Issuu on Google+

Boletim Temático Poluição

BOLETIM TEMÁTICO POLUIÇÃO

o Ar/Atmosfera o Solos o Água o Nuclear o Sonora

CURSO DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DE ADULTOS B3

OPERADOR DE MANUTENÇÃO HOTELEIRA 0


Boletim Temático Poluição

ÍNDICE

INTRODUÇÃO ................................................................................................................................ 1 Poluição do Ar/Atmosfera ............................................................................................................. 2 Poluição dos Solos ......................................................................................................................... 4 Poluição Nuclear ........................................................................................................................... 5 Poluição Sonora............................................................................................................................. 6 Poluição da Água ........................................................................................................................... 8 APRESENTAÇÃO DOS DADOS RECOLHIDOS ................................................................................ 10 CONCLUSÃO: ............................................................................................................................... 18


Boletim Temático Poluição

INTRODUÇÃO Este trabalho foi realizado no âmbito do tema de vida “A Poluição”, pelo curso EFA_B3 B3 de Operador de Manutenção Hoteleira. Os objetivos foram conhecer as principais causas e efeitos da poluição, em geral, e sensibilizar os cidadãos para algumas formas de evitá-la. Estamos conscientes que a poluição está a afetar cada vez mais o nosso planeta, a todos os níveis. As consequências podem ser graves e devastadoras, caso não se adotem medidas urgentes.

Durante quanto uanto tempo irá continuar o Homem H a contaminar os seus solos, o seu ar, o seu ambiente e as suas águas?

Definição de poluição: A palavra poluição diz respeito à contaminação ou degradação do meio ambiente, prejudicando a vida. Em geral, ela é provocada por nós, seres humanos; as suas consequências afetam não somente as pessoas mas toda a vida na terra. Existem vários tipos de poluição: poluição do ar/ atmosfera; solos; água; nuclear e sonora. Existe também a poluição do meio urbano e do meio rural,, sendo que a poluição do meio urbano é mais prejudicial, prejudicial porque habitam mais pessoas nas zonas urbanas do que no campo.

1


Boletim Temático Poluição As crianças e os idosos são os mais frágeis e, por isso, são os que estão mais expostos a este problema.

Poluição do Ar/Atmosfera /Atmosfera David Reis

A crescente poluição do ar, nas áreas urbanourbano industriais, decorre do facto de serem as áreas que possuem mais fontes poluidoras.

A poluição do ar é provocada pela libertação de elementos como: o: radiações, vibrações e substâncias ou agentes contaminantes num determinado ambiente, prejudicando os ecossistemas biológicos ou os seres humanos.

A poluição oluição atmosférica é o efeito provocado na atmosfera por diferentes elementos sólidos, líquidos ou gasosos provenientes, sobretudo, da atividade do Homem, responsável por um conjunto de problemas ambientais.

A poluição do ar é provocada de forma directa ou indirecta pelo Homem, causando efeitos negativos no equilíbrio ambiental, bem como danos na saúde humana, nos seres vivos e ecossistemas ali presentes. pres Estes efeitos podem ser reduzidos com a prevenção. prevenção

Prevenção:

Poluição do ar/Poluição Atmosférica

Algumas das medidas protecionistas podem ser:  Medir e conhecer a concentração dos poluentes no ar;  Definir as fontes poluentes;  Definir a qualidade do ar;  Analisar os valores limite;  Observar a evolução da qualidade do ar;  Planear ações que promovam uma melhor qualidade do ar, por exemplo, reduzir as emissões de poluentes atmosféricos.

Muitas pessoas não sabem que há uma diferença entre a poluição do ar e a poluição atmosférica. Apesar das consequências e a prevenção serem feitas praticamente da mesma maneira, a diferença é que poluição do ar refere-se se à qualidade do ar que respiramos. Por exemplo, emplo, quando há poeira no ar, o ar que está poluído. Enquanto a poluição atmosférica, refere-se refere à poluição da atmosfera, camada protetora que envolve a Terra e a protege dos raios UV e das altas temperaturas do Sol. A poluição do ar agravou-se desde a altura da Revolução Industrial na Inglaterra (séc. XVIII). Ao respirarmos ar poluído, as partículas presentes no ar podem depositar-se se nos nossos pulmões, o que pode conduzir a doenças e problemas de saúde.

Nos dias de hoje, quase todas as grandes cidades enfrentam este problema e sofrem com os efeitos da poluição. 2


Boletim Temático Poluição

Consequências:

Camada de ozono

A poluição do ar ou atmosférica pode causar:

A camada do ozono é formada pelo Ozono e situa-se situa na estratosfera.

o o o o o o o

Irritação nos olhos e garganta; Asma; Doenças crónicas no aparelho respiratório; Dor de cabeça; Bronquite/rinite Perturbações nervosas; Infeções, por exemplo, pneumonia. pneumonia

Esta camada serve de barreira para as radiações electromagnéticas emitidas pelo Sol, tais como a radiação infravermelha. Deixa apenas passar uma pequena parte dos raios ultravioleta, benéficos para o planeta. Oss cientistas descobriram que a camada estava mais fina e que tendia a desaparecer. Se houver excesso de radiações ultravioleta, podem surgir graves consequências, como o aumento de doenças de pele (por exemplo, o cancro) e alterações do ADN.

A poluição atmosférica pode consequências a longo prazo: o o o o o o o

trazer

outras

Com a ajuda de todos, é possível reduzir reduz o buraco na camada do ozono.

Smog1; Chuvas ácidas; Efeito de estufa; Destruição da camada de ozono; Alterações climatéricas; Diminuição da qualidade do ar; Problemas de saúde em relação aos seres vivos.

Medidas para minimizar a poluição A poluição é um problema grave que afeta o nosso planeta e, por isso, há medidas que podem e devem ser tomadas por todos nós, de modo a remediarmos o mal e voltar a garantir a qualidade de vida.

Chuvas ácidas A chuva ácida é caracterizada por ter um PH ácido (abaixo de 4,5) e produz-se se quando o enxofre, proveniente da queima dos combustíveis fósseis, fós eo azoto, presentes no ar se combinam com o oxigénio, formando assim o dióxido de enxofre e dióxido de azoto. Estes componentes espalham-se se pela atmosfera e fundem-se se com as partículas de água que estão em suspensão, provocando desequilíbrios na natureza, levando à morte de seres vivos e degradação degr de edifícios ou monumentos, e provocando problemas de saúde nas populações.

1

Devemos: - Diminuir a dependência do transporte privado, com a alternativa de andar a pé ou de transportes públicos; - Evitar o uso de sprays que prejudicam a qualidade do ar; - Instalação de filtros por parte das indústrias; - Diminuir o abate progressivo de árvores e tentar reflorestar as áreas destruídas.

A palavra deriva do inglêss smoke (fumo) + fog (nevoeiro). Smog é uma

das consequências da poluição atmosférica rica Este fenómeno fen consiste numa mistura de poluentes (como por exemplo, monóxido mon de carbono, ozono). Está dependente do Sol e, por isso, torna-se mais intenso nas alturas mais quentes dos dias, como à hora de almoço almo ou à tarde.

3


Boletim Temático Poluição

Principais consequências:

Poluição dos Solos Manuel Carvalho Raul Pinto Vítor Losna A poluição dos solos consiste na presença de elementos químicos de origem humana prejudiciais a todas as formas de vida. É uma forma de poluição que afecta a camada superficial da crosta terrestre.

o o o o o o o o

o o o Esta situação causa malefícios, directos e indirectos, à vida humana, à natureza e ao meio ambiente em geral.

Formas e estratégias de evitar a poluição dos solos:

Principais causas de poluição o

o

o

o o

O solo pode ficar infértil; Contaminação de rios, lençóis freáticos, nascentes, lagos; Desequilíbrio do ecossistema, através da extinção de plantas e animais; Mudanças na densidade e consistência do solo; Saturação do solo; Alterações na tipologia do solo; Perda da capacidade de drenagem natural; Elevação na temperatura do solo, quando ocorre a formação de gases no subsolo (metano e dióxido de carbono) Impregnação de substâncias poluentes; Mudanças no cheiro da terra que compõe o solo; Formação de lamas de esgoto na superfície;

Para defender e preservar a qualidade do solo devemos:

Na agricultura e pecuária os solos são sujeitos a uma carga excessiva de fertilizantes. Na indústria, os solos onde estão instaladas as indústrias como refinarias de petróleo, fábricas de produtos químicos, de curtumes e têxteis, estão muito contaminados. Na exploração mineira os depósitos de resíduos deixados a céu aberto formam camadas que contaminam os solos. Lixeiras a céu aberto. Lixo doméstico, embalagens, comidas, plásticos, etc.

- Tratar lixos e resíduos domésticos e industriais; - Colocar o lixo nos recipientes próprios; - Proteger as florestas; - Utilizar, sempre que possível, materiais reciclados e preferir produtos ecológicos; - Fazer a separação de vidro, papel, cartão, alumínio e plásticos; - Cultivar organicamente.

Este tipo de poluição compromete a vida dos seres vivos que ali habitam e, por sua vez, contaminam os solos.

Consequências da poluição dos solos: A poluição do solo provoca vários problemas ambientais; além do solo atinge também rios, mares e lençóis freáticos.

O MUNDO ESTÁ NAS SUAS MÃOS

4


Boletim Temático Poluição

Alguns Desastres Nucleares

Poluição Nuclear Bruno Ferreira Fernando Palma A energia nuclear é a energia libertada numa reação nuclear.

Chernobyl: no dia 26 de Abril de 1986, uma experiência mal conduzida, aliada a problemas estruturais da fábrica causou a explosão de Chernobyl. Cerca de 31 pessoas morreram na explosão e durante o combate ao incêndio. Outras centenas faleceram depois, por causa da exposição à radioactividade.

Existem duas formas de aproveitar a energia nuclear para convertê-la em calor.

- Bombas atómicas (arma explosiva cuja energia deriva de uma reacção nuclear e tem um poder destrutivo imenso - uma única bomba é capaz de destruir uma cidade inteira) foram usadas duas vezes em guerra, pelos Estados Unidos contra o Japão nas cidades de Hiroxima e Nagasaki, durante a Segunda Guerra Mundial. Mais de 100 mil pessoas morreram nos ataques e outros milhares morreram nos anos seguintes, devido a complicações causadas pela radiação.

A principal vantagem da energia nuclear é a não utilização de combustíveis fósseis, não lançando na atmosfera gases tóxicos, não aumentando o efeito estufa.

Utilização: fabrico de bombas nucleares, substituição de fontes de energia e de alguns combustíveis. A utilização da energia nuclear vem crescendo a cada dia, pois é uma das alternativas menos poluentes, permite adquirir muita energia num espaço pequeno e a instalação de fábricas perto dos centros consumidores, reduzindo o custo de distribuição de energia. A energia nuclear torna-se mais uma opção energética no mundo moderno.

- Fábrica Nuclear (E.UA): A fábrica nuclear de Three Mile Island, na Pensilvânia, corre o risco de derretimento, o mais grave tipo de acidente nuclear. Nuvens de partículas radioactivas já escaparam do reactor para a atmosfera, mas os técnicos afirmam que o risco de contaminação ainda é pequeno.

É usada em centenas de centrais nucleares em todo o mundo.

Vantagens e Desvantagens do uso da energia nuclear

Consequências do uso da Energia Nuclear

A discussão em torno da utilização de energia nuclear é muita. Os governos afirmam que esta é uma alternativa segura, eficiente e que não polui, no entanto, os ambientalistas alertam sobre o perigo da poluição nuclear.

A tecnologia nuclear é perigosa, já causou acidentes graves com milhares de mortes e doenças decorrentes desses acidentes, além da perda de grandes áreas. A utilização desse deste tipo de tecnologia continua a apresentar graves riscos para toda a humanidade. Os reactores e instalações nucleares geram grandes quantidades de lixo nuclear que precisam ficar sob vigilância por milhares de anos. Não se conhecem técnicas seguras de armazenamento do lixo nuclear.

A poluição nuclear é causada pelo uso incorrecto ou pelos resíduos radioactivos provenientes das fábricas nucleares ou aparelhos de raio-x. Apesar do lixo nuclear poluir menos que o lixo comum produzido pelas indústrias e residências, porque este 5


Boletim Temático Poluição possui um rigoroso controle de organização. O grande problema é que o lixo nuclear possui a capacidade de permanecer activo por milhares de anos e, no caso de acidentes, as consequências são muito piores.

Poluição Sonora Lino Lopes Nelson Fernandes A poluição é hoje em dia um dos problemas mais preocupantes que se vive no planeta Terra. Mais que um problema ambiental, a poluição é também um problema social. Na legislação ambiental, poluição é

A grande resistência atual quanto à utilização da energia nuclear concentra-se na produção e tratamento dos resíduos radioativos gerados pelas fábricas, pois estes elevam muito os custos desta energia.

definida como a degradação da qualidade ambiental resultante de actividades que prejudiquem a saúde, segurança e o bem-estar da população, criem condições adversas às actividades sociais e económicas, lancem matérias ou energia em desacordo com os padrões ambientais estabelecidos.

Quais são as vantagens da energia nuclear? A energia nuclear tem como principais vantagens:

Segundo a Organização Mundial de Saúde, a poluição sonora é a terceira mais grave do ambiente. Este tipo de poluição está relacionado com o barulho que a população faz.

 Ser uma energia de baixo custo;  Ser uma energia limpa.

Desvantagens do uso da energia nuclear A energia nuclear é aquela que mais tem preocupado os ambientalistas, pois todas as actividades relacionadas com o seu uso trazem efeitos desagradáveis tanto para o ambiente como para o ser humano. Os três grandes problemas associados à utilização deste tipo de energia são: - perigo na manipulação do material radioactivo;

Causas da Poluição Sonora

-possibilidade de desvios clandestinos de material nuclear, -o

armazenamento

do

lixo

A poluição sonora é o tipo de poluição provocada pelo som. É originada pela produção de sons com elevada intensidade. Geralmente, estes sons são sons que se tornam insuportáveis, passando a ser considerados como ruído perturbador.

radioactivo.

A poluição sonora faz-se sentir mais nas grandes cidades, ou seja, nas zonas com maior densidade populacional. As principais fontes deste tipo de poluição são: o o o

6

Máquinas de construção civil; Trânsito e movimento caóticos nos grandes centros urbanos; Actividades industriais;


Boletim Temático Poluição

o o o

Movimento de um elevado número de pessoas em espaços fechados; Discotecas; Concertos musicais e eventos relacionados.

- Perda de memória; - Queda no rendimento escolar; - Afastamento de espécies animais.

Curiosidade: O Decibel (dB) Prevenção

A unidade de medida da intensidade do som é o Decibel (dB). A unidade (1 dB) é o valor correspondente ao som mais baixo que o ouvido humano consegue detectar.

O efeito nefasto do ruído depende de fatores como: tipo de ruído e sua intensidade, a sua duração e as características da própria pessoa sujeita à poluição sonora. A poluição sonora provoca graves danos ao nosso cérebro e sistema nervoso, por isso, temos que evitar locais muito ruidosos e evitar causar barulhos e ruídos que ponham em causa o nosso bem-estar e o bemestar dos que nos rodeiam. Este problema é reversível principalmente, através da sensibilização da população no sentido de evitar a poluição sonora e evitar longas exposições a sons demasiado intensos.

O ouvido humano pode sofrer lesões a partir dos 85 dB e 120 dB corresponde ao limiar da dor.

Devemos também: - usar protecções nos ouvidos em trabalhos que exigem exposição a ruído; - evitar a ida com frequência a discotecas e locais públicos com sons intensos; - ouvir música num volume moderado.

Consequências - Redução da capacidade auditiva, surdez; - Insónias; - Interferência com a comunicação; - Interferência na aprendizagem; - “Stress”; - Alteração do sistema nervoso; - Alucinação; - Fadiga; - Irritação das pessoas; - Doenças psíquicas;

7


Boletim Temático Poluição

o

Poluição da Água Roberto Melo José João A poluição entende-se como a acção directa di ou indirecta do homem sobre o meio ambiente, provocando efeitos negativos gativos no equilíbrio ambiental e na saúde humana. A poluição é normalmente causada por agentes agen designados por poluentes, que podem ser de natureza na química, natural ou até mesmo sobre formas energéticas como Luz, Calor e/ou Radiação.

o

Principais ipais Consequências da poluição das águas

Até mesmo produtos do nosso quotidiano podem ser considerados poluentes. Por exemplo, os NOX (óxido de azoto) que são produzidos pela indústria, são frequentemente considerados como poluentes, poluentes quando em contacto com os raios solares e a humidade da atmosfera originam poluentes como o HNO3 ou o Smog.

Floração das águas:

A água é vital para qualquer ser vivo, vivo seja ele homem, animal ou vegetal. Precisamos da água para sobrevivência, plantações,, consumo e criação de animais.

Fenómeno que é causado pelo uso de fertilizantes agrícolas, que contêm compostos como fósforo e azoto que, quando atinge os cursos de água, nutrem as plantas aquáticas. Com o aumento de tais nutrientes, a população da flora aquática cresce fora de controlo, controlo fazendo com que haja uma menor transparência da água o que, por sua vez, faz com que uma menor quantidade de luz solar passe. e. Tudo isto provoca uma diminuição na diversidade do habitat, provocando uma redução no alimento para muitos microorganismos, fazendo ndo com que a comunidade de invertebrados invert e vertebrados empobreça drasticamente.

De acordo com um estudo feito pela Organização Mundial de Saúde (OMS), pelo menos 2 milhões de pessoas, principalmente as crianças até aos 5 anos, morrem por ano, no mundo devido a doenças originadas ori por águas contaminadas.

Principais pais Causas de Poluição da Água

o

o

Matéria orgânica - formada pelos detritos que constituem os esgotos de habitações, de criação de gado e também de algumas indústrias: lacticínios, azeite, têxteis e papel. A decomposição desta matéria orgânica em excesso esgota o oxigénio dissolvido na água, causando a morte dos seres vivos aquáticos; Aquecimentos das águas - as águas usadas para refrigeração efrigeração nas indústrias saem aquecidas para o exterior. Este desequilíbrio na temperatura pode provocar a morte de alguns seres vivos e o desenvolvimento exagerado de outros.

Resíduos e Detritos – lixo sólido na água que incapacita a entrada de luz na água, causando a morte de plantas aquáticas. Diminui o oxigénio dissolvido ssolvido na água, comprometendo a sobrevivência dos outros seres vivos; Produtos químicos - ácidos, adubos, pesticidas e detergentes, são lançados na água, provocando a sua poluição. Os acidentes com petroleiros ou a limpeza dos seus tanques deitam eitam ao mar grandes quantidades de petróleo, o que dá origem às chamadas marés negras. Como resultado, as praias ficam poluídass e morrem muitos peixes e aves.

Eutrofização: É uma consequência causada pela grande quantidade de nutrientes derivados de compostos químicos ricos em fósforo ou nitrogénio, normalmente malmente vindos de descargas agrícolas, urbanas e/ou industriais em águas estagnadas. Esta situação leva há multiplicação excessiva da flora aquática que, ao entrar em decomposição, leva ao crescimento da quantidade de microorganismos e à consequente deterioração da qualidade da água. 8


Boletim Temático Poluição

Formas de evitar a Poluição da Água:

Hipóxia Com o aumento de organismos consumidores de oxigénio pode ocorrer um fenómeno de baixa concentração de Oxigénio nos ambientes aquáticos. Ocorre quando a concentração de oxigénio dissolvido (OD) se encontra a níveis baixos, danificando os organismos aquáticos presentes nos ecossistemas.

Não jogar lixo em rios, mares e lagos; Não deitar óleos nas redes de esgotos; Não utilizar agro-tóxicos em fontes hídricas; Não desviar os esgotos domésticos para linhas de água;  Não construir em regiões de linhas de água;  Os governos devem intensificar as fiscalizações nas indústrias, obrigando-as a reduzir na utilização de produtos químicos na mineração e na agricultura;  Fiscalizar e adoptar medidas correctivas nas fábricas que lançam resíduos tóxicos nos rios;  Banir as lavagens clandestinas de barcos no mar, pois estes descartam os combustíveis na água;  Ter atenção aos resíduos radioactivos que são largados e depositados no fundo do mar;  Ter atenção e estar preparado para os acidentes com petroleiros que derramam milhares de toneladas de petróleo na água.    

A concentração de oxigénio dissolvido é geralmente de 8 mg.L-1 a 25ºC, entre 0 e 1.000 m de profundidade.

Transmissão de doenças: Águas poluídas podem causar múltiplos efeitos nocivos à saúde humana, tais como: Febre Tifóide, Cólera, Disenteria, Meningite e Hepatites A e B. Pode causar também doenças transportadas por mosquitos, como: Paludismo, Dengue, Malária, Doença do Sono, Febreamarela, etc. A escassez da água pode gerar ou potenciar doenças como a Lepra, Tuberculose, Tétano e Difteria. Águas poluídas por descargas de líquidos industriais podem causar contaminação, por metais pesados que geram Tumores, problemas Hepáticos e de Tiróide, alterações Neurológicas, Dermatoses, Rinites Alérgicas, disfunções Gastrointestinais, Pulmonares e Hepáticas. Em caso de contaminação por mercúrio, pode ocorrer Anúria e diarreia Sanguinolenta. A Dengue é uma doença que se propaga somente na água, porém, essa água tem que estar parada e limpa para a criação do insecto.

Escassez da Água Potável: Cada vez há menos quantidade de água natural consumível para o ser humano.

9


Boletim Temático Poluição

APRESENTAÇÃO DOS DADOS RECOLHIDOS *HÁBITOS DE PRESERVAÇÃO AMBIENTAL* Ficha Técnica:  Tipo de Estudo: Sondagem  Instrumento utilizado: Inquérito  Destinatários: Formandos que frequentam ações de formação no Centro de Formação Profissional de Faro (Areal Gordo), cujas idades variam entre os 20 e os 60 anos, na sua maioria dos 30 aos 40.

O estudo estatístico incidiu na aplicação de um inquérito, cujo objectivo foi recolher informação, junto dos formandos que frequentam ações, no Centro de Formação Profissional de Faro (Areal Gordo), sobre hábitos de preservação ambiental. A recolha de dados foi realizada no âmbito do estudo do Tema de Vida – Poluição e os mesmos foram tratados e analisados através da elaboração de gráficos. Foi seleccionada uma amostra de 100 formandos (67 do género masculino e 33 do género feminino), de forma aleatória, entre os formandos do Centro.

10


Boletim Temático Poluição

APRESENTAÇÃO DA ANÁLISE DAS QUESTÕES Questão 1: No seu quotidiano preocupa-se preocupa com o ambiente? 100 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0

Sim Não

Sim

Não

Relativamente à questão número 1, analisando os dados obtidos, junto do total da amostra (100 formandos), formandos) verifica-se que a grande maioria dos inquiridos (95%) responderam afirmativamente, ou seja, confirmaram que no seu quotidiano se preocupam com o ambiente e apenas uma minoria dos inquiridos (5%) responderam negativamente. Da análise dos dados recolhidos, conclui-se conclui que a maioria das pessoas inquiridas revela preocupar--se com o ambiente.

Questão 2: Faz separação do lixo doméstico? doméstico

70 60 50 40 30 20 10 0 Sim

Não

N.R

Na questão sobre separação do lixo doméstico, doméstico verificou-se que 63% dos inquiridos responderam sim, 36% responderam respon que não e 1% não respondeu. Sendo endo assim, assim a maioria dos inquiridos faz a reciclagem doméstica.

11


Boletim Temático Poluição Questão 3: No contentor Verde coloca-se? 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0 Papel

Vidro

Plástico

NR

A partir dos dados recolhidos sobre a questão: o que se coloca no contentor Verde?, verifica-se que 15% dos inquiridos, ou seja, 15 pessoas do total da amostra, responderam papel. Deste modo, deduz-se que não fazem correctamente a reciclagem, uma vez que desconhecem o material que se deve colocar no contentor verde (o vidrão). Por outro lado, verifica-se que a maioria, 85%, respondeu vidro, pelo que se conclui que fazem correctamente a reciclagem. Assim, verifica-se que existe um número significativo de pessoas que conhece o material a colocar no ecoponto verde. Esta realidade pode, eventualmente, estar relacionada com o fato deste ecoponto ter sido um dos primeiros a ser colocado e divulgado junto da população. Questão 4: No contentor Amarelo coloca-se? 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0

Respostas

papel

vidro

plastico

n/ respondeu

A partir dos dados recolhidos, conclui-se que só 80% dos inquiridos sabe fazer a reciclagem correcta no ecoponto amarelo, 19% não sabe fazer a separação e 1% não respondeu à questão. Com os dados obtidos, verifica-se que a maior parte dos inquiridos se preocupa e sabe fazer a reciclagem. Conclui-se também que um quinto dos inquiridos não tem informação correcta ou, mesmo tendo conhecimento, não põe em prática a separação de produtos recicláveis. As pessoas também podem colocar todo o tipo de embalagens (pacotes leite, iogurtes, latas de refrigerantes…) no embalão, contentor destinado às embalagens, que está sinalizado a amarelo.

12


Boletim Temático Poluição Questão 5: No contentor Azul coloca-se? 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0 Papel

Vidro

Plá/Metal

Ñ Respondeu

Analisando os dados obtidos verifica-se que uma parte das pessoas que responderam ao inquérito não sabe os materiais que pode colocar nos contentores azuis, pois 9% responderam vidro, 13% responderam Plástico/Metal e 1% não respondeu à questão. Logo, conclui-se que 23% dos inquiridos responderam erradamente e 77% dos inquiridos responderam correctamente à questão, ou seja, papel. Verifica-se, deste modo, que a maioria das pessoas sabe utilizar o contentor azul, ou papelão, mas ainda há uma quantidade significativa de pessoas que não possuem a informação para a utilização correcta destes contentores.

Questão 6: O local destinado às pilhas usadas é: Pilheiro, Pilhão ou Contentor de Pilhas? 80 70 60 50 40 30 20 10 0 Pilhão

Pilheiro

Contentor de pilhas

Nesta questão verificou-se que 70% respondeu acertadamente pilhão, 25% respondeu pilheiro e 5% respondeu contentor de pilhas. Sendo assim, a maioria respondeu correctamente a esta pergunta.

13


Boletim Temático Poluição Questão 7: Evita gastar água em excesso? 120 100 80

sim

60

não

40

total

20 0

Observando o gráfico verifica-se que a maioria dos inquiridos, 85%, respondeu que evita gastar água em excesso e apenas 15% respondeu que não tem cuidado em poupar água. Assim, verifica-se que a maioria dos inquiridos tem consciência e uma atitude correcta em relação ao consumo de água, optando por poupar água.

Questão 8: Evita gastar luz em excesso? 100 80 60 40 20 0 sim

não

A partir da informação recolhida, conclui-se que 89% dos inquiridos respondeu que sim, evita gastar luz em excesso, e 11% não evita poupar. Logo, a maioria das pessoas evita gastar luz, tendo uma atitude consciente face à poupança energética.

14


Boletim Temático Poluição reciclados Questão 9: Quando vai às compras opta por produtos reciclados? 60 50 40 Sim

30

Não 20

Ñ Respondeu

10 0 Sim

Não

Ñ Respondeu

Analisando os dados obtidos verifica-se verifica se que as respostas dadas foram equilibradas, mas a maioria das pessoas inquiridas, 52%, responderam que não optam por produtos reciclados reciclados quando fazem as suas compras. compras Apenas 3% das pessoas inquiridas não responderam a questão. Assim, conclui-se que, apesar das respostas estarem equilibradas, a maioria das respostas mostra que grande parte das pessoas não optam por produtos reciclados nas suas compras.

Questão 10. Quando tem possibilidade opta por se deslocar em transportes públicos? públicos

60 50 40 30 20 10 0 Sim

Não

N.R

Nesta questão 52% dos inquiridos respondem que sim, sim optam pelos transportes públicos, quando possível, possível e 47% respondem que não usam transportes públicos, apenas 1% não respondeu. Sendo assim, verifica-se se que a maioria usa os transportes públicos, 52%, e 47% prefere usar suas as viaturas. 15


Boletim Temático Poluição Questão 11: Quando faz pequenas deslocações opta por ir a pé? 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0 Sim

Não

N.R

A maioria dos inquiridos, 84%, respondeu que em pequenas deslocações opta por ir a pé, 15% respondeu que não e apenas 1% não respondeu à questão. Verifica-se, desta forma, que as pessoas estão mais conscientes em relação ao uso dos meios de transporte em pequenos percursos, optando por andar a pé, evitando, deste modo, gastos desnecessários. Assim, fazem também algum exercício físico, saindo duplamente beneficiados e contribuindo para a preservação do ambiente. Questão 12: Tem o hábito de reutilizar materiais (Caixas, Garrafas, Frascos, Vidros, Sacos…)? 100 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0 sim

não

Quanto aos hábitos sobre reutilização de materiais, conclui-se que 69% dos inquiridos reutiliza os materiais, 4% das pessoas não responderam e 27% afirma não reutilizar materiais.

16


Boletim Temático Poluição (Sprays) Questão 13: Evita usar produtos com CFCs (Sprays)? 60 50 40 Sim

30

Não 20

Ñ Respondeu

10 0 Sim

Não

Ñ Respondeu

Analisando os dados obtidos verifica--se que, a maior parte das pessoas inquiridas, 57%, evita usar produtos que contêm CFCs - Sprays, no seu dia-a-dia. dia. Apenas 39% dos inquiridos responderam negativamente negativamente e 4% não responderam à questão. haver grande diferença entre as respostas positivas e negativas, a maior parte das Assim, conclui-se que, apesar de não haver pessoas tende a evitar o uso de produtos com CFCs no seu quotidiano. Questão 14: A informação institucional divulgada pelos média dia sobre a poluição ambiental é suficiente?

60% 50% 40% 30%

Série1

20% 10% 0% Sim

Não

N.R

Na questão sobre se a informaçãoo institucional divulgada pelos media sobre a poluição ambiental é suficiente, suficient dos 100% dos inquiridos, 51% responderam sim, 44% responderam que não e 5% % não responderam. Verifica-se Verifica que a maioria considera que os media fazem um bom trabalho. A reciclagem e a proteção do d ambiente é um dever de todos, pois se todos ajudarmos este planeta ficará menos poluído. poluído

17


Boletim Temático Poluição

CONCLUSÃO: Com a realização deste trabalho, ficámos mais esclarecidos sobre alguns dos aspetos relacionados com a poluição do Ar/Atmosfera, da Água, do Solo, Nuclear e Sonora. Tomámos uma maior consciência de que é necessário proteger o meio ambiente e sensibilizar os outros para colaborar connosco nesta luta. É necessário que os cidadãos estejam mais informados e conscientes deste problema que afeta o mundo a nível global. Por outro lado, é urgente que as entidades responsáveis façam cumprir a legislação existente, para que todos possam beneficiar de um ambiente mais saudável. Com conhecimento e atitude podemos todos contribuir para a melhoria do ar que respiramos, da água que bebemos, da terra que cultivamos, ajudando a preservar o planeta Terra.

Preservar o ambiente, é bom, dá saúde e é um dever de todos nós!

18


Poluicaovfinal