Page 1

www.jornaldavilacampinas.com.br

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1

Ivair Oliveira / PNJ

Maurício Batarce

O resgate de uma história esquecida

Bienal de São Paulo em Campinas

SESC de Campinas traz obras selecionadas da 29ª Bienal de São Paulo para o município. A amostra, que vai até dia 28 de agosto, inaugurou mais um espaço cultural campineiro. Pág 16 Por mais de um século a Companhia Mogiana de Estrada de Ferro teve um importante papel para o desenvolvimento de Campinas. O tempo passou e essa história foi esquecida... Mas nem todos esqueceram essa época... Nessa edição o Jornal da Vila resgata essa história através de seus próprios personagens. Pág 08

Eleições 2012 Divulgação

Distribuição gratuita - venda proibida

Jornal da Vila

Praças Agenda

A partir desta edição do SESC Campinas traz Jornal da Vila, diversas diversas atividades para praças do município serão este mês. Pág 17 visitadas. A Praça das Noivas inaugura o novo espaço para participação Editorial .............................................. 02 dos leitores. Pág 06 Carta do Leitor ................................... 02

Seções

Segurança Lei Maria da Penha completa 5 anos este mês. Pág 05

Cultura O vereador Dário Saadi é o perfil político deste mês. Seu nome vem sendo disputado por diversas legendas partidárias visando as eleições do próximo ano. Pág 04

Feira Nordestina é tradição na Vila Industrial. Pág 16

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

Acontece ....................................... 02, 03 Direto da Câmara ............................... 04 Política .......................................... 04, 05 Segurança ........................................... 05 Meio Ambiente ................................... 06 Saúde .................................................. 07 Capa .............................................. 08, 09 Dia dos Pais ........................................ 13 Tecnologia .......................................... 14 Autos ................................................... 14 Comortamento ................................... 15 Dica da Vila ......................................... 15 Receita da Vila .................................... 15 Cultura ................................................ 16 Agenda ............................................... 17 Educação ............................................ 18 Filosofia .............................................. 18 Moda ................................................... 19 Horóscopo........................................... 19 Passatempos ...................................... 20


Jornal da Vila

Editorial O resgate de uma história esquecida A região de Campinas sempre foi destaque na história do Brasil. Por aqui circularam os famosos barões do café e a cidade foi sede de uma das maiores linhas férrea do país: a Mogiana, que chegou a ter até 2 mil quilômetros de trilhos. Ao longo de pelo menos um século a ferrovia teve um papel importantíssimo para região, mas parece que a história se perdeu, em função, basicamente, da má administração da companhia, que passou por diversas mãos. Assim, nessa edição do Jornal da Vila resolvemos resgatar um pouco dessa história que foi esquecida e colocamos a Mogiana como matéria principal do mês de agosto. Mais uma vez a Vila Industrial foi o principal palco dessa história. O bairro sempre reuniu um grande número de trabalhadores da Mogiana, sendo que boa parte deles já é falecido, mas, mesmo assim, conseguimos encontrar alguns personagens dessa antiga história que, saudosos, relembraram a época em que o trem percorria o bairro e empregava um grande número de trabalhadores. Hoje o trem ainda cruza os trilhos da Vila, mas seu

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

“glamour” há muito se foi. Nessa edição de agosto o Jornal da Vila também abre um espaço para as praças campineiras. A partir desta edição estaremos visitando diversas praças nos bairros de circulação do jornal para contar um pouco da história de cada uma. As praças sempre foram um importante espaço de lazer e de convivência social e não poderiam ficar de fora dos olhares atentos deste veículo de comunicação. Assim, esperamos contar com o apoio de nossos leitores para nos indicar uma praça para ser visitada em seu bairro. O que queremos é que você também seja um personagem deste jornal, pois sem nossos leitores não teria sentido nossa existência. Outro assunto que abordamos nas páginas desta edição é o resgate cultural de espaços importantes de nossos bairros como a Feira Nordestina da Vila Industrial e o Baile da 3ª Idade da Vila Teixeira. Sem contar, é claro com a tradicional Agenda Cultural do SESC Campinas e a inauguração de mais um espaço cultural, dentro do SESC, que até o próximo dia 28 de agosto estará expondo algumas obras da 29ª Bienal do Estado de São Paulo. Vale a pena conferir! Tenham todos uma ótima leitura de nossas páginas.

Acontece ANS reajusta planos de saúde A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) fixou em 7,69% o índice máximo de reajuste para os planos de saúde médico-hospitalares individuais/familiares contratados a partir de janeiro de 1999 ou adaptados à Lei nº 9.656/98. O percentual incidirá sobre os contratos de cerca de 8 milhões de consumidores, ou seja, 17% dos consumidores de planos de assistência médica no Brasil. A metodologia utilizada pela ANS é a mesma desde 2001. Ao receberem seus boletos, os consumidores devem observar se o percentual e o valor absoluto do aumento estão devidamente identificados, permanecendo atentos a eventuais cobranças de valores retroativos, a partir

financeiro@jornaldavilacampinas.com.br

Redação e Publicação MCJ Editora e Distribuidora Ltda Av. Bueno de Miranda n° 89 Vila Industrial – Campinas – SP Tel:(19)3272-3684/3272-3758 Email jornaldavila@mcjeditora.com.br O JORNAL DA VILA é uma publicação mensal com tiragem de 15.000 exemplares.

Telefones Úteis Base Comunitária ......... 3273-0190 3ª Cia ............................. 3213-5588 Polícia Federal .............. 3236-2277 Polícia Militar ........................... 190 Polícia Civil ................... 3272-6624 Guarda Municipal .................. 1532 Disque Denúncia .......... 3236-3040 02 - Jornal da Vila

Meu nome é Elaine, sou a neta mais nova do Paschoal Bertoni e foi com muita emoção que li a reportagem realizada, fazendo com que voltasse à minha infância cheia de alegria, harmonia e amor que foi proporcionado pelos meus queridos avós maternos. Conforme citado por minha tia, Nancy Bertoni, realmente ele era um homem de poucas palavras, mas de uma bondade e criatividade infinita. Lembro-me muito bem dos brinquedos, do presépio sxc.hu

Diretor Executivo Márcio Carvalho Jornalista Responsável Mauricio Batarce MTB 025442 redacao@mcjeditora.com.br Jornalistas Jaqueline Priscila Colaboradores Márcia R. T. Corrêa Cauê N. Oliveira Juliana Felippe Renata Della Volpe Aguiar Criação e Diagramação Marco Schoenmarker Cartunista Fabiano Carriero

Comercial Antonio Medeiros Fabiane Lima comercial@mcjeditora.com.br mcjeditora@uol.com.br Depto Financeiro Ana Oliveira

Governo eleva valor máximo do Minha Casa, Minha Vida Os valores máximos das moradias enquadradas no programa Minha Casa, Minha Vida para famílias com renda mensal de até R$ 1,6 mil foram reajustados pela primeira vez desde que o projeto foi lançado. Nas regiões metropolitanas do Estado de São Paulo, municípios de Jundiaí, São José dos Campos, Jacareí e no Distrito Federal o teto foi fixado em R$ 65 mil para apartamentos e R$ 63 mil para casas. Para os demais municípios do Estado de São Paulo, o valor máximo dos imóveis destinados à baixíssima renda ficará em R$ 57 mil tanto para casas quanto para apartamentos, com exceção dos municípios que tenham entre

20 mil e 50 mil habitantes, onde o valor será de R$ 53 mil. Com os ajustes, o valor médio das habitações para as famílias da primeira faixa de renda atendida pelo programa passou de R$ 42 mil para R$ 55 mil. Férias aumentam movimento na rodoviária de Campinas Os meses de férias são tradicionalmente os meses que as pessoas mais viajam, já que o número de pacotes promocionais é muito grande nesse período. Em Campinas, segundo dados da Assessoria de Imprensa do terminal rodoviário, no mês passado, 22.208 ônibus partiram da cidade transportando 344.894 passageiros e 22.073 ônibus chegaram a Campinas, transportando 349.269 pessoas. Somando-se os números de

chega e de partida, cerca de 45 mil ônibus passaram pelo município, transportando cerca de 700 mil passageiros em julho. Ainda segundo a assessoria de imprensa da Rodoviária, em comparação a 2010 houve um aumento de 4% no número de ônibus e passageiros que passaram por Campinas. O destaque fica para o último final de semana de julho, quando circularam por Campinas, 5.906 ônibus e 95.069 pessoas. Planos de saúde Nova regra de portabilidade Desde quinta-feira (28), os usuários dos serviços privados de assistência à saúde já podem mudar de plano na mesma ou em outra operadora sem ter de cumprir novos prazos de carências ou cobertura

Carta do Leitor Olá

Expediente

de maio de 2011.

todo final de ano... Enfim... De tudo de bom que ele fazia para encantar as netas e as crianças ao redor. A reportagem “A notável Electro Pery”da edição de Julho fez-me voltar à um passado maravilhoso que infelizmente não volta mais, mas que me orgulha muito em ter tido um avô como o Pery. Abraços Elaine Cristina Sant´Anna Li atentamente tudo o que foi publicado na edição de julho do Jornal da Vila sobre o meu livro

“Bonde 9” e o evento de seu lançamento. Além da cobertura, apreciei o texto com considerações pessoais de muita profundidade. Parabenizo pelo trabalho. Um abraço, Mazzola Até que enfim Campinas retomará suas origens, seu passado e sua história. O Jornal da Vila com certeza será um grande instrumento para divulgar e resgatar sua história e sua memória depois da linha do trem. A origem e o próprio nome são justificáveis. Aliás, a Vila Industrial tem a cara da Cultura Campineira, o que faltava era um instrumento di-

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

vulgador, para a comunidade levantar a bandeira. Cultura traz benefícios em todos os seguimentos da sociedade. Parabéns pelo idealizador do projeto do Jornal da Vila. Estamos juntos para o que der e vier. Francisco Paulo Cavalcante Comerciante, produtor cultural, organizador de eventos e radialista Fundador do www.ctncampinas.com.br

ERRATA Na última edição do Jornal da Vila, nesta editoria, publicou-se de forma errada a nomenclatura da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Onde está grafado Organização”, lê-se “Ordem”. Pedimos desculpas pelo erro cometido.


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Acontece parcial temporária, conforme prevê a Resolução 252 da Agência Nacional de Saúde (ANS). A portabilidade passa a abranger os planos privados individuais, familiares ou coletivos contratados após 1º de janeiro de 1999 ou adaptados. Outra novidade é que o consumidor pode portar as carências para outro plano, independentemente da região de abrangência - municipal, estadual ou nacional - de seu plano atual. Além disso, houve redução da permanência mínima para a segunda portabilidade, que de dois anos passou para um. A portabilidade poderá ser requerida entre o mês de aniversário do contrato e os três meses seguintes, o que não era permitido na resolução anterior. O prazo limite para portabilidade

deverá ser comunicado pela operadora do plano. Em caso de falecimento do titular do contrato, os dependentes poderão fazer a portabilidade especial de carências para outro plano, individual, familiar ou coletivo, no prazo de 60 dias do falecimento. Obras são iniciadas na antiga rodoviária A CEM Empreendimentos Imobiliários, empresa responsável pelas obras, iniciou a colocação de alambrados no terreno da antiga rodoviária de Campinas. O prédio da antiga rodoviária foi implodido há um ano e o local tem sido utilizado por usuários de drogas. No local, será construído um shopping e um estacionamento. Músicos não precisam

mais de registro em entidade de classe Músicos que não têm registro na Ordem dos Músicos do Brasil (OMB) não precisam mais da carteirinha da instituição para se apresentar. Foi o que decidiu nesta terça-feira (2) o Supremo Tribunal Federal (STF). De acordo com os ministros do STF, qualquer restrição à liberdade profissional precisa ser motivada por questões técnicas, o que não é o caso dos músicos. A relatora da decisão foi a ministra Ellen Gracie, com base no inciso 13 do Artigo 5º da Constituição Federal. Ela foi acompanhada por unanimidade pelos demais ministros, que também decidiram que, a partir de agora, os casos semelhantes podem ser julgados individualmente.

Tablets nacionais começam a ser vendidos em setembro Os primeiros tablets fabricados no Brasil, com 20% dos componentes nacionais, chegarão ao mercado em setembro e serão mais baratos que os vendidos atualmente, segundo o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante. De acordo com o ministro, os tablets poderão custar até 40% menos, se os descontos de incentivo à produção local chegarem ao consumidor. No dia 23 de maio, foi publicada a MP (Medida Provisória) 534/11, que dá incentivo fiscais aos tablets fabricados no Brasil, com o objetivo de diminuir os preços. A medida inclui esses dispositivos na chamada Lei do Bem e reduz de 9,25% para zero a incidência dos tributos PIS

e Cofins sobre os tablets fabricados no Brasil. A proposta também diminui a incidência do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) e do Imposto sobre Importação. Motoristas terão que trocar placas de veículos Conforme Resolução do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), veículos que circulam no país terão que utilizar novas placas a partir de janeiro de 2012. No emplacamento dos veículos as placas antigas serão substituídas por um modelo que terá películas refletivas. A mudança acontecerá em todos os estados do Brasil. No estado de São Paulo, segundo o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) os motoristas não terão de se preocupar com gastos. Aqueles que tive-

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

rem de trocar a placa não terão de pagar a mais por isso. Ainda de acordo com o Detran-SP, não há prazo determinado para que todos os veículos tenham a placa trocada. A mudança deve ocorrer gradualmente. Os carros que não forem zero quilômetro só deverão substituir a placa em casos que exijam uma nova, como transferência de propriedade, mudança de município ou estado, perda, furto, roubo ou mau estado de conservação. No caso das placas de motocicletas, motonetas, ciclomotores e triciclos motorizados, além de ter a película refletiva, as novas placas terão as dimensões alteradas. As placas deverão ter 170 mm de altura e 200 mm de comprimento, enquanto as letras deverão ter 53 mm de altura.

Jornal da Vila - 03


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Direto da Câmara

Nova Lei garante assistência às parturientes de recém nascidos com deficiência Publicada no Diário Oficial do Município do dia 20/07, Lei que garante a assistência especial a ser fornecida às parturientes cujos filhos recém-nascidos tenham deficiência. A iniciativa, de autoria dos vereadores Arly de Lara Romeo (PSB), Sérgio Benassi (PC do B) e Paulo Oya (PDT), consiste na prestação de informações, por escrito, à parturiente, ou a quem a represente, sobre os cuidados a serem tomados com o recém-nascido por con-

ta de sua deficiência ou patologia, bem como no fornecimento de listagem das instituições públicas e privadas sediadas no município, especializadas na assistência a portadores da deficiência ou patologia específica. Os médicos da Rede Municipal de Saúde também deverão agir da mesma forma quando constatarem deficiências ou patologias nas crianças por eles atendidas. Lei nº 14.097 de 12 de julho de 2011 - dispõe sobre a obrigatoriedade de orientação de segurança de procedimento de emergência e identificação dos responsáveis pela segurança nos recintos onde são realizados eventos que reúnam o público em geral. O descumprimento da lei sujeita o infrator às penalidades previstas no artigo 56 da

Lei Federal n° 8.078, de 11 de setembro de 1990. As pessoas jurídicas e físicas responsáveis pela segurança nos locais de eventos públicos deverão apresentar junto à Secretaria Municipal de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública, documentos que comprovem sua legalidade como pessoa jurídica que presta serviços na área de segurança e identificação da pessoa física e seus contratados com RG e endereço dos agentes que farão a segurança. Será aplicada multa de 500 UFIC’s para as empresas, pessoas e/ ou patrocinadores que descumprirem a Lei. Pela

Lei o Poder Público será o responsável por sua fiscalização.

condição de isento de IPTU e dá outras providências.

Lei nº 14.105 de 26 de julho de 2011 - Dispõe sobre a obrigatoriedade dos postos revendedores de combustíveis exibirem, em placa, informações do valor percentual de preços do litro do etanol comum em relação ao litro da gasolina comum. A placa deve ser afixada em local visível para o consumidor. Os postos terão o prazo de 60 (sessenta) dias para se adequarem ao disposto na Lei e a fiscalização ficará a cargo da prefeitura. Autoria: vereador Francisco Sellin.

Lei nº14102/2011 - Dispõe sobre o Programa de Regularização Fiscal no Município de Campinas.

Lei nº 14.106 de 26 de julho de 2011 - Dispõe sobre a obrigatoriedade do Centro de Controle de Zoonoses disponibilizar cadastros para feiras de do-

ação on line no município de Campinas. O Centro de Controle de Zoonoses deve disponibilizar fotos e histórico de todos os animais recolhidos em suas dependências para criação de feira on line permanente. Compete ao Centro de Controle de Zoonoses a divulgação do site para as doações dos animais assim como a divulgação de posse responsável.

Lei nº 14101/2011 Dispõe sobre as diretrizes orçamentárias para o ano de 2012, e da outras providências. Lei nº 14090/2011 Dispõe sobre o estacionamento privativo para carros-fortes e da outras providências.

Lei nº 14.104/2011 Dispõe sobre informar ao munícipe no carnê de IPTU, da importância de regularizar o cadastro junto a prefeitura municipal de Campinas, havendo a perda ou alteração da

Lei nº 14089/2011 Dispõe sobre a obrigatoriedade de afixação de mensagem nos estabelecimentos que comercializam madeira e dá outras providências.

“o comprador do imóvel não pode ser penalizado. Nós queremos, em nome dos compradores, fazer com que a prefeitura e os empreendedores dos imóveis embargados cheguem a algum acordo”. O vereador acredita que o impasse sobre os imóveis embargados é fruto de uma má gestão na Secretaria de Urbanismo e explica: “esses embargos foram decorrentes de uma má gestão na Secretaria de Urbanismo, onde empreendimentos foram liberados sem as obras de infra-estrutura viária, de escoamento pluvial e ambiental e isso fez com que o Ministério Público embargasse as obras”. Atualmente o vereador Dário Saadi está no Partido

Democrata (DEM), mas seu nome está sendo cogitado para fazer parte do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). Desde a morte do ex-governador Orestes Quércia (PMDB), o vicepresidente Michel Temer iniciou uma reorganização no partido. Ele quer que o seu grupo passe a controlar a legenda e entre os novos nomes estão o do prefeito de Indaiatuba, Reinaldo Nogueira, que já se filiou ao partido e do vereador Dário Saadi. O vereador seria um nome da nova sigla para ser candidato a prefeito em Campinas. Apesar das especulações políticas, Dário não confirmou a mudança, afirmando que já tem um compromisso assumido com DEM. A legenda também tem pretensões de laçar o nome de Dário como prefeiturável em 2012.

Perfil Politico

Dário Saadi (DEM)

04 - Jornal da Vila

rio Gatti. Das leis de autoria do vereador Dário Saadi destacam-se as seguintes: doação e reutilização de gêneros alimentícios e de sobras de alimentos, isenção do ISSQN na condição de mutirão comunitário e implantação do Instituto para Desenvolvimento Ambiental (IDA) em Campinas. Além disso, o vereador participa de três Comissões Permanentes da Câmara de Campinas: a Comissão de Economia e Defesa dos Direitos do ConsuDivulgação Camâra Campinas

O vereador Dário Jorge Giolo Saadi tem 45 anos, é médico formado pela PUC-Campinas e especialista em Urologia. Nascido em Pedregulho (SP), veio para Campinas em 1982, para cursar faculdade. Atualmente é concursado do Hospital Municipal Dr. Mário Gatti e também atende na Casa de Saúde. Dário Saadi está no seu quarto mandato consecutivo e iniciou sua vida política na década de 90, ao liderar movimentos na área da Saúde, reivindicando melhorias de salário e condições de trabalho para a categoria. Em 1992 ocupou o cargo de diretor do Hospital Dr. Má-

midor, da qual é presidente, a Comissão de Meio Ambiente e a Comissão de Política Social e Saúde. Recentemente a Comissão de Economia e Defesa dos Direitos do Consumidor decidiu intervir no impasse dos embargos dos empreendimentos imobiliários em Campinas, com o objetivo de colocar um fim ao problema. Assim, na última sextafeira, dia 5 de agosto, os

vereadores se reuniram com o atual Secretário de Urbanismo de Campinas, Luis Yabiku, representantes do Procon e proprietários dos imóveis embargados. Como presidente da Comissão, Dário Saadi (DEM) explicou que o papel da Câmara no evento foi o de intermediar o debate sobre o tema além de tentar encontrar uma solução para os embargos dos imóveis. Para Dário,

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Política

sxc.hu

Salários do Congresso Nacional voltam a ser polêmica

Justiça determina cortes em salários superiores a R$ 26,7 mil A Justiça Federal determinou que a Câmara dos Deputados corte os

salários dos congressistas e funcionários que estão acima do teto constitucional de R$ 26,7 mil. A questão, no entanto, é controversa e está em discussão no Supremo. A Câmara

ainda pode recorrer da decisão. Segundo determinação do Judiciário, a Câmara terá um prazo de 30 dias para encaminhar à Justiça os dados da folha de pagamento da Casa de janeiro de 2010 a junho de 2011. A multa por descumprimento é de R$ 5 mil por dia. Além disso, a Justiça determinou que a Câmara considere como salário, no caso de servidores, pagamento por hora extra, participações em comissões permanentes de inquérito e grupos de trabalho, função comissionada e abonos por tempo de serviço, mas

esses valores não são contabilizados pela Câmara como salário e sim como indenização. Os deputados federais e senadores têm direito a 13°, 14° e 15° salários e ainda recebem uma verba de até R$ 42 mil mensais para cobrir despesas decorrentes do trabalho. Neste primeiro semestre, além de seus salários, os parlamentares utilizaram R$ 53 milhões dos cofres públicos (que exclui janeiro) com verba relativa a gastos como deslocamento, alimentação, aluguel e manutenção de escritórios de apoio aos mandatos, segurança e assinatu-

ra de publicações, entre outros itens. Na verdade, este valor pode ser ainda maior, pois eles têm até três meses para registrarem os gastos. Na época em que foi votado o aumento salarial do Legislativo Federal para R$ 26,7 mil alguns parlamentares manifestaram-se contra, como por exemplo, representantes do Psol e do PSB e alguns deputados como o deputado José Antonio Reguffe, do PDT de Brasília e o deputado Carlos Sampaio do PSDB de São Paulo. Carlos Sampaio, após tomar posse, determinou à Diretoria da Câmara que descontasse mensalmente de sua verba de representação o equivalente aos 60% do aumento de salários, abrindo mão do novo salário de R$ 26,7 mil e retornando ao salá-

rio anterior, de R$ 16,5 mil. Reguffe, por sua vez, de uma tacada só protocolou vários ofícios na DiretoriaGeral da Casa. Abriu mão dos salários extras que os parlamentares recebem (14° e 15° salários), reduziu sua verba de gabinete e o número de assessores a que teria direito e tudo em caráter irrevogável, nem se ele quiser poderá voltar atrás. Além disso, reduziu em mais de 80% a cota interna do gabinete, o chamado “cotão”. Dos R$ 23.030,00 a que teria direito por mês, reduziu para apenas R$ 4.600,00. Reguffe abriu mão também de toda verba indenizatória, de toda cota de passagens aéreas e do auxíliomoradia, tudo também em caráter irrevogável. 

lheres são iguais perante a lei”. Segundo a delegada, “somente em Campinas, recebemos, por mês, cerca de 600 denúncias de mulheres contra seus agressores. As principais denúncias são: lesão corporal dolosa e injúria, difamação e calúnia”. Cássia ainda reitera que a lei é adequada, mas que deveria ser estendida a agressões contra crianças e adolescentes. “Quando meninas são agredidas, o caso se encaixa na Lei Maria da Penha, mas quando os meninos são agredidos, não. Isso, a meu ver, deveria ser repensado”. Como conselho a delegada Cássia sugere que as mulheres denunciem. “Quando há denúncia, o agressor normalmente pára de agredir. Se houver agressão física, é importante fazer o exame de corpo de delito na hora. Ter a prova da agressão

é fundamental nesses casos”. Outra sugestão da delegada é procurar os parceiros da Delegacia de Direito da Mulher (DDM), como o Centro de Referência e Apoio à Mulher (Ceamo), Centro de Referência e Assistência Social (Cras) e o Conselho Tutelar.

Segurança

Lei Maria da Penha

A Lei Maria da Penha foi sancionada no dia 07 de agosto de 2006 e entrou em vigor no dia 22 de setembro do mesmo ano. A lei foi assim chamada em homenagem a Maria da Penha Maia Fernandes, que foi espancada, de forma brutal e violenta diariamente pelo marido, durante seis anos de casamento. Em 1983, por duas vezes, o marido tentou assassiná-la. Na primeira vez, com arma de fogo, deixou-a paraplégica e na segunda vez tentou matá-la por eletrocussão e afogamento, mas ela sobreviveu. Após a última tentativa de homicídio, Maria da Penha tomou

coragem e o denunciou, mas mesmo assim ele só foi punido depois de 19 anos de julgamento e ficou apenas dois anos em regime fechado. A lei, que completa 5 anos este mês, foi criada com o objetivo de impedir a violência doméstica e familiar e com o objetivo de proteger os direitos da mulher agredida. O principal foco é o aumento no rigor das punições ao agressor da mulher, no âmbito doméstico ou familiar. A lei alterou o Código Penal Brasileiro e possibilitou que agressores de mulheres sejam presos em flagrante ou tenham sua prisão preventiva decretada. Além do mais, estes agressores não podem ser punidos

com penas alternativas ou cautelares e o tempo máximo de detenção previsto, neste caso, é de três anos. A nova lei ainda pre-

De acordo com a delegada Cássia Jackeline Senteio Afonso, titular da Delegacia da Mulher de Campinas há seis anos, a

Jaqueline Marson

Uma importante conquista para as mulheres

vê medidas que vão desde a saída do agressor do domicílio à proibição de sua aproximação da mulher agredida.

criação da lei foi importante para a valorização da mulher. “A lei Maria da Penha veio para comprovar que homens e mu-

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

Serviço: Delegacia de Direito da Mulher AV. Governador Pedro de Toledo, 1.161 - Bonfim Funcionamento das 9 às 18 horas 1º DP: Rua Sebastião de Souza, 159. Centro 4º DP: Avenida Heitor Penteado, 2.561. Taquaral. 5º DP: Avenida Praxitelles Ferreira Neves, 261. Jardim Amazonas. 9º DP: Avenida Suaçuna, 325. Jardim Aeroporto. Jornal da Vila - 05


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Meio Ambiente

Como está a praça

Bernardo e Vila Industrial) existem várias praças e algumas delas passaram por diversas mudanças nos últimos anos. Se você é morador destes bairros, mande sua contribuição para que possamos visitar as praças do seu bairro e contar um pouco da história delas. O Jornal da Vila estará aberto a qualquer sugestão. Nesta edição falaremos sobre a Praça Correa de Lemos, mais conhecida como a Praça do Teatro Castro Mendes, na Vila Industrial. A praça, por muito tempo foi cenário para álbuns de Maurício Batarce

O Jornal da Vila, a partir desse mês, mostrará aos seus leitores como estão as praças dos nossos bairros e ouvirá depoimentos de pessoas que acompanharam o desenvolvimento destas praças ao longo dos anos. Nos bairros de circulação do Jornal da Vila (Bonfim, Botafogo, Parque Industrial, São

06 - Jornal da Vila

casamentos na década de 80 e foi conhecida como Praça das Noivas. Na época, bandas tocavam no coreto aos domingos, crianças brincavam e a beleza natural da praça era exuberante. Hoje há relatos de que o local se tornou perigoso, mal-iluminado e mal freqüentado durante a noite. Mesmo assim, ainda podem ser encontrados casais conversando, senhores jogando xadrez e senhoras sentadas nos bancos. Com o Teatro José de Castro Mendes fechado há mais de quatro anos e em reforma há mais de um ano, o movimento também caiu muito e a praça virou simplesmente uma passagem para a população. Carlos Favarelli Filho, 80 anos, comerciante da Vila Industrial e morador do bairro São Bernardo, lembra do cinema (para quem não sabe, o Teatro Castro Mendes, foi o Cine

Maurício Batarce

Casablanca antes de ser o teatro). “Naquela época Campinas tinha um cinema em cada bairro. Lembro do da Rua Antonio Bento e do Bonfim, sem contar com o Rex que era muito importante e ficava aqui na Sales de Oliveira, na Vila Industrial. Aqui na praça, aos domingos, sempre tinha uma banda que tocava no coreto, mas isso há muito tempo”, lamentou-se. Favarelli trabalha no mesmo comércio localizado ao lado da Praça das Noivas, há 30 anos. “Quando comecei aqui era tudo muito diferente do que é hoje. Nem o estacionamento de carros aqui da rua existia. Hoje está tudo abandonado, a iluminação não é suficiente e como não é feita a poda das árvores os galhos atrapalham bastante os refletores. Espero que isso mude, pois tenho saudades da praça como era antes”.

associada à presença de ajardinamento, sendo os espaços conhecidos por largos correspondentes à idéia que se tem de praça em países como a Itália, a Espanha e Portugal. Neste sentido, um largo é considerado uma “praça seca”. Tipos de praças Praça-jardim: Espaços nos quais a contemplação da formação vegetal e a circulação são priorizadas. Praça seca: Largos históricos ou espaços que suportam intensa circulação de pedestres. Praça azul: Praças nas quais a água possui pa-

Definição de praça As praças são espaços públicos urbanos livres de edificações e que propiciam convivência e/ ou recreação para seus usuários. Normalmente, a apreensão do sentido de “praça” varia de população para população, de acordo com a cultura de cada lugar. Em geral, este tipo de espaço está associado à idéia de haver prioridade ao pedestre e não acessibilidade de veículos, mas esta não é uma regra. No Brasil, a idéia de praça normalmente está

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

pel fundamental. Alguns belvederes e jardins de várzea possuem tal característica. Praça amarela: Praias em geral. Praças mais importantes de Campinas As praças mais conhecidas e importantes de Campinas são: o Largo do Pará, localizado no centro; Praça Carlos Gomes, também no centro; Praça Bento Quirino, no centro; Praça Arautos da Paz, no Taquaral e a Praça Imprensa Fluminense, no Cambuí, onde está localizado o Centro de Convivência Cultural.

Maurício Batarce

Maurício Batarce

do seu bairro?


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Saúde

sxc.hu

Homens são os que mais sofrem com o avanço da idade Os brasileiros estão vivendo mais. A expectativa de vida, que era de 62,5 anos nos anos 80, passou para 72,8 anos, em 2009, de acordo com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A média varia

de acordo com o sexo. Para as mulheres, a média é de 76,7 anos. Para os homens, 69,1. “Ao viver mais, o homem precisa cuidar mais da sua saúde e investir em ações preventivas, para que essa maior longevidade seja acompanhada sempre de uma boa qualidade de vida” afirma o médico Érico de Rolvare, clínico especializado em tratamento masculino e Associado à Sociedade Brasileira para Estudo

do Envelhecimento (SOBRAE). De acordo com o médico, a partir dos 25 anos, o corpo do homem cessa por completo sua fase de crescimento e desenvolvimento e começa o processo de envelhecer, que não pára mais. Para Érico, “não é possível impedir o envelhecimento, mas é importante cuidar da saúde para que ele aconteça de maneira sadia e sem complicações. Quanto mais cedo começar a se cuidar, melhor”. O médico recomenda que os homens iniciem os cuidados médicos preventivos a partir dos 40 anos. “O aumento da expectativa de vida está ligado aos avanços da medicina, que também nos oferece uma série de ações preventivas. Devemos nos aproveitar delas para o bem

de nossa saúde”, complementa. Segundo Rolvare, envelhecer bem depende de vários fatores, que vão dos cuidados com a alimentação às consultas médicas de rotina. Nos homens, em geral, o envelhecimento pode gerar algumas alterações e dificuldades na vida sexual, de diferentes causas. “A consulta ao médico é importante, pois ele ajudará o homem a descobrir as causas reais de seus problemas. A falta de ereção, por exemplo, pode estar ligada tanto a fatores psicológicos, como à queda na produção do hormônio testosterona e até mesmo a outros problemas, como obesidade, hipertensão, entre outros”. Para o médico, o acompanhamento preventivo é o caminho mais acertado

para manutenção da qualidade de vida ao longo dos anos. “O mais comum é os homens deixarem para procurar ajuda depois de muito tempo sofrendo com os sintomas. Isso, sem dúvida nenhuma, dificulta qualquer tratamento”. Segundo o doutor, as doenças mais frequentes da terceira idade são a hipertensão e o diabetes tipo II. “Elas acabam atrapalhando muito a atividade sexual”, finalizou. “A fertilidade do homem independe da idade; entretanto, com o envelhecimento, devido a déficits nutricionais e hormonais, a produção

alérgicas. Ao se perceber os sintomas da raiva no animal, a primeira atitude a ser tomada é a de entrar em contato com o Centro de Zoonoses de sua cidade. Se for confirmada a suspeita após certo período de internação, o animal será sacrificado e as pessoas e animais de seu convívio devem ser vacinados. A raiva é uma doença contagiosa, inclusive para seres humanos e pode ser transmitida por mordida, arranhadura e lambedura. Porém, há casos registrados de transmissão inalatória, placentária, aleitamento e transplante de córnea em humanos. Os cães devem ser vacinados a partir de 45 dias de vida (Polivalente V10 ou V8) e especificamente contra a raiva a cada 4 meses, podendo ser aplicada a partir de 2 meses de ida-

de. Vacinas de Giardia, Gripe Canina, Leishmaniose, Micoses, fica a critério do médico-veterinário ou do proprietário. No caso dos gatos, a vacinação Quádrupla Felina deve ser feita a partir de 60 dias do nascimento e a vacina da raiva segue a mesma periodicidade dos cães: a cada 4 meses, ou a partir de 2 meses. De acordo com Fábio, “todas as vacinas devem ser aplicadas anualmente pelo resto da vida do animal. Quanto mais idade, maior a perda de anticorpos, por isso devem tomar as vacinas para protegêlos de diversas doenças. E só se deve sair com eles nas ruas com guias e coleiras”.

Bios Grafhein

Estou envelhecendo e agora?

de espermatozóide diminui ou mesmo aumenta a chance de se produzir espermatozóides com menos motilidade (capacidade de movimento) ou alteração de forma. Para se aumentar a fertilidade, pode-se fazer uso de suplementação de algumas vitaminas e minerais, bem como uma modulação hormonal. A questão da baixa fertilidade não influencia no desejo sexual a não ser que ele esteja relacionado às causas hormonais”.

Arquivo Pessoal

Agosto: mês da vacinação contra a raiva

A doença não tem cura e pode acarretar a morte do animal O oitavo mês do ano é importante para quem possui animais de estimação: é a época da vacinação contra a raiva. Segun-

do o médico veterinário, Fábio Nakabashi, a raiva nada mais é do que uma “polioencefalite viral” ou uma infecção no sistema neurológico do animal. “A raiva é uma virose”, salientou. Sobre a tradição de

a vacina ser aplicada no mês de agosto, Fábio diz que não é obrigatoriedade e sim, um costume. “É uma época comum dos animais entrarem no cio”, explicou. Segundo o veterinário, nem todos os animais domésticos devem ser vacinados contra a doença. “Apenas cães e gatos, apesar da raiva atingir todos os mamíferos”, disse. Como todo produto biológico, a vacina, pode causar alergias e até reações anafiláticas potentes. Neste caso, a sugestão é de que se faça a vacinação em clínicas veterinárias, onde possa ser feito atendimento imediato em caso de complicações

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

Divulgação

Saúde Sintomas da raiva Alteração nas atitudes: solidão, apreensão, nervosismo, ansiedade, vergonha e agressividade incomuns; Comportamento errático: morder ou dar patadas, babar ou mastigar no local do ferimento, morder a jaula, vagar e perambular; Excitabilidade, Irritabilidade, Depravação; Desorientação; Muscular: incoordenação, convulsões, paralisia; Alterações no som do latido; Sialorréia excessiva ou espuma pela boca; Paralisia mandibular e laríngea com mandíbula caída; Incapacidade de engolir, Hipersalivação; Febre. Jornal da Vila - 07


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Capa

A Companhia Mogiana de Estradas de Ferro (CM), fundada em 18 de março de 1872, teve quase 2000 quilômetros de linhas e serviu aos estados de São Paulo e Minas Gerais até 1971, quando foi incorporada à Fepasa - Ferrovia Paulista S.A. O primeiro trecho da Mogiana foi inaugurado em 3 de maio de 1875, ligando Campinas à Jaguariúna, na época Jaguary. Em 27 de agosto do mesmo ano a linha chegava à Mogi Mirim e em 15 de novembro era inaugurado o ramal entre Jaguariúna e Amparo. O último trecho foi inaugurado em 1921, quando os trilhos da CM chegaram à cidade de Passos (MG). Inicialmente denominada Companhia Mogyana de Estradas de Ferro e Navegação, teve seus pri08 - Jornal da Vila

meiros 50 anos marcados pela expansão de suas linhas ou tentativas de fusão com a Companhia Paulista, com a criação, em 1936, da Companhia Mogiana de Transportes, mais tarde Rodoviário da Cia. Mogiana. A segunda metade de

ras locomotivas dieselelétricas GE-Cooper Bessemer, continuando em 1957, com a chegada de 30 locomotivas EMD-GM e em 1960, com mais 23 locomotivas GM-EMD. Em 1968 é inaugurado o serviço de transporte de passageiros para Brasília-

Divulgação

Companhia chegou a ter 2.000 km de ferrovia

sua vida é marcada pela crise financeira que culmina com a sua encampação pelo Governo do Estado de São Paulo, em 1952. Nesse mesmo ano, inicia o processo de dieselização com aquisição das primei-

DF, utilizando carros Budd-Mafersa adquiridos da Estrada de Ferro Sorocabana. Após esse período a CM passa a modernizar seus equipamentos, fabricando carros metálicos e comprando novos vagões

rísticos. Atualmente esse percurso é feito por uma Maria-Fumaça que trafega a uma velocidade média de 40 quilômetros por hora, passa por fazendas centenárias de café e recebe passageiros de várias partes do país e do exterior. O trecho é tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Artístico e Cultural de Campinas (Condepacc) e quem mantém o funcionamento é a Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), com os recursos de cinco passeios turísticos que são realizados aos finais de semana. A Maria Fumaça de Campinas é um dos poucos passeios de trem que restam no Brasil. O percurso é feito com locomotivas bem conservadas e os trilhos passam por fazendas centenárias de café. O cenário é tão exuberante que já serviu inúmeras vezes para novelas e filmes de época, tanto nacionais como internacionais. Divulgação

Divulgação

Mogiana: A Caminho das Gerais

de carga, mas os seguidos déficits provocaram a unificação das ferrovias paulistas: Companhia Paulista de Estradas de Ferro, Estrada de Ferro Sorocabana, Estrada de Ferro Araraquara, Estrada de Ferro São Paulo - Minas (desde 1967 sob administração da CM) e a Mogiana, criando-se assim a Fepasa - Ferrovia Paulista S/A em 1971. Dos 2.000 km de linhas que possuía em 1922, desde 1970 restaram apenas 1.500 km, sendo que vários ramais foram desativados entre 1956 a 1970. A Fepasa, privatizada em fins de 1998, não conseguiu manter os níveis de serviços prestados, principalmente no transporte de passageiros, provocando a total extinção dessa modalidade. A CM também tinha oficinas em Campinas (uma das maiores e mais completas do Brasil), Ribeirão Preto e Uberaba. Além de depósitos de locomotivas em Aguaí e Guaxupé. Na oficina de Campinas foram fabricadas locomotivas a vapor, carros de passageiros, vagões de carga e inúmeros componentes. Serviu as cidades de Aguaí, Amparo, Araguari (MG), Campinas, Casa Branca, Franca, Guaxupé (MG), Itapira, Jaguariúna, Mococa, Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Passos (MG), Poços de Caldas, Ribeirão Preto, São João da Boa Vista, São José do Rio Pardo, São Simão, Serra Negra, Socorro, Uberaba (MG), Uberlândia (MG) entre outras. Novos Rumos Com a desativação da Companhia Mogiana em 1971, os 24 quilômetros de estradas de ferro que restaram entre Campinas e Jaguariúna passaram a ser utilizados para fins tu-

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

A viagem começa na estação Anhumas, em Campinas, e segue até Jaguariúna. Durante todo o percurso, monitores especializados vão contando a história das ferrovias, das locomotivas e do café. O passeio de Maria Fumaça configura o maior museu ferroviário dinâmico do país. No caminho, uma breve parada no Museu das Máquinas, instalado na estação Carlos Gomes, bairro de Campinas, onde se encontra o primeiro aparelho telefônico do Brasil, testado por Dom Pedro II. O vagão que compõe o restaurante também pede uma visita. Ali, pode-se tomar um refrigerante acompanhado por lanches feitos na própria cozinha do trem. A viagem completa (ida e volta) dura em média 3 horas, com paradas também nas estações Pedro Américo, Tanquinho, Desembargador Furtado e Jaguariúna, que possui


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Márcio Carvalho

Esporte Clube Mogiana

Um espaço a ser explorado O Esporte Clube Mogiana foi fundado em 1.933

pelos antigos trabalhadores das estradas de ferro da Mogiana, como um local para prática de atividades esportivas e o prédio

foi patrimônio da Ferrovia Paulista S.A. (Fepasa) até 1.974. Depois que o Estado assumiu as obras da FEPASA, em outubro de 1985 o Esporte Clube Mogiana passou a ser chamado de Centro Educativo Recreativo Esportivo do Trabalhador de Campinas (Cerecamp). De acordo com Antonio Maria Prado, ex-diretor do Cerecamp, que trabalhou durante 34 anos no serviço público do Estado de São Paulo, o local foi utilizado durante muitos anos para eventos, finais de campeonatos intersindicais, finais de campeonatos amadores e, principalmente, para trabalhos sociais. “No fundo, o Cerecamp surgiu como uma entidade com fins sociais, para ajudar a população campineira nas mais diversas áreas” enfatiza Prado. Em 1.996 o Cerecamp

começou a buscar recursos privados para manutenção dos prédios e das estruturas do estádio. Aí surgiu a ideia de o Campinas Futebol Clube mandar os jogos no campo do Cerecamp. “Foi uma iniciativa dos ex-jogadores Careca e Edimar. Hoje, infelizmente, o Cerecamp não possui alvará para mandar jogos federados. Não temos estrutura suficiente para um público grande. A capacidade de público atual é de pouco mais de 4 mil pessoas”, complementa. O ex-diretor do Cerecamp explica, que “algumas partes da estrutura do prédio do Cerecamp foram feitas com sobras dos materiais usados na própria ferrovia, como os ferros”. Prado relembra diversas histórias e se emociona em cada uma das lembranças. “Vivenciei tudo que aconteceu aqui. Tem cabelos brancos

gam meia passagem. Serviço: Maria Fumaça: Estação Anhumas - Campinas Endereço: Av. Antônio D. da Conceição, s/n° (ao lado do Carrefour D. Pedro) Telefone: (19) 32073637. Site: www.mariafumacacampinas.com.br

meus no meio de tudo isso, mas lamento o fato do investimento não ter ido para frente”. Ele ainda ressalta que parte dos funcionários está se aposentando. “Daqui a pouco não vai ter mais ninguém para contar história aqui. A história do Cerecamp faz parte da minha história e o espaço tem tudo para progredir, só está adormecido”, lamenta-se Antonio Maria Prado. Com a troca do governo estadual, existe uma

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

discussão sobre o que fazer para buscar parcerias e manter o Cerecamp. “Precisamos de um plano de ação para nos mantermos, mas só a partir de 2.012 que isso será decidido. De qualquer forma, espero que alguém se interesse em patrocinar o espaço”. O endereço do Cerecamp para quem tenha interesse em conhecer é Rua Engenheiro Cândido Gomide, 196, Guanabara e o telefone: 19-3243-8188. Jaqueline Marson

Trajeto/ingressos: Partindo de Anhumas em Campinas (ida e volta): Para Jaguariúna, com duração de 03h30, sábado às 10h10 e domingo às 10h10 e 14h30. Para Tanquinho, com duração de 01h30, sábado às 15 horas e domingo às 16h30. Partindo de Jaguariúna (ida e volta): Para Tanquinho, duração de 01h30, sábado às 10 horas e às 15 horas e domingo 10 horas e14 horas. Para Anhumas, duração de 03h30, domingo so-

mente às 12h30min com duração de 03h30min. Obs: A compra de ingresso nas Estações sempre ocorre de 40 a 50 minutos antes da partida, pois a composição do trem é organizada conforme o número de ingressos vendidos. Reservas: acima de 20 pagantes antecipados e feita por telefone. Crianças de 5 a 12 anos e maiores de 60 anos paDivulgação

uma bela estação. O espaço foi todo reformado e conta com uma feira de artesanato nos fins de semana, um museu e alguns bares.

Jornal da Vila - 09


AutosJornal

Cursos

da Vila

Estética & Beleza

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 Saúde www.jornaldavilacampinas.com.br

Moda

Serviços

Vidraçaria

Bares e Restaurantes

10 - Jornal da Vila

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Informe Publicitário

Em agosto, comemorase o mês do corretor de imóveis (dia 27). Convidamos o Inubiense Marino Martins para falar sobre o assunto IMOVEIS USADOS e a profissão CORRETOR DE IMÓVEIS, de sorte que pudéssemos homenagear esses profissionais e seus clientes... Perguntas e Repostas: Existe alguma lei que regulamenta o exercício da profissão corretor de imóveis? R: Sim, trata-se da lei 6.530 de 12/05/78. Ao corretor de imóveis, cabe intermediar uma transação imobiliária, tal como venda e compra de um imóvel, locação e ou opinar sobre valores dentre outros

Quem pode ser um corretor de imóveis? R: Qualquer brasileiro (a), que esteja em dia com as leis e ter feito o CURSO DE TÉCNICO EM TRANSAÇÕES IMOBILIÁRIAS (o que deve ser sempre concluído em escola credenciada) e atenda as exigências que a profissão requer. E quanto aos falsos corretores de imóveis? R: Os chamados pseudo corretores de imóveis, esses estão sujeitos as penalidades da lei, ou seja: são passíveis de serem denunciados pela sociedade junto à autoridade policial por exercício ilegal de profissão e ao - o CRECI através do site www.crecisp. gov.br

Qualquer que seja a transação imobiliária é obrigatória a presença do corretor de imóveis? R: Não. Mas é aconselhável. Como identificar um corretor de imóveis credenciado? R: Todo corretor de imóveis sabe que deve portar sua identidade profissional a qual consta seu número junto ao conselho. A sociedade tem o direito e deve solicitar sempre essa identificação. Diante do número, pode consultar o CRECI de seu estado, cujo acesso é fácil e rápido. Importante lembrar que cartão de visita não é identidade profissional. Quanto a valores de comissões ou honorários

existem tabelas oficiais? R: SIM e é dever do corretor de imóveis apresentá-la quando solicitado. Por que existem diferenças abruptas quanto a avaliações de um imóvel? R: Bem, necessitamos cautela sobre esse assunto: ao corretor de imóveis é dada a prerrogativa de opinar sobre valores. Avaliação é assunto para o engenheiro civil. Se o corretor tiver formação nesse seguimento é outra história. Existem metodologias pertinentes ao assunto. Eu particularmente, não faço nada na base do achismo, antes é necessária uma visita ao imóvel, acesso a documentação, estudo do zoneamento, vizinhança, idade etc.. Além de fiscalizar as atividades do corretor de imóveis e imobiliárias qual outro tipo de ação que o CRECI desenvolve junto à sociedade? R: Não tenho procuração para falar por ele, no entanto posso citar a fiscalização como um dos maiores benefícios que sociedade detém e precisa saber. Contratar os serviços de uma pessoa que não é corretor de imóveis é como fazer um vôo RioCAMPINAS, cujo comandante passa o controle a alguém que não é oficial. Muito provavelmente em algum trecho, poderá ter a surpresa de uma instabilidade, entrar com a aeronave em zona de turbulência, quando poderia ter dela saído previamen-

te. O avião pode até não cair, mas os passageiros passarão por um susto e desconforto. Existem outras ações como o corretor solidário, do qual faço parte para arrecadações de agasalhos destinados aos irmãozinhos menos favorecidos, treinamentos, cursos e palestras ímpares que se bem aproveitados pelos colegas acaba sendo a sociedade a maior beneficiada. Sobre financiamentos e FGTS. R: FGTS não é financiamento e sim recurso próprio e para ser utilizado é preciso que se enquadre em legislação específica. Tal como os financiamentos o melhor é o interessado consultar um profissional atualizado em FGTS e SFH antes de iniciar o processo de compra de um imóvel usado. Ele fará o levantamento de documentações e poderá se tiver domínio sobre o assunto outros tópicos como a situação do imóvel usado tal como condições da ultima compra ou venda etc. Quanto a locações, como administrar conflitos entre inquilinos e proprietários? R: Penso que cada um de nós tem uma maneira própria de lidar com situações de desconforto. Novamente sirvo do exemplo pontuado anteriormente e faço um comparativo entre um avião em solo e uma locação. Antes da decolagem, é preciso traçar a rota, checar computado-

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

res, fecharem portas, ler as instruções do vôo, situações climáticas previstas e ocorrendo um encontro com ventos fortes cabe ao comandante colocar todos em altitude compatível e em segurança. Na locação, também é preciso tomar essas providências. Não se devem omitir informações sobre barulho, vizinhança, custos, valores condominiais dentre outros. Penso que é preciso deixar tudo claro e legível no contrato ou em seus anexos, para que os riscos de conflitos sejam minimizados. É prudente que o corretor de imóveis tenha sempre a assessoria de um jurista. Marino Martins CRECI 86.279 F 2ª regiãoSP Especialista em Consultoria Imobiliária pela UNIVERSIDADE SCIESP - São Paulo Técnico em Transações Imobiliárias Detém certificação Modular pela Universidade SCIESP em Direito Imobiliário, Avaliações de Imóveis, Gestão Imobiliária, Loteamentos e Vistoria de Imóveis. É migrante do Seguimento Químico de Gerência de vendas e de Treinamento de Vendedores Faz Treinamento de Vendedores para Empresas de Pequeno e Médio Porte. Estuda libras, é voluntário para o alívio da Dor Contato: souzafilho11@uol.com. br Arquivo Pessoal

Divulgação

Imoveis usados e o profissional Corretor de Imóveis frente à sociedade

Jornal da Vila - 11


Jornal da Vila

12 - Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Especial

No próximo dia 14, mais um Dia dos Pais será festejado no Brasil. Será a 58ª comemoração oficial do país. A data é muito importante tanto para os pais quanto para os filhos, além de ser relevante para o comércio. Há a estimativa de um gasto de até R$ 100,00 no presente. A publicidade também é uma área valorizada nessa época do ano: muitas propagandas usam o tema para incentivar as vendas. A ideia do Dia dos Pais surgiu em 1909, em Washington, Estados Unidos, quando Sonora Louise Smart Dodd, filha do veterano da guerra civil, John Bruce Dodd, ao ouvir um sermão dedicado às mães, teve a idéia de celebrar o Dia dos Pais. Ela queria

homenagear seu próprio pai, que viu sua esposa falecer em 1898 ao dar a luz ao sexto filho e que teve de criar o recém-nascido e seus outros cinco filhos sozinho. O primeiro Dia dos Pais norte-americano foi comemorado em 19 de junho daquele ano, aniversário do pai de Sonora. A rosa foi escolhida como símbolo do evento, sendo que as vermelhas eram dedicadas aos pais vivos e as brancas, aos falecidos. A partir daí a comemoração difundiu-se da cidade de Spokane para todo o estado de Washington. Por fim, em 1924 o presidente Calvin Coolidge, apoiou a idéia de um Dia dos Pais nacional. Finalmente, em 1972, o presidente Richard Nixon oficializou a

Dia dos Pais no mundo - Alemanha: não existe um dia oficial dos pais. Os papais alemães comemoram seu dia na mesma data que Jesus Cristo ressuscitou. Eles costumam sair às ruas para andar de

Sony Pictures

Dia dos Pais

comemoração no terceiro domingo de junho. No Brasil a ideia de comemorar esta data partiu do publicitário Sylvio Bhering e foi festejada pela primeira vez no dia 14 de Agosto de 1953, dia de São Joaquim, patriarca

Foto: O filme À Procura da Felicidade com Will Smith e seu filho Jaden Smith é o que representa melhor o amor de pai e filho

da família. Sua data foi alterada para o 2º domingo de agosto por motivos comerciais, ficando diferente da americana e européia.

bicicleta e fazer piquenique. - Argentina: terceiro domingo de junho com reuniões em família e presentes.

- Austrália: segundo domingo de setembro. E a comemoração é igual ao do Brasil, com direito a muita publicidade. - Canadá: comemorado dia 17 de junho. Não há muitas reuniões familiares, costuma ser uma data mais comercial. - Grécia: é uma comemoração recente e surgiu do embalo do Dia das Mães. Lá se comemora o Dia dos Pais em 21 de junho. - Paraguai: é comemorada no segundo domingo de junho. Lá as festas são como no Brasil, reuniões em família e presentes. - Peru: é comemorado no terceiro domingo de junho. Não é uma data muito especial para eles. - Portugal: a data é comemorada no dia 19 de março, mesmo dia que São José. Surgiu porque

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

é comercialmente interessante. Os portugueses não dão muita importância para essa comemoração. - Reino Unido: é comemorado no terceiro domingo de junho, sem muita festividade. Os ingleses não costumam se reunir em família, como no Brasil. É comum os filhos presentearem os pais com cartões. - Rússia: não existe propriamente o Dia dos Pais. Lá os homens comemoram seu dia em 23 de fevereiro, a chamada data “o dia do defensor da pátria” (Den Zaschitnika Otetchestva). - África do Sul: acontece no mesmo dia do Brasil, mas não é nada tradicional. FELIZ DIA DOS PAIS!

Jornal da Vila - 13


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Autos

Troca de óleo, Ar-Condicionado e escolha do melhor combustível Troca de óleo Existem três tipos de óleos que podem ser usa-

14 - Jornal da Vila

dos nos veículos: sintético, semi-sintético e mineral. Para saber qual é a escolha certa, a dica geral é seguir as instruções do manual do veículo, mas ter conhecimento sobre

os vários tipos de óleos disponíveis no mercado também é importante. - Óleos sintéticos têm custo mais alto e, portanto, é melhor utilizá-lo em países em que a gasolina é de alta qualidade e em carros com alto desempenho; - O semi-sintético é mais caro que o mineral; - Nunca misturar marcas e tipos diferentes; - Nunca completar a falta de óleo no motor, o correto é trocar todo o conteúdo; Ar-Condicionado

Combustível - O carro faz menos quilômetros com um litro com álcool em comparação a gasolina; - Gasolina aditivada é mais cara que o álcool

ou gasolina comum, e, na maioria das vezes, não compensa no desempenho; - A poluição do ar com gasolina é superior que a poluição com o álcool; - A melhor relação custo/benefício para um veículo Flex seria utilizar 85% de gasolina e 15% de álcool; - O álcool, para valer a pena, tem que custar menos de 70% do preço da gasolina comum. Por exemplo, se o litro da gasolina custa R$ 2,20 em um posto, só é mais interessante utilizar o álcool, se o preço do produto for de R$ 1,54 na bomba. Caso isso

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

não ocorra é melhor manter a gasolina como combustível principal. Abaixo segue uma tabela comparativa de custo/benefício entre os dois combustíveis: Combustível P r e ç o (em reais) Gasolina Álcool 2,20 1,54 2,50 1,75 2,80 1,96 3,00 2,10 3,30 2,31 Divulgação

Divulgação

Manutenção básica para veículos

- Deve-se realizar a troca dos filtros anualmente; - Reduzir a intensidade e o tempo de uso em estradas ou vias de trânsito rápido; - Carros 1.0 tendem a perder potência com o ar-condicionado ligado. Deve-se ligar e desligar com frequência durante uma viagem; - Em carros antigos, deve-se primeiro desligar o ar-condicionado para depois desligar o carro; - Já em carros com injeção eletrônica, não há problemas em desligar ou ligar o carro com o dispositivo ligado.


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Comportamento

A qualidade de vida na 3ª idade está ligada a uma série de fatores, mas a realização de atividades físicas coletivas e o lado psicológico do idoso são fatores que merecem maior atenção de especia-

Jaqueline Marson

O Colonial Grill nasceu em 1989 com a ideia de aliar o paladar de um bom sanduíche, com um clima de muita descontração e brincadeiras e um ambiente bem familiar. Esta composição acompanha nossos clientes desde sua adolescência e vem passando para as novas famílias, dan-

zadores, músicas, danças, bandas, amigos... Cada segunda-feira que passa fica cada vez melhor. Só por motivo de doença deixo de vir, mas como quase não fico doente, não falto nunca”, conta entusiasmada. Cipriano Canova, 84 anos, frequenta o baile há 15 anos. “Aqui somos uma família e danço desde meus 16 anos. Sou péde-valsa há muito tempo”, revela Cipriano.

Receita da Vila

Dica da Vila Churrascaria e Costelaria Colonial Grill

A melhor costela de ripa

de 150 pessoas por segunda-feira. O baile começa a partir das 14 horas e vai até as 18 horas e a idade dos freqüentadores varia de 50 a 90 anos. O ingresso é de R$ 6,00, e o clube está localizado na Rua Barão de Monte Alegre, 330, Vila Teixeira – O telefone de contato é o 3241-6506. Airton e Rachel Cazotti, ambos de 81 anos, são os organizadores do evento. “Somos casados há quase 60 anos e estamos juntos nessa empreitada há muito tempo, uns 20 anos”, conta Rachel, que acrescenta que gosta de dançar e que freqüenta o baile também pelas amizades que fez. Tereza Guimarães, de 70 anos, que também participa o baile, faz questão de acrescentar que não falta ao evento há 17 anos. “Gosto de tudo... Organi-

Jaqueline Marson

Dança: uma importante atividade para a velhice saudável

listas do setor. Segundo o fisioterapeuta Richard Trotta, que também é especialista em geriatria, praticar exercícios na terceira idade é fundamental para ter uma velhice saudável. “A prática de atividades físicas nessa fase da vida, principalmente as atividades coletivas, evita dores musculares e cardiorrespiratórias e permite que o idoso conviva com pessoas da mesma faixa etária. Essa interação também faz com que o idoso sinta-se inserido no contexto da sociedade onde vive e isso também é muito benéfico para seu lado psicológico”,

que exige grande esforço. Assim, é possível envelhecer melhor e com mais disposição, praticando a dança, que é uma das atividades físicas mais completas para se trabalhar o físico, o mental e o social”, afirma o fisioterapeuta. De acordo com o especialista, os idosos devem se alimentar bem; fazer caminhada na parte da tarde; praticar dança no mínimo uma vez por semana; conviver com outras pessoas da mesma idade e sempre ir ao médico. “Cuidar da saúde deve estar sempre em primeiro lugar”, finaliza. Baile da Terceira Idade Em Campinas, o Clube da Vila Teixeira é um dos muitos clubes da cidade que oferece bailes específicos para a 3ª idade. O baile da Vila Teixeira existe há 37 anos e recebe cerca

do sequência a um laço de fidelidade não só gastronômica como também afetiva. Partindo do princípio de que “onde come um, comem dois”, onde também podem comer três, trezentos, ou trinta mil, surgiu a Lancheteria Palhaço no mesmo espaço, o que permitiu a montagem de um local mais amplo e aconchegante, em função

do crescente aumento no número de clientes, sempre mantendo o mesmo padrão de atendimento e qualidade. Hoje o Colonial Grill é conhecido por sua tradicional Costela de Ripa. A melhor Costela de Ripa da cidade chega à mesa acompanhada de arroz de carreteiro, feijão-tropeiro, farofa, vinagrete, cebolete, pão e salada de rúcula com cebola. Para maior comodidade, há acesso para portadores de necessidades especiais e wi-fi. O horário de atendimento é: de segunda-feira das 11h30 às 15 horas, de terça-feira à quinta-feira das 11h30 às 23 horas, sextafeira e sábado das 11h30 à meia-noite e aos domingos, das 11h30 às 17 horas. Endereço: Av. Francisco de Paula O. Nazaré, 663 Pq. Industrial - Campinas - SP. Tel.(19) 3272-3813 Delivery: 0800-7709090. 

Torta de bacalhau com palmito (capixaba) Divulgação

Jaqueline Marson

Qualidade de vida na 3ª idade

explica o especialista. Para o fisioterapeuta, nesses casos, os exercícios mais indicados são a caminhada e a dança. Trotta explica que a dança é um exercício físico e psicológico e oferece certas vantagens que outras atividades não oferecem, como por exemplo, integração, fortalecimento de amizades, diminuição de angústias, diminuição de incertezas e redução da sensação de solidão. Além disso, a dança também consegue trabalhar o corpo, proporcionando diversão, prazer, valorização da espiritualidade, identificação cultural, auto-expressão, comunicação e motivação, além de ajudar a melhorar a coordenação, aumentar os reflexos e a agilidade. “Vale ressaltar, que a dança não é uma atividade

Tempo: 2h Porções: 20 Ingredientes: - 1 kg de bacalhau - 2 kg de palmito natural previamente ralado e cozido - 12 ovos - 350 ml de azeite de oliva - 200 g de azeitona - TomateAlho bem pi-

cado, colorau e cebolas em rodelas - Tempero verde a gosto - Sal a gosto Modo de Preparo: 1- Numa panela cozinhe o bacalhau e depois de cozido desfie-o; 2- Escorra bem palmito. Reserve; 3- Refogue o bacalhau

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

e o palmito em azeite por 20 minutos juntamente com tomate, alho, colorau, cebolas, tempero verde e parte da azeitona sem caroço; 4- Despeje 6 ovos e misture por 5 minutos Unte as assadeiras com azeite e despeje o mexido 5- Bata os ovos que restaram e despeje uniformemente por cima 6- Enfeite com cebolas e azeitonas 7- Deixe assar por 40 minutos em temperatura média Sugestão: Dica: O palmito natural pode ser substituído por palmito em conserva. Jornal da Vila - 15


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Cultura

Maurício Batarce

São Paulo. A seleção inclui obras de Cinthia Marcelle, Kiluanji Kia Henda, Amelia Toledo, David Claerbout, Jonathas de Andrade, Milton Machado, Helio Oiticica, Pedro Barateiro e Carlos Vergara. “A proposta de se trazer uma parte da bienal de São Paulo para Campinas surgiu em função de uma parceria entre a Bienal e o SESC São Paulo, que deu origem a uma exposição

Mostra itinerante da Bienal fica no espaço até o fim do mês Desde 28 de julho, a cidade de Campinas conta com mais um espaço

cultural. O SESC Campinas inaugurou um espaço com galpões com mais de 6,9 mil m². A inauguração recebeu uma amostra itinerante de obras selecionadas da 29ª Bienal de

para o desenvolvimento do Programa de Ginástica Multifuncional, que oferece possibilidades diversas para as práticas corporais, como aulas de pilates, alongamento, reeducação postural, ciclismo, corrida, treinamento de força, agilidade e equilibrio. Após o término da bienal o Galpão Multiuso deve abrigar shows, exposições,

seminários e oficinas das mais variadas linguagens. Segundo organizadores do evento, o novo espaço inaugurado em Campinas é algo muito importante para o SESC, já que havia uma demanda reprimida para aumento desse espaço. O espaço vai atender diversos eventos e deve se tornar um espaço multicultural.

sos tipos de mercadorias, hoje o foco tem sido o artesanato. “Estamos incentivando essa atividade porque sabemos que existem muitos artesãos que não têm espaço para expor seus produtos e como nosso espaço é grande, estamos pensando em oferecer mais uma proposta de divulgação de produtos artesanais em Campinas”, informa. Os artesãos interessados devem procurar o CTN, pois terão isenção da contribuição para utilização do espaço e os feirantes que

já são associados ao CTN e quiserem introduzir o artesanato em suas barracas terão desconto de 20% na taxa de contribuição. Chico também tem incentivado a formalização dos feirantes como uma forma de garantir a qualidade dos produtos vendidos.

Maurício Batarce

SESC inaugura novo espaço cultural

itinerante que passou por diversas cidades do interior do estado e terminou em Campinas”, explica o diretor regional do SESC São Paulo, Danilo Santos de Miranda. Organizadores do evento estimam que mais de 6 mil pessoas devem passar pela exposição itinerante da Bienal em Campinas, no mês de agosto. Os barracões passaram por uma grande reforma: elétrica, hidráulica, acústica, etc. e em outubro o espaço deve ser usado para uma nova proposta: o Espaço de Brincar, destinado a atividades para o público infantil. No espaço também existe um Galpão de Ginástica Multifuncional (GMF), de 1,48 mil m², com 115 modernos aparelhos entre equipamentos, acessórios e materiais especialmente projetados

Feira Nordestina: Uma tradição na Vila Maurício Batarce

Domingo, no período das 7h30 às 15 horas, desde 2005, no Centro de Tradições Nordestinas (CTN), localizado ao lado do SENAI da Vila Industrial. Segundo seu organizador, Chico Paulo, a feira chega a reunir cerca de 10 mil pessoas a cada Domingo. O local é destinado para a realização de trocas e vendas dos mais diferentes produtos e reúne cerca de 200 feirantes, em média,

Espaço incentiva a cultura e o turismo em Campinas A Feira Nordestina de Antiguidades, Artesanatos, Bugigangas e Comidas Típicas ocorre todo 16 - Jornal da Vila

por final de semana. A feira já é uma tradição na Vila Industrial, mas se originou da antiga Feira do Rolo que era realizada nas proximidades do teatro Castro Mendes, mais especificamente, na famosa Praça das Noivas. Ao contrário do que acontecia na Feira do Rolo, que acabou causando grandes transtornos para os moradores da região, na Feira Nordestina todos os ambulantes são cadastrados para comercializar seus produtos e seguem um regulamento interno local para suas atividades. Todos os feirantes são identificados por uma carteirinha que fica exposta em local visível. Além do mais, os produtos comer-

cializados e trocados no local são acompanhados de um recibo de compra e o evento é totalmente organizado pelos coordenadores do CTN. Existem feirantes que são usuários fixos dos espaços e feirantes que são sazonais. Os fixos pagam uma contribuição para os organizadores do evento e todos os participantes estão sujeitos a multas e penalidades, inclusive à cassação da licença de utilização do espaço, caso não cumpram as regras estabelecidas internamente. “Todos os nossos feirantes, para ter um espaço aqui, precisam assinar um termo de responsabilidade e são responsáveis por tudo que fazem aqui dentro e por isso nunca tivemos problemas”, conta Chico Paulo Chico também explica que apesar da feira ser um espaço de trocas de diver-

Maurício Batarce

Cultura

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

Serviço: Feira Nordestina Av. Nestor Castanheira, 132 Vila Industrial – Campinas (SP) Fone: (19) 3272-5525


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Divulgação SESC Campinas

Agenda SESC

No mês de agosto o destaque da programação do SESC Campinas fica por conta da 29ª Bienal – Obras Selecionadas. Além da exposição das obras selecionadas, os visitantes têm a oportunidade de participar de outras atividades relacionadas ao tema da 29ª Bienal, cuja reflexão foi sobre a indissociável relação entre arte e política, através de oficinas, mesas de debates

e encontros. A exposição continua até 28 de agosto e pode ser visitada de terça a sexta-feira das 9h30 às 21h30, sábados e domingos das 10 às 18 horas. Embalando os dias do mês, também existem outras atividades como o Agosto do Choro, Panorama da Música Brasileira e SESC na Capela, que apresentam música de qualidade ao público. Além disso, no Música de Raiz

destacam-se as apresentações de diversos grupos como: Carolina Zingler, Anima, Projeto B, Mulheres de Hollanda e Marcelo Giannini que são apresentados às sextas-feiras com entrada gratuita ao público em geral. Na literatura existem os projetos Adoráveis Suicidas, Letras e Paladares: A mesa com Jorge Amado, Senhores (as) Escritores(as), Tirando de letra e Roda de Leituras. Já o Projeto Bolando traz à tona a discussão se o Brasil realmente é o País do Esporte, o evento contará com as participações de Juca Kfouri e José Cruz para conversar sobre o assunto. Para as crianças, o projeto Teatro em Cena apresenta todos os sábados

às 16 horas, espetáculos infantis. Os ingressos já estão à venda na Central de Atendimento e a entrada é gratuita. Aos domingos, às 11h30, o Projeto Ciranda traz variadas linguagens artísticas como dança, música e cinema, voltados para o público infantil. Ainda para o público infantil, para a turminha que tem entre 7 a 12 anos, o SESC Curumim está com as inscrições abertas. O SESC Curumim é um Programa sócio-educativo e gratuito, em que as crianças participantes se divertem e aprendem por meio de brincadeiras, atividades físicas e esportivas, artes plásticas e manuais, teatro, literatura e muito mais. Turma 1: as terças e quintas, das 14 às 18 ho-

ras e Turma 2: as quartas e sextas, das 14 às 18 horas. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 19-3737-1500. Na área das artes plásticas já estão disponíveis as inscrições para os cursos de Entrelaçando Arte, Costura e Customização com Fuxicos e Apliques, Desenho e Ilustração, Criação de Cenários e Personagens. Na área esportiva o Encontro Internacional Rio Aberto, o Congresso Internacional que explora o potencial de cada um através da música, da voz e da dança. Além disso, por meio das oficinas de trabalhos corporais, canto, dança, teatro, palestras, vídeo, yoga e reflexão, busca-se unir a força e a alegria para que o ser

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

humano possa expressar todo o seu potencial. A sétima arte também passa pelo SESC. Os filmes: Deu a Louca na Cinderela, Estômago e Palavra (EN) Cantada são exibidos gratuitamente. O espetáculo A Tecelã da Cia. Caixa de Elefante (RS) se apresenta, integrando o projeto Festival palco Giratório 2011. Já o projeto Bastidores da dança traz no dia 11, às 20 horas, uma Batalha de Dança de Rua com a Cia Eclipse de Dança. Acontece também o Workshop Limon Dance Company, uma parceria entre SESC São Paulo e o TeatrStageFest de Nova Iorque. A programação completa pode ser acessada no portal www.sescsp. org.br/campinas 

Jornal da Vila - 17


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Educação

Divulgação

trutores da educação. São eles que se prepararam para realizar esse trabalho, essa função tão primordial para a sociedade. Afinal, com certeza, no mundo atual, o conhecimento é, sem dúvida, a grande riqueza do homem. A educação é um passaporte não só

Para construir a escola dos nossos sonhos é necessário que os pais sintam confiança nos educadores. São eles os arquitetos, engenheiros e cons-

para o mercado de trabalho como também para a cidadania. É ela que possibilita a ampliação e sistematização dos conhecimentos e a atuação plena do homem na sociedade, com a consciência de seus direitos, deveres e possibilidades. As duas instituições, família e escola, são os principais alicerces da formação da criança e do jovem ao longo de sua vida. Cada um deve fazer o seu papel, mas ambas devem incentivar, motivar e desenvolver habilidades que possam tornar o edu-

diálogo eufônico, e que lhes permitirá encontrar em conjunto, os caminhos mais plenos de significados, mais próximos da realidade, dos interesses e dos sonhos de cada indivíduo a dar sentido a suas vidas e às situações que os rodeia. Portanto desenvolvendo-se o verdadeiro sentido e o exercício de democracia, todos, enfim, se tornarão protagonistas e agentes transformadores do registro de um olhar não mais novo e sim, renovado e significativo que valorizará o legado da ética. Desta forma, é necessário que família e escola se encarem como parceiras de caminhada criando, através da educação, forças para atuarem juntas como agentes facilitadores do desenvolvimento pleno do educando.

Com a participação da família, maiores são as chances de que o filho/ aluno se comprometa, assuma responsabilidades, se envolva, e, consequentemente, tenha melhor desempenho nos estudos. Esse é um desafio que vale a pena. Os resultados são surpreendentes!

mais clara nas regiões mais carentes do planeta onde assolam as pestes, conflitos internos e guerras. Já nas regiões onde prevalece alto índice de riqueza e conforto fica mais difícil de detectar, porém a corrupção moral de autoridades tais como juízes, legisladores e políticos é marcante. A ausência de valores éticos e morais é gritante, expressando-se através da indiferença e irresponsabilidade, identificadas falsamente como se fossem sinônimos de liberdade. Desta forma, podemos identificar as características da idade média, que está intimamente relacionada com a degradação dos valores humanos e sociais. O egoísmo, materialismo, consumismo e isolamento são suas bandeiras.

Não temos o isolamento físico em feudos como ocorrido durante a última idade média, porém temos os condomínios fechados, verdadeiras fortalezas. Estamos na era da comunicação, onde todos estão supostamente em contato, porém o que vemos são as pessoas se isolando cada vez mais umas das outras, mantendo contados virtuais apenas através de redes sociais. Qual a solução para tudo isso? A solução não está fora, em algum novo sistema inovador, seja social, político ou econômico, mas sim dentro do ser humano. É necessário resgatar seus princípios, que definirão os meios de ação e garantirão um fim que seja bom, belo e justo para todos.

Abaixo, nossa programação cultural mensal.

Renata Della Volpe Aguiar é coordenadora de educação do Colégio Renovatus. Divulgação

Escola e Família: Parceria de Sucesso

cando uma pessoa capaz de observar o que está ao seu redor com um olhar curioso, de fazer perguntas, de pensar e sistematizar o conhecimento. São também responsáveis por despertar no educando o compromisso, a solidariedade e a consciência de seu papel na sociedade. Desta forma, os pais serão partícipes da educação dos filhos, no que diz respeito às atitudes deles enquanto estudantes, o que não vem acontecendo, até por ignorarem o que se passa com seus filhos na escola. Precisamos de parceiros com este olhar de cumplicidade, acreditando que tudo é possível se houver pessoas co-participantes de um mesmo projeto, escola, família e sociedade, que saibam fazer acontecer através do

Filosofia

se alto índice de desenvolvimento tecnológico e de conforto, ainda que não seja para todos. As cidades crescem e o número de habitantes também, onde temos por Divulgação

Inicio esse artigo com uma proposta: Pare agora o que está fazendo e observe ao seu redor... Reflita por alguns instantes sobre como está o mundo atual... Observa-

18 - Jornal da Vila

trás o chamado Ideal de progresso e desenvolvimento. Em contrapartida, também sob a sombra desse mesmo Ideal de Progresso temos parte do mundo mergulhado na miséria, em fanatismos e tiranias. A degradação da natureza e a apropriação dos recursos naturais de forma indiscriminada leva o ser humano a limites que colocam em jogo a sua própria sobrevivência. Esses aspectos podem ser vistos de forma

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

9-8-2011 - 20:30 Aula de apresentação do curso de filosofia a maneira clássica 16-08-2011 - 20:30 Existe o destino? 23-8-2011 - 20:30 Aula de apresentação do curso de filosofia a maneira clássica 30-08-2011 - 20:30 Onde está a felicidade? Divulgação

Uma nova Idade Média?


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Toda mulher pode e deve manter sua essência, sua feminilidade e sua delicadeza em alta. Nada é mais sensual e feminino do que uma saia ou um vestido. É claro que eu não tenho nada contra as

calças, principalmente o jeans, que é um curinga indispensável e pode ser usado nas mais diferentes ocasiões, mas acredito que a maioria das mulheres pode investir mais nas saias e vestidos como pe-

ças ícone no seu guardaroupa, mesmo com esse tempinho frio, já que podemos abusar dos looks combinados com meias. A maneira como combinamos as peças traz a versatilidade de passar de um look a outro em um piscar de olhos: festa, casual, social, romântico, sensual. É só verificar a ocasião e ver qual peça está mais de acordo. Um jeans com um tomara que caia ou um corpete pode trazer mais sensualidade. Um vestido combinado com uma meia escura e uma Ankle boot ou uma sandália gladiadora e você terá um look festa, dependendo do modelo do vestido, se combinado com uma sapatilha e al-

mo procurar você novamente. Isso não quer dizer necessariamente um volta, mas

Libra - A lua cheia do dia 13 vai mobilizar seu coração: um relacionament o

alturas. E tenha certeza que as pessoas ao nosso redor percebem a diferença. Que mulher não gosta de receber elogios? Essa é a minha dica do mês: aposte nas saias e vestidos, principalmente nas saias tipo “tulipa”, combine os acessórios com a ocasião e capriche no visual. A mulher tem que se cuidar para continuar encantando. Um forte abraço!

Formada em Jornalismo, Juliana é uma observadora e pesquisadora das tendências do mercado. Contato: juliana@ parperfeitocerimonial. com.br

nhar fôlego e a forma que você pretende.

Capricórnio - Um novo amor pode surgir, ou o tão esperado namoro que já vem se desenhando há alguns meses com aquela pessoa especial. Se estiver querendo aumentar a família com um filho, este é o melhor período.

Arquivo Pessoal

Divulgação

Essência feminina

guns acessórios básicos, pode trazer um look mais casual. Provenientes de outras temporadas, os abotinados, também chamados de booties ou open boots, estão bem cotados. A saia também pode ser uma peça chave, ela combina com blusas de diversos cortes, jaquetas e coletes. O formato “tulipa” vem sendo muito usado, já que ajuda a disfarçar o quadril e alongar a silhueta, além de vestir muito bem. Nós mulheres não podemos nos esquecer de que nossa imagem é determinante, o que nós queremos transmitir? Como nós queremos ser? Vestir-se bem, combinar acessórios, fazer uma maquiagem, cuidar da pele e dos cabelos, tudo isso faz com que a nossa autoestima esteja sempre nas

Divulgação

Moda

Horóscopo da Vila Agosto 2011 Áries - O amor será o foco de suas investidas e preocupações durante as três semanas do mês, portanto, prepare-se. Touro - Se você for comprometido e morar com alguém, as energias em seu entorno serão as melhores possíveis, pois o amor estará presente durante todo tempo. Gêmeos - O mês promete alguns acordos de negócios e sucesso em reuniões que envolvam contatos e contratos com outras empresas. Câncer - A fase é ótima

para as questões de dinheiro e esse movimento estará presente durante quase todo mês. Nessa fase, as viagens e cursos também são beneficiados. As amizades começam a ganhar mais importância. Leão - É bastante possível que durante este mês você encontre alguém que vai balançar suas estruturas, ou mesmo que comece um namoro com uma pessoa que já vem mexendo com seu coração, possivelmente desde maio. Virgem - Um amor antigo pode voltar a fazer parte de seus pensamentos, ou mes-

uma possibilidade de acertos.

que e s t á prestes a se firmar pode enfim ga-

Escorpião - A fase é das melhores em todos os setores. Neste momento, todo esforço dos últimos anos começa a ser recompensado, especialmente nos relacionamentos e no trabalho. Há possibilidade de namoro firme ou casamento. Sagitário - Oportunidades de viagens e estudos superiores dentro e fora do país podem surgir neste período. Um novo amor, ou mesmo uma pessoa que já vem mexendo com você pode fazer parte desses planos e projetos futuros.

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial

Aquário - Relacionamento será a pauta de sua vida e seus pensamentos e energia estarão voltados para eles. Peixes - A fase é das mais promissoras no trabalho, com possibilidade de proposta de um novo emprego. Sua saúde também passa por uma ótima fase.

Jornal da Vila - 19


Jornal da Vila

Campinas - Agosto de 2011 - Edição nº 09, ano 1 www.jornaldavilacampinas.com.br

Jogo dos 7 erros

Palavras cruzadas

Humor

a - Tem cobras sobre a cabeça b - Doce de amendoim c - Adorno feminino d - Urso... e - Profissão (artes) f - Ave g - Produz leite h - Parte planta i - Tipos de vegetação do nordeste j - Pessoa que tem loja

k - Pequena câmara (navios, teatros) l - Conjunto de teclas m - Alimento (vegetais picados) n - Alimento feito de farinha o - Alimento (carne) p - Tem seis lados q - Vestuário (masculino/feminino) r - Que animal dizem ter sete

vidas? s - Feito com cimento t - Drácula é um... u - Lâmpada portátil v - Semente comestível w - Para limpar os dentes x - Que enfeitiça y - Espaço sem luz ou escurecido z - Composiçaõ poética

Sudoku

20 - Jornal da Vila

Envie suas opiniões, sugestões e comentários para o Jornal da Vila. Participe das nossas enquetes, respondendo às questões mais relevantes da Vila industrial e de Campinas. jornaldavila@mcjeditora.com.br

Vila Industrial - Vila Teixeira - São Bernardo - Bonfim - Botafogo - Pq. Industrial


edicao9jv  

Seções Bienal de São Paulo em Campinas SESC Campinas traz diversas atividades para este mês. Pág 17 Feira Nordestina é tradição na Vila Indu...

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you