Issuu on Google+

Página-1

Sexta-feira, 05 de julho de 2013 EDIÇÃO

303

Viva a Democracia!

EDITOR-CHEFE: JODI TANAKA • IBIÚNA 05 DE JULHO DE 2013 • COM O POVO E A VERDADE • EXEMPLAR R$ 1,00

Autoridades municipais garantem construção de novo Fórum Prefeitura prevê até 100% de desconto para quem está em débito com IPTU

O Juiz Wendell Barbosa e o Prefeito Professor Eduardo (PT), acompanhados do vice Adal Marcicano (PV) e demais

representantes do poder público, estiveram no Tribunal de Justiça de São Paulo, onde receberam a notícia da construção do novo

Congresso da UEE: Estudantes presos em Ibiúna em 68 são anistiados

fórum. Já as obras da delegacia também devem ter continuidade. Página 03

Prefeitura recupera R$ 11 milhões em créditos tributários Página 02

Manifestantes saem às ruas e reivindicam melhorias Página 04

Página 05

Deputado Delegado Protógenes visita autoridades de Ibiúna O Deputado Federal Delegado Protógenes Queiroz (PCdoB), conhecido como o delegado da Polícia Federal que comandou importantes operações contra a corrupção, visitou Ibiúna no fim de junho e foi recebido pelo prefeito Professor Eduardo (PT), o Presidente da Câmara Carlinhos Marques (PT) e o vereador Rodrigo Lima (PCdoB), além de secretários municipais e a imprensa local. Pág. 02.

Ed. 303.pmd

1

Operação Liquida Ibiúna aquece vendas no comércio Como pode ser notado todo o comércio de Ibiúna está promovendo uma grande liquidação de seus estoques. A campanha lançada pela Associação Comercial e Empresarial de Ibiúna foi bem recebida pelos comerciantes e pelo povo que tem a oportunidade de fazer suas compras aproveitando a “Operação Liquida Ibiúna”, com preços baixos e competitivos. A Associação Comercial e Empresarial já estuda também a possibilidade de lançar a campanha “Limpe o seu nome” brevemente.

Teve início nesta semana a campanha de anistia, que pretende incentivar pessoas em débito com IPTU e ISSQN no município. Para

saber das vantagens, o cidadão deve procurar o setor responsável na Prefeitura. Página 06

Fábio Bello tem recurso deferido e deve ser empossado Reviravolta na política ibiunense. Na corrida para ser prefeito da cidade, Fábio Bello de Oliveira (PMDB) conseguiu importante passo ao ter seu recurso deferido no TSE. O peemedebista aguarda comunicado oficial à justiça local para ser novamente diplomado prefeito. Página 03

Ibiúna marca presença no 57º Jogos Regionais

Cerca de 150 atletas ibiunenses, entre homens e mulheres, estão representando o município no 57º Jogos Regionais, que está acontecendo em Votorantim. A abertura oficial da competição foi no dia 3 e vai até o dia 15 de julho, data de encerramento. No total serão 58 municípios representados pelas suas delegações, disputando 22 modalidades. Ibiúna disputará em 10 delas: vôlei, handebol, futsal, futebol, natação, malha, bocha, ciclismo, karatê e capoeira. O Secretário de Esporte e Lazer, Adal Marcicano, argumentou que as dificuldades foram grandes. “Montamos as equipes que estão representando Ibiúna de uma forma mais rápida, pois não possuíamos

05/07/2013, 01:57

nenhum tipo de projeto e pouca estrutura interna, mas nesta semana recebemos os materiais esportivos”, explicou. “Devido aos problemas financeiros que tivemos desde o inicio do ano, foi difícil, mas graças ao empenho de todos da equipe conseguimos a tempo”, completou. Segundo o secretário, as escolinhas de esportes incentivam os jovens ibiunenses a treinar e criam a oportunidade para que se destaquem em grandes equipes. “Convidamos toda a população para acompanhar o desempenho dos nossos atletas nos Jogos Regionais através do jornal Imprensa Oficial e da página do facebook da Prefeitura”.


Página-2

Sexta-feira, 05 de julho de 2013

Deputado Federal Delegado Protógenes visita Ibiúna

Editorial

A triste realidade política ibiunense Lamentável o momento de indefinição da política ibiunense. De um lado, um político que obteve a maioria dos votos nas últimas eleições, mas que pesa sobre si processos por improbidade administrativa que, pelo menos até o primeiro semestre, asseguraram sua inelegibilidade. De outro, um prefeito legalmente empossado que teve até aqui apenas seis meses para mostrar serviço. Quem ganhou e quem venceu até aqui? Certamente não foi a população, que vive sob a incerteza de que rumos a política local deve seguir nos próximos três anos e meio. Fábio Bello é experiente. Foi prefeito por duas vezes e conseguiu manter, mesmo afastado da administração pública, alta popularidade entre os eleitores ibiunenses. Fez parte do pleito eleitoral mesmo tendo sua candidatura impugnada e disse, até o último momento que antecedeu à votação, que tomaria posse, caso tivesse o maior número de votos. Ao menos naquele momento, estava errado. Já o professor Eduardo enfrenta as crises de um primeiro mandato turbulento, com uma herança de R$ 85 milhões em dívidas, deixada por seus antecessores, inclusive o próprio Fábio Bello de Oliveira. Lembrado sempre entre seus eleitores por sua necessidade, pairavam dúvidas, até o momento em que assumiu, sobre se teria pulso para conduzir a prefeitura em um momento tão delicado. Até que a situação se desenrole, a população é quem acaba pagando a conta de toda esta disputa política, uma vez que professor Eduardo e Fábio Bello têm maneiras muito diferentes de conduzir a cidade de Ibiúna. Que ao final deste embate, que não seja nosso querido município uma terra arrasada por uma guerra que parece não ter fim.

Prefeitura recupera cerca de R$ 11 milhões em créditos tributários Com a contratação de Assessoria Jurídica foi gasto aproximadamente R$ 1 milhão, contudo mais de R$ 11 milhões foram recuperados, principalmente quanto ao INSS A Prefeitura, com o intuito de regularizar a situação fiscal e tributária perante a Receita Federal, conseguiu recuperar os créditos tributários dos últimos 5 anos, num valor aproximado de 11 milhões de reais. Estes valores não são devolvidos pela Receita Federal, mas a Prefeitura conseguiu obter uma autorização para ir descontando/ compensando estes valores, desde o mês de dezembro de 2012. De acordo com a Secretaria de Finanças, a Prefeitura tem uma folha de pagamento aproximada de R$ 4 milhões por mês, portanto, teria de recolher um valor aproximado de R$ 1 milhão de reais para o INSS. Com o benefício obtido, o valor que deveria ser pago no respectivo mês (INSS) não é pago, em virtude dos créditos que a Prefeitura obtem agora com a Receita Federal, havendo uma economia substancial para o Município. Os valores compensados/

descontados estão baseados na Lei 8.212 de 1991 e em diversos julgamentos no Superior Tribunal de Justiça e no Supremo Tribunal Federal. Portanto, qualquer comentário sobre o assunto sem o devido conhecimento, pode levar a uma conclusão equivocada sobre a maneira como a Prefeitura está gerindo os cofres públicos. Em outras palavras, a Prefeitura está deixando de gastar por mês algo em torno de R$ 1 milhão e, ainda, por conseqüência lógica está em dia com a Receita Federal. Qualquer cidadão pode confirmar estas informações pelo próprio site da Receita Federal, a verificar que o município possui a CND, ou seja, o documento que comprova que a Prefeitura está cumprindo com as suas obrigações tributárias (recolher os impostos). Sem este documento (CND), a Prefeitura fica impedida de assinar e renovar convênios, receber repasses de verbas do Governo do Estado e Governo Federal e de

Marcelo Negrão em Ibiúna para formatura do Proerd Cerca de 600 alunos da rede municipal de ensino estão recebendo hoje (5) o diploma do Proerd (Programa Educacional de Resistência as Drogas), no Centro Cultural de Ibiúna (CCI). O programa é coordenado pelo PM. Olair Fernando Soares, da 2ª Cia do 40º batalhão da Polícia Militar de Ibiúna. O curso é dado aos alunos do

DIRETORA: Júlia Tanaka J ORNALISTA R ESPONSÁVEL : Paulo Cesar Bueno - MTB 14305-53/18 - SP CONSULTORIA. J URÍDICA: Delícia Fernandes dos Santos DESIGNER GRÁFICO: Michael Yudi Ito sena CONS. REDAÇÃO: José Gomes (Linense), Ana Cristina e Claudino Piletti e Luiza Pontes

5º ao 7º ano e tem como objetivo orientar as crianças sobre os males causados pelo uso de drogas lícitas e ilícitas, além da prevenção e o combate a violência e criminalidade entre os adolescentes. A grande surpresa da festa para a garotada é a vinda de Marcelo Negrão, campeão olímpico mundial de vôlei masculino.

receber as verbas das indicações dos deputados estaduais e federais, o que interfere diretamente na execução dos serviços essenciais do Município. Como tudo tem um custo, a Prefeitura firmou um contrato com o Escritório de Advocacia Castelucci Figueiredo e Advogados Associados, devido a sua notória especialização sobre o assunto e por prestar estes serviços para dezenas de Prefeituras no Brasil. Cabe considerar que houve uma contratação semelhante no período de 2004/2008, fato que pode ser comprovado pela análise do contrato 04/2005 com a Finbank Consultoria e Assessoria, cuja empresa é, também, do grupo Castelucci Figueiredo e Advogados Associados. O contrato nesta época foi de R$ 300 mil, que, corrigidos, hoje daria algo em torno de R$ 600 mil. Assim, a Prefeitura continua firme no seu propósito de gerir de maneira responsável o dinheiro público, diminuindo os seus gastos, obtendo e se utilizando de todos os benefícios possíveis para que se tenha uma significativa melhora em todos os serviços que são prestados para a população. A Prefeitura informa que qualquer cidadão pode ter acesso e analisar os contratos que foram informados nesta matéria, basta procurar a Secretaria de Finanças.

Em visita ao gabinete do Prefeito Professor Eduardo Anselmo Domingues no dia 25 de junho, o Deputado Federal Delegado Protógenes Queiroz (PCdoB) conhecido como o delegado da Polícia Federal que comandou importantes operações contra a corrupção, agradeceu a receptividade, os votos recebidos em Ibiúna e falou de suas propostas parlamentares. Entre suas atuações de delegado, Protógenes comandou a Operação Satiagraha, responsável pela prisão do banqueiro Daniel Dantas, do ex- prefeito de São Paulo Celso Pitta e o mega investidor Naji Nahas e foi responsável também pela operação “Máfia do Apito”, averiguando supostas fraudes em partidas do Campeonato Brasileiro de 2005. Participou também da investigação de Paulo Maluf e da prisão do maior contrabandista do Brasil, Law King Chong. Em meio a uma conversa informal com o Prefeito, Protógenes disse que está a disposição para colaborar com o desenvolvimento e melhoria do município, ajudandoo na aprovação dos projetos no que diz respeito a recursos para obras de infraestrutura a partir das prioridades e necessidades em relação ao plano municipal. O deputado, que é Líder da Frente Parlamentar Mista de Combate ao Crack, expôs sua iniciativa explicando que o programa dá suporte para o atendimento aos municípios com população acima de 200 mil habitantes, mas o consumo de drogas nas cidades com menos de 100 mil habitantes está cada vez maior, assim, o programa também será implantado em pequenos municípios. A verba disponibilizada para o combate ao crack e também

para a criação de uma infraestrutura para tratamento de viciados é de R$ 4 bilhões de reais. Durante a coletiva de imprensa o Deputado Protógenes foi mencionado como ícone do combate à corrupção, e comentou sobre uma possível CPI da Copa do Mundo dizendo que é favorável a qualquer investigação que protege o dinheiro público. Sobre as Manifestações Passe Livre ele as enxerga de forma positiva. “Em 12 anos de combate a corrupção, confesso que eu estava desanimado, porque eu pertencia à juventude que lutava antigamente, vi o processo de redemocratização sempre presente com o PCdoB e com as forças progressistas. A consciência coletiva estava adormecida.”, mas acordou, acrescentou. O deputado foi questionado sobre os latrocínios no Estado de São Paulo e respondeu que a violência está ligada às drogas. O Governo precisa urgentemente montar um plano de segurança para o Estado, 99% dos presos são usuários de crack e cometem latrocínio para disputar uma partilha de droga, roubam para comprar a droga. O Vereador Carlinhos parabenizou todo o trabalho do deputado e o recebeu na Câmara Municipal. “Tivemos uma gestão desastrosa que precisaria de uma ação, como as feitas pelo deputado quando era Delegado da Polícia Federal. Tenho certeza que algumas pessoas sairiam daqui algemadas. É muito bom conversar e receber um parlamentar que é um ícone de honestidade e experiência no combate a corrupção do país. Aprendemos muito com ele e vamos contar com a colaboração do mesmo para conquistarmos diversas benfeitorias ao povo ibiunense”, disse Carlinhos.

A Polícia Militar de Ibiúna agora é comandada pela Capitã PM Cristinane Ribeiro Sampaio Brísida, fato inédito na história da cidade. Ela trabalha há 20 anos na área operacional da PM, tem experiência na capital e está há 11 anos no 40º Batalhão. Agora comanda cidades de Ibiúna, Piedade e Tapirai. Ela disse que já conhecia Ibiúna por meio de outros comandantes, já participou da Festa de São Sebastião, conhece a extensão do município e pretende dar continuidade ao trabalho que vem sendo realizado. A Capitã disse que pretende colocar policiais para trabalharem direto com a comunidade das áreas urbana e rural, pois são eles que

conhecem os problemas do próprio bairro, horários críticos, pessoas suspeitas ou estranhas e assim, fazer um trabalho em conjunto. Esta é a essência da policia. “Faremos um trabalho que envolva áreas comercial e residencial, ou seja, é a vizinhança solidária”. A Capitã falou que todas as forças de segurança do município (Polícia Militar, Civil e Guarda Municipal) têm que trabalhar em conjunto para fazer cruzamento de informações . Telefone da PM: (15) 3241-1466 (disque denuncia 181)

Pela primeira vez, Ibiúna terá Capitã à frente da PM

REVISOR GERAL: Júlia Tanaka A DMINISTRAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO : Jornal VOZ DE IBIÚNA Rua Peru, 20 - Ibiúna - SP - CEP: 18150-000 TELEFAX.: (15) 3241-1325 www.jornalvozdeibiuna.com.br REDAÇÃO: Rua Peru, 20 - Ibiúna - SP IMPRESSÃO: Gráfica Neograf TIRAGEM: 10.000 exemplares T. ACUMULADA: 2.954.000 exemplares

As matérias assinadas são de inteira responsabilidade dos autores.

Ed. 303.pmd

2

05/07/2013, 01:57


Página-3

Sexta-feira, 05 de julho de 2013

Prefeito Eduardo viabiliza novo fórum para Ibiúna

O prefeito Eduardo Anselmo Domingues Neto (PT) e o Juiz de Direito da Comarca de Ibiúna, Wendel Lopes Barbosa de Souza, estiveram reunidos com o presidente do Tribunal de Justiça, Ivan Sartori, nesta quarta-feira, 3 de julho, para solicitar a construção do novo fórum no município. Estiveram presentes também o vice-prefeito Adal Marcicano, o desembargador e presidente da Associação dos Magistrados Roque Mesquita, o deputado José Aníbal, o procurador André Cabrino Mendonça, o presidente da OAB Eduardo Marcicano e a arquiteta da prefeitura Francine Marsarotto. A pedido do Deputado José Aníbal, o presidente do TJ colocou a obra do fórum de Ibiúna como prioridade, uma vez que o terreno, que fica próximo à marginal, já foi doado e está em vias finais de ser liberado para o Estado. Com o projeto executivo e a planilha de orçamento prontos, a obra será pleiteada com mais rapidez, segundo o Prefeito Eduardo. “Nossa equipe técnica já está em contato com a equipe técnica do tribunal para a viabilização do projeto e da obra do fórum, que deverá ser construído nos próximos anos”, garantiu. Reforma A Secretaria de Cultura e Turismo revitalizou a parte externa do fórum em março deste ano. Segundo o secretário da pasta, Adal Marcicano, “foi feito uma nova pintura, reparo nas marquises,

Claudino Piletti

iluminação, podas nas árvores e uma pracinha de alimentação para desocupar a calçada para os pedestres. A secretaria ainda tem convidado mais artesãos para participar da feira de artesanatos, que fica instalada no local”, concluiu. Futura Casa da Cultura Segundo o secretário, a boa notícia, caso o convênio seja assinado, é que o prédio atual seria transformado em Casa da Cultura, se tornando um “point” cultural para todas as idades e gostos. “Existem muitas salas, as quais poderiam ser usadas como oficinas de pintura, música, teatro, etc. Também haveria a possibilidade da criação de um mini museu histórico de Ibiúna e o espaço externo seria usado para apresentações como corais, teatro, musica ao vivo, entre outras artes”, finaliza o secretário.

Há muito tempo o atual prédio não comporta a demanda forense local que, atualmente, se instrumenta em 60 mil feitos, cumpridos por mais de 100 servidores públicos. “No que tange ao espaço físico, a situação é precária: um dos juízes não tem sala de audiências e o outro não tem gabinete; não há local reservado para a permanência de réus presos que, assim, ficam frente a frente com suas vítimas e testemunhas”, comenta o viceprefeito e secretário. O prédio também não conta com qualquer adaptação para atender as pessoas com necessidades especiais, além de outros problemas. “Instalado provisoriamente em 25 de janeiro de 1963, o mesmo prédio abriga os trabalhos forenses até hoje, sendo relevante dizer que a edificação data de 1896 e, nesta época, funcionava como cadeia pública”, ressalta.

Fábio Bello tem recurso contra impugnação acatado no TSE O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acatou o recurso contra a impugnação da candidatura do exprefeito Fábio Bello de Oliveira (PMDB), no último dia 27. Com isso, o político, que obteve a maioria dos votos nas últimas eleições poderá até ser empossado, ao menos se não houver mais uma reviravolta no caso. A Ministra Laurita Vaz reconsiderou no dia 30 de abril a decisão monocrática proferida no ano passado, que negou seguimento ao recurso do ex-prefeito, que teve seu registro de candidatura a prefeito de Ibiúna negado pela Justiça Eleitoral, com base na Lei da ‘Ficha Limpa’. O caso teve que ser submetido a votação colegiada, ou seja, de todos os ministros. No julgamento, a corte acompanhou o voto da relatora Laurita Vaz, que entendeu que a

Ed. 303.pmd

3

O que se espera de um prefeito geógrafo

Medida Cautelar que Fábio conseguiu no Superior Tribunal de Justiça (STJ), em outubro do ano passado, suspende os efeitos da improbidade administrativa que o tornava inelegível. Com 19 mil votos, Fábio havia sido o mais votado nas urnas durante as eleições 2012, mas teve seu registro de candidatura indeferido pela

justiça local e pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP). Isso garantiu a diplomação do atual prefeito Professor Eduardo (PT), que obteve mais de 16 mil votos.

Espera-se que o nosso prefeito, que é geógrafo, não se esqueça da geografia. Sobretudo da geografia humana, cujas principais coordenadas são educação, saúde, produção e transportes. Espera-se, assim, que faça tudo para evitar que se criem acidentes geográficos, ou seja, que lugares distantes se tornem ilhas por falta de estradas, que o município se torne um arquipélago, isto é, um conjunto de ilhas separadas por falta de estradas e pontes e, finalmente, que ruas da cidade se tornem luas, isto é, lugares cheios de crateras. Mas, principalmente, espera-se que, ele próprio, não se torne uma ilha. Há políticos que só não são ilhas durante a campanha, quando percorrem estradas e vielas em busca do voto dos mais distantes eleitores. Depois, isolam-se em gabinetes com áulicos, burocratas e companheiros de partido. “Homem algum é uma ilha”, diz o título de um livro do escritor americano Thomas Merton. Muitos políticos, porém, são ilhas que, ao invés de construir pontes, preferem construir canhões para atacar outras ilhas. Espera-se que nosso prefeito não se isole. E que não seja como o geógrafo que aparece no livro O Pequeno Príncipe de Saint-Exupéry, que diz: “O geógrafo é muito importante para estar passeando. Não deixa um instante a escrivaninha. Mas recebe os exploradores, interroga-os, anota as suas lembranças. E se as lembranças

de alguns lhe p a r e c e m interessantes, o geógrafo estabelece um inquérito sobre a moralidade do explorador.” (1964: 55-56). E, diz ainda: “As geografias são os livros de mais valor. Nunca ficam fora de moda. É muito raro que um monte troque de lugar. É muito raro um oceano esvaziar-se. Nós escrevemos coisas eternas.” O príncipe o interrompe e diz: “Vulcões extintos podem se reanimar.” O geógrafo retroca: “Que os vulcões estejam extintos ou não, isso dá no mesmo para nós.” (Idem, p. 57). Para um prefeito geógrafo, porém, não dá no mesmo. Em muitos lugares do planeta e, inclusive, em nosso país, estão ocorrendo manifestações de pessoas descontentes com seus políticos. Trata-se de vulcões que só pareciam extintos. Em nosso município, apesar das aparências em contrário, há vulcões que não estão extintos. Aspirações legítimas da população, quando por muito e muito tempo deixam de ser atendidas, podem transformar-se em irrupções vulcânicas. E, o problema, nessas irrupções, são os baderneiros. Espera-se que nosso prefeito geógrafo saiba perceber os sinais antes que o vulcão entre em atividade. Nem que para isso, tenha que fazer um curso intensivo – um intensivão – em vulcanologia, isto é, ciência que estuda fenômenos vulcânicos. Será esperar demais de um prefeito geógrafo? Penso que não, pois, trata-se de direitos que todo cidadão que cumpre seus deveres tem.

Casas de Repouso e/ou Recuperação de dependentes Ultimamente estão proliferando em nosso município as Casas de Repouso e/ou Casas de Recuperação dependentes de drogas, em razão do aumento da população de idosos e dependente de drogas (crack) que necessitam de assistência especializada e supervisionada. Trata-se de uma nova modalidade de empreendimento no município. A prefeitura está cumprindo o seu papel inspecionando atentamente os novos

05/07/2013, 01:58

estabelecimentos através da Vigilância Sanitária focando as eventuais falhas nas condições sanitárias e falta de pessoal especializado multidisciplinar (médico, psicólogo, nutricionista, enfermeiro, etc). Se você tem conhecimento de alguma entidade em condições desfavoráveis, favor comunicar a Vigilância Sanitária Municipal, através do telefone: (15) 32942276 ou para Guarda Municipal (15) 3241-2509.


Página-4

Sexta-feira, 05 de julho de 2013

Manifestações pelo Brasil: Catarse Coletiva ou Revolução Democrática? Ana Cristina Piletti Desde o início de junho de 2013, as manifestações populares nos diversos estados e cidades brasileiras são destaques nas mídias nacionais e estrangeiras. Por todo país, jovens vão às ruas: “Troco futebol por saúde e educação”; “Feliciano, me cura”; “Queremos bilhete único”; “Fora máfia dos transportes”; “Importem políticos para melhorar a situação do Brasil”; “Reforma política já” entre outros dizeres de protesto. Para alguns, o povo brasileiro “acordou”. Para outros, é apenas um momento de catarse coletiva. Afinal, que movimento é esse? Estamos diante de uma revolução democrática ou apenas de uma manipulação disfarçada? A corrupção, a precária situação da saúde, da educação e do transporte público, os estrondosos investimentos na construção e reformas de estádios para a Copa do Mundo, as propostas de emendas à constituição que restringem o poder de investigação de órgãos como o Ministério Público, a proposta do Projeto da cura gay e demais ações políticas que são alvo dos protestos, parecem ter passado despercebidas até então. A impressão é que, de repente, o “povo” acordou. Porém, quem é o povo? Quando e quem começou este movimento? As redes sociais, apontadas como ferramentas articuladoras do movimento tornaram-se sinônimos de espaço de liberdade e poder de expressão. No entanto, como qualquer ferramenta de comunicação, há sempre líderes e formadores de opinião que reforçam a participação daqueles que compartilham deste espaço. Quantas pessoas que “curtem”, “reproduzem” os discursos da rede ou participam dos movimentos nas ruas do Brasil conhecem a história e as causas da situação atual política

Ed. 303.pmd

4

do Brasil? Quantas, dessas pessoas, em suas cidades, se organizam e participam das sessões do legislativo? Ou, quando insatisfeitos com o poder executivo local, realizam tais manifestações em sua comunidade? Será que, no dia a dia, há uma fiscalização cidadã sobre o que as instituições políticas realizam? Neste sentido, uma movimentação nacional, poderá trazer uma reforma política que beneficiará a todos em âmbito federal, estadual e municipal? O que sabemos e quanto e como somos informados sobre os gastos e investimentos públicos? Em volta a tantas questões, é possível que, para alguns críticos o movimento seja mais uma catarse coletiva, um momento de purificação da alma, de descarga emocional dos brasileiros contra tudo e todos que fazem parte da política brasileira. Neste sentido, os atores engajados são apoiados por uma grande massa que vê na manifestação um evento da moda. Como toda revolução ou mudança política, não é o povo quem assume o poder, mas aqueles que sabem promover a união do povo para chegar ao poder. Se a afirmação popular de que “quando as pessoas não querem fazer nada, elas se reúnem” for válida, as perspectivas para este movimento são pessimistas. Afinal, poucos continuarão fazendo algo, positivo ou negativo, para muitos continuarem apenas reclamando. O político e empresário americano Ross Perot disse “Ativista não é o homem que diz que o rio está sujo. Ativista é homem que limpa o rio”. Nesta perspectiva, os resultados serão benéficos e as perspectivas otimistas se todos que se propõem a reclamar e a contestar também começarem a agir elaborando propostas e fazendo seu “dever de casa” em sua comunidade, ou seja, limpando o rio da política de sua aldeia.

Manifestantes dão grito “Acorda Ibiúna” para reivindicar melhorias na cidade Camila Giancoli Na tarde de quinta-feira (dia 20), mais de mil pessoas, entre crianças e idosos, saíram às ruas protestando em busca de melhores condições para Ibiúna. O protesto teve início na Praça da Matriz às 18h, percorreu as principais ruas da cidade até chegar à rodoviária e ocorreu de forma pacífica e organizada. O manifesto tomou grande proporção após os representantes Wagner Paiva, Weldy Soares, Yuli Ono, Bárbara Gonçalves, Giuliana Santos, Guilherme Vieira e Alexsander Souza divulgarem a ideia nas redes sociais partindo do propósito de atingir toda a população. Definiram o ato como uma ação do povo para o povo. O Professor Bartolomeu Amansio (Bartô), que é um grande defensor da cidade, também estava presente e se mostrou emocionado com a euforia dos jovens lutando por um objetivo. “É ótimo que os jovens tenham começado a despertar sobre os problemas do país, espero que todos continuem lutando em prol de um Brasil melhor”, acrescentou.

De acordo com o comandante da Guarda Municipal, Marcelo Godinho, 50 homens foram escalados para promover a segurança durante todo o trajeto do movimento. A carta com reivindicações tais como a licitação aberta e transparente para outras empresas que tenham interesse no transporte dentro do município de Ibiúna, a manutenção da rodoviária, a solicitação feita pelos

estudantes para que carteirinhas sejam aceitas em todo e qualquer veículo de transporte coletivo municipal bem como ao direito de saúde, educação e segurança foi entregue para o Chefe do Executivo, no Paço Municipal, que junto com os seus representantes, discutirão os itens abordados buscando obter uma resposta oficial em aproximadamente quinze dias.

Palestra cuide da sua coluna

O setor de fisioterapia ortopédica do Centro de Reabilitação “Roque José de Góes”, realizou no dia 12 de junho a II palestra Cuide da sua coluna, no Centro Olímpico, com o objetivo de conscientizar e informar de forma lúdica, a importância do tratamento e prevenção nos cuidados com a coluna para melhora da qualidade de vida. O tema abordou a estrutura da coluna, suas funções, lesões, prevenção e tratamento. De maneira dinâmica, foram expostas as posturas corretas e as consequências dos vícios posturais, enfatizando a importância de evitar impactos e esforços sem

05/07/2013, 01:58

nenhum cuidado. Gestos como andar, sentar, dirigir e realizar atividades domésticas podem apresentar a diferença de uma coluna saudável ou não. Músculos fortes com boa flexibilidade protegem a coluna, diminuindo os riscos de lesões. A palestra foi finalizada com orientações de alongamentos musculares de forma global, interagindo com o público e esclarecendo dúvidas. As fisioterapeutas Luciene, Mislene e Tamari agradecem a presença de todos e também as Secretarias da Educação e de Esportes pelo apoio.


Página-5

Sexta-feira, 05 de julho de 2013

Estudantes presos em Ibiúna em 68 são anistiados Ibiúna recebeu um dos mais importantes momentos aguardados pelo movimento estudantil em junho. A comissão de Anistia, presidida pelo Secretário Nacional de Justiça, Paulo Abrão, realizou na cidade, durante o 11º Congresso da União Estadual dos Estudantes de São Paulo (UEE-SP), ato de reparação coletiva e homenagem aos 720 estudantes presos pela ditadura militar no município em 1968 durante o 30º Congresso de União Nacional dos Estudantes (UNE). Para acompanhar a cerimônia, a Caravana da Anistia e a UEE-SP convidaram para o evento os estudantes da geração de 68 presos na ocasião. Entre os que lideravam o movimento estudantil e estiveram presentes, destacamse nomes como Franklin Martins, Augusto César Petta, Paulo Vannucchi, Reinaldo Morano Filho, Leopoldo Paulino, José Genuíno, Marília Car valho Guimarães, José Dirceu, Liége Rocha, Dalmo Ribas, entre outros. Ao abrir a cerimônia o presidente da UEE-SP, Alexandre Cherno Silva declarou: “Realizar o 11º Congresso em Ibiúna significa reafirmar o compromisso dos estudantes de hoje com as gerações anteriores. A geração de 68 não é só pra nós uma inspiração do dia a dia, mas é também a geração que conseguiu imprimir na identidade do movimento estudantil algumas características que são próprias da juventude, a combatividade, a abnegação da luta em defesa do Brasil, o patriotismo e a coragem estão presentes não só nessa geração de 68, mas também na geração que é nascida e criada na democracia. Nós estudantes reunidos neste Congresso viemos reafirmar que o período que compreende entre 65 a 85 foi fundamental pra juventude ir pra rua e denunciar todos os crimes cometidos durante a ditadura. Hoje estamos em Ibiúna não só para apurar esses crimes, mas para fazer uma justiça histórica”. Os estudantes que saíram de Ibiúna presos e apontados como terroristas, retornaram à cidade como verdadeiros heróis que resistiram à opressão e atrocidades do Regime Militar. Com essas palavras o Presidente da UEE-SP, abriu o evento, que contou com mais de 1500 estudantes de todo o Estado de São Paulo. O Prefeito Professor Eduardo agradeceu a todos os estudantes por esse momento, dizendo “Ibiúna se sente muito agradecida ao movimento estudantil por terem lembrado da cidade que há 45 anos foi palco daquele Congresso que não terminou, mas que marcou a história do nosso país, a história da liberdade, da luta contra a repressão. Hoje as lutas estudantis podem ter mudado talvez o foco, são outros motivos, mas a luta não pode parar. Então os estudantes de 68 que estão aqui são exemplos vivos para os estudantes de hoje para que essa luta e este momento seja exemplo para todos nós”. Paulo Abrão, Presidente da Comissão de Anistia disse que a Comissão está possibilitando a reconstrução da memória da luta contra o autoritarismo e da verdade para a nova geração. “Nós não estamos discutindo passado para resolver problemas do passado, nós estamos debatendo e conhecendo os

Ed. 303.pmd

5

problemas do passado para apontar novas soluções para o futuro e para o presente. Nós temos hoje um encontro da geração que produziu as principais conquistas políticas e de mudanças sociais no Brasil.”, acrescentou. Na mesma tarde (15), o Presidente Abrão deu andamento aos processos de julgamentos de Gonzalo Barreda e Etelvino Bechara que foram concluídos, assim como o devido pedido oficial de desculpas do Governo brasileiro pela opressão e tortura cometidas pela ditadura militar. Com um discurso emocionado, Bechara, professor titular do Instituto de Química da USP, falou sobre o que representou o evento. “É um resgate à memória dos nossos colegas que foram, mortos e perseguidos durante a ditadura e, ao mesmo tempo, traz uma mensagem para a geração mais jovem, no sentido de manter-se alerta sobre qualquer movimento dos governos com autoritarismo, repressão, restrição à liberdade de imprensa e outros atos que no passado aconteceram e causaram muito atraso aos brasileiros”, salientou o anistiado. O julgamento do processo de Gonzalo também foi concluído com a concessão da Anistia. Peruano e ex-estudante da Escola Politécnica da USP, ele fez questão de destacar sua paixão pelo país. O grande marco do evento foi a inauguração de um monumento em homenagem às lutas estudantis que está localizado em frente à Capelinha do Bom Jesus, na Av. São Sebastião e foi doada pelo artista plástico e estudante da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU/USP), de 1968, Cláudio Tozzi, que declarou que a obra significa um vínculo de que a história continua e que o movimento tem uma grande ligação com todo país, dando cada vez mais continuidade a uma luta por uma democracia maior, por um país mais justo. Neusa Simões, viúva de Domingos Simões e ex-proprietária do sítio onde ocorreu o Congresso saudou a todos os presentes e disse sobre a emoção de estar presente no evento. “É de grande importância ter coragem, não ter medo de lutar pelas causas justas.” E alertou aos jovens: lutem pela igualdade, pelo fim dos preconceitos, lutem pelos direitos de todos os seres humanos. José Dirceu falou em nome daqueles que não puderam comparecer porque morreram lutando. “Vou falar em nome dos companheiros e companheiras que deram a vida para que o Brasil vivesse em democracia e liberdade. Nós hoje aqui ao fazer essa homenagem à geração de 68, ao resgatar a memória do Congresso da UNE no 30º Congresso, lembremos deles que

pelo caminho caíram para que hoje o nosso país vivesse em liberdade e democracia”. O congresso também serviu de encontro entre os colegas da luta estudantil para relembrar momentos únicos na história do Brasil. “Esse acontecimento não representa só a coragem da juventude, é também uma lembrança das nossas lutas cravadas ao longo dos anos. A juventude terá que dar continuidade a essa luta pra chegarmos na sociedade que tanto almejamos”, ressaltou Augusto César Petta, que em 1968 era presidente do Centro Acadêmico do Curso de Filosofia da Puccamp. Outro protagonista dessa história, que esteve presente nos tempos de luta contra a ditadura militar e também compareceu à Cerimônia de Homenagem foi o escritor (e músico nas horas vagas) Leopoldo Paulino, que deixou clara sua emoção com a presença de José Dirceu que foi um dos principais líderes do movimento estudantil na época e deixou também um recado para os estudantes pedindo para que eles procurem se informar sobre nossa história e participar, porque isso é fundamental. Durante a cerimônia de inauguração do monumento, aproximadamente 40 estudantes da Escola Estadual Professora Laurinda Vieira Pinto cantou em prosa e verso o que foi o Regime Militar no Brasil e qual o papel do movimento estudantil durante esse período. Em seguida houve também a apresentação da peça teatral “1968 – O Último Ato” do Grupo Re-Atores, com elenco formado por jovens ibiunenses, além de outras atrações musicais diversas. Na tarde do dia seguinte (16), ocorreu a votação para eleger o novo presidente da UEE-SP. Com 70,2% dos votos o cargo foi ocupado pela estudante de Economia da Unip, Carina Vitral, 24 anos. Segundo Carina, a regulamentação do ensino superior será o primeiro assunto a ser colocado em pauta durante sua gestão. Ela é conhecida entre os estudantes pela atuação incisiva e pela força de suas palavras, é filiada ao PCdoB e integrou a diretoria da União Nacional dos Estudantes (UNE).

Programaçaõ da Jornada Mundial da Juventude Os organizadores da Jornada Mundial da Juventude divulgaram nesta quinta-feira (27) detalhes das principais cerimônias que serão realizadas no Rio de Janeiro nos dias 23, 25, 26, 27 e 28 de julho. O padre Renato Martins, diretor dos atos centrais do evento, se disse otimista em relação à segurança do evento e acrescentou que o Comitê Organizador Local não está preocupado com a possibilidade de que minorias violentas desvirtuem manifestações que venham a ser marcadas para os dias em que o papa Francisco estará na cidade. Os atos centrais da Jornada Mundial da Juventude começam na terça-feira, dia 23, com a missa de abertura, em que a Cruz Peregrina e o Ícone de Nossa Senhora, símbolos do evento, serão levados ao palco montado na Praia de Copacabana. O segundo ato central no Rio de Janeiro será a cerimônia de acolhida do papa, na quinta-feira, das 17h às 23h30. O pontífice chegará às 17h de helicóptero ao Forte de Copacabana e percorrerá a orla no papamóvel até o altar, onde será recebido pela interpretação do padre Fábio de Mello da música Seja BemVindo, de autoria do sacerdote brasileiro. Na sexta-feira, a orla de

Copacabana terá a Via Sacra, considerada a grande atração do evento. Com duração de uma hora e 15 minutos, o ritual percorrerá 900 metros da Avenida Atlântica, da Rua Paula Freitas à Avenida Princesa Isabel, com 13 estações montadas nos canteiros centrais da via, cada uma com reproduções de trechos da Via Dolorosa, em Jerusalém, onde o caminho foi percorrido por Jesus, de acordo com a fé cristã. A 14ª estação será o próprio palco, onde o papa aguardará a cruz. Um elenco de 300 pessoas fará parte do cortejo, no qual a atriz Cássia Kiss interpretará Maria. No sábado, a programação se desloca para o campus fidei (campo da fé, em latim), em Guaratiba, onde será a vigília. No domingo, a missa de envio encerrará a Jornada Mundial da Juventude. Está previsto um flash mob (abreviação de flash mobilization, termo em inglês que significa mobilização rápida, normalmente combinada por mensagem de celular) que pretende reunir 2 milhões de pessoas em uma coreografia que será ensaiada no dia anterior. A missa começa às 10h e termina às 12h.

Escola “de Efervescência Cultural Democrática” Laurinda Vieira Pinto no 11º Congresso da UEE

A participação da E. E. “Professora Laurinda Vieira Pinto” no 11º Congresso da UEE foi muito marcante para professores, alunos, equipe gestora, mas, mais ainda, ao público que pôde ver, no dia 14 de junho a apresentação do musical “Canções de Protestos” e, no dia 15 de junho, a exposição de cartazes e quadros dos alunos no estande da escola instalado no “Espaço de Debates” no Centro Olímpico da Estância Turística de Ibiúna. Com apenas uma semana de trabalho, toda escola se mobilizou para apresentar seus talentos juvenis ao povo ibiunense. Quem esteve na praça municipal pode se emocionar com a apresentação das músicas de Chico Buarque, Caetano Veloso, Elis Regina ao som de violões, guitarra, baixo, sopros e um fantástico coral com 55 alunos. Ademais, durante a execução da música “P’rá não dizer que não falei das flores”, de Geraldo Vandré, o público, entusiasmado

05/07/2013, 01:58

com os arranjos e com a força e vontade de mudanças dos alunos, aplaudiu em pé, ovacionando calorosamente o espetáculo. A apresentação foi destaque no site “Por tal Vermelho”, marcando um pedaço da história do nosso Brasil e de nossa Ibiúna pelas vozes dos estudantes laurindenses. Parabéns aos professores organizadores, a direção e, principalmente, aos alunos “quem sabe faz a hora não espera acontecer”.


Página-6

Sexta-feira, 05 de julho de 2013

Curso de informática da ONG conclui sua 21ª edição

Câmara Aprova Lei da Anistia

Viviane Oliveira Mais 23 alunos foram formados pelo Curso de Informática Básica, desenvolvido pela SOS Itupararanga, em parceria com a Braskind. Os novos formandos receberam o certificado de conclusão durante a cerimônia realizada, ontem na Sede da ONG. O projeto já atendeu cerca de 600 jovens do Município de Ibiúna, que encontraram a oportunidade de participar de um curso de informática e, assim, conhecer uma ferramenta fundamental para auxiliá-los nos estudos e na conquista do primeiro emprego. Além de receber o conteúdo específico de informática, os alunos participam de palestras e atividades voltadas à preservação do meio ambiente, drogas, saúde, primeiro emprego, entre outras. Nesta edição, os alunos

participaram da I Semana Socioambiental, promovida pela Prefeitura Municipal de Ibiúna, que ofereceu inúmeras atividades aos visitantes, como exposição de projetos, apresentações de teatro e palestras sobre o tema. Nossos alunos foram os responsáveis pela produção e organização dos materiais expostos no stand da SOS Itupararanga. O destaque foram os animais que

habitam a Represa Itupararanga, reproduzidos com materiais recicláveis. Papelão, jornal, retalhos de tecidos entre outros materiais, somados a muita criatividade dos jovens, transformaram-se em diversos exemplares da fauna da represa. A SOS Itupararanga também apresentou outros projetos desenvolvidos pela entidade, como o Lixo Eletrônico e o Boa Pesca.

Equipe ibiunense de Kickboxing fatura 13 medalhas no Campeonato Brasileiro Após a atuação no Campeonato Paulista de Kickboxing, a equipe “Dragões do Kickboxing”, liderada pelo Mestre Marcinho Xavier e o Professor Guto Salustiano, volta a representar o município em sua participação no Campeonato Brasileiro de Kickboxing (seletiva para o Campeonato Panamericano), realizado na cidade de Piracicaba, nos últimos dias 30 de maio a 2 de junho. “A equipe havia classificado 22 atletas para esta competição, porém, por ser uma competição mais extensa, de quatro dias, alguns atletas não conseguiram

participar. Mesmo assim a equipe foi composta por 17 atletas e voltou para a casa com 13 premiações”, explicou o Mestre Marcinho. “Aproveito para agradecer o apoio que recebemos da Prefeitura”. Quem quiser conhecer o novo

Centro de Treinamento Dragões do Kickboxing, recém inaugurado, que conta com uma estrutura completa para a prática das artes marciais, visite-a na Rua Estados Unidos, 382, Ibiúna. Os telefones para contato são: (15) 9686-5411 / 8101-8897.

Prefeito se reúne com Delegado da Polícia de São Paulo para tratar sobre reforma da delegacia

A Câmara Municipal de Ibiúna aprovou na sessão do dia 25 (terçafeira) um projeto de Lei que disciplina o programa de recuperação de créditos, débitos tributários e não tributários inscritos ou não em dívida ativa, constituídos ou não em fase de cobranças administrativa e judicial e da outras providências. A indicação do projeto foi da Vereadora Aline do Rosarial (DEM). “O projeto é um Mecanismo hábil e eficiente que consiste na total viabilização da regularização dos débitos fiscais de nosso município lembrando ainda que os maiores beneficiados serão pessoas humildes,

A face motivadora dos nossos problemas Profª Luiza Alves Mergulhada nas páginas de um velho livro, pela milésima vez, algo me chamou a atenção de um modo diferente, um capítulo em especial que me levou a uma profunda reflexão - como se eu nunca o tivesse lido antes. O subtítulo era: Um sonhador que colecionava derrotas. Ao contrário do que o título nos sugere, falava sobre superação. Em todos os momentos da nossa vida, em todas as áreas dos nossos relacionamentos temos sempre limites a serem superados. Então todo esse diálogo dentro dos meus pensamentos me remeteu ainda à lembrança de uma reportagem recente relatando que neste século, a depressão faz mais vítimas que o câncer. Relacionando um assunto ao outro, muito embora não exista uma receita – como a de fazer bolos – para evitar a depressão, pois cada ser é único com seus sentimentos e emoções, acredito que algum “segredo” existe e quando

Geral se colocou pessoalmente à disposição do prefeito, para juntos resolverem o impasse que foi criado para a concretização da aludida reforma e ampliação mencionada. “Uma nova reunião ficou agendada com outros representantes da Secretaria de Segurança Pública para darmos andamento neste assunto”, definiu o procurador.

O Prefeito Eduardo Anselmo Domingues Neto (PT), acompanhado do vice prefeito, Adal Marcicano (PV), do Procurador André Cabrino Mendonça e da Arquiteta do Francine Marsarotto, foram recepcionados pelo Delegado

Ed. 303.pmd

6

trabalhadores, desempregados, aqueles que não são raros que vivem abaixo da linha de pobreza no nosso município”, disse a vereadora. O projeto de lei número 47 de 2013, foi aprovado por 14 votos favoráveis e um voto contrário do vereador Israel de Castro que justificou seu voto mostrando-se a favor do pagamento a vista. “Algumas pessoas não pagam porque ficaram viciadas em anistia. Nós temos uma dívida ativa da prefeitura muito grande, então eu acredito que a anistia tem que ser a vista. Talvez até ceder algum benefício ao bom pagador”, disse Israel.

Geral de Polícia do Estado de São Paulo, Doutor Luiz Mauricio Souza Blazeck, em seu gabinete, no dia 03 de julho. Na oportunidade, foram discutidos os assuntos correlatos à reforma e ampliação da Delegacia de Polícia de Ibiúna. O Delegado

05/07/2013, 01:58

descoberto fará a diferença nesse processo interior. Talvez parte desse segredo esteja na maneira como encaramos nossos problemas. Trata-se de uma escolha pessoal e intransmissível: vou passar todos os meus dias me lamentando pelas barreiras que tenho que enfrentar ou vou fazer desse momento a grande oportunidade de mostrar que sou capaz de ir além. Ser um colecionador de derrotas não significa viver das dores que me fizeram chorar, mas sim da lembrança de quantas vezes fui capaz de me levantar. Nossa sociedade grita desesperada por pessoas que sejam capazes de superar vícios, perdas, derrotas e acima de tudo, superar a falta de coragem de lutar por um mundo melhor e mais justo. Nunca será o tamanho dos problemas que determinará sua vitória, mas sim a vontade que você tem de ser maior que todos eles.


Página-7

Sexta-feira, 05 de julho de 2013

Associação dos Idosos de Campinas realiza ato em Ibiúna A Associação de Idosos de Campinas visitou Ibiúna no último dia 22 para apresentar o projeto “Queremos conhecer sua cidade e dar o abraço da paz”. O presidente da Associação, senhor José Alves, disse que em 18 anos de projeto, eles buscam acima de tudo o respeito ao idoso, dando oportunidade para que eles possam participar em conjunto e harmonia. Os 150 membros do grupo foram recebidos na Praça da Matriz pelo Prefeito Eduardo (PT), o vice Adal Marcicano (PV) e o coral Encanto, do Grupo Amigos Para Sempre de Ibiúna. A associação de Campinas fez a entrega de certificados de reconhecimento agradecendo a visita ao município, às autoridades. Dona Maria Belmiro, que é integrante ativa dos passeios ficou encantada com a receptividade e contou que a união e a integração sempre fizeram parte do objetivo da Associação.

A programação seguiu com uma visita a feira de artesanato e comércio das principais ruas da cidade, seguido de um almoço no Restaurante do Marquinhos. Para encerrar o grupo participou do Baile da Melhor Idade, que foi animada pelo tecladista, sanfoneiro e vocalista Paulo, que alegrou a todos. A coordenadora do Grupo Amigos para Sempre, Ana Maria Vieira Bastos, recebeu o projeto com muita gratificação e realização. “Nosso objetivo sempre foi receber outras cidades e trazer esse clima de solidariedade, alegria e confraternização e junto com a prefeitura conseguimos realizar isso.”, contou.

Temporada de competições de ciclismo em Ibiúna está aberta

Atendendo a pedidos dos ciclistas que participaram das competições realizadas na cidade em 2012, no próximo domingo (07/07) acontece a prova de MTB que abrirá a temporada de competições de ciclismo na cidade de Ibiúna. Nomeada como Maratona Terra Preta, a competição percorrerá estradas de terra entre os bairros dos Puris, Gabriel, Paiol Grande e Veravinha, totalizando 50km. Com largada na Praça da Matriz às 09:00 a organização espera receber mais de 200 ciclistas das cidades vizinhas, com participação massiva da cidade de São Paulo. O circuito foi desenhado com carinho, levando em considerações as regiões de mata preservada do municipio, para agradar os

participantes. Adicionalmente, as chuvas que ocorreram na semana anterior ajudaram para deixar o circuito ainda mais emocionante e desafiador. A expectativa é organizar mais duas provas ainda este ano, todas na categoria Mountain Bike. A organização do evento está dando um desconto especial para os atletas da cidade, além de isentar a inscrição de atletas juniores. Essa foi a maneira que encontraram de incentivar e popularizar o esporte na cidade. Informações e inscrições (15) 32412941 / (11) 998-169-604

Seminário apresenta meta para união das cooperativas de Ibiúna No dia 21 de junho, as cooperativas, sindicatos e associações de Ibiúna se reuniram no Espaço Cultural, para a realização do 1° Seminário do Cooperativismo e Associativismo que tem como objetivo uma maior união de suas atividades e assim criar a Frente do Cooperativismo de Ibiúna, a FRENCOOP. O diretor habitacional Aparício Soares, ministrante do evento, reuniu os representantes de cooperativas como a CAISP e COAF (agrícolas), ESCOOP (escolar), CETRIL (infraestrutura), CREIA (reciclagem), CREDITAG (crédito), UNIMED (saúde), além da participação do representante da Organização das Cooperativas do Estado de São Paulo (OCESP), Alex Souza, que mostrou exemplos de cooperativas que alcançaram o crescimento com muito esforço e se tornaram referência no Estado. De acordo com o Prefeito Eduardo (PT) as associações de

Ibiúna mostram grande dificuldade em estabelecer um trabalho entre elas, sendo assim, o Instituto Brasileiro de Associativismo (IBRASS), representado pelo palestrante Gilberto Endo, apresentou um projeto de integração, que deseja dar suporte e trazer o bem estar para as entidades e foi formado em 12 de junho de 2012. Tem por finalidade, viabilizar o acesso a mercados estratégicos, sem intermediários, através da unificação dos processos necessários para uma comercialização eficiente, contando com cooperativas que participam dessa iniciativa para ampliar volumes e escalas de produção, viabilizando logística de distribuição além da implantação de centros de distribuição em locais estratégicos. “Nossa meta é chegar em 2014 com a união da inteligência de múltiplas áreas, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico da sociedade.” Para mais

Miss Ibiúna agita a cidade No último dia 21, aconteceu o desfile de modas Winter Fashion 2013 e a escolha da Miss Estância Turística de Ibiúna, no CCI – Centro Cultural de Ibiúna, promovido pelo Fundo Social de Solidariedade. O evento recebeu quase mil pessoas entre público, varejistas, modelos e organizadores, além da arrecadação de mais de 300 agasalhos para o Fundo Social de Solidariedade para a “Campanha do Agasalho 2013”. O evento deu início com as palavras da Presidenta do Fundo Social, a Primeira Dama Albertina, que agradeceu e parabenizou o apoio e dedicação de todos os envolvidos. As lojas participantes desfilaram seus looks Outono/ Inverno e as peças escolhidas representavam um pouco do cotidiano e a realidade vivida em Ibiúna. Além das tendências de roupas, acessórios e sapatos, aconteceram também apresentações de penteados e maquiagens. A escolha da Miss Estância Turística de Ibiúna, disputada entre 30 candidatas, elegeu Érica Vivian Cassetari como a vencedora do concurso. Em 2º e 3º lugar ficaram as candidatas Fernanda Domingues de Moraes e Bruna Rosa Teodozio, respectivamente.

Todas as despesas do desfile foram pagos com apoio dos patrocinadores e das lojas participantes, entre elas: Magazine 10, Robell Calçados, Única Modas, Tô na Moda, Stilo Moda Masculina, Elba Joias, Villa do

Classificados

Procura-se casal de caseiros de meia idade com experiência e referência. Tel.: (11) 4712-7255 ou (11) 99939-6847.

Ed. 303.pmd

7

informações acesse o site www.ibrass.org. Ao final do evento, os presentes esclareceram suas dúvidas sobre os objetivos idealizados durante a palestra. “O resultado desse primeiro seminário foi muito positivo, para dar andamento à discussão, foi proposto a criação do Conselho Municipal do Desenvolvimento do Cooperativismo e Associativismo de Ibiúna, que já está nas mãos do Prefeito para tomar as providência necessárias”, finalizou o diretor de habitação, Aparício Soares.

05/07/2013, 01:58

Imperador, Supermercado Ibiúna, Uninter LDG, New Surf, entre outras. Logo após o desfile o público desfrutou de uma balada que contagiou a galera ao som de músicas eletrônicas e modernas, comandada pelo DJ Cristiano.


Página-8

Sexta-feira, 05 de julho de 2013

Grupo se une na luta pelos orgânicos de Ibiúna A recém-criada Frente Parlamentar de Agroecologia se reuniu na sexta-feira (28), no Auditório Municipal, para o 1º Encontro Municipal de Agroecologia e Agricultura Orgânica de Ibiúna que tem como propósito apresentar políticas públicas para o desenvolvimento da agricultura ecológica no município. A Deputada Estadual Ana do Carmo (PT), que preside a Frente Parlamentar, juntamente com o Prefeito Eduardo Anselmo, reuniramse com pessoas engajadas na causa agrícola, produtores, pesquisadores, sindicalistas e estudantes para apresentar as dificuldades, carências e trajetória da Agricultura Orgânica de Ibiúna. Participante da Frente Nacional de Agricultura Orgânica, a Deputada Federal Iara Bernardi espera um salto de crescimento na agroecologia e na luta em defesa da saúde pública. “Esse debate pra nós é muito importante, os temas ambientais são muito importantes para Ibiúna porque a agricultura orgânica é uma marca significativa da cidade e reflete na saúde das pessoas.”, acrescentou. O município é considerado o berço da Agricultura Orgânica no Estado de São Paulo, disse Ondalva Serrano, engenheira agrônoma da Associação de Agricultura Orgânica que é defensora de todo o processo

Fernando Moraes

produtivo construído em respeito às leis da natureza. “Quando o ser humano aprende a lidar com a terra respeitando a ciclagem do ar, da água, da matéria orgânica, da vida, de forma respeitosa e saudável ele assegura e garante para toda espécie humana a sua sobrevivência, infelizmente a produção natural é cada vez mais substituída pelo domínio da indústria que elimina a biodiversidade.”, ressaltou a engenheira. Uma inovação no setor agroecológico é o Monitoramento por Satélite, que foi apresentado por João Mangabeira, Pesquisador da Embrapa, e tem como foco pesquisas e inovações para a agricultura, através do uso de tecnologias para coleta, processamento, análise e oferta de informação com referência geográfica. “A Embrapa trabalha em prol do desenvolvimento

sustentável e busca contribuir para um modelo de desenvolvimento municipal sustentável por meio da ciência e do apoio ao planejamento”, ressaltou o pesquisador. O evento contou também com a apresentação do pesquisador agroecológico Issao Ishimura, que participa da Comissão Técnica de Agricultura Ecológica. Segundo Issao o grupo promove a capacitação dos colegas ensinando conceitos científicos e técnicas sustentáveis já existentes e praticadas pelos agricultores. Pedro Kawamura disse que espera trazer uma ação integrada da frente de agroecologia para Ibiúna tem como meta a sustentabilidade local e apresentou um projeto de agricultura familiar socialmente justa, economicamente viável e ecologicamente sustentável além da preservação e ampliação da biodiversidade.

de 10 a 15% do valor total da mesma. A vencedora é uma empresa portuguesa, com sede no Morumbi em São Paulo. É considerada uma das melhores do mundo no ramo, com obras em Portugal e na Suiça, é responsável pela reurbanização de São Vicente, Petrópolis, Construção do Estádio Shopping de Santo André, Arena de Poá, etc. Jamais aceitariam sujar sua reputação passando parte dos lucros para outras pessoas. Portanto, se trata de mais uma perseguição daqueles que acostumaram a fazer da Prefeitura um balcão de negócios e estão encontrando dificuldades com a minha postura”, destacou. Com relação a PSA vencer a licitação de Materiais Elétricos, foi um Pregão Presencial, feito dentro da Lei de Licitações, na presença de uma Vereadora. “O preço está abaixo do de mercado, todo o material está sendo criteriosamente entregue e conferido pelo setor de Almoxarifado e Patrimônio, para depois ser despachado para as secretarias. Não existe nenhuma lei que proíba parentes de algum funcionário da prefeitura de participar deste tipo de pregão. O que tem que ser fiscalizado é se o material está superfaturado ou não está sendo entregue, o que não ocorre em tal situação, como ocorreu em outras ocasiões, mas não foi questionada nem pelos vereadores que fizeram o

requerimento, nem pelo respectivo jornal”. Com relação aos materiais esportivos, o Vice Prefeito e Secretário responsável pela pasta, disse ser inadmissível o questionamento. “24 mil reais de materiais esportivos no ano não é praticamente nada, levando em conta a quantidade de torneios, projetos e eventos que esta secretaria realiza. Hoje temos escolinhas de futebol no CDHU, Olaria, Paiol, Capim Azedo, Gabriel, Ressaca, Paruru, Jd. Nova Ibiúna. No Centro Olímpico temos basquete, vôlei, natação, ballet, karatê, jiu jitsu, kick boxing, capoeira, futsal, grupos da 3ª idade, temos vários campeonatos em diversas modalidades. Todos os dias recebemos pedidos de materiais esportivos dos times dos bairros, portanto, é um questionamento sem sentido. Agradeço aos vereadores Zaia, Paulinho Dias, Abel do Cupim, Carlinhos, Pedrão D’Água, Jair Marmelo, Aline do Rosarial e Devanil, que se recusaram a assinar tal requerimento, pois acompanham nosso trabalho e sabem o quanto nos esforçamos para realizá-lo da melhor maneira possível. Meu nome foi citado durante a sessão, insinuando para a população alguma irregularidade da minha parte. Considerei o fato como calúnia e difamação e vou buscar meus direitos”, finaliza Adal.

Vice Prefeito afirma que notícias publicadas sobre ele não são verdadeiras Em resposta ao jornal “Notícias de Ibiúna”, edição 167 de 28 de Junho de 2013, que publicou uma matéria insinuando que o Vice Prefeito, Adal Marcicano, tenha uma possível participação nas empresas que prestam serviços à Prefeitura, a Prefeitura emitiu nota a imprensa. O jornal acusa o Vice Prefeito de participação nos contratos de reurbanização do município e da compra de materiais esportivos e elétricos. Segundo Adal, com relação ao contrato da empresa que venceu a licitação do Projeto de Revitalização do Centro de Ibiúna, é natural que tenha que saber como será o projeto, para assim, poder apresentá-lo. “Se mais empresas estivessem interessadas, também conversaríamos antes para explicar tudo sobre a obra. Isso não significa que estamos tento participação nos lucros da empresa. O Vereador Zaia é testemunha disso, pois também esteve junto dos arquitetos para explicar sobre a acessibilidade na visita que os mesmos fizeram às ruas centrais do município”, explicou Adal. O projeto se trata de uma obra que irá mudar a cara de Ibiúna. “Embelezamento, mobilidade, acessibilidade, reforma de calçadas, construção de calçadões, iluminação, jardinagem e trânsito. Estas mudanças contemplam todo o centro da cidade, como a Avenida São Sebastião, Vereador Benedito de Campos, Maria Lafarina Milani, Capitão Manoel de Oliveira Carvalho, Rua Cel. Salvador Rolim de Freitas, Rua João Benedito de Mello, Rua XV de Novembro, Pinduca Soares, etc. Uma obra de 10 a 15 milhões, que com o projeto conseguiríamos os recursos facilmente no PAC e no DADE, mas com a estrutura que temos na Prefeitura, jamais seria possível. Normalmente, em uma obra desta grandeza, o valor do projeto custaria

Ed. 303.pmd

8

Porco no Rolete neste domingo em Ibiúna A Fundação Campo Cidade, localizada no bairro da Cachoeira, ao lado do Ibiúna Clube de Campo, realiza neste domingo (07) o Porco no Rolete. O evento, que costuma ser sucesso no município, terá acompanhamento musical com viola caipira. Para participar, basta ir até o local e comprar o convite, que custa R$ 20,00, no dia da festa. O objetivo do Porco do Rolete é angariar fundos para a manutenção da Fundação Campo Cidade e a Escola Agrícola, localizada no bairro do Verava, no segundo semestre. A Fundação Campo Cidade foi criada em Ibiúna na década de 80, com o objetivo de proporcionar mais conhecimento técnico e científico

para o produtor rural, bem como disponibilizar alternativas para o desenvolvimento da atividade agrícola no município. Dentre os projetos que tiveram a FCC como participante, destacam-se o fomento à agricultura orgânica em Ibiúna, cursos de capacitação para o produtor familiar, entre outros. De acordo com os diretores, a participação do ibiunense no evento será uma oportunidade de, além de experimentar um delicioso prato típico do interior paulista, conhecer a estrutura de uma entidade que sempre contribuiu para melhoria da vida do homem do campo e que precisa ser resgatada, para voltar a prestar seu nobre serviço à sociedade.

As dificuldades do sistema de saúde no Brasil Carlinhos Marques O custeio do sistema de saúde no Brasil tem sido um dos principais obstáculos a ser superado contra os problemas enfrentados no setor público de saúde, que atinge diretamente a vida de todos nós, brasileiros. No orçamento da União para 2013, estão previstos mais de R$ 79 bilhões em gastos e investimentos no setor. O montante é maior do que o total da educação (R$ 38 bi) e o Programa Brasil Sem Miséria (R$ 29 bi) – menina dos olhos da presidenta Dilma Roussef (PT). Mesmo com a maior parcela da receita da União, o Sistema Único de Saúde recebe valor inferior ao necessário para que funcione como os quase 200 milhões de brasileiros merecem. O reflexo da falta de recursos se esbarra, principalmente, em municípios de pequeno e médio porte, como Ibiúna. Manter o sistema de saúde funcionando, ainda que com muitas deficiências, custa caro! Prova disso é o relatório do primeiro quadrimestre deste ano divulgado pela Prefeitura à Câmara Municipal. Mais de 35% dos gastos do município está na saúde. O montante assola o caixa ao manter o hospital e toda sua estrutura, postos de saúde e outros atividades ligadas ao setor, como o transporte dos pacientes de ambulatórios e hemodiálise – como já frisei, ainda que com muitas deficiências. Dos mais de R$ 3 milhões gastos com saúde no município, o repasse do SUS é de, aproximadamente, R$ 500 mil mensais. Ou seja, do montante gasto, pouco mais de 15% é o valor que o Governo repassa ao município, mesmo sendo o Governo Federal o maior responsável pelo financiamento da saúde. Diante das dificuldades mencionadas, hospitais filantrópicos e organizações de

05/07/2013, 01:58

municípios idealizam um movimento denominado “Reajuste do SUS já!”. A iniciativa municipalista visa ampliar as receitas para que os municípios não sejam os mais prejudicados e a população seja atendida com maior dignidade. Precisamos de um repasse mais realista para que as finanças dos munícipios não sejam abaladas e, mais importante do que isso, o cidadão tenha um atendimento digno. Essa reivindicação foi apresentada também durante a audiência pública de saúde, na Câmara dos Deputados, do primeiro quadrimestre de 2013, com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, em Brasília. Agora, compete uma maior participação da população e também da classe política municipalista para que o Governo Federal revise os valores da Tabela paga pelo SUS para que os gestores dos municípios, que estão cara a cara com a população e precisam dar as respostas imediatas aos problemas cotidianos dos brasileiros, tenham melhores condições de oferecer um sistema de saúde digno a todos nós. Participem pelo Facebook: Tabela SUS Reajuste Já! Carlinhos Marques (PT) é presidente da Câmara Municipal de Ibiúna


Edição - 303