Issuu on Google+

BRACTB_2012-10-22_1.qxp:BRAZIL

10/21/12

8:25 PM

Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, garantia de manejo florestal responsável, e com tinta ecológica elaborada com matérias-primas bioderivadas e renováveis pela gráfica Plural.

DIVUGAÇÃO

ZEZÉ & LUCIANO SÉRIE DE INVESTIGAÇÃO ‘CSI’ ESTREIA HOJE SUA 13ª TEMPORADA {pág 13}

COMEMORAM

21 ANOS DE CARREIRA NO GUAIRÃO {pág 11}

CURITIBA Segunda-feira,

22 de outubro de 2012

Edição nº 371, ano 2 Mín 16°C Máx 27°C

Curitiba tem mais de um desaparecimento por dia Divisão de Vigilância e Capturas aponta média mensal de 48 casos na capital Só em outubro já foram 41 boletins de ocorrência registrados Maioria das situações envolve jovens de 12 a 30 anos Principais motivos são dependência química e conflitos familiares Polícia Civil vai lançar site com informações das vítimas {pág 03} Mensalão

Ministros do STF vão definir as sentenças Determinação das penas promete esquentar o debate entre ministros Cálculos definem se réus vão cumprir sentença em liberdade, regime semiaberto ou fechado {pág 06}

Beirute é palco de atos violentos RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Libaneses culpam Síria por morte de chefe de inteligência {pág 10} Em sua 10ª edição, encontro propicia a integração entre diferentes culturas RODRIGO FÉLIX LEAL/METRO CURITIBA

Festa para os latinos

Gastronomia, músicas e danças típicas reuniram centenas de pessoas no Bosque São Cristóvão Evento celebrou a vinda de vizinhos latinos para o Brasil {pág 04}

Torcida Fanáticos celebra 35 anos Eles preparam grande festa de aniversário para o sábado {pág 14}


BRACTB_2012-10-22_2.qxp:BRAZIL

10/21/12

8:10 PM

Page 1

curitiba

02

1 foco

Usina Mauá

IAP libera licença de operação O IAP (Instituto Ambiental do Paraná) emitiu a licença de operação da Usina Hidrelétrica de Mauá, entre os municípios de Telêmaco Borba e Ortigueira, no Centro-Oeste do Estado. A usina é o maior empreendimento do setor elétrico em curso no Paraná. Com investimentos de mais de R$ 1,2 bilhão, adiciona ao sistema elétrico do Estado a potência instalada de 361 megawatts, o que representa capacidade de produzir energia para atender ao consumo de uma população de aproximadamente um milhão de pessoas. A licença foi emitida na sextafeira. METRO CURITIBA

Quem assumir a prefeitura de Curitiba, em janeiro, terá a pressão sobre o preço das passagens de ônibus como um dos primeiros problemas a ser resolvido. Desde maio deste ano, o Governo do Estado vem subsidiando o valor de R$ 2,60 através de convênio, mas o acordo se encerrará em maio de 2013. “Com certeza teríamos um aumento se não houvesse este subsídio. É uma questão de equilíbrio tarifário”, afirma o coordenador da Comec (Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba), Rui Hara. Mês a mês, o dinheiro vem sendo repassado. No ano que vem, chegará a seu limite, de R$ 64 milhões. “Provavelmente, vamos bater nesse teto”, prevê. Outro indicativo de aumento no coletivo é o reajuste anual dos motoristas e cobradores. De acordo com o Urbs, o custo dos trabalhadores é de cerca de 40% sobre o sistema. DIVULGAÇÃO

Ratinho fez campanha ao lado do pai +0,01% (R$ 2,64)

Bovespa

Selic (7,25%) Salário mínimo (R$ 622)

-0,59% (59.734 pts)

RODRIGO FÉLIX LEAL / METRO CURITIBA

Já no limite, convênio que subsidia o preço termina em maio Funcionários terão aumento

Euro

-0,23% (R$ 2,02)

SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

Próximo prefeito terá que negociar passagem

Cotações Dólar

www.readmetro.com

O próximo dissídio coletivo será em fevereiro de 2013 e, de acordo com o sindicato da categoria (Sindimoc), o índice começará a ser negociado em novembro. No ano passado, após uma greve, o reajuste foi de 10,5%. Subsídio Segundo o coordenador da Comec, o subsídio do Governo do Estado para a Prefeitura tem que ser visto como um instrumento social. “No mundo inteiro existem repasses para o transporte público”, justifica. Apesar disso, ele afirma que a sua continuidade ainda não está garantida. De acordo com a assessoria de imprensa do Estado, o governador Beto Richa ainda não analisou a possível renovação do convênio. “Vai depender da conversa do próximo prefeito com o governador”, diz Rui Hara. THIAGO MACHADO METRO CURITIBA

Prefeitura dependerá de governo do Estado para manter preço das passagens de ônibus

Candidatos pedem renovação Tanto Gustavo Fruet (PDT) quanto Ratinho Junior (PSC) afirmam que, se forem eleitos em Curitiba, vão tentar manter os subsídios do Governo do Estado para o transporte coletivo. “É o mínimo e essencial que precisamos para manter a tarifa justa”, afirma Ratinho. Fruet, que classifica a situação da tarifa como uma

“bomba-relógio” tem a mesma posição. “Vou pedir para manter”, adianta. Sobre um possível aumento no próximo ano, os dois afirmam que ainda é cedo para prever. Ratinho propõe uma auditoria nas contas da Urbs. “Não para fazer caça às bruxas ou achar pêlo em ovo. A Urbs precisa se modernizar”, argumenta o candidato.

O candidato aposta ainda nos VLPs (Veículos Leves Sobre Pneus), que seriam implantados através de PPPs nas canaletas de ônibus. Eles teriam um custo menor de operação. Já Fruet quer aumentar a frota de ônibus, fazer novas canaletas e aumentar o desalinhamento nas estações, – o que tornaria o sistema mais rápido. METRO CURITIBA DIVULGAÇÃO

Último domingo antes da votação movimenta bairros Faltando sete dias para a votação do segundo turno em Curitiba, os candidatos a prefeito cumpriram uma extensa agenda na cidade ontem. Ratinho Júnior (PSC) fez uma carreata na região Sul, que concentra o maior eleitorado da capital. “O povo dos bairros já escolheu o

FALE COM A REDAÇÃO

leitor.ctb@metrojornal.com.br 041/3069-9189 COMERCIAL: 041/3069-9200

O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

nosso projeto”, disse. Também não faltaram críticas ao adversário, Gustavo Fruet (PDT). “Minha candidatura não recebeu apoios por debaixo dos panos, muito menos de políticos acusados de mensalão”, atacou. Já Fruet fez campanha de bicicleta, em um passeio

que saiu do centro da cidade e foi até o parque Barigui. Ele confirmou a promessa de fazer 300 quilômetros de ciclorrota. “A população está se manifestando e colocando temas que considera importantes na pauta. Estamos antenados”, garantiu.

Fruet pediu votos de bicicleta

METRO CURITIBA

EXPEDIENTE

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha. Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Curitiba. Gerente Executivo: Rodrigo Afonso. Editora Executiva: Martha Feldens (MTB: 071). Editor de Arte: Antonio Virgili. Grupo Bandeirantes de Comunicação Curitiba - Diretor Geral: André Aguera. Grupo J. Malucelli - Presidente: Joel Malucelli.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: rua Santa Cecília, 802, Pilarzinho, CEP: 80820-070, Curitiba. Tel.: 041/3069-9200 O jornal Metro é impresso na Cargraphics Gráfica e Editora Ltda. A tiragem e distribuição desta edição de 30.000 exemplares são auditadas pela BDO.


BRACTB_2012-10-22_3.qxp:BRAZIL

10/21/12

9:00 PM

Page 2

curitiba

www.readmetro.com

Por dia, capital tem mais de um caso de desaparecimento Média mensal chega a 48 ocorrências Dependência química está no topo do ranking das motivações Maioria das situações envolve jovens RODRIGO FÉLIX LEAL / METRO CURITIBA

Entre janeiro e setembro deste ano, Curitiba teve 439 casos de desaparecimento de pessoas. São, em média, mais de 48 situações por mês e mais de uma por dia. É o que aponta levantamento da DVC (Divisão de Vigilância e Capturas), feito com base em boletins de ocorrência. Apenas este mês, a capital já soma 41 registros. Um deles foi o do jornalista Anderson Leandro Silva, que teve o corpo encontrado na noite da última quinta-feira, depois de ter desaparecido por oito dias. Ele foi mais um dos 15 casos esclarecidos pela polícia em outubro e mantém a taxa de elucidação entre 93% e 95% de todos os casos investigados pela DVC, segundo o delegado Hormínio de Paula Lima Neto. “Este índice pode até ser maior porque muitos voltam para a casa, mas os familiares não informam à DVC”, comenta Neto. Ele aponta que, no topo do ranking das motivações para desaparecimentos está a dependência química. “As pessoas simplesmente se internam na droga e vão para as ruas. Para usar a droga, passam a viver numa transição entre consumo e venda. Mas, muitas vezes, ao invés de vender, começa a usar e acaba devendo para traficante. Por isso, o usuário desaparece um dia e é encontrado, ou aparece morto”, explica o delegado. Situações como essa são bastante comuns na faixa etária de 12 a 30 anos de

Incêndio que feriu oito foi criminoso A Delegacia de Homicídios investigou e concluiu ontem que foi criminoso o incêndio na CIC (Cidade Industrial de Curitiba) que deixou oito pessoas feridas no fim da tarde de sábado. Segundo o delegado Rubens Recalcatti, três homens jogaram gasolina e atearam fogo na casa onde moravam cerca de 12 trabalhadores de uma obra. Dois deles, identificados apenas como Gabriel e Jeferson, ficaram feridos e estão no Hospital Evangélico em estado grave. Eles foram autuados em flagrante pelo delegado adjunto Cristiano Quintas. O terceiro, chamado Bruno, conseguiu fugir.

“Eles são parentes de uma menina de 13 anos que mora em frente à casa e teve envolvimento com um dos trabalhadores. Eles não gostaram do caso e discutiram na manhã do sábado. A Polícia Militar chegou a ser chamada duas vezes. Por volta das 18h, eles voltaram à casa e atearam fogo”, contou Recalcatti. Ele disse ainda que os trabalhadores tiveram que sair pelas janelas porque os homens atearam fogo na porta. A casa, na rua Reinaldo Strobel, ficou totalmente destruída. Seis equipes do Corpo de Bombeiros foram necessárias para apagar o fogo. METRO CURITIBA INDY ZANARDO

Índice de elucidação varia de 93% a 95%, afirma delegado Foto foi compartilhada milhares de vezes no Facebook

4.715 casos de desaparecimento de pessoas foram registrados entre janeiro de 2005 e a última sexta-feira. Ainda há 440 em andamento, diz DVC.

idade, aponta Neto. A mesma que predomina nos registros de boletins de ocorrência deste ano: 246 casos. Os conflitos familiares aparecem como o segundo motivo para os desaparecimentos e atingem especialmente os adolescentes, entre 12 e 17 anos. CAMILA CASTRO METRO CURITIBA

Quadro geral Saiba quais são as principais motivações para desaparecimentos, conforme boletins de ocorrência de janeiro de 2005 até agosto de 2012 Dependência química

1.143

“Os pais devem manter o diálogo e estar atentos a sinais que podem indicar um eventual desaparecimento, entre eles brigas constantes, isolamento e uso de drogas.”

Falta de comunicação e conflito familiar

1.124

HORMÍNIO NETO, DELEGADO

Fonte: DVC

Transtorno mental Namorado ou namorada Evasão de custódia legal Crimes sexuais Homicídio Depressão Brigas conjugais Violência física e psicológica Acidente ou morte natural

789 240 160 129 104 104 88 76 71

Polícia Civil terá site estadual em dezembro A Polícia Civil já solicitou e está em desenvolvimento um site que vai reunir informações e fotos de desaparecidos no Paraná. Hoje, o Estado não possui um site oficial. Os dados podem ser encontrados apenas em redes sociais e portais man-

03

SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

tidos por ONGs e outras entidades que atuam na área. “A expectativa é que o site fique pronto e seja lançado até dezembro”, afirma o delegado da DVC, Hormínio de Paula Neto. O site pode agilizar o trabalho de investigação,

mas a estrutura de suporte às vítimas e familiares ainda precisa melhorar. “Somos policiais, padres, psicólogos, assistentes sociais, enfim, há uma série de situações com a polícia civil fazendo o papel de assistência social e psicológi-

ca. Não posso dizer que falta estrutura, mas é preciso ter esses profissionais para garantir melhor apoio às vítimas”, argumenta Neto. A DVC fica localizada na Avenida Affonso Penna, 974, no Tarumã. O telefone é 3815-3000. METRO CURITIBA

Mendigo modelo é internado em clínica O morador de rua Rafael Nunes da Silva, de 31 anos, que ficou famoso na última semana após ter uma foto sua divulgada no Facebook, foi internado em uma clínica de reabilitação para dependentes químicos em Araçoiaba da Serra (SP). O rapaz foi encontrado

próximo à Praça Tiradentes e aceitou a internação. O tratamento será financiado pela clínica paulista. Segundo a família, Rafael é usuário de drogas desde os 16 anos e há um ano saiu de casa. Ele já trabalhou como modelo.

Acidentes matam 13

Cascavel ganha UPS

Um jovem de 24 anos morreu ontem ao colidir com uma camionete na BR-277, em Campo Largo. Ele pilotava uma moto, que ficou a 300 metros de distância do corpo. O óbito se soma aos outros 12 apontados pelo IML entre sexta-feira e as 17h de ontem – quase metade das 25 mortes violentas registradas na Grande Curitiba. METRO CURITIBA

A primeira UPS (Unidade Paraná Seguro) do interior será instalada amanhã em Cascavel, com a presença do governador Beto Richa. Desde a sexta-feira, a Polícia Militar ocupa o Jardim Interlagos, na chamada operação congelamento, e deteve 14 pessoas. Também foram cumpridos 24 mandados de busca e apreensão na região. METRO CURITIBA

METRO CURITIBA


BRACTB_2012-10-22_4.qxp:BRAZIL

04

10/21/12

8:08 PM

Page 2

curitiba

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

DIVULGAÇÃO

Bicicletários serão abertos no dia 10

Depois de seis meses de atraso, empresa vai inaugurar sistema inédito de bicicletas compartilhadas Pessoas que usam pouco o veículo são o alvo Serão abertos no dia 10 de novembro os dois primeiros dos seis bicicletários licitados pela Urbs em 2011. Eles estão no Centro Cívico, em frente ao Palácio das Araucárias, e no Jardim Botânico, ao lado do Velódromo. A empresa vai implantar o primeiro sistema de aluguel de bicicletas da ci-

dade. “O desenho foi feito para atender as 98% das pessoas que não têm frequência de uso. É mais estável, mais fácil de pilotar”, afirma Rafael Milani Medeiros, da Bicicletaria.net. Depois de fazer um cadastro via internet ou nos locais, o interessado recebe um login e uma senha que

RODRIGO FELIX LEAL/METRO CURITIBA

destrava a bike. O preço será de R$ 5 por hora, mas pode ser mudado, dependendo das parceiras de marketing que a empresa pretende fazer. “O tema da bicicleta está em alta”, aposta Milani. A Bicicletaria.net realiza obras no terceiro ponto do pacote licitado, no parque

São Lourenço. Os outros três bicicletários licitados tiveram vencedor, mas ele desistiu do negócio, segundo a Urbs. Segundo Milani, há uma negociação para que a empresa assuma os locais. THIAGO MACHADO METRO CURITIBA

Serviço já foi testado em pré-lançamento

Pacientes ilustram ‘dicionário de bichos’

CAMILA MENDES

Shows agitaram o Bosque São Cristóvão

Festa celebra o povo latino-americano Centenas de pessoas se reuniram ontem, no Bosque São Cristóvão, em Santa Felicidade, para a 10ª Festa Latino-americana. A proposta é celebrar a vinda de povos de outros para o Brasil e promover a integração entre essas diferentes culturas. Segundo a Pastoral do Migrante, organizadora da festa, participaram pes-

soas vindas da Argentina, Chile, Colômbia, Paraguai, Uruguai, México, Bolívia, Peru, Cuba, Equador, El Salvador, Haiti e Venezuela, além do Brasil. Houve muita música, dança e apresentações folclóricas, almoço e tendas de gastronomia típica de várias regiões e a Santa Missa, que abriu a celebração pela manhã. METRO CURITIBA

Durante seis meses, crianças e adolescentes internados no Hospital Pequeno Príncipe, em Curitiba, participaram de oficinas de desenho livre com professores da Escola de Belas Artes. O resultado foi o “Bichonário”, um dicionário de bichos. Ao invés de os desenhos terem sido feitos depois dos minicontos que integram a obra, o processo foi inverso. “Acompanhei os pacientes nas oficinas e os observei desenhando, além de ouvir s conversas entre eles. Foi isso o que me deu inspiração para escrever os minicontos”, explica a escritora Fernanda Salgueiro. Cada página traz animais de várias espécies em ordem alfabética, como a “na-

“A ema é muito, muito rápida”, conta Nyltow

ja engraçada”, a “orca misteriosa”e o “gato de casa”. A “ema do sol” foi desenhada por Nyltow Rafael Pacheco dos Santos, 9 anos. “Foi muito legal poder desenhar no livro porque eu gosto de ler”, conta ele, que fez questão de ler o miniconto que ajudou a criar. METRO CURITIBA

“Esta foi a primeira oportunidade que muitas crianças tiveram de se expressar pela arte. E isso é muito importante para a recuperação delas.” FERNANDA SALGUEIRO, ESCRITORA

VESTIBULAR PUC-PR

Resultado deve sair na sexta A PUC-PR aplicou ontem as provas do Vestibular 2013. O gabarito será divulgado hoje, em www.pucpr.br/vestibular. A previsão é que o resultado saia na sexta-feira. São 9.684 vagas ofertadas. Elas foram disputadas por 26.600 vestibulandos. Segundo a universidade, quase 3.300 (12%) não compareceram para fazer a prova ontem. Os cursos mais procurados são Medicina, Direito, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil e Psicologia. METRO CURITIBA


BRACTB_2012-10-22_5.qxp:BRAZIL

10/21/12

4:40 PM

Page 2


BRACTB_2012-10-22_6.qxp:BRAZIL

10/21/12

9:32 PM

Page 1

brasil

06

Código Penal A lei estabelece as regras de cumprimento da sentença de acordo com o tamanho da pena

REGIME FECHADO (PENA SUPERIOR A OITO ANOS) Art. 34 - § 1º - O condenado fica sujeito a trabalho no período diurno e a isolamento durante o repouso noturno

REGIME SEMI ABERTO (PENA ENTRE QUATRO E OITO ANOS) Art. 35 - § 1º - O condenado fica sujeito a trabalho em comum durante o período diurno, em colônia agrícola, industrial ou estabelecimento similar

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

Chegou a hora de definir as penas Ministros do Supremo Tribunal Federal selam destino dos ‘mensaleiros’ nesta semana com o cálculo das sentenças Tempo apontará se os réus cumprirão a pena em liberdade, regime semiaberto ou fechado

REGIME ABERTO (PENA IGUAL OU INFERIOR A QUATRO ANOS) Art. 36 - § 1º - O condenado deverá, fora do estabelecimento e sem vigilância, trabalhar, frequentar curso ou exercer outra atividade autorizada, permanecendo recolhido durante o período noturno e nos dias de folga

Defesas apelarão para recursos Ao final do julgamento, a defesa dos condenados terá que aguardar a publicação do resultado oficial, chamado de acórdão. O prazo previsto é de 60 dias, mas haverá um esforço do STF para antecipá-lo. Em seguida, os advogados terão 48 horas para a apresentação de recursos. Todos os réus terão direito ao embargo de declaração, usado para tirar dúvidas e apontar supostas contradições de votos. “É uma decisão da instância máxima. O recurso no fundamento não tem poder de mudar sentença. As chances são reduzidíssimas”, aponta Leandro Sarcedo, especialista em direito penal.

A legislação prevê ainda os embargos infringentes para os condenados que tiverem pelo menos quatro votos favoráveis à absolvição. Até agora, o ex-assessor do PP João Cláudio Genú está nessa situação, além dos seis réus com a setença empatada. O recurso, porém, poderá retardará a aplicação das penas. Os embargos precisarão ser julgados em plenário. Com a aposentadoria de Ayres Britto e a chegada de Teori Zavascki, as defesas apostam que dois novos ministros possam mudar sentenças. “Representar a última tábua de salvação”, aponta Leandro Sarcedo. METRO BRASÍLIA

NELSON JR./SCO/STF

Descoberto há exatos 90 meses, o escândalo do mensalão deverá ter um desfecho nesta semana. Depois dos oito ministros votarem sobre o capítulo que trata de formação de quadrilha, a última etapa do julgamento no STF (Supremo Tribunal Federal) será a definição das penas dos acusados, a chamada dosimetria. O ministro relator, Joaquim Barbosa, será rigoroso na responsabilização dos réus. A expectativa é que ele evite penas mínimas. A definição promete suscitar novos debates acalorados e recrudescer as divergências já apresentadas no plenário. O cálculo da pena define se o réu cumprirá a sentença em liberdade ou se será obrigado a prestar serviços comunitários. Também apontará se os condenados poderão apenas dormir na prisão ou serão condenados ao regime fechado. Em todos os casos, os reús só poderão pedir a redução depois de cumprir um sexto da pena. “Sem sombra de dúvidas serão penas duras, mas o STF precisará ter cautela porque criará jurisprudência para todas as decisões da Justiça”, lembra o criminalista Roberto Podval. O Código Penal determina que o juiz considere

Expectativa é que Joaquim Barbosa evite penas mínimas

três caminhos no cálculo da sentença: o papel do denunciado no crime, os fatos que contribuíram para a realização do delito e os motivos envolvidos no ato. Em seguida, os ministros definirão uma pena de referência. Se cometeu o mesmo crime mais de uma vez, as penas por cada um dos crimes serão somadas. Ou seja, na definição, os magis-

trados considerarão o número de atos praticados. Caso os condenados tenham praticado um único crime que teve mais de um resultado, a pena é acrescida em um sexto até a metade do tempo estipulado no Código Penal. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

25

dos 37 réus já foram condenados até agora por envolvimento no mensalão. Há condenações pelos crimes de corrupção, peculato,lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta e evasão de divisas.

Empates ainda geram dúvida O destino de seis réus do mensalão segue indefinido em função da ausência de um ministro no STF. O julgamento do deputado Valdemar Costa Neto e do exassessor Jacinto Lamas, por formação de quadrilha, e dos ex-deputados Paulo Rocha, João Magno e José Borba e do ex-ministro Anderson Adauto, por lavagem de dinheiro, ficou empatado em cinco votos a favor e cinco contra. O impasse será levado para discussão em plenário. A tendência é que a maioria defenda que o empate beneficia o réu, aplicando o

“Como o processo é contínuo e, teoricamente, todos podemos mudar de voto, deixamos a questão para o fim.” AYRES BRITTO, PRESIDENTE DO STF

entendimento previsto no Código Penal no julgamento de habeas corpus. A solução não é consenso. O artigo 146 do regimento interno da Corte assegura ao presidente do STF o direito do ‘voto de minerva’. O ministro Ayres Britto, no entanto,

tende a evitá-lo. A defesa pede que o princípio do in dubio pro reu seja considerado. “Condenar na dúvida seria criar uma Corte de exceção”, sustenta o advogado João Gomes, que defende o exdeputado Paulo Rocha, ameaçando recorrer à Corte Internacional de Direitos Humanos. Para especialistas, não cabem interpretações. “O STF demonstrou que está dividido e, na falta de determinação expressa, a decisão deve ser contrária a acusação”, sustenta Roberto Podval. METRO BRASÍLIA


BRACTB_2012-10-22_7.qxp:BRAZIL

10/21/12

4:41 PM

Page 1


BRACTB_2012-10-22_8.qxp:BRAZIL

08

10/21/12

7:13 PM

Page 1

www.readmetro.com

economia

Empreendedorismo BRUNO CAETANO bcaetano@sebraesp.com.br

DIREITOS E DEVERES DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

C

abeleireiro, encanador, mecânico, pedreiro, pintor, ambulante, dono de restaurante. Essas são algumas atividades que podem ser enquadradas como Empreendedor Individual (EI). São pessoas que trabalham por conta própria, faturam no máximo R$ 60 mil por ano, não são sócias ou titulares de outra empresa e podem ter até um empregado que receba salário mínimo ou o piso da categoria. Mas por que se formalizar? Afinal, você está na ativa, é dono do seu nariz e vai muito bem, obrigado. Não é bem assim. O EI tem direitos. E obrigações com as quais é importante ter atenção para, justamente, não perder os benefícios. Infelizmente, mais da metade dos empreendedores individuais formalizados não estão em dia com as suas obrigações. Vamos começar lembrando os direitos. O EI é coberto pela Previdência Social. Basta pagar mensalmente R$ 32,10, no caso de comércio ou indústria, ou R$ 36,10 se for prestador de serviço. O dinheiro vai para a Previdência e para ICMS ou ISS. O EI tem direito a receber aposentadoria por idade, salário-maternidade, auxílio-doença, pensão e auxílio-reclusão. O EI é legalizado. Ele é inscrito no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) o que facilita abrir conta em banco e conseguir empréstimo. Quanto às obrigações, o recolhimento do valor mensal deve ser feito até o dia 20 nos bancos ou lotéricas por meio do DAS, obtido na internet. Também todo mês, até o dia 20, o EI deve preencher o Relatório Mensal das Receitas que obteve no mês anterior. Anualmente, ele também é obrigado a declarar o quanto faturou no ano anterior (a chamada Dasn-Simei). Tudo segue dentro do programado até que o EI, por algum motivo, perde o prazo do pagamento. Nesse caso, haverá multa de 0,33% por dia de atraso até o limite de 20% e juros de 1% no primeiro mês e depois calculados com base na Selic. Atento aos cerca de 600 mil EIs de São Paulo, o Sebrae-SP coloca à disposição um programa de capacitação gratuito chamado Sebrae Empreendedor Individual (SEI). São seis cartilhas para ajudar na administração do negócio (SEI Empreender, SEI Planejar, SEI Vender, SEI Comprar, SEI Unir Forças, SEI Controlar meu dinheiro). Para solicitar a sua cartilha, ligue gratuitamente para o telefone 0800 570 0800. Com o aprimoramento na gestão, o EI mantém seu negócio de “portas abertas” e aumenta o lucro. Portanto, mãos à obra. Bruno Caetano é diretor superintendente do Sebrae-SP e mestre e doutorando em Ciência Política pela Universidade de São Paulo. O Sebrae-SP é uma instituição dedicada a ajudar micro e pequenas empresas a se desenvolverem e se tornarem fortes. Saiba mais em www.sebraesp.com.br

SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

Planejamento evita sustos no Natal Ideal é reservar 30% da renda mensal com presentes e preparativos Ultrapassar limite de cartão e entrar no cheque especial são armadilhas Até 30% da renda mensal e não ultrapassar os limites do cartão e do cheque especial. Essas são as regras para não se sair mal na hora de comprar os presentes e fazer os preparativos para o Natal. O alerta é do

consultor financeiro do Programa Consumidor Consciente da Mastercard, Ricardo Pereira. “Apelo emocional existe no fim do ano. Todo mundo tem a ideia de poder presentear quem quer, gastar um

pouco mais, no entanto não pode deixar de pensar no bolso”, afirma. O especialista afirma que sem planejamento o consumidor corre o risco de ver a dívida perdurar no ano seguinte. A ilusão do parcelamento, segundo Pereira, não funciona quando ultrapassa 30% da renda mensal. “Tem de se preocupar com isso. Se é muito longo o parcelamento, fica difícil de controlar. Tem que fazer tabelas no excel para prever tudo. O grande problema é perder o controle.” Outro mito é achar que cartão de crédito e cheque especial fazem parte da renda. Ultrapassar o limite de gastos no cartão faz o consumidor pagar juros do rotativo e usar o cheque especial atrapalha o orçamento. Segundo Perei-

ra, nestes casos, se não houver um cuidado maior, há grandes chances de a dívida chegar a 2013. A saída para evitar problemas financeiros no Natal é planejar. “Para pagar barato, antecipe as compras, tanto nas lojas quanto pela internet para evitar atrasos na entrega e garantir preços melhores, tente pagar a vista para negociar descontos”, aconselha. De acordo com pesquisa realizada pela Boa Vista Serviços, administradora do SCPC, 38% dos consumidores não fazem nenhum tipo de controle sobre os gastos e recebimentos do mês. Segundo o levantamento, 41% dos consumidores afirmam que terão dificuldades em quitar suas dívidas considerando apenas a renda atual. METRO

Dicas para sair do vermelho

Investimentos Em 2013, em quais modalidades de investimento é mais adequado apostar? É preciso avaliar se o valor será utilizado no longo ou curto prazo. Para quem não está endividado, mas não tem reserva de urgência. O ideal é caderneta de poupança,

que continua sendo boa alternativa por ter rentabilidade interessante, não ter taxas nem impostos, e saque da liquidez imediato. Para quem pretende utilizar o dinheiro no longo prazo. É possível pensar na aposentadoria, com a aplicação do valor na previdência privada, por exemplo, ou no mercado de renda variável.

1 2 3 4 5

Faça o levantamento das dívidas, anote tudo: valores, parcelas, prazos de pagamento, nomes em possíveis negociações etc Após o levantamento, busque um contato direto com os credores e renegocie as dívidas Quite as contas com juros maiores, como cartão de crédito, e de serviços essenciais, como água, luz, aluguel, condomínio etc Evite entrar no cheque especial e pagar o mínimo do cartão, pois essas dívidas possuem juros altos Consuma com planejamento e consciência, respeite seu dinheiro e valorize suas conquistas

LUCIANA FIGUEIREDO/ARQUIVO METRO

Inflação medida pelo IPCA-15 acelera A inflação medida pelo IPCA-15 (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – 15), considerada prévia da inflação oficial usada nas metas do governo, acelerou para 0,65% em outubro, acima do 0,48% apurado no mês anterior, informou na sexta-feira o IBGE.

Os preços dos alimentos subiram 1,56% e responderam por 57% do IPCA-15 no mês, com maior influência partindo dos itens carnes (2,92%) e arroz (11,91%). Também tiveram avanços, os preços da batata-inglesa (19,23%) e da farinha de mandioca (12,52%), METR

Nissan é a primeira a entrar no Inovar-Auto

Carnes e arroz tiveram maior influência na alta

A japonesa Nissan foi a primeira montadora habilitada pelo governo a operar dentro do novo regime automotivo Inovar-Auto, regulamentado no início deste mês, e espera retomar as vendas em patamares normais a partir de novembro, quando contará com novas

cotas de importação de veículos do México, enquanto ergue sua fábrica no Rio de Janeiro. A habilitação da empresa para o Inovar-Auto concedeu uma cota de importação de 6.666 carros por mês, compondo um total de cerca de 80 mil veículos para 2013. METRO


BRACTB_2012-10-22_9.qxp:BRAZIL

10/21/12

4:41 PM

Page 2


BRACTB_2012-10-22_10.qxp:BRAZIL

10

10/21/12

9:05 PM

Page 1

mundo

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

Último debate da disputa eleitoral dos EUA será hoje A disputa eleitoral pela presidência dos Estados Unidos está cada vez mais apertada. Barack Obama e seu rival republicado, Mitt Romney, se encontrarão hoje no terceiro e último debate da campanha em Boca Raton, na Flórida. Segundo as últimas pesquisas de opinião, os candidados estão praticamente empatados. O levantamen-

to da NBC/Wall Street Journal indicou os dois com 47% das intensões de votos entre prováveis eleitores. O índice marca uma pequena recuperação do republicano. Por outro lado, na pesquisa da Reuters/Ipsos, Obama está com 1% de vantagem contra seu rival. A 16 dias das eleições, o debate será decisivo e tende a favorecer o atual presi-

dente norte-americado, já que o foco da discusão será a política externa. Obama pode obter vantagem contra Romney por diversos fatores, entre eles por ter autorizado a missão que matou Osama bin Laden e por ter retirado as tropas do Iraque. As eleições estão previstas para o dia 6 de novembro. METRO

Vaticano em celebração

Mais de 50 mil peregrinos participaram da missa de canonização na Praça São Pedro STEFANO RELLANDINI /REUTERS

Bento 16 canoniza sete novos santos A pedido do cardeal Angelo Amato, prefeito regional da Congregação das Causas dos Santos, o Papa Bento 16 canonizou sete novos santos. Entre as proclamações está a da ameríndia Kateri Tekakwitha, primeira nativa norte-americana a se tornar santa.

Atos de violência dominam Beirute Assassinato de ex-chefe de inteligência explode revolta Uma onda de violência tomou conta do centro de Beirute, capital do Líbano, ontem. Milhares de manifestantes entraram em choque com a polícia ao tentar invadir os escritórios do primeiro-ministro Najib Mikati. Os ataques ocorreram após o funeral do ex-chefe de inteligência libanesa, Wissam al-Hassan, 47 anos, assassinado por um carrobomba na sexta-feira. Sua morte causou grande indignação a alguns civis, que culpam a Síria pelo ataque. Os rebeldes marcharam em direção à sede do governo, derrubando barreiras e atirando pedras e barras de aço pelas ruas da capital. Para contê-los, a polícia usou gás lacrimogênio. Não houve relatos de vítimas ou grandes feridos,

Onde foi T U RQ U I A SÍRIA

Beirute LÍBANO Mar Mediterrâneo

I R AQ U E

de oposição anti-Síria (partido muçulmano de maioria sunita) e forças libanesas cristãs e bandeiras negras islâmicas. O líder da oposição Saad al-Hariri pediu que os manifestantes recuassem com os atos de violência.

ISR AEL EG I TO

J O R DÂ N I A

ARÁBIA A S AU D I TA

apenas duas pessoas desmaiaram em Beirute. A oposição pediu que Mikati deixe o posto. Muitos manifestantes acreditam que ele tem uma relação próxima com o presidente da Síria, Bashar al-Assad. Milhares de libaneses também agitaram bandeiras do Movimento Futuro

Na Síria Um carro-bomba explodiu ontem no bairro de maioria cristã Bab Toma, no centro histórico de Damasco, Síria. Pelo menos 13 pessoas morreram e 19 ficaram feridas. O atentato, considerado como terrorista, coincidiu com a visita do enviado especial da ONU (Organização das Nações Unidas) e da Liga Árabe, Lakhdar Brahimi, à capital do país para propor um cessar-fogo. METRO


BRACTB_2012-10-22_11.qxp:BRAZIL

10/21/12

6:14 PM

Page 2

cultura

www.readmetro.com

Zezé e Luciano estão de volta a Curitiba DIVULGAÇÃO

Canções como “Sonhos de Amor” e “As Coisas Mudam” integram o repertório dos shows

Instrumentista Nosly apresenta novo álbum

REPRODUÇÃO

Autor de mais de 200 composições de diversos estilos musicais, como a MPB tradicional e o reggae, Nosly estará no Teatro Paiol amanhã para apresentar seu novo disco, “Parador”. O show terá o formato chamado de “banquinho e violão” e trará repertório variado, não apenas com canções mais recentes, mas também trabalhos presentes em seus dois álbuns anteriores. Definido por Zeca Baleiro como um “ourives fino de melodias preciosas”, Nosly trabalhava inicialmente como instrumentista e melodista. Com o tempo, tornou-se intérprete. Além de Baleiro, que ficou a cargo da produção do disco, o novo trabalho reúne participações de vários outros nomes da música, como Fausto Nilo, Chico César, Fernando Abreu, Sérgio Natureza e Olga Savary. Na apresentação de amanhã, ele estará acompanhado da cantora Maytê Corrêa, conhecida por interpretar canções de gêneros brasileiros como o samba. METRO CURITIBA

Bossa Nova, ritmos maranhenses e música mineira compõem os universos que influenciam o estilo de Nosly

Agenda Teatro do Paiol (Praça Guido Viaro, sem número).

11

SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

Amanhã às 20h. Ingressos entre R$ 5 e R$ 10. Informações pelo número 3213-1340.

Dupla fará dois shows no Guaíra, com músicas inéditas e releituras Uma das duplas sertanejas mais queridas do Brasil volta a Curitiba um ano depois de dar um grande susto em seus fãs. Zezé di Camargo e Luciano vão estar no Teatro Guaíra, o mesmo lugar onde ameçaram se separar no ano passado, para dois shows especiais, na quinta e na sexta-feira. Para compensar a surpresa desagradável da comemoração de duas décadas de carreira, eles vêm mostrar que estão firmes e fortes em seus 21 anos de estrada. A ideia era apenas ter gravado um DVD comemorativo em 2011, mas a dupla mudou de planos. “Havíamos planejado fazer um DVD e um CD com músicas

retiradas dele. Mas, se isso acontecesse, seria a primeira vez que não teríamos um CD inédito. Isso não poderia acontecer”, diz Luciano. Para a alegria da legião de fãs que os acompanha desde que começaram, em Goiás, o 21º álbum da carreira – uma média de um álbum por ano – traz não apenas oito inéditas, mas também releituras de sucessos antigos que receberam nova roupagem, explorando ritmos musicais que vão do forró à percussão, passando por muito gingado. Quem quiser conferir as apresentações precisa correr porque os ingressos para as duas noites estão se esgotando. METRO CURITIBA

2

cultura Programe-se Teatro Guaíra (Rua XV de Novembro, 971). Quinta e sexta, às 21h. Ingressos entre R$ 150 e R$ 290. Informações pelos 3304-7999 e 3304-7900.


BRACTB_2012-10-22_12.qxp:BRAZIL

12

10/21/12

5:20 PM

Page 1

www.readmetro.com

variedades

SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

Os invasores ABC DIGIPRESS

Na ponta do lápis

Mendigo bonito

MARCOS SILVESTRE

CARTÃO DE CRÉDITO: PARTE C – A SOLUÇÃO

Cruzadas

Q

Quanto sensacionalismo em cima do “Mendigo Bonito”. Eu estive na mesma situação quando usuário de crack. Convivi com muitos “mendigos bonitos”. Esses... médicos, advogados, estudantes, músicos, dentistas ou vagabundos. Essa droga não escolhe se a pessoa é rica ou pobre, bonita ou feia. A estrutura familiar e a estrututura pessoal contam muito. Eu ajudo muitos dependentes químicos que são, hoje, graças a Deus, ex-mendigos gatos. Esses quiseram ajuda. Victor Sálvaro – Curitiba, PR

uem usa cartão de crédito não pode ser pego de surpresa pelo total da fatura (“Mas tudo isso?!”). Se não o sujeito terá de pagar menos que 100% do valor devido, recorrendo de forma não planejada ao crédito rotativo do cartão, que, ainda hoje, cobra os juros reais mais elevados do planeta.

Debates na TV O bom dos debates no segundo turno é que eles são verdadeiros debates. Com dois envolvidos, conseguimos perceber as diferenças entre os candidatos, seja nas propostas ou na personalidade deles. Esse tipo de confronto é muito bom. Temos a oportunidade de escolher aquele que tem mais a ver com nossas vontades.

Para evitar um uso desvairado do cartão de crédito, imponha-se limites. A soma dos limites de seus vários cartões deve ficar entre 30% e 50% de sua renda mensal, no máximo. Afinal, uma parte de seu ganho deverá ser utilizada para viabilizar também o uso de outros meios de pagamento muito comuns, como cartões de débito, cheques, carnês, débitos automáticos em conta etc..

William K. Rocha – Curitiba, PR

Daí, para poder ter uma boa noção de quanto virá na próxima fatura, “colecione” os papeizinhos amarelos de cada gasto ou compra em sua carteira, guardando-os de forma organizada. Logo no início do mês, no primeiro uso do cartão, dobre ao meio a primeira papeleta (referente à primeira despesa ou compra do mês) e “vista” com ela seu cartão, guardando tal conjunto na carteira. Quando vier o segundo papelzinho, some o valor deste ao valor do primeiro, e anote o valor total acumulado em números grandes na frente do segundo papel (à caneta ou a lápis). Dobre o segundo papelzinho ao meio e “vista” com ele o conjunto anterior (cartão + primeiro papelzinho dobrado).

Pergunta O horário de verão está chegando. Você gosta dessa mudança no relógio? Acha que ela é interessante? Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroCTB

Sudoku

@douglascuritiba Para ir a compromissos é estranho, agora para aproveitar o fim de dia é show!

Prof. Marcos Silvestre é economista com MBA em Finanças e Controladoria pela Universidade de São Paulo. Há 21 anos atua como educador e planejador financeiro especializado. Idealizou na Unicamp o PROF® Programa de Reeducação e Orientação Financeira. É fundador da SOBREDinheiro® Sociedade Brasileira de Estudos sobre Dinheiro e autor dos best-sellers “12 Meses para Enriquecer: o plano da virada” e “Investimentos à Prova de Crise”. Dirige o site www.oplanodavirada.com.br e apresenta a coluna diária e o programa semanal Na Ponta do Lápis na BandNews FM.

Web Web Para Para falar falar com com a a redação: redação: leitor.ctb@metrojornal.com.br leitor.ctb@metrojornal.com.br Participe Participe também também no no Facebook: Facebook: www.facebook.com/metrojornal www.facebook.com/metrojornal

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Liberdade para agir, mesmo que seus recursos sejam escassos você poderá contar com boas ideias e o apoio das pessoas para poder alcançar os seus objetivos. Touro (21/4 a 20/5) Insatisfações ligadas à inseguranças pessoais, principalmente financeiras, os detalhes que envolvem os seus negócios podem não lhe dar garantias suficientes. Gêmeos (21/5 a 20/6) Fique de olhos bem abertos para não deixar passar oportunidades que estão diante de você. Boas chances de fazer algum dinheiro com os seus parceiros. Câncer (21/6 a 22/7) Necessidade de apoio de pessoas que entendam os seus problemas e que tenham objetivos em comum com você, trate de ficar mais próximo delas e atuar em equipe.

@rodrigomeister dá pra brincar com o filho nos parques depois do colégio. Show! @admmarcelo Gosto, mas é difícil o organismo acostumar. A alimentação e o sono são bastante influenciados pelo horário de verão.

Faça isso sucessivamente com cada gasto/compra feita ao longo do mês, e você estará monitorando continuamente, de forma automática, o valor acumulado de suas despesas pagas com cartão naquele mês. Quando chegar próximo de seu limite, pé no freio dos gastos e postergue as próximas despesas para o próximo mês. Assim, quando a fatura vier será possível quitar 100% (Ufa!).

Horóscopo

Leitor fala

www.estrelaguia.com.br Leão (23/7 a 22/8) Um pouco de liberdade lhe cai bem, chega de bancar o dependente sentimental dos outros e comece a fazer o seu próprio caminho com as pessoas que você gosta. Virgem (23/8 a 22/9) Se você não estiver em condições de bancar a situação seja humilde e não tente arcar com coisas que estão além das suas capacidades. Não se estresse com isso. Libra (23/9 a 22/10) Picuinhas demais podem deixar você de fora dos melhores momentos do dia, você vai precisar deixar alguns detalhes de lado se quiser acompanhar a galera. Escorpião (23/10 a 21/11) Necessidade de ultrapassar os seus próprios limites, você pode passar por momentos de crise interior, mas tudo está para mudar, hoje é dia de preparação.

Sagitário (22/11 a 21/12) Pense melhor antes de sair apoiando a opinião dos outros. Se você não está tendo muitas ideias é porque talvez este seja um dia de reflexões e aprendizados. Capricórnio (22/12 a 20/1) Não adianta querer reter as pessoas quando elas estiverem arredias demais, deixe que experimentem as suas próprias ideias. Afinal, elas precisam amadurecer. Aquário (21/1 a 19/2) Incertezas não combinam com vanguarda, ou você realmente sabe o que quer e vai à luta pelos seus ideais ou fica na sua para não acabar causando confusão. Peixes (20/2 a 20/3) Coração apertado com as situações do dia, que poderão deixar as pessoas mais avessas e um pouco distantes. Não sofra por antecipação, seja mais confiante.


BRACTB_2012-10-22_13.qxp:BRAZIL

10/21/12

8:22 PM

Page 1

www.readmetro.com

cultura

13

SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

Prepare as unhas: ‘The Killing’ voltou

Os personagens novatos Julie Finlay (Elisabeth Shue) e D.B. Russell (Ted Danson) ao lado da veterana Sara Sidle (Jorja Fox), à direita

De crime em crime

FOTOS: DIVULGAÇÃO

a

Produtora de ‘CSI’ comenta a 13 temporada, que estreia hoje no Sony ALBERTO MARQUES/DIVULGAÇÃO

Liz Devine nunca pensou que seu trabalho fosse levála à televisão. Como investigadora criminalista de Los Angeles, ela prestava consultoria a filmes. Foi assim que chegou a “CSI”, da qual virou roteirista e, 12 anos depois, também produtora. A série, uma das mais bem sucedidas da TV americana, estreia sua 13a temporada hoje, às 22h, no Sony. “O bom de trabalhar essas questões em ‘CSI’ é que ninguém está morto de verdade!”, afirma Liz, rindo, em recente passagem por São Paulo para uma palestra sobre investigação forense.

“Faço ‘comfort food TV’ com ‘CSI’. No final de tudo, o malvado sempre acaba na prisão.” LIZ DEVINE, PRODUTORA DE ‘CSI’

“É muito legal mostrar como realmente é meu trabalho, algo pelo qual dei bastante duro”, diz. Muitos

episódios são inspirados em casos reais, mas eles nunca são apresentados de forma idêntica. Afinal, a vida dificilmente tem tantas viradas quanto as vistas ali. Como é comum a qualquer série longeva, “CSI” passa agora por mudanças, sentidas principalmente na inserção de novos personagens. Para o novo ano, Liz promete aprofundar tramas de cada um, com episódios inspirados na Las Vegas dos anos 1950, em um jogo de basquete e em um acidente de avião, entre outros. Ela comenta ainda o boom de séries policiais

nórdicas, como “The Killing” (veja abaixo). “Vi a versão americana. Gostei, mas ela tem um tempo muito diferente, mais lento e pesado. Fica difícil assistir sempre. Em “CSI”, temos a liberdade de fazer episódios engraçados, por exemplo.” Ela também comenta a queda na audiência da série nos EUA. “Talvez as pessoas não estejam mais vendo tanto “CSI”, mas, na verdade, elas estão mesmo é vendo menos TV em geral.” AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO

Logo na primeira sequência já dá para notar o que vem pela frente na segunda temporada de “The Killing”, que estreia hoje, às 22h, no canal Globosat HD. Desesperado, um homem liga para a polícia dizendo que sua mulher foi cruelmente torturada e assassinada com mais de 20 facadas. O corpo da vítima está amarrado num parque de Copenhague e ele, o marido, está coberto de sangue. Em breve estará preso. Quem acompanhou a primeira temporada dessa excelente série dinamarquesa sabe que a história está longe de estar concluída. Ainda mais quando a detetive Sarah Lund (Sofie Grabol) é chamada pelo exchefe Lennart Brix a dar sua opinião sobre o caso. Meses depois da resolu-

A semana na TV Outras séries que estreiam ou retomam temporada nos próximos dias

• Hoje, dia 22 ‘Grey’s Anatomy’ Às 21h45, no Sony A nona temporada retoma do acidente da avião que colocou a vida dos médicos do Seattle Grace em perigo.

ção do assassinato de Nana Birk Larsen e da morte do seu parceiro Jan Meyer, Sarah trabalha como uma policial comum no sistema de balsas da Dinamarca. Isolada, sua vida está suspensa. O convite de Brix a traz de volta à capital e, com a ajuda de um novo parceiro, Thomas Buch (Nicolas Bro), Sarah, a despeito do seu jeito calado e esquisito, passa a conduzir a investigação. Em paralelo, a trama mostra um recém-empossado ministro da Justiça tentando negociar com o partido ultranacionalista uma nova legislação antiterrorismo. Junte a isso um grupo de veteranos do Afeganistão disposto a acelerar o processo disseminando o terror e pronto: prepare as unhas para dez episódios de alta tensão. METRO

• Quarta, dia 24 ‘The Client List’ Às 21h, no Sony Jennifer Love Hewitt estreia a série como uma dona de casa falida que se envolve com prostituição para criar os filhos.

• Quinta, dia 25 ‘Once Upon a Time’ Às 21h, no Sony Os personagens despertam suas memórias do mundo de contos de fada no início desta segunda temporada.

• Terça, dia 23 ‘The Big Bang Theory’ Às 21h, no Warner No sexto ano, o astronauta Howard lida com o casamento à distância enquanto Sheldon e Amy avançam na relação.

‘Elementary’ Às 22h, no Universal Jonny Lee Miller encarna um Sherlock Holmes que se muda para NY e é acompanhado de perto pela dra. Joan Watson.


BRACTB_2012-10-22_14.qxp:BRAZIL

10/21/12

8:02 PM

Page 1

esporte

14

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

RODRIGO FÉLIX LEAL / METRO CURITIBA

3

esporte

DIVULGAÇÃO

Eles são os protagonistas da festa no estádio

Marcelo D2, uma das atrações

Festa será no sábado Para celebrar os 35 anos, a torcida Os Fanáticos promove uma festa no sábado, dia 27, no Curitiba Master Hall. Entre as atrações estão Marcelo D2 e Mr Catra. De acordo com o presidente Juliano Rodrigues, mais de 2.500 pessoas já confirmaram presença. Os ingressos podem ser adquiridos pelo telefone 3029-5984. Mais informações em www.osfanaticos.com.br. METRO CURITIBA

O apoio que vem das arquibancadas Torcida Fanáticos fará 35 anos na quarta

De presente, quer a subida do Atlético à Série A

ARQUIVO PESSOAL

Fundada em 24 de outubro de 1977, a principal torcida organizada do Atlético, Os Fanáticos, nasceu da paixão de um grupo de jovens pelo Furacão. Ela é a protagonista da festa nas arquibancadas, com músicas de apoio ao Rubro-negro que exercem papel fundamental no desempenho do time. A bateria, as bandeiras e as faixas dão um toque final ao espetáculo. “A função primordial da Fanáticos é estar junto com o Atlético em qualquer lugar que ele esteja. Nosso papel é representar o Atlético, sempre”, comenta o presidente da organizada, Juliano Rodrigues. Segundo ele, a torcida passa por um recadastramento e ainda não há como precisar quantos associados existem. Mas a média de integrantes é de 5 mil a 6 mil por jogo, de acordo com estimativa do próprio Rodrigues.

“Hoje, a Fanáticos soma muito ao Atlético. Todo atleticano se identifica com a torcida.” JULIANO RODRIGUES, PRESIDENTE DA TORCIDA ORGANIZADA OS FANÁTICOS

Para se manter, a torcida arrecada recursos com a venda de produtos oficiais que trazem a marca da organizada, como agasalhos e camisas, além da realizadação de festas. O Clube Atlético Paranaense não ajuda financei-

RODRIGO FÉLIX LEAL / METRO CURITIBA

ramente a Fanáticos, no entanto, Juliano Rodrigues garante que há um bom relacionamento com a diretoria. “Temos uma relação de respeito. Confiamos no trabalho deles”, garante. Com 35 anos de existência, completados na quarta-feira, um dos presentes que a torcida quer ganhar é o acesso à Série A do Brasileirão. “Acreditamos que vamos subir, que vamos ter êxito. Vamos continuar incentivando”, diz. A respeito da imagem negativa das torcidas organizadas, Rodrigues afirma que essa não é a realidade. “Quem fala isso não conhece nosso trabalho. Acham que confusão é sinônimo de torcida organizada. Nós tentamos excluir todos os que atrapalham e não pensam no Atlético”. LINA HAMDAR METRO CURITIBA

Bandeiras e faixas garantem o espetáculo


BRACTB_2012-10-22_15.qxp:BRAZIL

10/21/12

7:43 PM

Page 1

15

www.readmetro.com

esporte

SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

DIVULGAÇÃO/CORITIBA

No G-4, Furacão terá duas partidas em casa DIVULGAÇÃO

Cleiton é dúvida para o próximo jogo, mas Pereira pode voltar durante a semana

Coxa já prepara nova retranca contra o líder Feliz com último empate, Marquinhos Santos sinaliza que mesmo o resultado contra o Fluminense será bom Depois de armar retrancas nos dois últimos jogos fora de casa, o técnico Marquinhos Santos não deve mudar a tática para a próximo rodada, contra o líder Fluminense no Rio de Janeiro. “Vamos montar o grupo para somar pontos”, disse, dando a entender que um novo empate fora de casa será considerado um bom resultado. Contra o Palmeiras, a retranca já rendeu três pontos ao Alvi-verde, depois de gol de pênalti aos 42 minutos do segundo tempo. Na

última rodada, novamente o treinador não quis correr riscos. “A proposta era essa mesmo, sair nos contra-ataques. Acho que um ponto foi muito válido”, analisou o volante Willian. Retornos O atacante Deivid e o meia Lincoln cumpriram suspensão contra o Grêmio e voltam ao time titular na quinta-feira. Na zaga, Cleiton é dúvida, com um estiramento na coxa. Para a vaga, Pereira tem chances de voltar nesta semana. Caso ele não

4

pontos faltam para que o Coritiba chegue à meta de 46 pontos no Brasileirão – limite que, segundo os matemáticos, garante a permanência na Série A. tenha condições, Diego Alemão deve jogar. THIAGO MACHADO METRO CURITIBA

Com apenas um ponto de vantagem sobre o seu principal rival na tabela, o São Caetano, o Atlético terá duas partidas em Curitiba para se manter no G-4 da Série B. Amanhã, o time pega o Guarani no estádio Janguito Malucelli, e o próximo adversário será o Guaratinguetá, também na capital. Pelo retrospecto do ano, o time tem tudo para se garantir no grupo de acesso: em 15 jogos como mandante, foram 10 vitórias, 3 empates e apenas duas derrotas. “Vamos nos preparar bem para as duas partidas em casa. Temos que ter respeito pelo Guarani, mas é nossa obrigação vencer”, diz o goleiro Weverton. Já o discurso do técnico Ricardo Drubscky é mais cauteloso. “O campeonato continua difícil e nós estamos fazendo com que os times da frente fiquem es-

Elenco Drubscky tem problemas nas laterais.

Daniel pode jogar na lateral

pertos”, afirmou depois de derrotar o Vitória, em Salvador, no sábado. Além de fazer a “lição de casa”, o Atlético ainda tem que torcer contra o São Caetano. Nas próximas rodadas, o time paulista enfrenta o Ipatinga, na zona de rebaixamento, e o Vitória, fora de casa. METRO CURITIBA

1

O lateral-direto Maranhão está suspenso, depois de tomar o terceiro cartão amarelo, e não enfrenta o Guarani. Daniel ou o meia Henrique, improvisado, podem ocupar a posição.

2

Na lateral esquerda, Pedro Botelho foi expulso na última rodada, depois de simular um pênalti. Wellington Saci deve ser a escolha do técnico para a vaga.

3

O meia Paulo Baier foi poupado da viagem para Salvador e deve ser presença no elenco do Furacão. Ele deve começar no banco.

Boa atuação abre briga entre goleiros no Paraná DIVULGACÃO

Com a boa atuação de Luis Carlos na última rodada contra o Criciúma, o goleiro do Paraná se credenciou para assumir, novamente, a posição de titular no time. Este ano, ele já atuou 33 vezes, mas estava na reserva há nove rodadas. Thiago Rodrigues, o outro goleiro do time, está contundido e é dúvida para o próximo jogo. O técnico Toninho Cecílio afirma que a definição ainda não foi tomada. “O Thiago, por enquanto, está

Depois de nove rodadas na reserva, Luis Carlos teve oportunidade

entregue ao departamento médico e o Luis também vem jogando bem. Não é uma preocupação para

agora”, garante. Amanhã, o time enfrenta o Ceará fora de casa. METRO CURITIBA


BRACTB_2012-10-22_16.qxp:BRAZIL

16

10/21/12

10:03 PM

Page 2

esporte

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2012

Na base da raça, Galo se aproxima do líder Flu

Brasileirão 32ª rodada ONTEM

PALMEIRAS

2 0 x

CRUZEIRO

Atlético-MG diminui para seis pontos a distância para cariocas; Jô marca duas vezes GUSTAVO ANDRADE/METRO BH

Atlético-MG e Fluminense fizeram ontem um jogo digno dos dois times que possuem as melhores campanhas do Brasileirão 2012. Quando tudo caminhava para um empate que praticamente colocaria a taça nas mãos da equipe carioca, Ronaldinho lançou na medida para o zagueiro-artilheiro Leonardo Silva marcar de cabeça e decretar a vitória por 3 a 2, que mantém vivas as esperanças da torcida alvinegra. O resultado, obtido já nos acréscimos, deixa em aberto a corrida pelo título, pois reduz de nove para seis pontos a vantagem do Tricolor, restando seis rodadas e 18 pontos a serem disputados. O primeiro tempo foi um verdadeiro massacre do Galo: 15 finalizações contra uma. O time alvinegro, porém, errou demais nas conclusões e ainda deu azar,

3 x 2

Atlético: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Réver e Júnior César; Pierre , Leandro Donizete, Ronaldinho Gaúcho e Guilherme (Neto Berola); Bernard e Jô. Técnico: Cuca

CORINTHIANS

Fluminense: Diego Cavalieri; Bruno Vieira, Gum, Digão e Carlinhos ; Edinho, Diguinho , Deco (Wagner) e Thiago Neves (Rafael Sobis); Fred e Wellington Nem. Técnico: Abel Braga

GRÊMIO

CUCA, TÉCNICO DO ATLÉTICO

acertando duas vezes a trave, com Jô e Bernard. Aos 20 minutos, Ronaldinho chegou a balançar a rede, mas o árbitro Jaílson Macedo viu falta de Leonardo

Silva na barreira e anulou o gol, para a revolta da torcida e do time alvinegro. Após o intervalo, o Flu manteve a postura defensiva e abriu o placar num contra-ataque, com Wellington Nem. O Galo se lançou ainda mais à frente e, na pressão, virou o placar, com Jô. Fred ainda empatou no fim, mas Leonardo Silva manteve o Atlético vivo com um gol aos 47 minutos. METRO

FLAMENGO

ATLÉTICO-MG

NÁTUTICO

Jô virou o jogo para o Atlético-MG

Escapar da queda será um título, diz Kleina

Breves

cional, Botafogo, Fluminense, Flamengo, Atlético-GO e Santos. E para evitar o rebaixamento, o atacante Barcos e o capitão Marcos Assunção serão fundamentais. Dos 99 gols no ano, 51 tiveram participação da dupla. “Essa dependência vem do ano inteiro. A maioria dos gols são dos pés do Barcos e Assunção. Que continue assim”, disse Kleina. METRO

x

CORITIBA

1 0 x

3 2 x

0 0 x

1 0 x

0 1 x

SÃO PAULO

FLUMINENSE

PORTUGUESA

SANTOS

SPORT

QUARTA-FEIRA

VASCO

DEMISSÃO. Paulo César

Contusões assustam o Corinthians

“A gente se mobilizou, está unido e vai escapar dessa. Vai ser um título, sem dúvida”, disse o técnico Gilson Kleina.“Estamos trabalhando sob desconfiança, mas sabemos das nossas capacidades. Nós nos metemos nisso, e vamos reverter. Vamos terminar o ano bem”, completou o volante Marcos Assunção. O Verdão fará ainda mais seis jogos. Encara Interna-

0 0

BAHIA

Carpegiani sai do Vitória

FOTOS: CESAR GRECO/FOTOARENA

Se a esperança do torcedor palmeirense na permanência do clube na Série A havia aumentado após a vitória sobre o Bahia por 1 a 0, quarta-feira, os ânimos ficaram ainda melhores depois do triunfo diante do Cruzeiro, sábado, por 2 a 0. Com a vitória, o Verdão chegou aos 32 pontos em 32 jogos. O Bahia, primeiro clube fora da zona de rebaixamento, soma 36 pontos.

PONTE PRETA

ATLÉTICO-GO

RODRIGO COCA/FOTOARENA/FOLHAPRESS

Técnico Gilson Kleina ainda confia na permanência

x

HOJE

• Gols: Wellington Nem, aos 10, Jô, aos 23 e aos 36, Fred, aos 40, e Leonardo Silva, aos 47 minutos do segundo tempo • Arbitragem: Jaílson Macedo Freitas, auxiliado por Fabrício Vilarinho da Silva e Kleber Lucio Gil • Local: Arena Independência, em Belo Horizonte

“Foi um jogo com todos os ingredientes, do tipo que tem o peso de uma conquista.”

1 1

“A bruxa está solta no Corinthians.” A frase do goleiro Cássio ilustra bem o sentimento do clube após o empate por 1 a 1 com o Bahia, sábado. Com 12 minutos de jogo, a equipe perdeu, por lesão, o zagueiro Wallace e o lateral esquerdo Denner. “Vai que acontece um acidente? Claro que não quero, mas aconteceu com o Denner”, disse Tite. O comandante tem uma lista com 35 atletas pré-relacionados para o Mundial. O número final será de 23. Além de Wallace – contusão na coxa direita – e Denner – lesão no joelho direito – o departamento médico do Timão ainda tem o atacante Emerson, o meia Danilo e o zagueiro Chicão em fase de recuperação. METRO

Carpegiani não é mais o técnico do Vitória. Na manhã de ontem, ele se reuniu com a diretoria do Leão e pediu demissão do clube. No sábado, o rubro-negro baiano perdeu para o AtléticoPR por 2 a 0 em Salvador, pela Série B do Campeonato Brasileiro. METRO

Julio César falha e QPR fica no empate INGLATERRA. O goleiro Julio César, ex-Seleção Brasileira e Inter de Milão, anotou um gol contra no empate do Queens Park Rangers por 1 a 1 com o Everton, ontem, pelo Campeonato Inglês. Após a cabeçada de Distin, a bola bateu nas costas do goleiro e entrou. O gol foi creditado ao brasileiro. METRO

x

INTERNACIONAL

20h30

FIGUEIRENSE

x

BOTAFOGO

22h

CLASSIFICAÇÃO P V GP SG 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

FLUMINENSE ATLÉTICO-MG GRÊMIO SÃO PAULO VASCO INTER BOTAFOGO CORINTHIANS CRUZEIRO CORITIBA SANTOS NÁUTICO PONTE PRETA FLAMENGO PORTUGUESA BAHIA SPORT PALMEIRAS FIGUEIRENSE ATLÉTICO-GO

69 63 59 55 50 45 44 44 43 42 42 41 40 40 39 36 33 32 28 23

20 18 17 17 14 11 12 11 12 12 10 12 10 10 9 8 8 9 7 5

53 54 48 48 38 40 45 39 38 45 39 38 35 32 35 31 30 31 36 31

29 26 18 18 4 10 4 5 -3 -4 -1 -9 -7 -9 0 -5 -19 -10 -23 -25

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B


20121022_br_metro curitiba