Page 1

PVC/1210/1.0


ESTA PUBLICAÇÃO NÃO É PARA SER VENDIDA. É um serviço educacional de interesse público, publicada pela Igreja de Deus Unida, uma Associação Internacional.

© 2012 Igreja de Deus Unida, uma Associação Internacional Todos os direitos reservados. Impresso nos EUA As Escrituras aqui citadas, salvo referido em contrário, são extraídas da versão da Bíblia de João Ferreira de Almeida, Revista e Corrigida (ARC), SBB 1998.


2

Fazendo a Vida Dar Certo

Como Podemos Fazer a Vida Dar Certo?

3

Como Podemos Fazer a Vida Dar Certo?

�ndice 3 Como Podemos Fazer a Vida Dar Certo? 6 O Casamento: A Base da Família 17 A Educação Infantil: Construindo a Base Correta 23 Encontrando o Caminho Para Ser Uma Família Feliz

30 A Importância das Verdadeiras Amizades 32 Alcançando o Sucesso em Seu Trabalho e Carreira 39 Segurança Financeira e Paz de Espírito 45 Uma fonte Eterna de Conselhos Financeiros 47 Chaves Para uma Vida Longa e Saudåvel $9LGD7HP6LJQL¿FDGRH3URSyVLWR1REUH" 73 Nossa Necessidade de Amor

Versþes Bíblicas As escrituras citadas são extraídas da versão da Bíblia Portuguesa por João Ferreira de Almeida, Revista e Corrigida (ARC). Quando outra versão Ê usada, a versão bíblica Ê referenciada com as seguintes abreviaçþes: ARA – Almeida Revista e Atualizada ACF – Almeida Corrigida Fiel BLH – Bíblia na Linguagem de Hoje NVI – Nova Versão Internacional

F

rancamente, a vida simplesmente não estå indo bem para algumas pessoas. Talvez você tenha notado a incrível proliferação de livros de autoajuda nas prateleiras das livrarias e bibliotecas. Por que se publicam tantos livros de autoajuda? Poderia ser simplesmente porque as pessoas reconhecem que precisam de ajuda com os diversos proEOHPDV GHVD¿RV H WHQV}HV GD vida cotidiana? Os escritores e editoras perceberam isso, e seus livros desaparecem aos milhares das prateleiras. Você pode não perceber, mas a maioria das famílias jå possuiem o melhor livro de autoajuda publicado atÊ KRMH0LOK}HVGHFySLDVIRUDP publicadas e foi traduzido em centenas de línguas. Suas palavras remontam de milhares de Scott Campbell anos. Este livro Ê a sua Bíblia.

Você pode não perceber, mas a maioria das famílias jå possuiem o melhor livro de autoajuda publicado atÊ hoje. Milhþes de cópias foram publicadas e foi traduzido em centenas de línguas. Embora a Bíblia seja um best-seller absoluto, poucas pessoas reservam tempo para lê-la e estudå-la. A maioria acha que Ê bom tê-la por perto e que WRGRVGHYHPWHUXPDPDVSRXFRVSDUHFHPDFHLWDUVHXJUDQGHVLJQL¿FDGR SDUD QyV $¿QDO FRPR SRGHULD VHU DSOLFDGR DOJR HVFULWR Ki PLOKDUHV GH anos em nosso mundo agitado e tecnologicamente avançado? Outros ainda SHQVDPTXHD%tEOLDpXPOLYURSDUDRVWHyORJRVHQmRSRGHVHUHQWHQGLGR por gente comum. Aqueles que reservam um tempo para estudar a Bíblia, no entanto, acreditam que este se trata de um livro atemporal. Ela aborda nossas HWHUQDV G~YLGDV H TXHVW}HV 3RU TXH HVWDPRV DTXL" 3DUD RQGH YDPRV" 4XDLVVmRDVVROXo}HVSDUDRVFRQVWDQWHVSUREOHPDVGDKXPDQLGDGH"&RPR SRGHPRVDSUHQGHUDYLYHUMXQWRVHHPSD]"&RPRSRGHPRVGHVIUXWDUGD vida completamente?


4

Fazendo a Vida Dar Certo

A Bíblia está cheia de conselhos práticos, de cima para baixo, do nosso &ULDGRU (OD SRGH QRV DMXGDU D HQ[HUJDU H HYLWDU DV DUPDGLOKDV DGYLQGDV FRPQRVVRMHLWRGHID]HUDVFRLVDV 3URYpUELRVH (ODQRVGHL[D UHJLVWUDGDVOLo}HVLPSRUWDQWHVHSURIXQGDVGHSHVVRDVUHDLV A Bíblia mostra claramente o princípio da causa e efeitoÊŠTXH QRVVDV HVFROKDVHDo}HVERDVHPiVSURGX]HPUHVXOWDGRVERQVHUXLQV(ODHVWi repleta de conselhos sábios sobre como ser feliz com a família, no casamento e nas amizades, como educar adequadamente as crianças, como JHUHQFLDU DV ¿QDQoDV GD IDPtOLD H WHU VXFHVVR QR WUDEDOKR FRPR PDQWHU sua saúde e muito mais. Em suma, ela nos diz como fazer a vida dar certo. Neste livro reunimos e resumimos alguns dos conselhos da Bíblia sobre HVWHV WHPDV 0HVPR DVVLP DLQGD VHUi VXSHU¿FLDO SRLV D %tEOLD FRQWpP LQGXELWDYHOPHQWH HGXFDomR SDUD WRGD D YLGD TXH HVWi Vy HVSHUDQGR SDUD que procuremos as suas pedras preciosas e tesouros. Ademais, é uma fonte GHDMXGDSUiWLFDHHVSLULWXDOTXHQmRSRGHPRVQRVGDUDROX[RGH¿FDUVHP ela. 2GHVD¿RGHYLYHUDYHUGDGHDSUHQGLGD Tenha em mente, no entanto, que apesar de ela ter conselhos isso não quer dizer que seja fácil segui-los. É preciso esforço. Tentar viver pela insWUXomRGD%tEOLDpXPGHVD¿R Nossa inclinação natural é seguir uma direção diferente do que a Bíblia HQVLQD 5RPDQRV   (VWDPRV FHUFDGRV SRU XP PXQGR VHFXODU H HP grande parte alheio aos valores bíblicos, e aqueles que desejam obedecer a Deus, muitas vezes encontram-se nadando contra a corrente do pensamento popular e contra o jeito de se fazer as coisas. Também somos atrapalhados quando vemos que muitos que professam ser cristãos demonstram SRXFRRXQHQKXPFRPSURPLVVRHPYLYHUVHJXQGRDVLQVWUXo}HVGH'HXV Além disso, precisamos estar cientes de que as coisas nem sempre funcionam do jeito que esperamos, mesmo quando tentamos seguir as instruo}HVGH'HXV$(VFULWXUDQRVGL]TXH³WXGRGHSHQGHGRWHPSRHGRDFDVR´ (FOHVLDVWHV (PRXWUDVSDODYUDVDSHVDUGHQRVVRVPHOKRUHVHVIRUoRV RXWUDVFLUFXQVWkQFLDVHVLWXDo}HVIRUDGRQRVVRFRQWUROHQRVDIHWDUmRÊŠjV YH]HV SDUD PHOKRU jV YH]HV SDUD SLRU $SHVDU GH SRGHUPRV FRQWURODU DV QRVVDVSUySULDVDo}HVjVYH]HVWHPRVSRXFRRXQHQKXPFRQWUROHVREUHDV Do}HVGRVRXWURVTXHVHHVSDOKDPHQRVDIHWDP Deus não nos diz esta vida será perfeita quando colocamos em prática a Sua instrução. Na verdade, Ele nos diz para esperar adversidades  7LPyWHR   3HGUR   (OH QRV JDUDQWH SRUpP TXH DSHVDU GDV GL¿FXOGDGHVHGHFHSo}HV³WRGDVDVFRLVDVFRQWULEXHPMXQWDPHQWHSDUDR EHPGDTXHOHVTXHDPDPD'HXV´ 5RPDQRV  Vale a pena viver dessa forma? 'LDQWH GH WDLV GL¿FXOGDGHV DOJXQV SRGHP TXHVWLRQDU VH YDOH D SHQD R

Como Podemos Fazer a Vida Dar Certo?

5

HVIRUoR SDUD YLYHU XPD YLGD SLHGRVD 0DV D %tEOLD QRV DVVHJXUD TXH ³D piedade para tudo é proveitosa, tendo a promessa da vida presente e da que há de vir´ 7LPyWHRrQIDVHDGLFLRQDGDHPWRGRRWH[WR  Algumas pessoas reconhecem que viver o caminho de Deus é agarrar DRSRUWXQLGDGHGDJUDQGHSURPHVVD³GDYLGDTXHKiGHYLU´3RXTXtVsimos entendem que viver uma vida piedosa também traz benefícios na ³YLGDSUHVHQWH´LVWRpQRVVDVDWXDLVYLGDVItVLFDV(OHVYHHPHUURQHDPHQWH o caminho de Deus como restritivo e prejudicial para uma vida feliz e realizada. O caminho de vida de Deus, no entanto, não é um fardo, mas é certamente uma bênção. $¿QDORSURSyVLWRGH'HXVSDUDHQYLDU-HVXV&ULVWRj7HUUDIRLRGHQRV GDUDRSRUWXQLGDGHSDUDDYLGDHWHUQD³3RUTXH'HXVDPRXRPXQGRGHWDO maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê QmRSHUHoDPDVWHQKDDYLGDHWHUQD´ -RmR  'HXV HVWi SUHRFXSDGR FRP QRVVR EHPHVWDU HWHUQR 0DV -HVXV UHYHORX RXWURPRWLYRSDUD6XDYLQGDTXDQGRGLVVH³(XYLPSDUDTXHWHQKDPYLGD H D WHQKDP FRP DEXQGkQFLD´ -RmR OO  -HVXV YHLR SDUD TXH SRVVDPRV ter a vida eterna, mas também para nos ajudar a entender como podemos GHVIUXWDUGHYLGDVSURGXWLYDVHVDWLVIDWyULDVagora. 2DSyVWROR-RmRH[SUHVVDRGHVHMRGH'HXVSDUDQyVTXDQGRHVFUHYHX ³$PDGRGHVHMRTXHWHYiEHPHPWRGDVDVFRLVDVHTXHWHQKDVVD~GHDVVLP FRPREHPYDLDWXDDOPD´ -RmR  0HVPR YLYHQGR SHOD LQVWUXomR GH 'HXV p SRVVtYHO TXH KDMD SURYDo}HV HVRIULPHQWR -RmR$WRV -HVXVSURPHWHXErQomRVUHDLVDTXL e agora, para os que seguem o caminho de vida de Deus e, em seguida, QDHUDYLQGRXUDDYLGDHWHUQD 0DUFRV 3RGHPRVH[SHULPHQWDU DV ErQomRV GH¿QLGDV QHVWD YLGD SRU VHJXLU DV LQVWUXo}HV HQFRQWUDGDV QD Palavra de Deus. E já que vale a pena o esforço para seguir o caminho de Deus, o que devemos fazer para agradá-Lo? Este livro aborda alguns dos problemas comuns TXH HQIUHQWDPRV QR FDVDPHQWR QD HGXFDomR GRV ¿OKRV QR HPSUHJR QD VD~GHHQDV¿QDQoDVHH[SOLFDFRPRSRGHPRVHVWUXWXUDUQRVVDVYLGDVGH DFRUGRFRPPXLWRVSULQFtSLRVHQFRQWUDGRVQD%tEOLD&RQWLQXHOHQGRSDUD começar a aprender como você pode viver de acordo com práticas que fazem a vida dar certo.


6

Fazendo a Vida Dar Certo

O Casamento: A Base da Família 3DODYUD GH 'HXV GHFODUD ³4XHP HQFRQWUD XPD HVSRVD HQFRQWUD DOJR excelente; recebeu uma bênção do SENHOR´ 3URYpUELRV19,  A recíproca é verdadeira para as mulheres que encontram maridos amorosos e responsáveis. Os casamentos são os blocos de construção de comunidades, VRFLHGDGHV H SRU ~OWLPR FLYLOL]Do}HV 8PD VRFLHGDGH p WmR IRUWH TXDQWR seus casamentos e famílias. 'HVGHRLQtFLR'HXVHQVLQRXTXH³GHL[DRKRPHPSDLHPmHHVHXQHj VXDPXOKHUWRUQDQGRVHRVGRLVXPDVyFDUQH´ *rQHVLV (VVHDFRUGR especial, esse vínculo entre um homem e uma mulher, foi criado para durar, FRPR p GLWR QDV FHULP{QLDV WUDGLFLRQDLV GH FDVDPHQWR ³$Wp TXH D PRUWH QRVVHSDUH´(OHIRLSODQHMDGRSDUDVHUXPUHODFLRQDPHQWRSDUDWRGDDYLGD 5RPDQRV TXHJHUDULD¿OKRVSLHGRVRV 0DODTXLDV HDMXGDULDD ambos os cônjuges a compreender melhor a relação profunda de amor entre -HVXV&ULVWRHRVPHPEURVGD³IDPtOLDGH'HXV´D6XD,JUHMD (IpVLRV   8PFDVDPHQWRIHOL]pXPDGDVPDLRUHVErQomRVTXHSRGHPRVXVXIUXLU Deus planejou para que os casais vivessem felizes para sempre, uma vez que WURFDVVHPVHXVYRWRVGHFDVDPHQWR3DUDHVWH¿P(FOHVLDVWHVLQVWUXLDRV PDULGRV³'HVIUXWHDYLGDFRPDPXOKHUDTXHPYRFrDPDWRGRVRVGLDV desta vida sem sentido que Deus dá a você debaixo do sol; todos os seus dias sem sentido! Pois essa é a sua recompensa na vida pelo seu árduo trabalho GHEDL[R GR VRO´ 19,  'D PHVPD IRUPD DV PXOKHUHV GHYHP GHVIUXWDU D vida com seus maridos. 1R HQWDQWR D MXOJDU SHODV WD[DV GH GLYyUFLR HP PXLWRV SDtVHVD KXPDnidade ainda não aprendeu como fazer isso. Todo mundo quer um bom FDVDPHQWRPDVSRXFRVHVWmRGLVSRVWRVDVHJXLUDVLQVWUXo}HVGH'HXVTXH VHVHJXLGDVSURGX]LULDUHODo}HVDIHWXRVDVHFRPSURPHWLGDV 'HXVFULRXRFDVDPHQWRHTXHUTXHVHMDPRVIHOL]HVQHOH *rQHVLV  3DUDREWHUVXFHVVRQHVVDiUHDGDYLGDSUHFLVDPRVDSUHQGHUGR&ULDGRUGR FDVDPHQWR RV SULQFtSLRV TXH OHYDP D XQL}HV IHOL]HV H EHP VXFHGLGDV (P suma, precisamos compreender e aplicar conceitos que funcionam ao invés de seguir caminhos modernos que tantas vezes têm levado ao fracasso.

A

1DPRURSUHSDUDomRSDUDRFDVDPHQWR De acordo com a Palavra de Deus, o alicerce para um bom casamento pGH¿QLGRPXLWRDQWHVGDFHULP{QLDGHFDVDPHQWReHVWDEHOHFLGRTXDQGR duas pessoas começam a namorar. &RQIRUPH RV ¿OKRV FUHVFHP RV SDLV FRVWXPDP RXYLU HVWD SHUJXQWD ³4XDQGR SRVVR FRPHoDU D QDPRUDU"´ (PERUD D %tEOLD QmR HVSHFL¿TXH

O Casamento: A Base da Família

7

nenhuma idade apropriada para o namoro, os pais sábios vão ensinar a seus ¿OKRVPDGXURVRVSULQFtSLRVEtEOLFRVTXHLUmRDMXGiORVDVHJXLURVSDGU}HV GH FRPSRUWDPHQWR GH 'HXV 2V SDLV GHYHP GHFLGLU TXDQGR VHXV ¿OKRV estão prontos para namorar baseando-se em sua maturidade e disposição GHDFHLWDUDUHVSRQVDELOLGDGHSRUVXDVDo}HV$QWHVGHRVSDLVSHUPLWLUHPR QDPRURHOHVGHYHPHQVLQDUHLQFHQWLYDURV¿OKRVDVHJXLURVSDGU}HVEtEOLFRVDRLQYpVGHGHL[iORVjYRQWDGHSDUDID]HUHPRTXHYHPQDWXUDOPHQWH (QVLQDUDVHXV¿OKRVRVFULWpULRVGH'HXVDQWHVGHOKHVGDUDXWRUL]DomR SDUDQDPRUDUSRGHSDUHFHUDQWLTXDGRHUHVWULWLYRjTXHOHVTXHVXSRVWDPHQWH têm pensamentos iluminados. Mas, igualmente, a maioria dos governos não SHUPLWHTXHDVSHVVRDVGLULMDPDXWRPyYHLVDWpGHPRQVWUDUHPWHURFRQKHcimento e a habilidade necessária para fazer isso de forma segura. Nenhum pai ou mãe responsável iria FRORFDURVHX¿OKRDGROHVFHQWH SDUD GLULJLU XP DXWRPyYHO QR meio de uma estrada movimentada, sem ter lhe dado insWUXo}HVVREUHFRPRGLULJLU O namoro em nosso mundo moderno traz seus perigos e consequências. Sem instrução adequada, muitos jovens tornam-se promíscuos, contraindo doenças sexualmente iStockphoto transmissíveis, passando por

Quando duas pessoas trocam votos no casamento, elas fazem um compromisso vitalício. Biblicamente falando, esta é uma aliança—uma promessa solene a Deus e a um companheiro para ser fiel. uma gravidez indesejada e escolhendo caminhos errados que no momento parecem divertidos e corretos, mas que levam a enormes angústias 3URYpUELRVH 'HVGHFHGRHOHVSUHFLVDPGHLQVWUXo}HVFRQYHUsas interativas sobre o por quê e como os valores bíblicos podem protegê-los de tamanho sofrimento. Sem essa instrução adequada, muitas pessoas nunca vão experimentar um casamento feliz. Os pais amorosos jamais desejariam tamanha desgraça D VHXV ¿OKRV 0DV GHL[iORV GHVDYLVDGRV p HQFDPLQKiORV GLUHWR SDUD R VRIULPHQWR 8PD ERD H FODUD FRPSUHHQVmR GRV SDGU}HV GH 'HXV VREUH R QDPRUR H R FDVDPHQWR p XPD GDV PDLRUHV ErQomRV TXH RV ¿OKRV SRGHP receber de seus pais. No entanto, muitos jovens já foram muito além desse ponto, tendo alcanoDGRDPDLRULGDGHʊDOJXQVDWpFKHJDUDPDFDVDUVHHWDOYH]DWpPHVPRD


8

Fazendo a Vida Dar Certo

divorciar-se. Obviamente, o ideal é ensinar aos jovens a terem um comporWDPHQWRDGHTXDGRTXDQWRDRQDPRUR0DVRTXHGL]HUGRVDGXOWRV"&RPR fazer uma mudança de princípios? Os adultos por serem mais velhos podem ter mais liberdade do que os adolescentes? Todas as coisas são apropriadas para os adultos com consentimento? &RPRYHUHPRVRVFULWpULRVGH'HXVSDUDRQDPRURVHDSOLFDPjVSHVVRDV GH WRGDV DV LGDGHV (OH QmR WHP GRLV FRQMXQWRV GH RULHQWDo}HV XPD SDUD adultos e outra para jovens. Seguir as leis bíblicas é igualmente EHQp¿FR independente da idade. Transgredir as leis de Deus é igualmente desastroso para as pessoas de todas as idades. Os critérios modernos de namoro Para entender a diferença entre o caminho de Deus e o do mundo, considere as práticas de namoro comuns no mundo ocidental. 0XLWRVVXS}HPTXHTXDQGRDVSHVVRDVHVWmRQDPRUDQGRDUHODomRVH[XDO é o jeito correto de determinar se são compatíveis. Eles acreditam que o sexo é simplesmente uma expressão natural do amor entre duas pessoas e DVVLPDFRLVDQDWXUDOVHULDTXHRVLQGLYtGXRVYLYHVVHPMXQWRVRX³¿FDVVHP MXQWRV´HPXPUHODFLRQDPHQWRGHQDPRURtQWLPR6HXPFDVDOHQWmRURPSH HVVDUHODomRHRVGRLVFRPHoDPDÀHUWDUFRPRXWUDVSHVVRDVRVHQVRFRPXP pTXHHOHVHVWmROLYUHVSDUDWHUUHODo}HVVH[XDLVFRPVHXVQRYRVSDUFHLURV Esta prática de monogamia serialÊŠVHU VH[XDOPHQWH DWLYR FRP DSHQDV XPDSHVVRDVROWHLUDDFDGDWHPSRÊŠpFRQVLGHUDGDDPSODPHQWHFRPRXPD forma adequada de namoro até encontrar um futuro companheiro. 1RV (VWDGRV 8QLGRV FHUFD GH GRLV WHUoRV GDV PXOKHUHV FDVDGDV QRV seus vinte anos, coabitaram com seus futuros maridos antes do casamento 5REHUW 0RHOOHU ³%ROHWLP GD 0RUDOLGDGH QRV (VWDGRV 8QLGRV´ Leitor Cristão [Christian Reader@QRYHPEURHGH]HPEURGHSiJV  Esta prática duvidosa é seguida pela maioria dos jovens adultos no mundo ocidental. Outro princípio honrosoGHDFRUGRFRPRVSDGU}HVDWXDLVpTXHRVSDUceiros informem quaisquer doenças sexualmente transmissíveis antes da relação sexual para que a proteção adequada seja empregada. Além disso, a SUiWLFDGR³VH[RVHJXUR´ XVRGHFRQWUDFHSWLYRVSDUDHYLWDUDGRHQoDHJUDYLGH]HVLQGHVHMDGDV pDSUHVHQWDGDFRPRDFRLVDFHUWDDID]HU(VWDVSUiWLFDV são tão amplamente aceitas que um número crescente de escolas fornece contraceptivos gratuitos para os alunos, sem nenhum questionamento. (PERUD HVVDV DERUGDJHQV SRVVDP SDUHFHU OyJLFDV HODV HVWmR ORQJH GRV FULWpULRV GH 'HXV 2 TXH PXLWRV QmR HQWHQGHP p TXH WDO IDOWD GH OyJLFD p precisamente a causa de tantos relacionamentos infelizes e casamentos fracassados. Vamos considerar o que Deus tem a dizer. Os critérios de Deus sobre o namoro 5HJLVWURVKLVWyULFRVFRPRRVGDDQWLJDFLGDGHGH&RULQWRUHYHODPTXH

O Casamento: A Base da Família

9

QRFRUDomRGR,PSpULR5RPDQRDFLYLOL]DomRWHFQRORJLFDPHQWHPDLVDYDQçada da época, os valores sexuais do primeiro século, eram semelhantes aos DWXDLVFRQFHLWRVPRGHUQRVVREUHRQDPRUR2VSDGU}HVHUDPWmRGLVWRUFLGRV TXHDVUHODo}HVVH[XDLVFRPSURVWLWXWDVGRWHPSORQmRHUDPFRQVLGHUDGDV escandalosas, mas uma forma apropriada de adoração. $WUDYpV GR DSyVWROR 3DXOR 'HXV HQVLQRX DRV FRUtQWLRV XP FDPLQKR PHOKRU ³Fujam da imoralidade sexual´ HVFUHYHX HOH ³7RGRV RV RXWURV pecados que alguém comete, fora do corpo os comete; mas quem peca VH[XDOPHQWHSHFDFRQWUDRVHXSUySULRFRUSR$FDVRQmRVDEHPTXHRFRUSR de vocês é santuário do Espírito Santo . . . que lhes foi dado por Deus, e que vocês não são de si mesmos? Vocês foram comprados por alto preço. 3RUWDQWRJORUL¿TXHPD'HXVFRPRVHXSUySULRFRUSR´ &RUtQWLRV 19,  &RPRpTXH3DXORRXVRXWUDWDUGRFRPSRUWDPHQWRSULYDGRGDVSHVVRDV" (OHWHYHWDPDQKDRXVDGLDSRUTXHVDELDTXH'HXVSHUPLWHDVUHODo}HVVH[Xais somente dentro do casamento *rQHVLV+HEUHXV $VUHODo}HV sexuais em qualquer outra situação eram e são imorais. 0DLVWDUGH3DXORWUDWRXGDVUHODo}HVHQWUHRVPHPEURVGRVH[RRSRVWR ainda mais diretamente. Exortando os irmãos a viverem suas vidas de uma PDQHLUDDJUDGiYHOD'HXV 7HVVDORQLFHQVHV HOHHVFUHYHX ³$ YRQWDGH GH 'HXV p TXH YRFrV VHMDP VDQWL¿FDGRV DEVWHQKDPVH GD LPRUDOLGDGHVH[XDO&DGDXPVDLEDFRQWURODURVHXSUySULRFRUSRGHPDQHLUD santa e honrosa, não dominado pela paixão de desejos desenfreados, como os pagãos que desconhecem a Deus. Neste assunto, ninguém prejudique seu irmão nem dele se aproveite. ³26HQKRUFDVWLJDUiWRGDVHVVDVSUiWLFDVFRPRMiOKHVGLVVHPRVHDVVHJXramos. Porque Deus não nos chamou para a impureza, mas para a santidade. Portanto, aquele que rejeita estas coisas não está rejeitando o homem, mas a 'HXVTXHOKHVGiRVHX(VStULWR6DQWR´ YHUVtFXORV19,  2 FRVWXPH H D SUiWLFD GR QDPRURʊTXH OHYD DR FDVDPHQWRʊGHYHP VHU acompanhados de honra. E não deve ser desvalorizado como uma desculpa para a satisfação sexual. Deus espera que permaneçamos virgens até o casamento. Esse enfoque demonstra respeito a Deus, a nosso corpo, a nosso IXWXURHVSRVR RXHVSRVD HjLQVWLWXLomRGLYLQDGRFDVDPHQWR O caminho de Deus é o melhor caminho para fazer um casamento dar FHUWR2VVRFLyORJRVGHVFREULUDPTXHRFULWpULRGH'HXVSDUDRQDPRURp R TXH SURGX] FDVDPHQWRV GXUDGRXURV ³'HSRLV GH DQDOLVDU RV SDGU}HV GH FRDELWDomR H FDVDPHQWR HQWUH FHUFD GH WUH]H PLO DGXOWRV GRLV VRFLyORJRV GD 8QLYHUVLGDGH GH :LVFRQVLQ0DGLVRQ FRQFOXtUDP TXH QRV FDVDLV TXH viveram juntos antes do casamento experimentavam níveis mais altos de FRQÀLWR FRQMXJDO H QmR VH FRPXQLFDYDP EHP (VVHV FDVDLV HUDP PHQRV FRPSURPHWLGRVDRFDVDPHQWRHYLDPRGLYyUFLRFRPRPDLRUSUREDELOLGDGH GRTXHDTXHOHVTXHQmRWLQKDPFRDELWDGRDQWHVGRFDVDPHQWR´ Jornal do Matrimônio e da Família9RO 


10

Fazendo a Vida Dar Certo

1DPRUR$SUHQGHQGRDPDQHLUDFRUUHWD &RPRpTXHRVSDLVUHVSRQViYHLVSRGHPDFDEDUFRPDSUHVVmRTXHVHXV ¿OKRVVRIUHPSDUDVHHQWUHJDUHPDSUiWLFDVLPRUDLVGHQDPRUR" O primeiro passo, como observado anteriormente, é ensiná-los os princípios divinos de namoro e amizade. Quando os adolescentes estão prontos, muitas famílias percebem que namoros em grupo é uma boa introdução aos estágios iniciais dum relacionamento antes de os jovens entrarem no seu SUy[LPRHVWiJLRGDYLGD &RQVLGHUDQGRTXHRVDGROHVFHQWHVJHUDOPHQWHQmRHVWmRSURQWRVSDUDR FDVDPHQWRʊSRUFDXVDGDLPDWXULGDGHHGDQHFHVVLGDGHGHIRUPDomRHGXFDFLRQDOHSUR¿VVLRQDOʊDOJXPDVGDVSUHVV}HVHWHQWDo}HVGXUDQWHRnamoro a só podem ser evitadas através de namoros em grupo. O desenvolvimento social e o aprendizado sobre como se divertir na companhia do sexo oposto são experiências saudáveis para os adolescentes em um ambiente seguro. 1DPRURSDUDFDVDPHQWR Quando duas pessoas maduras começam a namorar pensando em casamento, elas devem considerar muitas coisas. Quais são os valores defendidos pela outra pessoa? Será que ela acredita em Deus? Será que obedece a Deus? Quais são seus critérios e valores pessoais? Quais são as suas preferências, antipatias, caráter e personalidade? O que torna essa pessoa o par ideal? Será que eu conseguiria amá-la e respeitá-la? Muitas vezes, no namoro moderno pouco se pensa no parceiro como DOJXpPSDUDWRGDDYLGDʊDOpPGHTXHRVGRLVGHVIUXWDPGDUHODomRVH[XDO No entanto, quando duas pessoas se abstêm da carga emocional advinda das relações sexuais como Deus instrui, elas podem ser muito mais racioQDLVDRUHÀHWLUVREUHRVYDORUHVHDVFDUDFWHUtVWLFDVSHVVRDLVGHXPSRVVtYHO cônjuge. Encontrar um companheiro com valores religiosos semelhantes é um assunto muito importante. $ DQWLJD QDomR GH ,VUDHO UHSHWLGDPHQWH SHUGLD seus vínculos espirituais quando os seus cidadãos se casavam com pessoas GH GLIHUHQWHV FRQYLFo}HV H SUiWLFDV UHOLJLRVDV 1~PHURV  1HHPLDV  &DVDUVHGHQWURGHVXDSUySULDIpDLQGDpPXLWtVVLPRLPSRUWDQWH 2LGHDOpTXHRV¿OKRVWHQKDPRVSDLVDFUHGLWDQGRSUDWLFDQGRHHQVLQDQGR RVPHVPRVSULQFtSLRVUHOLJLRVRV4XDQGRRV¿OKRVWrPSDLVTXHGHIHQGHP YDORUHV GLIHUHQWHV HOHV ¿FDP FRQIXVRV 0HVPR VH RV ¿OKRV QmR HVWHMDP envolvidos, o confronto entre os dois sistemas de valores concorrentes dos pais pode ser doloroso. Depois de uma experiência amarga, muitos deseMDULDP TXDQGR HVWDYDP QDPRUDQGR WHU VHJXLGR R FRQVHOKR GR DSyVWROR 3DXOR VREUH R ³MXJR GHVLJXDO´ FRP DOJXpP GH FUHQoD UHOLJLRVD GLIHUHQWH &RUtQWLRV  Quando duas pessoas desejam noivar para se casar, se forem sábios, buscarão aconselhamento pré-nupcial. Este aconselhamento pode ajudar RV FDVDLV D UHÀHWLUHP HP VHXV SRQWRV IRUWHV H IUDFRV DQWHV GR FDVDPHQWR

O Casamento: A Base da Família

11

Além de uma revisão objetiva, eles podem discutir as suas habilidades de relacionamento. Embora a decisão de casar seja uma questão pessoal, esse tipo de informação pode ajudar os casais a fazerem escolhas mais sábias sobre com quem estão casando. Para aqueles que decidam continuar com o plano de casamento, os conhecimentos adquiridos através do aconselhamento prénupcial pode estabelecer uma base para um relacionamento duradouro. Um alicerce para o casamento 'HQWUR GR FDVDPHQWR 'HXV Gi DR HVSRVR H j HVSRVD LQVWUXo}HV HVSHFt¿FDV TXH WUD]HP SD] H IHOLFLGDGH 4XH WHQKD VLGR RX QmR VHJXLGDV DV LQVWUXo}HVGH'HXVDUHVSHLWRGRQDPRURHVVHVSULQFtSLRVSRGHPDMXGDUD qualquer casamento. Embora a melhor forma de agir seja seguir desde sempre todas as instruo}HVGH'HXVPHVPRDVVLP(OHSHUPLWHHLQFHQWLYDWRGRVDVHFRQYHUWHUGRV VHXVSHFDGRVSDVVDGRVHFRPHoDUDREHGHFr/R (]HTXLHO$WRV   6HYRFrJRVWDULDGHVDEHUPDLVVREUHRSURSyVLWRGDYLGDKXPDQDH FRPRFRQ¿DUVXDYLGDD'HXVVROLFLWHQRVVRVOLYURVJUDWXLWRVQual é o Seu Destino? e O Caminho Para a Vida Eterna  (PERUDDVUHODo}HVVyOLGDVVHMDPFRQVWUXtGDVPDLVUDSLGDPHQWHTXDQGR ambos o marido e a esposa aceitam e praticam as leis de Deus, sem dúvida, 'HXV HVSHUD TXH FDGD XP GH QyV UHVSRQGD/KH LQGHSHQGHQWHPHQWH GDV FLUFXQVWkQFLDVGRQRVVRFDVDPHQWR 7LDJR 0HVPRTXDQGRDSHQDVXP dos cônjuges entrega sua vida a Deus e Suas normas, isto abre a porta das ErQomRVGH'HXVSDUDDPERVRVSDUFHLURV &RUtQWLRV Um exemplo positivo de obediência piedosa a Deus pelo marido ou esposa pode LQÀXHQFLDURRXWURDTXHUHUDJUDGDUD'HXV 3HGUR 8PDSHVVRD pode fazer a diferença. Vejamos alguns princípios bíblicos que, quando seguidos, fazem o casamento dar certo. Um compromisso por toda a vida 1RLQtFLRGROLYURGH*rQHVLV'HXVQRVGL]TXHFRUUHWDPHQWHXPKRPHP ³GHL[DUi SDL H PmH´ H ³VH XQLUi j VXD PXOKHU H HOHV VH WRUQDUmR XPD Vy FDUQH´ *rQHVLV  19,  $ SDODYUD KHEUDLFD WUDGX]LGD SRU ³XQLUVH´ p dabaqTXHVLJQL¿FD³DSHJDUVHXQLUPDQWHUVHSHUWR´ ³8VDGDQRKHEUDLFRPRGHUQRQRVHQWLGRGHµD¿[DUDGHULU¶dabaq produz DIRUPDVXEVWDQWLYDSDUDµcola¶HWDPEpPSDUDDVLGHLDVPDLVDEVWUDWDVGH µGHYRomR OHDOGDGH¶´ Dicionário Expositivo de Termos Bíblicos de Vine, ³8QLUVH$SHJDUVH´  Quando um casal, marido e mulher, obedece ao mandamento bíblico de XQLUVHXPDRRXWURHOHVYmRVHDGHULURXµcolar¶XPDRRXWUROLWHUDOPHQWH 7HUUHODo}HVVH[XDLVVHQGR³XPDVyFDUQH´ID]SDUWHGRFRPSURPLVVRFRP RRXWURQRFDVDPHQWR(VVHFRPSURPLVVRLQFOXLD¿GHOLGDGHDFRQ¿DQoDHR


12

Fazendo a Vida Dar Certo

carĂĄter para agir corretamente quando sob pressĂŁo ou tentação. No entanto, muitas vezes as pessoas se envolvem com o sexo sem compromisso—uma contradição desse princĂ­pio fundamental para casamentos bem sucedidos. Quando duas pessoas trocam votos no casamento, elas fazem um compromisso vitalĂ­cio. Biblicamente falando, esta ĂŠ uma aliança (Malaquias  ²XPDSURPHVVDVROHQHD'HXVHDXPFRPSDQKHLURSDUDVHUÂżHO (VVHFRPSURPLVVRQmRGHYHVHUHQFDUDGRFRPVXSHUÂżFLDOLGDGHRXPDQtido somente quando se deseja. Precisamos entender que nossos sentimentos podem nos enganar. Deus nĂŁo se agrada com apenas lampejos ocasionais GHOHDOGDGHHREHGLrQFLDD(OHVHPSUHTXHIRUFRQYHQLHQWHDQyV'DPHVPD forma, a pessoa que deseja um bom casamento nunca deve ver com transitoriedade a pessoa com quem se comprometerĂĄ. 2VERQVUHODFLRQDPHQWRVVmRSHUGXUiYHLVFRQÂżiYHLVHFRPSURPHWLGRV² mesmo em circunstâncias difĂ­ceis. Quando duas pessoas se comprometem DVHJXLUD'HXVH6XDVLQVWUXo}HVGHQWURGRVHXFDVDPHQWRHVWmRGDQGRRV primeiros passos para uma relação feliz e duradoura. O que ĂŠ amor? Amar e ser amado ĂŠ uma das experiĂŞncias mais emocionantes que uma pessoa pode desfrutar. Os escritores, os poetas antigos e modernos falam GRSRGHUHGDHPRomRGRDPRUURPkQWLFR&RQWXGRD%tEOLDUHYHODTXHR amor, no seu sentido mais amplo, ĂŠ uma escolha. Amor ĂŠ algo que escolhemos fazer. 'HXV GL] DRV PDULGRV TXH GHYHP DPDU VXDV HVSRVDV (IpVLRV   &RORVVHQVHV ²HnĂŁo apenas se lhes apetecem. Por falta desse entendimento fundamental, tragicamente muitos casais acreditam que nĂŁo tĂŞm controle sobre seus sentimentos. E chegam a concluir que o amor aparece ou desaparece, como num passe de mĂĄgica. Por isso muitos tĂŞm sofrido e ainda DFDEDGRFRPRVUHODFLRQDPHQWRVSRUFDXVDGHGLÂżFXOGDGHVTXHSRGHULDPWHU sido resolvidas. (P XPD EHOD H[SOLFDomR GR DPRU TXH 'HXV HVSHUD GH QyV R DSyVWROR 3DXORGHVFUHYHDQDWXUH]DHDVTXDOLGDGHVGHVWHDPRUÂłO amor ĂŠ paciente, o amor ĂŠ bondoso. NĂŁo inveja, nĂŁo se vangloria, nĂŁo se orgulha. NĂŁo maltrata, nĂŁo procura seus interesses, nĂŁo se ira facilmente, nĂŁo guarda rancor. O amor nĂŁo se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade. Tudo sofre, tudo crĂŞ, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca perece´ &RUtQWLRV19,  O amor ĂŠ muito mais do que uma emoção vaga ou uma atração fĂ­sica. Praticar o amor verdadeiro exige uma escolha consciente e determinação. O amor genuĂ­no consegue demonstrar bondade e paciĂŞncia diante do sofrimento. 1mR UHWULEXL R PDO FRP R PDO 5RPDQRV   7HVVDORQLFHQVHV  $VSHVVRDVTXHYLYHPHVVHWLSRGHDPRUVHJXHPRH[HPSORGRSUySULR 'HXVTXHÂłpEHQLJQRDWpSDUDFRPRVLQJUDWRVHPDXV´ /XFDV  Esse amor pleno e completo ĂŠ o amor que Deus espera que os maridos

O Casamento: A Base da FamĂ­lia

13

demonstrem a suas esposas. É o fundamento da liderança piedosa. Sem ele, os maridos não podem cumprir corretamente com a atitude de liderança que 'HXV HVSHUD GHOHV GHQWUR GR FDVDPHQWR (IpVLRV   4XDQGR R PDULGR GHPRQVWUD R DPRU GLYLQR WRGD VXD IDPtOLD p EHQH¿FLDGD 6XD HVSRVD H ¿OKRVVHVHQWHPVHJXURV4XDQGRHOHVVDEHPTXHVmRUHVSHLWDGRVHDPDGRV torna-se muito mais fåcil para eles respeitå-lo como o líder da família. Os maridos precisam entender que embora Deus tenha lhes dado a responsabilidade de cuidar da família, a sua posição de liderança deve ser usada apenas para o bem da família. Ela nunca deve ser usada por UD]}HVHJRtVWDV(VWHWLSRGHOLGHUDQoDYHPGRHQWHQGLPHQWRGHTXHDQWHV de tudo, o marido tambÊm estå sob autoridade—a autoridade de Deus &RUtQWLRV  &RPRKLVWRULFDPHQWHRVPDULGRVQmRWrPFRUUHVSRQGLGRjVH[SHFWDWLYDV de Deus, alguns concluem que a posição de liderança de um pai dentro da família Ê nociva e fora de moda. O verdadeiro problema, no entanto, Ê que os maridos negligenciam ou rejeitam as linhas do caråter de santidade— não se utilizando do modelo de Deus em suas famílias. Se aceitarmos as LQVWUXo}HVGH'HXVGHYHPRVDFHLWDUR6HXHQVLQDPHQWRVREUHRPRGHORGH casamento. 'HXVS}HHVVDJUDQGHUHVSRQVDELOLGDGHQRVRPEURVGRPDULGRRXVHMD JXLDU VXD HVSRVD H ¿OKRV FRP JHQWLOH]D H DPDELOLGDGH 'HXV QmR OKH Gi nenhuma autoridade para usar sua posição com aspereza ou egoísmo, nem lhe då o direito de negligenciar o bem-estar de sua família. A humildade, o oposto do orgulho e arrogância, Ê essencial na liderança piedosa. Em uma comovente carta a Tito, Paulo explicou que a estrutura de Deus SDUDDVIDPtOLDVpXPHQVLQDPHQWREtEOLFRIXQGDPHQWDO³7XSRUpPIDOD RTXHFRQYpPjVmGRXWULQD4XDQWRDRVKRPHQVLGRVRVTXHVHMDPWHPSHrantes, respeitåveis, sensatos, sadios na fÊ, no amor e na constância. Quanto jV PXOKHUHV LGRVDV VHPHOKDQWHPHQWH TXH VHMDP VpULDV HP VHX SURFHGHU D¿PGHLQVWUXtUHPDVMRYHQVUHFpPFDVDGDVDDPDUHPDRPDULGRHD VHXV¿OKRVDVHUHPVHQVDWDVKRQHVWDVERDVGRQDVGHFDVDERQGRVDVVXMHLWDVDRPDULGRSDUDTXHDSDODYUDGH'HXVQmRVHMDGLIDPDGD´ 7LWR  Respeito: a chave para um casamento feliz Deus colocou o marido em um papel de liderança na família, mas Ele espera que homens e mulheres pratiquem o respeito e o amor bíblico (IpVLRV  AlÊm de explicar para os maridos como devem amar suas esposas (IpVLRV 3DXORGiLQVWUXo}HVHVSHFt¿FDVSDUDDVPXOKHUHV³9yV mulheres, sujeitai-vos a vosso marido, como ao Senhor; porque o marido pDFDEHoDGDPXOKHUFRPRWDPEpP&ULVWRpDFDEHoDGDLJUHMDVHQGRHOH SUySULRR6DOYDGRUGRFRUSR'HVRUWHTXHDVVLPFRPRDLJUHMDHVWiVXMHLWD D&ULVWRDVVLPWDPEpPDVPXOKHUHVVHMDPHPWXGRVXMHLWDVDVHXPDULGR´ YHUVtFXORV 


14

Fazendo a Vida Dar Certo

Este versículo nos ensina que o reconhecimento despendido pela esposa ao seu marido no papel de liderança é um ingrediente vital no modelo GLYLQR SDUD R FDVDPHQWR ,VVR QmR VLJQL¿FD TXH R PDULGR GHYH VHPSUH WRPDUWRGDVDVGHFLV}HV0XLWRVFDVDLVEHPVXFHGLGRVGLYLGHPDVUHVSRQsabilidades domésticas, trabalhando juntos de acordo com seus respectivos interesses e pontos fortes. Em um casamento amoroso, ambos os parceiros GHYHPGLVFXWLUDVSULQFLSDLVGHFLV}HVHSULRULGDGHV(QWmRGHDFRUGRFRP RPRGHOREtEOLFRVHRPDULGRGHFLGLUWHUDGHFLVmR¿QDOWRGRVRVPHPEURV da família devem respeitar. 0DVKiPRPHQWRVHPTXHRPDULGRVDELDPHQWHGHYHFHGHUjVSUHIHUrQFLDVGHVXDHVSRVDH¿OKRV6ySRUTXHHOHWHPRGLUHLWRGHWRPDUDVGHFLV}HV QDIDPtOLDQmRVLJQL¿FDTXHVHMDVHPSUHPHOKRUTXHHOHWRPHHVVDGHFLVmR 0XLWDVGHFLV}HVVmRXPDTXHVWmRGHSUHIHUrQFLDHSUHIHUrQFLDpXPDTXHVWmRLQGLYLGXDO8PPDULGRHSDLDPRURVRGHYHVHUVHQVtYHODRVGHVHMRVH SUHIHUrQFLDVGHFDGDPHPEURGDIDPtOLDGHVGHTXHQmRYLROHPRVSDGU}HV divinos e familiares. Nenhum marido pode administrar com sucesso a sua casa, a menos que sua esposa coopere e respeite a posição de liderança que Deus lhe deu. Sem essa decisão consciente de obedecer a instrução de Deus, ela vai usurpar o seu papel de liderança na família ou o marido e a mulher estarão constanWHPHQWHHPFRQÀLWR3DXORH[RUWDDVPXOKHUHVDUHVSHLWDUHPVHXVPDULGRV YHUVtFXOR $WLWXGHGHDPERVPDULGRVHHVSRVDVpDFKDYHSDUDWRUQDU o modelo bíblico de casamento uma experiência prazerosa. &RPR R DPRU R UHVSHLWR WDPEpP LPSOLFD HP ID]HU XPD HVFROKD 1yV podemos escolher respeitar as pessoas pelas suas qualidades positivas ou desprezá-las pelas características que não gostamos. A melhor época para uma avaliação crítica é antes do casamento. Depois do casamento, os cônjuges precisam se concentrar no respeito mútuo. Seja misericordioso ante DV LPSHUIHLo}HV H H[DOWH DEXQGDQWHPHQWH DV ERDV TXDOLGDGHV %HQMDPLQ Franklin, um dos primeiros estadistas norte-americanos, com sabedoria e KXPRUHQFDUDYDDVLWXDomRGHVVDIRUPD³0DQWHQKDRVROKRVEHPDEHUWRV DQWHVGRFDVDPHQWRHPHLRIHFKDGRVGHSRLV´ &RQÀLWRHFRPXQLFDomR Os pesquisadores descobriram que a forma de comunicar entre duas SHVVRDVUHÀHWHRHVWDGRGHVHXUHODFLRQDPHQWR8PDFRPXQLFDomRDQLPDGD e positiva indica um bom relacionamento e críticas excessivas indicam um relacionamento problemático. Dependendo das circunstâncias, duas pequeQDVSDODYUDV³GHVFXOSHPH´SRGHPVHUWmRH¿FD]HVTXDQWR³HXWHDPR´ Alguns conselheiros matrimoniais dizem que os casais devem aprender a brigar de forma justa e não se preocupar com a quantidade de argumentos. ³([SRQKDWRGRRVHXVVHQWLPHQWRVHIDOHWXGRDEHUWDPHQWH´DFRQVHOKDP Apesar de que a franqueza pode ser saudável, brigar e discutir sobre cada GLVFRUGkQFLD HVWi SURYDGR QmR VHU WmR ViELR 8P HVWXGR FRP  FDVDLV

O Casamento: A Base da Família

15

indicou que quanto mais os parceiros argumentam, independentemente do modo, quanto maior probabilidade tinham de se divorciar (Richard Morin, ³O que é Justo no Amor e nas Brigas?´ :DVKLQJWRQ 3RVW :HHNO\  GH MXQKRGHSiJ 2VFRQÀLWRVGLPLQXHPRUHVSHLWRHSRGHPFULDU UHVVHQWLPHQWRV 8P DUJXPHQWR SRGH VH WUDQVIRUPDU HP XP FDWDOLVDGRU SDUDXPGLYyUFLR 4XDQWRFRQÀLWRXPUHODFLRQDPHQWRSRGHVXSRUWDU"8PPpWRGRGHDYDliação, que tem um acerto de noventa por cento na previsão, que mede se um casamento vai durar ou fracassar, baseia-se na quantidade de comentários positivos contra comentários negativos entre os cônjuges. Os pesquisadores descobriram que entre os recém-casados os parceiros que acabariam ¿FDQGR MXQWRV ¿]HUDP FLQFR RX PHQRV FRPHQWiULRV FUtWLFRV D FDGD FHP comentários sobre o outro. Os recém-casados que mais tarde acabaram se divorciando tinham feito dez ou mais comentários críticos a cada cem -RDQQL6FKURI³Uma Lupa no Matrimônio´US News and World Report, GH)HYHUHLURGHSiJ  8PDYH]TXHQmRH[LVWHPGXDVSHVVRDVRXDWpPHVPRFDVDLVIHOL]HVTXH FRQFRUGDPHPWXGRHQWmRDSUHQGHUDUHVROYHUSDFL¿FDPHQWHDVGLIHUHQoDV é muito importante para manter o respeito. Aqui estão alguns princípios TXHRVFDVDLVGHYHULDPVHJXLU ‡ Conversar sobre o assunto &DGD XP GHYH H[SUHVVDU VXDV FUHQoDV H SUHRFXSDo}HVGHXPDPDQHLUDJHQWLOVHPOHYDQWDURWRPGHYR] 3URYpUELRV 5HFXVDUVHDIDODUVREUHDVGL¿FXOGDGHVQmRUHVROYHRVSUREOHPDV$SUHQGDDH[SUHVVDUVXDVRSLQL}HVGHXPDPDQHLUDLPSDUFLDO Respeite as diferenças de seu cônjuge. Visto que Deus criou a humanidade com todo tipo de personalidades, precisamos apreciar esses pontos de vista diferentes. Até mesmo as medidas que tomamos para cumprir as LQVWUXo}HVGH'HXVSRGHYDULDUGHSHVVRDSDUDSHVVRD 3HGUR  ‡Buscar uma solução pelo método do ganha-ganha. Sempre que posVtYHOEXVFDUVROXo}HVSDUDRVSUREOHPDVTXHVHMDPDFHLWiYHLVSDUDDPEDV DVSDUWHV )LOLSHQVHV 6HSRVVtYHOpPHOKRUWHUGRLVYHQFHGRUHVHPYH] GHXPYHQFHGRUHXPSHUGHGRU'HYHPRVjVYH]HVHVWDUGLVSRVWRVDFHGHU GHVGHTXHXPDHVFROKDRXDWLWXGHQmRHVWHMDHPFRQÀLWRFRPDLQVWUXomRGH 'HXV 0DWHXV&RUtQWLRV  3DXOR H[SOLFRX PDUDYLOKRVDPHQWH HVWH SULQFtSLR ³1mR DWHQWH FDGD XP para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos RXWURV'HVRUWHTXHKDMDHPYyVRPHVPRVHQWLPHQWRTXHKRXYHWDPEpP HP&ULVWR-HVXV´ )LOLSHQVHV  ‡Perdoar. Todo mundo comete erros. Perdoe para que Deus e seu cônMXJHHVWHMDPLQFOLQDGRVDSHUGRiORWDPEpP 0DWHXV/XFDV 'r XP SDVVR j IUHQWH $V Do}HV PXLWDV YH]HV DFRPSDQKDP R SHQVDPHQWR Aproxime-se de seu parceiro no casamento com um espírito de amor e perdão, e peça a Deus para dar-lhe novamente uma atitude correta (Salmo  (PYH]GHGHL[DUTXHVXDVHPRo}HVQHJDWLYDVRJRYHUQHPHVWHMD


16

Fazendo a Vida Dar Certo

GHWHUPLQDGRDWUDWDUVHXF{QMXJHFRPUHVSHLWR &RUtQWLRV 0XLWDV YH]HVDVHPRo}HVYmRFRLQFLGLUFRPVXDVDo}HV ‡Buscar ajuda. Se você já fez tudo o que sabia fazer e ainda assim contiQXDPEULJDQGRSURFXUHDMXGDSUR¿VVLRQDOFRPSHWHQWH$PERVYRFrHVHX cônjuge, podem estar cometendo erros, que nenhum dos dois reconheça, PDV TXH XP FRQVHOKHLUR SRGH GLVFHUQLU LVVR ,VWR p VDOXWDU SRLV SHVVRDV maduras não têm medo de procurar ajuda quando precisam (Provérbios   O valor do trabalho em equipe Deus quer que os casais trabalhem, vivem e se desenvolvam em harmoQLD (P YH] GH WUDYDU XPD JXHUUD GRV VH[RV TXH DV ¿ORVR¿DV PRGHUQDV muitas vezes incentivam, Deus ensina os maridos e as esposas a trabalhaUHPMXQWRVFRPRXPDHTXLSH³,JXDOPHQWHYyVPDULGRVFRDELWDLFRPHOD FRP HQWHQGLPHQWR GDQGR KRQUD j PXOKHU FRPR YDVR PDLV IUDFR FRPR VHQGRYyVRVVHXVco-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impeGLGDVDVYRVVDVRUDo}HV´ 3HGUR  Trabalhando juntos, maridos e esposas, podem realizar muito mais do que poderiam se trabalhassem de modo independente. No primeiro século, ÈTXLODH3ULVFLODGH¿QLUDPXPERPH[HPSORGHXPDHTXLSHGHPDULGRH PXOKHUGHGLFDGDDVHUYLUD'HXVH6HXSRYR-XQWRVHOHVWUDEDOKDUDPFRQIHFFLRQDQGRWHQGDVFRPRDSyVWROR3DXORHP&RULQWR $WRV HQWmR YLDMDUDPFRPHOHSDUDD6tULD YHUVtFXOR HDMXGDUDPD$SRORDHQWHQGHU ³FRPPDLVH[DWLGmRRFDPLQKRGH'HXV´TXDQGRHOHHUDQRYRQDIp YHUVtFXORV19, HSURYLGHQFLDUDPXPOXJDUGHUHXQLmRSDUDXPDFRQJUHJDomRGD,JUHMDHPVXDFDVD &RUtQWLRV  (OHVHUDPDPDGRVHUHVSHLWDGRV2EVHUYHRHORJLRGH3DXORDHOHV³6DXGDLD3ULVFLODHDÈTXLODPHXVFRRSHUDGRUHVHP&ULVWR-HVXVRVTXDLVSHOD PLQKDYLGDH[SXVHUDPDVXDFDEHoDRTXHQmRVyHXOKHVDJUDGHoRPDV WDPEpPWRGDVDVLJUHMDVGRVJHQWLRV´ 5RPDQRV (VWHFDVDOYLXXP SURSyVLWRPDLRUSDUDVXDVYLGDVGRTXHEULJDUVREUHDVVXQWRVLUUHOHYDQWHV (OHV IRUDP H[HPSORV YLYRV GH ³FRKHUGHLURV GD JUDoD GD YLGD´  3HGUR   4XDQGRPDULGRVHHVSRVDVFRPDPRUVXEPHWHPVHjVIXQo}HVTXH'HXV estabeleceu no casamento, eles aprendem a se submeter a Deus. Os relacionamentos íntimos e amorosos entre os maridos e as esposas nos ensinam PXLWRVREUHDUHODomRGH&ULVWRFRPD,JUHMD (IpVLRV $DSOLFDomRGRV princípios de Deus no casamento não apenas produz relacionamentos felizes nesta vida como também provê uma maior compreensão dos princípios divinos que durarão por toda a eternidade.

(Para saber mais, solicite o nosso livro gratuito Casamento e Família: A Dimensão Perdida em qualquer um dos nossos endereços ou em nosso site www.revistaboanova.org/literatura 

A Educação Infantil: Construindo a Base Correta

17

A Educação Infantil: Construindo a Base Correta

,

números livros foram escritos sobre a educação infantil. Algumas aborGDJHQVSDUDHGXFDomRGRV¿OKRVHVWmRHPH[WUHPRVRSRVWRVGRHVSHFWUR H GmR FRQVHOKRV FRQÀLWDQWHV H FRQWUDGLWyULRV 2QGH SRGHPRV HQFRQWUDU LQIRUPDo}HVFRUUHWDVSDUDQRVJXLDUQHVVDUHVSRQVDELOLGDGHIXQGDPHQWDO" A Bíblia tem muito a dizer sobre este assunto tão importante, e os pais devem buscar orientação em suas páginas. Qual deve ser nosso procedimento básico? Nossa atitudeSDUDFRPQRVVRV¿OKRVWDOYH]VHMDRPDLVLPSRUWDQWHDFRQsiderar para educá-los FRUUHWDPHQWH 1yV UHDOmente amamos nossos ¿OKRV" 6HUi TXH QRVVDV SDODYUDV H Do}HV GHPRVWUDP D QRVVRV ¿OKRV TXH os amamos? Será que QyVQRVVDFUL¿FDPRVSRU eles? Será que mostramos que temos tempo para se importar com eles? iStockphoto

O tipo de ensino que Deus exige, requer muito mais do que uma sessão uma vez por semana nos cultos da igreja. Deve ser uma prática regular, durante toda a semana. Tal ensino deve tornar-se um modo de vida. 1DGD VXEVWLWXL R WHPSR JDVWR FRP RV QRVVRV ¿OKRV 1RVVR WHPSR p QRVVDYLGD3DUDQRVVRV¿OKRVQRVVRWHPSRFRPHOHVVLJQL¿FDYLYHU8P SDLTXHSURYrDRVVHXV¿OKRVDEXQGkQFLDGHEHQVPDWHULDLVPDV TXH Gi SRXFR WHPSR GH VL FHUWDPHQWH HVWi IDOKDQGR QXP SRQWR YLWDO 2V ¿OKRV não veem o tempo do pai no trabalho, para sustentar a família, como sendo SRUDPRUDHOHV(OHVSHQVDPTXHLVVRVLJQL¿FDTXHSDLQmRJRVWDGHSDVsar tempo com eles. Nosso tempo é o presente mais valioso que podemos GDU DRV QRVVRV ¿OKRV HVSHFLDOPHQWH WHPSR GH TXDOLGDGH LQWHUDJLQGR H conversando com eles. Sem uma atitude fundamental de amor, muito pouco poderemos fazer SHOD FULDomR GH QRVVRV ¿OKRV SDUD SURGX]LU RV UHVXOWDGRV IDYRUiYHLV TXH TXHUHPRV YHU QHOHV WDLV FRPR PDWXULGDGH UHVSRQVDELOLGDGH H FXLGDGR com as pessoas.


18

Fazendo a Vida Dar Certo

Palavras e atitudes deixam impressões permanentes ¬VYH]HVWRGRVRVSDLV¿FDPIUXVWUDGRVFRPRFRPSRUWDPHQWRGHVHXV ¿OKRV e IiFLO SDUD XP SDL RX PmH GDU D LPSUHVVmR GH TXH QmR DPD VHX ¿OKR$OJXQVSDLVSRUFDXVDGHUDLYDUHDo}HVIUXVWUDGDVHFRPHQWiULRV ID]HPVHXV¿OKRVVHQWLUHPVHLQ~WHLVRXGHVSUH]DGRVSRUHOHV Os pais devem ponderar cuidadosamente que impressão suas palavras e DWLWXGHVSRGHPGHL[DUQRVVHXV¿OKRV(OHVSRGHPHVWDUDERUUHFLGRVFRP algum comportamento ou atitude negativa, mas nunca devem fazer com TXHR¿OKRVHVLQWDFRPRXPDSHVVRDWRWDOPHQWHUXLPeHVVHQFLDOTXHRV pais controlem sua raiva ao corrigir uma criança e que a criança entenda perfeitamente qual é a conduta, ação ou atitude pela qual está sendo punida. 2DSyVWROR3DXORHQWUHJDHVVD LQVWUXomR DRV SDLV ³3DLV QmR WUDWHP RV VHXV ¿OKRV GH XP jeito que faça com que eles ¿TXHPLUULWDGRV3HORFRQWUiULR vocês devem criá-los (carinhoVDPHQWH  FRP D GLVFLSOLQD H RV HQVLQDPHQWRVFULVWmRV´ (IpVLRV %/+  Em outras palavras, os pais devem ter certeza que seus ¿OKRV VDEHP PHVPR TXDQGR estão sendo punidos e corrigiGRV TXH VmR DPDGRV ,VVR QmR iStockphoto quer dizer que os pais nunca

Algumas crianças são mais sensíveis e se corrigem com uma bronca. Outras requerem medidas mais enérgicas para aprender a lição. devem demonstrar irritação, mas que deve ser obviamente dirigida ao mau comportamento da criança. Ela deve ser sempre controlada e breve. 2SUySULR'HXV¿FDLUULWDGRDOJXPDVYH]HVPDVQXQFDSHUGHXDSDFLrQFLD H (OH VHPSUH WHP XP SURSyVLWR MXVWR SDUD 6XD LQGLJQDomR H R UHVXOWDGR GH6XDVDo}HV 4XDQGRRV¿OKRVVDEHPTXHVmRPXLWtVVLPRFXLGDGRVSHORVSDLVHTXH a correção de seu pai ou mãe é originada pelo amor que eles têm para FRPRV¿OKRVHTXHpSDUDRPHOKRULQWHUHVVHGHOHVWDOGLVFLSOLQDQmRYDL LQFHQWLYiORVjUDLYDHUHEHOGLD 3RURXWURODGRD¿UPDo}HVTXHOHYHPRMRYHP RXFULDQoD HQWHQGHUTXH ele, seu caráter e atitude sejam inúteis, fazendo-o sentir-se rejeitado, isso

A Educação Infantil: Construindo a Base Correta

19

pode eventualmente levar a um comportamento rebelde, prejudicando todo o relacionamento e levando-o até mesmo a fugir de casa. 6H XP SDL GL] D VHX ¿OKR TXH HOH p UXLP HVWH ¿OKR ORJR YDL FRPHoDU a acreditar e viver de acordo com essa reputação. Para demonstrar mais amor ativoTXHSDVVLYRjVQRVVDVFULDQoDVGHYHPRVGDUVLQFHURVFXPSULPHQWRVHHORJLRVTXDQGROKHVVmRGHYLGRV,VVRWUDQTXLOL]DQRVVRV¿OKRV pois sabem que são amados e apreciados. A responsabilidade dos pais em ensinar 2XWUR LQJUHGLHQWH HVVHQFLDO QD FULDomR GRV ¿OKRV p VHPSUH HQVLQDU RV valores e comportamentos corretos. Deus enfatiza essa responsabilidade SDWHUQD³(HVWDVSDODYUDVTXHKRMHWHRUGHQRHVWDUmRQRWHXFRUDomRHDV LQWLPDUiVDWHXV¿OKRVHGHODVIDODUiVDVVHQWDGRHPWXDFDVDHDQGDQGR SHORFDPLQKRHGHLWDQGRWHHOHYDQWDQGRWH´ 'HXWHURQ{PLR  ,VVRQmRVLJQL¿FDDSHQDVRHQVLQRIRUPDOFRPRHPVDODGHDXODHPERUD tal ensino seja apropriado. A instrução que Deus comanda inspira uma aprendizagem prática e aplicação realista do caminho de vida de Deus, enquanto fazemos nossas atividades diárias. Este tipo de ensino exige muito mais do que uma única lição semanal nos cultos da igreja. Deve ser uma prática regular, durante toda a semana. Tal ensino deve tornar-se um modo de vida. As crianças, claro, rapidamente percebem se os pais praticam o que ensinam. Portanto, o exemplo dos pais pode ser o professor mais importante de todos. Os pais devem praticar as coisas que ensinam. Nada é PDLVLQH¿FD]GRTXHXPSDLTXHXVDXPDOLQJXDJHPFKXODSDUDFRUULJLUR VHX¿OKRSRUXVDUXPOLQJXDMDUVLPLODU&RPRSRGHXPSDLHQVLQDUDUHVSRQVDELOLGDGH VH VXDV SUySULDV Do}HV VmR LUUHVSRQViYHLV DVVLP WUD]HQGR sofrimento desnecessário para a família? 1RVVRH[HPSORLQÀXHQFLDPXLWRRVQRVVRV¿OKRV(OHVVmRUiSLGRVSDUD captar as incoerências. Eles analisam o quanto somos justos, a quantidade de informação que procuramos antes de tomar uma decisão, como tratamos os seus amigos, se somos corteses e respeitosos ao lidar com RVRXWURV(OHVDWpREVHUYDPHVSHFLDOPHQWHVHYLYHPRVRTXHGL]HPRVÊŠ particularmente se estamos julgando outras pessoas sobre essas mesmas TXHVW}HV A necessidade de disciplina 8PDSDUWHLPSRUWDQWHGRHQVLQRpDGLVFLSOLQDTXHSRGHDFDUUHWDUHP punição. Este é um assunto controverso em muitas sociedades, com opini}HVIRUWHVHPDPERVRVODGRVGRWHPD$OJXQVSDLVDFUHGLWDPHPSXQLomR corporal, outros são totalmente contra isso. Os governos também entram em cena, com alguns países indo tão longe a ponto de proibir palmadas ou tapinhas. O sistema educacional é um fator intrínseco importante nesse contínuo debate. Os castigos corporais praticamente desapareceram de


20

Fazendo a Vida Dar Certo

muitas escolas públicas. Tenha em mente, no entanto, que hå vårias maneiras de punir ou administrar disciplina. A correção verbal, a retirada de privilÊgios, a restrição da liberdade e o aumento de tarefas extras são algumas delas. Às vezes HVVHVPpWRGRVIXQFLRQDPEHPHDOJXPDVSRGHPVHUPDLVH¿FD]HVFRP uma criança do que com outras. Algumas crianças são mais sensíveis e se corrigem com uma bronca. Outras requerem medidas mais enÊrgicas para DSUHQGHUDOLomR2LPSRUWDQWHpRUHVXOWDGR8PERPSULQFtSLRpVRPHQWH usar a punição se for estritamente necessårio para se atingir o resultado desejado. 0DV jV YH]HV QHQKXP GHVWHV PpWRGRV IXQFLRQD (QWmR DSOLFDVH R castigo físico? A Bíblia ensina que a punição física, sabiamente aplicada, Ê adequada SDUDGLVFLSOLQDURV¿OKRV³1mRHYLWHGLVFLSOLQDUDFULDQoDVHYRFrDFDVWLJDUFRPDYDUDHODQmRPRUUHUi&DVWLJXHDYRFrPHVPRFRPDYDUD H DVVLP D OLYUDUi GD VHSXOWXUD´ 3URYpUELRV  19, YHU WDPEpP 3URYpUELRV  A palavra vara não deve ser interpretada de modo algum como qualquer coisa que possa ferir uma criança. Ela implica apenas algo pequeno HOHYHTXHLQÀLJLULDXPDTXDQWLGDGHOLPLWDGDGHGRUVHPFDXVDUOHVmR2 tamanho da vara pode variar de acordo com a idade e tamanho da criança. $SXQLomRDGHTXDGDHQYROYHLQÀLJLUXPSRXFRGHGRUWHPSRUDULDPHQWH FRPRREMHWLYRHVSHFt¿FRGHSUHYHQLUFRPSRUWDPHQWRVIXWXURVLQDGHTXDdos, que poderiam trazer consequências muito maiores e permanentes. Essa dor pequena e passageira não Ê nada comparada com o sofrimento que viria mais tarde, se a criança adotasse um comportamento permanentemente destrutivo. Mas os pais devem administrar sabiamente tal disciplina. Ela deve ser realizada apenas para benefício da criança, nunca para descarregar a raiva descontrolada de um pai. -DPHV'REVRQXPDDXWRULGDGHHPIDPtOLDVHHPSULQFtSLRVGHHGXFDomR GH ¿OKRV GHVFUHYH D PDQHLUD DGHTXDGD SDUD DSOLFDU SXQLo}HV ³e SRVVtvel . . . que uma criança se torne violenta e agressiva se tenha observado esse comportamento em casa. Se ela Ê rotineiramente espancada por pais violentos e explosivos, ou se presencia a violência física entre adultos enraivecidos, ou se não se sente amada e valorizada dentro da sua família, a criança não deixarå de notar como o jogo Ê jogado . . . ou seja, que seria normal um pai se achar no direito de bater e intimidar uma criança, porque teve um dia ruim ou estå de mau humor. É este tipo injusto de disciplina que faz com que algumas autoridades bem intencionadas rejeitem totalPHQWHRVFDVWLJRVItVLFRV´ ³(PERUD XPD WpFQLFD SRVVD VHU XVDGD GH IRUPD HUUDGD LVVR QmR p motivo para rejeitå-la completamente. Muitas crianças precisam desesSHUDGDPHQWH GHVWD VROXomR DQWH VXD GHVREHGLrQFLD 1HVVDV VLWXDo}HV quando a criança compreende o que estå sendo pedido para fazer ou não

A Educação Infantil: Construindo a Base Correta

21

deixar de fazer, mas se recusa a ceder a liderança do adulto, uma palmada DSURSULDGDpRFDPLQKRPDLVFXUWRHH¿FD]SDUDXPDMXVWHGHDWLWXGH0DV quando essa criança abaixa a cabeça, cerra os punhos, e deixa claro que vai partir para agressão, a justiça deve falar råpida e eloquentemente. Essa resposta alÊm de não gerar uma atitude de agressão no menino ou menina tambÊm vai ajudå-los a controlar seus impulsos e viver em harmonia com WRGRWLSRGHDXWRULGDGHEHQpYRODDRORQJRGDYLGD´ Atreva-se a Disciplinar (Nova edição) >7KH1HZ'DUHWR'LVFLSOLQH@SiJ  O castigo físico deve ser um plano de contingência, e não o padrão ou critÊrio de punição. Deve ser usado quando outras medidas não tenham funcionado ou quando uma criança esteja fora de controle, não queira obedecer ou quando demonstra um espírito rebelde. Não se deve dar palmadas por se derramar o leite acidentalmente ou por ter uma nota vermelha no boletim. Nem devem se tornar a principal ferramenta na educação infantil. 2GRXWRU'REVRQGL]³(PPLQKDRSLQLmRDVSDOPDGDVGHYHPVHU reservadas para momentos em que uma criança (com idade entre dezoito PHVHV D GH] DQRV GH LGDGH  H[SUHVVH DRV SDLV IUDVHV GHVD¿DGRUDV FRPR ¾1mR YRXœ RX ¾&DOD D ERFDœ 4XDQGR RV MRYHQV WUDQVPLWHP HVWH WLSR GH atitude rebelde e arrogante, você tem que estar pronto para responder imeGLDWDPHQWHDRGHVD¿R´ 'REVRQSiJ  Considerando o exemplo da disciplina de Deus Leve em conta que Deus castiga os cristãos por amor a eles. Veja em +HEUHXV³(MiYRVHVTXHFHVWHVGDH[RUWDomRTXHDUJXPHQWDFRQYRVFRFRPR¿OKRV)LOKRPHXQmRGHVSUH]HVDFRUUHomRGR6HQKRUHQmR desmaies quando, por ele, fores repreendido; porque o Senhor corrige o TXHDPDHDoRLWDDTXDOTXHUTXHUHFHEHSRU¿OKR ³6HVXSRUWDLVDFRUUHomR'HXVYRVWUDWDFRPR¿OKRVSRUTXHTXH¿OKR hå a quem o pai não corrija? Mas, se estais sem disciplina, da qual todos VmRIHLWRVSDUWLFLSDQWHVVRLVHQWmREDVWDUGRVHQmR¿OKRV$OpPGRTXH WLYHPRVQRVVRVSDLVVHJXQGRDFDUQHSDUDQRVFRUULJLUHPHQyVRVUHYHrenciamos; não nos sujeitaremos muito mais ao Pai dos espíritos, para vivermos? ³3RUTXH DTXHOHV QD YHUGDGH SRU XP SRXFR GH WHPSR QRV FRUULJLDP como bem lhes parecia; mas este, para nosso proveito, para sermos participantes da sua santidade. E, na verdade, toda correção, ao presente, não parece ser de gozo, senão de tristeza, mas, depois, produz um fruto SDFt¿FRGHMXVWLoDQRVH[HUFLWDGRVSRUHOD´ $SDVVDJHPDQWHULRUGH+HEUHXVFLWD3URYpUELRVFRPSDUDQGRD FRUUHomRGH'HXVD6HXV¿OKRVFRPDGRVSDLVKXPDQRVTXHGLVFLSOLQDP VHXV¿OKRVSRUDPRUHSUHRFXSDomRSRUHOHV (VWHV YHUVtFXORV QRV HQVLQDP YiULRV SULQFtSLRV YLWDLV UHODWLYRV j GLVFLSOLQD$SDUWLUGHOHVSRGHPRVDSUHQGHU  'HXVGLVFLSOLQDHPDPRU   GLVFLSOLQDQmRVLJQL¿FDUHMHLomRPDVID]SDUWHGRQRVVRDPDGXUHFLPHQWR


22

Fazendo a Vida Dar Certo

HFUHVFLPHQWR  GLVFLSOLQDJHUDUHVSHLWRH  DGLVFLSOLQDSURGX]ERQV frutos e justiça. $ SDODYUD JUHJD SDUD ³GLVFLSOLQD´ QD SDVVDJHP HP +HEUHXV LQFOXL os conceitos de educação e instrução, orientação e punição corretivas. A educação infantil adequada envolve todos esses elementos de ensino. Outro princípio bíblico que os pais devem considerar quando avaliam a GLVFLSOLQDFRUUHWDSDUDVHXV¿OKRVpH[SUHVVRSHORDSyVWROR3DXOR³7RGD DOPD HVWHMD VXMHLWD jV DXWRULGDGHV VXSHULRUHV SRUTXH QmR Ki DXWRULGDGH que não venha de Deus; e as autoridades que hå foram ordenadas por 'HXV3RULVVRTXHPUHVLVWHjDXWRULGDGHUHVLVWHjRUGHQDomRGH'HXVH RVTXHUHVLVWHPWUDUmRVREUHVLPHVPRVDFRQGHQDomR´ 5RPDQRV  Os pais devem entender que algumas pråticas disciplinares recomendadas nas Escrituras podem ser restringidas por leis municipais, estaduais ou federais. Uma bênção e uma responsabilidade A Palavra de Deus nos diz as crianças são uma dådiva, uma bênção dEle. Ser pai talvez seja a maior responsabilidade que possamos ter nesta vida, e que pode trazer grandes recompensas. 3RGHPRVHQVLQDUPXLWDVFRLVDVDRVQRVVRV¿OKRVH¿OKDVPDVWDPEpP podemos aprender muito com eles sobre a vida e os relacionamentos. Se IRUPRVH¿FD]HVQRSDSHOGHSDLVHOHVSRGHPDWpQRVXOWUDSDVVDUHFRQVHJXLU PDLV GR TXH QyV ,VVR p UHDOPHQWH XPD KRQUD SDUD TXDOTXHU SDL RX mãe e um objetivo digno. (Para saber mais, solicite o nosso livro gratuito Casamento e Família: A Dimensão Perdida em qualquer dos nossos endereços ou em nosso site www.revistaboanova.org/literatura 

Encontrando o Caminho Para Ser Uma FamĂ­lia Feliz

23

Encontrando o Caminho Para Ser Uma FamĂ­lia Feliz

8

ma das maiores bênçãos de uma vida feliz e realizada Ê uma família amorosa. Não hå nada melhor do que voltar para um lar cheio de amor, ¿OKRV H XP FDVDPHQWR IHOL] 0HVPR TXH WHQKDPRV XP JUDQGH HPSUHJR sem uma vida familiar bem sucedida, sentiremos um grande vazio em nossas vidas. No sentido mais amplo de família, devemos incluir não apenas o cônjuge HQRVVRV¿OKRVPDVWDPEpPSDLVWLRVSULPRVVREULQKRVHRXWURVʊWRGRV os membros da nossa família estendida. O prazer de ter uma boa relação com toda a família Ê uma benção maravilhosa. Para descobrir como podemos fazer dar certo nosso relacionamento familiar, vamos ver como a instituição da família começou. Pouco depois de ter criado o primeiro homem, $GmR 'HXV GLVVH ³1mR p iStockphoto bom que o homem esteja

É fåcil esquecer que as crianças são uma bênção de Deus. A vida Ê muito mais gratificante quando tiramos tempo para observar e apreciar as coisas simples que nos rodeiam. Vy IDUOKHHL XPD DGMXWRUD TXH HVWHMD FRPR GLDQWH GHOH´ *rQHVLV   Adão estava incompleto. Então, Deus criou uma mulher, Eva, para ser sua companheira na vida. Deus criou homens e mulheres para se complementarem, não para concorrerem entre si. Ele os criou para trabalhar em conjunto, dentro do casamento, para formar famílias e povoar a Terra. Chaves para a felicidade Deus não criou o relacionamento familiar e, em seguida, deixou os seres humanos andarem tropeçando cegamente na tentativa de encontrar a melhor maneira de fazê-lo dar certo. As chaves para a felicidade e sucesso da família estão reveladas nas Escrituras. Quando seguimos essas instruo}HVGHVDSDUHFHJUDQGHSDUWHGDFRQWHQGDTXHVHYrWmRIUHTXHQWHPHQWH nas famílias.


24

Fazendo a Vida Dar Certo

8PDGDVFKDYHVTXH'HXVUHYHODpTXHRFDVDPHQWRpXPFRPSURPLVVR SRUWRGDDYLGD4XDQGRSHUJXQWDGRVREUHRGLYyUFLR-HVXV&ULVWRUHVSRQGHX³1mRWHQGHVOLGRTXHQRSULQFtSLRR&ULDGRURVIH]PDFKRHIrPHDH GLVVH3RUWDQWRGHL[DUiRKRPHPSDLHPmHHVHXQLUijVXDPXOKHUHVHUmR GRLVQXPDVyFDUQH"´ 0DWHXV  -HVXVPRVWURXTXHRFDVDPHQWRIRLSODQHMDGRSRU'HXVFRPRXPFRQWUDWR VDJUDGRXPDDOLDQoDHQWUHXPKRPHPHXPDPXOKHU 0DODTXLDV XP acordo que não pode ser violado. A felicidade não vem por acaso. Ficamos mais satisfeitos quando estamos fazendo algo em que acreditamos ser importante. Este Ê o caso da família. Deus criou esta instituição para que pudÊssemos aprender muiWDV OLo}HV H DOFDQoDU R QRVVR SRWHQFLDO HP 6XD IDPtOLD  &RUtQWLRV  +HEUHXV-RmR  'HXV Gi LQVWUXo}HV sobre um procedimento dentro da família. No Quinto Mandamento Ele QRVGL]³+RQUDDWHXSDL e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o SENHOR, WHX 'HXV WH Gi´ Ç[RGR   Devemos sempre honiStockphoto rar nossos pais. Em nossa

O SĂĄbado ĂŠ um dia em que membros da famĂ­lia devem comer juntos, talvez separar tempo para caminhar e, acima de tudo, adorar a Deus juntos. juventude, devemos honrĂĄ-los pela obediĂŞncia respeitosa. Quando eles sĂŁo idosos, devemos honrĂĄ-los com visitas, comunicação constante e respeito, HÂżFDUDWHQWRSDUDVDEHUVHVXDVQHFHVVLGDGHVPDWHULDLVHHPRFLRQDLVVHMDP satisfeitas. Deus promete uma bĂŞnção especial para as pessoas que obedecem a HVVH PDQGDPHQWR 2EVHUYH D UHFRPSHQVD SRU KRQUDU QRVVRV SDLV Âł3DUD que se prolonguem os teus dias na terra que o SENHOR WHX 'HXV WH Gi´ (P(IpVLRVRDSyVWROR3DXORGHVFUHYHHVWDLQVWUXomRFRPRÂłRSULPHLUR PDQGDPHQWRFRPSURPHVVD´ 2XWUDErQomRTXHDGYpPSRUWHUXPDIDPtOLDVmRRVÂżOKRV6DOPR GL]Âł(LVTXHRVÂżOKRVVmRKHUDQoDGR6ENHOR, e o fruto do ventre, o seu JDODUGmR &RPR Ă€HFKDV QD PmR GR YDOHQWH DVVLP VmR RV ÂżOKRV GD PRFLGDGH%HPDYHQWXUDGRRKRPHPTXHHQFKHGHOHVDVXDDOMDYD´ Todos descobrem—sejam pais que pela primeira vez que estĂŁo maravi-

Encontrando o Caminho Para Ser Uma FamĂ­lia Feliz

25

OKDGRVFRPRPLODJUHGDYLGDRXXPDDYyRUJXOKRVDTXHVHJXUDVHXSULPHLURQHWRRXXPDY{TXHEULQFDFRPVHXQHWRQRTXLQWDOĘŠTXHDVFULDQoDV sĂŁo uma fonte de alegria dada por Deus. É fĂĄcil esquecer que as crianças sĂŁo uma bĂŞnção de Deus. Muitas vezes SHQVDPRVTXHDGLYHUVmRpYLVLWDUXPOXJDUH[yWLFRQDVIpULDVRXFRQKHFHU pessoas interessantes, ou testemunhar um evento espetacular. Mas eventuDOPHQWHDSUHQGHUHPRVTXHDYLGDpPXLWRPDLVJUDWLÂżFDQWHTXDQGRWLUDPRV tempo para observar e apreciar as coisas simples que nos rodeiam. A felicidade começa em casa ,QIHOL]PHQWHRQRVVRHVWLORGHYLGDPRGHUQRWHQGHDVHSDUDUDVIDPtOLDV 2VQHWRVFRVWXPDPYLYHUORQJHGHVHXVDYyV2VMRYHQVVmRVHSDUDGRVGH suas tias, tios e primos. As visitas e telefonemas frequentes podem ajudar a encurtar a distância e nos manter em contato com outros membros de nossa famĂ­lia, mas essas medidas nem sempre sĂŁo adequadas. &RQVWUXLU IDPtOLDV HVWHQGLGDV IHOL]HV H HVWiYHLV UHTXHU HVIRUoR *iODWDV  H[SOLFD TXH FROKHPRV R TXH VHPHDPRV 3DUD XPD IDPtOLD IXQFLRQDU corretamente se exige muito trabalho, assim como ĂŠ preciso esforço para iniciar uma carreira, construir uma casa ou arar um campo. Quando fazemos alguma coisa geralmente somos grandemente recompensados pelo esforço. Se começarmos a construir uma casa, mas nĂŁo usamosmateriais e mĂŁo-de-obra de boa qualidade, a nossa casa nĂŁo terĂĄ muito valor. Assim tambĂŠm acontece com nossas famĂ­lias. Se nos esforçamos e cuidamos delas, entĂŁo podemos colher os benefĂ­cios de relacionamentos saudĂĄveis. Por outro lado, se nĂŁo investimos muito tempo e esforço em nossas famĂ­lias, nĂŁo podemos esperar muito em troca. Vamos considerar alguns investimentos que podemos fazer para criar um ambiente mais positivo em nossas famĂ­lias. Tempo: uma mercadoria preciosa Passar tempo juntos ĂŠ importante para as pessoas em qualquer relacionaPHQWRVDXGiYHOHUHVSHLWiYHO$VPXLWDVSUHVV}HVHH[LJrQFLDVGHQRVVDHUD tende a deixar nossas famĂ­lias cada vez mais distantes, em vez de trazĂŞ-las para perto. Alguns pais acham difĂ­cil passar mais que alguns minutos a FDGDGLDFRPVHXVF{QMXJHVHÂżOKRV É comum ouvir pessoas reclamarem sobre a falta de tempo. No entanto, parece que encontramos tempo para as coisas que realmente queremos fazer. Qual ĂŠ a importância de sua famĂ­lia? Que prioridade sua famĂ­lia tem SDUDYRFr"4XDQGRID]HPRVDQyVPHVPRVHVWDVSHUJXQWDVFRQVHJXLPRV enxergar a necessidade de reorganizar as nossas prioridades. VocĂŞ pode ter que arranjar tempo para sua famĂ­lia. Quando os membros da famĂ­lia vivem na mesma regiĂŁo e compartilham do compromisso de obedecer aos mandamentos de Deus, eles tĂŞm uma


26

Fazendo a Vida Dar Certo

oportunidade especial para passar o tempo juntos, enquanto adoram a 'HXV24XDUWR0DQGDPHQWRQRVLQVWUXLD³OHPEUDUVHGRGLDGRViEDGR SDUDRVDQWL¿FDU´ Ç[RGR (PERUDVHMDXPDGDVOHLVPDLVLJQRUDGDV de Deus, o mandamento do sábado, quando observado, oferece muitas oportunidades para as famílias se reunirem. (Para saber como encontrar WHPSR HP VXD VHPDQD SDUD UHÀHWLUQRV YDORUHV HVSLULWXDLV GLYLQRV YRFr precisa aprender mais sobre o sábado semanal de Deus. Não deixe de pedir o nosso livro gratuito O Sábado—de Pôr-do-sol a Pôr-do-sol—O Dia do Descanso de Deus  O mandamento do sábado é mais importante hoje do que nunca por causa de nossas agendas cheias. É um dia em que membros da família devem comer juntos, talvez separar tempo para caminhar e, acima de tudo, adorar D'HXVMXQWRV,QYHVWLUWHPSRHPVHXVSDUHQWHVSUy[LPRVQRViEDGRSRGH PHOKRUDUVXDVUHODo}HVFRPHOHVHQVLQDUOKHVRVYDORUHVGH'HXVHYLQFXODU sua família unida através de princípios espirituais eternos. $OpPGRViEDGRRXWUDVRFDVL}HVHDWLYLGDGHVWDLVFRPRYLDJHQVIpULDVH feriados, providenciam meios para que os membros da família passem um WHPSRMXQWRV7DLVRFDVL}HVRIHUHFHPRSRUWXQLGDGHVSDUDRVSDLVIDODUHP FRPVHXV¿OKRVSDUDGHVFREULURTXHHVWmRSHQVDQGRVREUHDYLGDHGHVFREULUVREUHVXDVHVSHUDQoDVVRQKRVHIUXVWUDo}HV7DPEpPpXPWHPSR para que as crianças comecem a fazer perguntas sobre a vida a seus pais. Quando uma família está reunida em um carro viajando por muitas horas, RVSDLVSRGHPDSURYHLWDUHVWHPRPHQWRSDUDFRPXQLFDUFRPVHXV¿OKRVH assim, aproximar mais a família. Uma fonte de apoio Sempre existem momentos em que as coisas dão errado. Quando chegamos a tempos difíceis, a família pode ser uma poderosa ajuda. Eclesiastes PRVWUDDYDQWDJHPGHVVHDSRLR³(VHGRLVGRUPLUHPMXQWRVYmR PDQWHUVH DTXHFLGRV &RPR SRUpP PDQWHUVH DTXHFLGR VR]LQKR" 8P KRPHP VR]LQKR SRGH VHU YHQFLGR PDV GRLV FRQVHJXHP GHIHQGHUVH 8P FRUGmRGHWUrVGREUDVQmRVHURPSHFRPIDFLOLGDGH´ 19, 3RLVRPHOKRU apoio material, emocional e até espiritual que podemos ter é o de uma IDPtOLDDPRURVDTXHFRUUHSDUDDMXGDUXPPHPEURDÀLWR" 3DXORH[RUWRXDFRQJUHJDomRHP7HVVDO{QLFDDVHUHP³ERQGRVRVXQVSDUD FRPRVRXWURVHSDUDFRPWRGRV´ 7HVVDORQLFHQVHV19, $DVVLVtência da família é a primeira fonte de ajuda quando surgem problemas. Se um membro da família adoece ou perde o emprego, o apoio da família pode ajudar. Os familiares podem incentivá-lo a não desistir ou tornar-se excessivamente desanimado. 8P SUREOHPD GXUDQWH R PLQLVWpULR WHUUHQR GH -HVXV IRL R GDV IDPtOLDV GHVDVVLVWLGDV&ULVWRFULWLFRXRVIDULVHXVGL]HQGROKHVTXHHOHVSUHFLVDYDP FXLGDUGRVIDPLOLDUHVLGRVRVHFDUHQWHV³%HPLQYDOLGDLVRPDQGDPHQWRGH 'HXVSDUDJXDUGDUGHVDYRVVDWUDGLomR3RUTXH0RLVpVGLVVH+RQUDDWHX

Encontrando o Caminho Para Ser Uma Família Feliz

27

SDLHDWXDPmHH4XHPPDOGLVVHURXRSDLRXDPmHGHYHVHUSXQLGRFRP DPRUWH3RUpPYyVGL]HLV6HXPKRPHPGLVVHUDRSDLRXjPmH$TXLOR TXH SRGHULDV DSURYHLWDU GH PLP p &RUEm LVWR p RIHUWD DR 6HQKRU QDGD PDLV OKH GHL[DLV ID]HU SRU VHX SDL RX SRU VXD PmH´ 0DUFRV   (OH deixou claro que os membros da família têm a responsabilidade de cuidar dos pais idosos. 8PD IRUPD GH DSRLDU RV SDLV LGRVRV p ¿FDU UHJXODUPHQWH HP FRQWDWR com eles. Escrever cartas e telefonar para ver como estão já serve como primeiro passo. Em seguida, deve-se ajudar quando necessário. O princípio da assistência também se aplica aos outros membros da família quando estão em necessidade. Tradicionalmente falando $VWUDGLo}HVDMXGDPDVIDPtOLDVDIXQFLRQDUHFUHVFHUMXQWDV-iPHQFLRQDPRVTXHDREHGLrQFLDDRTXDUWRPDQGDPHQWR SDUDVDQWL¿FDURViEDGR  pode ajudar a tornar as famílias mais fortes. Além do sábado e dias de IHVWDVEtEOLFDVRXWUDVRFDVL}HVWUDGLFLRQDLVSDUDVHUHXQLUWDLVFRPRDQLversários, oferecem oportunidades importantes para melhorar os relacionaPHQWRV 3DUDHQWHQGHURVLJQL¿FDGRGRV'LDV6DQWRVQDV(VFULWXUDVQmR se esqueça de solicitar O Plano dos Dias Santos de Deus: A Promessa de Esperança Para Toda a Humanidade  -HVXV&ULVWRQRVLQFHQWLYDDVVLPDHVWHQGHUDKRVSLWDOLGDGHDRVRXWURVGH IRUDGHQRVVDVIDPtOLDV³4XDQGRGHUHVXPMDQWDURXXPDFHLDQmRFKDPHV os teus amigos, nem os teus irmãos, nem os teus parentes, nem vizinhos ricos, para que não suceda que também eles te tornem a convidar, e te seja LVVR UHFRPSHQVDGR 0DV TXDQGR ¿]HUHV FRQYLWH FKDPD RV SREUHV DOHLjados, mancos e cegos e serás bem-aventurado; porque eles não têm com TXHWHUHFRPSHQVDUPDVUHFRPSHQVDGRVHUiVQDUHVVXUUHLomRGRVMXVWRV´ /XFDV  A necessidade de regras 9LYHPRV HP XPD pSRFD HP TXH VH GHVFDUWDP PXLWDV GDV UHJUDVÊŠRV SDGU}HV H DV WUDGLo}HVÊŠTXH XPD YH] JRYHUQDUDP D VRFLHGDGH 2 UHVXOtado? Os jovens não têm as diretrizes que poderiam ajudá-los a crescer e amadurecer como adultos responsáveis. Muitíssimos perambulam pelas UXDVVHPUHJUDVTXHGH¿QDPRFRPSRUWDPHQWRDGHTXDGR 2V ¿OKRV SUHFLVDP GH OLPLWHV H UHJUDV (OHV SUHFLVDP VDEHU R TXH VH HVSHUDGHOHV3URYpUELRVQRVGL]TXH³DYDUDHDUHSUHHQVmRGmRVDEHGRULDPDVRUDSD]HQWUHJXHDVLPHVPRHQYHUJRQKDDVXDPmH´&ULDQoDVH adolescentes podem não apreciar a correção e as regras quando são jovens, mas quando forem mais velhos, eles perceberão e agradecerão pela sabedoria dos pais que lhes deram a devida orientação. 'U5RVV&DPSEHOOFRPSUHHQGHDLPSRUWkQFLDGHUHJUDVQRGHVHQYROYLmento das crianças. Em seu livro Como Realmente Amar Seu Adolescente


28

Fazendo a Vida Dar Certo

[How to Really Love Your Teenager@ HOH HVFUHYH Âł2V DGROHVFHQWHV XP certo nĂ­vel de consciĂŞncia percebem que precisam da orientação e controle de seus pais. Eles querem isso. Assim, eu ouvi muitos adolescentes dizeUHPTXHVHXVSDLVQmRRVDPDPSRUTXHQmRVmRVXÂżFLHQWHPHQWHUtJLGRVRX ÂżUPHV ( DVVLP PXLWRV DGROHVFHQWHV H[SUHVVDP VXD JUDWLGmR H DPRU DRV SDLVTXHPRVWUDUDPVHXFDULQKRHUHVSHLWRSRUVXDRULHQWDomRHFRQWUROH´ SiJ  eERPSDUDRVÂżOKRVWHUHPUHJUDVHGLUHWUL]HV(VVDVUHJUDVHGLUHWL]HV OKHV LQGLFDP R TXH VH HVSHUD GHOHV H LGHQWLÂżFDP SDGU}HV DSURSULDGRV GH comportamento. 2V SDLV UHVSRQViYHLV TXH DPDP VHXV ÂżOKRV YmR GDU DWHQomR jV UHJUDV TXHHVWDEHOHFHP2'U&DPSEHOOSHUJXQWDÂł6HUiTXHYRFrGHYHID]rODV justas, amplas e razoĂĄveis? Ou vocĂŞ deve ser muito rigoroso? É importante OHPEUDUTXHRDGROHVFHQWHQRUPDOYDLWHVWDU²HjVYH]HVDWpTXHEUDU²RV VHXVOLPLWHVRXUHJUDV&RQVLGHUDQGRTXHpXPDWHQGrQFLDGDPDLRULDGRV DGROHVFHQWHVHPGHVDÂżDUHRXTXHEUDUUHJUDVVHMDPHODVHVWULWDVRXDEUDQgentes, o senso comum entĂŁo indica que a Ăşnica coisa sensata a fazer ĂŠ, GHVGHRLQtFLRFULDUUHJUDVEDVWDQWHUtJLGDVHUHVWULWLYDV´ LELGHPSiJ  0DLV WDUGH TXDQGR RV ÂżOKRV DPDGXUHFHUHP H GHPRQVWUDUHP XP FRPSRUWDPHQWRUHVSRQViYHODVUHJUDVSRGHPVHUĂ€H[LELOL]DGDVTXDQGRHRQGH for apropriado. A BĂ­blia nos diz que as crianças tambĂŠm tĂŞm uma responsabilidade. 3DXOR HVFUHYHX Âł9yV ÂżOKRV VHGH REHGLHQWHV D YRVVRV SDLV QR 6HQKRU SRUTXHLVWRpMXVWR´ (IpVLRV 2LGHDOpTXHRVMRYHQVDSUHQGDPGHVHXV SDLVDVLQVWUXo}HVGH'HXV Naturalmente, as crianças tendem a testar as regras. Ă€s vezes elas vĂŁo achar que sabem mais do que seus pais. Quando isso acontece, os pais devem buscar tempo para explicar por que certas regras existem. Por exemplo, se um jovem ou adolescente tem um hĂĄbito de nĂŁo usar cinto de seguUDQoDTXDQGRDQGDGHFDUURpSUHFLVRH[SOLFDUOKHDUD]mRSDUDXViOR2V cintos de segurança geralmente salvam vidas e evitam ferimentos graves em caso de acidentes. Se as crianças sempre tĂŞm usado o cinto de segurança desde pequenas, elas vĂŁo desenvolver o hĂĄbito de usĂĄ-lo automaticamente e, provavelmente, nunca resistirĂŁo a isso mesmo depois de adultas. Amor: O eterno ingrediente O amor ĂŠ o ingrediente mais importante em qualquer famĂ­lia bem sucedida. Se os membros da famĂ­lia se amam, eles vĂŁo ser mais tolerantes e perdoar, e estarĂŁo dispostos a apoiar os membros mais vulnerĂĄveis da famĂ­lia. 2DSyVWROR3DXORGHVFUHYHDVFDUDFWHUtVWLFDVGRYHUGDGHLURDPRUDSUHRFXSDomR DOWUXtVWD SRU RXWUDV SHVVRDV Âł2 DPRU p SDFLHQWH p EHQLJQR R amor nĂŁo arde em ciĂşmes, nĂŁo se ufana, nĂŁo se ensoberbece, nĂŁo se conduz inconvenientemente, nĂŁo procura os seus interesses, nĂŁo se exaspera, nĂŁo se ressente do mal; nĂŁo se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a

Encontrando o Caminho Para Ser Uma FamĂ­lia Feliz

29

YHUGDGHWXGRVRIUHWXGRFUrWXGRHVSHUDWXGRVXSRUWD´ &RUtQWLRV $5$  2DPRUpHVSHFLDOPHQWHLPSRUWDQWHGHQWURGDHVWUXWXUDIDPLOLDU,VVRQRV dá a direção quando nos perguntamos como tratar um membro da família. 2DPRUVLJQL¿FDDSOLFDUDGLVFLSOLQDTXDQGRQHFHVViULR(VVHWLSRGHDPRU H[LJHFRUDJHPHDXWRGLVFLSOLQDGRVSDLVʩRVPHVPRVDWULEXWRVTXHJRVWDUtDPRVGHYHUHPQRVVRV¿OKRV As mudanças sociais têm ameaçado seriamente a família. Alguns se perguntam se a estrutura familiar conseguirá sobreviver. Muitas forças estão trabalhando constantemente para ameaçar e prejudicar esta base principal da construção de uma sociedade. iStockphoto +i PXLWD FRLVD TXH

Vivemos em uma Êpoca em que se descartam muitas das UHJUDVʊRVSDGU}HVHDVWUDGLo}HVʊTXHXPDYH]JRYHUQDUDP a sociedade. O resultado? Os jovens não têm as diretrizes que poderiam ajudå-los a crescer e amadurecer como adultos responsåveis. você pode fazer para ajudar a vida familiar dar certo, para ajudar a prevenir que sua família se torne uma das vítimas. Você pode ajudar a transformar sua família num porto seguro para os seus membros, um porto contra as tempestades da vida nesse mundo conturbado. Para ver a sua vida familiar prosperar, procure aplicar estes princípios e muitos outros que podem ser encontrados em toda a Bíblia. (Para saber mais, solicite o nosso livro gratuito Casamento e Família: A Dimensão Perdida em qualquer dos nossos endereços ou em nosso site em www.revistaboanova.org/literatura 


30

Fazendo a Vida Dar Certo

A Importância das Verdadeiras Amizades OJXPDVSHVVRDVSUHIHUHP¿FDUVR]LQKDV0DVDPDLRULDTXHUHVWDUSHUWR de outras pessoas. Os relacionamentos e companheirismo são importantes para essa classe de pessoas. Elas desejam ter e manter amizades. A amizade é parte do caminho de vida de Deus. Sua Palavra tem muito DGL]HUVREUHDDPL]DGH1DYHUGDGHRSUySULR'HXVHQIDWL]D6HXGHVHMRGH UHODFLRQDPHQWRV H DPL]DGHV -HVXV &ULVWR TXH p XP HP PHQWH H (VStULWR FRPR3DLYDLVHFDVDUFRPD,JUHMD,VWRLPSOLFDXPDUHODomRPXLWRSUy[LPDEHPFRPRXPDDPL]DGH8PGRVPDLVLPSRUWDQWHVSLODUHVGRSODQR de Deus são os relacionamentos saudáveis, fortes e íntimos. As Escrituras se referem a Abraão e Moisés como amigos de Deus Ç[RGR  7LDJR   -HVXV WHYH DPLJRV EHP SUy[LPRV (PERUD os discípulos tenham sido Seus mais íntimos amigos, Ele tinha amizade com outras pessoas, inclusive com cobradores de impostos. Por FDXVD GLVVR DOJXPDV SHVVRDV 2 FRQGHQDUDP VHYHUDPHQWH 0DWHXV   Mateus, um dos cobradores de impostos, até se tornou um discípulo dEle 0DWHXV  Esses exemplos mostram que não é errado ter amigos que não sejam FULVWmRV-RmRRXWURGLVFtSXORHDPLJRtQWLPRGH-HVXVGHVFUHYHXRSHULJR GRTXDOGHYHPRVHVWDUFLHQWHV³1mRDPHLVRPXQGRQHPRTXHQRPXQGR há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo. E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para VHPSUH´ -RmR  Devemos manter um equilíbrio apropriado. Devemos ajudar as pessoas no PXQGRÊŠQDVRFLHGDGHÊŠVHPQRVWRUQDUSDUWHGRPRGRGHYLGDGRPXQGR Dentre os discípulos, o Salvador, aparentemente, sentiu-Se especialmente PDLVSUy[LPRGH-RmR(OHPHVPRHQFDUUHJRXHVWHGLVFtSXORDFXLGDUGH6XD PmH0DULDGHSRLVGH6XDPRUWH(PERUD-HVXVIRVVHDPLJRGHPXLWRV(OH SDUHFHWHUVHQWLGRXPDD¿QLGDGHHVSHFLDOSRU-RmR $VHStVWRODVGH-RmRGLVFRUUHPVREUHRDPRUFRPRWHPDSULQFLSDO8PD YH]TXH'HXVpDPRUHR)LOKRGH'HXVpFRPRR6HX3DL +HEUHXV SRGH VHUSRULVVRTXH-HVXVVHQWLXXPDD¿QLGDGHHVSHFLDOSRU-RmR6HJXLQGRR H[HPSORGH&ULVWRSRGHPRVYHUTXHQmRpHUUDGRWHUPRVDPLJRVtQWLPRV desde que isso não nos impeça de ajudar aos outros e que possamos ter um relacionamento positivo com eles. As pessoas podem ser muito mais dinâmicas, muito mais equilibradas e muito mais sábias quando cultivam e desenvolvem amizades saudáveis. A Palavra de Deus apoia esta abordagem. O livro de Provérbios está repleto de

A

A Importância das Verdadeiras Amizades

31

palavras sábias sobre os aspectos da amizade. O livro de Provérbios enfoca QD LPSRUWkQFLD GH FXOWLYDU DPL]DGHV FRP EDVH QDV UD]}HV FRUUHWDV 3RU H[HPSOR3URYpUELRVQRVGL]³$VULTXH]DVJUDQMHLDPPXLWRVDPLJRV PDVDRSREUHRVHXSUySULRDPLJRRGHL[D0XLWRVVXSOLFDPDIDFHGR SUtQFLSHHFDGDXPpDPLJRGDTXHOHTXHGiSUHVHQWHV´ Salomão observou que muitas pessoas fazem amigos com segundas LQWHQo}HVRXVHMDSHORTXHXPDPLJRSRGHID]HUSRUHODV0DVXPYHUGDGHLURDPLJRpDTXHOHTXHYDLVDFUL¿FDUSHORVHXLUPmRHQmRDTXHOHTXHYDL VDFUL¿FDUVHXLUPmRSDUDREWHU YDQWDJHP 8P DPLJR YHUGDGHLURQmRYDL¿FDUDRVHXODGR somente quando as coisas estão indo bem, mas vai amá-lo em todos os momentos, inclusive nos períodos de adversidade 3URYpUELRV  8P YHUGDGHLUR DPLJR HVWi profundamente comprometido com sua amizade. Observe FRPR -HVXV &ULVWR GHVFUHYH iStockphoto HVWH FRPSURPLVVR ³1LQJXpP

As pessoas podem ser muito mais dinâmicas, muito mais equilibradas e muito mais sábias quando cultivam e desenvolvem amizades saudáveis. WHPPDLRUDPRUGRTXHHVWHGHGDUDOJXpPDVXDYLGDSHORVVHXVDPLJRV´ -RmR -HVXVQmRVyGLVVHFRPRWDPEpPYLYHXLVVReXPJUDQGHGHVD¿RSDUDQyVVHJXLUPRVHVWHH[HPSORPDUDYLOKRVR Alguns acreditam que para ser amigo de alguém, nunca deve opor-se ou discordar dele. Mas há momentos em que um verdadeiro amigo precisa GL]HUDVHXLUPmRRQGHHOHHVWiHUUDQGR³2DPLJRTXHURQRVVREHPPHVPR TXDQGR QRV IHUH PDV TXDQGR XP LQLPLJR DEUDoDU YRFr WRPH FXLGDGR´ 3URYpUELRV%/+  Os amigos devem apoiar-se e fortalecer-se mutuamente, ajudando uns aos RXWURV D FUHVFHU H PHOKRUDU 3URYpUELRV   $V SHVVRDV VLPSOHVPHQWH trabalham melhor em equipe. Realmente dois são melhores do que um (FOHVLDVWHV  O caminho de Deus não é um caminho de total independência dos outros. eXPDIRUPDGHLQWHUGHSHQGrQFLDÊŠGHUHODo}HVSUy[LPDVHGHWUDEDOKDUMXQtos como uma equipe bem treinada para realizar os objetivos propostos por 'HXV7RGRVQyVSUHFLVDPRVSURFXUDUGLOLJHQWHPHQWHGHVHQYROYHUHPDQWHU DPL]DGHVDSDUWLUGHXPDSHUVSHFWLYDHPRWLYDomRGLYLQD&RPRUHVXOWDGR seremos melhores pessoas.


32

Fazendo a Vida Dar Certo

Alcançando o Sucesso em Seu Trabalho e Carreira

33

Alcançando o Sucesso em Seu Trabalho e Carreira

Da mesma forma, as pessoas hoje frequentemente têm que aprender muitas habilidades no trabalho por necessidade em um mundo acelerado e em råpida mutação. Aqueles que não aprendem, crescem e mudam com o WHPSRSRGHP¿FDUSDUDWUiVHWHUTXHFXLGDUGHVLPHVPRVVR]LQKRV

E

Princípios eternos para o sucesso Apesar de vivermos em um mundo em constante transformação, algumas coisas não mudaram em milhares de anos. Nosso mundo estå muito longe daquele da Bíblia, no entanto as suas påginas revelam princípios atemporais que se aplicam tão bem hoje como quando foram escritos milhares de anos atrås. O livro de ProvÊrbios tem uma utilidade especial, não apenas em nos oferecer orientação de como ser bem sucedido no trabalho, mas tambÊm no aconselhamento para alcançar o sucesso em todas as åreas da vida. Observe como, nos primeiros versículos, o rei Salomão H[SUHVVDRSURSyVLWRGROLYURGH 3URYpUELRV  ³(VWHV VmR RV SURYpUELRV GH 6DORPmR ¿OKR GH 'DYL UHL GH ,VUDHO (OHV DMXGDUmR D H[SHULmentar a sabedoria e a disciiStockphoto plina; a compreender as pala-

m um mundo que tem mudado muito nos últimos anos, vemos que nada mudou tão råpido como o emprego e a situação econômica. Não muito tempo atrås era comum para uma pessoa trabalhar para si PHVPD RX DSUHQGHU XPD SUR¿VVmR H SUHVWDU VHUYLoR D XP HPSUHJDGRU durante a maior parte de sua vida produtiva ou durante toda a vida. A maioria das pessoas começa trabalhando para uma empresa, e isso era praticamente uma parceria por toda a vida. Mas não Ê mais assim. Esse tipo de segurança e lealdade do empregador para com o empregado e vice-versa Ê coisa do passado. Agora Ê muito mais comum as pessoas trabalharem para vårios empregadores ao longo da vida e aprender muitas habilidades e UHDOL]DUYiULRVWLSRVGHRItFLRVDRORQJRGHVXDYLGDSUR¿VVLRQDO (PXPPXQGRFDGDYH]PDLVFRPSHWLWLYRGHQHJyFLRVGHIXV}HVDTXLVLo}HVHIDOrQFLDVRWHPSRGHVHUYLoRQDHPSUHVDHDH[SHULrQFLDQmRQHFHVVDULDPHQWH VLJQL¿FDP VHJXUDQoD QR HPSUHJR $V SHVVRDV SRGHP SHUGHU VHXVHPSUHJRVQDVHPSUHVDVSRUFDXVDGHUHGXomRGHFXVWRVHGHPLVV}HV sumårias com ou sem nenhum aviso prÊvio. Em muitos países avançados, muitas categorias de postos de trabalho foram eliminadas completamente, substituídas por computadores e pela automação ou terceirizadas para países mais pobres onde os trabalhadores vão realizar a tarefa por uma fração do custo. Neste mundo tão distante do modo de vida e da Êpoca bíblica, as Escrituras poderiam servir de alguma orientação sobre como ter sucesso em nosso trabalho e carreira? A versatilidade em um mundo em constante mutação Obviamente, uma chave para a sobrevivência econômica Ê a versatiliGDGH 6RPHQWH HP JHUDo}HV UHFHQWHV WHPRV YLVWR XP QRWiYHO PRYLPHQWR para a especialização, e que em grande parte Ê impulsionado pelos avanoRV WHFQROyJLFRV (VWHV DYDQoRV DOWHUDP FRQVWDQWHPHQWH R QRVVR PXQGR FULDQGRQRYRVQHJyFLRVHRSRUWXQLGDGHVGHHPSUHJRSUDWLFDPHQWHGDQRLWH para o dia, enquanto na mesma rapidez tornam outros obsoletos. Em termos de versatilidade, podemos comparar o nosso mundo com o mundo bíblico de dois mil anos atrås. Naquela Êpoca a maioria das pessoas WUDEDOKDYDPSRUFRQWDSUySULDHWLQKDGHDSUHQGHUPXLWDVKDELOLGDGHVHP caso de necessidade. E aquela não era uma sociedade de coisas descartåveis RQGHVHDOJRTXHEUDVVHVLPSOHVPHQWHHUDVyLUDXPDORMDHFRPSUDURXWUR novo. As pessoas produziam a maioria das coisas que usavam, e consertava-as quando necessårio. AtravÊs dessas necessidades eles aprenderam muitas habilidades para prover para si e suas famílias.

Neste mundo tão distante da vida e dos tempos bíblicos, as Escrituras serviriam para qualquer orientação sobre como ter sucesso em nosso trabalho e carreira? vras que dão entendimento; a viver com disciplina e sensatez, fazendo o que Ê justo, direito e correto; ajudarão a dar prudência aos inexperientes e conhecimento e bom senso aos jovens. Se o såbio lhes der ouvidos, aumenWDUi VHX FRQKHFLPHQWR H TXHP WHP GLVFHUQLPHQWR REWHUi RULHQWDomR´ 3URYpUELRV19,  6LPSOL¿FDQGRROLYURGH3URYpUELRVpXPOLYURTXHQRVHQVLQDDWHUVDEHGRULD(OHUHJLVWUDFHQWHQDVGHREVHUYDo}HVVREUHWRGRVRVDVSHFWRVGDYLGD e sobre nossos relacionamentos uns com os outros. E oferece centenas de conselhos, como pedras preciosas, que foram provados ao longo do tempo. Vamos examinar alguns dos conselhos que ele oferece para nos ajudar a WHUVXFHVVRHPQRVVRVWUDEDOKRVHSUR¿VV}HVLQGHSHQGHQWHVHWUDEDOKDPRV SDUDQyVPHVPRVRXSDUDRVRXWURV


34

Fazendo a Vida Dar Certo

Um minúsculo professor da natureza Salomão era um homem de múltiplos talentos. Ele não era apenas um escritor, professor e compositor talentoso, e sim tambÊm um estudante GDQDWXUH]DTXHUHJLVWURXVXDVREVHUYDo}HVVREUHRPXQGRQDWXUDODRVHX UHGRU 5HLV 8PGHVHXVSULPHLURVSULQFtSLRVUHJLVWUDGRVVREUH o sucesso no trabalho e em todas as åreas da vida sobre o assunto, veio da REVHUYDomRGHXPDGDVPHQRUHVFULDWXUDVGH'HXVDIRUPLJD ³2EVHUYHDIRUPLJDSUHJXLoRVRUHÀLWDQRVFDPLQKRVGHODHVHMDViELR Ela não tem nem chefe, nem supervisor, nem governante, e ainda assim DUPD]HQDDVVXDVSURYLV}HVQRYHUmRHQDpSRFDGDFROKHLWDDMXQWDRVHX DOLPHQWR$WpTXDQGRYRFrYDL¿FDUGHLWDGRSUHJXLoRVR"4XDQGRVHOHYDQtarå de seu sono? Tirando uma soneca, cochilando um pouco, cruzando um pouco os braços para descansar,sua pobreza o surpreenderå como um DVVDOWDQWH H D VXD QHFHVVLGDGH OKH VREUHYLUi FRPR XP KRPHP DUPDGR´ 3URYpUELRV19,  Salomão nos diz que podemos aprender muito sobre como ser bem sucedido na vida pelo exemplo de uma simples formiga. Primeiro, a formiga não tem ninguÊm que lhe diga o que fazer. Ela percebe que algo precisa ser feito e faz. Qualquer chefe reconheceria o valor de um empregado com tamanha GHWHUPLQDomRʊDOJXpP TXH DSUHQGH VXD IXQomR H[HFXWDD H QmR SUHFLVD ser lembrado que tem que realizå-la. Aquelas pessoas que constantemente precisam ser lembradas do seu dever raramente têm sucesso porque não apenas gastam o tempo e a energia de seus gestores, como tambÊm demonstram pouca ou nenhuma iniciativa ou potencial para se desenvolver. A formiga, observada por Salomão, instintivamente reconhece a necessidade de se preparar para o futuro. Quando aparece a oportunidade para recolher alimentos, com vontade e diligentemente trabalha duro para DUPD]HQDUSURYLV}HVDWpSDUDRVWHPSRVGHYDFDVPDJUDVTXHSRGHPYLU no futuro. Da mesma forma, devemos reconhecer a necessidade de nos preparar para o futuro. Quando as circunstâncias são boas, tiramos o måximo delas, reconhecendo que não serå sempre assim. Quando as oportunidades se apresentam, devemos aprender a reconhecê-las e agir em conformidade, enquanto as circunstâncias permitirem. Pois, elas podem não surgir novamente. O valor do trabalho årduo 8PD OLomR GDV PHGLWDo}HV GH 6DORPmR VREUH R FRPSRUWDPHQWR GD IRUPLJDpLQFRQIXQGtYHO2VXFHVVRH[LJHWUDEDOKRiUGXR$IRUPLJDSDUHFH saber, por instinto, que precisa trabalhar arduamente para sobreviver. Muitas pessoas ainda precisam descobrir isso. 1LQJXpPTXHUFRQWUDWDU RXPDQWHU XPDSHVVRDTXHpSUHJXLoRVDSDVVLYD QmR FRQ¿iYHO H TXH VHPSUH EXVFD GHVFXOSDV RX PDQHLUDV GH GHL[DU

Alcançando o Sucesso em Seu Trabalho e Carreira

35

o trabalho. Essas pessoas geralmente são muito problemåticas e não vale a pena mantê-las. Salomão ressalta que essas pessoas geralmente acabam SDGHFHQGRʊVRIUHQGRSHODSREUH]DHSHQ~ULD &XULRVDPHQWH RV FRPHQWiULRV GH 6DORPmR LPSOLFDP TXH HVVDV FRQVHquências pegam de surpresa a pessoa preguiçosa, como um bandido ou ladrão que ataca de repente e sem prÊvioaviso. Pelo menos, ao que parece, algumas dessas pessoas não têm sequer a sensibilidade de antever as consequências inevitåveis de sua preguiça. Talvez você tenha visto funcionårios SUREOHPiWLFRVLUHPSDUDRWUDEDOKRGHVSUHRFXSDGRVDOKHLRVjVVXDVGH¿FLências comportamentais atÊ serem demitidos. Salomão ainda observa que DOJXPDVSHVVRDV¿FDPWmRDOKHLDVDRVVHXVSUySULRVGHIHLWRVTXHSDUHFHP LPXQHVjUHDOLGDGH 3URYpUELRV  Salomão acrescenta que devemos aprender com os exemplos de comportamento que vemos ao nosso redor. Ele nos diz, que devemos reconhecer a FDXVDHRHIHLWRSDUDDSUHQGHURTXHOHYDDRVXFHVVRHTXHOHYDjSREUH]D ³3DVVHLSHORFDPSRGRSUHJXLoRVRHMXQWRjYLQKDGRKRPHPIDOWRGHHQWHQdimento; e eis que toda estava cheia de cardos, e a sua superfície, coberta de urtigas, e a sua parede de pedra estava derribada. O que tendo eu visto, o FRQVLGHUHLHYHQGRRUHFHELLQVWUXomR8PSRXFRGHVRQRDGRUPHFHQGR um pouco, cruzando as mãos outro pouco, para estar deitado,assim sobrevirå a tua pobreza como um ladrão, e a tua necessidade, como um homem DUPDGR´ 3URYpUELRV  Repetidas vezes, o livro de ProvÊrbios nos diz que, quando se trata de VXFHVVR QDGD VXEVWLWXL R WUDEDOKR GLOLJHQWH ³4XHP WUDEDOKD WHP FRP R TXHYLYHUPDVTXHPVyFRQYHUVDSDVVDUiQHFHVVLGDGH´ 3URYpUELRV %/+  $FRQYHUVDSRUVLVyFRPR6DORPmRVDOLHQWRXQmRSURGX]QDGD$VERDV LQWHQo}HVVmRDSHQDVLVVRLQWHQo}HV³$DOPDGRSUHJXLoRVRGHVHMDHFRLVD QHQKXPDDOFDQoDPDVDDOPDGRVGLOLJHQWHVHQJRUGD´ 3URYpUELRV $V ERDVLQWHQo}HVVHPDo}HVQmRVLJQL¿FDPQDGD1RHQWDQWRDJLUFRQIRUPH DVLQWHQo}HVpFRPSHQVDGRU Salomão observou que aqueles que não querem trabalhar sempre têm GHVFXOSDVFULDWLYDV³'L]RSUHJXLoRVR8POHmRHVWiOiIRUDVHUHLPRUWR QRPHLRGDVUXDV´ 3URYpUELRV 'HVFXOSDVWDPEpPQmRVXEVWLWXHP um trabalho realizado. A diligência proporciona dividendos -XQWDPHQWH FRP R WUDEDOKR iUGXR HVWi XPD FDUDFWHUtVWLFD TXH PXLWDV vezes a Bíblia se refere como diligência. Poderíamos chamå-la de muitas FRLVDV,QLFLDWLYDPRWLYDomRHQWXVLDVPRHPSHQKRHSURVSHFomR A diligência e trabalho årduo são o oposto da preguiça. Os frutos da luta e do trabalho tambÊm são o oposto das consequências da preguiça. O que 6DORPmRQRVGL]VREUHDUHFRPSHQVDGDGLOLJrQFLDʊDLQLFLDWLYDRHPSHnho e a precaução?


36

Fazendo a Vida Dar Certo

³$VPmRVGLOLJHQWHVJRYHUQDUmRPDVRVSUHJXLoRVRVDFDEDUmRHVFUDYRV´ HVFUHYH HOH 3URYpUELRV  19,  $TXHOHV TXH VmR HQWXVLDVPDGRV H motivados em seu trabalho naturalmente serãopromovidos e terão melhores cargos. Se você quiser ser considerado nas oportunidades de promoção, cultive e desenvolva estas características. Absolutamente, faça o melhor que puder em sua posição atual para mostrar que você pode lidar com mais responsabilidades, e provavelmente elas virão. Ninguém que tem uma atitude passiva e desinteressada quanto ao traEDOKR GHYHULD HVSHUDU PDLV IXQo}HV RX PDLRU UHPXQHUDomR TXH YLUi FRP DVIXQo}HVDGLFLRQDLV³2SUHJXLoRVR¿FDSREUHPDVTXHPVHHVIRUoDQR WUDEDOKR HQULTXHFH´ GL] 6DORPmR 3URYpUELRV  %/+  2V UHVXOWDGRV dos hábitos de trabalho observados por Salomão há quase três mil anos, não mudaram. ³7XGR TXDQWR WH YLHU jPmRSDUDID]HUID]HR FRQIRUPHDVWXDVIRUoDV´ aconselhou Salomão, em outro livro bíblico (EcleVLDVWHV   'H IDWR este é um conselho sábio. 6H ¿]HUPRV R QRVVR melhor com as oportuniiStockphoto dades que surgem, mais

Aqueles que são entusiasmados e motivados em seu trabalho naturalmente serão promovidos e terão melhores cargos. RSRUWXQLGDGHV VXUJLUmR HP QRVVR FDPLQKR &RPR UHL GH ,VUDHO 6DORPmR notou que a diligência aplicada motivava os empregadosa melhorar cada YH]PDLV³9RFrMiREVHUYRXXPKRPHPKDELOLGRVRHPVHXWUDEDOKR"6HUi SURPRYLGRDRVHUYLoRUHDOQmRWUDEDOKDUiSDUDJHQWHREVFXUD´ 3URYpUELRV 19,  A preparação antes do prazer Para os jovens em particular, Salomão oferece conselhos que são compreensíveis quando os seus princípios básicos são aplicados ao nosso dia H pSRFD ³1mR FRQVWUXD D VXD FDVD QHP IRUPH R VHX ODU DWp TXH DV VXDV SODQWDo}HVHVWHMDPSURQWDVHYRFrHVWHMDFHUWRGHTXHSRGHJDQKDUDYLGD´ HVFUHYHXHOH 3URYpUELRV%/+ 2TXHHVVHFRQVHOKRLQWHUHVVDQWHH peculiar tem a ver com a gente? Salomão estava resumindo um princípio crucial para o sucesso. Na sociedade de seu tempo, que era baseada na agricultura, as pessoas viviam

Alcançando o Sucesso em Seu Trabalho e Carreira

37

ʊHjVYH]HVPRUULDPʊGDVFRQGLo}HVGLVSRQLELOLGDGHHSURGXWLYLGDGH de suas áreas. Se seus campos produzissem pouco ou nada, a pessoa ou a família estava em apuros. Assim, a sua maior prioridade era manter os FDPSRVHPERDVFRQGLo}HVSDUDTXHWRGRVSXGHVVHPFRPHU Salomão aconselha a quem está começando agora como um adulto jovem DHVSHUDUTXH³SODQWDo}HVHVWHMDPSURQWDV´HPSULPHLUROXJDU(PRXWUDV SDODYUDVWRPDUDVPHGLGDVQHFHVViULDVSDUDREWHUʊHPDQWHUʊRVXVWHQWR GD FDVD 'HSRLV GLVVR ³IRUPH R VHX ODU´ GL] HOH 6DORPmR DTXL UHVXPH nossas prioridades básicas na vida como o trabalho antes do prazer. O equivalente moderno seria ter certeza que está bem preparado para JDQKDUDYLGDDQWHVGHFRPHoDUDWHQWDUGHVIUXWDUGHXPDERDYLGD&RQVLGHUHRWUDEDOKRGXURFRPRQHFHVViULRSDUDFRPHoDUXPDSUR¿VVmRHSDUD FRQVHJXLUHPDQWHUHPSUHJRVEHPUHPXQHUDGRV8PDYH]TXHVHXVFDPSRV RXVHXHTXLYDOHQWHHFRQ{PLFR HVWHMDPSURQWRVʊGHSRLVGHFRQVHJXLU D KDELOLGDGH SDUD VH VXVWHQWDU H WDPEpP VXD IDPtOLDʊYRFr SRGH OHYDU algum tempo para construir sua casa e pensar sobre o lar e a família. Em nossos tempos, o empenho de se preparar para ganhar a vida é caracterizado pela obtenção de uma educação adequada. Em média, os brasileiros e portugueses com um diploma de ensino superior ganham duas vezes mais que um graduado no ensino médio. Aqueles que detêm títulos além do terceiro grau ganham ainda mais. A educação é o melhor investimento a ser feito para sua estabilidade ¿QDQFHLUD H SRGHU DTXLVLWLYR &RPR D WHFQRORJLD WUDQVIRUPD R QRVVR mundo, a educação provavelmente vai crescer ainda mais em importância DFDGDDQR$RPHVPRWHPSRRDYDQoRFRQVWDQWHGDWHFQRORJLDVLJQL¿FD TXHDHGXFDomRFRQWtQXDʊDJUHJDUHGHVHQYROYHUPDLVKDELOLGDGHVDOpPGD HGXFDomRIRUPDOʊWDPEpPpFUXFLDO (VWDELOLGDGHH¿UPH]DDWUDYpVGDDXWRGLVFLSOLQD Salomão nos diz que este tipo de autodisciplina é fundamental para QRVVRVXFHVVR³4XHPQmRVDEHVHFRQWURODUpWmRVHPGHIHVDFRPRXPD FLGDGHVHPPXUDOKDV´ 3URYpUELRV%/+  A autodisciplina é fundamental para ter e manter o controle sobre nossas vidas. Salomão comparou uma pessoa sem autodisciplina com uma cidade sem muros. Em sua época, uma cidade sem muros era indefesa perante RVLQYDVRUHVHLQFDSD]GHFRQWURODUVHXSUySULRGHVWLQR(¿FDULPSRWHQWH GLDQWH GH VHXV LQLPLJRV TXDQGR FHUFDGR SRGHULD VLJQL¿FDU UHQGHUVH pagar pela proteção ou lutar e sofrer as prováveis e sangrentas consequências. Nenhuma dessas escolhas seria fácil. Da mesma forma, uma pessoa sem autodisciplina é incapaz de controlar VHXSUySULRGHVWLQR6HPDXWRFRQWUROHQmRVHSRGHHVWDEHOHFHUHPDQWHUXP FXUVRTXHYDLOHYDUjVHJXUDQoDHjHVWDELOLGDGH(VWHVHUiPXLWDVYH]HVR VHX PDLRU REVWiFXOR SDUD R VXFHVVR SHVVRDO TXDQGR VHJXLU VHXV SUySULRV LPSXOVRVHSDUWLUGHXPDSUHPLVVDIDOVDDSyVDRXWUD


38

Fazendo a Vida Dar Certo

Perspectiva de outro escritor bíblico Salomão não foi o único escritor da Bíblia que ofereceu bons conselhos SDUD XPD FDUUHLUD GH VXFHVVR 2 DSyVWROR 3DXOR HQWUHJD XPD SHUVSHFWLYD que pode nos ajudar no emprego, independente das nossas circunstâncias. (OHQRVGHVFUHYHDSHUVSHFWLYDTXHXPFULVWmRÊŠHSRUH[WHQVmRTXDOTXHU XPGHQyVÊŠGHYHWHUHPUHODomRDRQRVVRHPSUHJRHSDWUmR ³6HUYRV REHGHFHL HP WXGR DR YRVVR VHQKRU VHJXQGR D FDUQH QmR VHUvindo apenas sob vigilância, visando tão-somente agradar homens, mas HPVLQJHOH]DGHFRUDomRWHPHQGRDR6HQKRU7XGRTXDQWR¿]HUGHVID]HLR GHWRGRRFRUDomRFRPRSDUDR6HQKRUHQmRSDUDKRPHQV´ &RORVVHQVHV $5$FRPSDUDU(IpVLRV  $LQVWUXomRGH3DXORpVLPSOHV'HYHPRVHQFDUDUQRVVRWUDEDOKRFRPR VHHVWLYpVVHPRVWUDEDOKDQGRSDUD-HVXV&ULVWR'HXVHVWiQRVREVHUYDQGR independente da pessoa que nos paga, por isso, devemos sempre sair adiante dando o nosso melhor e nos esforçando para agradá-Lo e honrá-Lo. Fazer o contrário é desonrar e desobedecer a Deus, em essência roubar ou defraudar nosso empregador, aceitando o pagamento enquanto não entregamos a quantidade e a qualidade do serviço que havia sido combinado. Você é um servo útil? Talvez nenhuma outra abordagem bíblica para o sucesso no trabalho e HPQRVVDSUR¿VVmRWHQKDVLGRH[SUHVVDGHPHOKRUGRTXHDUHVXPLGDSHOR SUySULR-HVXV&ULVWR(OHQRWRXDGLIHUHQoDHQWUHXPVHUYRÊŠXPHPSUHJDGR ÊŠTXHpHTXHQmRp~WLOSDUDVHXHPSUHJDGRU ³3RUYHQWXUDGiJUDoDV>RPHVWUH@DRWDOVHUYRSRUTXHIH]RTXHOKHIRL PDQGDGR"&UHLRTXHQmR$VVLPWDPEpPYyVTXDQGR¿]HUGHVWXGRRTXH YRVIRUPDQGDGRGL]HL6RPRVVHUYRVLQ~WHLVSRUTXH¿]HPRVVRPHQWHR TXHGHYtDPRVID]HU´ /XFDV  8PVHUYRLQ~WLOGLVVH-HVXVVLPSOHVPHQWHID]RTXHOKHpGLWRSDUDID]HU (OHVRPHQWHFXPSUHÊŠHPDOÊŠVHXHVWULWRGHYHU(VWHWLSRGHVHUYR-HVXV disse, é inútil. -HVXVQmRHVSHFL¿FRXRTXHWRUQDXPVHUYRVHU~WLO(OHQmRSUHFLVDYD 6HX VLJQL¿FDGR HUD FODUR 8P VHUYR ~WLO GHYLD LU DOpP GR VHX GHYHU (OH GHYLDLUDOpPGRTXHVHXPHVWUHÊŠVHXSDWUmRÊŠHVSHUDGHOH (PWHPSRVGHLQFHUWH]DHFRQ{PLFDHLQVWDELOLGDGH¿QDQFHLUDSURYDYHOmente não há melhor maneira de garantir a sua segurança e crescimento no emprego do que seguir a admoestação de Paulo de trabalhar para um HPSUHJDGRUFRPRVHHVWLYHVVHWUDEDOKDQGRSDUD-HVXV&ULVWR$RID]HULVVR YRFr YDL FXPSULU R TXH -HVXV GHVFUHYHX VREUH R TXH GHYHPRV ID]HU SDUD sermos servos verdadeiramente úteis.

Segurança Financeira e Paz de Espírito

39

Segurança Financeira e Paz de Espírito

8

PDIDPRVDUHYLVWDGLYXOJRXTXHDOJXPDVFHOHEULGDGHVGH+ROO\ZRRG FDGDXPDJDQKDQGRPDLVGHPLOK}HVGHGyODUHVSRUDQRHVWDYDP H[WUHPDPHQWH HQGLYLGDGDV 8P DUWLJR VLPLODU HP XP MRUQDO WDPEpP informou que um músico popular teve de reorganizar drasticamente suas ¿QDQoDVSRLVVXDGHVSHVDSHVVRDOWLQKDFUHVFLGRDXPDPpGLDGHPLO GyODUHVpor semana. $RPHVPRWHPSRPXLWDVQDo}HVHVWmRHQYROWDVHPVpULDVGL¿FXOGDGHV ¿QDQFHLUDVFDUUHJDQGRHQRUPHVGp¿FLWVDSHVDUGHVXDSURGXomRLQGXVWULDO e agrícola, do comércio e do know-how. 6HJXLQGRHVVHVPHVPRVSDGU}HVDVIDOrQFLDVSHVVRDLVHVWmRDXPHQWDQGR cada vez mais, e muitas famílias devem tanto dinheiro que têm muito pouca esperança de sair do endividamento. Parece irônico que o nosso mundo materialista, que valoriza a aquisição de riqueza acima de quase tudo, por isso se encontra profundamente sobrecarregado. Não é difícil perceber que há algo essencialmente errado e desequilibrado. Em vez de ser uma bênção e uma fonte de estabilidade e segurança, o dinheiro passou a ser uma maldição, que muitas vezes produz grande estresse e ansiedade, porque as pessoas não aprenderam a usá-lo corretamente.

O enfoque do homem no materialismo 9LYHPRVHPXPPXQGRTXHQmREXVFDRFRQKHFLPHQWRGHVHX&ULDGRUʊ HQHP6HXVFRQVHOKRVVREUH¿QDQoDV3RXFDVSHVVRDVVDEHPTXHD%tEOLD FRQWpP XPD TXDQWLGDGH LQFUtYHO GH LQIRUPDo}HV VREUH FRPR DFXPXODU H DGPLQLVWUDUDULTXH]D'HXVTXHUTXHVHMDPRVSUyVSHURVHIHOL]HV -RmR  H(OHRIHUHFHRULHQWDomRSDUDWRUQDULVVRSRVVtYHO Muitas pessoas acham que são capazes de lidar sozinhas com seus assunWRVSHVVRDLVLQFOXVLYHDVGHFLV}HV¿QDQFHLUDVHRUoDPHQWRV(OHVQmRSHUcebem que estão cometendo um grave erro no presente, inconscientemente, separando-se do favor e da orientação de Deus que levaria ao sucesso ¿QDQFHLURTXHWDQWRSURFXUDP Por exemplo, ao contrário da tendência humana, Deus nos diz para não pôr como a prioridade mais alta a acumulação de riqueza e bens materiais. Em vez disso, embora tenhamos necessidades físicas, Ele nos diz que os valores e objetivos espirituais são mais importantes e duradouros, e que precisamos, primeiramente, buscar o Seu Reino, em vez de coisas deste PXQGR 6H ¿]HUPRV LVVR (OH SURPHWH VXSULU QRVVDV QHFHVVLGDGHV ItVLFDV 0DWHXV  No entanto, pelo fato de o ser humano ser naturalmente inclinado a


40

Fazendo a Vida Dar Certo

adquirir o máximo possível para si, muitas pessoas acham difícil aproximar-se, aceitar e seguir a Deus. Mas se queremos alcançar a verdadeira HVWDELOLGDGH H VHJXUDQoD ¿QDQFHLUD FRP SD] GH HVStULWR GHYHPRV UHFRQKHFHUDLPSRUWkQFLDGHFRORFDU'HXVHPSULPHLUROXJDU$¿QDO(OHpD principal fonte de nossas bênçãos. A cobiça, juntamente com a indisciplina e descontrole, é a raiz da causa de muitos problemas econômicos, pessoais HQDFLRQDLV 7LPyWHR  A Palavra de Deus adverte severamente contra a cobiça. O décimo 0DQGDPHQWR GH 'HXV Ç[RGR   SURtEH D FRELoDÊŠGHVHMDU LQWHQVD H obsessivamente, algo que não poderia ser obtido ou pago legitimamente. 2SURIHWD-HUHPLDVDFXVRXRUHLQRGH-XGiSHODFRELoDGHVHXVFLGDGmRV -HUHPLDV -HVXV&ULVWRDOHUWRXVREUHVHXVSHULJRV /XFDV  +HEUHXVQRVGL]³6HMDPYRVVRVFRVWXPHVVHPDYDUH]DFRQWHQWDQGR YRVFRPRTXHWHQGHV´0XLWDVSHVVRDVIDOKDPHPUHFRQKHFHURVSHULJRV de ceder aos desejos e anseios, especialmente quando estão fora de alcance. A fonte de toda riqueza 0XLWRV VH HVTXHFHPÊŠRX QmR FRQVLGHUDPÊŠTXH p 'HXV TXHP QRV Gi poder para obter riqueza. Apesar de o esforço diligente ser uma parte QHFHVViULD GR VXFHVVR GH DOJXpP 'HXV QRV WUD] j PHPyULD TXH TXDQGR GL]HPRVHPQRVVRVFRUDo}HV³PLQKDIRUoDHDIRUWDOH]DGHPHXEUDoRPH DGTXLULUDPHVWHSRGHU´pSUHFLVROHPEUDUTXHR³6ENHOR, teu Deus, que ele pRTXHWHGiIRUoDSDUDDGTXLULUHVSRGHU´ 'HXWHURQ{PLR  &RPR&U{QLFDVQRVGL]³7XDp6ENHORDPDJQL¿FrQFLDH RSRGHUHDKRQUDHDYLWyULDHDPDMHVWDGHSRUTXHWHXpWXGRTXDQWRKi QRVFpXVHQDWHUUD(ULTXH]DVHJOyULDYrPGHGLDQWHGHWLHWXGRPLQDV sobre tudo, e na tua mão há força e poder; e na tua mão está o engrandecer HGDUIRUoDDWXGR´ 6DOPRDFUHVFHQWD³'R6ENHOR é a terra e a sua plenitude, o mundo HDTXHOHVTXHQHOHKDELWDP´ Esses versículos dão uma perspectiva divina extremamente importante que precisamos considerar. É Deus quem nos dá a nossa vida e capacidades, e foi quem criou as matérias-primas do planeta a partir do qual se originam os produtos de consumo e a riqueza. Reconhecer a Deus por Suas bênçãos Porque Deus é o criador, doador da vida e sustentador de cada ser vivo, por isso é que Ele tem a prerrogativa de pedir algo em troca daqueles que vivem como inquilinos em Sua propriedade. Milhares de anos atrás, Ele LQVWLWXLXRSULQFtSLR¿QDQFHLURGRGt]LPRÊŠHQWUHJDUGH]SRUFHQWRGDUHQGD DRV6HXVUHSUHVHQWDQWHVÊŠFRPRIRUPDGHVHUUHFRQKHFLGRFRPRDIRQWHGH nossas bênçãos. O dízimo também proporciona um meio que permite Sua verdade ser compartilhada com os outros. Escritura nos mostra que os patriarcas Antigo Testamento, Abraão e

Segurança Financeira e Paz de Espírito

41

-DFyGHUDPRGt]LPR *rQHVLV 'HXVRUGHQRXTXHWRGDD QDomRGH,VUDHOGHVVHRGt]LPR /HYtWLFR -HVXV&ULVWRFRQ¿UPRXR Gt]LPR 0DWHXV/XFDV  As pessoas que pensam que o dízimo é um esquema inventado pelo ser humano para conseguir riqueza, porém falham por não perceber que HVVDSUiWLFD¿QDQFHLUDIRLRUGHQDGDSRU'HXVHQmRSHORKRPHPSDUDXP JUDQGHSURSyVLWRHVSLULWXDO(ODVWDPEpPQmRFRQVHJXHPHQ[HUJDUQHPVH GLVS}HP D UHFRQKHFHU H obedecer a Deus nesse quesito que é um passo importante para alcançar a felicidade pessoal e o VXFHVVR¿QDQFHLUR Deus promete bênçãos PDWHULDLV jTXHOHV TXH Lhe obedecem e O reconhecem com as suas ULTXH]DV 3URYpUELRV iStockphoto  $WUDYpVGRSURIHWD

Em vez de ser uma bênção e uma fonte de estabilidade e segurança, o dinheiro passou a ser uma maldição, que muitas vezes produz grande estresse e ansiedade, porque as pessoas não aprenderam a usá-lo corretamente. Malaquias, Deus adverte que reter Seus dízimos é o mesmo que roubar/KHPDVGL]TXHDEHQoRDUiDTXHOHVTXHGmRRGt]LPR 0DODTXLDV  'HXVQRVGi³WRGDERDGiGLYDHWRGRGRPSHUIHLWR´ 7LDJR (QWUHJDU de volta dez por cento a Ele, juntamente com as ofertas que expressam a QRVVD JUDWLGmR p XPD REULJDomR ¿QDQFHLUD EiVLFD $R FRORFDU 'HXV HP SULPHLUR OXJDU HP VHX SODQHMDPHQWR ¿QDQFHLUR YRFr GHPRQVWUD TXH HVWi HQWHQGHQGRVXDVSULRULGDGHVHVHGLVS}HDVHJXLUDLQVWUXomRGH'HXV2V SULPHLURVGH]SRUFHQWRGHQRVVDUHQGDpVDQWRSDUD'HXV /HYtWLFR  e deve ser reservada para os SeusSURSyVLWRVHYRQWDGHVHPYH]GHQRVVRV SUySULRVGHVHMRV Qual é a nossa maior prioridade? (FOHVLDVWHV  PRVWUD D IXWLOLGDGH GH EXVFDU R SUD]HU PXQGDQR D ULTXH]DHRPDWHULDOLVPR1R¿QDOWDLVDWLYLGDGHVVHWRUQDPYD]LDV³2TXH amar o dinheiro nunca se fartará de dinheiro; e quem amar a abundância QXQFDVHIDUWDUiGDUHQGDWDPEpPLVVRpYDLGDGH´ (FOHVLDVWHV  ,VWRLOXVWUDQRYDPHQWHDLPSRUWkQFLDGHFRORFDUDVFRLVDVGH'HXVHGR Seu Reino em primeiro lugar porque somente elas trarão satisfação duradoura e realização.


42

Fazendo a Vida Dar Certo

-HVXV&ULVWRQRVGL]TXHQmRFRQVHJXLUHPRVQRVFRQFHQWUDUHFRORFDUD rQIDVHFRUUHWDHP'HXVHHP³0DPRP´ʊULTXH]DPDWHULDO 0DWHXV  Portanto, a escolha entre os dois é um passo importante. 3DUDQRVDMXGDUDUHÀHWLUHDYDOLDUHVVDVDOWHUQDWLYDV-HVXVFRPSDURXR valor de cada um. O tesouro material é facilmente destruído ou roubado, (OHGLVVHHQTXDQWRDVULTXH]DVFHOHVWLDLVQmRVmRYXOQHUiYHLVjSHUGDRX URXERSRUWDQWRVHQGRPDLVGXUDGRXUDVHVXEVWDQFLDLV YHUVtFXORV  Mais tarde, Ele continuou esse tema, mostrando que se preocupar em demasia com os cuidados do mundo e com a sedução das riquezas pode VXIRFDU D LQÀXrQFLD GD 3DODYUD GH 'HXV LPSHGLQGR R FUHVFLPHQWR H D PDWXULGDGHHVSLULWXDO 0DWHXV  (P0DWHXVH/XFDV(OHGiRXWURVH[HPSORVGDJUDQGH LPSRUWkQFLDHYDORUGHGH¿QLUPRVHPQRVVRVFRUDo}HVVREUHDVSULRULGDGHV HVSLULWXDLVHPOXJDUGDVSUHRFXSDo}HVWHUUHQDVHPDWHULDLV A responsabilidade para com os demais $3DODYUDGH'HXVRIHUHFHPXLWRVRXWURVSULQFtSLRV¿QDQFHLURVHYHUGDdes que devemos estudar e seguir para adquirir sabedoria e orientação da mente de Deus. 8P FRQVHOKR ERP p R GH SDJDU VHXV LPSRVWRV 5RPDQRV  HQVLQD TXH GHYHPRV FXPSULU DV REULJDo}HV ¿VFDLV JRYHUQDPHQWDLV $OJXQV erroneamente pensam que estão acima disso e isentos da autoridade do JRYHUQRPDVLVVRQmRpRTXHD%tEOLDHQVLQD H[FHWRQRVFDVRVGHFRQÀLWR GDVOHLVGH'HXVFRPDVGRVKRPHQVÊŠYHU$WRV  A falta de pagamento de impostos pode resultar em penalidades graYHV SRUTXH p FRQWUD D OHL GD WHUUD 2 SUySULR -HVXV QRV GLVVH SDUD SDJDU LPSRVWRVPDVQmRQHJOLJHQFLDURTXHGHYHPRVD'HXV 0DWHXV  Devemos pagar primeiro o que pertence a Deus, bem como o que é exigido pelo governo. 2 DSyVWROR 3DXOR HQVLQD TXH GHYHPRV VHU FRPSODFHQWHV H JHQHURVRV QDFRQWULEXLomRSDUDDVQHFHVVLGDGHVGRVRXWURV &RUtQWLRV (OH DPSOL¿FD LVVR H[SOLFDQGR TXH GHYHPRV WUDEDOKDU SDUD TXH ³WHQKD R TXH UHSDUWLUFRPRTXHWLYHUQHFHVVLGDGH´ (IpVLRV  A chave para o contentamento As palavras de Paulo deixam em evidência um conceito incomum do SURSyVLWRGDULTXH]D$PDLRULDGDVSHVVRDVYHHPRWUDEDOKRHRGLQKHLUR como indispensáveis para satisfazer as suas necessidades e desejos pessoais, que muitas vezes podem estar orientados ao egoísmo. Mas um ponto GHYLVWDMXVWRHQYROYHRHVStULWRGDOHLGRDPRUGH'HXVTXHVLJQL¿FDHVWDU preocupado com o bem-estar dos outros além de si mesmo. Devemos ter isso em mente quando consideramos o uso do dinheiro e de outras riquezas materiais. Ao examinar o exemplo e as palavras de Paulo, vemos que ele apren-

Segurança Financeira e Paz de Espírito

43

deu a se contentar com o que tinha durante vários períodos de sua vida )LOLSHQVHV ¬VYH]HVLVVRVLJQL¿FDYDWHUTXDVHQDGD 3DXORQRVGL]TXH³JUDQGHJDQKRDSLHGDGHFRPFRQWHQWDPHQWR3RUTXH nada trouxemos para este mundo e manifesto é que nada podemos levar dele. Tendo, porém, sustento e com que nos cobrirmos, estejamos com isso FRQWHQWHV´ 7LPyWHR  +i FRQVLGHUiYHO SHULJR HVSLULWXDO HP TXHUHU VHPSUH PDLV 3DXOR UHFRQKHFHXLVVR³2UDRVTXHTXHUHP¿FDUULFRVFDHPHPWHQWDomRHFLODGDH em muitas concupiscências insensatas e perniciosas, as quais afogam os homens na ruína e perdição. Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores. Tu, porém, y KRPHP GH 'HXV IRJH iStockphoto

Precisamos aprender a nos concentrar em nossas verdadeiras necessidades em vez das coisas fúteis que os anunciantes buscam nos convencer de que precisamos. destas coisas; antes, segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a constância, D PDQVLGmR &RPEDWH R ERP FRPEDWH GD Ip 7RPD SRVVH GD YLGD HWHUQD´ YHUVtFXORV$5$  'HYLGR j SUHVVmR FRQVWDQWH GH FRPSUDU H VDWLVID]HU WRGDV DV QRVVDV necessidades, este contentamento e meta é difícil de alcançar. Mas quanto PDLVQRVDSUR[LPDPRVGHFRQWHQWDPHQWRPHOKRUVHUiSDUDQyV3UHFLVDmos aprender a nos concentrar em nossas verdadeiras necessidades em vez das coisas fúteis que os anunciantes buscam nos convencer de que precisamos. Assumir a responsabilidade pessoal 3DXOR LQFHQWLYRX RV FULVWmRV D WUDEDOKDU FRP D¿QFR WUDWDQGR GRV VHXV SUySULRVQHJyFLRVHVHQGRDXWRVVX¿FLHQWHV 7HVVDORQLFHQVHV (OH HVWDEHOHFHXXPH[HPSORGHOHYDUDQRVVDSUySULDFDUJDHQmRWLUDUYDQWDJHPGRVRXWURV 7HVVDORQLFHQVHV  Em consonância com isso, ele instruiu que as famílias deveriam FXLGDU GH VXDV SUySULDV FDVDV H GRV SDUHQWHV LGRVRV  7LPyWHR   H compartilhar suas bênçãos materiais com aqueles menos afortunados 7LPyWHR 


44

Fazendo a Vida Dar Certo

Segurança Financeira e Paz de Espírito

3RUTXH 'HXV MXOJDUi FDGD XP GH QyV SHOR TXH ID]HPRV QHVWD YLGD  7LPyWHR   3HGUR   HQWmR SUHFLVDPRV S{U QRVVRV FRUDo}HV QR HQVLQDPHQWRGH'HXVHID]HUREHPVHPSUHTXHSXGHUPRV1HQKXPGHQyV sabe que trará o amanhã, por isso devemos aprender a aplicar imediataPHQWHRVSULQFtSLRVHHQVLQDPHQWRV 7LDJR  $OJXPDVUHÀH[}HVSDUD¿QDOL]DU &RPR YLPRV R GLQKHLUR SRGH VHU XVDGR WDQWR SDUD ¿QV FHUWRV FRPR HUUDGRV 2 QRVVR GHVD¿R p DSUHQGHU D SULRUL]DU H SUDWLFDU RV SULQFtSLRV ¿QDQFHLURVTXHVmRDJUDGiYHLVD'HXV Embora seja sábio ter uma conta de poupança pessoal para se defender contra as incertezas do futuro (especialistas sugerem deixar separado o YDORUHTXLYDOHQWHjUHQGDGHVHLVPHVHVDQWHVGHLQYHVWLUHPRXWURVHPSUHHQGLPHQWRV  LVVR QmR GHYH WRUQDUVH REVHVVLYDPHQWH R SRQWR IRFDO GH nossas vidas, nos levando a perder de vista a nossa importante responsabiOLGDGH¿QDQFHLUDSDUDFRP'HXVHRVQHFHVVLWDGRV Além disso, nunca devemos esquecer que é muito mais fácil entrar em dívidas do que sair delas. Ter uma dívida, especialmente quando os bens adquiridos depreciam-se a uma taxa de juros elevada, nos torna vulneráveis quando chegamos problemas. Pagar sempre, o máximo que for possíYHOGDGtYLGDFRPRYHUHPRVpXPDPDQHLUDPXLWRPDLVVHJXUDHVyOLGD de se viver. ( R TXH GL]HU GD FRPSUD GD FDVD SUySULD" 'LIHUHQWH GD PDLRULD GDV formas de endividamento, comprar uma casa é geralmente um bom invesWLPHQWR SRU FDXVD GH VHXV EHQHItFLRV ¿VFDLV H WHQGrQFLD SDUD PDQWHU RX mesmo aumentar o seu valor. Mas é um compromisso enorme e algo que FDGD IDPtOLD GHYH DYDOLDU FXLGDGRVDPHQWH FRP EDVH HP VXDV VLWXDo}HV individuais. (VWHSRQWRGHYLVWDGDLQVWUXomREtEOLFDVREUH¿QDQoDVDMXGDUiDVHDOFDQçar conhecimento e equilíbrio para administrar sua renda de uma maneira TXHKRQUHD'HXVEHQH¿FLHDVLSUySULRHDKXPDQLGDGH 3DUDXPDYLVmR PDLVDSURIXQGDGDDFHUFDGRHQVLQRGD%tEOLDVREUHDULTXH]DHDV¿QDQoDV QmRVHHVTXHoDGHVROLFLWDUVXDFySLDJUDWXLWDGROLYUR Controlando Suas Finanças. Ele é grátis e pode pedir de qualquer de nossos endereços ou em nosso site www.revistaboanova.org/literatura 

45

Uma fonte Eterna de Conselhos Financeiros

U

ma das melhores e perenes fontes de aconselhamento e RULHQWDomR¿QDQFHLUDpROLYURGH3URYpUELRV Embora devamos ler atentamente o livro todo para descobrir as suas muitas pérolas de sabedoria, a seguir, mostramos DOJXPDVGHVVDVSHSLWDVVREUH¿QDQoDVHULTXH]DV Provérbios 6:1-5: 1XQFD VH FRORTXH HP XPD SRVLomR GH UHVSRQViYHO SHODV REULJDo}HV ¿QDQFHLUDV GH RXWURV YHU também 11:15). Provérbios 6:6-11:1mRVHMDSUHJXLoRVR7UDEDOKHHQTXDQWR você pode e poupe para o futuro. Não perca tempo ou dê desculpas (ver também 10:4-5; 13:4; 18:9; 20:4; 22:13; 24:3034; 26:13-16). Provérbios 8:18: 'HXVQmRTXHUTXHYRFrVHMDSREUH Provérbios 11:1: Deus odeia o engano e se alegra na honestidade (ver também 13:11; 20:10, 23). Provérbios 11:4: 1mR Ki FRPR WLUDU SURYHLWR GDV ULTXH]DV em tempos de calamidade, mas sim da justiça (ver também versículo 28). Provérbios 11:14: Há segurança na busca de conselhos em várias fontes (ver também 13:18; 15:22). Provérbios 11:24-26: Deus abençoa a pessoa generosa (ver também 25:21-22). Provérbios 12:11: Faça do trabalho uma prioridade maior TXHRMRJR YHUWDPEpP  Provérbios 15:16-17: É melhor se contentar com pouco, WHQGRWHPRUD'HXVHRDPRUGDIDPtOLDGRTXHWHUSURVSHULGDGH com desarmonia, ódio e impiedade (ver também 16:8; 17:1; 19:1; 28:6). Provérbios 15:27: Não seja ganancioso ou inclinado ao suborno. Provérbios 16:16: Buscar o entendimento e a sabedoria GLYLQDpPDLVLPSRUWDQWHGRTXHDREWHQomRGHULTXH]DV Provérbios 18:10-11:ePHOKRUFRQ¿DUQRSRGHUGH'HXVGR TXHQRGLQKHLURHQRVEHQVPDWHULDLV Provérbios 19:17: 'HXVYDLUHFRPSHQVDUHDEHQoRDUDTXHOHV TXH GHPRQVWUDP UHVSHLWR SDUD FRP RV SREUHV YHU WDPEpP 28:27; 29:7).


46

Fazendo a Vida Dar Certo

ProvÊrbios 20:17: Ser trapaceiro não compensa. ProvÊrbios 21:5: A diligência conduz à prosperidade e a precipitação à pobreza. ProvÊrbios 21:6: &RQVHJXLU ULTXH]D PHQWLQGR OHYD j destruição. ProvÊrbios 21:17: 6HU GLVVROXWR H HVEDQMDGRU LPSHGH TXH VH REWHQKD DGHTXDGRV UHFXUVRV ¿QDQFHLURV YHU WDPEpP R versículo 20). ProvÊrbios 22:1: Ter uma boa reputação e o favor dos GHPDLVpPDLVLPSRUWDQWHGRTXHWHUGLQKHLUR ProvÊrbios 22:4: $V ULTXH]DV H D JOyULD YrP DWUDYpV GD humildade e do temor a Deus. ProvÊrbios 22:7: $TXHOHV TXH LQFRUUHUHP HP GtYLGDV GmR DRV RXWURV SRGHU VREUH HOHV²XP DYLVR GH TXH GHYHPRV FRQVLGHUDU VHULDPHQWH HVSHFLDOPHQWH TXDQGR VH WUDWD GH ¿QDQFLDULWHQVFDURVHSDJDUMXURVURWDWLYRVQRFDUWmRGHFUpGLWR e outras dívidas. ProvÊrbios 23:4-5: Para o bem da sua família e para o seu bem-estar físico e espiritual, não se entregue tanto ao trabalho a ponto de negligenciar outras prioridades importantes na vida. ProvÊrbios 27:23-27: (PERUD D ULTXH]D QmR VHMD SDUD sempre, faça diligentemente as contas de seus bens e rendas SDUD TXH YRFr SRVVD VDELDPHQWH GLVWULEXtODV SDUD VXSULU DV necessidades de sua família. Os princípios de orçamento e SODQHMDPHQWR ¿QDQFHLUR HVWmR FRQWLGRV QHVWHV YHUVtFXORV YHU tambÊm o versículo 12). ProvÊrbios 28:8: 6H D ULTXH]D p DGTXLULGD SRU PHLR GH taxas de juros exorbitantes e pela extorsão, ela acabarå sendo GDGDjTXHOHVTXHFRPSDGHFHPGRVSREUHV ProvÊrbios 28:20,22:1mRVHDYHQWXUHHPEXVFDGHULTXH]DV (PERUDQmRHVWHMDHVSHFL¿FDPHQWHHQXQFLDGRHVWHYHUVtFXOR adverte contra loterias e outros jogos de azar, bem como empreendimentos suspeitos, duvidosos e ilegais. Punição e SREUH]D SURYDYHOPHQWH DOFDQoDUmR DTXHOHV TXH VH HQYROYHP com essas atividades). ProvÊrbios 28:24: Pague suas dívidas, especialmente DTXHODVTXHWHPFRPVHXVSDLV ProvÊrbios 30:8-9: 'HVHMH H EXVTXH REMHWLYRV HFRQ{PLFRV DGHTXDGRV H HTXLOLEUDGRV (YLWH H[WUHPRV SDUD TXH YRFr QXQFDVHHVTXHoDGH'HXVSRUFDXVDGDDTXLVLomRGHJUDQGH ULTXH]D QHP SDUD VHU WHQWDGR D URXEDU SRU FDXVD GD H[WUHPD necessidade.

Chaves Para uma Vida Longa e SaudĂĄvel

47

Chaves Para uma Vida Longa e SaudĂĄvel

O

s avanços da saĂşde na civilização ocidental da era moderna sĂŁo demasiadamente surpreendentes. A expectativa de vida humana era cerca GHDQRVHPHKRMHDSUR[LPDVHGHDQRV1RVSDtVHVRFLGHQWDLV HVVDH[SHFWDWLYDGHYLGDSRGHVHUTXDVHGXDVYH]HVPDLRUGRTXHDGH anos atrĂĄs. 3RGHPRV FUHGLWDU WXGR LVVR DRV WUDWDPHQWRV PpGLFRV VRÂżVWLFDGRV TXH muito colaboram para prolongar a vida e melhorar a saĂşde. A cirurgia geralmente proporciona um novo sopro de vida, corrigindo uma condição de risco de morte ou aumentando consideravelmente a qualidade de vida. Ă€s vezes, algumas partes do corpo podem ser substituĂ­das e novas drogas, TXDVHVHPSUHGHEHODPLQIHFo}HV Em grande parte do mundo os gastos com VD~GHVmRGHYLGRjVWHQtativas de curar as doenças existentes. Mas se vamos uma vida ainda mais saudĂĄvel e duradoura, entĂŁo temos de nos concentrar mais na prevenção &DVR FRQWUiULR D YHOKLFH VLJQLÂżFDUi iStockphoto uma dedicação de mais

Hå evidências sólidas da eficåcia das pråticas båsicas de saúde na ampliação e melhoria da qualidade de vida. tempo ao tratamento de doenças por causa do declínio geral da imunidade GR FRUSR j PHGLGD TXH HQYHOKHFHPRV 3RGHPRV FRPSHQVDU HVWD TXHGD praticando os princípios fundamentais de saúde em matÊria de dieta, exercícios e como lidamos com as nossas ansiedades. +iHYLGrQFLDVVyOLGDVGDH¿FiFLDGDVSUiWLFDVEiVLFDVGHVD~GHQDDPSOLDomRHPHOKRULDGDTXDOLGDGHGHYLGD1RWHFRPRDOWHUDo}HVFRPSRUWDPHQWDLV WrP WLGR LPSDFWR QDV PRUWHV SRU GRHQoDV GR FRUDomR ³8P JUDQGH estudo mostra que a taxa de mortalidade por doença cardíaca vem caindo GHVGHWDPEpPFRQVWDWRXTXHDVPXGDQoDVQRHVWLORGHYLGDHPUHODomRjGLHWDHDRKiELWRGHIXPDUʊHPYH]GHQRYRVWUDWDPHQWRVPpGLFRV ʊIRUDPUHVSRQViYHLVSRUPDLVGHPHWDGHGRGHFOtQLR´ A EnciclopÊdia do


48

Fazendo a Vida Dar Certo

Bem-EstarSiJ  Vamos considerar sete princípios importantes para a saúde. Quando praticados o ajudarão a viver uma vida mais longa e saudável. Estes princípios são apoiados por extensa pesquisa na área de saúde e da Bíblia. Enquanto analisamos estes princípios, lembre-se que Deus quer que tenhamos uma YLGDSURGXWLYDVDXGiYHOH~WLO -RmR7LPyWHR  1. Você é o que você come &RPHU p XPD GH QRVVDV DWLYLGDGHV PDLV SUD]HURVDV H 'HXV TXLV TXH fosse assim. Sua criação está repleta de uma maravilhosa variedade de alimentos saborosos, nutritivos e saudáveis. No entanto, o mesmo apetite que contribui para o prazer da vida pode, se usado impropriamente, nos fazer PDO%HQMDPLQ)UDQNOLQKDYLDREVHUYDGRTXH³GHYHPRVFRPHUSDUDYLYHUH QmRYLYHUSDUDFRPHU´'HWRGDVDVSUiWLFDVGHVD~GHHKiELWRVDGLHWDpD área que muito pode nos ajudar. +LVWRULFDPHQWHRVSUREOHPDVDOLPHQWDUHVGDKXPDQLGDGHPXLWDVYH]HV consistiam em geral da condição de desnutrição e fome por causa da pobreza. No mundo ocidental moderno, isso não é mais um grande problema. No entanto, um problema crescente é o aumento do consumo de junk food [comidas rápidas, pré-cozidas, enlatadas, etc., conhecidas como ³comidas de plástico´@ FRPR XPD SDUWH UHJXODU GH QRVVD GLHWD (VWH p o resultado de comer fora de casa com mais frequência e servir-se em FDVDGHDOLPHQWRVSURQWRVHHPEDODGRV1R%UDVLO³GRVEUDVLOHLURV FRVWXPDPFRPHUIRUDGHVHXVGRPLFtOLRV´ 3HVTXLVDGDFRQVXOWRULD Data PopularUHDOL]DGDQRVHJXQGRWULPHVWUHGH  Assim como no Brasil, muitos outros países estão seguindo o exemplo GRV (VWDGRV 8QLGRV HP FRQVXPLU H[FHVVLYDPHQWH WDLV DOLPHQWRV 8VR GH alimentos prontos nos dá menos controle sobre o que comemos, e muitos desses alimentos são carregados de gordura e sal. Os hábitos alimentares FRP EDVH QHVVHV DOLPHQWRV ³SRGH W UD]HU FRQVLJR GRHQoDV FDUGtDFDV GHUUDPHV H FkQFHU DV FKDPDGDV GRHQoDV GD DÀXrQFLD TXH DFRPSDQKDP D DGRomRGHVVHµHVWLORGHYLGDRFLGHQWDO¶GHDOWRFRQVXPRGHJRUGXUDHSREUH HPH[HUFtFLRV´ NewsweekGH-XQKRGH  Tais hábitos alimentares também causam problemas de sobrepeso. No %UDVLO³RSUREOHPDGRH[FHVVRGHSHVRHVWiHPDOWD4XDVHPHWDGHGDSRSXODomR  HVWiDFLPDGRSHVRXPDDOWDHPUHODomRDRVUHJLVWUDGRVHP-iDSHUFHQWDJHPGHREHVRVDOFDQoRXGDSRSXODomR +iFLQFRDQRVHVVHtQGLFHHUDGH´ Ministério da Saúde do Brasil, GH$EULOGH  ([FHVVRGHSHVRpXPGRVSULQFLSDLVFRQWULEXLQWHVSDUDDVFRQGLo}HVGH VD~GHJUDYHV³8PHVWXGRTXHGXURXGH]HVVHLVDQRVUHDOL]DGRHPPLO HQIHUPHLUDV SXEOLFDGR HP  GH 6HWHPEUR GH  HGLomR GR The New England Journal of Medicine 2-RUQDOGH0HGLFLQDGD1RYD,QJODWHUUD  FRQFOXLXTXHPHVPRRJDQKRPRGHUDGRGHSHVRÊŠQRPtQLPRRLWRTXLORV

Chaves Para uma Vida Longa e Saudável

49

ÊŠGHL[DP DV PXOKHUHV VDXGiYHLV FRP XP ULVFR PDLRU SDUD GRHQoDV FDUGtDFDVSUREOHPDFDUGLRYDVFXODUHFkQFHU´ 'U6WHYHQ-RQDVH'UD/LQGD Konner, Apenas Seu PesoSiJ  2VKRPHQVTXHHVWmRDFLPDGRSHVRWDPEpPFRUUHPULVFR³2VKRPHQV que são trinta por cento acima do peso têm setenta por cento mais risco de desenvolverem doenças cardíacas coronárias do que aqueles que estão no VHXSHVRUHFRPHQGDGR´ A Enciclopédia do Bem-EstarSiJ 3HVVRDV acima do peso são também mais propensos a sofrer de hipertensão (pressão DOWD  Dieta e câncer De acordo com a Sociedade Norte-americana Contra o Câncer, cerca de XPWHUoRGDVPLOPRUWHVSRUQHRSODVLDVPDOLJQDVQRV(VWDGRV8QLGRV a cada ano são devido a fatores dietéticos. Dietas ricas em gordura têm sido associadas ao aumento GH FkQFHU GR FyORQ UHWR SUyVWDWD HQGRPptrio e até de pulmão. O excessivo consumo de carne pode trazer a susceptibilidade ao câncer GH FyORQ ³$ GRHQoD p cerca de dez vezes mais comum em quem come carne nas sociedades iStockphoto industrializadas do que

Adotar uma dieta rica em frutas, verduras, cereais e feijão pode reduzir o risco de câncer. Estes alimentos são ricos em fibras e pobres em gordura. QDTXHODVRQGHDVSHVVRDVGHSHQGHPGHDOLPHQWRVYHJHWDLVULFRVHP¿EUDV SDUDVREUHYLYHU´ 6KHUZLQ1XODQGComo VivemosSiJ  Adotar uma dieta rica em frutas, verduras, cereais e feijão pode reduzir RULVFRGHFkQFHU(VWHVDOLPHQWRVVmRULFRVHP¿EUDVHSREUHVHPJRUGXUD (OHVWDPEpPFRQWrPPXLWDVYLWDPLQDVHPLQHUDLVEHQp¿FRV Alguns anos atrás, o Instituto Nacional do Câncer 1DWLRQDO&DQFHU,QVWLWXWH1&, LQVWLWXLXRSURJUDPD³cinco a cada dia´$LGHLDHUDH[RUWDU WRGRVDFRPHUHPXPDFRPELQDomRGHSHORPHQRVFLQFRSRUo}HVGHIUXWDVH YHUGXUDVGLDULDPHQWH21&,DFUHGLWDTXHVHDVSHVVRDVID]HPHVVDVLPSOHV mudança em seus hábitos alimentares, o número de novos casos de câncer vai ser drasticamente reduzido. As provas dos benefícios de comer muita fruta e legumes são incontestáYHLV³2VFLHQWLVWDVGLYHUJHPVREUHPXLWRVDVVXQWRVPDVWRGRVFRQFRUGDP


50

Fazendo a Vida Dar Certo

que aumentar a ingestão de frutas e verduras pode ajudar a prevenir doenoDVFDUGtDFDVFkQFHUHRXWUDVGRHQoDVFU{QLFDV´ Relatório do Bem-Estar da Universidade da Califórnia em Berkeley)HYHUHLURGH  8PDDOLPHQWDomRVDXGiYHOQmRWHPGHVHUVHPJRVWR2EVHUYHDVHJXLQWH GHVFULomRGHXPDGLHWDHTXLOLEUDGDHVDXGiYHO³/HJXPHVIUXWDVJUmRVH verduras são os alimentos preferenciais, pois eles normalmente são pobres HPJRUGXUDHULFRVHPFDUERLGUDWRVFRPSOH[RV¿EUDVGLHWpWLFDVYLWDPLQDV e minerais. Mas carnes, aves, peixes e laticínios também contêm muitos desses nutrientes. No entanto, Alguns desses alimentos são ricos em gordura, e assim devem ser consumidos com moderação. Mas não há razão SDUD DEDQGRQiODV FRPSOHWDPHQWH´ 6KHOGRQ 0DUJHQ A Enciclopédia do Bem-Estar, da Alimentação e da NutriçãoSiJ  $V SUiWLFDV DOLPHQWDUHV UHÀHWLGDV QD %tEOLD WrP PXLWR HP FRPXP com esta recomendação. ³2 DOLPHQWR FRPXP GR hebreu médio em tempos bíblicos era pão, azeitoQDV yOHR GH PDQWHLJD H queijo dos seus rebanhos; frutas e verduras de suas hortas e jardins, e carne HPUDUDVRFDVL}HV´ )UHG :LJKW Hábitos e Costumes das Terras Bíblicas, SiJ  iStockphoto

O exercício não precisa ser excessivamente sobrecarregado para ser benéfico. Mesmo a atividade física moderada, como trabalhar no quintal ou jardim, promove a saúde e o bom estado físico. O Almanaque da BíbliaID]XPDREVHUYDomRVHPHOKDQWH³2VSURGXWRV vegetais formam uma parte importante da dieta . . . Quando se preparava FDUQHVPXLWDVYH]HVHUDFRPRSURSyVLWRGHVHUYLUDHVWUDQJHLURVRXFRQvidados de honra. Os grãos eram uma parte importante da dieta . . . Frutas HSHL[HVHUDDSDUWHSUHIHULGDGDGLHWD´ 3DFNHU7HQQH\H:KLWHHGLWRUHV SiJ  A dieta dos tempos bíblicos era provavelmente um fator de longevidade. Em tempos de Davi, parece ter sido comum os adultos alcançarem os VHWHQWD DQRV GH LGDGH 6DOPR   0XLWRV YLYHUDP PXLWR PDLV WHPSR A expectativa de vida da era moderna não chegou aos setenta anos até FHUFDGRDQRGH A Bíblia também entrega listas detalhadas de animais, aves e peixes que VmRDGHTXDGRVRXLQDGHTXDGRVSDUDRFRQVXPRKXPDQR /HYtWLFR

Chaves Para uma Vida Longa e Saudável

51

'HXWHURQ{PLR (VWXGRVWrPOLJDGRYiULRVSUREOHPDVGHVD~GHDR consumo de alguns desses itens proibidos. A opção de comer ou não alguns desses animais da lista é claramente uma questão de bom senso. (Para VDEHUPDLVQmRVHHVTXHoDGHSHGLUVXDFySLDJUDWXLWDGRQRVVROLYURO Que a Bíblia Ensina Sobre Carnes Limpas e Imundas?

2. Atividades físicas para sua saúde ³2V H[HUFtFLRV ItVLFRV WrP DOJXPD XWLOLGDGH´  7LPyWHR  %/+  2 DSyVWROR 3DXOR HVFUHYHX HVWDV SDODYUDV Ki TXDVH GRLV PLO DQRV 6XD observação é consistentemente apoiada por pesquisas médicas e pela experiência moderna. Os resultados de um estudo com dez mil homens e três mil mulheres foram publicados no Jornal da Associação Médica Norte-Americana 7KH -RXUQDO RI WKH $PHULFDQ 0HGLFDO $VVRFLDWLRQ  $VVLPGHFODURX³+iHYLGrQFLDVVyOLGDVGHTXHSHVVRDV¿VLFDPHQWHDWLYDV vivem mais . . . A educação física ajudou a superar todas as causas de PRUWDOLGDGH LQFOXLQGR GLDEHWHV FkQFHU H GRHQoDV GR FRUDomR´ GRXWRU .HQQHWK&RRSHUe0HOKRU$FUHGLWDUSiJ  2 'HSDUWDPHQWR GH 6D~GH GRV (VWDGRV 8QLGRV GLYXOJRX XP UHODWyULR D¿UPDQGRTXH³DDWLYLGDGHItVLFDUHJXODUUHGX]RULVFRGHGHVHQYROYHURX PRUUHUGHGRHQoDFDUGtDFDFRURQiULDGLDEHWHVWLSRKLSHUWHQVmRHFkQFHU GH FyORQ UHGX] RV VLQWRPDV GH DQVLHGDGH H GHSUHVVmR FRQWULEXL SDUD D desenvolvimento e manutenção de ossos saudáveis, músculos e articulao}HVHDMXGDDFRQWURODURSHVR´ Relatório Semanal Sobre a Morbidade e a Mortalidade>0RUELGLW\DQG0RUWDOLW\:HHNO\5HSRUW@GH-XOKRGH SiJ  O exercício não precisa ser excessivamente sobrecarregado para ser EHQp¿FR 0HVPR D DWLYLGDGH ItVLFD PRGHUDGD FRPR WUDEDOKDU QR TXLQWDO ou jardim, promove a saúde e o bom estado físico. Até a era moderna a maioria das pessoas faziam exercícios como parte de VXDURWLQDQRUPDO(JUDQGHSDUWHGDVRFXSDo}HVHQYROYLDPFRQVLGHUiYHO DWLYLGDGH ItVLFD *HUDOPHQWH DV IDPtOLDV FXOWLYDYDP VXD SUySULD FRPLGD Em comparação, quase todos os empregos de hoje não envolvem muito exercício físico, ademais compramos a maioria de nossos alimentos no supermercado. (QWUHHRV(VWDGRV8QLGRVVRIUHUDPXPGHFOtQLRGHTXLQ]HSRU cento entre pessoas com vinte e tantos anos de idade que faziam exercícios. A queda entre os outros grupos etários foi cerca de metade disso (Carta do Bem-Estar-XOKRGH ³8PHPFDGDTXDWURQRUWHDPHULFDQRVDGPLWH ser completamente sedentário, e outros quarenta por cento raramente se H[HUFLWD´ O Economista>7KH(FRQRPLVW@GH'H]HPEURGH  Dado o ritmo frenético e a estrutura da vida moderna, é difícil realizar H[HUFtFLRVX¿FLHQWHVHPXPSURJUDPDUHJXODU4XDQWRPDLVFHGRDSHVVRD iniciar um programa regular de exercícios, melhor, mas nunca é tarde GHPDLV8PHVWXGRUHFHQWHFRQ¿UPDTXH³SDUWHGDVSHUGDVIXQFLRQDLVTXH


52

Fazendo a Vida Dar Certo

VH DSUHVHQWD HQWUH DV LGDGHV GH WULQWD H VHWHQWD p    DWULEXtGD j IDOWD GH H[HUFtFLR´ Carta do Bem-Estar0DLRGH 8PDGDVFDXVDVGHVVHGHVJDVWHjPHGLGDTXHHQYHOKHFHPRVpDGLPLQXLomRGDH¿FLrQFLDGRFRUDomR HGRVSXOP}HV&RPHoDUGHVGHFHGRXPSURJUDPDGHH[HUFtFLRPRGHUDGR irá ajudar a retardar ou mesmo reverter esse desgaste. +i PXLWDV PDQHLUDV GH VH ID]HU H[HUFtFLRV VDXGiYHLV &RUUHU SHGDODU nadar e exercitar-se em academias ou em casa mesmo, usando os já conhecidos equipamentos para exercícios físicos. Embora haja certos custos em tudo isso, exercitar-se não precisa necessariamente ser dispendioso. Econômico e conveniente Provavelmente a maneira menos dispendiosa e mais conveniente que muitas pessoas se utilizam para fazer exercícios é a caminhada. A despesa primária é um bom calçado. O passeio ao ar livre ajuda a função cardioYDVFXODUDXPHQWDDÀH[LELOLGDGHHOHYDDXPDYLGDPDLVORQJD³8PORQJR HVWXGR UHDOL]DGR SRU PLOKDUHV GH H[DOXQRV GH +DUYDUG VXJHULX TXH XP UHJLPHGHFDPLQKDGD XPDPpGLDGHQRYHTXLO{PHWURVSRUVHPDQD SRGH SURORQJDU VLJQL¿FDWLYDPHQWH D YLGD´ A Enciclopédia de Bem-Estar, pág.   Para os idosos e aqueles que sofrem de doenças parcialmente debiliWDQWHV DWp PHVPR DQGDQGR GHYDJDU VH EHQH¿FLDP +i WDPEpP DOJXPDV LQGLFDo}HVGHTXHSRUTXHDFDPLQKDGDpXPH[HUFtFLRGHVXVWHQWDomRGR SHVRSRGHDMXGDUDSUHYHQLURVWHRSRURVHHPPXOKHUHVSyVPHQRSiXVLFDV 8PEHQHItFLRDGLFLRQDODRH[HUFtFLRÊŠHVSHFLDOPHQWHVHFRPELQDGRFRP XPDPHOKRUDOLPHQWDomRÊŠpDSHUGDGHSHVR0DVPHVPRVHYRFrQmRSHUGHUSHVRVLJQL¿FDWLYDPHQWHQmRGHL[HGHVHH[HUFLWDU3RLVpSURYiYHOTXH você esteja substituindo a gordura por músculo, que é mais pesado que a gordura. E, em alguns casos, a tendência de uma pessoa ser mais pesada do que é considerado normal pode ser uma questão de genética. Estas pessoas DLQGDVHEHQH¿FLDPGHXPSURJUDPDGHH[HUFtFLRVItVLFRVUHJXODUHV ³$SHVTXLVDDWXDODSRLDRVHQVRGHTXHPHVPRVHSHUPDQHFHUDFLPDGR peso, a atividade física pode ajudar a pessoa a viver mais tempo. Em um HVWXGRIHLWRQR,QVWLWXWR&RRSHUGH3HVTXLVD$HUyELFDHP'DOODVHPPDLV de vinte e cinco mil homens obesos foi realizado um exame de saúde, que incluía um teste de esteira e uma avaliação de gordura corporal. Oito anos depois, eles foram novamente avaliados, e nos homens que praticavam PXLWDRXDOJXPDDWLYLGDGHItVLFDWHYHXPDWD[DGHPRUWDOLGDGHPHQRU do que os homens sedentários . . . As taxas de mortalidade, concluiu-se, IRUDPPDLVLQÀXHQFLDGDVSHORVQtYHLVGHVXDVDWLYLGDGHVItVLFDVGRTXHSHOR SHVRGHOHV´ -RQDVH.RQQHUSiJ  3. Tempo para recarregar 'RUPLU R VX¿FLHQWH p HVVHQFLDO SDUD XPD ERD VD~GH $ SHUGD GH VRQR FRQWtQXDSRGHWUD]HUPXLWRVSUREOHPDV([SHULrQFLDVHPODERUDWyULRFRP

Chaves Para uma Vida Longa e Saudável

53

ratos e cães demonstraram que os animais morreriam se deixassem de dormir por muito tempo. Embora, em curto prazo, possamos suportar a perda de sono, sem efeitos colaterais graves, a privação do sono extensa ou SURORQJDGDWUD]GL¿FXOGDGHVItVLFDVPHQWDLVHSVLFROyJLFDV A frequente perda de sono é um fenômeno relativamente recente. No ¿QDOGRVpFXORGH]HQRYH7KRPDV(GLVRQLQYHQWRXDOkPSDGDHOpWULFDRTXH nos permitiu praticamente transformar a noite em dia e aumentar o nosso potencial de horas produtivas. Porém, a sua invenção maravilhosa trouxe consequências positivas e negativas. Muitas pessoas veem o sono como XPWHPSRSHUGLGRHLPSURGXWLYR³6HJXQGRDOJXPDVHVWLPDWLYDVHVWDPRV dormindo menos de uma hora e meia por noite em comparação com o que GRUPtDPRVQDYLUDGDGRVpFXOR´ NewsweekGH-DQHLURGH  8P LQGLFDGRU GH TXH PXLWRV OXWDP FRP R VRQR p TXH HP  KDYLD WUrVFOtQLFDVGHVRQRFHUWL¿FDGDVQRV(VWDGRV8QLGRVHHPRQ~PHUR havia aumentado para  $ SHUGD GH VRQR pode ser desastrosa. O GHUUDPDPHQWR GH yOHR do navio Exxon Valdez, D H[SORVmR GH &KHUQRE\O R DFLGHQWH QD XVLQD nuclear de Three Mile ,VODQG H R GHVDVWUH GR ônibus espacial Challenger todos foram, em iStockphoto parte, culpa da sonolên-

Os cientistas ainda estão quebrando a cabeça para descobrir por que o sono é necessário. Quando dormimos, nosso corpo libera um hormônio de crescimento que alguns pesquisadores acreditam que seja usado para renovar o desgaste do tecido. cia das pessoas encarregadas. O Departamento de Transportes dos Estados 8QLGRVHVWLPDTXHPRWRULVWDVVRQROHQWRVWHQKDPFDXVDGRPDLVGHFHPPLO DFLGHQWHVSRUDQRUHVXOWDQGRHPSHORPHQRVPRUWHV8PPRWRULVWD sonolento vai cometer erros de julgamento e outro que dorme ao volante é uma ameaça para si mesmo e todos os outros ao seu redor. $SHUGDGHVRQRFU{QLFDUHGX]DUHVLVWrQFLDGRFRUSRjLQIHFomR(VWXdos têm demonstrado que, em geral, quando pessoas saudáveis deixam de dormir seus corpos produzem menos células para combater a infecção. ³([SHULPHQWRV FRP YROXQWiULRV WrP FRQVWDWDGR TXH GRLV RX WUrV GLDV GH SULYDomR GH VRQR SURGX] UHGXo}HV VLJQL¿FDWLYDV HP YiULRV DVSHFWRV GD IXQomRLPXQROyJLFD´ 'RXWRU3DXO0DUWLQA Mente CuraSiJ  $ GL¿FXOGDGH HP DGRUPHFHU RX SHUPDQHFHU GRUPLQGR p FKDPDGD GH


54

Fazendo a Vida Dar Certo

LQV{QLD6HJXQGRGDGRVGD2UJDQL]DomR0XQGLDOGH6D~GH 206 QR%UDVLOGDSRSXODomRWrPLQV{QLD(XPDSHVTXLVDUHFHQWHUHDOL]DGDSHOD 6RFLHGDGH %UDVLOHLUD GR 6RQR FRP  PLO KDELWDQWHV GH JUDQGHV FDSLWDLV UHYHODTXHGHOHVQmRGRUPHPRTXDQWRJRVWDULDPHMiDFRUGDP cansados, pois não conseguem atingir a fase do sono reparador. Várias práticas simples estão disponíveis através das quais podemos aumentar a nossa capacidade de alcançar um sono reparador. O exercício ItVLFRUHJXODUpXPGHOHV0XLWDVRFXSDo}HVVHGHQWiULDVSURGX]HPJUDQGH tensão mental. O exercício físico ajuda a gastar essa tensão reprimida, provocando a fadiga natural que prepara o corpo para o sono. É melhor, no entanto, abster-se de exercício extenuante quando estiver prestes a ir se deitar. Limitar o consumo de estimulantes também ajuda DWHUXPVRQRPHOKRU,VWRLQFOXLDUHGXomRRXWRWDODEVWHQomRGHFDIHtQD SHUWRGR¿PGRGLD2WDEDFRpXPSUREOHPDSRUTXHDQLFRWLQDpXPHVWLPXODQWH TXH DFHOHUD R SURFHVVR PHWDEyOLFR 2V IXPDQWHV SHVDGRV WrP R VRQRPDLVOHYHHPHQRVUHSDUDGRU 7KH:HOOQHVV(QF\FORSHGLD>$HQFLFORSpGLDGREHPHVWDU@SiJ  Se a pessoa trabalhar até tarde da noite e depois ir para a cama esperando conseguir dormir, ela pode se frustrar. O aconselhável é tentar deixar o trabalho ou a atividade mental intensa cerca de uma hora antes de ir dormir e fazer algo relaxante. Outros hábitos úteis incluem manter horários regulaUHVSDUDGHLWDUVHHOHYDQWDUVH8PEDQKRPRUQRDQWHVGHGRUPLUWDPEpP pode ajudar a induzir o sono. Os cientistas ainda estão quebrando a cabeça para descobrir por que o sono é necessário. Quando dormimos, nosso corpo libera um hormônio de crescimento que alguns pesquisadores acreditam que seja usado para renovar o desgaste do tecido. Dormir ajuda a restaurar nossos corpos e mentes. Para se sentir bem e WUDEDOKDU GH IRUPD H¿FLHQWH GHYHPRV GRUPLU R VX¿FLHQWH 6HP LVVR SHUGHPRVDQRVVDFDSDFLGDGHGHQRVFRQFHQWUDUHWRPDUGHFLV}HVFRPSOH[DV Não roube o sono de si mesmo, mas dê o descanso necessário para seu corpo e mente. 4. Tome cuidado para evitar lesões $ PDLRULD GRV ULVFRV j VD~GH TXH HQFRQWUDPRV WHP XP HIHLWR JUDGXDO VREUHQyV2VDFLGHQWHVVmRXPDH[FHomReSRVVtYHOVHUGLOLJHQWHHFRQVciente ao cuidar de seu corpo, mas se você descuidar-se a sua saúde pode sofrer danos irreparáveis em uma fração de segundo em um único acidente trágico. Dirigir ou andar de carro pode ser algo muito perigoso para a maioria das SHVVRDV0LOK}HVGHSHVVRDVVmRIHULGDVHGH]HQDVGHPLOKDUHVPRUUHPD cada ano. Segundo o DENATRANHPPDLVGHPLOSHVVRDVPRUUHUDPHPLO¿FDUDPIHULGDVHPDFLGHQWHVGHWUkQVLWRQR%UDVLO A maioria dos acidentes poderia ser evitada com cautela e hábitos cor-

Chaves Para uma Vida Longa e Saudável

55

UHWRVDRYRODQWH³6HYRFrpXPWtSLFRPRWRULVWDGHEDL[RULVFRYRFrWHP mil vezes menos chances de morrer em um acidente de trânsito do que um PRWRULVWDGHDOWRULVFR´ Carta do Bem-Estar$EULOGH  O cinto de segurança e airbags salvam muitas pessoas de lesão grave e perda da vida. E poderia salvar muito mais se todos usassem cinto de VHJXUDQoD 1R %UDVLO ³ SRU FHQWR GRV XVXiULRV GH FDUUR D¿UPDP XVDU FLQWRGHVHJXUDQoD´ *).(PSUHVDGHSHVTXLVDGHPHUFDGRGH]HPEURGH  ³3DtVHVFRPR$XVWUiOLD&DQDGiHDOJXQVSDtVHVHXURSHXVWrPWD[DV GHXWLOL]DomRGRFLQWRGHPDLVGHSRUFHQWR´ Portland Oregonian, 19 GH1RYHPEUR  1RV(VWDGRV8QLGRV³PRWRULVWDVTXHVmRPHQRVSURSHQVRVDXVDUFLQWRV de segurança são realmente os que mais precisam deles, pois eles tendem a VHUGRVH[RPDVFXOLQRHWHUPHQRVGHDQRVHFDXVDPPDLVDFLGHQWHVH FRPHWHPPDLVLQIUDo}HVGHWUkQVLWR´ Carta do Bem-Estar$JRVWRGH  Quando os adultos não usam cintos de segurança, também colocam as crianças em risco. Muitos adultos descuidados não sabem orientar adequadamente as crianças sob seus cuidados. As crianças, seguindo o exemplo GHVHXVSDLVWDPEpPGHL[DPGHXVDUFLQWRVGHVHJXUDQoD&RPRUHVXOWDGR GDVFULDQoDVTXHPRUUHUDPHPDFLGHQWHVGHWUkQVLWRQRV(VWDGRV8QLGRVHP³VHLVHPFDGDGH]QmRHVWDYDPXVDQGRFLQWRGHVHJXUDQoDRX assento infantil. O mesmo acontece para as mais de cem mil crianças que VRIUHUDPOHV}HVHDJRUDSUHFLVDPGHWUDWDPHQWRPpGLFR´ Portland OregonianGH1RYHPEUR  $SHVDU GH DV OHV}HV JHUDOPHQWH QmR VHUHP WmR JUDYHV PDLV SHVVRDV VmRIHULGDVHPFDVDGRTXHHPDFLGHQWHVGHWUkQVLWRQRV(VWDGRV8QLGRV ³$FLGHQWHVGRPpVWLFRVIHUHPPDLVSHVVRDVDQXDOPHQWHGRTXHDFLGHQWHVGH WUkQVLWR H GH WUDEDOKR MXQWRV´ Parade  GH )HYHUHLUR   (VWLPDVH TXH  SRU FHQWR GHVVHV DFLGHQWHV SRGHULDP VHU HYLWDGRV $V SULQFLSDLV fontes de acidentes domésticos são as máquinas de cortar grama e quedas, principalmente de escadas. Particularmente, as crianças são propensas a acidentes. As causas mais FRPXQVGHOHVmRLQIDQWLODRUHGRUGDFDVDVmRLQWR[LFDo}HVDIRJDPHQWRV quedas, tiros acidentais, incêndios e queimaduras. Os pais devem entender que a principal causa de afogamento de crianças com menos de um ano de idade consiste no uso de baldes, banheiras e vasos sanitários. Acidentes com brinquedos são comuns. Muitas crianças vão para nos DPEXODWyULRV GH HPHUJrQFLD D FDGD DQR GHSRLV GH VHU IHULGDV SUDWLFDQGR HVSRUWHVRTXHDVH[S}HDPDLRUHVRSRUWXQLGDGHVGHDFLGHQWHV$VFULDQoDV menores, que não desenvolveram um bom controle muscular, são suscetíYHLV D OHV}HV DR DQGDU GH ELFLFOHWD HVSHFLDOPHQWH VH QmR XVDP FDSDFHWH $PDLRULDGRVDFLGHQWHVFRPFLFOLVWDV³HQYROYHOHVmRQDFDEHoDHWUrVGH FDGD TXDWUR FLFOLVWDV PRUUHP HP DFLGHQWHV SRU HVVH WLSR GH IHULPHQWRV´ (Enciclopédia de Bem-EstarSiJ  $VFULDQoDVSHTXHQDVSUHFLVDPGHVXSHUYLVmRULJRURVDSDUDHYLWDUOHV}HV


56

Fazendo a Vida Dar Certo

mas é impossível supervisioná-las a cada minuto. A melhor proteção em ORQJRSUD]RTXHVHSRGHGDUjVFULDQoDVpLQFXWLUQHODVKiELWRVGHVHJXUDQoD jPHGLGDTXHFUHVFHP 8P SURJUDPD FRPSOHWR GH FXLGDGRV SHVVRDLV GH VD~GH WDPEpP GHYH incluir proteção contra danos acidentais. As pessoas sábias são receosas TXDQWR DRV SHULJRV HQTXDQWR DV GHVFXLGDGDV ¿FDP DSXURV ³2 SUXGHQWH percebe o perigo e busca refúgio; o inexperiente segue adiante e sofre as FRQVHTXrQFLDV´ 3URYpUELRV19,  5. Substâncias perigosas Está fora do âmbito da presente publicação tratar de drogas ilegais. *HUDOPHQWH DV VXEVWkQFLDV LOHJDLV VmR DVVLP GHFODUDGDV SRU FDXVD GH VHXV yEYLRV HIHLWRV GHVWUXWLYRV QD VRFLHGDGH 4XDOTXHU SHVVRD TXH HVWHMD usando uma substância ilegal deve parar imediatamente, entrando em um programa de tratamento, caso necessário. Apesar de legal, e um dos produtos agrícolas mais rentáveis, o tabaco, provavelmente, causa mais danos para a saúde de seus usuários do que qualquer outra iStockphoto

O número de mortes prematuras por uso do tabaco é surpreendente em comparação com outras causas de morte do mesmo tipo. VXEVWkQFLD³$SUROLIHUDomRJOREDOGHFLJDUURVOHYDDXPDHVWLPDWLYDGHWUrV PLOK}HVGHPRUWHVSRUDQR(PRQ~PHURHVWLPDGRSHOD2UJDQL]DomR0XQGLDOGH6D~GHSRGHFKHJDUDGH]PLOK}HVSRUDQR´ &DUO6DJDQ Bilhões e BilhõesSiJ  O número de mortes prematuras por uso do tabaco é surpreendente em FRPSDUDomR FRP RXWUDV FDXVDV GH PRUWH GR PHVPR WLSR ³$R VH WRPDU XPD DPRVWUD DOHDWyULD GH PLO KRPHQV MRYHQV TXH IXPDP FRP EDVH HP dados atuariais é possível prever, com segurança, que um desses jovens VHUiHYHQWXDOPHQWHDVVDVVLQDGRVHLVPRUUHUmRQDVHVWUDGDVHPRUUHUmR SUHPDWXUDPHQWHSHORVHIHLWRVGRIXPR´ 0DUWLQSiJ  2WDEDFRpXPDVXEVWkQFLDPRUWDO6XDIXPDoD³FRQWpPPDLVGHTXDWUR mil produtos químicos, incluindo resquícios de venenos conhecidos, como DUVrQLFRFLDQXUHWRHIRUPDOGHtGR+iSURGXWRVTXtPLFRVUHFRQKHFLGDPHQWHFDQFHUtJHQRV TXHFDXVDPFkQFHU QRIXPRGRWDEDFR´ Livro Saúde

Chaves Para uma Vida Longa e Saudável

57

da Família da Clínica MayoSiJ  Os usuários de tabaco têm a susceptibilidade a numerosas doenças aumentada, inclusive uma variedade de cânceres, doenças cardiovasculaUHVGLVIXQomRVH[XDOHGRHQoDVSXOPRQDUHVFRPRHQ¿VHPD³$FDGDDQR o tabagismo mata mais de quatrocentos mil norte-americanos, maior que RQ~PHURGRVTXHPRUUHUDPHPEDWDOKDQD6HJXQGD*XHUUD0XQGLDOHQD JXHUUDGR9LHWQm´ LELGHPSiJ ³&HUFDGHPLOK}HVGHEUDVLOHLURV são fumantes. Segundo dados atuais, duzentas mil pessoas no país morrem SRUDQRHPGHFRUUrQFLDGRFLJDUUR´ ,QVWLWXWR1DFLRQDOGH&kQFHU0D\R  Fumar não apenas reduz o tempo de vida como também seus efeitos prejudiciais, muitas vezes, privam os fumantes da oportunidade de viver DRPi[LPRXPDYLGDDWLYD,VVRpLU{QLFRSRUTXHDSURSDJDQGDGHFLJDUUR geralmente associa o tabagismo a excitantes atividades ao ar livre. Os fumantes são mostrados praticando esqui, fazendo caminhadas, nadando, jogando bola e outras atividades. A verdade é que o uso contínuo do tabaco FDXVDGDQRVDRFRUDomRHDRVSXOP}HVHYHQWXDOPHQWHUHGX]LQGRDWLYLGDdes do fumante e causando envelhecimento precoce. 2 FRUSR GR IXPDQWH WDPEpP ¿FD FRP D DSDUrQFLD PDLV YHOKD HVSHFLDOPHQWHQRURVWR³(PFRPSDUDomRDRVQmRIXPDQWHVRVIXPDQWHVVmR mais propensos a parecer, pelo menos, cinco anos mais velho que sua LGDGHGHFODUDGD´ Carta do Bem-Estar$EULOGH 2WHUPR³FDUDGH IXPDQWH´IRLLQYHQWDGRKiDOJXQVDQRVSDUDVHUHIHULUDFHUWDVFDUDFWHUtVWLcas físicas que acompanham a quem fuma. Entre elas estão o aumento de UXJDVGHVFRORUDomRIDFLDOGHQWHVPDQFKDGRVHXPDWHQGrQFLDjPDJUH]D Tudo isso faz os fumantes parecerem mais velhos. ³2FkQFHUGHSXOPmRpXPDGRHQoDTXHDWLQJHPDLVRVKRPHQVSRUTXH grande parte dos fumantes é do sexo masculino, em comparação com as mulheres. O percentual de adultos norte-americanos do sexo masculino TXH IXPDP GLPLQXLX GD PHWDGH HP  SDUD PHQRV GH XP WHUoR KRMH´ (Livro de Saúde da Família da Clínica MayoSiJ (PERUDHVWDVHMD uma boa notícia, ela acaba ofuscada pelo fato de que agora as mulheres IXPDP TXDVH WDQWR TXDQWR RV KRPHQV &RPR UHVXOWDGR PDLV PXOKHUHV norte-americanas morrem de câncer de pulmão do que de câncer de mama. ³2VIXPDQWHVWrPGH]YH]HVPDLVSUREDELOLGDGHVGHPRUUHUGHFkQFHUGH SXOPmRGRTXHRVQmRIXPDQWHV´ LELGHPSiJ 1R%UDVLOGH³ D  D SURSRUomR GH IXPDQWHV DFLPD GRV  DQRV FDLX GH  SDUD  2 tQGLFH UHSUHVHQWD XPD UHGXomR H[SUHVVLYD HP UHODomR D  TXDQGRXPDSHVTXLVDDSRQWRXGHDGXOWRVIXPDQWHVQR%UDVLO´ Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico – VigitelGH$EULOGH ³1DSRSXODomRPDVFXOLQD RSHUFHQWXDOFDLXGHSDUDHQWUHH1DIHPLQLQDR tQGLFHDSUHVHQWDVHHVWiYHOQRSHUtRGRHP´ LELGHP  8PDWHQGrQFLDVHPHOKDQWHHVWiRFRUUHQGRQD*Um%UHWDQKD³2FkQFHU de pulmão cai drasticamente entre os homens por mais de duas décadas


58

Fazendo a Vida Dar Certo

VHJXLQWHV PDV WHP GREUDGR HQWUH DV PXOKHUHV ,VVR SRGH VHU SRUTXH DV mulheres começaram a fumar em grande escala cerca de vinte a trinta DQRVGHSRLVGRVKRPHQVTXHHVWmRGHVLVWLQGRGHIXPDUPDLVUDSLGDPHQWH´ (Correio Diário [Daily Mail]GHMXQKRGH  Fumar aumenta enormemente o fator de risco para inúmeros cânceres, LQFOXLQGR ULQV H EH[LJD 2 SURIHVVRU 5LFKDUG 3HWR GD 8QLYHUVLGDGH GH 2[IRUGQD,QJODWHUUDTXHSDVVRXVXDYLGDLQYHVWLJDQGRDVFDXVDVGRFkQFHUGL]³2VIXPDQWHVLQDODPVXEVWkQFLDVFDQFHUtJHQDVTXHVHHVSDOKDP através de seu corpo. O corpo todo é banhado por solventes cancerígenos, HDFDEDPWHQGRDXULQDFDQFHUtJHQD,VVRDIHWDRULPHDEH[LJD´ Revista do Sunday TimesGHMXQKRGH 2WDEDJLVPRHQWUHRVMRYHQVpXPD TXHVWmRGHJUDQGHSUHRFXSDomRQD*Um%UHWDQKD³8PDLQFUtYHOSHUFHQWDJHPGHGRVUDSD]HVHGDVPXOKHUHVMRYHQVHVWmRIXPDQGRDRV YLQWHDQRVGHLGDGH´ 2MRUQDOGLiULRThe MirrorGHGH]HPEURGH  Reduzir ou eliminar o uso do tabaco é a única forma comprovada de reduzir os riscos do tabagismo na saúde. Se você é um fumante, você deve parar. Aqueles que não fumam nunca devem começar. Fumar é uma aposta perdida, e você não é o único que vai sofrer por esse hábito. O tabagismo passivo coloca os outros em risco e aumenta a chance de doenças UHVSLUDWyULDVHPFULDQoDVTXHHVWmRH[SRVWDV Alguns pensam que é melhor mudar para charutos, cachimbos, rapé, fumo de corda ou fumo para mascar. Embora estes produtos possam WHU TXDQWLGDGHV UHGX]LGDV GH WR[LQDV H FDUFLQyJHQRV DR HQWUDU QR FRUSR DWUDYpVGRXVRGRWDEDFRLVVRQmRHOLPLQDRVULVFRVjVD~GH(PTXDOTXHU forma e quantidade o uso do tabaco é, sem dúvida, prejudicial a nossos corpos. ³8PDERDQRWtFLDUHODFLRQDGDDRXVRGRWDEDFRpTXHTXDQGRDSHVVRD abandona esse hábito o corpo vai começar a se recuperar. Por exemplo, até mesmo fumantes de longa data podem reduzir o risco de derrame DR PHVPR QtYHO GRV QmR IXPDQWHV GHQWUR GH FLQFR DQRV´ Carta do Bem-Estar VHWHPEUR GH   $R ¿QDO GH FLQFR DQRV R ULVFR GH DWDTXH cardíaco será quase o mesmo que a dos não fumantes ao longo da vida. ³'XUDQWHYiULRVDQRVRULVFRGHLQ~PHURVWLSRVGHFkQFHUGLPLQXLVLJQL¿FDWLYDPHQWHjPHGLGDTXHVHXFRUSROHQWDPHQWHUHSDUDRGDQRFDXVDGR SHORIXPR´ Livro de Saúde da Família da Clínica MayoSiJ  Do ponto de vista bíblico, o tabagismo é errado porque Deus nos diz TXHGHYHPRVQmRLQÀLJLUGDQRDRVFRUSRVTXH(OHQRVGHX$VVLPQRVGL] ³*ORUL¿TXHPD'HXVFRPRVHXSUySULRFRUSR´ &RUtQWLRV19,  E prejudicar nossos corpos, submetendo-os aos efeitos nocivos do tabaco viola esta ordem. Deus também nos diz, no primeiro dos Dez Mandamentos, que não GHYHPRVWHURXWURVGHXVHVGLDQWHG(OH Ç[RGR 1mRGHYHPRVGHL[DU QDGDSUHMXGLFDUHVVDUHODomRHQWUHQyVH(OH4XDQGRQRVSHUPLWLPRV¿FDU GHSHQGHQWHVGRWDEDFR RXTXDOTXHURXWUDVXEVWkQFLD QRVWRUQDPRVHVFUD-

Chaves Para uma Vida Longa e Saudável

59

YRV 5RPDQRV DXPKiELWRSUHMXGLFLDOSHUGXOiULRHGHVWUXWLYRTXH QRVLPSHGHGHVHUYL/RGHWRGRFRUDomR 0DWHXV  O uso e abuso do álcool Ao contrário do fumo, o álcool não é um perigo para a saúde se consumido com moderação. Estudos têm demonstrado que o consumo moderado GHiOFRROSRGHVHUEHQp¿FRSDUDDVDUWpULDVGRFRUDomRHPSDUWLFXODU1R HQWDQWREHEHUH[FHVVLYDPHQWHGDQL¿FDRVP~VFXORVGDVSDUHGHVGRFRUDção. Alguns pesquisadores, talvez por causa da tendência de muitos beberem demais, questionam se o benefício do seu uso moderado compensa os riscos. Algumas pessoas não deveriam beber nada. A maioria dos programas GHWUDWDPHQWRDOFRyOLFRUHFRPHQGDTXHDTXHOHVTXHVHWRUQDUDPYLFLDGRV devem praticar a abstinência total. O Departamento de Saúde dos Estados 8QLGRVWDPEpPWHPDFRQVHOKDGRDDEVWHQomRSDUDWRGDVDVPXOKHUHVJUividas ou que estão considerando a gravidez. 1XPD SHVTXLVD GR ,QVWLWXWR *DOOXS QRV (VWDGRV 8QLGRV HP  XP SHUFHQWXDO GH  GRV HQWUHYLVWDGRV UHVSRQGHUDP TXH EHELDP iOFRRO PRGHUDGDPHQWH ,QIHOL]PHQWH PXLWRV DFDEDYDP DEXVDQGR GR iOFRRO ³2iOFRROpDWHUFHLUDPDLRUFDXVDGHPRUWHVQRV(VWDGRV8QLGRV¿FDQGR DWUiVGDVGRHQoDVFDUGtDFDVHGRFkQFHU6HRQ~PHURGHPRUWHVHGLDJQyVWLFRVGHyELWRVUHODFLRQDGRVDRXVRGHiOFRROIRVVHLQFOXtGRQDVHVWDWtVWLFDV o alcoolismo seria reconhecido como a causa número um de mortes em QRVVDQDomR´ SiJ  1D*Um%UHWDQKDKiXPSUREOHPDFUHVFHQWHFRPRDEXVRGHiOFRRO³(P FRPSDUDomR FRP     R FRQVXPR PpGLR DQXDO GH iOFRRO PDLV TXH dobrou e por isso o alcoolismo tem de ser debatido. Beber em excesso agora pDQRUPDQmRDH[FHomR´ O ExpressoGH-XOKR ³(VWLPDVHTXH XPDHPFDGDYLQWHSHVVRDVpDOFRyODWUD´ LELGHPGH0DUoRGH  2DEXVRGRiOFRROSRGHGDQL¿FDURFpUHEURRVLVWHPDQHUYRVRRItJDGR o pâncreas e o sistema cardiovascular. O consumo excessivo de álcool tamEpPHVWiDVVRFLDGRDRFkQFHU³'HSRLVGDGRHQoDFDUGLRYDVFXODURFkQFHU pDVHJXQGDFDXVDSULQFLSDOGHPRUWHHQWUHRVDOFRyODWUDV´ Livro de Saúde da Família da Clínica MayoSiJ  $ %tEOLD QmR SURtEH R XVR GH EHELGDV DOFRyOLFDV (OD PRVWUD R YLQKR FRPRXPDIRQWHGHSUD]HU 6DOPR(FOHVLDVWHV HUHJLVWUDRVVHXV EHQHItFLRVTXDQGRXWLOL]DGRVGHIRUPDDGHTXDGD 7LPyWHR 2YLQKR HUDFRPXPHQWHVHUYLGRHPFDVDPHQWRVQDFXOWXUDEtEOLFDHTXDQGR-HVXV estava presente em um casamento Ele milagrosamente repôs o estoque de YLQKRTXHKDYLDDFDEDGR -RmR  No entanto, a Bíblia nos dá fortes advertências sobre o abuso de álcool 3URYpUELRV   (IpVLRV   1HQKXP ErEDGR VHUi SHUPLWLGR QR 5HLQRGH'HXV &RUtQWLRV 2DEXVRGHiOFRROpXPDDPHDoDjVXD saúde física e espiritual.


60

Fazendo a Vida Dar Certo

6. O poder de uma perspectiva positiva $ LGHLD GH TXH SHQVDPHQWRV H HPRo}HV SRVLWLYDV DMXGDP D PHOKRUDU a saúde física e as negativas tendem a prejudicá-la era um princípio da sabedoria popular aceito por muito tempo. No entanto, o conceito caiu HPGHVXVRDSyVDSHVTXLVDFLHQWt¿FDQRVpFXORGH]HQRYHWHUHVWDEHOHFLGR uma ligação clara entre agentes microbianos e doenças infecciosas. A ideia de que o nosso estado de espírito pode afetar a saúde corporal foi mais ou menos descartada. Nas últimas décadas, no entanto, alguns pesquisadores da comunidade médica têm revisto e trazido de volta esse tema de sabedoria antiga. Os pesquisadores médicos na década de cinquenta perceberam que muitos pacientes cardíacos compartilhavam traços de personalidade. Em particular, eles tinham a tendência de serem competitivos, irritadiços e sempre DSUHVVDGRV 2V SHVTXLVDGRUHV D SDUWLU GHVVDV REVHUYDo}HV FXQKDUDP R WHUPR³SHUVRQDOLGDGHWLSR$´ Então, observou-se que aqueles que possuem este tipo de personalidade HUDPSURSHQVRVjGRHQoDFRURQDULDQD0DLVWDUGHDVSHVTXLVDVUHVXOWDUDP HPXPUH¿QDPHQWRGDWHRULDWLSR$³2VHVWXGRVDWXDLVVXJHUHPTXH FHUWRV FRPSRQHQWHV Wy[LFRV GD SHUVRQDOLGDGH WLSR $ FRPR KRVWLOLGDGH H cinismo, são os verdadeiros fatores de risco para doenças do coração, em YH]GRWLSRPDLVJHUDOGRFRPSRUWDPHQWRWHQGHQWHjFRPSHWLWLYLGDGHHD SUHVVD´ NewsweekGH)HYHUHLURGH  Estudos realizados nos últimos anos produziram evidências de que as HPRo}HVQHJDWLYDVHPJHUDOPXLWDVYH]HVDIHWDPQmRDSHQDVRFRUDomR mas também muitos outros aspectos da saúde física. O estresse e as emoo}HV QHJDWLYDV FRPR DQVLHGDGH H GHSUHVVmR SRGHP LQÀXHQFLDU D QRVVD VD~GH DXPHQWDQGR D QRVVD VXVFHSWLELOLGDGH jV SHTXHQDV GRHQoDV FRPR UHVIULDGRVHjVPDLRUHVFRPRRFkQFHU 2EVHUYH R TXH GL] R SHULyGLFR Observador de Harvard da Saúde do Homem (Harvard Men’s Health Watch ³0DLVGHXPDG~]LDGHSHVTXLVDV têm buscado saber se o estresse aumenta a suscetibilidade ao resfriado FRPXPHWRGDVFRQFOXtUDPTXHVLP´ -DQHLURGH  (YLGrQFLDVVyOLGDVDSRQWDPSDUDRVIDWRUHVHPRFLRQDLVTXHLQÀXHQFLDPD vulnerabilidade ao câncer, bem como a capacidade de recuperar-se. Os pesTXLVDGRUHVLGHQWL¿FDUDPRTXHDFUHGLWDPVHUXPDSHUVRQDOLGDGHSURSHQVD DRFkQFHUDGRWLSR&³+iXPUD]RiYHOFRQVHQVRGHTXHFHUWDVFDUDFWHUtVWLFDVVmRRVSULQFLSDLVFRPSRQHQWHVGRWLSR&´ 0DUWLQSiJ  2VFRPSRQHQWHVLGHQWL¿FDGRVLQFOXHPDDWLWXGHGHJXDUGDUDVHPRo}HV —especialmente raiva, a incapacidade de perdoar e uma perspectiva de falta de esperança na vida. Deus criou nossos corpos com um PDUDYLOKRVR VLVWHPD LPXQROyJLFR TXH OXWD FRQVWDQWHPHQWH FRQWUD D invasão de agentes bacterianos e virais, bem como contra células FDQFHUtJHQDV SURGX]LGDV HP QRVVRV FRUSRV 2 HVWUHVVH H DV HPRo}HV QHJDWLYDVSDUHFHPLQLELUDFDSDFLGDGHGRVLVWHPDLPXQROyJLFRGRRUJDQLVPR

Chaves Para uma Vida Longa e Saudável

61

GHUHVSRQGHUDHVVDVDPHDoDVWRUQDQGRRPDLVYXOQHUiYHOjVGRHQoDV As emoções positivas ajudam a saúde 6H DV HPRo}HV QHJDWLYDV LPSHGHP D LPXQLGDGH GR RUJDQLVPR SRGHPRVHVSHUDUTXHDVHPRo}HVSRVLWLYDVOKHGHVVHPPDLVFDSDFLGDGH"6LP SRGHPRV&HUFDGHWUrVPLODQRVDWUiV'HXVLQVSLURXTXHHVWDREVHUYDomR IRVVHUHJLVWUDGDSDUDQyV³2FRUDomRDOHJUHVHUYHGHERPUHPpGLRPDVR HVStULWRDEDWLGRYLUiDVHFDURVRVVRV´ 3URYpUELRV  $YHUGDGHGHVWDVSDODYUDVpFRQ¿UPDGDSRUPXLWRVHVWXGRVFLHQWt¿FRV $VHPRo}HVSRVLWLYDVDX[LOLDPQDSUHYHQomRGHGRHQoDVHFDVRVHDGRHoD HODV SRGHP DMXGDU D DFHOHUDU D UHFXSHUDomR ³2V FLHQWLVWDV WrP LQYHVWLgado essa noção e encontraram evidências convincentes para sugerir que o ambiente social e a atitude mental podem alterar as nossas chances de VREUHYLYHUDRFkQFHU´ 0DUWLQSiJ  $OJXQV SHVTXLVDGRUHV HP XP HVWXGR GD 8QLYHUVLGDGH GH /RQGUHV DYDOLDUDPDUHVSRVWDSVLFROyJLFDGDVPXOKHUHVDRFkQFHUGHPDPD8PHVWXGR DYDOLDWLYRGHSRLVGHFLQFRDQRVFRQ¿UPRXTXHDTXHODVTXHDSUHVHQWDUDP uma resposta inicial de combate eram mais propensas a sobreviver. Outro estudo das mesmas mulheres realizado quinze anos mais tarde, revelou TXH³DTXHODVTXHWLQKDPLQLFLDOPHQWHGHPRQVWUDGRXPHVStULWRGHOXWDRX QHJDomRFRQWLQXDUDPDPDQWHUVHPHOKRUSRUFHQWRGHODVDLQGDHVWDYDP YLYDV H OLYUHV GR FkQFHU FRQWUD  SRU FHQWR GDV PXOKHUHV TXH UHDJLUDP inicialmente com uma aceitação impassível e impotente ou com uma preoFXSDomRDQVLRVD´ LELGHP  O efeito do estresse mental sobre a saúde parece ser ilustrado no desenYROYLPHQWR GD H[8QLmR 6RYLpWLFD QRV ~OWLPRV DQRV ³(QWUH  H  . . . a expectativa de vida para homens e mulheres russas diminuiu drasticaPHQWHGHHDQRVSDUDHDQRVUHVSHFWLYDPHQWH´$VDXWRULGDGHVFLWDPPXLWRVIDWRUHVLQFOXLQGRD³LQVWDELOLGDGHVRFLDOHHFRQ{PLFD DV DOWDV WD[DV GH WDEDJLVPR H FRQVXPR DOFRyOLFR D Pi DOLPHQWDomR >H@ D GHSUHVVmR´ Jornal da Associação Médica Norte-Americana (The Journal of the American Medical Association GH0DUoRGH  Muitas vezes uma resposta de combate a doenças é referida como a vontade de viver. Esta vontade pode ser reforçada por uma série de fatores. 8PDGDVFKDYHVpFUHUHHVWDUFRPSURPHWLGRFRPXPDFDXVDQDYLGD³8PD VpULHGHHVWXGRVFLHQWt¿FRVUHFHQWHVHVWDEHOHFHXTXHRIDWRGHWHUSURIXQGDVFRQYLFo}HVHYDORUHVSHVVRDLVSRGHID]HUPDUDYLOKDVHPTXDVHWRGRV RVDVSHFWRVGHVXDVD~GHItVLFDHEHPHVWDUHPRFLRQDO´ &RRSHUSiJV  $IpQR'HXV&ULDGRUHRFRQKHFLPHQWRGH6HXREMHWLYRGiXPDIRUWHUD]mR para viver e um impulso em nossa saúde física e mental. A capacidade de lidar com o estresse e manter uma perspectiva mental VDXGiYHO VmR HOHPHQWRV HVVHQFLDLV GH XPD ERD VD~GH &RPR 3URYpUELRV QRVGL]³2HVStULWRGRKRPHPDOLYLDUiDVXDHQIHUPLGDGHPDVDR HVStULWRDEDWLGRTXHPROHYDQWDUi"´


62

Fazendo a Vida Dar Certo

7. Gente que precisa de gente +i PXLWRV PLOKDUHV GH DQRV 'HXV LQVSLURX TXH VH UHJLVWUDVVH XPD HVFULWXUD TXH GL] ³1mR p ERP TXH R KRPHP HVWHMD Vy´ *rQHVLV   A experiência mostra que isso é verdade. Somos seres sociais e precisamos ter conexão com os outros. A maioria concorda que precisamos de pessoas nos apoiando emocionalmente e psicologicamente, mas pesquisas recentes mostram que ter um bom relacionamento com os outros também é LPSRUWDQWHSDUDRQRVVREHPHVWDUItVLFR³0DLVGHYLQWHDQRVGHYDORURVDV SHVTXLVDV FLHQWt¿FDV WrP DFXPXODGR HYLGrQFLDV HVPDJDGRUDV GH TXH WHU UHODFLRQDPHQWRV IRUWHV H GH DSRLR p ERP SDUD VXD VD~GH ItVLFD H PHQWDO´ 0DUWLQSiJ  2LVRODPHQWRVRFLDOSRURXWURODGRSRGHVHUXPIDWRUGHULVFRVLJQL¿FDWLYRSDUDSUREOHPDVGHVD~GH³2VHXLPSDFWRVREUHDVD~GHHDPRUWDOLGDGH é comparável ao da pressão arterial alta, a obesidade e falta de exercício. A pesquisa sugere que fatores sociais podem ter impactos na saúde tanto quanto o tabagismo . . . 8P HVWXGR GH VHLV DQRV FRP  KRPHQV H mulheres suecos descobriram que aqueles que iStockphoto tiveram o menor número

Pesquisas recentes mostram que ter um bom relacionamento com os outros tambÊm Ê importante para o nosso bem-estar físico. GHLQWHUDo}HVVRFLDLVHPHQRVUHODo}HVVRFLDLVWLYHUDPXPDWD[DGHPRUWDOLGDGHFLQTXHQWDSRUFHQWRPDLRUHVGRTXHDTXHOHVFRPLQWHQVDYLGDVRFLDO´ LELGHPSiJV  É triste saber que a tendência da sociedade, muitas vezes, Ê afastar e não DMXQWDUDVSHVVRDV3RXFDDWHQomRpGDGDjLPSRUWkQFLDGDVUHODo}HV²RX ao que a Bíblia chama de amor—na busca da boa saúde. Muitos pais que têm cuidado com carinho de uma criança doente acreditam numa conexão entre a saúde e o amor. +iPXLWDVPDQHLUDVHPTXHSRGHPRVDSOLFDURSULQFtSLRGDVD~GH8P GHOHV p PHOKRUDU DV QRVVDV UHODo}HV SHVVRDLV SDUD DSUHQGHU D DPDU PDLV SOHQDPHQWHQRFDVDPHQWRQDHGXFDomRGRV¿OKRVHQDVDPL]DGHV2XWUD maneira Ê conviver mais com seus vizinhos. Ser um voluntårio e servir aos outros Ê comprovadamente uma forma de trazer benefícios a si mesmo, EHPFRPRjTXHOHVDTXHPYRFrHVWiDMXGDQGR

Chaves Para uma Vida Longa e SaudĂĄvel

63

Servir a Deus através do engajamento na igreja pode proporcionar beneItFLRVjVD~GH8PHVWXGRGRDepartamento de Medicina da Universidade do Texas examinou a relação entre a mortalidade e o envolvimento em atividades sociais ou religiosas entre os pacientes que haviam realizado FLUXUJLD GH FRUDomR ³$TXHOHV TXH QmR SDUWLFLSDYDP HP QHQKXP JUXSR regularmente nem buscaram força e conforto em sua religião tinham sete YH]HVPDLVSUREDELOLGDGHVGHPRUUHUVHLVPHVHVDSyVDFLUXUJLD´ 'U'HDQ 2UQLVK$PRU 6REUHYLYrQFLDSiJ 2DOLPHQWRGRVUHODFLRQDmentos, tanto com Deus quanto com nossos semelhantes, é um princípio de saúde comprovado. Assumir a responsabilidade pessoal de sua saúde As pessoas saudáveis usufruem de uma das maiores bênçãos da vida. Aqueles que gozavam de boa saúde e a perderam sabem, por experiência SUySULDHGRORURVDTXHWLQKDPSHUGLGRXPGRVPDLRUHVWHVRXURVGDYLGD No entanto, aqueles que experimentaram um declínio na saúde, muitas YH]HVSRGHPUHFXSHUDUXPDSRUomRVLJQL¿FDWLYDGHVHXEHPHVWDUDWUDYpV da aplicação dos princípios enunciados no presente capítulo. E aquelas pessoas que ainda têm boa saúde podem fazer muito para preservá-la e viver corretamente. Para elevar ao máximo o nosso potencial para viver muito e bem é preciso se habituar a viver segundo os princípios de saúde comprovados. Esta pDYRQWDGHGH'HXV³$PDGRRURSDUDTXHYRFrWHQKDERDVD~GHHWXGROKH FRUUDEHPDVVLPFRPRYDLEHPDVXDDOPD´ -RmR19, 


64

Fazendo a Vida Dar Certo

$9LGD7HP6LJQL¿FDGRH 3URSyVLWR1REUH"

É

um paradoxo da nossa era moderna, que, embora tenhamos mais conhecimento e bens materiais do que em qualquer outra época na KLVWyULDQRVIDOWDXPVHQWLGRGHSURSyVLWRQDYLGD+iXPDWRUWXRVDIRPH GRVLJQL¿FDGRGDYLGDTXHSHUPHLDQRVVRPXQGR 2KLVWRULDGRUHDXWRUGH+DUYDUG2VFDU+DQGOLQGHVFUHYHHVVDIDOWDGH VHQWLGRHVLJQL¿FDGR³$FHUWDDOWXUDQDPHWDGHGRVpFXOR;;RVHXURSHXV e norte-americanos descobriram que tinham perdido todo o senso de direção . . . Vagando no escuro e tropeçando cegamente, homens e mulheres de todas as sociedades ocidentais, esforçaram-se inutilmente para vislumbrar PDUFRV UHFRQKHFtYHLV´ ³2 &DPLQKR 1mR 0DUFDGR´ UHYLVWD Acadêmico Norte-americano [American Scholar@9HUmRGHSiJ  O fato de nos encontramos tropeçando no caminho da incerteza é irônico. Nossos meandros sem sentido no deserto espiritual ocorrem num momento em que a humanidade tem feito muitas conquistas impressionantes. No geral, a qualidade de vida tem melhorado. A expectativa de vida tem aumentado em quase toda parte. A parcela da população do mundo governada pelos punhos de déspotas está diminuindo. Embora longe de ser erradicada, a maldição da pobreza agora projeta uma sombra menor. 1R HQWDQWR D KXPDQLGDGH HVWi SHUWXUEDGD 1yV VRPRV ÀDJHODGRV FRP XPD VHQVDomR GH GHVkQLPR H GH DQGDU j GHULYD 2V FRQVHOKHLURV 0XULHO -DPHV H -RKQ -DPHV GHVFUHYHPQD GHVWD PDQHLUD ³8PD IRPH XQLYHUVDO impregna o mundo. É a fome para obter mais da vida . . . para ser mais HQYROYLGR H SDUD HQFRQWUDU PDLV VLJQL¿FDGR´ Paixão pela Vida, 1991, SiJ  8PGRVPRWLYRVGDIRPHGDVSHVVRDVpTXHHODVQmRWrPXPWUDQVFHQGHQWHVHQVRGHSURSyVLWR(ODVQmRWrPRHQWHQGLPHQWRGHTXH'HXVHVWi HQYROYLGRFRPDKXPDQLGDGHHTXH(OHWHPXPSODQRSDUDQyV3DUDHVWDrem em paz, os seres humanos devem entender o que Deus tem em mente para eles. 1RSDVVDGRRKRPHPRFLGHQWDOWLQKDD³FHUWH]DGHTXHDKLVWyULDDYDQoDYDGHIRUPDOLQHDUDSDUWLUGHXPLQtFLRDXPWpUPLQR´$PDLRULDGDV SHVVRDV HVWDYD FRQYLFWD GH TXH ³QLQJXpP FDPLQKDYD VHP UXPR H TXH D YLGDQmRHUDXPGHVSHUGtFLR´ +DQGOLQSiJV  $FULDomRHDYLGDWLQKDPXPVLJQL¿FDGRH[SOtFLWR$VRFLHGDGHVHVHQWLD FRQIRUWiYHOSHODJDUDQWLDGH-HVXV&ULVWRGHTXH³DWpPHVPRRVFDEHORVGD YRVVDFDEHoDHVWmRWRGRVFRQWDGRV´ 0DWHXV (OHVHVWDYDPDWHQWRV DRTXH-HVXVGLVVHVREUH'HXVHVWDUFLHQWHGRVPDLVtQ¿PRVGHWDOKHVGH6XD FULDomRDWpDRVSHTXHQRVSiVVDURV³1HQKXPGHOHVFDLUiHPWHUUDVHPD YRQWDGHGHYRVVR3DL´ YHUVtFXOR 

$9LGD7HP6LJQL¿FDGRH3URSyVLWR1REUH"

65

A base está abalada O que aconteceu que abalou tanto o sentimento do homem em relação a garantia de Deus? No século dezenove, em uma das grandes mudanças HVSLULWXDLVHLQWHOHFWXDLVGDKLVWyULDRVHVWXGLRVRVFRPHoDUDPDYHUFRP FHWLFLVPRDVSDODYUDVGH&ULVWRHGD%tEOLD³3DUDRVKRPHQVHPXOKHUHV racionais, a Bíblia não era mais uma fonte inquestionável de autoridade religiosa, pois ela havia se tornado um tipo de evidência . . . que precisava VHUGHIHQGLGD´ -DPHV7XUQHUSem Deus, Sem CredoSiJ  $FUHQoDQD%tEOLDKDYLDGDGRjKXPDQLGDGHXPURWHLURSDUDDYLGD$V pessoas acreditavam que, sem dúvida, a Bíblia era como um manual do proprietário, um guia do usuário para a experiência humana. Este mesmo manual informava ao homem que Deus havia determinado um destino no ¿QDOGDYLGDSDUDTXDOTXHUXPTXHEXVFDVVHDPi/RHVHUYL/R Antes das mudanças de ventos do século dezenove, a Bíblia providenciava as respostas ¿QDLV TXH VDWLVID]LDP D humanidade em geral. Esse apreço foi ilustrado em uma conversa relatada pelo tradutor bíblico -DPHV0RIIDWW2GLiORJR ocorreu entre o romanFLVWD KLVWyULFR HVFRFrV H SRHWD ORUGH :DOWHU 6FRWW H VHX JHQUR -RKQ *LEiStockphoto son Lockhart, cerca de

Uma fome universal impregna o mundo. É a fome para obter mais da vida . . . para ser mais envolvido e para encontrar mais significado. XPD VHPDQD DQWHV GD PRUWH GH 6FRWW (OH GLVVH DR VHX JHQUR ³µ/HLDPH GR/LYUR¶4XDQGR/RFNKDUWSHUJXQWRXOKHTXDOGHOHVORUGH:DOWHUGLVVH µ3UHFLVDSHUJXQWDU"([LVWHDSHQDVXP¶´ FLWDGRSRU%UXFH%DUWRQO Livro que Ninguém ConheceSiJ  3DUDDOFDQoDUDFRPSUHHQVmRGRSURSyVLWRGDYLGDWHPRVGHYROWDUSDUD a Bíblia porque ela explica como fazer a vida dar certo. Os dois grandes princípios -HVXV&ULVWRPRVWURXTXHDHVVrQFLDHD¿QDOLGDGHGDYLGDKXPDQDSRGHP VHU DOFDQoDGDV DWUDYpV GR FXPSULPHQWR GH GRLV SULQFtSLRV VXSUHPRV ³$PDUiVR6HQKRUWHX'HXVGHWRGRRWHXFRUDomRHGHWRGDDWXDDOPD HGHWRGRRWHXSHQVDPHQWR´H³$PDUiVRWHXSUy[LPRFRPRDWLPHVPR´ 0DWHXV    -HVXV GH¿QLX D QRVVD UD]mR GH VHU HP XPD SDODYUD


66

Fazendo a Vida Dar Certo

Amor. (OH D¿UPRX TXH R QRVVR DPRU GHYH VHU GLULJLGR SULPHLUR D 'HXV em seguida, ao nosso companheiro. O amor é a razão de o homem existir, RVHXSURSyVLWR 0DVTXHDPRUpHVVHPHQFLRQDGRSRU-HVXV&ULVWR"3UHFLVDPRVWHUFHUWH]D TXH WHPRV XPD FRPSUHHQVmR FRUUHWD GR TXH VLJQL¿FD R DPRU SDUD VHUPRVFDSD]HVGHFXPSULURQRVVRSURSyVLWR A maioria das pessoas descreve o amor como um sentimento romântico, que é o intenso cuidado a alguém ou algo. Ou eles igualam o amor com a atração sexual. O tipo de amor que eles têm em mente é voltado para si mesmos, é um sentimento, uma emoção ou atração que os faz sentir bem. 0DV-HVXV&ULVWRVHUHIHUHDRDPRUHPXPQtYHOFRQVLGHUDYHOPHQWHPDLV elevado. A Bíblia descreve o amor como se importar com os outros em vez GH QyV PHVPRV RX FRP nossos desejos e necessidades. Em seus termos mais simples, o amor é a maneira de dar ao invés de tomar $WRV  -HVXV GLVVH TXH QRVVR amor deveria ser para fora, dirigido primeiro DR QRVVR &ULDGRU 'HYHmos nos esforçar para iStockphoto agradar e servir a Ele

Muitas pessoas optam por outro beco sem saída: A ênfase excessiva em bens materiais. Aqueles que caem nesta armadilha enganosa supõem que o acúmulo de coisas trará felicidade. DRLQYpVGHQyVPHVPRV 0DWHXV 'HYHPRVDPi/RFRPWRGRQRVVR VHU'HYHPRVHQWmRFDQDOL]DURQRVVRDPRUSDUDRQRVVRSUy[LPRRQRVVR companheiro humano. A lei de Deus nos mostra como viver esta forma GHUHODomRDPRURVDSDUDFRP'HXV -RmR-RmR HSUHocupação pelos outros. (Para entender melhor a lei do amor, não deixe de VROLFLWDUVXDFySLDJUDWXLWDGRQRVVROLYUROs Dez Mandamentos  As pessoas que se dedicam ao cuidado amoroso e preocupação com os RXWURV FRPR SURSyVLWR SDUD VXD H[LVWrQFLD DVVLP SRGHP FXPSULU R VHX mais elevado potencial humano. Os homens e mulheres sábios descobriUDP HVWD YHUGDGH SURIXQGD $SyV VHX WHPSR FRPR SULPHLURPLQLVWUR GD *Um%UHWDQKD QR VpFXOR GH]HQRYH %HQMDPLQ 'LVUDHOL HVFUHYHX ³7RGRV QDVFHPRVSDUDRDPRUeRSULQFtSLRGDH[LVWrQFLDHRVHX~QLFR¿P´ FLWDGRSRU/HZLV+HQU\As Melhores Citações Para Todas as Ocasiões, SiJ 

$9LGD7HP6LJQL¿FDGRH3URSyVLWR1REUH"

67

$YR]GDKLVWyULD 2KLVWRULDGRULQJOrV$UQROG7R\QEHHHVWXGRXH[DXVWLYDPHQWHDVFLYLOL]Do}HVGRSDVVDGRHGRSUHVHQWH(OHVHWRUQRXLQWHUQDFLRQDOPHQWHIDPRVR SRU VHX HVWXGR QXPD VpULH GH YiULRV YROXPHV GD +LVWyULD 4XDQGR OKH SHGLUDPSDUDDERUGDURVLJQL¿FDGRGDYLGDHOHGLVVH³(XPHVPRDFUHGLWR TXHRDPRUWHPXPYDORUDEVROXWRTXHpRTXHGiYDORUjYLGDKXPDQD 2DPRUpD~QLFDFRLVDTXHWRUQDSRVVtYHODYLGDRXGHIDWRWROHUiYHO´ (Sobrevivendo ao FuturoSiJV  (OH WDPEpP REVHUYRX TXH ³R DPRU YHUGDGHLUR    OLEHUDVH HP DWLYLGDGHVTXHVXSHUDPRHJRFHQWULVPRGDQGRGHVLSUySULRjVSHVVRDVHDRV SURSyVLWRVDOpPGRµeu¶´H³HVVHDPRUpD~QLFDDXWRUHDOL]DomRYHUGDGHLUD´ LELGHPSiJ  (VWDVSDODYUDVHVWmRFODUDPHQWHHPFRQWUDVWHFRPD¿ORVR¿DPRGHUQD da autoadoração. Em nosso mundo, muitos acreditam que têm o direito GH UHQXQFLDU jV UHVSRQVDELOLGDGHV SHVVRDLV QD EXVFD GD DXWRUHDOL]DomR 2 HVFULWRU H UDELQR +DUROG .XVKQHU UHODWRX TXH ³XPD SHVTXLVD DEUDQJHQWHVREUHDVD~GHPHQWDOQRV(VWDGRV8QLGRVD¿UPDµDSVLFDQiOLVH H DSVLFRWHUDSLD pD~QLFDIRUPDGHWUDWDPHQWRSVtTXLFRTXHWHQWDFXUDUDV SHVVRDVUHWLUDQGRDVGDVRFLHGDGHHGRVUHODFLRQDPHQWRV¶´ Quem precisa de Deus?SiJ  Em nossa sociedade, um número crescente de pessoas passou a acreditar que é perfeitamente aceitável cortar os laços afetivos e de dependência para que se possa conseguir o que quer da vida. Este tipo de atitude é uma receita para o vazio. Ele é contrário ao amor genuíno. Eventualmente, aqueles que praticam esse estilo de vida sofrerão FRPDIUXVWUDomR&RPRRUDELQR.XVKQHUGL]³9LYHUDYLGDVySDUDQyV mesmos nos trará somente tristeza e miséria. A vida egocêntrica é uma YLGDLQIHOL]2HJRtVPRpXPJUDQGHREVWiFXORSDUDDIHOLFLGDGH´ FLWDGR SRU'HQQLV:KROH\Você é feliz?%RVWRQSiJ  -HVXV&ULVWRGHSRLVGHGDUDRV6HXVGLVFtSXORVXPDOLomRGHKXPLOGDGH DPRUHVHUYLoRDRVRXWURVGLVVHOKHV³$JRUDTXHYRFrVVDEHPHVWDVFRLsas, felizes serão se as praticarem´ -RmR19,  A riqueza dá sentido à vida? 0XLWDV SHVVRDV RSWDP SRU RXWUR EHFR VHP VDtGD $ rQIDVH H[FHVVLYD HPEHQVPDWHULDLV$TXHOHVTXHFDHPQHVWDDUPDGLOKDHQJDQRVDVXS}HP que o acúmulo de coisas WUDUiIHOLFLGDGH2UHVXOWDGR"8PDVRFLHGDGHHP que a ascensão do padrão de vida é mais importante que a maneira como tratamos as pessoas. A saúde de nossa economia—pública e pessoal—é YLVWDFRPRPDLVLPSRUWDQWHGRTXHREHPHVWDUGRSUy[LPRHjVYH]HVDWp PDLVGRTXHREHPHVWDUGHQRVVDSUySULDFDUQHHVDQJXH Para obter maiores riqueza e status, muitas pessoas estão dispostas a VDFUL¿FDURFDVDPHQWRHDIDPtOLDHPEXVFDGDDVFHQVmRQDFDUUHLUD1R entanto, muitas vezes, elas se encontram em uma frenética corrida de


68

Fazendo a Vida Dar Certo

UDWRV TXH QmR OKHV Gi QHQKXP VLJQL¿FDGR GXUDGRXUR $V DWLYLGDGHV TXH VXS}HPVHUXPDUHDOL]DomRDVOHYDPDSHQDVDRHVJRWDPHQWRItVLFRPHQWDO e emocional. (PFRPSDUDomRFRPDSREUH]DGDVJHUDo}HVDQWHULRUHVRPXQGRRFLdental tem viajado em uma via expressa rumo ao sucesso material. No entanto, muitos sentem que falta alguma coisa na vida. A vida em busca do sucesso pode ser como um vertiginoso e intenso passeio numa monWDQKDUXVVDGHXPSDUTXHGHGLYHUV}HV(ODRIHUHFHDOHJULDPDVWDPEpP desorientação. ³(QRVDSUHVVDPRVHPWRPDUQRVVDVUHIHLo}HVSDUDLUWUDEDOKDUHVDtPRV FRUUHQGRSDUDRQRVVRWUDEDOKRQDLQWHQomRGHSRVVLELOLWDUDQRVVDSUySULD µGLYHUVmR¶GXUDQWHDQRLWHQRV¿QVGHVHPDQDHQDVIpULDV(HQWmRQRV apuramos em busca de diversão, possivelmente envolvendo velocidade, barulho e violência—Para quê? Para comer o bilionésimo hambúrguer em DOJXPDODQFKRQHWHTXHPHOKRUDUiDµTXDOLGDGH¶GHQRVVDYLGD"´ :HQGHOO %HUU\Como são Realmente as Pessoas?SiJ  O dinheiro não pode comprar a felicidade. O preço de viver de qualquer jeito é muito alto. 2PDWHULDOLVPRQmRVXEVWLWXLRSURSyVLWR Então, onde podemos encontrar a felicidade? Vamos encontrá-la ao desFREULURPDLRUSURSyVLWRGDYLGD(QFRQWUDPRODQRFXLGDGRHQRUHODFLRQDPHQWRFRPRVGHPDLV³$HVVrQFLDGDIHOLFLGDGHpRDPRULQFRQGLFLRQDO que temos para com as pessoas em nossas vidas e seu amor incondicional SDUDFRQRVFR´ :KROH\SiJ  -HVXVGLVVH³$FDXWHODLYRVHJXDUGDLYRVGDDYDUH]DSRUTXHDYLGDGH TXDOTXHU QmR FRQVLVWH QD DEXQGkQFLD GR TXH SRVVXL´ /XFDV   $V coisas que importam na vida são os valores que adotamos, o caráter que FRQVWUXtPRVDVUHODo}HVTXHGHVHQYROYHPRVHDVFRQWULEXLo}HVTXHID]Hmos para nossos relacionamentos. A maioria das pessoas naturalmente segue mais o caminho do adquirir GRTXHRFDPLQKRGRGDU,VWRSRGHVHUUHVXPLGRQRDGiJLRSRSXODULQJOrV TXH GL] ³$TXHOH TXH PRUUH FRP PDLV EULQTXHGRV YHQFH´ (VWD ¿ORVR¿D IUDFDVVDHPORQJRSUD]R(PFRQWUDVWH-HVXVGLVVHTXHpPDLVEHQGLWRGDU GRTXHUHFHEHU $WRV $TXHOHTXHUHDOPHQWHYHQFHTXDQGRPRUUHp RTXHEXVFDRSURSyVLWRGH'HXVHGHGLFDVXDYLGDSDUDFXPSULOR³3RUTXH HVWDpDPHQVDJHPTXHRXYLVWHVGHVGHRSULQFtSLRTXHQRVDPHPRVXQV DRVRXWURV´ -RmR  1yVsomos guardiães de nosso irmão, em resposta a uma questão levanWDGD QR LQtFLR GD %tEOLD *rQHVLV   (VWDPRV HP GtYLGD GH DPDU XQV DRVRXWURVHGHGLFDUQRVVDVYLGDVDHVWDQRUPD³$QLQJXpPGHYDLVFRLVD alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros; porque quem DPDDRVRXWURVFXPSULXDOHL´ 5RPDQRV $PDURVRXWURVpRFDPLnho da grande felicidade.

$9LGD7HP6LJQL¿FDGRH3URSyVLWR1REUH"

69

Amar a Deus de todo o seu coração ³$PDUiVR6HQKRUWHX'HXVGHWRGRRWHXFRUDomRHGHWRGDDWXDDOPD HGHWRGRRWHXSHQVDPHQWR´GLVVH-HVXV 0DWHXVFRPSDUDU'HXWHURQ{PLR 2IXQGDPHQWRSDUDDYHUGDGHLUDIHOLFLGDGHHUHDOL]DomR pHPSULPHLUROXJDUDPDUD'HXV2&ULDGRUTXHQRVGHXDYLGDPHUHFH RQRVVRPDLVLQWHQVRDPRU³3RUTXHQ(OHYLYHPRVHQRVPRYHPRVHH[LVWLPRV´ $WRV  'HXVpRJUDQGHGRDGRU³7RGDERDGiGLYDHWRGRGRPSHUIHLWRYrPGR DOWRGHVFHQGRGR3DLGDVOX]HV´ 7LDJR 'HXVWHPTXHVHUVHPSUHD SULRULGDGHQDYLGDGHWRGRKRPHP $WRV 'HYHPRVD(OHDFRPSOHWD devoção. 'HXVSURFXUDSHVVRDVTXHYmRDGRUi/R -RmR (OHQRVFULRXSDUD FRPSDUWLOKDU6XDYLGDHSURSyVLWRFRPDJHQWHGDQGRRYHUGDGHLURVHQWLGR jQRVVDH[LVWrQFLD $ KLVWyULD PRVWUD TXH DV QDo}HV TXH VH GHYRWDP D 'HXV PDQWrP D VXD IRUoD H YLWDOLGDGH $R UHÀHWLU VREUH R GHFOtQLR GD 8QLmR 6RYLpWLFD DWHLD H FRPSDUiOD FRP RV (VWDGRV 8QLGRV R HVFULWRU 'DYLG +DOEHUVWDP HVFUHYHX TXH ³XPD VRFLHdade justa e harmoniosa era, em longo prazo, tamEpP XPD VRFLHGDGH IRUWH´ (O Próximo Século, 1991, SiJ  O historiador francês Alexis de Tocqueville analisou o VXFHVVR GRV (VWDGRV 8QLGRV HP  H HVFUHYHX ³2V NASA (VWDGRV 8QLGRV VmR JUDQGH

Nosso futuro, nossa razão de ser, fazia parte do propósito maravilhoso de Deus antes que Ele formasse o universo, com seus corpos celestes, pelos quais medimos a passagem do tempo. SRUTXHQHOHKiERQGDGH6HRV(VWDGRV8QLGRVGHL[DUHPGHVHUERQGRVRV HQWmR GHL[DUi GH VHU JUDQGH´ (VWD D¿UPDomR VH DSOLFD D TXDOTXHU QDomR &DGD XP GH QyV SUHFLVD GH 'HXV HP QRVVD YLGD SHVVRDO LQGHSHQGHQWHPHQWHGRTXHID]HPDVQDo}HV A conexão divina A fé em Deus nos proporciona um sentido de ter lugar no grande esquema do universo. Precisamos ter fé em Deus quando nos deparamos com os sofrimentos da vida. Nosso estilo de vida pode nos dar bens materiais, mas estes são, muitas vezes, inúteis em momentos de grandes perdas RX DÀLo}HV &RPR R KLVWRULDGRU EULWkQLFR 3DXO -RKQVRQ REVHUYRX ³(P


70

Fazendo a Vida Dar Certo

PRPHQWRVGHLQWHQVDGRUHVRIULPHQWRDSDUHQWHPHQWHVHP¿PDWpPHVPR RDWHXFRQYLFWRDQVHLDSRUXP'HXV´ Em busca de DeusS  3UHFLVDPRVGDSD]HFRQ¿DQoDSURSRUFLRQDGDSHODSURPHVVDGHUHFRPSHQVDHWHUQD'HXVSURPHWHDYLGDHWHUQDDWUDYpVGH-HVXV&ULVWRSDUDDTXHOHVTXHFUHHPQ(OH -RmR 6HRIXWXURQmRUHVHUYDUQDGDSDUDQyV VyHWHUQDLQVLJQL¿FkQFLDHQWmRQyVQmRWHPRVQHQKXPDEDUUHLUDFRQWUDR espectro assustador da morte. Se for verdade que não há vida além-túmulo, então somos forçados a admitir que a vida é como uma ventania, surge aqui e ali e logo desaparece sem deixar nenhum vestígio de sua passagem. Se esta vida é tudo que H[LVWHFHUWDPHQWHLVVRVHULDGHSULPHQWH &RUtQWLRV 0DV'HXVQRV DVVHJXUDTXH(OHWHPDOJRPXLWRPDLRUHPPHQWHSDUDQyV 2 DSyVWROR 3DXOR HVFUHYHX TXH 'HXV SODQHMRX XP IXWXUR PDUDYLOKRVR SDUDQyVDQWHVPHVPRGHFULDUQRVVRVSULPHLURVSDLV$GmRH(YD(OHSODQHMRXRQRVVRGHVWLQR³FRQIRUPHDVXDSUySULDGHWHUPLQDomRHJUDoDTXH QRV IRL GDGD HP &ULVWR -HVXV antes dos tempos eternos´  7LPyWHR  $5$  1RVVR IXWXUR nossa razão de ser, fazia SDUWHGRSURSyVLWRPDUDvilhoso de Deus antes que Ele formasse o universo, com seus corpos celestes, pelos quais medimos a passagem do ,OXVWUDomRIRWRJUi¿FDSRUShaun Venish/Corbis/PhotoDisc tempo.

Deus, como dizem as Escrituras, está formando uma família— Sua própria família. Ele nos oferece a oportunidade de fazer parte dessa família, a família de Deus. Esse relacionamento familiar—que nos torna filhos de Deus—é o coração e o núcleo do Seu incrível plano para a humanidade. 2SURSyVLWRGH'HXVpPXLWRPDLRUGRTXHDSHQDVDFULDomRGHIUiJHLV seres humanos mortais. Ele está envolvido no processo de formar uma ³QRYDFULDWXUD´ &RUtQWLRV HPFDGDXPGHQyVFRPR6HXVSUySULRV ¿OKRVH¿OKDVHVSLULWXDLV¿OKRVLPRUWDLVHLQFRUUXSWtYHLVTXHLUmRFRPSDUWLOKDUD6XDSUySULDQDWXUH]DHFDUiWHU &RPR p TXH VHUHPRV XPD QRYD FULDWXUD" 3DXOR FRQWUDVWD R ³YHOKR KRPHP TXH VH FRUURPSH SRU GHVHMRV HQJDQRVRV´ FRP R ³QRYR KRPHP criado para ser semelhante a Deus em justiça e em santidade provenientes GD YHUGDGH´ (IpVLRV  19,  3DXOR HVWi GHVFUHYHQGR XPD PXLWR necessária transformação. Trata-se inicialmente de uma mudança em nossa

$9LGD7HP6LJQL¿FDGRH3URSyVLWR1REUH"

71

natureza e caráter, de uma mente e perspectiva que tende a hostilidade para FRP'HXV 5RPDQRV (¿QDOPHQWHLVVRUHTXHUXPDPXGDQoDPXLWR maior na ressurreição, a transformação de nossos corpos físicos e mortais a gloriosos corpos espirituais e imortais. 9HMDFRPR3DXORGHVFUHYHHVWHPLODJUH³(LVDTXLYRVGLJRXPPLVWpULR Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados, num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque D WURPEHWD VRDUi H RV PRUWRV UHVVXVFLWDUmR LQFRUUXSWtYHLV H QyV VHUHmos transformados. Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade e que isto que é mortal se revista da imortalidade. E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então, cumprir-se-á a palavra que está HVFULWD7UDJDGDIRLDPRUWHQDYLWyULD´ &RUtQWLRV  Deus está realizando toda essa transformação através do poder do Seu Espírito. A Bíblia chama essa transformação espiritual desalvação. Paulo GHVFUHYH DTXHOHV TXH YmR UHFHEHU D VDOYDomR FRPR RV ¿OKRV GH 'HXV ³2SUySULR(VStULWRWHVWHPXQKDDRQRVVRHVStULWRTXHVRPRV¿OKRVGH'HXV. 6HVRPRV¿OKRVHQWmRVRPRVKHUGHLURVKHUGHLURVGH'HXVHFRKHUGHLURV FRP&ULVWRVHGHIDWRSDUWLFLSDPRVGRVVHXVVRIULPHQWRVpara que também participemos da sua glória´ 5RPDQRV19,  9RFr HQWHQGHX R VLJQL¿FDGR GD GHFODUDomR LQVSLUDGD GH 3DXOR" (OH explica por que estamos aqui, a razão da nossa existência. Deus, como GL]HPDV(VFULWXUDVHVWiIRUPDQGRXPDIDPtOLD²6XDSUySULDIDPtOLD(OH nos oferece a oportunidade de fazer parte dessa família, a família de Deus. A essência do plano de Deus (VVHUHODFLRQDPHQWRIDPLOLDU²TXHQRVWRUQD¿OKRVGH'HXV²pRFRUDção e o núcleo do Seu incrível plano para a humanidade. Veja como a IDPtOLDpLPSRUWDQWHSDUD'HXV³$ROHYDUPXLWRV¿OKRVjJOyULD [através da ressurreição para a imortalidade], convinha que Deus, por causa de quem e por meio de quem tudo existe, tornasse perfeito, mediante o sofrimento, RDXWRU>-HVXV&ULVWR@GDVDOYDomRGHOHV2UDWDQWRRTXHVDQWL¿FD>&ULVWR@ TXDQWRRVTXHVmRVDQWL¿FDGRV>RVVHUHVKXPDQRVQRTXDLV'HXVHVWiDWXando] provêm de um só´ +HEUHXV19,  Aqueles que são verdadeiramente convertidos, que são guiados pelo (VStULWR GH 'HXV GHSRLV GR DUUHSHQGLPHQWR H GR EDWLVPR $WRV  5RPDQRV   WrP R PHVPR 3DL HVSLULWXDO H VmR PHPEURV GD PHVPD família—a família de Deus$V(VFULWXUDVFRQWLQXDP³3RULVVR-HVXVQmR VH HQYHUJRQKD GH FKDPiORV LUPmRV (OH GL] ³3URFODPDUHL R WHX QRPH D PHXVLUPmRVQDDVVHPEOHLDWHORXYDUHL´(WDPEpP³1HOHSRUHLDPLQKD FRQ¿DQoD´1RYDPHQWHHOHGL]³$TXLHVWRXHXFRPRV¿OKRVTXH'HXVPH GHX´ +HEUHXV19,  -HVXVQmRVHHQYHUJRQKDGHFKDPDURVPHPEURVGH6XD,JUHMDGH6HXV SUySULRV LUPmRV H LUPmV  ,VVR GHPRQVWUD FRPR p PDUDYLOKRVDPHQWH


72

Fazendo a Vida Dar Certo

íntima e pessoal a relação dessa família. 'HVGH R LQtFLR 'HXV WHP VLGR FODUR QHVVH SURSyVLWR ³( GLVVH 'HXV )DoDPRV R KRPHP j QRVVD LPDJHP FRQIRUPH D QRVVD VHPHOKDQoD    ( FULRX 'HXV R KRPHP j Sua imagem    PDFKR H IrPHD RV FULRX´ *rQHVLV  2VKRPHQVHPXOKHUHVIRUDPFULDGRVjLPDJHPHVHPHOKDQoDGH'HXV para ser como Deus(OHQRVGL]³(HXVHUHLSDUDYyV3DLHYyVVHUHLVSDUD PLP¿OKRVH¿OKDVGL]R6HQKRU7RGRSRGHURVR´ &RUtQWLRV  Os seres humanos que são colocados na família que Deus está criando, VHUmR ¿QDOPHQWH VHUHV HVSLULWXDLV JORUL¿FDGRV FRPR -HVXV &ULVWR UHVVXVFLWDGR )LOLSHQVHV   2 DSyVWROR -RmR GL] FODUDPHQWH TXH ³seremos semelhantes a Ele´ -RmR 1RVVRGHVWLQRpHQ¿PUHVSODQGHFHU³FRPR DVHVWUHODVVHPSUHHHWHUQDPHQWH´QDIDPtOLDGH'HXV 'DQLHO  O impressionante potencial de qualquer pessoa, como demonstrado a QyVSRU-HVXV&ULVWRH6HXVDSyVWRORVSDUHFHWmRLQFUtYHOTXHDPDLRULDGDV pessoas não consegue compreender esta verdade, quando lê pela primeira vez. Embora este potential esteja claramente declarado na Bíblia, as pessoas costumam não lê-lo corretamente. No entanto, este espantoso futuro pWRGRRSURSyVLWRHUD]mRSHODTXDO'HXVFULRXDKXPDQLGDGH(IRLSDUD isso que nascemos e por que existimos. Deus está em processo de criação de Sua família imortal, e você pode fazer parte dela. (Se você gostaria de saber mais sobre o plano de Deus para a humanidade, não se esqueça de baixar ou solicitar nossos livros O Evangelho do Reino, Qual é o Seu Destino? E Quem é Deus? Todos são gratuitos e pode encomendar de qualquer um de nossos endereços ou do nosso site www.revistaboanova.org/literatura  A Palavra de Deus é verdadeira? Não devemos acreditar em Deus ou na Bíblia apenas para nos sentir bem. 'HYHPRV QRV DJDUUDU jV (VFULWXUDV porque são verdadeiras. A credibiliGDGHGD%tEOLDSRGHVHUFRQ¿UPDGD 3DUDSURYDUSDUDVLPHVPRDYHUGDGH GD%tEOLDQmRGHL[HGHEDL[DUVXDFySLDJUDWXLWDGRQRVVROLYUR A Bíblia 0HUHFH&RQ¿DQoD" Em nosso site www.revistaboanova.org/literatura ou IDoDVHXSHGLGRDRQRVVRHQGHUHoRPDLVSUy[LPRGHYRFr 1D%tEOLD'HXV promete para aqueles que O servem uma recompensa que é muito maior do que tudo o que esta vida tem a oferecer. (P VXD FRQGLomR DWXDO VHP D FRPSUHHQVmR GR SURSyVLWR GH 'HXV R KRPHPpFRPRXPQDYLRVHPUXPRjGHULYDHjPHUFrGRVYHQWRVHGDV tempestades. Seus dogmas fracassam na tentativa de ser um escudo contra DVDQVLHGDGHVHDVLQFHUWH]DVLQHUHQWHVjFRQGLomRKXPDQD Mas você pode compreender a razão da sua existência. Você pode se DIDVWDUGDVXD³YmPDQHLUDGHYLYHUTXHSRUWUDGLomRUHFHEHVWHVGRVYRVVRV SDLV´ 3HGUR YROWDQGRVHSDUDXPDYLGDGHVLJQL¿FDGRHSURSyVLWR uma vida que dará certo.

$9LGD7HP6LJQL¿FDGRH3URSyVLWR1REUH"

73

1RVVD1HFHVVLGDGHGH$PRU PDYLGDVHPDPRUpSRU¿PXPDYLGDVHPVHQWLGR2DPRU é oprincipal elemento da vida humana. Um estudo referenFLDOIHLWRHPSRU5HQp6SLW]HVWDEHOHFHXTXHRDPRUpWmR YLWDOSDUDDVFULDQoDVTXHDTXHODVTXHVmRSULYDGDVGHOHSRGHP morrer por causa disso. O estudo analisou “um hospital, onde um grupo de crianças— todas com menos de três anos de idade—foram alimentadas HYHVWLGDVDGHTXDGDPHQWHPDVRVHQIHUPHLURVGDYDPSRXFR RX TXDVH QHQKXPD DWHQomR SHVVRDO D HODV 1LQJXpP IDODYD FRP HODV ¿FDYD DR VHX UHGRU RX DV DEUDoDYD 2V UHVXOWDGRV humanos foram devastadores: Em dois anos um terço das crianças havia morrido eo restante passou a sofrer de retardado mental . . . A conclusão parece ser clara: A atenção amorosa é WmR HVVHQFLDO TXDQWR R DOLPHQWR SDUD R EHEr KXPDQR´ -DPHV McKee, Sociologia: O Estudo da Sociedade, 1981, pág. 79). O fato de as pessoas precisarem de amor é considerado uma verdade básica por muitos cientistas. No artigo “Não é Possível )D]HU 6HP $PRU´ D UHYLVWD QRUWHDPHULFDQD US News and World Report LQIRUPRX TXH RV ELyORJRV ³VDEHP TXH R DPRU é fundamental para a existência humana . . . A capacidade de HPRo}HV DIHWLYDV HVWi    HVFULWD HP QRVVD ELRTXtPLFD H p HVVHQFLDO SDUD TXH DV FULDQoDV FUHVoDP H VH GHVHQYROYDP´ (17 de Fevereiro de 1997, pág. 58). 8PDSHVTXLVDUHFHQWHPRVWURXTXHDLQWHOLJrQFLDDWpPHVPR das crianças—e, por conseguinte, a capacidade de se destacar em muitas tarefas —depende decerto nível de atenção amorosa e comunicação. “De acordo com descobertas recentes, as ligações neuronais TXHVmRDVFKDYHVSDUDDFULDWLYLGDGHHDLQWHOLJrQFLDQDYLGD adulta são ordenadas principalmente por volta dos três anos de idade . . . o principal fator para estabelecer essas conexões . . . [é] a interação com um adulto atencioso. A visão, a audição, o tato, o olfato e, principalmente, o envolvimento intenso, atraYpVGDOLQJXDJHPHGRFRQWDWRYLVXDOGHSDLVH¿OKRVDIHWDPR número e o aprimoramento desses elos dentro do cérebro . . . (VWHMRJRGHSDODYUDVpWmRLPSRUWDQWHTXHDVDTXHODVFULDQoDV TXHSHUGHPLVVRDRVGRLVDQRVGHLGDGHQXQFDYmRUHFXSHUDU´ (revista US News and World Report, 18 de Agosto de 1997, pág. 92). 2TXHLVVRVLJQL¿FD"2DPRUHDFRPXQLFDomRDPRURVDVmR

U


74

75

Fazendo a Vida Dar Certo

essenciais nĂŁo sĂł para a parte emocional, mas tambĂŠm para o desenvolvimento intelectual de uma criança. “Quando os bebĂŞs sĂŁo cuidados por adultos zelosos, tornam-se alunos muito PHOKRUHV H PXLWR PDLV FRQÂżDQWHV SDUD FRQTXLVWDU R PXQGR´ (ibidem). Se as crianças nĂŁo recebem atenção amorosa, elas nĂŁo estarĂŁo bem preparadas para viver em sociedade. Elas precisam do amor dos pais para ter sucesso. “A dependĂŞncia assegura TXH RV SDLV VHMDP D IRQWH GH WXGR TXH p LPSRUWDQWH SDUD DV crianças: conforto, alimento, amor, sucesso e modelos de PDWXULGDGH´ %HWW\+DUWH7RGG5LVHO\'LIHUHQoDV6LJQLÂżFDWLYDV na ExperiĂŞncia Cotidiana das Crianças Norte-Americanas, 1995, pĂĄgs. 181-182). 1mR p VRPHQWH DV FULDQoDV TXH GHSHQGHP GH DPRU SDUD R VHX EHPHVWDU (PERUD JHUDOPHQWH PHQRV YXOQHUiYHLV GR TXH DVFULDQoDVRVDGXOWRVWDPEpPVRIUHPTXDQGRVmRSULYDGRVGH amor. “A ausĂŞncia do amor pode ser devastador: A perda de um F{QMXJHPXLWDVYH]HVDFHOHUDDPRUWHGHSHVVRDVPDLVYHOKDV´ (Revista US News and World Report, 17 de Fevereiro de 1997, pĂĄg. 58). “Um padrĂŁo de susceptibilidade Ă doenças ĂŠ visĂ­vel em SHVVRDV TXH SDVVDP SRU URPSLPHQWR RX GLPLQXLomR GH ODoRV VRFLDLV$VSHVVRDVTXHHVWmRVROWHLUDVVHSDUDGDVGLYRUFLDGDV ou viĂşvas tĂŞm duas ou trĂŞs vezes mais probabilidade de morrer GR TXH VHXV SDUHV FDVDGRV )UHTXHQWHPHQWH GH FLQFR D GH] vezes mais, eles tambĂŠm acabam no hospital por transtornos PHQWDLV´ 5REHUW2UQVWHLQH'DYLG6REHOO CĂŠrebro Cura, 1987, pĂĄg. 119). 2V GHVDÂżRV GD YLGD VmR HQFDUDGRV PDLV IDFLOPHQWH TXDQGR temos o apoio proporcionado pelos relacionamentos afetivos. A %tEOLDFRQÂżUPRXHVWDYHUGDGHKiPDLVGHWUrVPLODQRVÂł0HOKRU p VHUHP GRLV GR TXH XP SRUTXH WrP PHOKRU SDJD GR VHX WUDEDOKR3RUTXHVHFDtUHPXPOHYDQWDRFRPSDQKHLURDLSRUpP GR TXH HVWLYHU Vy SRLV FDLQGR QmR KDYHUi TXHP R OHYDQWH´ (Eclesiastes 4:9-10). E tambĂŠm nos diz: “Como o ferro com o IHUURVHDÂżDDVVLPRKRPHPDRVHXDPLJR´ 3URYpUELRV  $VDEHGRULDGD%tEOLDHDVDEHGRULDSRSXODUQRVGL]HPTXHDV SHVVRDVTXHQmRWrPODoRVDIHWLYRVFRPRVRXWURVDFKDPGLItFLO ID]HUDYLGDGDUFHUWR2SURFHVVRP~WXRGHGDUHUHFHEHUTXH Ă€XL GRV UHODFLRQDPHQWRV GD YLGD SHVVRDO p YDORURVR 'HXV QRV criou com a necessidade de estar ligados com outras pessoas. (VWHVODoRVGmRVLJQLÂżFDGRHVDWLVIDomRjYLGD

Qual ĂŠ o Seu Destino? Qual ĂŠ o seu destino? Porque ĂŠ que vocĂŞ existe? Por que nasceu? HĂĄ uma razĂŁo, um propĂłsito, para a vida humana?

SerĂĄ que Deus tem alguma coisa a ver com a instituição do casamento e, se assim for, deu-nos Ele algumas instruçþes? E se vocĂŞ cometeu um erro? A homossexualidade ĂŠ aceitĂĄvel a Deus? A aplicação dos princĂ­pios de Deus no casamento nĂŁo apenas produzem relacionamentos felizes nesta vida, como tambĂŠm rendem um melhor entendimento dos eternos princĂ­pios divinos. Se vocĂŞ gostaria de saber mais sobre o propĂłsito da YLGDKXPDQDHHQWHQGHURVLJQLÂżFDGRHVSLULWXDOGR casamento e da famĂ­lia, solicite os nossos livros gratuitos “Qual ĂŠ o Seu Destino? “ e “Casamento e FamĂ­lia: A DimensĂŁo Perdida´

www.revistaboanova.org


(1'(5(d263267$,6 Estados Unidos da AmÊrica: (Pode pedir em Português, Espanhol ou Inglês) Igreja de Deus Unida P O Box 541027 Cincinnati, OH, 45254-1027 Telefone: +1 (513) 576 9796 Inglaterra: United Church of God P O Box 705 Watford, Herts WD19 6FZ Telefone: +44 (0)20-8386-8467 Brasil: Igreja de Deus Unida Caixa Postal 7 Montes Claros – MG CEP 39400-970 Telefone: +1 (513) 576 9796 Internet: www.revistaboanova.org www.gnmagazine.org ZZZEH\RQGWRGD\WY www.ucg.org e-mail: info@ucg.org Autors: 6FRWW$VKOH\:LOEXU%HUJ5RJHU)RVWHUNoel Horner Revisores editoriais: John Bald, Paul Kieffer, Burk McNair, Donald Ward Capa: Digital Stock Design: Shaun Venish Tradutor: Giovane Macedo Revisor da tradução: Jorge Manuel de Campos

Se deseja saber mais.... Quem somos: Esta literatura ĂŠ distribuĂ­da gratuitamente pela ,JUHMDGH'HXV8QLGDXPD$VVRFLDomR,QWHUQDFLRQDOTXHWHP ministros e congregaçþes em muitas partes do mundo. 1yVHQFRQWUDPRVDVQRVVDVUDt]HVQD,JUHMDTXH-HVXVIXQdou, no inĂ­cio do primeiro sĂŠculo. Seguimos os mesmos ensinaPHQWRVGRXWULQDVHSUiWLFDVTXHHQWmRIRUDPHVWDEHOHFLGDV$ nossa incumbĂŞncia ĂŠ a de proclamar o evangelho do vindouro Reino de Deus por todo o mundo, como uma testemunha, e GH HQVLQDU WRGDV DV QDo}HV D REVHUYDU R TXH &ULVWR RUGHQRX (Mateus 24:14; 28:19-20). Gratuito: Jesus Cristo disse: “de graça recebestes, de graça GDL´ 0DWHXV   $ ,JUHMD GH 'HXV 8QLGD RIHUHFH HVWD H outras publicaçþes gratuitamente, como um serviço educacional no interesse pĂşblico. NĂłs o convidamos a pedir a sua subscrição gratuita da revista A Boa Nova e a inscrever-se no nosso Curso de Ensino BĂ­blico, de 12 liçþes, tambĂŠm livre de custos. Estamos agradecidos pelos generosos dĂ­zimos e ofertas dos PHPEURV GD ,JUHMD H GRXWURV FRODERUDGRUHV TXH YROXQWDULDmente contribuem para o suporte desta obra. NĂŁo solicitamos fundos do pĂşblico em geral. No entanto, aceitamos de bom grado contribuiçþes em ajuda a compartilharmos esta mensagem de esperança com outros. Todas as receitas sĂŁo auditaGDVSRUXPDÂżUPDLQGHSHQGHQWHGHDXGLWRULD Informação adicional: Nem todas as publicaçþes mencionadas neste livro estĂŁo correntemente disponĂ­veis na lĂ­ngua Portuguesa, mas estamos empenhados num projecto em as WUDGX]LU SDUD R 3RUWXJXrV 9LVLWH R QRVVR Âł:HE VLWH´ www. revistaboanova.org para ter conhecimento das publicaçþes correntemente disponĂ­veis em PortuguĂŞs, ou para pedir ou ÂłGHVFDUUHJDU´ TXDOTXHU GDV QRVVDV SXEOLFDo}HV LQFOXLQGR ediçþes da revista A Boa Nova, livros e outras. TambĂŠm pode visitar o nosso portal www.gnmagazine.org para uma lista completa das nossas publicaçþes em InglĂŞs, ou o portal www.beyondtoday.tv para programas de televisĂŁo educacionais em InglĂŞs. Se desejar corresponder connosco em PortuguĂŞs, por favor envie-nos um e-mail para info@ucg.org ou escreva-nos para um dos endereços atrĂĄs em lista.

Fazendo A Vida Dar Certo  
Fazendo A Vida Dar Certo  
Advertisement