Page 1

PORTFÓLIO M A R I A N A

A R Q U I T E T U R A

T E I X E I R A

E

U R B A N I S M O

Mariana Teixeira


CURRÍCULO FORMAÇÃO ACADÊMICA

Graduação em Arquitetura e Urbanismo – inicio em 2014 e conclusão em 2018. Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Campus Poços de Caldas. EXPERIÊNCIAS:

1- Participação da Expo Revestir 2015. 2- Fórum Expo Revestir 2015. 3- Semana da Arquitetura e Urbanismo PUC Minas Poços de Caldas - 2014, 2015 e 2016. 4- Oficina de Design PUP Minas Poços de Caldas 5- Projeto de Extensão Cores da Terra PUC Minas Poços de Caldas - 2014 e 2015. 6- Estagiária, nas férias, no escritório de arquitetura Samantha Maduro. 7- Projeto de pesquisa FIP (Fundo de Incentivo a Pesquisa) Análise do desenvolvimento urbano no arco viário de Poços de Caldas – Uso e ocupação

CONHECIMENTOS: 1. AutoCAD, 2. CorelDraw, 3. Revit, 4. Sketch Up, 5. Pacote Office 6. Prezi 7. Photoshop 8. V-Ray 9. Internet. 10. Lumion 11. 3DS Max 12. InfraWorks

da rodovia. 8- Estagiária na Prefeitura Municipal de Poços de Caldas,

setor:

Secretaria

de

Serviços

Públicos,

divisão: Parques e Jardins. 9- Participação na elaboração do Plano Diretor de Arborização de Poços de Caldas, Minas Gerais Brasil 10-

Participação

POPULAÇÃO,

no

ESPAÇO

IV E

SEMINÁRIO AMBIENTE,

NACIONAL Big

data

e

análises espaciais nos estudos de população Limeira, SP – 23 e 24 de Outubro de 2017 Faculdade de Ciências Aplicadas – FCA/UNICAMP

IDADE: 24 (07/01/1995) - NACIONALIDADE: BRASILEIRA NATURALIDADE: SÃO LOURENÇO-MG  CELULAR: +55 (35) 9 8465-0822 ENDEREÇO: RUA ADELAIDE VASSALO - 141 BAIRRO: CENTRO, SÃO LOURENÇO - MINAS GERAIS CEP: 37470-000  MARIANATEIXEIRA-@HOTMAIL.COM 


Í N D I C E

04 06 09 13 17 21 24 26

EDIFÍCIO INSTITUCIONAL EDIFÍCIO MULTIUSO CONJUNTO HABITACIONAL REFORMA DE INTERIOR CENTRO DE INFORMAÇÃO AO TURÍSTA PRAÇA JARDIM AZALÉIAS PRAÇA JARDIM SÃO PAULO PRAÇA MARCO DIVISÓRIO ROTATÓRIA BORTOLAM PRAÇA DAS AMÉRICAS PRAÇA SÃO FRANCISCO CARTAZ PARA EXPOSIÇÃO LAYOUT PARA PARQUE LOGO, ENVELOPE E PAPEL TIMBRADO PLANO DIRETOR BANHER SEMINÁRIO

05 07 11 15 19 23 25 27


CENTRO INSTITUCIONAL

Realizado em 2015, o projeto se trata de uma escola de ensino infantil, fundamental e médio. Está localizada na Avenida Champagna e na Rua vereador Rafael Danza, próxima ao centro da cidade de Poços de Caldas.

A forma resultante nos levou à adoção da implantação do prédio retangular, estreita e comprida, com as maiores fachadas orientadas a leste e oeste, valorizando os principais pontos cênicos da paisagem. A edificação possui quatro patamares, um triangular onde está localizado o auditório, com mais fácil acesso do público que não precisará passar por toda a escola em caso de algum evento ocasional.

E outros três, onde estão a secretaria, salas e laboratórios, os quais se adaptam ao desnível do terreno que não precisou ser muito modificado. Sua implantação faz uma ligação com as fachadas de outros edifícios da rua, assim como, com a mata de preservação.

4


EDIFÍCIO MULTIUSO

Realizado em 2016, o Edifício Multiuso que pensamos para esse projeto, tem como foco trazer mais atenção para a área em que ele irá se encontrar, pois é um bairro que está em crescimento e necessita de serviços que hoje não encontramos no local.

Com isso, para a área comercial foi pensada em uma galeria de serviços diversos como supermercado, lojas, academia, entre outros, com a finalidade de que os moradores do bairro não precisem se deslocar até o centro para encontrar os comércios que necessitam. Já o andar administrativo teve como princípio, a retirada do centro como um dos principais pontos de trabalho, pensando assim em expandi-lo para outras regiões.

O bloco residencial teve foco no crescimento da região, pensando nos novos trabalhadores do local e nos estudantes, que predominam nesta região perto da faculdade.

5


CONJUNTO HABITACIONAL Em 2017, foi projetado um conjunto habitacional. A inserção dos edifícios se faz ao longo do eixo do terreno. Nossa proposta parte, da reconfiguração da paisagem, tendo como horizonte a memória da várzea do rio, atendendo as demandas de drenagem superficial de captação e reaproveitamento destas águas e, ao utilizar a memória visual como elemento paisagístico predominante, o novo curso proposto, ordena a ocupação da gleba, criando um parque que atende a demanda por áreas verdes e funciona como uma camada de mitigação dos efeitos nocivos, causados pelas vias de alto fluxo que circundam a área.

A opção pelo favorecimento ao transporte público e não motorizado, favorece a redução do volume de tráfego de veículos no interior da área.

Nas quadras residenciais o projeto propõe edificações de gabarito que estão de acordo com o entorno e as normas exigidas.

Os espaços coletivos se isolam dos espaços condominiais por diferenças de nível. Toda a área condominial se organiza de forma semelhante e em distancias favoráveis para manter a privacidade de cada apartamento. É criado uma divisão de espaços entre o público e o privado. Os espaços coletivos internos se abrem à circulação entre-quadras, oferecendo diferentes percursos abrindo novas possibilidades de fruição pública. Possibilita diversos usos na área coberta, devido as fundações previstas serem em estacas pré-moldadas de concreto e a estrutura, em alvenaria estrutural de blocos de concreto, suportando vigas e lajes pré moldadas.

6


REFORMA

DE

INTERIORES OBJETIVO/ OBJETO Desenvolver projeto de área dos fundo de uma casa, com aproximadamente 22,5 m², localizada do endereço a cima. LIMITAÇÕES Pouca verba para investimento, gostaria de incluir todos os móveis novos. SOLICITAÇÕES DO CIENTE Reformar a área para troca de revestimento, piso, telhas, instalações elétricas e hidráulicas. Criar uma nova cozinha, um espaço de estar, jantar e um bar. Colocar TV e som, horta vertical nos muros do entorno. Poucos móveis para sensação de amplitude.

PERFIL DO USUÁRIO Mãe de 2 filhos, solteira, de aproximadamente terceira idade, professora. Gosta de receber amigos e família em casa e apreciar vinhos. Gosta de fazer o natal em casa. Quer um quintal aconchegante e funcional. PRINCIPAL DIFERENCIAL A SER EXPLORADO Conforto e atividade para uma ambientação familiar, agradável, prática e funcional. OBSERVAÇÃO Casa antiga, com a área em seu estado original.

7


REFORMA

DE

INTERIORES

JARDIM DE INVERNO

3,80M X 1,45M

7


CENTRO

DE

INFORMAÇÃO AO

TURISTA

Os três blocos são propostos a partir da ideia de um jogo de volumes formando um quadro de bicicleta que é a estrutura principal, onde todas as partes se juntam, dando apoio e força. O principal material utilizado é o alumínio, que é feio a partir da bauxita, matéria prima encontrada na cidade, que formará sua estrutura; a madeira no segundo bloco, trazendo uma ideia de rusticidade que se juntando com os telhados verdes que irão propiciar uma ideia de ampliação da área da mata que existe ao seu redor. Foto de estudo do projeto

O primeiro pavimento do prédio terá uma fachada de vidro trazendo uma interação com o verde do local e uma melhor ligação e exposição para as pessoas, assim como as restantes serão da pedra bauxita.

Seu último pavimento trará uma vista privilegiada da cidade, por estar localizado no topo do morro do bairro. Foto de estudo do projeto

Foto de estudo do projeto

8


PROJETO

FINAL

9


PRAÇA

JARDIM

AZALÉIAS A equipe de paisagismo deverá realizar um paisagismo no local, em função as plantas disponíveis no Viveiro de Plantas e Mudas Municipal. Ao longo da pista de caminhada serão colocados 4 bancos, posicionados de maneira adequada a que ficarão na pista mais próxima ao rio, próximos também de lixeiras.

Na pintura dos mesmos deverá ser utilizada tinta esmalte verde colonial para as tábuas de acento e encosto e tinta acrílica de coloração concreto para a estrutura suporte (pés dos bancos). A praça possui originalmente alguns indivíduos arbóreos que serão removidos, por estarem inapropriados ou no caminho por onde a pista será implantada. A equipe responsável pela manutenção referentes aos indivíduos arbóreos deverá podar as árvores que serão mantidas para auxiliar no desenvolvimento e qualidade de vida dos indivíduos.

10


PRAÇA

JARDIM

AZALÉIAS

11


PRAÇA

JARDIM

SÃO

PAULO A praça possui originalmente 4 indivíduos arbóreos que serão mantidos, sendo duas Magnólias, uma Pitangueiras e um Pau-Brasil, conforme conhecidos popularmente. A equipe de paisagismo deverá realizar um paisagismo no local, em função as plantas disponíveis no Viveiro de Plantas e Mudas Municipal. Ela deverá realizar uma substituição do gramado que possui um total de 250,65 m².

A praça possui um total de 4 bancos. Um deles será retirado, sendo 3 um número suficiente, eles devem receber uma manutenção geral, devendo ser posicionados em maneira adequada, trocadas todas as tábuas, pintura e nivelamento. Os bancos serão colocados todos no meio da praça, todos próximos as áreas verdes. Na pintura dos mesmos deverá ser utilizada tinta esmalte verde colonial para as tábuas de acento e encosto, e tinta acrílica de coloração concreto para a estrutura suporte (pés dos bancos).

Devem ser instaladas duas lixeiras na praça, sendo uma na primeira área verde, próxima ao acesso. E outra na terceira área verde, também próxima ao acesso da praça. Os posicionamentos podem ser indicados nos anexos deste projeto. Fazer a recuperação dos passeios e pisos da praça de maneira geral (reformar todo o piso) e também pintura (caiação) dos meios fios.

12


PRAÇA

JARDIM

SÃO

PAULO

13


PRAÇA

MARCO

DIVISÓRIO A referida praça possui 1.838,51 m² e perímetro 172,72 m. Serão construídos canteiros em todos os taludes, que deverão ser cobertos por grama esmeralda até a metade de sua altura e da metade para o topo a grama amendoim como conhecida popularmente. Serão plantadas em toda a extensão da base do talude palmeiras jerivá.

Nas duas áreas verdes da praça serão construídos canteiros em formato ondulado opostos as suas áreas verdes. Para estas áreas serão utilizadas plantas rústicas das espécies Agapanthus e Clorofito no gramado ao lado esquerdo e Lírio e Iresine no gramado do lado direito. Este detalhe pode ser observado na prancha e nas figuras em anexo que indicam os locais. É importante ressaltar que este canteiro deverá ter uma elevação de 40 cm.

A praça possui um total de 4 bancos, eles devem receber uma manutenção geral, devendo ser posicionados de maneira adequada, trocadas todas as tábuas, pinturas e nivelamentos. Os bancos serão colocados todos no meio da praça, todos próximos as áreas verdes. Na pintura dos mesmos deverá ser utilizada tinta esmalte verde colonial para as tábuas de acento e encosto e tinta acrílica de coloração concreto para a estrutura suporte (pés dos bancos).

14


PRAÇA

MARCO

DIVISÓRIO

15


ROTATÓRIA

BORTOLAM

A referida rotatória possui uma área de 113,101 m² e perímetro 37,69 m. A rotatória foi construída em com o intuito de que o ônibus que antes não subiria até a mesma rua pudesse chegar até o local, fazendo o retorno e voltando ao ser curso normal.

A rua anteriormente era escura e sem muito movimento. O ônibus parava na rua de baixo, fazendo com que os passageiros precisassem caminhar por um local que antes não tinha muita segurança.

Em um lado da rua se encontra uma mata particular, que foi doada à prefeitura para a abertura da rua e melhoria do local que é hoje um bairro residencial.

16


ROTATÓRIA

BORTOLAM

17


PRAÇA

DAS

AMÉRICAS

A referida praça possui 509,10 m². A praça possui originalmente 3 indivíduos arbóreos que serão mantidos, sendo 3 patas de vaca, conforme conhecidos popularmente. A equipe responsável pela manutenção referentes aos indivíduos arbóreos deverá podar as árvores para auxiliar no desenvolvimento e qualidade de vida dos indivíduos.

Esta equipe deverá realizar um paisagismo no local, em função as plantas disponíveis no Viveiro de Plantas e Mudas Municipal. Ela deverá realizar uma substituição do gramado que possui um total de aproximadamente 297,91 m². A praça não possui nenhum banco. Sendo colocados dois, devendo ser posicionados de maneira adequada no centro da praça, todos próximos as áreas verdes.

Na pintura dos mesmos deverá ser utilizada tinta esmalte verde colonial para as tábuas de acento e encosto e tinta acrílica de coloração concreto para a estrutura suporte (pés dos bancos). Devem ser instaladas duas lixeiras na praça, sendo as duas também no centro da praça, em canteiros opostos aos bancos. Os posicionamentos podem ser indicados nos anexos deste projeto. Fazer a recuperação dos passeios e pisos da praça de maneira geral (reformar todo o piso) e também pintura (caiação) dos meios fios.

18


PRAÇA

DAS

AMÉRICAS

19


PRAÇA

SÃO

FRANCISCO A referida praça possui 582,14 m² e perímetro 88,53 m. A praça originalmente não possuía indivíduos arbóreos. Porém serão plantadas duas pitangueiras. A equipe responsável pela manutenção referentes aos indivíduos arbóreos deverá podar as árvores para auxiliar no desenvolvimento e qualidade de vida dos indivíduos.

Serão colocados 2 bancos na praça, um na área verde 2 e outro na área verde 3. Eles devem receber uma manutenção geral, devendo ser posicionados de maneira adequada, trocadas todas as tábuas, pintura e nivelamento. Na pintura dos mesmos deverá ser utilizada tinta esmalte verde colonial para as tábuas de acento e encosto e tinta acrílica de coloração concreto para a estrutura suporte (pés dos bancos).

Devem ser instaladas duas lixeiras na praça, sendo uma na segunda área verde, próxima ao acesso. E outra na terceira área verde, também próxima ao acesso da praça. Os posicionamentos podem ser indicados nos anexos deste projeto. Fazer a recuperação dos passeios e pisos da praça de maneira geral (reformar todo o piso) e também pintura (caiação) dos meios fios.

20


PRAÇA

SÃO

FRANCISCO

21


CARTAZ

PARA

EXPOSIÇÃ

22


LAYOUT

PARA

PARQUE

23


LOGO,

ENVELOPE

PAPEL

E

TIMBRADO

24


PLANO

DIRETOR

25


BANHER

IV

SEMINÁRIO

POPULAÇÃO,

ESPAÇO

E

NACIONAL AMBIENTE

26

Profile for Mariana Teixeira

Portfólio Mariana Teixeira  

Portfólio atualizado, Arquitetura e Urbanismo.

Portfólio Mariana Teixeira  

Portfólio atualizado, Arquitetura e Urbanismo.

Advertisement