Issuu on Google+

Distribuição gratuita - venda proibida

18 de agosto de 2011 - Edição 03 Ano 1

Publicação Semanal

Superlotação de pátio exige investimentos urgentes

Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (EMDEC), sugere investimentos da ordem de R$ 2 milhões para suprir a necessidade do município. Atualmente o número de veículos no pátio é de 6,7 mil carros e três vezes superior à capacidade total, que é de 2,3 mil. O novo projeto deve sair no início do próximo ano e terá capacidade para 10 mil veículos. Pág 05

Hospital Ouro Verde

CPFL Cultura

Criminalidade em

Brasileiro Série B

Hospital Ouro Verde re- Programação semanal da cebe repasse de R$ 3,5 CPFL Cultura inclui filmes milhões do Ministério da e peças teatrais. Pág 23 Saúde. Pág 08

Novo delegado assume DP de Barão Geraldo e tem como objetivo controlar a alta criminalidade. Pág 10

Ponte Preta mantém a vice-liderança e Bugre volta para a zona de rebaixamento. Pág 16

Estiagem em Campinas

Julgamento do Prefeito começa hoje Defesa Civil declara que RMC está em “Estado de Atenção”. Umidade relativa do ar deve ficar abaixo de 20% em 13 municípios. Pág 04

Barão Geraldo

Sessão de julgamento começa hoje às 9 horas e deve se estender até domingo. A decisão é polêmica, mas deve manchar a política da cidade. Pág 03


02

Expediente Editorial Editorial Expediente Diretor Executivo Márcio Carvalho Editor Mauricio Batarce MTB 025442 Jornalista Jaqueline Marson Colunistas Carmen Janssen Manu Pivatti Maria Clara José Carlos Petermann Alexandre Mucci Colaboradores Futebol Interior Guilherme Righetto Rodrigo Villalba Criação e Diagramação Marco Schoenmarker Cartunista Fabiano Carriero Comercial Antonio Medeiros Fabiane Lima comercial@mcjeditora.com.br mcjeditora@uol.com.br Fotos Bureau 2.8 Depto Financeiro Ana Oliveira financeiro@jornaldavilacampinas.com.br Redação e Publicação MCJ Editora e Distribuidora Ltda Av. Bueno de Miranda n° 89 Vila Industrial Campinas – SP Tel:(19)3272-3684/3272-3758 Email redacao@mcjeditora.com.br O Folha de Campinas é uma publicação semanal com tiragem de 15.000 exemplares.

Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

Uma semana inesquecível

Esta semana Campinas está passando por um dos momentos mais delicados de toda sua história. A partir de hoje, o destino do município, pelo menos até as próximas eleições municipais, estará sendo escrito pela atual legislatura da Câmara Municipal. Desde a manhã desta quinta-feira, os vereadores estão reunidos para decidir a cassação do mandato do prefeito Hélio de Oliveira Santos (PDT), que foi proposta pelo vereador Artur Orsi (PSDB) e foi acatada pela Comissão Processante formada pelos vereadores Rafa Zimbaldi (PP), Zé do Gelo (PV) e Sebastião dos Santos (PMDB). A decisão é polêmica, mas vai deixar marcas profundas na imagem política da cidade, que em pouco mais de três meses foi tomada por uma chuva de denúncias que atingiram o auto escalão da prefeitura. A previsão da Comissão Processante é de que o resultado da sessão de julgamento seja divulgado, no máximo, até domingo, dia 21. Outra importante mudança que deve ocorrer em Campinas, já no início do próximo ano, é a construção de um novo Pátio Municipal. A EMDEC prevê

investimentos da ordem de R$ 2 milhões na construção de um Pátio com capacidade para 10 mil veículos. O atual comporta apenas 2,5 mil veículos, mas já está com mais de 4,5 mil carros, o que vem causando uma superlotação do espaço. Essa edição do Folha de Campinas também traz uma importante iniciativa do Ministério da Saúde, que deve liberar cerca de R$ 3,5 milhões para o Hospital Ouro Verde e investir em diversas melhorias para o complexo hospitalar. Estão previstas a criação de 60 novos leitos gerais e mais 30 para a UTI, o que deve desafogar o atendimento que hoje é feito em outros prontos-socorros da cidade. Alexandre Padilha, em sua visita a Campinas também assinou convênios com diversas cidades, cujos valores ultrapassaram R$ 12 milhões. Outras novidades que serão implantadas pelo Ministério da Saúde na região, são a criação do Hospital Lar e a construção do Hospital Metropolitano. Uma boa notícia para os contribuintes campineiros é que deste do início de agosto a prefeitura está renegociando

Tempo Tempo

as dívidas tributárias. Em duas semana o sistema Porta Aberta recebeu cerca de 7,5 mil devedores para negociar suas dívidas. Foram firmados 1.529 acordos, 1.328 a mais que o mês de julho inteiro, quando não havia o programa. Os descontos são o principal benefício para a renegociação das dívidas. A expectativa da prefeitura, além de regularizar a vida do cidadão, é de arrecadar cerca de R$ 32 milhões ainda em 2011 com as parcelas à vista. Ao longo de 2012 a previsão de arrecadação é de mais R$ 40 milhões e até o final do programa, com os parcelamentos, mais R$ 120 milhões. Embora o programa beneficie aqueles que possuem dívidas com a Prefeitura, a Administração também tem buscado premiar o contribuinte que paga seus impostos em dia. Para aderir ao PRF, o contribuinte deverá procurar um dos postos de atendimento da Prefeitura: Porta Aberta, SAC (Serviço de Atendimento ao Contribuinte) ou ainda pelo Atendimento Online telefone -3755 6000. Tenho todos uma ótima leitura e uma boa semana.

Os leitores do Folha de Campinas também podem participar do jornal. Para isto basta enviar comentários, sugestões e críticas para o email: redacao@mcjeditora.com.br Estaremos prontos a atendê-los da melhor forma possível. A participação dos leitores é muito importante. Não deixe de participar !!! Fonte: http://www.climatempo.com.br


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

03

Política Política

Comissão Parlamentar pede cassação de prefeito em Campinas Sessão de Julgamento começa hoje a partir das 9 horas Por M. Salles

Comissão processante: Vereadores, Sebastião do Santos (PMDB) Zé do Gelo (PV) e Rafa Zimbaldi (PP)

Na última terça-feira, dia 16, a Comissão Processante da Câmara de Campinas, formada pelos vereadores Rafa Zimbaldi (PP), José Carlos do Nascimento Oliveira – Zé do Gelo (PV) e Sebastião dos Santos (PMDB), deu parecer favorável ao pedido de cassação do mandato do atual prefeito de Campinas, Hélio de Oliveira Santos (PDT), proposto pelo vereador Artur Orsi (PSDB). De acordo com o parecer da Comissão, a cassação do mandato do prefeito está embasada no art. 4º, incisos VII, VIII e X do Decreto-Lei Federal nº 201/67, que dispõe sobre a responsabilidade de prefeitos e vereadores em todo território nacional. Com o acatamento da proposta de Artur Orsi, o processo de cassação do prefeito, segundo o Decreto-Lei nº 201/67, deve seguir os procedimentos expostos em seu

art. 5º, que diz o seguinte: a Comissão Processante solicitará ao Presidente da Câmara, a convocação da sessão para julgamento. Na sessão de julgamento, o processo será lido integralmente e, a seguir, os vereadores que desejarem poderão manifestar-se verbalmente, pelo tempo máximo de quinze minutos cada um. Ao final, o denunciado ou seu procurador, terá o prazo máximo de duas horas, para produzir sua defesa oral. Concluída a defesa, serão realizadas tantas votações nominais quantas forem as infrações em que o prefeito está sendo acusado. O prefeito será afastado definitivamente do cargo se pelo menos dois terços dos membros da Câmara votar a favor de uma das acusações. Concluído o julgamento, o Presidente da Câmara proclamará imediatamente o resultado e fará lavrar ata que consigne a votação

Fábio Pozzebom / ABr

Assessoria Câmara Mun. de Campinas

nominal sobre cada infração e, se houver condenação, expedirá o decreto legislativo de cassação do mandato de prefeito. Se o resultado da votação absolver o prefeito, o presidente da Câmara determinará o arquivamento do processo. Em qualquer dos casos, o presidente da Câmara deverá comunicar à Justiça Eleitoral o resultado. O processo, a que se refere o Art. 5º só terá validade, se for concluído dentro de noventa dias, contados da data em que foi feita a notificação ao acusado. Se isso não ocorrer no prazo previsto, o processo será arquivado.

Deputado: Paulinho da Força (PDT)

O deputado federal Paulo Pereira da Silva, presidente do PDT de São Paulo, divulgou nota, nesta terça-feira dia16, em apoio ao prefeito de Campinas Hélio de Oliveira Santos, que é alvo de um processo de impeachment na Câmara dos Vereadores. No texto, Pereira diz entender que “as acusações que pesam sobre o chefe do Executivo campineiro são infundadas”. O deputado, que também é presidente da Força Sindical, afirmou na nota que dará orientação aos vereadores da bancada do PDT na Câmara de Campinas para que “apóiem e votem favoravelmente todas as proposições apresentadas pelo prefeito no Executivo da cidade”.

Carlos Sampaio defende afastamento do prefeito de Campinas Fábio Pozzebom / ABr

O deputado Carlos Sampaio comemo- cargo, para que a investigação ocorresse rou a decisão da Comissão Processante de forma transparente.” (CP) que apura irregularidades na administração do prefeito de Campinas, Hélio de Oliveira Santo (PDT), que pediu a cassação do mandato do pedetista em seu relatório final, apresentado nesta terça-feira, dia16. Sampaio lamenta a permanência de Hélio durante as investigações. Segundo ele, alguns vereadores são coniventes com a corrupção. “Eles votaram pela permanência do prefeito enquanto houvesse investigação”, recorda. O tucano acredita que a conduta é inadmissível. “Ele não poderia estar no Deputado: Carlos Sampaio (PSDB)

Na opinião do deputado, é impossível que o pedetista não tenha conhecimento do esquema. “Não é possível que a sua esposa tivesse chefiando esta máfia, que os secretários de comunicação e de negócios jurídicos estivessem envolvidos diretamente no esquema de corrupção e ele nada soubesse”, condenou. Sampaio afirma que o que ocorreu em Campinas “é um esquema sem precedente na história do município. Esperamos que o prefeito seja cassado e que se convoque novas eleições, pois o vice-prefeito também está envolvido”.

Falando Grego1 Desde a Ágora de Sócrates, Platão e Aristóteles, os políticos, isto é, homens que podiam discutir sobre a “pólis”, eram considerados pessoas de “virtú”, ou seja, que tinham na oratória e na retórica, a virtude de falar sobre os problemas do “povo” e propor soluções políticas para vida dos gregos. Tais homens eram tão importantes e tão valorizados na Grécia Antiga, que milhares de pessoas se reuniam em volta da Ágora para assistir aos debates, que acabavam se tornando verdadeiros shows em praça pública. De lá para cá, muita coisa mudou. Hoje as Ágoras têm diversos nomes (Congresso Nacional, Assembleia Legislativa, Câmara Municipal) e os homens de “virtú” se transformaram em pessoas totalmente desvirtuadas, sem um mínimo de noção de oratória ou retórica, não discutem os problemas do “povo” e o pior de tudo, são consideradas as piores espécies do Universo. Falando Grego 2 Hoje, a “pólis”, que antes se reunia para ouvir os brilhantes discursos, deixou de dar importância para os políticos e muitas vezes, com o apoio da imprensa, acredita que essa classe deve ser totalmente extirpada da face da Terra, o que é uma pena. Apenas uma coisa não mudou da Grécia Antiga para os dias de hoje: ainda tem muito político falando grego, mesmo sabendo que a “pólis” foi globalizada e que o grego só se fala na Grécia. Nesses casos, com certeza, os discursos não deixam apenas de ser “blá, blá, blá, blá, blá, blá”. Nova Língua Tem parlamentar que nem falar sabe, ou melhor, fala uma língua que só ele entende... Talvez seja por isso que os parlamentares têm tantos assessores, eles precisam estudar profundamente a língua de seu assessorado para poder traduzir para a opinião pública. Como a nova língua tem várias interpretações, haja assessor para tentar traduzi-la!!! Mas até em coletiva? Chuva de CPI’s Acho que ninguém agüenta mais a chuva de CPI’s que vem inundando a vida de todos nós. Parece que o parlamentar só existe para montar CPI, mesmo que a proposta não tenha nenhuma base política ou jurídica. Isso pode ser um problema para as próximas eleições. No horário gratuito eleitoral, que já é uma ofensa a dignidade do eleitor, seremos obrigados a ouvir o seguinte discurso: Meu nome é XXXX, meu número é XXXX, meu partido é XXXX e o pior: já participei de XXXX CPI’s, fui presidente da CPI XXXX e relator da CPI XXX... Uma verdadeira lástima.


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

04

Cidade Campinas Cidade C

Com a Umidade Relativa do Ar (URA) de Campinas chegando a 23%, na última semana, a Secretaria de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública (SMCASP) declarou “Estado de Atenção” no município. A iniciativa faz parte de ações básicas que são tomadas nesses períodos de estiagem, de acordo com o decreto 17.336/11, que criou a Operação Estiagem 2011, prevista para ser realizada no período de 1º de junho a 30 de setembro. O decreto estabelece que se a URA estiver entre 30% e 20% será declarado “Estado de Atenção” no município; entre 20% e 12%, a cidade passa a estar em “Estado de Alerta” e quando a URA ficar abaixo de 12%, será declarado “Estado de Emergência”. Nesta semana, além de Campinas, 12 cidades da região atingiram índices de URA abaixo de 20%. De acordo com o coordenador regional da Defesa Civil de Campinas, Sidnei Furtado, “a situação se agravou com a última frente fria registrada que, contrariando as expectativas, não trouxe chuva para a região e reduziu ainda mais a umidade do ar. É um momento em que as pessoas precisam ter mais cuidado, porque a falta de chuva e a baixa umidade do ar, agregada a qualquer tipo de queimada, geram um problema sério de saúde pública”. Segundo o coordenador da Defesa Civil, não há expectativa de aumento de umidade esta semana, por isso o alerta continua. “Os índices devem continuar abaixo de 30% esta semana, o que ainda estabelece ‘Estado de Atenção’”, alerta. De acordo com o Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas a Agricultara (Cepagri), da Unicamp, pelo menos até o próximo final de semana não há previsão de chuvas em Campinas e tendên-

cias à diminuição da umidade relativa do ar. No último domingo, dia 14, a temperatura máxima chegou a 33ºC em Campinas e a umidade relativa do ar estava em torno de 23%. Para amenizar os problemas causados por essa situação, a Secretaria de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública de Campinas (SMCASP), aposta na conscientização da população. Segundo Sidnei Furtado, desde o início da Operação Estiagem, foram orientadas cerca de 12 mil pessoas sobre esse período de estiagem. A ação foi realizada em parceria com as secretarias de Serviços Públicos – por intermédio do Departamento de Ações Integradas (DAI) e Coordenadoria de Fiscalização de Terrenos (Cofit) e de Meio Ambiente. O Corpo de Bombeiros e a Fundação José Pedro de Oliveira também participaram em conjunto com outros órgãos públicos. O objetivo principal da ação integrada foi conscientizar a população sobre os cuidados que devem ser tomados nesse período de falta de chuvas, especialmente em relação às queimadas, mais comuns nessa época do ano. Além da divulgação, foram feitas vistorias preventivas pelo Cofit e DAI em locais que oferecem algum risco à população local. No total, 83 notificações administrativas serão enviadas a proprietários de áreas para a promoção de obras, que vão desde limpeza de terreno até a recuperação de passeio público. Prevenção na RMC Desde o último dia 5 de agosto, em função da estiagem, os municípios da Região Metropolitana de Campinas (RMC) têm se mobilizado em ações educativas e de prevenção dos problemas causados

no período. A iniciativa regional faz parte do Plano de Contingência para o Período de Estiagem da RMC e foi idealizada no dia 20 de julho, na reunião da Câmara Temática de Defesa Civil do Conselho de Desenvolvimento da RMC. As atividades do Dia de Prevenção aconteceram nos municípios integrantes do Plano de Contingência, em parceria com a Defesa Civil e demais secretarias municipais. O objetivo é orientar a população sobre ações preventivas que podem ser feitas no dia-a-dia quanto ao cuidado com a saúde e com a natureza durante o período de clima seco. Entre as ações de conscientização estão a distribuição de panfletos sobre como evitar as queimadas e os incêndios em áreas urbanas e sobre o papel das equipes de Defesa Civil na prevenção de desastres naturais. Outro alerta feito pela Defesa Civil é quanto aos níveis de umidade relativa do ar, que ficam muito baixos no período de estiagem, ocasionando problemas de saúde, como dificuldade de respiração e alergias.

Queimadas O coordenador regional da Defesa Civil de Campinas, Sidnei Furtado, explica que nessa época do ano, algumas vezes ocorre o surgimento de queimadas, mas que a maior parte dessas queimadas é causada por ação humana. “O que acontece é que muitas vezes, proprietários de chácaras, resolvem queimar lixo ou coisas em seu quintal e como existe uma baixa dispersão de fumaça nessa época do ano, a fumaça fica parada no ar. Como o ar já está seco, a baixa dispersão da fumaça agrava ainda mais a situação da saúde pública, causando um aumento, principalmente, nos casos de problemas respiratórios”. De acordo com informações da Assessoria de Imprensa do Hospital Municipal Dr. Mario Divulgação

Manu Pivatti / Bureau 2.8

Defesa Civil declara “Estado de Atenção” em Campinas URA chega a 20% em 13 municípios da RMC

Gatti (HMMG), nessa época do ano, com mudanças de temperatura durante o dia, frio, estiagem, além de aglomerações em ambientes fechados, há um aumentam dos casos de gripes, resfriados e do aparecimento das doenças respiratórias. Crianças e idosos são as que mais sofrem no período. Nas últimas semanas, os prontossocorros Adulto (PSA) e Infantil (PSI) do HMMG, registraram um aumento de 15% no atendimento, sendo que a maioria foi relativa a problemas respiratórios. “As doenças respiratórias são comuns, mas a poluição, o clima seco e o frio ajudam a propagar vírus e bactérias”, ressalta Andréa de Paiva, médica coordenadora do PSI. Para o chefe de plantão do PSA, o médico Fábio Morano, “os idosos e as crianças devem ter uma atenção especial e também é importante uma hidratação constante porque no inverno não sentimos muita sede e nos esquecemos de ingerir líquidos”, frisa. De acordo com Andréa, os vírus estão cada vez mais fortes. “O que mais nos preocupa são as bronquiolites (inflamação dos brônquios) em lactentes, pois se não houver cuidado a doença pode evoluir para uma pneumonia”, diz ela. Os sintomas da doença são alta frenquência respiratória, chiado no peito e tosse. “É preciso ficar atento aos sintomas de resfriado porque ele evolui para uma gripe que pode se complicar e as crianças o os idosos apresentam imunidade mais baixa que os adultos”, frisa a coordenadora do PSI. Dicas - Manter o ambiente umidificado - Aproveitar o vapor do banho para se hidratar - Tomar bastante água - Agasalhar a criança de acordo com a temperatura - Manter ambientes limpos - Fazer uma alimentação saudável e balanceada - Umidificar as vias aéreas - Evitar exercícios físicos ao ar livre entre 11 e 15 horas - Permanecer em locais protegidos do sol e próximo de áreas verdes


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

05

Cidade Campinas Cidade C

Lotação do Pátio Municipal preocupa EMDEC

Capacidade total é para 2,3 mil veículos, mas atualmente existem 6,7 mil Assessoria EMDEC

onde a quantidade de habitantes é maior que Campinas, a proporção chega a 2,7 habitantes por veículos, o que já faz uma grande diferença”. Torrecillas também assinala que existe certa lentidão dentro do Judiciário, para a liberação da realização de leilões, que devem ser organizados pela CIRETRAN e que têm grande importância para o esvaziamento do Pátio. “Seria importante a realização de mais leilões ao longo do ano, mas devido a essa lentidão do Judiciário, a coisa fica um pouco mais difícil”, analisa.

Assessoria EMDEC

A superlotação do Pátio Municipal de Guarda e Recolha de Veículos vem preocupando a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (EMDEC), que também é responsável pela operação do espaço. Segundo a EMDEC o Pátio deveria ser destinado para guarda e recolha dos veículos, mas a maior parte dos veículos que estão no local (95%) são originários de apreensões realizadas pelas polícias Civil e Militar. A liberação do espaço só pode ser feita via leilões, que são de responsabilidade da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) de Campinas. Cabe à Ciretran definir qual veículo será levado a leilão, “dar baixa” na documentação do veículo antes de ele ir à leilão (cancelamento do RENAVAN junto ao Departamento Estadual de Trân-

sito de São Paulo), contratar o leiloeiro, liberar o veículo como “sucata”, emitir Nota Fiscal e outras providências. Os veículos que vão para leilão são vendidos como “sucata”, ou seja, não podem circular porque não possuem documentação, uma vez que é dada “baixa” no RENAVAM do veículo pelo DETRAN/ SP antes do leilão. Mas as peças do veículo podem sem comercializadas. A pessoa que faz a compra do veículo leiloado, ou seja, que faz a compra da “sucata”, recebe uma Nota Fiscal de compra, emitida pelo leiloeiro. Quando uma pessoa vai comprar uma peça do comerciante que adquiriu o veículo leiloado, essa pessoa deve pedir, também, uma Nota Fiscal do desmanche referente à compra da peça. Essa Nota Fiscal de compra da peça é emitida pelo

desmanche. Dados Pátio Até o dia 1º de agosto de 2011, 6,7 mil veículos estavam no Pátio Municipal, quando a capacidade é para 2,3 mil veículos. Do total, cerca de 400 estão na sede da EMDEC, na Vila Industrial e outros 120, incluindo caminhões, no Departamento de Inspeção Veicular (DIV). Por dia, são realizadas cerca de 20 apreensões de veículos ao Pátio e são liberados apenas 15 veículos. Como não há mais espaço físico para receber novos veículos, a EMDEC apenas consegue levar novos veículos ao Pátio quando há liberações, ou seja, saindo um, entra um. No final do ano passado, a 7ª Ciretran se comprometeu, formalmente, em realizar oito leilões em 2011, nos meses de fevereiro, abril, maio, junho, agosto, outubro, novembro e dezembro, mas até agosto só foram realizados apenas três leilões. Para a EMDEC, o ideal seria a realização de um leilão por mês, com um volume de carros bem maior do que o volume de motos. Somente dessa maneira, haveria mais espaço físico para a recolha dos veículos apreendidos. De acordo com o presidente da EMDEC, Sérgio Marasco Torrecillas, “o principal problema que enfrentamos em Campinas e que acaba prejudicando a manutenção do Pátio, é o fato de que aqui nós temos uma frota enorme de carros (mais de 700 mil veículos cadastrados), o que gera uma das mais altas proporções de veículos por habitantes, do estado de São Paulo (1,55 habitantes por veículo). Em Guarulhos,

Novo Pátio Sérgio explica que a preocupação da EMDEC com o Pátio Municipal já existe há algum tempo e que a instituição já vem tomando algumas providências nesse sentido. “Acreditamos que já no início do próximo ano teremos uma proposta mais concreta para a construção de um novo Pátio no município. O projeto do novo Pátio Municipal deve ter investimentos da ordem de R$ 2 milhões e terá a capacidade para 10 mil veículos. Acreditamos que com essa iniciativa da EMDEC, com o apoio da CIRETRAN e do Judiciário, sempre visando a agilização do processo de liberação de veículos, o novo pátio possa suprir a necessidade de Campinas por pelo menos mais 10 anos, mas para isso, todos os órgãos relacionados com a manutenção do pátio tem que trabalhar em conjunto e esperamos que isso ocorra”. Estatísticas 2011 dos leilões do Pátio até 15/08 – Total: 1.081 * 1º leilão – terça-feira, 12 de abril 314 lotes (228 motos e 86 automóveis) * 2º leilão – terça-feira, 31 de maio 326 lotes (182 motos, 131 automóveis, 11 bicicletas e 2 lotes de peças) * 3º leilão – sexta-feira, 29 de julho 441 lotes (294 motos e 147 automóveis) Estatísticas 2010 dos leilões do Pátio Total: 1.475 * 1º leilão – quinta-feira, 1º de abril 470 lotes (266 motos, 203 automóveis e 1 caminhão) * 2º leilão – terça-feira, dia 22 de junho 236 lotes (148 motos e 88 automóveis) * 3º leilão – sexta-feira, dia 20 de agosto 240 lotes (120 motos, 103 automóveis, 16 lotes de peças e 1 caminhão) * 4º leilão – terça-feira, 07 de dezembro 529 lotes (320 motos, 205 automóveis, 2 microônibus, 1 bicicleta e peças) * Outros Leilões: 2007 – 3; 2008 – 7; 2009 – 4; 2010 – 4.


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

06

piloto de coletaseletiva Reginaldo Prado

Projeto deve atingir todos os bairros até 2012

A Prefeitura de Hortolândia iniciou em julho, um projeto piloto de coleta seletiva no Palácio das Águas (Paço Municipal). Cada copa instalada no prédio recebeu um porta-lixo apropriado para o despejo de materiais recicláveis como copos de café, sucos e chás. Os demais materiais recicláveis deverão ser depositados nas lixeiras que ficam em cada mesa. O lixo úmido poderá ser depositados nas lixeiras que já existentes. A proposta é que até 2012 todos os bairros recebam a coleta seletiva. Com a ação, a prefeitura pretende aumentar a renda dos trabalhadores da cooperativa. O caminhão que presta serviço de coleta seletiva para a prefeitura passará duas vezes por semana no Palácio das Águas. Os materiais serão levados para a cooperativa de reciclagem que fica no Jardim Rosolen.

A Secretaria de Meio Ambiente junto aos representantes das secretarias de Inclusão e Desenvolvimento Social, Assuntos Jurídicos, Governo e Serviços Urbanos formaram uma comissão com o objetivo de estudar políticas públicas de coleta seletiva na cidade. A proposta é cumprir a Lei Federal nº 12.305/10 que obriga os municípios a realizarem a coleta seletiva em todos os bairros, até 2.012, e realizar a gestão de resíduos. Segundo Ricardo Zanoni, coordenador do projeto, existem outras ações que ajudam na preservação do meio ambiente como evitar amassar papel, diminuir o tamanho das embalagens, depositar os materiais na lixeira correta, entre outras. Os copos utilizados para tomar café, por exemplo, devem ser lavados antes de ser depositados nas lixeiras. “Estamos fazendo um estudo orçamentário junto com algumas secretarias. Uma das propostas é começar a coleta no Jardim Nossa Senhora de Fátima e Residencial Firenze, bairros precursores do Programa HortoVila. Estamos fazendo de tudo pra que a coleta funcione em todos os bairros”, afirmou a diretora da Secretaria de Meio Ambiente, Eliane Nascimento.w

RMC apresenta Projeto de Cartão Único de Saúde Assessoria Pref. Mun. de Pedreira

Cidades da RMCR Cidades Hortolândia implanta projeto

O presidente do Conselho de Desenvolvimento da RMC, prefeito de Pedreira, Hamilton Bernardes Junior, juntamente com os prefeitos de Valinhos, Marcos José da Silva, de Monte Mor, Rodrigo Maia, de Holambra, Margareti Rose de Oliveira Groot e de Hortolândia, Angelo Perugini, estiveram reunidos com o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, em Brasília. Os prefeitos da RMC entregaram ao Mi-

nistro uma lista de sete itens, que somam cerca de R$ 20 milhões e visam à integração da Rede Municipal de Saúde dos 19 municípios que compõem a RMC. “O Projeto Cartão Único de Saúde foi devidamente apresentado ao Ministro Alexandre Padilha, que irá em breve viabilizar um estudo para sua implantação, primeiramente na RMC e posteriormente, em todo o país”, destacou Hamilton Bernardes Junior. 


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

07

Prevenção é a melhor forma para a segurança de seus aparelhos As novas tecnologias que estão surgindo como: tablets e smartphones, além dos já conhecidos: notebooks, netbooks e desktops são suscetíveis a malwares diversos. Segundo o site de pesquisas Wikipédia, o termo malware é proveniente do inglês “malicious software” e é um software destinado a se infiltrar em um sistema de computador alheio de forma ilícita, com o intuito de causar algum dano ou roubo de informações (confidenciais ou não). Os principais exemplos de malware são: vírus, worms, trojan horses (cavalos de troia) e spywares. Também pode ser considerado malware uma aplicação legal que por uma falha de programação (intencional ou não) execute funções que se enquadrem na definição acima. Dicas: - Atualize sempre que for informado pelos programas Adobe Flash Player e o aplicativo Java em qualquer aparelho; - Instale um bom antivírus. Há vários

gratuitos disponíveis tanto em sites de aplicativos para celular e tablets, quanto para computadores; - Atualize os antivírus quando necessário e faça varredura, no mínimo, uma vez por semana; - Não baixe arquivos provenientes de sites duvidosos. Se desconfiar da procedência do site, não baixe; - Em caso de celulares ou tablets, só baixe arquivos que sejam das lojas de aplicativos do aparelho, como a App Store ou Android Market; - Não cadastre celulares em sites que baixam cds, dvds ou softwares; - Na hora de usar uma rede wi-fi pública, não salve senhas e não entre em contas bancárias. Nunca se sabe quem também estará conectado. - Cadastre senhas que misturem números e letras; - Em computadores públicos, não acesse sites de bancos e não salve senhas de e-mails ou redes sociais.

Divulgação

Proteja seu smartphone, Banda larga tablet, note ou desktop de 1,25 Gbps

Uma nova geração de redes ópticas desenvolvida pelo CPqD, em Campinas (SP), deverá servir de infra-estrutura para que operadoras possam oferecer conexões de banda larga de até 1,25 gigabits por segundo (Gbps). A geração atual entrega velocidades individuais de 40 Mbps a até 64 usuários simultaneamente. Testes realizados com a próxima geração permitirão atender até 40 usuários simultâneos com 1,25 Gbps para cada um. Contudo, a meta é ampliar o número para 80 usuários e aumentar a distância entre o usuário e a central da operadora, de 20 km para 40 km.

nanopoluentes podem entrar nas células de seres humanos, animais e plantas. Como a maioria destes nanopoluentes não existem na natureza, as células e anticorpos provavelmente não teriam meios apropriados para lidarem com esses nanopoluentes, causando danos ainda não-conhecidos. Alexandre Ribeiro Mucci, “amante de games”, cuja lembrança mais antiga é sentado no sofá jogando Mario Bros 3 no Nintendinho Arquivo Pessoal

meios para utilização da nanotecnologia em seus meio de comércio, como por exemplo, o uso de nanotecnologia para protetores solares, que utiliza nanopartículas de óxido de zinco ou de óxido de titânio, o que evita a cor esbranquiçada ao utilizar o protetor. Cientistas de todo o mundo estudam uma forma para reproduzirem uma máquina com a capacidade de “montar” qualquer objeto utilizando a nanotecnologia, partindo de um princípio básico de que qualquer objeto é o conjunto de uma determinada escala de átomos juntos, que conforme o mundo em que se juntam, tomam uma determinada forma. Uma máquina com esta especificação pode ser vista em alguns filmes e seriados de ficção científica, como por exemplo, Jornada nas Estrelas. Uma das maiores preocupações sobre o uso de nanotecnologia, é o de que pode ocorrer a nanopoluição, que seria gerada por nanomateriais ou durante a confecção destes. Este tipo de poluição formada por nanopartículas podem ser muito perigosas devido ao fato de flutuarem facilmente pelo ar, podendo viajar grandes distâncias, sendo que devido ao seu pequeno tamanho, os

Tablets aprimoram atendimento e impulsionam negócios Os Tablets estão invadindo cada vez mais o mundo dos negócios. Alguns departamentos de TI já estão permitindo o uso desses dispositivos para seus executivos usarem em casa e no ambiente de trabalho. A ideia dos tablets não é totalmente nova, eles apareceram há cerca de duas décadas em setores como saúde e finanças. Em geral, porém, antes esses dispositivos rodavam Windows e os usuários utilizavam canetas e teclados para controlá-los, em vez de dedos. No entanto, o surgimento de tablets como o iPad e o Andorid no mercado consumidor, estão mudando a forma de como os funcionários de pequenas empresas interagem com clientes e fornecedores. Divulgação

Nano fio sobre fio de cabelo

A nanotecnologia foi criada no Japão e se baseia na manipulação de matérias verdadeiramente minúsculas: tanto como um átomo ou uma molécula, em que suas medidas individualmente ficam em volta de um a 100 nanômetros, sendo que um nanômetro, se convertido em centímetros, é o equivalente a 0,000001. Discussões envolvendo a nanotecnologia, frequentemente se referem como sendo uma “tecnologia de objetivos gerais”, pois esta tecnologia, após atingir a sua fase madura e bem estudada, terá um impacto significativo na maioria das indústrias e áreas da sociedade, podendo melhorar os sistemas de construção e possibilitando a fabricação de produtos mais duráveis, seguros e inteligentes, para a indústria em geral e também possivelmente para o uso doméstico. Uma das maiores expectativas em volta da nanotecnologia na área da medicina, é a de que poderiam colocar parte desta tecnologia na corrente sanguínea de uma pessoa, que iria circular pelo corpo do indivíduo até encontrar possíveis células cancerígenas e exterminá-las do corpo do indivíduo. Empresas de diversos ramos estudam

Divulgação

Tecnologia Tecnologia Noções básicas sobre Nanotecnologia e seus possíveis usos


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

08

SaúdeSaúde

Prefeitos da RMC recepcionam Ministro da Saúde

Hospital Ouro Verde receberá repasse de R$ 3,5 milhões e demais melhorias Unidades Básicas de Saúde (UBS) na região. O ministro afirmou ainda, que uma nova política do órgão garantirá um repasse maior de verbas para os leitos novos, como os da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e retaguarda do Ouro Verde. O presidente da RMC, prefeito de Pedreira, Hamilton Bernardes Junior, ressaltou, durante seu discurso, que os projetos na região têm um esforço concentrado das prefeituras e andam em um ritmo mais acelerado que em outras partes do país. “Durante a última semana os prefeitos da RMC estiveram reunidos com o Ministro em Brasília e na ocasião apresentamos o projeto do Cartão Único de Saúde para todas as 19 cidades da RMC, que foi prontamente aprovado e em breve terá início um minucioso estudo pelo Ministério da Saúde para sua futura implantação”, enfatizou o presidente Bernardes. Em visita ao hospital, Padilha disse que várias novidades serão implementadas pelo ministério. Uma delas é o Hospital Lar, cujo objetivo é dar aos pacientes tra-

tados em casa cuidados como o acompanhamento de fisioterapeutas. “Em quatro anos, a meta é ter mil equipes no País no programa nacional de internação domiciliar que ganhou o nome de Hospital Lar, e cuja portaria já está aprovada”, disse. Padilha também citou a construção do Hospital Metropolitano. A nova unidade terá investimentos de R$ 6 milhões. Ele disse que o responsável pelo projeto terminou os últimos ajustes e o ministro deseja que o processo de estruturação comece rápido. Além das 15 Unidades Básicas de Saúde (UBS), cujos convênios já foram assinados, outras 14 serão implantadas. “Ainda faltam definir quais cidades da região receberão as unidades”, concluiu o ministro da Saúde. Divulgação

Assessoria Pref. Mun. de Pedreira

o governo federal dará R$ 3,5 milhões a mais para garantir que o Hospital Ouro Verde, em Campinas, opere com 100% da capacidade. Além da verba o Ouro Verde terá mais 60 leitos gerais e outros 30 para UTI (Unidade de Terapia Intensiva), desafogando o atendimento que hoje é feito em ouHamilton Bernardes - Presidente da RMC - Assina convênio com o Ministério da Saúde tros prontos-socorros da cidade. Na O presidente do Conselho de Desenoportunidade, também foram assinados volvimento da Região Metropolitana de convênios com diversas cidades, cujos vaCampinas, Hamilton Bernardes Junior e os lores ultrapassam R$ 12 milhões. demais prefeitos que integram os MuniO complexo Hospitalar terá a ampliacípios da RMC, recepcionaram, na última ção de 80 leitos e o Pronto-Socorro da semana, o ministro da Saúde, Alexandre Universidade Estadual de Campinas (UniPadilha, em cerimônia realizada nas decamp) terá obras de reforma e compra de pendências do Complexo Hospitalar Ouro equipamentos, além da construção de 15 Verde. O ministro também anunciou que

Campinas vacinou mais de 29,9 mil crianças Divulgação

Valor corresponde a 44,34% da população, mas o objetivo é vacinar 95%

Equipes da Secretaria de Saúde de Campinas vacinaram mais de 29.953 crianças de zero a cinco anos contra a

poliomielite no último sábado, dia 13. O número corresponde a 44,34% das crianças nesta faixa etária no município. O ba-

lanço é parcial até 16 horas de sábado e não considera os postos volantes. Por não ter conseguido bater a meta de vacinação proposta, a campanha prossegue desde segunda-feira, dia 15, em todos os Centros de Saúde do Sistema Único de Saúde (SUS) de Campinas. A meta é vacinar 95% do público alvo, formado por 68 mil crianças em Campinas. Para este dia D de mobilização, 310 postos foram abertos em todas as regiões do município. Ao todo, 1.300 profissionais trabalharam na campanha, que contou com a utilização de 100 veículos para as ações de apoio logístico e transporte das equipes. A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave. Na maioria dos casos, a criança não morre quando é infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia, principalmente nos membros inferiores. A doença é causada e transmitida por um vírus (o poliovírus) e a infecção se dá, princi-

palmente, por via oral. Informações sobre endereços e horários de funcionamento podem ser obtidas pelo Disque Saúde, no 160, ou pelo telefone 156. Brasil O Brasil está livre da circulação do Poliovirus Selvagem há 22 anos. Em 1994, o país obteve o Certificado Internacional de Erradicação da Transmissão Autóctone e, desde então, comprometeu-se a manter altas coberturas vacinais, maiores ou igual a 90%. A partir de 2005, essa meta foi alterada para 95% do público alvo. O último caso de poliomielite no Brasil foi registrado em 1989, na Paraíba. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), 26 países ainda registram casos da doença. Quatro deles – Afeganistão, Índia, Nigéria e Paquistão – são endêmicos, ou seja, possuem transmissão constante.


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

09

Economia Economi

Porta Aberta recebe mais de 7,5 mil pessoas em duas semanas

Desde o dia 1º de agosto, quando o Programa de Regularização Fiscal (PRF) da Prefeitura de Campinas entrou em operação, mais de 7,5 mil pessoas já procuraram o posto de atendimento Porta Aberta do Paço Municipal. Foram firmados 1.529 acordos, 1.328 a mais que o mês de julho inteiro, quando não havia o programa. Já nos outros sistemas de atendimento, como Prefeitura Móvel, Porta Aberta Campo Grande e SAC, foram 7,4 mil atendi-

mentos, com 578 acordos firmados. Quando somadas todas as formas de atendimento disponíveis pela prefeitura na área tributária, o PRF já totaliza mais de 14,9 mil atendimentos, com 2.107 acordos firmados. O programa oferece até 100% de desconto em juros e multas na negociação de dívidas para o pagamento de tributos municipais em atraso. Os descontos valem para dívidas de ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza), de contribuição de melhorias, dívidas não tributárias (obras e comércio, limpeza e fiscalização de terrenos e calçadas, penalidades contratuais, uso do solo, etc), do lixo hospitalar e do IPTU. No PRF, quem optar pelo pagamento em até três parcelas terá 100% de desconto; em até seis, 80%, em até 12, 70%. Para quem optar por pagar em até 60 parcelas, o desconto será de 50% e os juros nas parcelas, de apenas 4% ao ano.

Divulgação

Divulgação

Contribuinte procura prefeitura para renegociar dívidas

De acordo com o Departamento de Cobrança e Controle de Arrecadação, mesmo com o aumento na procura, o tempo de espera no Porta Aberta está dentro do normal. Para realização das negociações entre prefeitura e contribuinte, foi ampliado o número de postos de atendimento e o contribuinte foi incentivado também a procurar os postos volantes, como o Prefeitura Móvel, além do atendimento telefônico e o online. Segundo informações

da prefeitura os números apontam que tem aumentado gradativamente a procura pelo SAC e pelas unidades móveis. A expectativa da prefeitura, além de regularizar a vida do cidadão, é de arrecadar com o PRF, cerca de R$ 32 milhões ainda em 2011 com as parcelas à vista; ao longo de 2012 mais R$ 40 milhões e até o final do programa, com os parcelamentos, R$ 120 milhões. Embora o programa beneficie aqueles que possuem dívidas com a Prefeitura, a Administração também tem buscado premiar o contribuinte que paga seus impostos em dia. Para aderir ao PRF, o contribuinte deverá procurar um dos postos de atendimento da Prefeitura: Porta Aberta, SAC (Serviço de Atendimento ao Contribuinte) ou ainda pelo Atendimento Online telefone -3755 6000. Mais informações podem ser obtidas também no portal da Prefeitura (www.campinas.sp.gov.br).

Região de Campinas recebe R$ 768 milhões em financiamento Caixa espera fechar o ano com R$ 1,8 bilhões em financiamento para a região pessoas. Em todo o País, foram liberados R$ 34,7 bilhões para habitação, valor 3,4%

no Brasil. Na região de Campinas, foram contratados R$ 340 milhões. Segundo especialistas, o decréscimo de financiamenDivulgação

A Caixa Econômica Federal fechou, no primeiro semestre de 2011, 11.767 contratos habitacionais, totalizando R$ 768 milhões em financiamentos, na região de Campinas. Os financiamentos com recursos da poupança através do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) foram responsáveis por R$ 348 milhões do valor contratado. O financiamento com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) representaram R$ 376 milhões, dos quais R$ 340 milhões se referem ao financiamento da segunda versão do programa “Minha Casa, Minha Vida”, que teve início em janeiro deste ano. Completam o montante o financiamento para material de construção, que no primeiro semestre teve aporte de R$ 80 milhões contratados, apresentando um crescimento de 26% com relação ao mesmo período do ano passado. O valor do tíquete médio de financiamento na região de Campinas foi de R$ 136 mil para o SBPE e de R$ 73 mil para o FGTS. Quando comparados o primeiro semestre de 2011 com o de 2010, houve um aumento da população beneficiada e do número de contratos, mas uma redução de 4% do valor financiado. No primeiro semestre deste ano foram 11.767 contratos, no valor de R$ 768,5 milhões beneficiando 47.769 pessoas. No primeiro semestre de 2010 foram 11.212 contratos, no valor de R$ 838,9 milhões, beneficiando 45.452

Pessoas aguardam atendimento para realizar financiamento da Caixa

superior ao do mesmo período de 2010. A Caixa registrou uma média de R$ 269,6 milhões e 3.889 contratos ao dia, em 2011, sendo que 51% das famílias beneficiadas têm renda de até 10 salários mínimos. Na segunda versão do programa “Minha Casa,Minha Vida”, já foram realizados quase R$ 12,6 bilhões em financiamentos,

to neste semestre ocorreu em razão de os financiamentos terem sido maiores para faixas de renda mais baixas e com valores mais baixos. Em 2009 o crédito imobiliário na região de Campinas chegou a 19.003 contratos com valor de financiamento de R$ 1 bilhão. Em 2010, foram 25.616 contratos no

valor de financiamento de R$ 1,8 bilhão. A expectativa da regional da Caixa em Campinas, que atende 23 municípios, é de fechar 2011 com um valor financiado muito próximo ao que foi fechado no ano passado, R$ 1,8 bilhão. Isso se deve ao fato de que alguns fatores devem levar a essa estabilidade, pois alguns ritos de aprovação estão diferenciados. A Caixa reconhece que no primeiro semestre existe um efeito sazonal, o que faz o maior volume de contratação se dar sempre no segundo semestre. O governo federal fez uma alteração nas denominações do programa “Minha Casa, Minha Vida”. Na primeira versão as faixas eram estabelecidas por faixa salarial: a faixa 1 era de zero a três salários mínimos, a faixa 2, de três a seis mínimos e a faixa 3, de seis a dez salários mínimos. Nesta segunda versão do programa ficou estabelecido o limite de renda. Com isso a faixa 1 é de limite de renda de R$ 1,6 mil; a faixa 2, de R$ 3,2 mil, e a faixa 3, de R$ 3,2 mil. Com relação à inadimplência dos contratos, houve uma certa estabilidade na faixa de 1,7% a 2% pelo fato de que anteriormente a garantia para retomada do imóvel ocorria por meio da hipoteca e atualmente ocorre através da alienação fiduciária, ou seja, por busca e apreensão. Com isso, o tempo para retomada do imóvel em caso de inadimplência depois de esgotadas as negociações caiu de 5 a 10 anos para um prazo de três a quatro meses.


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

10

PolíciaPolícia

PM de Campinas é a primei- Família de Toninho ra do interior a usar tablets quer PF no caso Divulgação

Aparelhos devem reduzir pela metade o tempo de uma ocorrência

A Polícia Militar de Campinas será a primeira cidade do interior do Estado de São Paulo a usar o sistema de tablets (computador de mão) nas viaturas que circulam pela cidade. A proposta é diminuir pela metade o tempo de atendimento das ocorrências, mudando a comunicação via rádio para a comunicação online. Os equipamentos começaram a ser usados na última sexta-feira, dia 5, em 94 viaturas da corporação. Os equipamentos foram adquiridos para que os policiais tenham acesso a um sistema de comunicação da PM e possam verificar dados

pessoais de cidadãos, informações de veículos, documentos, entre outros recursos e contam com ferramenta de GPS e AVL, um localizador automático de viaturas, para faciliar a transmissão de informações, registro de ocorrências e consulta de casos anteriores. O tablet também poderá ser usado para consulta de placas de veículos e RG de suspeitos, procedimento que deve reduzir pela metade o tempo de uma ocorrência, já que não será preciso a comunicação com a central.Todas as informações serão transmitidas via telefonia celular 3G, com acesso aos sistemas inteligentes de registro de ocorrências e informações criminais, Fotocrim (base informatizada de fotografias criminais) e Copom (centro de operações da PM). O novo serviço conta com um sistema operacional de uso exclusivo da PM e será alimentado pelos órgãos de segurança do governo do Estado de São Paulo. Seus recursos não podem ser compartilhados por outros equipamentos domésticos comuns.

Familiares do ex-prefeito de Campinas, Antonio da Costa Santos, o Toninho do PT, assassinado no dia 10 de setembro de 2001, pediram que a investigação do crime, ainda não esclarecido, passe para a Polícia Federal. A família protocolou, na última terçafeira, um pedido para que o procuradorgeral da República, Roberto Gurgel, se manifeste sobre a federalização do crime e a consequente investigação pela Polícia Federal. De acordo com o advogado da família, William Ceschi Filho, desde 2007, já existe um procedimento com esse pedido, mas é a primeira vez que o procurador-geral da República é questionado a respeito do chamado incidente de deslocamento de competência, argumento que pode ser utilizado apenas por ele em casos de violação de direitos humanos, em qualquer fase de um inquérito ou processo. Caso seja favorável aos argumentos da

família, o procurador-geral poderá solicitar ao Superior Tribunal de Justiça que o caso seja deslocado para a Justiça Federal e Polícia Federal. Atualmente, está com a Polícia Civil. Motivação O prefeito de Campinas foi assassinado após permanecer oito meses no governo. Quando saía de um shopping da cidade, dirigindo seu carro, foram disparados três tiros contra ele. Em setembro de 2007, o juiz José Henrique Torres, de Campinas, decidiu - alegando falta de indícios - não aceitar a denúncia contra o sequestrador Wanderson de Paula Lima, o Andinho, acusado pelo Ministério Público e Polícia Civil de ser um dos autores do crime. Para a família de Toninho do PT, a motivação foi política e há outras suspeitas de autorias em áreas cujos interesses o então prefeito confrontou. O Ministério Público recorreu, mas o Tribunal de Justiça decidiu, em janeiro de 2009, reabrir as investigações. Um novo inquérito foi aberto na Delegacia Seccional de Campinas e, no início deste ano, mudou de mãos, passando para o delegado do setor de homicídios, Ruy Pegolo.

Delegacia de Barão Geraldo tem novo delegado Principal desafio é a onda de estupros no distrito

José Carlos Fernandes da Silva assumiu, na última semana, o 7º DP de Campinas, localizado no distrito de Barão Geraldo. Tão logo assumiu a unidade, o delegado se deparou com seu primeiro grande desafio: a falta de tranquilidade dos moradores locais com relação aos casos de estupros. José Carlos garante que todos os casos estão sendo investigados pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) juntamente com o 7º DP. “Após a alteração do Código Penal houve um aumento dos índices de estupro porque a lei ampliou o conceito do crime: hoje qualquer ato libidinoso pode ser considerado estupro”, salientou o novo delegado. Segundo ele, até um beijo forçado pode ser enquadrado como estupro e os casos de estupro propriamente dito (com conjunção carnal), são poucos. Fernandes afirma e que as investigações já estão bem adiantadas, sendo certo que os autores serão identificados e presos em um curto espaço de tempo.

Criminalidade Sobre o alto índice de criminalidade no distrito de Barão Geraldo, o delegado entende que a investigação deve iniciarse imediatamente após a ocorrência do crime. “Para ajudar nas investigações, já estamos alimentando um arquivo de fotografias de indivíduos criminosos e suspeitos que agem no distrito, para serem exibidas a todas as vítimas, no momento do registro da ocorrência, para facilitar a investigação. As pessoas tem que colaborar não se omitindo, denunciando e sempre registrando os crimes que foram vítimas. Queremos criar um canal de comunicação com a população, visando o melhor atendimento e também criar uma comissão de representante dos estudantes com igual objetivo”, alerta o delegado.

Passeata de alunos da Unicamp Ariadne Leite Gomes, 22 anos, aluna do 2º ano de Biologia da Unicamp diz que tem medo de andar por Barão Geraldo por causa da criminalidade. “Mesmo estudando à noite, chego à faculdade antes de escurecer e para voltar, nunca ando sozinha, sempre em grupos”. Ela ressaltou ainda a importância da passeata realizada no dia 11. “Mesmo com o atrito que os moradores do bairro tem com os universitários, essa foi uma oportunidade de todos se juntarem e reivindicarem por um objetivo comum”. A futura bióloga fez questão de dizer que com o anúncio da passeata, os policiais deixaram de ocupar somente a entrada de Barão Geraldo e agora, estão passando mais perto da universidade. Daniel Silva, também de 22 anos, aluno do 4º período de Ciências Econômicas, falou que a criminalidade em Barão já passou dos limites. “Dizemos que passou do limite como se houvesse um limite para sofrer violência”, revoltaDivulgação

Dr. José Carlos Fernandes da Silva

Anteriormente, José Carlos era delegado da Delegacia de Investigações Gerais (DIG). “A principal diferença do trabalho das duas é que a DIG trabalha basicamente com a investigação de crimes de autoria desconhecida, especialmente os delitos contra o patrimônio e aqueles casos mais complexos, já o DP apura todos os delitos, de autoria conhecida ou não”. Sobre a iniciativa da seccional em sugerir mudanças nas delegacia, José Carlos disse que é uma atitude necessária para que os delegados de polícia enfrentem novos desafios.

se e diz que os números no distrito são desproporcionais. “A média de crimes aqui é bem maior do que os cometidos na cidade inteira” relata. Daniel ainda reclama das declarações do antigo delegado do 7º DP. “O próprio delegado chegou a comentar que o número de estupros é normal... Quando um estupro pode ser considerado normal? Será que existe um número que pode ser considerado aceitável?” O aluno de Economia alerta que prestar atenção em qualquer pessoa suspeita é sempre válido e também reitera que não há aparato de segurança que iniba as atitudes dos bandidos. 


Autos Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

Autos 11

Consórcio de automóveis

Alternativa para aquisição de um carro zero

O que é o consórcio? É uma modalidade de acesso ao mercado de consumo baseado na união de

pessoas físicas ou jurídicas, em grupo fechado, cuja finalidade é formar poupança comum destinada a aquisição de automóveis, por meio de autofinanciamento. O princípio do s i s te m a de consórcios é que os consorciados (cotistas) contrib u a m c o m parcela destinada à formação de poupança comum. Todos os participantes do grupo têm assegurado o direito de utilizar essa poupança para a aquisição de bem ou serviço, de acordo com as regras pre-

vistas no contrato do grupo. Ou seja: as contribuições pagas ao grupo destinamse, periodicamente, a contemplar seus integrantes com crédito que será destinado à compra de bem ou aquisição de serviço. Portanto, consórcio é a arte de p o u par em grupo. Se você não precisa de imediato de um determinado bem ou serviço e se puder aplicar parte de sua renda, aquela que não será utilizada como despesa, você tem o perfil de um poupador e portanto, Divulgação

A compra de veículos automotores através de consórcio tem sido uma boa opção para a aquisição de carros zero. Segundo dados da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcio (Abac), no primeiro semestre de 2011 essa modalidade de compra cresceu 31,3% no primeiro semestre de 2011. Comparado com o mesmo período de 2010, foram comercializadas 1,13 milhão de novas cotas contra 860,1 mil um ano antes. As contemplações também tiveram aumento no semestre, passando de 425 mil para 471,4, um crescimento de 10,9%. O número de participantes ativos cresceu 12,3% na comparação de junho de 2011 com o mesmo mês de 2010, quando os participantes passaram de 3,24 milhões para 3,64 milhões. De acordo com a entidade, esses dados confirmam a tendência crescente de procura pelos consórcios para compra de automóveis, de forma inteligente e econômica.

de um consorciado.

Vantagens do Consórcio de Automóveis - Sem Juros, sem entrada, sem parcelas intermediárias. - Taxas menores e menos burocracia que o financiamento. - Pode dividir o valor em até 70 parcelas - Para participar não é necessário avalista e nem a comprovação de renda. - Várias opções de créditos e parcelas que cabem no seu orçamento. - Prestações são menores que o financiamento tradicional. - O valor da carta de crédito e das parcelas são corrigidas apenas quando houver valorização dos bens, mediante preços estipulados pelos fabricantes, tendo como base a tabela da FIPE. - Ao ser contemplado, você pode usar a carta de crédito para adquirir seu carro, novo ou usado, de qualquer marca ou modelo. - Fiscalizado pelo Banco Central do Brasil, mais garantia e segurança para você.


12

Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

13


Imóveis Consórcio de imóveis Imóveis Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

14

Uma alternativa econômica para a compra da casa própria

O consórcio de imóveis, segundo informações da Embracon, vem se consolidando, nos últimos anos, como a melhor opção para quem deseja planejar a compra de imóvel novo ou usado e procura uma alternativa mais econômica do que os financiamentos imobiliários tradicionais (taxas de administração para financiamento tradicional chegam a 12% ao ano, enquanto para os consórcios esse valor cai para 2%). No primeiro semestre de 2011 a aquisição de imóveis por meio de consórcios cresceu 14,6% em relação ao mesmo período em 2010, passando de 108,4 mil para 124,2 mil novos adeptos, segundo pesquisa da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (Abac). Apesar de sua importante evolução, a aquisição de imóvel através de consórcio é recomendada para quem não tem urgência em entrar na posse do bem. Isto porque o consorciado tanto pode ser o primeiro, como o último a ser sorteado. Entretanto, quem possui uma reserva para oferecer como lance –

pode ser utilizado o saldo no Fundo de Garantia do Tempo de Serviços (FGTS), para lances ou quitação de parcelas, tem a possibilidade de acesso ao imóvel no curto prazo. A modalidade de compra de consórcio também pode ser utilizada por quem deseja realizar reformas ou construções em imóvel próprio e ainda para quem já é proprietário de um imóvel financiado e deseja quitar a dívida junto a instituição financeira para fugir das altas taxas de juros praticadas e economizar um bom dinheiro. Como funciona Ao adquirir uma cota de consórcio de imóveis, você passa a fazer parte de um grupo, formado por pessoas físicas ou jurídicas, com a finalidade de formar uma poupança destinada à compra por meio de autofinanciamento. Todos os participantes do grupo contribuem com a formação da poupança por meio do pagamento de prestações mensais sem juros, calculadas de acordo com

o valor total do crédito contratado, mais taxa de administração e fundo de reserva. A cada mês, todos os participantes do grupo concorrem, em igualdade de condições, aos sorteios para a contemplação. Os consorciados também podem ofertar lances com recursos próprios ou lance embutido, que consiste em utilizar até 25% do valor do crédito para antecipar a contemplação e ter a carta de crédito liberada. Também é possível utilizar o FGTS para dar lances ou complementar o valor da carta de crédito para adquirir o imóvel desejado, devendo-se, entretanto, observar as normas do SFH (Sistema Financeiro da Habitação). Na contemplação, o consorciado receberá uma carta de crédito, que pode ser utilizada na aquisição de qualquer tipo de imóvel (novo ou usado / residencial / comercial, reforma / construção) em qualquer lugar do Brasil. Também é permitido utilizar o crédito para realizar a quitação total de financiamento em nome do próprio consorciado.

O imóvel fica hipotecado ou alienado fiduciariamente ao grupo consorciado, a critério da administradora. No caso da hipoteca, o imóvel já fica no nome do comprador, que não poderá vendê-lo até quitar a dívida. Na alienação fiduciária, o imóvel fica em nome da administradora, que passará para o nome do comprador quando a dívida for paga totalmente. Para adquirir uma cota de consórcio, o cliente deve assinar um contrato de adesão, onde estarão estabelecidas as regras que conduzirão o negócio contratado, como: valor do crédito, prazo, valor das prestações, reajuste, condições de contemplação, taxas, direitos e obrigações do consorciado e da administradora, entre outros. Para ter certeza de que está investindo seu dinheiro com segurança, lembre-se de que só podem administrar grupos de consórcios as empresas que possuem autorização do Banco Central – órgão responsável pela regulamentação do setor. 


Comportamento Comportamento Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

15

Qualidade de vida após o fim das regras O uso de lubrificante, à base de água, também ajuda a diminuir o desconforto na hora do sexo, mas desde que haja real desejo por parte da mulher, para continuar desfrutando do prazer sexual, pois o lubrificante sozinho não resolve. A mulher precisa desejar a relação e estar relaxada. É nessa fase que muitas vezes o médico indica a ingestão de cálcio para ajudar no fortalecimento dos ossos e prevenir a osteoporose. A reposição hormonal costuma ser indicada para aliviar os sintomas do processo de envelhecimento, prevenir infarto ou tratar eventual depresDivulgação

Parar de menstruar costuma ser um dos primeiros indicadores do fim do período fértil da mulher, ou seja, do início da menopausa, principalmente se ela está na faixa entre 45 e 55 anos. Algumas mulheres podem sentir algum desconforto, tais como ondas de calor, variações de humor, dores de cabeça, ciclos menstruais irregulares e até insônia, por causa da diminuição dos hormônios (progesterona, estrogênio). Por outro lado, muitas nada sentem. Essas mudanças, geralmente, começam a acontecer no climatério, período que antecede à menopausa. É importante estar atenta e conversar com o médico. Uma das mudanças que ocorre no corpo da mulher são alterações urogenitais (uretra e bexiga), causando dificuldade de esvaziamento e aumento da frequência das micções, perda involuntária de urina, além de secura e atrofia vaginal, devido à perda de elasticidade. A falta de estrogênio também contribui para a diminuição da libido. Fazer exercícios de contração vaginal para ajudar no fortalecimento pélvico é muito importante, pois a prática também contribui para o estímulo da síntese de colágeno e lubrificação da vagina, além de que pode ajudar no processo de excitação e orgasmo.

são. Contudo, cada caso é diferente, essa decisão deve ser discutida com o profissional. Quem tem tendência à depressão ou uma atitude mais passiva diante da vida deve ficar ainda mais atenta, pois essa fase geralmente coincide com transformações exteriores, vida profissional, perda de entes queridos, filhos saindo de casa e a revisão da vida a dois. Sentimentos de tristeza quando prolongados, podem ter suas causas desvendadas na psicoterapia. Em caso de dúvida, deve-se consultar o médico. Fazer exercícios físicos e ter uma die-

ta balanceada é fundamental, devido ao ganho de peso e acúmulo de gordura, natural dessa fase. Além de que, essas atitudes proporcionam bem-estar físico e mental. Vale ressaltar que aceitar essa etapa da vida com serenidade irá ajudá-la a encontrar recursos disponíveis para que você tenha uma melhor qualidade de vida sempre. Sexóloga, psicoterapeuta e palestrante convidada em congressos internacionais. Docente dos cursos de  pós-graduação Latu Sensu de Educação e Terapia Sexual do Instituto Brasileiro Interdisciplinar de Sexologia e Medicina Psicossomática/Pontifícia Universidade Católica em São Paulo. Personal Life Coach e autora do Livro best seller, Massagem Sensual para Casais Enamorados: exercícios e técnicas para a prática da sensualidade amorosa. w w w.ca rmenjanssen.com.br


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

16

Esporte Esporte

Ponte é vice-líder e Bugre volta a zona de rebaixamento

Macaca tem 33 pontos e Guarani tem 24 pontos

Boa Esporte x Ponte Preta Depois da goleada de 3x0 sobre o Criciúma, no último sábado, dia 13, na terça-feira, dia 16, a Ponte Preta viajou para Varginha/MG para enfrentar o time do Boa Esporte. O futebol ficou em segundo plano diante dos erros do árbitro e dos auxiliares: houve um pênalti para o Boa Esporte, mas Wagner Reway não anotou; no gol da equipe da casa, aconteceram dois impedimentos ignorados pelo árbitro; aos 12’, Wagner viu pênalti para os donos da casa, mas Waldison desperdiçou na segunda cobrança (na primeira, o jogador converteu a penalidade, mas o juiz man-

dou voltar alegando invasão da Macaca). No final da partida, Mancuso bateu falta e marcou o gol de empate para os visitantes. Guarani x Paraná Clube Rodrigo Villalba / Memory Press

A 17ª rodada do Campeonato Brasileiro da série B terminou na terça-feira, dia 16, com o empate da Ponte Preta com o Boa Esporte em 1x1 e a vitória de 2x1 do Americana sobre o Sport. Com os resultados a Ponte Preta assumiu a vice-liderança com 33 pontos, o Americana ficou em 8º lugar com 24 pontos e o Bugre voltou a zona de rebaixamento, com dois empates em duas rodadas, um fora e outro jogando em Araraquara, sua nova casa. O alviverde campineiro agora ocupa a 17ª colocação.

Guarani 1 x 1 Paraná

O Bugre jogou sua primeira partida como dono de casa na Fonte Luminosa, em Araraquara e os novos ares não trouxeram sorte: o primeiro tempo foi um revezamento dos times no ataque e o Guarani chegou a acertar a trave, mas nada de

gols. Na segunda etapa, Giba promoveu a entrada de Denílson na equipe do Guarani e a mudança surtiu efeito: aos 19’, Denílson recebeu um passe no meio-campo, avançou e acertou um lindo chute de fora da área, no ângulo esquerdo do goleiro Zé Carlos. Aos 34’, o Paraná Clube conseguiu o empate: Giancarlo recebeu um cruzamento dentro da área, Jhonnatans tentou cortar, mas mandou a bola contra a própria meta. Americana x Sport A noite tinha todos os ingredientes para ser ruim para o time da casa: técnico interino, desfalques, muito tempo sem vencer e ainda viu o visitante marcar primeiro: aos 42’, Marcelinho Paraíba recebeu excelente lançamento, dominou a bola e mandou uma bomba de fora da área, fa-

zendo um golaço, sem chance de defesa para o goleiro Jaílson. No segundo tempo, Fumagalli recebeu lançamento, tirou da marcação e mandou um canhão de fora da área, acertando o ângulo esquerdo do goleiro Magrão para empatar a partida. Aos 38 minutos, Léo Silva recebeu passe dentro da área, tirou do goleiro e sofreu pênalti questionável. Fumagalli pediu a bola, cobrou no alto do lado esquerdo da meta de Magrão e virou a partida para os donos da casa, aos 40’. O Americana não vencia há seis jogos. Na segunda-feira, 15, a equipe acertou a contratação de Sérgio Guedes para comandar a equipe a partir da 18ª rodada. O novo treinador foi apresentado ontem (17).

Sergio Guedes


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

17

Esporte Esporte

16ª rodada do Campeonato Brasileiro da série A Divulgação

Disputa acirrada na ponta da tabela

Com a goleada do Cruzeiro, quatro empates, sendo três deles, na parte de cima da tabela e a média de gols de 3,4 por jogo, a 16ª rodada marcou a liderança do Corinthians pelo número de vitórias (10 contra nove do Flamengo). São Paulo x Atlético Paranaense, no Morumbi (2x2): com mais de 23 mil pagantes, o Tricolor Paulista só empatou com o Rubro-Negro paranaense em 2x2 e não evitou as vaias da torcida. Fransérgio e Edigar marcaram os gols do Atlético e Ilsinho e Rivaldo anotaram para o São Paulo. Se o Tricolor tivesse ganho a partida, assumiria a liderança e pressionaria os rivais. Cruzeiro x Avaí, no Parque do Sabiá, em Uberlândia (5x0): a mudança de estádio resultou numa vitória elástica do time de

Minas Gerais. Fabrício abriu o placar aos 27’ do primeiro tempo, Anselmo Ramon fez o segundo, Montillo marcou, depois que Wellington Paulista sofreu pênalti, Thiago Ribeiro e Ortigoza marcaram no segundo tempo e fecharam a goleada. Atlético Goianiense x Santos, no Serra Dourada (2x0): o Peixe precisava da vitória para se afastar da zona do rebaixamento e o Dragão também, mas para sair da zona da degola. Melhor para o time de Goiás que conseguiu uma boa vitória em casa. Os gols saíram só no segundo tempo: Anselmo, aos 24’, abriu o placar e 10 minutos depois, Diogo Campos deu números finais a partida. O Santos continua sendo o pior visitante deste Brasileirão. Botafogo x América Mineiro, no Enge-

nhão (4x2): com 10 mil espectadores no estádio, a Estrela Solitária venceu de virada o Coelho no Rio de Janeiro e assumiu a 5ª colocação na tabela. Se o campeonato acabasse hoje, o time estaria classificado para a Taça Libertadores de 2012. O América Mineiro abriu 2x0 aos 10’ do primeiro tempo com gols de Alessandro e Kempes. Elkeson descontou, Antonio Carlos empatou e Alexssander transformou o placar em goleada. Corinthians x Ceará, no Pacaembu (2x2): com quase 27 mil torcedores no domingo do Dia dos Pais, os corintianos não saíram muito felizes do estádio. Embora, a liderança tenha sido mantida, o empate não foi bom resultado para o time do Parque São Jorge. Aos 24’, Paulinho abriu o placar para o Corinthians. Osvaldo, depois da falha da defesa paulista, empatou a partida. Aos 30’, Alex acertou um chutaço e voltou a deixar o Corinthians na frente. O Ceará empatou aos 39’ do segundo tempo com Rudinei e deu números finais à partida. Vasco x Palmeiras, em São Januário (1x0): depois de uma boa vitória pela Sulamericana, contra o mesmo Palmeiras, o Vasco venceu novamente o Alviverde, mas dessa vez pelo Brasileirão. O gol saiu somente aos 35’ do segundo tempo: o meia Bernardo que saiu do banco de reservas, anotou de falta para dar os três pontos para a equipe da Colina. O público foi de 7.830 pagantes. Figueirense x Flamengo, no Orlando Scarpelli (2x2): o Flamengo precisava da vitória para assumir a ponta do campeonato, já que o São Paulo havia empatado e o Corinthians estava empatando, mas ela não veio. O Rubro-Negro vencia o Figueirense fora de casa até aos 8’ do segundo tempo, mas o time catarinense pressionou tanto que o Flamengo cedeu o empate. Os 18.265 pagantes viram aos 36’, o Flamengo abrir o placar com Deivid e no começo do segundo tempo, o atacante ainda ampliou para os cariocas. Aos 8’, Somália descontou para os catarinenses e aos 25’,

Classificação do Brasileiro Série A

Edson empatou depois de uma cobrança de escanteio. Coritiba x Atlético Mineiro, no Couto Pereira (3x0): O Coxa venceu em casa e mandou o Galo para a zona do rebaixamento. Aos olhares de 16.328 pagantes, Bill abriu o placar no primeiro tempo. Faltando 15 minutos para acabar o jogo, Rafinha foi derrubado por Toró dentro da área, o árbitro marcou pênalti, o próprio Rafinha cobrou e fez 2x0. Aos 42’, novo pênalti para o Coritiba: Leonardo foi derrubado e cobrou a penalidade para dar números finais ao jogo. Grêmio x Fluminense, no Olímpico (2x1): no duelo de tricolores da rodada, o gaúcho levou a melhor. Por ter dormido na zona de rebaixamento, por causa da chuva fina e do vento, a torcida gremista não compareceu em bom número ao estádio. Fred, atacante do Fluminense, abriu o placar aos 24’ do primeiro tempo. Marquinhos, do Grêmio, marcou dois ainda na primeira etapa e fechou o placar. No Fluminense, o meia Martinuccio estreiou e no Grêmio, o centroavante Brandão também. Bahia x Internacional, na Arena Pituaçu (1x1): Mesmo com dois gols anulados e duas expulsões (uma para cada lado), o Tricolor Baiano e o Alvirubro gaúcho fizeram um jogo movimentado na Bahia. Aos 40’ do primeiro tempo, Leandro Damião abriu o placar para os visitantes e aos 34’ da segunda etapa, Jobson empatou de pênalti. Próximos jogos Série A (17ª rodada – 17 e 18/08) Fluminense x Figueirense Avaí x Vasco Atlético Paranaense x Cruzeiro Ceará x Grêmio Santos x Coritiba Internacional x Botafogo Atlético Mineiro x Corinthians Palmeiras x Bahia Flamengo x Atlético Goianiense América Mineiro x São Paulo

Classificação Brasileiro Série B

P

J

V

E

D

P

J

V

E

D

SG

1

Corinthians

34

16

10

4

02

SG

14

1

Portuguesa

36

17

11

3

3

22

2

Flamengo

34

16

9

7

0

15

2

Ponte Preta

33

17

10

3

4

13

3

São Paulo

32

16

10

2

4

7

3

Náutico

30

17

8

6

3

4

4

Vasco

30

16

9

3

4

3

4

Paraná

28

17

8

4

5

5

5

Botafogo

28

16

8

4

4

8

5

Criciúma

26

17

7

5

5

-1

6

Palmeiras

27

16

7

6

3

10

6

Goiás

25

17

8

1

8

-1

7

Internacional

23

16

6

5

5

4

7

ASA

24

17

7

3

7

-5

8

Figueirense

23

16

6

5

5

-1

8

Americana

24

17

7

3

7

-5

9

Fluminense

21

15

7

0

8

-1

9

ABC

24

17

5

9

3

4

10

Coritiba

21

16

6

3

7

7

10

Vitória

17

7

2

8

0

-2

11

Cruzeiro

21

16

6

3

7

5

11

Vila Nova

23

17

6

5

6

3

12

Ceará

19

16

5

4

7

-6

12

Sport

23

17

6

5

6

3

13

Bahia

19

16

4

7

5

-2

13

Boa Esporte

23

17

6

5

6

2

14

Grêmio

18

5

4

6

5

-2

14

Barueri

22

17

6

4

7

-3

15

Atlético/GO

16

16

4

4

8

-4

15

Bragantino

21

16

6

3

7

-3

16

Santos

15

14

4

3

7

-6

16

Icasa

21

17

5

6

6

-1

17

Atlético/MG

15

16

4

3

9

-10

17

Guarani

20

17

5

5

7

1

18

Atlético/PR

13

16

3

4

9

-9

18

São Caetano

19

17

4

7

6

-4

19

Avaí

13

16

3

4

9

-18

19

Salgueiro

13

17

3

4

10

-11

20

América/MG

11

16

2

5

9

-14

20

Duque de Caxias

8

17

1

5

11

-21

classificação até o dia 14/08

classificação até o dia 16/08

P: pontos J: jogos V: vitórias E: empates D: derrotas SG: saldo de gols

P: pontos J: jogos V: vitórias E: empates D: derrotas SG: saldo de gols


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

18

Esporte Esporte Zenon, o ídolo bugrino que quase Atletas de Campinas participam

acertou com a Ponte Preta

de ultramaratona na França

O Portal Futebol Interior começa nesta segunda-feira um novo canal de comunicação para seu internauta. Em parceria

Esporte Esporte

com alunos da PUC-Campinas irá trazer ao longo deste segundo semestre 15 entrevistas com nomes que marcaram o futebol campineiro. Para começar com chave de ouro, a entrevista desta semana foi com um dos maiores ídolos do Guarani. Zenon, um dos responsáveis pela maior conquista do Bugre, o título nacional de 1978, revelou que o primeiro clube campineiro a procurar o atleta não foi o Guarani e sim seu maior rival, a Ponte Preta. Além disso, Zenon comenta a sensação de enfrentar o Guarani com a camisa de outro clube, sua pior e melhor lembrança de um dérbi e se queixa do desprezo sofrido pelos ex-ídolos do futebol. Atualmente, Zenon é comentarista do programa esportivo Século 21 Esportes e um dos donos da escolinha de futebol, em Campinas, chamada de Bolão. Confira as perguntas e respostas: www.futebolinterior.com.br

Divulgação

Alexandre Moya

Toda semana, o Futebol Interior entrevistará um novo Prova será realizada entre os dias 22 e 28 de agosto como o UTMB o objetivo do desafio é dar personagem que marcou o futebol campineiro uma volta completa ao redor da cadeia

Depois de quase um ano de preparo físico, nutricional e psicológico, a equipe D-Run Fortitech Brasil, composta pelos atletas Décio Ribeiro e Luis Mazzotini, de Campinas, estará participando da ultramaratona em trilhas que irá acontecer na França entre os dias 22 e 28 de agosto. O Ultra-Trail du Mont-Blanc é uma das maiores Ultramaratona por trilhas que acontecem no mundo e se divide em quatro corridas diferentes: CCC – Courmayeur – Champex – Chamonix, TDS - Traces dos Duques de Sabóia, UTMB - Ultra-Trail du Mont-Blanc e PTL – Lá Petite Trotte à Leon Os atletas de Campinas vão participar da PTL – Lá Petite Trotte à Leon, que é a maior corrida e mais desafiadora corrida do Ultra Trail du Mont-Blanc. Assim

de montanhas do Mont-Blanc e o atleta deve passar por três países: França, Suíça e Itália. A diferença é que a volta é muito maior, possuindo 300 Km de percurso e 25 mil metros de desnível positivo de terreno, onde por muitas vezes os atletas chegam a uma altitude superior aos 2,5 mil metros e algumas vezes superior a 3 mil metros de altitude, passando por trilhas com alto grau de dificuldade e por passagens muito comprometidas. Os corredores devem percorrer os 300 km em duplas ou em trios inseparáveis. Sua largada acontece na segunda-feira dia 22 de agosto, às 22 horas. A distancia total deve ser percorrida em um tempo máximo de 138 horas, sendo que os atletas, nessa etapa, não contarão com a estrutura da organização, exceto em dois pontos de toda a corrida. Os atletas devem carregar consigo todo seu equipamento e alimentos. Outra característica especifica desta prova é que o percurso deve ser seguido com o auxilio de mapas e GPS exigindo também dos atletas conhecimento de navegação.

Red Bull Brasil: terceiro time de Campinas ção da torcida com o animal, presente no escudo do clube e no logotipo da empresa. Em maio de 2010, uma votação no site oficial da equipe escolheu o nome para o touro vermelho, que passou a se chamar Toro Loko, assim como a principal torcida do clube, os Toros Lokos. Títulos - Campeão Paulista Série A3, em 2010; - Campeão Paulista da Segunda Divisão (Série B), em 2009.

Jogadores e técnico do time de 2011 Douglas (goleiro), Dedê, Dão, Lima, Eduardo e João Paulo (zagueiros); Baiano, Leo Paraíba, Geandro, Anderson Ataíde, Dudu (meias) e Aleílson, Nena e Charles (atacantes). O técnico é Luciano Dias, desde o início da temporada. Próximos jogos 28/08 Palmeiras B x Red Bull Brasil; 02/09 Red Bull Brasil x São Bento;

Equipes-irmãs O Red Bull Brasil possui quatro “equipes irmãs”: o RB Leipzig, da Alemanha, o Red Bull Salzburg, da Áustria, e o Red Bull New York, dos Estados Unidos, Red Bull Ghana, de Gana.

07/09 Internacional-SP x Red Bull Brasil; 14/09 Red Bull x União Barbarense; 17/09 Ituano x Red Bull; 21/09 Red Bull x XV de Piracicaba; 24/09 Itapirense x Red Bull. Divulgação

Fundado em 19 de novembro de 2007, o Red Bull Brasil nasceu como plano de ação da empresa de mesmo nome, já instalada em Nova York, nos Estados Unidos e em Salzburg, na Áustria. As cores escolhidas para representar o clube, vermelha e branca, remetem à empresa que o fundou, assim como o escudo do time. O presidente é Pedro Francisco Prezenço Navio e sua sede-administrativa está localizada na Avenida José de Souza Campos, 1815 - conj. 307, em Campinas. História Logo no seu primeiro ano de disputa na

Segunda Divisão do Campeonato Paulista, a equipe ficou a um passo do acesso, depois de chegar até a penúltima fase, mas acabou com um ponto a menos que o segundo colocado, o Campinas. O primeiro acesso chegou na temporada seguinte, em 2009, e em grande estilo: após vencer o Atlético Araçatuba na decisão do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, o clube conquistou o seu primeiro título da história e repetiria o feito na Série A3 de 2010, depois de superar a Ferroviária e garantindo o segundo acesso consecutivo. No segundo semestre desta mesma temporada o clube ainda perdeu o título da Copa Paulista de Futebol nos minutos finais da partida contra o Paulista de Jundiaí, perdendo também a chance de disputar a primeira competição nacional: a Copa do Brasil. Atualmente, a equipe disputa a Copa da Federação Paulista e manda seus jogos no estádio da Ponte Preta, o Moisés Lucarelli. A equipe ocupa a vice-liderança do grupo 3 com seis jogos e três vitórias, dois empates e uma derrota. Mascote O mascote do Red Bull Brasil surgiu em 2009, ano em que o clube conquistou seu primeiro acesso no Campeonato Paulista. O touro foi escolhido graças à identifica-


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

19

Esporte Esporte

Red Bull encerra “jejum”, vence e encosta no líder Ituano Gulherme Righetto

Único gol da partida foi marcado por Nena, ainda no primeiro tempo

Sem saber o que era vencer há duas rodadas, quando primeiro perdeu para o Ituano por 2 a 0 e em seguida empatou por 1 a 1 com o XV de Piracicaba, o Red Bull conquistou a reabilitação no último domingo, pela oitava rodada da Copa Paulista, ao bater a Itapirense, no Moisés Lucarelli, em Campinas, por 1 a 0. O placar foi magro e construído ainda no primeiro tempo com Nena. Com esta importante vitória em Campinas, o Red Bull continua na vice-liderança do Grupo 3, porém, agora a só dois pontos do Ituano, líder com 16. Lembrando que o time de Itu folgou na rodada e assim tem um jogo a menos que os campineiro. Em compensação, a Itapirense perde a chance de ficar mais próxima do G4, estaciona nos cincos pontos e é apenas o sexto no mesmo grupo.

O jogo O primeiro tempo de Red Bull e Itapirense foi movimentado e com o time da casa buscando o primeiro gol desde o início. A primeira boa chegada do Red Bull aconteceu aos 11 minutos, quando após lançamento de Geandro, Nena dominou e chutou rasteiro, porém, á direita do goleiro Evandro. O time de Itapira mantinha uma postura claramente defensiva em campo e apostava nos contra-ataques para surpreender. Assim, o bom momento dos visitantes só veio aparecer aos 22 minutos, quando Veloso desceu em velocidade pela direita e cruzou para Lila, que bateu de primeira, só que sobre o gol. O primeiro tempo caminhava para o seus minutos finais, quando a estrela de Nena brilhou e ele balançou as redes. Aos 39 minutos, o volante Chinaqui fez lançamento e a zaga da Itapirende bateu cabeça; Nena, oportunista, não desperdiçou a abriu o placar. Mesmo em vantagem no marcador, o Red Bull continuou atacando a Itapirense no segundo tempo, mas pecou muito nas finalizações e não conseguiu ficar numa situação mais cômoda no jogo. Já o time de Itapira, nervoso e em desvantagem, pouco criou e fez para merecer sair com no mínimo um empate do Moisés Lucarelli.

Próximos jogos O Red Bull, que folga na décima rodada da Copa Paulista, só volta a campo no dia 28, domingo, às 11 horas, fora de casa, diante do Palmeiras B. Já a Itapirense, entra em campo na próxima rodada na quarta-feira, dia 17, às 19 horas, em Itapira, diante do XV de Piracicaba.

Gol: Nena, aos 39’/1T

Ficha Técnica Red Bull 1 x 0 Itapirense Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas - Árbitro: Michel Douglas dos Santos Cartões amarelos: Nena, João Paulo, Geandro, Eduardo, Gabriel e Dudu (Red Bull); Veloso, Índio, Lila (Itapirense).

Itapirense Evandro; Veloso, Rafael, Joel (Rocha) e Índio; Diego, Magno, Nascimento (Hilton Mineiro) e Lila; Reinaldo e Juary (Clebinho). Técnico: Veloso.

Red Bull Douglas; Geandro, Eduardo, Renan e João Paulo; Dudu, Chinaqui (Gabriel) e Augusto (Léo Paraíba); Leomir, Aleílson e Nena (Jarlisson). Técnico: Luciano Dias.

Guilherme Righetto – Futebol Interior

Grupo 3 P

J

V

E

D

SG

1

Ituano

16

6

5

1

0

9

2

Red Bull

14

7

4

2

1

2

3

Palmeiras

10

6

3

1

2

1

4

XV de Piracicaba

9

5

3

2

0

6

5

União Barbarense

7

6

2

1

3

-2

6

Itapirense

5

6

1

2

3

-2

7

São Bento

3

7

1

0

6

-11

8

Internacional

2

5

0

2

3

-3

P: Pontos J: Jogos V: Vitórias E: Empates D: Derrotas SG: Saldo de gols


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

20

Moda Moda

Super homem cor de rosa

Divulgação

bar muito caracterizado e perdendo a feminilidade. O ideal para esse estilo é misturar peças masculinas com as mais femininas possíveis. Dicas: - Optar por um blazer com ombreiras é uma ótima pedida, pois deixa qualquer produção elegante, podendo ser usada de forma mais formal com uma calça alfaiataria ou como saias de renda, algodão e até mesmo jeans deixando o look descolado para sair com os amigos. - A calça jeans boyfriend tem aparecido muito nas mídias sociais e por ela já ser bem masculinizada e solta, o ideal é combiná-la com alguma blusa ou casaco que seja mais apertado e feminino. Podendo dar o toque final nos acessórios. - Os oxfords são sapatos que combinam com qualquer tipo de produção, mas tome cuidado na hora de combiná-los se o modelo tiver muita informação como: brilho, estampas florais, listras. - Gravata tem aparecido em produções de celebridades e fashionistas influentes nesse meio. E por ser um elemento masculino muito forte, também deve ter seu devido cuidado na hora de usá-la, que deve ser em produções mais discretas pois ela em si já ganha toda atenção. Essas são pequenas dicas, dentre muitas outras que podemos optar. Junte seu estilo pessoal, com um toque de masculino e muitas peças femininas que você com certeza vai fazer bonito na hora de mostrar seu look. Divulgação

Divulgação

Que nós mulheres não conseguimos viver sem os homens, seja ele: pai, filho, marido, namorado, irmão, tio, todas sabemos. Portanto nada melhor do que citá-los como inspiração nesse artigo, que vai contar um pouco como o universo MASCULINO tem influenciado a moda FEMININA ao longo dos anos. No mundo fashion, a cada piscar de olhos que damos, uma nova tendência surge. E em grande parte delas, pode-se notar que tem algo em comum com a história do vestuário de épocas anteriores. E como tudo na moda está sempre em constante mudança, uma influência de look, acessório ou peça de roupa que marcou tal época, pode acabar voltando de forma mais moderna. É exatamente o que aconteceu com as roupas masculinas que vem invadindo o guarda roupa das mulheres. E apesar de estarem chamando atenção desde uns três anos atrás até os dias de hoje, engana-se quem acha que é uma tendência inovadora. Tudo começou em 1914, quando Coco Chanel usou um suéter de seu namorado para criar um maiô de banho. Foi a primeira vez em que uma mulher usou uma peça masculina em público. Já em 1926, Coco sugeriu que a calça se tornasse uma peça feminina, pois naquela época era exclusivamente masculina. Mas não foi bem visto pela sociedade por ser uma moda muito arrojada e não tendo êxito até o momento. Porém a reviravolta estava prestes a chegar quando em 1930 a atriz Marlene Dietrich, apareceu vestindo pela primeira vez um terno, feito por Coco Chanel, em um filme, o “Marocco”. Esse foi o ponta pé que faltava para o mundo da moda aceitar

o novo conceito. Em 1960, Yves Saint Laurent decidiu aderir à proposta e colocou a mulher vestindo calça comprida e paletó masculinizado, que é o próprio smoking. Trazendo, a cada ano, em suas coleções de alta costura, interpretações novas para o smoking. Nos anos 80, a moda feminina masculinizada atinge seu auge. E as mulheres, para competirem com os homens no mercado de trabalho, resolvem aderir ao Tailleur, terninho, pastas com estilo “James Bond” e cortar os cabelos bem curtinhos ou deixá-los constantemente presos. Depois de ter chegado ao topo essa moda acabou sendo deixada um pouco de lado, porém não esquecida, dando espaço para outras ideias que assim como apareceram rápido também foram esquecidas rapidamente. Através de matérias pudemos perceber que em meados de 2009, esse estilo andrógeno estava de volta. E a aparição da atriz Katie Holmes pelas ruas, vestindo calças de seu marido, o também ator Tom Cruise, influenciou celebridades e não-celebridades pelo mundo afora. Tudo indica que essa moda está novamente chamando uma atenção muito grande de todos e

não vai ser esquecida tão rápido. Em qualquer lugar que você vá atualmente, pode perceber a presença de um toque masculino em looks usados por uma mulher. Além de ser uma mistura de estilos muito divertida, deixa a produção sexy e extremamente elegante. Mas não basta pegar várias roupas do homem, juntar em um look e sair desfilando pelas ruas, tem que tomar um certo cuidado. Para as pessoas que tem uma facilidade maior em montar looks descolados, “pegar emprestado” roupas no armário do namorado é ótima ideia. Mas para aquelas que não sabem exatamente como misturar, o caminho ideal é começar fazendo produções em lojas de vestuário feminino. Pois grande parte dessas lojas tem trazido coleções em que a roupa é totalmente inspirada na versão masculina, porém as modelagens não são extremamente grandes quanto uma feita para o homem. Elas tem um “toque” feminino presente na peça. Dessa maneira a pessoa que não está tão familiarizada em montar produções bacanas não terá como errar. Se você está pensando em fazer esse tipo de produção, evite usar muitas peças masculinas no mesmo look, senão vai aca-

Maria Clara é Designer e Produtora de Moda formada pela Faculdade Belas Artes de São Paulo


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

21

SocialSocial O 3º Jantar Beneficente do Lar dos Velhinhos de Campinas realizado na Casa de Campo do hotel Royal Palm Plaza, foi mais uma vez um sucesso, a Diretoria da Associação agradece a todos que estiveram presente e principalmente as doações realizadas em prol dessa nobre causa.

Os bares Villa Velha e Dona Bella estão agitando como nunca as noites campineiras, música boa, gente bonita, atendimento de primeira e cardápio com comidinhas deliciosas, vale a pena conferir.


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

22

Cultura e lazer Cultura e

Estreias do cinema (12/08) Lanterna Verde Tropa dos Lanternas Verdes é uma irmandade de guerreiros, na qual cada Lanterna Verde possui um anel que lhe garante superpoderes. Porém, um novo inimigo chamado Parallax ameaça destruir o equilíbrio das forças do Universo e o destino dos guerreiros e do planeta Terra estará nas mãos do primeiro humano a ser selecionado para a Tropa: Hal Jordan. Onde está a felicidade? Até onde você iria para ser feliz? Nessa deliciosa comédia, a chef de cozinha Teodora embarca em uma jornada de descobertas que farão dela uma nova mulher. Crises no amor e na vida profissional a levarão junto com o amigo Zeca e a espanhola Milena a percorrer o Caminho de Santiago de Com-

postela, cenário ideal para encontros, reencontros e aventuras. Professora Sem Classe Alguns professores simplesmente não estão nem aí. Por exemplo, há Elizabeth: desbocada, cruel e inapropriada; ela bebe, fica alta e mal consegue esperar para receber seu vale refeição e dar o fora do seu trabalho entediante. Quando ela é abandonada por seu noivo, logo traça um plano para conquistar um professor substituto rico e bonito. Um Sonho de Amor O patriarca da rica família Recchi decide nomear um sucessor para sua indústria. Surpreendendo a todos, ele divide o poder entre seu filho Tancredi e seu neto Edo. Mas Edo sonha abrir um restaurante com seu amigo Antonio, um bonito e talentoso chef. O drama começa quando a esposa de Tancredi, Emma, se apaixona por Antonio, embarcando num tórrido romance que mudará a família Recchi para sempre.

Teatro Amil Shopping Parque Dom Pedro. Entrada das Flores. Avenida Guilherme de Campos, 500. Jd. Santa Genebra. Dezimprovisa A turma do programa Quinta Categoria, da MTV, traz ao palco humor de qualidade unido aos jogos de improvisos que os consagrou na TV. Os humoristas ditam as regras e a platéia sugere temas - como lugar, tempo ou circunstância. O desafio do grupo, que exige grande rapidez de raciocínio do elenco ao interagir com o público, cria apresentações muito engraçadas e únicas, nascidas de situações como o Jogo da Mentira, Falas Sorteadas, Jogo do Transforma, da Rima, Jornal de Duas Cabeças, Redublagem, entre outros. Dias e horários: sábados (21h) e domingos (19h) Duração: 75 min Ingressos: R$ 40 (setor 2) e R$ 50 (setor 1)* Preto combina com tudo O humorista, compositor e ator Marcelo Marrom traz a Campinas o seu show solo. Conhecido pelo personagem Afro Descendente, hit do You Tube, Marrom traz textos divertidíssimos, vídeos, convidados

Let´s play that

diferentes a cada apresentação e muito improviso. Dia e horário: sextas-feiras (21h) Duração: 75 min Ingressos: R$ 40 (setor 2) e R$ 50 (setor 1)* Seleção do Humor Stand-UP O espetáculo traz a cada apresentação quatro de seus nove humoristas do elenco fixo que levam a plateia às gargalhadas. Os textos cômicos são baseados em fatos do cotidiano e as apresentações ainda trazem surpresas, como a presença de humoristas convidados. Dia e horário: sábados (meia-noite) Duração: 70 min Ingressos: R$ 40* Pinóquio A Cia. Realce traz ao palco montagem baseada no conto original de Carlo Colodi. A história do boneco de madeira esculpido pelo bondoso velho Gepeto, que quer virar um menino de verdade. Em meio a suas traquinagens, conhece o Grilo Falante e a Fada Boa, e descobre que, se for um bom menino, realizará seus sonhos. Dias e horários: sábados e domingos (16h) Duração: 50 min Ingressos: R$ 15 (setor 2) e R$ 25 (setor 1)* *valores referentes a ingressos inteiros

por: j.Petterman – jornalista e escritor jpetermann1@gmail.com

A semana de novidades chegou e ficou ao som dos 17 Hippies - que não são 17 e nem hippies. São germânicos que já deveriam ter aportado do lado de cá. Atenção programadores e produtores, gravem esse nome! Não, não é uma banda nova tocando em uma garagem velha, é uma banda incrível, que começou em 1995 e até agora nada por aqui. E quem chega aqui para o Rock in Rio é o Coldplay, até ai nada de mais. O de mais é que depois da passagem pelo Brasil, precisamente no dia 24 de outubro eles

lançam o ‘Mylo xyloto’. Além da conhecida Every teardrop is a waterfall (lançado em single em junho), o disco terá Hurts like heaven, Major minus, Us against the world e Charlie Brown, músicas já apresentadas e testadas em alguns festivais do verão europeu. E não é lançamentinho qualquer, o quinto disco da carreira vem em digital, CD e vinil e a edição limitada chegará com livro capa dura, com fotos, desenhos e anotações pessoais dos integrantes da banda. E ainda com a influência de Brian Eno, um dos “auxiliares de produção”. Quem descobrir o que significa ‘Mylo xyloto’ mande notícias. Este nome já ganhou tantos significados que pode entrar na lista dos nomes míticos do rock, como o AOXOMOXOA do Grateful Dead (1971). Para os cineastas com obras acabadas: o “Cinema Mundo - V Festival Internacional de Cinema de Itu” está recebendo inscrições dos produtores de curtas interessados em participar da Mostra, que será realizada entre os dias 29 de novembro e 4 de dezembro. Poderão ser apresentados apenas filmes finalizados até outubro de 2009. O Festival distribuirá a premiação total de R$ 18.000,00 As obras de ficção, documentário e animação concorrerão na mesma categoria, sem distinção de gêneros. Elas podem ser

apresentadas em qualquer bitola ou formato, com o tempo máximo de 20 minutos para os curtas e de 70 para os longas. A organização do evento avisa que as cópias destinadas à projeção deverão ser enviadas à produção do evento em DVD, HD ou DVCAM. Nesta edição, O Cinema Mundo criou duas categorias para filme em longa metragem: Prêmio da Crítica e Melhor Filme segundo o público e é a categoria com maior premiação: R$ 10 mil. Para participar, leia o regulamento completo em http://www.cinemamundo.net.br/regulamento.php E no melhor estilo OCUPESPAÇO, o HIP HOP campineiro apresenta o pré-lançamento livro DANÇA DE RUA, da editora átomo & alínea. O trabalho é da autora Ana C. Ribeiro, e conta com a co-autoria de Kico Brown e a colaboração de todo o pessoal da Cia Eclipse Cultura e Arte (Kaka, Léo, Will, Kiko Popper, Lucas e Glaucia). Garanta seu exemplar pelo e-mail contato@ eclipse.art.br ou acesse http://www.eclipse.art.br/ e veja onde comprar.

E não para por ai, nos dias 27 e 28 de agosto, acontece o Campinas Street Dance Festival/BATTLE BRAZIL – 5 anos, no Ginásio de Esportes do Guarani. O evento terá ampla programação como aulas, palestras e shows. Para aqueles que dançam, mas não querem competir, de 30/09 a 2/10 no Centro de Convivência, acontece a mostra não competitiva. Informações, inscrições, ingressos e tudo mais, acesse www.battlebrazil.com.br/ Tome notícia - Dia 30/8 – a Estação Cultura de Americana passa o documentário Guidable – a verdadeira história dos Ratos de Porão (a banda mais punk do Brasil com uma plateia mais metal). O DVD, lançado em novembro 2010, sumiu rapidamente das prateleiras. É a chance de assistir o trabalho do diretor Marcelo Appezzato. São 121 minutos com histórias sobre o movimento punk no Brasil, o surgimento da banda, as mudanças de formação, as gravações, turnês, envolvimento com drogas, problemas, muito humor e muito barulho. +info em http://quecorralavoz.com - Duo Catrumano – Instrumental de Violas Caipiras - avisa que o CD foi para a fábrica. Notícias em breve. Acompanhe em www.duocatrumano.com.br


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br CPFL Cultura

CPFL Cultura Amor não Explícito – Herminio Bello de Carvalho, Marcelo Onofri e participação do curador Zuza Homem de Mello. Palestra da série Paixão e Ódio na Canção, de Zuza Homem de Mello. No encontro de 19 de agosto o curador Zuza Homem de Mello conversará com um dos mais conhecidos letristas da canção brasileira, o poeta Herminio Bello de Carvalho, sobre canções ligadas ao título Amor Não Explícito. Entre elas, “Pressentimento”, “Doce de coco” e “Mas quem disse que eu te esqueço”, que serão interpretadas por Marcelo Onofri. A respeito do tema, Herminio esclarece: “Meu querido Zuza acaba de me colocar num beco com saída para um despenhadeiro que desemboca na cratera de um vulcão: reduzir a apenas 8 músicas quem tem quase três centenas. Não deixa de ser um exercício instigante relembrar parcerias que flutuam em diversas faixas etárias. Através de imagens ou metáforas, lá está o velho sentimento desnudando inclusive canções catalogadas de malditas. Na letra que fiz para o prelúdio número 3 de Villa-Lobos vamos encontrar um caso típico de amor não abertamente explicitado, condutor do tema de amor do qual falarei que pode se ramificar na poesia homoafetiva. Transmissão ao vivo - a confirmar – a partir das 18 horas em www. cpflcultura.com.br/aovivo. Data: 19 de agosto Horário: 19 horas Classificação etária: 14 anos Programação gratuita e por ordem de chegada a partir das 18h.

MÚSICA/DANÇA:

A música encontra a dança Obras de Manuel de Falla e Stravinsky,

com o Ballet da Ópera de Paris e coreografia de George Balanchine. Uma incursão no domínio da dança. Foi escrevendo música para dança que os compositores do século 20 abriram caminho para a maior difusão de suas obras, que já começavam a incomodar ouvidos mais convencionais: “El Sombrero de Tres Picos”, suíte do balé de 1919 composto pelo espanhol Manuel de Falla; e “Capriccio para piano e orquestra”, de 1929, de Igor Stravinsky, numa coreografia rara de Balanchine. 1) “El Sombrero de Tres Picos”, suíte do balé, de Manuel de Falla; Orquestra Sinfônica de Chicago, regência Daniel Barenboim. 38’34 2) “Capriccio para piano e orquestra” de Igor Stravinsky. Aurélie Dupont, MarieAgnes Gillot, Agnes Letestu, Clairemarie Osta, Laëtitia Pujol, Jean Guillaume Bart, Kader Belarbi e Mathieu Ganio (bailarinos solistas); Balé da Ópera Nacional de Paris; coreografia de George Balanchine; figurinos de Christian Lacroix; Orquestra da Ópera Nacional de Paris, regência de Paul Connolly; Jean-Yves Sébillotte (piano solista). 20’ Tempo total: 58’34 Projeções de concertos em DVD, com comentários sobre a obra, o compositor e os intérpretes, por João Marcos Coelho. Evento da série Século 20: as origens Data: 20 de agosto Horário: 20 horas Classificação: 12 anos Todas as apresentações têm entrada gratuita, com distribuição de ingressos (um por pessoa) no local, uma hora antes. Rodrigo Cancela

Rodrigo Cancela

PALESTRA:

CIRCO:

O Acrobata – Seres de Luz Teatro Em O Acrobata vemos o clown Jasmim, numa tradicional saga de domadores de feras, tentando inutilmente fazer com

que o seu insólito mascote Pippo realize “perigosas” proezas acrobáticas. Uma dupla muito especial, uma relação onde o domador e a mascote surpreendem à platéia por sua ternura e simplicidade. O que acontece quando a fera não é um temível leão, nem um tigre feroz, senão uma insólita mascote que não gosta muito de trabalhar? Peça do Teatro Infantil 2011 Data: 21 de agosto Horário: 10 horas e 11h30 Todas as apresentações têm entrada gratuita, com distribuição de ingressos no local, uma hora antes de cada apresentação (04 ingressos por pessoa). Mais informações pelo telefone (19) 3756-8000. Rodrigo Cancela

Cultura e Cultura e lazer

23

CINEMA:

Amor sem Escalas Ryan Bingham (George Clooney) tem por função demitir pessoas. Por estar acostumado com o desespero e a angústia alheios, ele mesmo se tornou uma pessoa fria. Além disto, Ryan adora seu trabalho. Ele sempre usa um terno e carrega uma maleta, viajando para diversos cantos do país. Até que seu chefe contrata a arrogante Natalie Keener (Anna Kendrick), que desenvolveu um sistema de videoconferência onde as pessoas poderão ser demitidas sem que seja necessário deixar o escritório. Este sistema, caso seja implementado, põe em risco o emprego de Ryan. Ele passa então a tentar convencê-la do erro que é sua implementação, viajando com Anna para mostrar a realidade de seu trabalho. Título original: Up in the Air Lançamento: 2009 (EUA) Direção: Jason Reitman Atores: George Clooney, Vera Farmiga, Anna Kendrick, Jason Bateman.

Duração: 109 min Gênero: Comédia Dramática Censura: 12 anos Filme faz parte do “Três, Quatro, Muitos Amores: a desordem amorosa contemporânea – no cinema dos EUA, século 21”. Data: 18 de agosto Horário: 17h30 e 20 horas Data: 21 de agosto Horário: 19 horas. Programação gratuita e por ordem de chegada uma hora antes de cada sessão. Flores Partidas Don Johnston (Bill Murray) é um solteirão convicto, que terminou recentemente mais um namoro. Repentinamente ele recebe uma carta cor-de-rosa, que diz que ele possui um filho de 19 anos. Surpreso e curioso, Don decide então partir pelos Estados Unidos em busca do filho desconhecido. Título original: Broken Flowers Lançamento: 2005 (França, EUA) Direção: Jim Jarmusch Atores: Bill Murray, Jeffrey Wright, Sharon Stone, Frances Conroy. Duração: 105 min Gênero: Comédia Filme faz parte do “Três, Quatro, Muitos Amores: a desordem amorosa contemporânea – no cinema dos EUA, século 21”. Data: 25 de agosto Horário: 17h30 Censura: 14 anos Programação gratuita e por ordem de chegada uma hora antes de cada sessão. A CPFL Cultura em Campinas fica na Rua Jorge Figueiredo Corrêa, 1632, bairro Chácara Primavera.


Campinas - 18 de agosto de 2011 - Edição 03 - ano 1 www.folhadecampinas.com.br

24

Horóscopo Horóscopo Agosto 2011

Áries (20/03 – 20/04) No plano afetivo, o seu poder de sedução está no auge. No plano profissional e material, estará repleto de energia, vai poder realizar seu trabalho com garra e entusiasmo. Na saúde os seus gostos gastronomicos levam-no a cometer excessos. Evite-os. Touro (21/04 – 20/05) No plano afetivo, semana agitada em encontros sociais. Novos contatos e novos encontros são de prever esta semana. No plano profissional e material, poderão surgir negociações com grande peso para um futuro em médio prazo. Gêmeos (21/05 – 20/06) No plano afetivo, a sua vida social será agitada. No plano profissional e material, a sua atividade profissional será intensa e produtiva. Na saúde, apesar de se sentir em plena forma, deve evitar todos os excessos. Câncer (21/06 - 21/07) No plano afetivo, esta semana não se apresenta fácil, pois obriga-o a tomar decisões, marcar posições e fazer escolhas. No plano profissional e material, novas funções ou responsabilidades devem ser

assumidas com atitude positiva e otimista Leão (22/07 – 22/08) No plano afetivo, o amor abre as portas, porém os conselhos de alguém próximo levam-no a tomar decisões contrárias aos seus interesses. No plano profissional e material, abrem-se novos horizontes que não devem ser destituídos do seu valor. Virgem (23/08 – 22/09) N o p l a n o afetivo, vai se sentir carente de afeto e ternura. No plano profissional e material, embora as associações comerciais estejam protegidas e o trabalho em equipe seja beneficiado durante esta semana, há que prestar atenção neste campo.

Escorpião (23/10 – 21/11) No plano afetivo, cuidado com relações m e ra mente físicas. Tome as decisões certas, nas horas certas sem qualquer hesitação. No plano profissional e material, não deixe para amanhã o que pode fazer hoje.

Sagitário (22/11 – 21/12) No plano afetivo, estará dividido entre Libra (23/09 – 22/10) dois amores, a paixão e a liberdade. No No plano afetivo vai se sentir fortemen- plano profissional e material, as suas tare-

Humor Humor

Palavras cruzadasC Palavras

a. Pequena embarcação sem coberta b. Profissão (madeira) c. Para guardar objetos d. Bala de ... e. Chapa de metal delgada f. Combate as pregas agrícolas g. Chefe espiritual dos índios h. O que é outrora i. Revestimento de ruas e es-

te motivado e predisposto à mudança. Seja mais firme nas suas decisões e tente não adiar aquilo que sabe que um dia tem de acontecer. No plano profissional e material, vai se sentir motivado para elaborar novos projetos e mudar de rumo na sua vida profissional.

tradas j. Ananás k. Corpo celeste, satélite da terra l. Instrumento (badala) m. Flores de fraguancia forte n. Velas, assoalhos, favos... o. Malas e baús p. Doce de amendoim q. Brinquedo feito de couro e penas

r. Jogo de azar s. Desperta o apetite t. Grande macaco africano u. Alimento (ave) v. Parte de um motor w. Fruta cítrica x. Terreno extenso sem mato y. Que Vive nas florestas z. Profissão (jóias)

fas profissionais decorrerão sem percalços desde que sejam feitas cada uma a seu tempo Capricórnio (22/12 – 21/01) No plano afetivo, atribua maior importância aos seus sentimentos e às suas emoções em detrimento do que eventualmente transmitam sobre a sua ligação amorosa. No plano profissional e material, deve examinar todas as estratégias e métodos que delineou para conseguir alcançar os seus objetivos. Aquário (22/02 – 18/02) No plano afetivo, a tranquilidade vai instalar-se no seu coração. No plano profissional e material, deve dar asas à sua imaginação e provocar mudanças na sua vida. Na saúde tome algum cuidado com a alimentação. Peixes (19/02 – 19/03) No plano afetivo o romance está em alta, viverá momentos altos na sua vida sentimental. No plano profissional e material, aja naturalmente e utilize a inteligência como principal arma de negociação.


edicao2fc