Issuu on Google+

INFORME COMERCIAL 17 DE OUTUBRO DE 2012

De 19 a 28

de outubro de 2012

nicos

rmâ Jogos ge ais

dicion a r t s p p o Ch

Música Esporte


INFORME COMERCIAL 17 DE OUTUBRO DE 2012

De 19 a 28

de outubro de 2012

2

Divulgação

25 anos de Oktoberfest em Igrejinha A Oktoberfest de Igrejinha surgiu em 1988, como uma homenagem aos antepassados, revivendo os valores culturais dos imigrantes que colonizaram a região e divulgando-os além de suas fronteiras. É a “Festa de Outubro” e, a cada ano, a cidade prepara-se e fica mais aconchegante para receber os visitantes que buscam reviver as tradições germânicas. Hoje são milhares de turistas que vem à cidade conhecer a hospitalidade do povo igrejinhense e a alegria de uma festa tipicamente alemã. Desde a criação da festa, a comunidade local uniu suas forças, através de diversos segmentos, e o resultado foi uma parceria que está sempre procurando crescer para que a própria população participe de seu desenvolvimento social. O público

visitante, no início predominantemente regional, foi ampliando e diversificando e hoje, conta com a presença cada vez maior de visitantes de diversas regiões do estado, do país e até do exterior. A Oktoberfest de Igrejinha é considerada, um dos maiores eventos populares do estado, com repercussão nacional e internacional, tendo conquistado o seu espaço no cenário turístico-cultural. Desde a primeira edição até hoje, aproximadamente 3.500.000 pessoas prestigiaram essa grande festa, que já distribuiu mais cinco milhões de reais para entidades de Igrejinha e cidades vizinhas. Ao entrar na cidade, no mês de outubro, o visitante já vislumbra a decoração de ruas, casas, indústria e comércio, todos

engajados, mostrando o orgulho de fazer parte dessa festa. O Parque O Parque de Eventos Almiro Grings (Parque da Oktoberfest), dotado da mais completa infraestrutura para a realização do evento, tem 15 mil m² de área coberta e pátio completamente pavimentado, a fim de receber os visitantes com segurança, qualidade e conforto. Logo na entrada do Parque, ao lado do Pórtico principal, o visitante pode passear pela Vila Germânica, um conjunto de casas em estilo enxaimel que retratam o modo de vida dos primeiros moradores da região. As casas abrigam museus, exposições e espaços de comercialização de produtos coloniais.

O visitante tem várias opções de alimentação no parque, desde lanches até uma refeição completa com comida típica alemã. Na “Casa do Colono”, há comercialização de inúmeros produtos coloniais, inclusive pães e cucas preparados na hora, sendo a cuca com lingüiça um dos pratos mais consumidos pelo público. O que não poderia faltar são os tradicionais chopps da festa. Famosos na Alemanha os Bier Platz – “Espaço da Cerveja” – são locais onde se oferece além do chopp tradicional, outros chopes e cervejas especiais do segmento Premium. Além da bebida. O Bier Platz oferece pratos típicos da culinária alemã. Considerado uma área nobre da festa, está disponível a todos os visitantes.

EXPEDIENTE | INFORME COMERCIAL RBS JORNAL - Escritório Vale do Sinos Rua Bento Gonçalves, 1731 sala 91 Novo Hamburgo Fone: (51) 3582-4444.

E-mail: andre.luis@zerohora.com.br Encartado regionalmente em Zero Hora no Centro de Distribuição Vale do Sinos, Caxias, Canoas e Grupo 7 Poa.

Produção: TR Comunicação (Fone: 51 3041.2333) Jornalista Colaboradora: Roselaine Vinciprova (DRT 11023)


INFORME COMERCIAL 17 DE OUTUBRO DE 2012

De 19 a 28

de outubro de 2012

3

ELTROC


INFORME COMERCIAL 17 DE OUTUBRO DE 2012

De 19 a 28

de outubro de 2012

4

Cultura e esporte na programação do evento Divulgação

A Oktoberfest de Igrejinha traz uma programação completa para todas as idades, envolvendo cultura, diversão e esporte. Através das manifestações culturais, as tradições, costumes e hábitos dos descendentes germânicos são mantidos vivos. A música instrumental é característica dos povos europeus, os ritmos das polkas, valsas e alegres marchinhas foram agregadas à cultura por intermédio dos imigrantes. O Festival de Bandas e a Orquestra Típica buscam promover o contato e oportunizar visibilidade da cultura para que as novas gerações também se preocupem em preservar as suas origens. As bandas e orquestras se apresentam para públicos de todas as idades e camadas sociais, usando trajes e instrumentos típicos, divulgando e difundindo ritmos que fazem das bandas e orquestras típicas alemãs um patrimônio histórico. Com o outro projeto cultural Arte em Cena, a Amifest tem contribuído para o desenvolvimento sócio-cultural da Comunidade, gerando através de suas iniciativas oportunidades de despertar o gosto pelas artes, além de promover a formação de platéia de forma descentralizada e efetiva. A dança, parte integrante dos costumes e tradições cultuados na região, passou a ser ainda

mais valorizada. Já o teatro de bonecos, a arte circense e o teatro tradicional, segmentos que nunca tinham sido vistos antes pela maioria da Comunidade, agora ganham a simpatia de um público em potencial que passou a admirar e aplaudir os artistas enquanto se agregam aos poucos as atividades desenvolvidas no seu cotidiano. Junto a programação cultural, estão os shows nacionais da Oktoberfest. Para esta edição do evento estarão presentes Tchê Garotos, Fresno, Lucas & Felipe, João Neto & Frederico, Motivo Doze, Vera Loca, Nenhum de Nós, Inimigos do HP, Cairon & Gustavo e Guilherme & Santiago. Programação Esportiva Os esportes sempre tiveram papel importante na colônia e, como a Oktoberfest tem por objetivo o máximo resgate das origens, esse tipo de entretenimento e lazer também tem espaço, em eventos paralelos à festa. Desta forma, o espírito de luta e competição é unido à energia e alegria da Oktoberfest. O eventos esportivos são: 15ª OktoberFliegen, 7ª OktoberMotoTrilha, 9ª OktoberJipe, 6ª OktoberAventura e 15ª OktoberBike. Ao final das competições, todos os participantes reúnem-se no parque da festa para uma grande confraternização.

Mensagem do Presidente da Amifest

Chegamos a 25ª edição da maior festa comunitária do Brasil. Podemos comemorar esta conquista, porque soubemos valorizar a união, a cultura, a tradição e a alegria. A história tem sido exuberante nos registros dos benefícios que esta união tem proporcionado a nossa comunidade. A Oktoberfest de Igrejinha é a continuação de todas as manifestações culturais, trazidas pelos nossos imigrantes alemães, e, nelas é notória a participação comunitária, o trabalho voluntário desprendido de qualquer objetivo ou destaque próprio, pois é voltado sempre para a busca do bem comum. Todos nós somos a verdadeira história, a cultura e a tradição, portanto, devemos expandi-la, perpetua-la e desenvolvê-la com consciência, justiça, paz, amor, sabedoria e dignidade, em beneficio de todos, e é este o nosso maior propósito, por isso o convite, vamos comemorar nosso jubileu de prata, com muito entusiasmo e animação, pois são 25 anos de união, cultura, tradição e alegria.

Sérgio Rogério Lampert


INFORME COMERCIAL 17 DE OUTUBRO DE 2012

De 19 a 28

de outubro de 2012

5

Divulgação

As tradições germânicas Cultivar a tradição é uma característica da população de Igrejinha, confirmada na preservação das Sociedades de Canto, dos Grupos de Bolão e dos Grupos de Danças Folclóricas que perduram durante gerações. Conheça a seguir as tradições germânicas que estarão presentes no evento: Bierwagen - Carro que distribui chopp gratuitamente pelas principais ruas da cidade, durante todos os dias da festa. Concurso de Tomadores de Chopp em Metro - O participante que conseguir tomar o chopp de uma tulipa de um metro, contendo aproximadamente 600ml, no menor tempo possível, sem

derramar (ou babar) e sem parar para respirar, é considerado o vencedor do concurso. Desfile Oficial - O desfile oficial é sempre inspirado no tema da Oktoberfest, e conta de forma criativa e encantadora a história da chegada dos imigrantes alemães à nossa região. Hans e Hannah - Bonecos símbolo da Oktoberfest de Igrejinha. Participam de todos as atividades festivas alusivas ao evento. Terno de Atiradores - Os grupos de Atiradores de Ano Novo talvez sejam a mais antiga das tradições teuto-riograndenses, trazida pelos primeiros imigrantes germânicos, de sua pátria de origem, perma-

necendo desconhecida por grande parte da população. Tradicionalmente, os grupos de Igrejinha participam dos desfiles alegóricos e apresentam-se no Parque da Oktoberfest, dando salvas de tiros ao público visitante. Jogos Germânicos - Através da realização dos Jogos germânicos, de uma forma divertida, são

retratados os esforços físicos que os primeiros colonizadores tiveram que enfrentar para sobreviver e melhorar sua qualidade de vida na época em que chegaram ao Brasil. Entre as modalidades em disputa, estão o machado , serra de duas pontas, carrinho de mão, batalha viking e cabo de guerra.


INFORME COMERCIAL 17 DE OUTUBRO DE 2012

De 19 a 28

de outubro de 2012

6

Divulgação

Resultado financeiro é revertido em ações sociais A responsabilidade social da Oktoberfest é realizada através do trabalho voluntariado das pessoas envolvidas nesta festa. São grupos que se dedicam para o crescimento e desenvolvimento das entidades da região, como escolas, grupos folclóricos, o hospital, a APAE, entre outras. O resultado financeiro de cada edição é distribuído entre instituições de Igrejinha e cidades vizinhas, multiplicando a alegria da festa de outubro e tornando a Oktoberfest de Igrejinha a maior festa comunitária do país, com mais de cinco milhões repassados às entidades nestes 25 anos. Além disso, a Amifest disponibiliza gratuitamente às entidades espaços para comercialização de artesanato, souvenires e alimentação. Em 2011, por exemplo, 74 entidades foram beneficiadas com os recursos da 24ª Oktoberfest de Igrejinha.

Ações Sócio-Ambientais Em 2009, a Amifest criou a Comissão de Meio Ambiente, com o objetivo de promover ações sócio-ambientais que visam a preservação do meio ambiente. Entre as várias iniciativas já realizadas naquele ano, o material de divulgação dos eventos da Amifest foram produzidos em papel reciclado. Em 2010, a comissão de Meio Ambiente da 23ª Oktoberfest comandou uma ação de plantio de árvores nas imediações do Parque de Eventos Almiro Grings. As árvores colaboram na retenção de poluentes, no consumo do gás carbônico e na produção de oxigênio, contribuindo, assim, para a melhoria na qualidade do ar. Cada comissão ficou responsável por “apadrinhar” um pé de Ipê, árvore que floresce entre setembro e outubro, e que além

de contribuir com o meio ambiente, vai deixar ainda mais bonito o parque para esperar os visitantes da Oktoberfest. Em 2011, a conscientização ambiental esteve em pauta, através de atividades como a limpeza do Arroio Koetz; a instalação de 60 lixeiras ecológicas – confeccionadas com copos plásticos arrecadados na edição de 2010

da festa; distribuição de sacolas retornáveis, produzidas pela empresa calçadista Piccadilly, com banners antigos da festa; e a impressão em produtos reciclados de todos os materiais de divulgação, inclusive as camisetas usadas pelos voluntários. Além disso, todos os resíduos acumulados durante a festa foram separados e tiveram destinação correta.


INFORME COMERCIAL 17 DE OUTUBRO DE 2012

De 19 a 28

de outubro de 2012

7

Igrejinha Entre as colônias alemãs fundadas no sul do país, está Igrejinha, uma cidade que conserva as características européias, seja pela arquitetura de seus prédios ou pela geografia. Instalada ao longo do Rio Paranhana, Igrejinha é cercada de morros, cobertos de vegetação nativa. Incrustada no caminho da serra gaúcha, a cidade é conhecida internacionalmente por se dedicar à produção calçadista destinada ao mercado nacional e à exportação. Na cidade se produz a moda que o Brasil vê nas vitrines. Mas Igrejinha não é só trabalho. Seu povo ainda cultua as tradições de seus antepassados, promovendo anualmente um dos maiores eventos da tradição germânica no Rio Grande do Sul: a Oktoberfest, uma comemoração originária de Munique, onde foi realizada pela primeira vez em 1810 e hoje figura entre as maiores festas populares do mundo.


De 19 a 28

de outubro De 19 de a 2012 28

de outubro

INFORME COMERCIAL 17 DE OUTUBRO DE 2012 8


Oktoberfest Igrejinha 2012