Page 68

Desempenho setorial

Sectorial performance

ALIMENTOS, BEBIDAS E FUMO / Food, beverage and tobacco

Um ano lucrativo para as empresas A profitable year for companies

A

s empresas do setor com ações negociadas na Bovespa registraram um aumento de 16,76% no lucro líquido de 2012, totalizando R$13,86 bilhões. A receita líquida também acompanhou o ritmo de crescimento, ao subir 15,67% (R$185,44 bilhões), enquanto o Ebit chegou a R$ 22,019 bilhões, 6,04% maior do que no ano passado. Entretanto, o desempenho da indústria de alimentos foi marcado pela desaceleração no ano. O setor, que representa 9% do PIB nacional, registrou queda real de 4,96%. O investimento caiu 29,3% ao totalizar R$ 11,1 bilhões, contra os R$ 15,7 bilhões de 2011. O menor resultado desde 2006. O cenário também não foi positivo no mercado externo. A exportação de alimentos caiu 3,3%, de US$ 44,8 bilhões em 2011 para US$43,4 bilhões em 2012. No entanto, as importações tiveram uma alta de 2,3%, totalizando US$ 5,6 bilhões. Já no segmento de fumo, as exportações bateram recorde no ano e somaram US$ 3,26 bilhões, alta de 10,9% sobre o ano anterior. Até agora, o melhor desempenho do setor havia sido registrado em 2009, com embarques de US$ 3,09 bilhões, segundo o Sindicato Interestadual da Indústria de Tabaco (Sinditabaco). Por sua vez, o comércio de bebidas movimentou cerca de R$ 17,7 bilhões em 2012, com a venda de produtos como água, refrigerante, suco, refresco, cerveja, vinho, champanhe e destilados. Segundo a Abrabe, o desempenho do setor de bebidas “resultou de um círculo virtuoso que permitiu o crescimento consistente dos investimentos, da arrecadação e do acesso cada vez maior de consumidores ao mercado”. Para 2013, as expectativas são positivas, especialmente com o verão e os grandes eventos esportivos que impulsionam os investimentos nesse mercado.

The companies with shares traded on the BM&FBovespa registered an increase of 16.76% in net income in 2012, totaling R$ 13.86 billion. Net income also increased by 15.67% (R$ 185.44 billion), with the Ebit reaching R$ 22.019 billion, 6.04% up on the previous year. The performance of the food industry, however, fell during the year. The sector, which represents 9% of domestic GDP, registered a real drop of 4.96%. Investment fell by 29.3% to a total of R$ 11.1 billion, compared to R$ 15.7 billion in 2011. This was the lowest figure since 2006. The overseas scenario was also unpromising. Food exports fell 3.3%, from US$ 44.8 billion in 2011 to US$ 43.4 billion in 2012. However, imports increased by 2.3%, totaling US$ 5.6 billion. In the tobacco segment exports broke a new record in the year, totaling US$ 3.26 billion, 10.9% up on the previous year. The previous record was in 2009, with exports of US$ 3.09 million, according to figures from the Interstate Tobacco Industry Union (Sinditabaco). The turnover of the beverage sector was R$ 17.7 billion in 2012, with the sale of products including mineral water, soft drinks, fruit juice, squash, beer, wine, champagne and spirits. According to Abrabe, the performance of the beverage sector “resulted from a virtuous circle that allowed a steady growth in investment, revenue and increasingly larger access to the consumer market.” The outlook is promising for 2013, above all in the summer and during the major sporting events that have been driving investments in this sector.

Alimentos, bebidas e fumo / Food, beverage and tobacco Ativo total / Total assets Capital de giro / Working capital Giro do ativo / Asset turnover Patrimônio líquido / Net Worth Receita líquida / Net revenue Lucro / Prejuízo / Net Profit (-loss) LAJIR / EBIT Grau de endividamento / Debt to equity ratio

68

2011 (R$1.000) 175.948.583 16.284.387 0,90 80.139.148 158.994.607 11.772.792 20.704.469 1,20

2012 (R$1.000) 190.370.092 18.568.995 0,97 81.954.927 185.448.419 13.868.565 22.019.419 1,34

Variação % / variation % 7,72% 2,13% 15,67% 16,76% 6,04% -

Anuário Estatístico das Companhias Abertas 2013/2014  

Os dados reunidos neste Anuário mostram claramente os efeitos que a retração econômica de 2012 causou no desempenho das companhias abertas b...

Anuário Estatístico das Companhias Abertas 2013/2014  

Os dados reunidos neste Anuário mostram claramente os efeitos que a retração econômica de 2012 causou no desempenho das companhias abertas b...

Advertisement