__MAIN_TEXT__

Page 1

Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

Faculdade de Arquitetura e Urbanismo - FAU - UFRJ Trabalho Final de Graduação I - 2017.2 Profs. Naylor Vilasboas e Ivete Farah Orientador: Maurício Pereira Aluna: Marina Araújo


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

SUMÁRIO

Introdução ------------------------------------------------------------------------------------------- 02 Sobre o tema ---------------------------------------------------------------------------------------- 03 Desenvolvimento ---------------------------------------------------------------------------------- 05 Definições gerais ----------------------------------------------------------------------------------- 05 Análises do entorno ------------------------------------------------------------------------------ 06 Referências ------------------------------------------------------------------------------------------ 07 Levantamento fotográfico------------------------------------------------------------------------ 08 Programa -------------------------------------------------------------------------------------------- 09 Fluxograma ------------------------------------------------------------------------------------------ 10 Estudos de implantação -------------------------------------------------------------------------- 11 Diretrizes projetuais ------------------------------------------------------------------------------ 12 Estudos de massa e volumetria ---------------------------------------------------------------- 13 Evolução da forma -------------------------------------------------------------------------------- 13 Espacialidade ---------------------------------------------------------------------------------------- 15 Análise por área ----------------------------------------------------------------------------------- 15 Implantação ----------------------------------------------------------------------------------------- 17 Setorização ------------------------------------------------------------------------------------------- 18 Planta do térreo ----------------------------------------------------------------------------------- 19 Planta do 1º pavimento ------------------------------------------------------------------------- 20 Cortes ------------------------------------------------------------------------------------------------- 21 Vistas ------------------------------------------------------------------------------------------------- 22 Cronograma ----------------------------------------------------------------------------------------- 23

Marina Araújo

Marina Araújo 3º Lugar Indoor e Outdoor 2013 Campeã Carioca Indoor - 2014 Vice-campeã Mail Mach Flint - 2014 Campeã Circuito Field Brasil Indoor- 2015 Vice-campeã carioca Indoor - 2015 5º Lugar ranking Brasileiro por equipes - 2017

1


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

INTRODUÇÃO O Tiro com Arco é um esporte honesto. Em outros esportes você pode ter a sorte de decidir o fator entre vencedores e perdedores. Com o Tiro com Arco é diferente. Não importa o que você faça, você sempre verá a resposta no alvo. É a sua honestidade, sua transparência que faz com que o Tiro com arco permaneça como um esporte puro, onde o seu inimigo sempre será você mesmo. É claro, um juiz pode fazer diferença, mas a sorte de um arqueiro sempre será seus próprios movimentos. E isso foi o que fez com que há cinco anos atrás eu me apaixonasse por esse esporte. Eu comecei a praticar Tiro com arco em 2012. Logo de início vi a íntima relação entre a construção do pensamento arquitetônico e o processo do tiro: Ambos exigiam sentimento, paixão. Respiração, pausa, profundo foco e concentração. Vontade de realizar o movimento perfeito, certeza de criar algo que fosse passageiro, efêmero, porém forte, certeiro e convicto. Do mesmo modo quanto mais o tempo passava, mais eu conseguia ver o quanto a Arquitetura, sendo a bela arte que é, se transcorria através da minha carreira como atleta. Hoje, mais do que nunca, essa relação transcorre em minha vida e na forma como este TFG será desenvolvido. Através de sua arquitetura, este irá buscar se expressar como um objeto que pode ser sentido, sendo um tradutor de todos os movimentos que fazem parte do processo do tiro. A sua proposta visa quebrar as barreiras sólidas e proporcionar uma arquitetura sensorial, que em seus espaços, formas, volumes e materiais traduz a forma como um arqueiro maneja o arco e a flecha. “Declaro que chegou a hora para a arquitetura reconhecer a sua natureza, compreender que deriva da vida e tem como objetivo a vida como hoje a vivemos. Se vivermos com personalidade e beleza, a arquitetura torna-se a necessária interpretação da nossa vida…Sim, a interpretação da vida: esta é a verdadeira tarefa da arquitetura, pois os edifícios são feitos para se viver neles, para se viver neles com felicidade, são construídos para acrescentar o prazer de viver.” ZEVI, Bruno, História da Arquitectura Moderna, vol. II, Lisboa, Arcádia, 1978 - frase citada por Frank Lloyd Wright, p426.

Marina Araújo

2


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

SOBRE O TEMA

1.1 Justificativa e objetivos da temática escolhida Apesar de todos os escândalos que tem sido colocado à tona, à crise econômica na qual o país se encontra e a falta de recursos aplicados na área de esporte, o Brasil tem aos poucos se desenvolvido na questão da diversidade de esportes. Hoje mais do que nunca as pessoas tem a facilidade de encontrar um esporte através de uma simples pesquisa no google e em pouco tempo se ver fazendo parte de um grupo de pessoas que compartilham da sua mesma paixão. No campo do Tiro com Arco não é diferente. De 2012 - 2017 o Brasil se destacou tanto em campeonatos mundiais com atletas como Marcus Vinícius e Sara Nikitin, (2º lugar no mundial) como nas olimpíadas Rio 2016, com Anne Marcelle indo para as oitavas de final (melhor resultado do Brasil em uma olimpíada de Tiro com Arco). Sendo assim, hoje no âmbito internacional o Brasil se apresenta ainda como pequeno, mas com atletas de grande destaque. Porém não é novidade que o Tiro com Arco no Brasil ainda é um esporte pouco conhecido. A falta de profissionais qualificados e principalmente a falta de conhecimento sobre o esporte faz com que hajam poucos investimentos na criação de espaços com infraestrutura para o esporte. Apesar disso, o Brasil possui muitos amadores e pessoas interessadas no esporte. Com atletas filiados à CBTARCO, o esporte conta com mais de 800 atletas competindo todos os meses em competições indoor, outdoor e field. Ainda assim, as cidades que ganham mais destaque são as grandes capitais, como São Paulo e Rio de Janeiro. O destaque se dá ao fato de no Rio de Janeiro ter sido implantado o Centro de Treinamento de Tiro com Arco, um campo de tiro localizado em Maricá e que desenvolve projeto Marina Araújo

com jovens de baixa renda para serem atletas de alto rendimento (Marcus Vinícius é um destes jovens). Em São Paulo destaca-se o Círculo Militar, onde atualmente é treinada a seleção Brasileira, além de diversos polos espalhados pelo estado. Apesar de se destacar e receber as principais provas nacionais, o Centro de Treinamento em Maricá ainda continua sendo pouco utilizado pelos atletas do Rio de Janeiro. Atualmente, o Rio de Janeiro possui quatro clubes que oferecem o Tiro com arco, sendo que dois deles são grandes clubes que infelizmente ainda dão pouca ênfase ao tiro com arco (Club Municipal e Portuguesa) enquanto os outros dois stands se desenvolveram dentro de casas residenciais (Archeria Carioca no Cosme Velho e Escola de Arqueiro Renato Emílio, na Ilha do Governador). Tendo em vista o grande potencial de se instalar uma área que dê suporte aos atletas do Rio de Janeiro, capte novos atletas e pessoas interessadas no esporte além de receber atletas de outros estados, este projeto visa revitalizar o Centro de Treinamento de Tiro com Arco que já existe em Maricá para receber atletas nacionais e internacionais, fornecendo espaço de moradia e prática do esporte além de espaços para a realização de campeonatos nacionais e internacionais, estrutura na qual o Brasil hoje ainda não possui. Com isto, ainda se busca através do projeto divulgar a prática do esporte no Brasil, abrindo as portas para novos atletas que poderão descobrir o prazer da prática do Tiro com Arco através do uso de um espaço inovador que envolve as sensações, temáticas e prática do esporte.

3


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

1.2 Análise das relações entre programa, sítio e tecido urbano

1.3 Objetivos da proposta

O terreno escolhido para a implantação da proposta localiza-se em Maricá, em um terreno próximo à Lagoa de Maricá que foi cedido pela própria prefeitura. O terreno hoje é administrado pela CBTARCO e possui projetos de investimento para o ano de 2018, sendo um terreno de grande potencial construtivo. O terreno é localizado ao fim da Av. Clímaco de Figueiredo. O acesso principal de dá através da Rodovia Amaral Peixoto, que conecta-se à esta avenida. O terreno conta com uma área total de 27 mil metros quadrados, que hoje conta com um programa bastante restrito, sendo composto pela área outdoor, indoor, uma casa onde funciona a administração, 4 quartos para atletas além de duas salas de reuniões.

A proposta tem como objetivo o estímulo e desenvolvimento do Tiro com Arco em um local exclusivamente destinado para a prática desse esporte, que contará com instalações adequadas para a prática do esporte e campeonatos, além de acomodações para a respectiva federação. Além disso o projeto visa o desenvolvimento de programas sociais (principalmente crianças) através da criação de espaços que respondam à tal demanda, auxiliando na educação, disciplina e cultura. A proposta inclui a instalação de 3 áreas principais de tiro: área indoor com 18 m, campo outdoor com 70m field e área para a prática do Kyudô com 30m. Interligando todos esses espaços propõem-se áreas de contemplação, meditação e estar, que serão localizados em pontos estratégicos da edificação. A proposta ainda inclui áreas de uso coletivo como academia, auditório e salas destinadas à federação, além de um espaço de habitação temporária para atletas. 1.4 Referências Atualmente o Brasil não possui um Centro e Tiro com Arco que abrigue eventos internacionais, possua um complexo que envolva três modalidades de tiro e forneça habitação temporária para atletas. Hoje o centro mais desenvolvido é o da CBTARCO em Maricá, porém este ainda abriga somente eventos nacionais, fazendo com que o Brasil não tenha prioridade na escolha para grandes eventos internacionais de Tiro com Arco. Essa falta de estrutura é o ponto central deste projeto, que irá utilizar como referência o World Archery Center, um centro de treinamento feito pela confederação internacional de Tiro com Arco, que é referência tanto em sua questão arquitetônica quanto sua questão conceitual de programa e setorização de espaços.

Marina Araújo

4


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

DESENVOLVIMENTO

2.1 Definição dos níveis e padrões de desenvolvimento pretendidos Para o desenvolvimento deste projeto, pretende-se trabalhar nas seguintes escalas: Implantação geral: 1:1000; 1:500; 1:250 Proposta arquitetônica: 1:250; 1:125 Detalhamentos: 1:50; 1:25; 1:10; 1:5

DEFINIÇÕES GERAIS

3.1 Caracterização do público-alvo Funcionários da Federação de Tiro com Arco, Estudantes dos ensinos Fundamental e Médio de escolas públicas e privadas Praticantes amadores de tiro com arco (descoberta de novos talentos) Atletas profissionais representantes do Rio de janeiro

2.2 Metodologia e instrumentos de trabalho Atletas brasileiros e de outras nacionalidades O desenvolvimento do projeto se dará em etapas: - pesquisa sobre a temática escolhida, juntamente com o sítio escolhido para a implantação e as análises (e dados) necessários sobre ele; - Levantamento fotográfico do local e entorno; - Definição de um programa de necessidades; - Estudo de referências formais e de referências em relação ao tema; - Elaboração de um partido arquitetônico; - Descrição completa das soluções adotadas, representada através de gráficos e desenhos - Desenvolvimento aprofundado do projeto

Marina Araújo

Público em geral que queira utilizar os espaços fornecidos no programa

5


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

ANÁLISES DO ENTORNO

4.1 Vegetação e meio ambiente

4.3 Sistema viário

O terreno localiza-se próximo à Lagoa de Maricá, possuindo um rio que passa no entorno imediato, por onde se distribui uma grande massa de vegetação. O projeto busca manter a vegetação existente, revitalizando a margem desse rio através de um projeto paisagístico que integra a área livre do terreno com a área edificada.

O entorno conta com vias locais na sua grande maioria, possuindo algumas vias arteriais por onde passam os ônibus locais. A grande maioria dos veículos se concentram na Rodovia, que possui acesso direto à Avenida Clímaco de Figueiredo (onde se encontra com o terreno ao seu fim). 4.4 A mobilidade

4.2 Uso do solo e atividades existentes A área de intervenção possui uma grande massa de área residencial, contando com algumas áreas de uso misto mais próximas à Rodovia Amaral Peixoto. As áreas de educação são escassas, portanto o projeto prevê a instalação de uma área educacional que ofereça aulas para o público que frequenta o local e o público geral do município de Maricá.

Marina Araújo

Os pontos de ônibus existentes localizamse principalmente próximos à Rodovia, contando com um ponto de ônibus na Avenida que leva ao terreno.

6


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

REFERÊNCIAS

forma em que este se movimenta ao executar o processo do tiro. Ainda falando um pouco sobre a questão da meditação, estudos feitos com a seleção de Tiro com Arco da Coréia do Sul (atualmente os melhores do mundo) comprovaram que atletas que usam a meditação aprimoram o processo de tiro e possuem melhor desempenho do que atletas que não tem essa prática. Recentemente a equipe olímpica de Tiro com Arco dos EUA aplicou esse método e pode comprovar a sua eficácia. Tendo isso em vista, o projeto visa criar pátios que sejam utilizados como áreas de meditação. Essas áreas estarão dispostas estrategicamente por todo o edifício. Principais referências arquitetônicas de Tiro com Arco:

Algumas palavras-chave foram utilizadas para o desenvolvimento do projeto: Eixos de visão, que buscam evidenciar através da forma traços do tiro com arco, continuidade que está relacionado diretamente ao próprio processo do tiro (o arqueiro precisa fazer um movimento contínuo para executar um tiro perfeito), integração, que será refletido em todas as áreas do projeto como um todo, e meditação/movimento – que trás à tona meios de aprimoramento do atleta e a

Marina Araújo

7


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

LEVANTAMENTO FOTOGRÁFICO

Ao visitar o terreno em dia de competição, pode-se perceber que o terreno possui um grande potencial para a implementação de um edifício único que pudesse se dispor ao redor do campo de 70m, o que acontece em parte hoje no local. Apesar de a quadra Indoor estar ao lado do campo, esta encontra-se totalmente desconectada do entorno, fazendo com que as edificações existentes sejam áreas fragmentadas, dificultando a mobilidade e até mesmo sendo pouco atrativo para os atletas e visitantes do local. Pode-se também notar que o terreno não possui declive, sendo o campo implantado de maneira estratégica em relação à incidência solar. Com isto, o projeto procura manter a direção do campo, alterando apenas a sua posição para melhor aproveitar o espaço existente. Outro fato notado é que o rio que passa no entorno é completamente excluído da área do terreno, não sendo parte integrante da paisagem do local.

Marina Araújo

8


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

PROGRAMA

ÁREA TOTAL: 11229 m² Marina Araújo

9


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

FLUXOGRAMA GERAL

Marina Araújo

10


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

ESTUDOS DE IMPLANTAÇÃO O desenvolvimento do projeto tomou como base a instalação do campo principal de 70m no terreno. Ao analisar algumas possíveis formas de implantação, chegou-se a conclusão que a melhor forma de implantar o terreno seria da forma como ele encontra-se atualmente, só que direcionado um pouco mais para a esquerda, para que o limite de 30 m de área não edificada da margem do rio fosse em parte utilizada para o campo de tiro. Esta posição também é privilegiada na questão dos ventos, que são originados principalmente da área da lagoa e das edificações à direita do terreno. O vento é algo imprescindível para campeonatos outdoor, sendo utilizado como um dos fatores de dificuldade para esses tipos de prova.

Marina Araújo

11


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

DIRETRIZES PROJETUAIS

O projeto tem como diretriz uma edificação que se desenvolve ao redor do campo de 70m, “abraçando” esse espaço aberto que será utilizado diariamente pelos atletas que frequentarão o Centro. A área de acesso e apoio desenvolve-se próximo

Marina Araújo

ao acesso do terreno, enquanto a moradia dos atletas localiza-se na extensão do corpo principal da edificação. Ao fundo/lado direito do terreno, na área mais reservada encontra-se a área para o Kyudô (arco japonês) e a área da piscina.

12


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

ESTUDOS DE MASSA E VOLUMETRIA Para o desenvolvimento do volume o projeto inicialmente adquiriu várias formas com diferentes tipos de volumes e partidos. A forma curva acentuou-se em certas propostas e após um estudo pode-se entender que os volumes com blocos em formas diversas com ângulos agudos assemelhava-se à figura do arco (propriamente a flecha), enquanto a forma circular lembrava o alvo que o arqueiro aponta todas as vezes que atira. Entendendo que uma forma deveria se destacar no projeto, optou-se pela figura metafórica da flecha, que faz com que o edifício seja o próprio reflexo desta. Com isto a forma da ponta da flecha foi introduzida no corpo principal do edifício, por onde se desmembram todas as outras partes do mesmo. Para trazer dinamismo e corresponder às necessidades de cada espaço, a cobertura adquiriu papel fundamental na volumetria, sendo utilizada com diversas alturas em diversos momentos da edificação, trazendo à tona a sensação de movimento, amplitude e continuação para o espaço interno e externo do edifício. Pátios internos entram por dentro desta forma trazendo áreas de respiração e meditação, fazendo com que a luz natural adentre no espaço e promovendo unidade ao espaço como um todo.

Marina Araújo

EVOLUÇÃO DA FORMA 1) Inicialmente foram pensados três blocos principais que se desenvolviam ao redor do campo de 70m, tendo entre eles um eixo principal remetendo à figura da flecha.

2) Tendo em mente a ideia de continuidade, criouse um bloco de conexão a partir da extração da massa de volume localizada no corpo central da edificação.

13


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

3) Com o desenvolvimento de blocos compostos por eixos que se encontram em diversos ângulos, extraiu-se parte do bloco que abriga a área de moradia e a piscina.

4) Respeitando a legislação local, cortou-se a edificação no limite de 30m da margem do rio.

Marina Araújo

5) Alturas diferentes foram locadas em espaços que precisavam deste tipo de intervenção: a área indoor adquiriu pé direito duplo, assim como a piscina. 6) Pensando na questão dos ventos, elevou-se o bloco de conexão e criou-se uma abertura, trazendo leveza e criando dinâmicas entre térreo e 1º pavimento. 7) Por fim a cobertura entra como elemento de destaque e como um complemento da própria forma, possuindo aberturas onde se localizam os pátios.

14


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

ESPACIALIDADE

Marina Araújo

ANÁLISE POR ÁREA

15


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

Marina Araújo

16


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

IMPLANTAÇÃO

Marina Araújo

17


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

SETORIZAÇÃO

Marina Araújo

18


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

PLANTA – TÉRREO

Marina Araújo

19


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

PLANTA – 1º PAV.

Marina Araújo

20


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

CORTES

Marina Araújo

21


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

VISTAS

Marina Araújo

22


Da contemplação ao movimento: Centro de Treinamento de Tiro com Arco

CRONOGRAMA

Marina Araújo

23

Profile for Marina Araújo

Caderno tfg1 marina araujo  

Caderno tfg1 marina araujo  

Advertisement