Page 50

poeticidade. É impossível viver fora da poesia. Somos seres essencialmente poéticos, a questão é que muitas vezes deixamos adormecer esse sentido, e isso porque, numa tentativa a qualquer custo de democratizar o livro, acabaram por privatizar a vida.

Qual sua opinião sobre os prêmios literários e o espaço dado a poesia dentro deles? Acredito que são importantes para incentivar a escrita, para dar um empurrãozinho na circulação das obras e deixar o sistema cardiovascular em dia. Mas devemos ter sempre a consciência de que são prêmios das instituições, não da literatura e, portanto, vão buscar premiar mais a instituição “autor” do que propriamente autores reais e suas obras. Muitas vezes, esses prêmios já possuem um olhar preconcebido do que quer premiar. Note que um prêmio cresce em importância, sobretudo, pelos autores que escolhe premiar, então, claro, é mais vantajoso premiar nomes já estabelecidos e consagrados em outra instância do que um autor emergente, por exemplo, ainda que este seja muito melhor que os outros. Isso é até bem evidente e não deve causar muito espanto. O problema é que nós assumimos essa balança das “autocanonizações” com muita passividade. Temos uma tendência a acreditar nas instituições como uma espécie de divindade maléfica: faz mal, mas

50

Rubato  

Revista com espaço total dedicado à Literatura.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you