Issuu on Google+

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pelo Grupo Sinos S/A.

GABRIELA DI BELLA/METRO

EMPRESA ENTRA COM RECURSO NA EPTC, MAS ALUGUEL DE BIKES COMEÇA {pág 02}

MARIA RITA

CANTA ELIS NA CAPITAL

LUCAS BARROSO/PMPA

DEPOIS DA CHUVA DOS ÚLTIMOS DIAS, SOBRAM BURACOS NAS RUAS {pág 02}

{pág 13}

C R IS

T IN

CH E RO

OL/

PMP

A

PORTO ALEGRE Sexta-feira,

21 de setembro de 2012

Edição nº 225, ano 1 Mín 13°C Máx 21°C

Mensalão: políticos mais perto da cadeia Relator da ação penal no STF pede a condenação por corrupção passiva de 12 réus ligados a PL, PP, PR e PTB Avaliação deve ser seguida pela maioria dos colegas e há fortes chances de eles acabarem atrás das grades {pág 08}

Perto do Parque de Itapuã

Condomínio ilegal na mira do MP Ministério Público pede anulação do registro civil de loteamento de veraneio Cerca de 200 casas já foram construídas no local {pág 06}

35 milhões alcançam classe média em 10 anos RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Brasil já tem 104 milhões entre ricos e pobres, diz estudo {pág 09}

Alemanha fecha embaixadas Milhares de gaúchos participaram ontem de desfile cívico e voltam à avenida hoje à noite para desfile temático na capital {pág 03} GABRIELA DI BELLA/METRO

Medida atinge representações em países muçulmanos {pág 12}


02

www.readmetro.com

porto alegre

1 foco

Cotações Dólar

Euro

- 0,19% (R$ 2,02)

- 0,79% (R$ 2,62)

Bovespa

Selic (7,5%)

SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Após a chuva, ficam os buracos nas ruas Dezenas de vias de Porto Alegre apresentam reflexos da forte precipitação dos últimos dias Equipes da Smov atuam para recuperar pavimento, trabalho que seguirá no fim de semana Depois da forte e contínua chuva registrada nos últimos dias em Porto Alegre, dezenas de ruas apresentam buracos. Os efeitos da chuvarada podiam ser observados ontem em trechos de avenidas como Castelo Branco, Ipiranga, Protásio Alves, Assis Brasil e Padre Cacique. Vias secundárias de bairros também apresentavam reflexos da precipitação. Responsável pela recuperação das vias, a Smov (Secretária Municipal de Obras e Viação) está com equipes nas ruas para a operação tapa-buraco. “Nós intensificamos o tapa-buraco depois da chuvarada pa-

ra que a situação das vias volte à normalidade. Começamos pelas avenidas principais e depois vamos em direção aos bairros. Não temos prazo para terminar o trabalho”, explicou ontem o secretário Adriano Goularte. A Smov tem quatro unidades móveis para o trabalho de recuperação do pavimento das vias. A expectativa é continuar os reparos durante todo o fim de semana, entrando na semana que vem. Moradores da capital podem ligar para o telefone 156 para informar a localização de buracos nas vias e solicitar reparos. As informações são repassa-

das às equipes nas ruas. Transtornos no Estado No interior, os efeitos da chuva ainda podiam ser observados ontem, apesar do dia ensolarado. Mais de 100 mil gaúchos foram afetados com o temporal da semana. A situação de emergência chegou a ser declarada por nove municípios, a maioria situada nas regiões norte e noroeste. Hoje, o governador Tarso Genro, acompanhado do subchefe da Defesa Civil, Oscar Moiano, visita Porto Xavier, Porto Lucena e Santo Cristo, cidades atingidas por vendavais e que estão sendo reconstruídas. METRO POA

Palco reaberto

+ 0,06% (61.687 pts)

Artistas gaúchos movimentaram a noite de ontem no auditório localizado na Redenção

Hoje, o radar móvel da EPTC estará nas seguintes vias: Padre Cacique Diário de Notícias Souza Reis Tarso Dutra Edgar P. de Castro Manoel Elias Ipiranga Aparício Borges Juca Batista Costa Gama Bento Gonçalves Borges de Medeiros Assis Brasil

GABRIELA DI BELLA/METRO

Empresa entra com recurso, mas aluguel de bicicletas começa

Salário mínimo (R$ 622)

Radar móvel

Padre Cacique é uma das vias com problemas

GABRIELA DI BELLA/METRO

Araújo Vianna é reinaugurado Fechado desde 2005, o auditório Araújo Vianna voltou ontem à noite ao convívio da população Porto Alegre. Com o concerto gratuito “Todas as Gerações no Araújo Vianna”, o evento de reinauguração envolveu nomes da música local que brilharam desde os anos 1970 como Nei Van Soria, Nico Nicolaiewsky, Raul Ellwanger, Tonho Crocco, Wander Wildner, Wilson Ney, Zé Caradípia e Elisa Furtado. Foram distribuídos 1,6 mil ingressos. A reabertura é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de Porto Alegre e a Opus Promoções. FALE COM A REDAÇÃO leitor.poa@metrojornal.com.br 051/2101.0471 O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

A FGTV Produções, vinculada à empresa Movement, de Barcelona, ingressou com recurso administrativo contra o resultado do chamamento público para o aluguel de bicicletas em Porto Alegre. A empresa paulista questiona a decisão da EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação) que declarou vencedora da seleção a Serttel, de Recife. Apesar do recurso, que está sendo analisado, o sistema começa a funcionar amanhã. No documento entregue à EPTC, os advogados da FGTV argumentam que a proposta da empresa tinha valor do passe diário menor do que o da concorrente declarada vencedora (R$ 3 contra R$ 5). As propostas recebidas também não teriam sido rubricadas por to-

dos os concorrentes, como exigiria a lei das licitações, segundo os advogados Luiz Augusto Curado Siufi e Andrelino Lemos Filho. Para eles, o processo deve ser anulado. O diretor-presidente da EPTC, Vanderlei Cappellari, informou que a FGTV não previa estações autossustentáveis quanto à energia e tinha cronograma de implementação superior ao da concorrente Serttel. De qualquer forma, o aluguel começa a operar amanhã. Até ontem à tarde, mais de 300 pessoas haviam se cadastrado no site www. movesamba.com/bikepoa. Inicialmente, são 50 bicicletas em cinco estações (largo Glênio Peres/Mercado Público, Praça da Alfândega, Casa de Cultura, Usina do Gasômetro e Câmara). METRO POA

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha. Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Porto Alegre. Gerente Executivo: Luís Grisólio. Editor Executivo: Flávio Ilha (MTb 6068/RS). Editora de Arte: Julia Rodrigues. Grupo Bandeirantes de Comunicação RS. Diretor Geral: Leonardo Meneghetti.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: rua Delfino Riet, 183, Santo Antônio, 90660-120, Porto Alegre, RS. Tel.: 051/2101.0302 O jornal Metro é impresso no Grupo Sinos S/A. A tiragem e distribuição desta edição de 40.000 exemplares são auditadas pela BDO.


semana farroupilha

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

03

GABRIELA DI BELLA/METRO

Noite tem novo desfile na capital Desfile cívico de ontem relembrou o 20 de Setembro Com o retorno do sol e sob temperatura amena, cerca de 3,5 mil pessoas acompanharam ontem na capital o tradicional desfile cívico farroupilha em homenagem ao 20 de Setembro, que se iniciou às 9h quando o governador Tarso Genro passou as tropas em revista. Hoje à noite, é a vez do desfile temático. O público viu as marchas das tropas militares, de efetivos da Polícia Civil e da Brigada Militar e alunos do Colégio Tiradentes ritmadas ao som da banda

da BM na avenida Edvaldo Pereira Paiva, conhecida como Beira-Rio. Passado o momento, foi a vez de tradicionalistas ocuparem o asfalto com canções gauchescas. Entre os espectadores estavam diversos integrantes das cerca das 150 entidades acampadas. “É uma festa do gaúcho, do Estado inteiro. É a única festa que mobiliza todo o Rio Grande do Sul. Todos os municípios se engajam e fazem sua celebração, cada um do seu modo”, afirmou Manoelito Savaris, coorde-

nador dos festejos farroupilhas na edição deste ano. Desfile temático A EPTC manterá o trecho da avenida Edvaldo Pereira Paiva entre a Padre Cacique e a Ipiranga bloqueadas até amanhã, às 8h, em decorrência do desfile temático que ocorrerá hoje, às 20h. A parte da via entre a Padre Cacique e a Rótula das Cuias será fechada das 8h de hoje até o fim do evento. Nove carros alegóricos e cerca de 1,1 mil pessoas protagonizarão o espetáculo. METRO POA

Desfile cívico ocorreu ontem na avenida Edvaldo Pereira Paiva, conhecida como Beira-Rio

GABRIELA DI BELLA/METRO

Chama Crioula é extinta

Cavalarianos acompanharam cortejo final do fogo

Depois de ser acesa em 18 de agosto e trilhar um caminho composto por diversas cidades do Estado, a Chama Crioula, símbolo marcante da Semana Farroupilha, foi extinta na noite de ontem em Porto Alegre. Antes, a chama passou pelo Palácio Piratini, Assembleia Legislativa, prefeitura, estátua eques-

tre de Bento Gonçalves e Loja Maçônica da avenida Praia de Belas. Por volta das 19h, ocorreu o encerramento oficial dos festejos com a extinção da chama no galpão central do Acampamento Farroupilha. A visitação aos galpões continua até domingo. “Nos últimos dez anos eu vejo um envolvimento

maior da comunidade para assistir o desfile ou ir ao acampamento. Sentimos cada vez mais a participação de todos os gaúchos”, comemora Josemar Basso, integrante da comissão organizadora dos festejos farroupilhas, fazendo um balanço da período de celebrações rio-grandenses. METRO POA


06

porto alegre

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Condomínio ilegal cresce à beira da lagoa

Restos de obra na zona de praia da lagoa dos Patos e proximidade do Parque Itapuã são alguns dos problemas do condomínio Esmeralda que nem sequer existe no papel

FOTOS: METRO

Ministério Público pede anulação do registro civil de loteamento de veraneio que avança para o Parque Itapuã Um condomínio com cerca de 200 casas – a maioria delas para veraneio – está na mira do MPE (Ministério Público estadual), que ingressou com uma ação civil pública na Justiça de Viamão para suspender a comercialização de lotes e reabrir o acesso à praia da Varzinha, à beira da lagoa dos Patos. O loteamento Esmeralda está localizado a 2 quilômetros do Parque Estadual de Itapuã e não tem licença de instalação do órgão ambiental, como manda a lei. A promotora ambiental de Viamão, Anelise Stifelman, pediu na Justiça a anulação do registro do condomínio e a suspensão da venda de terrenos. A legalização do loteamento, segundo a promotora, omitiu a localização na chamada “área de amortecimento” em relação ao parque e também não mencionou a existência de lotes em área

de preservação permanente de Itapuã. Algumas casas do condomínio foram construídas a menos de 100 metros da praia da Varzinha, o que também é vedado pela legislação ambiental. “Se esses dados estivessem no memorial descritivo de registro civil, certamente ele não seria autorizado”, disse. Sem licença A ocupação da área existe desde a década de 1990, mas o condomínio foi regularizado apenas em janeiro deste ano. O proprietário utilizou o programa More Legal para tirar a antiga chácara da informalidade. O programa, que é do governo federal, está direcionado para famílias de baixa renda de áreas rurais que não têm termo de posse de suas glebas. “É um subsídio fraudulento. O programa jamais poderia ser utilizado para um empreen-

dimento com essas características”, afirmou o advogado Jefferson Rodrigues de Quadros, que faz parte de um grupo de frequentadores da região que se sente prejudicado pelo condomínio. Além do acúmulo de restos de obra nas margens da lagoa, o acesso à praia da Varzinha também foi fechado. “Pela porteira com cadeado só passa morador”, reclamou Quadros. Por meio da asssessoria de imprensa, a Fepam (Fundação Estadual de Proteção Ambiental) informou que não encontrou nenhum registro de licença de instalação para o condomínio. A licença prévia, emitida em 2003, já venceu. O órgão anunciou que fará uma vistoria ambiental no local “nas próximas semanas”. FLÁVIO ILHA

METRO PORTO ALEGRE

Praia particular e privacidade O condomínio Esmeralda nem existe no papel como empreendimento comercial. O controlador é o único herdeiro do antigo proprietário da área, que vende os terrenos por meio de corretores autônomos e recebe os pagamentos como pessoa física. O Metro tentou contato com ele, que não respondeu às chamadas. Um desses corretores autônomos confirmou que a praia da Varzinha é exclusiva para os condôminos. “Se quiser levar os amigos num fim de semana, está liberado. Mas só quem tem a chave da porteira são os moradores, outras pessoas não entram”, disse Júlio Vale. O vendedor informou que há ainda cerca de 100 lotes à venda, com tamanhos entre 300 e 500 me-

Loteamento de lazer deveria ser para baixa renda

tros quadrados e valores que chegam a R$ 45 mil. Vale também confirmou que o loteamento foi legalizado pelo programa More Legal e que não há restrições alguma para construir no local. “Só precisa observar os recuos legais, nada mais”, disse. Não á rede de

esgoto nem água, apenas ligação de luz. Dentro do condomínio há um minimercado. Também há seguranças na entrada e total privacidade. “O pessoal aqui todo se conhece, um indica para o outro. É muito tranquilo”, descreveu o corretor. METRO POA


08

brasil

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Relator condena 12 réus de PP, PL, PTB e PMDB

Gurgel vê temor dos corruptos

Joaquim Barbosa avaliou que os parlamentares agiram ‘como mercadorias’ ao vender apoio político Acusados vão responder por corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha JOSÉ CRUZ / ABR

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Joaquim Barbosa, relator da ação penal do mensalão, votou pela condenação de 12 réus ligados a PP, PL, PTB e PMDB e à corretora Bônus-Banval, acusados de vender apoio político em troca de dinheiro. “Os parlamentares funcionaram como verdadeiras mercadorias”, afirmou o ministro.. Barbosa pediu a condenação dos deputados Valdemar Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-MT); do delator do mensalão, Roberto Jefferson (PTB-RJ); e dos ex-deputados Pedro Corrêa (PP-MT), Romeu Queiroz (PTB-MG), Bispo Rodrigues (PL-RJ) e José Borba (PMDB-PR). Além deles, os ex-assessores João Cláudio Genú, do PP, e Jacinto Lamas, do PL, e Émerson Palmieri, ex-secretário do PTB, foram considerados culpados. Os sócios da Bônus-Banval Enivaldo Quadrado e Bruno Fischberg ficaram na mesma situação. Apenas o ex-assessor do PL Antônio Lamas, foi absolvido. O relator citou como provas laudos, depoimen-

tos e documentos para desqualificar a tese de caixa dois apresentada pelos políticos. “O titular do mandato não pode comercializar ou rentabilizar seu voto”, disse. Joaquim Barbosa usou, inclusive, o depoimento da presidente Dilma Rousseff ao Ministério Público. Na época ministra de Minas e Energia, Dilma declarou surpresa ao ver o projeto do novo marco regulatório do setor energético aprovado em apenas cinco meses, em 2004. “A depoente disse que se surpreendeu com a rapidez da votação desses projetos”, apontou. Em seguida, o ministro revisor, Ricardo Lewandowski, votou pela absolvição do deputado Pedro Henry de três crimes por falta de provas. Ele condenou o ex-presidente do PP Pedro Corrêa por corrupção, mas o absolveu pelo crime de lavagem de dinheiro. A sessão será retomada na segunda-feira.

MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Lavagem divide ministros

Joaquim Barbosa manteve o rigor no voto

O ministro Ricardo Lewandowski, revisor do mensalão, entendeu no voto apresentado ontem que a condenação do réu por lavagem de dinheiro e corrupção passiva só poderá ocorrer se houver a prática de dois crimes. “Não posso admitir que um réu seja punido duas vezes por um único ato criminoso”, declarou. “O mero proveito econômico do crime de corrupção passiva não caracteriza lavagem de dinheiro”, interpretou. É mais uma divergência com o voto do ministro relator, Joaquim Barbosa, que pediu a condenação de 10 acusados pelos dois crimes. “A corrupção se dá quando o parlamentar recebe as quantias de dinheiro, e a lavagem ocorreu com todo o mecanismo empregado com o dinheiro utilizado na corrupção”, rebateu. METRO BRASÍLIA

da UPP da Rocinha, major Edson Raimundo dos Santos, de 38 anos, o trabalho dos policiais será facilitado com a instalação de rádios com localizadores por GPS. Com esses equipamentos, será possível saber onde cada policial militar está. Oito bases avançadas vão ficar em pontos estratégicos - mas só três funcionam neste primeiro momento. “A missão da pacificação é eterna, isso se conquista todos os dias. É um trabalho que não termina nunca. Sedimentar o processo é o mais difícil, e depende da polícia e da comunidade”, afirmou o secretário José Mariano Beltrame. METRO RIO

JOSÉ CRUZ / ABR

O ministro Ricardo Lewandowski, revisor do mensalão, entendeu no voto apresentado ontem que a condenação do réu por lavagem de dinheiro e corrupção passiva só poderá ocorrer se houver a prática de dois crimes. “Não posso admitir que um réu seja punido duas vezes por um único ato criminoso”, declarou. “O mero proveito econômico do crime de corrupção passiva não caracteriza lavagem de dinheiro”, interpretou. É mais uma divergência com o voto do ministro relator, Joaquim Barbosa, que pediu a condenação de 10 acusados pelos dois crimes. “A corrupção se dá quando o parlamentar recebe as quantias de dinheiro, e a lavagem ocorreu com todo o mecanismo empregado com o dinheiro utilizado na corrupção”, rebateu. METRO BRASÍLIA

LUIZ ROBERTO LIMA / FUTURA PRESS

Rocinha ganha UPP monitorada Por volta das 10h30 de ontem, a Secretaria de Estado de Segurança inaugurou a maior Unidade de Polícia Pacificadora do Rio de Janeiro. A UPP da Rocinha é a 28a da cidade e conta com 700 homens, que vão patrulhar cerca de 840 mil metros quadrados de área, dividida em 25 localidades menores. Uma das novidades em relação às outras UPPs é a instalação de 100 câmeras de segurança que vão monitorar a comunidade. Os agentes também serão equipados com armas não letais e terão 12 motocicletas para fazer patrulhas em trechos de difícil acesso. Segundo o comandante

Procurador-geral considera ‘inadmissível’ corrupção no Brasil

O efetivo da Unidade de Polícia Pacificadora é de 700 policiais militares


brasil

www.readmetro.com

09

SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Em 10 anos, 35 milhões alcançam a classe média Estudo feito em parceria entre o governo brasileiro e a ONU revela que, se constituíssem um país independente, os 104 milhões de brasileiros que se situam nessa faixa social seriam a 18ª economia do mundo

O Brasil se tornou um país da classe média. Mais da metade dos brasileiros pertencem a essa parcela da população, que movimentará somente este ano uma quantia estimada em R$ 1 trilhão, o equivalente a um quarto da soma das riquezas do país. “Se fôssemos pegar a classe média brasileira como país em sua capacidade de consumo, ela já estaria no G20 - seria a 18ª economia do mundo”, destacou o ministro da SAE (Secretaria de Assuntos Estratégicos), Moreira Franco, ontem, durante a apresentação do estudo Vozes da Classe Média, feito em parceria

com a ONU (Organização das Nações Unidas). São, ao todo, 104 milhões de pessoas que, segundo o estudo, têm tirado proveito das facilidades de acesso às compras e uso de serviços, estimulados também pela oferta de crédito. Elas detém, por exemplo, 51% dos cartões de crédito do país. “A formalização da economia, a carteira assinada, deu possibilidade de consumo a essas famílias”, apontou o presidente do instituto Data Popular, responsável pela coleta dos dados, Renato Meirelles. Em 10 anos, 35 milhões de brasileiros tiveram as-

464

reais é a média de consumo mensal da população da classe C censão social. A renda per capita cresceu 3,5% por ano. Pelo menos 30%, segundo o estudo, conseguiram chegar ao novo status apenas pelo aumento das políticas de distribuição de renda. Para 2022, a expectativa é de que haja 57% dos brasileiros no meio da pirâmide social. A renda per capita desses brasileiros varia entre R$ 291 e R$ 1.019. De ca-

da R$ 100 gastos no Brasil, R$ 44 vêm da classe média. A pesquisa apontou que metade da chamada classe C trabalha pelo menos 41 horas semanais, 61% estão empregados, 40% têm a renda obtida somente com o salário e está acostumada em economizar: 32% disseram fazer algum tipo de poupança ou tem maior cuidado ao assumir as dívidas. É um índice maior do que a classe baixa (24%), mas ainda inferior à classe A (51%). “Nós entendemos que a diferença não é ruim. O que temos de combater é a desigualdade”, afirmou Moreira Franco.

Perfil A nova classe média é formada por enorme maioria negra (80%), indicador que mostra a diminuição de desigualdades; está concentrada na Região Sudeste (45%), seguida por Nordeste (22,2%), Sul (16,4%), CentroOeste (8,4%) e Norte (6,9%). O nível de formação, contudo, ainda é baixo. Em média, são oito anos na escola, contra 12 nas classes A e B. O sustento da maior parte da classe C é retirado de atividades econômicas como indústria da transformação, da construção civil, do comércio e da agricultura. METRO BRASÍLIA

Classes sociais Veja como é a divisão da sociedade brasileira

100 %

50

53% 27% 20%

0

ALTA

MÉDIA

POBRE


10

economia

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Gasto com transporte consome 15% do orçamento familiar Famílias com veículo próprio gastam cinco vezes mais que as que usam transporte público, diz Ipea Os gastos com transporte dos moradores das cidades chegam, em média, a 15,23% da renda familiar, segundo estudo do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada). Isso equivale a um gasto de R$ 544,08 em uma família com renda média de R$ 3.571,38. O levantamento, que traçou o perfil do gasto de famílias das nove maiores regiões metropolitanas do país (São Paulo, Rio, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Recife, Fortaleza, Salvador e Belém), revela que quem usa transporte privado ou individual (carro, moto particular, por exemplo) gasta cinco vezes mais do que aqueles que utilizam o transporte público. Segun-

452

reais é o gasto médio mensal para quem usa transporte particular segundo estudo do Ipea. do o estudo, quem tem veículo próprio gasta R$ 451,86, em média, ante R$ 92,22 gastos pelos que usam transporte público. As despesas com transporte particular incluem aquisição do veículo, manutenção, combustível, documentação, seguro, estacionamento e pedágio. Já os gastos com transporte público levam em conta passagens de ônibus, transporte

alternativo (vans e peruas), táxi e mototáxi, transporte escolar, ferroviário e hidroviário. O documento analisou os dados das duas últimas edições da Pesquisa de Orçamento Familiar, de 2003 e de 2009, do IBGE. Em 2003, o brasileiro gastava, em média, R$ 294,11 por mês com deslocamentos. Em 2009, este gasto subiu para R$ 544,08. O técnico do Ipea Carlos Henrique de Carvalho diz que o estudo indica uma preferência pelo transporte individual. “Com um transporte público deficiente e com o aumento da renda das famílias a partir de 2003, houve a troca do transporte coletivo pelo individual.” METRO

Custos para se deslocar Renda familiar Capital Capital RM

R$ 4.589,40

Região Capital RM Metropolitana

R$ 2.843,86

Interior Capital RM

R$ 3.286,89

MÉDIA Capital RM

R$ 3.571,38

suporte de uma equipe de profissionais para auxiliar na escolha e formatação do melhor roteiro, com vantagens como ter o melhor voo, o hotel mais bem localizado e shows imperdíveis”, garante Marco Ferraz, presidente da Braztoa, que reune as 55 agências

que participam da ação. O objetivo da ação é movimentar o setor no período de baixa temporada. A expectativa é que o aumento de vendas nesse período chegue a 30%. Isso representa o embarque de 130 mil passageiros e um faturamento de R$ 230 mi-

Movimento no aeroporto de Congonhas em São Paulo RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS

Transporte público

Transporte privado

Gastos

R$ 132,59

R$ 504,33

Participação da renda

2,89%

10,99%

Gastos

R$ 124,09

R$ 343,21

Participação da renda

4,36%

12,07%

Gastos

R$ 54,68

R$ 467,06

Participação da renda

1,66%

14,24%

Gastos

R$ 92,22

R$ 451,86

Participação da renda

2,58%

12,65%

Total dos gastos

R$ 636,92 R$ 467,30 R$ 522,64 R$ 544,08

Falta de incentivo ao transporte público (em %) Entre 2003 e 2009, reajuste das tarifas de ônibus foi acima da inflação. O aumento da gasolina e dos veículos ficou abaixo

41,8 IPCA

63,2

27,5 Gasolina

12,1

19

Motocicleta

Automóvel novo

Ônibus urbano

FONTE: IPEA

Operadoras de turismo realizam liquidação Seguindo o modelo do Restaurant Week, 55 operadoras de turismo oferecem a partir da próxima segundafeira, dia 24, pacotes com descontos de de 15% a 50%. A ação, batizada de Turismo Week, vai até 30 de setembro. Os pacotes para destinos do Brasil e do mundo estarão à venda pelo site www.turismoweek.com.br. Os lugares estão disponíveis para os meses de outubro, novembro e dezembro, exceto feriados. “Esse serviço é personalizado e vai além das viagens com bons preços e um financiamento sob medida. O pacote garante o

$

lhões, em uma semana. Na CVC, os descontos chegam a 50%. Um pacote para Porto Seguro com sete noites de hospedagem e saída de São Paulo, sairá por R$ 658,00 ou 12x R$ 54,83. No caso de viagens internacionais, por exemplo, agência vai oferecer viagens para Orlando a partir de US$ 752,00, com quatro noites de hospedagem. Na Flot Operadora, o pacote com três noites de hospedagem para Buenos Aires ficará 28% mais barato. O custo será de US$ 465. Já uma viagem com três noites de hospedagem para Santiago sairá por US$ 612, um desconto de 33%. METRO

Greve dos Correios pode atrasar uma em cada quatro entregas Os Correios admitiram ontem que 24% das entregas pode ter atraso de até um dia devido à greve dos funcionários. Além disso, a estatal ampliou a suspensão dos serviços com hora marcada – Sedex 10, Sedex 12, Sedex Hoje e Disque-Coleta – para Minas Gerais e Rio Grande do Sul e parou de oferecer Sedex Hoje e o Disque-Coleta para o Rio. Na quarta-feira, primeiro dia da greve, os Correios já haviam anunciado a suspensão para a cidade de São Paulo e região metropolitana, além de Distrito Federal, Paraná e Tocantins. O dissídio dos funcionários dos Correios, que pode acabar com a greveo, deve ser julgado pelo TST (Tribunal Superior do Traba-

lho) somente no início de outubro. É quando ocorre a próxima reunião ordinária da Sessão Especializada em Dissídios Coletivos do tribunal. A única possibilidade de a questão ser julgada antes é a convocação de uma sessão extraordinária.

Paralisação nos bancos Quase 40% das agências bancárias fecharam ontem no país devido à greve dos trabalhadores, segundo a Contraf-CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro). As paralisações atingiram 8.527 agências e centros administrativos no terceiro dia de greve nacional. Não há previsão de quando as negociações salariais com os bancos serão retomadas. METRO


12

mundo

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

DAVID RAMOS/STRINGER/GETTY IMAGES

Breves

Metro entrevista

JOSÉ BARROSO

Fogo atinge refinaria VENEZUELA. Um grande incêndio atingiu a refinaria de El Palito, na Venezuela. Inicialmente, a petroleira estatal PDVSA informou que o fogo começou após um raio cair sobre o local. Ontem, as autoridades comunicaram a abertura de uma investigação para apurar o que ocorreu. Há menos de um mês, uma explosão em outra refinaria do país matou 42 pessoas. METRO COM AGÊNCIAS

Fúria chinesa foi estimulada CHINA. O dissidente chi-

nês Ai Weiwei disse que os protestos contra o Japão foram orquestrados pelo governo. Ele usou como exemplo o cerco ao carro do embaixador dos EUA, que terminou em minutos. METRO

‘Estamos fazendo tudo que podemos’

Federação europeia, ajuda à Grécia e Abba (o grupo musical) -- tudo passa pela cabeça de José Manuel Barroso. Pouco antes de receber o Metro, o presidente da Comissão Europeia teve uma reunião com artistas, entre eles, o sueco Björn Ulvaeus, que integrava o Abba. “Sim, nós temos uma crise financeira, mas a Europa está muito viva na cultura e na ciência”, disse Barroso, um defensor ferrenho da integração do velho continente.

Em uma escala de 1 a 10, como você avalia a UE (União Europeia) agora?

Cinco. Este é um momento decisivo, podemos melhorar ou piorar muito. Eu acredito que vai ficar muito melhor. Em termos de trabalho e empenho das instituições europeias, eu diria que estamos em 8. Estamos fazendo tudo que podemos. Se a média é 5, significa que há países abaixo disso?

A maioria deles está abaixo

‘A CRISE NÃO É CULPA DA EUROPA’ de 5. Eles não foram capazes de explicar a situação para seus cidadãos e, em alguns casos, colocaram a culpa na Europa, quando é muito claro que não foi a Europa que causou o problema. O que foi, então?

Dívidas insustentáveis acumuladas por alguns governos que violaram as regras europeias. O problema também vem de comportamentos irresponsá-

veis de alguns jogadores no setor financeiro. Não havia mecanismos de supervisão na UE. O senhor propôs uma federação europeia para resolver a situação. Como seria isso?

Quando eu falo de uma federação, me refiro a uma organização democrática de poderes na Europa. Hoje, muitos problemas são tratados como nacionais, mas olhe para a crise financeira. O que acontece em

um país tem impacto sobre os outros, mas os governos locais não têm todos os instrumentos para resolver o problema. Então, nós precisamos ir além dos governos. Eu sei que a palavra “federação” é difícil para alguns países, mas essa seria uma federação democrática de Estados-nação.

ELISABETH BRAW MWN BRUXELAS

Com medo de protestos, Alemanha fecha embaixadas

BRET HARTMAN/REUTERS

Governo germânico segue exemplo da França e decide não abrir as representações em países muçulmanos Islâmicos que vivem em território alemão preparam protesto para hoje KHALED ABDULLAH/REUTERS

Em Sanaa, capital do Iêmen, policiais cercam embaixada da França. Diversas representações ocidentais foram atacadas

Temendo a fúria dos protestos contra um filme que insulta o profeta Maomé e contra charges do fundador do islamismo, o governo alemão decidiu fechar as embaixadas nos países muçulmanos. A medida se seguiu à decisão da França de não abrir as representações diplomáticas, escolas e centros culturais que o país mantém nessas nações. Ao longo dos últimos dias, forças policiais de diversas nações islâmicas tiveram trabalho para manter os manifestantes longe das

embaixadas. A revolta começou com a divulgação de um filme norte-americano que difama o profeta Maomé. Na quarta-feira, uma revista satírica francesa publicou charges do líder do Islã, o que irritou ainda mais os muçulmanos. A “Titanic”, uma revista de humor da Alemanha, também planeja publicar imagens que fazem referência ao profeta. A edição chegaria às bancas no dia 28. Enquanto isso, os seguidores da fé islâmica planejam novos protestos, inclusive, na Europa. Estão previstas para hoje duas marchas contra as caricaturas e o filme na Alemanha. Os protestos foram convocados por diversos grupos, entre eles, o extremista Hezbollah. A comunidade muçulmana soma 3,5 milhões de pessoas na Alemanha. O maior número de islâmicos, porém, está na França (mais de 5 milhões de

pessoas). O Metro francês ouviu a indignação de alguns deles. “Por quê?”, perguntou Farid, um taxista muçulmano, ao ver as imagens da revista satírica “Charlie Hebdo”. “Trata-se de uma revista francesa provocando os muçulmanos franceses”, reclamou. Com medo de que a revolta mobilize um grande número de muçulmanos do país, o governo da França proibiu uma marcha que estava programada para hoje. Muitas dessas pessoas vivem em zonas pobres têm sido muito afetados pela crise e pelo desemprego. É essa também a realidade de milhões seguidores do Islã que se envolveram nos protestos violentos nos últimos dias. “Muitos representam os desempregados, os esquecidos que vem sendo governados por autocratas”, lembrou o pesquisador Salman Shaikh, à CNN. METRO

Embaixador se sentia perseguido pela Al Qaeda

Casa Branca confirma terrorismo O governo norte-americano confirmou ontem que a morte de quatro funcionários dos EUA no consulado de Benghazi, na Líbia, foi um ato terrorista. Na quarta-feira, o representante de uma unidade antiterrorista já havia indicado a natureza da ação. A Casa Branca não deu mais detalhes sobre o assunto. O embaixador Chris Stevens, que morreu no ataque, teria dito que se sentia alvo da rede terrorista Al Qaeda. A informação chegou à CNN por uma fonte próxima a Stevens. METRO


www.readmetro.com

cultura

SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

2

O Metro indica Dança Grupo Corpo. No programa deste ano, a companhia mineira retoma a coreografia “Benguelê” (1998), com música de João Bosco, e estreia “Sem Mim”, inspirada em canções medievais galego-portuguesas e com trilha assinada por José Miguel Wisnik. No Teatro do Sesi (av. Assis Brasil, 8787 - tel.: 33478636). Amanhã, às 21h, e domingo, às 19h. Ingressos entre R$ 50 e R$ 80, pelo tel.:8401-0555, na bilheteria do Bourbon Country e www.ingressorapido.com.br Instrumental “Chorando Jazz”. A saxofonista Maria Bragança e a pianista Maria Teresa Madeira mostram repertório de jazz, choro e música erudita, passando por Piazzolla e Radamés Gnatalli. Participação especial do contrabaixista Omar Cavalheiro. Na Sala Luiz Cosme da CCMQ (r. dos Andradas, 736 - telefone: 3221-7147). Domingo, às 18h. Ingresso livre. Recital Solos de Bach. A violoncelista francesa Ophélie Gaillard interpreta as “Suítes para Violoncelo Solo”, de Johann Sebastian Bach. Nascida em Paris, a instrumentista se apresenta como solista de grandes orquestras ou em recitais solo, com repertório de mestres eruditos e autores contemporênados dedicados ao instrumento. No Instituto de Artes da UFRGS (r. Senhor dos Passos, 248, térreo) . Domingo, às 19h. Grátis.

DIVULGAÇÃO

cultura Show ‘Redescobrir’ será reapresentado hoje e amanhã CRISTINE ROCHOL/PMPA

Maria Rita de volta

Cantora mostra de novo show com as canções de Elis

Ophélie Gaillard

13

Depois de reunir quase 300 mil pessoas em shows ao ar livre nas pincipais capitais brasileiras, Maria Rita decidiu continuar homenageando a mãe, Elis Regina. Agora o show – batizado de “Redescobrir”– ganha os teatros, com a mesma banda e o mesmo repertório. Neste fim de semana, Maria

Rita volta ao Rio Grande do Sul e canta no Teatro Feevale, em Novo Hamburgo, e no Araújo Vianna. Passeando por um repertório que reúne grandes canções como “O Bêbado e a Equilibrista”, “Fascinação”, “Maria, Maria”, “Ladeira da Preguiça”, “Romaria” e “Como Nossos Pais”, a cantora en-

che os próprios olhos e os da plateia de emoção. METRO POA

No Teatro Feevale, hoje, 21h; No auditório Araújo Vianna, na capital – amanhã, 21h Ingressos de R$ 60 a R$ 200, à venda na bilheteria do Shopping Bourbon Country, pelo tel. 8401-0555 e no site www.ingressorapido.com.br


14

www.readmetro.com

cultura

SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Outras estreias

‘E a Vida Continua’ [Brasil, 2012], de Paulo Figueiredo, com Amanda Acosta, Lima Duarte e Ana Rosa O drama espírita gira em torno de Evelina e Ernesto, que ficam amigos depois que ela sofre um acidente. A amizade vai continuar no outro plano, quando os dois vão enfrentar dificuldades e viver grandes revelações.

‘Ted’

‘Os Infiéis’ reúne histórias curtas que abordam com bom humor as traições masculinas IMOVISION/DIVULGAÇÃO

As mentiras deles O galã francês Jean Dujardin encabeça projeto coletivo que trata da infidelidade masculina Comédia ‘Os Infiéis’ estreia hoje nos cinemas

Sete realizadores franceses estão por trás da comédia “Os Infiéis”, novo sucesso da temporada francesa que chega a porto Alegre neste final de semana. O nome mais conhecido da produção é Jean Dujardin, que ganhou os principais prêmios de atuação do último ano – incluindo o Oscar de melhor ator – pelo filme “O Artista".

O galã francês dirige um dos episódios deste “filmecoral", que reúne várias histórias curtas sobre a infidelidade masculina. Outro nome de destaque é o diretor Michel Hazanavicius, também de “O Artista”. A ficha de direção se completa com Gilles Lellouche, Emmanuelle Bercot, Fred Cavayé, Eric Lartigau e Alexandre Courtés.

Dujardin, que atua em alguns episódios, conta que a proposta era a de abordar o assunto de diversos ângulos, do mais bizarro ao sensível. “O único denominador comum era a liberdade do tom e o humoræ , acrescenta. Apesar da ira das feministas francesas, que exigiram a retirada de circulação dos cartazes de divulga-

ção do filme – considerados ofensivos –, “Os Infiéis” garante momentos de boas risadas. Além das (quase) sempre inúteis “DRs” em francês, os homens do filme encaram terapias para predadores sexuais, tentam transar umanoite inteira ou, diante do tédio por mulheres fáceis, resolve experimentar até um parceiro do mesmo sexo. METRO POA

DIVULGAÇÃO

Um outro universo Da França também vem “Elles”, um drama estrelado por Juliette Binoche e dirigido pela polonesa Malgoska Szumowskana. O foco da trama é a prostituição, a partir da história de Anna, uma jornalista entediada com sua vida de mãe, esposa e trabalhadora e que mergulha no universo das garotas de programa para uma reportagem. Ela tem como fontes duas universitárias que se prostituem para pagar os estudos. Embora as jovens não estejam interessadas

em publicidade, a provocante Alicia (que estuda Economia) e a sutil Charlotte, recém-chegada a Paris, resolvem falar sobre suas vidas. Anna espera por relatos de miséria, sofrimento e vergonha, mas acaba se dando conta de que o cotidiano das garotas passa pela liberdade, orgulho e poder. Aos poucos, o interesse da jornalista sobre o assunto supera o campo profissional e a ajuda a redescobrir sua própria sexualidade.

‘O Palhaço’ é o representante do Brasil no Oscar 2013

O filme “O Palhaço”, dirigido por Selton Mello, vai representar o Brasil na disputa a uma vaga para concorrer ao Prêmio de Melhor Filme Estrangeiro do Oscar 2013. A escolha foi feita ontem pela Comissão Especial de Seleção. Os membros se reuniram no Palá-

Juliette Binoche é a protagonista da trama

[EUA, 2012], de Seth MacFarlane. Com Mark Wahlberg e Mila Kunis. O criador da série “Uma Família da Pesada”, estreia no cinema com um filme fofo e divertido. um ursinho de pelúcia ganhou vida ainda na infância e se tornou o melhor amigo de John, seu dono. Mas, quando ele cresce e se apaixona, Ted não gosta nem um pouquinho de ser trocado.

‘Moacir’ [Argentina, 2012], de Tomás Lipgot. Com Moacir dos Santos e Sergio Pángaro Moacir é cantor, compositor e bailarino, nascido no Brasil e radicado na Argentina há mais de 30 anos. Apesar do diagnóstico de esquizofrenia, o artista tem um sonho: gravar um disco com suas canções. O músico Sérgio Pángaro o ajuda na empreitada.

‘Dredd 3D’ [EUA, 2012], de Pete Travis, com Lena Headey e Karl Urban Na cidade violenta e futurista de Mega City One, ambientada no ano de 2130, a polícia tem autoridade para agir como juiz, júri e carrasco. O juiz Dredd, o mais temível deles, recebe uma missão que parece fácil: testar uma juíza novata, Cassandra Anderson, que também é uma poderosa médium sensitiva.

‘Tinker Bell’ [EUA, 2012], animação de Ryan Rowe, com Timothy Dalton e Anjelica Huston Tinker Bell e seus amigos se aventuram no mundo mágico do Bosque do Inverno. Movidos pela curiosidade, eles fazem uma maravilhosa descoberta que irá mudar suas vidas para sempre: o Refúgio das Fadas com Asas.

METRO POA

DIVULGAÇÃO

cio Gustavo Capanema, sede da Representação do Ministério da Cultura, no Rio de Janeiro. A produção selecionada fez parte de uma lista de 16 filmes inscritos junto à Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura para a seleção nacional. METRO POA

Selton Mello


16

www.readmetro.com

variedades

SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Os invasores ABC DIGIPRESS

Receita Minuto

Leitor fala Trânsito inteligente

DANIEL BORK

NUT'S GLACEADAS

A

s nut’s são castanhas em geral e, em especial, temos aquelas chamadas de glaceadas, vendidas em quiosques de shoppings. Depois de testar alguma vezes, chegamos a uma versão caseira que convence, muito boa mesmo. Experimente!

Cruzadas

Foi de suprema inteligência o serviço prestado pela EPTC nesta semana de grande precipitação pluviométrica, em especial no dia 19 (quarta-feira), devido à forte chuva ocorrida na madrugada. Prova que do bairro Camaquã, na zona sul de Porto Alegre, até o centro da capital, às 7:20, levei de oito a dez minutos para cumprir o trajeto. Atitudes pontuais devem ser elogiadas! Walter Barcellos – Porto Alegre, RS

Álcool A Anvisa investe mais uma vez e prega a abolição do álcool 96 graus para o público. Alega que a garrafa pode explodir e causar sérios acidentes. Como o leitor sabe bem, notícias de acidentes com álcool são raríssimas: de minha bisavó até os dias de hoje, nenhum acidente ocorreu em nosso quintal. A Anvisa deveria ampliar os horizontes de seu interesse caso queira mesmo proteger a saúde dos brasileiros: poderia começar por recomendar a retirada das portas dos armários de cima das cozinhas – uma topada de cabeça com a quina de uma porta é terrível. Banheira, então, maior perigo. Cuidado: tapetes na casa provocam quedas. Então, que se proíbam os tapetes ou as casas. Pelo menos o quesito “moradia” seria banido das promessas eleitorais! Luciano Ornelas – Porto Alegre, RS

Pergunta Como a chuvarada dos últimos dias em Porto Alegre afetou sua rotina dentro e fora de casa?

Sudoku

Ingredientes 2 xícaras (chá) de castanhas (amêndoas, macadâmia, nozes e castanhas) Calda: 2 xícaras (chá) açúcar cristal 1 xícara (chá) água 1 colher (sopa) emulsificante de sorvete

@AndersonNeymayer: Meu cachorro teve que dormir dentro de casa!!! @bastos_luis: Hoje, sem creche por alagamento, estou em casa com os filhos. Eu posso. Mas quem não pode faz o quê numa hora dessas? @prgcunha: A chuvarada não me afetou nem um pouco.

Modo de preparo Coloque em uma panela a água junto com o açúcar. Depois de ferver por 5 minutos coloque o emulsificante, as castanhas e mantenha em fogo alto até começar a açucarar. Então tire da panela, coloque em cima de uma assadeira com papel manteiga e depois de esfriar as castanhas ficararão esbranquiçadas e duras. Aí é só parti-las com a mãos e servir.

Horóscopo

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroPOA

Web Para falar com a redação: leitor.poa@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Saia um pouco do brilho dos holofotes da vida, deixe que pessoas mais bem preparadas façam o papel delas no seu lugar, hora de jogar através de parcerias. Touro (21/4 a 20/5) Ajuda de pessoas poderosas pode acabar modificando as situações a seu favor, aproveite as brechas de generosidade das pessoas para você ser vitorioso. Gêmeos (21/5 a 20/6) Dia de vencer temores interiores para poder se relacionar melhor com as pessoas. Você precisa delas e elas também precisam de você, receba melhor os outros. Câncer (21/6 a 22/7) Dia de contatos e aproximação com as pessoas que fazem parte do seu ambiente profissional ou parceiros de negócios. Elas estarão exigindo a sua presença.

www.estrelaguia.com.br Leão (23/7 a 22/8) Liderança profissional, está na hora de unir os parceiros e dar um jeito em pendências que precisam ser resolvidas. Não deixe os problemas se acumularem. Virgem (23/8 a 22/9) Quem é visto sempre é lembrado, apareça nem que tenha que causar polêmica. Seus amigos e parceiros precisam saber que você existe e devem chamar o seu nome. Libra (23/9 a 22/10) Reconhecimento por parte de amigos e parceiros, a sua presença é muito importante para que a equipe possa dar continuidade aos seus projetos e atividades. Escorpião (23/10 a 21/11) Problemas de comunicação podem dificultar o desempenho da sua equipe, trate de ser mais claro e tirar todas as dúvidas possíveis antes de tomar decisões.

Sagitário (22/11 a 21/12) Sem exageros, se você já está de bem com todos não precisa ficar se matando para querer provar mais ainda que elas podem contar com a sua colaboração. Capricórnio (22/12 a 20/1) Clima de exageros e despesas sem nenhum controle que podem acabar lhe irritando. Saiba dizer não se for necessário, para não ficar sentindo arrependimentos. Aquário (21/1 a 19/2) Procure por pessoas que valorizem os seus conhecimentos e a sua dedicação, não fique quebrando a cabeça tentando convencer os outros que merece uma chance. Peixes (20/2 a 20/3) Novas paixões rasgando o seu peito e atingindo o seu coração, tente não ficar tão vulnerável a pessoas que possam provocar em você emoções inesperadas.


18

3

esporte

7

jogos é a duração da invencibilidade do Bahia no Campeonato Brasileiro. O time baiano tem a melhor campanha do segundo turno do torneio.

esporte

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Muriel diz que Inter busca soluções

Tem de ser diferente Inter encara seu primeiro jogo após bronca externa de Fernandão nos jogadores

Se nunca é tarde para começar de novo, o Inter tenta “recomeçar” a sua vida no Campeonato Brasileiro contra o Bahia, neste domingo. O jogo contra o Sport, no último fim de semana, foi um divisor de águas com as declarações fortes do técnico Fernandão. O confronto das 18h30 mostrará qual caminho o time resolveu adotar nas últimas 13 rodadas da competi-

ção e se ainda terá forças para brigar por uma vaga na Libertadores. Daqui para frente, os colorados querem fazer diferente. “Acho que a conversa foi boa. Temos que encontrar soluções. A gente sabe que que está devendo. Não sabemos qual a resposta. Estamos cada um fazendo a sua parte. O Fernandão nos cobrou e, por ser nosso líder, tem total condição

de fazer isso”, opina o goleiro Muriel. Após um discurso forte com recados para os principais jogadores do elenco, o time não terá grandes modificações. Nei e Ygor retornam à equipe após se recuperarem de lesão e Fabrício após ter cumprido dois jogos de suspensão. A única dúvida da equipe está no ataque. Com Dagoberto recuperado, ele dispu-

Breves

Falcão entra para o hall da fama da Roma O REI DE ROMA. O ex-joga-

dor Paulo Roberto Falcão foi eleito para ingressar no Hall da Fama da Roma, clube que defendeu na década de 80, conquistando um título italiano e sendo vicecampeão europeu. Os outros brasileiros eleitos por meio de votação no site oficial da Roma foram o zagueiro Aldair e o lateral Cafu. METRO POA

tará uma vaga com o uruguaio Forlán. A provável escalação colorada tem Muriel; Nei, Rodrigo Moledo, Índio e Fabrício; Ygor, Guiñazu, Fred e D'Alessandro; Forlán (Dagoberto) e Leandro Damião. O clima ainda segue tenso no Beira-Rio. No treino de ontem, o meia Dátolo acabou discutindo com Fernandão e foi expulso da atividade. Com excesso de estrangeiros no elen-

ALEXANDRE LOPS/INTERNACIONAL

co, o argentino não vem sendo relacionado para jogos do Nacional. Adversário em boa fase O Bahia vive seu melhor momento no Brasileirão. Sem perder a sete jogos, o time saiu da zona do rebaixamento e tem o melhor desempenho no segundo turno do torneio, com quatro vitórias e dois empates. METRO POA

Cabo eleitoral Com seu futuro indefinido, o brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, ganhou um aliado para sua permanência na equipe italiana. Líder do mundial de pilotos de Fórmula 1, seu companheiro Fernando Alonso se tornou seu cabo eleitoral. “Trabalho com o Felipe há três anos e temos uma relação muito boa. Se o time decidir trocar de piloto, quem vier tem que ser melhor que ele. De todos os nomes que ouvimos, posso dizer que eles fizeram bem pouco em comparação ao que o Felipe já fez na Fórmula 1”, analisou o piloto espanhol. Massa vive uma tempo-

rada irregular e o ano tem sido marcado por rumores de que a Ferrari não renovará seu contrato e ele terá de procurar por uma vaga em outra escuderia em 2013. As declarações de Alonso também servem como um fator motivacional para o brasileiro lhe ajudar na busca pelo tricampeonato. O espanhol chega para o GP de Cingapura, disputado às 9h de domingo, com 37 pontos de vantagem para o inglês Lewis Hamilton, da McLaren. O treino que define o grid de largada para as 61 voltas da corrida ocorre amanhã, às 10h. METRO POA

União sedia Copa Brasil Master de natação ÁGUA. A sede do Moinhos de Vento do Grêmio Náutico União recebe no fim de semana a Copa Brasil Master de Natação. Estarão presentes no evento 50 equipes de 14 estados, com quase 500 atletas competindo. METRO

Alonso defende a permanência de Massa na Ferrari ANDREW HONE/GETTY IMAGES


20

esporte

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 21 DE SETEMBRO DE 2012

Espírito de final de Copa do Mundo Podendo subir na tabela, Grêmio terá uma espécie de decisão contra o Atlético-MG no domingo LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA

Um torneio por pontos corridos não tem uma final propriamente dita, mas no decorrer no caminho aparecem pequenas finais. É o caso do jogo contra o AtléticoMG, no domingo. Em jogo está a segunda colocação do Campeonato Brasileiro. O Galo tem 51 pontos e um jogo a menos em relação ao Tricolor, que soma 48. Vencendo, o Grêmio iguala a pontuação do adversário e passa à frente devido ao número de vitórias. Derrotar o Atlético-MG no Independência não será fácil. Ninguém conseguiu fazer essa proeza no Brasileirão. Os mineiros são os únicos que ainda não foram derrotados dentro de casa. “A pressão da torcida é muito grande, a todo momento ela quer que o Atlético acelere o jogo. Temos que aproveitar bem nossas oportunidades, com velocidade e atenção para matar o jogo. A equipe do Atlético é madura, tem jogadores experientes, vão jogar para ci-

ma. Temos muita qualidade e sabemos jogar bem dentro e fora de casa”, comentou o zagueiro Werley. O defensor fala como quem sentiu na pele a força da torcida. Essa será a primeira vez que ele atuará contra o clube que o revelou para o futebol. No lado gremista, o zagueiro Gilberto Silva é outro jogador com passagem pelo adversário do fim de semana. Do outro lado, três atletas (o goleiro Victor, o zagueiro Réver e o meia-atacante Ronaldinho Gaúcho) já vestiram a camisa tricolor. Apesar da preocupação com a pressão que será exercida, o objetivo é vencer fora de casa. “Vamos tentar o máximo, sabemos que é difícil, mas vamos para vencer. Com cautela, sem sair de qualquer jeito, porque a equipe do Atlético é muito qualificada. Temos totais condições de sair de lá com a vitória”, comenta o volante Souza. METRO POA

AMANHÃ 18h30 - Fluminense x Náutico 18h30 - Figueirense x Palmeiras 21h - Santos x Portuguesa DOMINGO 16h - São Paulo x Cruzeiro 16h - Botafogo x Corinthians 16h - Atlético-GO x Flamengo 16h - Ponte Preta x Vasco 18h30 - Sport x Coritiba 18h30 - Inter x Bahia 18h30 - Atlético-MG x Grêmio

CLASSIFICAÇÃO P V GP SG 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

REPRODUÇÃO

Dono do cinturão dos meiopesados do UFC, Jon Jones foi criticado depois de negar uma luta contra Chael Sonnen, o que provocou o cancelamento do evento de número 151. De acordo com críticos, ele teve medo de perder o posto. Mas, com luta marcada contra Vitor Belfort, amanhã (a partir das 19h), pelo UFC 152, que ocorre no Canadá, o atual campeão justificou o “não” a Sonnen elogiando o brasileiro. “Belfort é muito mais intimador. Sonnen não tem

poder de nocaute. Para quem disse que eu estava com medo, escolhi uma luta muito mais difícil”, disse Jones. “Eu acho que estar preparado deixa as coisas mais fáceis e, contra Sonnen, eu não estaria”, completou o americano. Já Belfort, 35 anos, destacou a importância de ser um atleta das antigas que consegue competir em alto nível até os dias de hoje. “É uma honra. Olhei para mim mesmo ontem e pensei: ‘Nossa, ainda estou surfando a onda’”, disse. METRO

FLUMINENSE ATLÉTICO-MG GRÊMIO VASCO SÃO PAULO BOTAFOGO INTER CRUZEIRO CORINTHIANS SANTOS PONTE PRETA NÁUTICO BAHIA PORTUGUESA CORITIBA FLAMENGO SPORT FIGUEIRENSE PALMEIRAS ATLÉTICO-GO

53 51 48 43 39 39 37 35 35 33 33 31 31 29 28 28 24 22 20 20

15 15 15 12 12 11 9 10 9 8 8 9 7 7 8 7 5 5 5 4

41 39 37 32 37 39 30 32 28 30 30 30 26 25 38 24 22 28 22 26

24 22 16 6 9 8 8 -3 4 -2 -2 -10 -1 -4 -7 -10 -13 -14 -13 -18

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B

No primeiro turno, Atlético-MG levou a melhor no Olímpico

‘Belfort intimida mais que Sonnen’

Campeão Jon Jones encara o descontraído Vitor Belfort

26ª rodada

PH Ganso fecha com o São Paulo A camisa 8 do São Paulo é de Paulo Henrique Ganso. Uma reunião ontem entre o clube do Morumbi, o Santos e o Grupo DIS, detentor de 55% dos direitos do meia – o Peixe detinha 45% – selou o acordo e resolveu as pendências que o time da Baixada Santista tinha com os investidores. Santos e DIS chegaram a um consenso sobre a dívida que o Peixe contraiu após as negociações do

volante Wesley e do atacante André com o futebol europeu. O alvinegro exigia o abatimento de R$ 8 milhões para liberar o meia, proposta rejeitada pela DIS na terça-feira. Ontem, porém, o martelo foi batido após o São Paulo confirmar o pagamento de R$ 23,9 milhões à vista – desta quantia R$ 7,5 milhões foram investidos pela DIS – pelos 45% do Santos, que desistiu de tentar diminuir o débito. Os santistas conseguiram com que a DIS revertesse a penhora de 20% das receitas que o clube tem a receber por um imóvel. METRO


20120921_br_portoalegre