Page 1

placecuritiba • nov/2012

1


Construtora Baggio

placecuritiba • nov/2012

O lugar mais importante da sua vida começa com a gente.

2

construtorabaggio.com.br

www.


placecuritiba • nov/2012

3


4 transanet.com.br

placecuritiba • nov/2012


placecuritiba • nov/2012

5


24 Paloma Bernardi

ed.09•ano1•novembro2012

68 Capadócia

Juntar retalhos, construir moda

16 Cotidiano

placecuritiba • nov/2012

74

6

08 10 12 14 16 22 24 30 32 40 42 44 46 48 50 52 54 56 58 60

..........

Editorial

..........

Colaboradores / Clipping

..........

Place Indica

..........

Tendências

..........

Moda

..........

Coluna Negócios Inteligentes

..........

Entrevista

..........

Place Decoração

..........

Morar Mais 2012

..........

Place News

..........

Projetos

..........

Interiores

..........

Business

..........

Economia

..........

Coluna Up Town por Melissa Mussi

..........

Place Health

..........

Beleza

..........

Vida Ativa por Igor Andrade

..........

Dieta do Mês

..........

Imagem em Ação por Alice D. Valle

62 64 66 68 72 74 76 78 80 82 84 86 92 93 94 95 96 97 98

..........

Place Kids

..........

Place Pet

..........

Máquinas

..........

Tour

..........

Esporte

..........

Cotidiano

..........

Place Night

..........

Gastronomia por Mary Schaffer

..........

Perfil

..........

Arte e Cultura

..........

Direito

..........

Evento

...........

Social Club por PierPaolo Nota

..........

Glamorizando por Iza Zilli

...........

The Frame por Leandro Karam

...........

All Night por Fernando Smak

...........

Liqüe

...........

Social por Marcos Slaviero Filho

...........

Agenda / A–Z


placecuritiba • nov/2012

7


editorial

Por um planeta sustentável Sustentabilidade envolve um conjunto de práticas que devem ser adotadas e evoluídas em todos os âmbitos da sociedade para garantir um futuro com qualidade e equilíbrio de recursos naturais. Já se fala muito no tema, grandes e pequenas empresas criam programas exemplares de redução de poluição e incentivo à reciclagem e reutilização de materiais, cidadãos comuns adotam pequenas ações diariamente e mostram que pensar verde é muito mais que separar o lixo, economizar energia e controlar a água. O planeta pede ajuda em muitos outros sentidos e esse é o tema central da Place 09. Nossas editorias mostram que existem projetos e personagens com atitudes diferenciadas e ideias que podem fazer a diferença hoje e no futuro. A própria publicação também faz sua parte. Além de lançarmos a versão eletrônica da Revista Place, o papel utilizado na impressão é da empresa Suzano, líder em políticas sustentáveis entre as empresas produtoras de papel no Brasil. Moda ecologicamente correta também está em pauta. O editorial de moda desta edição traz um ensaio com roupas feitas a partir de retalhos, uma grande mescla das cores da estação combinada a um cenário construído com objetos encontrados no lixo pelo artista plástico Wilson Alexandre. Sem sair do tema, as indicações de produtos para ambientes, homens e mulheres estão repletas de ideias verdes e inovadoras. Falando em beleza, este mês temos na capa a atriz Paloma Bernardi, que conta sobre seus projetos futuros e sua participação na novela das oito, Salve Jorge, cujo cenário, a Capadócia, é também tema de nossa editoria Tour. Vale a visita! Boa leitura!

Bruno Macarini

placecuritiba • nov/2012

Jornalismo Camila Dias Lívia Zeferino (9184/PR) Louise Zeni Letícia Dohms Diretor Comercial Bruno Macarini Consultores Comerciais Andrea Kaminski e Eduardo Pimpão Fotografia Bruno Kirilos, Fernando Smak e Gustavo Sguissardi Assessoria Jurídica Bona e Coelho Advogados Associados Colunistas Aline Dala Valle, Fernando Smak, Igor Andrade, Iza Zilli, Leandro Karam, Marcos Slaviero Filho, Mary Schaffer, Melissa Mussi e PierPaolo Nota Distribuição JV Cordeiro Plataforma Digital MagTab Marketing Digital Tdzain Impressão gráfica Ajir Artes Gráficas e Editora

Anuncie

Paloma Bernardi fotografada por André Nicolau; Styling Paulo Zelenka; Make e Hair Erica Monteiro para Abá Mgt, produção de moda Alê Duprat para Abá Mgt

www.facebook.com/ RevistaPlaceCuritiba

8

Diretora Financeira Gisleine Rezende Direção de Arte e Design Gráfico Marcelo Winck

(20mil exemplares/mês)

Publisher

LOOK da CAPA

Publisher Bruno Macarini

@RevistaPlaceCwb

Revista Place Curitiba

www.revistaplace.com.br

revistaplace@revistaplace.com.br

Tel.: (41) 3203-1894 Uma publicação: BG Editora e Marketing Direto Ltda. CNPJ: 14.860.781/0001-07 Rua Iapó, 135 - sala 16 - Alphaville Graciosa- 83.327-075 - Pinhais - PR A revista Place Curitiba é uma publicação mensal independente e não se responsabiliza pelas opiniões emitidas em artigos ou colunas assinadas, por entender que estes materiais são de responsabilidade de seus autores. A utilização, reprodução, apropriação, armazenamento de banco de dados, sob qualquer forma ou meio, dos textos, fotos e outras criações intelectuais da revista Place Curitiba são terminantemente proibidos sem autorização escrita dos titulares dos direitos autorais.

“Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça”. Isaías 41:10


placecuritiba • nov/2012

9


colaboradores Profissionais que participaram desta edição

Maria Eugênia Sachet

Formada em Design de Moda pela UTP, é especialista em Jornalismo de Moda e Produção de Moda pela Escola de Empreendedores de São Paulo. Autora e responsável pelo blog Com Muito Estilo, nesta edição Maria Eugênia assina o editorial de moda, fotografado no Morro do Vidigal, junto com uma equipe de talentosos stylists do Rio de Janeiro.

divulgação

Pedro Salanek Filho participou da editoria Cotidiano relatando suas experiências sobre ações e práticas sustentáveis. Pedro é graduado em administração de empresas, pós-graduado em Finanças, tem MBA em Gestão Executiva, é Mestre em Sustentabilidade Socioeconômica, educador e diretor executivo da revista Geração Sustentável.

divulgação

divulgação

Pedro Salanek Filho

Wanderley Nunes

Natural de Maringá, Wanderley Nunes foi para São Paulo trabalhar no salão de beleza Lazinho’s, onde conheceu muitos famosos e deu início a sua renomada carreira. Hoje, Nunes é proprietário do Studio W, com salões espalhados pelo Brasil, um deles, inclusive, recém – inaugurado no Shopping Crystal, em Curitiba. Nesta edição, o consagrado hairstylist colaborou com dicas de penteados para o fim do ano.

placecuritiba • nov/2012

clipping

10

afterhour.com.br

ego.globo.com

ERRATAS: Na página 34, editoria Place Ambientes da edição 08, a foto 3 é de um ambiente da Top Design - Italínea e não da Pegasus Marcenaria e Móveis Sob Medida, como foi publicado. Na página 40, editoria Interiores da edição 08, a foto do toalheiro elétrico é material de divulgação e não pertence ao fotógrafo Marcelo Stammer, como foi publicado.


keune.com.br

Care Line Keratin Smoothing. tratamento exCLuSivo para CabeLoS Com eSCova definitiva.

cAre line kerAtin smoothing tem em suA fórmulA o complexo quAt: • protege os fios contra quebra • dá força e brilho ao cabelo • restaura e hidrata profundamente

placecuritiba • nov/2012 diSponíveL noS meLhoreS SaLõeS de Curitiba. diStribuidora Keune Curitiba - (41) 3362-5190 Acesse nossAs redes sociAis e fique por dentro de novidAdes e promoções especiAis.

/keunebrAsil

11

/keunehAirbr


PLACE indica

Orgânico

....................................................................................................

A marca franco-brasileira Tudo Bom tem como inspiração as cores e a alegria do Brasil misturadas com a elegância dos franceses, além da postura ambientalmente correta. Todas as peças, como o vestido longo, são feitas em confortáveis malhas de algodão orgânico. Quanto: R$ 310 / Onde: Tudo Bom

Ráfia

...............................................................................................................................................................

A bolsa alia o material ecologicamente correto com a tendência animal print. Feita de fibras de palmeira, material conhecido como ráfia, as laterais ganham a atual estampa de oncinha. Quanto: R$ 780 / Onde: Red Shoes

Prata e pedra

........................................................................................................................................

Brinco de prata de lei e rodolita rosa da Pandora, marca certificada pelo RJC (sigla internacional do Conelho de Joalheria Responsável) por cumprir normas que garantem a sustentabilidade e os direitos humanos em suas operações. Quanto: R$ 225 / Onde: Pandora – Shopping Mueller

Liberty

.......................................................................................................................

placecuritiba • nov/2012

Produzida com termoplástico 100% reciclável, a novidade do modelo é a parceria com a tradicional marca inglesa Liberty London, famosa por suas estampas floridas. Quanto: R$ 109,90 / Onde: Melissa

12

MOROCCAN ARGAN OIL

..............................................................................................

Ideal para hidratar, reparar e proteger intensamente os fios de cabelo, o óleo natural de argan garante condicionamento e evita danos causados pelos raios UV. Quanto: R$ 159,90 / Onde: Keune ...

Raphael Meneses

Produtos naturais e ecologicamente corretos são a sugestão de consumo da Place para homens e mulheres.


PLACE indica

701

...............................................................................................................................................................

Óculos de sol da linha Eco Safari Man, desenvolvido pela Modo, é feito em acetato e madeira reaproveitada. Disponível em quatro diferentes cores. Quanto: US$ 225 / Onde: Modoshop.com

Chukka Boots

...........................................................................................................................................

As botas garantem conforto e tecnologia. Feitas com couro premium de curtume certificado por excelentes práticas ambientais, solado green rubber, com 42% de borracha reciclada, e forro feito a partir garrafas pet e borras de café reciclado que proporcionam controle da umidade. Quanto: R$399 / Onde: Timberland – ParkShopping Barigüi

Tecnológica

...............................................................................................................................................................

Regata feita com material biodegradável e livre de componentes tóxicos. Conta também com a tecnologia Thermodry, que facilita a transpiração e mantém o corpo seco. Quanto: R$ 98 / Onde: Track & Field - Shoppings Crystal, Mueller e ParkShopping Barigüi

Bambucicleta

.............................................................................................................................................

Feita em bambu e produzida pelo designer Flavio Deslandes, a bicicleta é desenvolvida a partir do desejo de cada cliente, seja para finalidades de passeio ou atividades profissionais. Quanto: R$ 3.150 / Onde: Wöllner

Camiseta feita em algodão natural, da linha de peças da Osklen produzidas com e-fabrics, tecidos com características socioambientais corretas desde a extração de matéria-prima até a produção final. Quanto: R$ 197 / Onde: Osklen – Shopping Crystal e ParkShopping Barigüi

placecuritiba • nov/2012

Algodão rústico

.........................................................................................................................................

13


tendências

Estilo com

respeito

Tecidos sustentáveis, reaproveitamento de materiais e preferência por técnicas que evitam o desperdício são a essência da onda ecofashion cam i la d i as

c

om novas tecnologias aliadas ao respeito pela natureza, roupas e acessórios ecologicamente corretos já estão bem longe de serem confundidos com um figurino bege e sem graça. Pelo contrário, fibras naturalmente coloridas e o reaproveitamento de materiais excedentes de outras atividades e indústrias permitem a criação de peças únicas e exclusivas, abrem um leque de estilos a serem adotados e esbanjam individualidade. Para apostar na moda eco-friendly sem erro, basta avaliar o modo de confecção das peças e as matérias-primas utilizadas. Uma produção adequada evita agredir o meio ambiente ao prezar pelo controle de resíduos gerados, do consumo de água e da utilização de processos químicos. Outro aspecto não menos importante é a preocupação com o design e o conforto, as características finais que conquistam o consumidor.

placecuritiba • nov/2012

Matéria-prima sustentável

14

Stella McCartney Spring 2013 – aposta nas fibras ecologicamente corretas e luta contra o uso de couros e peles.

O cultivo sem uso de pesticidas, fertilizantes químicos ou reguladores de crescimento é o que gera as fibras ecológicas de algodão, bambu e juta. Para serem 100% orgânicas, o processo de tingimento deve ser feito apenas com pigmentos naturais. Há também as fibras de linho, seda e tecidos feitos a partir da reciclagem de algodão e garrafas PET. Para completar as opções, uma variedade de couros ecológicos pode ser produzida causando muito menos impacto que os processos tradicionais, mas cuidado para não confundir sustentável e ambientalmente correto com certificado pelo IBAMA. Peles e couros de animais exóticos não entram nessa conta só por terem origem rastreada, e, como a designer Stella McCartney prova ao público estação após estação, estilo é uma questão de postura, consciência e respeito à vida.


placecuritiba • nov/2012

15


moda placecuritiba • nov/2012

Juntar retalhos, construir moda 16

A tendência mundial de reuso e reciclagem guia também a arte e a moda. Lixo vira cenário e retalhos tornam-se roupas em um grande mosaico formado por diferentes materiais, como algodão com cetim e viscose com tafetá, que unidos constituem valor estético e riqueza únicos. Sem fugir das tendências da temporada, tons fluor, estampas e flores juntam-se a maxi acessórios e muita cor.


placecuritiba • nov/2012

17


18

placecuritiba • nov/2012

moda


placecuritiba • nov/2012

19


moda placecuritiba • nov/2012

FICHA TÉCNICA

20

Roupas feitas a partir de retalhos da estilista Regina Andrade Sapatos acervo Modelos: Camilla Pellegrini, Cintia Aguiar e Mariana Badan Produção de Moda e Styling: Ayumi Kobayashi, Gabriel Bittencourt, Maria Eugênia Sachet, Maria Luiza Taciro e Vanessa Garroni Fotografia: Renato Marques Make-up e hair: Alex Gillot Locação: Vidigaleria - Favela do Vidigal- Rio de Janeiro Agradecimentos: Wilson Alexandre - artista plástico responsável pela Vidigaleria e Regina Andradeestilista responsável pelas peças usadas no editorial


placecuritiba • nov/2012

21


BG Comunicação

negóciosinteligentes

placecuritiba • nov/2012

q

22

Determinante ou não no sucesso das empresas? J o ã o P a u lo M ar t i ns

uem nunca ouviu falar em sustentabilidade? O que esse termo representa para você? A origem da palavra vem do latim sustentare, que significa sustentar, defender, favorecer, apoiar, conservar e cuidar. Diante disso, podemos entender que sustentabilidade é a capacidade de sustentar ou suportar uma ou mais condições de um processo de forma a permitir sua permanência, em certo nível, por prazo determinado. Recentemente o conceito tornou-se um princípio, segundo o qual o uso de recursos no presente não pode comprometer a satisfação das necessidades de gerações futuras. Via de regra, para que um empreendimento seja considerado sustentável ele precisa ser ecologicamente correto, economicamente viável, socialmente justo e culturalmente aceito. O conceito de sustentabilidade está intimamente relacionado com o da responsabilidade social das empresas. Além disso, esse conceito normalmente adquire contornos de vantagem competitiva. Segundo Michael Porter, professor da Escola de Negócios de Harvard, normalmente as companhias têm uma estratégia econômica e uma estratégia de

responsabilidade social, quando o que deveriam ter é uma estratégia só. Uma consciência sustentável, por parte das empresas, pode significar uma vantagem competitiva, se integrar uma estratégia única da organização. No entanto, aos poucos, essa visão vai sendo revertida pela conscientização cada vez maior dos consumidores e a real pressão que esses grupos vêm fazendo sobre o mercado e sobre as empresas. Mesmo que ainda haja empresas mais preocupadas com o retorno de marketing proporcionado pela sustentabilidade empresarial, há diversas outras que não apenas adotam o conceito, como exigem de sua cadeia produtiva a mesma postura.

Comportamentos sustentáveis Um exemplo bem recente foi a exigência feita pela fabricante de material esportivo alemã Adidas à Bertin, uma das maiores empresas brasileiras de agronegócio, de que o couro fornecido não era da criação de gado em áreas de desmatamento. Outro caso interessante é da empresa Accenture em que foi feita a implantação de coleta seletiva de lixo, pilhas e baterias, capacitação da equipe de limpeza no que diz res-

peito a consumo sustentável de recursos naturais, utilização de material reciclado, campanhas de consumo consciente, impressão frente e verso, classificação de fornecedores por grau de maturidade em sustentabilidade, criação de ferramenta de auto-avaliação em sustentabilidade e adoção de brindes sustentáveis.

Mudança Cultural Sustentabilidade empresarial começa em nós mesmos e no comprometimento com as práticas e políticas que aplicamos para direcionar nosso comportamento pessoal e corporativo, por isso depende de nossa atitude de querer mudar. Só não devemos esquecer da mudança cultural que a sustentabilidade proporciona a uma empresa, ela só funciona efetivamente se nossa principal meta for a de ter sustentabilidade empresarial como parte intrínseca de nossas estratégias de longo prazo, um investimento inteligente criando vantagens competitivas e ajudando nossas empresas a atingir um crescimento sustentável e lucrativo, assim fica presente na filosofia da organização, nos valores dos colaboradores e em toda cadeia produtiva, de ponta a ponta, até o consumidor final.


placecuritiba • nov/2012

23


24

placecuritiba • nov/2012

entrevista


PBernardi aloma A atriz que transborda talento e carisma!

Cabelos cacheados, olhos verdes, pele morena e muito charme são características da artista que revela dedicação, ousadia e simplicidade. L o u i se Z en i e L í v i a Z e f er i no

o

placecuritiba • nov/2012

Rio de Janeiro estava incrível, com um dia ensolarado e céu azul naquela sexta-feira. A cidade maravilhosa se mostrava mais uma vez acolhedora e encantadora para nós, que vínhamos de Curitiba. A equipe da Revista Place chegou animada à capital carioca, mesmo tendo que enfrentar um calor para lá dos 40 graus e um trânsito bem agitado. A primeira parada foi para encontrar fotógrafo, produtor, cabeleireiro, maquiadora, enfim, todos os profissionais que colaborariam na capa desta edição. O bate-papo foi produtivo, pois definimos referências, cores, poses, e outros detalhes para a produção da atriz. A equipe Place foi buscá-la e, ao parar o carro, uma surpresa: de longe ela vinha caminhando tranquilamente, cabelos lisos e ruivos impressionaram à primeira vista. Simples, porém elegante, a atriz usava um look de verão composto por vestido longo e rasteirinha. Ao se aproximar, notamos o charme e a simpatia de Paloma que distribuía sorrisos e brincadeiras com nossa equipe. Quem já conhecia a Bernardi por seus cabelos cacheados e morenos se surpreende ao vê-la bem diferente, mas com sua beleza inconfundível. Em uma conversa descontraída durante o percurso para o estúdio, a entrevista aconteceu naturalmente. Paloma revelou suas conquistas, o novo desafio de participar da novela das oito com uma personagem marcante e profunda, seus cuidados com o corpo e projetos futuros.

25


entrevista

Place Como surgiu o convite para a novela Salve Jorge?

Paloma Foi um convite de Glória Perez e Marcos Schechtman, não tive como negar, pois sempre quis fazer algo com eles. Fiquei super feliz em ser escolhida para a personagem. Lembro quando assistia a novela O Clone com a Giovanna Antonelli e adorava. Gosto da linha da Glória, que retrata a cultura, arte, dança, costumes de outros países com temas polêmicos. Fiquei encantada e muito feliz em fazer parte do elenco. Place Quando ficou sabendo que a novela iria acontecer esperava ser convidada? Paloma Na verdade a gente nunca sabe. A Globo é uma fábrica de produção de novelas, então você pode ser chamada a qualquer momento. Quando fiquei sabendo que a novela das oito seria sobre a Turquia, fiquei com o coração apertado desejando muito que o convite viesse e aconteceu, para minha surpresa. Place Logo em seguida explicaram como seria a personagem? Paloma Sim, eu tive uma conversa com o Schechtman. Ele é um diretor muito inteligente, me deu uma aula de história sobre a Turquia, todo universo da novela, sobre o tráfico humano que é o tema central. Depois me contou sobre a Rosângela, minha personagem. Foi o momento em que fiquei mais feliz porque ele me confiou um personagem diferente de tudo que já fiz na televisão. Costumo dizer que a vilã mor é interpretada por Cláudia Raia, mas meu papel tem umas pitadinhas de vilania. Independente disso, a Rosângela é muito diferente de tudo que fiz, a Mia e a Alice eram doces, tranquilas, meigas, sempre do bem. Essa nova personagem tem sensualidade e uma carga dramática muito tensa.

placecuritiba • nov/2012

Place Como foi seu laboratório? Quanto tempo durou? Paloma Desde fevereiro, quando soube do convi-

26

te, já comecei a ver algumas coisas. Participamos de palestras com famílias que perderam suas filhas, ONGs que abraçam essa causa, delegadas que investigam esses casos. Fui a prostíbulos, assisti a filmes, li diversos livros sobre o tema, pesquisei o cotidiano dessas mulheres, analisei a relação delas com os homens. Tudo que tinha a ver com o assunto eu pesquisei para agregar na minha construção.

Place Possui algum projeto paralelo à carreira de atriz? Paloma Tenho meu espaço cultural chamado Amarte há cinco anos. Ele fica em São Paulo e oferece aulas de dança, música, teatro, artesanato. Minha irmã e minha mãe que tiveram essa ideia e eu abracei junto, pois lá em casa sempre vivemos da arte. Minha mãe e avó dançavam no balé popular de Recife, o famoso frevo.

Place Você se inspirou na sua mãe para seguir a carreira de artista? Paloma Minha mãe sempre me incentivou e como eu vivia com ela, vendo o que fazia, inconscientemente pode ter virado uma inspiração. Desde pequena sempre vi a arte como uma formação. Fiz aulas de dança e teatro. Com quatro anos fiz teste para modelo e passei, assim as coisas foram acontecendo. Depois fui me especializando no teatro, com cursos de interpretação.

Place Você começou com cursos livres de teatro. Então já pensava em ser atriz? Paloma Sim, porque como comecei cedo a fazer testes como modelo já estava habituada com esse universo. Para mim era tudo natural e gostava de brincar com as câmeras. Fotografar era minha brincadeira de criança. Sempre fui focada nas artes, não tinha como ser diferente. Me formei em Rádio e Televisão, porque quando eu quiser produzir tenho formação para isso.

Place Você tem muitas experiências com teatro. Como foi fazer um musical? Qual o maior desafio? Paloma É um aprendizado muito grande. Cantar, dançar e representar exige bastante do ator, foi uma grande experiência. Place Falando um pouquinho de moda. Qual é seu estilo?

Paloma Sou bem eclética para moda. Não fico acompanhando tudo que está acontecendo. Vejo as tendências nos lançamentos, gosto de ir a desfiles, mas não sigo à risca. Depende do dia, do momento, gosto de me sentir bem. Usar algo que me valoriza e fica bom no meu corpo. Place Como é seu cuidado com a beleza? Paloma Gosto de me cuidar, como toda mulher, vou sempre ao salão. Mas não exagero, gosto de usar rímel, blush, e um batom. Tudo depende do lugar que vou. Sou vaidosa na medida certa.


“Fotografar era minha brincadeira de criança. Sempre fui muito focada nas artes, não tinha como ser diferente.”

placecuritiba • nov/2012

27


entrevista

Place Você se preocupa com os paparazzi? Paloma Claro. Se vou para algum lugar que tem paparazzi eu preciso me preocupar com eles (risos). Não me incomodo, mas acho que alguns acabam invadindo a privacidade. Fazer o trabalho deles tudo bem, agora abusar da privacidade e inventar histórias eu não gosto. Mas tem alguns que acabamos até fazendo amizade.

Place O que você não esquece de colocar na bolsa? Paloma Na minha bolsa não falta celular, protetor solar, rímel, batom, perfume, blush, chiclete e carregador de celular.

Place Seu estilo de vida é tranquilo ou agitado? Paloma Estou no meio de tudo (risos). Sou equilibrada, gosto de ficar tranquila, mas tenho minhas atividades agitadas. Gosto de academia, esportes, de ir ao teatro, cinema.

Place Possui algum cuidado alimentar? Paloma Gosto muito de comer, mas acabo me policiando para consumir alimentos naturais e orgânicos. Também não deixo de comer uma massa ou um doce quando sinto vontade, em momentos especiais não me privo de comer.

Place Você mora sozinha. Como é a experiência? Paloma Para mim é super tranquilo, sinto saudade da minha família, mas me viro bem. Cozinho algumas coisas, faço doce de morango com chocolate, massas, lasanha. Gosto de receitas práticas. Não gosto de cozinhar só para mim.

Place Como é a relação com sua família? Paloma Sou muito apegada a ela. Tenho dois irmãos e somos bem unidos. Minhas conquistas devo a minha família, pois sempre me apoiaram em tudo. O bom é que a tecnologia ajuda nessas horas de saudade.

Place O que você mais gosta em São Paulo e no Rio de Janeiro? Paloma Em ambos gosto dos restaurantes e teatros, mas o Rio tem o diferencial das praias.

placecuritiba • nov/2012

Place Atua em projetos sociais ou ambientais? Paloma Sempre apoio, mas nunca participei de forma ativa. Fiz

28

trabalhos voluntários antes de entrar na Globo, com crianças carentes, moradores de rua, idosos. Fazia atividades culturais, era muito prazeroso. Diretamente, a minha relação com sustentabilidade são minhas atitudes como separar o lixo, economizar água e luz. FICHA TÉCNICA p. 24 - Colete Patrícia Vieira; Calca Alberta; Top de couro Cori; Bracelete e brincos Guerreiro p. 27 - Anéis Guerreiro; Blaser Balmain para Nk Store p. 28 - Top Lygia & Nanny; Caleçon Daslu; Cinto de couro Ellus Equipe - Fotos André Nicolau; Edição de Moda Alê Duprat para Abá Mgt; Styling Paulo Zelenka; Produção de moda Aline Zelenka; Make e Hair Erica Monteiro para Abá Mgt


placecuritiba • nov/2012

29


PLACE decoração

Elementos rústicos, naturais e construídos com o reaproveitamento de materiais formam ambientes com requinte e consciência ambiental. Madeira morta

......................................................................................................................................................

A mesa de centro Laguna é feita a partir de uma árvore morta naturalmente. A matéria-prima é retirada do ecossistema de Cabrura, município do sul da Bahia. Quanto: R$ 3.790 / Onde: Trend Casual

Maleta

....................................................................................................

Item decorativo que pode ser usado para esconder objetos e evitar bagunças na casa, a maleta é feita de fibra natural e importada da Tailândia. Quanto: R$ 192 / Onde: Les Tulipes

Pixie Brown .....................................................................

A menor máquina de café da Nespresso apresenta vibrantes painéis laterais feitos com 98% de cápsulas de Grands Crus recicladas. O consumo de energia é 40% menor do que a média das máquinas e possui desligamento automático após 9 minutos de inatividade. Quanto: R$ 695 / Onde: Nespresso

Abajur

placecuritiba • nov/2012

.........................................................................

30

O abajur com cúpula de tecido e base em madeira de demolição traz conforto e um leve toque rústico aos ambientes internos. Quanto: R$ 1.393 / Onde encontrar: Studio Casa


Banco Onda

....................................................................................................

Confeccionado em madeira de demolição, especificamente peroba, o banco traz formas orgânicas que lembram a movimentação das águas. Quanto: R$ 1.970 / Onde: Galeria das Lonas

Tapete Otto

Poltrona de Piquiá

...........................................................................................................................................................................

Com base em lã pura, o tapete Otto é resistente e duradouro, suas fibras são elásticas e flexíveis. Os desenhos, construídos de forma artesanal, são na cor preta e esculpidos em alto relevo. Quanto: R$ 1.200 / Onde: Tecer Tapetes

....................................................................................................

Gabriel Arantes

Poltrona recortada de uma tora de madeira descartada. Modelo exclusivo, higienizado e tratado, próprio para decorar áreas externas ou internas. Quanto: R$ 4.310 / Onde: AM Ambientes

placecuritiba • nov/2012

31


morar mais 2012

Muito mais que sustentabilidade A Mostra Morar Mais por menos aposta em luxo com soluções criativas e sofisticadas

placecuritiba • nov/2012

L í v i a Z e f er i no e cam i la d i as

32

a

mbientes sustentáveis, modernidade, luxo e sofisticação são características da Mostra Morar Mais por Menos Curitiba, já na sexta edição. O diferencial de cada ambiente é oferecer um conceito sustentável, porém funcional, prático e com muito luxo. A mescla de

materiais nobres com elementos reaproveitados, reciclados e sustentáveis é a grande aposta, através da mistura de todos esses itens, a mostra comprova que é possível obter um resultado requintado, de bom gosto e com um custo reduzido. A transformação de elementos, que muitas vezes são

jogados fora, foi exposta com ousadia e determinação pelos profissionais da mostra ao usarem da criatividade para explorar todos esses itens sem deixálos destoar do restante. Alguns bons exemplos são os caixotes lixados e envernizados que se transformaram em um armário, prendedores de roupa e potes


Marcelo Stammer

“Isso é possível através da harmonização de elementos customizados e industrializados, além da mistura de peças acessíveis, sustentáveis e sofisticadas. E esse é o principal diferencial dos projetos da Morar Mais”, Gil Ferrucci e Léo Pletz, da AExpo Exposições de Arquitetura, licenciados locais da mostra

Luminotécnica da Casa

Detalhes do evento O evento acontece em um casarão no bairro Alto da XV. Ele foi construído nos anos 40,

Léo Pletz, da AExpo Exposições de Arquitetura. Tudo isso sem deixar de lado os conceitos de sustentabilidade, brasilidade e tecnologia, já consagrados pelo evento.

Destaques Um dos diferenciais do evento são as atrações musicais e um simpático bistrô que será o local de encontro para colocar o papo em dia, apreciar uma bela gastronomia e interagir com todos os visitantes. Outro destaque é a possibilidade de comprar um passaporte de preço único que permite a volta à mostra quantas vezes o visitante quiser. A transparência e o respeito aos consumidores são outros pontos da Morar Mais que têm conquistado os visitantes. Em todos os ambientes existe um quadro descrevendo detalhadamente os itens utilizados na decoração, com o respectivo fornecedor e preço.

placecuritiba • nov/2012

de geleia funcionam como elementos decorativos, troncos de árvores são utilizados como base para mesa e bancos e pneus encapados viram puffs.

e possui 2.000 metros quadrados de área externa com muito verde e 750 metros quadros de área interna. São 42 ambientes assinados por mais de 50 profissionais, dentre arquitetos, designers e paisagistas. Um dos principais objetivos da mostra é o conceito de sofisticação acessível. O custo-benefício aliado ao bom gosto e à sofisticação pode ter um resultado surpreendente. O luxo acessível nada mais é do que a inclusão de produtos sofisticados com alta qualidade e design na decoração, sem a obrigatoriedade de altos investimentos, mantendo a realidade de mercado. “Isso é possível através da harmonização de elementos customizados e industrializados, além da mistura de peças acessíveis, sustentáveis e sofisticadas. E esse é o principal diferencial dos projetos da Morar Mais”, explicam os licenciados locais da mostra, Gil Ferrucci e

33


morar mais 2012 Marcelo Stammer

34

Cor não faltou no ambiente da arquiteta Calina Mussi, que desenvolveu um espaço charmoso, criativo com muito luxo e sofisticação. Quem deseja chegar em casa e ter um espaço para relaxar, conversar com a família, assistir a um bom filme, ler um livro, escutar música, a sala projetada pela arquiteta é ideal para esses momentos. O ambiente mexe com os sentidos e a imaginação dos visitantes. Cada detalhe tem seu valor individual. Tudo foi pensando para que cada pessoa que entrar não sinta vontade de sair e possa se sentir acolhida e relaxada. Em 27 metros quadrados predomina

o estilo contemporâneo com um toque retrô. Os sofás e poltronas são Italsofa, vendidos com exclusividade na loja Ton Sur Ton, parceira que deixou o ambiente ainda mais convidativo e sofisticado. A arquiteta valoriza a brasilidade com alegria e tons vibrantes em móveis, objetos e revestimentos. Cores como azul turquesa e coral saltam do mundo da moda diretamente para compor o espaço. A arte, utilizada como impacto visual, é o destaque principal do ambiente. Uma das paredes foi revestida por um painel pintado por uma artista plástica, que reconforta o olhar e energiza o ambiente com

cores vibrantes. A lareira ecológica reafirma a sustentabilidade e, alimentada pelo tradicional álcool líquido, produz uma chama natural capaz de aquecer ambientes de até 35 metros quadrados. Principais parceiros: Ton Sur ton e ItalSofa. Gerson Lima

placecuritiba • nov/2012

Sala da Lareira

Calina Mussi


Bruno Kirilos

Quarto do casal Principais parceiros: Masotti Móveis; Gessolar Mercês; Art Fire lareiras; Casanova Mercês; Goya Revestimentos; Grey House Iluminação; S|R Luxo Arte em Estamparia; Personale Colchões, Plotomax e Bernek materiais em MDF.

Carla Gil Heller e Fernanda Gil Heller

placecuritiba • nov/2012

com a plotagem de desenhos exclusivos da artista plástica Simone Trombini Costa na parede e a iluminação indireta - criam um cenário aconchegante e agradável para o dia a dia do casal. Alguns destaques, como o revestimento em linho na cabeceira da cama, a lareira a álcool e o piso original de tacos, que foi recuperado, conferem sofisticação ao ambiente, garantindo o bem-estar juntamente com a iluminação indireta em LEDS, que reafirmam a sustentabilidade de alguns materiais.O design clássico é facilmente vislumbrado na releitura das mini-cômodas nas laterais da cama.

Manoel Guimarães

Um quarto moderno, confortável e funcional é o ambiente da designer de interiores Carla Gil Heller e de sua filha, a arquiteta Fernanda Gil Heller. Em 27 metros quadrados as profissionais uniram charme, ousadia e tendências em cores e materiais. O estilo utilizado foi contemporâneo, com linhas simples valorizadas por elementos de marcenaria e iluminação. Tons neutros e amadeirados, como o bege, contrastam com o bordô presente em alguns móveis, como as cômodas e mesas de cabeceira. As tiras sobrepostas de MDF – que vão da cabeceira da cama até o teto – mescladas

35


morar mais 2012

Marcelo Stammer

36

Nada melhor que abrir o seu quarto e ter a bela vista de uma varanda. Hoje os espaços alternativos da casa são muito requisitados e explorados pelas famílias. Uma varanda recheada de plantas, cadeiras aconchegantes e mesas para tomar café se torna um ambiente confortável e com muito estilo. Pensando nesse conceito, os arquitetos Filipe Bender Almeida e Karla Bender Almeida, projetaram uma varanda com espaço amplo e agradável, pensado para o convívio social. Com 25 metros quadrados, o ambiente oferece muita comodidade e interação. O estilo escolhido pelos arquitetos foi contemporâneo misturado com o rústico, onde o deck pro-

duzido com madeira e plástico, totalmente reciclável, combina com o paisagismo e o mobiliário. Uma combinação harmoniosa que exalta o estilo brasileiro. Para os arquitetos, a busca pela simplicidade através do visual e da liberdade de se possuir um espaço para o relaxamento, a reflexão e a integração foram os conceitos chave para definir o projeto. Foram utilizados diversos materiais sustentáveis misturados a elementos que proporcionam conforto e sofisticação. O luxo está presente desde a escolha dos adornos, dos móveis de design assinado e das luminárias da Grey House Iluminação. O paisagismo atemporal destaca o local e

oferece bem-estar para todos. Principais parceiros: Ala Marcenaria; Bali Design, Campestre Flores; Espaço Goya; Floricultura Santa Felicidade; Global Solutions; Grey House Iluminação; Perfil Cortinas; Raffinato; Toque de Vidro e vzK2. divulgação

placecuritiba • nov/2012

Varanda

Karla Bender Almeida e Filipe Bender Almeida


Marcelo Stammer

Sala de Jantar e Cristaleira râneo e revestida de camurça, compõe um visual harmonioso com as cortinas de linho e veludo, enquanto outra, com estilo clássico, braços e encosto revestidos em seda e detalhes em capitonê, referencia um ícone do design de interiores. Cores neutras mescladas com o preto nos móveis conferem estilo ao espaço, assim como a composição de quadros na parede e o painel formado

por espelhos reaproveitados. Uma grade de metal antiga, adquirida em um ferro velho e restaurada, forma uma divisória entre a sala e a Cristaleira que conta com 9,20 metros quadrados. Uma estante com espelhos ao fundo e portas de vidro expõe os cristais, enquanto um móvel em laca preta comporta uma bandeja e objetos de decoração, funcionando tanto como um bar como um aparador.

placecuritiba • nov/2012

Uma mistura de estilos, cores e texturas resultou nos ambientes desenvolvidos pela arquiteta Carolina Portes, a Sala de Jantar e a Cristaleira. Na sala, de 15 metros quadrados, as modernas cadeiras são o principal destaque. As peças têm o mesmo tom, mas os estilos e revestimentos são diferentes. A intenção ao misturar os tecidos foi explorar diferentes texturas. Uma das cadeiras, em estilo contempo-

37


morar mais 2012 Marcelo Stammer

placecuritiba • nov/2012

Banheiros Funcionais

38

Os Banheiros Funcionais da Morar Mais foram projetados buscando praticidade e conforto pelas arquitetas Flávia Egg Bonet e Roberta Curi Bonet. Com 13 metros quadrados de área as profissionais criaram espaços femininos e masculinos. Aconchegante, romântico e de estilo contemporâneo, o banheiro

feminino conta com uma parte privativa, que comporta os sanitários e lavatórios, e também possui um local para que as mulheres possam descansar, conversar e esperar as amigas em confortáveis poltronas. Com foco em um público variado, o espaço foi elaborado pensando na funcionalidade. O

conceito do projeto traduz uma mulher jovem, moderna e prática. Para o banheiro masculino, o tema inspirador foi a neutralidade. Cores sóbrias compõem o ambiente. Na parede, revestimentos cerâmicos semelhantes a um papel de parede e artigos de artistas plásticos locais proporcionam charme e sofisticação.


Marcelo Stammer

Pergolado AM cado. São 25 metros quadrados pensados para conferir conforto e bem-estar a quem aprecia estar junto à natureza. O grande destaque do ambiente é a utilização de peças em madeira, que produzem um belo efeito com outros itens atemporais da decoração. O pergolado de design contemporâneo, da AM Ambientes,

construído com madeiras devidamente tratadas e certificadas, proporciona um ar rústico e refinado ao espaço, enquanto a base da mesa e o banco, feitos com troncos de árvores, dão estilo e aquecem o ambiente. O toque de brasilidade fica por conta da floreira, do vaso e das almofadas em linho com desenhos de palmeiras.

placecuritiba • nov/2012

A inspiração que guiou a designer de interiores Luciana Baggio para conceber o ambiente Pergolado foi sua infância, quando passava férias na fazenda, onde aprendeu sobre o cuidado e o respeito à natureza. No espaço, o rústico se mescla harmoniosamente e de forma despretensiosa ao estilo sofisti-

39


PLACE news

Lançamentos, destaques e novidades Mauro Campos

Carolina Pessoa

Seja o que deseja - Uma nova fase se inicia para Gisele Busmayer, que após cursos no Brasil e exterior, assumiu um novo título: designer de imagem. Assim como na arquitetura, a profissional continua trabalhando formas e cores, mas agora de forma mais humana, pois suas criações são voltadas para pessoas. Por meio de um estudo físico e também comportamental, ela orienta os clientes no desenvolvimento de suas imagens, indicando desde as melhores roupas e acessórios para que cada um transmita exatamente aquilo que deseja.

Euro Import recebe pilotos do MINI Challenge - O diretor do grupo UAB Motors, Ricardo Cunha Pereira, e o diretor da Euro Import, Pedro Prosdócimo, receberam convidados para um descontraído happy hour na concessionária Euro Import MINI. O motivo do encontro foi receber na cidade os pilotos da disputada MINI Challenge Cup, que estiveram em Curitiba para correr na etapa de encerramento da mais charmosa categoria do automobilismo brasileiro, realizada em outubro. Na foto: o ex-piloto Ingo Hoffmann prestigiou o evento.

placecuritiba • nov/2012

divulgação

Fernando Smak

40

Tecnologia em um clique - O que você faz através do seu smartphone? Check in de viagens, compras e até negócios são fechados ao alcance das mãos. A Hotfloor, pensando em oferecer ainda mais comodidade, criou a versão Mobile do site da empresa. Um produto voltado para um público acostumado a ser bem tratado, tem que estar em sintonia com a realidade deste. Através do Hotfloor Mobile é possível conhecer a linha de produtos, curtir a página no Facebook e, com apenas um clique, acessar o localizador que direciona para o endereço do showroom. Com um layout elegante e uma comunicação conforme essa plataforma exige, a empresa garante que o exigente público vai adorar a novidade. Acesse o QR Code e confira:

Treinamento personalizado - Para alcançar objetivos, muitas vezes é preciso mais do que vontade. Existem métodos capazes de potencializar o sucesso na obtenção de resultados, como o Life Coaching. “É um processo de confronto da pessoa com ela mesma, no qual ela se percebe responsável por suas ações e consegue otimizar seu desempenho”, define a Life Coach, Cibele Nardi. Os temas mais comuns são autoestima, relações interpessoais, relacionamentos conjugais e com filhos, planejamento de gravidez, gestão financeira, qualidade de vida e saúde.


placecuritiba • nov/2012

41


projetos

Uma bela casa, um belo vilarejo Dentro de uma chácara a residência é referência de estilo e conforto

placecuritiba • nov/2012

L í v i a Z e f er i no

42

f o t os P a t r i c i a L i on


m

orar em um lugar tranquilo, com belas paisagens e vegetação é o sonho de muitas pessoas que migram para regiões mais afastadas dos centros urbanos a procura de espaço, natureza e tranquilidade. Uso de madeiras, árvores e iluminação natural podem trazer ao projeto traços sustentáveis. O projeto desenvolvido pelos arquitetos Fernando Caldeira de Lacerda, Bernardo Richter e Pedro Amin Tavares, mostra exatamente que uma residência pode ser totalmente sustentável sem perder estilo e luxo. Construir uma casa dentro de uma chácara foi o grande desafio para os profissionais. Os espaços foram aproveita-

dos e otimizados para oferecer funcionalidade e conforto aos moradores. A Casa Vila, assim chamada carinhosamente, tem aproximadamente 207 metros quadrados e está localizada em São José dos Pinhais (PR). A linha arquitetônica adotada foi uma mistura dos estilos contemporâneo e rústico.

Desafios do projeto Para Bernardo, a principal dificuldade do projeto foi atender às necessidades do cliente para que a residência pudesse ser prática e funcional. Os cômodos deveriam ter a vista para a chácara, capela e iluminação do sol. Analisando o local, os arquitetos viram a dificuldade em fazer uma única casa para atender a esses pedidos. Assim

arquitetos Bernardo Richter, Pedro Amin Tavares e Fernando Caldeira de Lacerda

Escolhas Sustentáveis Bernardo explica que sustentabilidade não é só usar aquecimento solar, reaproveitamento de água ou jardins verdes. Ser sustentável requer diversas práticas que começam nos primeiros riscos desenhados no papel. Os arquitetos contam sobre a escolha da madeira, essencial no projeto sustentável por ser um recurso renovável, com processo de manejo desde o cultivo, corte, transporte e distribuição, emitindo uma quantidade de dióxido de carbono menor que qualquer outro material de construção. O uso do Wood Frame também torna a construção mais rápida e eficiente, com economia de energia elétrica, água e geração de muito menos lixo. A casa vila foi fragmentada em casas menores a fim de otimizar a orientação solar. A fragmentação também permitiu facilitar a ventilação cruzada, diminuindo o uso de ar condicionado no verão.

placecuritiba • nov/2012

“Para ligar todas as casas foi criada a sala de jantar em um espaço de vidro que recebe a iluminação natural.”

surgiu a inspiração de alguns projetos japoneses, e foi criada uma espécie de vilarejo. “São três casas em uma. Na primeira fica a sala de estar, na segunda, a cozinha e a lavanderia e na terceira casa ficam os quartos e banheiros. Para ligar todas as casas foi criada a sala de jantar em um espaço de vidro que recebe a iluminação natural”, detalha Pedro. Fernando conta que o projeto foi ousado pela sua simplicidade e riqueza de detalhes em madeira, vidros e verdes. “Cada casa fica posicionada para ter uma visão diferente. Os quartos estão na posição norte para receber a iluminação do sol, a sala de estar está posicionada para ter a visão da capela e a sala de jantar para a vista geral da chácara”, revela Fernando.

43


interiores

Naturalidade e Simplicidade

Ambientes com detalhes sustentáveis atraem cada vez mais um público que se preocupa com o meio ambiente L í v i a Z e f er i no

c

riar projetos com estilo e sofisticação é uma tendência da arquitetura. Cada vez mais os ambientes se destacam pela comodidade e harmonia que oferecem, sem falar na mistura de estilos que prevalece em muitos projetos atuais. O clássico, o moderno e o contemporâneo se fundem trazendo ainda mais charme aos espaços. Dentro das diversas temáticas possíveis de serem trabalhadas,

placecuritiba • nov/2012

44

Cores e amadeirado Para a arquiteta Karla Obeid

a madeira é um dos elementos mais utilizados no assunto, porém todo cuidado é pouco na hora de decorar o ambiente para não deixá-lo carregado e sem vida. Na sala de estar o chão recebeu porcelanato claro em toda sua extensão, em composição com as cortinas que, somadas ao uso do espelho, trazem um aspecto amplo, além de auxiliar na iluminação do espaço. O vidro utilizado na mesa de jantar traz leveza e transparência ao ambiente. Marcelo Stammer

Projeto de sala de estar da arquiteta Karla Obeid

os arquitetos exploram aquilo que atende às necessidades dos moradores da nova residência. Atualmente, o que muitos buscam é a sustentabilidade dentro do lar, mesmo que em detalhes. O objetivo é utilizar materiais como a madeira, não de forma agressiva, mas sutilmente a fim de criar ambientes luxuosos, homenageando a natureza.


Projeto de living room da arquiteta Deborah Roig

Os tons terrosos se incorporam na tonalidade do papel de parede e também na textura utilizada nos móveis, dando destaque ao home theater, com os objetos de decoração que foram minuciosamente escolhidos em tons de azul. Como destaque, a iluminação segmentada permite brincar com cenários, pontuações charmosas e funcionais, dependendo da ocasião.

utilidade, ganham uma nova função através da criatividade dos profissionais. A prioridade é para o uso de materiais regionais, pois evitam o gasto financeiro e energético com transportes e instalações complexas. Um dos itens que se destaca no ambiente é a mesa de centro, uma tora que, feita a partir da madeira de uma árvore que caiu naturalmente, exibe irregularidades e rachaduras que a

tornam única. Os materiais sustentáveis seguem um estilo rústico e na hora de decorar a casa vale lembrar que a rusticidade traz o aconchego, mas também pode deixar o ambiente pesado. A utilização de um mix de estilos que iclui peças contemporâneas e clássicas estimula e convívio e desperta os sentidos e o prazer da contemplação.

placecuritiba • nov/2012

Para a arquiteta Deborah Roig, a sustentabilidade é a capacidade que o ser humano tem em interagir com o mundo, preservando o meio ambiente sem comprometer os recursos naturais das gerações futuras. “Dentro da arquitetura, sustentabilidade é saber integrar responsabilidade ambiental, energética, social e econômica em um projeto residencial ou comercial”, afirma. No ambiente living room foi destacado o princípio ecológico de reutilização, materiais que seriam descartados, ou seja, sem

fotos: divulgação

Composição de verdes

45


business

divulgação

Engenharia sustentável Importada da Alemanha, tecnologia Wood Frame traz inovação e sustentabilidade ao setor de construção civil

C am i la D i as

46

madeira, elas têm qualidade e proporcionam tanta segurança quanto uma casa de tijolos e concreto”, explica Caio.

Tecnologia As estruturas de Wood Frame são formadas com madeira de reflorestamento certificada pelo IBAMA, recebem tratamento contra cupins e umidade e são preenchidas com isolamento acústico e térmico, além de lâminas de acabamento que permitem a fixação de móveis ou painéis decorativos. Por serem produzidas em fáPierre Metivier

placecuritiba • nov/2012

a

preocupação com o desperdício e a falta de agilidade nos processos de construção civil foi o primeiro impulso para o empresário Caio Bonatto e seus sócios criarem a empresa Tecverde Engenharia. “Nosso desafio foi tornar o setor da construção civil mais industrializado e sustentável”, conta Bonatto, que também é diretor geral da empresa. Antes de sua implantação em Curitiba, em 2010, a Tecverde fez uma parceria com o Ministério da Economia de Baden Wurttemberg, na Alemanha e, com apoio da FIEP, SENAI e outras 34 empresas, conseguiram a transferência da tecnologia Wood Frame para o Brasil. Com a empresa formada e a fábrica capacitada para a produção, os sócios-proprietários se depararam com um imprevisto: os bancos não financiavam casas com madeira em sua estrutura, regulamentação que já conseguiram alterar. “Nós provamos para os bancos e seguradoras que as casas em Wood Frame não eram simples casas de

Caio Bonatto recebe o prêmio Hermès na França

bricas, em comparação com o processo tradicional de construção, além do prazo de entrega menor, essas casas reduzem a geração de resíduos em até 85% e as emissões de CO2 em até 80%.

Destaque em inovação Em maio deste ano, a Tecverde foi a mais jovem empresa a receber o Prêmio Hermès de inovação, na França. Em setembro, A ONU (Organização das Nações Unidas) premiou o Escritório Verde, da Universidade Tecnológica do Paraná (UTFPR), projeto que teve construção da Tecverde e abriga o Centro Regional de Integração de Expertise em Educação para a Sustentabilidade (CRIE-Curitiba). Outra novidade é o desenvolvimento de um núcleo de sustentabilidade ao lado do Senai. Com estrutura de 200 metros quadrados construída em Wood Frame, o empreendimento será usado para desenvolver e lançar tecnologias ecologicamente corretas no mercado.


placecuritiba • nov/2012

47


economia

Recursos valorizados Grandes centros comerciais são alvo de marcas de luxo sem deixar de lado projetos ecologicamente corretos

C am i la D i as

Namba Parks, em Osaka/Japão

placecuritiba • nov/2012

u 48

m dos precursores em aliar consumo e sustentabilidade é o shopping center Namba Parks, em Osaka, Japão. Construído no terreno de um antigo estádio de beisebol, o empreendimento tem jardins dispostos em um terraço de oito níveis, seu design forma penhascos, lagoas e até cachoeiras em meio a diversas lojas e um centro comercial. Priorizar a iluminação e a ventilação naturais em grandes empreendimentos é uma tendência

que, movida pela necessidade de economia e valorização de recursos, se estabeleceu fortemente também no Brasil. Em São Paulo, um bom exemplo é o Cidade Jardim, conhecido por concentrar diversas e luxuosas marcas internacionais, o shopping conta com aberturas centrais que permitem a circulação de ar nos corredores, assim, dispensa o uso de ar condicionado e reduz o consumo de energia elétrica. Outro detalhe é a presença de um telhado verde, que contribui para o resfriamento do prédio.

Em Curitiba Além do eixo Rio-São Paulo, Curitiba virou destino de marcas que expandiram seus horizontes e enxergaram o potencial da cidade. A capital paranaense é a segunda com a maior concentração de domicílios classe A do Brasil e apenas no bairro Batel estão 73% dos consumidores dessa classe, um dos motivos que atraiu empresas como Luis Vuitton, Carolina Herrera e a joalheria Tiffany & Co. a investirem no Pátio Batel, empreendimento do Grupo Soifer orçado em 280


milhões de reais, que será inaugurado em março de 2013. Com outros quatro shopping centers no Brasil, o objetivo do grupo ao executar o projeto do Pátio Batel foi, além de apostar em um mix de lojas para todos os públicos, trazer operações exclusivas para a região Sul. Grandes marcas nacionais e internacionais exigem um alto nível de qualidade e comprometimento antes de aplicarem seus investimentos, como explica a gerente de Marketing do novo shopping, Sonia Marques: “o potencial de consumo da cidade foi comprovado, mas não adiantaria ter apenas isso sem um projeto como o Pátio Batel, que deu condições para essas marcas se estabelecerem ali de uma forma coerente com o que desejam, tanto do ponto de vista do posicionamento de marca como de mercado.”

Sustentabilidade A estrutura do empreendimento, que terá nove pavimentos verticais e 29.700 metros quadrados de ABL (Área Bruta Locável), oferece soluções pensadas para economizar recursos. Uma estação de tratamento de efluentes será responsável por capacitar a reutilização de água, que também será captada através das chuvas e utilizada para irrigar as áreas verdes e o bosque existente nos fundos do shopping. O sistema de ar condicionado terá água refrigerada durante a noite e a madrugada, quando a demanda por energia na cidade é menor. “A água é gelada durante esse período e evita o consumo de energia nos horários de pico. São 2 milhões de litros de água armazenados para manter o sistema funcionando durante o dia”, conta Eu-

gênio Reichmann, engenheiro civil responsável pela obra. Outros diferenciais do projeto incluem fachadas externas revestidas com pedras naturais. Chamadas de fachadas ventiladas, essas estruturas criam um espaço entre a parede externa e a parede de pedras. A camada de ar concentrada nesse espaço promove isolamento térmico tanto no verão como no inverno e economiza energia, assim como as grandes áreas abertas e os vidros duplos da cobertura, estruturas que priorizam a iluminação natural em todos os pisos e, ao mesmo tempo, evitam o calor nos dias muito quentes. “São medidas que se tornam inovadoras ao serem utilizadas em projetos como esse, em grande escala”, completa Reichmann.

Perspectiva do Shopping Pátio Batel, Curitiba

placecuritiba • nov/2012

49


Melissa Mussi Coluna

UPtown

Gerson Lima

Gerson Lima

O cenário da arquitetura e do design vive seu apogeu. A relevância dos assuntos ligados a essas artes fazem do setor um dos mais glamurosos, originais e conceituais do momento. Confira os nomes que ajudam a definir tendências no viver e morar dos curitibanos, nas mais badaladas festas do segmento, na capital.

20 anos de Sucesso - O escritório curitibano Lupatini Lima Ramos Arquitetos Associados celebrou seus 20 anos em grande estilo. Na foto, a Miss Curitiba 2011 e cliente do escritório, Laís Follador foi recebida pelos sócios Carlos Lupatini, Gabriela Accorsi e Bianca Lombardi.

Gerson Lima

placecuritiba • nov/2012

50

Gerson Lima

Gerson Lima

Design e Sofisticação O arquiteto Luiz Maganhoto e o designer Daniel Casagrande estrelaram o Giro de Decoração da revista Casa Vogue. Eles receberam a empresária Katja Guimarães durante o coquetel de lançamento da publicação.

Falando sobre luz - Arquitetos e designers participaram do workshop promovido pela Grey House Iluminação com o tema LED. Na foto, a anfitriã Adriana Sypniewski recepcionou as arquitetas Carolina Mehl e Larissa Schnekenberg.

Preview inovador - A empresária Eviete Dácol recebeu convidados para o lançamento do Preview da Coleção 2013. Na foto, a anfitriã, Eviete Dácol (no centro), com as arquitetas Eliana Cunha e Renata Mueller.

Supremo Luxo - A Construtora San Remo abriu as portas do apartamento decorado do empreendimento Palazzo Lumini, no Ecoville. Na foto, o diretor da Construtora, João Carlos Perussolo e a diretora de marketing Aline Moritz Perussolo, celebram o sucesso da iniciativa.


placecuritiba • nov/2012

51


PLACE health

Primavera de

alergias

c

placecuritiba • nov/2012

om a chegada da primavera e do verão, os dias ficam mais limpos, o tempo começa a esquentar e muitas pessoas, como o empresário Pedro Fuentes Dias, não param de espirrar. “É o pólen”, Pedro explica depois de 12 espirros seguidos. Diagnosticado com uma rinite alérgica sazonal, ele buscou um tratamento homeopático que já aliviou seus sintomas em temporadas passadas. “Se o clima está seco é pior, já cheguei a ter crises de 100 espirros”, desabafa. Durante a estação das flores ocorre a polinização das plantas, processo em que os grãos de pólen são carregados por diversos meios, como o vento ou insetos, e a probabilidade

52

de penetrarem nas vias respiratórias se torna muito maior que em outras estações. Além disso, aparecem as oscilações de temperatura e o tempo fica mais seco, deixando o sistema imunológico dos alérgicos ainda mais exposto a doenças.

Alergia sazonal A alergista e imunologista Adriana Schmidt explica que a rinoconjuntivite alérgica, também conhecida como febre do feno, é uma alergia sazonal ou primaveril, afeta muitas pessoas nesta época do ano e não pode ser evitada, pois é impossível fugir dos causadores: os polens que estão no ar, principalmente quando o clima fica mais seco. “É comum as alergias aparece-

Alergias sazonais causadas pelo pólen não podem ser evitadas, mas os sintomas podem ser amenizados com tratamentos homeopáticos e convencionais C am i la D i as

rem antes mesmo de setembro e durarem até o fim do ano. Os sintomas ficam mais evidentes, pois no Brasil não temos o hábito de ficar com o ar condicionado sempre ligado ou utilizar filtros purificadores de ar, além da população apreciar atividades ao ar livre quando o clima está mais quente”, diz. Schmidt afirma ainda que o alérgeno é muito leve e por isso se espalha rapidamente. Segundo a alergista, o paciente que sofre de rinoconjuntivite alérgica apresenta prurido nos olhos e narinas, tem crises de espirros, nariz trancado, coriza, olhos vermelhos, inchados e às vezes lacrimejantes, sintomas que podem ser tratados de acordo com cada caso.


Tratamentos O tratamento convencional das alergias é feito dependendo da sensibilização confirmada por testes. Os medicamentos utilizados, segundo a Dra. Adriana Schmidt, são anti-inflamatórios de uso tópico, instilados nas vias nasais, e, se necessário, deve-se medicar também os olhos. “O tratamento pode ser feito com derivados de corticoides de última geração, sem absorção sistêmica e que não causam efeitos colaterais, têm uma atuação local apenas na redução das reações inflamatórias alérgicas”, complementa. Outra alternativa para quem quer amenizar as reações alér-

gicas primaveris é o tratamento homeopático. Com medicamentos feitos a partir de substâncias naturais manipuladas, a receita correta depende da variação dos sintomas de cada paciente. Segundo o médico homeopata Marco Antônio Bessa, apesar de compartilharem o mesmo agente causador das alergias, no caso, o pólen, os sintomas que cada pessoa apresenta são diferentes. “Alguns pacientes podem ter mais coriza ou desenvolver uma conjuntivite, enquanto outros podem apenas sofrer com os espirros, por isso cada caso deve ser analisado antes de receitarmos a medicação”, explica Bessa.

Índice polínico O pólen que mais causa alergias é proveniente de gramíneas, presentes em pastagens, campos e bosques. Para os alérgicos que viajam frequentemente, a boa notícia é que algumas organizações europeias oferecem um alerta à população durante as épocas de maior quantidade de pólen no ambiente. É o caso da Rede Portuguesa de Aerobiologia (RPA) e da Sociedade Espanhola de Alergologia e Imunologia Clínica (SEAIC), que passaram a medir e divulgar o índice polínico nas principais cidades de Portugal e da Espanha. Os resultados dessas medições podem ser consultados nos websites das entidades e através dos aplicativos Alergo Alarm (Espanha), que pode ser baixado gratuitamente, e POLLENS (Portugal), disponível por 0.99 dólares na App Store.

“Alguns pacientes podem ter mais coriza ou desenvolver uma conjuntivite, enquanto outros podem apenas sofrer com os espirros, por isso cada caso deve ser analisado antes de receitarmos a medicação.” Marco Antônio Bessa

placecuritiba • nov/2012

53


beleza

Cabelos explorados no verão Penteados, tons e cortes podem deixá-la ainda mais bonita na próxima estação

placecuritiba • nov/2012

L í v i a Z e f er i no

54

f o t os g u s t avo s g u i ssard i


a

s festas de final de ano estão chegando e com elas o desafio de estar com os cabelos e o look impecáveis. A dúvida é sempre o que vestir, quais os melhores tons. Já para os cabelos os questionamento vão desde a cor até o penteado. Algumas dicas ajudam nessas horas, lembrando que o importante é estar a vontade e confortável consigo mesma. Para as mais clássicas, um vestido com cor única e corte que valoriza as costas é uma boa pedida. O penteado ideal para compor o estilo é um preso ou semipreso para dar destaque ao detalhe atrás. O cabelo preso pode ser composto de coque, tranças, como também de penteados mais ousados. Para quem gosta de um estilo moderno, um look com cores fortes em uma saia e uma blusa de seda pode ser combinado tanto com cabelos soltos como presos. Para o hairstylist Wanderley Nunes, a mulher preci-

sa definir seu look para depois procurar um penteado que valorize seu rosto e seu visual.

Apostas para o verão

los curtos podem ousar de outra forma, a maquiagem é um bom exemplo disso”, conta.

Penteados para festas

Wanderley revela que a tendência para o verão são os cabelos de tamanho médio com tons puxando para o loiro dourado. “A própria estação favorece o loiro, porém todo cuidado é pouco para não exagerar na tonalidade. O ideal é sempre buscar a naturalidade para os fios”, explica Wanderley. Para definir um penteado ideal é importante identificar o que fica bem para o formato de cada rosto, quais estilos valorizam os traços certos. O hairstylist acredita que a mistura brasileira traz cabelos muitos diferentes uns dos outros, fazendo com que cada mulher tenha sua própria personalidade e cabelos especiais. “Os cabelos longos ou médios, ajudam muito para fazer um penteado mais elaborado, porém as mulheres que têm cabe-

O volume e a naturalidade estão em alta. Mesmo para os penteados a tendência é explorar ondas e os semipresos. Wanderley Nunes mostrou algumas de suas apostas em estilos para esse verão. Um deles é preso inteiro, como se fosse um grande arco, esse penteado valoriza o colo da mulher e a deixa charmosa para qualquer festa de final de ano. Já o semipreso, como se fosse um rabo colocado na lateral é mais elegante e próprio para um jantar de gala. O outro semipreso, para quem gosta de ousar mais, traz detalhes que parecem nós feitos com o próprio cabelo. Depois de elaborados, a praticidade dos penteados é garantida. Segundo Nunes, eles duram a noite toda sem precisar de retoques.

Wanderley Nunes

placecuritiba • nov/2012

“A própria estação favorece o loiro, porém todo cuidado é pouco para não exagerar na tonalidade. O ideal é sempre buscar a naturalidade para os fios.”

55


Igor Andrade Coluna

vidaativa

Sustentabilidade sobre duas rodas!

p

edalar é, sem dúvida, muito mais do que uma prática de lazer ou uma atividade física e hoje adquire status de uma das mais importantes práticas sustentáveis. Grandes centros urbanos como Paris, Amsterdã, Chicago, Buenos Aires e Rio de Janeiro já possuem políticas que incentivam essa prática, que vai muito além da instalação de ciclovias.

É preciso criar uma atmosfera favorável ao uso das bicicletas, educando a população e os motoristas. A ação de maior impacto seria deixar bicicletas à disposição dos cidadãos nos maiores centros urbanos. Na minha última viagem ao Rio de Janeiro tive a oportunidade de experimentar o Bike Rio. Um projeto incrível no qual você tem a opção de se locomover pela zona sul da cidade somente usando as bicicletas. Por

dia de uso há uma taxa cinco reais, ou de 10 reais por mês, com direito a retirar uma bicicleta em uma das estações e devolvê-la em qualquer outro ponto, tudo isso fazendo somente uma ligação telefônica ou usando um aplicativo para celular. Curitiba é uma cidade que respira sustentabilidade e espero poder, o quanto antes, ver a implantação de um projeto como esse em nossa cidade. O trânsito e nossa saúde agradecem!

CONECTE-SE Participe desta coluna e escreva como a atividade física trouxe mais qualidade e saúde para sua vida. Escreva para professorigorandrade@gmail.com

placecuritiba • nov/2012

Saiba mais informações sobre o Bike Rio:

56


placecuritiba • nov/2012

57


dieta do mês

Dieta inspirada nos costumes indianos A Medicina Ayurveda equilibra corpo e mente com alimentos saudáveis e foco na digestão L í v i a Z e f er i no

placecuritiba • nov/2012

a

58

ciência ayurvédica utiliza os temperos e especiarias como remédios. Além de acrescentarem sabor ao alimento, eles contêm agentes curativos, possuem propriedades anti-inflamatórias e anticancerígenas, além de facilitarem a digestão e trazerem benefícios ao coração. Para a escolha dos alimentos que farão parte da dieta, além da análise de cada paciente, é necessário levar em conta alguns aspectos como as características naturais, o modo de preparo exigido, a combinação de ingredientes e a quantidade a ser ingerida. O ideal para uma dieta mais natural possível, seria cultivar os próprios alimentos, mas como nem todo estilo de

vida permite cuidar da própria horta, uma boa dica é dar preferência ao consumo de orgânicos.

Digestão O presidente da Associação Brasileira de Ayurveda, Dr. Aderson Moreira da Rocha explica que, na filosofia da Medicina Ayurveda, a digestão é considerada mais importante que a nutrição em si. As enzimas digestivas são fundamentais para a saúde. Nessa visão, não adianta fazer uma dieta equilibrada se a função digestiva não funcionar adequadamente. “Utilizamos as plantas medicinais digestivas como gengibre, pimenta do reino, funcho e açafrão”, conta Anderson. O Ayurveda equilibra o sistema corpo-mente-emoções atra-

“Utilizamos as plantas medicinais digestivas como gengibre, pimenta do reino, funcho e açafrão.”

Dr. Aderson Moreira da Rocha, presidente da associação brasileira de Ayurveda

vés de uma rotina diária de hábitos saudáveis que inclui dieta equilibrada, fitoterapia, atividade física, ioga, meditação, terapias depuradoras e massoterapia com óleos vegetais, ferramentas terapêuticas da medicina oriental.

Temperos-chave • Cúrcuma: tem aroma de terra,

sabor forte e predominantemente amargo. Além de já ter sido comprovada sua eficácia anticancerígena, também é estimulante do cérebro, protege contra doenças cardíacas e fortifica os pulmões. • Cominho: é agradável e tem aroma de nozes. O sabor é picante e estimula o sistema digestivo. É usado para tratar gases e estimular as enzimas pancreáticas. • Coentro: sementes e folhas frescas são mais usadas, tem aroma cítrico, sabor adstringente e estimula o sistema digestivo. • Semente de mostarda: sabor picante e estimulante que pode ser acrescentado a alimentos gordurosos. • Pimenta caiena: deve ser usada com moderação, assim ela dará sabor e calor à comida sem mudar o sabor do prato.


placecuritiba • nov/2012

59


imagememação

Atitudes sustentáveis Não é muito difícil se acomodar com o que temos, mesmo sabendo que não é bem isso que queríamos. Ter um guarda-roupa dinâmico também requer atitudes sustentáveis, vivendo o hoje e pensando no amanhã. A l i ne D ala V alle

placecuritiba • nov/2012

v

60

iver o presente preservando o mundo para as gerações futuras. De uma maneira muito simplista, isso é sustentabilidade. Esse conceito está presente em tudo. No meio ambiente, na gestão de empresas, na moda e até mesmo, nos relacionamentos interpessoais. Trazendo isso para o nosso guarda-roupa, nada tem a ver com o que já está lá. É com o que irá entrar. Entra estação, passa estação, vemos desfiles, e lá está a famosa tendência. Não importa que Coco Chanel tenha dito que o importante é estilo. Nas lojas, o que vemos é a moda desfilada. Impossível colocar dentro do nosso armário apenas peças quer irão ficar lá para sempre. Tampouco, podemos viver somente do fast fashion. Temos que tomar decisões. Decidir o que, apesar de não ser desfilado ano que vem, irá ficar no guarda-roupa na próxima estação.

Temos que tomar decisões. Decidir o que, apesar de não ser desfilado ano que vem, irá ficar no guarda-roupa na próxima estação. Nessa onda desenfreada de consumismo, uma das partes mais gratificantes da consultoria de imagem é poder reciclar. Pegar aquela peça que você não usa mais há tanto tempo e dar uma nova cara para ela. Um exemplo bem fácil é a camisa jeans. Tínhamos ela jogada lá no fundo do armário e agora todo mundo está fazendo looks lindos com ela. O difícil é reaproveitar o que não está na moda. E quanto mais difícil, mais gratificante. Sabe aquele vestido longo, tomara que caia, que você usou como saída de praia?

Pegue o cinto que veio com ele (do mesmo tecido) e mande fazer alças. Jogue uma jaquetinha por cima e voilà: você terá um look novo sem gastar quase nada. E o terninho preto, que você até já comprou outro, por que não transformar a calça em bermuda e o blazer em uma manga ¾? Outro outfit surpreendentemente novo e pronto para o verão. O difícil é sair da zona de conforto. É fazer o que todo mundo acha que você não deveria fazer. A verdade é que apenas você sabe o que se passa em sua vida e como você se sente em relação aos seus relacionamentos ou seu guarda-roupa. A escolha pode nem sempre ser agradável. Porém, no futuro, você irá colher grandes renovações. Afinal de contas, corajoso e sustentável é aquele que não se acomoda com o mediano, sacode a poeira e paga para ver como será o amanhã fazendo diferente o hoje.


placecuritiba • nov/2012

61


PLACE kids

Guilherme Pupo

Planeta Sustentável

As novas gerações são estimuladas na criação de soluções práticas para o meio ambiente L í v i a Z e f er i no

placecuritiba • nov/2012

n 62

unca houve tanta preocupação com as questões ambientais como nos dias de hoje. As instituições como a escola e a família têm papel relevante na conscientização das crianças sobre a temática sustentabilidade e como levá-las às ações e práticas. O planeta Terra precisa de cuidados e essa é uma aprendizagem necessária para os pequenos. O desafio é fazer escolhas conscientes, posicionar-se diante do mundo tal como está e, assim, contribuir para um planeta saudável para aqueles que virão depois.

Alunos na horta da Escola Phil Young’s

Consciência ecológica Ecologia e sustentabilidade fazem parte do currículo das instituições de ensino que se empenham para a formação integral das crianças. Para Antoniella Polinari Cavassin, coordenadora psicopedagógica, é fundamental que a criança seja incentivada desde pequena com hábitos e valores conscientes. “É importante aprender a consumir o necessário e evitar desperdícios. Os valores humanos, como o respeito ao próximo e ao planeta, devem ser ressaltados na educação, dessa forma fica mais fácil para

a criança ter atitudes responsáveis”, revela. O Colégio Marista Santa Maria possui uma forma de trabalho que implica uma visão de currículo como projeto a ser produzido e experimentado na prática, com atividades como: separação do lixo, reciclagem, uso do copo ecológico, construção de horta e parcerias com outras instituições que desenvolvem projetos relacionados ao tema. A escola de inglês Phil Young’s, que completa 30 anos neste mês, é referência no assunto. Adota medidas para conscientizar alunos sobre práticas


divulgação

sustentáveis. Por meio do projeto Phil Green, criado pelo fundador da escola, Philip Young, a instituição busca conscientizar os alunos sobre a importância da preservação do meio ambiente, em que os professores aliam sustentabilidade e educação ambiental ao ensino da língua inglesa. Tomas S. Martins, diretor acadêmico da unidade Batel, conta que no projeto estão ações de responsabilidade ambiental, como reciclagem de lixo, uso consciente da água e de energia elétrica e atividades práticas, como a horta, em que os alunos de sete a nove anos plantam, cultivam e comem o que produziram.

divulgação

divulgação

Projetos infantis diferenciados A empresa R8 Ambiental, da engenheira química Ana Carolina de Macedo Sant’Ana, desenvolve um projeto sobre minhocagem. Ana explica seu projeto através de personagens lúdicos como o Zé Nhoco, uma simpática minhoca que traz em suas histórias a importância da transformação do resíduo orgânico - que seria descartado no lixo - em húmus, adubo que será utilizado na melhoria das hortas, plantas e jardins. O projeto consiste em palestras sobre o tema, apresentação das perso-

“É importante aprender a consumir o necessário e evitar desperdícios. Os valores humanos, como o respeito ao próximo e ao planeta, devem ser ressaltados na educação, dessa forma fica mais fácil para a criança ter atitudes responsáveis.” Antoniella Polinari Cavassin, coordenadora psicopedagógica

nagens, instalação adequada da composteira e seus acessórios, treinamento dos responsáveis pela compostagem, material de apoio educativo para funcionários e alunos, além de consultoria durante o primeiro mês do projeto. Sant’Ana afirma que os benefícios do projeto são fazer com que as crianças se sintam responsáveis pelas minhocas, e, dessa forma, aprendam a ter uma alimentação mais saudável para que possam alimentar as minhocas com restos orgânicos.

Um habitante produz em média 1,079Kg de lixo por dia, gerando no total cerca de 173.583 toneladas de resíduos ao ano. Sabemos que até 50% do lixo é composto por resíduos orgânicos: cascas de vegetais e frutas, talos de folhosos e sobras de alimentos. A compostagem é um processo de transformação de resíduos orgânicos em húmus, feito pela decomposição do resíduo através de microorganismos e minhocas.

placecuritiba • nov/2012

Guilherme Pupo

Curiosidades sobre o lixo

63


PLACE pet

Vanessa Fermino

A Dachshund de Pelo Longo, Maya,tem 8 anos e nunca mais teve inflamações nos ouvidos

Volta às origens Com muitos adeptos ao redor do mundo, a alimentação natural crua para cães e gatos ganha espaço também no Brasil

c placecuritiba • nov/2012

C am i la D i as

64

ães e gatos evoluíram de caninos e felinos selvagens, tornaram-se queridos animais de companhia e passaram a desenvolver tantos problemas de saúde quanto seus donos, que se preocupam cada vez mais em oferecer uma boa qualidade de vida e, por consequência, uma alimentação saudável a seus pets. Essa busca culminou na rejeição de alimentos industrializados, na disseminação de dietas naturais e em resultados satisfatórios no combate a diversas doenças. Precursor na divulgação de refeições naturais para pets, o veterinário australiano Ian Billinghurst propôs, em 1993, uma dieta que chamou de BARF, abreviação de Biologically Appropriate Raw Food (comida crua biologicamente apropriada). Basicamente, Billinghurst defende que a melhor alimentação para os animais de esti-

mação é inspirada no que eles comiam antes de serem domesticados: ossos carnudos crus, vísceras e alguns vegetais, pois as rações industrializadas e feitas a base de grãos apresentam fórmulas com conservantes e coloríficos, ingredientes que podem ser prejudiciais à saúde dos bichos.

No Brasil Em 2008, a veterinária Sylvia Angélico passou a estudar opções de dieta além das rações para seus cães, Oliver e Maya, e para o gatinho Arthur. Ao introduzi-los na alimentação natural os benefícios foram notados em poucos dias. “Os pelos passaram a brilhar mais e a cair menos, os hálitos ficaram mais agradáveis, as fezes se tornaram mais secas e reduzidas e Maya, que sofria com frequentes inflamações nos ouvidos, está há quatro anos sem uma crise”, conta.

Satisfeita com o resultado, Sylvia criou o portal Cachorro Verde com o objetivo de divulgar receitas, artigos e tirar dúvidas dos curiosos sobre o assunto. A veterinária também alerta que, para quem quer alterar a alimentação do amigo de quatro patas e apostar na dieta natural, é necessário buscar acompanhamento profissional. “Antes de desenvolver um cardápio é preciso levar em consideração o estilo de vida do animal, seu histórico de saúde, características e carências específicas”, completa.

“Antes de desenvolver um cardápio é preciso levar em consideração o estilo de vida do animal, seu histórico de saúde, características e carências específicas.” Silvia Angélico, veterinária


placecuritiba • nov/2012

65


máquinas

Uma máquina ecologicamente correta Automóvel da Toyota se destaca pela economia e baixa emissão de poluentes com um excelente desempenho nas pistas L í v i a Z e f er i no

placecuritiba • nov/2012

t 66

ecnologia, modernidade e potência são alguns requisitos necessários na escolha de um carro. Várias opções de estilos e modelos surgem para agradar a todos os gostos. Porém, nos últimos anos, com o aumento excessivo de veículos e poluição, a preocupação com o meio ambiente também atingiu as montadoras que cada vez mais buscam melhorias para deixar os carros menos poluentes para o planeta. Uma referência nesse assunto é o Toyota Prius, trata-se do híbrido de maior sucesso da história, com mais de 2,3 milhões de unidades vendidas em todo

o mundo. O conceito é que esses carros combinam a propulsão de um motor a combustão com outro movido a eletricidade. O veículo inovador é reconhecido mundialmente como carro ecológico.

Detalhes da máquina Segundo a Toyota, o Prius tem design de terceira geração. Funciona com dois motores, um elétrico e outro a combustão. A energia proveniente da desaceleração, que seria dissipada em forma de calor, é aproveitada para alimentar o motor elétrico. O condutor pode escolher quatro modos de direção: nor-

mal, em que o sistema escolhe entre os dois motores de forma automática; EV, em que o veículo funciona no modo 100% elétrico; ECO, em que o veículo calibra a resposta de aceleração de modo a economizar combustível; e PWR, em que a resposta à aceleração é intensificada em até 25% para otimizar o desempenho. A partida dispensa chave de ignição e pode ser feita acionando o botão Power, no painel. Outro destaque é a aerodinâmica em que a forma fluída da carroçaria foi testada usando avançadas simulações do fluxo de ar em escala real. O veículo utiliza a tecnologia Hybrid Sy-


nergy Drive para otimizar o consumo de combustível resultante das baixas emissões de CO2 (dióxido de carbono). Quando o motor a combustível desliga-se com o intuito de não consumir, ele pode ser conduzido apenas em modo elétrico a até 50 km/h. Além disso, o Prius responde a todos os estilos de condução.

Interior A Toyota também dedicou atenção ao interior. Os materiais são de primeira e o design privilegia o espaço interno. O painel tem linhas retas e modernas e concentra os comandos no centro do volante. No centro do painel, além dos mostradores digitais, fica

o computador de bordo, onde podem ser selecionadas as funções desejadas no próprio monitor. Entre outras informações, é possível ver como está o processo de recarga da bateria, por exemplo. Em uma segunda tela pode-se descobrir com qual motor o carro está trabalhando. Com relação ao espaço, cinco adultos andam bem acomodados no Prius. E não são apenas as pernas que têm espaço - graças ao entre-eixos de 2,7 metros de comprimento, 15,3 centímetros maior que o da geração anterior, a carroceria em monovolume privilegia o espaço para os ombros e a cabeça. É puro conforto aliado à tecnologia e preocupação com o meio ambiente.

Motor Dianteiro, transversal, 4 cilindros, 16 válvulas, injeção direta de combustível Potência: 165 cv a 6400 rpm Torque: 21,0 mkgf a 3250 rpm

Câmbio

Mecânico, 5 marchas, tração dianteira.

Dimensões

Comprimento, 449 cm; largura, 176 cm; altura, 136 cm; entreeixos, 259 cm Peso: 1.395 kg

Volumes

Porta-malas, 320 l; tanque de combustível, 63 l

Suspensão

Freios

Discos ventilados nas 4 rodas, com ABS, EBD, ASR e VDC

Direção

Hidráulica

Rodas e pneus Liga leve, aro 17; Bridgestone Potenza 215/45 R17

placecuritiba • nov/2012

Independente, com barra estabilizadora e molas helicoidais. Dianteira: trapézios paralelos Traseira: McPherson

67


tour

Capadócia Uma viagem inesquecível A surpreendente história da região justifica a paisagem encantadora que, vista do alto de um balão, é ainda mais mágica e enigmática

placecuritiba • nov/2012

t 68

odos os olhares estão voltados para a histórica e bela região da Capadócia, na Turquia, pois, além de famosa por seus atrativos turísticos, é também cenário para a novela global Salve Jorge. Destino de milhares de turistas brasileiros, a Capadócia é conhecida como a terra de São Jorge e do mais incrível passeio de balão. A paisagem natural é o principal atrativo da região e quando vista do alto torna a via-

por L o u i se Z en i colabora ç ã o A le x andre M ans u r e Isabella Ima g u i re f o t os A le x andre M ans u r

gem ainda mais inesquecível. Para chegar até lá é preciso pegar um avião de São Paulo para Istambul (antiga capital da Turquia). O voo dura cerca de 14 horas e existem várias opções de traslados até a Capadócia. O mais indicado e prático é ir de avião até os aeroportos de Nevsehir ou Kayseri, duas das maiores cidades da região. Entretanto vale mais a pena ficar hospedado em Göreme que fica cerca de 40 quilômetros

de Nevşehir, pois lá estão os melhores restaurantes, charmosos hotéis, lojinhas e o famoso Open Air Museum (Museu a Céu Aberto).

Paisagem encantadora Chegando na Capadócia, é impossível não se impressionar com o relevo de aspecto lunar. As formações geológicas, resultantes de fenômenos vulcânicos e erosivos de milhões de anos, adquiriram formas únicas


depois de Cristo, mas algumas são datadas de 3 mil anos atrás. A maior é a de Derinkuyo e abrigava até 20 mil pessoas. A maior parte das cidades subterrâneas está aberta para visitação e o passeio custa entre 15 e 20 liras turcas, ou seja, pouco mais de 20 reais. Os turistas podem contratar guias (alguns falam português) para conhecer detalhes, pois além de pessoas, as cidades abrigavam animais e possuíam até igrejas! Vá prepa-

rado e com roupas confortáveis, pois em alguns trechos precisará andar abaixado. Outro atrativo imperdível da Capadócia é o Göreme Open Air Museum, patrimônio mundial da Unesco. Prepare o fôlego e a emoção, pois haverá muita subida pela frente, mas também construções do período Bizantino. O museu fica em uma colina e contém igrejas escavadas na rocha com frescos originais que ilustram a vida de Cristo.

placecuritiba • nov/2012

que caracterizam toda a região. As formações rochosas lembram cogumelos e são chamadas localmente de chaminés das fadas. Por serem todas de tufo calcário, as rochas permitiram que inúmeras habitações fossem escavadas, dando origem a diversas cidades subterrâneas – hoje calcula-se que são 200. Essas cidades eram usadas como refúgios subterrâneos pelos cristãos durante a perseguição nos primeiros séculos

69


tour

Passeio de balão Impossível visitar a Capadócia e não fazer o surpreendente passeio de balão que sobrevoa toda a região. São várias as empresas que realizam o voo e todas passam nos hotéis por volta das 4h30 da manhã e pegam os hóspedes para um delicioso café da manhã antes do passeio. Ainda está amanhecendo quando aproximadamente 100 balões sobem e conforme a altura que alcançam já é possível ver e sentir os primeiros raios de sol iluminando a paisagem. A experiência é mágica e dura em torno de 1h30, sendo que ao pousar você é recebido para um brinde com champanhe da Turquia.

Cultura local

placecuritiba • nov/2012

Negociar é lei para qualquer turco, principalmente para os vendedores de tapetes da Capadócia. De seda e feitos à mão, os tapetes variam de 2 mil a 100 mil euros. Mas calma! Você será convidado para tomar um chá e propor seu preço. Vale lembrar que os turcos são confusos e nada práticos, por isso seja claro e objetivo, independente da situação. O artesanato local é muito valorizado, especialmen-

70

te as obras do artista Chez Galip: cerâmicas para decoração que são lembranças finas da Capadócia. Tratando-se de cultura, vale participar da Sema, cerimônia turca dividida em orações, músicas e danças. Os Dervixes (seis a oito homens) dançam com os braços esticados – um para o céu e outro para a terra – para purificar a alma. Nesta mesma ocasião é servido o Raki, bebida feita de anis, típico da região. A gastronomia da Capadócia é muito semelhante à árabe, porém mais apimentada. O carneiro é a carne tradicional e existem muitos pratos com abóbora, pois a fruta é muito plantada na região. O Restaurante Mado Coffee é bem comum em várias cidades e oferece almoço, lanches e sorvetes. Visitar a Capadócia é como sonhar de olhos abertos, pois tudo é muito belo e intenso. Pelo menos dois dias são recomendados para curtir a região, porém mais que três já é desnecessário. Existem vans que levam os turistas para lá e para cá, mas para aqueles mais aventureiros recomenda-se alugar um motociclo e desbravar por si mesmo a terra de São Jorge.


placecuritiba • nov/2012

71


esporte

Subida radical Puro amor e adrenalina, a escalada é um estilo de vida

Klaus Fengler

L e t í c i a D ohms

Via Place ofHappiness, Pedra Riscada, Minas Gerais

placecuritiba • nov/2012

d

72

eterminação, vontade de enfrentar os próprios medos, companheirismo e gostar da natureza são os critérios básicos para a prática do montanhismo. Considerada por muitos como uma atividade de alto risco, o que poucos entendem é que a principal exigência do esporte é a estabilidade emocional para respeitar os próprios limites. O montanhismo é um esporte cujo objetivo é subir montanhas utilizando caminhadas ou escaladas nas rochas. As rotas para a prática são conquistadas pelos próprios praticantes. “Existem diversas vias para subir uma mesma montanha, de iniciantes a profissionais, conforme as dificuldades encontradas. Quem conquista novos caminhos tem o direito de dar o nome”, afirma Edemilson Padilha, que nomeou a via Deus e o

“Não é tentar vencer a montanha, mas interagir com ela para superar nossos próprios limites.” Edemilson Padilha, montanhista

Diabo, da montanha Ferraria, na Serra do Mar paranaense. Para os iniciantes é indicado procurar auxílio profissional para instrução de equipamento de segurança. Nas caminhadas é necessário calçado adequado, suprimento de água e comida, lanterna e proteção ao clima. Na escalada agregam-se pó de magnésio, ferragens, cadeirinha, corda, mosquetões e capacete. Também é necessária a presença de alguém que conhe-

ça a região, um guia. Os valores do montanhismo estão muito ligados aos conceitos de ecologia. Natan Lima, presidente da Federação Paranaense de Montanhismo, destaca a existência de projetos de consciência ambiental dentro dos clubes de montanhismo. “São ações para recolher lixo das rotas, recuperar e sinalizar vias”, explica Natan. O respeito ao meio é primordial. “Não é tentar vencer a montanha, mas interagir com ela para superar nossos próprios limites”, destaca Edemilson. O estado do Paraná tem uma tradição de 133 anos no cenário brasileiro de escalada. A primeira subida realizada por brasileiros de que se tem registro é a conquista do Pico do Marumbi, na Serra do Mar paranaense. Pico Paraná, Morro do Anhangava e Pico Marumbi estão entre os melhores pontos para a atividade no estado.


placecuritiba • nov/2012

73


cotidiano BG Comunicação

Dia a dia consciente

Cachoeira no jardim do arquiteto Osvaldo Navaro

Cidadãos exemplares tomam atitudes além do óbvio, inspiram e fazem diferença na preservação do meio ambiente L í v i a Z e f er i no e C am i la D i as

placecuritiba • nov/2012

a 74

pesar dos alarmantes dados sobre poluição e redução de áreas verdes serem constantemente atualizados, ainda é possível acreditar, acatar e divulgar ideias promissoras em prol do planeta. É o que mostram alguns indivíduos que, com atitudes exemplares, fazem do mundo, aos poucos, um lugar melhor. Para Pedro Salanek Filho, especialista em sustentabilidade, toda ação gera algum impacto, portanto deve-se pensar em reduzir ao máximo os impactos negativos sobre o meio ambiente. “Não podemos ser radicais e achar que as pessoas não devem andar mais de carro, a solução é pensar em como isso

pode prejudicar menos o planeta”, enfatiza Pedro. O especialista reforça também que novos conceitos e comportamentos poderão ser aplicados no dia a dia de acordo com a cultura de cada local.

Na época do desenvolvimento Nos anos 70 pouco se falava em preservação ou na importância da biodiversidade. Foi nessa época que o arquiteto Osvaldo Navaro adquiriu um terreno de 6 mil metros quadrados e projetou a primeira casa ecologicamente correta de Curitiba. Um paraíso localizado a menos de 5 quilômetros do centro da cidade, surgido da nobre von-

tade de ter um lugar para os filhos, então com 2, 4 e 5 anos de idade, crescerem ao som da natureza. Construída no local mais vazio do terreno, a casa tem um jardim de inverno em seu centro e é dividida como fatias, o que permitiu preservar grandes árvores, além de aproveitar a ventilação e iluminação naturais. As fortes vigas de madeira que a sustentam já foram postes elétricos da cidade, os paralelepípedos da entrada, retirados das ruas de Curitiba para dar lugar ao asfalto, têm mais de 200 anos. “Essa casa virou referência para muitas obras da prefeitura, como a sede da Secretaria do Meio Ambiente e a Universidade Livre e,


“Eu construí um estilo de vida, não moro em uma casa, e sim nesse todo. Viajo pelo mundo, mas sempre fico com vontade de voltar para o meu mato.”

Osvaldo Navaro, arquiteto

BG Comunicação

apesar de morar aqui há mais de 30 anos, sempre estou mexendo nela”, conta Navaro. Outros elementos reaproveitados completam e integram o imóvel à grande área que o abriga e hoje é uma RPPNM (Reserva Particular de Patrimônio Natural Municipal) onde moram mais de 50 espécies de pássaros, inclusive a Gralha Azul, árvores ameaçadas de extinção e pequenos mamíferos. O arquiteto caminha diariamente pelo grande terreno, planta novas mudas de espécies nativas e deixa o bosque crescer naturalmente. Todo o lixo orgânico produzido na casa também é reaproveitado. Atra-

arquiteto Osvaldo Navaro

vés de uma composteira, os resíduos viram adubo para fortalecer o enorme jardim natural. Já aposentado, Osvaldo ainda faz alguns projetos e é consultor do Banco Mundial, viaja bastante, mas garante que sempre

quer voltar para casa: “eu construí um estilo de vida, não moro em uma casa, e sim nesse todo. Viajo pelo mundo, mas sempre fico com vontade de voltar para o meu mato.”

Humberto Furtado

Lua Cheia e Natureza, companheiras de Humberto na Tailândia.

placecuritiba • nov/2012

Ao aceitar um convite da americana Lisa Kaufman, voluntária que conheceu na África do Sul, o fotógrafo catarinense Humberto Furtado foi passar um mês na Ban Ta Klang Elephant Village, em Surin, na Tailândia, santuário onde adotou e conviveu com as irmãs Lua Cheia, de 19 anos, e Natureza, de 16, duas fêmeas de elefante asiático. Lá, o fotografo participou de um projeto sustentável que fez questão de trazer para o Brasil. Dentro do santuário de elefantes está uma pequena fábrica onde são feitas folhas de papel a partir das fezes dos animais. “O elefante é um triturador de madeira e capim, as fezes são ricas em fibra, pois eles chegam a comer troncos inteiros. Para produzir o papel, aproveitamos essas fibras e, em um processo parecido com o da fabricação de papel reciclado, são feitas as novas folhas”, conta. A renda da venda do papel produzido é utilizada para comprar cana de açúcar e complementar a alimentação dos elefantes, o que forma um ciclo completo de reaproveitamento. Ao retornar, o fotógrafo trouxe uma bagagem de experiências, fotografias e folhas de papel produzidas por ele mesmo e compradas, para não quebrar o ciclo. “Nessas folhas imprimi fotos que formam o projeto Esmola Fotográfica e, nos próximos meses, serão expostas em cidades do Brasil e da Europa. A intenção é que esse material inspire as pessoas a serem mais conscientes”, adianta Furtado.

Lisa Kaufman

Arte que inspira

75


PLACE night

Boteco eclético Com um ano recém-completado, Boteco Santi tem clima descontraído e gastronomia variada para agradar a todos os gostos C am i la D i as

placecuritiba • nov/2012

l

76

f o t os

f ernando sma k

ocalizado na badalada Avenida Batel desde agosto de 2011, o Boteco Santi surgiu da ideia dos proprietários de montar um lugar que conquistasse todo tipo de clientes, aliado ao mesmo tempo a uma boa estrutura gastronômica e arquitetônica, como o público curitibano exige. Dentro de uma faixa etária de 25 a 35 anos, os frequentadores da casa são recebidos com uma infinidade de tipos de música, uma extensa carta de drinks e cervejas importadas e um cardápio variado, inspirado nas cozinhas brasileira, japonesa, espanhola e italiana. O espaço conta com um sushi bar e uma forneria própria, de onde saem petiscos como bruschettas, pizzas e provoletas. A casa abre diariamente

às 18 horas para o happy hour, sempre com promoções atraentes e música ambiente ou som comandado pelos DJs Palladino e Alex Soul. Nas segundas, o cardápio oriental tem desconto de 50% durante a noite toda e aos domingos, dia mais forte da casa, os clientes aproveitam uma noite dedicada ao pagode e completamente diferente do funcionamento normal do estabelecimento, em que as mesas do salão são retiradas para dar lugar a uma pista de dança. É também o único dia em que a entrada é cobrada como couvert para a banda. De segunda a sábado o clima de boteco prevalece, com entrada livre e ambiente propício para beber, petiscar e conversar com os amigos.

PROGRAMAÇÃO:

Domingo: pagode com o Grupo Tentativa Segunda-feira: sushis e sashimis com 50% de desconto Terça-feira: double de chope e caipirinha e 50% de desconto nas pizzas Quarta-feira: double de chope e caipirinha até as 20h e transmissão dos jogos dos melhores campeonatos Quinta-feira: double de chope e caipirinha, sushis e sashimis com 50% de desconto aé as 20h e DJ Palladino nas pickups Sexta-feira: Som do DJ Alex Soul e double de chope e caipirinha até as 20h


placecuritiba • nov/2012

77


Mary Schaffer Coluna

gastronomia

RICCARDO – GUERRA POR UM FIO!

Uma das figuras mais carismáticas do Brasil é o cabeleireiro Riccardo Guerra, de quem tenho a honra de desfrutar da amizade há mais de 10 anos. Ele veio do interior (ainda tinha os cabelos pretos, acredite se quiser) meio tímido, mas com aquela garra de vencedor que se reconhece com facilidade no olhar. A transformação do visual foi acontecendo aos poucos, com umas luzes aqui e ali. Hoje, o loiríssimo é referência nacional entre os coiffeurs fashionistas. Principalmente depois de vencer o reality show “Por Um Fio”, da GNT. Diretamente de sua cozinha para nós, ele apresenta a receita de Tagliarini ao limone e nata by Riccardo Guerra:

Tagliarini ao limone e nata

Ingredientes:

- Dois pacotes de 500 gramas de massa tagliarini; - 1 pote de 200 gramas de manteiga; - 1 cebola bem grande picada finamente; - 4 latas de atum sólido; - 1 xícara de vodka; - 2 tabletes de caldo de legumes; - 2 potes de nata; - 4 colheres de sopa de raspas de casca de limão Taiti; - 1 xícara de salsinha picada grosseiramente.

placecuritiba • nov/2012

Preparo:

78

Coloque para ferver duas panelas grandes com muita água levemente salgada. Não coloque óleo! Enquanto isso, em outra caçarola, coloque a manteiga e frite a cebola até dourar levemente. Desmanche os blocos de atum já escorridos e coloque na manteiga. Derrame a vodka e deixe evaporar o álcool em aproximadamente cinco minutos de fervura. Acrescente os dois tabletinhos de caldo de legumes e, quando dissolver, coloque os potes de nata. Quando abrir fervura está na hora de adicionar as raspas de casca de limão. Nas panelas que estão com a água fervente, cozinhe o tagliarini, escorra quando estiver aldente, coloque no refratário em que vai servir. Despeje harmoniosamente o molho e enfeite com a salsa picada. Se preferir, sirva a salsa em outro recipiente.


placecuritiba • nov/2012

79


perfil

Luta que cresce Mobilizações em prol do meio ambiente e a luta pela conscientização social marcam a trajetória de Mario Mantovani

divulgação

C am i la D i as

80

época o povo não se mobilizava como hoje e nós usamos a imagem da bandeira brasileira sem um pedaço do verde. O impacto foi grande e virou um símbolo, uma marca muito forte”, conta. Depois de consolidada, a entidade, atualmente com mais de 350 mil sócios, realizou outras campanhas exemplares como a Tietê Vivo e a recente Veta Tudo Dilma, que reuniu mais de dois milhões de assinaturas contra o novo Código Florestal.

Mudança de comportamento Mesmo com dificuldades pelo caminho, a motivação continua e o movimento ambientalista cresce forte. “Em 1973, quando se falava em meio ambiente, olhavam para você e diziam: ‘coitado, vai abraçar árvore!’”, lembra Mantovani. Hoje todo mundo fala em ecologia e sustentabilidade virou um tema recorrente, uma característica que as pessoas buscam

“Não adianta querer salvar o planeta, brigar em prol dos animais ou das florestas, se o próprio indivíduo não consegue separar um pacote de leite para reciclar.” Mario Mantovani

e, cada vez mais, exigem de empresas e serviços. Para o futuro, Mario garante que o consumo consciente será o grande fator determinante. “Não adianta querer salvar o planeta, brigar em prol dos animais ou das florestas, se o próprio indivíduo não consegue separar um pacote de leite para reciclar. O futuro depende de ações como optar por carros e tecnologias menos poluentes ou diminuir o consumo de carnes. São essas escolhas e atitudes tomadas agora que vão definir o que será do meio ambiente daqui para frente”, conclui.

divulgação

placecuritiba • nov/2012

g

eógrafo por formação e natural de Assis, no interior de São Paulo, Mario Mantovani foi escoteiro, gostava de acampar e de estar perto da natureza. Já fixado na capital de seu estado, em 1972, o ambientalista se empenhou em divulgar as discussões e o lema da conferência de Estocolmo, “pensar local, agir global”. Daí em diante nunca mais largou a causa ambiental. Hoje, aos 57 anos, Mario é especialista em bacias hidrográficas e diretor de Políticas Públicas da Fundação SOS Mata Atlântica, organização que viu nascer, em 1986, e se fortalecer desde seu primeiro grande projeto, intitulado Estão tirando o verde da nossa terra. O objetivo era divulgar a situação alarmante da Mata Atlântica, que perdia, em média, uma área equivalente a um campo de futebol a cada quatro minutos. “Nessa


informe

Incognito Novo aparelho ortodôntico que utiliza técnica lingual e não prejudica a estética do sorriso já está disponível no Brasil

o

nologia de última geração. A sua grande vantagem é ser 100% personalizado. Cada bráquete é feito especialmente para o paciente através do computador, e os fios para alinhar os dentes são confeccionados por robô. Antes do Incognito, os aparelhos linguais utilizavam bráquetes pré-fabricados em grande escala, com base na média da população, não sendo tão precisos. Com a nova técnica, a precisão é maior, diminuindo o atendimento clínico e o tempo de tratamento. Os bráquetes do Incognito chegam a ser 70% menores do que os convencionais, tendo uma adaptação mais rápida e sem prejudicar a fala, além disso, possuem grandes vantagens em relação ao alinhadores removíveis transparentes que tratam apenas casos mais simples. O Incógnito trata todos os tipos de problemas ortodônticos. Uma verdadeira revolução no mercado ortodôntico!

A vantagem é que não aparecem quando a pessoa sorri, proporcionando uma estética muito mais agradável.

Rua Coronel Dulcídio, 1558 – Água Verde – Curitiba/PR – 80.250-100 - Tel.: 3027-3092 www.moroortodontia.com.br

placecuritiba • nov/2012

sorriso metálico ou de porcelana nem sempre é atrativo para pacientes que precisam de um tratamento ortodôntico, e para melhorar essa situação novas técnicas vem aprimorando a estética dos aparelhos. Uma nova alternativa para as pessoas que querem melhorar o seu sorriso mas não querem mostrar o aparelho é a Técnica Lingual, que consiste na colocação dos bráquetes (peças metálicas) na parte de trás dos dentes. Segundo Alexandre Moro, que é professor da UFPR e da Universidade Positivo, e presidente da Associação Paranaense de Ortodontia, essa técnica foi lançada na década de 80 nos Estados Unidos, entretanto, somente agora começa a conquistar seu espaço no Brasil. Um aprimoramento dessa técnica acaba de chegar ao Brasil. Trata-se do aparelho Incognito, que é confeccionado com tec-

81


arte & cultura

Um novo olhar sobre a Grécia Obras inéditas do artista plástico Celso Coppio retratam paisagens encantadoras daquele país L í v i a Z e f er i no colabora ç ã o A délc i o R omb k o w i s k i f o t os g u s t avo s g u i ssard i

a

placecuritiba • nov/2012

brem-se as cortinas e o grande palco grego, para seus diversos rituais e celebrações, torna-se inspiração para muitos que ali estiveram presentes e sentiram a magia cultural daquele país. Dionísio, Poseidon, Zeus, Hades, Hera, Afrodite, foram grandes personagens da mitologia onde muitos acreditavam e apostavam em seus poderes. Essa é a Grécia, país acolhedor e gentil, povo alegre e prestativo, que valoriza boas festas com uma gastronomia de destaque. Celso Coppio, artista plástico, visitou algumas vezes o país que o inspirou a criar obras inéditas para sua exposição, em cartaz no mês de

82

“Arqueologia, mar, céu, transparências, edificações, fé, tudo serve de cenário idílico para minhas criações, que se completam a cada esquina, a cada novo beco, construindo o alicerce para os meus devaneios de artista.” Celso Coppio

novembro, em sua galeria o artista se mostra apaixonado pela história grega, por toda sua arte e cultura. “Minha inspiração foi viver cada momento e apreciar cada paisagem. O país apresenta diversidade, beleza inigualável e uma riqueza de detalhes presente em todos os lugares”, revela Celso.

Inspirações gregas Para Coppio, é emocionante em suas obras poder contar um pouco sobre as paisagens gregas, sob uma ótica sensível e exuberante, recheada de emoções e expressões, as quais dizem muito sobre um país que encanta por sua beleza, história e magia. “Arqueologia, mar, céu,

transparências, edificações, fé, tudo serve de cenário idílico para minhas criações, que se completam a cada esquina, a cada novo beco, construindo o alicerce para os meus devaneios de artista”, observa Celso. “Assim é a Grécia, do Colosso de Rhodes à arqueologia de Heraklion. Da religiosidade de Patmos às festas mundanas de Mykonos. Da modernidade de Sívota à placidez de Paros e ao vulcão adormecido de Santorini.” Todas essas histórias marcaram o artista, que se curva em um gesto de respeito e agradecimento a tudo e a todos que puderam de alguma forma contribuir para a construção de suas obras.


placecuritiba • nov/2012

30 DE NOVEMBRO NOS CINEMAS

83


colunadireito Impacto Ambiental e sua importância no desenvolvimento sustentável R ober t o B ona J u n i or

placecuritiba • nov/2012

a

84

s aspirações da sociedade pela tutela jurídica do meio ambiente foram congregadas em nossa Constituição Federal, que reconheceu o direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, disponibilizando ferramentas jurídicas de defesa ambiental e estabelecendo diferentes esferas de responsabilização para os infratores das normas. Dois dos requisitos para a obtenção de licenças para atividades que possam afetar negativamente o meio ambiente são o EIA (Estudo de Impacto Ambiental) e o RIMA (Relatório de Impacto Ambiental). A Lei 6.938/81 estabelece, em seu artigo 2.º, inciso I, que o meio ambiente deve ser considerado “como um patrimônio público a ser necessariamente assegurado e protegido, tendo em vista o uso coletivo”. Então, percebemos que o interesse público residente no âmbito da proteção do meio ambiente se reve-

Promover o uso sustentável dos recursos naturais é um meio de garantir o desenvolvimento e a manutenção de um meio ambiente ecologicamente equilibrado. la como uma reivindicação, um produto das necessidades da sociedade. O EIA deve compor-se do preenchimento de alguns requisitos para que possa ser auferido, ao final do processo, o licenciamento ambiental da atividade. O desenvolvimento do EIA acontece basicamente em cinco fases: a primeira é a fase preliminar do planejamento da atividade, quando o proponente do projeto procura o Poder Público para obter diretrizes e instruções adicionais; a segunda fase é de atividades técnicas da equipe multidisciplinar, quando

se realiza o EIA propriamente dito; a terceira fase corresponde à elaboração do RIMA, que traduz o trabalho das atividades técnicas; a quarta fase é a da apreciação do órgão competente que julgará a viabilidade do projeto; a quinta fase não diz respeito ao EIA, mas, à sua execução a partir da Licença de Operação que autoriza o início da atividade licenciada com o acompanhamento do funcionamento dos equipamentos de controle de poluição. Promover o uso sustentável dos recursos naturais é um meio de garantir o desenvolvimento e a manutenção de um meio ambiente ecologicamente equilibrado, o que pode ser alcançado com a observação dos institutos constitucionais, tais como o Estudo de Impacto Ambiental e seu respectivo relatório. Serviço:

Roberto Bona Junior

Bona & Coelho da Silva Advogados Associados bonaecoelhodasilva.adv.br


placecuritiba • nov/2012

85


eventos

Parceria Personalizada Um grupo seleto de arquitetos, clientes e parceiros foram recebidos pelas empresas Vertical Persianas e Construtora Baggio, para celebrar a parceria entre as empresas. Reconhecidas pela qualidade e personalização dos serviços e produtos, as marcas uniram ações de marketing pontuais para atender um nicho de público que exige estilo aliado com alto padrão. O evento aconteceu no showroom da Vertical Persianas. Fotos: Raquel Lima

1

3 4

5

placecuritiba • nov/2012

6

86

1 - A arquiteta Gisela Ribeiro, Rinaldo Figueiredo da Vertical Persianas e Claudia Figueiredo. • 2 - Marcus Paiva, gerente nacional de vendas na Construtora Baggio com Gessilaine Cardoso e Valmor Figueiredo, da Vertical Persianas. • 3 Adriane Maran, Leandro Wuicik e Ciely Ruckaber da Construtora Baggio • 4 - Juliana Saladani da Stobag com Ciro Granada e Heraldo Fandinatti • 5 - As arquitetas Daiany Gusso, Ana Carolina Bertassoni e Cleusa de Souza • 6 - As arquitetas Marcia Shiubue, Duane Zago e Tamy Hina

2


placecuritiba • nov/2012

87


eventos

Curso de visagismo

1

Foi realizado no mês de outubro o curso de Visagismo com Philip Hallawell, renomado artista plástico e escritor do livro Visagismo: Harmonia e Estética. O curso ensina um método exclusivo de consultoria com o cliente e de criação de uma imagem pessoal personalizada. Além dos profissionais de beleza, todos que gostam de cuidar do visual podem realizar o curso. Nos dias 25 a 28 deste mês uma nova turma será aberta. Fotos: Diego Pisante

3

2

4

5 6

placecuritiba • nov/2012

7

88

1 - Claudete Matte, Philip Hallawell e Michelle Lobo • 2 - Turma com 30 alunos • 3 - Edson Antunes de Souza e Charles Schier • 4 - Mercedes Klar e Larissa Creuskal • 5 - Glória Beilfuss e Ada Garcia • 6 - Bruce Bomfim e Larissa Creuskal • 7 - Alunos apreciando e fotografando a arte de Philip


placecuritiba • nov/2012

89


eventos

1

Festa de 15 anos

Aconteceu no mês de outubro uma das mais badaladas festas de 15 anos da cidade. O empresário e odontólogo doutor Gino Kopp e sua esposa Esther Troetsch Rodríguez debutaram a filha Fernanda Kopp. A festa aconteceu no Taboo – Batel. Os vestidos da debutante são do estilista Juliano Fonseca. Fotos: Lilian Canofre

3

2

5 4

7

placecuritiba • nov/2012

6

90

1 - A bela aniversariante Fernanda Kopp • 2 - A família toda reunida: o irmão Emerson, o pai Gino Kopp, a aniversariante e a mãe Esther Troetsch Rodríguez • 3 - A aniversariante ao lado do pai, o empresário Gino Kopp • 4 - A aniversariante durante o Parabéns • 5 - Fernanda dança com o irmão, Emerson Kopp • 6 - Decoração do salão • 7 - Fernanda Kopp ao lado do estilista Juliano Fonseca e do Maquiador Jonatha Ribas • 8 - Gino Kopp e esposa

8


placecuritiba • nov/2012

91


PierPaolo Nota Coluna

socialclub

1

Vicente Mattos

Rafael Danielewicz

4

Fabiano Esnarriaga

2

3

5

Divulgação

Divulgação

placecuritiba • nov/2012

92

Gerson Lima

6

1 - O empresário João Guilherme Leprevost, um dos sócios do Grupo CWB Brasil, ladeado por Zezé di Camargo e Luciano. • 2 - Inauguração do novo Wood’s Bar Curitiba. Na foto, Fernanda Marcondes. • 3 - Lorena Madalosso, sócia do bar Curitiba Comedy Club, com Paolla Ditzel e Adriana Satolli. • 4 - Mariana Costa Maingué, Daniela Bibas e Nicole Hauer na inauguração do Babilônia e Carolla Cabral. • 5 - A agência curitibana Produção de Ideias ganhou no mês passado uma nova sócia, a publicitária Ursula Poli, que junta-se agora a Jorge Paulo Filho. • 6 - Registro da festa de 20 anos do escritório curitibano Lupatini Lima Ramos Arquitetos Associados, no Central Hall. As sócias Bianca Lombardi, Gabriela Accorsi - da filial de Camboriú e Luciane Lupatini, do escritório de Cascavel.


Iza Zilli

Coluna

Diego Pisante

1

glamorizando

Fernando Smak

2

3

4

Alex Trinks

divulgação

1 - Pietra Juglair, do Pietra Nail Bar, e Souza e Wanderley Nunes, do recém inaugurado WCrystal, fecharam parceria. • 2 - O grupo de DJs, chamados de A LIGA, agitaram o DUC Club com o Tour Halloween, na última sexta-feira (26). As belíssimas Alana Caneia e Tulie Calegari marcaram presença. • 3 - O artista plástico Celso Coppio segura o livro “No Divã com Deus – Meditações corajosas no silêncio da alma”, nova obra do autor Eudes Moraes. • 4 - Francis Meister e a caveira que adornou o salão. • 5 - Cesar Brecailo e Silvia Candeloro estiveram na abertura das casas Babilônia e Carolla do Cabral.

placecuritiba • nov/2012

Rafael Danielwicz

5

93


a

Leandro Karam Coluna

theframe

Com o objetivo de arrecadar fundos para o Instituto SEJA, aconteceu no bar Aos Democratas uma festa tipicamente brasileira, com feijoada e samba, tudo isso embalado pela solidariedade. Fotos: Priscilla Fiedler

1 - Muita gente bonita na Feijoada do Aos Democratas • 2 - Luiza Wisniewski • 3 - Equipe do Instituto SEJA, que organizou a Feijoada no aos Democratas • 4 - Luana Domachowski, Paula Domachowski e Thaiana Marins • 5 - Suelen Luz, Iolanda Passalacqua, Naia Tortato e Bruna Guimarães • 6 - Fernanda Arcoverde Vanhoni, Rafaela Silva e Mariana Canto • 7 - Renata Silveira, Mariana Saltini e Angela Pimenta • 8 - Rafael Maia e Bianca Gonçalves • 9 - Amanda e Leandro Teixeira

2

1 3

5 4

6

8

7

9

placecuritiba • nov/2012

confira o video desta matéria através de seu smartphone

assista ao vídeo da matéria no seu Smartphone

Assista de quinta à domingo - 23h - canal 20 - NET Cidade à94domingo - 23h - canal 20 -/namoraltv NET Cidade @namoraltv


Fernando Smak 1

Coluna 2

allnight

3

5 4

7 6 8

placecuritiba • nov/2012

1 - Boteco Santi - Kassiane Sobczak • 2 - Zapata Mexican Bar - Denise Coimbra • 3 - Boteco Santi - Igor Belmondo e Diego Fortun • 4 - Taj Bar - Ivete Zimmerman, Ana Martha e Vivi Silva • 5 - Taj Bar - Andressa Pimentel • 6 - Duc Club - Vanessa Zini • 7 - Devassa - Juliana Blanski e Flávia Andrade • 8 - Santa Marta - Bianca Vogt

95


No dia 27 de outubro, a Liqüe apresentou uma balada especial de Dia das Bruxas, Yelloween, em parceria com a champanhe Veuve Clicquot. A ex-modelo Juliana Barbosa, atualmente considerada a nova representante do house music no Brasil, se apresentou nesta noite. Juliana encantou os paranaenses com performances chiques e enérgicas com o repertório repleto de clássicos e novidades do cenário da música eletrônica. Fotos: Luizo Cavet

1

3

4

2

5

6 7

8

9

placecuritiba • nov/2012

10

96

1 - Marcelo Carlesso e Juliana Barbosa • 2 - Yelloween • 3 - Monica Reichert e Maria Eduarda Slaviero • 4 - Fernanda Petter, Fernando Fedato, Fabiola e Ana Priscila Petter, e Leonardo Damascero • 5 - Julia Borgomoro e Maria Vitoria Taques • 6 - Haloma Mehl e Gabrielle Carvalho • 7 - Marcelo e Thay Bufrem • 8 - Kelen e Sandro França • 9 - Marilia Kruger, Marina Guttierez e Laura Bonokoski • 10 - Laiza Paolizzi


Marcos Slaviero Filho Frequentador das melhores festas de Curitiba, São Paulo, e Florianópolis, Marquinhos, como é conhecido, é colunista e aqui divide um pouco do seu mundo com vocês! Enjoy! Fotos: divulgação

Noite inesquecível - As empresárias Andrea Omeiri, Marcia Cardoso de Almeida e Solange Elias receberam cerca de 600 pessoas no mês de outubro, no Castelo do Batel, para celebrar os 15 anos da Bazaar Fashion. A festa seguiu o padrão da badalada maison, com uma decoração impecável, assinada por Marcos Soares. Preta Gil foi uma das atrações da noite e arrasou com um repertório animadíssimo e um vestido feito especialmente para ela pelo estilista Victor Dzenk.

A Festinha Halloween - A Festinha Haloween aconteceu em outubro na Sociedade Dom Pedro II, que recebeu uma decoração temática e incrível assinada pela Perverts. O line up contou com A Festinha, com Henrique Ribeiro e Mano Taques, Sambar I Love, Vácuo Live, Flash e Rodrigo Machado.

placecuritiba • nov/2012

Internacional - Um dos projetos do marcosslaviero.com para este mês é um programa internacional, gravado em Miami e a bordo do Allure of the Seas, maior navio do mundo, com parque, cabines de dois andares e até um anfiteatro em alto mar!

97


agenda

A-Z

Feiras e eventos

Alexandre Moro

marcelo winck arte e design

Maratona Caixa de Curitiba

(41) 3027-3092

(41) 9139-4239

Data: 18/11 Horário: 7h Local: Praça Nossa Senhora de Salete, Centro Cívico

AM Ambientes

Melissa

(41) 33743461

0800-979 8898

Arquea

Móbili Portale

(41) 3024-6966

(41) 3016-9292 - Água Verde

arquiteta Calina Mussi

(41) 3023-4343 - Santa Felicidade

(41) 3336-9105

Nespresso

Arquiteta Fernanda Gil Heller

0800 777 77 37

(41) 3335-0173

Nina Villa Boas Fotografia

Bei Capelli

(41) 3022-2139

(41) 3551-1159

Osklen

Bender ARQUITETURA

(41) 3317-6294 - Parkshopping Barigüi

(41) 3339-6361

(41) 3222-3475 - Shopping Crystal

Bioderma medicina e estética

ÓTV

(41) 3243-5652

www.otv.tv.br

Boteco Santi

Pandora

(41) 3045-6585

(41) 3029-5222 - Shopping Mueller

29º Congresso Brasileiro de Arritmias Cardíaca

Cannoh Coaching

Pátio Batel

(41) 3024-4479

(41) 3069-8314

Data: 28/11 a 01/12 Horário: das 08h às 18h Local: Hub Curitiba

Cassis

Phil Young’s

(41) 3243-0090 - Loja Batel

(41) 3242-8605

(41) 3076-7398 - Loja Juvevê

Plaza Hotéis

Centro Médico Barão de Lucena

0800 70 75292

(21) 2537-3251

Privus Automação

Cia Athletica

(41) 3014-0987

(41) 3241-5000

R8 ambiental

Colégio Marista Santa Maria

(41) 9882-0001

(41) 3074-2500

Recco

Construtora Baggio

(44) 2101-6262

(41) 3025-6111

Red Shoes

Designer de interiores Carla Gil Heller

(41) 3222-5021

(41) 3335-0173

Remax

Espaço Z

(41)3601-1002

(41) 3024-2251

Studio Casa

Estância do lago

(41) 3342-2523

WordPress para Startups

(41) 3525-0000

Swadisht Cozinha Indiana

Data: 5 e 6/12 Horário: 19h às 22h Local: Hub Curitiba

Estúdio Dos

(41) 3015-1056

(41) 3044-3070

Tecer Tapetes

Expert Beauty Center

(11) 3064 6050

(41) 3340-2660 - Batel

Tecverde

(41) 3042-3454 - Centro Cívico

(41) 3209-2431

(41) 3015-4386 - Champagnat

Timberland

(41) 3013-4545 - Juvevê

(11) 3898-2687

(41) 3317-6191 - Park Shopping Barigui

Todeschini

(41) 3207-7400 - Shopping Palladium

(41) 3252-1238

Galeria da Lona

Transamérica Light

(11) 5549-8311

(41) 3331-1717

Galeria de arte Celso Coppio

Trend Casual

(41) 3222-5288

(11) 3043-9220

Grey House Iluminação

Tropical banana

(41) 3336-4159

www.tropicalbanana.com.br

Sobre os Ombros de Gigantes

Gustavo Sguissardi Fotografia

Vidri Pastilhas

Data: 24/11 Horário: 20h Local: Teatro Regina Vogue

(41) 8828-5505

(41) 3272-9598

Hotfloor

Wöllner

14ª Franchising Fair - Curitiba Data: 22, 23 e 24/11 Horário: 5ª e 6ª feira das 14 às 21hs, e Sábado das 10 às 18hs. Local: Centro de Exposições FIEP

Natal HSBC Data: Sextas, sábados e domingos de 30/11 a 16/12 Horário: 20h10 Local: Palácio Avenida HSBC

Cursos e Palestras Workshop de fotografia

Data: 24 e 26 de novembro Horário: Das 9h às 12 e das 13h às 18h30 Local: Estúdio Cris Hapen

Curso de Visagismo com Philip Hallawell Data: 25 e 28 de novembro Horários: 10h às 20h Local: Centtro – Rua Fernando Amaro, 170 – Alto da XV

Workshop de Prezi Data: 11 e 12/12 Horário: 19h30 às 22h30 Local: Aldeia Coworking

Shows e Teatro

Não existe Mulher Difícil

placecuritiba • nov/2012

Data: 24/11 Horário: 21h Local: Teatro Guairão

98

(41) 3343-3003

(21) 2239-3222

Itá Thermas

Zapata Lá Taquería

Elsa Soares

0800 643 9200

(41) 3029-0087 - Shopping Estação

Data: 25 de novembro Horário: 19h Local: Teatro Sesi (Cietep)

Keune

(41) 3026-0305 - Shopping Muller

(41) 3362-5190

Zapata Mexican Bar

Les Tulipes

(41) 3095-2097- Batel

(41) 3532-4543

(41) 3352-9097 - Centro Cívico

Stacey Kent, Jim Tomlinson e Trio Corrente Data: 29/11 Horário: 21h30 Local: Teatro Positivo

Lique Club (41) 3322-0900


placecuritiba • nov/2012

99


100

placecuritiba • nov/2012

Revista Place Edição de Novembro com Paloma Bernardi  

Confira a Edição de Novembro da Revista Place, com Paloma Bernardi. Revista Place seu lugar é aqui! @revistaplaceCWB | https://www.facebook....

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you