização.

As inscrições para o concurso da Polícia Militar e Corppo de Bombeiros no Paraná estão abertas até as 14h do dia 21 de janeiro. São oferecidas 4.445 vagas para policial e 819 para bombeiros. As inscrições devem ser feitas pelo site da Fafipa (Funcação de Apoio à Faculdade

Estadual de Educação, Ciências e Letras de Paranavaí) www.fafipa.org/concurso. A prova escrita acontece em 24 de janeiro e será aplicada em 16 cidades. Os testes físicos e psicológicos serão marcados em seguida. A bolsa-auxílio aos aprovados é de R$ 1,4 mil. METRO CURITBA

Município diz que obra não estava pronta | JOSÉ ALDINAN / AGP

A empreiteira responsável deve ser chamada para resolver os problemas. METRO CURITBA COM BAND NEWS

São 5.264 vagas oferecidas para todo o Paraná | DIVULGAÇÃO


CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

BRASIL

Reforma ministerial atinge cinco pastas Após o carnaval. Presidente Dilma Rousseff pretende incluir o PSD em um ministério, além de abrir espaço no governo para Gabriel Chalita (PMDB), que apoiou Haddad (PT) em São Paulo Mudanças Acompanhe as mudanças estudadas pelo governo • Relações Institucionais. Sai: Ideli Salvatti (PT-SC) Entra: Aloizio Mercadante (PT-SP). • Educação. Sai: Aloizio Mercadante (PT-SP) Entra: Gabriel Chalita (PMDB-SP)

Dilma prepara mudanças para depois do Carnaval e vai agradar o PMDB | WILSON DIAS/ABR

ano passado comanda 440 prefeituras e discute internamente a possibilidade de romper com o governo para traçar voos mais altos já nas eleições presidencial do ano que vem. O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, apontado como pré-candidato, tem procurado adotar um tom diplomático e fala em “caminhar junto pela reeleição” em 2014.

• Ciência e Tecnologia. Sai: Marco Antônio Raupp Entra: indicado do PSB.

Passado o Carnaval, a presidente Dilma Rousseff fará uma reforma ministerial enxuta. Cumprido o acordo para colocar o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) na presidência do Senado, e o deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) como presidente da Câmara, a partir de fevereiro Dilma fará mudanças pontuais. Além de incluir o PSD, a presidente deverá reorganizar a posição do PMDB e abrir mais espaço para o PSB.

A prioridade da presidente é rearrumar a articulação com o Congresso Nacional e abrir espaço no governo para o deputado Gabriel Chalita (PMDB-SP), que apoiou o candidato do PT à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, e tem as bênçãos do vice-presidente da República, Michel Temer. Ao PSB ficaria   a reconquista do Ministério da Ciência e Tecnologia. O partido que mais cresceu nas eleições municipais do

Sisu. Medicina

MEC reprova 38 cursos

do CE é o curso mais disputado O MEC divulgou ontem a lista dos 10 cursos mais concorridos no Sisu (Sistema de Seleção Unificada). Oito são de medicina, um de direito e um de psicologia. O mais disputado é o curso de medicina da UFC (Universidade Federal do Ceará), que conta com 9.748 inscritos para 140 vagas, e nota de corte 781,82. As notas de corte preliminares de todos os cursos já estão disponíveis na página http://sisu.mec.gov.br. O ministro Aloizio Mercadante anunciou na tarde de ontem que o sistema já tem 1,16 milhão inscritos. Podem concorrer às vagas instituições federais de ensino superior alunos que fizeram o Enem. As inscrições começaram na segunda e terminam às 23h59 de sexta-feira. METRO

Uma nova relação de cursos de graduação que tiveram nota insatisfatória no CPC (Conceito Preliminar de Curso) em 2011 foi divulgada ontem pelo MEC.

• Turismo. Sai: Gastão Vieira (PMDB-MA). Entra: Ideli Salvatti (PT-SC) • Transportes. Sai: Paulo Sérgio Passos (PR-BA) Entra: Eduardo Braga (PMDB-AM).

METRO BRASÍLIA

No total, 38 cursos de 21 instituições de ensino superior foram mal avaliados, entre eles história e geografia da PUC-SP. Estão na lista quatro universidades fe-

derais, cinco particulares, quatro institutos federais e sete centros universitários. Eles não poderão aumentar o número de vagas. METRO

VEJA OS CURSOS REPROVADOS PELO MEC EM SP ARQUITETURA E URBANISMO

ENGENHARIA CIVIL

- Universidade Presbiteriana Mackenzie

- Pontifícia Universidade Católica de Campinas

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - Pontifícia Universidade Católica de Campinas - Centro Regional Universitário de Espírito Santo do Pinhal

CIÊNCIAS SOCIAIS - Pontifícia Universidade Católica de Campinas

ENGENHARIA DE PRODUÇÃO - Centro Universitário Padre Anchieta (Jundiaí)

GEOGRAFIA - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

HISTÓRIA - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

LETRAS - PORTUGUÊS E INGLÊS EDUCAÇÃO FÍSICA - Pontifícia Universidade Católica de Campinas - Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium

- Pontifícia Universidade Católica de Campinas

QUÍMICA - Pontifícia Universidade Católica de Campinas

05

Dilma prepara Gleisi Hoffman para 2014 A presidente Dilma Rousseff não deverá abrir mão da ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffman, e permitir o retorno dela ao Senado, como chegou a pensar no ano passado. Para fortalecer a candidatura de Gleisi ao governo do Paraná em 2014, Dilma exigirá uma presença mais frequente e ativa nas viagens, inaugurações e cerimônias do governo este ano. A ministra já começou a adotar a nova postura. Foi dela o papel de anunciar o novo valor do salário mínimo e os vetos presidenciais ao regime de partilha dos royalties que havia sido aprovado pelo Congresso. Gleisi, que é casada com o ministro das Co-

Gleisi terá maior visibilidade este ano | FÁBIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR

municações, Paulo Bernardo, se cacifou depois de conseguir eleger Gustavo Fruet (PDT-PR) prefeito de Curitiba. METRO BRASÍLIA

Kátia Abreu quer um ‘ministério de peso’ Depois de passar um período de férias na Bahia, a presidente Dilma Rousseff retomará nos próximos dias as negociações para a inclusão do PSD no governo. Falta, porém, acertar como será a participação do partido. A nova legenda  pensa grande quando fala na entrada na Esplanada dos Ministérios. A senadora Kátia Abreu (PSD-TO), que mantinha uma postura crítica quando era do DEM, passou a fazer

afagos ao mudar de legenda e é o nome mais forte para ser ministra. O PSD apontou como primeira opção a Secretaria de Aviação Civil, O pedido não foi bem visto, porque a área é classificada como técnica e Dilma quer mantê-la longe de disputas políticas. A segunda aspiração seria a Secretaria de Portos, hoje nas mãos do PSB e comandada por Leônidas Cristino. METRO BRASÍLIA

Caso Adrielly. Médico que faltou a plantão é indiciado e não era visto em posto O delegado titular da 23ª DP (Méier), Luiz Archimedes, indiciou por omissão de socorro o neurocirurgião Adão Orlando Crespo Gonçalves, que faltou ao plantão no Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, na noite de 24 de dezembro. O delegado decidiu pelo indiciamento após ouvir o depoimento do médico que chefiava a emergência na qual a menina Adrielly dos Santos Vieira, de 10 anos, vítima de uma bala perdida na noite do Natal, esperou durante oito horas por uma cirurgia. O médico chefe da equipe de plantão, Ênio Eduardo Lima Lopes, afirmou que era da mesma escala que Adão há dois anos, mas nunca tinha visto o neurocirurgião. Ele também disse que, ao tomar conhecimento da gravidade do fato e da ausência de um

8 horas

foi o tempo que a menina Adrielly, de 10 anos, esperou para ser atendida, devido à falta de neurocirurgião no plantão. neurocirurgião, solicitou via fax um laudo de vaga a outro hospital que tivesse a especialização de neurocirurgia. Concluído, o inquérito será relatado ao Ministério Público e enviado à Secretaria Municipal de Saúde. A pena para omissão de socorro é de um a seis meses de detenção, podendo ser triplicada em caso de morte. Adrielly morreu na última sexta-feira, no Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro, mas teve morte cerebral confirmada no domingo anterior. METRO RIO


06

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2012 www.readmetro.com

BRASIL

Vencedores da Mega-Sena deixam de resgatar R$ 27 mi Loteria. Apostadores acertam números, mas não aparecem para receber o prêmio. Hoje, verba é destinada a financiar a educação É preciso sorte. A chance de ganhar na Mega-Sena com um jogo simples, de seis números, é de uma em 50 milhões. Só no ano passado, 54 pessoas conseguiram. Sinônimo de riqueza? Nem sempre. A Caixa não informa o número de pessoas, mas afirma que R$ 27,6 milhões voltaram aos cofres porque os vencedores não compareceram para buscar o prêmio. Não existe uma justificativa oficial, mas a principal suspeita é de que o sortudo não tenha tanta a sorte assim. A perda do bilhete premiado é a principal suspeita. Há, porém, casos de ganhadores de prémios secundários que simplesmente esquecem de conferir os bilhetes quando acertam cinco ou quatro números. Pelas regras da loteria, o dinheiro do prêmio é aplicado em poupança e tem rendimentos diários. O prazo para a retirada dos recursos é de até 90 dias a partir da data do sorteio - ou seja, quem ganhou na loteria entre outubro do ano passado e este mês ainda pode buscar a bo-

lada. Passado o período, o dinheiro é repassado para o Tesouro Nacional e, em seguida, usado como parte do dinheiro emprestado a estudantes carentes pelo Fies (Fundo de Financiamento do Ensino Superior). A Caixa também repassa uma fatia de 3,14% do total arrecadado para o Fundo Penitenciário Nacional e 2% para o COB (Comitê Olímpico Brasileiro) e o CPB (Comitê Paraolímpico Brasileiro). O bilhete é o único comprovante exigido para a retirada do prêmio. Caso o valor seja de até R$ 800, pode ser sacado em qualquer casa lotérica. Acima disso, a retirada é feita com a apresentação do documento de identidade numa agência da Caixa. Hoje, o Brasil conta com com dez loterias federais: a Mega-Sena, a Quina, a Dupla-Sena, a Loteria Instantânea, a Lotogol, a Timemania, a Lotomania, a Loteria Federal, a Loteca e a Lotofácil. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Uma pesquisa do Ibope revelou que 37% dos brasileiros parariam de trabalhar se ganhassem na loteria | ELZA FIÚZA/ABR

3,3

bilhões de reais é o valor arrecadado com as apostas da Mega-Sena entre janeiro e novembro de 2012.

54

apostadores acertaram as seis dezenas nos 104 concursos da Mega Sena promovidos ao longo do ano passado.

Projeto de lei prevê investimento do dinheiro em ações na área de saúde A fortuna dos prêmios não resgatados pode ser usada para financiar ações na área de saúde. Tramita na Câmara o projeto de lei nº 1.948/2011, que destina 100% dos recursos para o Fundo Nacional de Saúde, que financia todas os programas do SUS (Sistema Único de Saúde), assim que estiver vencido o prazo de resgate da premiação. “A saúde do Brasil está em dificuldade. O que buscamos com o projeto é encontrar uma nova fonte de recursos”, ponderou o deputado Onofre Agostini (PSD-SC), autor do projeto. A proposta, que tramita em caráter conclusivo - sem a necessidade de ir à plenário -, foi aprovada pela Comissão de Seguri-

A saúde do Brasil está em dificuldade. O que buscamos com o projeto é encontrar uma nova fonte de recursos DEPUTADO ONOFRE AGOSTINI (PSD-SC), AUTOR DO PROJETO DE LEI QUE TRAMITA NA CÂMARA

dade Social, em novembro do ano passado. Após o recesso parlamentar será analisada também pelas Comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça da Câmara. Se for aprovada, precisará passar por votação também no Senado. METRO BRASÍLIA

2

reais é o valor mínimo que cada apostador deve pagar para tentar adivinhar os seis números premiados da loteria.

milhões de reais é o total de recursos repassados pela Caixa Econômica Federal para o financiamento do Fies em 2012.

Como investir Veja algumas opções de como os vencedores poderiam, juntos, usar os prêmios da loteria que não foram retirados no ano passado.

• Imóveis. 13 coberturas de alto padrão no bairro nobre do Noroeste (DF) ou 54 apartamentos nas asas Sul ou Norte.

• Automóveis. 1.080 carros populares ou 19 Ferraris Califórnia 2012, o último modelo da montadora italiana.

• Viagens. 11.800 passagens aéreas entre Brasília e Paris em períodos de alta temporada.

• Embarcações. 2 luxuosos iates semelhantes ao comprado pelo jogador Neymar, do Santos.

• Fazendas. 27 terrenos avaliados em R$ 1 milhão cada.

• Helicópteros. 2 aeronaves monomotores usadas em grandes cidades e que pousam em topo de prédios.

Deputado Onofre Agostini quer pressa no projeto | DIVULGAÇÃO/PSD

323

• Telefones. 10.800 aparelhos Iphone 5, último modelo fabricado pela Apple.

• Ações. 402 mil papéis de ações da Petrobras. • Franquias. 22 restaurantes fast food do MC Donalds. • Poupança. A aplicação garantiria um rendimento mensal de R$ 130 mil ao ganhador.


CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

ECONOMIA

07

CCVB. Eventos devem atrair 30 mil turistas

Pesquisa aponta comércio otimista Satisfação dos clientes é apontada por 40% dos lojistas como fator para alavancar as vendas | RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

Aquecimento. Mais da metade dos empresários de Curitiba espera aumentar as vendas em 2013. Treinamento de pessoal, novos produtos e reforma em lojas estão entre as apostas Pesquisa da ACP (Associação Comercial do Paraná) divulgada ontem mediu a expectativa dos empresários para o ano de 2013. Os resultados apontam que 61,5% deles estão otimistas. Foram ouvidos 200 empresários em Curitiba pelo Instituto Datacenso. Cerca de 40% deles afirmaram que o principal foco para alavancar as vendas está na satisfação do cliente. Para outros 18%, a satisfação dos funcionários é o fator que faz a diferença no comércio e será prioridade. Em terceiro lugar aparece a incorporação de novos produtos e serviços, com 14%. O coordenador da Câmara Setorial de Confecções da associação, Rui Ma-

“Consumidor quer preço, qualidade e, hoje mais do que nunca, bom atendimento.” RUI MACHADO, COORD. DA CÂMARA SETORIAL DE CONFECÇÕES DA ACP

chado. No entanto, chama a atenção ainda para o treinamento das equipes. “Todos os segmentos devem treinar seus colaboradores, não só em suas atividades corriqueiras, mas também em outras áreas, objetivando profissionais aptos para assumir as demais funções no momento em que for preciso. Devemos sempre lembrar que o consumidor

quer preço, qualidade e, hoje mais do que nunca, bom atendimento”, afirma. Outros Os empresários citaram também serviços de apoio ao cliente, estacionamento, pesquisas sobre preferências do consumidor, fortalecimento das vendas pela internet e reforma e modernização de lojas, iten que, para o vice-presidente da ACP, Antonio Miguel Espolador Neto, é fundamental. “Além da qualificação da mão-de-obra, é importante modernizar a loja com frequência, pois o cliente sempre procura por novidades e não se sente atraído por uma loja velha e repetitiva”, diz. METRO CURITIBA

Resultado

61,5%

DIZEM ESTAR OTIMISTAS

16,5%

MOSTRARAM ESTAR PREOCUPADOS

17,5%

ESTÃO CAUTELOSOS

4,5%

AFIRMARAM ESTAR DESANIMADOS

No ano passado, o CCVB (Curitiba, Região e Litoral Convention & Visitors Bureau) captou, em parceria com outras entidades, 21 eventos de negócios que vão acontecer em Curitiba em 2013 e nos próximos anos. Eles devem atrair 30 mil turistas. A receita estimada é de R$ 36 milhões. Serão 1.356.600 pernoites durante os eventos. “O turista de negócios gasta mais e fica por mais tempo na cidade do que o turista de lazer. Como tudo é faturado pela empresa, ele fica em melhores hotéis, come melhor e traz acompanhante”, comenta o presidente do CCVB, Dario Paixão. Estado No Paraná, o turismo de negócios deve ganhar atenção Fiep

especial neste ano. O Secretário de Turismo Jackson Pitombo disse ontem que vai intensificar a atuação nesse ramo. Em 2011, o fluxo turístico no Estado foi de 13 milhões de pessoas, sendo que 40% era de turismo de negócios. METRO CURITIBA

Qualidade de vida na cidade faz a diferença | RODRIGO F. LEAL/METRO CURITIBA

Paraná

Faculdades da Indústria abrem inscrições

Receita exclui 260 empresas do Simples Nacional

As Faculdades da Indústria do Sistema Fiep estão com inscrições abertas para os cursos de graduação tecnológica, bacharelado e licenciatura ofertados no Senai e na Famec (Faculdade Metropolitana de Curitiba) na capital e também em São José dos Pinhais, Telêmaco Borba, Londrina, Cascavel e Toledo. Elas pode ser feitas até 24 de janeiro no site www.faculdadesdaindustria.com.br, onde também constam informações e o edital para o vestibular agendado.

A Receita Federal informou ontem que foram excluídos do Simples Nacional 110 contribuintes cadastrados com atividades vedadas a este regime e 150 por possuírem débitos de tributos estaduais. Micro e pequenas empresas tem até 31 de janeiro para regularizar as pendências e continuar a ter os benefícios do regime. Mais informações podem ser obtidas no site www8.receita. fazenda.gov.br/ SIMPLESNACIONAL/ Default.aspx.

METRO CURITIBA

METRO CURITIBA


08

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2012 www.readmetro.com

ECONOMIA

Na ponta do lápis

MARCOS SILVESTRE NAPONTADOLAPIS@BANDNEWSFM.COM.BR

CARNÊ DO IPVA: SE PUDER MATAR À VISTA, COMPENSA Vamos imaginar que o carnê de IPVA do seu carro tenha vindo no valor de R$ 1.200,00. Isso equivale a um automóvel com valor de mercado de R$ 30 mil, já que no Estado de São Paulo, por exemplo (assim como em boa parte dos estados brasileiros) a alíquota (porcentagem) do IPVA é 4% do valor do carro. Suponhamos que você tenha essa grana aplicada na caderneta de poupança. Portanto, dá para pagar seu IPVA à vista, desde que isto lhe seja financeiramente compensador. O desconto oferecido para quem liquida seu IPVA numa vez só, já em janeiro, é de 3% no Estado de São Paulo, o que dá R$ 36,00 sobre os R$ 1.200,00 devidos no “carnezinho”. No Rio de Janeiro, o abatimento para quitação à vista é maior: 8% ou R$ 96,00 em nosso exemplo. Ainda assim, muita gente acaba achando que é pouco. O que é mais vantajoso: tirar R$ 1.164,00 da poupança, no caso de SP, (R$ 1.104,00, no RJ) e pagar seu IPVA já em janeiro/comecinho de fevereiro (conforme a placa do seu carro), ou pagar apenas a primeira parcela de R$ 400,00, deixando mais R$ 400,00 para a segunda, e outros R$ 400,00 para a terceira? O desconto à vista de apenas R$ 36,00 em SP (ou R$ 96,00, no RJ) pode não parecer muito, mas, qual o tamanho exato da vantagem financeira que você embolsará se optar pelo parcelamento, mantendo a grana aplicada na Poupança enquanto não caem as demais parcelas? Vamos colocar na ponta do lápis. No parcelamento, a quantia de R$ 400,00 você já desembolsará no ato, mesmo. Não haverá qualquer vantagem financeira sobre estes R$ 400,00, porque você terá de desaplicá-los imediatamente. A partir daí, você manterá os R$ 800,00 restantes investidos por 30 dias, o que lhe renderá, na mais otimista das hipóteses, exatos R$ 3,44 sobre os R$ 800 aplicados (rentabilidade de 0,43% ao mês na poupança). Avançando, você resgatará mais R$ 400,00 da poupança, pagará a segunda parcela do IPVA (a do mês de fevereiro/março), e manterá os R$ 403,44 restantes investidos por mais um mês, ao final do qual eles valerão R$ 405,18 (considerando a mesma rentabilidade líquida de 0,43% ao mês na poupança). Finalmente, você sacará da caderneta os derradeiros R$ 400,00 e quitará a terceira e última parcela do IPVA em março/abril. Quanto lhe sobrará de vantagem financeira na Poupança? A “enormidade” de R$ 5,18, um valor muitas vezes menor que o desconto à vista de R$ 36,00, em SP, ou R$ 96,00, no RJ! Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas, é colunista da BANDNEWS FM e fundador da SOBREDinheiro. Diretor do site www. oplanodavirada.com.br, da EKNOWMIX Consultores Integrados e da TECHIS SA.

Governo garante que conta de luz cairá 20% Energia. Segundo Ministério, geração de térmicas não compromete plano de redução O secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, disse ontem que a elevação do custo com geração de energia térmica não vai impactar no corte médio de 20% na conta de luz prometida pelo governo federal a partir de fevereiro. De acordo com o secretário, a redução de 20% é estrutural, enquanto o gasto com as térmicas é conjuntural. Para economistas, no entanto, a queda da tarifa de energia será menor que a prevista pelo governo. Com o uso pleno das usinas termelétricas, diante do baixo nível dos reservatórios de água das hidrelétricas, a LCA Consultores, por exemplo, já trabalha com redução de 11% na energia no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), abaixo dos 16,2% de queda prevista pelo governo em setembro nas contas dos consumidores residenciais. Segundo relatório do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) divulgado ontem, os reservatórios das regiões Sudeste e Centro-Oeste, que respondem por 70% da capacidade de pro-

dução de energia hidrelétrica no país, voltaram a baixar e armazenavam, na última segunda (7), 28,43% da água que têm capacidade. O índice é inferior aos 28,52% registrados em dezembro de 2000, pouco antes do início ao racionamento de energia, em junho de 2001. Em 6 de janeiro, as represas nas duas regiões estavam com 28,54% de sua capacidade. Apesar do baixo nível dos reservatórios, o governo federal nega o risco de um racionamento de energia. Segundo Zimmermann, o sistema hidrotérmico brasileiro está equilibrado. “Em 2001 o problema era a falta de usinas, e hoje não temos esse problema. As usinas térmicas entram nos leilões de energia para serem usadas quando houver necessidade”, disse o secretário. O baixo nível dos reservatórios das hidrelétricas será tema da reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico, marcada para hoje, às 14 horas. “É uma reunião de rotina. É claro que se faz avaliações sobre o sistema, como se faz todo mês”, minimizou Zimmermann. METRO

Juro de cheque especial e empréstimo recua em 2012

Compras. Varejo tem a menor alta em 3 anos

Zimmermann negou risco de racionamento de energia

| WILSON DIAS/ABR

As taxas médias de juros cobrados no cheque especial e Taxa média anual em 2012, em % no empréstimo pessoal tiveEmpréstimo pessoal Cheque especial ram queda em 2012 em rela- 12 9,94 9,97 9,92 ção a 2011. A conclusão é da 8,85 8,85 8,59 pesquisa realizada pelo Procon com sete instituições 8 7,02 6,66 6,26 5,96 financeiras. 5,60 5,90 5,54 5,08 4,60 Segundo o Procon, ape4,35 sar da queda, as taxas não 4 acompanharam o ritmo de redução da Selic, que sofreu um corte de 3,75 pon- 0 BANCO DO BRADESCO CAIXA HSBC ITAÚ SAFRA SANTANDER MÉDIA tos percentuais em 2012, inBRASIL do no ano passado de 10,5%, FONTE: PROCON-SP em março, para 7,25%, em outubro, nível em que se taxa mensal: 6,66%. Já a ção à taxa média de 2011, menor taxa média foi pra- que foi de 9,45% ao mês. mantém até hoje. O juro médio cobrado ticada pela Caixa, com O banco que apresentou a maior taxa média anual no empréstimo pessoal foi 4,35% ao mês. Em relação ao che- de cheque especial foi o de 5,54% ao mês, redução de 0,12 ponto percentual que especial, a taxa mé- Safra, com 9,97% ao mês. em relação à taxa média dia em 2012 foi de 8,59% A menor taxa também foi de 2011, de 5,66% ao mês. ao mês, redução de 0,86 praticada pela Caixa, com O Itaú apresentou a maior ponto percentual em rela- 5,60% ao mês. METRO

COMPARE

Impostos. Receita cobra R$ 6,4 bi de 4 empresas A Receita Federal está cobrando R$ 6,4 bilhões de quatro grandes empresas listadas na Bovespa, em autuações realizadas em menos de um mês. Na última ação, a Receita autuou a MMX, mineradora do empresário Eike Batista, cobrando quase R$ 3,8 bilhões por Imposto de Renda e Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL) referentes a 2007 que não teriam sido recolhidos.

A MMX disse considerar “totalmente improcedentes as autuações recebidas” e acreditar que elas serão rejeitadas. Na segunda-feira, a Natura disse que a Receita está exigindo R$ 627,8 milhões, acrescidos de multas e juros, por impostos supostamente não recolhidos por uma de suas controladas em 2008. Outras empresas autuadas foram a Fibria (R$ 1,666 bilhão) e a Santos Brasil (R$ 334,4 milhõe. METRO

O movimento dos consumidores no varejo brasileiro cresceu 2,8% em dezembro de 2012 em relação a novembro. Com o resultado, o setor fechou o ano com expansão acumulada de 6,4%, a menor alta dos últimos três anos, de acordo com indicador da Serasa Experian. Em 2010, a alta havia sido de 9,6% e, em 2011, de 7,8%. Entre as áreas analisadas, tiveram alta as de material de construção (7,6%) e a de móveis, eletroeletrônicos e informática (7,7%), influenciadas pelos incentivos fiscais. Na sequência, está o setor de veículos, motos e peças (4,7%). Para a Serasa, o elevado nível de inadimplência no segmento de financiamento de veículos impediu que o seu crescimento fosse mais expressivo. METRO


CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

MUNDO

09

Kirchner. Artistas batem boca após briga de Darín

Chavistas querem adiar posse Grafite representa o presidente em um muro da capital Caracas | JORGE SILVA/REUTERS

Venezuela. Governo admite que Chávez não estará presente à cerimônia, marcada para amanhã. Oposição recorreu à OEA para garantir respeito às regras definidas na Constituição O governo venezuelano admitiu que o presidente Hugo Chávez não vai comparecer à posse de seu quarto mandato, marcada para amanhã. Os chavistas defenderam o adiamento da cerimônia, que, segundo eles, é um mero formalismo, uma vez que o líder bolivariano já ocupa o cargo de presidente. A oposição, porém, argumenta que a manobra viola a Constituição da Venezuela. A declaração dos chavistas foi uma resposta à ofensiva dos opositores, que recorreram à OEA (Organização dos Estados Americanos) para alertar contra o risco de rompimento da ordem democrática no país vizinho. Mais cedo, o governador Henrique Capriles (que perdeu a última eleição para Chávez) pediu para que o governo se pronunciasse sobre a real situação do presidente. Durante a madrugada de ontem, os chavistas anunciaram

O bate-boca entre a presidente argentina, Cristina Kirchner, e o ator Ricardo Darín repercutiu entre os artistas do país vizinho. Darín foi chamado de idiota por um colega (o também ator Federico Luppi), enquanto outro (o diretor Jorge Rial) defendeu seu direito de manifestar o que pensa sobre o governo. A briga entre Darín e a presidente começou no sábado, quando o ator questionou o enriquecimento da família Kirchner. Cristina se apressou em responder para o ator, dizendo que seu patrimônio havia sido auditado pelas autoridades. A presidente também alfinetou Darín, ao mencionar um episódio em que ele foi acusado de contrabandear uma camionete. Austrália

Um dos focos que está fora de controle, ao sul de Canberra

HENRIQUE CAPRILES, GOVERNADOR

TIM WIMBORNE/REUTERS

Capriles, líder da oposição, cobrou um posicionamento da Justiça | JORGE SILVA/REUTERS

que Chávez permanecia com insufiência respiratória, mas que seu quadro era “estável”. Capriles também cobrou publicamente o Tribunal Su-

premo de Justiça sobre um veredicto para o impasse legal. O governador fez uma apelo aos líderes latino-americanos para que “não se prestem a

um jogo de um partido político”. Na segunda, o governo brasileiro manifestou apoio à tese dos chavistas. METRO

Darín é um dos maiores nomes do cinema | CARLOS ALVAREZ/GETTY IMAGES

Caxemira

Bombeiros lutam contra onda de calor e incêndios

“Não sei por que é tão difícil dizer as coisas, por mais duras que sejam. Que exista algum líder do governo que fale a verdade aos venezuelanos, que fale se Chávez estará presente ou não”

O ator, protagonista de filmes como “O Segredo de Seus Olhos” e “Nove Rainhas”, tentou acabar com a discussão na segunda-feira, dizendo que preferia continuar o debate pessoalmente com Cristina. Segundo o jornal “Clarín”, o celular do artista ficou desligado e ele faltou a um evento à noite. METRO

As autoridades australianas enfrentam uma série de incêndios florestais. Muitos estão fora de controle e obrigaram moradores a deixarem suas casas, no sul do país. Os termômetros chegaram aos 45º C. A expectativa era de que uma frente fria chegasse hoje à região. METRO

Índia acusa Paquistão da morte de soldados O Exército indiano acusou o Paquistão de ter matado dois soldados que faziam a segurança da fronteira com a Caxemira. O governo paquistanês negou a ação. Os dois países disputam, há anos, o controle total da região. METRO Chicago

Ganhador da loteria foi envenenado A polícia americana está investigando a morte de um homem que ganhou na loteria. Havia cianeto em seu corpo. METRO


2

10

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

CULTURA

RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

CULTURA

MARCOS CORDIOLLI O novo presidente da Fundação Cultural de Curitiba avalia a gestão cultural na cidade e adianta, em entrevista exclusiva ao Metro, seus planos para os próximos quatro anos

‘UM PASSO ADIANTE’ Na Band

The Walking Dead O canal exibe a partir de hoje a série, que é um dos maiores sucessos nos Estados Unidos. A primeira temporada, com seis episódios, será transmitida todas as quartas-feiras, às 22h30

A Fundação Cultural de Curitiba (FCC) tem novo presidente para a gestão do prefeito Gustavo Fruet. O cargo, que equivale ao de secretário municipal da cultura, vai ser ocupado pelo “educador, cineasta, cinéfilo e leitor compulsivo” Marcos Cordiolli, como se autodenomina no Twitter, ferramenta utilizada intensivamente por ele. Cordiolli fala ao Metro sobre seus projetos e enfatiza o desejo de universalizar o acesso à cultura na cidade. Como você avalia o trabalho da Fundação Cultural de Curitiba até hoje? Hoje em dia nós temos uma Fundação que mantém um conjunto bastante variado de equipamentos culturais e realiza uma série de eventos extremamente importantes e significativos. Haverá mudanças com o início da nova gestão? O que nós queremos agora é dar um passo adiante. A ideia é consolidar um conjunto de políticas estruturantes, fazendo com

que a cultura seja estabelecida como uma política pública de longo alcance, descentralizada e ampliando gradativamente tanto a possibilidade de fazer arte quanto a de ter acesso a ela. Em outras palavras, vamos universalizar e dar mais sustentabilidade às políticas de cultura, além de ampliar a participação das pessoas na formulação de políticas públicas. E como essa participação popular vai ser intensificada ? Temos diferentes métodos para isso. O primeiro é o fortalecimento dos mecanismos institucionais, como o Conselho Municipal de Cultura. O segundo está na relação com o fórum das entidades culturais. Uma série atua na cidade e é preciso reconhecer a legitimidade delas por meio de um canal de diálogo que seja direto e permanente. Também esperamos nos aproximar das pessoas que frequentam os equipamentos culturais da Prefeitura e ouvi-las. As demandas da população vão ser

objeto das nossas ações de política pública. A Fundação Cultural promove grandes eventos que mobilizam toda a cidade, como a Virada Cultural. Esses acontecimentos vão sofrer alguma mudança? Nós vamos apoiar esses eventos de grande porte, como o Festival de Curitiba e a própria Virada Cultural. Também vamos nos focar em eventos que são pequenos mas com potencial de crescimento. A ideia é fazer com que Curitiba volte a ocupar um espaço privilegiado na rota de grandes shows e eventos nacionais e internacionais. Para isso, precisamos melhorar nossa comissão para grandes eventos, já que esses envolvem não só a Fundação Cultural, mas toda a estrutura da Prefeitura. Então é importante ter um conjunto de ações do poder público não só para fortalecer o que existe mas principalmente para expandir outros e atrair ainda mais.

No último ano, eventos como o ‘Réveillon Fora de Época’ e o ‘Carnaval do Largo da Ordem’ chamaram a atenção por terem causado confusão. Como a FCC pretende lidar com mobilizações que são incentivadas principalmente pela participação das pessoas nas ferramentas de mídia social? Toda expressão cultural é importante. Além do conjunto de eventos institucionais e do mantido pela iniciativa privada, há outros que queremos fomentar. Nós não pretendemos abandonar aquilo que já existe. O carnaval curitibano, por exemplo, que tem um alcance reduzido em relação a outras capitais. Pretendemos mudar isso. Considerando nossa infraestrutura, vamos desenvolver ações que façam com que a sociedade curitibana disponha de bons eventos com diversidade e regularidade para que seja possível aproveitar diferentes tipos de expressão artística ao longo do ano todo.

E quem vai pagar a conta? Há orçamento disponível para essas ações ou alguma mudança será necessária? Nós já temos um compromisso do Gustavo Fruet de estabelecer um padrão de financiamento mínimo necessário para a cultura. Além disso, esperamos atrair mais recursos federais e contamos com uma maior participação dos empresários curitibanos por meio das leis de reúncia fiscal federal e estadual, quando essa for implantada no Paraná. Também vamos ter uma política bastante ágil em relação às instituições privadas para que elas invistam mais em projetos de Curitiba. Há empresas, tanto privadas quanto estatais, que sempre investem em cultura, mas pouco por aqui. Por exemplo, Curitiba não tem um Centro Cultural do Banco do Brasil e empresas como a Vale e a Companhia Siderúrgia Nacional têm pouca participação. Queremos discutir com eles a possibilidade de atrair mais recursos. METRO CURITIBA


CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

CULTURA

Carnaval para reunir as tribos alternativas

11

Psycho Carnival. 14ª edição do festival terá cinco dias de festa e deve reunir 14 mil pessoas. Ingressos já estão à venda

Banda “As Diabatz” volta a se apresentar na edição deste ano | JOHANN STOLLMEIER/DIVULGAÇÃO

Exposição

“A ideia principal do Psycho Carnival é reunir as pessoas que gostam do estilo e que querem se divertir. Mesmo assim, é um Carnaval aberto a todos aqueles que quiserem participar.” VLAD URBAN, PRODUTOR

Swampys, da Bélgica, Los Primitivos, da Argentina, e Atomic Rotors, da França. Os grupos curitibanos Sick Sick Sinners, As Diabatz e Ovos Presley também vão integrar o festival, além de 25 grupos brasileiros.

Eventos paralelos Além dos shows, o público vai poder participar da mostra de carros antigos, que acontece no período da tarde, e da “assustadora” Zombie Walk, uma grande caminhada pela Rua XV na qual as pessoas se caracterizam como mortos-vivos. METRO CURITIBA

O Psycho Carnival vai acontecer no Jokers Pub (Rua Bento Viana, 164) e no Espaço Cult (Rua Doutor Claudino dos Santos, 72, Largo da Ordem) entre 7 e 12 de fevereiro. O 1º lote de ingressos está disponível no site psychocarnival.com.br e pelo email zombiesunion@ gmail.com. Os ingressos são limitados e as vendas terminam em 1º de fevereiro.

João Bosco e Vinícius fazem show hoje à noite

‘Projeto Falando de Arte é prorrogado A exposição de André Mendes vai ficar em cartaz por mais tempo, até o dia 19. Na mostra estão disponíveis pinturas e desenhos do artista dos últimos três anos. As obras estão expostas no Museu Guido Viaro (Rua XV de Novembro, 1348) de terça a sábado, das 14h às 18h. METRO CURITIBA

O festival que começou despretensiosamente há 14 anos como uma maneira de reunir os fãs do psychobilly que ficavam em Curitiba na época do Carnaval já se tornou tradicional na cidade e é referência do gênero musical no Brasil. Em 2013, o Psycho Carnival acontece entre os dias 7 e 12 de fevereiro e os fãs já podem comprar os ingressos. Como nas outras edições, as atrações internacionais fazem parte do line up. Até agora, sete nomes estão confirmados: Demented Are Go, do País de Gales, The Monster e Reverend Beatman, ambos da Suíça, Frantic Flintstones, da Inglaterra, The

Dupla já tem oito CDs lançados | DIVULGAÇÃO

Para apresentar o novo DVD “A Festa”, a dupla sertaneja João Bosco e Vinícius sobe ao palco na noite de hoje, no primeiro show de uma miniturnê que vai passar por mais cinco municípios paranaenses além de Curitiba. O lançamento aconteceu no ano passado. O álbum traz canções escritas pela própria dupla, o que foi diferente do que eles vi-

nham fazendo nos últimos 10 anos. “Aproveitamos que estávamos mais tranquilos e voltamos a compor. Fomos fazendo as músicas e criando o projeto, dando a ele a nossa cara”, conta Vinícius. No show, o público vai poder conferir sucessos como “Colo Colo”, que já tem quase 11 milhões de acessos no YouTube, os hits “Chora, Me Liga”, “Co-

ração Só Vê Você” e outras canções da dupla que conquistou, em 2011, o Grammy Latino de melhor álbum de música sertaneja. METRO CURITIBA

No Wood’s Bar Curitiba (Rua General Mário Tourinho 387). Hoje, a partir das 22h30. Ingressos entre R$30 (feminino) e R$60 (masculino). Informações: woodsbar.com.br


12

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

VARIEDADES

O ANO DOS CELULARES Inspiradas na Apple e na Samsung, outras empresas preparam lançamentos para 2013. Confira algumas novidades que já foram apresentadas na CES, em Las Vegas:

Os invasores

Abandono da Mal. Floriano A prefeitura de Curitiba recebeu o dinheiro do PAC para revitalizar a Marechal Floriano Peixoto, porém a obra está abandonada há 7 meses e cheia de burracos, podendo causar sérios acidentes. Agora mudou o prefeito. Será que agora vão finalizar a obra?

Cruzadas

A prometida revitalização da Rua Enette Dubard, no Tatuquara, virou um pesadelo para moradores, comerciantes e usuários desta via porque há dois meses a empreiteira que tocava as obras simplesmente desapareceu do local, assim como os operários e todo o maquinário que fazia parte deste canteiro de obras. Restaram apenas buracos, muita lama em dias de chuva e muita poeira em dias ensolarados. O descaso é muito grande e quem sofre é a população!

Sony foca no Brasil

CÉLIO BORBA – CURITIBA, PR

Aparelho top de linha

Metro Pergunta

| REPRODUÇÃO

A Fifa escolheu o jogador argentino Messi como o melhor do mundo pela quarta vez consecutiva. Você concorda com essa decisão?

Vizio, nos chineses A americana Vizio prometeu um smartphone há dois anos, mas o produto só saiu agora. Como classificou o site The Verge, o lançamento foi “intrigante”. Os dois celulares têm excelente configuração, mas serão apenas para o mercado chinês.

ARI PULGA – CURITIBA, PR

Obra inacabada

METRO SÃO PAULO

De olho no promissor mercado brasileiro, a Sony revelou o Xperia ZQ, que será fabricado no interior de São Paulo e começará a ser vendido no segundo trimestre. O aparelho tem tela HD de 5 polegadas e é compatível com a rede 4G.

Leitor fala

Sudoku Empresa usou Android | REPRODUÇÃO

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroCTB

@comedyph

Messi é o melhor jogador da atualidade, mas, na temporada passada, Cristiano Ronaldo foi melhor que ele, por isso merecia ter ganhado. @eumemim

Messi é, sem dúvidas, o melhor de todos os tempos! Além de ter humildade e carisma, ele sabe aonde quer chegar!

ZTE traz um ultrafino A ZTE decidiu buscar mercado nos Estados Unidos. A companhia revelou o Grand S, um telefone com tela HD de 5 polegadas, mais fino que o novo iPhone. O software do aparelho vem com um “botão” extra, para facilitar o uso de quem tem mãos pequenas.

Horóscopo

@Rodrigowm

Concordo e digo que ele será por mais uns 2 anos seguidos ainda. Metro web Competição com iPhone

Para falar com a redação:

leitor.ctb@metrojornal.com.br

| REPRODUÇÃO

Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Mente aberta para novidades e coisas diferentes da sua rotina. Aproveite para expandir os seus conhecimentos e também para fazer mais contatos e amizades.

tresse para os outros. Não dê motivos para que as pessoas se arrependam de atenderem às suas exigências. Motive-as.

Sagitário (22/11 a 21/12) Olhe mais para dentro de si mesmo e procure se aprofundar em seus sentimentos. Está na hora de você se conhecer melhor e fazer escolhas mais realistas.

Touro (21/4 a 20/5) Período mais romântico, no qual você poderá demonstrar muito mais responsabilidade, principalmente nos seus relacionamentos. Aproveite para fortalecê-los.

Virgem (23/8 a 22/9) Não é porque tudo está indicando que você deve fazer coisas que contrariam os seus sentimentos, que você deve realmente fazê-las. Procure se respeitar mais.

Capricórnio (22/12 a 20/1) Bom momento para estreitar os seus laços afetivos com as pessoas. O amor pode ficar muito mais sério e a relação com os seus parceiros mais exigente.

Gêmeos (21/5 a 20/6) Una forças com as pessoas com as quais você compartilha os mesmos ideais. Está na hora de você se entender melhor com quem pode lhe ajudar a ser mais feliz.

Câncer (21/6 a 22/7) Evite trocar as suas crenças e intuições por meras aventuras que tendem a não ter uma grande durabilidade. Melhor passar a vez e esperar outra oportunidade.

Leão (23/7 a 22/8) Saiba cobrar as coisas sem causar muito es-

Libra (23/9 a 22/10) Novos conceitos e responsabilidades para serem assimilados e pouco tempo para isso. Evite cair em contradições e implemente suas novas ideias com calma.

Aquário (21/1 a 19/2) Dia de esperar por resultados que podem chegar um pouco mais adiante. Aproveite o seu tempo para refletir sobre os seus sentimentos e se preparar melhor.

Escorpião (23/10 a 21/11) Novos aliados surgindo ao seu lado. Tempo de conhecer pessoas novas que pensam da mesma forma que você. Aproveite o dia para aumentar a sua rede de contatos.

Peixes (20/2 a 20/3) Procure ser mais crítico com as coisas que ouvir, não saia por aí alarmando as pessoas antes de ter certeza do que você está dizendo. Fique mais ligado.


CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

CULTURA

13

Depois de dez anos, Bowie anuncia novo álbum ‘The Next Day’. No dia de seu 66º aniversário, celebrado ontem, David Bowie lançou ‘Where Are We Now?’, primeiro single de álbum inédito David Bowie demonstrou ainda ter gás. Para surpresa dos fãs, o músico anunciou ontem o lançamento de um novo álbum, “The Next Day”, no dia 11 de março. O recado foi passado pela conta de Twitter dele e foi acompanhado de dois presentes: o lançamento do primeiro single, a balada “Where Are We Now?”, que já está à venda em 119 países pelo iTunes, e do clipe da música, que remete ao seu período “Berlin”, entre 1976 e 1979 – o vídeo pode ser visto no site davidbowie.com. O novo material chega em um momento de especulações sobre a vida e a carreira do “camaleão do rock”, já que ele raramente aparece em eventos e é pou-

30

é o número de álbuns de estúdio que David Bowie vai completar com o lançamento de “The Next Day” co visto mesmo nas ruas de Nova York, onde mora. A imprensa estrangeira especulou sobre uma possível doença e até que o artista não lançaria mais discos ou faria shows. Fato é que, há muito tempo, Bowie adotou uma postura mais fechada, calando-se sobre sua carreira e, ainda mais, sobre sua vida pessoal. Sua última apresentação ao vivo aconteceu em 2006 e seu último álbum, “Rea-

lity”, foi lançado em 2003. “The Next Day” será o trigésimo disco da carreira do cantor britânico e foi produzido por ele próprio em parceria com o amigo de longa data, Tony Visconti, responsável por trabalhos como “The Man Who Sold The World”, “Low” e “Heroes”. O disco já está disponível para pré-venda no iTunes por cerca de R$ 24 e terá quatorze músicas na versão simples, todas inéditas e compostas por Bowie. A versão de luxo, que sai por aproximadamente R$ 28, terá ainda outras três novas canções. PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO

Bowie em rara aparição, em 2010, nos Estados Unidos

Best-seller. Autor de ‘A Cabana’ aposta em novo livro de jornada espiritual O escritor canadense William P. Young é um fenônemo editorial inconteste. Com “A Cabana”, ele somou mais de 18 milhões de exemplares vendidos pelo mundo – 3,5 milhões deles só no Brasil, número que o coloca como segundo título mais vendido no país nos últimos dez anos. Filho de missionários, ele apresenta agora uma nova história também de cunho

espiritual a partir do ponto de visto do protagonista Anthony Spencer, um multimilionário egocêntrico que entra em coma após sofrer um derrame. Após acordar em um outro mundo ao lado de Jesus e do Espírito Santo, ele implora por uma segunda chance. De volta, ele tem a oportunidade de fazer uma retrospectiva sobre suas ações e atitudes até então. METRO

| ANDREW H. WALKER/GETTY IMAGES

Lançamentos “REVIRAVOLTA” MICHAEL CONNELLY SUMA 384 PÁGS. R$ 40

O escritor canadense William P. Young | DIVULGAÇÃO

Após mais de 20 anos preso pelo assassinato de uma menina, Jason Jessup terá novo julgamento devido à descoberta de uma prova capaz de inocentá-lo. Pela primeira vez como promotor, Mickey Haller e seu meio-irmão, o detetive Harry Bosch, estão dispostos a confirmar a culpa do criminoso.

“MEU IRMÃO JIMI HENDRIX” LEON HENDRIX ED. PRUMO 296 PÁGS. R$ 45

No ano em que o ícone do rock faria 70 anos, seu irmão caçula, Leon, lançou esta biografia na qual vasculha a intimidade de Jimi Hendrix. Os relatos datam da infância difícil em Seattle, quando ele brincava de tirar sons de fios presos aos pés da cama, até o auge da fama e à vida de sexo, drogas e rock and roll.


+ PLUS

Recuperação

De volta às pistas Para retomar a rotina de exercícios físicos é necessário esperar a recuperação completa da lesão. Em média, um rompimento de fibras leva de 14 a 21 dias para cicatrizar. Mesmo depois de cicatrizada, a lesão exige cuidados especiais até a retomada do treino normal. É preciso avaliar e corrigir situações que podem ter causado a lesão, seja pela intensidade, carga ou posicionamento na atividade.

14

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

SAÚDE E BEM-ESTAR

Exercícios ajudam na recuperação de lesões Atividade física orientada. Adaptar o treino de acordo com as áreas lesionadas pode acelerar a melhora Com títulos como bicampeã brasileira, campeã sul-americana e ibero-americana, a atleta de salto com vara Joana Costa, 31 anos, teve sua temporada de 2012 interrompida no final de fevereiro, após uma inflamação no tendão calcâneo, o tendão de Aquiles. Já a engenheira civil Mariana Lemos Fava, 27, há dois anos foi diagnosticada com uma hérnia de disco que comprometia as suas atividades cotidianas. Ambas recorreram a exercícios físicos orientados para se recuperarem das lesões e voltarem à vida normal. “Minha qualidade de vida melhorou muito. Não conseguia ficar muito tempo em pé, nem sentada. Só ficava em casa porque sentia muita dor”, afirma Mariana, que há um ano treina musculação e pilates três vezes por semana. Apesar da contribuição comprovada para atingir a melhora, os exercícios devem ser realizados com atenção dobrada. “Após a lesão é necessário reorganizar o treino. A pessoa não deve parar e sim fazer uma adaptação para as áreas não lesionadas”, explica David Costa, fisioterapeuta do Atletismo Brasileiro e da academia Cia. Athlética. Já o coordenador técnico da academia Runner Paulista, Álvaro Júnior, responsável pela recuperação de Mariana, afirma que, dependendo do grau da lesão, o ideal é repousar, pois determinados processos inflamatórios tendem a piorar com a prática dos exercícios. “Existe o momento da lesão, em que é necessário o trabalho de reabilitação para fortalecimento das estruturas abaladas e, posteriormente, um trabalho de fortalecimento da região afetada e periférica”, explica ele. METRO

Alguns minutos na esteira e bicicleta ergométrica são aquecimentos para treinos musculares mais pesados | DIVULGAÇÃO

“Optei por um treino de baixo impacto, com atividades em cama elástica e piscina, para manter a forma e não perder o ritmo.” JOANA COSTA, ATLETA DE SALTO COM VARA

Mudança

Prática positiva

Novo método

Novas práticas durante o treino

Alongue-se contra lesões

Fisioleg é opção de tratamento

As lesões mais comuns são as da patologia na coluna vertebral, como a hérnia de disco, e patologias da articulação do joelho e do cotovelo. Para evitá-las é essencial incorporar algumas práticas ao treino. “Consciência corporal no movimento dos exercícios, respirar adequadamente, não se distrair e procurar sempre a orientação de um profissional”, afirma Júnior, citando que também é importante dosar as cargas adequadamente e não buscar o resultado a qualquer custo. METRO

O alongamento é uma grande arma contra as lesões. Entretanto é preciso tomar alguns cuidados. “Quando o músculo é alongado de forma intensa, é gerado um desgaste na fibra muscular. Ao associar um alongamento forte com musculação, é mais fácil ultrapassar o limite do músculo”, diz Costa. O alongamento mais intenso deve ser feito apenas em sessões específicas e não antes ou depois da musculação. Alguns minutos na esteira funcionam para aquecer os músculos. METRO

Após 14 anos de estudo, a fisioterapeuta carioca Jackeline Figueiredo lançou a metodologia Fisioleg com o objetivo de tratar lesões e fortalecer a musculatura. Ao aliar fisioterapia, exercícios de musculação e exercícios funcionais com peso, o método conquistou de atletas de MMA a atores e personalidades da mídia. Os lutadores Anderson Silva, Kyra e Royler Gracie, a apresentadora Dani Monteiro e o ator Evandro Mesquita são alguns dos que já experimentaram e aprovaram o Fisioleg. METRO


CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

ESPORTE

15

Bottinelli é do Coritiba Reforço. Argentino estava no Flamengo e deve assinar contrato com o Alviverde nos próximos dias Dispensado do Flamengo, o argentino Bottinelli é o novo reforço do Coritiba. O jogador, de 26 anos, deve se juntar ao elenco alviverde entre hoje e amanhã em Foz do Iguaçu, onde o time realiza a pré-temporada. A contratação do atleta foi confirmada pelo empresário dele, Jorge Di Natale. “Assinamos a rescisão com o Flamengo e está tudo certo com o Coritiba”, disse ontem em entrevista à Rádio Banda B. Bottinelli deve assinar contrato por dois anos. Até ontem à noite, a diretoria do Coritiba ainda não havia confirmado oficialmente a vinda do jogador, já que ele ainda não assinou o contrato.

O argentino chegou a ser sondado pelo Atlético-PR, Bahia e Vitória. No Flamengo, atuou por dois anos e marcou onze gols. Ele também já jogou no Racing, da Argentina, Universidad Católica, do Chile, e Atlas, do México.

ESPORTE

Contratações Bottinelli será o quarto jogador anunciado neste ano pela diretoria do Coritiba. Além dele, os atacantes Julio César e Arthur e o lateral-direito Patric já integram o elenco para esta temporada. LINA HAMDAR METRO CURITIBA

Argentino deve se juntar aos jogadores do Coxa até amanhã, em Foz do Iguaçu | RUI PORTO FILHO/FOTOARENA

Paraná. Argentino deve ser novo reforço do time

Pré-temporada.

Atlético fará jogo-treino

Na próxima quarta-feira, o Atlético Paranaense vai realizar um jogo-treino contra a equipe do Joinville. A partida será disputada no CT do Caju, às 16h, e faz parte da preparação do elenco para o Campeonato Paranaense. Ontem, os jogadores do Furacão realizaram trabalhos físicos, além de um treino técnico e tático, sob o comando do técnico Ricardo Drubscky.

Fuleco estará no Afonso Pena Uma versão inflável do mascote oficial da Copa de 2014, o tatu-bola Fuleco, será colocada no saguão de desembarque do Aeroporto Internacional Afonso Pena entre os dias 15 de janeiro e 15 de fevereiro. | RODRIGO FÉLIX LEAL / METRO CURITIBA

METRO CURITIBA

Jogo Aberto

NAPOLEÃO DE ALMEIDA LEITOR.CTB@METROJORNAL.COM.BR

Napoleão da Almeida é jornalista e assina às quartas-feiras esta coluna, sobre os bastidores do esporte no Paraná

3

O atacante argentino Juan José Morales, de 30 anos, deve fechar com o Paraná Clube. O jogador veio do Atlético Venezuela e já treina com o elenco do Tricolor. A diretoria paranista ainda não confirma oficialmente que o negócio foi fechado. A assessoria de imprensa do clube informou ao Metro que hoje devem ser divulgadas novidades em relação a contratação do jogador. METRO CURITIBA

PRETENSÕES E OBJETIVOS Feito para Alex Nenhum outro time paranaense é melhor que o Coritiba hoje, antes da largada do Campeonato Paranaense 2013. Foi o único time na Série A 2012, se mantendo entre os grandes, ainda que com dificuldades. Muito por conta disso, foi buscar reforços. O principal, Alex. Revelado no próprio Coxa, vê no Estadual a grande chance de levantar a primeira taça com a camisa alviverde. Reeditará a dupla vitoriosa no Cruzeiro e no Fenerbahçe com Deivid, tem uma equipe competitiva e que, por ora, conta com o melhor elenco – que ainda deve receber o argentino Botinelli nas próximas horas. Depois do Coxa, o Paraná foi quem buscou mais peças. Destaque para o goleiro Marcos – muito embora não se saiba em que forma volta ao Tricolor, num ano em que luta para voltar a figurar entre os primeiros no Estado, após um trágico 2011 e um 2012 de reorganização. Londrina e Operário correm por fora, assim como os sempre competitivos Cianorte e Arapongas. E há a letargia do Atlético. Ambições distintas Para o Coritiba, a chance é reeditar um tetracampeonato, feito que o próprio clube conquistou nos anos 70 – igualando o Britânia nos idos de 1910 e o Paraná nos 90. O Atlético nunca passou de um tricampeonato, conquistado na fase dourada do clube, entre 2000 e 2002. O Furacão pode usar um time S23 no Estadual todo – fato ainda não confirmado. Há a filosofia de desprezar o campeonato local, que, convenhamos, está inchado e fazendo

Juan Morales já treina com o grupo | DIVULGAÇÃO ATLÉTICO VENEZUELA

hora extra no calendário nacional. Não deve sumir – minha opinião – mas sim ser enxugado, o que é outra conversa. Enquanto isso não acontece, o Atlético, que não reforçou a equipe que ficou em 3º lugar na Série B nacional, perde a chance de entrosar o time para o que ele mesmo apregoa interessar: Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. Fazer pré-temporada maior é uma ótima sacada (Coxa o fará durante parte do primeiro turno), mas ignorar a chance de testar uma equipe que precisa ser melhorada é perder tempo. Vendo as ambições da dupla, lembro o que o hoje técnico do Coritiba, Marquinhos Santos, me disse anos atrás, quando trocou a base do Rubro-Negro pela do Alviverde: “O Atlético forma pra vender, o Coritiba para ser campeão.” Mudança comportamental Falo (mais) um pouco de Copa 2014. Segundo o Instituto Ethos, Curitiba está entre as piores avaliações no quesito transparência na conduta do governo sobre o Mundial. A avaliação é estritamente do lado estatal da parceria, excluindo o Atlético de qualquer reprimenda (detalhes em napoalmeida.com). A nota baixa tem como origem, entre outras coisas, na ausência de uma ouvidoria municipal, falta de audiências públicas sobre o destino dos investimentos do PAC e de uma Sala de Transparência, exigida pela Lei de Acesso a Informação. A troca de Ducci por Gustavo Fruet e a saída de Luiz de Carvalho da Secretaria Municipal para a Copa podem significar um novo alento. É preciso que Curitiba desperte, não só para a Copa, mas para a Olimpíada 2016, preparando-se, mesmo tardiamente, para explorar os eventos. Quem se habilita? Feliz 2013 pra todos nós.

Premiado

Neymar

Se, pela Fifa, Neymar foi eleito o 13º melhor jogador do mundo, ontem ele recebeu, no Uruguai, o prêmio “Rei da América” pelo segundo ano seguido. Concedido pelo jornal “El Pais”, a honraria premia os melhores atletas das Américas com base em votos de jornalistas. Neymar recebeu 199 de 438 votos. Paolo Guerrero, do Corinthians, e Lucas, ex- São Paulo, vêm em seguida.


16

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 9 DE JANEIRO DE 2013 www.readmetro.com

ESPORTE

Handebol. Alexandra é a melhor atleta do planeta

‘Pato prometeu voltar ao Milan em um ano’ Será? Silvio Berlusconi, presidente do Milan, afirma que atacante recém-chegado ao Timão retornará ao clube italiano em 2014

Alexandra, 31 anos, nasceu em Limeira | GASPAR NÓBREGA/PHOTO&GRAFIA

Alexandra Nascimento conquistou um feito inédito para o handebol brasileiro. A ponta direita foi eleita a melhor jogadora do mundo de 2012 em votação que é organizada anualmente pela Federação Internacional de Handebol. O reconhecimento coroou um ano de conquistas da atleta que atua no Hypo, da Áustria. Além de ser a artilheira da Seleção nos Jogos Olímpicos de Londres, foi escolhida também como a melhor em sua posição no torneio, no qual o Brasil terminou com o sexto lugar. A brasileira concorreu com outros destaques da modalidade e venceu com 28% dos votos, contra 24% da norueguesa Heide Löke, primeira colocada no ano

“Começamos o treino pela manhã no clube e, de repente, o técnico parou e, com uma cara muito séria ele disse que estávamos treinando com a melhor jogadora do mundo.” ALEXANDRA NASCIMENTO

passado, 24% da montenegrina Bojana Popovic, 12% da croata Andrea Penezic e 12% de Katarina Bulatovic, também de Montenegro. “Ainda não acredito. Mesmo estando concorrendo, foi uma surpresa maravilhosa”, disse Alexandra. METRO

Reforço. Muricy aprova Marcos Assunção O Santos deve ser o novo destino de Marcos Assunção. O nome do volante de 36 anos foi aprovado pelo técnico Muricy Ramalho e a diretoria do clube praiano já abriu negociações com o atleta, que é torcedor declarado do Peixe. “As negociações ainda estão no início”, disse o gerente de futebol do Santos, Nei Pandolfo. Caso feche negócio, será a terceira passagem de Assunção pela Vila Belmiro. Ele defendeu o clu-

be entre 1995 e 1997. Depois de atuar no Flamengo, ele voltou ao Peixe em 1998. Em 1999, ele foi vendido para a Roma, da Itália.

Alexandre Pato nem bem chegou ao Corinthians, mas, de acordo o Milan – seu ex-clube – já teria data para retornar ao time italiano. Ao menos é nisso que acredita Silvio Berlusconi, presidente do clube rossonero. Em entrevista à TV “Antenna Tre”, o ex-primeiro-ministro da Itália afirmou que ambos acordaram verbalmente um prazo para o retorno do atacante brasileiro. “Pato me prometeu que voltará ao Milan, totalmente recuperado, em um ano e meio. Uma série de incidentes criou uma certa distância entre ele e o Milan. O acordo é que ele vá para lá [Corinthians], fique por um ano, um ano e meio e depois retorne ao Milan. Isso é o que ele disse me abraçando na última vez que nos

R$ 40 mi custou Alexandre Pato aos cofres do Corinthians, que adquiriu 60% dos direitos econômicos do atacante.

encontramos”, declarou o polêmico mandatário. O Timão anunciou a contratação do camisa 7 por quatro temporadas. Pato custou 15 milhões de euros (cerca de R$ 40 milhões), mas ficou com 40% de seus direitos ao abrir mão das luvas. O time paulista é detentor dos outros 60%. Além de presidente do Milan, Berlusconi mantém relação estreita com Pato por conta do relacionamento de sua filha, Barbara, com o atacante. METRO

Brasileirão

Torneio é eleito o segundo mais forte do mundo

tições nacionais e internacionais. O Brasileirão teve 1.057 pontos, atrás do Espanhol, com 1.283. Em terceiro ficou a Bundesliga, da Alemanha, com 1.037 ponO Campeonato Brasileiro tos, seguida pela Série A itafoi o segundo melhor em liana (1.034) e pela Premier 2012 para a Federação Internacional de História e Es- League inglesa (1.007). A conquista do título tatística de Futebol (IFFHS), mundial pelo Corinthians que divulgou ontem um ranking no qual a liga espa- deu ao Campeonato Brasinhola aparece em primeiro. leiro 34 pontos essenciais A classificação se baseia para colocá-lo à frente da liga alemã. METRO nos resultados em compe-

Cícero fecha A diretoria alvinegra confirmou ontem o acerto com o volante Cícero, ex-São Paulo. Ele fica emprestado até o fim de 2014 e será apresentado hoje. Ontem, o volante Renê Júnior, ex-Ponte Preta, foi apresentado. METRO

Marcos Assunção é torcedor declarado do Peixe | CESAR GRECO/FOTOARENA

Segundo Berlusconi, Pato terá vida curta no Timão | DIVULGAÇÃO/CORINTHIANS

Zagueiro Gil já está acertado com o Timão O Corinthians acertou a contratação do zagueiro Gil, do Valenciennes (FRA), e deve fazer o anúncio até o fim desta semana. Os clubes resolveram pendências em relação ao contrato e o Timão. Para contar com o futebol de Gil, o clube do Parque São Jorge pagará 3,5 milhões de euros (aproximadamente R$ 9,4 milhões), pagos em duas parcelas. METRO

Gil tem 25 anos | ROBERT PRATTA/REUTERS

Tênis. Bellucci e Sá são eliminados nas duplas

Belucci está fora do ATP 250 | MATTHEW STOCKMAN/GETTY IMAGENS

O brasileiro Thomaz Bellucci, número 32 do mundo, entrou em quadra para jogar duplas no ATP 250 de Auckland, ao lado do argentino Carlos Berlocq e foi eliminado. A parceria foi superada pelo australiano Julian Knowle e pelo croata Filip Polasek por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4. Já no torneio de simples, Bellucci conheceu seu adversário da segunda rodada. Ele irá enfrentar o eslovaco

Lukas Lacko (48º no ranking da ATP) que superou o italiano Paolo Lorenzi (57º) por 2 sets a 0, com um duplo 6/3. Eliminado André Sá foi mais umtenista brasileiro que deu adeus ao torneio ontem. Ao lado de Jonathan Marray, ele perdeu para o belga Xavier Malisse e para o alemão Frank Moser por 2 a 0, parciais de 7/6 (7-5) e 6/4. METRO


20130109_br_metro curitiba  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you