Issuu on Google+

GUIA

T

ABRIL/MAIO DE 2014

E

A

T

R

O

LALA

EDIÇÃO ESPECIAL

A

N

O

S

www.teatrolala.com.br

Teatro Lala chega aos seu 20º aniversário com uma tragetória de amor pelo teatro!

Duas décadas de dedicação e sucesso! CIDADÃO BENEMÉRITO João Luiz Fiani recebe título na Assembléia Legislativa.

TUMBA DE CÃES Vencedor do Prêmio Myriam Muniz/Funarte de Teatro entra em cartaz!

MOCINHAS DA CIDADE Espetáculo musical faz sucesso marcando os 20 anos do Teatro Lala.

HAMLET NA MÁFIA Shakespeare, 450 anos! Marino Jr encarna célebre personagem.

Divin Prat


2

ESPECIAL 20 ANOS DO LALA

Completando 20 anos Lala diversifica a programação com grandes projetos

A

N

O

S

2014, um ano histórico! NOVIDADES, VARIEDADE DE PROGRAMAÇÃO E O RETORNO DE GRANDES ESPETÁCULOS TUMBA DE CÃES

AS MOCINHAS DA CIDADE

As comemorações aos 20 anos do Teatro Lala, de verdade começaram já no ano passado. Com a realização do projeto GUERRA DOS FANÁTICOS - O Contestado, a Cia Máscaras deu um ponta-pé inicial naquilo que viria a se tornar o ano mais produtivo do teatro Lala. O espetáculo que fez uma bela tournê pelo interior do estado passando por 15 cidades importantes do Paraná, encerrou sua temporada para um Guairão lotado, no dia 19 de dezembro. Neste mesmo dia foram apresentados alguns projetos que seriam realizados em 2014 e que marcariam para sempre este ano na memória do público. Logo no início tivemos a estreia de AS MOCINHAS DA CIDADE, onde o Lala demonstrou enorme capacidade de inovar na busca incessante por públicos diversos. A peça teve durante sua temporada oficial, casa cheia em quase todas as sessões, além de ter sido considerada pela classe artística local um dos melhores trabalhos já realizados no Teatro Lala. Em março, durante o Festival de Teatro o grupo

COLÔNIA CECÍLIA

retornou à Mostra Oficial apresentando TUMBA DE CÃES, um trabalho inovador com dramaturgia contemporânea premiada no exterior. A peça foi vencedora do Prêmio Myriam Muniz/Funarte, demonstrando a capacidade de realização e qualidade artística do grupo. Foi elogiada pela curadoria do Festival: Lúcia Camargo e Tânia Brandão. Ainda tem novidades: Em maio, o grupo irá encenar para o MIA CARA CURITIBA o espetáculo COLÔNIA CECÍLIA, que em 2007 fez parte da Mostra do Festival de Teatro. Um marco na história do Lala. E no mês de junho teremos a estréia de um novo espetáculo baseado na obra do contista Dalton Trevisan. RECEITA DE CURITIBANA, quarta peça realizada à partir de contos do vampiro de Curitiba. Para o segundo semestre é esperada uma nova versão de A CASA DO TERROR, já que não poderia faltar a peça mais querida e assistida de Curitiba. E o ano está só começando para o Teatro Lala onde Qualidade, variedade e dinamismo andam lado a lado.


SALA 1 - DOMINGOS | 19H00

3

Sala 1 | de 13 de abril a 01 de junho de 2014

As Mocinhas da Cidade

FOTO:ANA CHRIS

ESPETÁCULO QUE MARCA OS 20 ANOS DO TEATRO LALA É SUCESSO DE PÚBLICO!

MOCINHAS DA CIDADE - COMÉDIA MUSICAL Texto e Direção: João Luiz Fiani. Direção Musical: Marcyo Luz. Elenco: Rogério Bozza, Marcyo Luz, Alisson Diniz, Luiz Henrique Fernandes, Ingrid Bozza, Lucas Cardoso, Fernanda Bahl, Bruno Germano, Nicole Tacques e Beatriz Soczek. Temporada: até 01 de junho de 2014. Horários: somente domingos – 19h00. Ingressos na bilheteria: R$40 (inteira) e R$20 (meia). Duração: 80 minutos. Classificação indicativa: livre.

FOTO: ANA CHRIS

Com casa lotada dia sim e outro também a história dos músicos Nhô Belarmino e Nhá Gabriela, vem agradando e muito o público e a crítica e teve a temporada estendida. A peça é uma comédia musical que resgata a trajetória de uma das mais conhecidas duplas caipiras do país. A história se passa dentro de um circo que atravessa dificuldades. O grupo então começa relembrar a história de Belarmino e Gabriela, que marcaram época e conseguiram viver da própria arte. O espetáculo tem texto e direção de João Luiz Fiani com um elenco de 10 atores cantores. A peça que foi realizada através dos recursos do Mecenato da Lei Municipal de incentivo à Cultura com apoio da CELEPAR marca as comemorações dos 20 anos de inauguração do teatro Lala. Uma história imperdível aos olhos e ouvidos daqueles que amam a cultura paranaense.


4

SEXTAS E SÁBADOS | 21H00

Sala 1 | de 11 de abril a 31 de maio de 2014

Uma Cama pra Três

FOTO: ANA CHRIS

COMÉDIA COM MARINO JR, INGRID BOZZAE BRUNA MOLEIRO ESTÁ DE VOLTA!

Uma das comédias de maior sucesso de João Luiz Fiani está de volta até o dia 31 de maio. O homem que disser que nunca passou pela situação de fracassar sexualmente certamente está mentindo. Afinal todos os homens estão sujeitos a uma certa margem de falha na hora H. Mas o que fazer quando isso acontece sempre dentro de casa? Na história, Plauto (Marino Jr), é um homem inteligente e bem sucedido. Todas as mulheres acham-no irresistível. Ele é casado com Wanda (Ingrid Bozza), uma mulher bonita e sensual. Tudo estaria bem se não fosse esta falta de desejo sexual pela companheira. Depois de muitas tentativas frustradas, os dois decidem procurar uma mulher perfeita que possa apimentar a relação dos dois. Assim, conhecem Elisa, uma linda garota de programa no melhor estilo Pretty Woman que acaba por complicar ainda mais a relação dos dois.

UMA CAMA PRA TRÊS - COMÉDIA Texto e Direção: João Luiz Fiani. Elenco: Marino Jr, Ingrid Bozza e Bruna Moleiro. Temporada: até 31 de maio de 2014. Horários: sábados e domingos – 21h; Ingressos na bilheteria: sextas: R$ 30,00 e R$ 15,00. sábados: R$40 (inteira) e R$20 (meia). Duração: 65 minutos. Classificação indicativa: 16 anos.


SALA 1 - SEXTAS E SÁBADOS | 23H59

5

Sala 1 | de 11 de abril a 31 de maio de 2014

Hamlet - máfia

FOTO: ANA CHRIS

MARINO JR PROTAGONIZA CLÁSSICO DE SHAKESPEARE

HAMLET NA MÁFIA - COMÉDIA Texto: William Shakespeare. Direção: João Luiz Fiani. Elenco: Marino Jr, Ingrid Bozza, Guilherme Osty, Carol Silva, Lucas Cardoso, Alisson Diniz, Luiz Henrique Fernandes, André Opolz, Arnon Nogueira, David Moura, Ingrid Bozza , Marcyo Luz, Rogerio Bozza e Jorge Lader. Temporada: até 31 de maio de 2014. Horários: sextas e sábados e domingos – meianoite. Ingressos na bilheteria: R$40 (inteira) e R$20 (meia). Duração: 65 minutos. Classificação indicativa: 12 anos. FOTO: ANA CHRIS

Hamlet é considerada uma das peças mais importantes de Shakespeare. Nove em cada dez atores tem vontade de encarnar o papel que praticamente tornou-se sinônimo de atuar. A proposta desta comédia é transpor a tragédia escrita em 1601 e originalmente passada na Dinamarca, para a Chicago de 1930 repleta de bandidos e mafiosos. A trama se mantém como no clássico com Hamlet tentando vingar a morte do pai, executado pelo irmão Cláudio, que o envenenou para em seguida tomar o poder e casar-se com a mãe do jovem. Aqui, Hamlet é acima de tudo uma incógnita. Sua variação de personalidade que beira a loucura, suas ironias e o sarcasmo e que faz todos idiotas tornam a personagem vivida por Marino Jr um ser carismaticamente cômico. O ator atuou entre 2002 e 2003 ao lado de Antonio Fava, um dos maiores estudiosos italianos do gênero cômico e suas variantes como a Ópera Regia, que serve de base para o espetáculo. A direção é de João Luiz Fiani.


6

ESPECIAL 20 ANOS DO LALA

Com muito sacríficio e em plena implantação do Real, um sonho vira realidade.

A

N

O

S

Teatro Lala 20 anos! DEPOIS DE DUAS DÉCADAS DE ATUAÇÃO O ESPAÇO SE CONSOLIDA NA CIDADE

¨Era tudo muito difícil! Feito com muito amor. O Lala recebeu um apoio do Geraldo Pougy, da Fundação Cultural de Curitiba, que emprestou uma arquibancada do carnaval para servir de platéia. No Carnaval, claro, tivemos que devolver.¨

João Luiz Fiani Regina Vogue, Lala Schneider, João Luiz Fiani, Nena Inoue, Silvia Monteiro e Arlene Sabino em 1993.

FOTO: ROBERTO REINTENBACH

Em agosto de 1993, João Luiz Fiani passava pela Treze de Maio, quando viu um barracão para alugar e ficou entusiasmado com a possibilidade de construir um teatro. Convidou então alguns amigos atores com os quais havia formado uma companhia. Eram nove sócios. O Teatro Lala Schneider foi construído com o apoio da iniciativa privada, e das construtoras Gustavo Bergman, Irmãos Thá e Galvão que doaram, material de construção e muito apoio. A dura batalha desmotivou alguns colegas e na inauguração, apenas 3 sócios restaram: Fiani, Sílvia Monteiro e Luiz Carlos Pazello. O espetáculo i n f a n t i l GNOMOS, da Fila para a Casa do Terror - 1996 Regina Vogue

Produções inaugurou o teatro. Em novembro de 94, o Lala foi fechado para novas reformas que contou com o apoio da Lei de Incentivo de Curitiba. O espaço foi reaberto em 12 de abril de 1995, com a estréia do espetáculo A SERPENTE de Nelson Rodrigues dirigido por Fiani. Também estreou simultaneamente o espetáculo infantil: PIRATAS, mostrando um compromisso que o espaço assimiria também com esse público. Desde 1997, com a saída de Pazello e Sílvia, Fiani vem administrado o espaço com apoio de uma valorosa equipe artística, técnica e administrativa. Uma vez que não conta com apoio contínuo da Lei de Incentivo, o espaço sobrevive de suas próprias produções, da locação e do curso de formação de atores que ao longo desses anos formou grandes atores, muitos com projeção nacional. Assim, com muito trabalho e dedicação o Lala chega em 2014 aos seus 20 anos consolidado como um dos mais importantes espaços culturais do estado.


7

ESPECIAL 20 ANOS DO LALA Homenagem aos 20 anos do Teatro Lala, fundado em 23 de abril de 1994.

A

N

O

S

Cidadão Benemérito FOTO: SANDRO NASCIMENTO

JOÃO LUIZ FIANI, RECEBE TÍTULO NO DIA DO ANIVERSÁRIO DO TEATRO LALA

filmes, participações em TV, além de escrever e dirigir centenas de peças. Atuou também em emissoras de rádio e de TV, apresentando telejornais e programas de variedades. Como empreendedor, João Luiz Fiani inaugurou o teatro Lala Schneider em 1994, que recebe, em média, dez mil espectadores ao mês, com a realização de cerca de 40 apresentações. O teatro mantém também, o Núcleo de Profissionalizaçã o Teatral, um Curso de Teatro, voltado não a p e n a s à profissionalizaçã o de atores, mas s e r v i n d o também a profissionais de diferentes áreas. FOTO: SANDRO NASCIMENTO

A Assembleia Legislativa realizou uma sessão no dia 23 de abril, por proposição do deputado Stephanes Jr (PMDB), para comemorar os 20 anos de fundação do Teatro Lala Schneider e também para homenagear o premiado ator, diretor e dramaturgo João Luiz Fiani com a concessão do título de Cidadão Benemérito . Stephanes justificou a iniciativa destacando a importância de Fiani no cenário teatral curitibano, bem como aquela casa de espetáculos, “um polo disseminador da cultura e revelador de grandes talentos, que leva o nome de uma das maiores artistas da dramaturgia paranaense”. A atriz Lala Schneider, nascida em 23 de abril. O paranaense Fiani nasceu no município de Palmeira, em 8 de setembro de 1963, e estreou no teatro em 1979, no Colégio Estadual do Paraná, com o espetáculo “Jogo da Independência”, dirigido por Zélia Hurmann. Desde então atuou em mais de 50 espetáculos,


8

SALA 2 - QUINTAS |21H; SEXTAS E SÁBADOS |20H; DOMINGOS |19H

Sala 1 | de 17 de abril a 11 de maio DE 2014

Tumba de Cães

FOTO: ANA CHRIS

PROJETO VENCEDOR DO PRÊMIO MYRIAM MUNIZ/FUNARTE 2013 ENTRA EM CARTAZ

FOTO: ANA CHRIS

Ambientado em um mundo em guerra o texto, escrito pela italiana Letizia Russo e encenado por Marino Jr, e que teve estreia no Festival de Teatro de Curitiba é uma história que transita no tempo, sem necessariamente pertencer ao passado. Há alusões a guerras diversas e tempos distintos, ao mesmo tempo em que os personagens permanecem presos no espaço caótico da vida contemporânea, onde não fazem nada além de esperar.

Escrita em 2001, a peça mostra um círculo familiar fechado, em que o excesso de proximidade e o contexto de crise obrigam os personagens a mostrarem o pior de si. Aborda o assunto com muita propriedade e com uma série de referências literárias. Glauce, uma viúva sem olhos, sentada em uma cadeira de rodas como num trono, nos lembra Édipo, ou Hécuba condenada a ver o desaparecimento de tudo e todos. O filho, Johnny, rejeitado pelo serviço militar vive sua guerra pessoal com ela em casa, numa reminiscência de Final de Partida, de Becket. Ele mantém um relacionamento com a vizinha Mânia, que aguarda o retorno de seu marido Luther do front de Cinossema (onde segundo a lenda Hécuba teria morrido) numa referência ao retorno de Agamenon da Guerra de Tróia. A autora que é considerada como expoente da dramaturgia europeia, tendo a obra encenada em Portugal, Espanha e Alemanha, se mostrou contente com o resultado. “Há uma grande capacidade dos atores de entrar na história, de


9

SAIBA MAIS

TUMBA DE CÃES - DRAMA

verdadeiras aos personagens, “queVozes dão ao público a ilusão de estar participando de uma história real.

Sem a interferência de ruídos . GAZETA DO POVO

FOTO: ANA CHRIS

Autoria: Letizia Russo. Tradução: Rachel Brumana. Direção: Marino Jr. Elenco: Cristóvão de Oliveira, Simone Klein, Andressa Medeiros, Fernando Bachstein, Jader Alves, Pedro Henrique e Daniel Marcondes. Temporada: até 11 de maio. Horários: quintas – 21h; sextas e sábados – 20h; domingos – 19h. Ingressos: R$ 20,00 e R$ 10,00. Duração: 110 minutos. Classificação indicativa: 14 anos.

O que vem por aí... FOTO: DANIEL SORRENTINO

se apropriar do texto e dos personagens“, disse. Pelo texto ela recebeu os prêmios Tondelli (2001) e UBU (2003), dois dos maiores reconhecimentos ao teatro italiano. Enfim, um texto que convida o público a experimentar a ouvir. Um espetáculo onde a inércia não é a ausência de movimento, mas um lento deslizar para o destino. Em um momento em que conflitos eclodem pelo mundo o que menos falta são paralelos entre o mundo de hoje e o espetáculo. Um grito de desespero, sem melodrama. Uma tragédia contemporânea.

A

N

O

S

TEATRO LALA - SALA 1 DESPERTAR DA PRIMAVERA de Frank Wedekind direção Jader Alves Domingos 21h - de 11/05 a 01/06. TEATRO LALA - SALA 2 AS AVENTURAS DA PRINCESA JEZEBEL texto e direção de Carol Martins Domingos 11h - de 18/05 a 08/06 A CIGARRA E A FORMIGA Texto e direção de João Luiz Fiani Domingos 15h - de 18/05 a 22/06 O PATINHO FEIO Texto e direção de João Luiz Fiani Domingos 17h - de 18/05 a 22/06 HAJA O QUE HOUVER Texto e direção de Lucas Cardoso Domingos 19h - de 18/05 a 08/06 DE PROFUNDIS de Oscar Wilde direção Galvani Jr Sextas e sábados 21h - de 16/05 a 07/06 QUANDO MENINOS AMAM de Anderson Ribas direção Rogério Bozza Domingos 21h - de 18/05 a 15/06 TEATRO FERNANDA MONTENEGRO COLÔNIA CECÍLIA de Renata Pallotini direção de João Luiz Fiani Terça e quarta -20h - dias 27 e 28/05


10

SALA 1 - MARATONA INFANTIL

15H00 - de 13 de abril a 11 de maio de 2014

17H00 - de 13 de abril a 11 de maio de 2014

Entre Duendes e Fadas

A Casinha do Terror

O MUNDO ENCANTADO ESTÁ DE VOLTA!

PEÇA DE TERROR DESTINADA AOS PEQUENOS

As Fadas e Duendes estão de volta! Uma peça que apresenta criaturas fantásticas em uma fascinante fábula, onde o que vale é a nobreza dos sentimentos. Na história as fadas do Arco-Íris, seres sorridentes e dançantes, estão todas em polvorosa com os preparativos para a festa de coroação da Princesa Luna, que na próxima lua cheia completará 110 anos. M a s o s D u e n d e s d o Re i Z u g , c r i at u ra s desengonçadas e atrapalhadas, estão empenhados em conseguir a tão sonhada coroa para seu mestre, o que irá causar grandes confusões. Com uma proposta de trabalhar de forma lúdica as diferenças e propor a integração entre costumes e ideias, o espetáculo usa de elementos mágicos para mostrar dois povos diferentes que compartilham do sentimento de amor e lealdade por seus líderes, da mesma alegria e cumplicidade por seus amigos.

O universo do horror sempre fez muito sucesso entre a garotada. Tanto que uma das peças mais assistidas do Teatro Lala, A CASA DO TERROR, sempre foi vista por crianças. Agora os pequenos tem um motivo a mais para ir ao teatro. Uma montagem do espetáculos destinada especificamente às crianças e usa a linguagem derivada dos quadrinhos. A peça segue a linha do espetáculo adulto, adaptada para as crianças. Os seres que habitam a casa: Vampiro Pai, Vampira Mãe, Lobisomem e Múmia, desejam fazer maldades. Júnior, o vampirinho tem um coração bom e quer apenas se divertir com as histórias da Mônica e do Sítio do Pica Pau Amarelo. Um belo dia, três adolescentes decidem transformar a casa de Júnior em um clubinho do terror. Ao entrar na casa eles ficam comovidos com a história e irão convencer seus pais a aceitarem as diferenças.

ENTRE DUENDES E FADAS - INFANTIL Texto: Kellyn Bethania. Direção: Cristóvão de Oliveira. Assistência de Direção: Galvani Júnior. Elenco: Aline Bonde, Cris Betina Schlemer, Daphne Garcez, Jader

A CASINHA DO TERROR - INFANTIL Texto e Direção: João Luiz Fiani. Elenco: Alisson Diniz, Luiz Henrique Fernandes, Bruna Moleiro, Mel Amaral, Ingrid Bozza, Bruno Fiani, David Moura, Aline Guimarães, Jade Louisie Felippe e Pedro Lopes. Temporada: até 11 de maio de 2014. Horários: domingos, 17h00. Ingressos na bilheteria: R$24 e R$12 (meia). Duração: 55 min. Classificação: Livre

Alves, Jéssica Granato, Kellyn Bethania, Marina Casagrande, Michelle Bonde, Pedro Henrique, Rafael Menezes, Stéfanie Silveira e Thiago Falat. Temporada: até 01 de junho de 2014.

Horários: domingos às 15h. Ingressos: R$ 24,00 e R$ 12,00 (meia). Duração: 60 min. Classificação: Livre.


11

SALA 2 - MARATONA INFANTIL 15H00 - de 18 de maio a 22 de junho de 2014

17H00 - de 18 de maio a 22 de junho de 2014

A Cigarra e a Formiga

O Patinho Feio

FOTO: ANA CHRIS

FOTO: ANA CHRIS

ALEGRIA E ENCAMENTO PARA CRIANÇAS NOVO INFANTIL COM BONECOS E MÚSICA AO VIVO

Volta em cartaz um dos espetáculos infantis mais belos da última temporada. A famosa fábula da Cigarra que cantava enquanto sua vizinha formiga trabalhava arduamente durante todo o verão. Quando o inverno chega a Formiga tem suprimentos para enfrentá-lo, enquanto que a Cigarra, sente fome e frio. De uma forma lúdica e ao mesmo tempo divertida, o espetáculo leva às crianças Uma bela lição de cidadania e solidariedade num espetáculo para crianças de todas as idades. Mais do que uma fábula a peça hoje trata de um tema mais do que atual. A procrastinação. Que é quando deixamos para depois aquilo que deveríamos fazer hoje. Como lidar isso? E como ensinar nossos filhos a lidar com o tema? Descubra nesta peça que tem formato musical, com canções executadas ao vivo no palco pelos atores. A direção musical original é de Mel Maia.

Música, fantoches, interação com a plateia e oportunidade de reflexão. São estas as tônicas do espetáculo infantil “O Patinho Feio”, nova peça que a Cia Máscaras estreia para as crianças. O enredo gira em torno de uma família de patos. Três ovos são chocados e dão origem a uma tríade de belos patos, todos com muitas semelhanças entre si. A similaridade ocorre, inclusive, nos nomes: Nicolau, Glau e Gerival. Mais tarde, no entanto, a mãe pata percebe que há um quarto ovo. De maneira surpreendente, sai de dentro uma ave diferente das demais e a rejeição ao filhote é imediata. Começa para o patinho, então, uma verdadeira jornada em busca de aceitação própria e dos demais. A peça, baseada no livro homônimo do escritor dinamarquês Hans Christian Hendersen e dirigida por João Luiz Fiani, consegue agradar adultos e crianças, principalmente pelas músicas de Marcyo Luz e os bonecos de Marcelo Salles.

A CIGARRA E A FORMIGA - INFANTIL Texto e Direção: João Luiz Fiani Elenco: Anicole Tacques, Marcyo Luz e Narman Handar. Temporada: até 22 de junho de 2014. Horários: domingos às 15h. Ingressos: R$ 24,00 e R$ 12,00 (meia). Duração: 60 min. Classificação: Livre.

O PATINHO FEIO - INFANTIL Texto e Direção: João Luiz Fiani. Elenco: Marcyo Luz, Ingrid Bozza e Nicole Tacques. Temporada: até 22 de junho de 2014. Horários: domingos, 17h00. Ingressos na bilheteria: R$24 e R$12 (meia). Duração: 55 min. Classificação: Livre


Curso do Teatro Lala

São 20 anos de tradição em Curitiba!


Guia Teatro Lala - abril/maio 2014