Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, garantia de manejo florestal responsável.

BRYAN CRANSTON, DE ‘BREAKING BAD’, ESPECULA: ‘WHITE DEVE MORRER’ {pág 11}

FRED MARCA

O GOL DA VITÓRIA SOBRE O INTER E MANTÉM O FLU NA LIDERANÇA ISOLADA

{pág 14}

RIO DE JANEIRO

Segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Edição nº 478, ano 2 Mín 19°C Máx 30°C

Kit ensina motorista a se livrar de multas Vendido pela internet, manual traz 1,2 mil modelos de recursos para anular as mais diversas infrações Por R$ 69,99, empresa garante sucesso em até 80% dos casos Guia descreve várias brechas na lei {pág 03} Centro Cultural do Bola Preta, na rua do Lavradio, não tem proteção para evitar acidentes

Paralimpíada

BRUNO DE LIMA/CPB

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Despedida com chave de ouro

Ei, olhe para cima! Sem demolição apropriada, prédios abandonados no Centro são perigo para pedestres {pág 06} BRUNA PRADO/ METRO RIO

Maratonista Tito Sena ganha a 21ª medalha dourada do Brasil no adeus aos Jogos de Londres País faz a melhor campanha da história, com 43 pódios e o inédito sétimo lugar {pág 13}

Ataques matam 58 no Iraque Em uma série de explosões ontem, consulado francês foi atingido por carro-bomba {pág 09}


rio

02

1 foco

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

Chacina deixa 4 mortos na Baixada

Máxima de 38,50C

ESTRADAS ENGARRAFADAS

Trânsito lento na volta do feriadão

Polícia acredita que as vítimas eram viciadas e deviam ao tráfico Príncipe do Samba REPRODUÇÃO/VIMEO

Roberto Silva gravou cerca de 20 álbuns

O corpo do sambista carioca Roberto Silva, morto ontem de madrugada, foi enterrado à tarde, no Cemitério de Inhaúma, zona norte. Conhecido como Príncipe do Samba, Roberto Napoleão Silva morreu em casa, aos 92 anos, vítima de complicações decorrentes de um câncer, segundo parentes.

Eleições A comitiva de Nelson Bornier (PMDB), candidato à prefeitura de Nova Iguaçu, foi atacada por traficantes durante caminhada, ontem, na comunidade Conjunto da Marinha. O motorista do candidato, Renato Silva, e mais um integrante da campanha foram abordados por homens armados e levados para dentro da comunidade, onde foram agredidos por cerca de 40 minutos. Os bandidos estariam cobrando propina para autorizar campanha na favela.

Quatro pessoas – sendo um homem, uma mulher e dois menores – foram encontradas mortas na manhã de ontem, em Japeri, na Baixada Fluminense, dentro de uma casa no bairro Chacrinha. Segundo a polícia, o local funcionava como ponto de venda de drogas e esconderijo de viciados. Os agentes chegaram até lá após uma denúncia anônima. Todas as vítimas foram mortas com um tiro na testa. Uma delas tentou fugir e

sacolés de cocaí58 na e uma cápsula de revólver 38 foram encontrados na casa ao lado dos corpos .

também foi baleada nas costas. Segundo vizinhos, vários disparos foram ouvidos por volta de meia-noite. De acordo com policiais do 24º BPM (Queimados), um dos mortos era filho de um pastor da Assembleia de Deus do bairro e já tinha tentado assaltar a igreja do pai. METRO RIO

Cartas na mesa FERNANDO GABEIRA

JARDIM EM TRANSE Criado a partir da vinda da família real ao Brasil, o Jardim Botânico vive uma grande crise ligada ao seu futuro. É a discussão em torno do destino de cerca de 600 famílias que vivem dentro dos limites do parque. Não é nada novo. A questão se arrasta há algum tempo e já provocou uma divisão no interior do próprio PT do Rio. Um dos defensores da permanência das famílias é o deputado Édson do Santos, do PT. O fato de ser antiga, torna a negociação mais delicada. As pessoas viveram ali muitos anos e criaram seus filhos no lugar. Recentemente, a discussão saiu dos bastidores e entrou no centro da cena. O presidente do Jardim Botânico, Liszt Vieira, quase se demitiu por temer que o governo distribua títulos de propriedade e dê a vitória aos ocupantes.

Praia de Ipanema ficou lotada no último dia do feriadão ALVINHO DUARTE / FOTOARENA

Calor recorde no inverno A forte massa de ar seco que cobriu o Sudeste e o avanço de uma frente fria sobre o oceano favoreceram a elevação da temperatura no Rio ontem, levando cariocas e turistas a lotarem as praias em pleno domingo de inverno. Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), a cidade registrou máxima de 38,5°C. Desde 22 de março, quando a temperatura chegou a 39,2°C, não fazia tanto calor assim.

Ele usou um novo argumento: a posição da comunidade científica que trabalha no Jardim Botânico e faz inúmeras pesquisas, inclusive sobre a Mata Atlântica. As associações de moradores em torno do Jardim Botânico já se manifestaram também pela saída dos ocupantes, o mesmo acontecendo com o TCU e a própria justiça. O Jardim Botânico recebe cerca um milhão de pessoas por ano, 100 mil deles estrangeiros. No passado, frequentei suas alamedas diariamente e fiz parte da Associação dos Amigos do JB. Esta semana, decidi rever o Jardim Botânico, começando pela tarde de domingo. Havia muita gente, a maioria tirando fotos diante das árvores bonitas e do lago onde ficam as vitórias-régias. A área de visitação não é afetada pela existência de ocupantes. Só se tem uma visão discreta de suas presenças na saída dos carros, em direção à rua Major Rubens Vaz, onde há um grupo de casas. O Jardim Botânico será um dos centros de atração nos grandes eventos que o Rio vai sediar, a Copa do Mundo e a Olimpíada. Era um dos lugares preferidos de Tom Jobim, cujo corpo foi velado lá. Hoje, o Jardim Botânico, alem de áreas especiais para orquídeas e bromélias, tem um centro cultural chamado Tom Jobim.

Os motoristas que foram curtir o feriadão de 7 de setembro fora do Rio tiveram que ter paciência na volta para casa. A grande quantidade de veículos causou muita retenção nas estradas fluminenses ao longo de todo o domingo. Quem retornava da Região dos Lagos enfrentou o pior engarrafamento, onde a lentidão chegou a 40 km por volta das 19h, segundo as concessionárias que administram as vias. Na rodovia Presidente Dutra, no mesmo horário, havia 10 km de retenções, de Volta Redonda até Nova Iguaçu. Na BR-040, o trânsito também estava intenso, com alguns pontos de lentidão na altura da Baixada. METRO RIO

É fundamental que essa situação seja resolvida rapidamente, para que a instituição possa programar seu futuro. Minha sugestão para resolver a crise foi a do diálogo. Pode ser que esse diálogo tenha sido desenvolvido nas últimas semanas. Não tive notícia de seu rumo, dos argumentos de ambos os lados. O debate precisa ser transparente. O Jardim Botânico é ligado ao Ministério do Meio Ambiente, mas os cariocas o utilizam no dia a dia. Seria muito interessante que, de certa forma, os moradores do Rio fossem ouvidos, não só sobre esse, mas sobre qualquer impasse que a instituição esteja vivendo. Constatei durante a semana que as pessoas visitavam o Jardim Botânico quase que totalmente alheias ao drama que ele vive no momento. A discussão ficou muito restrita aos grupos internos do PT, como se a sorte de algo importante para a humanidade fosse algo exclusivo do grupo no poder. Com diálogo e transparência, será mais fácil encontrar o caminho do futuro e passar esse maravilhoso legado às novas gerações. Aliás, elas já estão presentes nos carrinhos levados pelas babás ou correndo pelas alamedas nas tardes de domingo. Achar uma saída inteligente e humana para esse problema é a forma de estar mais ou menos à altura.

Fernando Gabeira escreve neste espaço às segundas-feiras. E-mail: leitor.rj@metrojornal.com.br

FALE COM A REDAÇÃO

EXPEDIENTE

COMERCIAL: 021/2586-9570

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha. Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo.

leitor.rj@metrojornal.com.br 021/2586-9565

O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Metro Rio de Janeiro. Editora Executiva: Ana Lúcia do Vale. (MTB: 18.892) Editora de Arte: Cláudia Lorena. Gerente Comercial: Janaína Orlani. Grupo Bandeirantes de Comunicação RJ. Diretor Geral: Daruiz Paranhos

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: Rua Álvaro Ramos, 350, 4º andar, Botafogo, CEP 22280-110, Rio de Janeiro, RJ. Tel.: 021/2586-9570. O jornal Metro Rio é impresso pela Editora O Dia S.A. A tiragem e distribuição desta edição de 100.000 exemplares são auditadas pela BDO.


rio

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

03

Kit ensina como motorista infrator pode anular multa Manual oferece 1,2 mil tipos de recursos para o motorista contestar infrações cometidas no trânsito O volume expressivo de multas de trânsito na capital – foram quase 2,3 milhões de autuações somente no ano passado – tem incentivado a indústria do recurso contra as infrações. Aproveitando as brechas existentes na legislação de trânsito brasileira, empresas que se apresentam como de consultoria oferecem o roteiro para o motorista recorrer e, segundo elas, conseguir anular as infrações. Na maioria dos casos, as ofertas desse tipo de serviço chegam por e-mail e, em uma rápida pesquisa em sites de busca na internet, é possível encontrar, no mínimo, 15 empresas que oferecem o caminho das pedras para se livrar de uma multa registrada por um dos 352 radares ou por um dos 695 agentes de trânsito da CETRio (Companhia de Engenharia de Tráfego). Na última semana, a reportagem do Metro comprou um dos produtos ofertados pela internet. Batizado de “kit Multas 2012”, o

‘Produto é imoral’ Para o presidente da comissão de trânsito da OAB-SP, Maurício Januzzi, o mercado do recurso é resultado da indústria da multa. Segundo ele, a oferta de um material pa-

16%

dos 113.177 recursos enviados à Secretaria de Transportes foram atendidos, até agosto. serviço oferece 1,2 mil tipos de recursos para infrações de trânsito. Toda negociação é feita por e-mail. A empresa não oferece nenhum número de telefone para contato. Segundo o material enviado à redação, após o pagamento de um boleto de R$ 69,99, a empresa garante um histórico de sucesso em 80% dos recursos. Na orientanção do material, há participação de especialistas em legislação de trânsito e exfuncionários de órgãos municipais de fiscalização. No CD, entregue uma sema após a confirmação do pagamento, há uma lista de modelos de recursos. São casos de estacionamento em local proibido, uso do celular ao volante, excesso de ra orientar a confecção de um recurso não é ilegal, já que o motorista não é obrigado a adquirir o produto, mas é imoral. Para Rodrigo de Oliveira Ribeiro, advogado criminalista no Rio, é correto e positivo na medida em que auxilia as pessoas a entenderem qual lingua-

velocidade, conversão irregular, contramão, dirigir com a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) vencida, entre outros. Todos com detalhes e indicações das brechas na lei que facilitam o deferimento do recurso. Há um modelo “sentimental” de pedido de revisão dos pontos acumulados. O texto detalha como o condutor deve explicar que depende da CNH para trabalhar e, dessa forma, garantir o sustento da família. Os autores do material orientam a utilizar o exemplo desejado, editá-lo com os dados do condutor e enviar a uma Jari (Junta Administrativa de Recursos de Infrações de Trânsito), órgão da secretaria municipal de Transportes responsável pela análise dos pedidos de recurso. A empresa ainda sugere que o comprador faça renda extra no mercado das multas: o interessado pode cobrar de R$ 30 a R$ 80 por “modelo de recurso” oferecido a amigos, familiares e outros clientes. METRO RIO gem deve ser colocada no recurso, dando ferramentas para que elas mesmas possam redigí-lo: “Mas se o kit estimula as pessoas a apresentarem recursos com razões que não sejam as delas ou sugere que possam ganhar dinheiro, aí extrapola o papel dele e é imoral”. METRO RIO

Recurso delivery

Modelos oferecidos para alguns tipos de infrações de trânsito

1 Recurso apresentado por

motorista autuado por dirigir sem CNH Infração gravíssima

multa de R$ 191,54, mais 7 pontos na CNH

2 Recurso apresentado por

motorista flagrado dirigindo na contramão Infração gravíssima

multa de R$ 191,54, mais 7 pontos na CNH

3 Recurso apresentado por

autuação por dirigir sem cinto de segurança Infração grave

multa de R$127,69, mais 5 pontos na CNH

Índice de deferimento é baixo Este ano, até agosto, a secretaria municipal de Transportes informou que já foram apresentados 113.177 pedidos de recursos. Desse total, 16% foram atendidos.

Os dados repassados apontam que, em 2011, das 156.366 contestações de infrações de trânsito apresentadas, 18% das multas foram revistas. Em 2010, as

Jaris, órgãos responsáveis pela análise dos recursos, receberam 191.513 pedidos, sendo que apenas 14% das infrações de trânsito foram suspensas. METRO RIO


04

www.readmetro.com

eleições 2012

SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

De carona nos grandes eventos Com 33 mil táxis com permissão para circular pelo Rio – média por habitante maior até do que a da cidade de São Paulo – as ruas cariocas nem sempre têm boa cobertura dos motoristas dos carros amarelinhos. A dificuldade para pegar um táxi é grande em pontos estratégicos, como aeroportos e rodoviária, e em grandes eventos, como shows e jogos de futebol. No aeroporto internacional Tom Jobim, o Galeão, a Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) criou o projeto Táxi Boa Praça, em janeiro, para organizar a área de desembarque do Terminal 1. Em seguida, o projeto foi levado para o Terminal 2 e para o aeroporto Santos Dumont. A situação no Galeão era tão grave que, em 2010, um taxista foi agredido por aceitar passageiros em área controlada por cooperativas. Em abril, o Ministério Público denunciou à Justiça 32 integrantes da chamada máfia de táxis ilegais. Os taxistas foram acusados de estacionar veículos irregulares no aeroporto e abordar pessoalmente os passageiros. O sistema, no entanto, tem falhas e precisa ser aprimorado para os grandes eventos que o Rio vai sediar nos próximos anos. Antes da conferência Rio+20, em junho, o Táxi Boa Praça foi desativado. Na época, o secretário municipal de Transportes, Alexandre Sansão, alegou que os atuais 350 tá-

Apesar do grande número de permissões, serviço de táxi ainda é deficiente Galeão tem só 350 taxistas cooperados cadastrados para trabalhar Este ano, SMTR reprovou 711 motoristas por falta de documentação FOTOS: BRUNA PRADO/ METRO RIO

O Metro ouviu os principais candidatos à Prefeitura do Rio sobre como melhorar o sistema de táxis para atender à população e aos turistas, de olho nos grandes eventos.

Otavio Leite (PSDB) “Embora taxistas já possuam isenção de imposto (IPI) na compra do veículo de trabalho, nós vamos além. A prefeitura vai articular junto ao Banco do Brasil e à Caixa Econômica a criação de linha de crédito que estimule a renovação rápida da frota. Afinal, estamos falando de um evento que tem importância estratégica para o país.”

Aspásia Camargo (PV) “Primeiro, tem que acabar com os táxis piratas, que tanto prejudicam a vida dos bons profissionais. Os taxistas auxiliares precisam de regime de trabalho mais humano. Eles trabalham, às vezes, 17 horas por dia e no fim de semana para pagar as diárias altíssimas. Nestas condições, é difícil prestar bom serviço.” Táxi Boa Praça chegou ao Santos Dumont em junho

xis das duas cooperativas cadastradas para fazer o transporte de passageiros no Galeão não seriam suficientes para atender à grande demanda de visitantes que vinham para o evento. “A fila no Galeão é absurda. Geralmente fico uns 40 minutos até pegar um táxi, o mesmo tempo que levo na ponte-aérea”, reclama a carioca Nathalia Freire. Outro problema que atormenta cariocas e turistas são os taxistas que cobram corridas no “tiro” (com preço pré-definido e sem ligar o taxímetro). Durante o Car-

naval, por exemplo, agentes da Subsecretaria de Fiscalização (SubF) da SMTR flagraram cinco motoristas cobrando valores abusivos aos passageiros. Já no show do Paul McCartney, no Engenhão, ano passado, 20 taxistas tiveram as suas permissões cassadas por terem cometido a mesma infração. A prefeitura informou que a SubF “realiza, regularmente, operações volantes, visando um serviço de qualidade para os usuários dos serviços de táxi”. Este ano, 7.428 táxis foram fiscalizados, sendo sete “piratas” re-

tirados de circulação e 711 reprovados por circularem sem a documentação de porte obrigatória. A SMTR também afirmou que a SubF se faz presente, constantemente, no Galeão, “onde são vistoriados e fiscalizados os taxistas sem documentação ou com irregularidades, além das condições do veículo. A prefeitura solicita ainda que os usuários de táxi que constatarem cobrança no “tiro” denunciem a infração imediatamente à autoridade policial ou um agente de trânsito. METRO RIO

Detran faz curso de capacitação O Detran-RJ abriu este mês 120 vagas para um curso de capacitação de taxistas. O objetivo do curso “Táxi! Corrida para o Futuro” é preparar os profissionais para importantes eventos que acontecerão no Rio, como a Copa do Mundo de 2014 e a Olimpíada de 2016. O curso pretende capacitar os motoristas para a redução do risco no trânsito e o desenvolvimento do turismo e da cultura no Estado. A iniciativa conta com a parceria da Faetec (Fundação de Apoio à Escola

QUAL É A SUA OPINIÃO?

Técnica do Estado do Rio de Janeiro) e da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Para os grandes eventos, os alunos também terão aulas de inglês e espanhol básicos. Para participar, o motorista não pode ter 20 pontos no somatório das infrações nos últimos 12 meses e não ter cometido infração gravíssima nos últimos 12 meses, entre outros requisitos. Outras informações e inscrições no site www.detran.rj.gov.br. METRO RIO

Curso para taxista terá aula de inglês e espanhol

Marcelo Freixo (PSOL) “Os taxistas sabem que são a porta de entrada para muitos no Rio. E o táxi também é transporte público. Vamos consolidar a legislação, garantindo todos os direitos. Esses profissionais precisam de regras mais claras, construídas com a categoria. Vamos combater os táxis piratas nos hotéis, aeroportos e pontos turísticos.”

Rodrigo Maia (DEM) “Vamos investir na capacitação do taxista para atender melhor o carioca e o turista. Firmaremos parcerias para oferecer curso de línguas, gestão do negócio e conhecimentos gerais sobre o Rio. Incentivaremos mais taxistas a adaptarem seus carros para atender pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida.”

Eduardo Paes (PMDB) “Vamos estender os padrões do Táxi Boa Praça a 100% dos pontos até 2016. Qualificação do profissional e ordenamento dos pontos são fundamentais. O projeto funciona bem no Galeão e no Santos Dumont. Também regulamentamos lei que transfere titularidades de motoristas cassados aos que estão há mais tempo como auxiliares.”


06

rio

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

Novos riscos em imóveis desmoronados no Centro

Prédios ainda sem reformas, com restos de desabamento e mal sinalizados significam perigo para os pedestres BRUNA PRADO / METRO RIO

Depois de incêndio do restaurante em novembro, obras no edifício Riqueza, na praça Tiradentes, estão atrasadas

O cenário de destruição protagonizado por edifícios desmoronados já faz parte do cotidiano do Centro do Rio de Janeiro. Na praça Tiradentes e na rua do Lavradio, a situação não é simplesmente paisagística: os edifícios avariados guardam riscos de novas tragédias. No dia 13 de novembro de 2011, houve a explosão do restaurante Filé Carioca, do edifício Riqueza, na praça Tiradentes, número 9. O acidente danificou alicerces do prédio. Desde então, os proprietários de salas reclamam da falta de diálogo com a prefeitura. O coordenador da comissão de obras do edifício, Limachem Cherem, ressalta a falta de contato com a administração municipal. “Não há nenhum tipo de interdição no local, apenas restrições feitas pelos homens que fazem a restauração”, afirma o comerciante. O caso do sobrado do

“Não temos condição financeira para realizar obras. Viemos para cá após perder nosso imóvel.” PEDRO ERNESTO, PRESIDENTE DO BOLA PRETA

Centro Cultural do Cordão da Bola Preta é ainda mais grave. O desabamento de parte do segundo andar, no dia 15 de maio, foi somente o começo dos problemas para vizinhança. Da sacada do restaurante vizinho ao imóvel de número 1 da rua da Relação, é possível ver pedaços de concreto prestes a cair na rua do Lavradio, que, por estar próxima aos Arcos da Lapa e de famosas casas de shows, é uma das mais movimentadas da noite carioca. A secretaria municipal de Saúde e Defesa Civil (SMS) informou que ambos

os prédios receberam interdições imediatamente após os desastres. Segundo a SMS, o edifício Riqueza possui um responsável técnico que responde pela segurança do local. Sobre a situação do Centro Cultural da Bola Preta, a SMS revelou que um serviço de demolição das áreas com risco de queda já foi realizado pela prefeitura no imóvel, fato que é confirmado pelo presidente do Cordão da Bola Preta. “Não temos condição financeira para realizar obras. Viemos para cá após perder nosso imóvel. Mesmo assim, contratamos pedreiros para retirar os escombros que podiam cair”, explica Pedro Ernesto. A secretaria municipal de Urbanismo (SMU) afirma que o sobrado é propriedade particular e que os cuidados são de responsabilidade do proprietário. METRO RIO

Aulas na UFRJ recomeçam hoje O calendário do ano letivo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) recomeça hoje. O Conselho de Ensino de Graduação (CEG) divulgou na quarta-feira a previsão para os cursos até o ano de 2013. Segundo o CEG, o fim do primeiro semestre de 2012

acontecerá no dia 13 de outubro. Está previsto para 21 de dezembro o encerramento do segundo período do ano que vem. A partir de então, a grade curricular será normalizada. A decisão pelo fim da greve foi tomada no último dia 31 de agosto, em assem-

bleia de docentes. Esta paralisação, deflagrada no dia 22 de maio, é considerada a maior dos últimos dez anos. A CEG definiu também o período de trancamento de matérias até 2013. O próximo acontece entre os dias 5 e 22 de setembro. METRO RIO


economia ALEX WILSON/IMAGE SOURCE

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

07

Cursos livres sobem acima da inflação

Escolas tiveram aumento de 9,29% no ano, quase três vezes superior à inflação Brasileiro está pagando 10% a mais para aprender um idioma MARCELO JUSTO/FOLHAPRESS

Preços tiveram alta de 2,52% no comércio on-line

Lojas virtuais elevam preços Os preços cobrados pelas lojas virtuais no Brasil subiram 2,52% em agosto, depois de terem caído 1,39% em julho, segundo o índice e-Flation, calculado pela pelo Provar (Programa de Administração do Varejo), da FIA (Fundação Instituto de Administração). Os preços que subiram foram os de produtos de informática (alta de 0,86%), eletrodomésticos (0,63%), perfumes e cosméticos (0,32%), eletroeletrônicos (0,24%), cine e foto, (0,21%), medicamentos (0,16%), livros (0,13%) e brinquedos (0,06%). As únicas categorias que registraram deflação fo-

ram telefonia e celulares (queda de 0,01%) e CDs e DVDs (-0,09%). Entretanto, no acumulado do ano, há uma queda de 3,81% nos preços. Nos últimos 12 meses, a baixa foi de 4,82%. Claudio Felisoni, presidente do conselho do Provar, diz que não há uma tendência clara de aumento de preços, mas sim uma instabilidade nos valores. “O eFlation começou a variar mais nos últimos meses. Isso demonstra uma instabilidade maior por parte do consumidor, aliada à redução da capacidade de previsão por parte dos varejistas”, diz, Felisoni. METRO

Conta de luz cairá 16% em 2013 A conta de luz do brasileiro vai ficar 16,2% mais barata, em média, no início de 2013. As indústrias também vão pagar menos: uma queda de até 28%. O anúncio foi feito na última quinta-feira pela presidente Dilma, durante o pro-

nunciamento nacional em rede de rádio e televisão. O detalhamento do plano, porém, que inclui redução de encargos e a renovação das concessões que vencem a partir de 2015, ocorrerá somente amanhã. METRO

Quem decidiu aprender uma nova língua ou até mesmo começar uma academia vai desembolsar mais no segundo semestre do ano. Em agosto, os chamados cursos livres – como os de idiomas, informática e atividades físicas – ficaram 1,39% mais caros. A alta é é três vezes superior à inflação, que ficou em 0,41% no período. Entre janeiro e agosto deste ano, os reajustes chegam a 9,29%, para uma inflação de 3,18%, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísitca). As maiores altas no acumulado do ano foram registradas pelos cursos de infomática (11,18%) e idiomas

Em alta Aumento entre janeiro e agosto

Variação Inflação Cursos livres Curso preparatório Curso técnico

3,18 9,29 8,9 8,72

Curso de idioma

10,46

Curso de informática

11,18

Atividades físicas

7,76

Fonte: IBGE

Receita paga R$ 1,8 bi em restituição de IR A Receita Federal libera amanhã às 9h a consulta ao lote multiexercício do IRPF (Imposto de Renda da Pessoa Física), referente ao quarto lote do exercício de 2012, além dos pagamentos residuais de 2011, 2010, 2009 e 2008. No total, serão 1,96 milhão de contribuintes beneficiados, totalizando R$ 1,8 bilhão. As restituições serão creditadas em 17 de setembro. Destes, R$ 1,7 bilhão será distribuído entre 1,92 milhão de contri-

buintes referentes ao exercício de 2012 (ano base 2011) -- já acrescida a taxa Selic do período, de 3,75% (maio a setembro de 2012). Do exercício de 2011, serão creditados R$ 41 milhões a 17.450 contribuintes; o lote residual de 2010 somará R$ 12,9 milhões a 6.279 pessoas e, para o residual do exercício de 2009, serão R$ 9,2 milhões para 4.193 contribuintes. Os pagamentos referentes a 2008 somarão R$ 4,57 milhões a se-

rem pagos para 2.203 contribuintes. Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte pode acessar a página na Receita (www.receita.fazenda.gov .br) ou ligar para 146. A restituição ficará disponível no banco por um ano. Após este período, o valor deve ser resgatado por meio de formulário que deve ser preenchido no site, ou pelo e-CAC, página também do site da Receita. METRO

Gastos com aluguel e mão de obra pressionam os custos para manutenção dos estabelecimentos, diz sindicato

(10,46%). Já escolas de atividades físicas tiveram um aumento de 7,76% no período, sendo 2,11% somente no passado.

“Devido à grande concorrência do setor, não muito espaço para aumentos. A alta pode ter sido motivada pelo crescimen-

to de cursos novos de menor duração e com mensalidades mais elevadas”, diz o gerente jurídico do Sindelivre de São Paulo (sindicato que representa o setor), Leslie Aparecido Magro. Já o vice-presidente do Sieeesp (Sindicato dos Estabelecimento de Ensino do Estado de São Paulo), José Augusto de Mattos Lourenço, afirma que o setor vem sofrendo uma pressão de custos devido à alta carga tributária, aumento de gastos com folha de pagamento e com a manutença da infraestrutura da escola, como energia e aluguel. “Além disso, no setor como um todo, a inadimplência está em 8%”, afirma. METRO


08

www.readmetro.com

brasil

SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

Correios podem parar amanhã Categoria faz assembleia hoje, mas sindicatos orientam servidores a recusar reajuste de 5,2% Entregas podem ser afetadas em todo o país ANTÔNIO CRUZ / ABR

As entregas de correspondências e de encomendas por Sedex devem ficar comprometidas a partir de amanhã. Os carteiros, atendentes e operadores de triagem dos Correios anunciaram que não vão aceitar a proposta de reajuste salarial e entrarão em greve. A paralisação, por tempo indeterminado, começa à meianoite desta terça-feira. As negociações começaram no início do mês passado, mas não avançaram. A cúpula dos Correios fez a primeira proposta de reajuste salarial de 3% em 2 de agosto. Diante da negativa dos sindicatos, foi oferecido 5,2%, na última quartafeira. A categoria fará as-

No ano passado, greve nacional dos Correios durou 28 dias

sembleias em todo o país, mas a orientação é a de não ceder, dando início a paralisação nacional. Além da questão salarial, os carteiros estão preocupados com a mudança no plano de saúde. Atualmente,

os funcionários pagam quando usam o benefício e têm direito a incluir pai e mãe como dependentes. Os Correios querem adequar os planos às regras adotadas nas demais carreiras do serviço público, im-

plantando, por exemplo, uma mensalidade. “O salário é baixo. Se reduzir o plano de saúde vão tirar a única alegria da categoria”, apontou o diretor da Federação Nacional dos Trabalhadores dos Correios, James Magalhães. A pauta de reivindicações dos servidores tem 89 itens, que incluem segurança nas agências e adequação dos horários de serviço. Os Correios estão dispostos a negociar, mas impõem uma condição: ouvir os pedidos só quando for fechado o acordo coletivo.

Política

CLÁUDIO HUMBERTO COM HADDAD NA COLA, PSDB TEME REJEIÇÃO DE SERRA. O PSDB já esperava

o crescimento do candidato do PT a prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, agora em empate técnico com José Serra, segundo as últimas pesquisas. Para membros da cúpula, o PT tem um percentual histórico de votos na capital paulistana. A principal preocupação do tucanato é com os índices crescentes de rejeição a Serra, sobretudo em uma eventual disputa no segundo turno.

Reivindicações Veja a lista de pedidos apresentada: Salários : Reajuste de 43,7% no contracheque e R$ 200 de aumento linear; Carreira: Aumento do piso de R$ 942 para R$ 2,5 mil; Segurança : Implantação de esquema de segurança nas agências do banco postal; Expediente: Horário de entrega de cartas pela manhã em dias de temperatura elevada; Benefícios: Manutenção do plano sem limite de consultas e de dependentes e pago apenas quando usado.

STF julga lavagem de dinheiro O STF (Supremo Tribunal Federal) começa hoje a julgar o quarto capítulo da denúncia do mensalão, que trata do crime de lavagem de dinheiro cometido nos empréstimos do Banco Rural repassados à agência de publicidade SMP&B, de Marcos Valério. Dez réus serão julgados neste item e podem pegar pena que varia entre três e dez anos de prisão. METRO

SENADOR AÉCIO NEVES (PSDBMG), PARA QUEM O PT TEM APENAS “PROJETO DE PODER”

DIVULGAÇÃO

rista para dizer à comissão especial o que pensa.

MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

“[O PT] perdeu a capacidade de ter um projeto de país.”

Fernando Haddad OPONENTE DE PESO. O PT

está preocupado com a subida de Celso Russomanno (PRB), que lidera as pesquisas. Ele “rouba” votos do PT e do PSDB. SIGA O DINHEIRO. Para se-

nador Pedro Taques (PDTMT), falta a CPI do Cachoeira apurar os R$ 700 milhões que a Delta repassou a empresas fantasmas.

ESTÁ TUDO DOMINADO.

Uma das mais conhecidas obscenidades do novo Código Penal é o abrandamento ainda maior da legislação sobre consumo de drogas. CONTROLE FALHO. Muitos ainda se safam do controle eletrônico de presença no Senado. Quinta-feira (6), uma senhora parou o carro às 6h40 em frente à chapelaria, e sem desligar, desceu correndo, registrou presença e foi embora.

NOVO CÓDIGO OBSCENO.

Diante do esculacho de Miguel Reale Júnior sobre o projeto de reforma do Código Penal que tramita no Senado, classificandoo com toda razão de “obscenidade sem conserto”, o senador Sérgio Souza (PMDB-PR) convidou o ju-

ELE É CARIOCA. O ministro

Ricardo Lewandowski nasceu no Rio de Janeiro, mas fez direito em uma faculdade de São Bernardo do Campo, berço do lulismo. É segundo-tenente da reserva do Exército (arma de Cavalaria).

PODER SEM PUDOR

Sinceridade demais atrapalha

N

a campanha presidencial de 1989, o dono da Gradiente, Eugênio Staub, promoveu um encontro entre Mário Covas e empresários da Zona Fanca de Manaus. Covas estava animado com a repercussão do discurso sobre “choque de capitalismo”, redigido por Jorge Serpa a pedido de Roberto Marinho. A certa altura, Covas pre-

gou “profundas mudanças” na legislação da Zona Franca, tudo o que os empresários não desejavam ouvir. José Serra, que acompanhava o candidato tucano, cutucou Mário Covas: – Não dá para ganhar eleição com tanta sinceridade... Covas abandonou o tema, mas perdeu a eleição mesmo assim.

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR


mundo

www.readmetro.com

09

SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

ZAIN KARAM/REUTERS

Atentados matam 58 no Iraque País enfrentou uma onda de ataques no domingo Explosão de carro-bomba atingiu consulado francês AKO RASHEED/REUTERS

Pelo menos 58 pessoas morreram ontem em ataques em várias regiões do Iraque, entre eles a explosão de um carro-bomba em frente a um consulado da França. Os conflitos no Iraque diminuíram desde seu auge, em 2006 e 2007, quando a violência sectária causou a morte de milhares de pessoas. Mas sunitas e uma filial da Al Qaeda ainda lançam cerca de um grande ataque por mês, na tentativa de reiniciar as tensões entre xiitas e sunitas após a retirada militar dos EUA, em dezembro passado. O maior ataque no domingo ocorreu perto da cidade de Amara, 300 quilômetros ao sul de Bagdá, quando dois carros-bomba explodiram em frente a um

Vice é condenado à morte A Justiça iraquiana condenou ontem à morte na forca o vice-presidente Tarek al-Hashemi, um dos principais dirigentes sunitas do país, por comandar es-

Franceses ricos podem pagar mais impostos O presidente da França, Francois Hollande, apresentou ontem o esboço do mais duro esforço orçamentário das últimas seis décadas no país. Hollande disse que irá incluir um imposto de 75% para pessoas com receita superior a 1 milhão de euros por ano. Em entrevista a uma TV francesa, Hollande afirmou que seu governo iria propor um Orçamento com 20 bilhões de euros em novos impostos e 10 bilhões de euros em cortes de gastos. Segundo ele, o crescimento da França em 2012 irá beirar a zero. METRO

Ataque aéreo em resposta à invasão rebelde deixa pelo menos 10 mortos e 17 feridos

Em Kirkuk, 8 pessoas foram mortas e 30 ficaram feridas com explosão de um carro-bomba

santuário xiita e a um mercado, causando a morte de pelo menos 16 pessoas, disseram autoridades. Um carro-bomba explodiu em frente a um edifício consular francês na cidade de Nassiriya, 300 quilômetros ao sul de Bagdá, matando um policial e ferindo outros quatro. O cônsul, que é cidadão iraquiano, não estava no local no moquadrão de morte, segundo a “Reuters”. O secretário de Hashemi, que também é seu genro, recebeu a mesma sentença. Hashemi, julgado à revelia, era alvo de 150 acusações, assim como membros de seu gabinete acusados pelo assassinato de seis juízes e dirigentes, in-

Breves

Austrália quer legalizar a maconha CONTROLE. O último estudo

sobre drogas ilegais feito na Austrália e divulgado neste domingo propõe ao governo do país legalizar a maconha e o ecstasy para controlar o aumento do uso de entorpecentes. O professor Bob Douglas, coautor do relatório de 54 páginas, disse que ficou claro que a proibição das drogas não funciona e que é preciso adotar outros enfoques, como a legalização e o controle governamental do consumo, segundo a rádio “ABC”. METRO

mento do ataque, segundo informações agência de notícias “Reuters”. Desde a retirada das tropas norte-americanas, insurgentes têm escolhido alvos importantes para os ataques, incluindo santuários xiitas ou edifícios militares e públicos, para mostrar que eles ainda podem realizar ataques coordenados e minar o governo. METRO cluindo o diretor-geral do ministério da Segurança Nacional. Mas tanto ele como seu secretário pessoal foram condenados pela morte de uma advogado e do general Talib Belasim. Hashemi se refugiou em abril na Turquia, que se nega a extraditá-lo. METRO

Morre cão real da abertura das Olimpíadas REALEZA. O cão corgi da Rainha Elizabeth que apareceu ao lado dela e de James Bond na abertura dos Jogos Olímpicos morreu, informou o Palácio de Buckingham. Monty, que tinha 13 anos, deixa dois corgis no palácio. METRO

Menina ferida nos Alpes sai de coma MASSACRE. A britânica Zai-

na, 7 anos, baleada nos Alpes franceses – assim como os pais, que morreram –, saiu de coma, mas continua sedada. Ela pode ser crucial para explicar o crime. METRO

Aviões sírios bombardeiam bairro residencial de Aleppo Bombardeio da aviação síria contra um edifício residencial em Aleppo deixou pelo menos 10 pessoas mortas e outras 17 feridas ontem. O ataque ocorreu após rebeldes terem invadido um quartel no local, matando e ferindo dezenas de pessoas. O presidente Bashar alAssad tem usado cada vez mais devastadores ataques aéreos para manter contro-

le sobre os rebeldes que tentam derrubá-lo, após opositores terem tomado o controle de bairros residenciais e feito incursões no centro de Aleppo. A revolta, que já dura 18 meses, tem polarizado as potências mundiais, impedindo assim uma intervenção internacional efetiva. O conflito se torna também cada vez mais sectário, com o risco de se espalhar para

outros Estados árabes com divisões parecidas. Os avanços dos insurgentes forçaram Assad a destacar aviões de guerra e tropas para impedir a queda de Aleppo. O ataque aéreo destruiu um complexo residencial no bairro de Hananu, um de vários locais sob controle rebelde no leste de Aleppo, disseram opositores à “Reuters”. METRO COM AGÊNCIAS


cultura

2

Quase tudo em diversas tonalidades DIVULGAÇÃO

Pinturas, gravuras e desenhos. Todas essas formas de arte, em 200 obras de Luiz Aquila, fazem parte da exposição “Quase Tudo - A Never Ending Tour”, retrospectiva que comemora os 50 anos de carreira do pintor. A mostra, que não é dividida por ordem cronológica, mas sim, por afinida-

cultura

GETTY IMAGES

“GRRR!” chega em novembro em vários formatos

Stones anunciam nova coletânea Celebrando seus 50 anos de formação, os Rolling Stones presenteiam os fãs com um novo álbum que será lançado no dia 12 de novembro. A coletânea “Grrr!” reunirá hits de sucesso e duas inéditas. A banda britânica não lançava discos há sete anos. O álbum será comercializado em cinco diferentes formatos, que incluem uma versão com três CDs com 50 faixas, uma versão com quatro CDs e 80 faixas e uma caixa com discos de vinil de 12 polegadas, informou comunicado oficial postado ontem no site do grupo. Ao lado de “Come On”, primeiro single lançado em junho de 1963, e de sucessos como “Start Me Up”, “Satisfaction”, “Jumping Jack Flash” e “Brown Sugar”, haverá duas gravações novas em estúdio finalizadas pelo grupo recentemente

5

versões diferentes de “Grrr!”chegarão às lojas. Há box com 3 CDs e 50 faixas e com 4 CDs e 80 faixas. em Paris: “Gloom And Doom” e “One Last Shot”. “Essas novíssimas gravações constituem a primeira vez que Mick Jagger, Keith Richards, Charlie Watts e Ronnie Wood entraram todos juntos no estúdio depois de finalizado o elogiado álbum A Bigger Bang em 2005”, diz o comunicado. Há rumores de que a banda fará nova turnê em Nova York e Londres. A última temporada de shows foi realizada em 2007, com 147 apresentações em 118 cidades. METRO BH COM AGÊNCIAS

de entre as peças, vai ocupar sete salas do Centro Cultural Paço Imperial, a partir de quinta-feira. METRO RIO

No Centro Cultural Paço Imperial (Praça 15 de Novembro, 48, Centro. Tel.: 25334407). De 13/09 a 25/11. De terça-feira a domingo, das 12h às 18h. Grátis. Livre.

Mostra com 200 obras de Luiz Aquila promove retrospectiva


11

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

‘Talvez ele precise morrer’ Protagonista Bryan Cranston especula sobre o fim da série ‘Breaking Bad’, em 2013

“Prefiro sempre acabar algo enquanto ainda sinto orgulho do que estou fazendo”, explica Cranston DIVULGAÇÃO

A quinta (e última) temporada de “Breaking Bad” foi fatiada em dois pedaços para aumentar ainda mais o suspense dos fãs. O último episódio antes do hiato foi ao ar semana passada nos EUA. Mas, com a proximidade do fim da série, começam as especulações sobre o possível destino dos personagens. Bryan Cranston tem algumas ideias sobre o que deve acontecer com seu Walter White, o professor que se vê transformado em traficante após descobrir que tem um câncer terminal. E, para ele, talvez seja a hora do personagem bater as botas. “Talvez esse seja o final feliz para um cara que criou todo esse círculo tóxico em torno de si”, diz Cranston, que venceu quatro prêmios Emmy pelo papel. Rapidamente ele lembra que tudo não passa de especulação, já que os oito últimos episódios, que irão ao ar apenas no próximo ano, ainda não foram gravados. Enquanto isso, o criador, Vince Gilligan, mantém os roteiros guardados – talvez por causa de entrevistas co-

É o fim! Não é só “Breaking Bad” que tem data para acabar. Algumas das séries mais vistas no mundo já tiveram seus finais decretados pelos seus produtores. Veja três programas que estão nessa leva e vão deixar os fãs tristes. METRO

FRINGE Outro programa que chegou ao quinto ano e também já tem data para acabar. A dieferença é que os aficcionados pela série só terão mais um ano para acompanharem as histórias de Olivia Dunham e companhia.

mo essa. “Não sei como vai acabar”, continua Cranston. “Nem pergunto porque Gilligan não me conta.” Qualquer que seja o destino de White, Cranston está em paz com o fato de a série estar perto do fim. “Terão sido 62 episódios, e acho que fomos bem", ele diz. "Prefiro acabar algo enquanto ainda sinto orgulho do que estou fazendo. Você não quer ouvir alguém dizendo: ‘Nossa, é sério que esse programa ainda está no ar?’”. Ainda assim, Cranston diz que os fãs devem se preparar para um desfecho terrível. “Quem realmente curte a série não vai se importar”, conclui.

A quarta temporada pode ser vista no serviço on-demand Netflix. Já a quinta ainda não tem data para ir ao ar no AXN. NED EHRBAR

METRO INTERNACIONAL

MAD MEN A série do personagem Don Draper chegou ao fim de seu quinto ano em junho e os fãs já preparam o coração para apenas mais duas temporadas. Resta saber quando elas serão exibidas. DEXTER O aguardado sétimo ano começa no dia 30 de setembro nos EUA. Não há previsão de lançamento dela no Brasil. Aí, só mais uma temporada e o serial killer mais querido do mundo vai se aposentar.


12

www.readmetro.com

variedades

SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

Os invasores

Na ponta do lápis

ABC DIGIPRESS

Vazamento de esgoto na Barra

MARCOS SILVESTRE

SE AS APLICAÇÕES FINANCEIRAS SEGURAS PAGAM TÃO POUCO (E PAGAM), INVESTIR PARA QUÊ?

Cruzadas

C

om a nova redução promovida pelo governo na taxa de juros básicos, a caderneta de poupança deve agora pagar 0,47% de rentabilidade a quem nela apostar seus cobres. Do ponto de vista de segurança e liquidez, o dinheiro entregue à “velha senhora” estará em boas mãos. Já quanto à rentabilidade… É aplicar R$ 100 para ver, um mês depois, R$ 0,47 a mais. Gostou? Pior: fazê-lo sabendo que, dos R$ 0,47 “lucrados”, a inflação terá “comido” o poder de compra de nada menos que uns R$ 0,40. Na prática: investir R$ 100 durante um mês para ganhar R$ 0,07. Mas, se é assim, investir para quê? A pessoa vê aquela maravilhosa TV Full HD 3D por R$ 2.998,80. Calma: não precisa caçar os R$ 3 mil aí na carteira, não: dá para fazer em 12 mensais sem juros de R$ 249,90. Aliviou, não? E quem foi o “louco’ que disse que seria melhor desembolsar tudo de uma só vez? O planejador financeiro. Este pitoresco conselheiro “do contra” terá dito mais: “Espere, aplique os R$ 249,90 mensais e compre a TV depois...” Desculpe-me, mas esse sujeito não deve entender nada de dinheiro, muito menos da vida do consumidor! “Esperar? Eu quero agora! Investir? Veja a miséria que paga a poupança! Está de brincadeira?” Mas ele insiste: “Não compre já, aplique os R$ 249,90 na poupança por 10 meses e junte R$ 2.553 com ganho de míseros R$ 53. Tudo para chegar ao seguinte clímax: comprar à vista com desconto. Sim, a mesma TV, ou uma já mais moderna. Esqueça o papo do vendedor: “Esse preço é à vista, não dá para dar desconto, talvez tirar alguma coisinha”. Nã-não: pesquisando bem dá para tirar um tantão! Você terá esperado 10 meses para ter a TV, é verdade, mas assim terá se privado de duas prestações R$ 249,90. Vale a pena pagar R$ 500 a mais para antecipar a compra em 10 meses? Não respondo. Responda seu bolso, que sabe melhor o sacrifício que terá sido fazer esta grana chegar até ele.

Vala negra na Tijuca A Cedae cobra 50% da fatura para coletar o esgoto e o joga sem tratamento no rio Maracanã, criando uma tremenda vala negra desde a Usina até o Canal do Mangue. Mosquitos, ratos e vários detritos são vistos na água negra. Pergunto às regiões administrativas, prefeitura, secretarias de Saúde e do Meio Ambiente, Comlurb e Cedae o porquê desse absurdo. Se o projeto milionário da despoluição da Baía de Guanabara previu a recuperação do rio Maracanã, por que não foram tomadas as providências de canalizar esse esgoto? Fernando Brites – Rio de Janeiro, RJ

Pergunta O Brasil é o segundo maior consumidor de cocaína do mundo. Você acha que falta campanha de conscientização e combate às drogas?

Sudoku

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroRJ

@Dilivb: Sim, principalmente, entre os jovens, que são a maioria dos usuários. @juliadias: Com certeza. Também é preciso maior fiscalização contra o tráfico de drogas. @mimi_magalhaes: Muitos entram no mundo das drogas sem saber os danos que isso causará no futuro.

Web Para falar com a redação: leitor.rj@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Autoestima elevada, dia de apostar muito mais na sua habilidade de superar os desafios da vida com toda a sua capacidade de lutar e criar novos caminhos. Touro (21/4 a 20/5) Dia com muitas negociações e possíveis mudanças na rotina, é preciso estar preparado para aceitar opiniões diferentes das suas e saber lidar com as pessoas. Gêmeos (21/5 a 20/6) Boa vitalidade e carisma pessoal, bom momento para fazer discursos e lidar com as pessoas, aproveite para fazer um bom marketing pessoal e novos contatos. Câncer (21/6 a 22/7) Necessidade de inovar, de mudar certas estruturas que não andam bem na sua vida, você precisa pensar um pouco mais em si mesma e fazer as coisas acontecerem.

Moro na Tijuca, mas trabalho no Recreio. Passo todo dia pelo Alto da Boa Vista, na Barra da Tijuca. Em 18 de agosto, mandei um e-mail para a Cedae informando que havia um vazamento de esgoto no Canal da Barra, no Itanhangá, próximo à obra do metrô. Dois dias depois, recebi um email que me pedia para enviar nova mensagem, especificando o assunto e o endereço. Isso me deixou revoltada. O vazamento permaneceu por mais uns 5 dias após o meu alerta. Agora, pior do que o descaso das autoridades e de quem ganha para preservar as lagoas, é a ausência da ação da população. Semana passada, o vazamento voltou no mesmo local e ainda maior. Vamos ver quanto tempo a Cedae leva para consertar. Nina Maria Pereira – Rio de Janeiro, RJ

Prof. Marcos Silvestre é economista com MBA em Finanças e Controladoria pela Universidade de São Paulo. Há 21 anos atua como educador e planejador financeiro especializado. Idealizou na Unicamp o PROF® Programa de Reeducação e Orientação Financeira. É fundador da SOBREDinheiro® Sociedade Brasileira de Estudos sobre Dinheiro e autor dos best-sellers “12 Meses para Enriquecer: o plano da virada” e “Investimentos à Prova de Crise”. Dirige o site www.oplanodavirada.com.br e apresenta a coluna diária e o programa semanal Na Ponta do Lápis na BandNews FM.

Horóscopo

Leitor fala

www.estrelaguia.com.br Leão (23/7 a 22/8) Facilidade de expressão e boa comunicação. Bom acesso aos canais de mídia, aproveite para disseminar as suas ideias e fazer bons negócios a seu favor. Virgem (23/8 a 22/9) Boas oportunidades podem ser muito bem aproveitadas para si mesmo, mas é preciso não despertar os ciúmes das outras pessoas, brilhe sem causar impactos. Libra (23/9 a 22/10) Dia de muitos contatos e parcerias agradáveis que podem ser mantidas apesar de algumas diferenças de opiniões entre as pessoas. Tente ser mais descolada. Escorpião (23/10 a 21/11) Muitos planos na cabeça e ideias nada altruístas que podem acabar chamando a atenção das pessoas contra você, corte o individualismo e seja mais feliz.

Sagitário (22/11 a 21/12) Bom momento para divulgações e para novos aprendizados, os amigos ficam a seu favor, mas será preciso se dedicar um pouco mais a tudo o que você almeja. Capricórnio (22/12 a 20/1) Antes de anunciar decisões importantes analise melhor os desdobramentos que elas irão causar para as pessoas. Seja discreto para não arranjar inimizades. Aquário (21/1 a 19/2) Agilize-se para não ficar de fora, as pessoas estão mais rápidas e não estão esperando pelos outros, ou você dá conta do recado ou não vai ser prestigiado. Peixes (20/2 a 20/3) Pensar mais em si mesmo, não significa que precisa ser radical, cuide dos seus objetivos sem deixar as pessoas irritadas com as suas atitudes.


esporte

SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

Brasil consegue recorde paralímpico em Londres País deixa Jogos Paralímpicos na 7a posição geral O Brasil encerrou a participação nos Jogos Paralímpicos de Londres no 7º lugar, recorde na história. Mesmo com uma delegação menor do que há quatro anos, em Pequim – na China, foram 188 atletas, seis a mais do que na Inglaterra – , o Brasil se saiu melhor. Foram 43 medalhas: 21 ouros, 14 pratas e oito bronzes. Embora em 2008 os brasileiros tenham conquistado mais medalhas (16 de ouro,14 de prata e 17 de bronze), o país ficou na 9a posição geral. A liderança neste ano ficou com os chineses, com 231 medalhas (95 ouros, 71 pratas e 65 bronzes). “Em Pequim, eu tive um rompimento do tendão de Aquiles. Corri com muita

Atletas conquistaram 43 medalhas

medalhas de ouro conquistaram os atletas brasileiros nos Jogos Paralímpicos.

Futebol fica sem pódio

Bandeira brasileira é hasteada no encerramento dos Jogos Paralímpicos

Felipe Massa fica em 4º na Itália e Hamilton vence CLIVE MASON/GETTY IMAGES

Massa ficou fora do pódio

Breves

Final do US Open é hoje DECISÃO. O sérvio Novak Djokovic e o britânico Andy Murray farão hoje a final do US Open. Ontem, Djokovic bateu o espanhol David Ferrer por 3 sets a 1 (2/6, 6/1, 6/4 e 6/2) na continuação da partida que, por razões climáticas, foi paralisada no sábado. Na final

O brasileiro Felipe Massa ficou fora do pódio do Grande Prêmio da Itália de Fórmula 1. Em Monza, diante da apaixonada torcida da Ferrari, Massa terminou na quarta posição, após ter largado em terceiro. O desempenho foi o melhor do piloto na temporada. Ele também havia sido o quarto no GP da Inglaterra. A vitória em Monza ficou com o inglês Lewis Hamilton, da McLaren. O mexicano Sergio Pérez, da Sauber, terminou a corrida na segunda posição enquanto o

espanhol Fernando Alonso, companheiro de Massa na Ferrari, completou o pódio. O também brasileiro Bruno Senna, da Williams, terminou o GP em décimo. Com o terceiro lugar, Fernando Alonso abriu vantagem na classificação e lidera o campeonato com 179 pontos. Hamilton, que chegou ao terceiro triunfo na Itália, é o segundo, com 142 pontos, um a mais que o finlandês Kimi Haikkonen, da Lotus. Massa é o décimo, com 47, e Bruno Senna é 16º, com 25. METRO

feminina, a americana Serena Williams venceu a bielorrusa Victoria Azarenka por 2 sets a 1 (6/2, 2/6 e 7/5) e foi campeã. METRO

tar Stann e depois derrotar Chris Weidman ou quem mais eles quiserem, para mim está legal”, afirmou o britânico. METRO

Bisping quer Kubica vence na Anderson Silva volta às pistas MMA. O inglês Michael Bis-

ping quer ser o próximo adversário de Anderson Silva pelo cinturão dos pesos médios do UFC. Ele encara o americano Brian Stann, dia 22, no Canadá.“Se eu tiver que derro-

3

esporte

21

dor. Aqui está a recompensa”, disse o corredor Tito Sena, que conquistou o último ouro do Brasil em Londres ao vencer a maratona na categoria T46, para atletas amputados ou com má formação congênita. O desempenho paralímpico foi melhor do que dos atletas nos Jogos Olímpicos deste ano, no qual o Brasil ficou no 22º lugar com três ouros, cinco pratas e nove bronzes. METRO

13

www.readmetro.com

RALI. O polonês Robert Kubica, ex-Fórmula 1, venceu ontem, na Itália, a primeira corrida depois de 19 meses parado. Em fevereiro de 2011, ele quase morreu em acidente em prova de rali na Itália. METRO

Apesar de ter feito sua melhor paralimpíada, o futebol do Brasil deixou Londres sem pódio. Na disputa do bronze do futebol de 7, o país foi goleado pelo Irã por 5 a 0 e ficou na quarta posição. Atashafrouz e Mehri anotaram dois gols cada e Bakhshi fez o outro tento. METRO


esporte

14

www.readmetro.com SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

Ninguém segura! Brasileirão 23ª rodada SÁBADO

PONTE PRETA

CORITIBA

COIRINTHIANS

2 2 x

3 0 x

3 1 x

FIGUEIRENSE

FLAMENGO

GRÊMIO

ONTEM

BOTAFOGO

SANTOS

3 1 x

0 0 x

0 1

INTERNACIONAL

VASCO

ATLÉTICO-MG

SPORT

ATLÉTICO-GO

x

0 4 x

3 0 x

2 1 x

1 1 x

NÁUTICO

SÃO PAULO

FLUMINENSE

BAHIA

PALMEIRAS

CRUZEIRO

PORTUGUESA

Brasileirão

2012

Fluminense vence o Inter no Sul e segue isolado na liderança do Brasileiro ALEXANDRE AULER/PHOTOCAMERA

CLASSIFICAÇÃO

0 1 INTER

P V GP SG 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º 18º 19º 20º

FLUMINENSE

Com gol de Fred (após passe brilhante de Wellington Nem), o Fluminense derrotou o Internacional, ontem, no Beira-Rio, pela 23ª rodada do Brasileiro e segue isolado na liderança, agora com 50 pontos. O tricolor não perde há 11 jogos. O time das Laranjeiras enfrenta a Portuguesa, quarta-feira, às 19h30, no Canindé. Com o gol, Fred isolouse na artilharia do campeonato, agora com 11 tentos. Os dois times terminaram com um jogador a menos. O Colorado Nem foi expulso aos 13 minutos do segundo tempo, e Leandro Euzébio levou o vermelho um minuto depois. Após o apito final, o lateral Fabrício, do Inter, saiu reclamando do árbitro, à caminho do vestiário, e levou o amarelo. Continuou insultando o juiz e acabou expulso. METRO RIO

50 48 44 39 37 36 35 34 31 31 29 28 27 27 27 25 22 20 19 17

14 14 14 11 11 11 9 10 8 8 7 8 7 6 6 7 5 5 4 3

38 38 34 28 38 34 27 31 25 29 24 29 23 23 26 35 19 21 25 23

23 22 14 4 8 8 8 -1 2 -2 0 -9 -8 -2 -5 -7 -13 -9 -15 -18

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B Apoio

Wellington Nem ignorou a marcação e deu o belo passe para o gol de Fred

24ª RODADA

Após desabafo, Dorival adota o silêncio A delegação do Flamengo desembarcou no início da tarde de ontem, no Aeroporto Internacional Tom Jobim, o Galeão, no Rio, após a golada por 3 a 0 sofriada para o Coritiba, sábado à noite, no Couto Pereira, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

FLUMINENSE ATLÉTICO-MG GRÊMIO VASCO BOTAFOGO SÃO PAULO INTER CRUZEIRO CORINTHIANS PONTE PRETA PORTUGUESA NÁUTICO FLAMENGO BAHIA SANTOS CORITIBA SPORT PALMEIRAS FIGUEIRENSE ATLÉTICO-GO

Abordado por jornalistas na saída do aeroporto, o técnico Dorival Junior saiu pela tangente: “Estou proibido de dar entrevistas pela diretoria”, disse. Os rubro-negros se reapresentam hoje, às 15h, no Ninho do Urubu, visando o confronto contra o Santos,

quarta-feira, às 22h, na Vila Belmiro, pela 24ª rodada. Depois do jogo de sábado, Dorival Junior se irritou ao saber que uma rádio carioca tinha dito que ele xingou os jogadores do Flamengo no vestiário, após o jogo. “Isso é um absurdo. Eu nunca xinguei ninguém na

minha vida, ainda mais um profissional de futebol. Isso é uma irresponsabilidade. Estou há dez anos atuando como treinador de futebol e nunca proferi um palavrão a um atleta. A pessoa que inventou isso é mentirosa e sem vergonha”, desabafou o treinador. METRO RIO

QUARTA-FEIRA 19h30 - Corinthians

x

19h30 - Portuguesa

x

Ponte Preta Fluminense

19h30 - Figueirense

x

Cruzeiro

20h30 - Sport

x

Bahia

20h30 - Atlético-GO

x

Coritiba

22h - Vasco

x

Palmeiras

22h Santos

x

Flamengo

22h - Atlético-MG

x

São Paulo

QUINTA-FEIRA 21h - Botafogo

x

Internacional

21h - Grêmio

x

Náutico


15

www.readmetro.com

esporte

SEGUNDA-FEIRA, 10 DE SETEMBRO DE 2012

MOWA PRESS/DIVULGAÇÃO

Botafogo vence a terceira seguida Glorioso bate o Náutico por 3 a 1 e sobe para a quinta posição na tabela Elkeson marca gol de letra Próximo adversário é o Inter, quinta-feira WAGNER MEIER/AGIF

3 1

BOTAFOGO

NÁUTICO

Com direito a gol de letra – de Elkeson, aos 55 segundos de partida –, o Botafogo derrotou o Náutico, ontem, por 3 a 1, no Engenhão, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, e garantiu a sua terceira vitória consecutiva na competição. O torcedor alvinegro ainda se ajeitava na cadeira do Engenhão quando, no primeiro ataque do jogo, Andrezinho cruzou da direita para Elkeson completar de letra, sem chance de defesa. O camisa 9 marcou também o segundo alvinegro, aos 33 minutos da primeira etapa. Araújo diminuiu para o Timbu, de pênalti, aos 9

minutos do segundo tempo, e Andrezinho fechou o placar nos acréscimos, após belo passe de Seedorf. Com a vitória, a equipe de Oswaldo de Oliveira chegou à 5ª posição, com 37 pontos, a dois do Vasco. O Botafogo volta a campo na quinta-feira, quando enfrenta o Internacional, às 21h, no Engenhão. “Com a entrega dos jogadores e o crédito da torcida nós vamos conseguir altos voos no campeonato”, acredita o técnico Oswaldo de Oliveira. METRO RIO

“A torcida participou e deu força o tempo todo. Essa combinação é infalível. O Botafogo vai crescer muito com esse apoio.”

Torcida pernambucana compareceu em peso ao treino de ontem

Seleção busca ‘colo’ no Arruda

Protagonistas da vitória, Elkeson e Andrezinho se abraçam

OSWALDO DE OLIVEIRA

Depois de ter sido vaiada na vitória por 1 a 0 sobre a África do Sul, no amistoso de sexta-feira, no Morumbi (com gol salvador de Hulk), a Seleção Brasileira, de Mano Menezes, enfrenta a China, hoje, às 22h, no estádio do Arruda, no Recife, em busca do apoio da torcida. “Amor, respeito e carinho a gente só vai conquistar com boas apresentações. Tem que ter credibilidade. Eu acho que a gente a não está tendo. Estamos sem credibilidade. Somos responsáveis pelas não tão boas atuações”, disse o lateral-direito Daniel Alves. Ainda longe do ideal, o Brasil faz o amistosos visan-

Brasil: Diego Alves, Daniel Alves, Dedé, David Luiz e Marcelo; Rômulo, Ramires, Oscar, Lucas, Neymar e Hulk. Técnico: Mano Menezes China: Wang Dalei; Zhao Peng, Liu Jianye, Yu Yang e Tang Miao; Zhao Xuri, Hao Junmin, Lu Peng e Han Chao; Gao Lin e Zhu Ting. Técnico: José A. Camacho

Estádio: Arruda, no Recife (PE), às 22h (de Brasília)

do a Copa das Confederações, em junho de 2013. O valor dos ingressos variou de R$ 40 (arquibancada lateral) a R$ 250 (cadeiras e camarotes). METRO RIO

Bahia humilha o Vasco e Cristóvão pode cair

0 4 VASCO

BAHIA

Muitos torcedores do Vasco não viram o gol de Souza, do Bahia, aos 24 minutos do segundo tempo. Eles foram embora após o gol de Jones, o terceiro do tricolor baiano, aos 12 minutos. Os cruzmaltinos que ficaram em São Januário até o final da partida vaiaram, viraram as costas para o campo, gritaram ‘olé’ a cada

passe da equipe rival e pediram em coro a cabeça do técnico Cristóvão Borges. Com gols de Jones (2) e Souza (2), o time da Colina foi goleado por 4 a 0. Foi a quarta derrota em casa nos últimos 64 jogos. A expectativa é que o treinador não resista à pressão e deixe o cargo ainda hoje. Na 15ª rodada, o Vasco venceu o Sport por 2 a 0, no Recife, e brigava pela liderança com então líder Atlético-MG. Mas, nos últimos 11 jogos conquistou apenas 10 pontos e viu o agora líder Fluminense abrir 11 de vantagem. O cruzmaltino segue na quarta posição,

“Não acho que um novo técnico vá aumentar o nível do futebol que apresentamos.”

com 39 pontos, mas cada vez mais longe da ponta e agora vê o quinto colocado Botafogo (com 37) se aproximar. O adversário da próxima rodada é o Palmeiras, quarta-feira, às 22h, em São Januário. METRO RIO

JUNINHO PERNAMBUCANO

10

pontos em 33 disputados é o aproveitamento (30%) do Vasco nos últimos 11 jogos no Campeonato Brasileiro. O time segue no G4, mas cada vez mais longe dos líderes.

Souza comemora o quarto gol do Bahia em São Januário CELSO PUPO / FOTOARENA

“Não tem nem o que falar. Foi um balde de água fria. Não jogamos nada. O Bahia veio fechado para sair no contra-ataque e conseguiu fazer os gols.” NILTON


20120910_br_metro rio  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you