Page 1

abril 2014 Número XVII

Jornal Escolar da Escola Básica da Marinheira, Madeira

Carnaval

// p.10

Semana da BIBLIOTECA

// p.18

Entre os dias 25 e 28 de março, decorreu, na EB1/PE da Marinheira, a Semana da Biblioteca e, paralelamente, a Feira do Livro. Na sequência do formato iniciado no ano letivo transato, este ano optou-se por distribuir as atividades literárias ao longo da semana.

I

Notícias

Eco-Escolas

Fique a conhecer o que de mais importante se passou na nossa escola, desde as atividades desportivas, literárias, e outras, até às visitas de estudo.

As atividades e projetos desenvolvidos este período letivo aqui na escola no âmbito do projeto Eco-Escolas têm lugar de destaque nesta edição d’O Marinheiro.

Destaque

Trabalhos dos Alunos

// p.2

O carnaval é sempre uma festa aqui na escola. Este ano não foi exceção e, mais uma vez, surgiram excelentes trajes e máscaras.

// p.6

Veja também os trabalhos dos alunos que fazem o quotidiano da nossa escola. São textos e ilustrações das atividades // p.10 realizadas. // p.11

niciámos a semana com o escritor António Castro. Os alunos do 3º e 4º ano brindaram o convidado com a canção A magia da leitura, cuja letra é da autoria de António Castro. Terminado o diálogo informal que o escritor manteve com os alunos, e para desfecho da sessão, os alunos das turmas do 1º e 2º anos apresentaram a canção coreografada As letras de uma canção, igualmente escrita pelo próprio. Já no dia 26 de março, a equipa de animação do Gabinete de Expressão Dramática e Artística brindou toda a escola com uma excelente e emotiva apresentação de um teatro de marionetas, intitulado O nobre elefante. Tratouse de uma atividade muito bem aceite pelas crianças e com uma mensagem de esperança e de amor intemporais. Já a caminhar para o final da semana, na quinta-feira, o ilustrador Paulo Sérgio Beju,

dirigiu-se à nossa escola, tendo desenvolvido uma atividade criativa de desenho com as crianças. E para desfecho da semana, os convidados foram os alunos da turma do 4º ano da EB1/PE do Foro, que nos trouxeram a peça de teatro O Gigante Egoísta. Um momento muito apreciado pelos nossos alunos. A par destas atividades, decorreu ainda a hora do conto, da responsabilidade de alguns alunos do 3º e do 4º ano de escolaridade que, em dias previamente estipulados, foram às turmas do Pré-Escolar e do 1º e 2º anos contar histórias. Paralelamente a estas atividades decorreu a Feira do Livro, cuja editora convidada foi a Leya. Recebeu a visita de alunos e encarregados de educação que aproveitaram a ocasião para adquirir algumas obras. Veja as fotos na última página. =>


2

ACONTECEU...

O MARINHEIRO

Atividades Desportivas Futebol

N

a tarde do dia 27 de janeiro, no estádio municipal da cidade de Câmara de Lobos, realizou-se a primeira atividade desportiva de 2014. Foi uma atividade de futebol onde reinou o espírito de equipa e a alegria subjacente à modalidade. A nossa escola participou com uma equipa mista de 6 elementos, competindo raparigas e rapazes nas diferentes partes do jogo. No final, todos os elementos foram vencedores pela forma astuta e empenhada que disputaram a atividade.

Voleibol

R

ealizou-se, na manhã do dia 24 de fevereiro, mais uma jornada do Desporto Escolar, com a modalidade de voleibol, no pavilhão da Escola da Torre. A nossa escola participou com uma equipa masculina e outra feminina, num total de 6 alunos. O resultado final foi deveras honroso, uma vez que a equipa masculina ficou em 2º lugar, com os mesmos pontos do primeiro.

ProRED na escola da Marinheira A equipa do ProRed visitou a escola da Marinheira para realizar duas demonstrações pedagógicas das aplicações educativas digitais sobre os animais domésticos e os animais da quinta!

A

s demonstrações ocorreram no dia 3 de fevereiro e destinaram-se aos alunos da Pré e visaram dar a conhecer conteúdos educativos digitais elaborados pela Secretaria Regional da Educação, presentes nas aplicações digitais sobre o cão, o gato, o pássaro, o peixe, a galinha, o pato e o peru, abordando as três áreas de conteúdo da Educação Pré-Escolar. As aplicações educativas digitais, desenvolvidas no âmbito do projeto (“O Cão”, “O Gato”, “O Pássaro”, “O Peixe” e “A Capoeira”), poderão ser descarregadas, gratuitamente, mediante registo no portal Pré-Rom. Os módulos das aplicações multimédia são constituídos por textos informativos, histórias, rimas, imagens, vídeos, jogos, músicas, propostas de atividades e fichas de trabalho. Cada módulo corresponde à classe de informação respetiva, sendo feita uma breve descrição sobre a alimentação, a saúde e a higiene, que os animais devem ter. Pelo seu conteúdo apelativo, lúdico e informativo, aconselhamos todos os encarregados de educação que assim o desejem a efetuar o download.


ACONTECEU...

O MARINHEIRO

3

Plano de Prevenção e Emergência No âmbito do Plano de Prevenção e Emergência, no dia 7 de fevereiro realizou-se um simulacro na nossa escola.

O

exercício serviu para consciencializar adultos e crianças relativamente aos cuidados e comportamentos que devem ser respeitados em caso de situação de emergência. Após o sinal de alarme, alunos, Pessoal Docente e Pessoal Não Docente convergiu para o ponto de encontro (recinto desportivo). O exercício decorreu com normalidade, servindo de mote para a melhoria de alguns aspetos. No geral, os objetivos foram alcançados.

Taça Escolar de Educação Rodoviária Alguns alunos do 3º e 4º anos realizaram a fase de escola da Taça Escolar de Educação Rodoviária.

N

o âmbito daquele Projeto, esta atividade ocorreu no dia 21 de fevereiro e envolveu uma componente escrita e uma prova prática. Nestas, avaliaram-se os conhecimentos teóricos relativos ao código da estrada para os velocípedes, bem como o conhecimento das regras e sinais de trânsito. Na prova prática, pretendeu-se avaliar a perícia dos alunos numa situação simulada de trânsito. No final, os três alunos que se apuraram para a fase concelhia foram: Maria Leonor Correia Freitas, Francisco António Pestana Gouveia e Rodrigo Pestana Rodrigues, alunos do 4º ano.


4

ACONTECEU...

O MARINHEIRO

Final concelhia da Taça de Educação Rodoviária

D

ecorreu no dia 20 de março, na EB1/PE de Câmara de Lobos, a fase concelhia do Projeto Regional de Prevenção Rodoviária. Após o apuramento dos vencedores a nível de escola, os três representantes juntaram-se aos colegas de outras escolas do concelho para se apurar o vencedor e futuro representante do concelho na final regional. A competição apresentou a componente prática, na qual os alunos tiveram de efetuar um circuito obedecendo às regras do código da estrada e sinalização apresentada, e ainda a componente teórica. Realizada a média de ambas as provas, apurou-se como vencedor um aluno da EB1/PE do Estreito de Câmara de Lobos. Todos os alunos participantes receberam uma medalha alusiva ao evento.

Visita de Estudo - MUSEU da IMPRENSA

N

o dia 31 de janeiro, as turmas do 3ºA e 4ºA realizaram uma visita de estudo ao Museu da Imprensa da Madeira - MIM, localizado no Edifício da Biblioteca Municipal, em Câmara de Lobos. Os alunos puderam contactar com um vasto conjunto de máquinas e impressoras antigas, bem como uma enorme coleção de caracteres móveis, com que se imprimiram muitos jornais, revistas e livros, na longa história da Imprensa da Madeira. Os alunos ficaram fascinados com a variedade e antiguidade do material exposto, nomeadamente com uma antiga Impressora de grande volume, cedida pelo Jornal da Madeira, que chegou a estar submersa durante três meses, como consequência do temporal de 20 de fevereiro de 2011 que atingiu a nossa ilha. O entusiasmo e a curiosidade demonstrado pelos alunos durante a visita foi além das expetativas.


ACONTECEU...

O MARINHEIRO

5

Concurso Sê Poeta Integrado no Projeto Geral dos Técnicos de Biblioteca, decidiu-se, no presente ano letivo, trabalhar a poesia. Neste âmbito, foi organizado o concurso “Sê Poeta”.

A

Visite a Ilha Mágica dos Livros

http://biblioteca.marinheira.info

Triatlo Literário O Triatlo Literário consiste num conjunto de três provas, nomeadamente leitura, interpretação e escrita, baseando-se numa obra previamente trabalhada em contexto de sala de aula. No presente ano letivo, a obra escolhida foi “O Gigante Egoísta” de Oscar Wilde.

N

o dia 18 de fevereiro, decorreu, no Centro Cívico do Estreito, a final concelhia de Câmara de Lobos do Triatlo Literário. Em prova estiveram nove escolas, entre as quais a EB1/PE da Marinheira, representada pelo aluno Narciso Pereira do 4ºA. O evento contou com a participação da Delegada Escolar de Câmara de Lobos e da Vereadora dos Assuntos Sociais da Câmara Municipal de Câmara de Lobos, que incorporaram o júri. Após a realização das três provas, foi anunciado o vencedor do Triatlo, que representará o concelho na final regional, tendo a distinção sido atribuída a uma aluna da EB1/PE do Covão. Todavia, todos os participantes estão de parabéns e foram premiados com um certificado de participação, acompanhado de uma história.

través desta atividade, pretendeu-se estimular o gosto pela poesia, criando hábitos saudáveis de leitura, desenvolvendo ainda a oralidade, expressividade e criatividade. Assim, nas aulas de biblioteca, os alunos do 3º e 4º ano de escolaridade foram estimulados para a escrita individual de um poema. Inscreveram-se no concurso nove alunos, nomeadamente o Francisco, a Iara, a Laura, a Lúcia, o Nélio e o Pedro do 3º ano de escolaridade e ainda os alunos Narciso, Sara Carolina e Bárbara do 4º ano. A temática era livre, devendo, contudo, os alunos se inspirarem num escritor à sua escolha. Após a escrita do poema e o respetivo treino da sua recitação, procedeuse no dia 7 de fevereiro, à declamação individual. A sessão iniciou-se com uma breve introdução por parte da Diretora da escola e a declamação de um poema à sua escolha “Fevereiro” e prosseguiu com a recitação individual de cada poema elaborado pelos alunos. Notou-se algum nervosismo, mas no cômputo geral os alunos atingiram os objetivos propostos.


6

ACONTECEU...

O MARINHEIRO

Ação de Sensibilização - Resíduos

V

ivemos atualmente numa época em que, cada vez mais, necessitamos de valorizar aquilo que consumimos, para que haja, cada vez mais, uma maior consciencialização de poupança, quer de custos, quer de recursos. Os alunos do 3º e 4º anos de escolaridade, no dia 17 de janeiro, puderam assistir a uma pequena palestra, em que esteve presente a Dra. Ricarda Barbosa, representante do grupo “Águas e Resíduos da Madeira”. Os alunos tiveram a oportunidade de, uma vez mais, serem confrontados com a ideia da necessidade premente de mudanças de atitudes, no que diz respeito à valorização ambiental, em geral, e à separação dos Resíduos domésticos, em particular, de modo a que se consigam obter resultados muito mais favoráveis para a continuidade da sustentabilidade do planeta. No final da palestra, foi realizada uma atividade experimental, em que os alunos teriam de depositar um resíduo, no respetivo ecoponto; desta forma, pôde-se constatar algumas dificuldades que ainda são sentidas, aquando da separação destes mesmos Resíduos.

Espera-se, com estas Ações, uma mudança de mentalidades e que os conceitos divulgados, sejam motivos e fatores de alteração de comportamentos no seio de cada uma das famílias!

Visitas de Estudo

N

o âmbito do Projeto Eco-Escolas, a turma do 1º ano, deslocou-se no dia 22 de janeiro, à ETA do Covão, a fim de tentar entender melhor quais os processos de captação e de distribuição da água, no concelho de Câmara de Lobos. Sendo que o tema da Água é de extrema importância nos dias de hoje, para a sustentabilidade do planeta, é necessário que os alunos tenham a consciência da forma laboriosa como ela é tratada e distribuída através da rede, de modo a que as atitudes de poupança surjam de forma natural nas rotinas diárias de cada um. Assim, a visita efetuou-se a várias divisões da ETA, e os alunos puderam observar os diferentes processos aos quais a água é sujeita: captação, tratamento com produtos químicos, decantação, desinfeção e reservatório. Espera-se que esta visita tenha despertado nas mentes dos alunos, novas formas de poupança de água e de rentabilização dos recursos da natureza.

A

turma do 3º ano, deslocou-se no dia 18 de fevereiro, ao Núcleo Museológico Rota da Cal, em São Vicente, a fim de tentar entender melhor quais os processos associados à extração de calcário e de produção de cal, caracterizadora da região. Nos dias hoje, torna-se fundamental que os alunos possam contactar, desde cedo, com diversas formas de cultura, seja ela paisagística, cultural ou ambiental. Esta visita pôde conjugar várias vertentes, pois os alunos puderam aproveitar a paisagem deslumbrante do Vale de São Vicente, através de um percurso pedestre, onde tiveram oportunidade de realizar os trajetos que os antepassados trabalhadores dos fornos da cal, percorriam, a fim de realizarem a sua atividade. Para além da flora e fauna com que mantiveram contacto, os alunos visitaram o Museu da Rota da Cal, em que se encontram continua na página seguinte >>


ACONTECEU...

O MARINHEIRO

>> continuação

as instalações do Forno principal, onde a cal era produzida. O vídeo a que puderam assistir, elucidou ainda mais as apresentações realizadas ao longo de toda a visita, dadas pelo prof. Dinis Pacheco. Visite-nos em: A visita revelou-se muito positiva e frutífera, pois as aprendizagens foram variadas e as aprendizagens diversificadas. É um roteiro turístico-didático, que todos devem http://eco.marinheira.info realizar!

Comemoração Dia da Árvore

C

hegou a Primavera! Não há nada melhor do que comemorar esta linda estação do ano, contribuindo para a reflorestação e para o embelezamento da nossa paisagem, quer seja a nível regional, quer seja a nível local, concentrando-se na nossa escola. A chegada da Primavera coincide com a comemoração do Dia da Árvore e os alunos puderam dar o seu contributo nesta comemoração. Através do Projeto Eco-Escolas, a turma do 2ºA realizou uma visita de estudo ao Parque Ecológico do Funchal, onde, para além de um percurso pedestre pela natureza, pôde observar algumas plantas criadas em Viveiro (que serão posteriormente plantadas por outros espaços do Parque) e teve a oportunidade de plantar algumas espécies em terreno aberto, como goivos da serra, piornos e estreleiras. O contacto com a natureza e a realização de atividades deste género, consciencializam os alunos para a necessidade de proteção ambiental e para a valorização do património regional. Sendo difícil a deslocação de todos os alunos ao Parque, de modo a poderem realizar o mesmo género de atividades, planificou-se, a nível escolar, uma outra atividade, com toda a importância merecida: as turmas do 3ºA e 2ºB efetuaram uma limpeza ao jardim da escola, de modo a que estes possam consciencializar os colegas para a importância de preservar os espaços verdes e de os manter limpos, tal como a casa de cada um de nós… Esta atividade permitiu uma pequena investigação às espécies cultivadas e funcionou como um alerta para atitudes menos positivas de cuidar do planeta. Para além disso, a turma do 2ºB pôde proceder à plantação de 3 espécies de plantas (gentilmente cedidas pelo Parque Ecológico do Funchal) – goivo da serra, piorno e faia. Assim, contribuiu-se para o aumento da biodiversidade no nosso espaço escolar! É importante que os alunos valorizem o nosso património regional e fazer parte de um local onde existe uma Floresta Laurissilva tão fantástica, deve funcionar como motivo de orgulho e como motor de arranque para a mudança de atitudes. Cabe a cada um de nós contribuir para essa mudança e para a valorização da ÁRVORE como elemento essencial na vida de todos!

7


8

ACONTECEU...

O MARINHEIRO

Visita de estudo às Grutas de S. Vicente e ao Centro de Vulcanismo

N

o dia 13 de fevereiro as turmas do 1ºA, 2ºA e 2ºB efetuaram uma visita de estudo às Grutas e Centro de Vulcanismo de S. Vicente. A visita de estudo começou por uma visita guiada às grutas. Os alunos tiveram oportunidade de observar aquele fenómeno natural que se formou há milhões de anos atrás aquando da formação da nossa ilha. Durante o percurso os alunos viram dois tipos de lava, a lava “Ha-ha” e a lava “Pai-Oi”, sendo que a primeira significa dura e a segunda macia. Tanto um tipo de lava como outro formam-se a partir de um Vulcão Havaiano

que esteve na origem da formação daqueles tubos de lava. A segunda parte da visita de estudo passou-se no Centro de Vulcanismo, aonde visitaram uma exposição de vulcões, visionaram um vídeo sobre a origem da Ilha da Madeira, entraram num simulador que os levou ao centro da terra e viram uma projeção em 3D. Esta última parte da visita de estudo foi a que despertou mais o interesse dos alunos e os fez exteriorizar muita alegria. Foi uma visita de estudo muito proveitosa do ponto de vista didático e que levou os alunos a um mundo imaginário.

Promoção da Saúde

N

os dias 12, 19 e 26 de março as turmas do 2ºA e 2ºB participaram nas Sessões de Promoção da Saúde organizadas pelo Centro de Saúde do Estreito de Câmara de Lobos. Estas sessões visaram não só abordar questões relacionadas com a saúde física como também promover atividades lúdicas com vista o desenvolvimento pessoal e social dos alunos. Foram realizadas atividades muito divertidas e proveitosas do ponto de vista intelectual, psicológico, emocional e social. As estratégias utilizadas estavam de acordo com a faixa etária dos alunos a que se destinavam e as profissionais de saúde estabeleceram desde o início uma relação de empatia com as crianças.


ACONTECEU...

O MARINHEIRO

9

Hora do Conto

N

o dia 18 de março, a turma do 2º A recebeu a visita da Encarregada de Educação Ana Abreu, mãe da aluna Valéria, que veio à sala contar a história Simba e Bombo, o bebé elefante. Esta atividade visou não só o desenvolvimento da oralidade dos alunos e a sensibilização para a importância da leitura, mas também a participação dos pais nas atividades da sala de aula. Os alunos mantiveram-se muito atentos e interessados no conto da história que foi feito de forma dinâmica e com a apresentação de imagens muito apelativas do ponto de vista visual. No final, os alunos mostraram que compreenderam a história que além de ser divertida apelava aos valores, obediência aos pais, interajuda e autoestima.

T

ambém a turma do 2ºB teve o privilégio de ouvir, uma vez mais, a mãe da Vânia contar uma história. Desta vez, foi O dragão das mil flores, uma linda história sobre um dragão diferente de todos os outros dragões, pois não sabia cuspir fogo pela boca e que o deixava triste. Com a ajuda de uma bruxa amiga, que tentou ajudá-lo a resolver o seu problema, acabou por aprender a cuspir… flores! Esta história fala-nos de muitos valores importantes, como a diferença, a amizade, a boa educação, o pedir ajuda, o ser paciente, o não desistir, o não fugir dos problemas… Se ainda não conheces a história, aconselho-te a leres.

Pedro e o Lobo

N

o âmbito da Semana da Biblioteca, a aluna Sara Carolina do 4º ano foi à Pré 2 contar a história Pedro e o Lobo. As crianças gostaram muito, estiveram atentas e responderam às questões colocadas no final. A Sara esteve muito bem e contou a história com clareza e expressividade.

Ilustração de Andreia (Pré 2)


10

DESTAQUE

O MARINHEIRO

CARNAVAL

2014

Desfile de Trajes

C

omo é hábito, a nossa escola comemorou o carnaval com um dia de festa e animação. As atividades começaram com o já tradicional desfile de carnaval em que participaram todas as turmas da escola. No final foram atribuídos prémios aos melhores disfarces. Os vencedores foram a Inês Aguiar (1º lugar), o Guilherme Vieira (2º lugar) e a Bianca Figueira (3º lugar). A festa prosseguiu com a divulgação do concurso de máscaras realizado durante a semana. Os alunos, juntamente com os seus encarregados de educação, elaboraram máscaras de carnaval com material reutilizável e de desperdício. Essas máscaras estiveram expostas e sujeitas a votação de toda a comunidade educativa. Assim, as máscaras mais votadas foram a do Tomás Costa (1º lugar), a da Sophia Gonçalves (2º lugar) e a da Érica Teixeira (3º lugar). Já próximo do fim da festa, no período da manhã, decorreu o baile de carnaval em que os alunos tiveram a oportunidade de dançar livremente ao som de música animada e própria da época. Foi muito divertido! Depois do almoço ainda houve tempo para as deliciosas malassadas e, pela tarde, ocorreram diversas atividades lúdicas no exterior da escola. Foi um dia bastante divertido e animado!

Os vencedores do desfile de trajes de carnaval.

Concurso de Máscaras

Vencedores do concurso de máscaras.

Pode ver todas as fotos da Festa de Carnaval 2014 da escola da Marinheira no seguinte link:

http://1drv.ms/1mMXTdi


OS NOSSOS TRABALHOS

O MARINHEIRO

11

No âmbito da Semana da Biblioteca, a Bárbara Maria do 4ºA foi à turma do 1º ano contar a fábula O Leão e o Rato de Jean de la Fontaine. Após o reconto, os alunos fizeram as ilustrações da história. Um pequeno rato estava a passar por cima de um leão adormecido, quando o leão acorda e o agarra com as suas garras. O rato tentou convencer o leão que de alguma forma poderia ajudá-lo. O rei dos animais riu-se mas concedeu-lhe a liberdade. Certo dia, o leão caiu numa armadilha, rugiu e fez esforço para escapar. Apareceu então o rato e começou calmamente a roer as cordas da armadilha. Finalmente conseguiu libertar o leão e, assim, pagar a dívida.

Moral da história: - Não se ache melhor que os outros pois todos são diferentes/iguais. - Todos os seres vivos são importantes. - Não devemos subestimar os outros. - Uma boa ação ganha outra. - Os pequenos amigos podem revelar-se os melhores aliados.


12

OS NOSSOS TRABALHOS

O MARINHEIRO

A estrela que estava triste Valéria Abreu 2ºA

E

ra uma vez uma estrela que estava triste porque não tinha amigos, quando todos olhavam para ela diziam: -Não tens amigos! E riam-se à gargalhada. A estrela ficava tão triste que até se escondia por causa das outras estrelas gozarem dela. Mas um dia a lua apareceu e disse assim: -Queres ser minha amiga? E a estrela disse: -É claro que sim!-Disse ela toda contente. A lua e a estrela tornaram-se grandes amigas para sempre, e viveram felizes para sempre.

A primavera chegou à nossa localidade Texto coletivo 2ºA

O

inverno terminou e a primavera chegou à nossa localidade. Da janela da nossa sala conseguimos ver mudanças na natureza. A vinha começa a ganhar as primeiras folhinhas, os campos ficam verdes e no meio das ervas nascem flores. O jardim da nossa escola começa a ganhar outras cores e nas folhas das plantas começam a surgir joaninhas e as borboletas e as abelhas sobrevoam as flores à procura do pólen. Como é primavera o sol aparece com mais frequência e já começamos a usar roupas mais leves. Como há mais dias de sol já podemos brincar no exterior sem termos frio. Outra mudança é que quando saímos da escola às 18h30m ainda é de dia, isto porque os dias começam a crescer. A primavera é, sem dúvida, a estação do ano mais alegre, tudo floresce e ganha outra vida.

Problema inventado Observa o gráfico e responde: O gráfico representa as preferências dos alunos em relação às estações do ano. Cada

representa 1 aluno.

Responde: 1- Qual é a estação do ano que mais alunos preferem? 2- Quantos alunos preferem o verão? 3- Quantos alunos preferem o outono e o inverno? 4- Quantos alunos tem a turma? Problema inventado por: Valéria e Sofia 2ºA


OS NOSSOS TRABALHOS

O MARINHEIRO

13

Para a Semana da Biblioteca, os alunos do 2ºB juntamente com a professora decidiram escrever um poema sobre a sua turma. Aqui está o resultado!

A turma do 2ºB A turma começa com a Beatriz que um dia quer ser atriz. A seguir vem a Daniela que gosta de estar à janela. Depois temos o Diogo que gosta de jogar um jogo.

A turma trabalhou, ainda, a obra “Rato do Campo e Rato da Cidade” de Alice Vieira, em suporte digital. Aqui fica um dos trabalhos realizados, a banda desenhada da história, ilustrada por todos os alunos da turma.

Agora vem o David que come sopa com pevide. Continuamos com o Francisco Luís que um dia irá a Paris. É a vez do Henrique que passa o dia a ver a SIC. Temos a vaidosa Laura Raquel usa colar, brinco e anel. Vem a seguir a Liliana distraída, escorregou na casca de banana. A coitada da Margarida caiu e fez uma grande ferida. De seguida, temos a Marisol que todos os dias vê o pôr do sol. Depois vem o Rodrigo que joga à bola com o seu amigo. Aí vem o Telmo Vieira que dorme à sombra da bananeira. Por último, temos a Vânia Helena que usa um chapéu com uma linda pena. Mas não nos vamos esquecer da Carla Costa pois é a professora que a gente tanto gosta. Também neste período, os alunos do 2º B decoraram lengalengas e trava-línguas. Diverte-te com algumas!

Na Semana da Biblioteca a escola assistiu a uma peça de teatro de marionetas, intitulada “O nobre elefante”. Na sala de aula, a turma do 2ºB fez um resumo da história e adorou o trabalho dos profissionais.

E

O nobre elefante

ra uma vez, três mercadores que estavam perdidos numa ilha. Tinham frio e fome. De repente, assustaramse com os passos de um grande elefante, mas decidiram segui-lo. Chegaram a um palácio e quiseram falar com o rei para vender as suas mercadorias: tapetes, especiarias e ouro. Assistiram, ainda, à dança do ventre da dançarina do rei. Ele não se mostrou interessado nas mercadorias, porque já tinha tudo. Então, um dos mercadores lembrou-se de falar no elefante que tinham visto e o rei ficou a pensar nos seus dentes

de marfim. Partiram os quatro à procura do elefante para o caçar. Encontraram as pegadas do elefante e seguiram-nas até ao mar. E, lá estava ele, a nadar com um ar majestoso. Sem pensar duas vezes, o rei entrou na água para matá-lo, mas começou a afogar-se. Apesar do elefante saber a intenção do rei, resolveu salvá-lo trazendo-o para terra. O rei ajoelhou-se perante o elefante, agradecendo e pedindo-lhe perdão pela sua atitude. Todos dançaram ao som da música oriental com a bailarina a acompanhar.


14

OS NOSSOS TRABALHOS

O MARINHEIRO

A Arca do Tesouro em Poesias

A

turma do 3ºA elaborou um trabalho que consistiu na realização de um livro em poesia inspirado na obra literária A Arca do Tesouro da autoria de Alice Vieira. Este trabalho foi realizado para participar na semana da biblioteca, cujo tema era a poesia. A turma começou por ler e trabalhar a obra A Arca do Tesouro, recomendado pelas metas curriculares do 3º ano de escolaridade. De seguida os alunos fizeram quadras baseadas na obra literária de Alice Vieira. Foi um desafio para os alunos, porque nunca tinham escrito poesia baseadas em obras literárias. Posteriormente, em grupos, os alunos fizeram as ilustrações da poesia. A etapa seguinte foi digitalizar as ilustrações realizadas em papel para o computador. De seguida, o livro foi imprimido e encadernado. Para a elaboração deste trabalho, os alunos utilizaram e desenvolveram conhecimentos de Português, técnicas de expressão plástica e de tecnologias de informação e comunicação. Foi um trabalho em que os alunos participaram com muito empenho e alegria. A versão digital das poesias elaboradas pode ser consultada em: http://www.storyjumper.com/book/index/14121712/53204b37950ad

ESCOLA Amanhã começa a escola, A minha fica na Marinheira. Os meninos jogam à bola E as meninas brincam à sua maneira. CARNAVAL

O Carnaval, este ano, festejou-se no dia 4 de março. Na escola, festejou-se no dia 28 de fevereiro, com muita animação e música. Os alunos vieram disfarçados com um fato a seu gosto e houve um desfile, um baile e um concurso de máscaras. No Carnaval, comemos sonhos e malassadas, que são uma delícia. Este ano, alguns alunos, professores e funcionários participaram no desfile de carnaval do Estreito, disfarçados de joaninhas. O Carnaval é uma festa muito divertida.

De manhã cedinho Levanto-me com energia, Para mais um dia de escola Com muita alegria. A escola é divertida Gosto de lá ir. Tenho muitos amigos Com quem gosto de rir. Na escola faço muitas coisas, Há muita diversão. Leio, conto e brinco Com muita animação. A escola é importante Para os alunos aprenderem. Os professores são impressionantes Para os alunos crescerem.

Trabalhos elaborados no Apoio por: Jéssica Soraia, Rodrigo, Gonçalo e José Carlos (3ºA)

Professores e funcionários Conselhos nos dão. Para que sejamos Bons cidadãos.


OS NOSSOS TRABALHOS

O MARINHEIRO

Durante o 2º período, os alunos do 4ºA puderam trabalhar algumas obras recomendadas pelo Plano Nacional de Leitura, das quais se destacaram O Beijo da Palavrinha de Mia Couto e A Maior Flor do Mundo de José Saramago. Para além da leitura e outros trabalhos realizados em prol destas obras, os alunos expressaram, através de desenhos, os seus sentimentos e preferências, relativamente às obras referidas.

O Beijo da Palavrinha Sara Carolina

Vanessa

A Maior Flor do Mundo Fabiana

Jéssica Rubina

Leonor

Gonçalo Rodrigo

Trabalhos alusivos ao carnaval

15


16

O MARINHEIRO

OS NOSSOS TRABALHOS

cantinho do ensino especial

D

esde o início do ano letivo que se têm desenvolvido inúmeras atividades, estratégias específicas e trabalho diferenciado para com os alunos da Educação Especial, tais como organização das salas de aula, preparação de jogos, organização de cadernos escolares, fichas de avaliação adaptadas, etc. Assim sendo, a equipa da educação especial pedagógica tem vindo a desenvolver uma série de atividades de acordo com as especificidades de cada aluno. Evidenciam-se algumas relacionadas com os diagnósticos de dislexia, deficiência intelectual moderada, espetro de autismo e síndrome de down.

As atividades do apoio pedagógico personalizado/ especializado privilegiam o reforço positivo, valorizando sempre a resposta e a atitude corretas, para promoção da autoestima do aluno e estimulação das suas aprendizagens. A nossa escola é uma Escola Inclusiva, que respeita todos os alunos independentemente das suas diferenças. Tanto as crianças, como os funcionários e docentes estão sensibilizados para a importância de respeitar todas as crianças, afinal de contas somos todos especiais, não é?

Apresentamos algumas atividades desenvolvidas pelo aluno Luís Diogo do 4º ano com diagnóstico de “Dislexia”.

Leitura de obras de literatura para a infância: (leitura de textos período a período, ou parágrafo a parágrafo e aprender o significado de cada palavra com registo no dicionário do aluno) com reconto oral das histórias ouvidas e resumo de textos mudando palavras para os respetivos sinónimos.


OS NOSSOS TRABALHOS

O MARINHEIRO

17

Atividades desenvolvidas pelo aluno Marco Silva do 4º ano, no âmbito da disciplina Matemática para a vida.

Reconhecimento dos dias da semana com associação às atividades desempenhadas pelo aluno. Pretendeu-se também com esta atividade que o aluno saiba usar corretamente as noções de ontem, hoje, amanhã, antes de ontem, depois de amanhã.

Atividades desenvolvidas pelo aluno José Leonardo, da sala de pré 2 na sua área de trabalho individual. A sala de atividades é organizada de acordo com a Metodologia Teacch, por forma do aluno beneficiar de um ensino estruturado.

TRABALHO INDIVIDUAL Atividades desenvolvidas pela aluna Inês Maria, do 1º ano, no âmbito da disciplina da leitura, escrita e matemática. As aprendizagens são enquadradas num sistema visual, global e de acordo com as vivências da aluna.

A gaivota cresceu e voa com as próprias asas. Os meus olhos são os meus ouvidos Tanto escrevo como falo por gestos As minhas mãos são Bilingues Ofereço-vos a minha diferença O meu coração não está Surdo e nada neste mundo é duplo. O Grito da Gaivota de Emmanuelle Laborrit

Um GRANDE beijinho para todos! Professoras Teresa e Sofia


18

ÚLTIMAS

O MARINHEIRO

semanada

BIBLIOTECA

25-28

MAR

Veja as fotografias da Semana da Biblioteca 2014 no seguinte link:

http://1drv.ms/1pxTmwD

Numa iniciativa inédita aqui na escola, a decorrer durante a última semana de aulas deste período, a barraquinha “Um Dia Pela Vida” destina-se a angariar fundos para a Liga Portuguesa Contra o Cancro. Pretendemos essencialmente alertar para a importância da prevenção, alterando a atitude de cada um de nós face à doença, relembrando que o cancro não significa necessariamente a morte! Além disso, todos as receitas obtidas com a venda de pequenos bens comestíveis revertem inteiramente para os programas de prevenção e atividades da Liga Portuguesa Contra o Cancro.

Profile for Escola da Marinheira

O Marinheiro XVII  

Jornal escolar da EB1/PE Marinheira, Madeira, abril de 2014

O Marinheiro XVII  

Jornal escolar da EB1/PE Marinheira, Madeira, abril de 2014

Advertisement