Issuu on Google+

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pela gráfica CGB Artes Gráficas.

IVETE QUEIJO MINAS É INGREDIENTE ESSENCIAL NO COMIDA DI BUTECO {pág 03}

PEÇA RESGATA CLÁSSICOS DO CINEMA MUDO COM CANÇÕES AO VIVO {pág 09}

BAIANA LEVANTA OS FOLIÕES NA CIDADE DO AXÉ {pág 09}

BELO HORIZONTE Sexta-feira,

13 de abril de 2012

Edição nº 133, ano 1 Mín 17°C Máx 28°C

Busway fechada é promessa de caos STF libera Polêmica

BH dá adeus à pista de ônibus na Cristiano Machado, que se tornará exclusiva ao BRT 1º dia de obras foi marcado por lentidão e confusão entre passageiros {pág 02}

aborto de anencéfalo Após dois dias de debate, Supremo aprovou, por 8 votos a 2, descriminalização do fim da gravidez em casos de fetos com má-formação cerebral Multidão acompanhou votação {pág 04}

MP recorre para barrar hotéis Órgão tenta suspender as obras dos prédios para a Copa do Mundo, na Pampulha {pág 03}

Mineiro entra na fase final RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Domingo será a última e decisiva rodada do Estadual {págs 11 e 12}

Tragédia faz 100 anos Intervenções na avenida deverão ser concluídas só no primeiro semestre de 2013 GUSTAVO ANDRADE/METRO BH

Mundo relembra naufrágio do gigante Titanic {pág 07}


02

www.readmetro.com

belo horizonte

1

SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

Passageiros ficam perdidos com interdição da pista exclusiva de ônibus Intervenções previstas para região central assustam comerciantes

BRT gera confusão...

Mudança inesperada Muitos passageiros foram pegos de surpresa com as modificações na avenida Cristiano Machado.

FOTOS: GUSTAVO ANDRADE/METRO BH

foco

Rosana Melo BABÁ

Os ônibus estão todos na mesma pista e isso vai atrasar a viagem. Tem muito ônibus enfileirado e não dá para ver o número da linha

Comércio

Impacto no Centro deve ser diferente Apesar do receio de prejuízo por parte dos comerciantes, o impacto das obras na região central deve ser diferente, acreditam os especialistas. Enquanto as intervenções na Savassi afastaram o público pela falta de acesso, os lojistas do Centro podem perder clientela por causa da transferência dos pontos de transporte coletivo. “A Savassi é uma região mais sofisticada. Acredito que o público do Centro possa ser menos exigente. Mas se muda um ponto de ônibus, a pessoa deixa de transitar pelos locais que passava antes”, acredita o presidente do Conselho Hipercentro da CDL, Marcos Innecco METRO BH

Cotações Dólar

Euro

- 0,27% (R$ 1,83)

+ 0,08% (R$ 2,40)

Bovespa

Selic (9,75%) Salário mínimo (R$ 622)

+ 2,88% (65.058 pts)

Pista exclusiva de ônibus fechada causou lentidão no trânsito e gerou dúvidas nos passageiros

...e medo de prejuízo

Luciene dos Santos BABÁ

Fiquei perdida com a falta de informação. Não dá para saber em qual ponto meu ônibus vai parar

Adriano Coelho PINTOR

Fiquei dando volta até encontrar um ponto de ônibus. E nem sei se vai ser aqui que meu circular vai passar

Incompleto A data não estava definida Comerciantes têm receio de obras produzirem impacto negativo, como ocorreu na Savassi, onde 51 lojas fecharam

O BRT, sistema de ônibus rápido, é promessa para desafogar o trânsito da capital. Mas até a novidade ficar pronta, o sofrimento do belo-horizontino não para de crescer. Além de deixar o trânsito caótico, as intervenções vão afetar de forma negativa o comércio, garantem os comerciantes. As mudanças nas principais vias de acesso ao cen-

tro da cidade vêm se tornando rotina. Mas nesta semana os passageiros de ônibus sofreram duro golpe. O fechamento da pista exclusiva da avenida Cristiano Machado gerou a mudança de ponto de 104 linhas do transporte público. Ontem, no primeiro dia da mudança, o cenário era o mesmo durante a via: pontos de ônibus cheios de

Telefones: 0/xx/31 3349-5342 (redação) 0/xx/31 3349-5307 (comercial) O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, ABC paulista, Santos, Campinas, Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte e Porto Alegre, somando mais de 440 mil exemplares.

usuários perdidos. Os avisos da prefeitura estavam incompletos e até rasurados. Comércio Outro conjunto de intervenções por causa do BRT está assombrando os comerciantes. As obras na área central devem começar ainda neste mês. A primeira etapa deve interditar parte da av. Santos Du-

A numeração do novo ponto estava rasurada

mont. Hoje, a prefeitura se reúne com comerciantes para apresentar o projeto e receber sugestões. “Com a experiência, vamos evitar que o estrago no Centro seja igual ao da Savassi”, diz o vice-presidente da CDL, Marcos Innecco. THIAGO RICCI METRO BELO HORIZONTE

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269) Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Metro Belo Horizonte. Gerente Executivo: Pedro Lara Resende. Editor Executivo (Interino): Juvercy Júnior (MTB 12.331/MG). Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor de Arte: Tiago Galvão. Gerente Comercial Nacional: Ricardo Adamo. Grupo Bandeirantes de Comunicação Minas. Diretor de Jornalismo: Teodomiro Braga. Diretor Geral: José Saad Duailibi.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: avenida Raja Gabáglia, 2221, São Bento, 30350-453, Belo Horizonte, MG. O jornal Metro é impresso na CGB Artes Gráficas.

A tiragem e distribuição desta edição de 40.000 exemplares são auditadas pela BDO.


belo horizonte

www.readmetro.com

03

SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

FOTOS: BETO ETEROVICK/DIVULGAÇÃO

Breves

Governo lança programa contra câncer de mama PREVENÇÃO. Com o objeti-

“Mineirim e Chiquerézima”, da Cantina da Ana: o queijo é iguaria obrigatória

Com um toque

bem mineiro

Comida di Buteco chega hoje à 13ª edição valorizando um dos principais símbolos da culinária e da cultura mineira: o queijo Festival reúne pratos bolados por 41 bares de BH Símbolo da cultura mineira, o queijo Minas ganha destaque na 13ª edição do festival Comida di Buteco. Chefs de cozinha de 41 restaurantes bolaram tira-gostos feitos à base do queijo artesanal (Canastra, Cerrado, Serro e Araxá), padrão

ou frescal. O ingrediente é obrigatório. A expectativa é de que durante o circuito sejam consumidas 41 toneladas da iguaria nos botecos. Além de criar pratos bonitos e saborosos, os bares e restaurantes batizaram as

inovações com nomes inusitados, como “Cada Macaco No Seu Galho”, do Recanto da Macaca ou o “Come Quieto”, do Carlão Rei do Churrasco. Caberá ao público e aos jurados eleger as melhores combinações. “Em alguns botecos, o

queijo minas é o ingrediente principal, em outros está na composição dos pratos e têm aqueles que preferiram usá-lo como molho”, conta Eduardo Maya, um dos idealizadores do concurso. Os botequeiros terão até

13 de maio para conhecer os pratos. O Festival terminará com uma grande festa no dia 19 de maio, com degustação de pratos e shows de Nando Reis, Aline Calixto e Monobloco. Confira a lista dos botecos no comidadibuteco.com.br. METRO BH

vo de reduzir os índices de óbitos por câncer de mama no Estado, foi lançado ontem programa que modifica o controle da doença em Minas. Com a nova medida, a faixa etária prioritária para realização de mamografia será ampliada para 45 a 69 anos. Além disso, o acesso ao exame preventivo, que é realizado por meio de um requerimento que só é entregue à paciente após consulta médica, agora poderá ser solicitado em qualquer estabelecimento de saúde pública sem que a paciente precise ir ao médico. O atendimento às mulheres também passará a ser feito de forma prioritária de acordo gravidade dos resultados dos exames. O último levantamento da governo, feito em 2009, aponta que 1.071 mulheres morreram com câncer de mama no Estado. METRO BH

Combustível irregular é apreendido em MG RICARDO LISBOA/ FUTURA PRESS

Mais de 30 mil litros de combustíveis impróprios para uso e 29 mil litros de etanol sem nota fiscal foram apreendidos em postos de Minas Gerais. A operação foi coordenada pelo Ministério Público Estadual, por meio do Procon-MG durante o mês de março. Foram fiscalizados 233 fornecedores de combustíveis de 57 cidades mineiras. Desses, 16 foram autuados por alguma irregularidade. Dos postos autuados, dois ficam em Belo Horizonte (Antuérpia Petróleo

EXPANSÃO

São Lucas terá nova unidade de saúde

16 postos foram autuados por irregularidade

Ltda, no bairro Santa Mônica, na região da Pampulha; e Posto Olimar Ltda, no bairro Padre Eustáquio, região Noroeste da capital). Uma nova sede do Centro de Saúde do Bairro São Lucas deve começar a ser construída em 90 dias. A unidade de saúde, que será expandida, contará com 13 consultórios, salas para vacinação, coleta de material para exames, farmácia, curativos e odontologia. Atualmen-

Segundo relatório do MPE, os produtos apreendidos podem ser doados à Polícia Militar de Minas. METRO BH

te, o Centro de Saúde Nossa Senhora Aparecida, como é batizado, atende cerca de 23 mil usuários. Para a construção da nova sede, serão investidos cerca de R$ 2,7 milhões. O valor será custeado pela prefeitura de Belo Horizonte. METRO BH

MP recorre da decisão para tentar barrar hotéis O destino dos hotéis na Pampulha continuará indefinido por enquanto. O Ministério Público Estadual recorreu à decisão da Justiça de não suspender a licença para a construção na área. O órgão interpôs, no dia 9 deste mês, um agravo de instrumento no qual alega que as obras colocariam em risco o conjunto urbano e cultural da Pampulha. No documento, o MPE pede ainda que as contrutoras responsáveis pelas obras sejam impedidas de iniciar ou executar os projetos até a decisão final da ação, sob pena de multa de R$ 100 mil por ato praticado, além do pagamento de indenização por possíveis danos causados ao meio ambiente. A construção dos hotéis, que ficam a 1 km da lagoa, foi concedida pelo Conselho Municipal de Política Urbana (Compur) no dia 1o de março. METRO BH

Cultura gaúcha invade Beagá A Serraria Souza Pinto se transformará numa verdadeira “casa gaúcha” a partir de hoje. É que será aberta a 9ª Feira Minas Tchê, que reunirá o melhor do artesanato, moda, vestuário, dança e gastronomia dos pampas. O público poderá conhecer e comprar vinhos, calçados, móveis e malhas do Sul do país. Ao todo, são 101 estandes diversos. O tradicional churrasco gaúcho promete encher os olhos de quem aprecia um bom corte de carne. A aventura gastronômica inclui ainda o chimarrão e chocolates de Gramado. A Feira espera receber 60 mil visitantes. A Minas Tchê vai até 22 de abril, de segunda a sexta-feira, das 15h às 23h e aos sábados e domingos, das 12h às 23h. A entrada custa R$ 6. METRO BH

Polícia quer manter maníaco atrás das grades PRISÃO PREVENTIVA. A po-

lícia entregou ontem, no Fórum Lafayete, uma representação pedindo a prisão preventiva do exbancário Pedro Meyer Ferreira Guimarães, que já foi reconhecido por oito vítimas de estupro. Ontem, mais uma mulher que diz ter sido atacada pelo homem foi ouvida. A polícia suspeita que ele tenha estuprado pelo menos 14 mulheres. METRO BH

Ação contra o crack será feita na Lagoinha CONTROLE. Moradores e

comerciantes do bairro Lagoinha, na região Nordeste da capital vão realizar amanhã uma ação contra o crack. Durante o evento, haverá atividades lúdicas, emissão de documentos e palestras sobre saúde. METRO BH


brasil

04

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

ELZA FIUZA/AGÊNCIA BRASIL

Bicheiro continua preso

STJ nega liberdade a Cachoeira O bicheiro Carlinhos Cachoeira vai continuar preso, segundo decisão tomada ontem pelo ministro Gilson Dipp do STJ (Superior Tribunal de Justiça). Segundo a defesa de Cachoeira, não há razões jurídicas para que o acusado continue detido. O caso foi analisado pela 5ª Turma do STJ. Ontem, em reunião no Conselho de Ética, o senador Demóstenes Torres (sem partido) disse que vai provar a sua inocência. Demóstenes falou pela primeira vez sobre o caso em que ele também é acusado de envolvimento. METRO

STF autoriza aborto de fetos sem cérebro Após oito anos de espera, ministros decidem que mulheres não precisam mais recorrer à Justiça para interromper gravidez de anencéfalo Medida não caracteriza ato contra a vida

Mulheres comemoram decisão do STF SÉRGIO LIMA/FOLHAPRESS

Brasil tem 500 mil em cadeias e prisões O Brasil está entre os quatro países com maior a população carcerária do mundo, ao lado dos Estados Unidos, da China e da Rússia. São mais de 500 mil pessoas na cadeia atualmente. Os dados foram antecipados ontem pela BandNews FM. Esse aumento não reflete, necessariamente, em uma melhora das condições do sistema prisional.

Os dados do Depen (Departamento Penitenciário Nacional) mostram que o país tem hoje um déficit de 208 mil vagas. O número de pessoas em regime provisório é de 174 mil. Para o consultor em segurança pública e professor do Centro Universitário Metodista IPA, Marcos Rolim, o número simboliza uma realidade grave.

Evento no ABC marca volta de Lula à política Ainda em tratamento médico, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve participar amanhã, em São Bernardo, no ABC, da inauguração do CEU (Centro Educacional Unificado) Regina Rocco Casa, que homenageia a mãe de sua mulher, a ex-primeiradama Marisa Letícia. A cerimônia será o primeiro evento público de Lula após a confirmação do desaparecimento do câncer na laringe – diagnosticado em outubro de 2011.

A inauguração colocará no mesmo palanque Lula e os pré-candidatos petistas nas eleições do ABC e capital. Além do prefeito Luiz Marinho, Lula terá companhia da senadora Marta Suplicy, do ministro da Educação, Aloizio Mercadante, e do candidato à prefeitura de São Paulo e ex-ministro Fernando Haddad. Baseado em projeto de Marta, o CEU é o primeiro dos quatro que a prefeitura promete abrir até o fim do ano. METRO ABC

Após dois dias de debates, a legalidade do aborto em casos comprovados de anencefalia (má-formação) do feto foi aprovada ontem por 8 votos a 2 no STF (Supremo Tribunal Federal). Os ministros Ayres Britto, Celso de Mello, Gilmar Mendes, Joaquim Barbosa, Luiz Fux, Marco Aurélio Mello, Cármen Lúcia e Rosa Weber votaram a favor da interrupção da gravidez. Ricardo Lewandowski e o presidente do STF, Cezar Peluso, votaram contra. José Dias Toffoli se declarou impedido de participar do julgamento por já ter emitido opinião sobre o tema quando era advogado-geral da União.

“O aborto de anencéfalos é uma escolha trágica. É a escolha do possível em uma situação de extrema dor”. MINISTRA CARMEM LÚCIA

Com a decisão, não será mais preciso recorrer à Justiça para obter a liberação do aborto. A mulher poderá procurar o serviço médico após a confirmação da anencefalia. Para os ministros favoráveis, a interrupção não caracteriza um ato contra a vida, já que o feto anencéfalo não tem chances de sobreviver após o parto. Lewan-

dowski argumentou que a decisão sobre a autorização do aborto não podia ser tomada pelo STF. Segundo o ministro, o poder judiciário acabou agindo como se fosse o Legislativo. Celso de Mello e Gilmar Mendes vão sugerir ao Ministério da Saúde e ao Conselho Federal de Medicina que adotem medidas para viabilizar o aborto nos casos de anencefalia. A decisão sobre a legalidade do aborto de fetos anencéfalos se arrastava havia oito anos no STF. O caso chegou ao Supremo em 2004, em uma uma ação da CNTS (Confederação Nacional dos Trabalhadores na Saúde). METRO

Remédio e droga também serão alvos da Lei Seca

ALESSANDRO SHINODA/FOLHAPRESS

A mudança na Lei Seca aprovada na noite de anteontem pela Câmara dos Deputados vai permitir que motoristas que estiverem dirigindo sob influência de drogas ou remédios que possam comprometer sua capacidade motora também possam ser punidos. O texto amplia as provas para comprovar a embriaguez, incluindo testemunhos, vídeos e exame clínico. A proposta também dobra o valor da multa (de R$ 957,70 para R$ 1.915,40) para quem for pego guiando sob a influência de álcool ou drogas. Em caso de reincidência no período de 12 meses, o valor dobra.

“O Senado precisa alterar a lei e torná-la mais dura, com tolerância zero para álcool.” FABIO DI JORGE, ADVOGADO

O projeto agora precisa ser aprovado pelo Senado, onde deve sofrer alterações. Uma delas é acabar com a tolerância de álcool no san-

Mudança na lei amplia possibilidades de provas para comprovar embriaguez

gue, hoje de seis decigramas de álcool por litro de sangue, o equivalente a dois chopes. Os senadores também devem aumentar a pena para motoristas alcoolizados que provocam acidentes. Hoje a pena varia de seis meses a três anos de prisão. A ideia é aumentar a

pena para o motorista que provocar morte dirigindo sob efeito de álcool para 8 a 16 anos de prisão. Segundo o especialista em direito público, Fabio Martins Di Jorge, o projeto aprovado pela Câmara não vai resolver o problema porque a testemunha ou vídeo

não poderá comprovar que o motorista tem seis decigramas de álcool por litro de sangue. “Por isso, é necessário alterar o texto e impor tolerância zero”, diz o especialista. MARCIO ALVES METRO SÃO PAULO


economia

06

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

ALMEIDA ROCHA/FOLHAPRESS

Metade dos pedidos de financiamentos é recusada por montadoras

Financeiras de montadoras brecam empréstimos Com crescimento da inadimplência, os bancos de montadoras estão segurando a concessão de crédito para a aquisição de veículos. Hoje, metade dos pedidos de financiamento são recusados pelas instituições, afirmou ontem o vice-presidente da Anef (Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras), Gilson Carvalho.

“Se antes eram aprovadas sete em dez fichas, agora estamos em cinco”, disse Carvalho. Segundo ele, esse percentual é, provavelmente, maior em bancos privados, já que as financeiras das montadoras são mais agressivas e rejeitam bem menos o cadastro do comprador. A restrição ao crédito se deve ao aumento da inadimplência do setor. O in-

Pressão O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse ontem que os bancos podem cortar os juros sem medidas como a redução de impostos e do compulsório. Para ele, as instituições financeiras estão praticando retenção de crédito.

“Os bancos privados têm margem para reduzir juros. Eles querem jogar a conta nas costas do governo.”

dicador para atrasos acima de 90 dias encerrou fevereiro em 5,5%, aumento de 2,7 pontos em 12 meses. “Não é que falta dinheiro. O que precisa é a certeza de que você vai emprestar e vai receber de volta”, disse Carvalho, que se reuniu ontem com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, para discutir medidas para dinamizar a concessão de crédito. METRO COM AGÊNCIAS

Procura por crédito cai no 1o trimestre A procura por crédito caiu 6,8% no primeiro trimestre de 2012 em relação ao mesmo período do ano passado, segundo pesquisa da Serasa Experian, apesar de a demanda haver crescido 20,2% em março. A queda está relacionada, segundo o Serasa, à alta dos índices de inadimplência registrada ao longo de 2011. METRO

Para setor, PIB crescerá apenas 3% Para a indústria, o crescimento da economia brasileira em 2012 será de apenas 3%. Segundo a projeção da CNI (Confederação Nacional da Indústria) divulgada ontem, o ano se iniciou sem qualquer sinal de recuperação da estagnação do segundo semestre de 2011. A estimativa continua abaixo da previsão oficial de 4,5% do Ministério da Fazenda. METRO

Internet pesa mais que vaga e salário Pesquisa mostra que 59% dos jovens aceitariam remuneração menor para ter acesso às mídias sociais Flexibilidade de horário, acesso às mídias sociais e possibilidade de trabalhar fora do escritório. Para universitários e jovens profissionais com menos de 30 anos, esses três fatores podem pesar mais que o salário – e até a vaga de emprego – na hora de aceitar um trabalho. Pesquisa realizada pela Cisco com 2800 pessoas no mundo mostra 44% dos universitários e 59% dos jovens profissionais brasileiros afirmaram que aceitariam um trabalho com salário mais baixo se tivessem flexibilidade em relação à escolha dos dispositivos, acesso a mídias sociais e mobilidade. No mundo, os índices são menores: 40% dos universitários e 45% dos jovens

36%

das ameaças cibernéticas com interesses financeiros são desenvolvidas no Brasil, segundo dados da Kaspersky. profissionais apresentam a mesma opinião. “A mídia social está associada ao estilo e qualidade de vida. Para eles, é quase impossível retirar o seu acesso no trabalho. E o salário já não está no topo de prioridades dos jovens hoje”, afirma Ghassan Dreibi, gerente de Desenvolvimento de Negócios de Borderless Networking da Cisco Brasil.

Conectados no trabalho

METRO

Para ter acesso à internet

Prefeririam não aceitar a proposta de emprego se empresa proibisse o uso de mídias sociais* 00000

O acesso liberado às mídias sociais é decisivo até na hora de aceitar uma oferta de emprego. Nada menos que 74% do universitários brasileiros disseram que se encontrassem uma empresa que proibisse o acesso às mídias sociais, prefeririam não aceitar a proposta de emprego ou aceitariam e buscariam uma forma de contornar a política corporativa. O percentual é bem superior ao registrado no mundo, de 56%. Segundo a pesquisa, um em cada quatro no total global (24%) disse que a política de de uso de mídias sociais será um fator fundamental em sua decisão de aceitar uma proposta. A média no Brasil é de 53%.

Aceitariam um trabalho com remuneração mais baixa 100.000000

74% 666667 6666670 0 0 000 00

45% 33.333333

3333336 333333 66.666667 . 667

00000 33.333333 3 333 333

59%

66.666667

56%

Mundo

Fonte: Cisco C

Brasil

0.000000

Mundo

Brasil

*Inclui aqueles que aceitariam e buscariam uma forma de contornar a política corporativa

SILVA JUNIOR/FOLHAPRESS

Emprego industrial tem a maior queda em dois anos

Emprego registrou 5a consecutiva em fevereiro

O emprego na indústria brasileira subiu 0,1% em fevereiro, na comparação com o mês anterior, segundo levantamento divulgado ontem pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em fevereiro, a produção da indústria brasileira apresentou crescimento de 1,3%, na comparação com o mês anterior, que havia registrado queda de 1,5%, segundo a pesquisa.

Apesar da leve alta registrada na variação mensal, de janeiro para fevereiro, o emprego industrial recuou 0,7% em relação ao mesmo mês de 2011. Esse foi o quinto resultado negativo consecutivo nesse tipo de confronto e o mais forte desde janeiro de 2010 (0,9%). O índice acumulado nos últimos 12 meses avançou de 3,9% em fevereiro de 2011 para 0,5% no mesmo mês deste ano.

A pesquisa mostra que o número de horas pagas aos trabalhadores da indústria cresceu 1,3% sobre janeiro, após queda de 0,1%. Na comparação anual, a taxa teve queda de 0,8%, a sexta negativa seguida nesse tipo de confronto, mas a menos intensa desde setembro último (-0,5%). No primeiro bimestre, a taxa recuou 1,1% e, em 12 meses, 0,2%. METRO


mundo

www.readmetro.com

SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

Titanic,

07

Este era o maior objeto móvel já construído pelo homem O Titanic levava uma mistura de ricos e pobres que viajavam para os EUA de férias ou em busca desesperada ELISABETH BRAW METRO WORLD NEWS para escapar da miséria

100 anos depois Tudo o que sobrou de Elin Braf é uma boneca. Como dezenas de milhares de outros suecos, Elin deixou a sua casa em busca de uma vida melhor na América. Mas a jovem de 20 anos teve o azar de tentar fazer essa travessia a bordo do Titanic. No dia 15 de abril de 1912, ela foi uma dos 1,5 mil passageiros que perderam a vida no “inafundável” transatlântico. Exatamente 100 anos depois, a tragédia ainda fascina: muitas pessoas se perguntam se o acidente teria ocorrido caso o choque com o iceberg tivesse ocorrido na parte da frente do navio, ou

se os ricos deixaram os passageiros da terceira classe fora dos botes salva-vidas. “Titanic”, o blockbuster de 1997, foi relançado em 3D, e companhias de cruzeiro estão organizando viagens para o ponto fatal no Atlântico. “Há muitos elementos que tornam a história do Titanic curiosa”, considera John Maxtone-Graham, autor do livro Tragédia Titanic. “Ele era um dos três maiores navios do mundo, mas contava com apenas 16 botes salva-vidas. Além disso, chama a atenção a desorganização no embarque dos botes. Há muitos momentos herói-

cos, como quando uma mulher no bote atira o cachecol para um homem na água e o reboca. E o fato de os músicos continuarem tocando até se afogar”. Há várias teses de doutorado sobre o quê exatamente a banda tocava nas horas finais do Titanic. O fascínio, no entanto, é um fenômeno recente. ““Até o navio ser descoberto em 1985, pouca gente estava interessada. A empolgação com o Titanic não é ruim, mas a falta de informação continua sendo repetida. A verdade é que o Titanic não possuía menos botes do que outros navios do seu tama-

nho, e não estava tentando que tudo estava sob controquebrar o recorde de veloci- le, Elin voltou calmamente à sua cabine de terceira classe. dade”, diz. Elin Braf, no seu caminho Voltar ao bote foi impossível, para se juntar às suas irmãs e ela morreu afogada. em Chicago, tinha comprado uma boneca para a sua sobrinha. Carregando o presente, ela entrou em um bote salva-vidas, mas deARQ UIV O PES pois percebeu SOA L/E LIS ABE TH BRAW que havia esElin Braf era tia-tataravó da quecido de lerepórter Elisabeth Braw var a sua bolsa. Como os tripuCópia da última mensagem enviada lantes disseram pelo Titanic, que dizia: “estamos afundando aos passageiros POPPERFOTO/GETTY IMAGES rapidamente, passageiros estão indo aos botes”


08

2

cultura Ópera

cultura

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

Contatos imediatos no sertão do Ceará Esqueça as super produções com extraterrestres invasores e violentos. “Área Q”, que estreia hoje, retrata a vida alienígena a partir de uma perspectiva espiritualizada. A busca pelo filho desaparecido acaba levando o jornalista Thomas Mathews (Isaiah Washington,

de “Grey's Anatomy”) ao interior do Ceará, local de estranhas histórias sobre fenômenos extraterrestres. Com Murilo Rosa, Tania Khalill e Ricardo Conti, “Área Q” é inovador em sua proposta. A verdade pode estar lá fora, ou mais perto do que se imagina. METRO DIVULGAÇÃO

CURITIBA

Heigl em nova comédia DIVULGAÇÃO

Pela primeira vez, o The Royal Opera House de Londres apresenta a história de Cinderella tal como é contada na ópera “Cendrillon”. A exibição será, ao vivo, neste sábado e domingo no Cinemark do Pátio Savassi e BH Shopping. Ingressos de R$ 25 (meia) a R$ 50 (inteira). METRO BH

A norte-americana Katherine Heigl tenta, tenta, mas, ao menos por ora, ainda não conseguiu se tornar uma estrela hollywoodiana do primeiro time. Seu novo filme, a comédia romântica “Como Agarrar Meu Ex-Namorado”, estreia hoje. Heigl interpreta Stephanie Plum, uma desempregada que, disposta a reorganizar sua vida e conseguir dinheiro, entra numa aventura: em busca de uma recom-

Katherine Heigl

pensa, ela tenta capturar seu ex-namorado, suspeito de assassinato. METRO RIO

Dhalia estreia em Hollywood Amanda Seyfried enfrenta um serial killer em ‘12 Horas’, que estreia hoje nos cinemas brasileiros

DIVULGAÇÃO

Diretor do thriller “12 Horas”, o pernambucano Heitor Dhalia é mais um cineasta brasileiro “exportado” para Hollywood. Junta-se, assim, a um time que já contava com Walter Salles (“Água Negra”), Fernando Meirelles (“Ensaio sobre a Cegueira”) e José Padilha (que se prepara para filmar “Robocop”). A exemplo de Salles, Dhalia procura se exercitar em um gênero muito mal explorado pelo cinema brasileiro, o suspense psicológico, no qual a cinematografia americana é especializada. Notabilizado em 2006 pelo sucesso de “O Cheiro do Ralo” (protagonizado por Selton Mello), Dhalia apa-

Amanda (de “Mamma Mia”) em cena de “12 Horas”

nhou da crítica nacional com seu filme mais recente, o drama “À Deriva”, lançado em 2009. Sua carreira em Hollywood, porém, nasce promis-

sora. “12 Horas” é um thriller eficiente, no qual a jovem Jill (Amanda Seyfried) procura o assassino que atormenta sua família. METRO RIO


www.readmetro.com

cultura

SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

Uma mistura de Minas com Bahia Axé Brasil começa hoje recebendo 12 atrações, como Claudia Leitte e Ivete DIVULGAÇÃO

Mais de 50 mil foliões são esperados no Axé Brasil 2012, que reunirá 12 atrações hoje e amanhã no palco do Mega Space. Grandes nomes do axé baiano, como os grupos Parangolé, Chiclete com Banana e os cantores Tomate, Alexandre Peixe e Claudia Leitte prometem agitar a “Cidade da Folia”. A festa tem lugar cativo no calendário de eventos de Minas. A infraestrutura contará com dois palcos, três telões e praça de alimentação para receber os foliões nos espaços e camarotes. Neste ano, a organização pretende sensibilizar os foliões sobre os cuidados com a preservação do meio ambiente e do patrimônio público. METRO BH

Atrações Hoje Timbalada, Eva, Chiclete com Banana, Ivete Sangalo, Cheiro de Amor e Parangolé Amanhã Alexandre Peixe, Tomate, Asa de Águia, Claudia Leitte, Tuca Fernandes e Psirico Abertura dos portões: 16h

Ivete Sangalo agita os foliões nesta sexta

Preços: de R$ 100 (meia por dia para o espaço Guaraná Antárctica) a R$ 630 (passaporte masculino inteiro para o camarote open bar da Skol)

09

O Metro indica ODILON LAGE/DIVULGAÇÃO

Espetáculo A Realidade. Resgatar clássicos do cinema mudo com um repertório de canções ao vivo. Essa é a proposta do projeto “A História do Cinema Mudo Ao Vivo”, que será dividido em duas partes. A primeira, “A Realidade”, começa hoje, com um olhar mais documentarisResgate do cinema mudo ta sobre películas como “A Saída da Fábrica”, “São Francisco Resultado de um Terremoto” e “Whisky Dewar”. As atividades seguem até 6/5. No Sesc Palladium (av. Augusto de Lima, 420 – Centro. Tel.: 32145350). Primeira etapa de hoje a 22/4. Sextas e sábados, às 21h e domingos, às 19h. De R$ 5 (meia-entrada) a R$ 10 (inteira). DIVULGAÇÃO Música Aqui Jazz. A banda Take Five recebe neste domingo o cantor, compositor e instrumentista Renato Motha, que fará uma homenagem ao maestro Tom Jobim. Motha é considerado um dos mais representativos artistas da geração pós Clube da Esquina. A apresenRenato Motha tação marca o início da 8ª edição do Aqui Jazz, que leva shows de jazz e música instrumental de graça para as praças e parques da capital. Ao longo do ano, os shows ainda ocorrerão nos parques Municipal, JK e nas praças da Liberdade e do Papa. Na Praça Duque de Caxias (bairro Santa Tereza). Domingo, às 11h. Entrada gratuita.


10

www.readmetro.com

variedades

SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

Os invasores

por Farini

Leitor fala

Receita Minuto

Falta de respeito

DANIEL BORK

Hoje presenciei uma tremenda falta de respeito aos garis. Assim que cheguei ao meu trabalho, tive que esperar o responsável chegar para abrir o prédio. Enquanto isso, fiquei vizualizando a "paisagem" de carros e pessoas, passando pra lá e pra cá. Foi nesse momento que vi os garis varrendo as ruas, limpando galhos, bitucas de cigarros, areia de resto de obras, folhas, embalagens e tudo mais que é abandonado nas ruas pelas pessoas de pouca educação. Então, 20 minutos depois do local ser limpo por garis, as faxineiras do prédio em frente ao meu trabalho começaram a limpar o passeio, empurrando tudo quanto é lixo em direção à rua que havia acabado de ser limpa. Poxa! Cadê a consideração e o respeito ao trabalho dos outros? Se as faxineiras já são pagas, não custa nada juntar tudo e colocar na sacola de lixo, e nao desfazer do trabalho dos garis. Percebo que muitas pessoas não valorizam os “formiguinhas”, profissionais importantes para termos uma cidade limpa.

PAELLA CAIPIRA Cruzadas

A

paella caipira é uma adaptação da paella espanhola, feita com frutosdo mar. A nossa receita brasileira contém frango, lombo, linguiça e costelinha de porco defumada. Ao chef Antonello, www.buffetantonello.com.br, muito obrigado.

Cláudia Von Heiden – Belo Horizonte

Pergunta

Ingredientes 1 kg arroz parboilizado 100 g cebola 2 dentes de alho 50 g bacon 100 g de linguiça calabresa 200 g de drumets de frango 100 g de copa lombo 100 g de carne seca desfiada 100 g de coxa de frango

50 g pimentão vermelho 50 g pimentão amarelo 50 g tomate cereja 100 g de ervilha ½ maço de cheiro-verde 1 colher (sopa) açafrão 1 colher (chá) de páprica picante Pimenta-biquinho a gosto Sal a gosto 50 g de caldo de galinha 100 ml de azeite

Sudoku

Você concorda com o uso de vídeos e exames clínicos para comprovação de embriaguez? Siga o Metro no Twitter: @jornal_metrobh

@jardel_pereira: Concordo plenamente. Quem bebe assume os riscos e deve pagar na Justiça pelos seus atos. @luciana_andradebh: Muitos bêbados que causam acidentes se recusam a soprar o bafômetro. Com o enrijecimento da lei, isso vai diminuir.

Modo de preparo Em uma frigideira refogue o bacon, a calabresa, o frango, a copa lombo, a carne seca desfiada, os pimentões, a cebola e o alho. Adicione o arroz e refogue um pouco, acrescente o açafrão, a páprica, o caldo de galinha, corrija o sal. Enfeite com as ervilhas, o cheiro-verde, a pimenta-biquinho, os drumets de frango e os tomates cereja.

Horóscopo

Web Para falar com a redação: leitor.bh@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Mantenha-se firme em seus propósitos, porém, na defensiva, deixe as coisas irem para o seu devido lugar, só assim você poderá entender melhor o seu dia. Touro (21/4 a 20/5) Fragilidade diante de disputas e cobranças que você não tem como atender, não se sinta mal por não ter condições de salvar o mundo, vá até onde você pode ir. Gêmeos (21/5 a 20/6) Certas limitações do dia podem acabar ajudando você a não se envolver com pessoas ou em situações que poderão virar problemas mais tarde, tente se preservar. Câncer (21/6 a 22/7) Mande embora pessoas e situações que não estão lhe fazendo bem, a vida é para ser vivida em paz e com alegria, e não com tormentas e lamentações intermináveis.

Leão (23/7 a 22/8) Cansaço diante de conflitos que podem estar consumindo muita energia. Chega uma hora na qual o emocional apita o sinal de esgotamento. Melhor parar por aí. Virgem (23/8 a 22/9) Sentimentos contidos, possíveis barreiras podem deixar você um pouco afastado do seu amor. Procure ao menos se distrair com os amigos para passar o tempo. Libra (23/9 a 22/10) Dia de fechar questões e parcerias que se não forem acertadas agora não serão aceitas mais tarde. Última chamada para os amigos e parceiros, depois já era. Escorpião (23/10 a 21/11) Dia de muvuca no qual pode ser muito difícil ver os seus intentos irem adiante. Melhor se dedicar à atividades que tragam mais diversão e aliviem a pressão.

Sagitário (22/11 a 21/12) Momento para escutar as pessoas e realizar fechamentos de questões que estão em aberto a muito tempo. Tente convergir os interesses das pessoas amigavelmente. Capricórnio (22/12 a 20/1) Procure se relacionar melhor com as pessoas, seja paciente, e tente entender o ponto de vista delas. Momento destinado a acordos e acertos para ficar tudo bem. Aquário (21/1 a 19/2) Não force a barra, deixe as coisas fluírem naturalmente, vai ser preciso que as pessoas se adaptem umas às outras para que as divergências entre elas diminuam. Peixes (20/2 a 20/3) Dia de retornar à realidade e verificar se as coisas que você tem feito realmente estão dando certo, seja mais crítico e escute a opinião das outras pessoas.


esporte

SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

André comemora boa fase e ‘chuva’ de gols Atleta, que já fez gol até de bicicleta, balançou as redes 12 vezes e é o artilheiro do Galo BRUNO CANTINI/ATLÉTICO

Com 12 gols marcados em 12 jogos, o atacante André não esconde a alegria pelo bom momento no Atlético. Artilheiro do Mineiro e o principal goleador do Galo em 2012, o atleta vem, jogo após jogo, resgatando o futebol que o despontou quando era profissional do Santos. Na goleada em cima do Penarol-AM, na última quarta-feira, o atleticano foi decisivo, tendo feito três dos cinco gols na partida. Um deles foi de ‘bicicleta’. “Fui feliz e acabei fazendo um gol de bicicleta. A bola estava passando, tive o recurso e acabei conseguindo fazer o gol. Foi um gol especial”, comemorou o alvinegro.

Força máxima O treinador Cuca afirmou ontem que não poupará atletas para o último jogo do time no Campeonato Mineiro. O motivo é que o time precisa de pelo menos um empate com o Tupi para garantir o primeiro lugar na fase classificatória. Se perder, o time precisará de contar com um empate ou derrota do Cruzeiro, que enfrenta o Uberaba. O jovem Fillipe Soutto, que foi reserva no início da temporada, recuperou a vaga com a contusão de Leandro Donizete e já deixou claro que não quer perder novamente o posto de titular. O jogador vibrou muito

com o gol marcado na partida contra o Penarol-AM. “Sabia que o campo era pequeno, molhado e um chute de fora da área talvez nos ajudasse. Estou muito feliz com o momento", afirma. A partida contra o Tupi não será fácil para o Galo. O jogo, que será no domingo, às 16, em Juiz de Fora, vale a classificação do Galo Carijó para a semifinal do Mineiro. A torcida do Tupi já comprou quase metade dos ingressos para o jogo e promete lotar as arquibancadas do estádio em Juiz de Fora. JUVERCY JUNIOR

METRO BELO HORIZONTE

Sem tempo para lamentações, Coelho foca apenas no Mineiro

CAHRLES SILVA DUARTE/O TEMPO/FUTURA PRESS

Ainda abatido com a eliminação na Copa do Brasil, o grupo americano volta aos treinos hoje no CT Lanna Drumond. O time quer esquecer a competição nacional e voltar suas atenções agora apenas para o Mineiro, já que enfrenta o Guarani no próximo domingo. O Coelho já está classificado para as semifinais em terceiro lugar e, mesmo se perder, o time não será ultrapassado na tabela.

Neneca é um dos principais jogadores na temporada

METRO BH

Glaysson quer Caldense

Breve

atenta para último jogo

Éric Pino e Kiss não fazem mais parte do Boa

O último jogo do Mineiro tem grande importância para a Veterana. Sem chances de se classificar, o time precisa vencer o Boa, em Varginha, para garantir sua vaga na Série D do Brasileirão. O goleiro Glaysson cobrou atenção do time. “É tudo que nos restou em 2012", disse. METRO BH

VARGINHA. Insatisfeitos com o pouco aproveitamento na temporada, o meia Éric Pino e o atacante Vinícius Kiss não fazem mais parte do elenco do Boa Esporte. De acordo com a diretoria do clube, a dupla solicitou rescisão contratual e teve o pedido

11

www.readmetro.com

aceito, sendo liberados para atuarem por outros clubes no país. O chileno Pino chegou no início do ano como promessa de destaque. Entretanto, o jogador não entrou em forma e atuou pelo clube de Varginha apenas uma vez. O meia já acerta seu retorno ao Antofogasta, do Chile. Já Kiss, participou de nove partidas do time, mas não se destacou. Ele deixa o clube mineiro para ficar desempregado, já que ainda não fechou com nenhum clube. METRO BH

3

esporte Zagueiro

Com dores, Réver pode ser desfalque

Atleta quer levar para casa título de artilheiro no Mineiro

O zagueiro Réver pode não jogar contra o Tupi neste domingo. O motivo é que o jogador reclama de dores no tornozelo. Hoje, ele irá passar por exames. METRO BH


12

www.readmetro.com

esporte

SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012

Roger terá missão de armar Cruzeiro

2

Meia Montillo cumprirá suspensão por ter levado três cartões amarelos Lateral Marcos continuará no banco e Everton é mantido como titular WASHINGTON ALVES/VIPCOMM

Sem poder contar com o argentino Montillo, o técnico cruzeirense Vágner Mancini já adiantou que Roger terá a missão de armar a equipe no jogo de domingo contra o Uberaba, na Arena do Jacaré. “O Roger entra no lugar do Montillo. Agora, existem outros atletas que estão bem desgastados”, afirmou o treinador, que teve que fazer a mudança devido ao terceiro cartão amarelo do argentino. Mancini também mudará as laterais do time. Marcos, que não vinha fazendo boas apresentações pela equipe celeste, perdeu a vaga na direita para Diego Renan. A lateral esquerda

será ocupada por Everton, que, na opinião do treinador, jogou bem contra a Chapecoense. “Ele é um cara seguro, que dá muita opção na frente, tem força física, chuta bem de fora da área também. Acho que nós temos aí mais uma opção", avalia Mancini. O atacante Wallyson, que não se destacou nos últimos jogos, pode perder a vaga no ataque celeste para Walter. Se a mudança ocorrer, o trio ofensivo da Raposa será formado por Wellington Paulista, Anselmo Ramon e Walter. JUVERCY JUNIOR METRO BELO HORIZONTE

1

3

4

Devotos da bola

Jogador é experiente e comandará o time no domingo

Pilotos da Indy já estão em Long Beach

NICK LAHAM/GETTY IMAGES

Castroneves é o líder

Os pilotos da Fórmula Indy já desembarcaram em Long Beach, local onde ocorrerá a terceira etapa da temporada. A liderança da competição é do brasileiro Hélio Castroneves, da Penske. A largada, no domingo, está marcada para às 17h. O novato na categoria, Rubens Barrichello, quer se destacar na corrida, que é considerada uma das mais charmosas da Indy. “Estou me adaptando bem ao carro. Quero fazer uma boa corrida, pontuar e, quem sabe, me aproximar dos primeiros na competição”, afirma. METRO BH

Em nenhum outro lugar do planeta brotam tantos craques como na Vila Belmiro. Berço do maior ídolo de todos os tempos e dono dos mais importantes títulos, desde o início o Santos encanta os apaixonados pelo futebol ao redor do mundo – até mesmo os rivais – com os astros que surgem na Baixada. A um dia de completar cem anos de existência, o Peixe também pode se orgulhar da marca que sempre acompanhou os grandes times que vestiram o manto do clube: do futebol arte, bem jogado, do tão cantado futebol moleque. E essa ligação entre a juventude e o talento sempre foi vinculada ao DNA ofensivo presente na história alvinegra. Uma tradição de ter uma linha de frente temida, mesmo sem muitos títulos nos anos que sucederam sua fundação, em 1912. Contando com nomes como os de Ary e Araken Patusca, Arnaldo Silveira, Feitiço e Antoninho, o Santos – mesmo antes da era Pelé e seus títulos incontáveis – já tinha a vocação para o

gol. O que dizer do ofensivo de 1927, conhecido como o ‘Ataque dos cem gols’? Foram cem em 16 jogos, média de 6,25 por partida. Inimaginável. O sucesso se repetiu no início dos anos 2000, quando o Santos amargava um jejum de títulos desde o Paulista de 1984. Promovido por Zito, Robinho encontrou no meia Diego seu parceiro ideal, levou o Brasileiro de 2002 e fez o orgulho alvinegro renascer. O Peixe aumentou o trabalho na base e, anos depois, mostrou ao mundo Ganso e Neymar.

Orgulho alvinegro A tradição do futebol-arte foi construída por incontáveis craques que vestiram a camisa do Santos. Aqui, 4 representantes desta escola. 1 - Pelé 2 - Juari 3 - Araken Patuska 4 - Neymar

Adversário do time celeste sai hoje A Superliga masculina de vôlei vive seus momentos decisivos. Hoje, às 21h, o Vôlei Futuro e RJX decidem quem enfrentará o Cruzeiro na final dos homens. Quem vencer hoje, enfrentará a Raposa na grande final da competição nacional do vôlei.

A decisão, em partida única, será na cidade de São Bernardo no próximo dia 21. Para a partida, a torcida celeste promete lotar o ginásio e empurrar o time de Belo Horizonte rumo ao título inédito para o clube. METRO BH


BELO HORIZONTE - SEXTA-FEIRA, 13 DE ABRIL DE 2012



20120413_br_metrobh