Page 1

pra

xxx

Luísa Benzaquen Leão 1


2


Carta pra ele

LuĂ­sa Benzaquen LeĂŁo

Belo Horizonte 3


Luísa Benzaquen Leão Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida, seja por meios mecânicos, eletrônicos, seja cópia xerográfica, sem autorização prévia do autor.

Capa e projeto gráfico: Márcio Pereira Impressão: Contato:

Leão, Luísa Benzaquen Carta pra ele: poesia / Luísa Benzaquen Leão Belo Horizonte, 2018. p. 120

1- poesia brasileira. 2 - juvenil, CDD-67487w8 Índices para catálogo sistemático: Literatura brasileira 1. Poesia: 4


5


6


Prefรกcio

L

orem ipsum dolor sit amet,..............

Lorem Ypslom Dolem

7


Perdida Esperando você aparecer Me pedindo pra ficar (de novo) Arrependida de ter ficado tão perdida (nessa vida) Me pede pra ficar Não te abandonar Porque não quero te deixar (jamais)

8


Perdida Esperando você aparecer Me pedindo pra ficar (de novo) Arrependida de ter ficado tão perdida (nessa vida) Me pede pra ficar Não te abandonar Porque não quero te deixar (jamais)

9


Gostos Eu nĂŁo gosto de nada ele tambem nĂŁo eu gosto dele e ele nĂŁo gosta de nada (mesmo).

10


Nunca dei certo com ninguem Esbarrei com vocĂŞ na rua

11


Eu quero morrer de amor E morrer com vocĂŞ , amor.

12


Você partiu Levou minha sanidade junto Mas loucura mesmo É a minha vida Longe da sua

13


Volta Você foi Mas você volta Você sempre volta Quando me encontrar na rua Vai me olhar com saudade Mas nunca vai assumir isso pra mim Porque você não assume isso Nem pra você mesmo

14


Nosso problema sempre foi a minha inconstancia E a sua estabilidade pra tudo Eu sou de momentos E vocĂŞ ĂŠ equilibrado

15


Você é a saudade que não passa A vontade de estar junto que não acaba O vazio que nunca é preenchido Volta?

16


Seus olhos são tão lindos que eu tenho que fazer força pra não ficar hipnotizada

17


Meu coração depende do seu Pra continuar pulsando

18


Desisto dos joguinhos Vou me jogar No amor

Falaram pra eu pensar em algo bom Veio vocĂŞ

19


20


Despedida de verdade Eu sonhei com você. Sonhei que esbarrei em você na rua e que meu coração disparou. Sonhei que fiquei em choque em te encontrar e que você não deu a mínima pra mim. Sonhei que eu te implorei atenção e que você me ignorou. Sonhei que você ignorou o meu amor. E foi aí que eu acordei. Acordei incomodada com o sonho, mas esqueci em poucos minutos. Saí de casa e adivinha quem eu encontrei. Exatamente. Você. Inteiro. No meio da multidão eu te encontrei. No meio de tantos rostos eu reconheci o seu. Eu imaginei encontrar qualquer pessoa ali. O presidente da república, minha prima que mudou pro exterior na semana passada e meu professor de piano do 5º ano. Menos você. E você não mudou nada. Talvez o corte de cabelo, mais curto nas laterais, mas de resto, você está igualzinho. Você está lindo. Lindo como sempre. Eu te vi na minha frente. Eu fiquei sem reação. Senti meu rosto ficar mais pálido do que realmente é, só consegui virar as costas e andar pra outro lado, sem rumo mesmo, meio desesperada. E chorei igual uma pré-adolescente quando leva seu primeiro fora. Você não sabe quantas vezes eu esperei por esse momento. Você não sabe quantas noites eu passei em claro pensando em te encontrar na rua, e te dizer infinitas coisas. Eu tinha o diálogo perfeito decorado. E esse dia chegou. Chegou justamente quando eu menos esperei. Eu já nem sabia o que dizer, e falar alguma coisa era a última opção porque eu fiquei sem voz. Talvez eu tenha murmurado algumas coisas, mas nada que fez muita diferença na sua vida. No fundo eu sempre soube que nem se eu dissesse as coisas mais lindas do mundo você não iria voltar. Talvez eu nem queira isso. Você tem os seus motivos e eu tenho os meus. Eu sou de momentos 21


e você é equilibrado. Eu não lembrava de diálogo decorado nem de frases prontas. Só lembrava que te amava. Foi por isso que eu ainda estava ali, na sua frente. Eu tentei não dizer isso mas foi necessário. E eu fiz um esforço muito grande pra dizer isso em voz alta. Pra você. Sabendo que sua reação poderia ser de desprezo, de incomodo e de indiferença. Mas não foi. Foi recíproco. Sempre foi. E eu disse mais umas 4 vezes. E foi nesse instante que eu resolvi te dar mais uma chance. Não uma chance de volta, pois tenho total consciência de que isso não vai acontecer. Mas eu te dei uma última chance de uma despedida sincera. Uma despedida madura, sem mágoas nem ressentimentos. E me dei uma última chance também. Me dei a chance de despedir de você de verdade. Eu precisei ouvir sua voz, nem que fosse pela última vez. Eu quis o seu abraço e percebi que se dependesse de mim eu não sairia dele nunca mais. Mas eu tive que lembrar que eram abraços de despedidas. E eu notei que foi a melhor coisa que fizemos nesse último mês, eu percebi que eu precisava desse adeus da mesma forma que eu preciso de oxigênio. Eu notei que muitas coisas mudam, mas a sua essência ficou. A carinha de mau humorado, o sorriso, o jeito que me protege, o carinho que tem por mim. E eu fiquei mais tranquila. Eu fiquei semanas tentando evitar uma foto nossa, um texto escrito pra você, uma mensagem passada... Mas quando eu te vi na minha frente, percebi que te evitar não é a solução, e sim só mais uma complicação. Te ter longe da minha vida está sendo um sacrifício, e lembrando disso, eu chorei mais uma vez, na sua frente. Eu chorei de saudade, de tristeza e porque sabia que você não voltou pra ficar. Você voltou pra deixar claro que longe, é melhor. E eu chorei mais ainda. E choraria outras mil vezes. Nas últimas semanas a coisa mais difícil do mundo pra mim, é você não 22


estar no meu, mas continuar sendo o meu mundo. Eu te amo pra sempre, eternamente e verdadeiramente. E eu te espero independente de tudo. Eu te espero, porque sei que hora ou outra você vai voltar. Você vai voltar daqui uns anos quando perceber que ainda tem muita história pra fazer comigo. Você vai voltar e vai demorar muito, mas eu vou te aceitar mesmo se for sua última opção. Despedi de você foi a coisa mais difícil que já fiz na minha vida inteira. Não foi como na última vez que nos vimos, porque eu não sabia que seria a última vez que iria te encontrar. Mas hoje, hoje foi diferente. Porque hoje era como se fosse a parte ll de um filme de amor, o ultimo capito da novela das 9, o último episódio daquela série que de tanto enrolar, teve que acabar. Eu fui obrigada a dizer adeus, quando minha maior vontade era te pedir pra ficar, eu fui obrigada a te soltar quando a minha maior vontade era te segurar, e eu fui obrigada a olhar pro seu olhos mais uma vez e não prometer nada, só te dar certeza, sendo que minha maior vontade era de te pedir pra jurar que você iria ser meu pra sempre. Mas eu deixei você ir contra a minha vontade. E mesmo assim, sabia que era melhor pra você e o melhor pra mim. Eu fiquei te observando ir embora até você sumir da minha vista. Só pra eu ter certeza de que você não vai voltar. Só pra isso. Só pra lembrar de como você fica desconfortável quando sente que tem gente demais a sua volta. Só pra eu lembrar que reparo nesses detalhes que ninguém nunca vai perceber. E eu repararia umas outras mil vezes, daqui mil anos. E é exatamente por isso que eu me despedi de você com esperança de você voltar. Eu te espero hoje, amanhã, e todos os outros dias. Eu te espero pra sempre. Porque eu te amo pra sempre

23


Fala pra mim Não precisa falar comigo o dia inteiro, eu só quero que você me conte que chegou bem em casa. Não precisa de declarações em público, eu só quero demonstrações de amor de vez em quando. Não precisa dizer o tempo todo, só sinta e sussurra no meu ouvido. Quando a pessoa é fria, parece que qualquer coisa tá bom pra ela. E pra mim nada tá bom, eu preciso de mais. Fala só um pouco, vez ou outra, uma vez por semana, sei lá. Demonstra pra mim, por mim. Fala baixinho, quando ninguém estiver olhando. Fala pra mim, olhando nos meus olhos. Só pra mim. E ninguém mais. O problema não é em não sentir. E sim, sentir e não dizer.

24


Sinto muito Eu tinha te esquecido Eu não pensava mais em você Você não era mais o meu primeiro pensamento pela manhã Eu não falava mais de você pras minhas amigas E eu não escrevia mais poemas pra você Eu não queria saber como você está Muito menos com quem Eu juro Eu não te procurei um só momento E semanas passaram Conheci novas pessoas Senti novos cheiros Vi novos sorrisos Sorrisos que não eram seus Tudo que não era seu E o melhor Não me machucava Mas você volta Você voltou E meu coração se partiu novamente Você me fez lembrar tudo que causou Você me fez lembrar das brigas Da sua insegurança Das minhas noites chorando 25


Você voltou Eu não queria Estava melhor sem saber de você E você sabe disso Eu sei disso Eu queria distância Mas você voltou e me fez perceber que eu nunca te esqueci Eu nunca parei de pensar em você Eu nunca deixei de lembrar de você Talvez eu não falava de você, mas eu te via em outras pessoas. Você voltou e me fez lembrar de tudo Não só das brigas, mas das conversas de madrugada Dos sorrisos Do seus olhos Do formato do seu rosto Das aventuras Do seu jeito sem graça de ser Dos momentos que passamos Eu sinto a sua falta E eu gosto de você Mesmo assim Depois de tudo Eu gosto de você E eu tenho medo de você me machucar de novo 26


Eu gosto de você Eu gosto Eu não deveria mas eu gosto Eu sinto a tua falta E admito isso Depois de semanas sem falar de você Eu sei Eu sinto Eu sinto a sua falta. Queria você do meu lado Sem me destruir como antes Sem me manipular Sem me controlar Sem querer tudo e não me dar nada Não sei se você seria capaz Você nunca foi Eu sinto muito Não podemos tentar de novo Eu sinto muito Não quero passar mais madrugadas chorando Eu sinto muito Não quero sofrer mais Eu sinto muito Mas eu sinto muito mais a sua falta.

27


Minha Vida Você falou pra eu juntar minhas coisas e seguir minha vida eu estranhei você sabia que tudo que eu tinha era seu coração e que minha vida era você.

28


Mania de te Lembrar Posso ficar dias sem pronunciar seu nome, semanas sem falar sobre seu jeito, meses sem lembrar do seu toque. Mas o universo tem uma mania irritante de fazer com que eu lembre da gente. Seja na música romântica da minha playlist, no filme de amor e até no jeito de falar dos garotos que converso por aí. Direto eu afirmo que nunca vou te esquecer. Algumas pessoas falam que é drama, imaturidade, outras dizem que é bonitinho mas eu, eu digo que é amor.

29


De repente De repente você encontra alguém Que te faz superar tudo Inclusive aquele último amor Um alguém, Que faz seu coração acelerar Sua pupila dilatar Seu olhar brilhar E vai além, Te desvenda. De repente você percebe que esse alguém Te reencontrou Também E todas aquelas promessas de que você não iria se apaixonar por mais ninguém... Oi? Que promessas? Você se assusta E se apaixona De novo De repente você encontra alguém que te encanta Alguém que tem o sorriso mais lindo do mundo Que te faz rir a cada segundo Inclusive só por lembrar dele ao ler esse versinho 30


De repente você encontra alguém que não só te encanta, mas que também SE encanta Por você Na mesma intensidade Um alguém que se encanta pelo teu jeito Pela tua forma Por você. De repente você encontra alguém que te reinventa Alguém que faz com que você se sinta linda E que te ama não só quando quer. Um alguém que te ama todos os dias. 24 horas por dia. De repente você encontra alguém que te recomeça. De repente. E de repente, você recomeça. Não por ele, Mas por você E também, Por amor.

31


Foi diferente Saí da aula. Correndo como sempre. Sou a última a chegar e a primeira a sair. Sempre saio da aula andando rapidamente porque não suporto o fluxo de alunos que fica conversando depois que já bateu o sinal. Nunca vou entender essas pessoas que veem os amigos todos os dias, a manhã inteira, e não basta os horários da aula, tem que perder o tempo ficando depois do horário. Sinceramente, nunca vou entender. Mas nesse dia foi diferente. Nesse dia eu sai da escola e não tinha como continuar correndo porque havia uma multidão muito maior do que normalmente. Eu notei alguns garotos mais velhos mas nem reparei muito. Não sou de reparar muito. Mas nesse dia, foi diferente. A cada passo que eu dava eu notava pessoas cochichando, me encarando, olhando pra mim como se eu tivesse contando uma piada muito engraçada. Normalmente eu gosto de chamar atenção, mas nesse dia foi diferente. Eu quis que as pessoas parecem de falar de mim daquela

32


forma. Eu observei mais e reconheci alguns rostos. O rosto dos mesmos garotos mais velhos. Eu caminhava e reparava. Caminhava e reparava. Normalmente eu não pararia de caminhar até chegar em casa. Mas nesse dia foi diferente. Eu parei. Senti um rosto me observando. O seu. O seu rosto. Se alguém além de mim tivesse observado aquela cena diria que você fingiu que não me viu. Com essas palavras. Mas não foi só isso. Foi muito mais. Eu sei. Você não fingiu só que não me viu. Você fingiu que não me conhece. Fingiu que nunca estivemos juntos. Fingiu que nunca tivemos nada. Você fingiu que nada entre a gente aconteceu. Fingiu que nunca sorriu pra mim. Fingiu que eu nunca fui dona do seu melhor abraço e do seu melhor beijo. Você fingiu que nunca suspirou só de pensar em mim. Fingiu que eu não sou nada pra você. Mas pensando bem, talvez eu realmente não seja. Não mais. Só que nesse dia, eu quis que fosse diferente.

33


Amor só da minha parte O problema é que foi amor da minha parte E só. Você me amava apenas quando queria Dia sim, dia não Eu te amava o tempo inteiro Todos os dias 24 horas por dia Eu te amava de verdade Você me amava só por brincadeira Eu te amava sem noção de tempo De espaço De longitude E você me amava de uma forma tão pequena Mínima Só sua Que só você via Quase inexistente. Eu morria de amores Morreria por amor

34


Por você E você estava de saco cheio E eu sei disso porque você dizia me amar Mas eu sei que é impossível amar alguém e abandona-lo Quem ama não abandona E foi o que aconteceu Eu te amava Implorei por socorros Você dizia me amar Mas me deixou E eu fiquei sem você E sem o seu amor (mas isso eu já estava acostuma

35


Pensamentos de partida Eu subi as escadas, procurei o meu lugar e sentei. Não era muito longe da saída. Percebi minha respiração ofegante porque tinha caminhado com passos largos em direção ao ônibus. Dez horas, o último que partiria naquele dia. Olhei pra janela ao meu lado e fiquei observando o movimento. Observei principalmente as pessoas. Algumas estavam correndo, atrasadas e com pressa, outras estavam calmas, provavelmente felizes por estarem indo visitar um parente. Algumas estavam só em busca de aventura mesmo. A maioria estava com o rosto reluzindo cansaço, era perceptível os olhos fundos e o cabelo meio bagunçado. Deviam ter acabado de chegar, exaustos das longas horas de viagem. Eu fiquei imaginando em qual tipo de pessoa eu me encaixaria. Se tivesse o grupo dos “sofrendo por amor” com certeza eu entraria nesse time. Mudei a playlist do meu celular, coloquei no modo aleatório, e começou a tocar “The Scientist”, minha música preferida do Coldplay. Senti o ônibus arrancar. A viagem era longa, deu tempo de pensar definitivamente em tudo e mais um pouco. Eu fiquei repensando sobre minha vida. Pensei em parte da minha família, a que eu estava indo reencontrar e percebi que não podia ficar tanto tempo assim distante deles. Lembrei até da minha infância, do meu aniversário de 8 anos, e lembrei da minha felicidade quando todo mundo estava a minha volta, batendo palmas e sorrindo pra mim. Eu sempre amei aniversários. Lembrei de como tem sido difícil a escola nesses últimos meses. Estar concluindo o ultimo ano do ensino médio não é nada fácil como um dia imaginei que seria. Minha cabeça está uma verdadeira confusão com tantos cálculos, fórmulas e... com você. Sim, você. Que tira meu sono, que invade os meus sonhos, 36


que é minha única e maior inspiração pros meus poemas e que saiu da minha vida assim tão de repente, sem quê e nem porquê. Sim, você. Que me causou tantos estragos, tantas cicatrizes, e tantos momentos de extrema felicidade. E esse é juntamente o problema. A maldita felicidade que você me causa. O motivo do brilho dos meus olhos, das batidas do meu coração e até daquela respiração ofegante que citei no parágrafo anterior. Logo tive meus pensamentos dispersados ao olhar pra cadeira ao lado da minha e ver a expressão serena do velhinho que devia ser pouco mais velho que meu avô, concentrado na leitura, prestando total atenção em cada palavra do livro. O observei por alguns minutos. Eu reparava um sorriso de canto no seu rosto, ora cara de assustado, ora cara de triste. Tudo de forma bem discreta e espontânea. Lembrei dos últimos romances que li. Lembrei também da minha expressão que mudava a cada reviravolta da história. É lindo isso que a literatura nos trás. Fuga. É quase um refúgio pros apaixonados, uma inspiração pros românticos e um Porto Seguro pros que sofrem de amor. É belo, é sincero, é amor. É tudo que a realidade jamais será capaz de nos proporcionar, é tudo que qualquer ser humano nunca vai vivenciar na própria vida. E mais uma vez, eu lembrei do seu sorriso. Virei pra esquerda, fiquei um tempo observando a janela. Agora, já não tinha mais pessoas pra observar. Só havia a estrada contornada por uma mata escura. Deitei de forma quase confortável no meu próprio ombro. Desejei você ali comigo. Fechei os olhos e a primeira lágrima caiu. Seguida de outras 20.

37


Nosso amor Alguns amores são filmes. Outros, teatro. Tem também os que parecem livros. O nosso, porém, sempre será uma interminável série. Mudam-se personagens, o enredo e, algumas vezes, o sentido. Alteram-se objetivos, pensamentos, perspectivas. Mas a gente sempre fica. O nosso amor é uma droga, é imutável, atemporal. Você é o espetáculo da minha vida inteira.

38


Nunca vai ser você, entende? Lembro quando ainda estávamos juntos eu vivia reclamando da distancia, e você dizia pra eu procurar alguém que mora mais perto de mim. Depois que terminamos, eu realmente procurei. Não só procurei como encontrei milhões de caras que moram pertinho de mim. E eu posso beija-los todos os dias por sinal. Mas é que sei lá... Nunca vai ser você, entende? Lembro também que todas as vezes que eu reclamava da tua rotina apertada, você me dizia pra eu te esquecer e procurar garotos da minha idade que ainda não tem responsabilidades. E eles apareceram na minha vida. Na verdade sempre estiveram, só que eu nunca notei. E eu resolvi dar uma chance pra eles. É legal ter alguém sempre disponível, mas não é tão bom assim... É que nunca vai ser você, entende? Eu lembro que você dizia ser mau humorado demais pra mim. E dizia que eu devia substitui-lo com meninos mais divertidos. Eu gosto do sorriso deles. Mas eu prefiro muito mais a sua marra. É estranho, mas é que nunca vai ser você, entende? Desde que você partiu, eu procurei outros garotos. E eu realmente os encontrei. Encontrei todos eles. Encontrei os que moram perto, os que fazem graça de tudo e os que estão sempre disponíveis. Encontrei até os que fariam qualquer coisa pra morar no meu coração. Eu encontrei todos os garotos que você um dia, chegou a dizer que seria o melhor pra mim. E eu me sinto numa eterna busca. Eu fico procurando, tentando encontrar tudo aquilo que eu já achei. Tudo que eu procuro eu achei em você. Tudo que eu mais quero eu achei em você. Tudo que eu mais quero é você. Eu me achei em você. E todos os outros, são só outros... Nenhum faz sentido pra mim. É que nunca vai ser você, entende? 39


Amor melhor que os de filme Eu não quero um amor comum, calmo e tranquilo. Eu quero o seu amor. O nosso amor. Que mais parece um filme do que a realidade. Um amor só nosso, do nosso jeito, sem personagem coadjuvante se metendo na trama dos protagonistas. Que somos nós. Protagonistas da nossa própria história de amor. Porque pra gente, vida só tem graça se parecer que estamos vivendo num filme, e ele precisa ser roteirizado unicamente por nós. O nosso amor é assim mesmo. Como um filme cheio de reviravoltas, cenas de tirar o fôlego e frases de efeito. Quero tudo pra ontem. O agora é quase tarde demais. Quero morrer de amor. Morrer de dor. Morrer De saudade. De intensidade. E morrer com você, amor. Eu quero toda a nossa história seguida de um efeito sonoro dramático, aplausos e indicação ao Oscar. Parece exagero, mas só não gosto de sentir que a vida tá virando nada além de um vai e volta de metrô, sem nenhuma grande coisa acontecendo. Quero que nessas voltas eu me encaixe e dou uma fugida pra sua casa. Quero fugir pro seu coração. Quero que seu coração seja a minha casa. Ser “sem graça” é o nosso oposto. Mas a vida louca como é, as coisas nem sempre acontecem como queremos e o nosso ideal sai do eixo. E volta pro eixo. A vida é incrível, o nosso amor é incrível mas no fundo sabemos que no fim a gente vira só mais uma história pra contar. E a nossa história não é de um amor comum, calmo e tranquilo. A nossa história é melhor que a de um filme.

40


O sorriso some Apesar de tudo eu sempre penso em vocĂŞ como algo bom. Eu lembro do seu jeito, dos nossos planos juntos e do formato do seu rosto. Eu lembro de vocĂŞ e sorrio. No segundo seguinte cai a ficha de que nĂŁo existe mais nada. No outro minuto eu caio na real de que o fim chegou pra gente. Horas mais tarde eu percebo que tudo acabou. E o sorriso some.

41


Eu sumi Abandonei o mundo, ignorei as pessoas, deixei tudo pra trás. E só você ficou. É que você tá em tudo. Na playlist do meu iPod, nas músicas da minha aula de canto e até no “com quem será” do meu aniversário que foi na semana passada. Eu sumi porque precisei. Eu quis mudar. E preciso mudar. Ainda não sou eu. Eu sumi pra ouvir as batidas do meu coração. E adivinha... Escutei somente o seu nome.

42


43


Você voltou Você é aquele tipo de pessoa inconfiável, mesmo que você diga que não dá pra confiar em mim por causa do meu passado imaturo. Já faz tempo que parei de trilhar o meu caminho com suas frases prontas. Fui embora. Agora de vez. Sem volta e sem conversa. Já tive algumas recaídas, claro. Já ouvi músicas e lembrei de você. Já tive vontade de te ligar pra dizer que tudo vai dar certo. Para mim, e pra você. Já tive sonhos de futuro no qual você faria parte. Já pensei trilhões de vezes na tua chance de volta. Mas dessa vez é diferente. Dessa vez é o nosso fim. Dessa vez, o “felizes para sempre” chegou pra mim. Agora é a minha vez de ser feliz. Agora é o meu momento de brilhar. Não vem me ofuscar. Não vem com textos, desculpas, nem mais frases prontas. Não vem. Dessa vez eu não permito a sua chegada. Já coloquei muros, e não seja espertinho. Não é como aquele muro que pulávamos quase toda terça feira, pra beijar escondido. Dessa vez, o muro é alto assim como já foi a minha expectativa da tua volta. Quando pensar em voltar, tenta se lembrar de tudo que você fez. E de tudo que você já deixou de fazer. Relaxa, dessa vez não precisa mentir. Até porque eu não vou te ouvir. Eu te esperei mais do que havia de tempo e estou indo embora mesmo sabendo que o caminho não é asfaltado. Eu disse que ficaria, pra sempre. E fiquei, só que não teve como ser pra sempre. Você me provou que ficar é a pior escolha do mundo. Eu cansei. Cansei. Não sou mais eu. E sendo assim, não sou mais sua. Não existe mais nada. Acabou. Você tem ideia de quanto tempo esperei por você? E olha que eu não esperei você chegar no meu prédio super bem vestido, com um buquê enorme 44


de flores se declarando pra mim. Eu te esperei aparecer com aquela blusa que tem uma estampa floral que tu adora, com o seu perfume de sempre, com seu tênis gasto só dizendo que tu sente minha falta. E você tem que sentir. Embora eu sinta muito a sua falta, sentindo praticamente em dobro, não tem como sentir por você. Só quem espera um amor sabe como é um horrível acordar e perceber que o pesadelo só começou. Eu poderia insistir nisso e dizer que sim, eu fico pra sempre. E talvez faria isso por uma pessoa que realmente está ocupada com algo útil. Uma pessoa que desse algum sinal de volta, ou coisa parecida. Mas o pra sempre é muito tempo pra eu esperar por você. Que a única ocupação é chamar os amigos pra festa do próximo fim de semana. Esperar por você, que provavelmente já olha pra outras pessoas, que já conhece outros corpos além do meu. Quem sabe um dia você volte dizendo que no tinder não tem nenhuma menina com os meus defeitos, com a minha maneira de ver o mundo ou simplesmente com a vontade de te ter como eu tinha. Porque você sabe, que você só encontra meninas vazias. Quem sabe um dia você volte, após rodar o mundo inteiro, parar na minha porta pra dizer que quem você procura você já achou faz algum tempo, e que se arrepende de ter me deixado partir. Quem sabe nesse dia eu te diga que podemos tentar de novo e que eu te esperei pra sempre. Quem sabe eu te abrace forte a ponto de escutar as batidas do teu coração por causa da nossa diferença de altura. “Quem sabe” é quase tão improvável como a terceira guerra mundial acontecer no próximo ano. Sabe porquê? Porque eu já parti. Já é tarde. Eu já tenho outros sonhos, outras metas, outra vida. Aquela de antes não existe 45


mais. Eu morri demais, todos os dias. E agora, renascendo das minhas cinzas, estou me despedindo da minha outra vida. A que você fez parte. Essa é a nova. Acabou. É inacreditável mas você realmente voltou. Você realmente apareceu na minha porta me perguntando se eu te esperei esse tempo todo. E te olhando em choque, só consegui dizer que já estava com outro. Claro, um que nunca nem chegou aos teus pés. Nunca nem precisou de comparações. Mas isso eu não falei, até porque você não precisava saber. Até porque, você talvez saiba, ao ver minha expressão de alívio ao te ver ali, na minha frente, após tanto tempo. A minha reação mais sensata deveria ser bater à porta na sua cara e dizer que você demorou mais do que eu esperei. Na minha cabeça passou um flash Back das minhas milhões de declarações em público todas escondidas por você, de todas as coisas ruins que eu senti no tempo em que estávamos juntos, e principalmente, lembrei de como você tornou a minha vida um verdadeiro inferno desde que você partiu. Mas eu só consegui abrir um sorriso triste ao perceber que você finalmente voltou. Ao perceber que você estava ali. E você ficou confuso ao ver o meu sorriso de canto. E você abriu um sorriso também. O sorriso de sempre. Mas um sorriso bem diferente do meu. Um sorriso sem mágoas, sem tristezas. Um sorriso de quem nunca passou uma noite sequer chorando por amor. E eu fiz uma análise pela milésima vez. Me perguntei o porquê de eu gostar tanto assim de você. Eu não cheguei a conclusão nenhuma, só notei as batidas do meu coração mais calmas. Foi aí que eu entendi. É que você me traz paz. Eu estava me sufocando, durante todos esses anos desde que você partiu. Eu estava me sufocando ao dizer seu nome em voz alta tentando não produzir uma voz trêmula. Eu estava me sufocando todas as noites 46


que segurei o choro e me proibir de escrever uma poesia dedicada a você. Eu estava me sufocando todos os sábados à noite meio a bebidas e cigarro, ao dizer que aquela era a vida que eu queria pra mim. Eu me sufoquei todos os dias da minha vida desde aquela tarde em que nos esbarramos, desde o momento em que você disse que me amava mas não podia ficar. Eu me sufoquei durante mil dias consecutivos. Até esse. Até você me reencontrar perguntando se eu realmente te esperei. Foi nesse instante que o sufoco acabou e eu transbordei. Você provavelmente já imaginava essa minha reação. Você sabia que eu sempre fui explosiva em relação a qualquer coisa ligada ao meu sentimento. Eu só consegui olhar pros teus olhos castanhos e pro teu sorriso e segurar minhas lágrimas por mais ou menos 30 segundos. Eu sempre fui impulsiva, você sabe. E pulei pro teu abraço. E você me retribuiu, e me abraçou mais forte do que eu um dia sonhei. Todas as minhas expectativas foram superadas. Eu notei no brilho dos teus olhos que eu não era a única que tinha esperado por aquele momento. Você também. Você também passou a vida inteira me procurando em outros corpos e tentando aceitar a sua vida nova. Você também passou a vida inteira tentando achar sentido naquelas festas de fim de semana. Eu passei a minha vida inteira te esperando imaginando que você iria voltar. E você não voltou. Porque na verdade, você nunca partiu. Você sempre esteve ali, me cuidando, me sentindo. Mesmo do seu jeito, mesmo que dentro de mim. Eu olhei mais uma vez pro fundo do seus olhos e sorri novamente. Dessa vez não foi um sorriso de lado, meio sem jeito. Foi um sorriso idêntico ao seu. Um sorriso que não apareceu no meu rosto durante anos, desde que você partiu. Um sorriso de quem tinha encontrado a pessoa certa, ou melhor, reencontrado, no lugar certo e no momento certo. E todas as noites mal dormidas, todo o sufoco foram recompensados pelos simples fato de você ter voltado. Ter te reencontrado foi a melhor coisa que já acon47


Nega nĂŁo NĂŁo adianta negar teu olho brilha sĂł de pensar em me beijar.

48


Diferença Eu me despedi de você várias vezes. No meu pensamento. Formulei milhões de frases e formas de te dizer. Mas eu nunca tive coragem. Sabe porquê? Porque eu te amo, e quis passar por todos os obstáculos, por todos os problemas e por todas as brigas ao seu lado. Mas você... Você foi diferente. Na primeira oportunidade, quando você disse adeus, era pra sempre. Mesmo eu te implorando pra ficar.

49


Motivos incompreensíveis Ele disse que não podia ficar comigo por uma série de coisas “Você sabe que eu te amo mas não podemos ficar juntos” Culpa da minha agenda apertada Culpa dos meus estudos “Relaxa é tudo pro seu futuro” Mas amor, o meu futuro é você Mas não, Ele dizia que eu tinha que estudar, que eu tinha que escolher uma profissão, Arrumar um emprego, Crescer Amadurecer Viver. Eu tinha que fazer tudo menos ficar com ele Ele tinha que fazer tudo menos ficar comigo Mas amor eu te amo! “Não! Você não está entendendo” Tudo bem, ficamos distantes então. Ele realmente pensou no futuro dele. Cortou o cabelo, arrumou um emprego, formou e se mudou 50


Me procurou Pra saber se eu estava bem Bem mesmo? Eu não estou não Longe de você nunca vou ficar Mas eu só sorri e respondi: “Estou sim! Estudando muito, falando nisso tenho aula amanhã, boa noite” Mas era mentira, tudo fachada Minhas notas só caiam e eu mal dormia Mas eu não queria atrapalhar Não queria incomodar Ficamos nisso durante uns bons meses Eu esperando alguma coisa mudar e ele de mudança de novo Fui trilhando minha vida, da forma que ele queria Estudei, formei, trabalhei (E chorei) Um dia, três da tarde Recebi uma mensagem Eu respirei. Engoli o choro. E reli a mensagem. Dessa vez em voz alta. “Esse não é o teu namorado com outra?” Percebi onde eu me perdi Eu esperava por um amor que já não existia 51


Eu perdi o menino da minha vida Eu perdi o menino que sonhava em dormir ao meu lado todos os dias. O menino que era tão ele que preferia guardar o nosso amor só pra nós dois. Eu perdi o menino mais corajoso do mundo, que me fez vencer meu medo de altura, do escuro e do silêncio. Um menino que me protegia, que mandava mensagem até quando eu fosse beber água na madrugada de uma terça feira. Eu perdi o menino que além de me fazer vencer todos esses medos, me conquistou todos os dias, me provou que sempre foi ele, e assim, me fez perder o medo de me apaixonar. O menino que mentia pra família pra eu poder encontrá-lo, que ia até o fim do mundo só pra poder me buscar e me levar pra sua casa pra me ouvir sussurrar em teus ouvidos no silêncio da sua sala o quando o amava. Eu perdi o menino que me me conhecia mais do que minha melhor amiga me conhece. O menino que sabia quando eu estava triste, pensativa, e até quando eu estava com vergonha de dizer alguma coisa. O menino que me olhava nos olhos e que enxergava muito além do que se via. Enxergava a minha alma, me enxergava por dentro, e me desvendava. Eu perdi o menino que me fez viver os dias mais incríveis da minha vida. Perdi o menino que me ajudava a pular o muro de uma faculdade, que se trancava no banheiro comigo e que deitava na grama pra observar as estrelas que nunca apareceram. O menino que sempre me puxava pra lugares que só nós dois sabemos só pra poder ficar mais perto de mim. Eu perdi o menino que me dava presentes que me faziam suspirar toda vez que olhava pra eles. Eu perdi o menino que trocava o dia pela noite só pra passar mais tempo fazendo juras de amor. O menino que observava cada detalhe meu, e me fazia olhar pro espelho pra dizer que eu sou linda todas as vezes que 52


eu me sentisse um pouco insegura. Enquanto todas os outros só me olham de relance. O menino que me beijava com intensidade, com verdade, com calor e com entrega. Eu perdi o menino que sempre foi tímido com tudo, inclusive quando eu bagunçava o seu cabelo, olhava pro fundo dos seus olhos e afirmava que ele era o garoto mais extraordinário que já conheci. Perdi o menino que tinha vontade de conhecer minha família inteira e que desejava me ouvir cantar músicas de amor pra ele. Eu perdi o menino que me fazia sustentar o mundo com um só sorriso, que me fazia esquecer os problemas com um só olhar, nem que fosse somente enquanto estivesse ao lado dele. Eu perdi o menino que deitava comigo, que me abraçava, que me olhava com admiração, que planejava noivar, casar e envelhecer ao meu lado. Eu perdi o menino que mudou o meu mundo pra melhor desde que resolveu entrar. O menino que me acrescentou infinitas coisas e uma vez me disse que a vida não é um filme de amor e que nem sempre tudo é do jeito que a gente quer que seja. Eu perdi o menino que me amava mais do que um dia eu jamais sonhei em ser amada. Eu perdi o menino que tinha outras obrigações, que pensava no futuro e me fazia pensar no meu. Eu perdi o menino que teve que partir pra poder trilhar um caminho bonito na própria vida. Eu perdi o menino da minha vida. O menino que teve que partir. E que foi obrigado a pedir pra eu ir também. E quem sabe algum dia volte, e peça pra eu ficar, pra sempre.

53


Você perdeu a menina da sua vida Você perdeu a menina que sonhava em dormir ao seu lado e te acordar fazendo massagem. A menina que sentia orgulho de você e que tinha vontade de sair na rua gritando pro mundo inteiro que você é o amor da vida dela. Você perdeu a menina que tinha medo de altura, do escuro, do silêncio, e até da própria sombra. Uma menina que se sentia protegida por você, que te pedia pra mandar mensagem enquanto ela fosse beber água na madrugada de uma terça feira. Você perdeu a menina que além de todos esses medos, já teve medo de se apaixonar, mas quando te encontrou se entregou de corpo e alma, não pra você, mas por você. A menina que mentia pra família pra ir na sua casa, pra poder sussurrar em teus ouvidos no silêncio da sua sala o quando te amava. Você perdeu a menina que te olhava nos olhos e que enxergava muito além do que se via. Enxergava a tua alma, te enxergava por dentro, e te desvendava. Você perdeu a menina que tinha as ideias mais malucas do mundo e que até fugiria contigo se fosse preciso. A menina que trocava o dia pela noite só pra passar mais tempo ouvindo sua voz. A menina que te 54


enxergava lentamente, e observava cada detalhe seu, enquanto todas as outras só te olhavam de relance. A menina que te beijava com intensidade, com verdade, com calor e com entrega. Você perdeu a menina que bagunçava o seu cabelo só pra ter o prazer de te observar arrumando com a cara abusada pra ela. Você perdeu a menina que fazia você sustentar o mundo com um só sorriso, que te fazia esquecer os problemas com um só olhar, nem que fosse somente enquanto estivesse ao lado dela. Você perdeu a menina que deitava no teu sofá, que te doava o colo, que te olhava com admiração, que planejava fazer um almoço pra você, e depois morreria de amores ao ouvir você elogiando a comida dela e dizendo: “já pode casar... comigo!”. Você perdeu a menina que fez de tudo pra você perceber o quanto teu mundo mudou pra melhor desde que ela resolveu entrar. Você perdeu a menina que suplicava pelo seu amor, que desejava o seu carinho e que fazia de tudo pra chamar a sua atenção. Você perdeu a menina da sua vida. A menina que te implorou pra ficar. E que foi obrigada a partir também. E como você mesmo disse, pra sempre. 55


Não tem problema Eu sou sua. Simples assim. Só sua. Você não precisa se preocupar em me responder rápido nem em perguntar se eu estou bem. Mas se quer realmente saber, eu tô bem sim. Eu sei que você tem suas ocupações, seu trabalho, sua vida. Então fica tranquilo. Eu sou sua, não sou? Única coisa que te peço é que perguntarem sobre mim você diga o quanto sou importante na sua vida. Quando tiver tempo, me chama, me liga, me lembra. Eu vou estar sempre aqui. Pode passar um dia, duas semanas e até três meses. Não importa quanto tempo demore, eu vou sempre estar disponível pra você. Não precisa comentar minhas fotos, ouvir minhas musicas, eu só quero que você se lembre do brilho dos meus olhos quando olho pros seus e de quanto meu sorriso fica muito mais lindo quando é você quem me faz rir. Relaxa, eu sou sua. Não precisa sair comigo todo fim de semana, só quero que você sinta minha falta também. E diga. Por favor, diga. Isso é importante pra mim. Não quero presentes caros, nem declarações em público e não vejo necessidade em mostrar pro mundo que você é meu namorado. Eu só quero que você seja. Simples assim. Agora me escuta: bloqueia esse celular, não tem problema em não me responder. Vai fazer suas coisas. Lembra de mim antes de dormir, só isso. Dorme bem.

56


Não sou de pensar muito Eu te ligo mesmo. Digito seu número mesmo que seja madrugada e eu tenha bebido mais do que devia. Mando mensagem sabendo que você está no meio da aula. Grito seu nome pros outros garotos. Falo de você em todos os botecos dessa cidade pequena. As vezes as ligações caem na caixa postal, as mensagens são sempre respondidas com meias palavras e os garçons já estão de saco cheio das minhas histórias. Sei que com esse meu jeito intenso e apaixonado de ser (por você) perco a chance de encontrar alguém. Eu não sou de pensar muito. Nunca fui. Apenas sinto uma vontade incontrolável e faço. Na manhã seguinte, no fim do dia ou na madrugada posterior eu simplesmente lido com toda essa confusão que eu mesma criei

57


Até eu Até eu que sou poeta fico sem palavras pra te descrever

58


Te amo porque Eu te amo porque sei que se precisar você vai até o fim do mundo só pra me encontrar

59


Tenho esperança de te encontrar A gente erra sim. Uma, duas, três mil vezes. Eu errei. Várias vezes. Admito isso. Arrependo. E penso em como poderia ter sido diferente, ou menos pior. Todos os dias. Não deu certo por uma série de problemas. Imaturidade, infantilidade, orgulho e falta de experiência. O que me resta é te esperar. Te espero todos os dias, por sinal. Pode ser ilusão, coisa da minha cabeça, sei lá. Mas eu tenho esperança de te encontrar por aí, em uma esquina qualquer. Te encontrar e perceber que você também me achou. É como se você fosse meu pote de ouro no fim do arco íris, meu troféu de 1º lugar, minha medalha. Enquanto isso, eu ando por aí, na rua da solidão, na avenida de gente fazia e na encruzilhada de futilidades. Tô meio desnorteada. É que você é meu destino, minha meta, meu “feliz pra sempre”.

60


Vou te encontrar por aí Eu tenho tanta coisa pra te contar. Quero falar do meu colégio novo, das bobagens que comprei, das amizades novas e das pessoas que me afastei. Quero te falar de como mudei nessas últimas semanas. Quero te convidar pra minha apresentação de dança e te falar que eu estou contando os dias pro meu aniversário. Eu vou te encontrar por aí e meu olho vai encher d’agua. Eu vou sorrir e te dizer coisas lindas. Eu ainda vou te puxar e te trazer pra minha casa. Aí vou sentar na sua frente com meu violão e cantar pra você. Mesmo que desafinado. E você vai achar lindo. Você vai me achar a menina mais linda do mundo. E eu vou adorar te ouvir dizer isso. Pode anotar aí, marcar na agenda, guardar na memória. Você ainda vai ser meu. Essa fase distante um do outro é só umas reticências nas nossas vidas. Vai passar. (Ou não, esse papo de pra sempre é só pra confortar meu coração).

61


Não demos certo Acho que a verdade mesmo é que não damos certo. Nunca. Nem adianta insistir, persistir, virar do avesso. Esse papo de se dar bem não funciona com a gente. Você só sabe implicar, brigar, me confundir. E eu? Sou imatura, inexperiente, cometo um erro atrás do outro. Eu nunca consegui te descomplicar, te acalmar, te desvendar. E você nunca tentou me explicar, me ensinar, me dizer que tudo bem errar. E isso que destruiu a gente, isso que formou a distância entre nós. Juntos não funcionamos. Separados, também não, porque ficamos sem nossas conversas, sem nossas risadas, sem o nosso amor. Mas pelo menos, é do jeito que você quer.

62


Comparações pra você Mesmo se eu ouvisse todas as músicas de amor em todas elas eu ainda pensaria em você. Se eu escrevesse todos os versinhos românticos possíveis nunca encontraria um que se encaixa exatamente no que eu sinto por você. As batidas do meu coração são tão altas quando te encontro que nem o som da batida de todas as escolas de samba juntas superam. A saudade que eu sinto quando estamos longe descreveria a saudade de um velhinho que viu sua esposa partir. Minha alegria quando estou conversando com você é maior que uma criança brincado despreocupada com os amigos. Jamais uma pedra preciosa seria capaz de reluzir o mesmo brilho dos meus olhos olhando pros seus. E infelizmente, todas as lágrimas que descem não são suficientes pra que você perceba que você pode conhecer todas as pessoas do mundo, mas nenhuma delas seria capaz de sentir tudo isso que eu sinto por você. Você pode conhecer cada canto do mundo, mas o único e mais certo lugar pra você estar é e sempre será somente ao meu lado.

63


Eu e ele Nunca soube o que esperar dele Quando eu esperava muito ele fazia o mínimo Era tudo muito pouco Insuficiente Quando eu não esperava nada Ele era tudo Exatamente tudo que eu mais queria Ele me surpreendia Do jeito dele De um jeito bom E de um jeito ruim também E eu ficava sempre sem saber Ficava em dúvida se mergulhava nisso que nem sabia se existia Ou se nem ligava Esse era o problema Eu ligava As vezes E nessas vezes percebia que ele não estava nem aí Nessa vai e volta Eu desencantei Ele também Talvez até podíamos dar certo Na verdade, 64


Não é a mesma coisa sem você Quando tiro uma nota alta fico mega feliz mas, sei lá... Não é mesma coisa sem você me parabenizando. Sempre que aprendo uma música nova no violão fico super empolgada e quero cantar pra todo mundo, até pros desconhecidos na rua, mas ninguém é capaz de te substituir. Não é a mesma coisa. Nada está igual. A escola, as minhas perceptivas sobre política, os meus sonhos, minhas metas de vida. Nada. É como se toda vez que eu ganho eu perco. Eu ganho, aí me lembro de você, e é como se eu perdesse. Toda vez que consigo realizar algo por mais grandioso que seja, não me sinto inteira. Falta você ali pra dizer “estou feliz por você, vamos crescer juntos”. Falta você AQUI pra me falar que vai ficar tudo bem. Mas não vai. Sem você não vai.

65


Desculpa Você saiu da minha vida e a minha rotina continua normalmente. Eu estudo, vou pra academia, compro roupas, arrumo meu quarto, vou pra aula de jazz, tudo do mesmo jeito. Não tenho muito tempo pra sofrer. E no fim de semana eu saio também, como qualquer outra menina da minha idade. Mas diferente delas, eu procuro o seu rosto em outras pessoas, e eu tento encontrar os seus defeitos nos garotos que converso. É aí que eu percebo que sinto a tua falta, e mesmo que indiretamente, você ainda faz parte da minha vida. Eu chego em casa e vou dormir triste. Todas as noites. E quando eu acordo? Pior ainda. Eu acordo com um sentimento ruim. Eu percebo o quanto estou mal. O quanto eu estou sentindo a sua falta. Eu só disfarço fazendo milhões de coisas e tentando agir como se meu coração não estivesse partido por dentro. Desculpa por te lembrar. Desculpa. E desculpa essa minha mania de pedir desculpa. É inevitável. Desculpa por pedir, sei que não deveria. Mas... Volta?

66


Sufoco Eu acho que uma das piores sensações do mundo é você se esforçar ao máximo, se entregar 100% e a outra pessoa que está contigo não enxergar isso. Pra você é tão óbvio, tão transparente que você está lutando pelo amor de vocês, mas em contrapartida, ele não consegue ver isso em você. É um amor difícil, quase impossível de ser demonstrado. Ele vem de dentro, e sufoca a cada dia. Na verdade, eu nem sei porque fui inventar de me apaixonar. Sinceramente, não sei. Tem tantas outras coisas pra fazer: tocar violão, ir no shopping fazer compras, estudar, jogar vôlei... Mas eu tinha que, entre tantas opções, escolher te amar. Eu te amo mais que qualquer coisa. Mais do que você imagina. E todo esse amor é tão estranho, tão sufocante. Impossível de colocar pra fora. Parece que eu tento de todas as formas, mas nunca encontro palavras pra dizer isso. Só sei que quando estamos brigados, quando estamos mal sinto uma dor tão forte que mesmo derramando todas as lágrimas existentes essa dor não alivia. E mesmo assim, você não enxerga isso.

67


Fala por mim Pronuncia pra mim aquela frase que eu preciso ouvir. Diz “eu te amo” só mais uma vez que meu coração fica em paz. Por mim.

68


Hoje foi a última vez Eu juro que apaguei todas as nossas fotos. Sim, dessa vez foram todas, até aquelas que você nem lembrava da existência. Hoje foi a última vez que ouvi nossa música. Exclui a playlist inteira de músicas parecidas com a aquela. Hoje foi a última vez que pensei em voltar contigo. Eu quis terminar o que tivemos de uma vez por todas. Me devastou sim. Me consumiu. E me consumiu demais. Em excesso. Chegou no limite. Hoje foi a última vez que tentei te ter de volta. Foi a última mensagem. O último suspiro. O último pensamento. O último tudo. Acabou. De tanto falar em fim, ele chegou. Mesmo que eu tenha enrolado, me desdobrado. Mesmo que eu tenha falado “hoje foi a última vez” pela milésima vez na mesma semana. Hoje o fim realmente chegou. Não adianta mais nada. Eu te dei milhões de chances de volta, te implorei pra ficar e tentei de todas as formas impedir sua partida. Me consumiu, me desgastou, me feriu, me deixou em prantos. Mas acabou. Foi a última vez de tudo. Aproveita que esse é o último texto que fiz pra ti. Inclusive, aproveita e releia os anteriores que todos têm seu nome nas entrelinhas. Mas os os próximos não adiantam nem tentar se encaixar em cada frase de saudade. Você não vai se achar. No máximo no ponto final. Sabe porquê? Eu já tenho outra inspiração, outro alguém. 69


Simplesmente Você sofre quando ele parte. Sofre muito. Chora por 130 dias consecutivos. Você se despedaça e se sente morta por dentro. Dói, incomoda, machuca e dilacera. E em um dia você acorda e simplesmente percebe que não era pra ser.

70


Quando eu me apaixonei? Não sei em qual instante eu me apaixonei por você. Talvez tenha sido quando vi uma foto sua com os amigos, com a mesma carinha de sempre de despreocupado. Não sei se foi na primeira mensagem sua ou no primeiro áudio. Não sei se foi na primeira vez que seu olhar se cruzou com o meu ou então quando percebi que seu sorriso é mais lindo ainda pessoalmente. Talvez tenha sido na primeira conversa sobre as bobagens que temos mania de conversar. Ou no primeiro toque, quando você me surpreendeu me dando as mãos. Não sei se me apaixonei no primeiro beijo, nem no segundo beijo, que foi ainda melhor. Talvez tenha sido no primeiro “juro ficar pra sempre”. Ou então no primeiro “eu te amo” que você sussurrou no meu ouvido. Eu não sei em qual momento da minha vida eu me apaixonei por você. Mas eu sei que até hoje eu sou apaixonada por cada detalhe seu. Ainda sou apaixonada pelo seu beijo, pelo seu toque, pelo teu cheiro. Ainda sou apaixonada pelas suas juras de amor e por tudo que você já fez por mim. Eu percebo isso toda vez que chego em casa e não consigo pensar em mais nada além de nós dois juntos. Eu percebo que ainda sou apaixonada quando fico com medo de você escutar as batidas do meu coração quando te vejo de tão altas que são. Eu percebo que sou apaixonada quando falo de você com os olhos brilhando e porque sinto uma necessidade imensa de ficar ao seu lado todos os dias. Eu não sei quando todo esse amor começou, mas eu te garanto que toda essa minha paixão não vai passar tão cedo. 71


Me achei Eu que sempre fui tão perdida, me achei quando te vi de longe. Mesmo cerrando os olhos pra enxergar direito, eu tive a certeza que você é meu destino. Você é o meu roteiro, meu mapa, minha bússola. Mesmo você indo embora, o destino sempre junta a gente. Os astros se conectam e os ventos sopram ao nosso favor. Olha pra cima, repara no céu. Tá escrito nas estrelas. Eu ainda me caso com você.

72


Nada se compara a você Eu não vejo graça. Não mais. Em nada. Nada. Ninguém me agrada. Não me interesso por ninguém. Eu procuro o seu rosto em outras pessoas. Eu desejo você ali comigo. E eu vejo que nada faz sentido pra mim. Festa, balada, bebida, cigarro. Eu só busco você. O que são essas coisas perto dos seus olhos olhando pros meus? Eu sei que mesmo se eu conhecesse outras pessoas, beijasse outras bocas por aí, não iria mudar o meu sentimento em relação a você. Porque quando chego em casa ainda meio embriagada, exausta, deito a cabeça no travesseiro e é de você que eu lembro. Nada nesse mundo se compara a te esperar por semanas, e te encontrar “no dia que deu”. E demonstrar todo o meu amor. Ou quase, porque é tanto que nem sei se algum dia fui capaz de dizer com beijos, abraços e amassos. Agora nem dá mais. E nessa tentativa, eu te escrevo, porque é a única coisa que tenho.

73


Minha vida de Volta Noite passada eu quis me desvincular de você. Senti que precisava fazer isso. Tornou uma questão de necessidade. Apaguei seu número, nossas conversas e as conversas de todo mundo que me faziam lembrar de você. Apaguei todas as nossas fotos que me faziam recordar os nossos melhores momentos juntos. Estava doendo, mas era uma dor totalmente libertadora. Estava me sentindo melhor. Mas eu ainda precisava de mais. Então por último, me levantei e fui em direção ao meu quarto. Tranquei a porta, respirei fundo e peguei cada carta que eu não tive a oportunidade de te entregar. Eu rasguei cada folha de papel que tinha a minha caligrafia e meus sentimentos mais puros expostos. Não era fácil desfazer de tudo. Minhas mãos tremiam de uma forma inimaginável. Eu estava sendo forte, não descia uma lágrima sequer. E por ultimo, peguei os presentes que você me deu. Eram poucos, mas tinham um significado enorme no meu coração. Eu joguei fora todos eles. Joguei fora tudo. Acabou. Pronto. Não tem mais nada de você comigo. Não tem nada seu aqui. Mais nada te pertence. Nada. Eu deitei novamente. Meus ombros relaxaram. E foi nesse instante que eu senti uma paz. Uma paz que eu não sentia a muito tempo. Uma paz que faltou na minha vida durante meses, desde que você entrou nela. Uma paz que eu não sabia o quanto era importante. Uma paz necessária pra sobrevivência de qualquer ser humano. Uma paz libertadora. Me senti leve, e talvez essa seria a mesma sensação de emagrecer 30 quilos em minutos. E pela primeira vez, 74


depois de muito tempo, eu me senti viva de novo. Me senti leve. Me senti inteira. Me senti sem você. E foi uma sensação boa. Eu me senti capaz de te esquecer. Percebi que não precisava de você pra me sentir bem. Eu estava bem comigo mesma. Essa foi a melhor sensação do mundo. Fechei os olhos e dormi profundamente. Eu realmente dormi. E acordei de madrugada. Tive um sonho horrível de uma menina que sofria muito por um garoto que... Passou alguns segundos e eu prestei atenção no que estava sentido e lembrei de tudo. Foi tempo suficiente pra cair a ficha de que a menina do sonho era eu e o menino era você. Eu me senti péssima por perceber que eu tinha transformado a minha vida num pesadelo e num verdadeiro caos. E veio tudo de uma vez. O turbilhão de pensamentos, as lágrimas e o aperto no coração. Eu lembrei não só da noite passada, mas também de todas as outras. Eu lembrei de todas as vezes que viramos madrugadas conversando e fazendo juras de amor. Eu fiquei mal por lembrar que se fosse umas semanas atrás, se eu sonhasse com você, provavelmente pegaria meu celular correndo e te mandaria mensagem contando. Mas dessa vez não foi um sonho. Foi um pesadelo. E eu sabia que se te mandasse qualquer mensagem esse horário certamente você pensaria que eu sou louca. O pior de toda essa situação não foi o pesadelo em si. Foi eu ter acordado e percebido que aquilo tudo estava mesmo acontecendo. Eu realmente estava destruída. E eu lembrei de tudo novamente. Eu lembrei de como era bom te ter aqui. Eu lembrei de todas as vezes que seu sorriso iluminou meu dia. Eu lembrei de todas as vezes que você jurou “pra sempre”. Eu lembrei de tudo. De como era bom ter você na minha vida. De como minha vida só faz sentido se tiver 75


você ao meu lado. Eu percebi mais uma vez que te amo de verdade. Eu te amo de uma forma intensa e devastadora. Eu te amo de uma forma que me corrói e que me sufoca. Eu te amo de uma forma atemporal e imutável. É... Eu ainda sou louca por você. Logo por você. Que uma vez teve a coragem de dizer que eu não amava o suficiente. Logo por você. Que não fazia parte dos meus planos. Logo por você. Por quem eu não poderia me apaixonar. Mas por quem eu me apaixonei. Eu notei que eu posso apagar todas as mensagens, mas mesmo assim, sempre vou relembrar de todas as conversas. Eu vou sempre repassar nossos diálogos diários porque eles ainda estão guardados na minha memória do ´´pra sempre``. Eu percebi que posso quebrar e jogar todos os presentes num lixo qualquer, mas eu sempre vou me lembrar de você me dando cada um deles, da minha felicidade em recebê-los, do meu carinho por eles. Eu percebi que posso até queimar cada carta que já escrevi, mas eu vou estar sempre escrevendo de novo. Eu percebi que nem depois de décima dose de tequila eu consigo te esquecer. Eu percebi que não importa o que eu faça, o esforço que eu tenha, nunca vai ser o suficiente. Eu nunca vou conseguir te esquecer. Em hipótese alguma. Jamais. Eu percebi isso tentando. Eu juro que tentei. E eu chorei baixinho. Eu chorei baixinho todas a noites por sentir essa imensa falta sua. Eu chorei baixinho por um dia ter acreditado que poderia dar certo. Eu chorei baixinho por perceber a minha inocência. Eu chorei baixinho por me sentir incapaz. Incapaz de qualquer coisa. Incapaz de superar. Incapaz de ficar bem sem você. Incapaz de ter a minha vida de volta. Aquela que você faz parte. E eu só quero isso. A 76


minha vida de volta.

77


Eu voltaria pra não te amar Ontem à noite eu fui a praça. Aquela praça que a gente sempre encontrava. Aquela praça que eu procurei evitar durante semanas, desde que você partiu. Eu estava no meio de uma ligação, parabenizando meu tio pelo emprego novo. Terminei a telefonema e quando me dei conta, notei que estava exatamente no mesmo lugar daquela tarde de carnaval. Ao lado, havia um jovem cantor rodeado por algumas pessoas o prestigiando. O som do violão deixava o ambiente extremamente melancólico, combinando exatamente com o meu momento interno. A música era triste e dramática. Parecia comigo. E foi engraçado me ver ali, naquele mesmo lugar. Passou tanto tempo desde aquela noite. E ao mesmo tempo tão pouco tempo. Se lembra daquela noite? Que eu desabei, na sua frente? Que eu disse o quanto você era importante na minha vida? Lembra de me ver correndo pro seus braços? Lembra de me ver implorando por socorros? Implorando por amor, por sentimento, por reciprocidade? Foi lembrando disso que eu chorei, ali mesmo, não tanto como naquela noite, porque eu não estava desesperada, eu só estava com saudade. Se eu soubesse que a gente terminaria assim, eu não teria insistido. Na verdade, se tivessem me contado que o nosso fim seria um longe do outro eu nem teria saído de casa naquele dia. Comigo não tem essa de “foi aprendizado”. Eu 78


te dei todo o meu amor e todas as promessas de eternidade foram verdadeiras. Eu queria voltar em todas as vezes que você me pediu atenção e te ignorar, porque você detesta isso. Quando você pegou na minha mão pela primeira vez, eu queria estar usando luvas, e queria ter feito cara de nojo. E o nosso primeiro beijo? Eu desejo que ele nunca tivesse acontecido. Eu queria nunca ter te dado aquela segunda chance quando você me decepcionou. Na verdade, eu queria nunca ter te dado nem uma primeira chance. Eu queria nunca ter conhecido. Eu queria voltar no dia em que me apaixonei. Queria voltar em todas as vezes que nos saímos juntos e ter olhado menos pro seus olhos. Eu queria ter sido menos sincera, menos intensa, menos verdadeira, menos tudo. Eu queria que você nunca tivesse entrado na minha vida, e que nunca tivesse causado isso tudo que causou. Eu voltaria pra não te amar. Mas infelizmente as coisas não funcionam assim. Eu estava ali. Imóvel. Lembrando do começo de tudo. Lembrando de como tudo que era tão puro e sincero teve fim. E eu desejei no fundo do meu coração que você estivesse ali. Não sei ao certo o que iria fazer, mas eu precisava de você. E eu preciso. Todos os dias. Será que você me entende? Ou será que você realmente não se importa? 79


Vazio Você vai sentar na janela do ônibus, sentir o vento gelado e observar as árvores. Vai caminhar de manhã cedo e ouvir o barulho dos próprios passos. Você vai sorrir como sempre, sair mais cedo da escola pra tomar uns goros, andar de skate, apostar uma corrida e cantar sua música preferida. Você vai pra festas incríveis. Todos as fins de semana serão intensos. Vai beijar 1, 2, 3 bocas com esperança de encontrar algo novo, diferente, inusitado, surpreendente. Mas vai ser sempre a mesma coisa. Tudo igual. Monótono. Rotina. Chato. E em um dia, você simplesmente vai chegar em casa exausto, vai ajeitar teu travesseiro, sentar na cabeceira da cama e ler um texto antigo. Ver uma foto. Uma mensagem, um bilhete, uma carta... Qualquer coisa que faça você se lembrar de mim. Vai olhar pro pulso e reparar na pulseira apertada da balada. Vai prestar atenção no enjoou que esta sentindo. E vai ficar em choque, vai estabilizar, parar, congelar, e FINALMENTE, após tanto tempo, cair na real. Você irá se perguntar o que está fazendo com a própria vida. Vai pensar nessa merda de ensino médio que não acaba. Nesse seu mundinho parado. Nessa sua vida ruim. Vazia. Inútil. Vai lembrar dos amores que passaram. E vai lembrar de mim. Você vai assumir pra si mesmo que todos os dias tenta esconder a sua tristeza e a sua saudade continua. Vai assumir que esses fins de semana não levam a lugar nenhum. Que essas meninas iguais não te preenchem. É que nada é capaz de mudar 80


o seu vazio interno. Porque você corre em círculos. Corre de si mesmo. Você corre da verdade, tem vontade de tornar tudo aquilo que insiste em não sentir por mim em realidade. A sua vontade é de ligar pra mim, gritar alto pra ouvir o timbre da própria voz, pular de paraquedas sem o paraquedas e chorar o tempo todo. Todos os dias, na esperança de tirar esse vazio de alguma forma. Essa vontade de me ter novamente. Essa sua saudade do que nunca aconteceu. Essa vontade do novo, do único. E quase gritando por socorros você vai fazer tudo de novo. E o pior é que você sabe que essa festa é pra esconder, que esse barzinho é pra ofuscar, e que essa bebida é pra te fazer provar que você está bem sem mim. Você vai levantar, apagar a luz do quarto, virar pro lado e fechar os olhos. E tudo vai aparecer. Tudo vai voltar. Esse ego idiota, esse cabelo que custou caro, esses olhos claros que escondem suas mágoas. Essa tua dor vai te afligir de tal forma que você vai passar a madrugada inteira pilhado. E no dia seguinte vai ter que acordar, com o barulho irritante do despertador, pra continuar o teu dia a dia cansativo. E tudo vai se repetir. De novo. De novo. E de novo. O próximo fim de semana vai chegar e você vai sair, beijar e beber pra fingir pro mundo inteiro e pra mim que você fica bem com isso. Os outros vão acreditar, claro. Você vai beijar outras esperando algo novo. Mas você vai continuar na mesma: esperando algo mudar, e vai perceber que nada muda, além dos dias passando no calendário... 81


Obrigada Você me fez sorrir novamente e me entregar de novo. Você fez com que eu me sentisse amada, mesmo que por 5 minutinhos na sua cama... Você me provou que eu estou viva, sim. Que a minha alma respira, que o meu coração ainda bate. Você me ensinou que o amor é o único caminho, mesmo sem abrir a boca. Além disso, me disse que eu posso ser quem eu quiser, sem pronunciar uma palavra. Mesmo sabendo que você vai embora, também. E vai embora assim como o outro. Mesmo sabendo que eu sou só mais uma, você se entregou enquanto durou. Você me mostrou o lado mais lindo do amor, me mostrou que eu sou capaz de superar o outro, e suspirar, por outro. Você teve um papel imenso na minha vida, e preencheu meu coração mesmo que só por algumas semanas. Você não foi o amor da minha vida, mas foi um amor na minha vida. Você não mudou minha vida por complexo, mas mudou o complexo que eu tinha sobre a vida. Você foi capaz de tudo. Tudo que sozinha eu não fui capaz de ser. Eu me apaixonei por isso mesmo sabendo que quando eu virar as costas você não vai nem lembrar que eu existo, mas saiba que pra eu continuar existindo, você teve que chegar no meu mundo. Obrigada. 82


Mudança Você fala de várias mudanças E nunca muda Quem mudou dessa vez fui eu Pra quem esperava me ver todo dia Mudei pra bem longe dessa sua insistência com a rotina.

83


As outras As outras querem te olhar de relance, te levar pra cama, mudar o status do facebook pra chamar atenção e agir como se você fosse um troféu. Eu quero te observar de perto, quero reparar cada detalhe seu pra poder amar cada pedacinho de você. Eu quero deitar no teu sofá pra assistir aquela comédia que tu adora, mas só se você me emprestar a sua camisa com estampa floral. Eu quero mudar a sua vida, transformar a sua rotina cansativa em vontade de evoluir. Eu quero chegar, novamente, e causar tudo aquilo que você causou em mim. As outras nunca vão ser o que fomos, porque nós temos algo de outras vidas. Eu vou te falar coisas lindas e você vai ficar sem fala. Vou virar o motivo do teu silêncio. Você vai me contar histórias engraçadas, e eu vou rir. Você será o motivo da minha gargalhada. Enquanto as outras vão zombar e rir do seu jeito de ver o mundo. Um dia qualquer vamos sentar pra conversar, e você vai desabafar sobre essas outras. E eu vou ficar muda. E olhando no fundo dos meus olhos vai notar que eu não sei o que falar. Eu só vou sorrir, então você vai ficar sério por 2 segundos, claro pra manter a pose de sempre, mas no fim vai sorrir também, pensando que eu nunca vou te entender, mas tendo total certeza que eu permaneço. E vamos continuar por um bom tempo assim, eu me achando perfeita pra você e você esperando eu não achar mais nada... 84


85


Sou a única que te aceito Você sempre vai ser o menino que faz meu coração acelerar, ou melhor, você sempre vai ser o menino que faz com que eu tenha uma simulação de escola de samba no meu peito. É que você aparece sempre de repente, de madrugada, vez ou outra e quando eu menos espero. As vezes eu aguardo a sua chegada a semana inteira e você não dá nem um sinal de volta. Eu canso de andar em círculos e desisto de você. E é justamente quando eu paro de te esperar que você aparece. Você aparece pra bagunçar meus sentimentos ainda mais. Ou então arrumar, porque eu sempre fui tão confusa que qualquer desordem é sinal de mudança. Não tinha necessidade nenhuma de você aparecer assim. Se você partiu, vá. Me faça sofrer intensamente por um longo período, mas não volte pra me machucar constantemente. Eu já quis te procurar várias vezes, mas desisti, até porque nem seu número salvo eu tenho mais. Eu evito esse tipo de coisa. Eu evito tudo seu. O real problema é que você aparece até mesmo sem aparecer de fato. Soou complicado? Eu te explico. Ontem no colégio estava com meus amigos e no meio da conversa escutei o seu nome. Logo em seguida veio um “primo do meu padrasto”. Óbvio que não era de você que os garotos estavam falando, mas na minha cabeça sempre vai ser você. É que eu já falei seu nome tantas vezes que o mundo inteiro parece girar em torno do seu. Mas não quero que você se sinta importante demais, maravilhoso demais, ou perfeito demais, da forma como eu te descrevo. Você é 86


isso tudo pra mim. Só pra mim. Pergunta seus amigos, sua tia de 2º grau se você é dessa forma como eu falo. E tenta reparar nessas meninas que você anda saindo nas últimas semanas se elas acham a mesma coisa que eu. No máximos elas vão dizer que você é “gatinho” e “educado.” Menino, na minha lista de prioridades você está em 1º lugar, então, pra mim, você é a pessoa mais importante que existe. E mesmo com o resto de miopia que minhas lentes de contato não resolvem, eu te acho maravilhoso. Você é definitivamente o cara mais lindo que já conheci na minha vida inteira. Por dentro e por fora, e eu nunca me canso de dizer isso. Claro que você tem trilhões de defeitos, mas eu juro que se você não tivesse esse jeito de mal humorado, eu não iria gostar de você como eu gosto. Você é perfeito. Pra mim, claro. Eu te acho tão feito do meu jeito, que garanto que você vai encaixar com mais ninguém. E pior, ou melhor, no fundo você também sabe disso. Você entende. Você me entende. E você concorda comigo. Você concorda porque você volta. Você sempre volta. Você volta toda quinta feira no fim do mês ao lembrar que é meu dia livre. Você volta sempre no mesmo horário pra ter certeza que eu não vou estar ocupada no meio da aula. Você volta com medo de eu te tratar com indiferença e se sente aliviado toda vez ao notar que meu sentimento é imutável. E ele não muda mesmo. E você volta de novo. Você volta sempre. Você já voltou mais de 10 vezes. E você vai voltar muito ainda. E você pode voltar mesmo. Você pode voltar mesmo depois que todos te jogaram fora. Você sempre volta. Porque você sabe que eu vou te aceitar. E no fim, eu sou a única que te aceito. E eu permaneço. 87


Você e eu Você é insubstituível indescritível indefinível eu sou só eu normal comum imutável você é razão eu sou emoção você é tão você e eu não sou ninguém sem você

88


Eu sou sua Eu sou tua Só tua Meu corpo é seu Inteira Sou inteira sua Só sua Pra você Eu me dou Me doei Me entrego Quero o meu corpo Nu E minha alma Nua Colados no seu Hoje Amanhã E todos os outros dias Deixa?

89


Km A única coisa que separava a gente era os km de distância E o que mais nos unia sem duvidas era o temido. E grandioso. Amor.

90


Que acabe Que acabe, mas que permaneça em nossos corações e que se eternize em nossas almas.

91


Tempo Parei no tempo por você E você só me fez perder tempo

92


Poesia Tão príncipe que parece poesia

93


Fogos de artifício Ele é assim como fogos de artifício. Aparece, de repente. Se destaca, chama atenção só por estar ali. Ele é como fogos de artificio na praia Faz barulho e explode num fogo incontrolável. A hora que ele quer, claro. Se você não tomar cuidado, ele causa estragos e danos permanentes Na pele. No coração. Na memória. Na alma. Ele é como fogos de artifício no ano novo É lindo Espontâneo Exagerado 94


Extravagante. Faz com que todas queiram olhar E todos olham Observam Reparam e Desejam chegar mais perto Mas ele não permite porque ele é perigoso E elas não querem correr o risco de se machucar Ele é idêntico aos fogos de artifício chega e vai embora na mesma hora deixa aquela vontade de repetir de ver de novo mais um tempo só 3 minutinhos Mas ele fica o tempo que ele tem que ficar nem mais nem menos Ele fica o tempo que ele acha que tem que ficar Ele é como fogos de artifício As vezes volta pra mais espetáculo outro show continuação bis replay. 95


As vezes, some. E não volta mais. Só te deixa ali, parada estática Olhando pro céu. Ele é como fogos de artifício no ano seguinte Te deixa contando os dias, os segundos. Esperando o ano mudar. E o ano muda. E você olha em volta e todas estão iguais a você. Boquiabertas. Ele agrada a tantas outras e quem é você, na multidão? Porque ele é assim Como fogos de artifício Explosivo, imprevisível e intenso. Você se garante????

96


97


Reencontro Depois de tanto tempo finalmente nos reencontramos. Eu sempre soube que esse dia ia acontecer. Não foi um reencontro como no dia que nos esbarramos na sessão de limpeza do corredor do mercado. Também não foi um reencontro no momento em que tivemos o azar (ou sorte) de estar no mesmo bar. Muito menos na festa de aniversário do nosso amigo em comum. Foi um reencontro planejado. Um reencontro do tipo “precisamos conversar, chego em 5 minutos”. Já faz um tempinho que deixei de acreditar em “saudades” quando não é acompanhado de um “vou aí te ver”. Mas o seu foi diferente. Foi melhor ainda. Nem precisou dizer que estava sentindo minha falta, só precisou aparecer no meu endereço com essa carinha de marrento. A carinha de sempre. A carinha que eu me apaixonei uns meses atrás. E que até hoje sou apaixonada. Te ver na minha frente novamente foi uma verdadeira loucura. Meu coração acelerou, meus olhos brilharam como nunca e eu abri um sorriso que não havia no meu rosto durante meses. Sentir o seu toque, o seu carinho, a sua proteção foi a melhor parte do meu dia. Da minha semana. Do meu mês. Da minha vida inteira. 98


Saí de casa com a intenção de matar a saudade continua que eu tenho, fui pensando em conversar um pouquinho e olhar pros seus olhos durante alguns minutos. Conversamos sim. Nossos olhos se encontraram várias vezes. O seu toque tocou minha alma e seu sorriso fez jus ao meu. Não imaginei que sairia um beijo. No fim não só saiu, como entrou, encaixou, complementou, encantou. Te ver de novo me trouxe uma paz interna. Me trouxe paz alma. Meu coração ficou mais tranquilo. Eu fiquei mais tranquila. Seu toque me preencheu de tal forma que talvez eu demoraria uma vida inteira pra descrever. Pra te descrever. Pra nos descrever. E mesmo assim, talvez não conseguiria. Te abraçar depois desse tempo, e pela última vez, foi indescritível. Minha maior vontade era te apertar mais ainda pra não ter a chance de você me soltar nunca mais. Seu abraço me acolhe. Me completa. Me esquenta. Esse reencontro tirou um nó da minha garganta. Preencheu meu coração. Invadiu minha alma e acalmou meus pensamentos.

99


Detalhes Enquanto você reclamava pela milésima vez do cursinho fiquei te olhando um tempinho de perto. Reparei no seu cabelo escuro, um pouco mais curto nas laterais, jogado pro lado. É exatamente do jeito que gosto. Desci meus olhos pros seus. E nossos olhares se encontraram. . Quem vê de fora pensa que são apenas olhos castanhos escuros, quase pretos. Mas eu vejo muito além. Seus olhos que escondem suas inseguranças, seus medos, seu jeito protetor de ser. Além disso o brilho deles entrega a sua paixão intensa por mim. Fazendo força pra não ficar hipnotizada reparei cada detalhe do seu rosto, inclusive no seu nariz que é uma gracinha. Fui em direção a sua boca. Seus lábios. Ah... E que boca. Que um dia já foi minha. Quantas mordidas eu já dei, quantos beijos apaixonados, e quantas vezes ela ficou colada na minha? Infinitas vezes. E você aumentou o tão de voz pra falar sobre seu emprego novo fazendo meus pensamentos voltaram pro eixo. Fiz um esforço muito grande pra continuar prestando atenção no que você dizia, pra não me perder novamente nos detalhes do seu rosto. Mas quando cheguei em casa, joguei minhas coisas no chão do meu quarto, deitei na cama e lembrei de cada pedacinho de você. Sorri. Olhei pra cima e dei graças a Deus por ter podido observar seus detalhes, pra eu poder dormir sorrindo lembrando de você, lindo.

100


Listinha Listinha de quantas vezes eu te quis esse ano (Total de 365 vezes)

101


Filosofia Assim como os filรณsofos, quero algo de eterno e imutรกvel meio a tantas mudanรงas.

102


Você é o tipo de garoto Você é o tipo de garoto que acha que sempre está certo, que sempre está por cima e que nunca perde a razão. Você é o tipo de garoto que tem mil meninas no pé, mas só uma no coração. O tipo de garoto que conquista várias, mas no fim, só é conquistado por uma. O garoto que pode beijar quantas quiser, e talvez até beije, mas no fundo sabe que nenhuma delas vai te preencher. Você é o tipo de garoto que sonha acordado comigo, mas que vai dormir pra manter os pés no chão. O garoto que sabe que eu sou a bússola pra todo essa jornada complicada, e mesmo assim, prefere seguir o caminho mais difícil. Você é o tipo de garoto que é apaixonado por uma só, que ama uma só, que pensa somente em uma. Mas nega pra todos, esconde da família e nunca vai admitir isso pra ninguém porque tem medo da vulnerabilidade. Você é o tipo de garoto que se olha no espelho e se sente incompleto, olha pra todas e se sente perdido. Então você olha pra mim e se encontra. Você é o tipo de garoto que tem a constelação inteira nas mãos, mas só olha pra uma única estrela pequenininha. O tipo de garoto que quer conquistar o céu, mas se sente muito mais atraído pelo inferno. Você é o garoto que vive tudo de uma vez e ao mesmo tempo não vive nada. Você é o tipo de garoto que me perde por tentar ganhar o coração dos outros. Você é o garoto que nasceu pra mim, mas que não enxerga isso. 103


Quem realmente importa Você vai postar outra foto dessa vez sem camisa mostrando o efeito da academia E vai receber 800 likes 300 corações, 100 comentários. Mas no fim, quem realmente importa nem vê a foto...

104


De novo Fiz tudo que pude hoje. Mandei outra mensagem, escrevi mais um verso e te encaixei na ultima parte do meu poema. A mensagem ficou sem resposta, o verso melancólico e o poema saudosista. Amanhã eu acordo. É um novo dia. E que ironia. Acordo cedo pra fazer tudo de novo. E nada se encaixa. Novamente.

105


Por você Por você eu bloqueio todos os garotos da minha lista de contatos, mudo de colégio, decido uma profissão do seu gosto e pinto mu cabelo de castanho escuro. Mas só se você me prometer que vai voar comigo. Por você eu aprendo a andar de skate, perco meu medo do escuro e tiro logo a carteira. Mas só se você me prometer que vai voar comigo. Por você eu começo a ler jornal, pesquiso sobre política, aprendo tudo sobre economia e diminuo meus gastos. Mas só se você me prometer que vai voar junto comigo. Por você eu paro de beber, mudo meu jeito atropelado de falar e deixo de ser tão dramática. Mas só se você me prometer que vai voar comigo. Por você eu mudo de pais, altero meus gostos, desisto dos meus planos, crio novas metas. Mas só se você me prometer não cortar minhas asas quando eu te contar que -por você- eu já perdi o meu medo de altura.

106


Lindo Eu te chamo de lindo E você fica sem graça Diz que detesta elogios físicos. Mas olha, não é pelo seus olhos escuros, pelo seu cabelo liso sem corte muito menos pelas linhas de expressão do seu riso. Te chamo de lindo Pela paixão que eu sinto Pela forma linda como me apaixonei. Te chamo de lindo pela forma que você me trata Pelo que és Pelo que me tornas. Menino, você é lindo.

107


Eu garanto Garanto que nenhum perfume vai ser tão bom quanto o cheiro da minha pele, nenhum sorriso vai ser tão verdadeiro quanto o meu, nenhuma pupila vai dilatar tanto quanto a minha. Menino, te garanto que nenhum coração vai bater tão forte quanto o meu quando estava perto do teu. Nenhum short vai ser tão bonito quanto o que eu usava direto no verão e você dizia ter ciúmes dos outros me admirando. Garanto também que nenhum salário vai te fazer suspirar tanto quanto eu fazia toda vez que te via caminhando em minha direção. Garanto que nenhum papo vai te envolver tanto quanto o meu, nenhuma voz vai soar tão bem quanto a minha dizendo que te amo. Nenhum pensamento vai te fazer sorrir tanto quanto os meus faziam, nenhuma promoção na sua empresa vai te fazer tão feliz quanto eu um dia já fiz. O trabalho, as meninas de balada, os amigos de sempre nunca vão ser o que eu fui. Ah, e nenhum arrependimento vai ser páreo com o seu por ter me deixado partir.

108


Você foi Você foi a pessoa mais incrível que já conheci em toda a minha vida. O motivo do meu bom humor pela manhã, do meu sorriso constante, da minha expectativa em te encontrar, da real felicidade em passar uma noite inteirinha com você. Por muito tempo você foi o motivo dos meus olhos brilhando, das melhores conversas, das melhores ligações efetuadas, das melhores mensagens lidas. Você ocupou o meu pensamento desde o dia em que te conheci, desde o primeiro olhar, deste o primeiro beijo, desde o primeiro toque. Você foi o cara responsável por despertar as melhores sensações em mim, o responsável pelo frio na barriga, por arrepios inesperados e pelo calor intenso. No momento eu consigo deitar a cabeça no travesseiro tranquila por saber que todas as coisas que eu senti e quis dizer pra você eu disse mesmo que tudo tenha terminado de uma forma tão triste. (Eu espero no fundo do meu coração que você tenha feito o mesmo, porque se engasgar com os próprios sentimentos deve ser horrível).

109


Tudo continua igual De vez em quando vou te mandar uma mensagem pra saber como você anda e você vai me contar que continua na mesma. Eu vou continuar aqui com meus poemas, com minhas tintas, com meu violão e minhas musicas. E você vai continuar aí, com seu emprego, sua ambição admirável, seus sentimentos guardados e com as meninas rasas de sempre. Eu vou permanecer te observando de longe, um pouco triste, meio decepcionada, e completamente incompleta.

110


Víciol Você voltou a fumar mas meu bem, um maço não vai curar a abstinência que você tem de mim. Desculpa por ser teu vicio.

111


Razões Tive milhões de razões pra ir embora aí você chegou novamente e eu precisei de apenas um motivo ou melhor apenas um sorriso teu pra me fazer ficar

112


Eu não sou poeta Eu não sou poeta. Poesia são seus olhos olhando pros meus. Poesia é o suor escorrendo do seu cabelo durante o sexo. Poesia é você bêbado me ligando as 3 da manhã pra dizer que sente minha falta.

113


NĂŁo esquece Pode brigar comigo mas nĂŁo esquece que eu vou namorar contigo

114


Doidos Eu sou doida por ele E ele ĂŠ doido com festa, com o trabalho, com cigarro.

115


Você não é apaixonado por mim Você não é apaixonado por mim porque me liga bêbado pra dizer umas bobagens de sempre Apaixonada mesmo sou eu que te ligo as seis horas da manhã pra dizer que não consigo dormir sem você Você não é apaixonado por mim porque diz que me ama mas não podemos continuar por causa da sua faculdade Apaixonada sou eu que te espero há 6 meses Você não é apaixonado por mim porque fala sobre nosso relacionamento pros seus amigos Apaixonada sou eu que toda vez que pronuncio seu nome em voz alta minha voz falha Você não é apaixonado por mim porque me procura uma vez por mês pra perguntar se estou bem Apaixonada sou eu que digo que estou mesmo que meu mundo esteja de ponta a cabeça desde que você resolveu ´´se apaixonar``

116


Quando se trata de você Na rodinha dos meninos do meu condomínio sou comentada sempre como a menina que some, que desaparece e que foge de relacionamento. Mas quando se trata de você sou a garota que tenta de todas as formas, que insiste apesar de tudo e que volta mesmo falando que foi a última vez -pela décima vez na mesma semana-.

117


Ironia Quanta ironia Ele sรณ gosta de putaria E eu aqui Escrevendo poesia

118


Loucura ou sanidade? Você Eu Distantes Chega a ser engraçado Já passou tantos meses Eu me encontro igual Já é madrugada Não tem ninguém acordado Só eu Pensando em você Eu ri Passei o dia todo rindo Mas deu 00:00 Eu deitei Fechei os olhos Uma lágrima desceu Em seguida outras 600 Eu te quis Como nunca Agora tô te escrevendo Sabendo que você não vai ler Tomara que não leia mesmo Ou leia Sei lá 119 Estou tão confusa


120


Assume Você foi mas você volta você sempre volta Quando me encontrar na rua vai me olhar com saudade Mas nunca vai assumir isso pra mim porque você não assume nem pra si mesmo

121


Eu quero Eu não quero ser como TODO MUNDO é pra você Eu quero que você acorde pensando em mim Quero que você me mande bom dia Que você me conte do seu dia dos seus sonhos dos seus segredos dos seus medos das suas complicações. Eu quero que você me ligue pra conversar algumas bobagens umas besteiras outras verdades e pra dizer que sente minha falta que vem me encontrar amanhã. Eu quero que você venha pra eu te olhar pra eu sorrir e pra pronunciar em voz alta que você é o meu melhor pensamento o meu melhor sorriso 122


o motivo do brilho dos meu olhos. Eu quero que você sorria e retribua. Dizendo que sente o mesmo e sentindo, mesmo. Olha pra mim diz que me ama que eu mudei a sua vida pra melhor que não foi um erro eu me apaixonar por você. Eu quero que você olhe pra mim de novo de novo e de novo só que dessa vez mais perto pra dizer o quanto eu te faço feliz. Quero que você perceba também que a única pessoa que eu preciso é de você Que as outras nunca vão ser o que fomos porque nós temos algo de outras vidas. Eu quero que você me conte que tem certeza que é um fato 123


que você ainda tem muita história pra viver comigo. Quero que você tope fugir nem que seja só por um dia. Quero que você me garanta que mesmo distantes nunca, em hipótese alguma vai conseguir me esquecer. Eu quero que você me jure que vai me amar pra sempre que vai ficar pra sempre. Quero que você sorria toda vez que ouvir meu nome. E ria do meu sobrenome Eu quero que você venha aqui agora dizer que tudo vai ficar bem que essa saudade vai passar que vai enxugar as minhas lagrimas. Eu quero que você me faça chorar mais umas 60 vezes mas apareça dois dias depois sorrindo pra mim 124


pra eu ter a certeza que todas as lágrimas valeram a pena. Porque você me ganha com um só sorriso e eu só sorrio pra você com você por você. Eu quero entrar na sua vida de novo causar tudo que causei em dobro. Eu quero te esquentar com todo o meu fogo. Te jurar com todo o meu amor. Eu quero ficar pra sempre eternamente. Quero entrar na sua vida pra nunca mais sair. Eu quero fazer isso sem te implorar sem incomodar sem deixar de somar. Eu quero que você faça qualquer coisa que demonstre que você ainda tá aqui 125


Mania AtĂŠ queria te esquecer mas tenho essa mania incontrolĂĄvel de te lembrar e te escrever

126


Estar apaixonado Estar apaixonado é achar tudo lindo. Achar lindo os olhos dele, o sorriso, o chame, o jeito de falar. Achar lindo até o jeito impaciente ele te olha quando você fez algo que não deveria. Se apaixonar é ficar mais encantada todos os dias com o bem que ele te trás. É ficar distante, com aquela saudade enorme no peito, e nunca conseguir se desprender, mesmo tentado não conseguir, tornando “impossível” a definição certa. Estar apaixonado é querer voar sem asas. É gritar sem voz, é se sufocar nas próprios sentimentos. Se apaixonar é incrível, é o sentimento mais lindo possível que existe pela outra pessoa. Estar apaixonado é ir dormir pra parar de pensar nele o tempo todo e ele aparecer nos seus sonhos. É se sentir insegura mas no mesmo instante lembrar das juras de amor. É já ficar com saudade quando está dando o último beijo de despedida e implorar pra ele não ir embora e ficar mais um pouco. É transformar o dia da semana que deu pra vocês se encontrarem em pequenas eternidades. É acordar e ele ser o primeiro pensamento pela manhã, é mandar um bom dia, pra que ele saiba disso. É amar o timbre da voz dele, ouvir o áudio mais de 10 vezes, e sorrir toda vez que escuta. Se apaixonar é brigar o tempo todo e se arrepender na mesmo hora, é chorar, é sofrer, é sentir ciúmes de tudo pelo enorme medo de perdê-lo. É fazer charme, só pra ver o quanto ele insisti e perceber que você é a pessoa mais sortuda do mundo só por ter ele ao seu lado. É demonstrar e dizer várias vezes o quão lindo é o amor de vocês. É sentir medo dele enjoar, mas continuar na mesma intensidade, sabendo que vocês já passaram da fase dos joguinhos. 127


Menino, não me agradeça pelo poema eu é que agradeço pela inspiração

128


Adeus Esse adeus é consequência de todas as vezes que você mentiu pra mim, todas as vezes em que eu percebia que você me escondia do mundo inteiro e enquanto isso, o mundo inteiro sabia que eu estava te amando. Esse adeus é consequência da sua crueldade comigo, por todas as vezes que você me chamou de nomes horríveis. Esse adeus é por você ter tido coragem de olhar pros meus olhos, por ter pronunciado em voz alta que me amou também, mas quando eu virei as costas você fingiu que eu nem existia. Esse adeus é consequência de você ter percebido tarde de mais que me perdeu e ter voltado exatamente no melhor momento da minha vida. Esse adeus é consequência das diversas mensagens implorando pela sua volta, dos meus olhares aflitos pedindo por socorros, dos meus vários sorrisos abertos com o único fundamento de disfarçar a minha dor. Esse adeus está sendo feito com um aperto enorme no coração, muitas lágrimas e vários pensamentos de “será que eu vou me arrepender?” Mas arrependimento mesmo é o que você está sentindo agora por ter ficado calado no tempo que eu ainda era sua. E hoje, eu te garanto que eu sou tão EU que não estou nem aí pra você. 129


130


131


132


133


134


135


136


137


138


139


140


141


142


143


144

Livroluisa2ok  
Livroluisa2ok  
Advertisement