Issuu on Google+

Título: Solução em tempo de crise Autor: Gilberto Leal Coluna: SOBRE RODAS Nome do Veículo: JORNAL DE SANTA CATARINA Cidade: BLUMENAU País: BRASIL Data de Capa: 20/06/2013 Nome do Cliente: FENABRAVE Categoria: Fenabrave Disponibilização: 25/06/2013

Tipo de Veículo: JORNAL Página: 2 Estado: SC Origem: On Line Palavra Chave: FENABRAVE


Título: Produção de caminhões da Mercedes sobe Autor: Coluna: ECONOMIA Nome do Veículo: DIÁRIO DO COMÉRCIO Cidade: BELO HORIZONTE País: BRASIL Data de Capa: 15 a 17/06/2013 Nome do Cliente: FENABRAVE Categoria: Fenabrave Disponibilização: 25/06/2013

Tipo de Veículo: JORNAL Página: 3 Estado: MG Origem: On Line Palavra Chave: FENABRAVE


Título: Reação em cadeia Autor: Sonia Crespo Coluna: UTILITÁRIOS DE CARGA Nome do Veículo: FROTA & CIA Cidade: SÃO PAULO País: BRASIL Data de Capa: JUN/2013 - Nº 167 Nome do Cliente: FENABRAVE Categoria: Fenabrave Disponibilização: 25/06/2013

Tipo de Veículo: REVISTA Página: 20 A 23 Estado: SP Origem: On Line Palavra Chave: FENABRAVE


Título: J3 e J3 Turim ganham frente com novo desenho Autor: Coluna: AUTOS&AFINS Nome do Veículo: METRÔ NEWS Cidade: SÃO PAULO País: BRASIL Data de Capa: 21/06/2013 Nome do Cliente: FENABRAVE Categoria: Fenabrave Disponibilização: 25/06/2013

Tipo de Veículo: JORNAL Página: 04 Estado: SP Origem: On Line Palavra Chave: FENABRAVE


Título: Junho já soma 167 mil automóveis comercializados Autor: Coluna: ECONOMIA Nome do Veículo: JORNAL DO COMÉRCIO Cidade: PORTO ALEGRE País: BRASIL Data de Capa: 19/06/2013 Nome do Cliente: FENABRAVE Categoria: Fenabrave Disponibilização: 25/06/2013

Tipo de Veículo: JORNAL Página: 11 Estado: RS Origem: On Line Palavra Chave: FENABRAVE


Título: Mercado automotivo impõe alerta de inadimplência Autor: Redação Coluna: Nome do Veículo: SHOP CAR NEWS Cidade: WEB País: BRASIL Data de Capa: 24/06/2013 Nome do Cliente: FENABRAVE Categoria: Fenabrave Disponibilização: 25/06/2013

Tipo de Veículo: SITE

Estado: WEB Origem: On Line Palavra Chave: FENABRAVE


24/06/13 - 15:49

Mercado automotivo impõe alerta de inadimplência Por Arthur Guitarrari*

FOTO DA MATÉRIA

Que o brasileiro adora carros ninguém duvida. A troca de veículo figura no orçamento familiar com prioridade para muitas famílias, e não é à toa que a indústria automotiva é responsável por movimentar cerca de 20% do Produto Interno Bruto (PIB) do país. É um dos setores mais importantes no desenvolvimento da política industrial do governo, por conta do seu potencial de indução ao crescimento e geração de empregos, diretos e indiretos, em diversos outros setores econômicos.

O mercado de automóveis se mostra ainda mais promissor a partir da divulgação da prorrogação do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) até dezembro de 2013. Com a boa notícia, o segmento deve aquecer, após um trimestre morno. Dados divulgados em abril pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) apontam que as vendas de veículos caíram 5,5% em março deste ano, na comparação com igual mês de 2012. A partir da prorrogação do IPI, as projeções de crescimento passam de 2,6% parta 3%, segundo a mesma entidade. Já de acordo com a Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras (ANEF), a concessão de crédito para financiamento de veículos deve crescer em 8% neste ano. No entanto, fatores como a alta da inflação e elevação da taxa de juros devem causar impacto na inadimplência. Para quem concede crédito, a atenção deve ser dobrada. Assim, é hora de organizar a agenda de cobrança para manter a base de dados atualizada, não só para realizar uma boa análise de risco na concessão do crédito, mas também para localizar pessoas inadimplentes e poder efetuar uma comunicação mais eficiente com os eventuais devedores. O mercado dispõe de ferramentas que contemplam ao mesmo tempo todas esses serviços, com a agilidade necessária para efetivar propostas, uma vez que podem ser disponibilizados apenas por meio de uma única plataforma online. A partir do cruzamento dos dados cadastrais de pessoas e empresas, é possível identificar o comportamento comercial do consumidor e tornar a transação comercial mais segura. Além disso, as soluções são customizadas, pois podem ser adquiridas de forma flexível, ou seja, você só compra o que realmente for necessário ao seu negócio. Endereços, telefones e dados em geral mudam permanentemente. As empresas especializadas nos serviços de consulta também realizam, de forma constante, a atualização, higienização e, assim, validação de tais informações. Trata-se de um diferencial que traz vantagens para todos os ciclos dos negócios. *Arthur Guitarrari é Gerente de Marketing e Novos Negócios da ZipCode, empresa especializada em prover informações para diversos segmentos do mercado

http://www.shopcarnews.com.br/view_artigo.htm?id=8899

Para ler mais matérias como essa www.shopcarnews.com.br


Título: Fiat afirma que não terá lançamentos no Brasil até o termino das obras da fábrica de Pernambuco Autor: Tipo de Veículo: SITE Coluna: Nome do Veículo: NE 10 Cidade: WEB Estado: WEB País: BRASIL Data de Capa: 24/06/2013 Origem: On Line Nome do Cliente: FENABRAVE Palavra Chave: FENABRAVE Categoria: Fenabrave Disponibilização: 25/06/2013


24/06/2013 14h56

Fiat afirma que não terá lançamentos no Brasil até o termino das obras da fábrica de Pernambuco Montadora italiana coloca construção da unidade fabril como prioridade para o país, de olho na manutenção da liderança dentro do mercado nacional da Redação, com agências Tw eetar

1

0

Durante a passagem pelo Salão de Buenos Aires 2013, a Fiat divulgou algo que pode impactar o mercado nacional nos próximos meses. Segundo Ricardo Dilser, assessor técnico da empresa, a montadora italiana não lançará nenhum novo modelo no país até o encerramento das obras da fábrica de Goiana, em Pernambuco. “A ideia é concentrar as atenções e investimentos da nova unidade fabril. Queremos reforçar nossa gama de produtos, mas temos que encerrar essa importante fase de nossa estratégia para o país”, disse outro executivo ligado à Fiat. O Brasil é um dos maiores mercados para a Fiat, que é líder em vendas de carros no país, com 22,5% de participação no mercado nos cinco primeiros meses do ano contra 19,1% da Volkswagen e 17,7% da Chevrolet. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). O último modelo inédito lançado no país foi o SUV Freemont, apresentado em 2011. Depois disso, apenas as remodelagens de modelos como Palio, Siena, desdobrado no Grand Siena, e Punto. Investimentos no mercado brasileiro A montadora tem uma fábrica em Betim (MG), a maior do grupo Fiat Chrysler no mundo, que está tendo sua capacidade ampliada de 800 mil para 950 mil veículos por ano. A construção da planta em Pernambuco começou em setembro passado e deverá ser concluída no ano que vem, com início da produção em 2015. O local deverá abrigar duas plataformas distintas, para dois modelos, que deverão gerar famílias de carros. Por exemplo, a atual plataforma do Palio dá origem a uma família que tem, além do hatch, a perua Palio Weekend, a picape Strada e o sedã Siena EL. O investimento no complexo será de R$ 4,5 bilhões, incluindo as fábricas de veículos e uma de motores. O restante deverá ser utilizado no "desenvolvimento de produtos", afirmou a Fiat. A montadora conseguiu financiamento de R$ 5,3 bilhões para o projeto junto à Superintendência do


Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Banco de Desenvolvimento do Nordeste (BNB).

Veja Mais 21/06/2013 13h17

Brembo anuncia pacote de investimento na ordem de US$ 152 milhões para EUA e Brasil 20/06/2013 12h15

Norte é a região do Brasil com maior volume de vendas de consórcios de veículos 20/06/2013 09h15

Citroën retoma sistema integrado para a venda de seminovos 17/06/2013 19h00

Audi reajusta tabela de preços do novo A3 e mode agora parte dos R$ 94.700

+ noticias Comentários

(0)

Comentar...

Comentar P lug-in social do F acebook

PUBLICIDADE


Clipping Fenabrave 25.06.2013