Page 29

29 —Eu? — perguntou uma voz familiar meio perturbada. —Chamar atenção pra mim? Por que eu faria uma coisa dessas? A enfermeira bufou. —Se toda a equipe de líderes de torcida virar ratos, Robin, eu vou ficar muito chateada com você. Adolescentes mortais são cegas e cruéis. Você sabe disso. Você não deve se vingar, não importa o quanto você sinta sobre a garota. Especialmente agora. Existem mais coisas pra se preocupar chegando. Eu estou sonhando, eu decidi. Só pode ser. O que tinha naquela bebida, a propósito? Na luz escura, as silhuetas que estavam através das cortinas pareciam confusas e estranhas. A enfermeira, pelo menos, parecia que estava até menor, quase noventa centímetros de altura. A outra sombra estava mais peculiar: tamanho normal, mas com estranhas protuberâncias na lateral de sua cabeça que pareciam com chifres, ou orelhas. A sombra mais alta fez sinal e se moveu para sentar em uma cadeira, cruzando suas longas pernas. —Eu escutei o mesmo. — Os rumores negros estão aumentando. A Corte está inquieta. Parece que alguma coisa de fora está assustando todo mundo. —Este é o motivo pelo qual você deve continuar a ser os dois, o tutor e o guardião dela. — A enfermeira virou, colocando ambas as mãos nos quadris, com voz de censura. —Eu estou surpresa que você ainda não deu à ela o vinho que enevoa. Ela fez dezesseis anos hoje. O véu vai começar a levantar. —Eu sei, eu sei. Eu estou trabalhando nisso. — A sombra assinalou, colocando sua cabeça entre as mãos. —Eu cuidarei disso nesta tarde. Como ela está? —Descansando. — Disse a enfermeira. —Coitadinha, ela está traumatizada. Eu dei à ela uma leve porção do sono que deve derruba-la até ela ir pra casa. Uma risada. —A última criança que bebeu uma das suas ‗leves‘ porções de dormir não levantou antes de duas semanas. E você é uma que fala sobre ser discreto. A resposta da enfermeira foi confusa e quebrada, mas eu tenho quase certeza que ela disse, — ela é filha do seu pai mesmo. Ela ficará bem. — Ou talvez fosse só eu. O mundo ficou nebuloso, como uma câmera fora de foco, e eu não entendi nada por um tempo.

—MEGHAN! Alguém estava me sacudindo pra eu acordar. Eu xinguei e balancei, momentaneamente confusa, e finalmente levantei minha cabeça. Meu olhos pareciam que tinham cinco quilos de areia e

Iron Fey - Livro 01 - O Rei de Ferro (Iron King) - Julie Kagawa  

Meghan Chase nunca se encaixou em sua escola de cidade pequena, e agora, na véspera de seu aniversário de 16 anos, ela descobriu porquê. Qua...

Iron Fey - Livro 01 - O Rei de Ferro (Iron King) - Julie Kagawa  

Meghan Chase nunca se encaixou em sua escola de cidade pequena, e agora, na véspera de seu aniversário de 16 anos, ela descobriu porquê. Qua...

Advertisement