Page 55

primeiro dia (05/07/2012) Escritas da Finitude Minha primeira mesa da Flip 2012. Estou aqui assistindo pelo telão, de frente para o mar. Essa primeira mesa me surpreendeu muito, tanto pelo conteúdo das discussões quanto por descobrir autores de grande qualidade que me eram desconhecidos, coloquei os livros deles na minha lista: para serem lidos. Os novíssimos escritores da literatura brasileira Altair Martins, André de Leones e Carlos de Brito e Mello conversam sobre porque precisamos de ficção, e sobre a morte e a importância dela na literatura. Anotei no meu caderninho várias frases que que fui recolhendo e fazem pensar: sempre faço isso como exercício para não perder o que estão falando enquanto formo uma lista de pensamentos. Escrever ao invés de fazer.

— Literatura adia o inevitável: a morte, o transitório, a finitude. — A parede no escuro. Morte anímica. — Frequentemente assassinam nossas coisas. — Mortos ambulantes.

55

Rubato  

Revista com espaço total dedicado à Literatura.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you