Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica CGB Artes Gráficas.

STONES, 50

EM 12/7/1962, JAGGER E RICHARDS SUBIAM AO PALCO PELA 1ª VEZ BELO HORIZONTE Quinta-feira,

12 de julho de 2012

Edição nº 195, ano 1 Mín 14°C Máx 25°C

Partidos podem gastar mais de R$ 800 milhões Previsão de despesas dos candidatos a prefeito chega a R$ 60,7 milhões, valor 21% maior em relação ao pleito de 2008 Postulantes às vagas na Câmara estão dispostos a investir entre R$ 50 mil e R$ 1,5 milhão cada {pág 03}

Preservação ambiental

Queda

Senadores cassam o mandato de Demóstenes Em sessão rápida, 56 dos 80 parlamentares votaram pela cassação do político devido a seu envolvimento com o bicheiro Carlinhos Cachoeira {pág 06}

Trânsito recebe alívio na capital

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Para diminuir congestionamentos, prefeitura restringe horário de intervenções em vias {pág 02}

Palmeiras leva a Copa do Brasil Serrinha da Moeda, um dos locais mais belos de Minas Gerais, pode ser tornar Monumento Natural e se livrar de ameaças {pág 02}

Verdão empata em 1 a 1 com o Coxa e vai à Libertadores de 2013 {pág 16} GUSTAVO ANDRADE/METRO BH


02

www.readmetro.com

belo horizonte

1 foco

Plano de saúde

Suspensão é justificada por falta de comunicação A Fundação Santa Casa alegou que a suspensão do comércio de planos de saúde da entidade ocorreu devido à falta de comunicação entre clientes e atendimento de call center da instituição, que terá o serviço melhorado. A instituição, responsável por mais de 130 mil planos de saúde comercializados na Grande BH, garantiu que a estrutura oferecida pela instituição é adequada e que não precisa de ampliação para atender a demanda. O problema, segundo a direção, está na central de atendimento telefônica. Para resolver, a promessa é a contratação de novos atendentes e a criação de uma ouvidoria interna. METRO BH

Cotações Dólar

Euro

- 0,09% (R$ 2,03)

- 0,19% (R$ 2,48)

Bovespa

Selic (8%)

- 0,25% (53.569 pts)

Salário mínimo (R$ 622)

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Vias da capital têm restrição de horário GUSTAVO ANRADE/METRO BH

Serviços urbanos, como manutenção de rede elétrica, não podem atrapalhar trânsito durante horário de pico Os motoristas de Belo Horizonte receberam um alento. A administração pública está proibida de realizar serviços públicos, como pode árvore e manutenção de rede elétrica e abastecimento de água, que atrapalhem o fluxo de veículos, em horário de pico, nas principais vias da capital. As normas já valem desde ontem, quando decreto foi publicado no Diário Oficial do Município. Esse tipo de serviço, mesmo que seja realizado por uma empresa contratada, só pode alterar o trânsito das principais vias nos intervalos entre 9h e 11h, e 15h e 17h ou durante fim de noite e madrugada (20h às 6h).

Proibido! Os serviços urbanos não poderão atrapalhar as principais vias durante horário de pico. Dias úteis das 6h às 9h das 11h às 15h das 17h às 20h Sábados das 6h às 9h das 11h às 15h

Uma reunião entre BHTrans e órgãos públicos será realizada na próxima semana para que as novas normas sejam esclarecidas. Quem descumprir as de-

terminações, está sujeito à multas de trânsito e também do Código de Posturas da capital. Para casos especiais ou que gerem ruídos entre 19h e 7h de dias úteis, é necessária uma autorização da BHTrans. A norma vale para as vias arteriais (com significativo volume de tráfego, como, por exemplo, todas as ruas do Centro), de ligação regional (ligação a municípios vizinhos) e coletoras (permite circulação entre vias arteriais ou de ligação regional e vias locais, as ruas de bairro). THIAGO RICCI METRO BELO HORIZONTE

Encanto natural

Antônio Carlos será uma das via com nova norma

Minas já registra 15 mortes por Gripe A

Área da Serra da Moeda pode receber preservação permanente GUSTAVO ANDRADE/METRO BH

Serrinha pode virar Monumento

Ameaçadas pela expansão das atividades de mineradoras, as nascentes da Serrinha, área de 500 hectares dentro da Serra da Moeda, em Brumadinho, podem receber, em breve, preservação permanente. Nesta semana foi aprovado projeto que pretende dar o título de Monumento Natural à área. Segundo ativistas, empresas pretendem reativar uma mina dentro da serra, fechada há 15 anos. FALE COM A REDAÇÃO

leitor.bh@metrojornal.com.br 031/3349-5342 COMERCIAL: 031/3349-5307

O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

A Secretaria de Estado de Saúde informou, ontem, que 15 pessoas já morreram, em Minas Gerais, em decorrência da Gripe A. O número já é mais que o dobro do registrado no Estado nos últimos dois anos. Os casos da doença neste ano também tiveram um grande crescimento. Já foram confirmados 38 casos da Gripe A em 2012, o mesmo número registrado entre 2010 e 2011. A secretaria culpa o relaxamento da população pelo aumento da doença. Em 2009, 217 morreram em decorrênca da Gripe A, que chegou a ser considerada uma pandemia. Após intensa campanha para incentivar a vacinação e os cuidados com a higiene, houve forte queda no ano seguinte, quando três óbi-

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Metro Belo Horizonte. Gerente Executivo: Pedro Lara Resende. Editor Executivo: Juvercy Júnior (MTB 12.331/MG). Editor de Arte: Cláudio Machado. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas. Diretor de Jornalismo: Teodomiro Braga. Diretor Geral: José Saad Duailibi.

Mortes Secretaria de Estado de Saúde divulgou onde os óbitos foram registrados. Uberlândia (2) Pedrinópolis (2) Cabo Verde Cachoeira de Minas Coromandel Frutal Libeira do Oeste Minas Nova Passos Patos de Minas Santa Vitória São Gonçalo do Sapucaí Uberaba

tos foram registrados. Segundo a secretaria, cerca de 73% das 15 vítimas deste ano têm mais de 40 anos e não se vacinaram contra gripe. METRO BH Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, 2221, São Bento, CEP: 30350-453, Belo Horizonte, MG. Tel.: 031/3349-5307. O jornal Metro é impresso na CGB Artes Gráficas. A tiragem e distribuição desta edição de 40.000 exemplares são auditadas pela BDO.


03

www.readmetro.com

foco

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Candidatos estão dispostos a gastar até R$ 463 por eleitor Coligações informaram à Justiça Eleitoral que vão investir até R$ 861 milhões nas campanhas Disputa pelo Executivo será 21% mais cara em comparação com a eleição de 2008

Voto milionário 0.000000 0

R$ 35

Aditivos. Caso os postulantes e coligações avaliem, durante o período eleitoral, que precisarão gastar mais, eles devem informar a intenção ao TRE, que pode não autorizá-la. Chapas. No caso dos vereadores, as siglas informam um valor máximo comum a todos os candidatos.

de 2008. No último pleito, os candidatos informaram que gastariam, ao todo, cerca de R$ 50 milhões, enquanto, para este ano, a previsão dos orçamentos é de R$ 60,7 milhões. Quem pretende investir mais é Marcio Lacerda (PSB), que prevê um gasto máximo de R$ 35 milhões em sua tentativa de reeleição. O valor é R$ 15 milhões

R$ 60,7 milhões*

R$ 20

66.666667 6

R$ 3

Marcio Lacerda (PSB)

1800

Total

milhões milhões

Regra. Todos os candidatos são obrigados a informar 0.000000 0 uma previsão máxima de gastos de campanha.

Além da promessa de ser uma das mais acirradas da história de Belo Horizonte, a eleição deste ano se apresenta até o momento como a mais cara de todos os tempos na capital mineira. Conforme levantamento realizado pelo TRE-MG (Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais) a pedido do Metro, os candidatos a prefeito e vereador declararam à Justiça que estão dispostos a gastar, juntos, até R$ 861,2 milhões na campanha. Se considerada a última estimativa oficial do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), de 1.859.862 belo-horizontinos aptos a votar neste ano, a despesa pode chegar a R$ 463 por eleitor. A briga pela cadeira de prefeito deve custar 21% a mais em relação à disputa

Partidos com os maiores gastos por candidato, em R$

Prefeito

33.333333 3

Saiba mais

Gastos de campanha em Belo Horizonte*

Patrus Ananias (PT)

R$ 2,5

R$ 100

R$ 50

1,5

1,5

milhão milhão

1200

1

1

milhão milhão

900 mil

mil

R$ 150 600

milhões

milhões

Tadeu Martins

Alfredo Pedro Paulo Vanessa Maria da Flister Pinheiro Portugal Consolação (PHS) (PCO) (PSTU) (PSOL) 0 PCdoB PDT PMN PSDC PTC

(PPL)

mil

mil

800

700 mil

PSB

PHS

Gastos O gasto máximo da campanha dos vereadores é de

MARCIO LACERDA (PSB)

“As pesquisas mostram o atual momento, mas eu não as valorizo além da importância que elas têm.” PATRUS ANANIAS (PT)

nea, na qual não são apresentados para o eleitor os nomes dos candidatos. Nesse cenário, o prefeito teve 13%, e o petista, 12%.

650

600

600

600

PMDB PSDB PTN

PV

PPS

mil

PT

600 mil

mil

mil

mil

R$ 861.250.000,00

Eleitores

1.859.862

Média por eleitor

R$ $ 463,07 ,

R$ 800,6 milhões*

*Previsão de gasto máximo informada ao TRE-MG

superior ao informado por seu principal adversário, Patrus Ananias (PT), e quase o dobro em comparação ao montante previsto pelo socialista na eleição passada (R$ 19 milhões). A estimativa milionária do TRE é inflada pela corrida por vagas na Câmara. As 41 cadeiras do Legislativo serão disputadas por nada menos que 1.152 interessa-

dos, cujos partidos definiram gastos que variam de R$ 50 mil a R$ 1,5 milhão por candidato. As chapas mais “econômicas” serão a do PCO e a do PCB, que têm três postulantes cada e gastarão, juntas, até R$ 300.000. Por outro lado, cada um dos 59 candidatos do PCdoB poderá gastar até R$ 1,5 milhão – um orçamento máximo

de R$ 88,5 milhões. A assessoria do TRE destacou que as estimativas não devem ser totalmente atingidas, pois a lei obriga os postulantes e partidos a informarem, no ato do registro, a previsão máxima, e não mínima, dos gastos. CRISTIANO MARTINS METRO BELO HORIZONTE

SAMUEL AGUIAR/O TEMPO/FUTURA PRESS

“Nós nunca nos entusiasmamos muito nem com os 50% que tínhamos antes. O espírito é começar do zero.”

mil

mil

Favoritos minimizam 1ª pesquisa Os dois principais candidatos à sucessão municipal em Belo Horizonte minimizam o resultado da primeira pesquisa de intenção de votos realizada após o registro das candidaturas, divulgada ontem pelo jornal “Estado de Minas”. O levantamento mostra um empate técnico entre os dois. Os números não empolgaram nem o prefeito Marcio Lacerda (PSB), que aparece com 34% das intenções, contra 29% para Patrus Ananias (PT). Considerada a margem de erro de quatro pontos porcentuais para mais ou para menos, os adversários estão tecnicamente empatados. O equilíbrio é ainda maior na pesquisa espontâ-

650

Ontem, Lacerda comemorou o fato de estar à frente, mas disse que já não esperava uma grande vantagem. A declaração foi dada após um almoço, no qual se reuniu com os candidatos a vereador que o apoiam. Por sua vez, o candidato petista, que também almoçou com aliados, disse também não se “iludir” com os números da pesquisa divulgada ontem. O levantamento traz ainda Vanessa Portugal (PSTU) com 3%, e Alfredo Flister (PHS), Maria da Consolação (PSOL), Tadeu Martins (PPL) e Pedro Paulo (PCO) com 1% cada. Avaliação Segundo a pesquisa, a

Aloísio Vasconcelos (PMDB) e Patrus, em almoço, ontem

área da Saúde lidera as reclamações dos eleitores, com 45%. A Mobilidade Urbana aparece apenas em quarto lugar, com 8%. Os

dois setores são comandados por secretários do PSDB e devem ser atacados durante a campanha do candidato petista.

CÂMARA MUNICIPAL

Caixeta entrega a liderança O veredor Tarcísio Caixeta (PT) entregou ontem o posto de líder do governo na Câmara. A decisão foi anunciada um dia após a exoneração de oito petistas que faziam parte do primeiro escalão da administração e haviam colocado os cargos à disposição após o rompimento da aliança entre o partido e o prefeito Marcio Lacerda (PSB). A decisão foi acertada entre o parlamentar e o prefeito na manhã de ontem. Em nota divulgada à tarde, Lacerda confirmou o afastamento o e agradeceu ao vereador pelo “empenho na aprovação de diversos projetos” nos últimos dias. “Agradeço o esforço pessoal e profissional empreendido por Vossa Excelência ao longo de um ano e meio de atuação no exercício de suas funções”, disse. METRO BH


04

belo horizonte

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

EUGENIO MORAES/HOJE EM DIA/FOLHAPRESS

Polícia desarticula grupo e prende 18 AMADEU BARBOSA/HOJE EM DIA/FUTURA PRESS

Quadrilha de traficantes era comandada de dentro de presídio A Polícia Civil desarticulou, ontem, uma quadrilha acusada de comandar o tráfico de drogas na região do Barreiro, na capital. Ao todo, 18 pessoas foram presas, 15 com mandados de prisão e outras três em flagrante. Além de envolvimento com o tráfico de entorpecentes, os detidos também são acusados de cometer diversos homicídios nos bairros Vila Formosa, Santa Rita, Cardoso e Vila Pinho, todos na mesma região. Os crimes seriam motivados pela disputa por pontos de venda das drogas na região. Segundo o delegado responsável pela operação, o chefe da quadrilha, de 22 anos, é apontado sozinho

como autor de, pelo menos, 30 assassinatos. Ele comandava os comparsas de dentro da Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na Grande BH. A Polícia ainda investiga a participação de outros detentos do Presídio de São Joaquim de Bicas, também na região metropolitana. No entanto, os nomes dos suspeitos não foram divulgados para não atrapalhar as investigações que começaram há mais de um mês. Durante a Operação Tentáculo, foram cumpridos ainda 20 mandados de busca e apreensão de armas, munição, uma balança de precisão e R$ 4 mil em dinheiro. METRO BH

Operação mobilizou várias equipes e helicóptero

JOÃO MIRANDA/O TEMPO/FOLHAPRESS

Quatro pessoas ficaram feridas após serem atingidas por veículo

Loja fica ao lado de um prédio da Polícia Federal

Ladrões arrombam e destroem lotérica Um incêndio destruiu uma casa lotérica que fica na avenida Cristiano Machado, no bairro Sagrada Família, região Leste da capital, na manhã de ontem. A Polícia Militar suspeita que as chamas tenham sido provocadas por criminosos que arrombaram o estabelecimento durante a madrugada. O crime só foi descoberto pela manhã, quando moradores da região perceberam a fumaça e acionaram os bombeiros. Segundo a PM, os bandidos conseguiram entrar na loja depois de invadir o prédio vizinho que pertence à PF (Polícia Federal).

Caminhão invade bar e deixa quatro feridos Um caminhão desgovernado atingiu um ônibus, invadiu um bar e deixou quatro pessoas feridas, ontem, no bairro Jardim Vitória, região Nordeste da capital. Segundo a Polícia Militar, o motorista perdeu o controle do veículo e bateu em coletivo da linha 5502.

Homem põe fogo no próprio carro

Após o impacto, o caminhão ainda atingiu o estabelecimento comercial. Quatro pessoas foram prensadas entre o comércio e o veículo. Conforme os bombeiros, uma das vítimas ficou gravemente ferida – teve esmagamento de tórax e precisou amputar o

Breves

CORPO DE BOMBEIROS/DIVULGAÇÃO

Um motorista, de 25 anos, foi preso na manhã de ontem após incendiar o próprio carro em Montes Claros, no Norte do Estado. Segundo o Corpo de Bombeiros, que atendeu a ocorrência, o condutor do veículo Chevette foi parado em uma blitz da Polícia Militar. No entanto, ele não tinha carteira de habilitação e os documentos do carro estavam irregulares e atrasados há mais de 10 anos. Inconformado por ter sido multado pela PM, o homem decidiu atear fogo no veículo que dirigia. Conforme a PM, ele con-

tou que este era o segundo carro que comprava e que não conseguia pagar os impostos em dia. O condutor ainda ameaçou os policiais caso eles recolhessem o carro para o depósito. Ainda segundo a corporação, no momento da ocorrência, vários pedestres, inclusive crianças, passavam pelo local e também foram ameaçados. Uma viatura dos bombeiros foi acionada para controlar as chamas. Ninguém ficou ferido. O motorista foi encaminhado para a delegacia da região. METRO BH

Eles fizeram um buraco na parede e a corporação acredita que eles tenham utilizado um maçarico na ação. O prédio invadido passa por reformas para abrigar um depósito da PF e os tapumes da obra ajudaram a disfarçar o crime. Ainda conforme a PM, não é possível precisar se os suspeitos conseguiram levar alguma quantia, já que o dono da loja afirmou aos militares que, todas as noites, um carro forte recolhe o dinheiro. A Polícia Civil vai investigar o caso. Até o momento, não há informações dos bandidos. METRO BH

Empresário vai a júri popular

Veículo ficou destruído com as chamas

CRIME. A Justiça mineira manteve a sentença do empresário Leonardo Cipriano, acusado de matar o sócio na boate Pantai Lounge, no bairro Cidade Jardim, na região CentroSul da capital. A defesa de Cipriano havia entrado com um recurso contra a decisão do TJ-MG (Tribunal de Justiça de Minas Gerais) de levá-lo a júri popular. O réu responde por assassinato e ocultação de cadáver. METRO BH

pé esquedo. Os outros três sofreram lesões mais leves. Todos foram levados ao Hospital João XXIII. O muro, portão e paredes do estabelecimento comercial ficaram danificados. O motorista afirmou que causou a batida após desviar de cães. METRO BH

Maioline é condenado FRAUDE. O empresário

Thales Maioline foi condenado pela Comissão de Valores Mobiliários a pagar uma multa de R$ 1 milhão por lesar cerca de 2 mil pessoas em um golpe financeiro milionário. Conhecido como Madoff mineiro, Maioline era sócio da empresa Consultoria e Administração de Recursos Financeiros. Ele é acusado de sumir com o dinheiro de investidores mineiros. O prejuízo é estimado em R$ 100 milhões. Maioline se entregou a polícia em dezembro de 2010, mas recebeu a liberdade provisória no último mês. METRO BH


06

belo horizonte

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Demóstenes é cassado pelo Senado Em rápida sessão, 56 dos 80 senadores votaram pela perda do mandato do político goiano

Demóstenes Torres deixa Senado rapidamente após decisão

Demóstenes Torres se tornou ontem o segundo senador cassado da história. A perda de mandato ocorreu 132 dias depois da revelação das relações escusas do político goiano com o esquema de jogos ilegais de Carlinhos Cachoeira.É o primeiro personagem da rede de contatos do bicheiro a ser punido. Os deputados Carlos Alberto Leréia (PSDB-GP), Sandes Junior (PP-GO) e Rubens Otoni (PTGO) ainda devem enfrentar o processo de cassação, mas apenas no segundo semestre. O prefeito de Palmas, Raul Filho, pode ser expulso do PT. Os demais envolvidos com o esquema vão aguardar as conclusões

da Justiça e da CPI. Sessão rápida

As portas do plenário do Senado se abriram pela última vez a Demóstenes Torres às 9h57. Primeiro a chegar, o senador aguardou, acompanhado do advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, a chegada dos 80 senadores que julgariam seu destino político. A sessão foi aberta às 10h30. O senador Humberto Costa (PT-PE) reafirmou a acusação de que o senador mentiu e, por isso, quebrou o decoro. Abatido, Demóstenes acompanhou outros seis duros discursos antes de ocupar a tribuna. Clamou ino-

Novo Código Florestal deve ficar somente para agosto A bancada dos produtores rurais e dos ambientalistas entraram em acordo para votar o novo Código Florestal somente depois do recesso parlamentar, em agosto. O senador Luiz Henrique (PMDB-SC) - relator da medida provisória que preencheu as lacunas da legislação ambiental depois do veto da presidente Dilma Rousseff - apresentou ontem o relatório e acatou somente 6% das emendas apresentadas ao texto. Houve um pedido de vista coletivo e uma nova tentativa de votar a proposta será feita hoje. A aprovação é necessária para encaminhar o novo Código Florestal para votação na Câmara e no Senado. “Não existe tempo hábil para analisar o texto e sugerir novas alterações", argumentou o presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária, deputado Homero Pereira (PSD-MT), admitindo que os parlamentares não de-

vem comparecer. A principal sugestão dos produtores rurais é retirar a exigência de preservação de 80% em propriedades que tem vegetação de cerrado, mas ficam dentro da Amazônia Legal. “Nós sairíamos de 35% para 80% de reserva do dia para a noite”, reclamou a senadora Kátia Abreu (PSD-TO), que promete trabalhar para mudar a redação. A manutenção da maior parte do texto da medida provisória atende uma exigência do governo que não admite negociar as mudanças. A medida provisória perde a validade em 8 de outubro. Confirmado o adiamento, a preocupação é com o cumprimento de prazos, já que no segundo semestre a tendência é que o Congresso Nacional fique esvaziado por causa das eleições municipais. METRO BRASÍLIA

cência e, por vezes, fez ataques. Disse ter sido o ‘bode expiatório’ e ‘perseguido como um cão sarnento’. “Meu advogado é o rádio, que mostra que não existe nada contra mim”, discursou, levantando o celular Nextel dado por Cachoeira. Neste momento, oito senadores acompanhavam o discurso de pé. “Se Cachoeira cometeu crime, cana nele. A culpa não é minha", continuou o goiano. Demóstenes então pediu o mesmo tratamento dado ao senador Humberto Costa, que, quando ministro da Saúde, foi acusado de participar da ‘Máfia dos Sanguessugas’ e depois foi inocentado. “Não

posso ser julgado para ser exemplo”, concluiu. A votação foi aberta e apenas Clóvis Fecury (DEM-MA) se ausentou, por estar de licença. Em menos de dois minutos, o resultado foi revelado no painel eletrônico. Demóstenes estava com os direitos políticos cassados até 2027. Houve silêncio. Demóstenes se levantou e saiu, sem demonstrar reação. Só poderá voltar a ocupar um cargo eletivo 2030, se conseguir uma absolvição nas urnas. Suplente

O suplente, Wilder Pedro de Morais, assumirá o cargo com problemas na

NÚMERO DE SENADORES VOTANTES

Painel eletrônico Veja o resultado da sessão.

19

SENADORES QUE VOTARAM PELA ABSOLVIÇÃO

56 SENADORES QUE VOTARAM PELA CASSAÇÃO

prestação de contas junto ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Moraes é exmarido de Andressa Mendonça, atualmente

80 SENADORES QUE SE ABSTIVERAM

5

noiva de Cachoeira. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Helicóptero cai sobre galpão em São Paulo e dois morrem O que era para ser uma aula de voo de helicóptero terminou em tragédia ontem. O piloto Maílson Rocha Lopes, de 23 anos, e seu aluno Denis Frank Thomazi, de 32, morreram depois que o aparelho caiu sobre o telhado de um galpão na rua Guaicurus, na Lapa. A aeronave decolou do Campo de Marte às 9h19 para um trajeto de 15 minutos até a área de instrução. Este tipo de voo é permitido na cidade. As vítimas eram habilitadas para pilotar helicópteros, mas Denis estudava para mudar de categoria. Por volta das 10h20, o contato com a torre de controle foi perdido. Testemunhas afirmaram que o motor do helicóptero falhou duas vezes antes de cair. Disseram ainda que o piloto procurava um lugar para amortecer a queda. Ao cair, o helicóptero rompeu o teto da empresa e despencou por cerca de 8 metros. Na hora, havia 20 pessoas no local, mas nin-

guém se feriu. O helicóptero é da Master Escola de Aviação Civil, conhecida como Go Air. Mailson trabalhava lá havia dois meses e deixa um filho de 5 anos. Para o engenheiro aeronáutico e professor da PoliUSP Jorge Leal Medeiros, talvez o piloto não soubesse fazer uma manobra chamada auto-rotação, que permite aterrissar em caso de emergência ou perda de altitude. “O aprendizado dessa manobra, fundamental, parece não estar sendo exigido no treinamento.” Com a maior frota de helicópteros do mundo (654 na capital), e previsão de crescimento, São Paulo tem carência de pilotos. Há 12 escolas na cidade. A carga horária mínima é de 40 horas. A responsabilidade pela fiscalização é da Anac. “Com a falta de pilotos, a tendência é reduzir o padrão de exigência. Os órgãos do setor deveriam se preparar para atender a demanda”, diz Medeiros. METRO SÃO PAULO

Bombeiros removem partes da aeronave


08

economia

www.readmetro.com QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

FABIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR

Calote sobe 19% no primeiro semestre Vendas da linha branca caem, após duas altas seguidas

Endividadas, famílias reduzem compras As vendas do comércio varejista caíram 0,8% em maio ante abril. Trata-se do maior recuo registrado desde novembro de 2008, quando a taxa caiu 1,3%, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). A queda foi reflexo especialmente das vendas do ramo de móveis e eletrodomésticos, que recuaram 3,1% após dois meses de altas. “O governo vem abrindo mão de impostos como o IPI [Imposto sobre Produtos Industrializados] na li-

nha branca, material de construção, nos automóveis, mas o que parece é que as famílias estão com um grau alto de endividamento e não estão respondendo a esse apelo”, disse Reinaldo Pereira, do IBGE. Para Pereira, é preciso, no entanto, aguardar os próximos meses para realmente saber se o comércio ainda pode se recuperar. “O comércio vinha operando acima da média da economia. É um resultado pontual e temos que aguardar os acontecimentos.” METRO

Três em cada cinco inadimplentes têm dívidas superiores à sua renda Inadimplência deve cair de forma lenta neste trimestre, prevê Serasa

A inadimplência do consumidor aumentou 19,1% no primeiro semestre deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo dados divulgados ontem pela Serasa Experian. Apenas em junho, a taxa avançou 15,4% ante o mesmo mês em 2011. No confronto com maio, contudo, houve leve queda, de 0,50%. Cada inadimplente carrega quatro dívidas não honradas, em média, e 60% deles têm contas a pagar acima de 100% de sua renda mensal. “Assim, fica mais difícil de honrar as dívidas. O dado mostra que o consumidor está gastando mais do que ganha”, avalia Carlos Henrique de Almeida, eco-

O tamanho do calote Valor médio das dívidas, em R$

Modalidades de inadimplência

1º sem/2011

1º sem/2012

Variação

Dívidas não bancárias

307,54

357,68

Cheques sem fundos

1.313,97

1.468,90

Títulos protestados

1.328,50 1.412,21

Dívidas com os bancos

1.307,90 1.294,59 -1,0%

16,3% 11,8% 6,3%

-8

0

8

16

24

Fonte: Serasa Experian

nomista da Serasa Experian. Segundo a empresa, a renda do consumidor está comprometida, principalmente com dívidas caras

(cheque especial e rotativo do cartão de crédito) e de alto valor (veículos e imobiliárias), o que leva a um descontrole no gerencia-

mento da situação. As dívidas não bancárias, como carnês, e as com os bancos, foram as principais responsáveis pela alta da inadimplência no primeiro semestre, com aumentos de 21,6% e de 22,1%, respectivamente. Os títulos protestados aumentaram 6,3%. Já os cheques sem fundos registraram queda de 5,9%. Para o economista da Serasa, a inadimplência deve cair de forma lenta e gradual a partir do atual trimestre. “O terceiro trimestre não conta com data forte para o varejo. E, em um cenário de queda de juros, o consumidor tem tudo para renegociar as dívidas”, afirma Almeida. METRO

Site da Receita Ganho da poupança cai para 5,6% ficará fora do ar A Receita Federal informou ontem que das 7h do dia 14 (sábado) às 20h do dia 15 (domingo), os serviços disponíveis no site www.receita.fazenda.gov.br serão interrompidos. Segundo a Receita, tratase de uma ação preventiva, para manutenção das instalações elétricas do centro de dados do Serpro (Serviço Fe-

deral de Processamento de Dados), em São Paulo, onde estão os computadores que hospedam os serviços. Ficarão indisponíveis serviços como o Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal (e-CAC) , o envio de declaração por meio do programa Receitanet e os sistemas aduaneiros. METRO

O Copom (Comitê de Política Monetária) do BC (Banco Central) reduziu ontem a taxa básica de juros de 8,5% para 8% ao ano, o menor patamar da série histórica iniciada em 1986. Este é o oitavo corte seguido. Com a nova queda, a rentabilidade da poupança diminuirá mais uma vez. Pelas novas regras definidas pelo governo, aprovadas ontem pelo Senado, a poupança passou a render 70% da Selic, mais a Taxa Referencial, quando a taxa

estiver abaixo de 8,5% ao ano. O rendimento vale para depósitos feitos a partir de 4 de maio. Com juros em 8% ao ano, a poupança será remunerada em 5,6% ao ano, contra 5,96% ao ano com juros em 8,5% ao ano. No entanto, a aplicação continua atraente por não cobrar taxa de administração e Imposto de Renda. O fundo de investimento leva vantagem apenas no caso de taxas de administração abaixo de 1,5%. METRO

Como fica a poupança

Ganho ao ano

Selic

Rendimento da poupança*

ANTERIOR

ANTERIOR

8,5%

5,95%

ATUAL

ATUAL

8%

5,6%

PREVISÃO PARA AGOSTO

PREVISÃO PARA AGOSTO

7,5% Fonte: Banco Central e Ministério da Fazenda

5,25% *Valor não considera TR (Taxa Referencial)

Impostos ALF RIBEIRO/FUTURA PRESS

Tarifas diminuem em Gol terá Viracopos e Cumbica novos voos Valor foi alcançado onze dias antes do que em 2011 PADUARDO / FUTURA PRESS

Tributo atinge R$ 800 bi

Os impostos municipais, estaduais e federais pagos pelos brasileiros atingiram R$ 800 bilhões no ano perto das 13h de ontem. Segundo a Associação Comercial de São Paulo, em 2011 esse montante só foi atingindo no dia 22 de julho. Em sete anos, a arrecadação tributária cresceu 210%.

As tarifas aeroportuárias para os aeroportos de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, e Viracopos, em Campinas, serão reduzidas em 30 dias. Haverá uma queda de 1,99% no valor, segundo a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). A tarifa de embarque doméstico cai de R$ 21,57 para R$ 21,14. Já a tarifa de embarque internacional recua de R$ 38,18 para R$ 37,42.

Os dois aeroportos estão em processo de concessão. Os valores foram publicados ontem no Diário Oficial juntamente com uma ordem de serviço para as empresas que venceram leilão realizado em fevereiro. Elas devem apresentar à Infraero um plano de transferência de operações e de como realizarão ampliações previstas nos contratos. METRO

A Gol terá novos voos diretos na América do Sul e ampliará rotas internacionais já existentes, depois de ter anunciado o cancelamento de viagens para Santiago. A empresa adicionará voos de Guarulhos (SP) para Montevidéu (Uruguai), Assunção (Paraguai) e Santa Cruz de la Sierra (Bolívia), além de ampliar viagens para a Argentina, por meio de Porto Alegre (RS) e Buenos Aires. METRO

Santiago continua fora da rota da companhia


mundo

www.readmetro.com

09

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Espanha anuncia plano de austeridade

ANDREA COMAS / REUTERS

Sob intensos protestos, governo diz que vai economizar 65 bilhões de euros em pouco mais de dois anos Manifestantes lotaram as ruas de Madri Mirando o caos que tomou conta da economia grega, o governo espanhol anunciou um pacote de austeridade para tentar impedir um resgate financeiro semelhante ao que ocorreu no vizinho europeu. O primeiro-ministro, Mariano Rajoy, disse que a ideia é cortar 65 bilhões de euros do déficit público espanhol no prazo de dois anos e meio. A meta será alcançada com cortes de gastos públicos e aumento de impostos. Uma das medidas mais impopulares do pacote é o aumento do IVA (Imposto sobre o Valor Agregado),

“Desde 2007, o serviço público ganhou 289 mil funcionários, enquanto, no setor privado, foram destruídos 2,9 milhões de empregos.” MARIANO RAJOY, PREMIÊ ESPANHOL

que atinge as vendas. A alíquota aumentará de 18% para 21%. O orçamento do governo sofrerá um corte de 3,5 bilhões de euros. Funcionários públicos ficarão sem receber o equivalente ao 13o salário, mas com a promessa de receber o atrasado em 2015. “Essas medidas não são agradáveis, mas são necessárias. Nossa despesa pública excede a nossa renda em dezenas de bilhões de euros”, disse Rajoy, ao parlamento. O discurso foi, por diversas vezes, interrompido por vaias da oposição. A Espanha tem a maior taxa de desemprego da zona do euro: 25%. Nas ruas da capital espanhola, a reação também foi bastante negativa. Milhares de pessoas se uniram a uma marcha de mineiros (que protestavam contra cortes, já anunciados, nos subsídios). Mais de 70 pessoas se feriram após conflito com a polícia, que usou balas de borracha contra

Srebrenica

Muçulmanos fizeram funeral de 520 vítimas da matança DADO RUVIC / REUTERS

Fiéis lembram massacre

Cerca de 30 mil pessoas participaram de uma homenagem às vítimas do massacre de Srebrenica (que ocorreu em 1995, quando 8 mil pessoas morreram queimadas). Os fiéis enterraram os restos mortais de 520 muçulmanos, identificados recentemente.

a multidão. Em contrapartida, a Comissão Europeia elogiou o pacote anunciado por Rajoy. METRO COM AGÊNCIAS

Marcha foi liderada por mineiros. Cerca de 70 pessoas se feriram em confrontos com a polícia


10

www.readmetro.com

cultura

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Rolling 2 5t0nes

cultura

Banda chega a cinco décadas de vida, marcada por histórias pitorescas e faixas clássicas

Exposição, livro e cinema As comemorações seguem. Abre hoje, na Somerset House de Londres, a exposição “The Rolling Stones: 50”, com fotografias de shows, bastidores e viagens do grupo ao longo de cinco décadas. Junto dela também será lançado um livro, com boa parte do material exposto. Até setembro deve chegar aos cinemas mais um documentário sobre a agitada história do grupo, recheada de tensas brigas entre Jagger e Richards – discussões essas que ressurgiram em 2010 com a publicação de uma autobiografia do guitarrista, em que Richards criticava o vocalista (chamado ironicamente de “Sua Majestade”) por ter aceitado um título de nobreza da rainha Elizabeth II. METRO

“A Bigger Bang”, de 2005, os quatro Stones remanescentes (Mick Jagger Keith Richards, Ron Wood e Charlie Watts) vão passar o ano sem grandes comemorações. Porém, o ano de 2013 promete uma nova turnê. “Os Stones sempre consideraram 1963 como seus 50 anos, porque Charlie entrou na banda apenas em janeiro”, disse Keith em entrevista à “Rolling Stone” norte-americana. Até a logomarca foi reformulada por Shepard Fairey, artista gráfico que assinou o famoso pôster “Hope”, da campanha eleitoral de Barack Obama.

Em 12 de julho de 1962 acontecia no palco do Marquee Club, em Londres, o primeiro show do que viria a ser uma das bandas mais emblemáticas na história da música. Cinquenta anos depois, o Rolling Stones – nome de uma canção de Muddy Waters – celebra a data, e o Metro lembra momentos marcantes do grupo – verdadeiro símbolo do espírito sexo, drogas e rock and roll. Provocadores, um tanto arrogantes... Nada disso foi problema para Mick Jagger, Keith Richards e companhia, que desde o começo mostraram músicas que se tornaram marcos, abrangendo temas que vão da rebeldia ao amor. Com 29 discos de estúdio e sem lançar material novo desde

PAULO BORGIA METRO SÃO PAULO

Se a banda tivesse acabado em 1970 ela já entraria para a história do rock para sempre. Foi nesse período que surgiu o maior hit dos Stones, “(I Can't Get No) Satisfaction”, lançado no segundo álbum “Out Of Our Heads”, de 1965. Com a fama vieram também as drogas, e o reflexo disso pode ser sentido no psicodélico “Their Satanic Majesties Request”, de 1968. No ano seguinte, o baque: poucos dias após pedir demissão da banda, o baixista Brian Jones foi encontrado morto afogado na piscina de sua casa. E não foi só! Em 6 de dezembro, durante show em Altamont, na Califórnia, uma briga durante a apresentação do grupo resultou em quatro mortes.

Foi no álbum “Sticky Fingers”, de 1971, que surgiu a famosa marca dos Stones – a língua aí ao lado, criada por John Pasche. Fugindo do pagamento de impostos e também da polícia, acusada de porte de drogas, a banda lança em 1972 “Exile on Main Street”, considerado por muitos – e inclusive por Mick Jagger – como o melhor álbum deles. Com o single “It's Only Rock'n'Roll”, só não passaram pelo Brasil porque o governo se preocupou com a imagem de drogados e desordeiros dos pobre rapazes. “Tattoo You”, de 1981, abre a década dos Stones no auge. O disco é o maior sucesso comercial na carreira do grupo e traz, entre tantos hits, a consagrada “Start Me Up”. Assim como aconteceu com a carreira de muitos artistas, foi nessa década que começou sua decadência. Os músicos de desentendem e gravam pouco material, até mesmo a turnê foi deixada de lado por longos sete anos. A volta triunfal acontece em 1989, com “Steel Wheels”.

60’s

Hits

“(I Can’t Get No) Satisfaction” e “Jumpin’ Jack Flash”

70’s Com o sucesso do último trabalho, a banda volta a fazer megaturnês, inclusive no lançamento de “Voodoo Lounge”, que trouxe a banda pela primeira vez ao Brasil, em 1994 – eles voltariam ao país em 1998, com o show de “Bridges Of Babylon”. Grandes apresentações dão nova vida ao grupo, mas isso não significa necessariamente bons discos, o que faz os Stones aceitarem que o jeito mesmo é viver do passado.

Pior ainda do que na década anterior, o quarteto lançou apenas um disco de inéditas, “A Bigger Bang”, no longínquo 2005. Como a ideia é ganhar ainda mais dinheiro, a série de grandes shows continua pelo mundo, inclusive com mais uma passagem pelo Brasil, em apresentação para 1,5 milhão de pessoas na praia de Copacabana, no Rio, que entrou para a história como o maior público da banda em todos os tempos.

80’s

90’s

“(I Can’t Get No) Satisfaction” e “Tumbling Dice”

“(I Can’t Get No) Satisfaction” e “Sad Sad Sad”

“(I Can’t Get No) Satisfaction” e “Love Is Strong”

00’s (até hoje)

“(I Can’t Get No) Satisfaction” e “Streets Of Love”


12

www.readmetro.com

variedades

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Os invasores

LG lança o ‘celular da moda’

Corte de árvores em BH

Cruzadas

Aparelho está longe de ser o mais moderno entre os smartphones, mas sua ‘etiqueta’ vale muito: R$ 2.099 Nas próximas semanas, deve chegar ao Brasil um smartphone diferente. Trata-se do LG Prada 3.0, o terceiro modelo criado pela fabricante de eletrônicos sul-coreana em parceria com a famosa grife italiana. O produto foi apresentado ontem e deve custar nada menos que R$ 2.099 - o mesmo preço de um Galaxy S III, da Samsung, o celular inteligente mais moderno do mercado. Mas, ao contrário do telefone da Samsung, o LG Prada não vem com os recursos mais avançados para esse tipo de aparelho. É possível afirmar, inclusive, que os dois sequer concorrem pelo mesmo usuário. O telefone da LG quer cativar clientes ligados ao mundo da moda. Para isso, seu revestimento é feito com um

plástico que imita o couro. Na parte de trás, está estampado o nome da grife. O smartphone também vem com um botão que liga a câmera frontal, algo que a fabricante chama de “modo espelho” (para que o dono possa dar uma checada no visual). Além disso, o LG Prada 3.0 tem ícones em preto e branco, reformulados e estilizados a partir do Android 2.3, um versão antiga do sistema operacional do Google. A LG disse que não era necessário usar a mais recente para esse fim. A resolução da tela também é baixa (480 x 800), mas a câmera tem 8 megapixels, o mesmo que outros equipamentos disponíveis. O design, dizem especialitas, é muito bom. E, segundo a LG, vai inspirar novos modelos. METRO

Leitor fala

Para a implantação dos BRTs nas avenidas Antônio Carlos e Cristiano Machado, estão sendo suprimidas palmeiras-imperiais, jacarandás, mangeiras, casuarinas e etc. Segundo os entendidos e responsáveis pela façanha, cerca de 10% das palmeiras morreram e o processo de remoção custa R$ 8 mil por unidade. Que pena, já que são árvores cinquentenárias de valor inestimável. Vamos perder um acervo tão importante para a história da cidade. Importante ressaltar que na av. Cristiano Machado ocorreu a eliminação de 483 árvores entre o ano passado e este ano. Como média compensatória, na mesma avenida serão plantadas 130 árvores de várias espécies. Aí eu pergunto: 130 mudas compensam 483 árvores adultas? Que absurdo. Entendo que a maioria das pessoas lamenta o corte de árvores e a transferência das palmeiras. As vegetações urbanas amenizam o concreto, tranquilizam as pessoas e diminuem a temperatura. Fábio Costa – Belo Horizonte, MG

Pergunta Sudoku

Você achou positiva para a política nacional a cassação do mandato do senador Demóstenes Torres? Siga o Metro no Twitter: @jornal_metrobh

@livia_pedrosa: Isso mostra que o Brasil pode ter bons políticos. Os que estão errados devem ser retirados dos cargos. @Brunocastro10: A decisão não muda a realidade do Brasil. Nossa política caminha muito mal.

Web Design é um 'luxo’!

Para falar com a redação: leitor.bh@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal JUSTIN SULLIVAN / GETTY IMAGES

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Retirada de cena para descansar e para recuperar as suas energias. Dia de ficar de molho esperando por melhores oportunidades. Evite se desgastar à toa. Touro (21/4 a 20/5) Boas oportunidades podem surgir como reconhecimento do seu desempenho positivo em atividades recentes. Aproveite para fazer os seus negócios crescerem. Gêmeos (21/5 a 20/6) Corpo mole não ajuda, hoje as coisas precisam ser resolvidas com mais empolgação e dedicação, não vai ser possível agir com superficialidades, caia dentro. Câncer (21/6 a 22/7) Dia de grandes intuições e percepção profunda dos acontecimentos ao seu redor, aproveite para materializar os seus objetivos e realizar ganhos financeiros.

Leão (23/7 a 22/8) Aproveite para relaxar um pouco e recarregar as suas baterias, evite assuntos e responsabilidades que exijam muito de você, descanse para voltar revitalizado. Virgem (23/8 a 22/9) Evite ficar na contramão das melhores oportunidades do dia, pessoas mais capacitadas ou com informações mais corretas poderão exercer uma forte concorrência. Libra (23/9 a 22/10) Dia de dar espaço para as suas intuições e consultar oráculos, as instruções que vem de cima irão fazer toda a diferença na hora de escolher o melhor caminho. Escorpião (23/10 a 21/11) Hora de voltar ao palco, hoje é a sua vez de brilhar e chamar a atenção das pessoas. As decisões mais importantes irão passar por você, encante as pessoas.

Sagitário (22/11 a 21/12) Domínio sobre assuntos financeiros, dia de participar em boas soluções que irão movimentar as pessoas ao seu redor. Experimente implementar novas ideias. Capricórnio (22/12 a 20/1) Problemas de comunicação podem sabotar o seu sucesso, preste mais atenção ao que lhe for transmitido, verifique os detalhes para não ter falsas impressões. Aquário (21/1 a 19/2) Comunique-se, tente se atualizar. Não perca tempo querendo resolver tudo sozinha, seus parceiros e amigos podem estar com as melhores soluções nas mãos. Peixes (20/2 a 20/3) Está na hora de virar o jogo e mostrar que as suas ideias e intuições podem ser bem mais valiosas do que as pessoas estão achando. Valorize o seu potencial.


cultura

www.readmetro.com

13

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Zizi volta para cantar Chico

LUCIANA YOSHIKAWA/DIVULGAÇÃO

Cantora subirá aos palcos do Palladium ao lado do violonista Celso Moreira em projeto que homenageia grandes nomes da música popular brasileira A cantora Zizi Possi volta neste fim de semana à capital mineira para estrear a segunda etapa de um projeto musical que visa homenagear grandes nomes da música popular brasileira. Ao lado do violonista Celso Moreira, ela cantará os principais sucessos eternizados pela voz de Chico Buarque. O público terá a oportunidade de conferir as canções de Buarque em duas versões. Num primeiro momento, elas serão apresen-

Repertório Beatriz Valsa Brasileira Tanta Saudade Pedaço de Mim

tadas em formato instrumental por Celso Moreira e convidados. Em seguida, Zizi Possi subirá aos palcos para apresentar a versão cantada das mesmas letras. “Selecionamos sete músicos do Chico Buarque e va-

Morena dos Olhos d’Água Sobre Todas as Coisas O Circo Místico Lábia A Banda

mos mostrar sua versão instrumental, com arranjos feitos por mim e pelo meu convidado especial, Chico Amaral”, adianta o violonista Celso Moreira. O show está marcado para este sábado, às 20h, no

Sesc Palladium (av. Augusto de Lima, 420 – Centro. Tel.: 3214-5350). Ingressos vendidos de R$ 10 (meia-entrada para plateia III) a R$ 40 (inteira para plateia I). Ao longo do ano, o projeto “Compositores.BR” homenageará ainda Luiz Gonzaga, Antônio Maria, Ataulfo Alves, Vinícius de Moraes e Herivelto Martins com shows de Elba Ramalho, Fafá de Belém, Vander Lee, Mônica Salmaso e Edson Cordeiro. METRO BH

Zizi fará releitura de canções de Chico Buarque

Artistas se unem por Helena Penna

Breves

MMM recebe o arquiteto Paulo Mendes Rocha

Nomes consagrados e revelações da música mineira, como Toninho Horta, Vander Lee, Fernando Brant e Chico Lobo lançam nesta noite uma coletânea em homenagem à premiada cantora Helena Penna, que atualmente passa por dificuldades financeiras para arcar com tratamentos de saúde. O show “Todos por Helena Penna” será às 21h. Ingressos de R$ 10 (meia) a R$ 20 (inteira). METRO BH DIVULGAÇÃO

nessa fase de composições. Vínhamos fazendo isso no interior de Minas e agora queremos ir para ao litoral, mudar os ares.

60 segundos

As músicas são compostas por vocês mesmos?

Banda mineira de rock começará a produzir seu terceiro disco em breve

De um grupo de amigos que se reunia para trocar experiências sonoras, surgiu uma das bandas independentes da nova geração mais atuantes do cenário mineiro. Em seis anos de estrada, o Transmissor lançou dois discos e vem cumprindo extensa agenda, levando sua mistura de rock, pop e música brasileira ao público mineiro. Em entrevista ao Metro BH, Leonardo Marques, um dos voca-

listas, faz um balanço da trajetória do grupo e conta sobre suas influências. Qual balanço vocês fazem destes seis anos de banda?

Pois é, passa rápido. Começamos a fazer shows no final de 2006. Já lançamos dois discos e em breve virá o terceiro. A gente começou a banda sem expectativas sobre o resultado que viria a ter, mas com muita

vontade de registrar o momento com os amigos. E a surpresa foi que a coisa ficou bacana, o público foi se identificando e o trabalho foi crescendo. Como será o terceiro disco?

A produção está bem no começo, ainda não temos ideias mais concretas, estamos na fase de pensar em qual lado seguir. A gente costuma fazer encontros

Sim, todos da banda são compositores, chegam com letras prontas, nosso encontro é um coletivo para tocar essas canções. E acabam surgindo parceiras dentro e fora. Vander Lee fez uma letra para nosso último disco, bem como o César Maurício, que já escreveu letras para o Skank. Como os integrantes conciliam a banda com seus projetos pessoais? A exemplo de você, que há pouco tempo lançou um disco solo...

Está sendo bem legal, de uma forma ou outra os álbuns solo são uma extensão do Transmissor. A gente se envolve um no trabalho do outro. O Henrique (guitarra e baixo) fez a pós-

produção do meu disco. O Pedro (bateria) também gravou para mim. O Henrique e o Thiago (voz, violão, rhodes e baixo) estão produzindo o próximo disco da Jennifer (voz, violão, ukulele, guitarra e baixo). O caminho para o disco solo fecha o ciclo de cada um. Vocês se apresentam nesta sexta, Dia Mundial do Rock, na Funarte. Os fãs poderão esperar por algo especial?

A gente quer fazer algo diferente, que ainda não fizemos antes, pra todo mundo curtir bastante. A banda se apresenta amanhã, às 19h, na Funarte (r. Januária, 68 – Floresta), pela Mostra Cultural Contemporânea, que receberá ainda Rômulo Fróes no sábado e Autoramas no domingo. Ingressos de R$ 5 (meia) a R$ 10 (inteira).

GUSTAVO CUNHA

METRO BELO HORIZONTE

PROJETISTA. O premiado arquiteto capixaba Paulo Mendes Rocha participa hoje de um bate-papo no MMM (Museu das Minas e do Metal) sobre a arquitetura contemporânea brasileira. Ele foi o responsável por restaurar e transformar o prédio onde funcionava a Secretaria de Estado de Educação no atual Museu, na praça da Liberdade. Suas obras constam em acervos de Nova York e de Paris. Também é dele o projeto do Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo. Será às 19h30 com entrada franca. METRO BH

CineMundi abre seleção para projetos

MOSTRA. Estão abertas as

inscrições para projetos de filmes brasileiros de longa-metragem em fase de desenvolvimento de roteiro ou em pré-produção para participar do processo de seleção do Brasil CineMundi – 3rd International Coproduction Meeting. O evento busca conectar a produção independente ao mercado audiovisual internacional e integra a 6ª Mostra CineBH, que acontece de 18 a 23 de outubro na capital. Informações pelo cinebh.com.br. METRO BH


14

www.readmetro.com

esporte

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

FOTOS: DIVULGAÇÃO

3

ESCÂNDALO

Metro entrevista

Havelange e Teixeira receberam suborno

esporte DESENHO

Uniforme olímpico é apresentado O Comitê Olímpico Brasileiro divulgou os trajes que os atletas brasileiros utilizarão na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres em 27 de julho. Os uniformes foram desenvolvidos com a consultoria da designer de moda Eliza Conde.“O resultado final ficou muito bonito. O Brasil estará bem representado na Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos de Londres” disse o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman.a. METRO BH

Brasileiros estarão elegantes em Londres

Zanetti é estudante de educação física da USCS (Universidade Municipal de São Caetano)

Atleta de São Caetano é promessa de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres pela Seleção Brasileira de Ginástica Artística Ginasta diz estar pronto fisicamente e que prepara agora o psicológico para competir

ARTHUR ZANETTI ‘DEPENDO 70% DO CONTROLE DA MENTE’ A ginástica olímpica brasileira tem grandes chances de medalha nos Jogos Olímpicos de Londres. Além dos irmãos andreenses Daniela e Diego Hypólito, o estudante de São Caetano, Arthur Zanetti, é nova promessa de ouro olímpico da competição que começa dia 27. O atleta conversou com o Metro ABC sobre sua participação. Qual sua expectativa para a Olimpíada?

Quero uma medalha de ouro. Mas vou voltar satisfeito para casa se conseguir fazer minha parte, dar meu melhor. Tenho trabalhado duro para isso acontecer. Você está preparado para competir?

Sim, mas sei que na hora da competição, o que entra em

jogo é principalmente o trabalho pscológico. Dependo 70% do controle da minha mente, de não ficar nervoso, e 30% do meu corpo.

“ Ansiedade pode mudar resultados. Por isso esqueço tudo quando inicio minhas séries.” ARTHUR ZANETTI

Quem será adversário?

seu

principal

Provavelmente os chineses, em especial o campeão mundial Chen Yibing. A equipe sentiu psicologicamente o corte da atleta Jade da equipe?

Sou do masculino. Prefiro não comentar o episódio. Como foi que percebeu que tinha aptidão para o esporte?

Um professor na época de escola disse que eu era ágil e mais forte que as outras crianças e me indicou a ginástica olímpica. Fiz alguns testes e comecei a gostar do esporte. Como consegue conciliar as aulas na USCS com os treinos?

Os professores são compreensivos. Quando tenho treino e preciso perder as aulas, me passam horários mais flexíveis para provas, por exemplo.

Sobre o atleta Arthur Nabarrete Zanetti Idade: 22 anos Peso: 62 quilos Altura: 1,56 m Onde nasceu: São Caetano Onde mora: São Bernardo Principal aparelho: argolas Clube: SERC Santa Maria/SP Principais conquistas: - Medalha de ouro, nas argolas, na Copa do Mundo na Croácia em 2012 - Medalha de prata, nas argolas, na Copa do Mundo na Alemanha em 2012 - Medalha de prata no Mundial de 2011 - Medalha de ouro, por Equipe, no Pan Americano de Guadalajara em 2011 - Medalha de prata, nas argolas, no Pan Americano de Guadalajara em 2011

O Tribunal Superior da Suíça liberou ontem o conteúdo dos documentos da empresa de marketing esportivo ISL. A papelada dá detalhes sobre o esquema de subornos na venda de direitos de transmissão televisiva das Copas do Mundo nos anos 1990 e, segundo a “BBC”, o ex-presidente da Fifa, João Havelange, e o ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira, foram beneficiados. O Tribunal disse que é de interesse público que a mídia tenha acesso a cópias do dossiê sobre a falência da ISL, que aconteceu em 2001. A condenação já veio em 2010. No entanto, na época houve um acordo para que os nomes não fossem divulgados. METRO

Breves

Arsène Wenger foi procurado pela CBF INSATISFAÇÃO. O técnico

Arsène Wenger, no comando do Arsenal há 16 anos, foi procurado pela CBF para assumir a seleção brasileira. A informação é do jornal inglês “The Sun”, que também afirma que o profissional não aceitou o convite. Ainda de acordo com a publicação, a entidade máxima do futebol brasileiro estaria insatisfeita com o trabalho de Mano Menezes no cargo e teria oferecido um contrato de dois anos ao francês. A ideia era que Wenger comandasse a seleção canarinho na Copa do Mundo, disputada no Brasil. METRO BH DIVULGAÇÃO/ARSENAL

Wenger


esporte

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Victorino e Fabinho vão para banco de reservas Diego Renan voltará para a lateral, Léo formará dupla com Mateus e Anselmo Ramon estará no ataque WASHINGTON ALVES/VIPCOMM

Celso Roth conversou muito com os atletas ontem

Leonardo Silva, o zagueiro-artilheiro BRUNO CANTINI/ATLÉTICO

Apesar de ter entrado poucas vezes em campo nesta temporada - após contusão, ele virou reserva - o zagueiro Leonardo Silva continua com o faro de gol apurado. Na vitória contra a Portuguesa, o atleta fez o segundo gol do Galo e aumentou ainda mais a diferença de aproveitamento em comparação com os outros dois zagueiros atleticanos. Em 52 jogos pelo Atlético, Leonardo Silva anotou sete tentos - média de 0,13

Breve

Depósito é feito e Meneghel deixa o Coelho TRANSFERÊNCIA. O atacan-

te Bruno Meneghel não é mais do América. Ontem, o clube recebeu o depósito feito pelo clube chinês Qingdao Jonoon e oficializou a saída do atleta, que já se despediu de todo o

gol/jogo. Seu atual companheiro de zaga, Rafael Marques, já vestiu a camisa alvinegra 21 vezes, mas balançou as redes apenas duas vezes. Já Réver, que deve voltar ao time na próxima rodada, tem oito gols feitos em 91 confrontos no Galo. “Sei que a prioridade é defender, mas fazer gols é muito bom. Se houver a oportunidade de marcar, vou tentar aproveitar", afirma o atleta, que deve voltar para a reserva. METRO BH grupo americano. O atacante chegou ao Coelho no início deste ano e disputou apenas 16 partidas, sendo nove como titular e sete saindo do banco de reservas. Com a camisa americana, o atacante anotou seis gols. O técnico Givanildo pode ter problemas para escalar o América para o confronto contra o Goiás, amanhã, no Serra Dourada. O zagueiro Everton Luiz está gripado e não treinou. Outro jogador importante que não participou de ati-

15

www.readmetro.com

Defensor atleticano

vidades ontem foi o meia Rodriguinho, o principal atleta de criação do Coelho. Até o momento, entretanto, o único desfalque certo para a partida será o de Patrick. O lateral se recupera de lesão. METRO BH PEDRO VILELA/FUTURA PRESS

Alessandro vai jogar

O treinador Celso Roth continua em busca da equipe ideal para a sequência do Campeonato Brasileiro. Visivelmente insatisfeito com as falhas do time, que perdeu dois jogos seguidos São Paulo e Internacional, o comandante celeste resolveu colocar no banco de reservas o atacante Fabinho e o zagueiro Victorino. Com as mudanças, Diego Renan volta para a lateral-direita, Léo retorna para sua posição de origem, que é a zaga, e Anselmo Ramon, que tem entrado no segundo tempo e jogado bem, formará dupla de ataque com Wellington Paulista. Borges, que era cogitado para começar como titular, será a primeira opção para o ataque no banco de reservas. “Espero conquistar meu espaço no grupo. Se jo-

gar no fim de semana, será muito bom", afirma. William Magrão, que foi titular na derrota para o Internacional, não poderá jogar por força de contrato. Para seu posto, podem entrar Marcelo Oliveira, que era titular absoluto no início da temporada, ou Amaral. Charles continua em tratamento e não deve nem ficar no banco no difícil confronto contra o Grêmio. A partida será no próximo domingo, às 16h, na Arena Independência. A Raposa precisa vencer para tentar voltar às primeiras colocações no Brasileiro. Atualmente, o time estrelado ocupa a 6ª colocação, com 14 pontos. JUVERCY JUNIOR METRO BELO HORIZONTE

RAPOSA X GRÊMIO

Começa hoje venda de ingressos para jogo O Cruzeiro entra novamente em campo em Belo Horizonte neste domingo, às 16h, na Arena Independência, contra o Grêmio, pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro, e os ingressos estarão disponíveis para a torcida a partir de hoje. A venda só não irá acontecer nas bilheterias do Independência por motivos técnicos. No setor Minas, atrás de um dos gols, o bilhete para a área inferior custará R$ 40, enquanto a superior será R$ 20. Nas laterais do campo, no setor Pitangui inferior, o ingresso pode ser adquirido por R$60 e o superior por R$30. Já no setor Ismênia Tunes, os valores cobrados serão de R$ 40 e R$ 80. METRO BH


16

www.readmetro.com

esporte

QUINTA-FEIRA, 12 DE JULHO DE 2012

Palmeiras segura Coritiba no Couto Pereira, com ‘Inferno verde’ e tudo, e conquista – invicto – o bicampeonato da Copa do Brasil Título assegura Verdão na Libertadores de 2013

Céu verde Marcos Assunção vibra com o passe para o gol de Betinho

HEULER ANDREY/AGIF/FOLHAPRESS

O palmeirense, enfim, soltou o grito de campeão. Depois de 12 anos sem levantar um título nacional, o Verdão empatou com o Coritiba em 1 a 1 no Couto Pereira, e pela combinação de resultados, conquistou pela segunda vez a Copa de Brasil. Além do prestígio, o time de Felipão – que também era o técnico no primeiro triunfo – está garantido na Libertadores do ano que vem. Como já era esperado, o Coritiba partiu para cima desde o início. Precisando tirar uma diferença de dois gols – obtida pelo alviverde da capital no jogo de ida – o Coxa se lançou. Com a marcação adiantada e empurrado por uma torcida inflamada, os donos da casa criavam as melhores oportunidades, especialmente com o habilidoso atacante Rafinha, que deu muito trabalho no lado direito. E apesar do excesso de erros de passe, o time de Scolari teve uma grande chance aos 27 minutos. Em co-

0

Palmeiras

brança de falta de Marcos Assunção, para variar, a bola passou rente à trave – o que fez muitos palmeirenses gritarem gol. E apesar da atuação da defesa do alviverde paulista – que perdeu Thiago Heleno, lesionado – o Coxa criou algumas ótimas chances de gol. A melhor delas com Rafinha, que recebeu livre na área mas errou o alvo. E os palmeirenses roeram mais ainda as unhas com a cabeçada de Everton Costa. Na etapa final, jogando com o “resultado debaixo do braço”, o Verdão se fechou.

1 x 1

1 3

Paraná

Palmeiras

1 2

Palmeiras

Paraná

jogos é a sequên54 cia que o Palmeiras acumula sem levar mais de dois gols de diferença em uma partida. Mas aos 16 minutos o Coritiba chegou lá, e curiosamente na arma forte do Palmeiras: a bola parada. Ayrton, com extrema precisão, abriu o placar para o Coxa e fez a torcida explodir no Couto Pereira. Nem deu tempo da torcida do Verdão lamentar. Quatro minutos depois, em cobrança de falta de Assun-

Coritiba: Vanderlei; Jonas (Ayrton), Pereira , Demerson e Lucas Mendes; Willian, Sérgio Manoel (Lincoln ), Rafinha e Éverton Ribeiro; Roberto (A. Aquino) e Everton Costa. Técnico: Marcelo Oliveira Palmeiras: Bruno; Artur , M. Ramos, Thiago Heleno (L. Amaro) e Juninho ; Henrique, Marcos Assunção , João Vitor (M. Araújo) e D. Carvalho (Luan); Mazinho e Betinho. Técnico: Luiz Felipe Scolari

• Gols: Ayrton aos 16 e Betinho aos 20 minutos do 2o tempo • Arbitragem: Sandro Meira Ricci (PE) auxiliado por Carlos Berkenbrock (SC) e Alessandro da Rocha Matos (BA)

4 0

Atlético-PR

Palmeiras

23/5

2

Palmeiras

2

Atlético-PR

13/6

2 0

ção, Betinho desviou e mandou para as redes. Foi o primeiro gol do atacante com a camisa do Palmeiras, que deixou a torcida aliviada. Com o gol do centroavante, o Coxa teria que fazer três para levar o título. Um prato cheio para Felipão, copeiro famoso, que trancou o time na defesa. Assunção, novamente de falta, ainda acertou a trave em mais uma ótima cobrança. E a empolgação do Coritiba deu lugar para o desânimo. Na mesma proporção, o lado palmeirense da torcida, confiante, já entoava o grito de campeão. Ao apito final do árbitro, o início da êxtase do alviverde paulista, que impôs o segundo vice-campeonato ao Coritiba – perdeu para o Vasco no ano passado – e garantiu também sua vaga na Taça Libertadores de 2013. E o Corinthians, atual campeão, também estará lá... WILSON DELL’ISOLA METRO SÃO PAULO

Grêmio

Palmeiras

21/6

0 2

Palmeiras

Grêmio

11/7

5/7

1 1

Palmeiras

Final

Coruripe

Horizonte

16/5

Semifinal

1

3

9/5

25/4

Quartas

Palmeiras

Palmeiras

4/4

Oitavas

0

Coruripe

1º Fase

Trajetória rumo ao título da Copa do Brasil 2012

21/3

2º Fase

14/3

Campanha palmeirense

Coritiba

2 0

Coritiba

Palmeiras

1 1

Atletas do Coxa festejam gol de Ayrton, que abriu o placar GERALDO BUBNIAK / FOTOARENA

“Eu sofri desconfiança desde que cheguei ao Palmeiras, mas tive a chance de jogar. Agradeço muito ao Barcos, que sempre deu muitas dicas. Vamos comemorar.” BETINHO, AUTOR DO GOL DO PALMEIRAS

20120712_br_metrobh  

Preservação ambiental Previsão de despesas dos candidatos a prefeito chega a R$ 60,7 milhões, valor 21% maior em relação ao pleito de 2008 P...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you