Page 49

Capítulo 2 | 47

comparação entre a impermanência do cenário ao montar um mundo “de mentira” em oposição à arquitetura permanente dos edifícios teatrais. Por fim, o quinto e último nível é o da percepção do espectador, o qual, mesmo conscientemente sabendo que se trata de uma encenação, tem a capacidade de absorver e reagir aos acontecimentos da trama (seja no teatro ou no cinema) com a mesma quantidade de comprometimento que lida com os eventos de seu cotidiano. A partir da realização dessas definições e discussões, o objetivo do capítulo seguinte se trata de analisar três encenações, buscando compreender como elas trabalham os diferentes níveis de compreensão sobre o Real e Irreal em sua Direção de Arte.

Profile for Marilia Gontijo

A Arquitetura Cênica Teatral e Cinematográfica - um estudo sobre Hamlet de Shakespeare  

Caderno de TCC 1 Universidade Federal de Goiás - UFG | Arquitetura e Urbanismo |

A Arquitetura Cênica Teatral e Cinematográfica - um estudo sobre Hamlet de Shakespeare  

Caderno de TCC 1 Universidade Federal de Goiás - UFG | Arquitetura e Urbanismo |

Advertisement