Page 1

S

Ano IV - Ed. 09 - 2.018

Cobertura da Mondialle na Expo Revestir 2018 Entre os dias 13 e 16 de março de 2018 na cidade de São Paulo, foi realizada no Transamerica Expo Center a 16ª edição da Expo Revestir. Conhecida como a "Fashion Week" da arquitetura e da construção, a feira apresenta as principais novidades de cerca de 240 expositores, entre revestimentos, louças e metais, em um espaço de 40.000 m². Com 16 anos de existência, a feira é considerada uma referência para o setor da construção civil na América Latina e foi encerrada com uma visitação recorde de mais de 62 mil visitantes. Para Antonio Carlos Kieling, presidente da feira e superintendente da ANFACER, "o evento superou todas as expectativas em termos de visitação, qualidade dos estandes e exposição de produtos, além dos conteúdos que foram desenvolvidos ao longo dos quatro dias de evento. Destacaria o conjunto das ações tomadas para a gestão de público, com a segmentação dos dias de feira em dois momentos: Business Days e Creative Days, os quais responderam plenamente as expectativas do plano estratégico estabelecido", Nos 4 dias da feira, onde os principais setores do segmento de material de construção e acabamento estavam presentes, inclusive a Mondialle, o visitante pode ter uma visão geral das tendências do mercado atual. A Mondialle com um estande de 156 m², trouxe diversas novidades para o evento. No segmento de hidromassagem, foram apresentados os lançamentos da spa Positano e das banheiras Guardia e Ragusa. No segmento de Aquecimento Solar, foi exposto um coletor tubo a vácuo acoplado em inox e aço 316. Na linha de louças sanitárias da Mondialle, foi lançado mais 2 modelos de cubas de apoio e as peças com o novo acabamento acetinado nas cores branca, marrom e preta. Veja abaixo, algumas fotos dos produtos expostos nesta edição da feira.

Para saber mais detalhes sobre estes e outros produtos da Mondialle acesse o site: www.mondialle.com.br


BANHEIRAS / SPAS

DICAS

Limpeza e Conservação : Capas Protetoras Térmicas A capa protetora térmica é um item fundamental para manter a água da sua SPA aquecida; seu uso garante economia, durabilidade e é um complemento muito importante para qualquer sistema de aquecimento, reduzindo a perda de calor em até 75%. A água da SPA perde muito calor, isso acontece por diversos motivos (evaporação, radiação, contato da água com a superfície). O uso da capa protetora térmica serve justamente para diminuir essas perdas térmicas, deixando a água quente por muito mais tempo. Principais Vantagens: Limpeza A capa reduz a quantidade de sujeira que entra em contato com a água. Terra, poeira, folhas e galhos ficam sobre sua superfície e podem ser descartados facilmente sem que entrem na SPA. Economia de tempo Já que a capa evita que a sujeira entre na água, você vai gastar muito menos tempo tendo que limpá-la. Passar a peneira na superfície, esfregar as paredes e fazer todo o processo de limpeza. Economia de produtos químicos Com o uso da capa térmica você também economizará produtos químicos necessários para manter a SPA limpa. Como a água vai evaporar menos e a quantidade de sujeira será menor, a quantidade de produtos a base de peróxido de hidrogênio para o tratamento da água será menor. Economia de energia Independentemente do tipo de sistema de aquecimento de água que você tem, com a capa térmica haverá uma grande economia de energia, pois não haverá grande perda de calor e será muito fácil manter a temperatura da água aquecida. Economia de água Como a capa impede que a água evapore, ela manterá o nível ideal por mais tempo e você precisará repor menos água na SPA. Redução da proliferação de algas A capa térmica reduz a incidência de sol e luminosidade na água, evitando que as algas se proliferem. Dessa maneira, água verde e turva não serão mais problema. Facilidade de manuseio A capa térmica é leve e fácil de ser manuseada. Pode ser dobrada, colocada e retirada da superfície da SPA com facilidade. Durabilidade Com a utilização constante da capa a sua SPA ficará protegida de ações da natureza e manterá o seu aspecto e brilho por muito mais tempo. Devido ao aumento da irradiação solar, recomendase o uso da capa protetora térmica para se evitar rachaduras no casco da SPA. Qualidade Fabricada com materiais de primeira qualidade: corvim ecológico, vinil reforçado, isopores revestidos e uma trava projetada em ferro galvanizado, as capas térmicas são bonitas e duráveis.

Com um acabamento nobre em costuras e soldas, a capa térmica de SPA Mondialle foi projetada para um ambiente sofisticado, combinando com um bom projeto paisagístico. Possui diversas opções em cores. Este produto também não acumula água por ter um caimento em suas laterais. É um produto dobrável, leve e de fácil limpeza. Sua finalidade é auxiliar na manutenção da temperatura da água e na sua conservação e limpeza.

02

11 opções de cores

Imagens meramente ilustrativas

Fonte: Marketing Mondialle


NOVIDADES

BANHEIRAS / SPAS

Revitalização do logotipo da Mondialle

Para comemorar os 25 anos de sua inauguração e visando atender todo o mix de produtos que a marca produz e comercializa atualmente (hidromassagem, sistemas de aquecimento solar e louças sanitárias), o logotipo da Mondialle passou por um novo processo de revitalização. A ideia principal foi apresentar um logotipo mais limpo, moderno e que não delimitasse os segmentos de atuação da empresa, sendo utilizado para representar todo o mix de produtos atuais. Ao longo dos 25 anos de mercado, a Mondialle passou por 3 reformulações em seu logotipo original, sempre se ajustando ao seu crescimento mercadológico e ao seu posicionamento de mercado.

A evolução do logotipo da Mondialle

MONDIALLE DESIGN 2011 - 2017

1993 - 2003

D

E

S

I

G

2004 - 2010

N

2018

03


AQUECIMENTO SOLAR

TECNOLOGIA

Equilíbrio Hidráulico para Grandes Volumes O equilíbrio hidráulico é um fator de extrema importância para o melhor aproveitamento do equipamento. Para sistemas de grande volume (banho ou piscina), os coletores planos (abertos ou fechados) podem ser instalados de duas diferentes maneiras:

Fig. 01 - Diagrama em escada hidráulica Bomba Hidráulica

*

FILA 1

- escada hidráulica; - garfo hidráulico. FILA 2

Ao lado na fig. 01, segue o exemplo do diagrama em escada hidráulica. Importante salientar que o primeiro a ser abastecido será o ultimo a ter o retorno para a sua origem. Portanto, o inverso é verdadeiro, o último a abastecer é o primeiro a retornar a sua origem.

FILA 3

Fig. 02 - Diagrama em garfo hidráulico

É necessário que haja uma redução no diâmetro (Ø) do abastecimento da tubulação entre as filas. Devendo iniciar do diâmetro (Ø) maior até o diâmetro do abastecimento final. Já na saída, a tubulação tem a regra inversa, começando do menor diâmetro (Ø) até o maior, seguindo a mesma regra de reduções do abastecimento.

*

Na fig. 02, podemos ver o exemplo de um diagrama em garfo hidráulico. Note como as tubulações, tanto na entrada quanto na saída, se equilibram de forma homogênea, com as devidas reduções nas entradas e saídas.

Cálculos de Bomba para Circulação Forçada Piscina

Banho litros por placa

*l

PLACA 1,0 x 1,0 1,5 x 1,0 2,0 x 1,0

circulação/hora

número de placas

x 30 x n = vazão (m³/h) 1000

CSVMAV

1,2 1,5 2,5

*

Ver tabela de litros por placa (l)

CSVMATV CSHMAV

1,2 1,5 2,5

1,5 2,5

Tubo a Vácuo

CSVMBV

CSVMAIV

1,1 1,4 1,65

1,1 1,4 1,65

m² total das placas

valor fixo da vazão litros / m² / hora

m² x 300 1000

= vazão (m³/h)

litros por tubo

tempo (min.)

1,9 x 30 x nt 1000

número de tubos

= vazão (m³/h)

* Nota: Para se fazer o cálculo de bomba deve-se apenas considerar as áreas circuladas nas figs. 01 e 02. As demais áreas seguem o princípio do empuxo da Lei de Pascal.

04


TECNOLOGIA

AQUECIMENTO SOLAR

Mudanças nas funções dos Controladores Full Gauge A empresa Full Gauge Controls lança uma nova versão de seus controladores MICROSOL BMP ADVANCED. Esta nova versão intitulada de versão 02 possui algumas diferenças nas funções das teclas de programação se comparada com a versão anterior (Versão 01). Esta nova versão conta com 26 funções (a antiga tinha apenas 20 funções). As 7 primeiras funções continuam as mesmas, mas foram acrescentadas 6 novas funções e as restantes ficaram deslocadas de sua numeração original. Como a Mondialle é usuária dos controladores da Full Gauge em seus painéis de controle, achamos de extrema importância a divulgação destas principais diferenças entre as versões. Segue abaixo uma tabela elaborada para facilitar o entendimento e as diferenças na programação entre as duas versões do equipamento.

Observação A mesma A mesma A mesma A mesma A mesma A mesma A mesma A mesma Nova função Nova função Antiga F08 Antiga F09 Nova função Nova função Nova função Nova função Antiga F10 Antiga F11 Antiga F12 Antiga F13 Antiga F14 Antiga F15 Antiga F16 Antiga F17 Antiga F18 Antiga F19 Antiga F20

MICROSOL BMP ADVANCED

Nota: Observar também as mudanças nas funções dos modelos SWP e RSP Advanced.

Sobre a Full Gauge: Desde 1985, produz uma variada linha de instrumentos digitais para sistemas de automação industrial, comercial e residencial, oferecendo soluções para refrigeração, aquecimento, climatização e aquecimento solar com produtos em conformidade com diretrizes, normas e certificações internacionais, como UL, CE, NSF e as ISO 9001 e 14001. Uma das muitas inovações que desenvolveram é a possibilidade de administrar instalações feitas com seus produtos de qualquer parte do mundo através do Sitrad, software de gerenciamento via internet. Fornecedor da Mondialle desde: 2007

05


AQUECIMENTO SOLAR

CASE SOLAR

Hotel Sesc Atalaia aposta em projeto da Mondialle Solar O Hotel Sesc Atalaia se localiza na orla da praia de Atalaia em Aracajú / SE. Construído em um local privilegiado e um dos principais pontos turísticos da cidade, o hotel conta com 60 apartamentos de médio padrão e levou em torno de 10 anos para ser inaugurado. Com uma grande demanda diária de consumo de água quente, visto que a instalação visa atender uma demanda de 180 pessoas por dia, a necessidade calculada foi a de 4.500 litros de água quente diariamente. A Mondialle, com um completo projeto hidráulico e de dimensionamento acaba de finalizar mais este empreendimento sustentável, economizando aproximadamente 5.965 Kw/mês e 7.124 Kcal/h. O projeto da Mondialle conta com a instalação de 40 placas coletoras planas (2,0m x 1,0m) em sistema de alta pressão, 2 resistências elétricas de 5.000W de apoio em 3 reservatórios térmicos de 1.500 litros cada. Através do projeto e acompanhamento do sistema de aquecimento solar da Mondialle, o hotel já conta até o momento com uma economia calculada de aproximadamente R$ 4.653,00 mensais. Veja abaixo algumas fotos detalhadas da instalação projetada pela Mondialle.

06

Fachada doPainel Sesc Atalaia de Controle. em Aracajú - SE.

Painel Painel de controle de Controle. completo.

Conjunto de 40 placas coletoras planas de 2m x 1m.

Complexo de bombas pressurizadoras com variadores de frequência.

Conjunto de bombas de circulação e recirculação.

Conjunto de reservatórios e vasos de expansão.


NOVIDADES

LOUÇAS SANITÁRIAS

A divisão de louças sanitárias da Mondialle projeta uma nova expansão Em virtude da crescente demanda em atender o mercado de louças sanitárias, a Mondialle - divisão de louças sanitárias, apresenta um novo plano de projetos de ampliações em sua fábrica exclusiva do segmento. Localizada também na cidade de Santa Bárbara d’Oeste/SP, mesma cidade onde se localiza a matriz da Mondialle, a divisão de louças sanitárias com 7.500m² foi inaugurada em 2017 e conta atualmente com uma produção de 6.000 peças/mês. Com o novo projeto de expansão em sua linha de produção, a fábrica almeja alcançar uma capacidade média de 18.000 peças/mês. Desta forma, poderá atender bem melhor a demanda crescente de seus produtos. Atualmente são 17 modelos de cubas divididos entre modelos de sobrepor, de apoio e de embutir, e 2 modelos de vasos sanitários, sendo um modelo convencional e um modelo com caixa acoplada. A finalização do projeto e implantação das novas linhas produtivas estará prevista para julho de 2018. Em breve, a divisão lançará mais 3 modelos de cubas de apoio. Acompanhe mais informações nas próximas edições deste informativo.

07


ENTREVISTA

DESTAQUE

Análise do Mercado Nacional de Aquecimento Solar 1- O Brasil aparece na 5ª posição no ranking mundial em capacidade instalada de aquecedores até 2016, com 8.669 MW frente aos 7.712 MW do ano passado, segundo dados da IEA. Como podemos analisar este resultado? É um resultado significativo? R. Entendemos que o crescimento é importante, pois demonstra que o segmento está em expansão. Porém, face a crise econômica em nosso país, este crescimento não correspondeu à expectativa dos fabricantes, por não haver nenhuma ação e liberação de linhas de crédito atraentes para o segmento da construção civil, onde o nosso produto se enquadra. Desta forma, o crescimento torna-se pequeno perante a real capacidade produtiva dos fabricantes nacionais, algo em torno de 1/3 da capacidade produtiva brasileira.

Perfil do Entrevistado

2- O que falta, de maneira geral, para que a utilização de sistemas de aquecimento solar cresça no Brasil? Quais são os pontos críticos? O que pode melhorar? R. São vários os fatores que podem ser significativos para a melhora: 1º - Ação massiva de conscientização pública da real viabilidade econômica do uso dos aquecedores térmicos; 2º - Profissionalização do segmento, com apoio das instituições públicas, que atualmente tem deixado o mercado à deriva; 3º - Liberação de linhas de crédito com juros acessíveis para o setor, sendo que a implementação de sistemas de aquecimento solar proporciona economia de infra-estrutura governamental e gera empregos. São cerca de 100 mil empregos diretos e indiretos envolvidos no setor.

Moacir Marchi Filho 53 anos

3- Quanto custa em média um sistema completo de aquecimento solar para instalar em uma casa? R. Hoje, o sistema solar térmico conta com alguns incentivos do governo já conquistados pelo segmento, como a isenção de ICMS e IPI (convênio assinado até 2021), que permite que tenhamos sistemas à partir de R$ 2.250,00. 4- De quanto é a economia que se pode conseguir com um sistema de aquecimento solar? R. Segundo estudo de estatísticas e avaliações de consumo de cada residência, avaliamos que a economia gira em torno de 40% a 60% sobre a conta de energia das residências que utilizam o sistema de aquecimento solar. 5- Como está o mercado de aquecimento solar no Brasil? Tanto na questão da produção como na qualificação da mão de obra. R. Como podemos ver na resposta da primeira pergunta, o mercado encontra-se com a capacidade ociosa. A infra-estrutura instalada foi mantida, porém em 2016/2017 houve uma redução expressiva no quadro de profissionais nas empresas, tornando o segmento de mão- de-obra deficitário. 6- Existe alguma explicação para a região Sudeste liderar a demanda por aquecimento solar entre as regiões do Brasil? R. Conscientização e poder econômico. A região sudeste claramente é a região de maior poder aquisitivo do país e desta maneira o consumo de sistemas de aquecimento solar é bem mais expressivo nesta região. O fator da conscientização da população também é importante, pois a ideia de sustentabilidade e economia que envolvem o produto geram um aumento na demanda destes equipamentos.

Moacir Marchi Filho é Controller na empresa Mondialle, Presidente da DASOL (Departamento Nacional de Energia Solar Térmica da ABRAVA) e Vice-Presidente do Conselho Administrativo da ABRAVA (Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento). Formação Acadêmica: - Administração de Empresas - Análise de Sistemas - Bacharel em Ciências Contábeis - Contador Especializações: - Engenharia da Informação - Projetos de Energia Solar Térmica e Fotovoltáica - Direito Tributário - Mestrado em Finanças Divulgação: Marketing Mondialle

Editorial: Mondialle News Periodicidade: Trimestral Edição e Marketing: José Carlos Tonussi Junior marketing@mondialle.com.br

/Mondialle

Uma publicação: Mondialle

www.mondialle.com.br Marca Registrada® - MONDIALLE 2018 - Todos os direitos reservados.

FICA VEDADO O USO NÃO AUTORIZADO DAS IMAGENS DESTA PUBLICAÇÃO, NOS TERMOS DA LEI Nº 9.610/98

08

Mondialle news ed 09  

A 9ª edição do jornal informativo técnico e comercial da empresa Mondialle.

Mondialle news ed 09  

A 9ª edição do jornal informativo técnico e comercial da empresa Mondialle.

Advertisement