Page 1

LUAN ESTÁ DE SAÍDA

Atacante da Ponte Preta está PERTO DO GALO PÁG. 16

COM O REI NA BARRIGA DUQUESA KATE MIDDLETON DEIXA O HOSPITAL EM LONDRES PÁG 10

CAMPINAS Sexta-feira, 7 de dezembro de 2012 sunny snow Edição nº 693, ano 3rain

partly sunny

cloudy

sleet

thunder

part sunny/ showers

thunder showers

MÁX: 35°C MÍN: 20°C hazy

showers

www.readmetro.com | leitor.camp@metrojornal.com.br | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metrocps

Prefeitura tem prejuízo de R$ 1,7 mi com faltas

ADEUS AO MESTRE

Oscar Niemeyer é velado no Planalto PÁGS. 04 E 06

Baixa de 11% nos quadros. Balanço da Secretaria de Recursos Humanos de Campinas aponta que 1.342 funcionários públicos não compareceram ao trabalho em outubro por problemas de saúde. Outros 270 simplesmente faltaram ao trabalho PÁG. 02

Campinas enfrenta surto de coqueluche

Corpo de arquiteto é conduzido com honras pela rampa do Palácio. Enterro será hoje no Rio

| LULA MARQUES/FOLHAPRESS

Apenas no segundo semestre, cidade já registrou 66 casos da doença caracterizada por tosse contínua. Crianças são as principais vítimas, de acordo com Secretaria de Saúde PÁG 03

Lei do ‘puxadinho’ fracassa e atrai só 120 proprietários Prazo para vigência da lei que permite a regularização de imóveis teve de ser estendido PÁG 02

Uma nova saída para o Ouro Verde Futuro secretário municipal de Saúde quer gestão compartilhada pela Unicamp e PUC-Campinas PÁG 03

windy


1 FOCO

02

CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

FOCO

11% dos servidores faltam ao trabalho Licenças. O custo das ausências dos funcionários foi de R$ 1,7 milhão ao mês Pelo menos 11% dos 14.560 funcionários da Prefeitura de Campinas faltaram ao trabalho no mês de outubro. Dos 1.612 servidores faltosos, que receberam 1,7 milhão de salário, apenas 270 deles tiveram o dia descontado – um total de R$ 86,6 mil. Os demais, que estão afastados para tratamento saúde, não tiveram redução de salário. Do total, 823 funcionários conseguiram a liberação médica do expediente para tratamento de saúde por um período de até 15 dias. Outros 519 estão fora do ambiente do trabalho por um período superior a duas semanas. As faltas ao trabalho dos profissionais da Saúde in-

tegram uma das preocupações do futuro secretário da Pasta, Carmino de Souza, que toma posse no dia 1º de janeiro de 2013. “Vamos criar instrumentos de fiscalização para combater o corporativismo e também porque o médico não pode avisar a 30 minutos de iniciar o seu plantão de que irá faltar”, disse. No mês passado, por exemplo, o Pronto-Socorro do Padre Anchieta, responsável pelo atendimento a 200 pessoas, fechou porque dois dos seis médicos da unidade não foram trabalhar. A prefeitura informou que tem tomado várias iniciativas para amenizar o problema. Entre as medi-

Reajuste. Tarifa de água e esgoto sobe 6,65% Mercosul

Chávez ausente

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, não participará da cúpula de chefes de Estado do Mercosul, que acontece hoje em Brasília. Ele está afastado por problemas de saúde. Chávez não aparece em público há 22 dias.

Cotações Dólar - 0,85% (R$ 2,08)

Funcionários em greve no ano passado | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

das, está a aposentadoria de servidores afastados há muito tempo e que não tinham condições de voltar ao trabalho. Também intensificou os exames periódiSanasa

Filhas de Hélio ignoram Gaeco As filhas do prefeito cassado Hélio de Oliveira Santos (PDT) faltaram ontem ao depoimento no Ministério Público. Elas dariam detalhes sobre o patrimônio da família. O MP apura a compra de imóveis em Miami para saber se houve lavagem de dinheiro. METRO CAMPINAS

Índice foi autorizado pela agência reguladora | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

A tarifa da água e esgoto de Campinas sofrerá reajuste de 6,65%. O índice foi aprovado ontem pela Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí e deve entrar em vigor um mês depois da publicação no “Diário Oficial”. O reajuste será aplica-

do sobre todas as tarifas de água e esgoto. Aqueles que utilizam até 10 m3 de água na categoria residencial padrão e possuem a coleta de esgoto passarão a pagar R$ 37,72 por mês, por exemplo. A Sanasa atende a 295 mil ligações com água tratada na cidade. METRO CAMPINAS

Urbanismo

Castro Mendes tem alvará A Secretaria de Urbanismo emitiu alvará de funcionamento do Teatro Castro Mendes, inaugurado anteontem. METRO

cos dos servidores. O Executivo ressaltou ainda que tem trabalhado na prevenção e combate de doenças ocupacionais causadas por postura incorreta

e estresse por meio de palestras e cursos. ROSE GUGLIELMINETTI METRO CAMPINAS

Legalidade. Apenas 120 regularizam construção Os proprietários de imóveis irregulares em Campinas ignoraram o chamado da prefeitura para legalizar a situação. Em sete meses de vigência da lei complementar, das 60 mil edificações clandestinas estimadas, apenas 120 donos de prédios que não têm as ampliações aprovadas foram até a Administração municipal para regularizar o imóvel. Com a baixa adesão, a prefeitura ampliou o prazo de vigência da lei para 19 de julho de 2013. A validade venceu no dia 19 deste mês. A nova decisão foi publicada por meio de Ordem de Serviço no “Diário Oficial”. “Esse número é muito pequeno em relação ao to-

7

meses é o período de vigência da legislação que dá benefícios para que haja a regularização de construções clandestinas. tal de edificações que possuem algum tipo de ampliação na cidade”, disse o secretário de Urbanismo, Hélio Padilha. Entre os benefícios oferecidos pela legislação aprovada em abril passado está a isenção de multa para os imóveis que tiveram até 50 metros quadrados ampliados. O valor do IPTU, porém, é alterado. METRO CAMPINAS

Bovespa - 0,14% (57.595 pts) Euro - 1,52% (R$ 2,70) Selic (7,25%)

Salário mínimo (R$ 622)

FALE COM A REDAÇÃO

EXPEDIENTE

COMERCIAL: 019/3779-7421

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha. Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo.

leitor.camp@metrojornal.com.br 019/3779-7518

O jornal Metro circula em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação Metro Campinas. Editora-Executiva: Zezé de Lima (MTB: 16.231). e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Editor de Arte: Gustavo Moura. Gerente Comercial: Simone Monfardini. Grupo Bandeirantes de Comunicação Campinas - Diretor Geral: Rodrigo V. P. O. Neves. ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: avenida Engenheiro Antonio Francisco de Paula Souza, 2799, CEP 13045-541, Jardim São Gabriel. Tel.: 019/3779-7421. O jornal Metro é impresso na Log&Print Gráfica e Logística S.A.

A tiragem e distribuição desta edição de 30.000 exemplares são auditadas pela BDO.


CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

FOCO

03

Verde. Unicamp e Campinas passa por Ouro PUC podem assumir gestão surto de coqueluche Contagiosa. Saúde registrou 66 casos, ante nove em 2010, um crescimento de 488% Campinas passa neste segundo semestre deste ano por um surto de coqueluche, doença contagiosa, caracterizada pelo excesso de tosse. De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde, foram registrados na cidade 66 casos até agosto deste ano, 13 a mais do que os notificados em todo o ano passado. Se comparado este ano com 2010, o contágio da coqueluche aumentou ainda mais: 488%. Há dois anos, foram registrados 9 ocorrências da doença em Campinas. A diretora da Vigilância Epidemiológica, Maria do Carmo Ferreira, explicou que o aumento não está relacionado com uma possível mutação da bactéria que causa a doença, mas sim ao ciclo epidêmico da coqueluche, que atingiu todo o mundo. Maria do Carmo disse ainda que em Campinas, as crianças com até um ano são as principais vítimas. “Elas ainda não contam com o esquema de vacinação ou não completaram as três doses necessárias para prevenir a coqueluche”,

Hospital tem gestão terceirizada

Hospitais têm sido procurados por doentes | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

“Maior parte das pessoas que ficam doentes são crianças menores de um ano, que não estão vacinadas.” MARIA FERREIRA, DIRETORA DA VISA

explica a diretora da Vigilância Epidemiológica. Por isso, ela aconselha as mães a evitarem expor os seus bebês a locais onde tenham aglomerações. A doença, de acordo com Maria do Carmo, é contagiosa e transmitida pelas vias

Desatadora dos Nós espera 80 mil em festa A Emdec preparou uma operação especial de trânsito para as comemorações da 15ª Festa de Nossa Senhora Desatadora dos Nós, no Santuário da Associação Maria Porta do Céu, no Jardim Santa Genebra. A expectativa da organização do evento é de que 80 mil pessoas participem das festividades, que serão realizadas no próximo fim de semana. METRO CAMPINAS

Adeus. Missa de 7º dia de Joelmir é realizada Foi realizada ontem, às 12h, a missa de sétimo dia do jornalista do Grupo Bandeirantes Joelmir Beting. A cerimônia foi na igreja da Paróquia de São Pedro e São

Paulo, na capital. Beting morreu no dia 29 de novembro, aos 75 anos. Ele estava internado desde o dia 22 de outubro no hospital Albert Einstein, em

São Paulo, para tratamento de uma doença autoimune. Dias antes da sua morte ele havia sofrido um acidente vascular encefálico hemorrágico. METRO

respiratórias no contato direto da pessoa sadia com o doente. ROSE GUGLIELMINETTI METRO CAMPINAS

| THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

A gestão do Hospital Ouro Verde poderá ser feita pela Unicamp e PUC-Campinas. Pelo menos esse é o desejo do futuro secretário de Saúde, Cármino de Souza. Atualmente a co-gestão é feita entre a Prefeitura de Campinas e a SPDM – braço executivo da Unifesp que administra a unidade hospitalar. O atual contrato vence em março de 2013. Souza se reuniu ontem com os representantes das duas instituições de ensino para discutir o assunto. Um novo encontro foi marcado para a semana que vem, já que o futuro secretário viajou ontem para Atlanta, nos Estados Unidos.

A gestão terceirizada é criticada pelo Conselho de Saúde que defende a criação de uma fundação. “A autarquia pode esbarrar na Lei de Responsabilidade Fiscal porque terei mais 1,2 mil funcionários na folha de pagamento”, disse Souza, acrescentando que a proposta deve ser discutida a longo prazo. O médico também ressaltou que se a parceria com as universidades não der certo, resta a alternativa de contratar uma uma OS (Organização Social) para administrar o hospital. Em 2011, foram atendidas 219 mil pessoas no PS da unidade. METRO CAMPINAS


04

CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

BRASIL

Homenagens

“Não podíamos deixá-lo ir sem se despedir de Brasília e dos brasileiros. Ele foi agora para um projeto só dele. Não vamos mais vê-lo, mas ele vai estar sempre vivo neste legado, nas obras que ele deixou para nós.”

“Oscar foi o maior artista brasileiro, um personagem extraordinário, uma pessoa excepcional.”

“O Oscar estava sempre em busca da obra-prima, da perfeição do projeto. Estava sempre revisando as maquetes.”

“Suas criações originais, unindo arquitetura e poesia, expressaram os limites elevados da genialidade brasileira.”

PAULO NIEMEYER, SOBRINHO DO ARQUITETO

JOSÉ SARNEY, PRESIDENTE DO CONGRESSO

CARLOS MAGALHÃES, ARQUITETO AMIGO

JOAQUIM BARBOSA, PRESIDENTE DO STF

Presidente Dilma Rousseff ao lado da viúva, Vera Lúcia | FÁBIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR

O adeus na cidade-filha Despedida. Multidão tomou conta do Palácio do Planalto para prestar as últimas homenagens ao criador da capital brasileira Oscar Niemeyer retornou ontem pela última vez a Brasília. E na cidade que ajudou a criar, o arquiteto foi homenageado por políticos, parentes, amigos e desconhecidos, admiradores de sua arte. O caixão com o corpo do ‘gênio das curvas’ chegou à capital federal às 14h22. Depois, seguiu em cortejo a bordo de um caminhão do Corpo de Bombeiros, que percorreu o Eixo Monumental e a Esplanada dos Ministérios, onde suas obras compõem uma espécie de museu a céu aberto. Era a despedida do criador da Catedral, dos prédios dos ministérios e do Congresso Nacional. “Quem for a Brasília, pode gostar ou não dos palácios, mas não pode dizer que viu antes coisa parecida”, costumava dizer ao críticos. A parada final foi no Palácio do Planalto, uma das obras preferidas de Niemeyer. Ele gostava de definir as colunas suspensas do prédio como “leves como penas pousando no chão”. Às 15h48, o caixão com o corpo de Niemeyer subiu a rampa do palácio levado por cadetes, sob o aplausos de um multidão que fez

fila para dar o último adeus ao arquiteto. Ao lado da viúva de Niemeyer, Vera Lúcia Cabreira, a presidente Dilma Rousseff manifestou as condolências. Em todos os prédios públicos, as bandeiras foram colocadas a meio mastro. O Brasil está de luto oficial pelos próximos sete dias. Eram 21h55 de quarta-feira quando complicações respiratórias puseram fim à vida, aos 104 anos, de um dos maiores gênios do mundo e uma referência da arquitetura moderna, batizando mais de 600 monumentos em 27 países. A despedida começou logo cedo, ainda no hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, onde o comunista que dizia não acreditar em Deus foi homenageado com uma missa. Forasteiro A participação na criação de Brasília, patrimônio histórico da humanidade, era um orgulho, já que a cidade expõe a céu aberto suas obras. A dúvida comum era: por que Niemeyer não escolheu a cidade para viver? O chefe do escritório do

arquiteto no Rio de Janeiro, Carlos Magalhães, confidenciou que a busca de um novo refúgio foi causada por uma frustração. Niemeyer deu de presente a Brasília dois projetos: a criação de um estádio de futebol e do centro de exposições da Granja do Torto. Era o fim da década de 1960. O governador do Distrito Federal na época, Hélio Prates, deixou o projeto na gaveta. “Oscar enviou um carta aborrecida, dizendo que ia embora daqui e cumpriu”, conta Carlos Magalhães.

Homenagens pelo mundo

Niemeyer, autor de dezenas de obras fora do Brasil, foi lembrado pelos principais jornais do mundo. Veja:

O jornal espanhol prestou homenagem ao “maestro das linhas curvas” em sua primeira página: “A arquitetura mundial perde seu patriarca, Oscar Niemeyer”, dizia a chamada. Cortejo foi acompanhado por uma multidão | RICARDO MARQUES/METRO BRASÍLIA

Lembrando de Niemeyer como o homem que deu “à Brasília o seu talento”, o jornal nova-iorquino conta porque o brasileiro “capturou a imaginação de gerações de arquitetos”.

A publicação britânica trouxe um longo obituário de Niemeyer, a quem descreve como o arquiteto que “ajudou a moldar o século 20 e a visão de futuro da humanidade”.

Corpo de Niemeyer chega ao Planalto para ser velado | LULA MARQUES/FOLHAPRESS

Funeral O corpo de Oscar Niemeyer voltou para o Rio de Janeiro às 20h, para velório aberto ao público no Palácio da Cidade, em Botafogo, que começa às 8h e irá até as 15h de hoje. A Santa Casa da Misericórdia informou que o sepultamento está previsto para às 17h30, no cemitério São João Batista, em Botafogo, reservado à família. Segundo a neta do arquiteto, haverá um ato ecumênico no local. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Em seu site, o jornal francês chamou o brasileiro de “arquiteto da sensualidade”. Na versão impressa, lembrou o projeto da sede do Partido Comunista francês, em Paris.

O jornal italiano lembrou de Niemeyer como o “mestre do século XX”, o “grande arquiteto brasileiro” e o “pai de Brasília”.

População foi prestar homenagens ao arquiteto | LULA MARQUES/FOLHAPRESS

Em um dos maiores periódicos argentinos, o brasileiro foi descrito como “um homem que sempre se deixou levar por suas ideias e suas convicções”.


06

CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

FOCO

Edifício no Centro fica como exemplo de arte Obra do mestre. Prédio fica na rua Irmã Serafina e não tem vigas. Desenho foi feito entre 1954 e 1960 e permanece como um exemplo da genialidade de Niemeyer Campinas tem o privilégio de ter em seu território um exemplar da incansável carreira de Oscar Niemeyer. No prédio de número 919, localizado na rua Irmã Serafina, a ausência de vigas, o pé direito de quase três metros de altura, as largas colunas, os brises que impedem a entrada da chuva e, claro, as curvas, marca

registrada do arquiteto, denunciam o autor da obra. Doutor Niemeyer, como era conhecido, desenhou o projeto entre 1954 e 1960, desafiando a engenharia. Como em todas as suas obras, depois das críticas, veio o reconhecimento pela qualidade estrutural inovadora e elegante. A principal beleza é re-

servada aos observadores: as misteriosas curvas cuidadosamente dispostas com perfeição são vistas apenas na parte de trás, lembrando a marcante imagem do Edifício Copan, em São Paulo. Do outro lado, fazendo reverência a praça Carlos Gomes, o Itatiaia segue imponente, como um ilustre solitário em uma cidade ca-

Niemeyer & eu

600

mil reais é o valor estimado de um apartamento de 168 m2. Há fila de espera de interessados em comprar e alugar imóveis. rente de referências culturais. METRO CAMPINAS

Fachada do Edifício Itatiaia | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS

ARQUIVO PESSOAL

BRUNA PRADO/METRO

As criações de Oscar Niemeyer estão mais presentes no cotidiano do brasileiro do que muitos imaginam. Diversão, trabalho, moradia, aprendizado, cultura, religiosidade, política são apenas algumas das muitas vocações de suas obras. E que todos acolhem com indisfarçável orgulho GABRIELA DIBELLA/METRO

ANDRÉ PORTO/METRO

GUSTAVO ANDRADE/METRO

Eu me CASEI em uma igreja de Niemeyer

Eu CONSTRUO uma obra do Niemeyer

Eu MORO em uma obra do Niemeyer

Eu TRABALHO em obra de Niemeyer

“Me sinto lisonjeado por estar trabalhando na construção do Memorial Luis Carlos Prestes, obra de um arquiteto tão criativo.”

“Moro no Copan há 10 anos e antes trabalhei aqui como porteiro. Quem não gostaria de morar em algo assinado por Niemeyer?”

“Trabalho há 20 anos na Biblioteca Estadual Luiz de Bessa. É um espaço perfeito. Os funcionários têm cuidado para preservar o prédio.”

“A experiência foi indescritível. A ‘Igrejinha’ (Igreja Nossa Senhora de Fátima) é um lugar muito intimista, e foi um prazer enorme poder usufruir da obra desse grande arquiteto.”

FERNANDO DOMINGOS DA SILVA, 52 ANOS, ENFERMEIRO, SÃO PAULO

ALCIDES FRAGA, 77, GESTOR DE CULTURA, BELO HORIZONTE

PRISCILA BOTELHO, 27, ARQUITETA, BRASÍLIA

MÁRIO EDUARDO SILVEIRA RODRIGUES JR., 29, ENGENHEIRO CIVIL, PORTO ALEGRE

Eu SAMBO em uma obra de Niemeyer “Eu não seria quem eu sou sem o Sambódromo. A morte de Niemeyer é para o Brasil como se o Rio perdesse suas belezas, como se a Amazônia perdesse sua floresta. Passar pela obra dele na praça da Apoteose é o meu objetivo durante o ano inteiro. Devido ao projeto dele, o samba teve seu lugar, sua casa.” NEGUINHO DA BEIJA-FLOR, 63, SAMBISTA, RIO DE JANEIRO


08

STF se divide sobre perda de mandatos

Política

CLÁUDIO HUMBERTO

ROYALTIES: SARNEY PODE DAR À DILMA SUA PIOR DERROTA. Às vésperas de

“TEMOS DE TER A ENERGIA MAIS BARATA DO MUNDO, MAS NÃO A TEMOS.”

concluir a gestão no comando do Senado, José Sarney (PMDB-AP) pode dar à presidenta Dilma Rousseff sua pior derrota no Congresso Nacional, ao colocar em votação o veto parcial ao projeto que redistribui os royalties do petróleo. Como o voto é secreto, líderes governistas calculam que 90% dos parlamentares poderão votar contra o governo Dilma e derrubar seu veto, com o apoio dos governadores.

PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF AO REAFIRMAR SEU COMPROMISSO COM A REDUÇÃO DA TARIFA

yer: “Quando a miséria se multiplica e a esperança foge do coração dos homens, só resta a Revolução”.

José Sarney | WALDEMIR BARRETO/AGÊNCIA SENADO

SAIA JUSTA. Apesar da

provável derrota do governo, o cacique peemedebista não vê saída: coloca em votação ou será desautorizado pelos colegas.

TRAIÇÃO CERTA. Apenas

as bancadas do Rio e Espírito Santo devem votar para manter o veto. Nos outros estados, a traição é certa, mesmo dentro do PT. NÃO DÁ IDEIA.... O Gran-

ma, jornal oficial de Cuba, estampou corajosamente umas das frases do camarada Nieme-

ASPONE NA INFAERO. José Cláudio de Noronha, ex de “Rose”, tinha mandato até agosto de 2011 no conselho da BrasilPrev, empresa de previdência do Banco do Brasil. Com diploma falso, foi afastado. Mas continua aspone na Infraero, onde é gerente desde 2005, graças à influência de Rose. O FIM DO MUNDO. Estrategista do banco JPMorgan, Hajime Kitamo previu no site “Business Insider” crise financeira sem precedentes no Brasil em 2014, com a perigosa supervalorização do real, a mais valorizada do mundo. PENSANDO BEM... ...é de “sítio” o estado emocional da Rosemary Noronha, a Rose.

PODER SEM PUDOR

O desprevenido Ainda em 1960, nos tempos áureos do Palácio Tiradentes, o deputado José Maria de Alkmin estava num corredor conversando com o jornalista Murilo Melo Filho quando de ambos se acercou um mineiro: - Dr. Alkmin, minha mulher está grávida há nove meses. O nosso filho vai

CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBORO DE 2012 www.readmetro.com

FOCO

nascer a qualquer momento. E eu estou desprevenido porque não tenho um cruzeiro para o enxoval. E Alkmin, rápido: - Meu filho, se você, que teve nove meses para preparar-se, será pego desprevenido, imagine eu, que somente agora estou sendo apanhado e inteiramente de surpresa...

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

Mensalão. Ministros divergem sobre a cassação dos três deputados condenados. Dividido sobre a perda imediata de mandato dos três deputados condenados no julgamento do mensalão, o

STF (Supremo Tribunal Federal) adiou para a próxima semana a definição do caso. Aguardam decisão os deputa-

dos João Paulo Cunha (PT-SP), Valdemar Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-MT). O relator, ministro Joaquim Barbosa, defendeu que a sentença preveja a saída do mandato após todos os recursos serem concluídos. METRO

Joaquim Barbosa busca acordo para concluir julgamento | GERVÁSIO BAPTISTA/STF


CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

09

ECONOMIA

Manter o carro fica mais caro Inflação. Serviço de lavagem e estacionamento sobem mais de 10% neste ano e puxam gastos com manutenção de veículos O custo para o motorista manter um veículo registrou alta pelo quinto mês seguido. Com uma variação positiva de 0,28% em novembro, a “inflação do carro”, medida pela agência AutoInfor-

me, acumula um aumento de 2,34% neste ano. Lavagem do carro e o estacionamento são os vilões da inflação neste ano. Somente em novembro a lavagem simples ficou 2,45%

mais cara, enquanto os gastos para estacionar o carro por duas horas subiram 2%. Com a alta no mês passado, os dois serviços já registram aumentos de 12,29% e 12,84%, respectivamen-

te. Além disso, outro item que pode ser destacado entre as maiores altas do ano foi o balanceamento, que acumula, neste ano, alta de 12,57%. A franquia de seguro também acumulou acréscimo significativo no período. De acordo com o levantamento, o item ficou 5,76%

mais caro entre janeiro e novembro deste ano. O levantamento considera cinco grupos de itens: peças, serviços, seguros, impostos de circulação e combustíveis. Os combustíveis, que têm o maior peso no cálculo da inflação - 30% dos gastos totais do motorista - ficaram com os preços praticamente estáveis em novembro: a gasolina subiu 0,27% e o etanol 0,19%.

12,29%

é o aumento no preço da lavagem simples entre janeiro e novembro deste ano, segundo a agência AutoInforme. Já os itens bateria (-0,33%) e lona de freio (-0,25%)foram os que apresentaram as maiores quedas. METRO

Motorista está gastando 12,84% a mais para estacionar | DANILO VERPA/FOLHAPRESS

Recorde. Poupança bate recorde de captação neste ano Mesmo com as mudanças nas regras de rentabilidade da poupança, os brasileiros continuam apostando na aplicação. O comportamento pode ser explicado, segundo especialistas, pela queda da rentabilidade dos fundos, com a redução da taxa básica de juros. Os depósitos em poupança superaram as retiradas em R$ 4,086 bilhões, em novembro. É a maior captação para o mês desde 2009, quando o resultado ficou em R$ 4,469 bilhões, segundo dados do Banco Central. Nos 11 primeiros meses de 2012, o resultado chega a R$ 40,512 bilhões, o maior da

COMO FICA

série histórica, iniciada em 1995. O recorde anterior era o saldo de R$ 38,681 bilhões em todo o ano de 2010. Com a Selic em 7,15% ao ano, o rendimento da caderneta está em 5,03% ao ano. E a tendência é que continue neste patamar. Segundo a ata da última reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), divulgada ontem, a Selic deve permanecer em 7,25% ao ano por um “período suficientemente prolongado”. Nesse cenário, a poupança continuará pagando mais que os fundos de renda fixa com taxa de administração acima de 1%. METRO

Rentabilidade com a Selic em 7,25% ao ano PRAZO DE INVESTIMENTO

12 meses 6,17%

Velha poupança* Nova poupança*

5,03%

CDB 90% do CDI

5,20% 4,59%

Fundo DI** *A TR FOI CONSIDERADA ZERO **COM TAXA DE 1,5% A.A. ***FOI CONSIDERADO O INVESTIMENTO POR MEIO DE CORRETORAS QUE NÃO COBRAM TAXA DE ADMINISTRAÇÃO

5,46%

Tesouro Direto*** 0.000000

2.933333

5.866667

8.800000


10

CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

MUNDO

Realeza. Kate Middleton deixa o hospital

Oposição egípcia desafia o Exército

Crise. Presidente enfrenta a fúria dos partidos liberais, que ameaçam novos protestos. Mohamed Mursi também perdeu membros de seu gabinete, que pediram demissão

A duquesa disse estar “muito melhor” |

Depois de quatro dias de internação, Kate Middleton, mulher do príncipe William da Inglaterra, deixou o hospital. A duquesa de Cambridge, grávida do primeiro filho, sofre de enjoos severos e chegou ao centro médico desidratada. Kate deixou o local acompanhada do príncipe William. Sorridente e carregando um buquê de flores, ela disse estar se sentindo

ANDREW WINNING/REUTERS

“muito melhor”. A duquesa e o marido devem passar o fim de semana descansando, em uma residência no interior do país. O Palácio de St. James divulgou uma nota de agradecimento à equipe do hospital. Na quarta-feira, a locutora de uma rádio australiana passou um trote em uma enfermeira, que acabou dando detalhes sobre a saúde de Kate. METRO

Nem os apelos do governo, nem a imponência de tanques e blindados conseguiram acalmar a oposição egípcia, que segue protestando em frente ao palácio presidencial no Cairo. Há cinco dias, simpatizantes e opositores do governo Mohamed Mursi se enfrentam. Já são sete mortos e 700 feridos. Na tarde de ontem, o Exército deu um ultimato para que os manifestantes deixassem o local. Houve horas de calma, mas, à noite, os protestos recomeçaram. A oposição reclama do decreto que deu superpoderes a Mursi, membro da Irmandade Muçulmana. Para tentar por fim à violência, o presidente fez um discurso conciliador. “Tais eventos dolorosos aconte-

ceram por causa de diferenças políticas que devem ser resolvidas por meio do diálogo”, disse. Mursi, no entanto, não cogitou a possibilidade de rever o decreto dos superpoderes. Segundo o site egípcio Ahram, os opositores que cercam o palácio carregam um ar de “tristeza e raiva”, pedindo a saída de Mursi.

Além da indignação dos opositores, o presidente também enfrenta a decepção de membros de seu governo. Desde o início da crise, nove funcionários da presidência já pediram demissão. “Eu

não vou tomar parte de um referendo que derramou sangue egípcio”, disse um deles, em referência à proposta de Mursi de referendar a Constituição aprovada por seus aliados. METRO COM AGÊNCIAS

“A Irmandade Muçulmana é um grupo mumificado, de mente fechada e não é digno do Egito. Eu não consigo suportar ver jovens morrendo.” SAIF ABDEL FATTAH, EX-CONSELHEIRO

Tanques e blindados protegem palácio presidencial | ASMAA WAGUIH/REUTERS


2 CULTURA

55º Grammys

Black Keys domina

A banda de Dan Auerbach (foto) recebeu indicação para seis categorias da premiação, entre elas a de melhor disco, por “El Camino”, e de melhor música, por “Lonely Boy”. Outros artistas que se destacaram foram Kanye West, Jay-Z, fun. e Frank Ocean.

12

CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

CULTURA

Nando Reis canta inéditas em Campinas Show. Cantor apresenta novo álbum independente, em Sousas. No repertório, as novas canções e os clássicos da carreira. O cantor Nando Reis apresenta na região seu novo trabalho, intitulado “Sei”, com músicas inéditas. O show será neste sábado, no LBN Hall, em Sousas. O álbum traz 15 canções, uma delas, com participação de Marisa Monte. O disco 100% independente e colaborativo, com participação direta dos fãs, teve lançamento exclusivo pela internet. O repertório do show é composto por músicas inéditas como “Pré-Sal”, “Back in Vânia”, “Declaração de Amor”, “Pra Quem Não Vem”, além de sucessos já

O Metro indica

Comédia

‘Grande Elenco’. Os humoristas Tata Werneck e Paulinho Serra fazem estreia nacional do espetáculo neste fim de semana, em Campinas. Com pitadas de improviso, os atores apresentam mais de 12 personagens, sem acessórios e trocas de roupas. No Teatro Liceu (rua Baronesa Geraldo de Resende, 300, Guanabara, tel.: 3744-6823). Dom., 18h. Ingressos: de R$ 40 a R$ 60.

Dança

Programação Castro Mendes. A reinauguração do Teatro Castro Mendes continua trazendo programação até o dia 23. Neste fim de semana, companhias de dança apresentam os espetáculos “Hércules” (Versátil Cia de Dança), “Filhos do Egito” (Olmos Ballet) e “Gaiola Dourada” (Viva Vida). No Teatro Castro Mendes (Vila Industrial). Sex. e sáb., às 20h; dom., às 16h e às 19h. Ingressos: de R$ 15 a R$ 30.

Teatro

Músico faz show do disco recém-lançado “Sei” | DIVULGAÇÃO

conhecidos como “As Coisas Mais Lindas”, “All Star”, “Pra Você Guardei o Amor”, “Relicário” e “Espatódea”. METRO CAMPINAS

No LBN Hall (rua Antônio Carlos Couto Barros, 2.156, Sousas, tel.: 3258-2500). Sáb., a partir das 22h. Ingressos: de R$ 40 a R$ 120.

‘Festa de Noivado’. Na peça intimista encenada pelo grupo Teatro Bule Preto o público é convidado a entrar na nas particularidades de uma família e celebrar o noivado de um casal. A história se desenrola a partir das interações, cheias de surpresas. Onze atores-alunos sobem ao palco. No Matula Teatro (rua Edna de Barros Sanches, 80, Barão Geraldo, tel.: 9713-1503). Sáb. e dom., às 10h. Ingressos: no chapéu.


14

CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

VARIEDADES Os invasores

Leitor fala

Receita Minuto Adeus ao gênio

DANIEL BORK LEITOR.SP@METROJORNAL.COM.BR

RONDELE DE BACALHAU AO MOLHO 4 QUEIJOS

Cruzadas

Desta vez trago aos amigos uma receita de bacalhau com uma massa fresca, gostosa, de visual incrível e fácil de fazer.

Oscar Niemeyer não foi um espectador em sua longa vida e nem tampouco um seguidor de tendências. Ele criou suas próprias tendências e marcou sua história com genialidade e valor humanitário, deixando para o mundo o exemplo de determinação e produtividade que o acompanhou até os últimos dias de sua vida. Perdemos um grande profissional mas, antes de tudo, um excepcional exemplo de ser humano! O mundo diz adeus a um de seus gênios. HELIO JORGE SARTORELLI - CAMPINAS/SP

Radares: mais pontos Resumo da obra: punir é o meio pelo qual se gera ou, ao menos se espera, que assim sigamos o caminho da educação no trânsito. A forma mais eficaz, na teoria, é fazer doer no bolso do condutor. A lógica é esta: aumentando o rigor, o esperado é que o condutor vai aprender a respeitar e seguir as leis de trânsito, diminuindo estatísticas de infrações e acidentes, partindo aí para um trânsito “saudável”. O discurso é lindo! Parece… LUCIANO CALEGARI - CAMPINAS/SP

Ingredientes: ½ kg de massa de lasanha fresca Recheio: 4 colheres (sopa) de azeite 1 pimentão vermelho em tiras finas 4 dentes de alho fatiados ½ kg de bacalhau demolhado, cozido e desfiado 1 xícara (chá) de azeitonas verdes fatiadas ½ xícara (chá) de vinho branco seco ½ xícara (chá) salsa picada

2 colheres (sopa) de farinha de trigo Sal e pimenta do reino a gosto Molho aos 4 queijos: colheres (sopa) manteiga 2 colheres (sopa) de farinha de trigo 1 litro leite 1 xícara (chá) catupiri 2 xícaras (chá) queijos ralados (prato, gorgonzola e mussarela) Sal, pimenta do reino e noz moscada a gosto

Metro Pergunta

Você já teve algum problema de falta de segurança em Viracopos? Sudoku

@carolcle84

Já tive uma mala com cadeado arrombado. Alguns objetos sumiram, mas levei comigo as coisas de mais valor. @fercotrin_

Não. Sempre embalo minha mala e coloco cadeados. Mas já ouvi muitas histórias ruins. É uma pena.

Modo de preparo

Para o recheio, refogue em uma panela o pimentão no azeite. Coloque o alho, doure, acrescente o bacalhau, as azeitonas, o vinho, a salsa, a farinha, acerte o sal, pimenta e reserve para amornar. Para o molho de quatro queijos, derreta a manteiga em uma panela, coloque a farinha e misture em fogo moderado para dourar levemente a farinha. Então coloque aos poucos, e mexendo sem parar ,o leite até que fique cremoso. Então acrescente o restante dos ingredientes, misture para derreter e reserve. Abra a massa na mesa, distribua o recheio de bacalhau, enrole, corte em rodelas da espessura de 2 dedos e disponha em um refratário com molho no fundo. Depois de arrumar todos os rondeles, cubra com o molho, salpique o parmesão e leve ao forno quente por 20 minutos. Tire e sirva.

Horóscopo

Siga o Metro no Twitter: @Jornal_ MetroCPS

@cay__fernandes

Nunca tive, mas tenho medo. Já ouvi muitas histórias, principalmente de assaltos e furtos de veículos.

Metro web Para falar com a redação:

leitor.camp@metrojornal.com.br Participe também no Facebook:

www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Não deixe de ouvir as suas intuições, ao tentar ser muito objetivo e direto você pode estar deixando de lado opções que poderiam dar melhores resultados.

soas a respeito de questões que afligem a maioria. Deixe que a sinergia do grupo flua trazendo as melhores soluções.

Sagitário (22/11 a 21/12) Pensamento positivo, procure direcionar as suas energias de uma forma mais focada, transforme os seus hábitos e aposte em coisas mais palpáveis e imediatas.

Touro (21/4 a 20/5) Evite fazer resistência contra as novidades que estão surgindo, um pouco de flexibilidade pode ajudar você a absorver conhecimentos positivos para a sua vida.

Virgem (23/8 a 22/9) Momento propício para você disseminar as suas ideias e também influenciar as pessoas, elas ainda estão acessíveis e interessadas no que você tem a dizer.

Capricórnio (22/12 a 20/1) Dia com boas distrações para tirar você do seu caminho, preste atenção nos seus objetivos e evite pensar que o gramado do vizinho é sempre melhor que o seu.

Gêmeos (21/5 a 20/6) Evite explorar demais as situações, a partir de certo ponto os seus ganhos podem começar a perder valor ou acabar custando mais caros, saia na hora certa.

Câncer (21/6 a 22/7) Divida as suas responsabilidades com os seus parceiros sem os sobrecarregar, eles também irão precisar da sua ajuda para que todo o grupo seja vitorioso.

Leão (23/7 a 22/8) Dia cheio de reuniões e contato com pes-

Libra (23/9 a 22/10) Sonhos românticos atiçando o seu coração, alguém diferente e provocador poderá surgir, porém, ele precisará mostrar que é muito mais que uma simples atração.

Aquário (21/1 a 19/2) Tentações e paqueras rápidas podem deixar o seu dia muito mais leve, mas também podem afastar você dos seus objetivos, procure organizar melhor o seu tempo.

Escorpião (23/10 a 21/11) Cabeça no mundo dos pensamentos, tendência a ficar um pouco distante da realidade. Tente se concentrar mais no aqui e no agora para não perder oportunidades.

Peixes (20/2 a 20/3) Não adianta ter pressa com as coisas, você precisa realizar as tarefas para que elas tragam os melhores resultados possíveis, tenha paciência.


CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

Análise

Como ficam as livrarias? A chegada da Amazon preocupa porque ela impõe condições draconianas sobre os preços, o que praticamente extermina do setor livrarias menores. Para proporcionar uma concorrência saudável, defendemos um intervalo de 120 dias entre o lançamento do impresso e sua versão digital e que esta custe até 30% menos. No Brasil, sofremos com baixíssimos índices de leitura e pequena presença de livrarias. Menos de um terço dos municípios do país possui ao menos uma delas. Diante das incertezas, essas lojas estão se reinventando e se tornando centros de entretenimento. Precisamos olhar com carinho para elas, que privilegiam o livro como seu principal produto. EDNILSON XAVIER

Presidente da Associação Nacional de Livrarias (ANL)

CULTURA

15

Amazon e Google entram no mercado de e-books no país Briga. Gigantes lutam com as também novatas iBookstore e Livraria Cultura na disputa por leitores de livros digitais A Livraria Cultura mal havia terminado a festa de lançamento do seu leitor digital Kobo, na noite de anteontem, quando as gigantes Amazon e Google colocaram no ar suas ferramentas de vendas de livro digital. A primeira entrou de forma agressiva, com grandes lançamentos custando pouco mais da metade do valor de sua edição impressa no Brasil. É 1,4 milhão de títulos, sendo 13 mil deles em português. Autores independentes também podem publicar e vender seus e-books na loja. Para lê-los, é preciso adquirir o e-reader Kindle, que será vendido a R$ 299 – cem reais a menos do que o concorrente Kobo. Ainda não há data para início das vendas do aparelho, mas é possível adquirir as obras via aplicativo da Amazon para tablets, smartphones e desktops. Usuários do Kindle ameri-

Comparativo Conheça as novas lojas de livros digitais e seus leitores para decidir qual se encaixa em seu perfil

Kindle

Kobo

iPad

Galaxy Tab

Plataforma

amazon.com.br

livrariacultura.com.br

apple.com/br/itunes

play.google.com/store

Preço do leitor oficial

R$ 299

R$ 399

R$ 1.299

R$ 699

Formato de e-book

Pode ser lido também em apps para tablet

Arquivo é compatível com outros aparelhos

Exclusivo do aparelho

Arquivo é compatível com outros aparelhos

Preço do livro “50 Tons de Cinza”

R$ 21,90

R$ 25,37

US$ 12,99

R$ 21,90

cano precisam migrar a conta para o Brasil para efetuar compras, mas não estão impedidos de encomendar outros produtos na loja dos EUA. Apesar de não informar o número de títulos dispo-

níveis, o Google Play também chegou com preços competitivos. Os títulos podem ser comprados e lidos em tablets e smartphones da Apple ou com sistema Android, como o Galaxy. O

novo serviço também oferta aluguel (R$ 3,90) e compra (R$ 12,90) de filmes. Kindle e Kobo utilizam tecnologia de tinta eletrônica, com tela que não emite luz e permite leitura mais

agradável, diferentemente dos tablets, cujo maior atrativo é o acúmulo de funções. AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO


3

16

CAMPINAS, SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012 www.readmetro.com

ESPORTE

Fabuloso e reincidente De novo. Luis Fabiano recebe críticas, afirma que viveu a pior noite da vida após expulsão na final da Copa Sul-Americana e que pensou até em abandonar o futebol. Diretoria tricolor não descarta punir atacante Twitter

Nem a esposa (@juparadela – que excluiu a conta) poupou Luis Fabiano...

ESPORTE

@juparadela ••••• Podem me atacar o quanto quiserem!! Triste e chateada!! Ele Errou Feio!! Avisei!! Tentei Acalmar!! Nao consegui!! @TonyKanaan ••••• Pra que isso Luis Fabiano. @MiltonNeves ••••• Até quando o destemperado e irresponsável Luis Fabiano vai agir como moleque? @UlissesCosta31 • • • • • E o Luís Fabiano? Um cara muuuito gente boa, mas que não consegue por a cabeça no lugar em campo. Atrapalhou e muito o São Paulo. @teojose ••••• Que pisada de bola do Luis Fabiano...

Luis Fabiano desfalca o São Paulo na segunda partida contra o Tigre

| JAVIER GARCIA MARTINO/ PHOTOGAMMA/FOTOARENA/FOLHAPRESS

Novamente, saiu de cena o Luis Fabiano ídolo da torcida, o Fabuloso, e entrou o vilão, o jogador que prejudica a equipe nas horas mais importantes. Essa é a sensação do camisa 9, expulso na partida contra o Tigre, quarta-feira, na Argentina, pelo jogo de ida da final da Copa Sul-Americana, após tentar um chute no zagueiro Donatti aos 13 minutos de jogo. Não foi a primeira vez que Luis Fabiano prejudicou o São Paulo em momentos decisivos. A mais notável foi em 2003, também pela Sul-Americana. O adversário era o River Plate, na semifinal. O atacante foi defen-

der o lateral Fabiano, que se envolveu em confusão e foi expulso – veja mais sobre as confusões do Fabuloso no quadro abaixo. “O São Paulo vai levantar a taça, com certeza, mas a festa da minha parte não vai ser completa”, admitiu o atacante. “É um sentimento de frustração, com um pouco de vontade de largar o futebol, de viver em paz. Lógico que não vou parar de jogar, mas é o que sinto”, completou. O presidente Juvenal Juvêncio desconversou sobre punição: “Tem de pensar de cabeça fria. Vamos pensar com calma.” METRO

Pavio curto

Brigas e cartões bobos pelo Tricolor

Nas quartas de final do Campeonato Paulista deste ano, diante do Bragantino, o camisa 9 recebeu, de bobeira, o terceiro cartão amarelo e foi desfal“Entre brigar e bater o pê- que na semifinal contra o nalti, prefiro ajudar meus Santos – que avançou para a final. companheiros na briga.” Já no Campeonato BrasiFoi dessa forma que Luis leiro, o Fabuloso recebeu o Fabiano justificou sua expulsão na semifinal da Sul- primeiro cartão vermelho do ano na partida contra o -Americana de 2003, conAtlético-MG. Ele anotou o tra o River Plate. gol da vitória, mas foi expulDe lá para cá, o Fabuloso por reclamação. METRO so reincidiu nos erros.

Corinthians chega ao Japão para o bi A longa viagem do Corinthians para chegar em solo japonês, enfim, terminou. Visivelmente cansados após aproximadamente no-

Rumo ao título

Marta

Camisa 10 da Seleção Feminina de futebol, Marta será a responsável por conduzir o Brasil no Torneio Internacional Cidade de São Paulo de Futebol Feminino. A Seleção estreia no domingo, às 16h, contra Portugal. O jogo é no Pacaembu, com transmissão da Band.

ve horas de voo de Dubai, nos Emirados Árabes, os jogadores receberam o apoio de torcedores que moram no país e de outros vindos

Bugre. Leilão de terreno termina sem arremate O terreno de 272 mil metros quadrados próximo à Rodovia dos Bandeirantes, que foi a leilão por dívida do Guarani com o ex-jogador Gustavo Nery, não foi arrematado. Um erro no edital fez com que o leilão fosse suspenso. Uma nova data será remarcada. A dívida do Guarani com o jogador chega a R$ 4 milhões e o terreno colocado na ação é avaliado em R$ 14 milhões. METRO CAMPINAS

Brinco de Ouro foi retirado do processo | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO

do Brasil. De lá, o grupo foi a uma estação e, de trem bala, se dirigiu a Nagoya, onde estão hospedados. Pela programa-

ção da comissão técnica, o primeiro treino em solo japonês acontecerá hoje, às 11h (0h de Brasília), no Wave Stadium Kariya – ainda

sob efeitos do fuso horário. O primeiro adversário será o vencedor de confronto Hiroshima e Auckland, que duelam no domingo. METRO

Luan faz exames no Galo e deve deixar a Macaca Na mesma semana em que a Ponte Preta adquiriu 40% dos direitos econômicos do atacante Luan, o clube pode vendê-lo para o Atlético-MG. Ele está em Belo Horizonte para realizar exames no púbis. Quem também está de partida é Nikão. O meia passa férias em Minas Gerais e o destino pode ser o Atlético-PR, segundo familiares. METRO CAMPINAS

Valor do passe de Luan é de R$ 3 mi | THOMAZ MAROSTEGAN/METRO CAMPINAS


CAMPINAS - SEXTA-FEIRA, 7 DE DEZEMBRO DE 2012


20121207_br_metro campinas  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you