Issuu on Google+

Formação

Escolar

Conheça as opções em Ribeirão

pg 1.indd 1

25/10/2013 20:21:25


Pg 2.indd 1

25/10/2013 20:52:00


4. Artigo Prof. Nelson Camargo

5. Curtas Notícias do Brasil e do Mundo

6. Direito Dr. Josenito Barros Meira

7. Prefeito Responde Saulo Benevides

10. Capa Formação escolar

16. Saúde

Outubro, mês das crianças

Dra. Cássia Regina C. Miranda

17. Cidade Os benefícios do Rodonal para Ribeirão

18. Homenagem Mais Notícias - 6 milhões de exemplares

16. Política Infraestrutura e sua importância para a cidade

20. Capa Rede Municipal de Ensino

23. Games Sony lança PS4 no Brasil

24. Cidade Contratar Buffets requer cuidados

26. Destaques GCM de Ribeirão Pires completa 29 anos

27. Política Valmir Copina

28. Consciência Lâmpada de Moser, a luz engarrafada

30. Esporte Allianz Park, a nova casa do Palmeiras

Um passo rumo ao futuro Preocupação de dez entre dez pais, a formação educacional é um dos aspectos mais delicados da primeira e da segunda infância. Exatamente por isso, é um momento delicado e que deve ser tratado com a máxima atenção e carinho. Nesta edição de Mais Conteúdo, iremos abordar o tema afim de apresentar algumas boas opções de escolas em Ribeirão Pires, apontando vantagens e diferenciais de cada uma delas em uma espécie de guia rápido para ajudar nosso leitor nessa escolha. Além disso, iremos também mostrar como estão as obras do Allianz Parque, novo estádio do Palmeiras, que está sendo construído na Zona Oeste de São Paulo, uma obra suntuosa e digna das histórias e tradições do clube que completará 100 anos em 2014. Falando no ano que vem, décimo terceiro chegando às contas, muitos casais também passam a se dedicar ao preparo das festas de casamento, algo que, sem o devido cuidado pode passar de sonho a pesadelo. A Revista Mais Conteúdo consultou o Procon e algumas empresas do ramo para dar dicas para evitar “entrar em uma fria”. Fecho esta apresentação parabenizando a publicação-irmã desta revista, o Jornal Mais Notícias pela marca de 6 milhões de exemplares distribuídos alcançado em sua edição 600, que foi às ruas no último dia 31 de outubro. A marca, alcançada no mesmo em ano em que a publicação completou 10 anos, nos enche de orgulho e motivação para aumentar ainda mais essa marca. Saúde! Boa Leitura! Danilo Meira - Jornalista Responsável

33. Ala Voloshyn Claude Monet

34. Crônica

Nesta edição, a revista Mais Conteúdo apresenta uma fita rosa em sua capa para simbolizar sua participação na campanha “Outubro Rosa”, que lembra a importância da luta contra o Câncer de Mama.

Paulo Franco

Pg 3.indd 1

25/10/2013 20:52:38


Edição 19 - Outubro / 2013 Publicação Mensal de Mais Notícias Empresa Jornalística Ltda. CNPJ: 05.531.420/0001-18 email: maisconteudo@maisnoticias.inf.br Editor: Antonio Carlos Carvalho Jornalista Responsável: Danilo Meira - Mtb: 43.013 Redação: Thiago Quirino - Mtb: 61.451 Marisa Walsick Editoração: Gustavo Santinelli Departamento Comercial: Sidnei Matozo Departamento Jurídico: Dr. Gilmar Andrade de Oliveira Dr. Eric Marques Regadas Colaboraram: Nelson Camargo / Ala Voloshyn Dr. Josenito Barros Meira Paulo Franco / Gazeta Dra. Cássia Regina C. Miranda Raul Carlos Administração: Elisete Helena Pimenta Distribuição Gratuita em: Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Região da Represa Billings Rua Olímpia Catta Preta, 194 1° Andar, Sala 2 • CEP 09424-100 Centro • Ribeirão Pires • SP Fone: 4828-7570 • Fax: 4828-1599 Impressão: Formato Editorial

Pg 4.indd 1

Espionagem: discurso e prática Quando Edward Snowden denunciou a espionagem do Governo Norte Americano ao mundo, inclusive aos emails da presidente do Brasil e da Petrobrás, foi obrigado a procurar refúgio em outras nações, inclusive com medo de ser morto. Pediu asilo a vinte e uma nações, inclusive ao Brasil, cujas autoridades negaram-lhe proteção. O governo do Equador ofereceu guarida diplomata ao denunciante, mas ante a pressão dos Estados Unidos, acabou voltando atrás. Aceitaram dar asilo a Venezuela, a Bolívia e a Nicarágua. Certamente ele preferiu uma nação mais forte que essas e mais estável no momento: a Rússia. Entretanto Wladimir Putin, presidente desse país, advertiu o denunciante, dizendolhe que se ele quisesse permanecer lá, “teria que parar de prejudicar os parceiros americanos”. É claro! Deu asilo pondo os panos quentes: não se fala mais nada sobre o assunto e continuamos a manter relações econômicas com a nação mais rica do planeta, sendo espionado e espionando. Já o governo brasileiro foi mais contraditório: negou o asilo a Snowden, mas a presidente Dilma fez um veemente discurso na 68ª Assembleia das Nações Unidas, dia 24/9/2013, condenando de forma contundente a espionagem americana. A delegação americana e o presidente Obama só entraram no plenário após o discurso da presidente do Brasil, num sinal de desrespeito, arrogância e superioridade. Pergunto: Se negou asilo ao denunciante por que agora reclama? A resposta parece simples. Em primeiro lugar, quase ninguém lembra ou sabia quem era Snowden e a profundidade de suas acusações. Em segundo lugar, o discurso de Dilma repercutiu no Brasil como um sinal de força: afinal de contas

a presidente brasileira desafiou o governo americano, pelo menos em palavras, mas isso rende votos, ainda que sejam palavras que o vento leve e a espionagem continue. Resta saber se o governo brasileiro vai realmente, conforme prometeu, tomar medidas que funcionem, criando um sistema de e-mail nacional, tirando do mercado empresas americanas como a Microsoft e a IBM, avaliada por nossos governantes como ameaças a segurança. Será que terá forças para isso? Considero isso como impossível no momento. Também não esqueçamos que a Internet foi criada nos Estados Unidos como arma de defesa militar na década de 1960 e que a espionagem sempre existiu e existirá...

Nelson Luiz de Carvalho Camargo é pesquisador, professor de Ciências Humanas, Língua Portuguesa, Literatura e de Língua Latina. Nasceu na Vila de Tarumã, estado de São Paulo, em 1947. Veio para Ribeirão Pires, com sua família em 1952, aos cinco anos de idade.

25/10/2013 20:53:06


Por Danilo Meira

Verbas federais garantem reconstrução da estação de trens Em evento realizado no Palácio dos Bandeirantes no último dia 25 de outubro, a presidente da república Dilma Rousseff anunciou a liberação de R$ 5,4 bilhões para obras de infraestrutura de transportes no Estado. Deste valor, por meio do Convênio Mobilidade, cerca de R$ 140 milhões serão usados em obras nas novas estações Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e Guapituba. Além deste montante, a Pérola da Serra teve confirmados pelo governador Geraldo Alckmin uma alça do Rodoanel, R$ 16 milhões para a rede coletora de esgoto e mais R$ 3 milhões para a conclusão do Complexo Hospitalar.

Estátua gigante de Frei Galvão é alvo de polêmica Após uma disputa que chegou a envolver o Ministério Público, a estátua gigante de Frei Galvão voltou para seu lugar de origem, o Santuário Frei Galvão em Guaratinguetá. Um grupo de moradores queria que o monumento, que tem 8 metros de altura, ficasse no centro da cidade, às margens da Rodovia Dutra. Entretanto, a representação de moradores para tal no MP foi arquivada e ela pôde ser encaminhada ao Santuário. Frei Galvão, ou Santo Antônio de Sant’anna Galvão é o primeiro santo brasileiro.

Angela Merkel também é vítima da espionagem dos EUA Após Dilma Rousseff, a mais nova vítima da espionagem eletrônica norte-americana foi a chanceler alemã Angela Merkel, que teve seu celular invadido por agentes da CIA e da NSA. Ela cobrou pessoalmente explicações do presidente dos EUA, Barack Obama, que negou as acusações. Mesmo assim, junto com o governo da França, ela cobra o fim da prática, que foi pauta na reunião da Cúpula Europeia, realizada na penúltima semana de outubro passado: “Não é aceitável a espionagem entre amigos e aliados”, disse Merkel sobre o caso.

Pg 5.indd 1

25/10/2013 20:57:59


O Trem e o Direito dos Usuários O Direito de ir e vir dos usuários da CPTM, dia após dia, é desrespeitado. E Isso acontece unicamente pela má prestação de serviço, apesar das promessas de melhoria feitas pelos governantes quando dos protestos em junho. Antigamente os trens circulavam em horários prefixados, e eram pontuais, ainda que sua partida fosse às 12h57, por exemplo. Quando o trem atrasava o usuário podia justificar tal atraso porque a Rede Ferroviária fornecia o devido comprovante. Esse documento, em ocorrências repetidas, era prova de desserviço. Acabaram com as tabelas horárias. Implantado os intervalos, deixaram de fornecer o comprovante de atraso de trem. A partir daí, só dor de cabeça para os usuários. Apesar da má prestação de serviço, não mais há comprovação documental. A linha, inicialmente, era de Paranapiacaba a Jundiaí. Depois de várias mudanças foi criada a linha Brás/Rio Grande da Serra, cujo trecho, oficialmente, não se modificou. Ocorre que, não conseguindo atender a contento seus usuários, a CPTM, em prejuízo dos usuários de Guapituba, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, determinou que os trens passassem a circular priorizando os usuários de Mauá. A circulação no trecho Mauá/ Brás e vice-versa seria em metade do tempo (5 minutos) em

relação aos demais usuários da Linha Turquesa. Essa mudança não seria dramática se houvesse uma boa administração do sistema e se fossem respeitados tais intervalos. Não é cumprido, com regularidade, o intervalo dos usuários pós Mauá. É comum os trens circularem com mais de 20 minutos de intervalo, o que se verifica facilmente bastando observar o número de usuários na plataforma de qualquer das estações envolvidas. Ocorre de os usuários tomarem o trem na Estação Brás que indica o sentido de Rio Grande da Serra, e terem de descer em Mauá ao serem informados que, por necessidade operacional, aquele trem não mais terá prosseguimento. Aí, mais um trem pós Mauá foi suprimido, deixando os usuários no meio do caminho. Se alguém pensou “pior do que tá não fica”, se enganou: na Estação Ribeirão Pires há uma faixa impedindo os usuários locais, no período da manhã, de embarcar nos dois últimos vagões, sob a explicação de que os assentos fiquem reservados aos clientes de Rio Grande da Serra, porque houve reclamação de que lá os trens sempre chegam lotados. Isso ocorre por culpa da própria CPTM. Em vez de cumprir o intervalo de circulação de trens, a CPTM reduz o número de vagas aos clientes de Ribeirão Pires.

Dr. JOSENITO BARROS MEIRA é advogado, milita na área cível, trabalhista e desportiva. Email: advogado@josenitomeira.com www.josenitomeira.com

Pg 6.indd 1

25/10/2013 20:59:27


Por Thiago Quirino

A única coluna da cidade que coloca a população frente a frente com o prefeito apresenta, neste mês, questões que foram prometidas por Saulo Benevides durante a campanha eleitoral, mas até agora acham-se inconclusas. Infraestrutura, segurança e habitação pautam o prefeito nesta edição da Revista Mais Conteúdo, confira: Sebastião, 46 anos, autônomo, morador do Jardim Iramaia – Gostaria de saber do prefeito Saulo se as promessas que ele fez aos moradores do Jardim Iramaia ainda estão de pé, porque até agora aqui no bairro está tudo do mesmo jeito? – Sebastião, a Prefeitura está trabalhando para promover melhorias em todas as regiões da cidade. Os investimentos estão sendo destinados para infraestrutura, desde limpeza e manutenção do sistema viário, mas também, e principalmente, para a Saúde, Educação, Esporte e Cultura. No caso específico do Jardim Iramaia, já iniciamos obras de pavimentação das principais vias que dão acesso aos moradores. A primeira contemplada foi a Rua Lupicínio Rodrigues. No local, o serviço está sendo finalizado. Também estão no cronograma de pavimentação as ruas Dr. Hélio Cyrino da Silva, Heron Chaves, Ciro Monteiro, Luiz Reis, Severino Vicente de Paula e Paraíso. Vale ressaltar que a obra de pavimentação foi apontada pela Associação Amigos de Bairro como prioridade e estamos atendendo a demanda. Willian Limeira, 39 anos, vendedor, morador do Jardim Serrano – Prefeito, lembro-me de ter lido nos jornais no ano passado que estava tudo certo para termos a construção de apartamentos do Minha Casa Minha Vida aqui no bairro. Como anda esse processo e como faço para me cadastrar nesse programa? Saulo – As habitações de interesse popular construídas em Ribeirão Pires atenderão, prioritariamente, as famílias que residem em área de risco. Essa prioridade, inclusive, é estabelecida por portaria ministerial, que determina as condições do programa Minha Casa Minha Vida. A Prefeitura realizou cadastro social com as famílias em questão. A Secretaria de Planejamento Urbano, Habitação, Meio Ambiente e Saneamento Básico da cidade está à disposição de moradores para esclarecer dúvidas sobre o programa na cidade. Elisabeth Almeida, 51 anos, professora, moradora do Parque Aliança – Caro prefeito, é muito difícil para a Prefeitura construir uma calçada na Avenida Princesa Izabel? Os alunos que saem do Parque Aliança e caminham para a faculdade FIRP tem que dividir espaço na rua com os carros porque no

Saulo Benevides, prefeito da Estância Turística de Ribeirão Pires

caminho não tem calçada. Saulo – A Prefeitura prevê investimentos em infraestrutura no Parque Aliança, inclusive para a construção de calçada na Av. Princesa Isabel, que deve ser executada nas próximas semanas. Marcos Araujo, 27 anos, aeronauta, morador do Jardim Dois Melros – Prezado prefeito Benevides, agora está difícil até de entrar na Prefeitura, o estacionamento do Paço é cheio de buraco, não tem como dar um jeito nisso? Saulo – O cronograma de manutenção da Prefeitura inclui o Paço Municipal. Dentro do calendário de serviços, serão efetuadas melhorias no local, que recebe diariamente centenas de pessoas, tanto profissionais da Prefeitura como contribuintes e moradores da cidade. Mika Itaoka, 15 anos, estudante, moradora do Jardim Mirante – Saulo, tem muita gente usando drogas no centro de Ribeirão à noite, todos os bares vendem bebidas para menores, será que só os seus fiscais e a GCM não enxergam isso? Ou será que eles não querem enxergar? #ABSURDOEMRIBEIRAO Saulo – Mika, é muito importante que os jovens tenham a consciência que você tem sobre os perigos do abuso de álcool e outras drogas por pessoas de sua idade e também por adultos. A Prefeitura de Ribeirão Pires apoia e participa ativamente da campanha de proibição de álcool para menores de 18 anos. Em parceria com o Governo do Estado, responsável por esta ação, o município promove, semanalmente, vistoria em bares e estabelecimentos que comercializam bebidas alcoólicas. Somente neste ano, mais de mil estabelecimentos foram vistoriados, alguns mais de uma vez, num total de quase 2 mil visitas dos fiscais. Além das vistorias periódicas, a Prefeitura promove com frequência operações Força Tarefa, ação conjunta entre PM, Polícia Civil, Guarda Civil Municipal, Conselho Tutelar da cidade e profissionais das equipes de fiscalização do município. As equipes observam, porém, que os comerciantes respeitam a legislação. Durante esse ano, em todas as vistorias realizadas, apenas um estabelecimento foi autuado por descumprir a legislação. Muitos adultos, inclusive responsáveis pelos jovens, compram e entregam a bebida ao adolescente. Por essa razão, também investimos em ações de conscientização sobre os malefícios do álcool e outras drogas que geram dependência e causam danos à saúde. Vale lembrar também que Segurança Pública é uma obrigação do Governo do Estado de São Paulo, através das Polícias Civil e Militar.

07

Pg 7.indd 1

25/10/2013 21:00:09


Pg 8.indd 1

25/10/2013 21:01:05


Pg 9.indd 1

25/10/2013 21:02:05


Colégio São José

32 anos

Fundado no dia 01 de outubro de 1981, o colégio São José comemora 32 anos de muita dedicação e amor pela Educação, tendo como o Diretor Pedagógico o Professor Luiz Carlos Grecco que declara: “Agradeço ao Grande Arquiteto por ser um educador e me dedico a esta profissão há mais de 40 anos ,tenho também uma grande satisfação em ver meus filhos empenhados na arte nobre de educar,administrando o Colégio São José e agora também na educação infantil com o São José Jr” No Ensino Fundamental I E II contamos com o apoio pedagógico da Rede Pitágoras, hoje presente inclusive no Japão,mantém um alto nível de exigência, ao mesmo tempo em que cuidam para que os alunos tenham o prazer em aprender. Ao longo dos anos, mudanças e inovações vieram para alcançar a excelência tanto do ensino como das relações com os alunos, pais, professores e toda a equipe. Com o apoio pedagógico do Universitário o sistema propicia à escola um programa completo, seguindo uma metodologia avançada e dinâmica. Através dos materiais e serviços prestados, os educadores têm ferramentas importantes que permitem compartilhar ideias na área educacional e de gestão, visando a excelência do atendimento ao aluno e à sociedade. Temos ainda o Curso Técnico em Segurança do Trabalho onde o profissional se torna responsável pelo equilíbrio entre a realização das atividades e tarefas exigidas numa empresa e o emprego adequado e seguro de procedimentos. Sua atenção maior é o trabalhador. Sua função é a de zelar pela correta aplicação de normas de segurança. No curso Técnico em Química, buscamos a qualificação de todos profissionais que atuam na área desde a operação do processo até o controle de qualidade, tornando-os profissionais aptos para o mercado,e que estejam dentro das exigências das empresas que pleiteiam uma certificação de qualidade com profissionais devidamente credenciados.

Ficha Técnica Fundação: 01/10/1981 Cursos Oferecidos: • Educação Infantil (São José Júnior) • Ensino Fundamental I e II • Ensino Médio • Cursos Técnicos em Segurança do Trabalho e Química Período de Matrículas: • Cursos Regulares: 01/10/2013 a 10/12/2013

Pg 10.indd 1

Valores • A consultar Contatos • Telefone: 4828-2620 / 4828-6028 (Colégio São José) 4825-5349 / 4825-5292 (São José Júnior) • Site: www.colsaojose.com.br • E-mail: c.saojose@yahoo.com.br Facebook: https://www.facebook.com/#!/colegio.saojose.1

25/10/2013 21:02:48


Pg 11.indd 1

25/10/2013 21:05:11


Localizado no Centro Alto de Ribeirão Pires e com mais de 15 anos de tradição, o Colégio Jean Piaget tem como principal diferencial seu sistema de ensino, o J. Piaget, que tem como premissa trazer o que existe de mais moderno em metodologias educacionais, de forma a fazer o aluno pensar de forma crítica e criativa desde a Educação Infantil até o Ensino Médio. Esta metodologia faz inovador uso de tablets que se relacionam com os livros, oferecendo vídeos, aulas digitais, jogos interativos e exercícios direcionados para cada faixa etária. Na Educação Infantil, os materiais didáticos digitais e impressos oferecem atividades individuais, coletivas, livres ou orientadas que levam em conta a forma como a criança vê o mundo, apresentados por meio de personagens e fantoches adequados para a idade, com temas lúdicos, dinâmicos, interativos e divertidos, que proporcionam aprendizagem significativa e prazerosa, obedecendo aos eixos indicados nos referenciais curriculares nacionais. No Ensino Fundamental I, são apresentadas atividades de forma contextualizada e com muitos desafios, pesquisas e jogos, que incentivam a busca por soluções com conteúdo que valoriza os conhecimentos prévios de cada criança, associando o estudo à vida cotidiana e a prática social, integrando o conhecimento à realidade do aluno. Nesta fase, o conteúdo apresenta personagens que se desenvolvem junto com o aluno, que se identifica com as figuras tornando a aprendizagem mais significativa. Os livros digitais interativos acompanham o trabalho do professor, oferecendo um prazer especial ao ato de aprender e funcionando como facilitador do processo de ensino e aprendizagem, trazendo dinamismo e tecnologia para o ambiente escolar para os alunos do 1º ao 5º. No Ensino Fundamental II, o material do J. Piaget trabalha com a problematização e a integração de áreas, o que possibilita ao aluno desenvolver a capacidade de avaliar e relacionar o conteúdo que sabe com o que irá aprender. As atividades se baseiam em situações de leitura e de escrita que trabalham a função social da língua, no desenvolvimento do raciocínio lógico-matemático e nos conhecimentos sobre o mundo científico e cultural, focando no desenvolvimento de competências e habilidades importantes para toda a vida. As disciplinas apresentam propostas e técnicas para atividades relacionadas aos temas transversais, com sugestão de situações-problema sobre ética, meio ambiente, saúde, pluralidade cultural, orientação sexual, trabalho e consumo consciente. No Fundamental II, os conteúdos digitais ganham complexidade e os livros interativos se tornam um facilitador do processo de ensino e aprendizagem. Aulas, jogos e atividades eletrônicas são excelentes ferramentas motivacionais para o educando e ganham ainda mais interatividade em formato para tablets, com mais de 150 aulas digitais que contemplam as principais áreas de conhecimento: História, Língua Portuguesa, Matemática, História, Ciências Naturais, Geografia, Desenho Geométrico, Inglês, Química e Física. Para atividades em casa, o J. Piaget também oferece 300 games educacionais disponíveis para o Fundamental I e II no Google Play. No Ensino Médio, o foco é a atuação interdisciplinar. O J. Piaget apresenta conteúdos organizados de modo a possibilitar aos alunos estabelecer relações mais amplas entre as áreas do conhecimento sobre um mesmo assunto/tema, dando assim real sentido à aprendizagem em formato moderno e motivador, com estrutura abrangente, integrada e contextualizada apresentando diversos gêneros textuais diferentes, garantindo assim maior reconhecimento sobre a função social, de cada um deles e permitindo melhor resultado na elaboração dos próprios textos.

Conheça a escola: Colégio Jean Piaget • Endereço: Rua Ema Mortari, 60, Vila Mortari, Ribeirão Pires • Telefone: 4828-1891 / 4823-6633 Cursos Oferecidos: • Educação Infantil

Pg 12.indd 1

• Ensino Fundamental I e II • Ensino Médio • Matrículas Abertas Valores • A consultar Contatos • Site: www.colegiojp.com.br E-mail: contato@colegiojp.com.br

25/10/2013 21:06:22


Pg 13.indd 1

25/10/2013 21:07:35


Fundado em 2005, o Centro Educacional Bandeirinhas encontra-se na Vila Aurora, um dos melhores bairros de Ribeirão Pires, de fácil acesso e ótima localização, com um ambiente seguro, agradável e adequado para o aprendizado. A escola conta com uma ampla área verde e salas de aula planejadas e adequadas para as crianças entre 1 e 5 anos, que são seu público-alvo, propiciando aprendizado e socialização efetiva. A equipe conta com profissionais gabaritados que fazem reciclagem periódica em parceria com o sistema Anglo de Ensino, que é adotado na instituição como ferramentas para aulas diversificadas e atraentes em uma fase onde a educação é válida para toda a vida. Além das aulas tradicionais, o Centro Educacional Bandeirinhas também oferece aulas extracurriculares que permitem ao aluno ter contato com diversas habilidades motoras e sensoriais. As atividades que a escola disponibiliza são artes circenses, artes, horticultura, culinária, balé, iniciação musical, futebol, xadrez e educação financeira, além de inovadores projetos educacionais, eventos recreativos e culturais. A escola atende hoje a cerca de 90 alunos em regime de período integral ou parcial de acordo com as necessidades das famílias e também oferece a opção de hotelzinho para os pequenos de 2 a 10 anos. “Nós somos referencia de acolhimento e respeito com as crianças, priorizando a alegria e o brincar para o desenvolvimento da aprendizagem sadia, consistente e a formação dos valores humanos”, explicam as mantenedoras Renata Liporoni e Gorete Liporoni.

Conheça a escola: Centro Educacional Bandeirinhas Endereço: Rua Presidente Bernardes, 46 Vila Aurora – Ribeirão Pires Fone: 4825-6082 / 4823-8158 Fundação: 2005

Pg 14.indd 1

Alunos: 90 Faixa etária: de 1 a 5 anos Site: www.bandeirinhas.com.br e-mail: contato@bandeirinhas.com.br bandeirinhas.liporoni@gmail.com Matrículas Abertas

25/10/2013 21:09:26


C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

Pg 15.indd 1

25/10/2013 21:12:08


Ultrassonografia

Dra Cássia Regina Castro Miranda Radiologista do HRP

Pg 16.indd 1

A ultrassonografia hoje tem papel importante na rotina médica. Está presente nas diversas especialidades por ser de grande interesse já que além do baixo custo envolvido no exame, é realizada de certa forma rapidamente e hoje é uma realidade existente em praticamente todas as instituições. É um procedimento da área de imagem facilmente encontrado que permite um maior relacionamento com o paciente. Faz-se imagens em múltiplos planos e além de tudo é um exame em tempo real onde a imagem é obtida no mesmo instante da sua realização. Também é um método não invasivo, sem efeitos nocivos, sem radiação ionizante como é o caso da tomografia, mamografia e RX em geral. A Ultrassonografia observa e detecta alterações na estrutura anatômica do paciente e como é realizada em tempo real, pode-se notar alterações do funcionamento dos órgãos. Com o aparelho de ultrassom podemos realizar tanto diagnósticos como procedimentos terapêuticos, por meio da re-

alização de biópsias e intervenções cirúrgicas. Já através do efeito Doppler, podemos estudar hemodinamicamente, de forma não invasiva, as diversas estruturas. Tanto doenças congênitas, aquelas que trazemos com o nascimento, assim como doenças adquiridas ao longo da vida, podem ser acompanhadas, trazendo informação da evolução das mesmas. Hoje, dentre tantas aplicações, o ultrassom faz parte da pesquisa do câncer ginecológico e é exame de extrema importância, frequentemente solicitado na rotina ginecológica. Em outra etapa da vida da mulher, como na gestação, o ultrassom também tem grande valor, sendo imprescindível para avaliar o desenvolvimento fetal, além de auxiliar o obstetra nas diversas patologias da gravidez. A ultrassonografia, por ser uma metodologia pouco dispendiosa, inócua ao paciente, embora seja operador dependente, é em muitas vezes a escolha ideal e interage bem com as diversas especialidades médicas.

25/10/2013 21:12:57


Por Marisa Walsick

SPMar explica benefícios que o Rodoanel trará para Ribeirão Pires Em agosto de 2011, começou a ser construído o Trecho Leste do Rodoanel Mario Covas, que passará pelas cidades Ribeirão Pires, Mauá, Suzano, Poá, Itaquaquecetuba e Arujá. A partir desse momento, diversas especulações começaram a surgir, com muitas pessoas criticando o fato da obra estar dificultando a locomoção e afetando os mananciais. Porém, a obra irá trazer grandes benefícios para a cidade. O trecho, quando concluído, será a principal via de acesso entre o Porto de Santos, e o Aeroporto de Guarulhos. “A via reduzirá o tempo a ser percorrido entre Guarulhos e o ABC. Hoje, para realizar esse trajeto o motorista leva em média duas horas e precisa passar por cerca de 30 interferências. Com a implementação da alça Leste, o mesmo trajeto deve durar de 25 a 30 minutos”, conta a SPMar. Por este motivo a região, além de se tornar um grande centro de logística do Estado de São Paulo, será considerada como ponto fundamental nos planos de empresas exportadoras ou importadoras que pretendam se instalar no território brasileiro. Previsto para terminar em março de 2014, o Trecho Leste trará diversos benefícios para a região como a ligação entre os municípios da região metropolitana de São Paulo e o auxílio no desenvolvimento econômico do Estado. “Durante a construção do Trecho Leste, o principal benefício da construção é o auxílio para impulsionar a economia da região devido principalmente à priorização da contratação de mão de obra local, gerando empregos para a população das cidades impactadas pelo Rodoanel”, informou a empresa. Algo muito questionado em Ribeirão Pires é o desmatamento que ocorreu na cidade por conta das obras. A SPMar afirma que tudo foi estudado. “Existe o Plano Básico Ambiental, aprovado pela Cetesb, que elenca uma série de programas, e servirá para evitar desmatamentos desnecessários, controle de poluição, controle de erosão e assoreamentos, plano de contingência em caso de acidentes, plano de monitoramento da vibração, entre outros aspectos, como resgate da flora e fauna”. “Além disso, já foi tratado em 2011 com a Prefeitura de Ribeirão Pires o Termo de Compromisso Ambiental (TCA) que indica inúmeras medidas de preservação, prevenção, recuperação, compensações ambientais e urbanísticas necessárias. Vale ressaltar que a legislação estabelece prazo de até cinco anos após o término da obra para a realização de todas as compensações previstas. No total serão aproximadamente 600 hectares de compensação, com prioridade para áreas localizadas na mesma bacia hidrográfica. Quanto aos mananciais, a SPMar se preocupou em desenvolver um projeto que minimiza em 95% o impacto ambiental da região”. A empresa conclui ressaltando “que todas as etapas da obras são aprovadas pela a Cetesb, com anuência do IBAMA, por meios das licenças ambientais de instalação e que todas as unidades de conservação e Áreas de Proteção Ambiental identificadas estão descritas nos estudos de impacto ambiental e serão respeitadas como exige a legislação”.

Pg 17.indd 1

25/10/2013 21:13:38


Por Danilo Meira

Gazeta, editor do Mais Notícias e de Mais Conteúdo

Mais Notícias chega a

seis milhões de exemplares

Fundado em março de 2003 para ser mais uma opção de mídia na microrregião de Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, o Jornal Mais Notícias, que teve como criadores três publicitários, um gráfico e um investidor, chegou com um novo conceito de apresentação gráfica, no formato tabloide germânico (20% maior que a concorrência) e uma linha editorial inovadora, tendo como slogan “Imparcial, Independente e Inovador”, características que carrega até hoje após 10 anos, 600 edições e 6 milhões de exemplares distribuídos. O gráfico Antônio Carlos Carvalho, o Gazeta, é o único remanescente dos cinco fundadores que permanece até hoje à frente do semanário e fala de sua experiência e admiração dos leitores em função da linha editorial coerente e do compromisso com a verdade dos fatos publicados. Mais Conteúdo – Gazeta, como surgiu a ideia de lançar o Mais Notícias? Gazeta – Os cidadãos de Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra estavam cansados de ter como único meio de informação escrita a Folha de Ribeirão Pires e, certo dia, conversando sobre o assunto eu, Marcelo Marques, Marcio Marques e Eduardo Kakisaka, da Casa das Ideias, pensamos em lançar um jornal. O Márcio tinha o projeto pronto, a Casa das Ideias tinha o equipamento, só faltava o capital e, já que não queríamos o jornal vinculado a nenhum grupo político, procuramos um investidor neutro para lançar um jornal verdadeiramente independente

Pg 18.indd 1

que viesse com credibilidade e fazer frente ao que existia na época. MC – E como foi a recepção? Gazeta – Foi acima da mais otimista expectativa, graças as cores, ao formato, a editoração, as pautas... era tudo novidade e agradou em cheio à todos, menos a concorrência. MC – E como foi chegar aos seis milhões de exemplares? Gazeta – Tivemos alguns percalços, já que imprensa independente não conta com “recursos extras” e depende exclusivamente da receita de anúncios. Além disso, aos poucos, cada um dos sócios fundadores foram se afastando, deixando a incumbência de tocar o jornal para mim, o que venho fazendo com o apoio de alguns poucos, mas fieis, colaboradores. MC – Como você irá comemorar os 6 milhões de exemplares distribuídos? Gazeta – Na verdade, vou apenas fazer um brinde com meus colaboradores e continuar o trabalho para chegar aos 10 ou 20 milhões de exemplares. MC – Deixe uma mensagem aos leitores. Gazeta – Gostaria de dizer aos leitores que nos acompanham que continuem a nos prestigiar e reiterar nosso compromisso primeiro que é publicar os fatos com lisura, responsabilidade e absoluta fidelidade, pois isso é que nos dá crédito junto ao nosso público, às autoridades e aos nossos anunciantes sem os quais não teríamos nem a primeira edição, quanto mais a 600ª.

25/10/2013 21:14:12


Pg 19.indd 1

25/10/2013 21:15:26


Atividades lúdicas colaboram para o desenvolvimento das crianças

Rede Municipal de Ensino da Estância promove ações para desenv

Por meio da Secretaria de Educação, Inclusão e Tecnologia, Prefeitura trabalha em projetos

A Rede Educacional de Ribeirão Pires está dividida em instituições de ensino municipais, particulares e ensino profissionalizante. De livre acesso, atualmente a Rede Municipal de Ensino atende a quase 8 mil alunos, entre Educação Infantil Integral, Educação Infantil parcial, Ensino Fundamental e Atendimento Especializado em 32 unidades escolares distribuídas pelos bairros do município. Usando a metodologia Cognitivista de ensino, o sistema de ensino da rede municipal procura valorizar a capacidade de aprendizado dos alunos, estimulando-os a transpor seus limites e assim aprender mais. Com isso, formam-se cidadãos interessados em descobrir as diversas nuances do mundo e a aprender cada vez mais mesmo depois de formados, de modo autônomo. Também são oferecidos, cursinho pré-vestibular, e atividades extraclasse como, por exemplo, a recente palestra antidrogas feita em parceria com a Rádio Jovem Pan, de São Paulo. Para os próximos meses, há diversos planos em curso para melhorar o serviço oferecido pelo setor, começando pela ampliação da rede, que ganhará novas escolas de período integral. Neste semestre, a Prefeitura assinou carta de intenção junto ao Governo Estadual para a realização de convênio no período 2013/2014, a fim de garantir a construção de duas novas unidades (Estância Noblesse e Pilar Velho). Já está em fase de licitação a construção de unidade que ficará localizada em Ouro Fino Paulista, no Jardim Sol Nascente, também através de convênio com o Estado. Este não é o único convênio que a Prefeitura possui para construção de creches. Junto ao Governo Federal, com as creches do Programa Pró Infância, uma unidade já está sendo finalizada no Jardim Caçula e será entregue até o fim deste ano. Com recursos municipais, a

Pg 20 e 21.indd 2

Prefeitura construirá unidade no Jardim Nossa Senhora de Fátima (fase de licitação), além de reformas e ampliações nas unidades da 4ª Divisão. No Centro Alto, região que registra a maior demanda por vagas em creche, também está prevista a inauguração de uma nova unidade. Ao todo, até o final de 2016 serão criadas 1.074 vagas a mais na Educação Infantil em período integral, suprindo com sobra a demanda atual de 384 vagas. “Buscamos garantir o acesso dos moradores à Educação na cidade, pois já nos primeiros meses da criança, o ensino e os estímulos à Educação começam a formar o cidadão. Além de claro, beneficiar os pais que trabalham e precisam deixar os filhos por período integral na unidade de ensino”, explica o prefeito Saulo Benevides. Outros projetos – Os Centros Educacionais Unificados (CEUs) aos moldes dos existentes em cidades como São Paulo e São Bernardo do Campo estão sendo pleiteado. Desde de março deste ano, a Prefeitura, por meio da secretaria de Educação, tem buscado parcerias com o Consórcio e o Governo Federal para a construção de duas unidades, uma localizada no bairro de Santa Luzia e outra no Jardim Guanabara (área que está sendo desapropriada pela Prefeitura). “A construção de um CEU é complexa, esbarra em detalhes burocráticos, é um projeto grande que exige dedicação para que seja aprovado, por isso, o CEU associa não só educação formal, mas a cultura e o esporte oferecendo cidadania. Com ele o jovem faria o período da educação formal, que é o fundamental e a creche, e no outro período cultura, esporte e lazer. Portanto, para população essa será uma importante conquista”, avalia a vice-prefeita e secretária de Educação, Inclusão e Tecnologia,

25/10/2013 21:16:11


Projeto Bichos proporcionou aprendizado com diversão

desenvolver cidadania e garantir qualidade de vida aos moradores

m projetos ambientais, sociais e pedagógicos e de ampliação de vagas para alunos da cidade

Leonice Moura. Além disso, uma grande aposta da pasta é a Educação Ambiental, com a criação de dois Parques-Escola que devem estar em pleno funcionamento no ano que vem. A chegada de uma unidade do SENAI e também a ampliação da unidade do SESI existente na cidade também estão nos planos. Para o futuro, a Secretaria de Educação da cidade quer atender a todo o ciclo de formação dos 0 aos 18 anos. Com tudo isso, a ideia é melhorar ainda mais o sistema, que tem sido elogiado por ter conseguido boas médias no Ideb (Índice Nacional de Ensino Básico) nos últimos anos. “Nossa preocupação é com a formação das crianças, esse é o nosso compromisso. Acredito que essa união de esforços será muito proveitosa para as crianças, já que permite que se faça o necessário de forma mais rápida”, conta Leonice Moura. Plano Municipal de Educação – A Secretaria de Educação tem se reunido com representantes do Sindicato dos Trabalhadores Municipais da Educação (Sineduc), do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (APEOESP) e dos três conselhos municipais ligados à educação para discutir o Plano Municipal de Educação (PME). Ligado ao Plano Estadual de Educação e ao Plano Nacional de Educação, o Plano Municipal é um documento norteador para melhorias no setor, a partir de propostas e metas, dentro do orçamento previsto para a educação municipal no período. O Plano de Cargos, Salários e Carreira também está sendo analisado por uma Comissão, designada pela Portaria nº 23.794, de 12 de setembro de 2013, que definiu o plano de trabalho e

Pg 20 e 21.indd 3

organização interna como regularidade das reuniões e indicações dos cargos (presidente, vice-presidente e secretários). A Comissão para análise e alteração do Estatuto dos Funcionários Públicos e do Magistério, e análise do Plano de Cargos, Salários e Carreira é formada por onze membros e envolve a Secretaria e Educação, Inclusão e Tecnologia, SINEDUC, SINDSERV, Recursos Humanos e Secretaria de Assuntos Jurídicos de Ribeirão Pires. O prefeito Saulo Benevides acredita que a Comissão será fundamental para a valorização dos profissionais do Magistério. “A reformulação será voltada aos profissionais da educação, por isso a participação de um representante de cada escola é fundamental no acompanhamento dos trabalhos desta Comissão”, explica. Premio Gestor nota 10 – Uma Pesquisa realizada pela Premium Brasil Congressos Nacionais apontou que a secretária de Educação, Inclusão e Tecnologia de Ribeirão Pires, Leonice Moura, está entre os 50 melhores gestores de Educação do Brasil. A conquista rendeu a pasta troféu “Gestor Nota 10”, que foi entregue em outubro na 7ª edição do “Educando - Encontro Nacional de Secretários de Educação” em Salvador (BA). Pesquisa foi realizada no período de maio a agosto de 2013, durante apuração minuciosa sobre o uso da verba pública, as ações e os projetos na área educacional. Para o prefeito Saulo Benevides, o prêmio reforça o sucesso do trabalho desenvolvido pela Educação em parceria com outros setores da Prefeitura. “Realizamos hoje um trabalho integrado entre setores, como projetos de meio ambiente, ações de saúde nas escolas, de educação de trânsito e outros. Também estamos ampliando o número de vagas em creches e pretendemos continuar investindo na formação dos cidadãos ribeirãopirenses”, afirmou Saulo.

25/10/2013 21:17:08


Leonice Moura, secretária de Educação

A secretária de Educação e vice-prefeita, Leonice Moura, ressaltou que o prêmio é o reconhecimento ao trabalho conjunto realizado pelas equipes administrativas, diretores e professores das escolas que estão engajados na construção de uma educação de qualidade. “A Secretaria de Educação de Ribeirão Pires conta com profissionais compromissados.

Por isso, em tão pouco tempo, já fomos reconhecidos”, assegura. Entre os critérios que levaram a Secretaria de Educação de Ribeirão Pires ao prêmio estão projetos em andamento, como o de criação dos Parques Escola, a construção de novas escolas e a Educação Inclusiva, presente nas salas de aula da rede municipal de ensino.

Reuniões constantes garantem a qualidade do ensino

Ficha Técnica: Alunos matriculados: 7.778 Atendidos pela Educação Infantil integral: 1913 Atendidos pela Educação Infantil parcial: 2228 Atendidos pelo Ensino Fundamental: 3421

Pg 22.indd 1

Atendidos póla Educação Especializada: 216 Unidades escolares: 32 Metodologia: Cognitivista Matrículas: No final de cada ano, na sede da secretaria, para Infantil Integral de 0 a 3 anos e nas escolas para Infantil Parcial (4 e 5 anos) e Fundamental (1º ao 9º ano).

25/10/2013 21:18:02


Por Danilo Meira

PS4 é lançado no Brasil

Viviane Senna apresenta parceria com a Sony

Knack, jogo exclusivo de PS4

Killzone

Bruno Senna testa GT6

Pg 23.indd 1

Sony lança Playstation 4 Em conferência de imprensa realizada no último dia 24 de outubro em São Paulo, a Sony lançou oficialmente o Playstation 4, novo sistema de videogames da empresa japonesa e também apresentou suas novidades para os próximos meses. Logo na apresentação, o costarriquenho Mark Stanley, Vice Presidente e Gerente Geral Sênior para a América Latina da Sony Computer Entertainment America, falou sobre a polêmica envolvendo o lançamento do aparelho, o preço fixado para venda de R$ 3999, considerado alto por muitos consumidores: “Estamos cientes do problema que temos com o alto preço no Brasil e não vamos descansar até que o PS4 tenha um preço justo”, arrancando aplausos dos presentes. Apesar disso, o novo aparelho foi a vedete do evento. Lançado no país ao mesmo tempo que no restante da América Latina (o que explica o alto preço por conta das taxas de importação, já que é fabricado apenas em um lugar do mundo), o aparelho promete revolucionar a indústria de games e já contará com jogos dublados e legendados em português brasileiro (ainda que a dublagem ainda careça de mais atenção) também sem atraso em relação a outros países. De fato, ao testar o aparelho com jogos como Knack e Watch Dogs, vemos uma diferença significativa, em especial na qualidade gráfica e sonora em relação aos consoles atuais. “Reafirmo nosso compromisso com o Brasil”, afirmou o presidente justificando a iniciativa. De fato, até as camisetas oficiais do evento eram estampadas neste sentido. O aparelho e os jogos estarão nas lojas em 29 de novembro. Senna vive – O momento que mais emocionou os presentes foi o anúncio da parceria entre Sony e o Instituto Ayrton Senna. Em celebração aos 20 anos de morte do lendário piloto brasileiro, foi anunciado com muita emoção por Viviane Senna, presidente da entidade que parte dos lucros com a venda do jogo Gran Turismo 6 (PS3) no mundo inteiro será revertida à entidade. O produto terá uma edição especial no Brasil, contando com um simulador da carreira de Senna desde o Kart até as categorias superiores e também a pista de Interlagos. Também será vendida uma edição especial do Playstation 3 com o jogo. O anúncio ainda teve uma disputa entre o japonês Kaz Yamaguchi, criador do game, e Bruno Senna, sobrinho de Ayrton em um cockpit montado especialmente para o evento. “É uma das franquias mais bem feitas em termos de física, que traz a emoção das pistas para os jogadores. Acho muito legar ver a molecada que não teve a chance de ver o Ayrton vai ter a chance de pilotar tanto carros modernos, quanto os carros que foram dele”, explicou o sobrinho de Senna. Mais Novidades – Também foram anunciados jogos para PS3 e Playstation Vita, o portátil da empresa, como Knack e Tearaway, outros jogos como Assassins Creed IV e The Order 1886, e uma série especial chamada Favoritos que irá oferecer jogos de catálogo do PS3 ao preço de R$ 79, incluindo títulos renomados como Sonic Generations, Just Dance 3, God Of War 3 e Super Street Fighter IV Arcade Edition, entre outros. Também foi anunciada a chegada ao Brasil da PS Plus, serviço online que oferece vantagens como jogos grátis e descontos na compra de produtos na Playstation Store. O serviço terá custo anual de R$ 100, mas também tem planos de período menor a partir de R$ 20.

25/10/2013 21:20:33


Contratar um Buffet requer uma série de cuidados

Por Marisa Walsick

Algumas pessoas passam meses e até anos organizando uma festa, e ao contratar um buffet colocam toda a confiança em cima da empresa, acreditando que na data tão esperada tudo vai ocorrer como sonhado. Mas, não raro, muitas celebrações acabam indo por água abaixo no último momento, as vezes na hora da festa, fazendo o sonho virar um amargo pesadelo. Infelizmente está á a realidade de muitos noivos que, ao contratar o buffet encontram uma empresa se mostra prestativa e organizada, porém a realidade se mostra muito diferente com as pessoas percebendo o engano em cima da hora, em muitos casos acabam perdendo dinheiro e precisando contratar outra empresa às vésperas do casamento. O Procon (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor) de Ribeirão Pires, deu algumas dicas para ajudar as pessoas na contratação de fornecedores. “Antes de fechar a contratação, é aconselhável que as pessoas pesquisem a situação dos fornecedores no cadastro de empresas no site do Procon, Junta Comercial e da Receita Federal. O importante de tudo é a cautela, procurar lugares indicados por amigos, familiares ou conhecidos podem evitar surpresas inconvenientes”. Além desses cuidados, é importante que a pessoa prove o cardápio, e pergunte quais são as marcas das bebidas que serão oferecidas e, após definir o número de convidados, a empresa deve emitir um orçamento por escrito com quantidade e preços de cada item, além de destacar a forma de pagamento. “Ao fechar a contratação do serviço, tudo o que for tratado verbalmente deverá estar discriminado minuciosamente em contrato e é de suma importância, verificar ainda as cláusulas que fixam multa por rescisão e ou cancelamento de contrato e devolução de valores”, informou o Procon. O Buffet Di Matoso já teve que “socorrer” um cliente, que

Pg 24.indd 1

foi enganado por uma empresa. “Um buffet de Mauá acabou falindo e não devolverem o dinheiro (do casal), então os noivos nos procuraram para que a festa fosse realizada. É por isso que sempre alertamos sobre os cuidados ao contratar este serviço que é tão importante para o casamento. Consultar sites como o ‘Reclame Aqui’ para verificar se houve alguma queixa contra a empresa e visitar o buffet em um dia de evento, para ver montagem, bastidores e organização da empresa é crucial”. Com a grande variedade e estilos os noivos estão procurando fazer o casamento com todos os recursos que estão na moda, por isso é importante se preocupar com outros quesitos. “Ao contratar o local ou buffet é importante verificar se existe o alvará de funcionamento, bem como a validade da vistoria dos bombeiros. Estes são itens indispensáveis que muita gente acaba esquecendo na hora de contratar o buffet”, informou o Castelo dos Lagos. O Buffet Di Fieri também já teve que prestar socorro: “tivemos um caso de uma noiva que pagou o casamento a vista, e o rapaz do serviço fugiu com o dinheiro. Ela nos procurou, resgatamos a confiança dela e ela fechou conosco, por isso alertamos e todas as noivas a não fazerem contratos verbais e, para não ter problema no dia da festa, verificar se terá um responsável do buffet e combinar tempo de festa e horário de funcionamento do local”. A lei esta a favor, consultar o Código de Defesa do Consumidor na hora de fechar negócio poderá ajudar a não ter dores de cabeça no futuro. No artigo 35, a lei determina que, se o combinado não for cumprido, o consumidor poderá exigir o cumprimento forçado da obrigação, nos termos da oferta, apresentação ou publicidade; aceitar outro produto ou prestação de serviço equivalente ou rescindir o contrato, com direito à restituição da quantia paga monetariamente atualizada.

25/10/2013 21:21:07


Pg 25.indd 1

25/10/2013 21:23:35


Por Gazeta

Sessão Solene homenageia Dia da Guarda Municipal A Guarda Civil Municipal de Ribeirão Pires comemora este ano 29 anos de atividades ininterruptas. Para celebrar a data, foi realizada, no último dia 18 de outubro, sessão solene alusiva a data, uma proposição da vereadora Diva de Souza Bartolo, a Diva do Posto. Veja os melhores momentos a seguir:

1

2

3

4

5

6

Foto 1: GCM Dantas, Diva do Posto e GCM Lima. Foto 2: GCM Priscila, Diva do Posto e familiares. Foto 3: GCM Valter recebe homenagem de Diva. Foto 4: GCMs Santos, Aliston, Cristiano, Fontes e Felipe ladeiam vereadora Diva. Foto 5: Sargento Adão também prestigiou o evento. Foto 6: Sonia Garcia, Diva do Posto e a GCM Neide.

Pg 26.indd 1

25/10/2013 21:24:39


Por Thiago Quirino

Valmir Copina, o amigo de todos

Ele é o homem da vez em

Ribeirão Pires Em 27 de agosto de 1960, dona Cida, prestes a dar à luz, comentou com o marido, seu Ferreira, o desejo de seu filho tivesse nome de algum santo. Quando a parteira retirou o menino, antes mesmo que Cida pudesse falar qualquer coisa, esbravejou: “Calma aí, Cida, tem mais um aqui”. Ninguém esperava que nascessem gêmeos. A mãe, devota, então sugeriu: “Vamos chamá-los de Cosme e Damião”. Ferreira, no entanto foi enfático e terminou a discussão sobre o nome dos filhos: “Sem nome de santo, eles terão nome é dos atacantes do Corinthians”. E assim iniciou a vida de Valmir e Ademir Ferreira. Ambos seguiram no ramo da construção, dando continuidade aos negócios na empresa da família, a Copina Pinturas, daí o apelido de Valmir. Além de ‘pintor’ Valmir dedicou grande parte da vida à política (mais de 30 anos) sendo apoiador, articulador e candidato aos mais variados cargos eletivos. Sua participação na campanha do atual prefeito de Ribeirão Pires, Saulo Benevides, foi fundamental para a vitória nas urnas. De janeiro para cá, Valmir Copina assessorou o prefeito nas diversas decisões que deram governabilidade à Administração. Recentemente assumiu a cadeira de Secretário de Governo, dando mais um passo em sua história política na região. “Sempre tive liberdade para opinar e sei do meu tamanho na Administração”, reconheceu Copina ao assumir o novo posto. Seu perfil bem humorado e brincalhão fez com que Valmir não tivesse

Pg 27.indd 1

inimigos, tornando-se peça chave no governo com trânsito em todos os círculos políticos do ABC. “Sempre fui muito bem tratado e trato a todos com respeito, esse é o segredo para ser bem aceito em qualquer lugar”. Na Secretaria de Governo, Copina coordena a ação política dos diferentes grupos ligados ao prefeito e articula ações para garantir a harmonia entre o Poder Executivo e Legislativo Municipal. “Fico atento ao prazo para resposta dos requerimentos e dou suporte às demandas encaminhadas ao prefeito. Nos lugares onde o Saulo não pode estar, eu o represento e ajudo na execução dos serviços em prol do Município”, explica o secretário. “Meu objetivo é unir o grupo para que todos desempenhem o melhor de si, fazendo a cidade progredir e a população sentir-se satisfeita com o governo. Sei que não é uma tarefa fácil, mas estou aqui pra isso. O Saulo é meu irmão, um grande amigo que tem um compromisso sério com Ribeirão Pires”, expõe Copina. Assim como o antigo artilheiro corintiano, o Valmir da atualidade é titular no time administrativo e joga em uma das principais posições. “Vamos vencer esse jogo e as pessoas voltarão a ter orgulho de viver em Ribeirão Pires”. Quanto ao futuro, Copina é singelo: “Não sei se concorrerei novamente a deputado ou tentarei ser prefeito de Rio Grande da Serra (ele é morador do bairro Pedreira). Prefiro pensar em como ajudar Ribeirão Pires hoje, agora”, finaliza.

25/10/2013 21:25:19


Por Marisa Walsick

Alfredo Moser mostra como ajuda a preservar o nosso planeta

Luz Engarrafada: Natureza e criatividade em prol do bem estar e da preservação ambiental Já espalhada por 15 paises, iluminando casas de pessoas que não tem energia elétrica, a “Luz Engarrafada”, criada por um mecânico de Uberlândia, têm beneficiado milhares de pessoas e ajudado na preservação do nosso Planeta. Alfredo Moser, de 61 anos, contou com exclusividade para a Revista Mais Conteúdo se tornou o “Thomas Edison” dos dias de hoje. Por volta de 2002, os constantes apagões da época fizeram com que Alfredo começasse a pensar em uma maneira de obter luz para locais fechados sem iluminação natural durante o período de falta de energia elétrica. Inesperadamente, uma ideia surpreendentemente simples passou pela sua cabeça: uma garrafa pet translúcida com água e um pouco de cloro para evitar fungos e embaçamento. Estava criada a “Lâmpada Engarrafada”. Sua criação o fez lembrar de um acontecimento que ocorreu há algum tempo, quando ele estava passando em frente a casa de Chico Xavier. “Uma senhora me apresentou para o Chico e ele me disse: Moser, você vai ter uma luz na sua vida, mas ela não vai ser só sua, vai ser do povo. Hoje eu sei o que ele quis dizer, mas naquele dia eu não tinha entendido”, Moser lembrou com alegria. Após instalar a luz em sua residência, os amigos sempre o questionavam o que seriam aquelas garrafas colocadas no teto. Ao falar sobre as suas invenções, de fato houve quem achasse que não iria dar certo, mas outras gostavam da ideia e perguntava como era feita a “Luz Engarrafada”. “Ensinei um amigo que as instalou em seu estabelecimento e assim a notícia começou a se espalhar pela cidade. Já instalei nas casas dos meus vizinhos e até no supermercado do meu bairro”, contou o inventor. Com o grande sucesso, as pessoas pediam para que o inventor chamasse a imprensa para divulgar sua invenção “O primeiro jornal que mostrou a “Lâmpada de Moser”, como começou a ser chamada, foi o Jornal da Manhã (da região de Uberlândia). A partir desse momento, várias emissoras e jornais me procuraram para saber mais sobre o assunto, até o Secreta-

Pg 28.indd 1

rio do Meio Ambiente me convidou para instalar as garrafas no parque ecológico Chico Mendes, em São Paulo”. Sem receber nenhum incentivo do governo ou de algum empresário, o mecânico tem mais um projeto: fazer a luz funcionar após o por do sol. “eu tenho um projeto para fazer a “Lâmpada de Moser” funcionar a noite, mas sem apoio, fica muito difícil. Eu não ganho nada com essas garrafas”, contou o inventor. De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), as lâmpadas feitas com garrafas plásticas não necessitam de energia para serem produzidas, já que são feitas de material coletado e reaproveitado. De fato, a “pegada de carbono”, ou seja, o CO2 é dispensado na atmosfera para produzi-las, é zero. Como efeito de comparação, para a produção de uma lâmpada incandescente emite-se 0,42kg de CO2. Uma lâmpada de 50 watts, ligadas 14 horas por dia no período de um ano, tem ‘pegada de carbono’ de quase 200 kg de CO2. A ONU em uma análise destacou que “as lâmpadas de Moser não emitem CO2 quando instaladas”. Ou seja: são ecologicamente corretas. Moser finalizou a entrevista contando a alegria em cooperar para a preservação do meio ambiente e até mesmo no orçamento de famílias carentes: “fiquei sabendo de um caso que me emocionou: com a luz que inventei, uma família conseguiu economizar na conta de luz e juntar dinheiro para comprar o enxoval do bebê. Isto é muito gratificante”. Como se faz – A instalação da “Lâmpada de Moser” é feita através de um buraco instalado no telhado. Após encher a garrafa pet de 2 litros com água (o que equivale a uma lâmpada entre 40 e 60 watts dependendo da intensidade do sol), adicione 2 tampinhas de cloro, produto que evita o esverdeamento do líquido. A seguir, coloque cerca de um terço da garrafa para fora do telhado prendendo-a com cola de resina para evitar vazamento quando chover. Os dois terços que ficarão no ambiente serão suficientes para iluminá-lo. Vede a tampa da garrafa com fita preta para que a lâmpada funcione melhor.

25/10/2013 21:25:59


Pg 29.indd 1

25/10/2013 21:28:37


Matéria e fotos por Marisa Walsick

Uma nova era para o

Palmeiras

Em 26 de agosto de 1914, há pouco mais de 99 anos, nascia o Palestra Itália, fundado por pessoas da colônia italiana e funcionários das Indústrias Reunidas Francisco Matarazzo. A ideia principal era unir os imigrantes italianos sob uma única bandeira que, ao mesmo tempo, representasse o enorme contingente italiano nos campeonatos oficiais de futebol. Os principais idealizadores da fundação foram: Luigi Cervo, Luigi Marzo, Vicente Ragognetti e Ezequiel Simone, o primeiro presidente. No final do século XIX, nascia a futura casa dos palestrinos, que ficou conhecida como Parque Antárctica, um espaço de 300 mil metros e com atrativos além do futebol. O primeiro mandante a usar o local foi o Germânia. Em 1917, o Palestra Itália passou a mandar seus jogos no local. O Parque Antárctica sofreu várias reformas, como a troca das arquibancadas de madeira pelas de concreto, dobrando a capacidade. O campo foi suspenso, ganhando o apelido “Jardim Suspenso”, palco de inúmeras conquistas como campeonatos paulistas, brasileiros, Mercosul e a Libertadores. Mas era chegada a hora de uma arena mais moderna, do tamanho que o clube conquistou.

Pg 30 e 31.indd 2

25/10/2013 21:30:20


A nova casa No dia 22 de maio de 2010, o charmoso Palestra Itália recebeu sua ultima partida oficial, contra o Grêmio, uma vitória do time da casa por 4 X 2 que fechou o glorioso ciclo. A seguir, a antiga casa começou a ser demolida para a construção da nova arena que ainda sobrevive na memória e em uma parte da arquibancada que ficava atrás do gol, algo feito para não descaracterizar o alvará de reforma (o que fez o preço da obra subir de R$ 350 milhões para R$ 500 milhões). A nova arquibancada está sendo construída por cima do que restou. No começo deste ano, a seguradora Allianz fechou parceria com a construtora WTorre, Palmeiras e a AEG, empresa que irá administrar o empreendimento. Com isso, ela será batizada, pelos próximos 20 anos (renováveis por mais 10 anos) com o nome “Allianz Parque”. Neste momento, a obra esta 68% finalizada, com previsão da entrega para março de 2014, e o grupo britânico One Direction será o responsável pela inauguração do Allianz Parque, em evento previsto para maio do mesmo ano. Em visita a obra, já se pode sentir o estádio pronto, apenas faltando detalhes para que ele fique ainda mais luxuoso. Com seis andares totalmente prontos, algumas cadeiras dos 43 mil lugares já foram fixadas para fazer o teste de durabilidade e um dos 180 camarotes que acomodarão entre 12 e 21 pessoas, esta totalmente pronto apenas esperando o dia da estreia. Quem tiver a felicidade de adquirir um, poderá customizá-lo a seu gosto. A cobertura estava sendo colocada por alpinistas industriais que ficam o tempo inteiro trabalhando nas alturas para que tudo saia de acordo. Como a Arena não tem um local externo para a montagem das peças, o processo está realizado na área do campo de jogo. Por conta disso, a grama ainda não foi plantada. Os vestiários já estão em fase acabamento e serão de tamanho igual tanto para o Palmeiras quanto vestiário para o time visitante. Os treinadores terão uma sala exclusiva, além de outra para explicar a tática do jogo aos jogadores. Os torcedores ficarão a apenas nove metros do campo, podendo assim ficar mais perto dos jogadores e terão a visão completa do jogo de qualquer local, sem nenhum ponto cego para dificultar a visão.

Pg 30 e 31.indd 3

25/10/2013 21:30:55


Arquibancada e cobertura estão sendo finalizadas

Multi-uso Nenhum espaço será desperdiçado. Todos os andares contarão com lanchonetes, banheiros e lojas. Uma das grandes atrações do estádio será o restaurante panorâmico que terá visão do campo e da área de lazer do estádio, além do museu que irá contar a historia do time. Todas as atrações estarão abertas fora dos dias dos jogos. O Palmeiras terá participação crescente em todas as propriedades da futura Arena (camarotes, cadeiras cativas e especiais, restaurantes, lanchonetes, etc.), durante os 30 anos de concessão à WTorre, que variam de 5% (as propriedades) a 20% (as receitas), valores estes que crescem 5% a cada 5 anos. Apenas os ingressos dos jogos dentro da Arena serão 100% para o clube. Além de jogos de futebol, o Allianz Parque receberá megashows para até 55 mil pessoas, contando ainda com um anfiteatro para 12 mil espectadores que atenderá à demanda reprimida existente no mercado de entretenimento paulistano. O Allianz Parque foi projetado para ser uma das melhores arenas 100% multiuso do mundo e a única do Brasil, construída nos padrões da FIFA, que é capaz de oferecer uma experiência única a seus usuários em jogos de futebol. E, claro, encher de orgulho o torcedor palmeirense.

Pilastras do antigo Palestra Itália

Pg 32.indd 1

25/10/2013 21:35:56


Claude Monet Pensamos erroneamente que grandes artistas nascem prontos, que suas obras surgem de uma genialidade sem esforço. As razões para pensarmos assim são várias, mas na verdade o genial é fruto de um árduo trabalho de quem sente em sua alma que deve fazê-lo. Oscar-Claude Monet ou Claude Monet, como conhecemos, é um belo exemplo de trabalho dedicado, por uma vida inteira, para realizar o que mais acreditava e gostava, pintar a luz. Estranho? Não! Mas é o que pensavam seus contemporâneos ao entrarem em contato com suas pinturas. Hoje Monet é reconhecido como um ilustre pintor Impressionista, mas na sua época, quando expôs sua obra intitulada “Impressão, sol nascente”, teve que amargar o comentário de que era apenas um “esboço de quadro mal-acabado”. Injustiça sofrida por todos aqueles que trazem o novo e apontam para o futuro! “Esboço de quadro mal-acabado”? Na verdade, faltou consciência maior a quem julgou desta forma. Uma percepção limitada pode gerar comportamentos preconceituosos e somente os mais fortes e convictos do que desejam e acreditam persistem na rota que escolhem. Trazer uma abordagem nova é ter que lidar com barreiras já esperadas e por isso não merecem atenção maior. Continuar e continuar, apesar dos obstáculos é atitude que podemos observar naqueles que fazem a diferença. Mesmo que não sejam valorizados no seu tempo, no futuro serão, pela contribuição à evolução humana. Sendo assim, sejamos gratos a todos aqueles homens e mulheres que não abriram mão de suas convicções!

Ala Voloshyn, nascida em agosto de 1956, em São Paulo, filha de imigrantes ucranianos, estudou Psicologia na atual Universidade Metodista de São Paulo. Formou-se em 1980 e desde então atua como psicóloga. Já trabalhou com a educação de surdo-cegos e deficientes auditivos. Apresentou programa de entrevistas em Web TV. Ministra palestras e contação de histórias. Mantém blogs pela internet sobre literatura infantil e textos de sua autoria. Tem editado um livro de literatura infanto-juvenil intitulado Pimenta do Reino. É membro da Academia Popular de Letras da Biblioteca Paul Harris de São Caetano do Sul e colaboradora do jornal Enfim, de São Caetano do Sul, e Mais Notícias, de Ribeirão Pires. Textos: http://alavoloshyn.blogspot.com Literatura infantil: http://livrosvivos.blogspot.com Email: alavoloshyn22@yahoo.com.br Cel.: (11) 96036-3139 Fone: 3565-6609

Pg 33.indd 1

25/10/2013 23:05:07


Por: Paulo Franco Formado em Letras e em Pedagogia e Pós-graduado em Docência para o Ensino Superior. Poeta e escritor, tem 8 livros publicados e dezenas de premiações em nível nacional.

fiel da O balança certa maneira é tudo 171. Dizem que religião, política e futebol não se discute. ProvavelE é interessante como partidos, seitas e times brotam com extremente seja por isso que o futebol aliene tanto em meio a um mar de corrupção. A corrupção, por sua vez, é um dos ingredientes es- ma facilidade e não abrem falência. Livraria que é bom, quebraria peciais da política que tem como especiaria a temperá-la a religião logo no primeiro momento só com o volume de impostos, sem contar a burocracia que seria para fechar a empresa falida. Por que não se deste ou daquele segmento social que sempre visa fatiar o poder isenta a cultura e se sobretaxa os dízimos em nome das crianças cado estado para se sobrepor ao cidadão comum, via de regra, com baixa escolaridade, baixa autoestima, baixa renda, nenhuma pro- rentes, da educação, da saúde, da segurança? Afinal, a proteção priedade e em consequência uma vítima tão frágil que sente medo divina nós já temos em Cristo, visto que está escrito que “ninguém vai ao Pai senão por Mim”. Observe, caro leitor, que Ele não disse “ninde qualquer tipo de deus anunciado nos meios de comunicação, guém vai ao Pai senão pelo padre ou pelo pastor”. Vale lembrar que que geralmente estão nas garras de quem domina este processo impostos sobre dízimos, no mínimo, minimizaria algumas lavagens de de alienação. Talvez seja por isso que eu e várias outras pessoas tedinheiro sujo. mos tanta dificuldade para encontrar Deus. A gente nunca sabe O fato é que inúmeras igrejas viraram “leasing”, inúmeros partiem qual canal ele está de verdade, em qual partido, seita, religião, dos se transformaram em casamatas de corrupção ativa e passiva, time, escola de samba e embora crucifiquem a todo momento um lavagem de dinheiro e almas e mensalões nacionais e internacionais. Cristo com os olhos esplendorosamente azuis, nem mesmo sabemos, com certeza, a sua cor ou a sua opção sexual. Acredito que se ele Já os times de futebol e as escolas de samba sempre foram “leafor negro e homossexual ou uma mulher negra e pobre, acabará sing” e casamatas do sistema e ao mesmo tempo sempre adornam a dormência popular e nos escandalizam com sendo banido, inclusive da história. Nem mesmo o calvário lhe será permitido durante as festas “Senhor Deus dos desgraçados! os valores exorbitantes e inúteis que movimentam Dizei-me vós, Senhor Deus! visivelmente de forma suja, já que dinheiro não natalinas. Tudo isso sem contar que o cristianismo Se é loucura... se é verdade cai do céu nem mesmo para os sacerdotes. Aliás, nem representa a maioria do planeta. O que nos leva a crer que se algo em torno de dois terços da Tanto horror perante os céus?!“ estes segmentos são tão improdutivos quanto as bolsas de valores que mais e mais desvalorizam humanidade já nasce para ir pro inferno automaCastro Alves os setores que constroem a sociedade e evidenticamente, é bem provável que a gente já viva também em um tipo de inferno inconsciente e nem saiba. É muita temente a mão-de-obra cada vez mais aviltada por esse novo mopretensão ocidental querer uma divindade exclusiva para o lado de delo de escravidão que parece não mais ter fim. O que se pergunta é por que as altas autoridades das igrejas procuram o Albert Einstein cá, e imaginar que este Deus, embora “onipresente” deixaria o lado quando ficam doentes. Por que não apelam para os seus próprios de lá ao deus-dará. milagres? E por que as autoridades políticas também procuram o AlA questão central, porém, é por que não se discute esse “jogopolítico-religioso-financeiro” se os milagres são operados ao vivo to- bert Einstein? Por que não usam as unidades públicas de saúde? Sim! Religião, política e futebol se discute. Pelo menos em países dos os dias em quase todos os meios de comunicação, embora os aonde a educação é o fiel da balança contra a alienação e o prodoentes continuem aumentando e morrendo nas filas para o povo? fessor não é feito de fantoche e impedido de discutir as artimanhas São cegos que voltam a enxergar, são paralíticos que andam a todo instante. Sem contar os milagres financeiros que nunca amenizam as dos aparelhos reprodutores da ideologia do sistema. A função de educar não pode continuar submetida à ideia de sacerdócio, em misérias. Ou não precisamos mais de hospital ou alguém precisa urespecial, em um país no qual um Neymar analfabeto funcional vale gentemente ir para a cadeia, afinal, o volume de alienados continua aumentando e para estes não há cura, tamanha é a imbecilização. mais do que todos os docentes da pátria. Valha-me, Deus! Idiotizar deveria ser crime, assim como corromper, no papel, já é. De

pg 34.indd 1

25/10/2013 22:59:19


Pg 35.indd 1

25/10/2013 23:00:30


Pg 36.indd 1

25/10/2013 23:01:48


Revista Mais Conteúdo - Ed 19