Issuu on Google+

POLÍTICA NO SANGUE Mauro Bomfim é um fervoroso militante em favor dos projetos sociais, além de um corajoso defensor das causas do interesse da população e na luta contra a corrupção e a impunidade. Mauro Jorge de Paula Bomfim nasceu em Tarumirim, em 26 de junho de 1962, com a política na veia, uma vez que seu avô, Symphrônio Vicente Bomfim era Major da Guarda Nacional nomeado pelo então Presidente Getúlio Vargas e a pedido do então Governador de Minas, Benedito Valadares saiu de Caratinga em 1937 para transformar em município o antigo distrito de Tarumirim, juntamente com os Albergaria ( Dr. Raimundo, Dr. Jaeder e Alberone).

Mauro Bomfim em Bom Jesus do Amparo, para dar posse a Pedro Santos Moreira, no cargo de prefeito após a cassação do titular pelo TRE-MG.

Aécio Neves e Mauro Bomfim.

20

O primo de Mauro Bomfim pelo lado materno, Dênio Moreira de Carvalho foi locutor e apresentador da antiga TV Itacolomi e mais tarde deputado estadual e Secretário de Estado do Interior e Justiça.

VIDA ESTUDANTIL E ACADÊMICA Mauro Bomfim concluiu o curso fundamental e ginasial em Tarumirim, na Escola Sinfrônio Bomfim e Escola Maria Teixeira da Fonseca, onde se destacou como um dos melhores alunos e chegou em Governador Valadares aos 13 anos de idade para estudar, tendo passado pelos cursos nos Colégios Ibituruna, Presbiteriano e Imaculada Conceição.

Com o ex-conselheiro do Tribunal de Contas, Antonio Andrada, atual presidente da AMM.

Como repórter entrevistando o ex-deputado Milton Salles.

18


Mauro Bomfim com o escritor Fernando Morais, autor de “Olga” e “ Chatô, o Rei do Brasil”.

Seu avô Symphônio foi prefeito de Tarumirim na década de 50 (de 1954 a 1958) e seu pai Afrânio de Paula Bomfim assumiu a chefia política do PSD a partir de 1966, recebendo o encargo das mãos do chefe político da região, então Deputado Federal Dr. Jaeder Albergaria. Seu pai Dr. Afrânio Bomfim, advogado famoso dos tribunais do júri, poeta, compositor do hino oficial de Tarumirim e maçom construtor do templo da Loja Maçônica Prof. Francisco Nora de Tarumirim, também foi vice-prefeito do município de 1976 a 1982 e prefeito no período de 1983 a 1988, sendo considerado o melhor prefeito da história do município. Na sua gestão foi inaugurado o asfalto Tarumirim – BR 116, Estádio Municipal, ponte do Bananal, Praça da Glória, pontes, galerias e importantes obras.

2

Na histórica assinatura do Pro-Acesso (asfalto Tarumirim – Alvarenga), o Governador Aécio, Deputado José Henrique, Mauro Bomfim e Salatiel Siqueira (Comunidade de Bananal).

19

Entrevistando o ex-ministro Paulo Haddad em Governador Valadares. Na foto, Ronaldo Perim, Wilson Vargas e Arnóbio Amariz.

O primeiro emprego de Mauro Bomfim foi em Governador Valadares como auxiliar de redação do O Jornal, de Carlito Coelho, quando tinha apenas 15 anos de idade e já publicava poesias e crônicas no jornal “ A Voz de Itanhomi”.

REPÓRTER E RADIALISTA A trajetória de Bomfim na área do jornalismo e da comunicação em Valadares foi intensa, tendo atuado como repórter e redator do jornal Correio da Tarde, que funcionava no Bairro Vila Bretas e posteriormente no Jornal da Cidade e no Diário do Rio Doce, onde foi repórter político e forense, fazendo a cobertura do Fórum e da Câmara Municipal desde 1980.

Mauro Bomfim com o vice-governador Alberto Pinto Coelho.

17


Em Caratinga, Mauro Bomfim com o professor Fonseca (Unec), Governador Antonio Anastasia e professor Eugênio.

Mauro Bomfim como locutor, apresentando o Baile de Misses em Tarumirim.

16

Um dos seus irmãos, Marcelo Bomfim foi Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal de Valadares, tendo colaborado intensamente para a atração de investimentos públicos na cidade, sobretudo para a classe empresarial. Atualmente, outro de seus irmãos, Maurílio de Paula Bomfim também da carreira técnica da Caixa Econômica Federal, atua na Superintendência de Governador Valadares, com sede em Valadares e que abrange mais de 200 municípios da região. Profundamente vinculado aos projetos sociais, políticos, comunitários e culturais de Valadares, Mauro Bomfim, que já recebeu o Titulo de Cidadão Honorário de Governador Valadares, foi empossado em agosto de 2013 novo acadêmico da Academia Valadarense de Letras.

Mauro Bomfim cumprimenta o Desembargador Claudio Costa, na posse como Presidente do TRE/MG. Na foto os Desembargadores Carreira Machado e Bady Curi.

14

Mauro Bomfim, orador da turma de Direito - Fedivale, 1985, em Gov. Valadares, ao lado do Professor Loredano Aleixo.


Cronista diário , sua coluna no Diário do Rio Doce sempre foi uma das mais lidas da cidade na época, sendo muito polêmica e atacando sempre as irregularidades apuradas nos Poderes Públicos Municipais. Até hoje Mauro Bomfim participa como cronista do jornal. Radialista profissional, com matrícula no Sindicato dos Radialistas de Minas Gerais, começou como redator e locutor da “Rádio Por Um Mundo Melhor”, da Diocese de Valadares e como redator da pioneira TV Manchete. Conviveu com jornalistas e radialistas que marcaram época na história da comunicação social de Valadares, tais como Parajara dos Santos , Marcondes Tedesco , Tião Nunes (Carioca), e Carlos Olavo da Cunha Pereira, no campo do jornalismo impresso. Mauro Bonfim com a ex-Juíza e ex-deputada Federal Denise Frossard.

Na história do rádio valadarense, Mauro Bomfim trabalhou e conviveu com radialistas famosos, entre os quais Edson Gualberto, Alírio Dutra, Ailton Dias, Zé de Nô, Wilson Danilo, Maninho , Paulo Dutra, Clério Junior, Ademir Cunha e produtores artísticos como Aluísio Costa Rosa e Rubens Martins.

Mauro Bomfim percorrendo os bairros de Gov. Valadares na campanha eleitoral de 2006.

15

ATUAÇÃO JURÍDICA Formado em direito pela FADIVALE de Valadares, turma de 1985, participou do Diretório Acadêmico Alberto Deodato, fundou o primeiro clube de oratória da cidade (Clube de Oratória JK) e atuou como membro da comissão de comunicação social da 43ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil. Consultor de diversas Câmaras Municipais e Prefeituras, o advogado Mauro Bomfim foi assessor jurídico da Câmara Municipal de Governador Valadares durante mais de 10 anos, quando foram obtidas importantes vitórias judiciais relativas ao Código Tributário. O Dr. Mauro Bomfim mantém seu escritório de advocacia na capital mineira, e filiais em Governador Valadares, Caratinga e Manhuaçu, onde defende não só agentes políticos, mas, sobretudo, pessoas ameaçadas em seu direito e que não têm recursos para pagar advogado.

DEFESA DOS DIREITOS COLETIVOS Filiado ao PPS, partido da esquerda democrática desde 2005 , atuou como atual presidente do partido em Governador Valadares, tendo disputado em 2006 a eleição de deputado federal, quando obteve cerca de 35 mil votos, dos quais cerca de 5 mil votos em Governador Valadares. Na sua luta à frente do PPS de Valadares, Mauro Bomfim obteve importantes conquistas para a sociedade local, com o apoio da Câmara de Vereadores.

Mauro Bomfim com o ex-ministro Aníbal Teixeira, presidente do Instituto JK.

Em Valadares, seus familiares são pioneiros na indústria, tendo Lourival Bomfim e irmãos atuado no ramo da indústria de papéis, fundando a antiga IMPASA (atualmente Santher) juntamente com o empresário Milton Queiroz. Seu tio José Pereira da Cunha Sobrinho (Zizinho) foi um dos pioneiros do Lions Clube de Valadares. Sua tia Dra. Algenir de Paula Bomfim, dedicada ao movimento religioso da Igreja Católica do Bairro de Lourdes, foi inspetora de ensino na Delegacia Regional de Ensino de Valadares e promotora de justiça, já aposentada, além de ter atuado na coordenadoria da FADIVALE, sendo exímia palestrante, notável oradora, dominando os idiomas francês e alemão.


Com o Desembargador Paulo Tinoco.

Entre essas conquistas, destaca-se a Lei da Ficha Limpa, que impede o exercício de cargos de confiança na Administração Municipal e nos Poderes Públicos por pessoas já condenadas anteriormente. E ainda a luta pelo segundo turno, além de ações judiciais contra a taxa de lixo, contra o aumento do salário dos secretários municipais, prefeito e vice-prefeito e combate intenso à transferência ilegal de eleitores de Valadares para outros municípios da região. O advogado Mauro Bomfim já proferiu diversas palestras para a ARDOCE, associação dos municípios do médio Rio Doce com sede em Valadares e como assessor jurídico foi um dos fundadores da ASSOLESTE- Associação dos Municípios do Leste de Minas com sede em Mantena. Mauro Bomfim homenageado em Mariana com a Medalha do “Dia de Minas”.


Com atuação diária e frequente nos pretórios e tribunais superiores, no campo do Direito Municipal e Direito Eleitoral, o advogado Mauro Bomfim obteve expressivas vitórias em processos de absolvição e de cassação de prefeitos e vereadores de várias regiões do Estado. Por indicação do Governador Antonio Anastasia, em 2010, assumiu o cargo de vice-presidente da COHAB/MG, tendo participado da inauguração de diversos conjuntos habitacionais do Programa Lares Geraes/Minha Casa, Minha Vida e do projeto COHAB Sustentável. Mauro Jorge de Paula Bomfim Ingressou na Maçonaria em 2010 na Loja Hiram, da capital mineira, uma das fundadoras do Grande Oriente de Minas Gerais, sendo federada ao GOB- Grande Oriente do Brasil, exercendo os cargos de orador e chanceler, tendo contribuído para a regularização cadastral e da personalidade jurídica da Loja Hiram. Mauro Bomfim e o Desembargador Almeida Melo.

VOCAÇÃO PARA SERVIR À COMUNIDADE Mauro Bomfim herdou de seus familiares a vocação para servir à comunidade, tendo se engajado em projetos sociais, como Natal das pessoas carentes, distribuição de brinquedos no Dia das Crianças, ajuda a creches e asilos, sendo que seu avô foi um dos construtores e fundadores do Hospital São Vicente de Paulo, Asilo e Orfanato em Tarumirim. Em Caratinga, seus familiares foram pioneiros desde 1910, no comércio e nas atividades sociais, sendo que o ex-VicePresidente da República José Alencar teve seu primeiro emprego como balconista na Casa Bomfim. Joaquim Vicente Bomfim (Quinzinho) foi prefeito em Caratinga e um dos pioneiros do comércio em Ipatinga, no início da implantação da Usiminas Mauro Bomfim recebendo a Medalha JK em Diamantina, das mãos de Serafim Jardim, Presidente da Casa de Juscelino.


Autobiografia Mauro Bomfim