Page 9

Quadro 20 – Distribuição da população imigrante a trabalhar por conta de outrem, por níveis de qualificação (%) ..................................................................................................................44 Quadro 21 – Desemprego registado por nacionalidade/grupo de países .................................45 Quadro 22 – Evolução dos principais agregados e indicadores e previsões de evolução (stock e fluxos) até 2011......................................................................................................................48 Quadro 23 – Taxa de actividade, taxa de emprego, taxa de desemprego e taxa de inactividade, segundo a região de residência NUT II (NUT 2002), por grupo etário....................................49 Quadro 24 – População empregada Segundo a região de residência NUT II (NUT-2002), por actividade principal (CAE-Rev. 2.1).........................................................................................50 Quadro 25 – População empregada segundo a região de residência NUT (NUT-2002), por profissão principal (CNP).........................................................................................................51 Quadro 26 – Fluxos anuais de população activa e da população empregada (milhares)..........52 Quadro 27 – Estimativas de postos de trabalho a ocupar por trabalhadores imigrantes...........57 Quadro 28 – Cenário de mão-de-obra imigrante......................................................................58 Quadro 29 – Cenários de mão-de-obra Imigrante para 2009 e 2010, por Continente e Regiões Autónomas................................................................................................................................59 Quadro 30 – Cenários de mão-de-obra imigrante para o Continente e Regiões Autónomas, por sector de actividade...................................................................................................................60 Quadro 31 – População estrangeira com permanência regular em território nacional – Fluxos (Saldos Anuais).........................................................................................................................61 Quadro 32 – População empregada segundo três domínios de actividade principal (NUT2002).........................................................................................................................................62 Quadro 33 – Síntese das previsões de recrutamento de mão-de-obra imigrante, por sector de actividade e grupo profissional.................................................................................................72

Figura 1 – Esquema metodológico .............................................................................................5 Figura 2 – Criação líquida de emprego (CLE)............................................................................6 Figura 3 – Fluxos populacionais segundo a condição perante o trabalho ................................10 Figura 4 – Fluxograma do mercado de trabalho ......................................................................11 Figura 5 – Matriz de fluxos populacionais segundo a situação perante o trabalho (Inactividade, Emprego e Desemprego)....................................................................................11 Figura 6 – Algoritmo de Cálculo .............................................................................................13 Figura 7 – Imigrantes por grupos etários..................................................................................37 Figura 8 – Matriz de fluxos populacionais segundo a situação perante o trabalho (inactividade, emprego e desemprego)............................................................................................................52 Figura 9 – Saldos dos fluxos de activos e empregos estimados para 2008...............................53 Figura 10 – Saldos dos fluxos de activos e empregos estimados para 2009.............................55 Figura 11 – Saldos dos fluxos de activos e empregos estimados para 2010.............................56

3

Necessidades de mão-de-obra imigrante em Portugal  

Relatório Final

Necessidades de mão-de-obra imigrante em Portugal  

Relatório Final

Advertisement