Issuu on Google+

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica CGB Artes Gráficas.

‘COMO É GRANDE O MEU AMOR POR VOCÊ’ CIDADE SE DESPEDE DE HEBE CAMARGO {pág 11}

Cemitério ficou repleto de flores

OPOSIÇÃO REÚNE MILHARES EM COMÍCIO ELEITORAL NA VENEZUELA {pág 09}

MAIS UMA GAÚCHA: GABRIELA É A MISS BRASIL {pág 10}

BELO HORIZONTE Segunda-feira,

1º de outubro de 2012

Edição nº 250, ano 2 Mín 12°C Máx 28°C

Cego terá controle para chamar ônibus Aparelho irá conectar deficientes aos ônibus gerenciados pela BHTrans Dispositivo irá beneficiar cerca de 360 mil pessoas que têm alguma dificuldade visual Sinalização eletrônica funcionará por meio de som {pág 04} Dia decisivo

Julgamento do mensalão mira hoje a cúpula do PT José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoíno serão julgados no Supremo por corrupção ativa Crime tem pena que varia entre dois e 12 anos de prisão {pág 06}

Portabilidade chega aos imóveis

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Cliente poderá transferir para outro banco seu financiamento {pág 08}

Galo vê liderança bem mais longe Aparelho já está sendo testado por 20 deficientes nas ruas da capital mineira

Fluminense aproveita tropeço do Atlético e abre 6 pontos {págs 13 e 14}


belo horizonte

02

1 foco

Pesquisa

Lacerda tem 46% e Patrus, 30% em BH Pesquisa estimulada Hoje em Dia/Sensus aponta que o candidato a reeleição Marcio Lacerda (PSB) lidera a intenção de votos com 46,1%. Seu principal concorrente, Patrus Ananias, aparece em seguida, com 30,3%. Em terceiro, está Maria da Consolação (PSOL), com 1%. Vanessa Portugal, (PSTU), Alfredo Flister (PHS), Pepê (PCO) e Tadeu Martins (PPL) têm menos de 1%. A pesquisa foi realizada entre os dias 25 e 27 de setembro, com 1.050 eleitores. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. METRO BH

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

Enterradas vítimas de trágico acidente Corpos das dez pessoas mortas em uma grave batida no norte de Minas são enterrados Entre as vítimas, estava uma menina de sete anos Comoção e tristeza foram a tônica, ontem, em Porteirinha, município com 37 mil habitantes do Norte mineiro. Cinco das dez pessoas que morreram em um grave acidente foram enterradas no Cemitério de Serra Branca. Elas eram de uma tradicional família da cidade. Das cinco vítimas enterradas em Porteirinha, quatro eram idosas, entre 70 e 84 anos. A motorista tinha 54 anos. As outras cinco pessoas que morreram no acidente, também parentes entre si, foram levadas a Rio do Pires, no Centro-Sul da Bahia, a 750 quilômetros da capital Salvador. Entre elas, estava uma menina de apenas sete anos. Acidente trágico Por volta das 7h do último sábado, uma caminhonete bateu de frente com um Gol, na MGT-122, em Porteirinha. Os dois veículos

10

pessoas de duas famílias morreram após um grave acidente no município de Porteirinha, no norte de Minas. Todos os envolvidos, que lotavam os dois veículos, faleceram após a batida. estavam cheios, com cinco ocupantes cada. Logo após a batida, oito morreram. Duas vítimas chegaram a ser levadas ao hospital, mas não resistiram. Segundo os bombeiros, o Gol havia saído de São Paulo e seguia para a cidade de Rio do Pires. A caminhonete, ocupada por uma família de Porteirinha, tinha como destino uma fazenda em Montalvânia, também no Norte de Minas. METRO BH

Batida grave no norte de Minas deixou dez mortos

DESCONHECIDAS

Causas de batida são mistério O motivo do grave acidentes que deixou dez pes-

soas mortas, no Norte de Minas, ainda não foi esclarecido. Não chovia no momento da batida. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, o trecho da estrada onde o acidente ocorreu é bem sinalizado. Os militares informaram ainda que a rodovia, no local da batida, é de reta.

Susto espetacular

Breves

Mulher morre após ataque de cães na RMBH VIOLÊNCIA. A polícia inves-

Cotações Dólar

Euro

- 0,19% (R$ 2,02)

- 0,16% (R$ 2,61)

Bovespa

Selic (7,5%) Salário mínimo (R$ 622)

- 1,77% (59.175 pts)

Nenhum morador ficou ferido e motorista teve apenas ferimentos leves

Carro fica suspenso em residência Um acidente espetacular chamou a atenção de quem passou pelo bairro Salgado Filho, na região Leste de Belo Horizonte, durante o fim de semana. Um motorista descia uma rua íngreme do bairro quando perdeu o freio e só foi parar em cima de uma residência. Apesar do susto, o motorista teve apenas ferimentos leves. FALE COM A REDAÇÃO

leitor.bh@metrojornal.com.br 031/3349-5342 COMERCIAL: 031/3349-5307

O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

tiga o que provocou e como foi o ataque de cães da raça rottweiler que causou a morte de uma mulher. Ela foi atacada, no sábado, por quatro cachorros no quintal de uma empresa de reciclagem, em Santa Luzia, onde morava com o marido, caseiro do local. METRO BH

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha. Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Belo Horizonte. Gerente Executivo: Pedro Lara Resende. Editor Executivo: Juvercy Júnior (MTB 12.331/MG). Editor de Arte: Cláudio Machado. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas. Diretor de Jornalismo: Teodomiro Braga. Diretor Geral: José Saad Duailibi.

Acidente em Perdizes Outra grave batida foi registrada no último fim de semana em Minas Gerais. No sábado, uma Strada bateu de frente com um Monza na BR-452, em Perdizes, no Alto Paranaíba. Com o impacto, uma mulher morreu e um homem ficou ferido. METRO BH

Seca deixa 43 cidades de MG desamparadas ESTIAGEM. A seca que castiga Minas desde o início do ano ainda causa aflição em pelo menos 43 cidades. Esse é o número de municípios que decretaram situação de emergência e ainda não foram atendidos pelo Estado. Por outro lado, 79 cidades estão sendo contempladas após decretar situação de emergência. Elas receberam 152 caminhões pipa para transporte de água. METRO BH

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, 2221, São Bento, CEP: 30350-453, Belo Horizonte, MG. Tel.: 031/3349-5307. O jornal Metro é impresso na CGB Artes Gráficas. A tiragem e distribuição desta edição de 40.000 exemplares são auditadas pela BDO.


O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica CGB Artes Gráficas.

THIAGO BERNARDES/FRAME/FOLHAPRESS

‘COMO É GRANDE O MEU AMOR POR VOCÊ’ CIDADE SE DESPEDE DE HEBE CAMARGO {pág 11}

Cemitério ficou repleto de flores

OPOSIÇÃO REÚNE MILHARES EM COMÍCIO ELEITORAL NA VENEZUELA {pág 09}

MAIS UMA GAÚCHA: GABRIELA É A MISS BRASIL {pág 10}

BELO HORIZONTE Segunda-feira,

1º de outubro de 2012

Edição nº 250, ano 2 Mín 12°C Máx 28°C

Cego terá controle para chamar ônibus Aparelho irá conectar deficientes aos ônibus gerenciados pela BHTrans Dispositivo irá beneficiar cerca de 360 mil pessoas que têm alguma dificuldade visual Sinalização eletrônica funcionará por meio de som {pág 04} Dia decisivo

Julgamento do mensalão mira hoje a cúpula do PT José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoíno serão julgados no Supremo por corrupção ativa Crime tem pena que varia entre dois e 12 anos de prisão {pág 06}

Portabilidade chega aos imóveis

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Cliente poderá transferir para outro banco seu financiamento {pág 08}

Galo vê liderança bem mais longe Aparelho já está sendo testado por 20 deficientes nas ruas da capital mineira GUSTAVO ANDRADE/METRO BH

Fluminense aproveita tropeço do Atlético e abre 6 pontos {págs 13 e 14}


belo horizonte

02

1 foco

Pesquisa

Lacerda tem 46% e Patrus, 30% em BH Pesquisa estimulada Hoje em Dia/Sensus aponta que o candidato a reeleição Marcio Lacerda (PSB) lidera a intenção de votos com 46,1%. Seu principal concorrente, Patrus Ananias, aparece em seguida, com 30,3%. Em terceiro, está Maria da Consolação (PSOL), com 1%. Vanessa Portugal, (PSTU), Alfredo Flister (PHS), Pepê (PCO) e Tadeu Martins (PPL) têm menos de 1%. A pesquisa foi realizada entre os dias 25 e 27 de setembro, com 1.050 eleitores. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. METRO BH

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

Enterradas vítimas de trágico acidente

DIVULGAÇÃO/CORPO DE BOMBEIROS

Corpos das dez pessoas mortas em uma grave batida no norte de Minas são enterrados Entre as vítimas, estava uma menina de sete anos Comoção e tristeza foram a tônica, ontem, em Porteirinha, município com 37 mil habitantes do Norte mineiro. Cinco das dez pessoas que morreram em um grave acidente foram enterradas no Cemitério de Serra Branca. Elas eram de uma tradicional família da cidade. Das cinco vítimas enterradas em Porteirinha, quatro eram idosas, entre 70 e 84 anos. A motorista tinha 54 anos. As outras cinco pessoas que morreram no acidente, também parentes entre si, foram levadas a Rio do Pires, no Centro-Sul da Bahia, a 750 quilômetros da capital Salvador. Entre elas, estava uma menina de apenas sete anos. Acidente trágico Por volta das 7h do último sábado, uma caminhonete bateu de frente com um Gol, na MGT-122, em Porteirinha. Os dois veículos

10

pessoas de duas famílias morreram após um grave acidente no município de Porteirinha, no norte de Minas. Todos os envolvidos, que lotavam os dois veículos, faleceram após a batida. estavam cheios, com cinco ocupantes cada. Logo após a batida, oito morreram. Duas vítimas chegaram a ser levadas ao hospital, mas não resistiram. Segundo os bombeiros, o Gol havia saído de São Paulo e seguia para a cidade de Rio do Pires. A caminhonete, ocupada por uma família de Porteirinha, tinha como destino uma fazenda em Montalvânia, também no Norte de Minas. METRO BH

Batida grave no norte de Minas deixou dez mortos

DESCONHECIDAS

Causas de batida são mistério O motivo do grave acidentes que deixou dez pes-

soas mortas, no Norte de Minas, ainda não foi esclarecido. Não chovia no momento da batida. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, o trecho da estrada onde o acidente ocorreu é bem sinalizado. Os militares informaram ainda que a rodovia, no local da batida, é de reta.

Susto espetacular

Breves

Mulher morre após ataque de cães na RMBH VIOLÊNCIA. A polícia inves-

Cotações Dólar

Euro

- 0,19% (R$ 2,02)

- 0,16% (R$ 2,61)

Bovespa

Selic (7,5%) Salário mínimo (R$ 622)

- 1,77% (59.175 pts)

Nenhum morador ficou ferido e motorista teve apenas ferimentos leves CARLOS ROBERTO/HOJE EM DIA/FUTURA PRESS

Carro fica suspenso em residência Um acidente espetacular chamou a atenção de quem passou pelo bairro Salgado Filho, na região Leste de Belo Horizonte, durante o fim de semana. Um motorista descia uma rua íngreme do bairro quando perdeu o freio e só foi parar em cima de uma residência. Apesar do susto, o motorista teve apenas ferimentos leves. FALE COM A REDAÇÃO

leitor.bh@metrojornal.com.br 031/3349-5342 COMERCIAL: 031/3349-5307

O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

tiga o que provocou e como foi o ataque de cães da raça rottweiler que causou a morte de uma mulher. Ela foi atacada, no sábado, por quatro cachorros no quintal de uma empresa de reciclagem, em Santa Luzia, onde morava com o marido, caseiro do local. METRO BH

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha. Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Belo Horizonte. Gerente Executivo: Pedro Lara Resende. Editor Executivo: Juvercy Júnior (MTB 12.331/MG). Editor de Arte: Cláudio Machado. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas. Diretor de Jornalismo: Teodomiro Braga. Diretor Geral: José Saad Duailibi.

Acidente em Perdizes Outra grave batida foi registrada no último fim de semana em Minas Gerais. No sábado, uma Strada bateu de frente com um Monza na BR-452, em Perdizes, no Alto Paranaíba. Com o impacto, uma mulher morreu e um homem ficou ferido. METRO BH

Seca deixa 43 cidades de MG desamparadas ESTIAGEM. A seca que castiga Minas desde o início do ano ainda causa aflição em pelo menos 43 cidades. Esse é o número de municípios que decretaram situação de emergência e ainda não foram atendidos pelo Estado. Por outro lado, 79 cidades estão sendo contempladas após decretar situação de emergência. Elas receberam 152 caminhões pipa para transporte de água. METRO BH

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, 2221, São Bento, CEP: 30350-453, Belo Horizonte, MG. Tel.: 031/3349-5307. O jornal Metro é impresso na CGB Artes Gráficas. A tiragem e distribuição desta edição de 40.000 exemplares são auditadas pela BDO.


04

www.readmetro.com

belo horizonte

SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

Independência na palma das mãos

Ônibus de Belo Horizonte terão dispositivo para deficientes visuais Equipamento emite som quando linha desejada por usuário se aproxima GUSTAVO ANDRADE/METRO BH

Se locomover com autonomia pela capital pode estar a um click para os mais de 360 mil deficientes visuais que moram na cidade. É isso que promete um aparelho de sinalização eletrônica que irá conectar os passageiros aos ônibus gerenciados pela BHTrans. A previsão é que o equipamento comece a ser testado já no próximo dia 22, por um grupo de 20 voluntários, segundo a Prefeitura. Nessa primeira fase, a novidade será utilizada apenas nos coletivos das linhas 4205 e, progressivamente, será expandida para as demais linhas. O funcionamento é simples. Pelos menus de aúdio, o deficiente poderá selecionar a linha e, em seguida, o aparelho irá emitir um sinal que será captado pelo receptor instalado nos coletivos. Quando o veículo estiver a menos de 100 metros

“Há 16 anos que eu espero o aparelho. Ele vai nos dar independência para locomover.” JUAREZ GOMES, DEFICIENTE VISUAL

do ponto de embarque, uma caixa de som, acoplada ao dispositivo, irá anunciar a chegada. “Ele deve ser testado por até um mês. Depois disso, a PBH irá avaliar se ele será disponibilizado gratuitamente ou se os deficientes poderão adquirí-lo a um custo mais baixo", adianta o coordenador da Coordenadoria dos Direitos da Pessoa com Deficiência, José Carlos Dias Filho. A ideia, desenvolvida como parte de um projeto acadêmico da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), demorou mais de 15 anos para chegar às ruas de BH. “O primeiro protótipo desenvolvido tinha muitos problemas e só agora chegamos a uma versão viável. A Prefeitura já conhecia o projeto desde 2010, mas esperava iniciativas que comprovassem o sucesso do equipamento", conta o diretor da empresa responsável, Adriano Assis. Atualmente, três cidades já o adotaram. “Eu acompanhei o início da ideia e hoje nós temos uma vitória em mãos”, comemora o professor do Instituto São Rafael, Juarez Gomes. METRO BH

Passeios irregulares travam deslocamento Calçadas estreitas, com buracos e mal sinalizadas. Essas são as principais queixas de quem precisa burlar esses obstáculos todos os dias. “No ano passado, sofri uma queda quando andava em uma rua, porque troncos de árvores impediam a passagem", conta o professor e deficiente visual Juarez Gomes. Segundo o Código de Posturas da Prefeitura, editado em 2007, as novas edificações só podem ser liberadas desde que os passeios construídos cumpram as regras de acessibilidade. Cada proprietário é responsável pela manutenção e instalação de pisos táteis, por exemplo. No primeiro semestre deste ano, a Prefeitura emitiu 4,3 mil noti-

ficações e aplicou 800 multas por descumprimento das normas. No entanto, quando se analisa edificações anteriores ao Código, a administração municipal não tem o controle de quantas facilitam o acesso dos portadores de deficiência. Também não há uma estimativa de quantos calçadas seguem as medidas de acessibilidade hoje na capital. A Prefeitura apenas informa alguns locais que foram readaptados, como o Centro e a Savassi. METRO BH

mil notificações fo4 ram emitidas pela prefeitura, neste ano, a proprietários por calçadas malconservadas.

QUAL É A SUA OPINIÃO? O Metro ouviu os candidatos à Prefeitura de Belo Horizonte sobre a acessibilidade para pessoas portadoras de deficiência na cidade: Alfredo Flister (PHS) “Vou tornar todos os coletivos da capital a gás. Aproveitando essa mudança, colocaria elevador em todos os ônibus. Atualmente, não vejo coletivo nenhum adaptado em BH.” Marcio Lacerda (PSB) “A quantidade de ônibus com elevadores para acessibilidade aumentou de 42% para 77% da frota. Hoje, BH tem mais de 2,3 mil abrigos em pontos de ônibus com adaptações de acessibilidade e piso tátil. Já a rede municipal de ensino atende a mais de 3,4 mil estudantes com deficiência. Para os próximos anos, vamos avançar ainda mais na reforma dos equipamentos públicos visando a acessibilidade.” Maria da Consolação (PSOL) “Primeiramente, temos que pensar a cidade como um todo, não apenas na região central. A frota tem que ser 100% adaptada, além da estrutura do metrô. Também precisamos ter sinal sonoro, que não temos hoje. É preciso adequar a cidade para que todos circulem com tranqulidade.”

Equipamento será testado por 20 voluntários em BH

ACESSIBILIDADE

Entrar no mercado é desafio Cerca de 60% dos 500 mil portadores de deficiência que moram em BH estão fora do mercado de trabalho, segundo estimativa do coordenador da Coordenadoria dos Direitos da Pessoa com Deficiência, José Carlos Dias. A estatística vai na contramão da lei federal que obriga empresas, com mais de 100 funcionários, a manterem em seus quadros de 2 a 5% das vagas preenchidas por deficientes. Quem descumprir a regra pode pagar multas que chegam a R$ 5 mil. “Mesmo com legislação atual, é difícil fazer a inclusão

no mercado de trabalho. Os empresários alegam que faltam portadores de deficiência qualificados para ocuparem os cargos", reconhece Dias. Por outro lado, essa parcela da população reclama da desconfiança. “Sempre fica aquela pergunta no ar: será que ele vai dar conta? Eu cresci sabendo da minha deficiência e hoje sei lidar com essas situações", afirma o auxiliar administrativo, Wesley Batista, que teve o braço esquerdo amputado, após sofrer com um câncer na infância. A dificuldade de ingressar no mercado de trabalho é resultado de anos de exclusão, como pondera José Carlos Dias. Atualmente, apenas 3 mil crianças estão matriculadas nas escolas de educação infantil mantidas pela Prefeitura. METRO BH

Patrus Ananias (PT) “O programa de governo de Patrus Ananias vai desenvolver estratégias para a garantia dos direitos de cidadania das pessoas portadoras de deficiência, possibilitando a melhoria da acessibilidade nos prédios e logradouros públicos.” Tadeu Martins (PPL) “BH não tem trabalho prático de acessibilidade. Se passar pela Praça da Liberdade, nenhum prédio tem acessibilidade. Até no prédio da Prefeitura falta essa política. É uma cidade desumana, não só com deficientes, mas também com os menos favorecidos. Vamos desenvolver programas com ajuda dos próprios portadores.” Vanessa Portugal (PSTU) “A situação da capital é bastante caótica, a começar com as coisas mais simples. A própria guia da calçada é colocada próxima à rua, em vez de ficar do outro lado, perto dos edifícios. Sem falar que elas são interrompidas por bancas, placas etc. Em relação aos ônibus, temos que treinar também os motoristas e, por fim, investir na inclusão em escolas normais.” * Pedro Paulo (PCO) não atendeu às ligações do Metro


06

brasil

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

CSUDAI SANDOR

Julgamento chega à cúpula do PT José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoíno, três réus ligados ao partido, respondem por corrupção ativa O STF (Supremo Tribunal Federal) deverá começar a julgar hoje as acusações de corrupção ativa contra a cúpula do Partido dos Trabalhadores. O crime tem pena que varia entre dois e 12 anos. Antes, os ministros irão concluir o capítulo sobre a compra de apoio político pelos acusados ligados ao antigo PL (hoje PR), ao PP, ao PTB e ao PMDB. Em seguida, o ministro relator do mensalão, Joaquim Barbosa, fará a leitura do voto que tem como réus o ex-tesoureiro do PT,

Delúbio Soares, o ex-presidente do partido José Genoíno e o ex-chefe da Casa Civil José Dirceu, apontado na denúncia do Ministério Público como o ‘chefe da quadrilha’. A lógica do voto até agora aponta para uma tendência de condenação. Joaquim Barbosa reconheceu a existência de empréstimos fraudulentos feitos pelas empresas do Marcos Valério e que os ex-parlamentares de PP, PTB e PMDB e do antigo PL foram corrompidos e receberam dinheiro em troca

de apoio político no Congresso Nacional. A indefinição é quanto aos corruptores. Delúbio Soares é apontado como responsável pela distribuição do dinheiro. José Genoíno é acusado de dar o aval aos empréstimos que seriam usados para saldar as dívidas de campanha do PT. Faltaria apenas definir o papel de Dirceu. O relator deverá usar a tese da teoria do fato, que pune o comandante de esquema mesmo sem participação direta no crime. METRO BRASÍLIA

WILLIAM VOLCOV / FOLHAPRESS

Testemunhas embasam denúncia

José Dirceu se mantém recluso no interior de São Paulo aguardando a sentença

A denúncia do Ministério Público sobre o envolvimento do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu tomou como base o depoimento de 60 testemunhas. O petista é apontado como mentor intelectual do esquema. A motivação da compra de votos teria como pano de fundo a perpertuação do PT no poder. “Foi a principal figura, mentor da ação do grupo, o grande protagonista, que idealizou o sistema de apoio ilícito no Congresso mediante pagamento de parlamentares”, afirmou o procurador geral da República, Roberto Gurgel. Na acusação, é usado, por exemplo, o depoimento de Maria Saragoça, ex-mulher de Dirceu, que admitiu ter recebido um emprego no banco BMG e um empréstimo de R$ 42 mil de Marcos Valério. O ex-ministro nega ligações com o empresário. METRO BRASÍLIA NELSON JR. / STF

Roberto Gurgel

Foto de leitor da Hungria, vencedora mundial na categoria Ambiente em 2011

Maior concurso de fotos do mundo chega ao Brasil Os leitores do Metro que curtem fazer seus cliques pela cidade têm a partir de hoje a chance de mostrar suas fotos para o mundo. De quebra, ainda podem participar de uma expedição fotográfica na Groenlândia. No Metro Photo Challenge 2012, que chega ao Brasil hoje, os participantes podem inscrever suas fotos em cinco categorias. Quatro globais: O Melhor do meu País, Favorito, Noite e Tentações, e a etapa brasileira: EU SOU as Cores do Brasil – Nikon. Para competir é muito simples: basta fazer a inscrição no site metrophotochallenge.com usando seu

login do Facebook, Twitter ou Pinterest. As fotos que tiverem a maior quantidade de votos, “curtir” e visualizações serão publicadas diariamente na aba “Foto do Dia” do portal até o dia 9 de novembro. Além disso, um júri formado por profissionais do jornal e do mercado selecionará a melhor foto do dia, que será publicada também no jornal Metro durante o mesmo período. As inscrições vão até o dia 10 de novembro. Serão 20 finalistas de cada categoria da etapa brasileira. “Esse concurso vai mostrar para o mundo o talento dos brasileiros”, afirma o

diretor comercial do Metro Brasil, Carlos Scappini. Para o presidente da Nikon do Brasil, patrocinadora do concurso, Koji Maeda, o evento vai servir como incentivo à difusão da fotografia no país. “É uma honra assinarmos a categoria EU SOU as Cores do Brasil”, diz Maeda. Os vencedores das categorias globais serão avaliados pelo júri internacional e serão conhecidos no dia 30 de novembro. As fotos vencedoras serão publicadas em todos os Metro do mundo. Os quatro vencedores das categorias globais ganham a viagem para a Groenlândia. METRO

Diretor do Google obtém habeas corpus A Justiça concedeu anteontem habeas corpus preventivo ao diretor financeiro do Google Brasil, Edmundo Luiz Pinto Balthazar, contra o pedido de detenção por desobediência feito pelo juiz eleitoral Sylvio Ribeiro de Souza Neto, de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo. A decisão foi concedida pelo desembargador do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de São Paulo, Antônio Carlos Mathias Coltro. Na sexta-feira, o juiz Sylvio Ribeiro Neto determinou a detenção do diretor

financeiro porque o Google não havia retirado do blog do jornalista Márcio Francisco seis textos considerados ofensivos à prefeita Dárcy Vera (PSD), candidata à reeleição na cidade. O Google recorreu da decisão afirmando que os textos no blog precisam ser considerados como “exercício da liberdade de expressão e de pensamento” e que é impossível responsabilizar a empresa pelo conteúdo. O juiz de Ribeirão se manifestou sobre a decisão do desembargador do TRE

e afirmou que acatou a definição do tribunal. Críticas a candidatos nas campanhas eleitorais têm dado dor de cabeça aos advogados e executivos da empresa. Na última quarta-feira, o presidente do Google no Brasil, Fábio Coelho, chegou a ser detido por “desobediência” por não retirar dois vídeos que contêm críticas a Alcides Bernal (PP), candidato a prefeito de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. Horas depois ele foi liberado pela Justiça. METRO


08

economia

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 1O DE OUTUBRO DE 2012

Portabilidade chega ao financiamento de imóveis Governo deve regulamentar este mês as regras da transferência midor decida mudar o financiamento de lugar. Basta um aditivo ao contrato vigente. Mas não é só isso. “É muito caro para os bancos darem o crédito imobiliário, e é algo importante para suas carteiras. Assim, a ideia de uma concorrência nessa área exige uma boa regulamentação”, comenta Celso Petrucci, economista chefe do Secovi (o sindicato do setor de habitação). “É preciso criar uma convivência harmônica entre os bancos, com regras transparentes. Caso contrário, haverá o que na Espanha foi chamado de guerra hipotecária”, explica. O Secovi espera que a portabilidade esteja funcionando em, no máximo, seis meses. “Estamos torcendo.” CAROLINA VICENTIN METRO SÃO PAULO

Apple pede desculpa por serviço de mapas BECK DIEFENBACH / REUTERS

Em uma atitude inédita na história recente da companhia, o CEO da Apple, Tim Cook, pediu desculpas aos usuários pela péssima qualidade do serviço de mapas que vem no iOS 6, a atualização do sistema operacional da empresa. “Sentimos muitíssimo pela frustração causada aos nossos clientes e estamos fazendo tudo que podemos para melhorar o Mapas”, escreveu um humilde Cook, em um tom muito diferente do adotado pelo cofundador da Apple Steve Jobs. Cook recomendou, ain-

De olho nas vantagens O que é a portabilidade de crédito?

Por que isso é vantajoso? Os juros estão em queda no Brasil. Quem fez um empréstimo há dois anos, conseguiu taxas piores das que existem hoje. Ao transferir a dívida para outra instituição, o consumidor consegue ter melhores condições

É a operação que permite ao consumidor transferir seu financiamento de um banco para outro

Como funciona? O banco escolhido pelo cliente paga a dívida na antiga instituição (sem os juros, porque o pagamento é antecipado). O novo banco oferece taxas melhores, e o consumidor consegue economizar

Veja uma simulação Financiamento de um imóvel de R$ 250 mil, pelo prazo de 120 meses (10 anos), a uma taxa de 12% ao ano Parcela mensal: R$ 3.500,60 Total pago no final do financiamento: R$ 420.072,00

Ao final de três anos (com 36 das 120 parcelas pagas), o consumidor teria ainda uma dívida de R$ 294.050,40 (no financiamento original)

$

$

O governo deve regulamentar, este mês, as condições da transferência de crédito imobiliário. Isso significa que, assim como ocorre com a portabilidade na telefonia móvel, o consumidor poderá optar em qual banco vai manter o financiamento da casa própria. A ideia é que os bancos apresentem taxas mais competitivas, aquecendo a economia. “Os juros estão caindo no Brasil. Como os bancos querem novos clientes, farão o possível para atraí-los”, resume Miguel Ribeiro de Oliveira, diretor de Estudos Financeiros da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade). Para que isso funcione, no entanto, o governo precisa ditar as regras. Uma delas, já estabelecida, é a não exigência de um novo registro no cartório caso o consu-

Saiba por que isso é bom

Com a portabilidade, ele poderia migrar para um banco com taxa de 10% ao ano, onde quitaria as 84 parcelas restantes. Nova parcela mensal: R$ 3.311,12

Economia de

R$ 189,49 ao mês

Total pago no final do financiamento: R$ 278.134,08

Em 84 meses, seriam

R$ 15.916,52

*Não foram contabilizados os custos com a transferência do imóvel. Fonte: Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade)

Caixa reduz juros para veículos A Caixa Econômica anunciou a redução das taxas de juros cobradas no financiamento de automóveis novos e usados. Os novos índices passarão a variar de 0,75% a 1,51% ao mês (a taxa máxima anterior era de 1,63%), conforme as condições do contrato. Para veículos com até dois anos de fabricação, a taxa máxima foi reduzida de 1,55% para 1,34%. No caso de carros zero, é possível financiar 100% do valor. O anúncio, feito na sextafeira, seguiu à redução das taxas de cartão de crédito cobradas para a aquisição de material de construção, por meio do Construcard. Nessa mesma tendência, o Bradesco cortou 54% dos juros de todos os cartões oferecidos pelo banco. METRO

Sob pressão, governo adia o reajuste no imposto da cerveja MÁRCIO GARCEZ / FOLHAPRESS

Recurso apresentou falhas e foi ridicularizado

da, que os consumidores utilizem outros serviços, como o do Google e da Nokia. METRO COM AGÊNCIAS

Depois de muito choramingo da indústria de bebidas, que ameaçou cancelar investimentos nas fábricas, o governo decidiu adiar o aumento dos impostos para o setor. A previsão é que o reajuste, que começaria este mês, só ocorra a partir de abril do ano que vem. O aumento das alíquotas do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) e do PIS/Cofins que incide sobre as bebidas frias foi anunciado em junho. Na época, as associações de fabricantes previram um repasse ao consumidor de 5,24% no preço da cerveja e de 9,77% para os refrigerantes. Ambos os itens também acumulam alta na inflação medida pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), tanto em bares e restaurantes, como nas gôndolas dos supermercados.

Aumento só deve ocorrer depois do Carnaval

Agora, conforme o acordo fechado entre o governo e as empresas, o reajuste começará em abril. Haverá uma diluição e um alongamento do prazo em que será implementada a nova tarifa, de cerca 25% da base de cálculo do IPI e do PIS/Cofins. O aumento será feito aos

poucos, em seis anos. Mesmo sem alta na tributação, a cerveja sofrerá um reajuste este mês. Trata-se da correção anual dos impostos. O setor de bebidas paga taxas por unidade vendida e não por valor comercializado, daí a necessidade de correção. METRO

14,3% é a alta acumulada em 12 meses no preço da cerveja nos supermercados, segundo o IBGE. Em bares e restaurantes, a inflação da bebida já alcançou 12,42%.


mundo

www.readmetro.com

O ‘último’ show de Henrique Capriles

STRINGER / VENEZUELA

Candidato da oposição levou milhares de pessoas ao comício final, em Caracas, na Venezuela Pesquisas apontam a reeleição de Hugo Chávez

“A Avenida Bolívar ficou pequena para nós”, exclamou Henrique Capriles, candidato oposicionista nas eleições presidenciais da Venezuela, durante um comício no centro de Caracas. Foi o último ato da campanha de Capriles, o primeiro homem a ameaçar a hegemonia do presidente Hugo Chávez, há 13 anos no poder. Os venezuelanos escolhem o novo presidente no próximo domingo. As dezenas de pesquisas eleitorais divulgadas ao longo da campanha mostrararam o crescimento do candidato oposicionista. Algumas chegaram a coloca-lo em empate técnico com Chávez, embora analistas acreditem que a vitória ficará nas mãos do presidente. O mandatário tirou milhares de venezuelanos da pobreza com suas políticas sociais. Capriles reuniu ontem o que parecia ser um número recorde de correligionários, em uma das principais avenidas da capital. Até o fechamento desta edição, o nú-

mero de participantes não havia sido divulgado. O rival de Chávez aproveitou o comício para denunciar gastos indevidos do atual governo. Segundo o jornal “El Universal”, o presidente teria doado US$ 60 milhões a outros países,

09

SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

incluindo US$ 930 mil a uma escola de samba do Rio de Janeiro. Capriles também condenou a violência no país. Ao longo da campanha, três membros de sua coalizão (a MUD, Mesa da Unidade Democrática) foram

mortos. O saldo indica que foi a campanha mais violenta dos últimos anos na Venezuela. “Eu quero dizer às suas famílias que nós vamos vencer a violência no dia 7 de outubro”, disse Capriles.

Durante o evento, Capriles denunciou doações do rival a outros países. Ele também condenou a violência

METRO COM AGÊNCIAS

‘Eu votaria em você e você, em mim’ Porta-voz do discurso antiamericanista, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, afirmou que o líder dos Estados Unidos é “um bom sujeito”. O mandatário venezuelano disse que, se fosse norte-americano, votaria em Barack Obama, candidato à reeleição nos EUA. As afirmações foram publicadas ontem pela imprensa venezuelana. Chávez também afirmou ter certeza de que Obama votaria nele, caso tivesse nascido na Venezuela. Ele agradeceu os recentes comentários de Obama, que disse que Chávez não representa “nenhuma ameaça aos interesses dos EUA.” O presidente venezuelano terminou sua campanha com uma visita ao Estado de Zulia. METRO COM AGÊNCIAS JORGE SILVA / REUTERS

O presidente, em um comício no sábado

“O que foi dito por Obama foi algo muito racional e justo, mas não é algo partilhado pela extrema direita dos Estados Unidos.” HUGO CHÁVEZ, LÍDER VENEZUELANO

Atentados matam 32 pessoas no Iraque

Revolta religiosa

Seguidores do Islã ficaram indignados com uma imagem publicada no Facebook STRINGER / REUTERS

Muçulmanos queimam templos Pelo menos 12 templos budistas foram incendiados por radicais islâmicos no leste de Bangladesh, na Ásia. Eles se revoltaram com a divulgação de uma imagem no Facebook, em que um exemplar do Corão (o livro sagrado do Islã) aparece queimado. Os muçulmanos ligaram a publicação da foto a um garoto budista.

Uma série de atentados suicidas matou pelo menos 32 pessoas e deixou outras 90 feridas no Iraque. O ataque mais violento ocorreu na manhã de ontem (horário local) em Taji, um antigo reduto da rede extremista Al Qaeda, ao norte da capital Bagdá. Embora os atentados não tenham sido reivindicados pelos membros da organização, autoridades iraquianas disseram ter certeza do envolvimento dos terroristas na série de explosões. “Os líderes da Al Qaeda não têm qualquer intenção de deixar o país ou mesmo de deixar os iraquianos viverem em paz”, disse ao site da emissora Al

“Os líderes da Al Qaeda não têm qualquer intenção de deixar o país ou mesmo de deixar os iraquianos viverem em paz” HAKIM AL ZAMILI

Jazeera Hakim Al Zamili, deputado iraquiano. Fontes de segurança relacionaram os atentados à fuga, na sexta-feira, de 102 detentos da prisão de Takrit. Entre os fugitivos, estavam membros da Al Qaeda. “Os ataques mostram que nossos policiais não estão preparados para lidar com terroristas”, acrescentou Zamili. METRO COM AGÊNCIAS


10

+

especial

beleza

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

A coroa é dela

Cenas da cerimônia

Do Rio Grande do Sul, Gabriela Markus, 23, é a Miss Brasil 2012 Mineira Thiessa Sickert, de 19 anos, se destaca e termina em terceiro lugar “Embora eu confiasse em mim, a gente nunca se sente totalmente segura quanto ao resultado. Estou muito feliz.” GABRIELA MARKUS, 23

A vencedora logo após a coroação, no último sábado

O Rio Grande do Sul está em festa. Depois de ter Priscila Machado representando o país durante 2011, o Estado provou sua vocação para Venezuela brasileira e emplacou mais uma de suas belezas como Miss Brasil 2012. Gabriela Markus, 23, desbancou outras 26 candidatas na cerimônia, ocorrida em Fortaleza, na noite do último sábado, com transmissão exclusiva, ao vivo, pela Band. É a 13ª vez que uma gaúcha leva o título. “Embora eu confiasse em mim, a gente nunca se sente totalmente segura quanto ao resultado”, disse ela ao Portal da Band logo após levar o título. “Estou muito feliz”, completou, anunciando estar solteira. A Miss Brasil 2012 ficou à frente da segunda colocada, Thiessa Sickert, 19 (Minas Gerais), e da terceira colocada, Kelly Fonsêca, 23 (Rio Grande do Norte). As três ganharam os trajes de gala assinados pelo mineiro Alexandre Dutra. Markus levou ainda a coroa criada por Pedro Muraro e um carro zerinho. Já Sickert ganhou uma viagem a Cancun e Fonsêca, uma viagem a uma cidade do Nordeste. A cerimônia foi conduzida pelo ator Sérgio Marone e pela apresentadora da Band Adriane Galisteu, que abriu a noite com uma homenagem à também apresentadora Hebe, morta na madrugada de sábado. Markus começa agora a maratona de preparação para representar o país no Miss Universo, que, após ter edição realizada no Brasil, ocorrerá em Las Vegas em 19 de dezembro. AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO

Conheça as medidas da Miss Brasil 2012

1,80 m de altura 95 cm de quadril

89 cm de busto

FOTOS: DIVULGAÇÃO/BAND

1

2

3

4

5

1 2 3 4 5

As três finalistas foram escolhidas após desfile de maiô e sabatina de perguntas. Da esq. para a dir., as que ficaram no páreo: Thiessa Sickert (Minas Gerais), Kelly Fonsêca (Rio Grande do Norte) e Gabriela Markus (Rio Grande do Sul). METRO Ícone do tecnobrega, a cantora Gaby Amarantos ficou responsável pela animação do número musical da noite, no qual interpretou o hit “Ex-Mai Love”. METRO O comando da festa ficou a cargo de Adriane Galisteu e do ator Sérgio Marone. No início da cerimônia, a apresentadora da Band prestou uma homenagem a Hebe Camargo, morta na madrugada de sábado. METRO O momento mais aguardado do concurso foi o desfile de biquíni, ocorrido após o desfile de gala. A vencedora saiu-se bem com o traje da Poko Pano. METRO Vivian Amorim (Miss Amazonas) venceu o concurso de traje típico com a fantasia “Uma deusa indígena”, do estilista Marcelo Dias. Ela ganhou como prêmio uma viagem para qualquer lugar do país. METRO


www.readmetro.com

cultura

SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

Por que Hebe

foi Hebe 1

Sem papas na língua Apesar de buscar sempre agradar seus convidados, Hebe não costumava não ter rodeios. Falava o que viesse à cabeça e não temia dar opiniões políticas mesmo que fossem controversas – exemplo era seu apoio explícito a Paulo Maluf. Em 1994, transmitiu um programa com um bolo cheio de moscas do palco representando sua visão do Congresso Nacional.

2 Hebe durante festa dos 60 anos da TV, em 2010

Mulher moderna Em 1955, ela fugiu da cerimônia inaugural da televisão no país para “ir namorar”. Tempos mais tarde, em entrevista ao “Roda Viva”, da TV Cultura, disse,

O Metro listou cinco características que transformaram a apresentadora em mito da TV brasileira

sem meias palavras, já ter abortado – o ano era 1987. Na TV, a inovação trazida por ela vinha já dos programas de rádio, nos quais abdicava da formalidade e conversava com os convidados como se estivessem numa roda de café, algo impensado até então, o que garantiu declarações espontâneas e confessionais.

3

Feminina até o fim Ela não se furtava em deixar as pernas de fora sempre que possível, de manter o cabelo impecável (hábito que manteve até ao usar perucas por causa do câncer que lhe tirou os cabelos) e de usar seu extenso cardápio de joias mesmo após o susto de tê-las visto serem roubadas. “Tenho joias para usar, não para guardar no cofre”, dizia.

4

Nunca saiu do topo Quem na faixa dos 80 anos ainda dá as cartas em uma negociação de trabalho na TV? Mesmo tendo saído do SBT por conta de seu vai-e-vem na grade, Hebe morreu ainda disputando horário nobre, com contrato assinado, na última quinta, para voltar ao canal após rápida estada na RedeTV!, desde 2010.

5

Verve diplomática Foi uma das poucas figuras acima da rivalidade entre emissoras de TV. Transitava bem em todas elas, tendo passado por Record (1966-1979), Band (1979-1985), SBT (1986-2010) e RedeTV! (2010-2012). Seu bom trânsito garantia em seu sofá toda sorte de artista, mesmo que fosse de canal concorrente. METRO JOÃO BRITO/FOLHAPRESS

11

2

cultura Cinema

Helvécio Marins Jr. lança DVD com seus curtas Nesta noite, o cineasta mineiro Helvécio Marins Jr. lança uma nova coletânea. O material será exibido às 19h no Cine Humberto Mauro (av. Afonso Pena, 1.537 – Centro), com entrada franca. METRO BH


12

www.readmetro.com

variedades

SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

Os invasores ABC DIGIPRESS

Na ponta do lápis

Modelo eleitoral falido

MARCOS SILVESTRE

VIVA UM DEGRAU ABAIXO, NÃO TENTE SE BANCAR UM DEGRAU ACIMA

Cruzadas

O Socialismo Hoje estamos vivendo uma nova era, onde podemos ter liberdade de expressão política, religiosa e etc. Mas como tudo na vida tem o outro lado, porquê os políticos (direita) usam o nome do Socialismo para conseguir votos? O que eles entendem disso? E como as pessoas entendem isso ou aquilo? O que é Socialismo na visão ideológica de quem diz e ao que compreende isso? Luiz Mazzingly – Belo Horizonte

Pergunta Na sua opinião, por que 74% dos adolescentes não usam camisinha na primeira relação? Sudoku

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metrobh

@andersonaupe: A camisinha bloqueia muito do prazer. Elas precisam evoluir muito para serem atraentes para os homens. @WTarcisio: Acontece porque os homens não pensam muito. A garota também tem culpa.

Prof. Marcos Silvestre é economista com MBA em Finanças e Controladoria pela Universidade de São Paulo. Há 21 anos atua como educador e planejador financeiro especializado. Idealizou na Unicamp o PROF® Programa de Reeducação e Orientação Financeira. É fundador da SOBREDinheiro® Sociedade Brasileira de Estudos sobre Dinheiro e autor dos best-sellers “12 Meses para Enriquecer: o plano da virada” e “Investimentos à Prova de Crise”. Dirige o site www.oplanodavirada.com.br e apresenta a coluna diária e o programa semanal Na Ponta do Lápis na BandNews FM.

Web Para falar com a redação: leitor.bh@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Dedicação à sua religiosidade poderá ajudar você a se livrar de coisas que estão impedindo o seu crescimento espiritual. Tente se libertar e ficar mais leve. Touro (21/4 a 20/5) Necessidade de realizar desejos próprios poderá lhe colocar em divergências de opiniões com pessoas com as quais você pode estar trabalhando em conjunto. Gêmeos (21/5 a 20/6) Aumente a sua fé, você precisa pensar positivo e apostar no que você deseja realizar. Não adianta gastar o seu tempo se nem você acredita no que está fazendo. Câncer (21/6 a 22/7) Otimismo excessivo pode lhe deixar sonhador demais e um pouco descuidado com a realidade. Procure não subestimar as pessoas e as regras do jogo da vida.

Todo cidadão de bem deveria ser candidato pelo menos uma vez na vida a cargo eletivo para conhecer como é podre é os bastidores dos partidos políticos no Brasil, sem exceções. E para tomar consciência e saber nas mãos de quem está a coisa pública neste País. O modelo eleitoral está falido e não consegue mais separar o trigo do joio. Ao contrário do que dizem, está regredindo, e não evoluindo. José Aparecido – Belo Horizonte

“A

maior parte das pessoas ambiciona viver um padrão de consumo igual ou superior àquele que observam em seus pares, gente do mesmo ambiente socioeconômico do qual provêm. Em lares de baixa renda, ter um carro na garagem (aliás, ter uma garagem!) é objeto de desejo. No seio da classe média, ter dois carros é o padrão almejado. Já se estivermos falando da classe média alta, possuir três carros novos – pelo menos um deles de luxo – é o modelo de prosperidade padrão. Cautela, aqui: como estamos vivendo os tempos mais consumistas de que já se teve notícia na história da humanidade, tentar se balizar pelo vizinho ao lado pode ser um ledo engano financeiro. Isto porque, grande parte das famílias, na tentativa de conquistarem o mais alto padrão de consumo, estão abusando do crédito mal planejado, apelando para o caríssimo dinheiro alugado de bancos e financeiras. Enquanto deveriam estar poupando e investindo, muitas destas famílias não apenas carecem de reservas financeiras mais significativas, como – na realidade – estão "sacando contra o futuro". Para várias delas, hoje a soma de suas dívidas acaba superando a soma de seus bens e disponibilidades. Vamos no popular: muitas famílias vivem hoje cavando um buraco para seu futuro financeiro. Assim, tentar imitá-los é cavar sua própria sepultura financeira. Portanto, para garantir equilíbrio e sanidade no trato com o dinheiro por toda a vida, eu proponho que você estabeleça como meta viver um “degrauzinho” abaixo do que lhe parece ser o “normal” em seu meio socioeconômico. Isso não quer dizer que você tenha de viver mal, de forma alguma, dinheiro foi feito para gastar! Porém, o cuidado de ajustar o padrão “ligeiramente para baixo” lhe permitirá abrir uma capacidade de poupança e investimento bem diferenciada frente à média, acumulando reservas que lhe permitirão dar sustentabilidade de longo prazo para a boa vida à qual você e sua família estão acostumados.

Horóscopo

Leitor fala

www.estrelaguia.com.br Leão (23/7 a 22/8) Aceite melhor as opiniões das pessoas que estão próximas a você, tentar agir sozinho poderá lhe afastar daqueles que você, no fundo, sempre acaba dependendo. Virgem (23/8 a 22/9) Evite ser agressivo com as pessoas, se elas estão longe de representarem os seus ideais isto é um problema muito mais seu do que delas, seja mais maduro. Libra (23/9 a 22/10) Estresse com a possível precariedade de certas situações, algumas propostas podem estar mal formuladas e não transmitirem a devida segurança que você exige. Escorpião (23/10 a 21/11) Otimismo perante as conjunturas atuais, você acredita que as coisas vão muito bem e que as pessoas estão prontas a lhe dar todo o apoio que você necessita.

Sagitário (22/11 a 21/12) Ansiedade pode ser um perigo para os seus objetivos pessoais, cuide para não tropeçar nos próprios pés, organize o seu tempo e faça as coisas com atenção. Capricórnio (22/12 a 20/1) Dificuldades para lidar com as diferenças de opiniões com as outras pessoas, clima de liberdades e gastos que provavelmente você não deve estar concordando. Aquário (21/1 a 19/2) Procure se preparar melhor para enfrentar as responsabilidades que o dia poderá lhe impor, um pouco de disciplina pode ajudar você a vencer os desafios. Peixes (20/2 a 20/3) Sonhar em grupo pode ser muito mais empolgante, seus amigos e parceiros podem estar participando de movimentos ou de ideologias que certamente irão animá-lo.


esporte

SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

Setembro nada bom Galo disputou 8 jogos nos últimos 30 dias, mas só faturou nove pontos e perdeu ‘gordura’ BRUNO CANTINI/ATLÉTICO

Enfim, o mês de setembro chegou ao fim. Isso porque os últimos 30 dias não foram nada bons para o Atlético, que perdeu a liderança do nacional, teve tropeços inesperados e viu o desempenho do time desabar. Foram oito jogos disputados e apenas nove pontos somados. “Antes da sequência começar, falei que o mês de setembro seria uma loucura. E nosso desempenho não foi o esperado. Vamos nos empenhar para melhorar em outubro”, afirma o técnico Cuca. Apesar de só ter empata-

do em 1 a 1 com a Portuguesa, no sábado, o treinador preferiu valorizar o ponto obtido, e não lamentar os dois perdidos. “Acho que, no geral, é um ponto que não era o que a gente queria, mas que, lá na frente, pode ser de uma valia muito grande. Vamos esperar as coisas fluírem e temos que dar a nossa arrancada final rumo ao título”, avalia. No próximo sábado, o time enfrenta o Figueirense. JUVERCY JUNIOR METRO BELO HORIZONTE

JOGO CONTRA O FIGUEIRA

Leonardo Silva e Pierre são desfalques

Leonardo Silva foi expulso e prejudicou o time

Sem vencer há 6 jogos, Raposa já mira a ‘pedreira’ Grêmio WASHINGTON ALVES/VIPCOMM

Diego Arias entrou como titular no jogo contra o Inter

13

www.readmetro.com

WASHINGTON ALVES/VIPCOMM

O Cruzeiro segue com sua campanha ruim no Brasileiro. Ao empatar em 0 a 0 com o Internacional, em casa, o time completou seis jogos sem vencer. Para quebrar o jejum e afastar riscos de se aproximar da zona de rebaixamento, o time terá que derrubar, no próximo fim de semana, a ‘pedreira’ Grêmio, fora de casa. As principais novidades do Cruzeiro para o confronto devem ser a escalação de Martinuccio e Arias. Os atletas entraram em campo no jogo contra o Internacional e chamaram a atenção do treinador Celso Roth. “O Diego Arias jogou pela primeira vez na equipe e foi muito bem na marcação. O Martinuccio entrou muito

O Atlético já tem dois desfalques certos para o jogo contra o Figueirense, no próximo sábado, no estádio Independência, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Leonardo Silva e Pierre estão vetados. METRO BH

BORGES, ATACANTE

bem no confronto com o Internacional, porém, ele está sem ritmo de jogo. Evidentemente, ele vai ter mais chances”, afirma. METRO

esporte

Brasileirão 27ª rodada SÁBADO Vasco 3 x 1 Figueirense Cruzeiro 0 x 0 Internacional Portuguesa 1 x 1 Atlético-MG Náutico 2 x 0 Atlético-GO Palmeiras 3 x 0 Ponte Preta ONTEM Flamengo 0 x 1 Fluminense Corinthians 3 x 0 Sport Coritiba 1 x 1 São Paulo Bahia 2 x 0 Botafogo Grêmio 1 x 1 Santos

“Fiz o gol, mas o árbitro anulou. Depois peguei por baixo da bola e acabei perdendo.”

3

ARTILHEIROS

13 gols Fred

Fluminense

11 gols Bruno Mineiro Portuguesa Luis Fabiano São Paulo

Vágner Love Flamengo

CLASSIFICAÇÃO P V GP SG 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

FLUMINENSE ATLÉTICO GRÊMIO VASCO SÃO PAULO INTER BOTAFOGO CORINTHIANS CRUZEIRO NÁUTICO FLAMENGO BAHIA SANTOS PONTE PRETA PORTUGUESA CORITIBA SPORT PALMEIRAS FIGUEIRENSE ATLÉTICO-GO

59 53 50 47 43 41 40 39 36 34 34 34 34 34 33 29 27 26 22 20

17 15 15 13 13 10 11 10 10 10 9 8 8 8 8 8 6 7 5 4

45 41 38 35 39 33 41 33 32 33 28 29 32 30 29 39 23 28 30 27

26 21 16 8 10 10 6 7 -4 -9 -9 -1 -4 -5 -2 -8 -15 -8 -18 -21

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B


14

www.readmetro.com

esporte

SEGUNDA-FEIRA, 1º DE OUTUBRO DE 2012

Líder isolado, Flu vence Fla por 1 a 0 Diego Cavalieri fecha o gol e time tricolor vence com golaço de Fred

REAL MADRID

‘Kaká nos rendeu um bom dinheiro’

Bottinelli perde pênalti IDE GOMES/FRAME/FOLHAPRESS

Uma partida digna do tamanho de um Fla-Flu, ontem, no Engenhão. Com atuação espetacular de Diego Cavalieri e golaço de Fred, o lado tricolor saiu mais feliz do estádio, com a liderança do Brasileiro garantida por mais uma rodada. Agora, o Fluminense aumenta para seis pontos a vantagem sobre o Atlético, segundo colocado do Brasileirão. Em um primeiro tempo equilibrado, com chances de gol de ambos os lados, o Fluminense abriu o placar com Fred, aproveitando de voleio um cruzamento de Deco. O líder repetiu a estratégia do primeiro turno, quando fez 1 a 0 no time rubro-negro e se fechou com competência na defesa. O

Breve

Blatter dá uma cutucada nos brasileiros COPA DO MUNDO. O presidente da Fifa, Joseph

Flamengo até teve chances de empatar na primeira etapa, mas Diego Cavalieri parou a investida de Ibson. Já o Fluminense quase marcou o segundo com Thiago Neves, que acertou a trave em duas cobranças de falta no segundo tempo.

0 x 1

O goleiro tricolor voltou a salvar o time numa cabeçada de Nixon e teve sorte quando Cleber Santana perdeu um gol feito quase na pequena área. E, já no fim, ele garantiu a vitória ao defender um pênalti cobrado por Bottinelli. METRO RIO

Flamengo: Felipe; Wellington Silva, Frauches, Marcos González e Ramon ; Amaral (Renato), Ibson, Léo Moura (Bottinelli) e Cleber Santana; Liedson (Nixon) e Vagner Love. Técnico: Dorival Júnior. Fluminense: Diego Cavalieri; Bruno, Gum, Digão e Carlinhos; Edinho , Jean , Deco e Thiago Neves (Wágner); Fred (Diguinho) e Wellington Nem (Marcos Jùnior). Técnico: Abel Braga.

• Local: Engenhão • Gol: No primeiro tempo, Fred, aos 17’ • Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ), auxiliado por Rodrigo Pereira Joia (Fifa/RJ) e Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ) • Renda: R$ 768.955 • Pagantes: 25.313

Blatter, disse ontem que a Rússia está adiantada em um ano no calendário da organização da Copa-2018, em um projeto que custará a bagatela de 20 bilhões de dólares. O dirigente aproveitou para alfinetar a preparação do Brasil para 2014. As autoridades do Brasil, por sua vez, afirma-

ram que o país está preparado para a realização do Copa, “mas não é exatamente o caso”, comentou Blatter, ao colocar em dúvida a preparação brasileira para o evento. E aproveitou para dizer que, ao contrário do Brasil, a Rússia já trabalha forte. METRO

América terá 3 decisões, afirma Mauro Fernandes

AMÉRICA/DIVULGAÇÃO

Após as duras críticas ao grupo na semana passada – horas após o time perder por 2 a 1 para o Grêmio Barueri – o técnico Mauro Fernandes mudou o discurso, elogiou o time e afirmou que o Coelho terá três decisões na Série C. “Falei após o jogo (contra o Barueri) que não jogo a toalha e acredito muito no grupo. Já vi times em situação muito tranquila nesta Série B ficar na metade do caminho, e já vi time com situação muito difícil chegar lá. Temos 11 jogos pela frente e é praticamente um campeonato, vamos ter três confrontos diretos, que temos que nos recuperar (Atlético-PR, Goiás e Joinville). Estou confiante”, revelou. METRO

Salum se reuniu com jogadores e pediu empenho

Jogadores comemoram com o goleiro Diego Cavalieri

Durante Assembleia Geral dos sócios do Real Madrid, o presidente do clube espanhol, Florentino Pérez, defendeu a contratação de Kaká e reconheceu que mesmo sem o camisa 8 apresentar um grande futebol, o clube conseguiu lucrar com o jogador. “Kaká nos deu muito dinheiro. Quando fizemos esse investimento, sabia que nos daria muitas receitas. Do ponto de vista econômico, nos saiu muito bem”, afirmou Pérez, segundo o jornal espanhol “As”. O mandatário ainda garantiu que não cogitou em negociar o meia com outro clube. “Lhe restam dois anos”, disse Pérez. METRO


CAPA PROMOCIONAL



20121001_br_metrobh