Page 1

PLANEJAMENTO Planejamento é um processo contínuo e dinâmico que consiste em um conjunto de ações intencionais, integradas, coordenadas e orientadas para tornar realidade um objetivo futuro, de forma a possibilitar a tomada de decisões antecipadamente. Essas ações devem ser identificadas de moda a permitir que elas sejam executadas de forma adequada e considerando aspectos como o prazo, custos, qualidade, segurança, desempenho e outras condicionantes. http://www.administradores.com.br/informe-se/artigos/o-que-eplanejamento/39381/


PLANEJAMENTO

“Trata-se, pois, de um modelo teórico para a ação futura. Começa com a determinação dos objetivos e detalha os planos necessários para atingi-los da melhor maneira possível. Planejar é definir os objetivos e escolher antecipadamente o melhor curso de ação para alcançá-los. O planejamento define onde se pretende chegar, o que deve ser feito, quando, como e em que seqüência.” (CHIAVENATO, 2003, p. 167-168).


O planejamento apresenta uma hierarquia e pode ocorrer em três níveis distintos: Planejamento Estratégico, Tático e Operacional

Planejamento Estratégico Planejamento Tático Planejamento Operacional


PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

É o processo de analisar uma organização sob vários ângulos, definindo seus rumos por meio de um direcionamento que possa ser monitorado nas suas ações concretas, utilizando-se, para tanto, de um instrumento denominado “plano estratégico”. http://gestaoestrategica.trt10.jus.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=62&Itemid=76


Etapas do Processo de Planejamento Estratégico Vamos agora à definição de cada uma das etapas do planejamento estratégico. Análise da situação atual A primeira etapa do planejamento estratégico é identificar as condições atuais, externas e internas da organização. A análise da situação atual tem como objetivo avaliar os recursos disponíveis internamente na empresa, sendo eles financeiros, humanos e materiais, além das possibilidades disponíveis no mercado. Divide-se então a análise da situação atual em duas partes, a análise do ambiente externo e a análise interna.


Etapas do planejamento estratégico Ambiente externo Maximiano (2006) diz que “a análise do ambiente externo é um dos pilares do planejamento estratégico. Quanto mais competitivo, instável e complexo o ambiente, maior a necessidade de analisá-lo”. Esta definição é verdadeira, assim que assumimos as organizações como sistemas abertos, ou conjunto de partes interdependentes entre si, que sofrem influência do meio externo. No processo de planejamento estratégico, a primeira etapa compreenderá a identificação dos fatores ambientais que influenciam o desempenho da organização.


Análise interna Maximiano (2006) define a análise interna como “a identificação de pontos fortes e fracos (SWOT) dentro da organização anda em paralelo com a análise do ambiente”. Os estudos dos pontos fortes e fracos da organização são realizados através da análise das áreas funcionais de uma organização (produção, marketing, recursos humanos e finanças), e a comparação do desempenho destas áreas com empresas de destaque (prática conhecida como benchmarking). O benchmarking é a técnica por meio da qual a organização compara seu desempenho com o de outra (MAXIMIANO, 2006). Através do benchmarking, a organização pode observar em outras organizações as melhores práticas para cada uma das áreas funcionais, adaptando suas tarefas e procedimentos de acordo com a conduta destas organizações.


O que é Análise SWOT? Pontos Fortes, Pontos Fracos, Oportunidades e Ameaças A análise SWOT é uma ferramenta utilizada para examinar uma empresa e os fatores que afetam seu funcionamento. Este é o primeiro estágio de planejamento, o que ajuda o empresário focar nos pontos principais da empresa. A sigla SWOT representa a primeira letra das palavras, em ingles: Strengths, Weaknesses, Opportunities e Threats (Pontos fortes, Pontos fracos, Oportunidades e Ameaças). Os Pontos fracos e fortes são fatores internos da empresa. Oportunidades e Ameaças são fatores externos


MATRIZ DE SWOT Strenghts (Pontos Fortes/ Forças

Vantagens internas da empresa em relação às empresas concorrente

Weaknesses(Pontos Fracos/ Fraquezas)

Desvantagens internas da empresa em relação às concorrentes

Opportunities (Oportunidades)

Desvantagens internas da empresa em relação às concorrentes.

Threats(Ameaças

Aspectos negativos do ambiente que envolve a empresa com potencial para comprometer a vantagem competitiva que ela possui.

http://pt.scribd.com/doc/4671538/analise-swot


O que é Análise SWOT? Um ponto forte de sua empresa poderia ser: Vasto conhecimento em marketing, especializado na área. Um novo produto ou serviço inovador. A localização da empresa. Qualidade dos processos e procedimentos. Qualquer outro aspecto que adicione valor ao seu produto ou serviço. Um ponto fraco da sua firma poderia ser: Falta de conhecimento em marketing. Produtos ou serviços semelhantes (ex. Em relação a seus competidores). A localização da seu negócio. http://marketingteacher.com/lesson-store/lesson-swot-portuguese.html


Na análise SWOT, oportunidades e ameaças são fatores externos. Por exemplo: Uma oportunidade para seu negócio poderia ser: Um mercado em desenvolvimento, por exemplo: a internet. Fusões, junção entre empreendimentos ou aliança de estratégias. Mudança para novos áreas do mercado, às quais oferecem melhores lucros. Um novo Mercado Internacional. Uma vaga no Mercado causada pela ineficácia da competição. Uma ameaça poderia ser: A entrada de um novo competidor em sua área empresarial. Guerra de preços com competidores. Um competidor tem um novo produto ou serviço inovador. A competição possui um melhor acesso aos canais de distribuição. Taxas são introduzidas ao seu produto ou serviço. http://marketingteacher.com/lesson-store/lesson-swot-portuguese.html


PLANEJAMENTO TÁTICO

É planejamento de médio prazo, geralmente um ano e se concretiza para definir metas departamentais. Da segurança empresarial tem por objetivo a realização de um estudo prático de análise de riscos corporativos que afetam os ativos tangíveis e intangíveis da empresa. Pode ser realizado pelo gestor de segurança da empresa, já que é desenvolvido nos níveis intermediários da organização. Nele compara-se o custo versus os benefícios, sempre integrando os meios organizacionais, com a reformulação ou criação de normas e procedimentos, com os recursos humanos e os meios técnicos, sejam ativos ou passivos. São exemplos de planejamento tático a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei do Orçamento Anual (LOA). São leis orçamentárias que estimam a arrecadação e definem onde serão aplicados os recursos.


PLANEJAMENTO OPERACIONAL É o planejamento de curto prazo, elaborado para aplicação imediata. Geralmente visa atender a necessidade momentânea, caracteriza-se no planejamento de tarefas ou atividades. Visa atingir aos objetivos propostos no planejamento tático. Segundo SALDANHA (2006, P. 35), o planejamento operacional se utiliza de metas específicas, programas, procedimentos, métodos ou normas. Na administração pública é comum a elaboração de decretos, portarias ou leis, para o cumprimento das metas previstas no planejamento operacional.


O planejamento operacional

É constituído de uma infinidade de planos operacionais que proliferam nas diversas áreas e funções dentro da empresa: produção ou operações, finanças, mercadologia, recursos humanos etc. Os planos operacionais cuidam da administração pela rotina, para assegurar que todos executem as tarefas e operações de acordo com os procedimentos pretendidos pela empresa, a fim de que este alcance os seus objetivos. Os planos operacionais estão voltados para a eficiência (ênfase nos meios), pois a eficácia (ênfase nos fins) é problema dos níveis institucional e intermediário da empresa.


Embora os planos operacionais sejam heterogêneos e diversificados, eles podem ser classificados em quatro tipos:

1 - Procedimentos: constituem a seqüência de passos ou etapas que devem ser rigorosamente seguidos para a execução dos planos. Os procedimentos são rotinas e podem ser expressos na forma de fluxograma. 2 - Orçamentos: são planos operacionais relacionados com o dinheiro dentro de um determinado período de tempo. Ao nível operacional, os orçamentos geralmente têm a extensão de um ano.


3 - Programas: ou programações constituem planos operacionais relacionados com o tempo, são planos que selecionam com duas variáveis: tempo e atividades que devem ser executadas. O programa mais simples é chamado de cronograma. 4 - Regras e regulamentos: constituem planos operacionais relacionados com o comportamento solicitado às pessoas. Especificam como as pessoas devem comportar-se em determinadas situações.


Fluxo de Caixa

Planejamento Planejamento Financeiro Financeiro

Plano de Investimento Plano de Aplicação

Plano de Produção

Planejamento Planejamento Estratégico Estratégico

Planejamento Planejamento de deProdução Produção

Plano de Manutenção Plano de Abastecimento Plano de Vendas

Planejamento Planejamento de deMarketing Marketing

Planejamento Planejamento de deRecursos Recursos Humanos Humanos

Plano Propagando Plano de Treinamento

Alcance dos Objetivos Departamentais


OLHANDO PARA O SERVIÇO PÚBLICO

O planejamento deve levar em consideração alguns fatores: a)Fatores internos – Estrutura da organização, recursos financeiros disponíveis, quantidade e qualidade dos funcionários, históricos anteriores, prioridade dos objetivos a serem alcançados, entre outros. b)Fatores externos – Legislação vigente, política econômica, condição social da população, expectativa da população, reivindicações da comunidade, entre outros.


OLHANDO PARA O SERVIÇO PÚBLICO Há dois grupos de fatores que afetam o processo de planejamento: 1. Fatores incontroláveis, os elementos que não têm uma causa direta e localizável. Por exemplo: o crescimento da população, o ambiente político e as pressões sociais. 2. Fatores controláveis, os elementos sobre os quais a organização tem algum controle por meio das decisões de seus administradores. Por exemplo: a pesquisa, localização dos edifícios e relações organizacionais. (MEGGINSON, MOSLEY & PIETRI Jr, 1998, p. 177).


Planejamento  

Apresentação do planejamento

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you