Memória Pet | Edição 01/2021

Page 5

ra os pets

ortânc p m I ia

pa

acinação v da

A vacinação deve ser realizada pelo profissional de

Gatos: Múltipla (tríplice, quádrupla ou quíntupla),

Medicina Veterinária que esteja habilitado para atuar

contra rinotraqueíte viral felina, calicivirose felina e

na profissão, porque o procedimento previne contra

panleucopenia felina (caráter obrigatório); Antirrábica

doenças graves, pode garantir uma vida saudável e

(caráter obrigatório).

colabora para o bem-estar animal.

Coelhos: Mixomatose (caráter obrigatório); Doença

Atualmente as pessoas procuram além de cães e

Hemorrágica Viral – DHV (caráter obrigatório).

gatos, outros animais de estimação como répteis e

Furões (ferrets): Cinomose (caráter obrigatório);

aves, por exemplo e para eles também existem regras

Antirrábica (caráter obrigatório).

a serem seguidas em relação aos cuidados. A seguir,

Aves: Poliomavírus (principalmente em papagaios,

a descrição das principais vacinas ou como proceder

mas não está disponível no Brasil); Poxvirose, doença

em relação aos animais de estimação.

de Marek e Newcastle (aplicadas no caso de surtos

Cães:

destas doenças).

V8 ou V10, (cinomose, hepatite infecciosa

canina, adenovirose, coronavirose, parainfluenza

Roedores e répteis: não existe um protocolo de

canina, parvovirose e leptospirose canina (caráter

vacinação definido, mas qualquer alteração no

obrigatório); Antirrábica (caráter obrigatório);

comportamente deve se procurar um profissional de

Leishmaniose; Giardíase.

veterinária.

De acordo com o IBGE, em 2019, cerca de 70% dos tutores vacinaram os seus pets pelo menos contra a raiva – em 2013, esse percentual foi 75% (24,8 milhões). Apesar do aumento absoluto de 3,6 milhões de domicílios que tinham todos os cachorros e/ou gatos vacinados, houve uma redução relativa de 3,4 pontos percentuais entre 2013 e 2019. No Sudeste e Centro-Oeste, as proporções de domicílios onde todos os cachorros e gatos tinham sido vacinados (80,6% e 76,8%, respectivamente) foram superiores às verificadas nas regiões Sul, Norte e Nordeste (59,9%, 64,1% e 67,3%, respectivamente). Fonte: Instituto Pet Brasil

5