{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade.

Page 1

www.dullius.com.br

www.revistapar.com.br Primavera | 2016

AMARRAÇÕES EM ALTA NA TEMPORADA DAS FLORES


GERAL

UNIVERSO FEMININO 04 # CALÇADOS COM AMARRAÇÕES SÃO UMA DAS PRINCIPAIS TENDÊNCIAS DESTA PRIMAVERA

14 # CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA PROPICIA DIVERSAS ATIVIDADES E ATRAÇÕES ARTÍSTICAS

06 # O FLORAL E AS LISTRAS SÃO AS ESTAMPAS QUE ESTÃO ROUBANDO A CENA NO MUNDO DA MODA

16 # CRESCE NÚMERO DE PESSOAS QUE FAZEM TRABALHO VOLUNTÁRIO EM ASILOS E CASAS PARA IDOSOS

08 # TOPS, SAIAS E VESTIDOS ABUSAM DOS BABADOS, DANDO LEVEZA E MOVIMENTO ÀS MODELAGENS

18 # ESPECIALISTA ENSINA COMO TREINAR A MENTE PARA CONSEGUIR MANTER O PENSAMENTO POSITIVO

10 # CONFIRA DICAS FÁCEIS E PRÁTICAS QUE AS FAMOSAS USAM PARA MANTER A BELEZA EM DIA

20 # TEMPLO BUDISTA DE TRÊS COROAS É UM RECANTO DE PAZ E SERENIDADE QUE MERECE SER VISITADO

CONTATOS: GBM Comunicação Rua 25 de julho, 670, Sala 203 Bairro Rio Branco | Novo Hamburgo/RS CEP 93310-250 | Fone: (51) 3593.2669 www.revistapar.com.br

Dullius: (51) 3764-1200 | www.dullius.com.br Editores - Mauro Moraes e Milton Grabin Reportagem - Camila Veiga Diagramação - Mauro Moraes Fotos - Capa (Reprodução), Divulgação e SXC.hu


MODA PRIMAVERA | 2016

você vai se amarrar tendência destaca tiras que envolvem os tornozelos

P

ara quem ama saltos e também para quem prefere os flats, a moda primavera-verão 2016/17 traz uma tendência em comum: as amarrações. Na forma de fitas ou confeccionadas no mesmo material do cabedal, as longas tiras acompanham os lançamentos em calçados da temporada. Elas têm como ponto de partida a parte superior de sapatilhas e sandálias de diversos modelos e estão prontas para voltear as pernas femininas e acompanhar produções com vestidos, saias e shorts. As amarrações podem ir longe, como apostou a grife italiana Valentino, e subir até a altura dos joelhos. Mas também podem ser mais discretas e curtas, assim como nas versões despojadas da Chloè. Salvatore Ferragamo mostrou que bicos finos e sofisticados combinam com tiras em uma só cor. E a maison Fendi adicionou às suas plataformas o charme de fitas aveludadas. A onda boho que invadiu o cenário fashion ainda é forte influência. Com vertente peruana, a inspiração da vez complementa as amarrações dos acessórios com pompons. Isso mesmo! Aquelas bolinhas fofas estão misturadas em diferentes cores e tamanhos pelas sandálias da estação. Lançadora de tendências, a Dolce & Gabbana foi quem colocou esta aposta nos holofotes da cena internacional, e o que não faltam são fãs desta ideia. E tem mais um item importante neste trend alert: o tassel. Também chamada de barbicacho, a peça é formada por um pequeno rolo de franjas e vem fazendo sucesso nas passarelas mundo afora. E quanto mais misturado, melhor!

4

REVISTA PAR

Dolce & Gabbana

Pompom é moda


REVISTA PAR

Valentino

Dolce & Gabbana

Valentino

Dolce & Gabbana

Fendi

Valentino

Fendi

Dolce & Gabbana

Salvatore Ferragamo

Salvatore Ferragamo

Chloè

PRIMAVERA | 2016

MODA

5


MODA PRIMAVERA | 2016

Reinaldo Lourenço

estampas que a primavera traz duas prints estão roubando a cena nesta temporada fashion: o floral e as listras

D 6

urante o São Paulo Fashion Week, os radares da moda rastrearam

quais são as estampas queridinhas da temporada primaveraverão que se inicia. E ficou fácil combiná-las ao guarda-roupa, afinal, são velhas conhecidas em versões repaginadas. As prints da vez são o floral e as listras. A primeira, colorida que só ela, é pura flor e folhagem, tons vibrantes e muita energia. Patricia Viera é uma das estilistas que destacaram o conceito tropical. Em seu desfile REVISTA PAR

da semana de moda paulista, as saias rodadas fizeram sucesso como tela para a estampa da vez. Ronaldo Fraga e PatBo também investiram nos florais poderosos. Chamadas pelos fashionistas internacionais de bold flowers, as flores intensas e enérgicas lembram as estampas das décadas de 1960 e 1970 e o mood sensual e ousado da época. Dolce & Gabbana e Mara Hoffman


MODA Mara Hoffman

Salinas

são nomes internacionais que lançaram a tendência para este ano.

Patrícia Viera

PRIMAVERA | 2016

LISTRAS

Reinaldo Lourenço

Mais coloridas do que nunca, as linhas paralelas são estampa de sucesso na nova estação quente. Reinaldo Lourenço optou pela versão duocolor em suas criações. Mas Salinas e Juliana Jabour lançaram mão de um arco-íris sobre as passarelas. A direção das listras varia bastante: aparecem opções verticais, horizontais e diagonais. Da mesma forma, as espessuras são democráticas para agradar a todos os gostos. O interessante é que as estampas da temporada simbolizam, separadamente, natureza e urbanidade. Contudo, como diz o velho ditado, “os opostos se atraem”, e não há razão para não misturar florais e listras. Faça sua escolha – ou sua mistura!

REVISTA PAR

7


MODA PRIMAVERA | 2016

o babado da estação Helo Rocha

tops, saias e vestidos recebem o efeito mais badalado da primavera

O

mercado da moda é ágil. Seus criadores precisam focar sempre no futuro, prevendo o que cairá no gosto das pessoas com meses – e até mesmo anos – de antecedência. Na leitura adiantada de tendências, o portal WGSN é autoridade mundial. E foi durante o São Paulo Fashion Week (SPFW) que a diretora de passarelas da empresa internacional, Lizzy Bowring, revelou as grandes apostas para a primavera-verão 2016/2017. Entre as novidades, surgiu o top feminino com babados, indicação confirmada pelos desfiles que vieram na sequência. Porém, as passarelas mostraram que a aplicação de tecidos com efeito ondulado não estava restrita somente às blusas curtinhas, mas sim presente na maioria das criações fashion para a nova temporada quente. Saias e vestidos entraram na trend. Na Água de Coco, aliás, os maiôs também receberam babados. Helo Rocha, por sua vez, colocou os apliques em peças longas e esvoaçantes, cheias de bossa, e também em mangas sobrepostas.

mais dobraduras

Sabe o plissado? Ele segue no roll da moda e vem combinado com o babado, exaltando a feminilidade. GIG Couture foi a grife que uniu esta dupla de dobraduras combinando blusas volumosas com saias mídi muito elegantes. Mas quem prefere looks mais discretos tem solução fácil: recorrer a uma peça lisa para contrastar com a opulência da estação.

8

REVISTA PAR


GIG Couture

Água de Coco

REVISTA PAR GIG Couture

Helo Rocha

Água de Coco

PRIMAVERA | 2016

MODA

9


BELEZA PRIMAVERA | 2016

segredinhos das famosas musas revelam truques caseiros para manter a beleza

N

o mundo das celebridades, a beleza conta muito. Rodeadas por câmeras e holofotes, as famosas dedicam grande parte do seu tempo a tratamentos de estética capazes de

manter sua aparência impecável. Mas nem só de procedimentos caríssimos e complexos vivem estas belas inspirações. Volta e meia, em entrevistas, atrizes, top models e cantoras

revelam truques simples – e até mesmo curiosos – que auxiliam no cuidado com a pele e com os cabelos. A revista PAR fez um apanhado de dicas que transitam pelas redes. Anota aí:

pele A über model Gisele Bünd-

01

02

chen (01) tem extremo cuidado com sua exposição ao sol. Ela só vai à praia das 7h às 8h30min ou das 16h30min às 18h, quando os raios são mais amenos. Musa americana, Megan Fox (02) diz não recorrer a produtos de beleza. Para manter-se saudável, ela desintoxica o corpo bebendo, a cada 20 ou 30 dias, meia garrafa de água morna com vinagre. A atriz Halle Berry (03) aplica pó de café para esfoliar a pele. Segundo ela, o pó amacia a pele e combate a celulite, pelo fato de aumentar o fluxo sanguíneo. Mariana Rios (04), atriz brasileira, recorre a um creme hidratante caseiro cuja receita foi herdada de sua avó: uma mistura de abacate com leite.

10

04 03

REVISTA PAR


BELEZA PRIMAVERA | 2016

02

01

04 03

cabelos As madeixas invejáveis de Gio-

vanna Ewbank (01) têm seu brilho garantido pelo chá de camomila, substância que a atriz aplica nos cabelos desde a infância. Já Jennifer Aniston (02) revelou uma dica mais peculiar. Segundo o Daily Mail, ela não abre mão do xampu para cavalos, que contém menos perfume e silicone do que os produtos convencionais. A apresentadora Mariana Weickert (03) tem uma dica esperta para quem gosta de uma raiz mais volumosa: diluir o xampu com um pouquinho de água antes de aplicar no cabelo. Nicole Kidman (04), a musa ruiva, derrama nos cabelos um copo de suco de cranberry, uma pequena fruta avermelhada característica do Hemisfério Norte, visando aumentar o brilho dos fios.

rosto Pode parecer excêntrico, mas

Sandra Bullock (01) é uma das celebridades que aplicam creme para hemorróidas na área dos olhos para combater olheiras e marcas de expressão. A atriz Juliana Paes (02) alivia a sensação de ressecamento da face com um procedimento prático: borrifando soro fisiológico diretamente no rosto. Com uma colher de chá de açúcar mascavo e uma colher de azeite, a top Yasmin Brunet (03) esfolia os lábios e os mantêm lindos. Para diminuir os poros e melhorar a área dos olhos, a it-girl Julia Petit (04) recorre ao liquidificador, onde bate um pepino gelado para passar na pele. 02

01

03 04

REVISTA PAR

11


ARROIO DO MEO - CACHOEIRA DO SUL - CANOAS - CAXIAS DO SUL - CRUZEIRO DO SUL - ESTRELA - LAJEADO MONTENEGRO - PASSO FUNDO - SANTA CRUZ DO SUL - SANTA MARIA - VENÂNCIO AIRES - RIO PARDO


ARROIO DO MEO - CACHOEIRA DO SUL - CANOAS - CAXIAS DO SUL - CRUZEIRO DO SUL - ESTRELA - LAJEADO MONTENEGRO - PASSO FUNDO - SANTA CRUZ DO SUL - SANTA MARIA - VENÂNCIO AIRES - RIO PARDO


CULTURA PRIMAVERA | 2016

CASA DO QUINTANA ...

Programação especial da Casa de Cultura Mario Quintana marca o ano em que se celebra os 110 anos do nascimento do maior poeta gaúcho

A

Casa de Cultura Mario Quintana (CCMQ) é um daqueles tesouros da capital gaúcha que merece ser apreciado com calma e repetidas vezes. Tendo boa parte de suas atrações sem custo, a CCMQ conta com espaços voltados para o cinema, a música, as artes visuais, a dança, o teatro, a literatura e a realização de oficinas e eventos ligados à cultura em geral. Eles homenageiam grandes nomes da cultura do Estado do Rio Grande do Sul. A história da Casa tem início em julho de 1980, com a com-

14

pra do antigo prédio do Hotel Majestic, pelo Banrisul. Em 29 de dezembro de 1982, o governo do Estado adquiriu o Majestic do Banrisul e, um ano mais tarde, o prédio foi arrolado como patrimônio histórico, tendo início, a partir de então, sua transformação em Casa de Cultura. A homenagem ao poeta não poderia ser mais justa, pois foi no Majestic que Quintana morou por 12 anos, de 1968 a 1980.

110 anos do nascimento

A organização da CCMQ prepara para este ano uma REVISTA PAR

programação mais que especial, pois 2016 marca os 110 anos do nascimento do poeta. No site da instituição (www.ccmq.com.br/ site) é possível conferir todas as atrações e acompanhar as novidades que estão sendo planejadas. Além das diversas opções culturais, a Casa de Cultura Mario Quintana é um local belíssimo e oferece também alternativas de gastronomia para momento especiais. O bar localizado no terraço proporciona uma bela visão da cidade e toda a decoração emoldura e dá um charme especial ao passeio.


CULTURA PRIMAVERA | 2016

PRINCIPAIS OPÇÕES DA CCMQ # Acervo Elis Regina # Bibliotecas: - Erico Verissimo - Lucilia Minssen # Espaços da Discoteca Pública Natho Henn: - Auditório Luís Cosme - Espaço Lupicínio Rodrigues - Sala Irmãos Moritz - Sala Radamés Gnattali - Biblioteca Armando Albuquerque # Espaços para Exposições: - Espaço Maurício Rosenblatt - Espaço Vasco Prado - Fotogaleria Virgílio Calegari - Galeria Sotero Cosme – MAC - Galeria Xico Stockinger

- Oficina de Arte Sapato Florido - Sala de Arte Augusto Meyer # Espaço Professora Dionéia de Macedo Rüdiger # Espaço Romeu Grimaldi # Jardins: - Jardim Lutzenberger - Jardim do Sétimo Andar # Salas de Cinema: - Sala Eduardo Hirtz - Sala Norberto Lubisco - Sala Paulo Amorim # Teatros: - Teatro Bruno Kiefer - Teatro Carlos Carvalho

Centro cultural propicia um dos mais belos mirantes da cidade e acesso ao acervo da cantora Elis Regina

Casa de Cultura Mario Quintana Rua dos Andradas, 736, Porto Alegre De terças a sextas-feiras: 9h às 21h; sábados, domingos e feriados: das 12h às 21h www.ccmq.com.br/site

um apaixonado por porto alegre

Mario Quintana era um apaixonado por Porto Alegre. A poesia “O Mapa” (ao lado) é uma de suas obras mais conhecidas e retrata bem o amor que nutria pela capital gaúcha, para onde se mudou aos 20 anos. Natural de Alegrete, Quintana nasceu em 30 de julho de 1906 e tinha seu talento reconhecido por seus pares. O amigo e também poeta Manuel Bandeira chamava de “Quintanares” as poesias do autor gaúcho. Morreu em 5 de maio de 1994, aos 87 anos, imortalizado pela Casa de Cultura que leva seu nome e, principalmente, pelo Quarto do Poeta, uma reconstituição fiel com móveis e objetos pessoais do escritor (foto à direita).

O Mapa Olho o mapa da cidade Como quem examinasse A anatomia de um corpo... (É nem que fosse o meu corpo!) Sinto uma dor infinita Das ruas de Porto Alegre Onde jamais passarei... Há tanta esquina esquisita, Tanta nuança de paredes, Há tanta moça bonita Nas ruas que não andei (E há uma rua encantada

REVISTA PAR

Que nem em sonhos sonhei...) Quando eu for, um dia desses, Poeira ou folha levada No vento da madrugada, Serei um pouco do nada Invisível, delicioso Que faz com que o teu ar Pareça mais um olhar, Suave mistério amoroso, Cidade de meu andar (Deste já tão longo andar!) E talvez de meu repouso...

15


CIDADANIA PRIMAVERA | 2016

RETRIBUIÇÃO A QUEM JÁ DEU TANTO

Cada vez mais pessoas dedicam parte de seu tempo para ajudar e dar um pouco de carinho e atenção a idosos em asilos

L

er livros, contar histórias, cantar, dançar, passear, servir lanches e alimentos, consultar, cortar cabelo ou simplesmente ouvir pessoas idosas que recebem pouca atenção em asilos, clínicas de repouso e abrigos. Estas e outras atividades, a cada dia mais, passam a fazer parte da vida de voluntários, de quase todas as cidades, idades e classes sociais, movidos por sentimentos como amor, gratidão e vontade de ajudar àqueles que vivem a fase final de seus dias. O trabalho voluntário em asilos, como qualquer outro, quando feito com regularidade e responsabilidade, conforta, alegra e contribui para o bem-estar dos idosos, tornando-os seus dias mais felizes e eles mais dispostos. A receptividade dos idosos costuma

16

surpreender e, geralmente, iniciam-se relacionamentos profundos e duradouros.

todos ganham

Os benefícios são também para quem o executa. “A partir do momento que a pessoa se propõe a fazer um trabalho numa organização social, ela sente uma satisfação muito grande que impacta na sua autoestima”, afirma a coordenadora de Responsabilidade Social do Instituto Positivo, de Curitiba/ PR, Cristiane Fonseca. “Colocar-se no lugar do outro REVISTA PAR

faz as pessoas melhores e ajuda a mudar o ambiente. A pessoa ainda pode descobrir novas habilidades e, no trabalho, aumenta a capacidade de inovar”, explica André Cervi, responsável pelos projetos de voluntariado empresarial da ONG paulista Atados. “Quase a totalidade das pessoas afirmam que o trabalho voluntário transforma a comunidade em um lugar melhor e enriquece seu projeto de vida”, acentua Maria Elena Pereira Johannpeter, presidente executiva da ONG Parceiros Voluntários.


CIDADANIA PRIMAVERA | 2016

ALTERNATIVAS NÃO FALTAM Por esses e outros fatores, o trabalho voluntário cresce no Brasil, onde cerca de 35 milhões de pessoas já realizam alguma atividade do gênero. Entidades e profissionais de área de atendimento estimulam outras pessoas a aderirem e, em alguns casos, oferecem formação e acompanhamento àqueles que querem realizar atividades. Conheça algumas alternativas para quem deseja se engajar nesta jornada.

parceiros voluntários

Com sede em Porto Alegre, é

uma ONG que assessora outras ONGs. Mobiliza no Rio Grande do Sul cerca de 400 mil voluntários e beneficia em torno de 1,6 milhão de pessoas. Possui 2,1 mil organizações sociais conveniadas e 2,5 mil empresas engajadas à causa. Atua em 51 cidades gaúchas. www.parceirosvoluntariosorg.br

asilo padre cacique

A instituição atua há 118 anos em Porto Alegre e tem como objetivo proteger e incluir socialmente os idosos, estimulando sua vida social e emocional, oferecendo

condições dignas de convivência. A colaboração de voluntários é fundamental e pode ser feita através de várias formas: atenção e carinho através de visitas, organização e presença em eventos de recreação, trabalho voluntário e doação de roupas, alimentos, medicamentos e dinheiro. www.asilopadrecacique.org.br

em outras cidades

Diversas cidades dispõem de asilos que recebem voluntários para auxiliá-las em atividades diárias diversas. Procure-as, informese e disponibilize-se. Isso inclui até mesmo sujeitar-se às regras de atendimento e horários de cada entidade. Se na sua cidade não houver nenhuma opção, procure em outra. Rodar alguns quilômetros valoriza o seu esforço em encontrar uma casa em que possa dar aos idosos internos um pouco do seu amor. www.apontador.com.br

saiba mais BENEFÍCIOS AO VOLUNTÁRIO:

Voluntário é alguém que se move em direção a uma causa ou organização para somar esforços, ajudar e aprender. É alguém que está aberto e disposto a prestar-se a alguma atividade. Provoca uma mudança – mesmo que pequena – em si próprio e no mundo ao seu redor. No Brasil, cerca de 11% da população fazem trabalho voluntário. Sites como www.ongbrasil. com.br fornecem informações importantes a quem quer ajudar a outras pessoas.

# 78% afirmaram que seus níveis de estresse diminuíram; # 94% afirmaram que melhorou seu humor; # 95% acreditam que transformaram a comunidade em um lugar melhor; # 96% disseram que trabalho voluntário enriqueceu seu projeto de vida. Fonte: Doing Goods is Good For You REVISTA PAR

17


COMPORTAMENTO PRIMAVERA | 2016

Pesquisador e especialista em física quântica Wallace Liimaa ensina que é possível se manter vigilante para não se deixar tomar pela negatividade

PENSE POSITIVO! E 1 m meio a tantas notícias negativas, parece difícil encontrar espaço para o pensamento positivo. No entanto, o pesquisador e especialista em física quântica Wallace Liimaa ensina que isso é possível. Segundo o professor e fundador do projeto Saúde Quantum, a ciência já comprova algo que sabemos há muito tempo: pensar positivo ajuda a prevenir e superar doenças e a melhorar a qualidade de vida. “Como o ser humano pré-histórico se desenvolveu em um ambiente hostil, cheio de perigos, nosso cérebro evoluiu e se especializou em ser um sinalizador de ameaças e situações negativas”, ensina o especialista. Porém, é possível mudar este cenário. Confira cinco dicas especiais!

18

REVISTA PAR

Evitar assistir a noticiário ruim

Wallace destaca a importância de evitar assistir a notícias negativas. “Eu procuro me informar rapidamente daquilo que é mais importante e evito o contato com os noticiários só focados em tragédias e notícias ruins”, exemplifica o especialista. A frequência com que as pessoas acompanham aquelas notícias termina sendo uma armadilha contra uma vida saudável, como explica o estudioso. Essas notícias despertam no corpo uma química associada às emoções negativas. “O seu cérebro registra essas informações, ativando novas redes neurais, e esses arquivos de memória poderão ser acessados a qualquer momento do seu dia a dia quando alguma situação despertar a lembrança dessas notícias”, conta. Isso, segundo Wallace, faz com que o corpo seja convidado a viver em um estado de estresse permanente em função da associação com as memórias negativas.


2

COMPORTAMENTO

PRIMAVERA | 2016

Ter uma atitude positiva perante a vida

Ler um bom livro, ouvir uma boa música, praticar atividades físicas, caminhar em contato com a natureza e meditar, entre outras práticas que fazem bem ao corpo e à mente, devem estar presentes na rotina diária, como explica o especialista. Segundo Wallace, fazer atividades que promovam a saúde e proporcionem vitalidade e bem-estar inundam o nosso corpo com endorfinas e serotonina, que são neurotransmissores que nos trazem bom humor e a sensação de felicidade. Essa é uma maneira saudável de direcionar a mente para uma frequência positiva. “Esteja sempre vigilante aos pensamentos negativos e busque redirecionar a sua mente para uma frequência mais harmônica. Assim, você não será seduzido a entrar na negatividade das outras pessoas ou dos problemas externos”, sugere.

4

Enxergar a negatividade como oportunidade evolutiva

3

Compreender o poder de mudar o mundo

Uma pessoa com mentalidade negativa tem o potencial de influenciar as pessoas ao seu redor e pode levá-las a ter a mesma vibração. Segundo Wallace, o mesmo acontece com a mentalidade positiva. “Quando nos posicionamos em um estado vibracional positivo, identificamos os problemas e focamos nas soluções e, assim, somos capazes de influenciar positivamente as pessoas ao nosso redor”, destaca. Desta forma, o especialista conta que, ao saber que é possível influenciar positivamente as pessoas da nossa convivência, vem a consciência de que podemos ser parte de uma engrenagem que contribui para um mundo melhor. “A descoberta dos neurônios espelho por cientistas italianos mostra como tendemos a reproduzir o meio ambiente predominante em que vivemos”.

5

Conectar-se com o mundo interior

Por fim, o especialista destaca que, para treinar a mente com o que é positivo, é importante que cada pessoa encontre uma maneira de conectar-se com o seu mundo interior para viver mais em um estado de presença. “Práticas de meditação, tai chi chuan, Yoga e orações, entre outras, possibilitam um estado de maior atenção, em que podemos dar comandos mentais conscientes para mudar os padrões de realidade que não nos interessam mais. Ao fazer isso, você reduz a frequência das ondas cerebrais, possibilitando que a mente fique em um estado relaxado e de presença, sem desperdiçar energia lembrando de experiências passadas negativas ou preocupando-se com situações futuras. Desse modo, pacificando o mundo interior, é possível atrair situações favoráveis e pacíficas no mundo exterior”, conclui.

Wallace explica que notícias ruins ou fatos negativos às vezes são inevitáveis. Por isso, é necessário enxergar a negatividade de uma forma diferente. “Todo obstáculo, desafio ou situação negativa proporciona uma oportunidade evolutiva. Dizem que, nos momentos de crise, enquanto uns choram, outros vendem lenços. Historicamente, foram os momentos em que a humanidade passou pelas maiores crises que impulsionaram grandes ideias que mudaram o mundo. Portanto, a ressignificação dos momentos difíceis também nos faz focar em soluções, ao invés de problemas”, reflete Wallace, ressaltando que, assim, é possível dar comandos mentais conscientes que nos impedem de sermos arrastados pelos sentimentos negativos associados às notícias ruins.

REVISTA PAR

19


TURISMO

PRIMAVERA | 2016

OÁSIS DE PAZ E SERENIDADE U

O templo budista de Três Coroas é o local ideal para quem busca momentos especiais de contemplação e introspecção

m local perfeito para a contemplação e a reflexão, com uma atmosfera que remete à paz e à serenidade. Assim pode ser definido o templo budista localizado em Três Coroas, o primeiro da América Latina, aberto em 1995. A localização foi escolhida justamente por lembrar as paisagens montanhosas do Tibete, berço da religião. Muito embora não seja um local de turismo propriamente dito, o

20

Centro Budista Chagdud Gonpa Khadro Ling abre suas portas e recebe visitantes de todos os locais que buscam por momentos de relaxamento e também os que querem conhecer mais sobre o budismo vajrayana. Segundo Flávia Silva, do blog de turismo Dicas de Gramado, no templo “você encontrará um complexo de monumentos sagrados, rodeados de mata

REVISTA PAR


TURISMO PRIMAVERA | 2016

nativa em um ambiente harmônico, colorido e com suaves sons que realçam ainda mais a paz do lugar, um convite para revigorar as energias.”

estátuas

Estátuas das diversas manifestações de Guru Rinpoche, o mestre indiano que levou o budismo vajrayana ao Tibet. Pinturas em todas as paredes contam a história da vida de Padmasambava, além de retratar vários outros mestres importantes da linhagem nyingma.

jardim das 21 taças

Coleção de 21 estátuas de pedra representando Arya Tara, manifestação feminina da mente iluminada.

rodas de oração

Enormes cilindros contendo mantras. Eles giram continuamente, espalhando bênçãos para a região e para todos que entram em contato com eles.

bandeiras de oração

As bandeiras são pedaços de tecido, nos quais são impressos mantras e preces. Elas são dispostas ao vento, com a intenção de espalhar bênçãos para a região.

casa das lamparinas

Onde são oferecidas as lamparinas que praticantes e visitantes oferecem todos os dias no Khadro Ling. Você pode vê-las a partir de uma grande porta de vidro.

estupas

Na área externa do templo, há oito estupas, monumentos que representam as qualidades da mente iluminada. SERVIÇO: Visitação - Quartas, quintas e sextas (9h30 min às 11h30min; 14h às 17h); sábados e domingos (9h às 16h30min). Como chegar? Indo pela RS 020, é preciso ficar atento às placas de sinalização. O endereço do templo é Estrada Linha Águas Brancas, 1211, Três Coroas. # Não é permitido fotografar na parte interna do templo REVISTA PAR

21


QUE TAL TER SEU PRODUTO VISTO POR MAIS DE 20 MIL QUALIFICADOS LEITORES? ANUNCIE NA REVISTA PAR/DULLIUS E GARANTA VISIBILIDADE DE ALTO NÍVEL # Conteúdo qualificado e atualizado: - Moda, beleza, comportamento, cutlura, cidadania, turismo e muito mais # Circulação garantida (distribuição gratuita nas Lojas Dullius)! www.revistapar.com.br | milton@gbmcomunicacao.com.br | 51 3593.2669


Profile for Mauro Moraes

Revista par primavera 2016  

Revista par primavera 2016  

Advertisement