Page 67

"Vire". Ele olhou para ela, um pouco divertido, então colocou o seu chá no chão e ficou de barriga para baixo. Ivy começou a esfregar as suas costas, passando a mão sobre ela em círculos pequenos e grandes, do jeito que ela faz com Philip. Ela podia sentir a tensão nele, cada músculo foi apertado. Gregory realmente precisava era de uma massagem, e ela faria melhor se ele tirasse a camisa, mas ela estava com medo de sugerir isso. Por quê? Ele é apenas o meu meio-irmão. Ivy lembrou a si mesma. Não é um encontro. Ele é um bom amigo e uma espécie de irmão. "Ivy?" "Sim?" "Estaria tudo bem com você, se eu tirasse a minha camisa?" "Seria melhor", disse ela. A tirou e deitou-se novamente. Suas costas era grande, bronzeada e forte de jogar tênis. Ela começou a massagear novamente, fazendo movimentos dessa vez mais fortes, movendo suas mãos para cima na coluna e nos musculos dos ombros. Ivy amassou a parte de trás de seu pescoço, e com os dedos trabalhou em seu cabelos escuros, então ela passou as mãos para baixo a sua parte inferior da coluna. Lentamente, mas certamente o sentiu relaxar sob seus dedos. Sem aviso, ele se virou e olhou para ela. À luz de velas, suas feições captavam acentuadas sombras. A luz dourada preencheu um pouco o concavo de seu pescoço. Ela estava tentado tocar esse vazio, para colocar a mão em seu pescoço e sentir seu pulso. "Você sabe", disse Gregory, "no último inverno, quando meu pai me disse que estava se casando com Maggie, a última coisa que eu queria era você em minha casa." "Eu sei", Ivy respondeu, sorrindo para ele. Ele estendeu a mão e tocou seu rosto. "Agora..." disse ele, abrindo os dedos, deixando emaranhar em seus cabelos. "Agora..." Ele puxou a cabeça para baixo mais perto dele. Se nós nos beijamos, pensei Ivy, se nós nos beijamos e Suzanne … "Agora?" ele sussurrou. Ela não poderia lutar mais. Ela fechou os olhos. Com as duas mãos, puxou o rosto rapidamente até ele. Em seguida, as mãos duras se relaxaram, e o beijo foi longo, leve e delicioso. Ele levantou o rosto e beijou-a suavemente sobre a garganta.

Beijada por um anjo vol 2 a força do amor  
Advertisement