__MAIN_TEXT__

Page 1

Não jogue na rua, recicle!

www.jornalcentrocivico.com.br |

facebook.com/CentroCivico |

instagram/jornal_centro_civico

Centro Cívico Jornal

Centro Cívico • Juvevê • Hugo Lange • Bom Retiro • São Francisco

Mais que um jornal de bairro

desde

2002 Julho | 2019

ed.174

Pág.04

Locais estratégicos recebem o reforço de 133 guardas municipais Nova Toyota Preus Santuários e celebrações compõem o

Pg. 10

turismo religioso do Paraná

Prévia da inflação acumula taxa de 2,42% em 12 meses O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), que mede a prévia da inflação oficial, registrou taxa de 0,09% em julho. O percentual é superior ao resultado de junho, de 0,06%. Pg. 02 Entre as heranças culturais da diversidade étnica do Paraná está a religiosidade, uma expressão tão importante que se configura como um segmento turístico de destaque. Há uma riqueza de santuários, catedrais, festas, romarias e locais de peregrinação que atraem milhares de visitantes, movimentando a economia e propiciando a criação de empregos no Interior. Pg.06

Centro de Referência tem 97% de cura para casos de hepatite C Pg.06

2019

Foto: Maurício Grabowski

Em dois anos, mortalidade infantil cai 9,5% em Curitiba A taxa de mortalidade infantil em Curitiba diminuiu 9,5% entre 2016 e 2018. Há três anos, o índice era de 8,7 óbitos para 1.000 nascidos vivos. No ano passado, caiu para 8,2. Isso significa a redução de 19 mortes de crianças menores de um ano no período comparado. Pg. 03


t

Economia

jornalcentrocivico.com.br

IBGE: prévia da inflação acumula O taxa de 2,42% em 12 meses

Abono do

PIS/Pasep

começa a ser pago em julho Mais de 23 milhões de trabalhadores podem receber o dinheiro

O

pagamento do abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), exercício 2019/2020. A liberação do dinheiro para os cadastrados no PIS vai considerar a data de nascimento. No caso do Pasep, o calendário é definido pelo dígito final do número de inscrição. Os trabalhadores que nasceram entre julho e dezembro receberão o abono do PIS ainda este ano. Já os nascidos entre janeiro e junho terão o recurso disponível para saque em 2020. Recebem também este ano os servidores públicos cadastrados no Pasep com dígito final do número

Centro Cívico Jornal

t

2

Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA15) , que mede a prévia da inflação oficial, registrou taxa de 0,09% em julho. O percentual é superior ao resultado de junho, de 0,06%. As informações são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE. Com os dados divulgados o IPCA-15 acumula taxas de inflação de 2,42% ao ano e de 3,27%, em 12 meses, abaixo, portanto, do centro da meta de inflação do Banco Central, que é de 4,25%. A inflação da prévia de julho foi provocada, principalmente, pelos gastos com habitação que ficaram 0,43% mais caros no período, com destaque para a alta de preços de

1,13% da energia elétrica. Outros grupos de despesas com impactos importantes na prévia de julho foram as despesas pessoais, que registraram inflação de 0,48%, e saúde e cuidados pessoais, com taxa de 0,34%. Os alimentos tiveram inflação de 0,03%. Por outro lado, os gastos com transportes tiveram deflação de 0,44% e evitaram um IPCA-15 mais alto em julho. O resultado foi influenciado pela queda de preços de 3% dos combustíveis. Ficaram mais baratos a gasolina, o etanol, o óleo diesel e o gás veicular. Outros grupos com deflação foram vestuário e artigos de residência.•

de inscrição entre 0 e 4. Os registros com final entre 5 e 9 receberão no próximo ano. A data para o fechamento do calendário de pagamento do exercício 2019/2020 está prevista para o dia 30 de julho de 2020. A estimativa é de que sejam destinados R$ 19,3 bilhões a 23,6 milhões de trabalhadores. O pagamento do abono salarial referente ao PIS será feito pela Caixa em suas agências em todo o país; e o abono do Pasep será pago no Banco do Brasil.

formalmente por pelo menos 30 dias em 2018, com remuneração média de até dois salários mínimos. Além disso, o trabalhador tem de estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). Para os trabalhadores que tiverem os dados declarados na Rais 2018 fora do prazo e entregues até 25 de setembro de 2019, o pagamento estará disponível a partir de 4 de novembro de 2019, conforme calendário de pagamento aprovado, e, após este prazo, somente no calendário seguinte.•

Quem tem direito Para ter direito ao abono salarial do PIS/Pasep é necessário ter trabalhado


Jornal

Doe parte do IR para atendimento a crianças e

Cidadania

Q

CIDADANIA

jornalcentrocivico.com.br

3

Em dois anos, mortalidade infantil cai 9,5% em Curitiba

adolescentes ue tal direcionar parte do Imposto de Renda Pessoa Física para o Fundo Especial da Infância e da Adolescência no Paraná? Muitos contribuintes não sabem que podem destinar uma parcela do IR a pagar em prol de projetos nas mais variadas áreas, como os viabilizados para o atendimento à criança e aos adolescentes no Estado. Para isso, é só optar pela declaração completa, doando até o limite legal de 3%. No Paraná, o FIA é controlado pelo Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca). Os recursos dos fundos dos Conselhos de Direito são captados e destinados ao atendimento de políticas, programas e ações voltados a garantir a proteção, a defesa e os direitos das crianças e adolescentes e, de suas respectivas famílias.•

t

Centro Cívico

A

taxa de mortalidade infantil em Curitiba diminuiu 9,5% entre 2016 e 2018. Há três anos, o índice era de 8,7 óbitos para 1.000 nascidos vivos. No ano passado, caiu para 8,2. Isso significa a redução de 19 mortes de crianças menores de um ano no período comparado.

Estatuto da Criança e do Adolescente completa 29 anos

O novo índice confirma a tendência de queda verificada em 2017, o primeiro ano da atual gestão, quando a taxa caiu de 8,7 para 8,3 óbitos a cada 1.000 nascidos vivos. De acordo com o prefeito Rafael Greca, a redução da mortalidade infantil é um dos mais importantes indicadores de saúde. “O conceito de uma prefeitura que não dorme passa pelo esforço contínuo de assegurar a melhor saúde a todos os bebês que nascem na nossa cidade”, diz o prefeito. Para ele, a queda no índice é um dado consistente dos esforços da administração na área: "Cuidar bem de quem nasce é cuidar bem do futuro de Curitiba." A Secretaria Municipal da Saúde credita a redução na taxa de mortalidade infantil a políticas públicas implantadas no início de 2017, como a reestruturação do Rede Mãe Curitibana Vale a Vida. O programa reforçou o acompanhamento pré-natal e a vinculação da gestante ao local do parto. Outras medidas também foram importantes. Anteriormente, as gestantes eram classificadas apenas em risco normal ou alto. Agora, há graduações entre o risco normal e alto, o que garante uma linha de cuidado mais adequada

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) completou 29 anos em julho. Uma revolução na garantia de direitos para a infância e a juventude, o Estatuto promoveu ao longo deste período avanços fundamentais na defesa dos brasileiros e brasileiras de até 18 anos. Marco Para a chefe do Departamento de Políticas para Criança e Adolescente da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho, Angela Mendonça, o ECA é um marco para a infância porque estabeleceu a criança como sujeito de direito. “Esta lei prevê claramente as atribuições do Estado, da família e da sociedade como garantia para crianças e adolescentes alcançarem seus direitos plenamente”, enfatiza. Ela afirma que o Estatuto é uma lei extensiva a todas as crianças a adolescentes sem distinção de qualquer natureza - ou seja, meninos e meninas de diferentes etnias, condição social e de desenvolvimento e origem, prevendo

para cada gestação. Cuidado personalizado Segundo a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak, o cuidado cada vez mais próximo e personalizado faz a diferença: "Os resultados provam que esse atendimento específico em relação a cada caso possibilita uma gestação mais saudável e, consequentemente, a redução do risco de óbitos infantis por causas evitáveis”. Curitiba conta desde 1987 com um Comitê de Análise de Óbitos Infantis Evitáveis, que apura as mortes, evita subnotificações dos casos e colabora para orientar o município quanto à forma de atingir melhores indicadores. Capitais Os dados mais recentes e consolidados do Datasus, do Ministério da Saúde, são de 2017. Naquele ano, com 8,3 óbitos a cada 1.000 nascidos vivos, Curitiba já mantinha a taxa de mortalidade infantil mais baixa entre as capitais com mais de 1 milhão de habitantes. Só Florianópolis, com 7,7, tinha um índice inferior. A média nacional era de 12,0. A taxa é calculada conforme o número de óbitos até um ano de idade.•

proteção integral a todos. Angela Mendonça acrescenta, ainda, a importância do ECA na criação de instituições típicas de momentos democráticos, como os conselhos de direito e os tutelares, compostos por representantes da sociedade civil que, junto com o estado, passa a estabelecer a política para a infância em toda a sua amplitude, as políticas básica e especial e também o fundo da infância que é um instrumento para que se aporte recursos públicos e privados. “Um país só será de fato um país de vanguarda e progressista e bom para todos, se for extremamente bom para sua infância e adolescência”. “É dever da família, da comunidade, da sociedade em geral e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, saúde, alimentação, educação, ao esporte e lazer, profissionalização, cultura, dignidade, ao respeito, liberdade e convivência familiar e comunitária”, finaliza o secretário Ney Leprevost.•


t

Jornal

Centro Cívico

Seu Bairro

4 jornalcentrocivico.com.br

Locais estratégicos recebem o reforço de 133 guardas municipais

para o chamamento”, compartilhou o agora guarda municipal Wagner Correia. Etapas da formação Com 132 horas, o estágio nas ruas é a última fase do curso de formação, que totaliza 636 horasaula. Antes dessa fase, os alunos passaram por instruções específicas sobre a função de guarda municipal, armamento e técnicas de tiro, legislação e identificação de drogas, condicionamento físico e defesa pessoal. A parte técnica incluiu métodos de abordagem, patrulhamento, postura e disciplina, assim como o correto isolamento de local de crime. Toda a organização do curso é feita pelo Centro de Formação e Desenvolvimento Profissional da GM.

Reposição do efetivo Os 133 guardas se somam a outros 60 formados em 2018. Mais 200 aprovados em concurso público devem ser chamados para fazer o curso de formação no segundo semestre. Participaram o secretário municipal da Defesa Social e Trânsito, Guilherme Rangel; o diretor da Guarda Municipal, Odgar Nunes Cardoso; o superintendente da Defesa Social, Carlos Celso dos Santos Júnior; a superintendente de Trânsito, Rosangela Battistella; a superintendente da Secretaria de Recursos Humanos, Luciana Varassin; a inspetora responsável pela Academia da Guarda Municipal, Sonia Valci; os vereadores Tico Kuzma e Beto Moraes; e os administradores regionais Raphael Keiji (CIC), Gerson Gunha (Portão/Fazendinha) e Renaldo Boaron (Pinheirinho).•

Início do estágio Supervisionado da 27º Turma de 133 Guardas Municipais na sede da Guarda Municipal

P

raças da região central, Rua XV de Novembro, Jardim Botânico e Parque Barigui são alguns dos locais que receberão mais guardas municipais para fazer a segurança. A partir julho 133 novos profissionais da corporação começam o estágio supervisionado em locais públicos. Com acompanhamento e supervisão de guardas mais experientes, os novos contratados pela Prefeitura terão os primeiros contatos com o trabalho prático nas ruas. Eles também vão fazer patrulhamento preventivo e orientar a população nos arredores do Mercado Municipal, da Rodoferroviária e do Terminal Guadalupe. O início do estágio supervisionado desta que é a 27ª turma de guardas municipais foi autorizado pelo prefeito Rafael Greca. “Recomendei aos novos guardas que vejam este uniforme como sagrado, porque sagrada para nós é a cidade”,

afirmou o prefeito. Além do reforço na região central, cerca de 60 guardas que já trabalham na corporação serão deslocados para os núcleos regionais, para reforçar o efetivo nos bairros. Compromisso assumido Durante a solenidade, o prefeito destacou o diálogo constante que manteve com aprovados no concurso público para a Guarda Municipal, realizado em 2015. “Aqui ao meu lado o Clodoaldo Machado e o Wagner Correia, dois piás que com os dedos no Facebook me provocavam para chamar os guardas aprovados no concurso”, contou Greca. “Não calculo a alegria deles. Um deles fez até selfie com o uniforme”, acrescentou o prefeito, falando do entusiasmo dos novos profissionais que agora passam a servir a cidade. “Tínhamos receio de que o concurso prescrevesse e não houvesse tempo

Foto: Daniel Castellano / SMCS

Prefeito Rafael Greca participa do início do estágio Supervisionado da 27º Turma de 133 Guardas Municipais

Anuncie Aqui

Centro Cívico Jornal

(41)

3364-1277

9 9661-8365

(41)

Feiras noturnas em nosso bairro S

ão realizadas quatro feiras semanais de 3ª a 5ª feira no horário das 17 às 22 horas. Nas Feiras Notur-nas, além dos produtos das Feiras Livres, o consumidor encontra também comidas típi-cas regionais e inter-nacionais, tais como: comidas baianas, mineira, japonesas, francesas, polonesas, ucraniana, belga, itali-ana, portuguesa, chi-lena e outras. Prestigie às feiras proxima do Centro Cívico: Juvevê AV. ANITA GARI-BALDI, S/N - Entre a R. Campo Sales e a Av. João Gualberto. Todas as terças, das 17:00 às 22:00

Alto da Glória R. IVO LEÃO, S/N - Entre a R. Dr. Zamenhof e a R. Nicolau Maeder, ao lado do Cemitério Protestante. Todas as quartas das 17:00 às 22:00 Hugo Lange R. PRES. RODRIGO OTÁVIO, S/N - Entre a R. Augusto Stresser e a R. Dep. Carneiro Campos. Todas as quartas das 17:00 às 22:00 São Francisco R. KELLERS, S/N - Entre a Al. Dr. Muricy e a R. do Rosário, ao lado da Pç. Garibaldi. Todas as quintas, das 17:00 às 22h00•


Jornal

Eleições 2018

t

Centro Cívico

jornalcentrocivico.com.br

5

6


t

Centro Cívico Jornal

Especial ial

6 jornalcentrocivico.com.br

Santuários e celebrações

compõem o turismo religioso do

Paraná Igreja Sâo Vicente de Palloti - Cajurú(PR)

E

ntre as heranças culturais da diversidade étnica do Paraná está a religiosidade, uma expressão tão importante que se configura como um segmento turístico de destaque. Há uma riqueza de santuários, catedrais, festas, romarias e locais de peregrinação que atraem milhares de visitantes, movimentando a economia e propiciando a criação de empregos no Interior. Muitos municípios do Estado são reconhecidos por esse tipo de turismo. Alguns, inclusive, abrigam rotas com percursos traçados.

Santuário de Schoenstatt - Guarpuava(PR)

Rota do Rosário Criada em 2008 pelo Bispo Emérito Dom Fernando José Penteado, a Rota do Rosário, abrange diversos municípios do Norte e Norte Pioneiro. É um elemento do turismo religioso e também um estímulo

Catedral de Londrina (PR)

Graças, em Santo Antônio da Platina, e Igrejinha de Arapoti, em Arapoti.

Santuário Santa Terezinha - Bandeirantes (PR)

para o turista a permanecer mais tempo e conhecer os demais atrativos destas regiões. Os santuários mais visitados são o de São Miguel Arcanjo, e o santuário e festa Bom Jesus da Cana Verde, em Siqueira Campos. Além destes, fazem parte da Rota do Rosário os santuários de Santa Terezinha do Menino Jesus, em Bandeirantes; Mãe Rainha e Vencedora Três vezes Admirável de Schoenstatt, Catedral de Nossa Senhora Imaculada Conceição e Nossa Senhora de Guadalupe, todos os três em Jacarezinho; Santo Inocêncio, em Tomazina; Diocesano do Sagrado Coração de Jesus, em Ibaiti, e Senhor Bom Jesus da Pedra Fria, em Jaguariaíva. Também integram esta rota o santuário São Vicente Palloti, em Ribeirão Claro; Divino Espírito Santo, em Ribeirão do Pinhal; Nossa Senhora das

Festa As festas religiosas são tradicionais no Estado, atraindo milhares de turistas todos os anos. Os eventos ocorrem em todos os cantos do Paraná. No Litoral acontecem as festas de Nossa Senhora do Pilar, Nossa Senhora do Porto, Nossa Senhora do Rocio e a do Divino Espírito Santo. Na região Norte e Norte Pioneiro são destaques as festas de Santa Rita de Cássia e a Senhor Bom Jesus da Cana Verde, além da celebração de Corpus Christi, que ocorre em todo o Estado. Em Curitiba, no santuário de Nossa Senhora de Guadalupe a Festa das Santas Chagas. Prudentópolis Uma das cidades mais religiosas do Paraná e que atrai muitos turistas é Prudentópolis. É conhecido como a capital da oração, por conta de suas inúmeras igrejas, muitas delas com estilo bizantino, remetendo à tradição ucraniana, muito forte na região. Os visitantes podem conhecer os templos, muitos deles com missas celebradas em ucraniano. Mesquitas, Templos Budistas e Catedrais também são boas opções para visitar nos municípios de Maringá, Londrina, Ponta Grossa, Lapa e Tibagi.•

Paróquia Imaculada Conceição – Jacarezinho/PR


Saúde

t

Jornal

Centro Cívico

jornalcentrocivico.com.br

7

Centro de Referência tem 97% de cura para casos de hepatite C D

epois de 20 anos tratando a diabetes, Sueli Maria Gelenski descobriu ter hepatite C, doença silenciosa e a mais letal entre os três tipos de hepatites (A, B e C). O diagnóstico foi feito através de um teste rápido, confirmado por exames laboratoriais, pelo Centro de Orientação e Aconselhamento (COA), da Secretaria Municipal da Saúde. A boa notícia para dona Sueli e também para todas as pessoas diagnosticadas antes da fase avançadas da doença, é que atualmente existe tratamento eficaz e gratuito para hepatite C. Em Curitiba, a taxa de cura da doença nos casos tratados pelo COA é de 97%. O COA oferece testagem rápida, tratamento e acompanhamento das hepatites B e C, além de HIV e Sífilis. Qualquer pessoa pode entrar no prédio, no bairro São Francisco, no Centro, e pedir o teste rápido para o vírus. Uma picada no dedo e o resultado sai em menos de 30 minutos. “Tenho plano de saúde e faço exames com frequência, e nunca nenhum médico me pediu testes de hepatite C. Não fosse o COA só iria descobrir numa fase muito avançada. Sou muito grata ao trabalho deles que é de excelência”, afirma Sueli. Desde 2015, quando passou a distribuir o atual tratamento, 791 pessoas já foram atendidas, com uma taxa de 97% de cura da hepatite C. E, desde 2018, uma nova estratégia está sendo desenvolvida, com atuação da equipe para além dos limites do prédio, na Rua do Rosário. Campanhas direcionadas a grupos de risco aumentam chance de prevenção e tratamento Estima-se que 1,9% dos curitibanos têm o vírus da hepatite C e que 60% dos contaminados ainda não tenham sido diagnosticados. Para tentar chegar mais rapidamente à essa população, nos dois últimos anos o COA tem direcionado a procura a grupos de risco, como diabéticos e dependentes químicos, para realizar testes e orientar o tratamento. “Campanhas com púbico geral são importantes, mas para chegar mais rapidamente aos possíveis

Emendas federais garantem R$ 2,5 milhões à Saúde

O

setor da saúde de Curitiba irá receber R$ 2,5 milhões em recursos de emendas parlamentares federais. Em reunião com o prefeito Rafael Greca, o coordenador da bancada federal do Paraná em Brasília, deputado Toninho Wandescheer, destacou o repasse dos recursos à capital paranaense.

“Sou morador de Fazenda Rio Grande e posso dizer que grande Curitiba é uma cidade só. É uma metrópole, o centro da nossa Região Metropolitana”, disse Wandescheer. O deputado federal visitou o prefeito acompanhado do vereador Tico Kuzma. “Manifesto a minha gratidão e da secretária de saúde, Márcia Huçulak. É um dinheiro fora do nosso orçamento que chega em muito boa hora”, disse Greca. Os recursos serão distribuídos entre várias instituições de saúde da capital. Do total, R$ 1 milhão serão destinados para o Hospital do Idoso; R$ 500 mil ao Hospital Pequeno Príncipe; R$ 400 mil para o Hospital São Vicente; R$ 400 mil para a Liga Paranaense de Combate ao Câncer do Hospital Erasto Gaertner e R$ 200 serão destinados ao Hospital Universitário Cajuru.•

portadores do vírus temos procurado agir diretamente com grupos de risco”, diz a médica hepatologista Cláudia Ivantes. O diagnóstico de Sueli é resultado desse trabalho de campo numa ação do COA com grupos de diabéticos atendidos pela Rede Municipal da Saúde. Ela é frequentadora da Unidade de Saúde da Vila Guaíra onde recebe fitas de medição de glicose e por lá, foi avisada para comparecer a uma palestra do COA na Unidade. Neste julho amarelo, mês de combate às doenças do fígado e Dia Mundial de Combate às Hepatites Virais (28/7), o COA desenvolveu campanha e testagens rápidas nos 13 Centros de Atenção Psicossocial (CAPs) de Curitiba. Do total de 294 testes feitos, 11 foram positivos (3,7%). “É um índice alto, mas ao mesmo tempo demonstra que a procura por grupos específicos é muito importante, fala a médica. Se não houver tratamento, a hepatite C pode evoluir para fase avançada de fibrose e, em média, 20% para cirrose até surgimento de câncer de fígado. Atendimento O COA fica na Rua do Rosário, 144, São Francisco. O horário de atendimento é de 7h às 18h, de segunda à sexta-feira. Para o teste rápido, não é necessário agendamento; para o tratamento medicamentoso, é preciso encaminhamento médico e que o paciente atenda ao protocolo adotado para a doença. Como se transmite a hepatite C Silenciosa, a hepatite é uma doença causada por um vírus, transmitido por contato com sangue contaminado. As principais causas são transfusões de sangue antes de 1993 (quando ainda não havia teste para detecção da doença), agulhas e lâminas não esterilizadas em procedimentos estéticos (como manicure) e tatuagens, sexo sem proteção, compartilhamento de seringa.•


t

8 jornalcentrocivico.com.br

Divirta-se

Centro Cívico Jornal

Ghostwriter A

ntes de se tornar famoso no cinema, James Bond traçou seu caminho da fama na forma de doze livros e duas compilações de contos, entre 1953 e 1964. Todo mundo estava satisfeito com o as vendas, ainda mais com o primeiro filme em 1962, Dr. No sendo um sucesso de bilheteria. Mais eis que em 1964, Ian Fleming morre. H.P. Lovecraft figura postumamente no pódio dos melhores escritores de suspense e terror, junto de Edgar Allan Poe e Stephen King. Mas enquanto vivo e debatendo-se para viver de seu trabalho de escritor, ele fez uma parceria com o famoso ilusionista Harry Houdini e o conto Sob as pirâmides. A arte da negociação (1987), é o livro de Donald Trump. Parte autobiográfico e parte conselhos em negócios, ele tornou seu autor uma figura marcante nos Estados Unidos da América. Os royalties são divididos entre Tony Schwartz e Doanld Trump. O que essas três histórias tem em comum é a prática de ghostwriting. Um ghostwriter, ou escritor fantasma, é alguém contratado para escrever para outra pessoa, geralmente famosa. Às vezes uma série se torna tão popular, e a demanda por novas histórias tão

ADRIANA MARTINS

grande que ultrapassam a capacidade do autor, física e criativa. Nesses casos, aos autores fantasmas cabe escrever no estilo do autor que figura na capa do livro. A prática não é ilegal, mas os contratos são geralmente sigilosos. Nos casos que citamos, Ian Fleming estava muito doente e morreu durante a escrita de O Homem da pistola de ouro, que foi publicado postumamente, assim como 007 contra Octopussy e Marcado para a morte. Até hoje há controvérsias sobre se foi Ian Fleming quem realmente as escreveu. Sobre a parceria de HJ.P. Lovecraft e Harry Houdini, ela se deve a uma boa camaradagem entre os dois. Já com Donald Trump, como sempre nada é simples e ele afirmou “eu escolhi Schwartz para escrever o livro (...) mas Schwartz não escreveu, eu escrevei”, mas ao final o atual presidente de cabeleira com vida própria aceitou um acordo de 50/50 para o lucro das vendas. Isso nos mostra, mais uma vez, o quão rico é o universo dos livros. O recurso ao ghostwriting cobre várias lacunas e seu uso pode gerar uma discussão acirrada de prós e contras. E você, o que acha disso?• Adrina Martins - Historiadora e colaboradora do Jornal Centro Cívico

LIVRO DO MÊS

Professora de canto ensina em um livro como cuidar da voz C

om 37 anos de carreira, a intérprete Ana Cascardo, que há 19 atua como professora de canto no Conservatório de MPB, em Curitiba, lança seu segundo livro, intitulado "Aquecimento & manutenção da voz"; onde centraliza seus ensinamentos nos cuidados que todos devemos ter com a voz. O lançamento acontece no dia 31 de agosto, no Gramofone Estúdio, em Curitiba, durante a realização de mais uma Oficina de Canto aberta ao público em geral. A edição teve fundamental apoio no patrocínio da Itaipu Binacional. Musicoterapeuta e coach de formação, a mineira de Itajubá já

encantou o Brasil com sua forte presença de palco, sua percepção e olhar refinados baseados em amplo conhecimento teórico e prático. Ana garante que cantar não é apenas vocalizar mas sem a vocalização também não há canto: "o conhecimento e a autopercepção são fundamentais, pois quanto mais estudamos, mais nos damos conta de que a voz não é apenas fator físico, mas sobretudo emocional, resultado da técnica e também da autoimagem", afirma ela. "Quanto maior a maturidade, maior a percepção de que sempre é possível desenvolver mais, pois todo canto pode ser aprimorado", complementa a profissional.•

O fantasma. HARRIS, Robert. 2010. Rio de Janeiro. Ed Edit Editora Record. ISBN-10: 8501081264 Livremente baseado na fascinante e tumultuada história política do expremier britânico Tony Blair, de quem Robert Harris foi amigo e colaborador. Ao final do seu mandato, o primeiro-ministro Adam Lang, que sempre sorria para as câmeras à porta de Downing Street mas engajou-se na Guerra contra o Terror ao lado dos Estados Unidos, recebe um dos maiores adiantamentos da história do mercado editorial pelas suas memórias. Com a esposa e um ghost-writer, começa a dar forma a seu livro. Quando o escritor é encontrado morto, um novo profissional é contratado. Porém, ele logo se arrepende ao perceber que o passado do ex-premiê é bem diferente daquele pintado pela mídia. Preço médio: R$45,90


Jornal

t

Centro Cívico

wwwjornalcentrocivico.com.br 9

Cusine

Dicas simples para facilitar sua vida na cozinha S

ão tantas dúvidas em relação a cozinha. Tenho a solução para algumas delas aqui, e também alguns segredinhos para melhorar seu desempenho na cozinha e ajudar no dia-a-dia! São algumas dicas para ajudar na hora de fazer aquela refeição deliciosa, e para dar aquela luz quando você não sabe o que deu errado. Confiram: •Calcule o feijão: 1 xícara de feijão cru serve três pessoas depois de pronto. •O queijo não endurece se você passar manteiga ou margarina na parte cortada. •Para descongelar frutos do mar, coloque o pacote ou vasilha na geladeira e deixe descongelar lentamente, sem tirar da embalagem. •Para que as batatas fritas fiquem bem sequinhas, depois de cortadas, coloque-as em água fervendo por alguns minutinhos e, em seguida, em água com gelo. Escorra bem, frite em bastante óleo e escorra em papeltoalha. •Depois de ralar frutas e legumes, dá o maior trabalho limpar o ralador. A melhor maneira é cobrí-lo com filme plástico, e só então ralar. •Nunca recongele alimentos que você retirou do freezer, mas não chegou a usar. •Quando o purê fica muito aguado, basta salpicar a mistura com um pouco de leite em pó. •Antes de fritar a banana,

passe-a em farinha de trigo. Assim ela não fica encharcada na gordura. •Para manter a couveflor branca, adicione um pouco de leite a água do cozimento. •Uma colher (chá) de gelatina em pó, equivale a uma folha. •Se os biscoitos grudarem na assadeira, coloque-os sobre a chama do fogão durante alguns segundos. Eles soltarão facilmente. •Para que o bolo não grude no prato em que vai ser desenformado, polvilhe o prato com açúcar de confeiteiro. •Sempre que congelar algum prato pronto, evite temperá-lo muito, pois o congelamento acentua o sabor dos temperos. Dica nutritiva •Em vez de untar a forma de bolo com farinha de trigo, use aveia , farinha de rosca ou farelo de trigo. Além de saudável, o bolo adquire uma textura diferente. •Para fazer um ovo frito perfeito, você deve untar a frigideira com azeite ou manteiga e colocar o ovo. Tampe e cozinhe em fogo moderado até o ponto desejado. Tempere e sirva. •O peixe não gruda na assadeira e fica com mais sabor se o fundo da assadeira for forrado com uma camada de fatias de batatas cruas. •Para reaproveitar as sobras de batatas cozidas, mergulhe-as em água quente e leve ao forno por

20 minutos. •Iogurte com cebola ralada é uma mistura muito gostosa para se colocar sobre batatas assadas. •Para empanar pedaços de frango sem fazer sujeira, coloque a farinha dentro de um saco plástico. Junte os pedaços de frango e chacoalhe até misturar bem. •Misture a maionese que sobra no fundo do vidro com um pouco de suco de limão e você terá um ótimo molho para salada. •Se o molho ficar salgado demais, junte uma fatia de pão e cozinhe mais um pouco. •Se um molho à base de farinha encaroçar, basta passá-lo pela peneira. •Para bater a maionese, utilize sempre uma vasilha de louça ou de vidro, nunca de metal. •Se o molho de carne ficar sem cor, acrescente duas colheres (chá) de café solúvel. •Para engrossar molhos, acrescente 1 colher (sopa) de farinha de trigo dissolvida em água fria. •Nunca requente o café diretamente no fogo, ele fica melhor requentado no banhomaria. •O açúcar a ser empregado no preparo de doces e sobremesas pode ser perfumado com raspas de limão ou de laranja. •O café adoçado com açúcar mascavo fica muito mais gostoso se você ferver o açúcar junto com a água.•

Receita de

Pudim de leite condensado Dona Karla Medeiros Moradora da rua Mateus Leme

Rápido - 50 minutos

Dificuldade - fácil Ingredientes Pudim: •1 caixa de leite condensado •2 medidas de leite •6 ovos •6 colheres (sopa) de açúcar

Qual a melhor carne para moer?

Ingredientes Calda:

C

•Em uma forma, coloque o açúcar e leve ao fogo até caramelizar

•2 xícaras de açúcar Modo de preparo:

REDAÇÃO

arne moída é sempre uma ótima pedida. É de rápido preparo, econômica e pode-se criar diversas receitas deliciosas. Além disso, você pode usar vários tipos diferentes de carne no preparo, vem dar uma olhada. Teoricamente, todas as carnes de segunda e aparas de carne de primeira servem para moer. Entretanto, alguns supermercados e açougues costumam exagerar e toda a gordura ou mesmo o sebo da carne acabam passando pela máquina. Já notaram que, em alguns lugares, a carne moída é esbranquiçada

de tanta gordura? A de melhor qualidade é sempre aquela que você escolhe e manda moer ou leva para moer em casa. Não compre as que ficam estocadas no balcão, pois nem o maior exercício de imaginação o fará saber o quanto de sebo ou gordura podem conter. Vários cortes de carne podem servir para moer. Normalmente, a preferência é dada para a carne de primeira, por ter menos gordura, assim você evitará que se forme aquela desagradável “nata” branca sobre a carne. O patinho é perfeito, mas você também pode

•Em seguida, bata todos os ingredientes até obter uma mistura lisa e homogênea •Despeje a massa na forma já caramelizada, coloque sobre uma panela grande com água e ponha no fogo alto até ferver •Quando ferver, deixe cozinhar em banhomaria por 40 minutos mandar moer o coxão duro, o coxão mole ou o lagarto, pelo mesmo preço. Moer carnes mais caras é um desperdício! Já se estiver “duro” ou não encontrar a carne que precisa, alguns cortes de segunda, como o acém ou braço, também podem servir.

Nesses casos, peça ao seu fornecedor que tire todo o sebo, gordura e pelancas antes de moer. Uma dica interessante é você comprar uma peça macia de carne e moer em casa no processador, com comodidade e deixando do tamanho que quiser.•

•Retire do fogo e deixe esfriar •Desenforme e sirva gelado

Sua receita no Centro Cívico Quer ter a sua receita publicada no jornal Centro

Cívico? Envie-nos a sua receita para redacao@ jornalcentrocivico.com.br. Se a sua receita for aprovada, ela será publicada aqui.•


t

Motor

10 jornalcentrocivico.com.br

Centro Cívico Jornal

Carros e enchentes: o que fazer? ANTÔNIO MARTINS

E

u não vou entrar numa discussão política, mas o fato é que o clima está mu•ando e é preciso estar pronto para as mais diversas situações. E uma que vem acontecendo com mais frequência é inundação. De repente começa a chover muito e as ruas ficam alagadas. Até aí, tudo bem, a gente já sabe que o macete é aceleração suave e constante até sair do aguaceiro. Mas, e se eu for pego numa enchente de rio, daquelas que chegam até o capô? O que fazer e o que não fazer? Vamos lá: O que fazer

• Não entre em pânico, você está no controle da situação • Ligue os faróis para que o socorro o encontre mais facilmente • Solte o cinto de segurança • Destrave as portas • Tire casaco e blusa • Se houver crianças, passe-as para a frente • Se houver outros passageiros adultos, instrua-os calmamente • Baixe as janelas devagar e assim que tiver espaço, saia do carro • Se as janelas não abrirem, saia pela porta, mas para isso, você terá que

equalizar a pressão interna e externa e isso acontecerá deixando a água entrar no interior do veículo. Quando ela estiver na altura do peito, você já poderá abrir. O que não fazer • Repetindo, não entre em pânico • Não tente abrir as portas com a água alta fora do carro. Você só ficará cansado • Não tente carregar objetos. O que vale é sua segurança • Não tente quebrar os vidros. Se a pressão não estiver equalizada, eles vão quebrar na sua direção e na dos

passageiros • Uma vez fora do carro, saia de perto dele e procure um abrigo seguro • Uma vez fora, não fique no teto do carro. • A corrente de água pode carregá-lo longe ou você escorregar • Não retorne ao carro se achar que o nível de água está baixando. Ele pode aumentar de novo sem aviso • As chances de você ser pego numa situação dessas são mínimas, mas o seguro morreu de velho, não é?• Antônio Martins - Engenheiro e colaborador do Jornal Centro Cívico

Toyota Prius chega ao Brasil com novidades em design A

Toyota do Brasil anuncia a abertura de pedidos para a linha 2019 de seu híbrido Prius, pioneiro global e dono de uma trajetória de grande sucesso na disseminação da tecnologia híbrida em todo o mundo. O Prius 2019 conta com atualizações em design, mais conforto, maior espaço de porta-malas e central multimídia aprimorada. Desde 1997, quando o Prius começou a ser

produzido e comercializado em escala, seu excelente desempenho em um pacote acessível chamou a atenção dos consumidores, que mudaram suas percepções sobre carros movidos a energias alternativas. Em um mercado que sofreu constantes mudanças, o Toyota Prius se consolidou como o híbrido mais vendido no mundo e, no Brasil, já soma mais de 6.000 mil unidades comercializadas

desde que chegou ao País, no início de 2013, ainda em sua terceira geração. A quarta geração, lançada nacionalmente em 2016, trouxe mais tecnologia ao Prius, além de fazer do veículo o primeiro da marca montado sobre a Nova Arquitetura Global da Toyota (TNGA, em inglês). O novo Prius estará disponível a partir do início de agosto nas concessionárias de todo o Brasil por R$ 128.530,00.•


Jornal Jornal

Pet Amigo

t

Centro C entro C CĂ­vico Ă­vico

jjornalcentrocivico.com.br ornalcentrocivico.com.br 1 11 1


3

Profile for Jornal Centro Cívico

Jornal Centro Cívico|ed.174|2019  

Mais que um jornal de Bairro www.jornalcentrocivico.com.br (41) 3376-1277

Jornal Centro Cívico|ed.174|2019  

Mais que um jornal de Bairro www.jornalcentrocivico.com.br (41) 3376-1277

Advertisement