Page 1


Escritas pelo Rio Grande— uma cidade para se amar SMEd


R449 Revista Escritas pelo Rio Grande: uma cidade para se amar [Recurso Eletrônico] / Prefeitura Municipal do Rio Grande. – Rio Grande: SMED, 2017. 9 v. : il. Anual. Introdução e oficinas 1265 alunos, em 25 escolas atendidas; seis núcleos: (NTM, Biblioteca, Patrimonial, Anos Finais, Anos Iniciais e EJA). Disponível em : <http://www....... 1. Cidade do Rio Grande. História. Cultura. Educação – Rio Grande I. Título. CDU37:9(816.5) Catalogação: Joice Cruz Alvariz CRB 10/2283 Rita Rotta Mendes CRB10/2118 Rosane de Azevedo CRB 10/1157


Prefeitura Municipal do Rio Grande Alexandre Duarte Lindenmeyer Secretaria de Município da Educação André Lemes da Silva Superintendência Pedagógica Felipe Alonso dos Santos Gerencia Pedagógica Débora Carvalho de Oliveira Aquino Núcleo de Tecnologia Municipal Maria de Fatima Baldez Rodrigues Núcleo dos Anos Finais Lilian Reinhardt Núcleo dos Anos Finais Juliane Alves Núcleo de Bibliotecas Rosane Machado de Azevedo Núcleo de Educação Ambiental e Patrimonial Maria de Fátima Barboza Núcleo da Educação de Jovens e Adultos - EJA Michelle Coelho Salort


Equipe de Organização da Revista Digital Fabiana Portanova Laborde (Núcleo de Tecnologia Municipal) Joelma Madruga Furtado ( Núcleo dos Anos Finais) Maria de Fatima Baldez Rodrigues (Núcleo de Tecnologia Municipal) Maria do Carmo Arana de Aguiar (Núcleo de Ed. Ambiental e Patrimonial) Marilda da Silva Ventura (Núcleo de Bibliotecas) Michelle Coelho Salort (Núcleo de Educação de Jovens e Adultos)

Designer e diagramação Michelle Coelho Salort Maria de Fátima Baldez Rodrigues


Rio Grande uma cidade para se amar

A cidade do Rio Grande foi fundada em 19 de fevereiro de 1737, pelo Brigadeiro José da Silva Paes, que comandava uma expedição militar portuguesa, destinada a assegurar aos lusitanos, a posse de terras no Sul, objeto de disputa entre Portugal e Espanha. A expedição

militar comandada pelo Brigadeiro José da Silva

Paes, entrou na Barra do Rio Grande de São Pedro, chamada assim a partir da de denominação derivada de carta de navegação portuguesa, o qual fundou na margem sudoeste, o Presídio Jesus, Maria e José, sendo esse o marco oficial da ocupação portuguesa no Continente de São Pedro, dando início a construção do Forte. Mais tarde em 1751 passa a categoria de Vila. Em 1763, os espanhóis enfrentaram os portugueses em disputa pelo território da Vila do Rio Grande de São Pedro, uma vez que se tratava de um ponto estratégico de entrada para as terras do sul. Rio Grande pertenceu sob domínio espanhol até 1776, quando os portugueses colocaram em prática um plano de retomada do território. Em 1835 foi elevada a denominação de Cidade do Rio Grande. Rio Grande é constituído por cinco importantes distritos, Ilha dos Marinheiros, Povo Novo, Quinta e Taim, os quais contribuem na economia do município


A Cidade do Rio Grande é pioneira em vários aspectos, ainda hoje guarda características especiais em sua arquitetura e geografia. Como não amar a cidade mais antiga do Estado, que guarda nas suas ruas e avenidas belos prédios e monumentos. Os traços da arquitetura portuguesa do século passado chamando a atenção e encantando dos visitantes. Rio Grande completa 280 anos e seus munícipes são os construtores de sua história, e nesta construção diária precisam preparar as crianças e jovens para valorizar o lugar que pertencem, semeando ações para que possamos continuar escrevendo nossa história.


APRESENTAÇÃO O Projeto Escritas Pelo Rio Grande elaborado pela Secretaria de Município da Educação e desenvolvido nas Escolas Municipais, através das assessorias dos Núcleos: Anos Finais, Iniciais, Patrimonial, Bibliotecas e Tecnologia, tem por objetivo desenvolver o interesse pela leitura e valorizar o lugar onde vivemos, possibilitando aos educandos o acesso a diversos textos informativos, como também a produção de diferentes escritas sobre o tema “Escritas pelo Rio Grande – Uma cidade para se amar. É preciso lembrar que uma instituição só se torna forte mediante o empenho coletivo e social. O tema do projeto propiciou o engajamento de práticas pedagógicas que enriqueceram as oficinas que foram oferecidas as escolas da rede municipal. Oficinas em que os discentes compartilharam seus conhecimentos sobre os aspectos históricos do Rio Grande, como também sobre o bairro o qual pertence. As oficinas foram grandes momentos educativos, onde a cultura do nosso município somada a educação levou os alunos a observar o quanto é relevante o reconhecimento e a valorização do patrimônio, pois esse envolve a questão de identidade. Por essa razão, as politicas públicas voltadas para as questões de valorização e amor ao local onde se vive são importantes na formação de uma sociedade que reconhecerá o seu espaço como sendo único, além de conhecer sua história, fazendoo refletir sobre a sua ligação com o passado e como esse se reflete no presente. Esse processo faz parte de uma politica cultural que auxilia nas diferentes demandas sociais que permeiam a sociedade, favorecendo o respeito e o amor pela “A Noiva do Mar”. A participação do corpo docente e discente das Escolas Municipais na construção desse projeto foi de suma importância, pois as praticas educativas quando construídas coletivamente, promove á incorporação do conhecimento da história do nosso município na sua formação como cidadão.


SUMÁRIO

Escola

Página

Marília Rodrigues

9

Mate Amargo

18

Navegantes

24

Peixoto Primo

32


ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL

MARÍLIA RODRIGUES


Profa. Leda Maria Balota Gomes Profa. Cinthya Moita SIlveira Profa. Mari Solange Rosa da Silveira

Escritas pelo Rio Grande 10


RAP DA CIDADE DE RIO GRANDE Mariana Brum Cardoso 4ºano Esse é o rap feito pra cidade Com muita felicidade Porque essa é a melhor cidade A cidade de Rio Grande Tem coração grande e pulsante E aqui o sol está sempre radiante Cidade do Rio Grande Tua beleza se expande Se a chuva cai Teu brilho mostrai!

Escritas pelo Rio Grande 11


RAP DA CIDADE DE RIO GRANDE Mariana Brum Cardoso 4ºano Esse é o rap feito pra cidade Com muita felicidade Porque essa é a melhor cidade A cidade de Rio Grande Tem coração grande e pulsante E aqui o sol está sempre radiante Cidade do Rio Grande Tua beleza se expande Se a chuva cai Teu brilho mostrai!

Escritas pelo Rio Grande 12


RIO GRANDE Bernardo Xavier de Macedo Fagundes 5ยบano Litoral do meu Rio Grande Rio Grande, cidade histรณrica Rio Grande, cidade grande Rio Grande, vem aqui Rio Grande, vem pra mim Minha querida Noiva do Mar!

Escritas pelo Rio Grande 13


Rio Grande - 280 anos Sabrina Martins Rodrigues 5º ano

Rio Grande é considerada uma cidade histórica, pois é a cidade mais antiga do Rio Grande do Sul. A cidade possui vários pontos turísticos como a Praia do Cassino, que é considerada a maior praia do mundo e primeiro balneário do Brasil. Ela foi registrada no livro do Guinnes Book (livro de recordes mundiais), em 1994. Os Molhes da Barra, uma das maiores obras de engenharia oceânica do século XX, com 4 km de pedras mar adentro do Oceano Atlântico. Rio Grande, por ser a cidade mais antiga, possui outros pontos turísticos como a Catedral de São Pedro que é a igreja mais antiga do Rio Grande do Sul e a Biblioteca Pública localizada no centro de Rio Grande, essa última próxima ao Mercado Público Municipal. Outro ponto turístico é o Museu Oceanográfico que possui uma das maiores coleções de moluscos. Em frente ao prédio da Prefeitura fica localizado o monumento ao Brigadeiro José da Silva Paes, o fundador da cidade de Rio Grande. Rio Grande possui vários atrativos e quem passa por algum desses lugares guarda como um bem precioso.

Escritas pelo Rio Grande 14


Rio Grande de ontem e de hoje Mariana Brum Cardoso 4º ano Antigamente na cidade de Rio Grande não havia ônibus, mas tinha um bondinho que se movia nos trilhos e fios. Tinha gente que tinha carro, mas eram poucas pessoas que tinham, porque eram muito caros. O dinheiro era conto de réis em vez de reais. Na Praça Tamandaré tinham muitas árvores e a água era tão limpa! E agora têm poucas árvores e a água é tão verde de tanto limo, nojento e feio. Antigamente, não tinha TV então, aos domingos, as pessoas iam ao cinema e ao teatro. Hoje, Rio Grande já tem shopping e outras coisas modernas. O aniversário da cidade é dia 19 de fevereiro. Este ano a cidade completou 280 anos.

Escritas pelo Rio Grande 15


Artur Rodrigues Perez Arthur Mendes Silveira Cecilia Silva Mota Cristofer Cardozo Furtado Daniel Soares Cavalheiro Davi dos Reis Domingues Evelyn Jodar de Freitas Grabrielle S. Mendes Correa Guilherme Lopes Dias Isabelly Lima Braga Julia Rhaiane Duarte Silva Ketelyn da Silva Figueiredo Lenon Ceroni Gotz das Neves Gomes Mariana Gonçalves Pinto Marion Luiz Diaz Caarrasco Marllon Luiz Marques Martins Nayara Gautério la Rosa Pietro Jardim Ferreira Thalles Bilhalva Silveira Victor Souto da Silva 3º ano - 32

Escritas pelo Rio Grande 16


Cidade do Rio Grande

Um dos primeiros prédios da cidade foi a Catedral de São Pedro, uma das mais antigas do Estado. A primeira caixa d’água da cidade veio junto com o chafariz, que está no centro da cidade. A Praça Xavier Ferreira tem vários monumentos e prédios históricos na sua volta, como o primeiro Quartel General e a casa do Joaquim Rasgado, que hoje é a Prefeitura. Ao lado da fábrica Rheingantz tinham Casas de Fita, onde moravam os trabalhadores dessa fábrica e, também, um hotel chamado Cassino dos Mestres para os engenheiros que vinham de longe. Dom Pedro II veio visitar a Ilha dos Marinheiros. A entrada da cidade é marcada pelo Arco em forma de máquina de costura. Nossa cidade, cheia de histórias, está comemorando 280 anos.

Escritas pelo Rio Grande 17


ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL

MATE AMARGO


Profa. Arlete Amaral CorrĂŞa Escritas pelo Rio Grande 19


Arthur Dutra Silveira Peres Bárbara Silva Frazão Bruno Boeno Silva Érick Soares Gonçalves Felipe Lavall Maders Francine Lopes da Silva Gabriel Nunes Maia Timm Íris Freitas Zogbi Jéssica Amarilho Feijó Júlia Ulguim Fonseca Kauane Figueiredo Borges Keila de Souza Mattos Lara Alves Gonçalves Larissa Alves Franco de Castro Larissa Larroza Cabreira Lauren Quandt Tavares Manuela Borges Gonçalves Nathália Vieira Maciel Rafael Griep Diniz Yarlei Soares Trassantes 5ºano B

Escritas pelo Rio Grande 20


BELEZA FASCINANTE Rio Grande parece uma tela Cheia de cores. Repleta de amores! Quantas flores! Rio Grande mar sem fim, Nome bonito ao falar. Henrique Pancada bom para passear, Pôr-do-sol todo pra mim. Rio Grande - beleza gigante! Rica por natureza! É fascinante! Rio Grande gaudéria, Traz consigo sua tradição, Traz memórias, traz histórias Entoadas em toda canção! Rio Grande tem ciranda, churrasco, CTG Mate Amargo, prenda e peão Dançam ao som da gaita e violão, Sempre regado de um bom chimarrão. Rio Grande, tanta beleza! Seu Museu Sacro Traz raridades da realeza. Rio Grande do porto movimentado, Diante de seu calado Tudo fica encantado. Rio Grande cidade com trajetória. Traz consigo muita história. Registro de nossa memória! Escritas pelo Rio Grande 21


Ana Júlia Valadão Marques Castro Douglas da Rosa Masi Annunziato Eduarda Echebeste Saadi Francieli Amarilho Feijó Gabrielle Pereira Fagundes Greice Braga Pereira Guilherme Corrêa Lemos Gustavo Santos Martins Henry Simões Cunha João Gabriel Mandagará de Medeiros João Victor Santos dos Santos Juan Pires de Ávila Júlia Oliveira de Oliveira Lucas Escoto de Paulo Mariana Dos Santos Vieira Miguel Silva Chaplim Nathalia da Silva Furtado Nathaniel Gulart Morales Rafael Espinelli Duarte Vitória Rosa Magalhães 5ºano A

Escritas pelo Rio Grande 22


EXTENSA PRAIA DO SUL Conhecida como Noiva do Mar, Rio Grande tem a praia do Cassino Onde seu povo pode nadar. Na areia fina, As pessoas estão a se bronzear E para Iemanjá podem rezar. Com seus carros a passear, No mar, crianças estão a brincar E esportes a praticar. Das dunas tudo se pode apreciar. Molhes da Barra são Colossais braços de pedra Que vão da superfície ao chão, Neles lindas vagonetas estão, Por onde passa um canal Repleto de embarcação Que traz turistas de montão. Do esporte náutico à pesca Tudo se pratica com emoção!

Escritas pelo Rio Grande 24


ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL

NAVEGANTES


Profa. Marilene Pereira Vieira Profa. Luciene Ă vila da Costa Profa. Karla Alonso Pereira

Escritas pelo Rio Grande 25


Uma cidade para se amar Alice Silva, Amanda Moraes Gabriel Teixeira Nathanael Dias Yasmim Moraes 5°ano Nascia sobre o mar, Algo para se amar. Pensar no que a vida trouxe para nos agradar, Pensar nas memórias Serve para vivenciar momentos passados com amor. O pensar das pessoas serve para nos mover na emoção, Assim como o vento característico de nossa região. Nossa cidade é banhada por pura natureza, É tanta beleza que nos inunda o olhar com tanta grandeza!

Escritas pelo Rio Grande 26


Rio Grande 280 anos Alice Silva Júlia Silveira Isabelle Monteiro Lauany Roldon Larissa Silva 5°ano Certo dia um bom homem resolveu Uma bela cidade começar, Então ele construiu tudo isso A cidade de Rio Grande, o paraíso! 280 anos completou, Agradeço a José pela cidade que criou. Cada dia que se passa Rio Grande cresce, cresce muito mais! Rio Grande tem suas maravilhas e perfeições E lá no centro da cidade Catedral, Biblioteca e Prefeitura Todas elas têm sua história e sua cultura. Praia, Praça e Mercado, Todos eles passando seu recado, Dezenove de fevereiro, quando tudo começou... E hoje brindamos nossa linda Noiva do Mar! Escritas pelo Rio Grande 27


Daniel Silva Davi Rodrigues Emerson Silveira Fabieli Fernandes Francisco Fonseca Gustavo Teixeira Lázaro Tavares Letícia Pacheco Maria Eduarda Lopes Mayara Nobre Rayran Cordova Renan Gonçalves Rodrigo Júnior Wesley da Silva Yasmin Studzinki 2ºano

Escritas pelo Rio Grande 28


Rio Grande Rio Grande é uma cidade Que a todos acolhe com amor. Tem monumentos, praças e parques, E uma praia grande Para os dias de calor. O Mercado Público Oferece iguarias especiais, Algumas preparadas com peixe Uma das riquezas municipais. Parabéns Rio Grande querida, Onde pretendo viver Por toda minha vida!

Escritas pelo Rio Grande 29


Brayan Roldon Kalyndra Andrade Kauê Prado Kayane Gonçalves Kedson Santos Maria Eduarda Santos Miryele Macedo Ruan Farias Sarah da Silva 4°ano

Escritas pelo Rio Grande 30


Parabéns Rio Grande Rio Grande é a cidade Mais antiga do estado E hoje nós viemos Comemorar o seu passado. A antiga fábrica Fazia lã e tecidos Agora ela é abandonada E foram embora os amigos. O Hotel Paris Já foi muito conhecido Tem um lindo chafariz E continua bem bonito! E não é só de passado Que vivemos nestas terras Temos shoppings, igrejas e lojas Que são muito, muito modernas! Ainda mostramos a todos Museus, praças e praia Muitas festas divertidas Aos riograndinos e amigos. Parabéns ao nosso Rio Grande São 280 anos a festejar Desejamos muitas alegrias E a felicidade que há de chegar!

Escritas pelo Rio Grande 31


ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL

PEIXOTO PRIMO

Escritas pelo Rio Grande 1


Profa. Isabel Cristina Cadaval Baptista Escritas pelo Rio Grande 33


A Querência e suas histórias Gabriel Gonçalves de Souza 8º ano A Querência tem muitas histórias, como a do hotel abandonado que, antigamente, funcionava como um cassino. Com o tempo foram ficando apenas as ruínas e histórias reais e imaginárias. Poucas pessoas sabem, mas o Campo da Base, na entrada do bairro, tem este nome porque o espaço serviu para o lançamento de foguetes da NASA no passado. O Parque Eólico, com suas torres gigantes que produzem energia, também já está fazendo história. Um pouco mais distante, encontramos o Navio Altair, que durante uma tempestade encalhou na beira da praia. Junto de seus destroços muitas histórias foram construídas para emocionar quem o visita. Assim é a nossa Querência, cheia de emoções e alegrias.

Escritas pelo Rio Grande 34


Querência Jaqueline Borges da Silva Soares 8º ano Vou aqui, em poucas palavras, falar da tal de Querência, que você não deve ter noção do que seja agora e do que era antes. Vou explicar que, inicialmente, a Querência era uma grande fazenda. Hoje em dia, é um bairro onde moram muitos habitantes, que vivem reclamando do que veem e do que não veem, do que têm e do que não têm e também um lugar onde, no verão passam muitos banhistas. Na Querência sempre tem mais movimento no verão. Mas, depois que acaba o verão, os banhistas vão embora e só restam os que lá estão no inverno ou no verão!

Escritas pelo Rio Grande 35


Cassino e Querência Nicole Rodrigues Ceroni 8º ano Conhecida como a maior praia do mundo, no verão, nossa praia é muito visitada pelos turistas. Vêm pessoas de vários lugares. Nela temos os Molhes da Barra, onde você pode andar de vagoneta e sentir a brisa do mar. Tem também a Passarela, um lugar perfeito para ver a vista da praia e a estátua de Iemanjá, que recebe, todos os anos, muitos visitantes, na festa, em fevereiro. Um pouco mais ao longe, não podemos esquecer-nos do velho navio: não é um lugar muito bom para tomar banho, mas é visitado pelos surfistas, por causa das ondas grandes que ali se formam. Nossa praia tem gaivota, gavião, tuco-tuco, coruja, peixes, botos, leão-marinho e outros animais que passam por aqui. Nossa praia tem gente que mora aqui e gente que vem de fora, uns de perto, outros de longe. No verão, tem carnaval e folia na Avenida, um lugar para tomar sorvete ou chimarrão, com pracinhas para as crianças brincarem e caminhos para os adultos passearem. E o Cassino tem um bairro onde vivem muitas famílias, mas que também recebe muitos turistas, no verão. Um bairro simples, com ruas de areia, campinhos de futebol, mercados, lojinhas, escolas e posto de saúde, nossa Querência. Em dias de tempestade, parece que o mar vai invadir nossas casas, mas só parece... O melhor de tudo aqui é poder olhar o pôr do sol e saber que este é o nosso lugar, nossa praia, nossa história. Escritas pelo Rio Grande 36


Cassino e Querência, lugares para conhecer Eduardo da Silva Benitez Erick Zepka Ferreira Jean Cougo Rocha Na cidade de Rio Grande, existe um Balneário chamado Cassino. A Praia do Cassino é muito bonita e o jeito como ela se move é impressionante. No verão, muito movimento, no inverno, apenas o movimento de quem vive aqui. Nessa praia tem um lugar chamado Molhes da Barra, que foi construído para entrada de navios no porto e que é muito visitado por turistas e pessoas que gostam de pescar e ver a praia. O balneário tem uma avenida principal em que, antigamente, chegava o trem que trazia as pessoas de outros lugares. Hoje, é um lugar para ir com a família e os amigos e se divertir. E, nessa praia enorme, tem um bairro chamado Querência, um lugar bem calmo e bom de morar. Um lugar que, antigamente, era só campo. Depois, nele fizeram um hotel que, dizem, teve um cassino. Mas dele só restaram ruínas. Na Querência, que é boa porque fica perto da praia, há um lugar de pesquisas sobre os animais marinhos. A fauna é interessante, com animais marinhos e terrestres e uma grande variedade de aves locais ou que passam durante o ano. Cassino e Querência, lugares para conhecer!

Escritas pelo Rio Grande 37


Como as ondas da praia Aline Barreiro Machado 8ºano E lá estava eu Sentada, parada, Com as mãos agitadas Como as ondas da praia. Não sabia o que fazia, Se poesia ou fotografia. Não sabia o que olhar. O dia era lindo, O sol estava subindo, As ondas vindo E nuvens surgindo... E eu só sabia admirar As nuvens do céu e o vermelho Que o sol, a raiar, deixava no mar. Nunca vi lugar mais lindo, Nunca vi tantas ondas indo e vindo! Esse lugar tão belo, Tem um tamanho imenso, É a maior praia do mundo, Muito conhecida Como a Praia do Cassino.

Escritas pelo Rio Grande 38


No Cassino Eduarda Medina Barcelos 8ºano

No Cassino tem muita coisa bonita, A praia e o pôr do sol. A nossa praia é a maior do mundo, Nela temos gaivota, garça, quero-quero E outras aves que passam, Como passam turistas e banhistas. Tem o Parque Eólico Que chama muito a atenção De quem passa perto ou longe. Além da praia e do Parque Eólico, Os Molhes da Barra e o Navio Altair. E ainda tem a Avenida, perfeita para passear, sentar, olhar E pensar na vida tomando um chimarrão.

Escritas pelo Rio Grande 39


A Querência Gabrielle Maciel Berny dos Santos Juliana da Silva Gularte 8ºano Na Querência tem muita coisa para olhar, Como o sol nascendo e iluminando o dia, Como os animais em geral e A lua nascendo entre as árvores da rua. Tem tanta coisa bela Que até passando de carro Ficamos de boca aberta. Caminhando em uma noite escura Dá para ver tudo Só com o brilho da lua.

A Querência já foi um lugar Praticamente deserto, Sem casas e sem esgoto na rua. Hoje é um bairro movimentado E bastante visitado.

Escritas pelo Rio Grande 40


Querência Mônica Fonseca de Borba Nicole Andreina Belasquem Botelho Rafaela Camilly Lucas Botelho 8ºano Na Querência temos uma parte Da maior praia do mundo. Por ela passam banhistas e turistas. A natureza é de se admirar E para ela nós vamos olhar! A Querência é um bairro do Cassino, Que começou com as dunas de areia, Plantações de cebola e parelhas de pescadores. Hoje o bairro tem muitos casarões, Casas antigas e casas novas, Com várias decorações. É um lugar calmo, sem muito movimento, Tranquilo, mas com entretenimento. Tem, logo ali, um navio encalhado Muito procurado Por turistas e fotógrafos. Temos essa praia no coração. Andamos, andamos E prestamos muita atenção. Tem gaivota e gavião, Emocionando o nosso coração! Querência é um lugar Que não era nada e hoje é tudo para nós. Querência, Um dos lugares mais belos do mundo. Escritas pelo Rio Grande 41


Nossa praia Pablo Ribas Gibicoski 8ºano Nossa praia é um lugar Muito bom para se visitar, Pois, tem os Molhes da Barra, As dunas e até um navio encalhado. Muitos turistas vão e vêm para visitar esse lugar. Muitos deles falam que vão voltar, mas eu não sei. A praia não é só um lugar de turistas, Pessoas daqui, de Rio Grande, vêm com as famílias se divertirem. Quando você vê a praia, Você se desliga do mundo, Dos problemas, Até das pessoas ruins. A praia é um lugar de lazer e de prazer, Mas muitas pessoas, infelizmente, Estragam a praia jogando lixo nesse paraíso. Para essas pessoas eu pergunto: - Vocês não têm mais nada o que fazer?

Escritas pelo Rio Grande 42


Querência e sua vivência Susan Jacques Macedo 8ºano Quando fores na Querência, Presta atenção em sua vivência, Nas histórias contadas, reais ou inventadas, E até mesmo cantadas. Quando fores na praia, Presta muita atenção, Na força da água quebrando no chão, Pois não tem quem não olhe Cada onda que se forma. Explorando mais a praia, Uma grande história Vais admirar, Pois nessa areia molhada Um navio encalhado está. Voltando para as ruas E saindo das dunas, Um Hotel Cassino Que foi divino! Mas, infelizmente, Só na nossa mente ele vai ficar. Assim termino escrevendo Que eu amo esse lugar, Por cada história que ele Me permite admirar.

Escritas pelo Rio Grande 43


Prefeitura Municipal do Rio Grande Secretaria de Município da Educação

Profile for maria de fatima baldez rodrigues

Escritas vol5  

Introdução e oficinas 1265 alunos, em 25 escolas atendidas; seis núcleos: (NTM, Biblioteca, Patrimonial, Anos Finais, Anos Iniciais e EJA).

Escritas vol5  

Introdução e oficinas 1265 alunos, em 25 escolas atendidas; seis núcleos: (NTM, Biblioteca, Patrimonial, Anos Finais, Anos Iniciais e EJA).

Advertisement