Issuu on Google+

Black Ops II

Novo “Call of Duty” chega hoje {pág 11}

DANCE! DJ DAVID GUETTA VEM A CURITIBA E FALA AO METRO

{pág 09}

CURITIBA Terça-feira,

13 de novembro de 2012

Edição nº 386, ano 2 Mín 15°C Máx 19°C

Curitiba espera 350 mil turistas no fim do ano Rede hoteleira estima lotação de 75% em dezembro Em bares e restaurantes, pedidos de reserva para as confraternizações já começaram Comércio aposta em promoções para aumentar as vendas em 7% {pág 06} RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

Mensalão

José Dirceu pega dez anos de prisão Apontado como ‘chefe da quadrilha’, ex-ministro foi condenado pelo STF por corrupção ativa e formação de quadrilha {pág 05}

Detran publica gabaritos na internet

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Decoração em shoppings abre a temporada de vendas de fim de ano

Médicos não atendem

Paralisação deve atingir clientes de 42 planos de saúde do Paraná Cada uma das empresas realiza negociação individual e MP cobra solução rápida {pág 03}

Desde ontem, candidatos que fazem provas teóricas podem conferir os resultados na rede {pág 02}

Exército de Israel atinge alvo sírio Colinas de Golã voltam a ser palco de hostilidades {pág 08}


curitiba

02

1 foco

Novo presidente

DIVULGAÇÃO

O desembargador Clayton Coutinho de Camargo foi eleito com 56 votos como o novo presidente do Tribunal de Justiça. Seu concorrente, desembargador Guilherme Luiz Gomes, também obteve 56 votos. Pelo critério de antiguidade o eleito foi o desembargador Clayton Camargo. Houve três votos em branco e um nulo.

Cotações Dólar

Euro

+0,19% (R$ 2,05)

-0,14% (R$ 2,60)

Bovespa

Selic (7,25%)

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

Detran publica gabarito de provas Candidato pode conferir na internet o que acertou ou errou na prova teórica Medida é inédita e visa dar maior transparência ao processo de obtenção da CNH, diz Detran

PAULO ROSA / DETRAN

Desde ontem, candidatos à primeira habilitação ou renovação da carteira de motorista têm acesso ao gabarito das provas teóricas aplicadas pelo Detran. Pela internet, com o número do protocolo, número ou data da prova, o usuário pode conferir as questões e verificar seus erros. “Todo usuário tem o direito de saber quais questões errou ou acertou, para

analisar e melhorar seu desempenho. Isto dá a ele o direito de consultar bibliografia ou o seu instrutor na autoescola e, assim, aprender mais e ficar satisfeito com o resultado”, diz o diretor-geral do Detran, Marcos Traad. Uma comissão formada por técnicos do Detran e de 12 instituições ligadas a assuntos do trânsito, como Corpo de Bombeiros, Polí-

cia Militar, OAB e Sindicato dos Centros de Formação de Condutores, examinaram e revisaram todo banco de questões do Detran, que conta com cerca de 500 perguntas de múltipla escolha. Na prova obrigatória para quem faz a primeira habilitação, os alunos têm 50 minutos para responder 30 questões, escolhidas aleatoriamente por sistema informatizado. METRO CURITIBA

RODRIGO FÉLIX LEAL / METRO CURITIBA

Comissão apurará casos de violência A Comissão Nacional da Verdade reuniu-se ontem Teatro da Reitoria. Foi implantada oficialmente a Comissão de Resgate da Verdade, Memória e Justiça da UFPR. Foram assinados

acordos de cooperação entre o Fórum Nacional da Verdade e a UFPR, e entre o Fórum e a OAB-PR, para investigação dos casos de violência ocorridos na ditadura no PR. METRO CURITIBA

Olhar cidadão

A LIBERDADE DE INFORMAR JOSÉ WILLE leitor.ctb@metrojornal.com.br

A liberdade de imprensa, sempre ameçada no Brasil, é fundamental principalmente para a defesa da população. Representa o nosso direito de saber como agem os políticos na administração do dinheiro que é de todos. E é um meio de combater os tradicionais desvios em benefício de alguns. Curiosamente, os maiores riscos contra esta liberdade surgiram nas administrações de partidos que se apresentavam como de-

Na UFPR, reunião da Comissão da Verdade

Na primeira habilitação, são 50 questões teóricas

Assembleia deve poupar R$ 250 mi O presidente da Assembleia Legislativa, Valdir Rossoni, anunciou ontem que vai devolver aos cofres do Estado R$ 250 milhões este ano. Segundo ele, o recurso, previsto em orçamento, foi eco-

mocratas na luta contra a ditadura. Um novo sinal está na declaração do ex-ministro José Dirceu, condenado por corrupção ativa no julgamento do mensalão. Ele voltou a defender a “regulamentação da mídia” no Brasil como uma das prioridades do PT para o ano que vem. É a censura com um novo nome. A imprensa foi muito importante para o crescimento do PT enquanto o partido estava na oposição. Foi só virar governo para mudar o discurso. E o PT não está sozinho nesta visão. A história do Paraná trouxe tristes surpresas. Os jornalistas locais, que sofreram com a ditadura, imaginavam alcançar melhores dias com o fim da repressão. Mas ao chegar ao poder, o PMDB criou os piores momentos para a imprensa. Nos governos deste partido, só o período de José Richa, entre 1983 a 86, teve respeito com o trabalho jornalístico. Os governos do PMDB paranaense que se seguiram manipularam, pressionaram ou demitiram profissionais, e fizeram da imprensa o seu maior alvo.

nomizado pelo Legislativo ao longo do ano. Rossoni pediu que os presidentes de Câmaras Municipais também façam economia. METRO CURITIBA

O ex-governador Jaime Lerner tinha uma frase significativa. Em 1985 ele era acusado por Roberto Requião de ter participado do poder, na Prefeitura de Curitiba, durante o regime autoritário. Em um debate Lerner respondeu: “O autoritarismo a pessoa traz dentro de si mesma”. Ou seja: quem é autoritário não sabe agir de forma diferente. A tentação de censurar e intimidar é tão grande que está presente na maioria dos partidos. Basta uma informação, que não seja aquela sonhada pelo político, que ele partirá para telefonemas ameaçadores, ações judiciais, ou pressões junto à empresa pela demissão do jornalista. A luta do jornalista não é de interesse apenas de sua profissão. A informação livre é importante para todos, porque possibilita a fiscalização popular sobre os que administram o dinheiro que é de todos. E que frequentemente fazem fortunas no poder, preferindo agir livremente sob a sombra da desinformação. A história mostra que, sem liberdade, não há cidadania, desenvolvimento social ou econômico.

O jornalista José Wille assina às terças-feiras esta coluna, que traz os bastidores da política local e regional.

FALE COM A REDAÇÃO

leitor.ctb@metrojornal.com.br 041/3069-9189 COMERCIAL: 041/3069-9200

Salário mínimo (R$ 622) -0,51% (57.064 pts)

O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

EXPEDIENTE

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: 70.145). Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Curitiba. Gerente Executivo: Rodrigo Afonso. Editora-Executiva: Martha Feldens (MTB: 071). Editor de Arte: Antonio Virgili. Grupo Bandeirantes de Comunicação Curitiba - Diretor Geral: André Aguera. Grupo J. Malucelli - Presidente: Joel Malucelli.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: rua Santa Cecília, 802, Pilarzinho, CEP: 80820-070, Curitiba. Tel.: 041/3069-9200 O jornal Metro é impresso na Gráfica RBS – Zero Hora Editora Jornalística S/A. A tiragem e distribuição desta edição de 30.000 exemplares são auditadas pela BDO.


curitiba

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

Médicos de planos param de atender Por 15 dias, médicos de 42 planos de saúde vão reagendar as consultas Ministério Público propõe mediação e pede solução rápida ANS lembra que empresas têm que cumprir prazos RODRIGO FÉLIX LEAL / METRO CURITIBA

Os médicos do Paraná começaram ontem uma paralisação que promete cancelar as consultas médicas de 42 planos de saúde no Estado. O movimento é apoiado pela AMP (Associação Médica do Paraná) e pelo CRM-PR (Conselho Regional de Medicina do Paraná), mas cada profissional tem liberdade para aderir ou não à manifestação. “As consultas serão remarcadas. Quem já está agendado não será atendido da mesma maneira que antes”, resume José Fernando Macedo, vice-presidente da AMP. Agora, a instrução é para que os pacientes entrem em contato com os consultórios para confirmar a s consultas. Somente as urgências e emergências estão garantidas, diz a AMP. Somente os planos da Unimed, Fundação Copel, Sanepar e Itaipu não serão afetados. A associação havia divulgado na sexta-feira que os usuários da Itaipu não seriam atendidos, mas ontem recebeu um ofício da administradora do plano, garantindo que paga R$ 80 por consulta. “Como os valores já se aproximam do desejado, a operadora não

será mais atingida”, disse o presidente da Associação Médica do Paraná, João Carlos Baracho. Negociação Os médicos pedem o aumento nos honorários das consultas para R$ 80. Ontem, segundo a AMP, não foi recebida nenhuma proposta nova por parte das empresas. Cada uma das 42 operadoras está negociando individualmente e, de acordo com a associação, as melhores propostas até agora foram de R$ 60. O Ministério Público enviou um ofício para os médicos e empresas, se oferecendo para mediar a negociação. Até o final da tarde, apenas a AMP havia respondido positivamente. A promotoria de defesa do consumidor pediu também uma solução com “a maior brevidade possível”. Em nota , a ANS (Agência Nacional de Saúde) lembrou que as “operadoras tem a obrigação de oferecer a assistência médica contratada pelos seus beneficiários, nos prazos estabelecidos”. THIAGO MACHADO METRO CURITIBA

03

Laboratório oferece exames de diabetes Amanhã, no dia mundial do diabetes, o laboratório PR_Análise vai oferecer 100 exames gratuitos da doença aos primeiros interessados que chegarem na sede da empresa. O local fica em Santa Felicidade, na Via Veneto, nº 2000. Para conseguir fazer o teste, as pessoas têm que estar em jejum de pelo menos 8 horas. É permitida a ingestão de água. Mais informações pelo telefone (41) 3362-3662. METRO CURITIBA

DIVULGAÇÃO

93 anos

Pequeno Príncipe lança livro

Quem tem consulta marcada terá que confirma-lá com os médicos

60%

dos 9 mil médicos que trabalham em Curitiba atendem através dos planos de saúde. De acordo com o Associação Médica do Paraná, no Estado existem 18 mil profissionais na ativa.

Sócios da Unimed querem aumento Os médicos que são cooperados da Unimed estão recolhendo assinaturas

para convocar uma assembleia e também buscar o aumento dos seus honorários. Para agendar uma reunião extraordinária, é necessário o apoio de 10% dos cooperados. Segundo a Associação Médica, eles recebem R$ 42 por consulta, bem abaixo do que a classe está pedindo. METRO CURITIBA

Em comemoração aos seus 93 anos, o Hospital Pequeno Príncipe lançou ontem o livro “Um Hospital de Crianças”, na sociedade paranaense de pediatria. Esta é a segunda edição do livro - uma versão ampliada e bilíngue. A primeira edição foi lançada no aniversário de 85 anos do hospital. METRO CURITIBA

Questão do vestibular João Bombeirinho ganha da UFPR gera polêmica alta e carona em viatura REPRODUÇÃO

Dez professores dos cursos Acesso e Apogeu revisaram o vestibular da UFPR deste ano e afirmaram que uma das questões da prova está incorreta. Segundo eles, a pergunta de número 51 da prova, sobre fluxo sanguíneo, não teria o resultado correto em nenhuma das alternativas. O gabarito divulgado pela universidade tem como resposta correta o valor 0,01% - mas, segundo os professores dos cursos pré-ves-

tibulares, a resposta certa seria 46%. “No nosso entendimento, a questão não tem resposta e mereceria uma análise mais aprimorada", disse o professor Pedro Adriano Brandalize, diretor do Acesso. Já o Núcleo de Concursos da UFPR afirmou que, a princípio, a questão não tem problemas. A análise, no entanto, ainda é preliminar e a resposta definitiva só será dada amanhã. METRO CURITIBA

Professores contestam gabarito da prova

BAND/CURITIBA

João Daniel de Barros, 6 anos, o João Bombeirinho, ganhou ontem alta antecipada do Hospital de Clínicas e foi de carona com o Corpo de Bombeiros até o apartamento onde passará a morar, no Alto da XV, em Curitiba. Ele passou por um transplante de medula óssea em outubro. “Ele pediu para sair em um carro dos bombeiros. A mãe dele ligou para lá e o coronel (Luiz Henrique Pombo, comandante da cor-

Dois carros dos bombeiros foram buscar o fã da corporação

poração) disse que fazia questão de levar”, contou o pai, Nelson Ferraz. João recebeu bem a nova medula e pôde ter alta em 20 dias, an-

tes da previsão inicial de um mês. Nos próximos 100 dias, ele fará um acompanhamento diário no HC. METRO CURITIBA


04

curitiba

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

RODRIGO FÉLIX LEAL / METRO CURITIBA

Laudo aponta problemas na parte elétrica do Fórum Copel classificou a situação como urgente Depois dos recentes tremores no prédio do Fórum Cível de Curitiba, que assustaram funcionários, um outro problema foi constatado no local. Um laudo emitido pela Copel no início deste mês mostra que o edifício está com o TP (transformador de potencial) de proteção queimado. A situação é classificada pela companhia como urgente.

JUSTIÇA

Empresa é proibida de terceirizar abate A empresa Sadia em Francisco Beltrão, no sudoeste do estado, foi condenada em uma ação do Ministério Público do Trabalho a pagar R$ 100 mil por danos morais coletivos por terceirizar o abate de frangos pelo método Halal. O sistema é utilizado na degola de aves de exportação a países árabes, que deve seguir um ritual e ser realizado por muçulmanos. Para isso, a Sadia terceirizou a empresa do Grupo Abate Halal, em vez de contratar empregados próprios, como determina a lei.

“Em uma instalação como essa, a entrada de energia é de 13.200 volts. Um transformador de potência adéqua a tensão para utilização de equipamentos em 220/127 volts. Antes disso, é necessário a presença de um transformador de potencial de proteção que adequa os equipamentos em 115 volts, para desligamento automático no caso de defeito, falha ou acidente

Para o procurador Gláucio de Oliveira, nada impede a contratação pela Sadia de trabalhadores muçulmanos convertidos para a execução do abate pelo método Halal, sendo que apenas a certificação e supervisão ficariam a cargo da Junta de Assistência Social Islâmica Brasileira. “O que não se pode admitir são empregados terceirizados atuando na linha de produção da empresa”, afirma. Caso a Sadia não cumpra a determinação, será condenada ao pagamento de multa diária no valor de R$ 1 mil por trabalhador encontrado em situação irregular. A assessoria da empresa informou que não concorda com a decisão e que ganhou o caso em primeira instância e agora pretende reverter a situação em Brasília. METRO CURITIBA

Equipamento de proteção está queimado

Segurança do prédio é questionada

vem ser apresentados para a cotação da peça. A respeito da estrutura do Fórum, Unruh afirma que os técnicos do TJ têm trabalhado para garantir a estabilidade do prédio. “Queremos detectar e minimizar os fatores que trazem as vibrações”.

da assessoria de imprensa, que essas inspeções são procedimentos de rotina para constatar inadequações, reparos ou modificações. A Copel também disse que não comenta os resultados dos laudos emitidos por se tratar de uma relação direta com o cliente.

Copel Procurada pelo Metro, a empresa informou, através

LINA HAMDAR

na instalação”, explica o engenheiro eletricista e professor da UTFPR (Universidade Federal do Paraná), Antonio Ivan Sobrinho. Segundo ele, sem o transformador de potencional, o sistema está sem proteção. “Pode pegar fogo, explodir, como também pode não acontecer nada. Mas é um risco”, adverte o professor. O Tribunal de Justiça reconhece o problema. “Esta-

mos providenciando em caráter de urgência a substituição do transformador de potencial que aciona o dispositivo de segurança”, garante o diretor do Departamento de Engenharia do TJ-PR (Tribunal de Justiça), Cornélius Unruh. O equipamento custa em torno de R$ 5 mil e deve ser trocado ainda nesta semana, de acordo com ele. Três orçamentos de-

Tráfico era comandado de dentro de delegacia

Tripulantes de navio enfrentam júri popular

A Delegacia de Furtos e Roubos de Curitiba abriu um processo para investigar um carcereiro que trocava mensagens de celular com a mulher de um preso que estava detido no local por tráfico de drogas. Ele foi ouvido e deixou de trabalhar na delegacia. A mulher foi localizada depois da Polícia Militar prender um homem com quem ela trocava SMS relacionadas ao tráfico. Os PMs marcaram um encontro pelo celular dele. Depois de ser presa, ela confirmou que falava com o carceireiro por mensagem. Mas, segundo a Polícia Civil, o conteúdo não era relacionado ao tráfico. METRO CURITIBA

Começou ontem pela manhã o julgamento de cinco tripulantes do navio de bandeira maltesa que são acusados de jogarem um camaronês em alto-mar na costa paranaense. Este é o primeiro júri eletrônico realizado no Paraná em que não há processo físico. A sessão é realizada em Paranaguá, no litoral do estado. São quatro turcos e um georgiano que enfrentam o júri. Um dos acusados responde por tentativa de homicídio quadruplamente qualificado, racismo e tortura. Os outros três apenas pela tentativa de homicídio. O julgamento deve terminar somente hoje. Já foram ouvidas três testemunhas, de um total de seis. De acordo com a assessoria da Justiça Federal,

o depoimento do camaronês foi o mais longo e durou cerca de seis horas. Ele foi interrogado pelo Ministério Publico Federal e pela defesa dos réus. O júri federal conta com auxilio de tradutores, porque tanto a tripulação quanto o camaronês não falam o português. Caso O camaronês entrou clan-

METRO CURITIBA

destinamente na embarcação no Porto de Douala, em Camarões, e ficou escondido por oito dias. Quando ficou sem água e comida, se apresentou para os tripulantes e foi jogado ao mar da costa paranaense, onde permaneceu à deriva por cerca de onze horas em uma estrutura de madeira, até ser resgatado por um navio que vinha do Chile. METRO CURITIBA CHRISTIANNE MACHIAVELLI / JUSTIÇA FEDERAL

Camaronês reconhece imagens do navio durante julgamento


brasil

www.readmetro.com

Dirceu deve passar até 1 ano e 9 meses preso

ALAN MARQUES / FOLHA PRESS

Ex-ministro foi condenado pelo STF a 10 anos e 10 meses por corrupção ativa e formação de quadrilha Após 44 anos, José Dirceu voltará à prisão. O STF (Supremo Tribunal Federal) fixou ontem em 10 anos e 10 meses a pena de reclusão para o ex-ministro da Casa Civil do governo Lula pelo crime de corrupção ativa e também por formação de quadrilha. Apontado na denúncia como ‘chefe da quadrilha’ do mensalão, Dirceu terá que cumprir, no mínimo, um ano e nove meses de prisão em regime fechado – caso a pena não seja revista. A defesa do ex-ministro apresentará um recurso sobre a pena pelo crime de quadrilha.

676

mil reais é o valor da multa fixada pelo STF a José Dirceu por envolvimento no mensalão. O pagamento é previsto no Código Penal para crimes de corrupção e é calculado de acordo com a renda do condenado. Segunda prisão A primeira prisão do petista ocorreu durante a ditadura militar. Em 1968, Dirceu era líder estudantil e foi preso durante a tentativa

05

TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

de promover um congresso da UNE. A saída do presídio foi em setembro de 1969. Ele e mais 14 prisioneiros foram deportados para o México em troca da libertação do ex-embaixador dos Estados Unidos Charles Elbrick. Em seguida, Dirceu se exilou em Cuba, fez plástica e usou o nome falso de Carlos Henrique Gouveia de Mello, antes de retornar ao Brasil. Com a redemocratização, ele ajudou a fundar o PT. Foi eleito deputado federal em 2003, deixou a Casa Civil depois da descoberta do mensalão. Cassado, perdeu os direitos políticos até 2016. METRO BRASÍLIA

José Dirceu: defesa apresentará recursos para evitar volta à prisão quatro décadas depois de ser preso pela ditadura

Delúbio e Genoino conhecem punição O ex-presidente do PT José Genoino e o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares também tiveram as penas fixadas ontem pelo STF. Genoino foi condenado a 6 anos e 11 meses de reclusão pelos crimes de formação de quadrilha e corrupção ativa, além de multa de R$ 468 mil e irá cumprir a pena em regime semiaberto, sendo obrigado apenas a dormir no presídio. Delúbio também foi condenado pelos dois crimes. Ele cumprirá pena de oito anos e 11 meses, em regime fechado, e será obrigado a pagar multa de R$ 325 mil. Do chamado núcleo financeiro, a ex-presidente do Banco Rural Kátia Rabello foi condenada a 16 anos e oito meses de prisão e multa de R$ 1,5 milhão por formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e gestão fraudulenta. METRO BRASÍLIA


06

economia

www.readmetro.com

TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

Natal deve atrair 350 mil turistas Hotéis esperam lotação 10% maior que a do ano passado Restaurantes e bares já recebem pedidos de reserva para as festas de confraternização Curitiba já começa a se preparar para atender o forte movimento de fim de ano. São esperados 350 mil turistas em dezembro. Segundo o Instituto Municipal do Turismo, são quase 17% a mais do que a média mensal. Apenas para as atrações natalinas, é estimada a participação de 80 mil turistas – aproximadamente 7% acima do registrado em 2011. “Mantemos as atrações âncoras (Coral do HSBC e Galeria de Luz) e diversificamos ainda mais a programação, intercalando locais e datas, o que atrai turistas

e os mantém na cidade por mais tempo”, explica a presidente do instituto Juliana Vosnika. Segundo ela, a média de permanência chega a 5,7 dias. Impactos Com o aumento de turistas, o primeiro reflexo será sentido na rede hoteleira. A estimativa do Seha (Sindicato Empresarial de Hospedagem e Alimentação de Curitiba, Região e Litoral) é superar em 10% a lotação registrada em dezembro do ano passado e alcançar 75%. RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

Promoções já começam a aparecer

“Está voltando o turismo de família que a cidade tinha há 20 anos. Entre as razões estão a programação de Natal e a melhoria nas rodovias”, avalia o presidente Marco Antônio Fatuch. Outro setor impactado é o da gastronomia. O movimento chega a subir 20%. “As famílias saem mais para jantar e acontecem as confraternizações”, comenta o presidente da AbraselPR (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), Marcelo Woellner. Os estabelecimentos, inclusive, já começaram a

receber os pedidos de reserva. “Quem procura mais cedo consegue negociar e chegar a um preço diferenciado e ao parcelamento”, indica o presidente da Abrabar-PR (Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas no Paraná), Fábio Aguayo. Segundo ele, os bares e restaurantes ainda preparam promoções e cardápios diferenciados para atrair os clientes nesse fim de ano. CAMILA CASTRO METRO CURITIBA

Comércio se prepara para vender 7% mais Pesquisa do Instituto Datacenso, encomendada pela ACP (Associação Comercial do Paraná), mostra que, nas ruas, os lojistas esperam vender 7% mais em relação ao Natal de 2011. Para atender a demanda, 43% dos 200 entrevistados afirmam que vão contratar mão de obra temporária. As promoções para atrair clientes serão feitas por 67% dos vendedores. No topo da lista está o desconto para pagamento à vista, citado por 37%. Em seguida aparecem brindes e

prêmios (18%) e as promoções de venda casada (16%). Dos 200 consumidores ouvidos na pesquisa, 90% vão comprar presentes. Desses, 53% pretendem gastar acima de R$ 200. Shoppings Os shoppings também apostam nas vendas de Natal. Além dos enfeites e algumas ações para divertir as famílias, eles terão promoções que incluem troca de cupons por brindes exclusivos e sorteio de veículos. METRO CURITIBA

Caixa registra R$ 176,5 milhões em crédito aporte Em Curitiba e Região Metropolitana, a Caixa Econômica Federal alcançou a marca de 1.350 contratos assinados de crédito aporte, com garantia de imóvel. Eles somam R$ 176,5 milhões acumulados em carteira, conforme balanço referente ao mês de setembro. O crédito aporte é uma linha para pessoa física, sem destinação específica, com garantia real de bem imóvel. No país, ele alcançou o recorde de R$ 4 bilhões de saldo em 25 de outubro, praticamente o dobro do valor de dezembro do ano passado, quando estava em R$ 2,07 bilhões. “A Caixa melhorou ainda mais as condições de contratação dessa operação, reduzindo significativamente suas taxas e ampliando prazos”, comenta o presidente de Pessoa Física, Fábio Lenza.

BANDA LARGA MÓVEL

Software para medir velocidade é liberado A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) liberou ontem o software para aferição da qualidade da banda larga móvel no site www.brasilbandalarga.com.br. O programa funciona sem necessidade de instalação; basta rodar o aplicativo no portal a

Para ter acesso ao crédito aporte, o cliente precisa ter um terreno, um imóvel comercial ou residencial urbano ou mesmo um imóvel rural que possa ser apresentado como garantia (alienação fiduciária). Mais informações podem ser obtidas em www.caixa.gov.br. METRO CURITIBA RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

São 1.350 contratos

partir de um smartphone ou tablet para que os resultados sejam exibidos. Usuários de smartphones com o sistema Android também podem baixar o aplicativo diretamente do Google Play. Até o final de novembro, estará disponível versão para usuários de celulares com plataforma iOS. De acordo com as metas de qualidade para a banda larga, que entraram em vigor em novembro, as prestadoras devem garantir mensalmente, em média, pelo menos 60% da velocidade contratada pelo usuário. METRO


www.readmetro.com

economia

TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

07

Varejo espera recorde de venda no ‘Black Friday’ Mais de 300 lojas on-line participam da terceira edição do evento no próximo dia 23 Previsão é movimentar R$ 135 milhões, um crescimento de 35% em relação a 2011 MOACYR LOPES JUNIOR/FOLHAPRESS

O portal Busca Descontos promove no dia 23 de novembro a terceira edição do BlackFriday.com.br, ação inspirada na data tradicional dos Estados Unidos em que o varejo realiza uma liquidação em massa. A previsão é de que as vendas batam recorde na data e gerem R$ 135 milhões, um crescimento de 35% em relação a 2011. “A terceira edição do evento deve representar o dia mais lucrativo do ano para o comércio eletrônico brasileiro”, afirma Pedro Eugênio, CEO do Busca Descontos. Com descontos que podem chegar

a até 75%, mais de 300 lojas virtuais brasileiras participam da ação, incluindo varejistas, como Walmart.com.br, Magazine Luiza, TAM, Netshoes, Americanas.com, Próximo Games, Sepha, Compra Fácil, Shoptime, Submarino, entre outros. As ofertas estarão disponíveis no site www.blackfriday.com.br durante 24 horas. Para ter acesso a estas ofertas, o usuário deverá acessar o site e se cadastrar. Quem se registrar também concorre a US$ 1.000 mais uma viagem aos EUA para conhecer de perto o Black

Friday americano e visitar a loja do Walmart. No Walmart.com.br a expectativa para Black Friday é dobrar as vendas em relação a um dia normal. Os descontos no dia podem chegar até 70%, segundo a rede. Na Sepha, a expectativa é de um aumento de 80% nas vendas do site em relação a um dia comum. A loja vai oferecer descontos de 70% em perfumes de grandes marcas e frete grátis para todo Brasil nas compras acima de R$ 49. Já a Netshoes promete ofertas com até 70% de desconto. METRO

EDNO LUAN/FUTURA PRESS

‘Não faltará combustível’, diz Petrobras

Serviço Como será a ação Data 23 de novembro Site www.blackfriday.com.br Como participar O consumidor deve acessar o site e se cadastrar Número de lojas Mais de 300 empresas Previsão de faturamento R$ 135 milhões

Estatal descarta risco de desabastecimento no final do ano

Descontos chegam a 75% na 3a edição do Black Friday

O diretor da Petrobras, José Carlos Cosenza descartou ontem o risco de desabastecimento de combustível no Brasil. Embora haja expectativa de que o consumo aumente nos próximos meses, com as férias de verão, o diretor garante que não haverá problemas. “Estamos importando e estamos produzindo, as refinarias estão a plena capacidade. Vamos suprir o mercado”. METRO


mundo

08

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

Exército israelense atinge alvo sírio na região de Golã Tropas do Estado judeu alvejaram uma artilharia móvel do país árabe localizada nas colinas Israel confirmou o sucesso da operação, mas não deu detalhes sobre a origem do alvo, se é do governo ou dos rebeldes As Colinas de Golã, um disputado território sírio na fronteira com Israel, Líbano e Jordânia, voltaram a ser palco de hostilidades militares. Desta vez, contudo, os disparos deixaram de ser uma “advertência” e atingiram um alvo sírio, segundo informações do Exército israelense. As tropas do Estado judeu informaram que o ataque foi uma retaliação ao disparo de um morteiro, mais cedo. Não há informações sobre a origem desse primeiro ataque -- que pode tanto ter partido dos soldados leais ao ditador Bashar Al Assad quanto dos rebeldes que lutam há 20 meses contra o governo sírio. O escalada de tensão nas Colinas de Golã aumenta os temores de que a guerra síria possa se espalhar pelo Oriente Médio. Ontem, o secretário-geral da ONU (Organização das Nações Unidas), Ban Ki-moon, pediu

Breves ISAF/DIVULGAÇÃO

para que sírios e israelenses evitem novos confrontos. “O secretário está profundamente preocupado com a possibilidade de uma escalada”, disse Martin Nesirky, porta-voz da ONU. Ban pediu a “máxima moderação” e respeito aos acordos de paz referentes à região assinados em 1974.

Petraeus está ‘devastado’ ESCÂNDALO NA CIA. David

Petraeus, ex-diretor da CIA (a agência de inteligência dos Estados Unidos), está “devastado” com o vazamento de seu caso extraconjugal, segundo um amigo do militar. A saída de Petraeus do comando da CIA (após uma investi-

CAROLINA VICENTIN METRO SÃO PAULO

ESPANHA. Os bancos espanhóis suspenderam as ações de despejo contra endividados após diversas ocorrências de suicídio. A decisão foi tomada a partir de um pedido do governo e deve durar dois anos. As autoridades não sabem informar quantas pessoas atentaram contra a própria vida. Desde o início da crise, em 2008, 400 mil espanhóis já perderam suas casas. METRO COM AGÊNCIAS

LÍBANO

Lago Tiberias

Sír ia

J O R DÂ N I A

As Colinas de Golã são uma área de cerca de 1,2 mil km2, no sudoeste da Síria. Elas fazem fronteira com Israel, Líbano e Jordânia

Por que Golã é importante

Com o risco de um conflito maior, a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) anunciou estar pronta para proteger a Turquia, país aliado que faz fronteira com a Síria. “A Otan irá fazer o que for preciso para proteger e defender a Turquia”, disse Anders Fogh Rasmussen, secretário da organização. Rasmussen também elogiou a iniciativa da oposição síria de formar uma coalizão. Ontem, o Conselho de Cooperação do Golfo (que reúne os principais exporta-

gação do FBI) também provocou reações no Senado norte-americano. “Isso poderia ter impacto na segurança nacional. Eu acho que deveríamos ter sido avisados (sobre a investigação)”, disse a democrata Dianne Feinstein. METRO

Mar Mediterrâneo

Israel

Aliados

Despejos são suspensos O militar com a amante, a escritora Paula Broadwell

dores de petróleo da região) reconheceu a legitimidade da recém formada Coalizão Nacional da Síria.

Onde fica

Israel invadiu as colinas na Guerra dos Seis Dias (contra uma frente de países árabes), em junho de 1967 A Síria tentou, sem sucesso, recuperar o controle da região, em 1973 Em 1981, Israel anexou as Colinas de Golã a seu território, algo que não foi reconhecido pela comunidade internacional O governo israelense diz que as colinas são essenciais para a manutenção de seu sistema de defesa contra ataques surpresa. Há radares espalhados nas montanhas Na região, vivem cerca de 20 mil sírios drusos (uma minoria religiosa) e uma quantidade semelhante de israelenses Ao levar o conflito para as colinas, a Síria atrai Israel para a guerra. Com isso, o governo de Bashar Al Assad pode estar tentando conquistar a simpatia de outros países árabes

Protesto contra Cristina não beneficia a oposição MARCOS BRINDICCI/REUTERS

A queda na popularidade da presidente argentina, Cristina Kirchner, e a mobilização social contra seu governo não devem fortalecer a oposição. Metade dos argentinos (49%) não acredita que o descontentamento possa beneficiar os inimigos da presidente, conforme uma pesquisa da consultoria Opinião Autenticada. A empresa ouviu 800 pessoas na última sexta-feira, dia seguinte a um grande protesto contra as políticas de Cristina (que está em seu segundo mandato). O movimento, conhecido como 8N -- devido à data de sua realização, 8 de novembro -- foi organizado por grupos independentes, via redes sociais. Para se ter uma ideia, o maior inimigo político de

Cerca de 500 mil pessoas lotaram a Avenida 9 de Julho, no centro de Buenos Aires, na última quinta-feira

Cristina, o prefeito de Buenos Aires, Mauricio Macri, sequer participou da mobilização. Na noite do panelaço, Macri foi assistir a um show da banda de rock Kiss. No dia seguinte ao protesto, Cristina tentou dimi-

nuir a importância do movimento, afirmando que a oposição não deve colher os frutos da revolta. “O verdadeiro problema é a falta de uma direção política que represente um modelo alternativo”, disse. METRO

Mais dois dirigentes da BBC renunciam A diretora da BBC News, Helen Boaden, e seu vice, Steve Mitchell, pediram demissão ontem, em meio à mais grave crise a atingir a emissora. A saída de ambos se seguiu a uma declaração do presidente do conselho da BBC, Chris Patten, sobre a necessidade de a empresa passar por uma “mudança radical”. A cúpula da BBC é acusada de omissão no caso de abuso sexual de crianças por parte de Jimmy Savile, um popular apresentador de programas infantis da década de 1970. Segundo a polícia britânica, mais de 400 meninas teriam sido vítimas de Savile. Muitas afirmam que a emissora sabia dos crimes. METRO


www.readmetro.com

cultura

09

TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

2

Metro entrevista

cultura

Coldplay na telona DIVULGAÇÃO

O DJ durante apresentação em julho no festival Coachella, nos Estados Unidos

DAVID GUETTA

‘APENAS TENTO FAZER PESSOAS DANÇAREM’ Um dos principais DJs do mundo fala ao Metro sobre carreira e música eletrônica Para ele, tocar no Carnaval do Brasil foi ‘maravilhoso’ Guetta se apresenta hoje no Master Hall, primeira parada dele em sua turnê brasileira Mesmo que a música eletrônica não seja a sua praia, você sabe quem é David Guetta. Aos 45 anos, o produtor musical francês é, possivelmente, o maior DJ do planeta, conhecido por combinar hip hop e arte urbana com as batidas da house music, que estão sempre marcando presença nas rádios brasileiras. Músicas como “Getting' Over You”, com participação de Chris Willis, Fergie e LMFAO, e “Sexy Bitch”, com Akon, colocaram-no no topo das paradas internacionais e o tornaram favorito de todo mundo. No meio deste ano, Guetta achou um tempo em sua movimentada agenda para ajudar a treinar DJs promissores ao redor do mundo dentro de um projeto batizado Burn Studios Residency. O Metro o capturou enquanto fazia as vezes de professor em… Ibiza! O artista desembarca esta semana no Brasil para uma série de apresenta-

ções. A performance em Curitiba vai abrir sua temporada no país, e ele também se apresenta em Brasília, Belo Horizonte, Campo Grande, Piçarras, Itu e Rio de Janeiro. Por que é importante para você ajudar jovens DJs?

O programa ajuda garotos a alcançar os sonhos deles. Para mim, é incrível fazer parte disso. Eles são bastante apaixonados pelo que fazem, e me imagino como um deles, fazendo música com eles. Mas você está no topo do ranking de 2012 da DJ Mag 100.

Nós dividimos a mesma paixão, então, para mim, não importa em nada o quão famoso você é. Fiz isso antes também com pessoas como Afrojack e Nicky Romero e faço porque acho que alguém talentoso merece um lugar ao sol, e eu fico contente em ajudar. Não é que eu não tenha medo da concorrência. É

que quanto melhor fica a música, mais feliz eu fico. O que mudou no cenário eletrônico desde que você começou aos 17 anos?

Comecei como DJ antes da house music. Sei que parece louco, mas houve um momento em que ela não existia! Daí comecei a surgir na cena underground, tocando em festas gays, e foi nelas que surgiu a house. Só depois foi que ela se tornou tendência e, em seguida, o negócio do momento. E é assim que ela está agora, o que me deixa bastante feliz. Nunca entendi por que o eletrônico não era tão global quanto o rock e o pop, mas agora isso está acontecendo. Quanto mais se ouve eletrônico, mais se percebe a influência do rock e do hip hop nele. Você acha que essa popularidade tem a ver com isso?

Bem, eu apenas tento fazer as pessoas dançarem, então

há várias maneiras de fazêlo. Talvez o momento em que eu realmente comecei a fazer sucesso foi quando comecei a criar uma mistura entre o hip hop e a música eletrônica – o mesmo momento em que meu trabalho começou a explodir nos Estados Unidos. Claro, eu amo o eletrônico, mas também ouço outros estilos e várias batidas diferentes. No fundo, acredito que há música boa e música ruim. Não acredito em outros gêneros além desses dois. Tem alguém que você ouve e que surpreenderia seus fãs?

Não acho que ninguém ficaria surpreso, mas, há alguns anos, quando eu disse que ouvia hip hop em casa, isso chamou a atenção porque antes de eu fazer todas essas misturas havia uma ideia de que o eletrônico deveria ser inimigo desse gênero, o que é absurdo. Como você escolhe seus colaboradores musicais?

Apenas trabalho com gente que amo. Sou DJ, e isso é apenas um trabalho. Qual o momento favorito de sua carreira de DJ até agora?

Houve alguns. Tocar no Carnaval do Brasil ou ver minha música explodir nos Estados Unidos são alguns deles. Criar minhas próprias festas em Ibiza e fazêlas bombar, além de tocar house music em tantos lugares diferentes, tudo isso é maravilhoso. MICHELLE CASTILLO METRO INTERNACIONAL

Agenda Curitiba Master Hall (Rua Itajubá, 143). Hoje. Os portões abrem às 21h. R$ 125 pista (fem.) e R$ 185 (masc.) Camarote R$ 355 (masc.) Feminino está esgotado. Informações pelo www.diskingressos. com.br e 3315-0808

Os fãs da banda britânica Coldplay podem acompanhar, na noite de hoje, a exibição do filmeshow da turnê Mylo Xyloto, integrante do último álbum dos músicos. O filme foi dirigido por Paul Dugdale e inclui imagens de shows do Coldplay no Stade de France de Paris, Montreal, Bell Centre e da apresentação da banda em Glastonbury 2011. METRO CURITIBA

Rede UCI (Shopping Estação, na Rua Sete de Setembro, 2775; Shopping Palladium, na Avenida Presidente Kennedy, 4121). Hoje às 19h30 e às 21h40. Ingressos entre R$ 20 e R$ 40.


10

www.readmetro.com

variedades

Índia lança tablet que custa R$ 38

TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

Os invasores ABC DIGIPRESS

Leitor fala Passaportes dos mensaleiros

Cruzadas

Preço, exclusivo para estudantes do país, faz do aparelho o mais barato do tipo em todo o mundo

A pergunta que não quer calar: os mensaleiros José Dirceu e José Genoíno entregaram também os passaportes do Daniel e do Geraldo? Num país com tantas facilidades para falsificações de documentos fica difícil acreditar que esses caras e seus pares da Guerrilha do Araguaia sejam donos de um só passaporte. Estão muito tranquilos, provavelmente já tenham um asilo politico conchavado com os governos cubano ou venezuelano. Alguém tem duvidas disso? Leônidas Marques – Volta Redonda, RJ

Ciclofaixas Um ano depois de revelar o tablet Aakash (que significa “céu”, em hindi), o governo indiano apresentou a segunda versão do aparelho. O Aakash 2.0 é mais rápido e ainda mais barato que o modelo original. O primeiro lote do novo Aakash, com 10 mil unidades, será vendido prioritariamente a estudantes de engenharia da Índia. Eles pagarão 1.130 rúpias pelo tablet, o equivalente a US$

As eleições já acabaram e o prefeito eleito parece querer trabalhar para melhorar a situação dos ciclistas na cidade. Boatos que até vai à posse de magrela! Mas será que essas mudanças são reais? Espero que o novo governo perceba a importância desse meio de transporte para que a circulação na cidade melhore.

19 ou cerca de R$ 38. Para o público em geral, o Aakash será comercializado por aproximadamente R$ 128. O aparelho tem processador de 1GHz, 512 MB de memória RAM e tela sensível ao toque de sete polegadas. O governo indiano investiu no Aakash para alavancar o ensino no país e, assim, melhorar os índices de desenvolvimento econômico. METRO COM AGÊNCIAS

Bernardo F. Carvalho – Curitiba, PR

Pergunta Segundo o Instituto Municipal do Turismo, 350 mil turistas devem visitar Curitiba em dezembro. Você acha que isso é bom para a cidade?

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroCTB

Sudoku Estudantes mostram o primeiro Aakash, lançado em outubro do ano passado

@GMLuizpires Nossa cidade tem essa fama e isso é bom. Resta a nós fazermos por merecer e corresponder às expectativas desses turistas.

PARIVARTAN SHARMA/ARQUIVO/REUTERS

Criador do McAfee é suspeito de assassinato O homem responsável por uma das mais bem sucedidas empresas de antivírus está na mira da polícia de Belize, no Caribe. John McAfee é um dos suspeitos da morte do norte-americano Gregory Paul, morto a tiros no último sábado.

Horóscopo

@AnaCKruger Se a cidade tiver estrutura suficiente para atender toda essa demanda logicamente o resultado será positivo!

Segundo o site Gizmodo, os dois estavam em conflito há alguns dias, e Paul teria chegado a fazer uma queixa contra McAfee. O empresário vinha apresentando comportamentos estranhos, sempre temendo o roubo de sua fortuna. METRO

Web Para falar com a redação: leitor.ctb@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Não perca o controle da situação, por mais que alguns assuntos sejam mais complexos e desgastantes você tem que tratar deles para não ser prejudicado depois. Touro (21/4 a 20/5) Dia de cobrar as coisas que foram ditas e preparar novos caminhos para você trilhar. O dinheiro está em jogo e seria uma boa ideia não se distrair muito. Gêmeos (21/5 a 20/6) Excesso de conexões e ideias que precisam ser filtradas para que você possa focar em algo que realmente lhe traga benefícios palpáveis, concentre-se. Câncer (21/6 a 22/7) Novos inícios e pequenos problemas para se situar, algumas situações diferentes ou mudanças inesperadas podem trazer junto certas despesas imprevistas.

Leão (23/7 a 22/8) Dia de lidar com novos assuntos e preocupações que podem ser totalmente estranhos para você, será necessário um tempo de adaptação para novas realidades. Virgem (23/8 a 22/9) Certos objetivos podem ficar mais distantes, existem situações a serem resolvidas até que os resultados possam surgir efetivamente, tempo de introspecção. Libra (23/9 a 22/10) Possibilidades de pequenos choques de interesses com as pessoas, seus objetivos e os delas podem não serem os mesmos. Procure se entrosar mais com elas. Escorpião (23/10 a 21/11) Necessidade de quebrar barreiras e enfrentar mais as pessoas para que os seus objetivos se realizem. As pessoas estão mais dispersas e com outros interesses.

Sagitário (22/11 a 21/12) Está na hora de fazer escolhas mais definitivas, você precisa colocar a cabeça no lugar e escolher o que fazer. Filtre as suas opções e se dedique mais. Capricórnio (22/12 a 20/1) Pequenos tropeços em coisas que você ainda não tinha percebido, tente rever os seus planos para poder eliminar certos problemas que não estavam no esquema. Aquário (21/1 a 19/2) Mudanças de planos sem avisar os outros podem gerar um pouco de tumulto, tente ser mais transparente e deixar as pessoas a par das suas possíveis intenções. Peixes (20/2 a 20/3) Não se afobe, muitas coisas estão acontecendo e você tem que ir mais devagar para aproveitar melhor cada momento e tirar o resultado máximo das situações.


cultura

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

11

Generosidade no front

Armas futurísticas dominam o novo “Call Of Duty” DIVULGAÇÃO

Novo chamado do game “Call of Duty” Lançamento do jogo de ação da Activision acontece hoje em todo o mundo Edição disponível no Brasil vai ter dublagem em português Prepare a munição, pois “Call Of Duty” está de volta. Com o subtítulo “Black Ops II”, o novo game chega hoje às lojas de todo o mundo. A história se passa entre dois períodos diferentes, na década de 1980 e em 2025, época de uma segunda Guerra Fria em que robôs estão nas ruas para proteger a população. Porém, para desespero dos seres humanos, uma ameaça terrorista conseguiu controlar as máquinas e atacar os Estados Unidos. Grandes cidades são evacuadas e um cli-

reais é o 200 preço da edição simples do

novo “Call Of Duty”. A caixa especial vai ser vendida por R$ 500 ma de guerra se instaura. Nomes conhecidos do game aparecem para intervir na catastrófica situação. Na primeira seção, nos anos 1980, Alex Mason volta como protagonista. Já no século 21, quem comanda é David Mason, filho de Alex. Publicado pela Activi-

sion, os fãs brasileiros ganham um agrado pela primeira vez, com dublagem totalmente direcionada, palavrões e frases como “vou comer sua cabeça com farofa”. Uma voz bastante conhecida é a do veterano dublador Carlos Seidl, que embala o Sr. Madruga, do seriado “Chaves”, que desta vez está no papel de Harper. A edição simples custa R$ 200 e a caixa especial, com headset, acesso aos mapas Nuketown 2025 e Zombies, a arma Camo, custa R$ 500. O jogo está dispo-

nível para PlayStation 3 e Xbox 360. O lançamento do game acontece simultaneamente em 49 lojas pelo país. Os curitibanos que curtem a série podem receber o novo jogo na noite de hoje, a partir das 20h, em uma festa na Próximo Games (Alameda Augusto Stellfeld, 1516). O evento vai contar com um DJ e também com o sorteio de brindes. PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO

Interessado em atuar na cobertura jornalística de uma guerra, o recifense Klester Cavalcanti não pensou duas vezes quando viu a batalha entre os rebeldes e as forças pró-governo eclodir pelas ruas da Síria. Em maio deste ano, o jornalista conseguiu permissão para entrar no país e produzir uma reportagem sobre o conflito armado que assola a região. O plano era entrar em território sírio pela fronteira libanesa e acompanhar a ação das tropas rebeldes. Mas o que era para ser uma aventura de apenas seis dias se transformou em momentos de angústia assim que o jornalista foi inesperadamente preso e torturado pelo regime do ditador Bashar Al-Assad. Obrigado a dividir uma cela com mais de vinte prisioneiros árabes, Klester obteve relatos trágicos e emocionantes das vítimas do conflito armado. A experiência está documentada no recém-lançado “Dias de Inferno na Síria – O Relato do Jornalista Brasileiro que Foi Preso e Torturado em Plena Guerra” (Benvirá). “Na prisão, consegui apurar muita coisa do ponto de vista humano, dos efeitos da guerra no país”, revela Klester. Para se comunicar com os dissidentes, ele contou com uma ajuda valiosa: um dos prisioneiros sabia falar inglês, o que facilitou o contato com os demais. A tortura ocorreu assim que o brasileiro foi detido e levado à polícia. “Um delegado queimou meu rosto com um cigarro para eu assinar um documento em árabe. Nunca soube o que estava escrito ali”, afirma.

Já na prisão, com o bom tratamento que diz ter recebido dos militares e companheiros de cela, a angústia e o medo cederam lugar aos sentimentos de amizade, carinho e respeito – mesmo com os estrondos das bombas explodindo nas ruas da cidade síria de Homs. A publicação relata episódios de extrema violência, colhidas na penitenciária – como o do jovem que presenciou seu pai ser metralhado pelo Exército sírio e logo em seguida teve o seu rosto rasgado por uma granada. Esse mesmo rapaz, semanas depois, recebeu um comunicado das Forças Armadas para se alistar e combater os rebeldes. Caso contrário, seria considerado um desertor. “Ele passaria a lutar ao lado do Exército que matou seu pai”, explica. Se mudar para uma região em guerra pode parecer uma loucura – e foi isso que ele ouviu de muita gente. Mas Klester diz que não se arrepende da jornada. “É o meu trabalho. Não sou o único jornalista do mundo a mostrar o que está ocorrendo lá”, conclui. METRO


12

esporte

3

Vencedor e em busca de recordes

esporte

www.readmetro.com TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

Fluminense vai atrás da maior pontuação do Brasileiro e do melhor aproveitamento Campeão antecipado, time ainda fará três partidas

FICA OU NÃO?

Abel entre Flu e Inter Durante a comemoração da conquista do tetracampeonato brasileiro, domingo, o técnico do Fluminense, Abel Braga, se comoveu com os pedidos da torcida de “Fica, Abel”, e disse, no impulso: “Eu vou ficar”. Menos de 24 horas depois, no entanto, após participar da grande festa que o time e a torcida fizeram nas ruas do Rio e que varou a madrugada, Abel mudou o discurso e admitiu a possibilidade de voltar ao Inter, clube onde conquistou a Libertadores de 2006 e o Mundial, com vitória sobre o Barcelona na final. “Ainda vou decidir meu futuro. A relação com o Inter é muito forte”, admitiu o treinador à “Rádio Guaíba”, de Porto Alegre.

Campeão brasileiro com três rodadas de antecedência, o Fluminense ainda tem alguns objetivos nesta temporada. O primeiro é ser o time que mais somou pontos desde que o Brasileirão passou a ser disputado com 20 times no formato de pontos corridos, em 2006. Nesse ano, o São Paulo levantou a taça com 78 pontos. O tricolor das Laranjeiras tem 76 pontos e ainda três jogos por fazer: pega o Cruzeiro, no domingo, depois Sport e Vasco. Além de bater o São Paulo, o Fluminense quer também superar o Cruzeiro, que em 2003 foi campeão com 100 pontos (na época o Brasileiro era disputado por 24 times, e não 20), e 72,5% de aproveitamento. Em 46 jogos,

Abel deixa portas abertas para o Internacional

Opinião AGORA É OFICIAL: VOU DISPUTAR A CORRIDA DO MILHÃO DA STOCK CAR

B

om dia, tudo bem? Eu estou muito feliz porque recebi um convite super carinhoso da Raízen, empresa que tem a marca Shell no Brasil, e por isso participarei da Corrida do Milhão da Stock Car, pela equipe Shell Racing. Não vejo a hora de poder sentar no carro e acelerar no querido autódromo de Interlagos. A corrida será no dia 9 de dezembro e será muito legal poder trabalhar com Valdeno Brito, William Lube, Rodolpho Mattheis e toda a moçada pra lá de competente da A. Mattheis Motorsport. Essa minha volta a Interlagos acontece em um momento bem especial da minha carreira. Depois de uma temporada muito boa na IndyCar em 2012 e com contrato renovado para o meu 14º campeonato pelo Team Penske, os amigos da Raízen me proporcionam não apenas a possibilidade de conhecer o carro desta categoria que eu tanto admiro, a Stock Car, como também acelerar em Interlagos depois de ano tempo. Minhas primeiras voltas nesse circuito fantástico foram em 1991, no final do ano, quando eu tinha 16 anos. Como corri em 1992 na Fórmula Chevrolet e nos dois seguintes na Fórmula 3 Sul-americana e Brasileira, competi e ganhei corridas em Interlagos. Mas como em 1995 fui para a Europa e em 1996 para os Estados Unidos, onde estou até hoje, minha última vez na casa brasileira da Formula 1 foi em 2006, quando ganhei a Mil Milhas em Interlagos, com Aston Martin, ao lado do “monstro” Nelson Piquet, Nelsinho e o Christophe Bouchut. Foi demais. Além dessa Mil Milhas, minha experiência com carros de turismo é pequena, com algumas corridas do IROC nos Estados Unidos e minhas duas participações, em 2010 e 2011, na V8 Supercars australiana. Esse ano só não fui porque estava no Dancing With The Stars. Então, tenho de aprender bastante, mas estou muito animado. E, claro, espero todos vocês em Interlagos. Enquanto dezembro não chega, continuo com a minha maratona de eventos e, nos próximos dias, estarei em San Francisco, Detroit, Los Angeles, Fontana e Indianapolis. Mas é isso aí, pessoal. Vamos que vamos e até semana que vem! (Contato: press@castronevesracing.com, www.twitter.com/h3lio e www.facebook.com/h3lio).

CELSO PUPO/FOTOARENA

os mineiros venceram 31, empataram 7 e perderam 8. Até agora, o Flu conquistou 72,4% dos pontos disputados: 22 vitórias, 10 empates e 3 derrotas em

35 partidas. “Podemos fazer ainda mais história nesse Brasileirão e vamos atrás disso”, disse o meia Thiago Neves. METRO

Vandalismo e ameaça

Esperança por um fio

METRO

Torcedores arrombaram a loja, localizada na sede do clube, e atearam fogo MÁRIO ANGELO/SIGMAPRESS/FOLHAPRESS

Loja do Palmeiras é incendiada A derrota por 3 a 2 para o Fluminense irritou torcedores do Verdão. Na madrugada de ontem, a loja oficial do clube, localizada na rua Turiassu, na zona oeste, foi arrombada e incendiada. Do lado de fora, a pichação: “Acabou a paz”.

A situação do Palmeiras no Campeonato Brasileiro é desesperadora. Com 99% de chances de cair, de acordo com o site “Infobola”, o Verdão não pode mais perder nos próximos três jogos. Mesmo se vencer todos os jogos – o clube pega Flamengo, Atlético-GO e Santos –, precisa de uma combinação de resultados envolvendo Sport, Bahia e Portuguesa para se manter na elite do futebol brasileiro. A missão parece impossível. Mas os atletas e comissão técnica prometem não desistir de lutar. “Enquanto houver um fio de esperança, vamos nos agarrar a ele. Iremos até o

fim. Tentaremos pontuar de qualquer maneira nesses próximos jogos”, disse o técnico Gilson Kleina. “O torcedor não verá ninguém aqui jogando a toalha. Não é meu perfil”, afirmou. No domingo, o Palmeiras enfrenta o Flamengo em Volta Redonda, no Rio de Janeiro. Depois, recebe o Atlético-GO – em local a ser definido – e, por fim, encara o Santos na Vila Belmiro. Com 33 pontos, o Palmeiras é o 18º da tabela. “Se estivesse jogando mal, mereceria cair. Mas o trabalho está mostrando que não seria justo. A vontade de vencer é muito grande”, disse o goleiro Bruno. METRO


esporte Ricardinho assume o Ceará O técnico Ricardinho, que recentemente comandou o Paraná Clube, foi confirmado ontem como novo treinador do Ceará. A equipe ocupa a 11ª posição da Série B do Brasileiro, com 46 pontos. Ricardinho vai assumir o time somente após o campeonato, no dia 26 de dezembro. Ele assinou contrato até o final de 2013. METRO CURITIBA GIULIANO GOMES / FOLHA PRESS

Treinador assinou até o final de 2013

Prata da casa é destaque O jogador Alex Alves, revelado nas categorias de base do Paraná, subiu para o time profissional no início de 2012 e foi titular na maioria dos jogos nesta Série B. “Desde o início do ano, quando comecei improvisado, eu já tinha um objetivo pessoal: jogar, independente da posição”, contou o jogador que já atuou como zagueiro, volante e lateral-esquerdo. METRO CURITIBA

TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012

Marquinhos deve analisar jogadores Com chance remotíssima de ser rebaixado, treinador afirma que nas próximas rodadas atletas que não jogaram terão oportunidade Coritiba pega o Vasco no sábado no Couto Pereira GERALDO BUBNIAK/ FOTO ARENA

Com oito pontos de vantagem sobre o primeiro time da zona de rebaixamento, o Sport, o Coritiba deve usar as últimas três rodadas do Brasileirão para analisar alguns atletas que, durante o ano, não tiveram oportunidades de entrar em campo. “Nosso planejamento leva em conta, sim, a observação a jogadores que não atuaram muito", admite o técnico Marquinhos Santos. Na última rodada, contra o Corinthians, os escolhidos para ficar no banco foram Willian Leandro, que ainda não jogou no Brasileiro, além dos meias Vinicius e Emerson Santos. O elenco profissional do Coritiba é de 43 atletas e o técnico vem promovendo alguns jovens - caso do atacante Alex Santos, que foi reserva contra o Grêmio. Outra atleta com chance de conseguir uma vaga neste fim de ano é o zagueiro Diego Alemão, que ainda não estreou com a camisa do Coritiba. Matemática Apesar de ainda possível matematicamente, somente um desastre rebaixaria o Coritiba para o ano que vem. De acordo com o site

Atleticanos esgotam vagas em ônibus Em menos de dois minutos, os sócios do Atlético esgotaram as 105 vagas para os três ônibus que o clube disponibilizou de graça para os torcedores acompanharem a partida contra o Criciúma, sábado, no estádio Heriberto Hülse. Para garantir os lugares, os rubro-negros que fizeram as reservas precisam comparecer hoje ao Espaço Sócio Furacão, até às 16h, para adquirir os respectivos ingressos no valor de R$ 50. Assim como aconteceu no jogo contra o São Caeta-

13

www.readmetro.com

no, no estádio Anacleto Campanella, a torcida atleticana promete estar em peso em Santa Catarina para apoiar o time. Dependendo de uma combinação de resultados, o Furacão pode garantiu uma das vagas para a Série A na próxima rodada. “A torcida pode esperar de mim muito empenho e dedicação. O que eu puder farei para que o Atlético saia com uma vitória de Criciúma”, afirma o goleiro Santos, que vai substituir Weverton, suspenso. METRO CURITIBA

Jovens vêm ganhando espaço no final do campeonato

Chance de Gol, o time tem menos de 0,01% de possibilidade de cair. O Coxa só pode ser alcançado pelo Sport e, mesmo que o time de Recife vença seus últimos três jogos, um empate já garante o Coxa na Série A. A goleada contra o Corinthians, na rodada passada, deixou o simbólico título do returno ainda mais

distante e agora o Verdão está a oito pontos de distância do líder, Fluminense. Mesmo contra os números, Marquinhos Santos afirma que o sonho ainda é possível. “Permanece ainda o objetivo de terminar muito bem a competição. Dentro desse planejamento de conquista do returno, o meu pensamento seria de

em quatro jogos ter três vitórias”, disse. No sábado, o Coritiba pega o Vasco, no Couto Pereira. O time carioca não vence há onze jogos, nos quais teve três empates e oito derrotas. THIAGO MACHADO METRO CURITIBA

FRANKLIN DE FREITAS/ FOLHA PRESS

Breves

Curitibano é vice-campeão no futmesa

Torcida promete viajar com o time para Santa Catarina

CLUBE CURITIBANO. O jogador curitibano Almo de Paula Jr. conquistou o vice-campeonato brasileiro de Futmesa, na modalidade dadinho. Ele perdeu a final para o representante do América, Régis Mendes de Souza, por 3x2. A competição foi realizada no final de semana e contou com a participação de 48 jogadores de 20 clubes de várias partes do país. METRO CURITIBA

2

jogos o Coritiba ainda tem no Couto Pereira até o fim do campeonato. No sábado o adversário será o Vasco. Depois o time pega o Cruzeiro, fora, e o Figueirense, em casa.

Maratona será no domingo CORRIDA. Mais de cinco mil

atletas são esperados na Maratona de Curitiba, que será realizada neste domingo. A largada e a chegada acontecem na Praça Nossa Senhora de Salete, no Centro Cívico, com percursos de 42km (maratona), 10km (corrida) e 5km (caminhada). Outras informações no site www.maratonacuritiba.com.br. METRO CURITIBA


CURITIBA - TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2012



20121113_br_metro curitiba