Issuu on Google+

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, garantia de manejo florestal responsável.

ADRIANO ISHIBASHI/FUTURA PRESS

‘Passinho do menor da favela’

METALLICA FINALMENTE LEVA SOM DE PESO AO ROCK IN RIO

Diego Telácio, 16 anos, do Chapéu Mangueira, foi um dos 24 finalistas da Batalha do Passinho {pág 02}

{pág 08}

RIO DE JANEIRO Terça-feira,

27 de setembro de 2011

Edição nº 243, ano 1 Mín 13°C Máx 29°C

Poluição do ar no Rio já supera SP e até NY Relatório da Organização Mundial de Saúde diz que poluição atmosférica na área metropolitana já é o triplo do aceitável, pior que Cubatão Avaliação foi feita em 1,1 mil cidades, em 91 países Brasil ocupa 44a posição {pág 02}

‘Cow Parade’ invade as ruas

Está caro e vai piorar

Serviços pesam mais no bolso Preços de estacionamento, manicure e pet shops subiram acima da inflação Previsão de alta é ainda maior {pág 05}

Dupla sensação

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Destaques do Brasileiro, Diego Souza e Borges treinam na Seleção para enfrentar a Argentina {pág 14}

Bancários entram em greve hoje A artista plástica Angela Vairão termina a vaca “Submarina”, no Cais do Porto: “Cow Parade” chega às ruas em 2 de novembro {pág 04} MACARENA LOBOS/ METRO RIO

Funcionários querem reajuste de 12,8%: bancos oferecem 8% {pág 06}


rio

02

1 foco

Projeto dá emprego para ex-detentos O AfroReggae e o governador Sérgio Cabral assinaram ontem uma parceria para um programa de empregabilidade. O projeto, que já existe e é conduzido pelo grupo, é exclusivamente voltado a ex-presidiários. O objetivo é reintegrá-los à sociedade. O governo do Estado ainda prevê a criação de cursos de capacitação para os presos libertos que facilitaria a inclusão e a manutenção dessa população no mercado de trabalho. METRO RIO

Mais frescões para o Rock in Rio

50

mil pessoas foram transportadas por dia pelas linhas circulares e especiais nos três primeiros dias do Rock in Rio. Até amanhã, estão à venda na Fundição Progresso, a partir das 9h, novos cartões RioCard Rock in Rio para o serviço especial Primeira Classe. Nenhum outro cartão será aceito no serviço, que levará o público diretamente à Cidade do Rock, sem paradas, nos quatro dias de shows restantes (veja na pág. 08 como foi o fim de semana do festival).

www.metropoint.com TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

OMS: ar da região metropolitana do Rio é mais poluído que o de São Paulo

ALESSANDRO BUZAS/ FUTURA PRESS - 20/09/2011

O trânsito intenso contribui para piorar o ar do Rio

Relatório da Organização Mundial de Saúde aponta que a cidade mais poluída do mundo é Ahwaz, no Irã Decreto estadual estabelece novas metas de redução de gases de efeito estufa A OMS (Organização Mundial de Saúde) divulgou ontem um relatório que aborda a contaminação do ar nas principais cidades do mundo. O estudo aponta que o nível de poluição atmosférica da região metropolitana do Rio de Janeiro é quase duas vezes maior do que o da região metropolitana de São Paulo. A poluição no Rio ainda supera grandes cidades como Nova York, Londres e Paris. O relatório usou da-

dos atmosféricos entre 2003 e 2010 coletados em 1,1 mil regiões de 91 países, aferidos por órgãos de governo responsáveis pela medição do ar. O ar do Rio concentra 64 microgramas de material particulado por metro cúbico – a medição de São Paulo apresentou 38 microgramas por metro cúbico. O limite estipulado pela OMS é de 20 microgramas por metro cúbico. No ranking, a cidade

‘Passinho’ vira febre na rede Na Hollywood dos anos 1950, Gene Kelly dançou sob chuva torrencial. Na Rússia dos anos 1970, Mikhail Baryshnikov bailou sob o som da orquestra do teatro Mariinsky. No Rio de Janeiro dos anos 2000, quem está na vanguarda da dança são meninos de até 25 anos de várias comunidades cariocas. Eles são os responsáveis pela criação do “Passinho do Menor da Favela”, uma mistura de dança de funk, hip hop, frevo e até samba, que virou tema da Batalha do Passinho, concurso que contou com 150 participantes de várias favelas da cidade e jurados como a jornalista e pesquisadora Ivana Bentes e o escritor Marcus Faustini. A última etapa foi realizada no Sesc Tijuca, no domingo, para coroar o rei do passinho carioca. O vencedor do torneio tem nome de majestade (do pop): Jackson Carvalho, 18 anos, é morador de Jacarepaguá e não desconfia das razões que o levaram à vitória: “Não acreditava

que ia ganhar. Outros garotos eram melhores. Acho que me escolheram porque dancei com garra”, diz. No entanto, o passinho não teria virado mania se não fosse a internet. “No YouTube, os vídeos dos meninos dançando rodaram a cidade. Eles se viam nos vídeos e procuravam repetir e superar os passos uns dos outros”, conta o escritor Júlio Ludemir, um dos organizadores do concurso, que conheceu o passinho há três anos em Nova Iguaçu e logo se apaixonou. “A vanguarda cultural brasileira pode estar no passinho”, arrisca. O cineasta Emílio Domingos também se encantou com os movimentos da garotada e filmou todas as eliminatórias até a final. O registro vai virar o documentário em curta-metragem “Batalha do Passinho – Os ‘muleque’ são ‘sinistro’”, com previsão de lançamento para novembro. “Vou mostrar como o passinho se tornou fenômeno”, contou Emílio. METRO RIO

mais poluída é Ahwaz, no Irã. De acordo com o relatório, o índice de contaminação do ar é de 372 microgramas por metro cúbico. Decreto ecológico O governador Sérgio Cabral assinou ontem o Decreto do Clima, que estabelece as metas de redução, por setor econômico, das emissões de gases estufa e a meta geral de redução estadual para 2030. Ele também assinou outro decreto

estabelecendo uma política de apoio à produção de equipamentos utilizados na geração de energias solar (por células fotovoltaicas) e eólica. O Decreto do Clima especifica as adaptações necessárias para diminuir os impactos resultantes das alterações climáticas no território fluminense, apontando medidas que contribuam para a redução da concentração de gases de efeito estufa na atmosfera. ADRIANO ISHIBASHI/FUTURA PRESS

Passinho mistura funk, frevo, hip hop e samba DIVULGAÇÃO / KEY TETRA

Jackson Carvalho, 18 (agachado), bateu Cristian Alves, 9

Com a regulamentação, são estabelecidas as metas de redução e apontadas as fontes de recursos financeiros para a implementação das ações propostas. “Esses dois decretos vão permitir a instalação de indústrias do setor de energia solar e eólica, tão importantes nesse momento em que o Rio vive um boom extraordinário”, avaliou o governador Sérgio Cabral. METRO RIO

Estado vai emitir carteira de estudante A Alerj (Assembleia Legislativa do Rio) aprovou ontem o documento que muda a forma de concessão das carteiras de estudante do Estado, passando a responsabilidade da emissão para a Secretaria de Estado de Educação. A medida foi sugerida à Comissão Parlamentar de Inquérito da casa que investiga os casos de falsificação do documento no Rio. O relatório final ainda passará por votação em plenário. Se aprovado, será enviado ao Ministério Público, à Delegacia de Defraudações, à Câmara dos Deputados, ao Ministério da Educação e às secretarias de Estado de Cultura, Educação e Esporte e Lazer. Para o relator da CPI, deputado Gustavo Tutuca (PSB), o primeiro passo na contenção das emissões de documentos falsos é a chancela do poder público. METRO RIO


rio

www.metropoint.com

03

TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

‘Tolerância zero para erros com pacientes’, diz Côrtes Secretário estadual de Saúde instala gabinete de crise no Hospital de Saracuruna, em Duque de Caxias, após três casos de mau atendimento Meta é esclarecer os fatos Imagens da unidade serão analisadas pela perícia Três recentes casos de mau atendimento a pacientes no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, Duque de Caxias, acenderam o sinal de alerta e o governo resolveu tomar providências. Ontem, o secretário estadual de Saúde, Sérgio Côrtes, instalou um gabinete de crise na unidade. A meta é fazer uma avaliação completa de tudo o que aconteceu. “Queremos o máximo de transparência nas investigações. O meu objetivo não é só punir os profissionais envolvidos, mas assegurar que os erros no processo de trabalho sejam solucionados e não voltem a acontecer. A minha tolerância a erros no

profissionais terá 17 a equipe do gabinete de crise, que, durante 30 dias, analisará documentos e prontuários do hospital. atendimento de pacientes é zero”, afirmou Côrtes. O anúncio foi feito após o terceiro caso de mau atendimento vir à tona. No domingo, a filha de Calistrato Martins do Vale, 88 anos, disse que seu pai ficou aguardando uma maca por mais de 15 minutos dentro do carro e que ele teria morrido à espera de socorro. Na sexta-feira, Rosa Maria Celestino, 60 anos, foi encontrada viva no necrotério da unidade pela família, após ter sido dada como

morta. E, no dia 21, um jovem ferido peregrinou por cinco hospitais, tendo passado pelo de Saracuruna em busca de atendimento. O secretário de Saúde também determinou que os vídeos do circuito interno de TV do hospital sejam enviados para análise pericial do Instituto de Criminalística Carlos Éboli. Ele afirmou que assistiu às imagens da emergência no momento em que o carro chegou trazendo o idoso e que, pelo vídeo, o enfermeiro levou só dois minutos para sair para atendê-lo. O secretário espera que a polícia possa, durante as investigações, determinar se o idoso de fato chegou vivo ao hospital. METRO RIO

Lamentou

CARLOS MAGNO/DIVULGAÇÃO

“Dói muito o coração, porque foi a primeira UPA a ser aberta por mim, em maio de 2007.”

UPA da Maré é fechada A Secretaria Estadual de Saúde fechou, por tempo indeterminado, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Maré, após pedido do comando da Polícia Militar, “por conta das operações realizadas no complexo nas últimas semanas”. A medida, segundo a secretaria, “tem por objetivo preservar a população local e a equipe de profissionais da saúde

que atua na unidade”. A secretaria informou também que a população está sendo orientada a procurar o Hospital Geral de Bonsucesso, a UPA da Penha e a UPA da Ilha do Governador. O governador Sérgio Cabral comentou o fechamento da UPA: “Eu lamento, mas chegará o momento em que a Maré estará pacificada e que esse tipo de situação tensa não acontecerá mais, apesar do grande esforço dos profissionais que lá trabalham. Em 365 dias do ano, pelo menos 99% ela fica aberta 24 horas”. METRO RIO

SÉRGIO CABRAL, GOVERNADOR

FOTOS: JADSON MARQUES/FOLHAPRESS

Operação do Bope prende três suspeitos de tráfico

Ação feita após tiroteio

Policiais tiveram apoio de helicóptero e veículos blindados

Retrato falado de ladrão de albergue é divulgado Policiais da Delegacia Especial de Apoio ao Turismo (Deat) divulgaram, ontem, o retrato falado de um dos suspeitos de participar do assalto a um albergue no Leme, o Arco Verde Hostel, na manhã de domingo. Um outro suspeito, segundo a Polícia Civil, já foi identificado. A prisão dele já foi

decretada, mas, segundo os agentes, o nome do suspeito ainda não será divulgado. Cinco homens, armados com pistolas, chegaram em um Peugeot preto ao albergue, por volta das 7h. Renderam os hóspedes e levaram dinheiro, objetos pessoais das vítimas e computadores do local. METRO RIO

Após tiroteio no domingo, policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) fizeram uma operação nas favelas de Antares e Rola, em Santa Cruz, zona oeste, ontem, e prenderam três suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas. Um menor foi detido. O objetivo da operação, segundo o Bope, era reprimir o tráfico de drogas e prender traficantes suspeitos de tentar invadir a localidade conhecida como Pedrinhas, que fica próxima

às comunidades. Na ação também foram apreendidos um radiotransmissor, duas pistolas, além de cocaína e crack – quantidade ainda não contabilizada. Os policiais foram recebidos a tiros no início da operação. Houve confronto, mas ninguém ficou ferido. Dois veículos blindados e um helicóptero também foram usados na ação. No domingo, três suspeitos de tráfico foram baleados ao trocar tiros com policiais militares do 27º BPM

(Santa Cruz) durante operação na localidade. Segundo o comandante do batalhão, tenente-coronel Álvaro Moura, dois suspeitos morreram e um permanece internado no Hospital Rocha Faria, em Campo Grande. O comandante disse que essa ação foi feita para checar denúncias sobre uma suposta invasão de traficantes na localidade Pedrinhas. Com os suspeitos foram apreendidos uma granada, uma pistola, uma submetralhadora e drogas. METRO RIO

Polícia procura homem Água jorra que espancou enteado em rua da A polícia do Rio está à procura de Jorge Luiz de Oliveira, suspeito de espancar o enteado de 5 anos. O Ministério Público denunciou o padrasto por tortura. Ele já teve a prisão preventiva decretada, mas está foragido. O padrasto é acusado de submeter o enteado a intenso sofrimento físico e men-

tal. A mãe já tinha encontrado o filho com olhos roxos e marcas pelo corpo, mas o padrasto alegava que ele tinha se ferido ao cair. Segundo o laudo do IML, a criança tinha sinais de espancamento, traumatismo craniano, marcas de enforcamento e problemas na visão. METRO RIO

zona sul

O estouro de uma tubulação da Cedae provocou um enorme chafariz na rua Jardim Botânico, próximo à esquina com a rua Pacheco Leão, ontem. A previsão era de que o conserto ficasse pronto ainda na noite de ontem. METRO RIO


rio

04

www.metropoint.com

TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

A escultura “A Clockwork Cowrange”, da artista Juliana de Andrade Pitta, foi inspirada no filme “Laranja Mecânica”

‘Cow Parade’ volta

Cores marcam as vacas que vão estar na cidade

a colorir o Rio

Festival traz cerca de 80 esculturas para ruas, metrôs e parques da cidade No fim da exposição, vacas vão a leilão, e renda é revertida a instituições Adiada para o dia 2 de novembro, a exposição “Cow Parade” volta ao Rio, em sua segunda edição, trazendo cores às ruas e com uma novidade: as vacas vão invadir comunidades pacificadas. Cerca de 80 vacas de fibra de vidro, confeccionadas por artistas, ficarão expostas em ruas, parques e estações de metrô até 20 de dezembro. Até agora, seis comunidades estão confirmadas para receber as esculturas: Complexo do Alemão, Cidade de Deus, Santa Marta, Borel, Jardim Batam (Bangu) e Rocinha, que, embora ainda não tenha recebido uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora), vai ganhar uma

das vaquinhas. A artista plástica Juliana de Andrade Pitta buscou inspiração na telona e usou o filme “Laranja Mecânica” para colorir sua escultura de laranja. “O filme é bem gráfico e a cor laranja deixa a ideia clara”, explica Juliana. A artista aponta onde gostaria de ver sua escultura: “queria que ela ficasse na orla por causa do sol. O efeito chama a atenção”. E a festa não termina quando as vacas saem das ruas. Já no dia 21 de dezembro ocorre um leilão para a venda das esculturas. A renda é revertida para instituições de caridade. Algumas peças são escolhidas para fi-

“Minha vaca é como se fosse uma paródia do filme ‘Laranja Mecânica’. A cor laranja vai chamar atenção no sol.” JULIANA DE ANDRADE PITTA, ARTISTA DE “A CLOCKWORK COWRANGE”

car no local onde foram expostas, como ocorreu com a que foi patrocinada por uma empresa de telefonia, na 1ª edição do festival, em 2007. Até hoje, a vaca colore a esquina das ruas Garcia D’Ávila e Visconde de Pirajá, em Ipanema. Para Ester Krivkin, sóciadiretora da empresa organizadora da “Cow Parade”, a TopTrends, o evento promete alegrar ainda mais o Rio. “A 2ª edição, em São Paulo, foi muito bem recebida. As vacas retratam o momento das cidades”, acredita. Já para o produtor da “Cow Parade”, Denis Salama, que acompanha a criação num dos armazéns do Cais do Porto, os cariocas verão temas brasileiros nas ruas: “As versões estão criativas, coloridas e ricas de brasilidade. O Brasil está bem representado”. METRO RIO

Uma das escolhidas da edição de 2007, patrocinada por uma empresa de telefonia, enfeita esquina em Ipanema FOTOS MACARENA LOBOS/ METRO RIO


economia

www.metropoint.com TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

Preços de serviços sobem mais que inflação Manicure, pet shop e estacionamento registram mais de 10% de aumento A inflação dos serviços não dão trégua ao bolso do consumidor e continua a subir acima da variação geral de preços. Nos últimos doze meses, o reajuste, em geral, chegou a 8,90%, enquanto a inflação do período ficou em 7,37%. Muitos serviços acumulam altas superiores a 10% em um ano. Entre eles estão empregado doméstico, com aumentos de 12,25%, barbeiro (10,75%), manicure (10,74%) e depilação (11,43%), segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O consumidor também está pagando bem mais caro, por exemplo, por um curso de idiomas (10,43%) e pela autoescola (14,90%). De agosto para setembro, as maiores altas foram

Mercado já prevê IPCA acima da meta

Lojas de pet shop elevaram preços em 11,42% SHANNON FAGAN/IMAGE SOURCE

registradas por casas noturnas (1,77%), costureira (1,71%), pet shop (1,50%) e estacionamento de carro (1%). Em um ano, só os pet shops e o estacionamento ficaram, respectivamente, 11,42% e 13,52% mais caros. “A pressão deve continuar, mesmo com a desaceleração da economia internacional. O mercado de traba-

lho deve ser o último a ser atingido. Também temos aumentos salariais até o final do ano e o reajuste de 14% no salário mínimo em 2012”, diz a economistachefe da Link Investimentos, Marianna Costa. ANA.SAITO

@METROJORNAL.COM.BR

O mercado financeiro elevou a projeção para a inflação em 2011 e em 2012, segundo o Boletim Focus, divulgado ontem pelo BC (Banco Central). A expectativa para a inflação oficial, medida pela IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) neste ano subiu de 6,46% para 6,52%, acima do teto da meta. O centro da meta de inflação para o ano é de 4,50%, com margem de tolerância de dois pontos porcentuais para cima ou para baixo. A projeção para a inflação em 2012 foi elevada de 5,50% para 5,52%. METRO

05

Governo pode elevar teto de FGTS para a compra de imóvel Os bancos negociam com o governo federal a ampliação do uso do saldo do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) na compra da casa própria. O dinheiro do fundo só pode ser utilizado na compra de imóveis de até R$ 500 mil, conforme publicado no jornal “Folha de S. Paulo”. O valor está conge-

lado desde março de 2009, antes do boom imobiliário. O objetivo é aumentar para R$ 750 mil. O pleito foi feito ao Banco Central, que, se concordar, pode levar a proposta ao CMN (Conselho Monetário Nacional), composto também pelos ministérios da Fazenda e do Planejamento. METRO

Computador é Carrefour fecha unidades no o eletrônico mais desejado interior de SP O computador é o eletroeletrônico mais desejado pelos brasileiros. Segundo pesquisa da Intel, 47% dos entrevistados disseram que sua próxima compra será um desktop, notebook ou netbook. Na segunda posição está a TV LCD (16%). METRO

O Carrefour fechou oito lojas em quatro cidades da região de Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Foram desativadas em Ribeirão, Jaboticabal, Monte Alto e Matão. A empresa diz em nota que a medida é de "reestruturação de suas operações”. METRO


brasil

06

Ministra quer novo imposto para saúde O governo não desistiu da criação de um imposto para arrecadar fundos para a saúde. Em entrevista ao jornal “Estado de S.Paulo”, a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, afirmou que a discussão sobre a criação da taxa não acabou e que não será possível melhorar a saúde no país sem a criação de novas formas de arrecadação. A declaração da ministra foi dada cinco dias depois de a Câmara aprovar a Emenda 29, que define regras para os gastos do governo federal, Estados e municípios com saúde. Ontem, o presidente da Câmara, Marco Maia (PTRS), descartou a criação de um imposto neste ano ou no próximo. METRO

www.metropoint.com TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

Turismo suspende verba de treinamento para Copa VALTER CAMPANATO/ABR0

O ministro do Turismo, Gastão Vieira

Decisão de ministro ocorreu após TCU anunciar investigações Onze contratos estão sob suspeita O Ministério do Turismo suspendeu ontem o repasse de verbas para programas de treinamento de profissionais em parcerias firmadas entre o governo e fundações e organizações não governamentais em todo o país. A maior parte dos acordos suspensos estão ligados ao programa Bem Receber Copa. A medida, publicada ontem no “Diário Oficial”, foi tomada pelo ministro Gastão Vieira, após o TCU (Tribunal de Contas da União) anunciar que vai investigar os 11 contratos feitos pelo

R$ 440 milhões é o orçamento previsto pelo governo na qualificação de profissionais para o evento de 2014. ministério para treinamento de profissionais que trabalharão nos eventos da Copa de 2014. Ao todo, o governo planeja gastar R$ 440 milhões na qualificação de 306 mil pessoas que atuarão nos estádios, aeroportos e no setor

de serviços. Em uma análise preliminar de convênios avaliados em R$ 77 milhões, dos quais R$ 44 milhões já foram repassados, foram apontados vários indícios de irregularidades. Um dos casos que chamaram a atenção do TCU foi um treinamento para motoristas temporários. Com custo de R$ 2 milhões, deveria ter acabado em 2009, porém foi prorrogado até este ano e, mesmo com todo o dinheiro investido, ainda não foi concluído e não há uma avaliação do desempenho dos participantes. METRO

Lei antiterrorismo é defendida Bancários entram em greve Especialistas reunidos ontem em um congresso sobre terrorismo e lavagem de dinheiro afirmaram que o país precisa de uma lei específica sobre o tema, para evitar o financiamento do terrorismo. A criação da norma foi defendida pelo procurador da República,

José Robalinho Cavalcanti, um dos palestrantes no evento organizado pela Febraban (Federação Brasileira de Bancos). Ele ressaltou que a Lei de Segurança Nacional, de 1983, trata do terrorismo, mas o recurso é insuficiente para combater o crime. Por isso, avalia

Coluna

CONVERSA COM A PRESIDENTA ENVIE SUAS PERGUNTAS À PRESIDENTA PARA O E-MAIL CARTAS@METROJORNAL.COM.BR

Roberto Francisco de Assis, 21 anos, pedreiro em Petrópolis (RJ) – Podemos esperar a construção de mais Unidades Básicas de Saúde? Presidenta Dilma – Sim, Roberto, já estamos liberando recursos para construir 2.122 novas Unidades Básicas de Saúde (UBS) nas regiões prioritárias do Brasil Sem Miséria. Os recursos são do PAC 2 e chegam a R$ 565 milhões. Do total de novas unidades, 160 serão construídas no Estado do Rio de Janeiro. Só na Região Serrana do

Estado, onde está situada a sua cidade, Petrópolis, serão 16 novas UBS. Isso porque uma das prioridades do meu governo é justamente ampliar e aprimorar a atenção básica, capaz de resolver 80% dos problemas de saúde, o que contribui para desafogar os hospitais. Atualmente, existem 38 mil UBS em funcionamento no país. Nelas, os usuários do SUS realizam consultas médicas, curativos, vacinas, exames laboratoriais, tratamento odontológico, são encaminhados para especialidades e recebem

o procurador, a lei deveria ser escrita logo, antes da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016. Criar a regra, porém, não basta. Segundo Cavalcanti, é preciso reforçar a inteligência policial para impedir a formação de grupos terroristas. METRO

Bancários de todo o país iniciam paralisação hoje. A greve foi articulada ontem por sindicatos da categoria nos Estados. Não há data para a retomada das atividades. A Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) ofereceu na sexta-feira reajuste de 8%. A proposta não satis-

fez os bancários, que exigem aumento de 12,8%. Eles cobram participação nos lucros e resultados de três salários, mais R$ 4.500 e piso salarial de R$ 2.297,51. Em nota, a federação disse considerar “condenável” a atitude dos bancários de prejudicar o atendimento

dos clientes e que a paralisação é “fora de propósito”. A Fenaban diz que a greve não afetará todas as agências. A entidade orienta os clientes a procurar caixas eletrônicos e serviços on-line. Não haverá mudança no vencimento de boletos. METRO

medicação básica. Além de construir novas UBS, nós decidimos investir R$ 1,13 bilhão, até 2014, para a reforma e ampliação de unidades em todos os Estados da Federação e no Distrito Federal. Municípios localizados em regiões de extrema pobreza, ou com baixo nível de renda por pessoa, terão prioridade. As prefeituras que pretendem reformar unidades devem acessar a página do Ministério da Saúde: www.dab.saude.gov.br.

até elas, vamos desenvolver a Busca Ativa: equipes de profissionais vão localizar e incluir essas pessoas no Cadastro Único, para que possamos apoiá-las por meio do Bolsa Família, do Benefício de Prestação Continuada e inseri-las no mercado de trabalho. Além disso, desde 2007, em parceria com os municípios, nós implantamos 73 centros de referência e outros 28 estão em fase de implantação. A meta é chegar a 250 centros. Esses espaços funcionam ligados aos serviços de acolhimento. Com isso, o caminho está traçado, para garantir a essas pessoas dignidade e cidadania. Em 2009, nós lançamos a Política Nacional para População em Situação de Rua. O objetivo é assegurar amplo acesso a serviços de saúde, educação, previdência, assistência social, moradia, segurança, cultura, esportes, lazer, trabalho e renda, entre outros. No ano que vem, o governo federal fa-

rá uma pesquisa para reunir mais informações sobre essas pessoas.

Barra, o programa prevê o atendimento de 40 comunidades. Só este ano vamos construir 367 mil cisternas voltadas para o consumo humano e, até 2014, serão 750 mil cisternas e 6 mil sistemas simplificados de abastecimento. Mas é preciso pensar também na água para a produção agrícola e pecuária – para isso, vamos implantar 3 mil barragens de água pluvial, 20 mil pequenos sistemas de irrigação e 150 mil cisternas de produção. Temos várias outras ações, como a Integração do rio São Francisco com as Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional, também chamada de Transposição do São Francisco, a construção de açudes, adutoras, canais de irrigação e sistemas de abastecimento de água nas cidades. Com todas essas iniciativas vamos minorar os efeitos da seca, garantindo água para beber e todas as condições para o desenvolvimento da produção rural.

Mônica Batista Ferreira, 44 anos, pedagoga em São Paulo (SP) – Quais são os planos e projetos sociais para tirar as pessoas que moram nas ruas? Presidenta Dilma – Mônica, lançamos o Plano Brasil sem Miséria para atender aos 16 milhões de brasileiros que ainda vivem hoje na extrema pobreza no país. As pessoas que vivem nas ruas estão incluídas nesse número. Para chegar

Gustavo Silveira Ferreira, 62 anos, professor em Barra (BA) – Presidenta, peço pelo amor de Deus que olhe por nós. Moramos nas margens do São Francisco e o povo da zona rural não tem água para beber. Presidenta Dilma – Nós sabemos como é dramática a situação da sua família e de todas que não contam com água potável. Por isso, Gustavo, nós lançamos há dois meses o programa Água para Todos. O objetivo é garantir que o direito sagrado de acesso à água seja estendido às famílias que vivem no semiárido nordestino e que têm problemas crônicos de abastecimento. Em relação às comunidades ribeirinhas do São Francisco, planejamos atuar em 106 municípios e atender 500 mil pessoas do meio rural. No seu município,


mundo

07

www.metropoint.com TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

BAZ RATNER/REUTERS

Europa tenta impedir caos pelo fim do euro União Europeia prepara plano de resgate à moeda Em caso de fracasso, economia mundial vai sofrer consequências, dizem especialistas ao Metro O comissário para Assuntos Econômicos e Monetários da UE (União Europeia), Olli Rehn, admitiu à edição eletrônica do jornal alemão “Die Welt” que o bloco estuda a criação de um novo pacote de ajuda financeira para salvar o euro. Se a medida falhar, uma crise sem precedentes pode ter início. “A crise atual é muito séria, mas um colapso do euro seria ainda pior”, explica Matthias Matthijs, professor de Políticas Econômicas na Universidade de Washington. “Os únicos países que ainda adotariam a moeda seriam os de economia mais forte: Alemanha, Países Baixos, Áustria, Luxemburgo e Finlândia. Isso

iria fortalecer a moeda, mas traria problemas, porque os bancos dos países excluídos iriam comprar muitas reservas em euros e depositá-las em bancos alemães ou austríacos.” Um dos primeiros a serem convidados a deixar a Eurozona seria a Grécia. “A integração europeia sempre foi um projeto elitista”, diz James Wickham, diretor da Escola de Ciências Sociais da Trinity College, em Dublin. “Do jeito que os políticos franceses e os banqueiros alemães falam, há um sentimento de desunião muito forte”, avalia. ELISABET BRAW METRO WORLD NEWS EM LONDRES

Como é hoje

O euro foi introduzido como moeda em 2002. Ele substituiu o dinheiro nacional que era utilizado nos países da Eurozona Formação 17 dos 27 membros da

União Europeia (Alemanha, Áustria, Bélgica, Chipre, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Malta, Países Baixos e Portugal) pertencem à Eurozona Por que alguns não aderem Todos os membros da UE devem adotar o euro, mas três países (Dinamarca, Suécia e Reino Unido) mantiveram suas moedas. Outros sete membros vão passar a utilizar o euro quando atingirem os requisitos econômicos Grécia Em 2004 a Grécia admitiu ter falsificado os seus números para ser aceita como membro da Eurozona

Visitante observa manuscritos no Museu de Israel

Manuscritos do Mar Morto estão na web Um projeto conjunto entre o Google e o Museu de Israel digitalizou os manuscritos do Mar Morto, testemunho mais antigo dos costumes e práticas da região há 2 mil anos. O museu divulgou na internet cinco dos seus oito manuscritos escritos em hebraico e aramaico, em um “casamento perfeito” entre tecnologia e história, disse o diretor da instituição, James Snyder. Os documentos podem ser vistos

no site: http://dss.collections.imj.org.il/. Por enquanto, o Google só traduziu o manuscrito principal, atribuído a Isaias, para o inglês, mas está prevista também a divulgação em outros idiomas. Os pergaminhos foram descobertos por acaso em 1947 em cavernas do sítio arqueológico de Qumran. Os textos contêm fragmentos de livros do Velho Testamento, além de escrituras de seitas. METRO


cultura

08

2

www.metropoint.com TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

Paz e metal

cultura Na grama do rock Sem palhaçada: o nu metal do grupo americano Slipknot agradou à plateia na noite de domingo DIVULGAÇÃO

Rock pesado foi o maior destaque do primeiro fim de semana de shows do Rock in Rio 2011 Mas o Palco Sunset surpreendeu ao cativar o público

1

2

MACARENA LOBOS/ METRO RIO

Guto Goffi, do Barão Vermelho (que tocou no Rock in Rio de 85), reuniu amigos para um show sexta-feira na Rock Street. METRO RIO

2

Lemmy, vocalista do Motörhead, confirmou a fama de lenda do metal no Palco Mundo. METRO RIO

3

versidade da programação conquistou uma plateia decepcionada com boa parte dos artistas “Lado A”. O palco principal, porém, tinha seus trunfos, incluindo as máscaras e

os gritos do Slipknot. Na Cidade do Rock, o público verá ainda cantores e bandas do quilate de Stevie Wonder, System of a Down e o Guns N’ Roses de Axl Rose, o quase cin-

Matanza e B Negão levantaram a massa domingo no Palco Sunset

A grama sintética do festival estava cheia de casais metaleiros no domingo. METRO RIO

Roberta Medina prometeu que a partir de quinta-feira tudo será diferente em questão de organização e segurança no Rock in Rio. Filha do idealizador do evento, ela merece crédito. Mas, está atrasada. Segurança em evento privado cabe aos organizadores. Prefeitura e seus órgãos podem e devem ajudar – com operação Choque de Ordem no entorno e repressão a cambistas. Mas perder carteira e celular – na mão grande dentro da área dos shows – por falta de segurança adequada é inaceitável. O formato da Cidade do Rock contribui para aglomerações desnecessárias. Parece que os engenheiros não levaram em consideração o público de 100 mil por

quentão cuja pálida carreira – à exceção das históricas apresentações na segunda edição do festival, em 1991 – o Rock in Rio costuma resgatar da lama. Seja qual for a condição de sua voz ou dos quilinhos a mais, Axl certamente será acolhido como um bom filho que à casa torna. Se os acordes do clássico “Sweet child o’mine”, do Guns, serão capazes de eclipsar a apoteose provocada pelo Metallica, somente os deuses do rock poderão responder. PAULO.COSTA

MARCOS VELOSO / FUTURA PRESS

Cidade do Rock tem curral, fila e sanduíche congelado

3

1

Se há dois nomes que se destacaram na primeira parte do Rock in Rio (a segunda metade vai da próxima quinta-feira a domingo), esses são Metallica e Palco Sunset. O primeiro é sério candidato a melhor show da quarta edição do festival (veja texto abaixo). O segundo é favorito a roubar a cena do Mundo, palco no qual estão as principais estrelas escaladas pelos organizadores. Enquanto muitos xingavam a banda paulista Gloria, que abriu a noite metaleira do Palco Mundo, domingo, outros vibravam com o Sepultura no Palco Sunset – cuja di-

2011 já tem nas enormes filas sua marca negativa, assim como a lama detonou a Fila de uma hora na versão de roda gigante 1985. Tirolesa, MACARENA LOBOS/ METRO RIO roda gigante dia: o corredor formado en- ou montanha-russa só para tre a roda gigante e os ba- quem chega cedo. E uma dinheiros é um curral, em ca: leve lanche (sem garraque as pessoas se acotove- fas, claro). É até vergonhoso lam para passar. Perfeito pa- para a cadeia de fast-food do evento servir sanduíches rera ladrões de ocasião. A grama sintética funcio- quentados em micro-ondas na, mas a falta de elevação industriais: pagar R$ 13 pado piso em frente ao Palco ra comer hambúrguer conMundo faz com que quem gelado no meio é outra foresteja mais afastado só veja ma de assalto. Mas, na quinseu ídolo pelo telão. E o que ta-feira, tudo será diferente. é o tamanho da cabine de som com toldo?????? ANA.VALE Então, se é para recla@METROJORNAL.COM.BR WWW.METROPOINT.COM mar, vamos lá: o Rock in Rio

@METROJORNAL.COM.BR WWW.METROPOINT.COM

METALLICA

E nada mais importa... Já abandonei o almoço do Dia das Mães para ir ao show do Metallica na Gávea. Já peguei o avião só para ouvir “Master of puppets”, “Ride the lightning” e “For whom the bell tolls” em São Paulo. Enfrentei fila e toquei “air guitar” com Kirk Hammet. Fico arrepiado quando vejo “Ecstasy of gold” (canção de Enio Morricone) despontar no telão, anunciando que os rapazes vão chegar. Ir ao Rock in Rio era um dever. Foi a primeira grande banda anunciada para o mega+hiper+blaster festival. Acho que fui um dos primeiros a comprar o in-

Perdeu? No link http://assets.rockinrio.com.br/pt/live/pdf/ DOC_PERDIDOS.pdf estão listados todos os documentos perdidos na Cidade do Rock. A partir de amanhã, documentos e objetos perdidos poderão ser retirados na sede dos Correios (av. Presidente Vargas, 3.077, Cidade Nova), das 9h às 15h. Tel.: 2503-8611.

1

milhão de acessos teve o site oficial do Rock in Rio (rockinrio.com.br) somente no domingo. gresso – antes ainda de fecharem as escalações. A noite valeu a pena. Não ligo se o James Hetfield fala mais ou menos. Ou se o Lars Ulrich vai fazer caras e bocas – aliás, ele é um baterista monstro. O que eu queria (e, certamente, todos os fãs) era ouvir os caras. Até a arrebatadora “Seek and destroy”, que fechou o show, foi uma sequência de tirar o fôlego. JULIO.CALMON @METROJORNAL.COM.BR WWW.METROPOINT.COM

Valeu, James

DOUGLAS SHINEIDR / FUTURA PRESS


10

cultura

www.metropoint.com TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

Meia-calça veste o rock

FOTOS MACARENA LOBOS/METRO RIO

Short

Estilo O jeito rock se manifestou no look feminino de short com meia-calça. Nesse caso, ela optou por uma cor forte.

Sandálias

Short, botas e meia fina foram a aposta para os primeiros dias de shows A primavera deu o ar da graça no calendário, mas não subiu as temperaturas na Cidade do Rock, onde acontece a 4ª edição do Rock in Rio. Os primeiros dias do festival foram de tempo nublado e com ameaça de chuva. Como o local é descampado, o vento é forte e frio, ainda devido à baixa temperatura. Como se aquecer sem sair da moda? O público feminino apostou na combinação de short e bermudas com meia-calça ou legging. Co-

mo agora as meias finas estão variadas e criativas, dá para combinar rendas, texturas e colorido na sobreposição. E ainda é possível enriquecer o look com lenços e cachecol. Melhor ainda é que o look fica excelente com tênis e botas, os calçados mais indicados para quem vai passar muito tempo em pé e não quer molhar os pés na chuva. Para ficar ainda mais à vontade, nada melhor que uma bolsa lateral ou cartucheira. METRO RIO

Conforto De olho no bem-estar, mas sem deixar de se aquecer, mãe e filho usaram sandálias rasteiras de plástico e fechadas com meias para o festival

Legging Canela de fora Também apostando na sobreposição com short, neste look a opção foi pela legging e tênis de cano médio

Meia-calça Rendada Como rendas estão em alta e o clima foi frio, a combinação uniu a meia-calça de textura com botas

Botinha Básico As botas de cano médio são confortáveis, aquecem e protegem os pés da chuva. E ficam ótimas com meia-calça

Casacão Para aquecer Na cidade do rock venta bastante e, para curtir os shows até a madrugada, uma boa opção é o moletom


cultura

www.metropoint.com

11

TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

CCBB revela a conexão entre cinema e rock

DIVULGAÇÃO

Mostra gratuita exibe a partir de hoje raridades da cinematografia nacional Gênero embalou sucessos e filmes brasileiros obscuros DIVULGAÇÃO

Em uma cena do praticamente desconhecido longa-metragem “Minha Sogra é da Polícia”, dirigido por Aluizio T. de Carvalho em 1958, Roberto Carlos e Erasmo, ambos com 17 anos, aparecem na banda de apoio de Cauby Peixoto na música “Let’s Rock”. Este é apenas um dos tesouros recuperados pela mostra “O cinema rock‘n’roll – filmes brasileiros da jovem guarda aos dias de hoje”,

que começa hoje no Centro Cultural Banco do Brasil. A mostra registra as transformações sofridas pelo rock‘n’roll ao longo de seis décadas e como elas foram refletidas pelos cineastas brasileiros. Entre outros filmes selecionados, estão “Bete Balanço” (1984) – cujo tema principal foi encomendado ao Barão Vermelho –, “Areias Escaldantes” (1985) e “Durval Discos” (2002).

Rodrigo Alzuguir e Cláudia Ventura em cena do musical

Musical canta obra de Wilson Baptista

METRO RIO

longas-metra19 gens, quatro curtas e videoclipes integram a programação da mostra que começa hoje no CCBB.

No Centro Cultural Banco do Brasil (r. Primeiro de Março, 66, Centro, tel.: 3808-2020). De hoje a 6/10. Entrada gratuita (mediante retirada de senha 30 minutos antes de cada sessão).

Rita Lee, em “As Amorosas” (1968), de Walter Hugo Khouri

Uma única apresentação, hoje, o musical “O Samba Carioca de Wilson Baptista” comemora o sucesso do CD duplo com sucessos compostos por Baptista (1913-1968). Além de atuar, Rodrigo Alzuguir e Cláudia Ventura assinam o roteiro do espetáculo, inspirado em extensa pesquisa sobre a vida e a obra do compositor – considerado “o maior sambista

brasileiro” por Paulinho da Viola. A dupla de atores interpreta marcos do repertório de Baptista, como “Emilia” e “Acertei no milhar”. METRO RIO No Teatro Municipal Carlos Gomes (pça. Tiradentes, s/nº, Centro, tel: 2232-8701) Hoje, às 19h30 Ingresso a R$ 1. Classificação: 12 anos


cultura

12

www.metropoint.com TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

Horóscopo

Os invasores

por Farini

Hoje é terça-feira, um dia regido pelo planeta Marte. É o planeta que nos impulsiona a realizar ações com muito empenho. Aproveite a força da Lua que está começando nesta data e renove seus projetos pessoais. por Tânia Gori

Áries – 21/3 a 20/4 Você pode receber surpresas repentinas e muito agradáveis. Algo que você julgava muito improvável de conseguir pode acabar dando certo.

Libra – 23/9 a 22/10 Você pode se cansar demais nesse período. Evite atitudes muito impulsivas, pois pode acabar provocando brigas e rupturas.

Touro – 21/4 a 20/5 Alguma mudança pode ocorrer, em casa ou no trabalho. A novidade marcará sua vida. Tire melhor proveito das boas oportunidades que vão aparecer.

Escorpião – 23/10 a 21/11 Estará interessado em velocidade. Você vai tentar conquistar sua independência a qualquer preço. Seja sábio e espere o momento certo para agir.

Gêmeos – 21/5 a 20/6 Bom período para cuidar de sua saúde. Controle seu humor. Você estará irritadiço, pouco diplomático e propenso a atitudes drásticas.

Sagitário – 22/11 a 21/12 Estará criativo, mas não saberá colocar essa criatividade em prática. Procure ser menos agitado e mais organizado e produtivo.

Câncer – 21/6 a 22/7 Você acabará criando conflitos que dificilmente serão corrigidos depois. Pode ser levado a mudanças repentinas causadas por uma decepção com alguma pessoa.

Capricórnio – 22/12 a 20/1 É uma época favorável para abandonar vícios como o fumo ou a bebida. Evite ser uma pessoa muito drástica e destrutiva no modo como trata os outros.

Leão – 23/7 a 22/8 Controle sua precipitação e impetuosidade, você pode se prejudicar com isso. Estará muito propenso a tomar atitudes radicais que lhe farão mal mais tarde.

Aquário – 21/1 a 19/2 Não esqueça de ser diplomático sempre que possível. Não conte demais com as coisas, pois algum plano muito esperado pode acabar não dando certo.

Virgem – 23/8 a 22/9 Tente viver bem com sua rotina para ter menos problemas. Você passará por uma época de muita agitação e nervosismo. Para controlar sua saúde, fique calmo.

Peixes – 20/2 a 20/3. Pode passar por um período desagradável, onde vai se deparar com seus fantasmas interiores. Isso vai te fazer crescer como pessoa.

Sudoku

Cruzadas

Tânia Gori é reitora da Universidade Livre Holística Casa de Bruxa. Informações pelo telefone (11) 4994-4327, endereço: rua das Figueiras, 2.146, Sto. André, SP. Atendimentos on-line com a Equipe Tânia Gori pelo site www.taniagori.com.br

Leitor fala

Pergunta

Problemas na Tijuca A Tijuca virou um cemitério de carcaças. Na área do Largo da Segunda-Feira há mais de dez carros abandonados. É um absurdo, além de haver possíveis focos de dengue, ainda servem de moradia. Cadê a UOP da Tijuca? Anderson Barbosa – Rio de Janeiro, RJ

Faixa de pedestres É de boa medida que os órgãos responsáveis providenciem a imediata pintura da faixa de pedestres na rua Cândido Mendes, esquina com rua da Glória. Vale lembrar que a referida rua é uma via de mão dupla de grande fluxo de pedestres, em especial estudantes da Escola Municipal Deodoro. Saulo Dutra de Andrade – Rio de Janeiro, RJ

Para falar com a redação: leitor.rj@metrojornal.com.br

Telefone: 021/2586-9565 (redação) 021/2586-9575 (comercial)

Você acha que o iPad 2 será lançado com preços acessíveis ao consumidor? Brasil x Argentina só com jogadores que atuam nos respectivos países diminui o brilho do Superclássico?Siga o Metro no Twitter: @jornal_metro Siga o Metro no Twitter: @jornal_metro

@marilualves00: Com certeza. A Argentina sem Messi perde toda a sua criatividade. E o Brasil, com Neymar, é franco favorito. @la_misuki9: O Brasil não perde tanto, afinal as principais estrelas permanecem, mas a Argentina fica muito enfraquecida. @ruiclas33: Perde um pouco a graça, mas a rivalidade não se perde nunca. É só o apito soar que a guerra começa.

Participe no Facebook: Participe tambémtambém no Facebook:

Web Web www.facebook.com/metrojornal www.facebook.com/metrojornal O jornal Metro é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. Está presente em 23 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. Distribuído gratuitamente de segunda a sexta na cidade do Rio de Janeiro.

“A tiragem e distribuição desta edição de 100.000 exemplares são auditadas pela BDO.”

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269) Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Metro Rio de Janeiro. Gerente Executivo: Túlio Guimarães. Editora Geral: Ana Lúcia do Vale. (MTB: 18.892) Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editora de Arte: Cláudia Lorena. Grupo Bandeirantes de Comunicação RJ - Diretor Geral: Daruiz Paranhos Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: Rua Álvaro Ramos, 350, 4º andar, Botafogo, CEP 22280-110, Rio de Janeiro, RJ. O jornal Metro Rio é impresso pela News Technology Gráfica e Editora Ltda.


moda Metro entrevista

13

TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

FRANCA SOZZANI GETTY IMAGES

Franca Sozzani, jornalista italiana e editora da Vogue Itália desde 1988

www.metropoint.com

EDIÇÃO CRIATIVA

+

Editora da Vogue Itália correu riscos e inovou o conceito fashion da revista ao publicar edições com modelos negras e ‘plus size’ Ela acredita que o mercado da moda ainda precisa de tempo para aceitar as apostas Franca Sozzani edita a Vogue Itália há 22 anos. O conhecimento e ousadia da fashionista transformou a revista em uma das fontes de informação mais diversificadas das revistas Vogue em todo o mundo. Um dos fatores que aumentou o nível da edição italiana foram os riscos que Franca assumiu, geralmente evitados por poderosos da moda. Ela dedicou uma edição inteira a modelos negras e outra à “plus size” – algo evitado pelas revistas que publicavam apenas fotos de magras. Ao dedicar seu tempo e criatividade, Franca teve participações brilhantes. “Hoje temos tantas revistas e blogs de moda, mas ainda assim as pessoas não conseguem passar a mensagem que desejam. Eu não tenho medo de passar ao leitor o que acredito”, diz a editora.

lheres acima do peso?

Você acha que o mundo da moda está mais aberto para as modelos “plus size”?

No seu blog você diz o que muitas pessoas pensam sobre a moda mas não falam...

Honestamente não, acho que é uma questão que ainda leva tempo. Quando fiz uma edição da Vogue com modelos negras achei que a edição seria mais bem-sucedida. Hoje essas meninas estão em editorias de moda e nas passarelas. O mesmo vai acontecer com as modelos acima do peso.

Manter esse blog é a coisa mais difícil. Todos os dias lembro que preciso postar determinada coisa e nunca sei qual será a aceitação dos leitores. Alguns dias eles gostam, outros brigamos, e às vezes eles nem comentam. Eu escrevo o que sinto.

Por que você lançou dois espaços no site da Vogue: um para negras e outros para mu-

KENYA HUNT

O canal de informação para mulheres acima do peso é um local que oferece de moda a como essas mulheres podem se vestir de forma atraente. Não estamos segmentando a moda, apenas oferecendo mais uma fonte de informação. Assim como existem sites para as mulheres magras e outros próanoréxicas, aqui as “gordinhas” encontram dicas para se sentirem bem com seu corpo da forma que ele é. Ao investir nessas edições, teve medo de não ser aceita?

Claro. Quando você coloca uma menina “plus size” na capa de uma revista ou em um site você não sabe qual será a reação das leitoras. Mas não podemos agradar apenas um grupo de pessoas, é importante abranger todos os públicos.

METRO INTERNACIONAL;

Edição “plus size” da Vogue

“Para mim as imagens são a linguagem das revistas. Por que mesmo quem não fala italiano entende as imagens.” FRANCA SOZZANI, EDITORA DA VOGUE ITÁLIA

Edição de modelos negras da Vogue


esporte

14

www.metropoint.com TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

ALEXANDRE LOUREIRO / FOTOCOM.NET

3

Breves

Ney Franco convoca equipe do Pan GUADALAJARA. O técnico

esporte Clubes

Caio Jr. culpa o cansaço BOTAFOGO. O técnico Caio Júnior acredita que o cansaço e a chance desperdiçada pelo atacante Loco Abreu – quando o Botafogo vencia o São Paulo por 2 a 0, domingo, no Engenhão – foram os vilões do empate em 2 a 2. O Alvinegro, quarto colocado, com 45 pontos, enfrenta o Atlético-GO, domingo, em Goiânia. METRO RIO

Rodada ruim para o Flu RESULTADOS. A 26ª ro-

dada do Brasileiro não foi boa para o Fluminense. O Tricolor empatou em 1 a 1 com o Atlético-PR, sábado, e se manteve na quinta colocação. Mas, com as vitórias de Flamengo e Internacional, e o empate do Palmeiras, o time do técnico Abel Braga (foto) entra pressionado para o confronto contra o Santos, sábado, em Volta Redonda. METRO RIO

Trem-Bala pede passagem no Brasileirão

As 12 estações do Trem-Bala Rumo ao penta, líder Vasco se prepara para as 12 últimas rodadas do Brasileirão Clássico contra o Corinthians, domingo, é encarado como final Faltam 12 estações para o Trem-Bala da Colina chegar ao seu destino final, o quinto título do Campeonato Brasileiro. Líder isolado com 49 pontos – após golear o Cruzeiro por 3 a 0, domingo, em Sete Lagoas (MG) –, o Vasco se prepara para engrenar na reta final da competição. O primeiro desafio é o vice-líder Corinthians, do-

mingo, às 16h, em São Januário, partida encarada como final pelos dois clubes. Ontem, foram vendidos mais de 3 mil ingressos na bilheteria de São Januário. Os outros 11 adversários do Gigante da Colina no campeonato são AtléticoMG, São Paulo, Santos e Avaí (em São Januário), Atlético-PR, Internacional, Ba-

Desfalque Contra o Corinthians, o técnico Cristóvão Borges não poderá contar com o volante Fellipe Bastos, que levou terceiro cartão amarelo. Bernardo deve começar jogando. METRO RIO

39%

de chances de título tem o Vasco, segundo o matemático Tristão Garcia, no site Infobola. Corinthians aparece com 21%; Botafogo, 20%; São Paulo, 15%; Flu, 2%; e Fla, 1%.

Brasil vence a terceira no Pré-Olímpico VAGA EM LONDRES. Depois de derrotar o Paraguai na estreia do Pré-Olímpico das Américas por uma diferença de 83 pontos e de superar o Canadá, domingo à noite, por 56 a 39, a Seleção Brasileira Feminina de Basquete venceu ontem a Jamaica por 73 a 50, em Neiva, na Colômbia. A competição classifica o campeão e o vice para a Olimpíada de Londres, ano que vem. O Brasil, líder invicto do Grupo B, volta a jogar hoje, contra o México, a partir das 18h30 (de Brasília). METRO RIO

Jogador do Grêmio diz não à Seleção MOWA PRESS/DIVULGAÇÃO

Ronaldinho no desembarque em Belém DHAVID NORMANDO/PHOTOCAMERA

hia e Palmeiras (fora de casa) e Fluminense, Flamengo e Botafogo (no Engenhão).

Ney Franco convocou ontem a Seleção Brasileira Sub-20 que vai disputar o Pan-Americano de Guadalajara, a partir do mês que vem. A delegação se apresenta dia 4 na Granja Comary, em Teresópolis, e estreia dia 19, contra a Argentina. Os outros adversários da primeira fase são Cuba e Costa Rica. Os cariocas convocados foram o goleiro César e o zagueiro Frauches, do Flamengo; os meias Lucas Zen e Cidinho, do Botafogo; e o meia Lucas Patinho, do Fluminense. METRO RIO

Enquanto veteranos como Ronaldinho Gaúcho e experientes como Diego Souza vibraram com a convocação para a Seleção, tem novato recusando a honraria. O lateral direito Mário Fernandes, de 20 anos, uma das promessas do Grêmio na temporada, foi chamado pelo técnico Mano Menezes para o amistoso contra a Argentina, amanhã, às 21h50, no Mangueirão, em Belém, no segundo jogo do torneio Superclássico das Américas. O primeiro confronto, há duas semanas, em Córdoba, terminou em 0 a 0.

O jogador deveria ter embarcado para Belém ontem cedo, mas não apareceu no aeroporto. E divulgou logo depois um comunicado dizendo que não tem condições psicológicas de defender a Seleção por causa de “problemas particulares responsáveis por uma alta carga de estresse”. A diretoria do Grêmio tentou abafar o caso e remarcou novo voo às 15h45 para o garoto antes que a história vazasse, mas o jogador se manteve reticente. Jorge Machado, procurador do atleta, lamentou.

“Ele acha que não vai ser útil na Seleção, diz que não se sente confortável”, disse. Baixa Os demais jogadores desembarcaram em Belém com recepção digna de pop star. Cerca de 250 pessoas aguardavam os jogadores no saguão do hotel. Houve gritaria e fãs tentando furar o cerco formado pela segurança. Mano Menezes comandou um treino à tarde no Mangueirão. O volante Paulinho, do Corinthians, com dores na perna esquerda, foi cortado. METRO RIO


esporte

www.metropoint.com

Ainda dá tempo Campanha do Fla deste ano é melhor que a da conquista do hexa Em 2009, time ocupava a mesma sexta posição de agora, mas com um ponto a menos IDÁRIO CAFÉ/VIPCOMM

Mesmo depois de ter ficado dez jogos sem vencer no Brasileiro – o jejum foi quebrado com a vitória sobre o América-MG, sábado, por 2 a 1, no Engenhão, pela 26ª rodada –, o Flamengo tem motivos reais para sonhar com o heptacampeonato. No ano da conquista do hexa, em 2009, o Rubro-negro ocupava a mesma sexta posição de agora, com 40 pontos, um a menos que na atual temporada. Em 2009, o grupo comandado pelo técnico Andrade tomou impulso rumo ao título nas últimas 12 partidas. Foram oito vitórias, três empates e apenas uma derrota na reta final. E o Flamengo só foi líder da competição por duas rodadas. Justamente as duas últimas. O time rubro-negro foi, em 2009, o campeão brasileiro com pior aproveitamento da história dos pontos corridos (58,77%). “Esse jejum estava incomodando bastante”, admi-

Deivid é o vice-artilheiro do Fla no Brasileiro, com dez gols

com dez gols. Ronaldinho Gaúcho tem 13. Domingo, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo encara o São Paulo, terceiro colocado, às 16h, no Morumbi. PATRICIA.TRINDADE @METROJORNAL.COM.BR WWW.METROPOINT.COM

27

pontos em 33 disputados conquistou o Flamengo nas últimas 12 rodadas do Brasileiro de 2009, quando arrancou para comemorar o hexacampeonato.

Polícia Federal abre inquérito contra Teixeira FRANKIE MARCONE/FUTURA PRESS

Ricardo Teixeira: sob investigação

Opinião

EM KENTUCKY, COM FORÇA TOTAL RUMO AO TÍTULO PARA O TEAM PENSKE HELIO CASTRONEVES

O

tiu o atacante Deivid, referindo-se aos dez jogos sem vencer na temporada. “Não só porque a gente via nossos adversários se distanciando na classificação do campeonato, mas também na questão da confiança, que acabava sendo abalada”, explica o jogador, vice-artilheiro do Flamengo na competição,

O procurador da República, Marcelo Freire, entregará, até hoje, um ofício à Superintendência da Polícia Federal no Rio, que determinará abertura de inquérito contra o presidente da CBF, Ricardo Teixeira. As informações são do “Lance!”. O objetivo é investigar se o dirigente enviou dinheiro ilegalmente para o Brasil, supostamente recebido co-

15

TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2011

mo suborno para que a empresa de marketing ISL tivesse direito de transmissão de TV de algumas copas. A denúncia foi feita pelo jornalista Andrew Jennings, da BBC de Londres. Segundo ele, o suborno pago a dirigentes da Fifa chega a US$ 200 milhões, que foram pagos através de empresasfantasmas no paraíso fiscal de Liechtenstein. METRO RIO

200

milhões de dólares é o valor que o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, teria recebido como suborno para que a empresa ISL tivesse direito de transmissão de TV de algumas copas.

Olá galera, tudo bom? A temporada 2011 do IZOD IndyCar Series está chegando ao final e faltam só duas corridas para que fechemos não apenas mais um campeonato mas, principalmente, uma era na IndyCar. Como vocês sabem, Kentucky e Las Vegas serão as derradeiras apresentações do atual equipamento, formado pelo chassi Dallara e pelo motor Honda V8 de 3,5 litros. Para o ano que vem, todo o equipamento será novo e não vejo a hora de acelerar nos testes que realizaremos na pré-temporada. Será uma fase de muito trabalho no Team Penske, que será dividida entre os três pilotos, cada um em uma época, para que estejamos bem afinados no início de 2012. Mas, enquanto isso não ocorre, todo o esforço está voltado para terminarmos a temporada da melhor forma, e tenho dois objetivos muito definidos. Um deles é fazer o possível para ajudar o Will Power, nosso companheiro do Team Penske, a ser campeão na disputa com o Dario Franchitti. Só que é importante deixar claro o que é “ajudar” e como a Penske encara isso. Aqui, vocês nunca vão ver um chefe de equipe ordenando um piloto a dar passagem ou impedindo que A termine a prova na frente de B. Sem chance, isso na Penske não acontece. A colaboração que eu e o Ryan Briscoe podemos dar é ser o máximo competitivo e “roubar” pontos do piloto da Ganassi. Assim, cada um fazendo bem o seu trabalho e chegando na frente da concorrência, estará sendo dada a melhor das ajudas. E também, para mim, tem uma questão muito cara que é a vitória. Se alguma vez você ler por aí que o “Castroneves quer a vitória”, pode ter certeza que é a maior redundância de todas. Eu SEMPRE quero a vitória e SEMPRE entro na pista para vencer. Só que esse 2011 foi tão maluco, atípico, complicado e seja lá que nome a gente dê, que ainda não venci. Isso só aconteceu comigo nos dois primeiros anos de Indy, quando ainda corria na CART e estava na Bettenhausen (1998) e Hogan (1999). Desde que fui para a Penske, em 2000, nunca aconteceu de eu ficar um ano sequer sem vitórias. Teve ano que foi uma só, mas nunca fiquei zerado como agora. Então, calculem como eu estou para lá de motivado para defender a vitória do ano passado que obtive em Kentucky e sair dessa secura! Então vamos que vamos, com fé e coragem. A dificuldades tornam o sabor da vitória mais gostoso. Até a próxima semana: www.twitter.com/h3lio e press@heliocastroneves.com.



20110927_br_metro rio