Page 1

Páginas centrais

40

bons motivos para votar

4 a 7 de setembro de 2010 Edição 20, Ano I

Internet grátis Jornal de campanha do deputado federal Márcio França (PSB-SP)

para todos Mais de 20 municípios, dos litorais Norte e Sul, Baixada Santista e Vale do Ribeira, foram beneficiados com recursos para implantação do Programa Cidade Digital, que disponibiliza sinal de internet grátis, em banda larga, para todo mundo que não tem dinheiro para pagar um provedor. No total, os recursos – provenientes de emendas do deputado federal Márcio França (PSB-SP) – ultrapassam os R$ 19 milhões. Página 12

Banco do Brasil concede financiamento estudantil Além da Caixa Econômica Federal, o Ministério da Educação estendeu ao Banco do Brasil a concessão de crédito estudantil para o pagamento parcelado da faculdade, facilitando o acesso de universtários ao benefício. Página 3

Auxílio-acidente será pago a dependentes É o que propõe projeto de lei de autoria do deputado federal Márcio França (PSB-SP), em tramitação na Câmara, corrigindo uma distorção que ocorre a segurados e dependentes. Pela regra atual, se o segurado que recebe auxílio-acidente falecer, deixa desamparados seus dependentes. Página 4

Independência significa, antes de tudo, liberdade de escolha, justiça social plena e defesa da soberania nacional

7 de Setembro Um Brasil cada vez mais independente

Ilha Comprida dá exemplo com o “Tempo Integral” Município localizado no Vale do Ribeira acaba de adotar, em uma de suas unidades, o ensino em tempo integral, que oferece atividades diversas, inicialmente a um grupo de 100 alunos, no contraturno das aulas. Página 8


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

2

O X DA QUESTÃO

Incluir para incluir... e transformar! Inclusão. Segundo o dicionário a palavra provém do latim, inclusione. Na prática, o ato ou efeito de incluir. Ao analisarmos isso do ponto de vista social, é possível chegar à conclusão que o melhor entendimento de inclusão resume-se ao processo onde o ser humano apropria-se de determinado conhecimento, passando a vivenciá-lo no seu cotidiano. Em palavras mais diretas, o ser inserido em determinado contexto. Isso não foge muito do conceito de inclusão digital, aliás, são coisas que se complementam. Por inclusão digital é razoável compreender que se trata da apropriação de um conhecimento específico, decorrente de um processo tecnológico de informação e comunicação. Tecnicismo à parte, a grande verdade é que um tipo de inclusão leva ao outro. Então, é preciso que o poder púbico assegure ambos. A internet já não é um bicho-de-sete-cabeças para ninguém. Seu custo, no entanto, é fator limitante de acesso.

E é exatamente por isso que se louvam os esforços do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), que tem trabalhado incansavelmente no sentido de viabilizar, efetivamente, a inclusão digital. E por muitos caminhos. Os telecentros são exemplos, assim como os Centros de Apoio Tecnológico à Inclusão Social, os Catis, e as lousas digitais, que começam a pipocar pelas escolas públicas nos quatro cantos do País. Nada se compara, no entanto, ao que por aqui foi batizado de Cidade Digital, ou seja, o repasse de recursos federais aos municípios para implantação de sistemas que permitam à população que não tem grana para pagar um provedor, o acesso gratuito à internet, e a internet em banda larga. Não se pode perder de vista que navegar livremente pela rede mundial de computadores assegura ao cidadão um diferencial no aprendizado e mesmo na sua capacitação profissional, com a decorrente maior possibilidade de ascensão social e financeira.

Assim, cada centavo investido na “alfabetização” digital tem tudo para significar milhares e milhares de centavos economizados na inclusão social. Justifica-se, então, de fato comemorar e reconhecer tudo o que tem sido feito no sentido de popularizar o uso e acesso à internet. Cidades do Litoral Norte, do Litoral Sul, do Vale do Ribeira e da Baixada Santista foram beneficiadas esse ano com recursos, do MCT, por meio de emendas de autoria do deputado Márcio França (PSB-SP) para implantação do “Cidade Digital”. Em alguns municípios, como é o caso de São Vicente, as coisas estão mais adiantadas e parte da população já navega pela rede mundial. Em outros, o processo está em andamento, mas, num futuro próximo – sobretudo em função daquilo que se faz hoje – será possível conectar, em tempo real, do sicrano, lá de Sete Barras, ao fulano de tal, lá de Ilhabela. É a inclusão que aproxima e que torna prática e real a definição do dicionário.

CHARGE Inclusão social, digital e... cidadã! Aha! Com o Cidade Digital eu posso trocar mensagens com o deputado que eu votei e acompanhar o que ele anda fazendo.

www.flickr.com/ photos/marciofranca40

twitter.com/marciofranca40

facebook.com/ marciofranca40

www.youtube.com/ user/assessoriasv

BOM DIA!

Edição de 4 a 7 de setembro de 2010 Dia 5 - Dia do Oficial de Justiça Dia 7 - Dia Internacional da Aviação Civil Entre os muitos registros que carrega em seu “livro” de memórias, o deputado federal Márcio França destaca

Da Independência ao Rádio

A HISTÓRIA REGISTRA Em 7 de setembro de 1822 é proclamada, às margens do Ipiranga, em São Paulo, a Independência do Brasil por D. Pedro I. Em 7 de setembro de 1922 acontece a primeira transmissão de rádio do Brasil, com pronunciamento do então presidente Epitácio Pessoa.

ACONTECE

Miguel Arraes e as questões trabalhistas As questões trabalhistas sempre mobilizaram Miguel Arraes para a luta. Quis o destino, ou outra justificativa marcante nas nossas vidas de trabalhadores e trabalhadoras, que ocorressem dois últimos fatos protagonizados pelo nosso inesquecível comandante Arraes, que tive a honra de testemunhar: o primeiro, quando o acompanhei no Congresso da CONTAG, no final de 2004. Havia uma grande confusão, os delegados e as delegadas, aos milhares, discutiam questões polêmicas como a desfiliação da CONTAG à CUT. O clima era tão tenso que até umas cadeiras foram jogadas para “o alto”. Preocupado, liguei para o comandante Arraes que, mesmo sabendo da situação, confirmou sua ida ao referido Congresso. Ao chegar ao pavilhão do parque da cidade, em Brasília, onde o evento realizavase, a confusão, que era grande, aumentou. Mesmo assim, Arraes aceitou falar para o congressistas que diante do imponente líder, sentaram-se e ouviram, em silêncio, a voz rouca, firme, amiga e solidária que abrandou o ânimo da discórdia dos presentes. Arraes foi aplaudido de pé por todos e, na saída, foi cercado por centenas de camponeses que pediam autógrafos e fotos; O segundo fato foi quando, no final de maio de 2005, comuniquei-lhe da preocupação do movimento sindical do PSB, diante das ameaças da reforma trabalhista em curso, iniciada através da famigerada PEC 369/05, que quebrava a unicidade sindical e abria uma

fenda para a reforma trabalhista reduzindo direitos e conquistas dos trabalhadores e trabalhadoras. O comandante Arraes não hesitou, convocou a Executiva Nacional do PSB e a bancada federal, em reunião conjunta, realizada na Câmara Federal, para rechaçar a proposta. Naquele momento, afirmava nosso comandante ao encerrar a reunião, “a proposta é desarrazoada, votarei contra a mesma, e qualquer tentativa de dividir os trabalhadores e trabalhadoras”. Continuando, Arraes afirmou, “sempre estarei contra os mecanismos de controle das forças conservadoras, que não querem o crescimento das forças emergentes da sociedade que desejam transformações mais profundas. Defendo a unicidade sindical e a manutenção e ampliação dos direitos, como resposta a essa tática de dividir os trabalhadores”, encerrou, assim, nosso líder. Foi seu último discurso à frente da direção do PSB, para dias depois ser internado e não mais voltar, deixando-nos essa sensação de vazio, de orfandade, da sua presença, mais também, deixando-nos o caminho, a causa que nos revigora, o legado dos socialistas do nosso partido. Joilson Cardoso, secretário nacional sindical do PSB O deputado federal Márcio França destaca: “Memórias como estas nos servem de exemplo, inspiração e guia na conduta dos socialistas e das socialistas”.


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

FIES

3

Crédito estudantil disponível também no Banco do Brasil Iniciativa do Ministério da Educação tem o objetivo de facilitar o acesso e ampliar o número de estudantes beneficiados pelo crédito, antes concedido apenas pela Caixa A partir desta segundafeira, dia 6, o crédito do Programa de Financiamento Estudantil (Fies) passa a estar disponível também nas agências do Banco do Brasil (BB). Com a iniciativa, o Ministério da Educação (MEC) objetiva facilitar o acesso e ampliar o número de estudantes beneficiados pelo crédito que, antes, era concedido exclusivamente pela Caixa Econômica Federal. O Fies tem uma taxa de juros de 3,4% ao ano e o pagamento da dívida é feito em um prazo de até três vezes o tempo da faculdade cursada, mais 12 meses. A carência é de um ano e meio após a formatura do aluno.

Para ter acesso, o aluno tem que apresentar fiador ou autorizar desconto em folha de pagamento. Inicialmente, o aluno preenche cadastro no portal do MEC, depois valida a documentação junto à Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento da instituição e conclui o processo na agência bancária, onde deverá entregar a sua documentação, a do fiador, e assinar o contrato. A parceria com o BB se insere em um contexto de medidas adotadas para ampliar o alcance do Fies, entre elas, a que transforma o Fies em um programa de “fluxo contínuo”, ou seja, que pode ser acessado

Medida adotada pelo MEC objetiva facilitar o acesso ao financiamento estudantil

a qualquer momento pelo estudante, sem um período anual predefinido. Outra medida para ampliar o programa, e que nesse caso inclusive traz retorno para o governo, é a que estabelece a estudantes do Magistério - Pedagogia e licenciatura em geral

Baixada Santista está sem Mário Covas há nove anos A Baixada Santista está há nove anos sem Mário Covas, falecido dia 6 de março de 2001, às 5h30 de uma terça-feira, aos 70 anos de idade, deixando dois filhos, quatro netos e a viúva Lila Covas.

O governador combativo e comprometido com a Região deixa saudades em muita gente. Para São Vicente, ficaram as lembranças da importante parceria que Covas firmou com o então prefeito Márcio

Covas, com Márcio França, na última visita do então governador a SV

França, que resultou em inúmeras obras e ações em prol da população. “Mando verba para o Márcio porque ele faz o dinheiro render mais”, dizia Covas. Quem não se lembra da última visita de trabalho do ex-governador ao México-70, onde ele deu início a um projeto habitacional considerado ponto de honra da sua gestão? Santista de nascimento e torcedor apaixonado do Santos Futebol Clube, Covas também conseguiu transferir a Capital do Estado de São Paulo para São Vicente durante três dias, em 2000, trazendo junto a Assembleia Legislativa e o Tribunal de Justiça do Estado. “Covas tinha personalidade forte, mas um coração enorme e deixa lembranças e saudades em todos nós”, disse o deputado federal Márcio França, emocionado, ao se recordar da figura do ex-governador e do político ético e comprometido com o povo.

- e de Medicina, que venham trabalhar em escolas públicas ou em equipes do Programa Saúde da Família, desconto de 1% ao mês em sua dívida com o Fies, independentemente do salário recebido. “Penso que essa é uma das importantes marcas do

Governo Federal, ou seja, além de ampliar os programas que beneficiam a população, torna mais fácil o acesso. E é incontestável que também nesse sentido o País avançou bastante”, argumenta o deputado federal Márcio França (PSB-SP).

Brasil chega a 187 milhões de aparelhos celulares Números que impressionam: de janeiro a julho desse anos, 13 milhões de celulares foram habilitados no País Está todo mundo ligado no Brasil, que acaba de chegar à marca de 187 milhões de aparelhos celulares habilitados. A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que faz o levantamento, apont ou q ue, apenas em julho, 1,88 milhão de aparelhos foram habilitados. Nestes sete primeiros meses do ano, foram 13 milhões de celulares que passaram a funcionar no País. A Anatel informa que 82,22% dos acessos de celular no Brasil são de prépagos e 17,78% de linhas pós-pagas. Hoje, 100% do serviço móvel é feito através de telefonia digital. O ritmo é tão forte que no Estado de Santa Catarina, por exemplo, já há mais de um celular para cada habitante. Também se destacam

o Distrito Federal, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Espírito Santo, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Goiás. A operadora Vivo lidera o mercado, com 30,25% de participação, seguida da Claro, com 25,42%; da Tim, com 24,05% e da Oi, com 19,93%. Sinal positivo O deputado federal Márcio França (PSB-SP) vê esta realidade como fruto das políticas sociais do Governo Federal, apoiado por partidos preocupados com a qualidade de vida da população, como o PSB. “A teledensidade, que mede o número de celulares por habitante, chegou a 96,83 aparelhos para cada grupo de 100 pessoas. É uma marca que vai crescer ainda mais com eleição de candidatos alinhados com as políticas públicas que estão resgatando a dignidade do brasileiro”, concluiu.


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

4

PREVIDÊNCIA SOCIAL

Projeto estende auxílio-acidente em caso de morte do segurado O benefício será pago pela Previdência, ao dependente, pelo prazo de cinco anos a partir do óbito

MEU VOTO NOSSA VOZ

Deputado Márcio França é autor do projeto que pretende corrigir distorções aos segurados

Tramita na Câmara Federal o Projeto de Lei 7104/10, do deputado federal Márcio França (PSB-SP), que estende o benefício do auxílio-acidente aos dependentes em caso de morte do segurado. O auxílio será pago pelo prazo de cinco anos, contados a partir do óbito do

segurado, ou até a autossuficiência econômica dos dependentes. Atualmente, o auxílioacidente é pago pela Previdência Social ao segurado que sofre lesão incapacitante. O pagamento do benefício, no entanto, é extinto em caso de morte do segurado.

“O PSB é um partido sério, de cara limpa, de pessoas competentes. E Márcio França representa bem essas qualidades. O conhecimento que ele tem de São Paulo engrandece a política. Ele é um estímulo para seguir em frente e fazer muito mais pelo nosso Estado”. Paulo Skaf , presidente licenciado da FIESP/SESI/SENAI e candidato ao governo de São Paulo pelo PSB

Márcio França defende o pagamento do auxílio aos dependentes para evitar que eles passem por dificuldades financeiras quando o segurado morre. "Isto tem provocado algumas distorções e, até mesmo, injustiças, pois o trabalhador beneficiado com o auxílio, muitas vezes, é o

único arrimo de família", diz. Tramitação O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Finanças e Tributação; de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Na hora do voto, é permitido colar! Nessas eleições, será neOutra medida adotada cessário digitar 19 números pelo TRE para evitar possíveis para escolher os candidatos transtornos nos locais de voa deputado estadual, depu- tação foi ampliar o número de tado federal, dois senadores, seções disponíveis. De acordo governador e presidente da com a assessoria de imprensa República. Muito número para do Tribunal, nos últimos anos decorar. foram feitos vários remanePor isso, para jamentos desses facilitar na hora pontos, justamente da votação, é mepara dinamizar o Se nas escolas, lhor levar um pa- ela é proibida, nas processo no dia do pel com a sequseções eleitorais, pleito. ência de cargos e Sendo assim, a colinha será a quantidade de nenhuma seção praticamente candidatos, a faterá mais de 400 obrigatória mosa colinha. Elas eleitores cadassão a grande aposta trados, conforme do TRE-SP para evitar as filas foi informado. Além disso, nos 9 mil locais de votação do idosos e cadeirantes terão Estado. Desde o início desta atendimento diferenciado. semana, mais de 10 milhões No caso dos idosos, haverá de panfletos foram distribuí- preferência na fila. E no caso dos nas centenas de cartórios dos cadeirantes, seções adapeleitorais presentes em todo o tadas para recebê-los com território paulista. conforto.

F I Q U E AT E N T O !

O deputado federal Márcio França (PSB-SP) lembra: esse ano, o eleitor deve prestar atenção. A ordem da votação foi alterada. Primeiro deverá

1º DEPUTADO ESTADUAL cinco digitos

2º DEPUTADO FEDERAL quatro digitos

3º SENADOR (1) três digitos

4º SENADOR (2) três digitos

5º GOVERNADOR dois digitos

6º PRESIDENTE dois digitos

#

ser digitado o número para deputado estadual e depois o número do deputado federal. Recorte sua colinha e leve no dia 3 de outubro para facilitar na hora do voto. Outra novidade: o eleitor terá que apresentar, para poder votar no pleito de 3 de outubro, além do título de eleitor, um documento de identificação com fotografia. Os documentos oficiais para comprovação de identidade que serão aceitos, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), são carteira de identidade ou documento de valor legal equivalente (identidades funcionais), certificado de reservista, carteira de trabalho e carteira nacional de habilitação, com foto.

MEU VOTO NOSSA VOZ

“Dr. Arraes, meu avô, sempre defendeu que o partido dependia da força de trabalho de Márcio França. Seu desempenho em São Paulo demonstra isso. Por isso, Márcio França tem minha confiança absoluta, na coordenação do PSB nacional”. Eduardo Campos, governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

5

BAIXADA SANTISTA

Recadastramento do Bolsa Família termina em outubro Quem está cadastrado há mais de dois anos precisa atualizar os dados, para não perder o benefício Quem participa do programa social Bolsa Família tem até o próximo dia 31 de outubro - portanto cerca de dois meses - para fazer o recadastramento e, assim, manter o recebimento do benefício. Para fazer o recadastramento, o responsável deve se dirigir ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de sua cidade, de preferência à unidade mais próxima de sua casa, levando carteira de identidade (RG), CPF ou título de eleitor, certidão de nascimento e declaração escolar dos filhos, além da carteira de trabalho. Já os demais membros da família devem apresentar RG (ou certidão de nascimento quando menores de 18 anos), comprovante de residência e carteira de trabalho para todos os maiores que a possuam. Havendo na família crianças menores de sete anos, é necessário, ainda, o cartão de vacinação. A atualização cadastral é obrigatória a cada dois anos, para que o Ministério do Desenvolvimento Social possa verificar as condições sociais das famílias inscritas no programa. Quem não se cadastrar pode ter o benefício bloqueado.

O programa, de transferência direta de renda, beneficia famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza e integra outro programa: o Fome Zero, que tem por objetivo assegurar o direito humano à alimentação adequada, promovendo a segurança alimentar e nutricional. O Bolsa Família atende mais de 12 milhões de famílias em todo o Brasil. Dependendo da renda familiar (limitada a R$ 140 por pessoa), do número e da idade dos filhos, o valor do benefício recebido pela família pode variar entre R$ 22 e R$ 200. Segundo o deputado federal Márcio França (PSB-SP), o programa ajuda a reduzir a pobreza no País. “O 4° Relatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio aponta queda da pobreza extrema de 12% em 2003 para 4,8% em 2008”, salienta França. A gestão do Bolsa família é descentralizada e compartilhada por União, Estados, Distrito Federal e municípios. As três esferas trabalham em conjunto para aperfeiçoar, ampliar e fiscalizar a execução do programa.

São Vicente, Praia Grande e Santos recebem prêmio A cidade de Santos recebeu pela quarta vez consecutiva o título de Cidade Amiga da Bicicleta. A premiação é concedida pela Associação Brasileira de Ciclistas aos municípios que incentivam o uso do veículo e a construção de ciclovias. Também foram premiados os municípios de São Vicente e Praia Grande. Se somadas as malhas cicloviárias do três municípios, o total é de 103km de vias exclusivas para esse meio de transporte. A malha cicloviária de toda a Baixada é de 190 km. O Plano Cicloviário Municipal - PCM,

criado pelas prefeituras em parceria com Agência Metropolitana da Baixada Santista (AGEM), prevê que o número deve pular para 400 km até 2011. O deputado federal Márcio França (PSB-SP) afirma que não basta que as cidades tenham vias exclusivas para as bicicletas, é necessário que elas estejam interligadas. “Para a população de baixa renda a bicicleta é o principal meio de transporte. Estimo que considerando Praia Grande, Santos, São Vicente e Guarujá são aproximadamente 150 mil pessoas circulando todos os dias”, explica França.

MEU VOTO NOSSA VOZ

“Conheço o trabalho de Márcio França desde 1992. Ele é um excelente administrador, com uma capacidade política extraordinária. É um digno representante da Baixada Santista que com certeza merece o nosso apoio”. Dédinho, vereador de Cubatão pelo PSB

Vida melhor: aumento da renda média do brasileiro faz 2,2 milhões de pessoas saírem do Programa Bolsa Família

Guerra contra o mosquito da dengue em Guarujá Este mês a cidade de Guarujá começa a colocar em prática as ações de prevenção contra a doença. Setembro é o período do ano em que o mosquito Aedes aegypti não transmite o vírus. Entre as atividades que começarão a ser executadas para a temporada de verão 2010/2011, estão mutirões de retirada dos criadouros, visitas às construções especiais e a lugares estratégicos, principalmente nas regiões mais infectadas na última temporada. Os bairros mais atingidos pela doença este ano foram a Enseada e região central da Cidade, inclusive Astúrias, Tombo, Guaiúba e Santa Cruz dos Navegantes, segundo informação da Secretaria de Saúde.

O Comitê Municipal de Mobilização contra a Dengue será o responsável por viabilizar reuniões entre pais e mestres, fazer a formação de agentes voluntários, elaborar ações comunitárias conjuntas com o poder público, e focar em campanhas para esclarecer a população sobre prevenção e perigos da doença. Segundo o deputado federal Márcio França (PSB-SP), a dengue é uma doença preocupante e a população tem que estar atenta à prevenção. “A dengue já matou, no início deste ano cerca de 400 pessoas no Brasil. É necessário ficar atento às campanhas e apoiar as medidas preventivas contra a proliferação do Aedes aegypti”, afirma o parlamentar.

A utilização de repelentes pode prevenir que o mosquito transmita o vírus

MEU VOTO NOSSA VOZ “O apoio e o voto no Márcio França tem uma razão muito direta. É resultado da capacidade e do bom caráter do Márcio, um diferencial em relação àquilo que a gente vê na política hoje. É um orgulho estar lado a lado com ele, pela capacidade administrativa e política e pelo homem que ele é: ético e compromissado com o bem coletivo”. Sílvio Magalhães, empresário, Bertioga

www.marciofranca.com.br


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

6

CUBATÃO

GUARUJÁ

PRAIA_GRANDE

SANTOS

40 bons motivos para v 01

02

03

04

11

12

13

14

A luta pela instalação do Núcleo de Pesquisas do Mar, pela Universidade do Estado de São Paulo (Unesp), na nossa Região, teve sua participação direta. Cursos começam em 2011.

É o autor da proposta que cria o FPM Ecológico, que prevê mais recursos para cidades que se comprometam a preservar ou ampliar suas áreas verdes.

pedido de 21 Por Márcio França, a

Codesp vai urbanizar área de mais de 10 mil m2 em Vicente de Carvalho, com a implantação de área de lazer e playground, além de obras de infraestrutura.

de sua 29 Projeto autoria propõe

que quando um apostador tiver o recibo de seu jogo, independente do registro no sistema da loteria, a aposta será considerada feita, cabendo indenização à pessoa caso ela não esteja registrada.

36

Em respeito ao dinheiro do contribuinte, apresentou projeto que garante controle dos gastos com passagens aéreas e despesas de viagens ao exterior de servidores públicos federais.

É autor da emenda que destina 5% da verba do Fundo Social do Pré-Sal, cerca de R$ 650 bilhões, para recompor as perdas salariais das aposentadorias acima de um salário mínimo.

Em respeito aos animais, fez Projeto de Lei que proíbe o aluguel dos bichos para vigilância e segurança, punindo com rigor esse uso comercial, inclusive com pena de prisão.

Recursos de emenda de sua autoria, de R$ 13,5 milhões, vão combater enchentes nos canais das avenidas Lourival Moreira do Amaral e Alcides de Araújo, no Catiapoã, em São Vicente.

deputado relatou 22o Oprocesso – parecer favorável – que reconhece o Estado brasileiro como responsável pelo incêndio que destruiu o prédio da UNE, em 1964. Valorização do movimento estudantil.

30

O Ministério da Ciência e Tecnologia liberou, graças às gestões do deputado, R$ 1,5 milhão para a implantação de nova unidade do Projeto Tripulantes do Futuro, que capacita jovens da comunidade para trabalharem em navios.

Sempre atento à juventude, Márcio França propôs a criação do Protécnico, que estimula escolas particulares a empregarem e ou concederem bolsas de estudos a jovens carentes.

atento 23 Sempre à luta dos

trabalhadores, Márcio apoiou e defendeu as reivindicações dos servidores do Judiciário, por melhores condições de vida e de trabalho.

Destinou verbas à Baixada Santista, litorais Norte e Sul e Vale do Ribeira através do Programa Cidade Digital, que garante o acesso grátis à internet para quem não pode pagar um provedor.

atenção ao 24 Em meio ambiente,

é autor da emenda que destina recursos de R$ 170 mil para implantação da primeira usina pública de reciclagem de coco da Baixada Santista.

de emenda 31 Fruto de Márcio França,

o Centro de Formação Profissional Camp-Guarujá recebeu R$ 130 mil para a construção da unidade II da entidade, em Vicente de Carvalho, em Guarujá.

de Emendas 37 queConsciente a dragagem do 38 individuais do canal do Porto de Santos aumentará a movimentação de cargas e gerará milhares de empregos, Márcio França foi o principal defensor e articulador da obra, já iniciada.

Seu trabalho na Câmara dos Deputados fez as verbas federais destinadas às cidades da Baixada Santista, litorais Norte e Sul e Vale do Ribeira crescerem 60% nos últimos 4 anos.

deputado garantiram recursos do Ministério do Desenvolvimento Social a Santos, Guarujá e Praia Grande, respectivamente, para estruturação de unidades do CRAS

solicitou 32 Márcio pessoalmente ao

ministro do Desenvolvimento a criação de uma Zona de Processamento de Exportação em Praia Grande, que vai gerar novos empregos e renda.

forma 05 Como de apoio aos

microempresários, propôs o reajuste pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) dos valores da receita bruta que definem micro ou pequena empresa. Litoral Sul, 15 Nogarantiu recursos para a implantação de quadras e reforma de ginásios esportivos, estimulando o esporte e a ocupação do tempo de jovens e adolescentes.


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

7

CUBATÃO

GUARUJÁ

PRAIA_GRANDE

SANTOS

votar no Márcio França 06

Por quatro anos seguidos é considerado um dos 100 parlamentares mais influentes do Congresso Nacional, segundo o DIAP, entidade que reúne 900 sindicatos de trabalhadores do Brasil.

R$ 13 milhões, 16 Garantiu para pavimentação de

ruas na Área Continental de São Vicente, uma das regiões mais populosas e que mais cresce na Baixada.

07

A quase totalidade das cidades do Litoral Paulista e Vale do Ribeira está recebendo recursos para comprar lousas digitais para escolas da rede municipal – fruto de emendas de sua autoria.

aos problemas 17 Atento dos deficientes, fez projeto de lei que acaba com o limite de idade para a escolarização de alunos com deficiência, permitindo que permaneçam na escola mesmo após dos 18 anos.

25

Ajudou a terminar com o interurbano nas ligações feitas pelos moradores de Bertioga. Manteve audiência com o ministro das Comunicações para atender essa antiga reivindicação da população.

08

Projeto de Márcio França beneficia policiais civis e militares na compra da casa própria, com a aplicação de diferentes faixas de redutores sobre os financiamentos.

09

Em Brasília, Márcio foi o principal articulador da criação da Secretaria Especial dos Portos (SEP), com status de Ministério, que fez uma revolução no setor, inclusive no Porto de Santos.

Fest em 19 Rodeio Peruíbe; Festa

18

Conseguiu junto ao Ministério das Cidades que municípios do Vale e do Litoral Sul recebessem verbas para a construção de casas aos que tudo perderam com as chuvas do início de 2010.

Junina em Barra do Turvo; Expojac em Jacupiranga e eventos em Itariri e Pedro de Toledo receberam ajuda do Ministério do Turismo, conseguida por Márcio.

Viabilizou a Conseguiu 26 implantação de Centros 27 recursos para que de Acesso à Tecnologia e Inclusão Social (CATIS), espécie de lan house pública, em cidades dos Litorais Norte e Sul, do Vale do Ribeira e da Baixada Santista.

33

os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) de Cajati e Sete Barras comprassem veículos para atendimentos socioassistenciais.

A Apae de Iguape recebeu Resultado de uma computadores em doação emenda individual de Márcio França para uso de Márcio França, o Ministério em atividades com alunos, promovendo desenvolvimento do Turismo destinou R$ 165 mil para a construção de um e inclusão social de crianças Centro Apoio Turístico em com deficiências. Cananéia, no Vale do Ribeira.

39

O deputado tem realizado gestões para liberar autorização ambiental e assim garantir a duplicação da Rodovia Régis Bittencourt, em trecho de 18 quilômetros na Serra do Cafezal.

34

seus projetos 10 estáEntreo que fixa normas

para a guarda de animais de estimação em caso de divórcio, que será concedida a quem comprovar ser o legítimo dono do animal ou provar mais capacidade para cuidar.

O deputado 20 apresentou projeto que propõe a dedução de despesas com a compra e tratamento de cães-guia no Imposto de Renda, beneficiando pessoas com deficiência visual.

da proposta, 28 Relator o deputado é favorável à criação da Região Administrativa Integrada de Desenvolvimento (RAIDE) do Vale do Ribeira, fundamental para seu o desenvolvimento socioeconômico.

35 Asdecidades Registro e

Pedro de Toledo foram beneficiadas com recurso de R$ 445 mil para obras de pavimentação de ruas e avenidas nos bairros de Ribeirópolis e Marina.

40

É autor do projeto que propõe alterações na fixação de pena a menor infrator, estabelecendo que o juiz, quando da atribuição da pena, considere os antecedentes, mesmo aqueles praticados quando menor de idade.

É uma publicação da campanha eleitoral do deputado federal Márcio França (PSB-SP). Equipe de redação: Mauricio Juvenal (Mtb. 23260) e Bruno Piesco. Arte e diagramação: Renato Cássio. Impressão: Gráfica Diário do Litoral - CNPJ: 04.720.567/0001-93. Eleição 2010 - Marcio Luiz França Gomes - Deputado Federal - CNPJ: 12.169.390/0001-07 Edição 20 - Baixada Santista, Litoral Sul, Litoral Norte e Vale do Ribeira - Tiragem 50 mil exemplares


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

8

EDUCAÇÃO

Ilha Comprida dá exemplo e implanta “Tempo Integral” Cem alunos da rede municipal já participam, no contraturno das aulas, de atividades no Núcleo de Educação e Socialização O município de Ilha Comprida acaba de dar um passo importante para a melhoria da qualidade do ensino em sua rede municipal. O Núcleo de Educação e Socialização, que funciona anexo à Escola Monte Carlo, passou a receber os alunos em tempo integral. No contraturno das aulas regulares, os adolescentes frequentam atividades educacionais, esportivas e culturais. Diretora do Departamento Municipal de Educação, Roberta Fortes destaca que as ações desenvolvidas com os alunos têm a participação de outras diretorias municipais, num trabalho de intersetorialidade que beneficia diretamente os estudantes. “Adolescente é cheio de vida, de expectativa. Nossa meta é transformar o núcleo num lugar atrativo e

motivador. A adolescência é uma fase delicada e importante, onde a formação integral faz toda diferença”, argumenta. Entre as atividades oferecidas estão aulas de teatro, dança, violão, artes visuais, artesanato e informática, além de reforço

Intersetorial, programa oferece atividades diversas aos estudantes escolar e prática esportiva. Os cem adolescentes que estão frequentando o “Tempo Integral” foram selecionados em função de apresentarem necessidades diversas. Roberta afirma que é preciso que as pessoas compreendam que a Educação já não

pode agir sozinha na busca de bons resultados. “Ela precisa da integração de outros setores como a Assistência Social, o Esporte e a Saúde, além da própria família, a fim de que se possa dispensar um atendimento integral ao aluno”. Para o deputado federal Márcio França, do PSB de São Paulo, a iniciativa do Departamento de Educação, e consequentemente da Prefeitura de Ilha Comprida deve ser valorizada. “A escola em tempo integral é uma das propostas de governo do Paulo Skaf, candidato do PSB ao Governo de São Paulo. Ele vai usar a experiência dele como presidente do Sesi-Senai para levar à rede pública a mesma qualidade de ensino oferecida a quem estuda nestas instituições”, finaliza.

Mais de 110 vagas no concurso da Fundação Florestal de SP A Fundação Florestal de São Paulo, ligada à Secretaria Estadual do Meio Ambiente, lançou edital para 118 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade – 3% das vagas são reservadas para deficientes. Os salários vão de R$ 510,00 a R$ 1.733,85. As inscrições devem ser feitas entre os dias 30 de agosto e 24 de setembro pelo site www.vunesp.com.br e a taxa de inscrição vai de R$ 30,00 a R$ 70,00. De nível fundamental, os cargos são de agente de recursos ambientais, motorista, telefonista e guarda de parque. De nível médio, o cargo é de técnico de recursos ambientais. De nível superior, o cargo é de analista de recursos ambientais para

qualquer área de formação e nos cursos de Ciências Contábeis, Engenharia de Segurança, Medicina do Trabalho, Engenharia Florestal ou Agronômica, Direito e Turismo. As vagas são para as cidades de Sete Barras, Registro, Barra

Cargos são de todos os níveis de escolaridade. Salários vão de R$ 510 a R$ 1,7 mil do Turvo, Cananéia, Jacupiranga, Ubatuba, Caraguatatuba, Ilhabela,Cubatão, Ibiúna, Mogi das Cruzes, Peruíbe, Santos, São

Paulo, São Vicente, Bananal, Campos do Jordão, São Luiz do Paraitinga, São Sebastião, São Miguel Arcanjo, Botucatu, Piracicaba, Rio Claro, Luiz Antonio, Paulo de Faria, Pedregulho, Ribeirão Preto, Santa Rita do Passa Quatro, Dracena, Gália, Itaberá e Teodoro Sampaio. As provas objetivas serão nas cidades de São Paulo, São José dos Campos, Registro, Piracicaba, Ribeirão Preto e Bauru no dia 21 de novembro. O deputado federal Márcio França destaca que há oportunidades para várias cidades da Região e que, ao promover concursos, o Poder Público se prepara para atender melhor o cidadão e para atuar com mais eficiência.

Formação integral faz toda a diferença. Teatro, dança, esporte e reforço escolar compõem a grade do “Tempo Integral”

Atletas nas águas da Praia do Estaleiro, em Ubatuba Pela primeira vez, as águas da Praia do Estaleiro, na região norte de Ubatuba, serão palco, no próximo dia 19 de setembro, de uma das etapas do “Circuito Ubatuba de Águas Abertas”. O objetivo é, ao mesmo tempo, abrir o local para o turismo e criar mais um espaço, no município, para a prática esportiva. Disputado em mar aberto, o circuito tem provas de 250m,

500m, 1000m e 3000m, conforme a faixa etária. Nadadores interessados podem obter mais informações pelo telefone 12.3833.3818. “A Praia do Estaleiro é mais um dos cenários maravilhosos de Ubatuba e essa proposta de associar turismo e esporte é sempre muito válida”, destaca o deputado federal Márcio França (PSB-SP).

MEU VOTO NOSSA VOZ

“Toda a população de Pedro de Toledo é bastante grata pelas verbas conseguidas pelo deputado federal Márcio França. Sua presença na Câmara Federal é importante para o desenvolvimento da Cidade”, Sérgio Miyashiro, prefeito de Pedro de Toledo


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

FUTEBOL

9

A torcida agradece Novo técnico da Seleção Brasileira, Mano Menezes quer comandar a equipe ouvindo os torcedores Existe um ditado popular que diz “de médico e louco todo mundo tem um pouco”. No caso dos brasileiros, é necessário acrescentar mais um item, afinal todos somos um pouco técnicos da Seleção Brasileira. Depois de mais uma vez ter sido frustrado o sonho da conquista do hexacampenoato mundial, assumiu o time canarinho Mano Menezes. Em entrevista recente, criticou o antigo técnico, Dunga, apontando como maior falha não ter ouvido os torcedores. Se ele vai ser diferente, não é possível afirmar por enquanto. Mas pelo menos, ele vem demonstrando que quer um time voltado para o ataque, bem diferente do que se viu na Copa 2010. E se preocupou em compensar algumas injustiças cometidas nas convocações anteriores, chamando nomes como Neymar e Ganso. A torcida agradece! Sua postura não chega a representar a volta do futebolarte, mas sem dúvida nos deixa com a sensação, ou pelo menos esperança, de que em 2014, aqui no Brasil, a taça será nossa! Confira um bate-bola com o Mano Menezes, agora, na Seleção: Metas - O trabalho tem o objetivo não só para a Copa de 2014, mas também para a Olimpíada de Londres. Nessa convocação nós colocamos sete jogadores com idade olímpica,

visando a um trabalho paralelo de preparação e ambientação desses jogadores. Novatos - Eles estão inseridos dentro de um início de trabalho. O Ganso já foi convocado para a seleção de base (Sub-20), o Neymar ainda não. Na seleção principal, vão ter a oportunidade de comprovar tudo aquilo que fizeram no Santos. Erros de 2006 e 2010 - O futebol tem 17 regras e uma vez eu fiz um pequeno curso de arbitragem e aprendi que exisitiam 18. Tem uma que chama bom senso e é isso que eu pretendo adotar para essas questões. O que importa mais é o trabalho. Pressão da torcida em 2014 - A Copa, sendo no Brasil, vai ser mais difícil por um lado, mas com mais apoio por outro. O país-sede tem uma presença de público muito maior e, com o futebol de alta qualidade que a Seleção tem, acho que o fator local deve ser um aliado significativo. Mas 2014 ainda está muito distante, temos muito chão para percorrer até ter uma seleção com capacidade de suportar essa pressão, mas também capaz de passar por tudo isso e se colocar como candidata ao título. Futebol competitivo x futebol bonito - Ganhamos as duas últimas jogando. Todo mundo diz que ganhamos jogando feio em 1994, depois ganhamos com três zagueiros em 2002. Futebol

Santos Com a quarta vitória seguida no Brasileirão, o Santos se aproxima do líder, o Fluminense, e sonha com o título. O resultado de 2 a 1 sobre o Avaí fez o Peixe subir da sexta para a terceira colocação e se consolidou na parte de cima da tabela, com um jogo a menos. Os jogadores festejaram. “Os três pontos foram fundamentais para nos aproximarmos dos líderes”, afirmou Marquinhos. Rafael mantém o sonho de conquistar mais um título em 2010. “Sabemos que é difícil. Em duas rodadas, tiramos quatro pontos do Fluminense. Se vencermos outra, ficamos a cinco deles, nosso objetivo é esse”, analisou o goleiro.

MEU VOTO NOSSA VOZ

“Eu acredito na Educação e no Esporte como ferramentas de transformação da sociedade. Por isso, reafirmo o meu apoio ao Márcio França que vem honrando o seu compromisso com o Vale do Ribeira e demonstrando o seu respeito com a nossa gente”. Ednilson Corona, professor de Educação Física e Árbitro Assistente da FIFA

tem muitas maneiras de se ganhar, eu respeito todas. Vamos procurar uma maneira que nos coloque mais próximos de vencer. Se conseguirmos deixar a Seleção próxima de vencer jogando mais bonito, vai ser o que queremos. Recuperar a condição de "melhores do mundo" - As derrotas sempre são difíceis de digerir em um futebol que se considera o melhor do mundo. Nos consideramos melhores que a maioria, embora nos últimos anos tenhamos tomado umas tamancadas fortes. Nas últimas Copas, não conseguimos ser isso. Temos que recuperar essa condição. Falando em paixão nacional, veja como andam os quatro grandes de São Paulo:

Corinthians A festa acabou. Pelo menos é o que diz o goleiro corintiano Julio Cesar. A equipe alvinegra tem um desafio hoje, às 18h30 no Pacaembu, contra o Goiás, que está nas últimas colocações do Campeonato Brasileiro. “Se nós entrarmos com espírito de festa, acaba dando errado. Temos que tratar com seriedade porque o Goiás, mesmo estando lá embaixo, vai querer ganhar”, afirmou o jogador. As lembranças contra os clubes que estão na parte de baixo da tabela não é das melhores. Na décima rodada o clube paulista perdeu para o Atlético-Go, e viu o líder se distanciar.

São Paulo Após a vitória de 2 a 1 sobre o AtléticoGO, a primeira do São Paulo sob seu comando, o técnico Sérgio Baresi negou quaisquer boatos de que a direção sãopaulina interferiria na escalação do time. Dagoberto mais uma vez ficou de fora da equipe do São Paulo, mas, quando saiu do banco de reservas, marcou o gol da vitória do Tricolor. Segundo Baresi, a escalação é feita com base nos treinamentos da semana. “A diretoria não tem influencia alguma. Vamos ver agora para domingo. Pode ser que ele jogue, porque fez uma excelente partida. O importante é o momento atual”, disse o treinador são-paulino.

O deputado federal Márcio França (PSB-SP) e o vereador Caio França (PSB-São Vicente) na torcida pela Seleção para a conquista do título em 2014, aqui no Brasil.

Palmeiras Amanhã o Palmeiras enfrenta o Cruzeiro, às 16h, no Pacaembu. A partida ganhou um toque especial. No desembarque da equipe alviverde na última quinta (após o Verdão ter empatado com o líder Fluminense), o atacante Kleber deu uma declaração para empolgar a torcida. “Eu amo o Palmeiras”. O jogador disse que tem carinho pelo Cruzeiro, time que defendeu até poucos meses atrás, mas que defende, torce e ama o Palmeiras. O elenco palmeirense ainda conta com o goleiro Marcos, que defendeu apenas um clube: o Palmeiras; e o chileno Valdívia, que fez juras de amor ao Verdão.


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

10

NOVELAS

SAÚDE

Altas temperaturas e tempo seco prejudicam a saúde Confira algumas dicas para combater o mal-estar causado pelo clima O Instituto Climatempo informou que na semana passada, a umidade relativa do ar chegou a apenas 17% na Base Aérea do Guarujá, com uma temperatura por volta de 35ºc, o que levou a Região entrar em estado de alerta. Esse clima provoca problemas respiratórios, na pele e no olho, o que requer alguns cuidados especiais. Segundo o deputado federal Márcio França (PSBSP), a quantidade de pessoas internadas com problemas respiratórios em todo o Estado aumentou. “Só em São Paulo, o número de casos aumentou 60%. O índice é 15% maior que no ano passado”, afirma França. As crianças e os idosos são

os mais afetados pela baixa umidade do ar, então, é necessário uma atenção maior para esses dois grupos de pessoas. A população deve tomar bastante água, além de sucos naturais feitos de maneira adequada e água de coco. Outra dica muito importante é a higiene doméstica, evitando o acúmulo de poeira,

que causa problemas alérgicos. Dormir em local arejado e umedecido ajuda a minimizar os efeitos do tempo seco, além de fazer dissipar a poeira. Para umidificar os ambientes, o interessante é utilizar toalhas molhadas, reservatórios com água e até umidificadores. O uso de soro fisiológico também é recomendado para manter a lubrificação dos olhos. A população deve evitar banhos com água muito quente, que provocam o ressecamento da pele, e se puder, utilizar creme hidratante. Caso haja irritação das vias aéreas e dos olhos, a dica é o uso de soro fisiológico para lavar os olhos e as narinas.

Caça-palavras

Fred reclama por Cláudia obrigálo a dormir. Catarina revela a Pedro que vai organizar as festas no clube. Fred mente para Roberto e diz que nunca mais sentiu dores de cabeça. Pedro e Catarina pulam o portão do salão da caldeira para conferir o espaço. O dono do clube avisa que para ficar com o salão da caldeira é preciso de uma autorização na associação de moradores. Pedro decide ajudar a pintar o muro do colégio. Catarina chega com Eric e o apresenta como seu namorado, deixando Pedro incomodado.

Yasmin reclama para Judite por Afonso estar com a filha em seu apartamento. Antônia passa mal ao ver uma sombra envolvendo Vitória/Viviane. Vicente mostra para Ricardo o bilhete de Daniel que Madame Gilda psicografou. Athael, Francisca e Seth rezam para que corra tudo bem durante a inseminação de Vitória/Viviane. Gilmar ameaça Fernanda. Dalva expulsa Jardel e teme por Clara. Guilherme conforta Tadeu, que se sente culpado pelo aborto da mãe. Vicente conversa com Virgínia sobre a regressão que ela fará com ele.

Bruna estranha a hostilidade entre Luisa e Marcela. Gustavo estranha a falta de interesse

Márcio França - PSB - Baixada Santista - Vale do Ribeira - Litoral Norte - Eleição - Vitória

Aniversariante da semana

Dora Ribeiro, 2ª Secretária da Executiva Estadual do PSB São Paulo, completa dia 7 mais um ano de vida. Márcio França e o Expresso 4040 registram a data!

de Edgar pelo casamento. Armandinho procura Desirée e pede que ela não se mude da vila. Ariclenes fica furioso ao descobrir que Luíza Brunet desistiu de fazer o vestido com ele. Fabinho se insinua para Gabriela e Luti não liga. Luti encontra Valquíria com Cadu na lanchonete e fica com ciúmes. Jorgito chega à sessão de fotos com Amanda e se aproxima de Desirée. Edgar surge com Marcela para fotografar os bastidores do editorial e Jorgito discute com o futuro cunhado.

Valentina afirma aos policiais que Clara não está em sua pensão. Diana se despede de Bete.Clara não consegue fugir e Kelly se desespera ao ver a irmã ser levada pelos policiais. Clara suplica para que Totó a tire da cadeia e ele se emociona. Berilo finge falar com seu patrão e desliga o telefone, deixando Agostina irritada. Agnello avisa a Alfredo que vai se afastar de Lorena. Berilo inventa para Agostina que o falso documento é para seu patrão. Fortunato exige que Clô lhe peça desculpas. Os mafiosos ameaçam Adamo para que ele desminta para o jornal que a máfia colocou fogo no sítio. Mimi chega radiante ao aeroporto. onde Berilo está e Clô decide acalmá-la. Agostina e Jéssica se encontram e descobrem que ambas são casadas com Berilo.

Fruto de uma cultura machista que prevaleceu por muito tempo no Brasil, e que dava conta, entre outras coisas, de que homem que é homem não chora e nem sente dor, o deputado federal Márcio França destaca que , ainda, hoje, muitos homens não se preocupam em cuidar da saúde. Por isso mesmo é tempo importante a iniciativa do Ministério da Saúde em estabelecer a Política Nacional de Saúde do Homem, em agosto do ano passado, afim de contribuir para o aumento da expectativa de vida e para a redução dos índices de doenças e mortes

ÁRIES Não tape o sol com a peneira e enfrente os seus problemas de frente. Tenha cautela nos assuntos financeiros e não cultive o pessimismo.

CÂNCER Não fique esperando que as coisas caiam do céu ou que outras pessoas façam o que tem que ser feito por você. Canalize a suas energias na solução dos problemas.

LIBRA O momento indica que a sorte está do seu lado, mas afaste-se de pessoas pessimistas. Assuma a responsabilidade sobre os seus sucessos e fracassos.

CAPRICÓRNIO Mudanças importantes poderão ocorrer. Tenha calma e conte com sua capacidade de trabalho para resolver assuntos relativos a dinheiro e dívidas.

TOURO O momento não favorece o trato de assuntos sentimentais. Meça suas palavras no trato com a pessoa amada. No entanto, os assuntos de trabalho e financeiros estão em alta.

LEÃO Seja mais atuante se quiser alcançar seus objetivos. No entanto, aja com prudência e inteligência. Não queira resultados imediatos.

ESCORPIÃO Valorize a sua intuição e não queira resultados da noite para o dia. Lembre-se de que os conflitos fazem parte da vida de todo mundo.Tenha calma que a solução virá.

AQUÁRIO O momento é de paz e recolhimento. Aproveite para reforçar os laços familiares. O período indica que deve ser evitado qualquer especulação no trabalho e nos assuntos financeiros.

GÊMEOS Tenha cautela no trato com todos. Procure liberar a sua criatividade, mas respeite a opinião alheia. Procure não especular quando o assunto for dinheiro ou trabalho.

VIRGEM Não se preocupe demais com os outros, principalmente com a opinião alheia. Siga a sua intuição e persiga os seus objetivos. Bom para tratar de assuntos profissionais.

SAGITÁRIO Excelente para renovar o guarda-roupa e o visual. Cuide da saúde e da beleza. Seja mais tolerante com as pessoas de um modo geral, principalmente com a pessoa amada.

PEIXES Lembre-se de que tudo o que fizer hoje refletirá no amanhã. Por isso, controle a sua impulsividade e meça as suas palavras. Tenha paciência com a pessoa amada.


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010 As ecobags se tornaram acessórios bonitos e sustentáveis

CONSCIÊNCIA

11

O planeta pede menos sacolinhas De acordo com o Ministério do Meio Ambiente, o mundo produz cerca de 1 trilhão de sacolas plásticas todos os anos

Você já percebeu que quando vai ao supermercado pega um monte de sacolinhas? E você sabia que assim você está ajudando a destruir o meio ambiente? As sacolas plásticas, se soterradas no lixo demoram cerca de 200 anos para se decompor. Se sofrerem ação do sol, somem em um ano. Um ano, o que é um ano? Se comparado a outros materiais como o vidro (4.000 anos) e os pneus (600 anos) é muito pouco, mas o grande problema está na quantidade que vai para o lixo. Segundo dados da campanha “Saco é um saco”, do Ministério do Meio Ambiente (MMA), estima-se que o mundo produza até um trilhão de sacolas plásticas por ano.

Como se não bastasse a quan- lhadas, além de apresentarem o tidade de sacolinhas jogadas no mesmo problema das sacolas de lixo e o tempo que elas demoram plástico oxi-degradável: têm um para se deteriorar, outro fator é processo de reciclagem limitado. muito prejudicial ao meio amOutra desvantagem das sacobiente: o processo de fabricação las de papel é fabricação. Além destas sacolas, que de agravar o dessão feitas de pomatamento para Um brasileiro lietileno (oriundo utiliza 66 sacolas a produção de cedo petróleo e do lulose, matériaplásticas por mês prima do papel, a etileno), que emitem muitos gases fabricação inclui poluentes, portanto, poluem de o “cozimento” da madeira com forma estrondosa o Planeta. produtos químicos, que geram Com o objetivo de amenizar resíduos e precisam ser tratados os danos ambientais, alguns para não poluírem os rios. supermercados têm usado as As ecobags surgem como chamadas sacolas de plástico uma alternativa a todas as oxidegradável, isto é, uma sacola outras sacolas. Elas são feitas produzida a partir de um plástico de material reciclável, duram sintético, que recebe um aditivo muito mais, porque são resisque acelera a degradação, cerca tentes à água e não rasgam-se de um ano e meio, se enterrado. com facilidade, sem falar que Graças a uma lei, de auto- estão se tornando acessórios ria do vereador Pedro Gouvea na hora de se vestir. Há quem (PSB), em 2011 o comércio de utilize as sacolas para ir à praia São Vicente vai substituir o uso e ao shopping. de sacolas plásticas por biodeSe você quiser realmente gradáveis. ser uma pessoa verde no transporte de suas compras, siga De papel duas dicas: quando for a superAs velhas sacolas de papel mercado com o carro, reutilize podem até ser bonitas, mas não a caixa de papelão para carregar são as ideais. Elas têm pouca os seus objetos. Já se você vai de durabilidade, rasgam-se com fa- ônibus ou a pé, a dica fica por cilidade e estragam quando mo- conta das ecobags.

O deputado federal Márcio França (PSB-SP) defende o uso correto de sacolas plásticas. “O meio ambiente deve ser ajudado. É importante que os cidadãos tenham a consciência que o excesso de lixo contaminará a todos nós. Alternativas como as ecobags e atitudes simples, como a reutilização de caixas de papelão, fazem toda a diferença”, afirma.

#

Chef Márcio França

O deputado federal Márcio França (PSB) tem por hobby a culinária e utiliza esse talento em eventos beneficentes, quando cozinha voluntariamente

Arroz de carreteiro Ingredientes 5 kg de arroz 1,5 kg de bacon 4 kg de carne seca 2 kg de linguiça calabresa defumada 2 kg de linguiça mista 1 kg de cebola 2 cabeças de alho 500 ml de óleo de soja

Modo de Preparo Corte a carne seca em cubos e ferva por duas vezes, trocando a água a cada fervida, para retirar o excesso de sal. Frite o bacon até dourar e reserve. Frite as linguiças e reserve. Refogue o alho e a cebola, em seguida coloque a carne seca, a linguiça e o bacon, coloque o arroz para refogar. Acrescente a água fervente o necessário e deixe secar até servi-lo. Serve 40 porções.

Banana reduz depressão, diz estudo das Filipinas A banana, muito comum no Vale do Ribeira, é um importante componente da alimentação do ser humano, sendo um bom remédio contra uma doença que atinge cada vez mais pessoas, a depressão. O Instituto de Pesquisa de Alimento e Nutrição, nas Filipinas, elaborou uma pesquisa e revelou que a banana possui uma molécula chamada “trytophan”, um aminoácido que funciona como um antidepressivo natural e mantém os níveis de serotonina (neurotransmissor), que melhora o bom humor. O Instituto recomenda

a ingestão de duas ou três bananas por dia, o que equivale a 20 a 30 gramas de carboidratos e entre 80 e 120 quilocalorias. Outro potencial da banana, observado pelos pesquisadores filipinos, são os altos níveis de vitamina A, C, K e B6. A vitamina B6, por exemplo, é muito importante contra a insônia, fraqueza e irritabilidade. A pesquisa também mostrou que a fruta não produz colesterol, nem causa obesidade, além de reduzir o risco de ataques cardíacos e contribuir para o aumento da massa muscular.

MEU VOTO NOSSA VOZ

“O Márcio é uma pessoa que conhece a gente, que teve uma ótima gestão como prefeito e é a voz da Região na Cãmara dos Deputados”. Lélio Cássio de Paiva, comerciante de São Vicente (Lélio do Posto)


Expresso 4040 4 a 7 • Setembro • 2010

D

12

esde o início de junho, graças a uma emenda de R$ 7,5 milhões do deputado federal Márcio França (PSBSP), a população de São Vicente pode navegar pela internet de graça. A cidade é a primeira a implantar o serviço. O programa Cidade Digital coloca à disposição dos vicentinos sinal de internet, banda larga, gratuita. “Do ponto de vista da inclusão digital e social, não posso classificar de outra forma senão como revolucionário”, diz o deputado, que não mediu esforços junto ao Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) para trazer o benefício para toda a Região, desde o Vale até o Litoral Norte. O professor de dança Rodrigo dos Santos Tavares, que utiliza o serviço no Parque Bitaru, afirma que o sinal de internet é bom, mas que de vez em quando oscila muito. “Se não fui o primeiro, fui um dos primeiros a utilizar a internet grátis, que é boa, mas ainda apresenta algumas falhas. Em alguns momentos do dia só consigo acessar o Google, mas recomendo o serviço, principalmente porque é de graça”, afirma Tavares. Já o comerciante Erick Lourenti

O Rodrigo se cadastrou no site www. saovicente.sp.gov.br para usar o serviço

Todo mundo na rede

É a internet grátis, que garante acesso, em banda larga, para quem não tem grana para pagar um provedor

diz que a internet está funcionando o sinal melhorará muito”, afirma muito bem, e que pensa em adotar Santiago. o serviço público, O secretário diz em vez do particuainda, que apenas lar. “Aqui no Centro muito próximo às Até o final de a internet é muito antenas repetidoras setembro, serão 7 boa. Durante o fun- torres de transmissão, é possível utilizar cionamento da loja, o serviço sem uma garantindo a que é das 9h às 18h, antena específica. cobertura de todo consigo acessar qua“Para que a popuo município se todos os sites. Se a lação consiga acesinternet continuar sar a internet com assim, vou parar de melhor qualidade, pagar a empresa, que me leva R$ deve-se fazer a compra de uma 60 todo mês”, diz Lourenti. Antena de Grade USB de 25 DBI, O secretário de Ciência e Tec- disponível nas casas de informátinologia de São Vicente, Carlos ca”, explica ele. Santiago, responde as queixas da O programa prevê, ainda, a internet grátis na Cidade. “O mu- implantação de Centros de Acesso nicípio terá sete torres de transmis- à Tecnologia para Inclusão Social, são, estão instaladas apenas duas, os Catis, com 1.500 computadores, uma no Morro dos Barbosas e outra que funcionam como uma espécie no Humaitá. Além das torres, serão de lan house gratuita à população, e instaladas mais 34 antenas repeti- de lousas digitais em escolas da rede doras. Hoje existem apenas três, municipal, iguaizinhas àquelas utiuma na Prefeitura, uma na UBS do lizada nos programas de televisão, Parque Bitaru, e outra no Centro de que possibilitam interação direta Convenções. Com a instalação total ao simples toque da mão.

Do Litoral Norte ao Vale do Ribeira: navegar é preciso O Programa Cidade Digital será implantado em todas as cidades,

desde o Vale do Ribeira até o Litoral Norte. Somente o investimento no programa é de quase R$ 20 milhões, e deve beneficiar aproximadamente 2,5 milhões de pessoas. No Vale do Ribeira, 15 cidades serão beneficiadas com a internet grátis. O investimento no Vale é de R$ 6,3 milhões. As três cidades do Litoral Sul também serão beneficiadas pelo serviço, que tem um investimento já empenhado de R$ 3,2 milhões. O Litoral Norte já tem empenhado o valor de R$ 1 milhão para a implantação do Programa

Cidade Digital nas cidades de São Sebastião e Ilhabela. As outras cidades, entre o Vale do Ribeira e o Litoral Norte, serão contempladas gradativamente, mas a previsão é que todas tenham acesso gratuito. Segundo o deputado federal Márcio França (PSB – SP), todos os cidadãos devem ter acesso à internet. “Nós estamos no século 21 e, sem distinção, toda a sociedade deve ter a oportunidade de acessar informações que a internet proporciona. E não é só o sinal grátis que é importante, o programa também levará os Centros de Acesso à Tecnologia para Inclusão Social, os Catis”, afirma o parlamentar.

Expresso 4040 - Edição Baixada Santista - 10  

Acompanhe as notícias do deputado Márcio França

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you