Page 1

PUB

PUB

PUB

PUB

Sexta-feira, 22 de Junho de 2012

Director: Bruno Maia

ANO V | Nº 125

PUB

Distribuição Gratuita

A D A C A L AP A I D R Ó C S I D Edição que hoje inicia evoca Viena de Áustria DR

Festival de Sintra Simulacro vai decorre até ao pôr respostas do dia 8 de Julho concelho à prova Mozart e Beethoven, entre outros, serão interpretados por músicos de excepção, no concelho. Página 3

PUB

No dia 27 de Junho

O exercício quer testar as respostas da protecção civil, e vai decorrer em três cenários distintos. Página 7

As Juntas de Queluz e Monte Abraão não se entendem quanto aos limites das duas freguesias. A discussão tem sido feita através da colocação e remoção sucessiva de uma placa.

Página 9


2

Abertura

Sexta-feira22deJunho2012

(*) Francisco de Queiroz francisco.queiroz.actualsintra@gmail.com

Por Bruno Maia(*)

Qualidade musical nos belos palcos de Sintra Entre hoje, dia 22 de Junho, e 8 de Julho, o Festival de Sintra vai trazer ao concelho alguns dos melhores músicos, no plano internacional. Os concertos vão decorrer em diferentes pontos históricos, como os Palácios de Sintra e de Queluz, a Quinta da Regaleira, a Quinta da Piedade ou o Centro Cultural Olga Cadaval, cenários mágicos perfeitos para um evento que vai revisitar Viena de Áustria, a capital da música erudita no velho continente, trazendo ao público o melhor da obra de compositores imortais como Haydn, Mozart, Beethoven, Schubert ou Brahms. Nos palcos do Festival de Sintra brilharão nomes já conhecidos do evento, que marcaram presença em edições anteriores, como Nicholas Angelich, Stephen Kovacevich, Grigory Sokolov e Artur Pizarro, a que se juntam algumas novidades de renome, como o Ensemble de Berlim ou o Quarteto com Piano Mozart. Numa combinação única do extraordinário património histórico sintrense com a excelência musical dos intérpretes em cartaz, esta é uma iniciativa cultural a assinalar na agenda, e não perder.

(*) Director do Actual Sintra

A Copa do Mundo no Brasil - 2014 No mês de maio deste ano, o presidente da FIFA, Joseph Blatter, disse publicamente que está apreensivo quanto ao andamento das obras para realização da Copa do Mundo no Brasil, em 2014. Em uma entrevista coletiva concedida em Genebra, o cartola não deixou dúvidas em sua avaliação: para ele o país está atrasado nos preparativos para o torneio. Já o presidente nacional do Sindicato de Arquitetura e da Engenharia (Sinaenco), João Alberto Viol, é mais enfático e realista. Ele diz que os cronogramas já estão sem as gorduras, sem os espaços necessários para suprir os riscos devido aos períodos chuvosos, greves operárias, problemas com licenças ambientais e outros. Segundo estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), dos 13 (treze) aeroportos brasileiros que receberão investimentos para modernização e aumento de capacidade, nove não ficarão prontos a tempo da Copa. Já o Tribunal de Contas da União (TCU) trouxe à tona mais uma vez os atrasos nos preparativos do Mundial em

cipalmente a classe produtiva desse país. Nenhum brasileiro que tenha o mínimo de instrução acredita que não entrará dinheiro público nessas obras, e o pior, não acredita que todo esse investimento melhorará as condições do povo brasileiro, muito pelo contrário, existe o medo de que esses novos estádios se tornem “elefantes brancos”no futuro. Para piorar, o presidente da CBF, o senhor Ricardo Teixeira, foi acusado pelo expresidente da Associação Inglesa de Futebol, o senhor David Triesman, de pedir favores em troca de votos para a candidatura da Inglaterra como sede da Copa do Mundo em 2018. Ao depor para uma comissão do Parlamento britânico, Triesman afirmou que as eleições estavam viciadas desde o início. Segundo o ex-dirigente inglês, Ricardo Teixeira lhe perguntou: “o que você pode fazer por mim?”, enquanto Jack Warner, de Trinidad e Tobago pediu 4 milhões de dólares para a construção de uma escola. Já o paraguaio Nicolás Leoz, presidente da Confederação Sul-Americana de Futebol, pediu ser laureado com um Sir. Até quando a sociedade será enganada por essas pessoas egoístas? Até quando ficaremos à mercê de suas ambições? Será que um dia veremos a justiça funcionar para esses “donos” do poder? A minha resposta, caro leitor, é que a humanidade cresce em sua moral e em sua espiritualidade. Mesmo de uma forma lenta estamos crescendo em termos de justiça. Não tenho dúvidas que um dia teremos uma sociedade mais justa e mais compreensiva do seu verdadeiro papel.

aeroportos, mobilidade urbana e estádios. No entanto, para o ministro Valmir Campelo, relator dos processos sobre o assunto no tribunal, “não é caso ainda de luz vermelha”. Na realidade, há muito a ser feito ainda, e muito já poderia ter sido feito. Algumas obras em alguns estádios estão mais avançadas do que outras, que sequer saíram do papel. Já se fala que o atraso é conveniente para algumas empresas e algumas pessoas, uma vez que quanto mais próximo estiver da copa do mundo a forma de licitação poderá mudar para caráter de urgência e emergência, culminando com altos valores, superfaturamento, etc., etc., e, com isso, sem dúvidas, quem pagará a conta será o povo brasileiro que já tem o seu orçamento familiar sufocado pela carga tributária no país, que é demasiadamente alta (uma das maiores do mundo). Se você perguntar aos brasileiros se gostariam de ver a Copa do Mundo sediada no Brasil, 07 (sete) de cada 10 (dez) vão afirmar que não, porque a conta de toda essa reestruturação será paga pelo contribuinte, prin-

FICHA TÉCNICA DIRECTOR: Bruno Maia (bruno.maia.@actualsintra.com) SECRETARIADO: Fabíola Inácio DEPARTAMENTO COMERCIAL: Alberto Parente (alberto. parente.actualsintra@gmail.com), Clara Castro e Helena Martins (helena.martins@actualsintra.com) COLABORADORES: Cátia Tavares, Cristóvam Augusto (caviolao@yahoo.com.br), Desidério Zeffir, Domingos Elias, Francisco de Queiroz (francisco.queiroz.actualsintra@gmail. com), Hugo Miguel (hugo.miguel.actualsintra@gmail.com), João Pereira (joao.pereira.actualsintra@gmail.com), Luís Geirinhas, Nuno Cruz (nuno.cruz.actualsintra@gmail.com) e Sandra Cruz DIRECÇÃO DE ARTES E PAGINAÇÃO: Fabiano Rodrigues EDIÇÃO ON-LINE E INFORMÁTICA: Magnólia Pontes PUBLICIDADE: comercial@actualsintra.com

ADMINISTRADOR: António Maia (antonio.maia@actualsintra.com) DEPARTAMENTO DE CONTABILIDADE: Sérgio Folgado IMPRESSÃO: GRAFEDISPORT - Impressão e Artes Gráficas, SA TIRAGEM MÉDIA MENSAL: 30.000 exemplares PROPRIEDADE: Centrais a Cores - Publicações Periódicas e Artes Gráficas, Lda. Registo: ICS- 125276 NIPC – 508290600 Inscrito na CRC Castelo Branco. Capital Social: 5.000€ Depósito Legal: 265617/07 REDACÇÃO E PUBLICIDADE: Avenida do Brasil, nº 27, Loja C 2735-668 São Marcos Telefone: 309 973 189 Fax: 309 973 190 E-mail: geral@actualsintra.com comercial@actualsintra.com

(*) Escritor Brasileiro

Cristóvam Augusto(*) caviolao@yahoo.com.br

A escolha da música como área profissional é um processo que, normalmente, traz consigo inúmeras inquietações em face do lamentável preconceito social que ainda se observa em relação à figura do músico. Há certa dificuldade – até mesmo de alguns músicos – em perceber que a música possui várias possibilidades de atuação, a depender do nível de formação pessoal, igualmente ao que ocorre nas demais áreas. Nesse sentido, performance, ensino, composição, regência, arranjo, editoração de partituras e produção musical repre-

Música e mercado de trabalho sentam apenas alguns campos possíveis de trabalho. Especificamente, no âmbito do ensino muitas possibilidades têm surgido nas esferas pública e privada no cenário brasileiro recente, em face da obrigatoriedade legal do ensino da música na educação básica. Entretanto, não se pretende aqui simplesmente pontuar possibilidades mercadológicas de atuação profissional no campo da música. Isto porque há algo que se põe para muito além do mercado de trabalho: A preservação da individualidade do sujeito em sua escolha profissional, não

apenas no campo da arte, mas em qualquer área do conhecimento. O problema é que, em muitos casos, percebe-se que essa individualidade é esquecida em favor dos imperativos econômico-financeiros impostos pela sociedade capitalista. Ideologia que tem se firmado fortemente no seio das famílias aniquilando carreiras artísticas promissoras e, acima de tudo, humanas realizações. Lamentavelmente, trata-se de um aspecto recorrente nesse mundo capitalista contemporâneo... A música é uma humana possibilidade. E se essa arte lhe enleva, pode também

representar uma vivência profissional. Obviamente, como em tudo na vida, o caminho normalmente requer muito desprendimento, obstinação e foco. Seja lá como for, seja sujeito de sua própria vida em busca de realização humano-social, tornando suas escolhas frutos da reflexão pessoal com base em potencialidades e aptidões efetivas. Pois a vida é efêmera, portanto, torna-se extremamente necessário estarmos felizes e realizados naquilo que melhor sabemos fazer. (*) Musicólogo Brasileiro http://lattes.cnpq.br/5139071381170084


Destaque

Sexta-feira22deJunho2012

3

De 22 de Junho a 8 de Julho

Festival de Sintra revisita Viena de Áustria A 47ª edição do Festival de Sintra decorre de 22 de Junho a 8 de Julho. Como habitualmente, o concelho acolherá alguns dos melhores artistas internacionais e jovens revelações nos seus locais históricos, repletos de carisma e tradição, tais como os palácios de Sintra e de Queluz, a Quinta da Regaleira e a Quinta da Piedade, além do habitual Centro Cultural Olga Cadaval.

DR

E

ste ano, o Festival propõe revisitar Viena de Áustria, desta vez com uma retrospetiva do século e meio de música anterior a Mahler, desde o classicismo vienense de meados do século XVIII, epitomizado pelas figuras de Haydn, Mozart e Beethoven, até ao romantismo de raízes clássicas de Schubert e Brahms, todos eles por excelência os compositores que consagraram Viena como a capital da música erudita europeia até ao impulso mahleriano e à dissolução do império germânico, já no século XX. O legado musical de Haydn a Brahms

constitui assim um património inestimável da cultura ocidental, e por mais intérpretes e manifestações artísticas que a ele se dediquem, há sempre lugar para novas leituras e descobertas. A 47ª edição do Festival de Sintra assume, deste modo, um carácter duplamente retrospetivo: por um lado, procura-se enquadrar o património musical dos clássicos vienenses no cenário idílico dos palácios e quintas históricas de Sintra, que constituem também um património universal. Por outro lado, procura-se apresentar ao público

de Sintra alguns dos grandes pianistas e intérpretes que durante décadas visitaram o Festival e deixaram nos seus palcos a marca da excelência artística. Um programa clássico com intérpretes clássicos, entre os quais vários convidados de edições passadas do Festival de Sintra, de Nicholas Angelich a Stephen Kovacevich, de Grigory Sokolov a Artur Pizarro. São ainda de salientar outros intérpretes que, visitando o Festival pela primeira vez, nos oferecem perspetivas inovadoras e fascinantes do repertório do classicismo

vienense. São eles o Ensemble de Berlim, integrado por membros da Orquestra Filarmónica de Berlim, o Quarteto com Piano Mozart, bem como o duo de violino e piano de Bruno Monteiro e João Paulo Santos, já bem conhecidos do público português. De destacar, ainda, o recital do consagrado pianista português Artur Pizarro, que irá brindar-nos com obras de Haydn, Mozart, Schubert e a grande Sonata préromântica op. 81 de Hummel, compositor vienense contemporâneo e amigo de Beethoven.

Trabalhos vão permitir percurso pedestre da Vila ao Castelo

Parques de Sintra vão restaurar Quinta da Amizade e Vila Sassetti A

Parques de Sintra – Monte da Lua adquiriu à Câmara Municipal de Sintra, nos finais de 2011, a Quinta da Amizade, quase desconhecida do público, que inclui a Vila Sassetti e duas casas de guarda. O objetivo, explicou a PSML, “é estabelecer mais um percurso pedestre desde o centro histórico da Vila de Sintra até ao Castelo dos Mouros. A Quinta é já um verdadeiro caminho, pois é uma longa e íngreme faixa de terreno, que vai desde o Largo do Victor até ao sopé rochoso do Castelo. A Vila fica situada a meio desse caminho”. Esta restauração “insere-se no conjunto de percursos pedestres que a empresa vem preparando para que os vi-

DR

A PSML quer permitir mais acessos pedestres ao Palácio e ao Castelo

sitantes dos dois mais frequentados monumentos geridos pela empresa – o Palácio da Pena e o Castelo dos Mouros – os possam alcançar sem terem que conviver, sobretudo na época alta, com carros e autocarros ao longo da Rampa da Pena”. A Vila Sassetti, construída entre 1890 e 1894, é um “castelejo de estilo Lombardo” sobranceiro à Vila de Sintra, - um verdadeiro miradouro - cujo projeto, Victor Carlos Sassetti, que foi dono dos famosos Hotéis Bragança, em Lisboa, e Victor, em Sintra, encomendou ao seu amigo arquiteto Luigi Manini, mais tarde autor da Quinta da Regaleira e do Palácio, hoje hotel, do Buçaco.


4

Local

Recolha selectiva

“Ponto Azul” chega às escolas de Sintra P

romovido pela autarquia, pela HPEM e pela SUMA, o sistema Ponto Azul foi viabilizado através da disponibilização de condições logísticas apropriadas e de um plano de formação alargado, cuja temática envolve informações específicas sobre “O QUE reciclar”e “COMO acondicionar”. O objectivo desta acção é fazer com que todos os alunos do 1º Ciclo do Ensino Básico participem em esquemas de triagem na origem, para que todo o papel e cartão utilizado no âmbito das rotinas normais de trabalho seja encaminhado para valorização através da reciclagem. Pequenos contentores para deposição selectiva de papel foram distribuídos qualitativamente a 22 escolas do 1º ciclo do ensino básico do Município, equipando 236 salas de aula. Para além de contribuir para o aumento dos índices de reciclagem, esta iniciativa cumpre sobretudo uma missão de carácter pedagógico, associada à importância das escolas enquanto quadros de referência comportamental e agentes mobilizadores da comunidade extraescolar.

Sexta-feira22deJunho2012

“SÃO MARCOS COM CORAÇÃO”

JFSM

Junta promove caminhada na Ericeira

N

o passado domingo, dia 17 de Junho, foi realizada mais uma caminhada do âmbito do projecto “São Marcos com Coração 2012”, inserida no Centro Municipal de Marcha e Corrida de São Marcos, desta vez, na Ericeira. Ao todo, 60 participantes da freguesia de São Marcos iniciaram a

caminhada no miradouro, junta à Praia da Foz do Lizandro, com um percurso que se desenrolou ao longo da zona costeira, passando pela Vila da Ericeira, pelo areal da Praia de Ribeira de Ilhas, seguindo até a Praia dos Coxos, terminado em Ribamar. O percurso teve a distância de 10 km, com

dificuldade média, “apresentando alguns obstáculos que foram facilmente superado, sem nunca desanimar os caminhantes”, destacou a Junta de Freguesia, que sublinhou ainda “o ambiente de convívio, a boa disposição, e a promoção de hábitos de vida saudável” junto da população. PUB


Publicidade

Sexta-feira22deJunho2012

5

Junta de Freguesia de Monte Abraão Av. da Liberdade, nºs 29 e 31, Monte Abraão - 2745-300 Queluz - Tel: 21 437 36 35 Fax: 21 437 36 60 E-mail: geral@jf-monteabraao.pt

COMUNICADO

Seja responsável. Beba com moderação.

1- As recentes declarações do senhor presidente da Junta de Freguesia de Queluz, António Barbosa de Oliveira, à comunicação social, confirmam cabalmente as minhas suspeitas sobre a sua responsabilidade na remoção - por duas vezes em menos de um mês – da placa identificativa da Freguesia de Monte Abraão da entrada sul do túnel que dá acesso à estação da CP de Monte Abraão. 2- Contactado pelo jornalista, o senhor presidente da Junta de Freguesia de Queluz, António Barbosa de Oliveira, confirmou as ameaças veladas que me fizera numa conversa telefónica que tivéramos a propósito do desaparecimento das referidas placas. Mas foi, espantosamente, mais longe. Sobre o espaço em que foram colocadas as placas disse: “ninguém gosta que violem a sua residência ou a sua propriedade e isto trata-se de uma invasão de propriedade. A placa foi posta dentro do nosso território e só pode estar depois da nossa fronteira”. 3- Num concelho que é Património Mundial, num mundo que felizmente já não é feudal há séculos, o senhor presidente da Junta de Freguesia de Queluz confunde território que administra por eleição (representação) com residência e propriedade. Com a agravante de que aquele perímetro não é efectivamente, território exclusivo de Queluz, e de que ignora (desconfio que

por incompetência, não por má vontade) a legislação sobre a colocação de sinalética que assinala a entrada numa nova Freguesia. 4- Mas o senhor presidente da Junta de Freguesia de Queluz, António Barbosa de Oliveira, ignora a mais importante das leis, a do bom senso. Monte Abraão faz “fronteira” com outras freguesias, nas mesmíssimas circunstâncias. Por exemplo, relativamente a Massamá, a mais elementar regra de são convívio (e o respeito pela legislação) fez com que quer relativamente à indicação de Massamá na zona limítrofe com Monte Abraão, quer na indicação de Monte Abraão na zona limítrofe com Massamá, tenha sido acordada tacitamente a instalação das referidas placas. Obviamente que o interesse maior, para estes dois presidentes de Junta, é o da informação das pessoas que circulam na área, designadamente o de que, seguindo naquele sentido, passam a encontrar-se em território exclusivo de determinada Freguesia. 5- Tenho a esperança e a convicção de que a Câmara Municipal de Sintra porá cobro a esta situação absurda e zelará pelo interesse dos munícipes/fregueses. 6- Tal como referi no anterior comunicado, agirei do ponto de vista judicial (e também político) para que o responsável por esta enormidade seja penalizado. Fátima Campos - Presidente da JF Monte Abraão


6

Local

Sexta-feira22deJunho2012

Nova campanha de sensibilização

Rápidas

SUMA torna Sintra num município “Muito à Frente”

Biblioteca Escolar da Piloto assinala 5 anos de história

DR

“Muito à Frente”é o nome da mais recente campanha de sensibilização ambiental desenvolvida pela Câmara Municipal de Sintra, em parceria com a HPEM e SUMA. A acção decorreu entre os últimos dias 28 de Maio e 8 de Junho, e abrangeu mais de 2 mil alunos do 2º Ciclo do Ensino Básico, em escolas do concelho.

E

sta acção, cujo objectivo passou pela promoção da sensibilização para a adopção de procedimentos correctos de acondicionamento e deposição de resíduos, pretendeu, de acordo com a SUMA “motivar os cidadãos a preservarem a limpeza e salubridade dos espaços públicos do seu município, promovendo, assim, a responsabilização de todos os munícipes no que toca à sua contribuição para o desenvolvimento de cada vez melhores condições de vida e protecção do ambiente”. A utilização de sacos para o acondicionamento do lixo indiferenciado, a atenção aos horários de recolha, a utilização de ecopontos para os resíduos recicláveis e de papeleiras para os pequenos lixos foram, neste contexto, algumas das rotinas abordadas nesta iniciativa, que se debruçou, igualmente, sobre os procedimentos a ter em relação aos dejectos caninos e à deposição de monos e monstros, e sobre a preservação de recursos, como a água e a energia. A campanha foi desenvolvida nas tur-

SUMA

1ª Feira da Sardinha nos Bombeiros Voluntários de Queluz A iniciativa chegou a mais de 2 mil crianças do 2º Ciclo do Ensino Básico mas do 2º Ciclo do Ensino Básico dos Estabelecimentos de Educação e Ensino do Município, abrangendo um total de 2.006

alunos. No seu decorrer foram distribuídos pendurantes e porta-chaves com todas as rotinas transmitidas.

Em Belas

Município realiza acções de formação financeira D

urante o mês de Junho, o Serviço Municipal de Informação ao Consumidor, da Câmara Municipal de Sintra, promoveu a realização de 4 ações de formação sobre literacia financeira. Estas iniciativas, subordinadas ao tema “As Famílias Portuguesas e o Problema do Sobreendividamento”, tiveram como destinatários os beneficiários do Rendimento Social de Inserção e do Banco Alimentar, gerido pelo Centro Social da Sagrada Família, em Belas. Com a duração de 4 horas, divididas em dois módulos, em cada sessão foram abordados alguns dos aspectos relativos ao problema do sobreendividamento, nomeadamente as causas, consequências e formas de evitar este problema, as vendas agressivas, ser fiador de terceiro, processo de insolvência de um devedor, penhoras de bens e vencimentos, entre outros. As acções decorreram nas instalações

A “Terra do Faz-de-Conta” (biblioteca escolar) da Piloto (EB1 nº2 de Mem Martins) foi inaugurada em 4 de junho de 2009, mas a data de comemoração do seu aniversário é a oficiosa (6 de junho de 2007), data em que abriu as suas portas aos alunos. Este ano, no devido à ausência de duas das turmas, a festa de aniversário foi alterada para o dia 11. À comunidade educativa, à semelhança de anos anteriores, foi lançado um desafio para que este 5º aniversário fosse um sucesso. A escola garante que “a ideia de personificar a biblioteca tem tido, desde a sua origem, um impacto muito positivo na comunidade escolar contribuindo para uma desejável aproximação da escola com a comunidade”.

DR

Os Bombeiros Voluntários de Queluz estão a promover a 1ª Festa da Sardinha, que teve início no começo de Junho. A organização convida, deste modo, todos os que gostam de comer uma sardinha e passar um dia animado, a passar pelo parque de viaturas, numa festa que ainda decorre nos dias 23, 24 e 30 de Junho, e 1 de Julho, entre as 10h00 e as 22h00. Para além das sardinhas pode provar também o caldo verde, entremeadas, bifanas e acompanhar com vinho, cerveja ou sumos. A música não vai faltar para animar os presentes.

Junta de Freguesia de Agualva promove Sábado Sénior

As sessões abordaram o tema do sobreendividamento das famílias da Biblioteca Ruy Belo, em Belas, entre as 10h e as 12h e entre as 14h e as 16h, e fo-

ram realizadas nos dias 11, 13, 18 e 20 de Junho.

A Junta de Freguesia de Agualva vai dedicar o dia de amanhã, sábado 23 de Junho, a toda a população mais sénior da freguesia. Neste âmbito, estão previstas diversas actividades, num programa que inclui várias aulas de actividade física direcionadas para estas idades e actuações de vários grupos corais e musicais do concelho, entre outras. O grupo sénior da Junta de Freguesia de Agualva apresentará um espectáculo com uma demonstração das várias actividades existentes na nossa freguesia para esta faixa etária e um conjunto de cantares, do grupo Coral de Agualva.


Local

Sexta-feira22deJunho2012

Rápidas

7

Na próxima quarta-feira DR

Música em Monserrate: “Domingos no Jardim do México”

Desde 17 de Junho e até 1 de Julho, terá lugar a 2ª edição dos “Domingos no Jardim do México”, durante os quais as tardes de domingo no Parque de Monserrate serão animadas por concertos, petiscos e bebidas, bem como visitas guiadas ao Jardim do México. A 17 de Junho, actuou o Eblen Macari Trio. No domingo dia 24, às 17h00, o Parque de Monserrate receberá os Mezcales Trio, banda que recupera o que há de mais representativo na música tradicional mexicana e lhe confere um arranjo musical que combina o típico sabor mexicano com a improvisação Jazz. Por último, a 1 de Julho, terá lugar o concerto do Marimba Duo, difundindo o reportório da música de marimba tanto popular como contemporânea das regiões do México e América Latina.

São Marcos quer hortas comunitárias na freguesia

A Assembleia de Freguesia de São Marcos aprovou por unanimidade uma proposta do Bloco de Esquerda recomendando à Câmara Municipal a criação de novas hortas comunitárias. Para o BE, “as hortas constituem um factor de coesão social relevante e de afirmação comunitária, sobretudo nos tempos difíceis que atravessamos”. Existem já algumas iniciativas destas na freguesia, “que devem ser acompanhadas e potenciadas, e terrenos livres onde os autarcas gostariam de ver outras nascer”, referiu ainda o Bloco.

Alunos de Belas participam nas marchas populares

Cerca de 160 alunos da EB 1 nº 1 participaram, no dia 15 de Junho numa marcha popular subordinada ao tema “Sintra…um local de cultura, lendas e património”, na Av. João de Belas, em Belas. O mote da marcha foram os parques de Sintra, o Palácio Nacional de Queluz, a Quinta da Regaleira, o Parque de Monserrate e o Palácio de Sintra, numa iniciativa da Associação de Pais e Encarregados de Educação da EB1 nº1 de Belas e da EB1/JI da Fonteireira.

Simulacro testa resposta a situações de emergência e catástrofe O município de Sintra realiza um exercício no próximo dia 27 de Junho, a fim de preparar o sistema de protecção civil para intervir em situações de emergência e de catástrofe. A acção vai desenrolar-se em três espaços diferentes: a mancha florestal de Janas, a Zona Industrial de Mem Martins e a Vila de Sintra.

O

exercício, a realizar na próxima quartafeira, terá, de acordo com a Câmara de Sintra, em consideração “os riscos actuais, que são uma ameaça potencial para os seres vivos, o ambiente e os bens das populações residentes”, desenvolvendo-se em três cenários distintos: na mancha florestal da Janas uma área sensível a incêndios florestais, na vila de Sintra onde existem infraestruturas vulneráveis a incêndios urbanos em zonas de difícil acesso, e na zona industrial de Mem Martins numa fábrica desativada. O objectivo é “desencadear atempadamente as operações de proteção civil necessárias para salvar vidas, mitigar as consequências das ocorrências nas populações, no ambiente e nos bens e restabelecer, o mais rapidamente possível, as condições de normalidade”, sublinhou a autarquia. Os sistemas de gestão de operações que vão ser implementados, além dos postos de comando operacionais, componentes das zonas de apoio e das zonas de concentração e reserva, contemplam pontos de concentração e uma zona de concentração e apoio às populações, a fim de receberem e prestarem os cuidados básicos essenciais à manutenção dos níveis de segurança e bem-estar das populações deslocadas da zona atingida do pinhal de Janas e de um posto médico avançado, a ser destacado para Colares para exe-

ARCSintra

O simulacro vai reunir diferentes actores no campo da Protecção Civil cutar a triagem secundária das vítimas e a prestação dos cuidados médicos às populações afetadas pelo incêndio florestal. Além da intervenção do Serviço Municipal de Proteção Civil, direcções e departamentos da Câmara Municipal, participam no exercício o Comando Distrital de Operações e Socorro, presidentes das Juntas de Freguesia das áreas envolvidas Colares, S. Pedro de Penaferrim e Algueirão Mem-Martins, autoridades de saúde, autoridade florestal nacional, autoridade médico veterinária, agrupamentos dos centros de saúde VIII e IX, representante do conselho de administração do Hospital Amadora Sintra e do Hospital de Cascais, entidades empresariais municipais

higiene publica, EM e serviços municipalizados de água e saneamento, representantes das unidades militares sedeadas no município de Sintra, Segurança Social, Unidade de Emergência da Cruz Vermelha Portuguesa Amadora Sintra, Corpos de Bombeiros do município e da Amadora, Guarda Nacional Republicana, Polícia de Segurança Pública, Grupo Operacional Cinotécnico da Unidade Especial de Polícia, Grupo de Intervenção Cinotécnico da Unidade de Intervenção da GNR, Polícia Municipal de Sintra e radioamadores. O exercício conta, ainda, com a participação de figurantes da Escola Profissional Alda Brandão de Vasconcelos.

Almargem do Bispo

Junta assume parceria para apoio aos jovens A

Junta de Freguesia de Almargem do Bispo acordou, no passado dia 7 de junho, uma parceria com a Quinta da Várzea e a Associação Equestre Rédea Dourada, para proporcionar aos jovens da Freguesia a prática da equitação nas vertentes desportiva, ambiental, social e cultural. De acordo com a Junta, estas entidades “acordaram em aceitar inscrições de residentes na área da freguesia, que pretendam beneficiar do Centro Equestre em Almargem do Bispo, com a redução de 10% nas aulas de equitação, desde que a inscrição seja feita pelos serviços administrativos da Junta de Freguesia de Almargem do Bispo”. O incentivo terá a duração de 1 ano, com 1 aula semanal, de modo a permitir uma continuidade no ensino.

JFAB

O acordo vai permitir aos jovens ter benefícios na prática de equitação A Junta de Almargem do Bispo comprometeu-se ainda a apoiar jovens até aos 12 anos com carências económicas comprovadas, mediante a comparticipação de 50% do

valor por hora, com as condicionantes temporais antes apresentadas a que acresce a uma dedução de 30%, concedida pelos dois parceiros.


8

Publicidade

Sexta-feira22deJunho2012


Manchete

Sexta-feira22deJunho2012

9

Limites das freguesias originam guerra de placas

Monte Abraão e Queluz não se entendem As Juntas de Freguesia de Monte Abraão e Queluz continuam sem um consenso quanto aos limites das freguesias, e o diferendo continua visível na discórdia quanto à localização da placa informativa de Monte Abrãao colocada na entrada do túnel da CP, que já foi retirada por duas vezes. Fátima Campos responsabiliza António Barbosa de Oliveira, que já tinha garantido que “qualquer placa que seja colocada em território da freguesia de Queluz, sem autorização da Junta, será retirada”.

E

m menos de um mês, a placa informativa da Junta de Freguesia de Monte Abraão colocada à entrada do túnel sob a linha férrea, próximo da Escola Prática da GNR já foi, por duas vezes, retirada do local onde se encontrava há 14 anos. Na primeira vez, a remoção terá acontecido entre os dias 16 e 17 de Maio. O desenrolar dos acontecimentos levou Fátima Campos, presidente da Junta de Freguesia de Monte Abraão, a responsabilizar a Junta de Queluz. Em comunicado, a autarca refere que “as recentes declarações do senhor presidente da Junta de Freguesia de Queluz, António Barbosa de Oliveira, à comunicação social, confirmam cabalmente as minhas suspeitas sobre a sua responsabilidade na remoção por duas vezes em menos de um mês”. Recorde-se que, conforme noticiado na última edição do Actual Sintra, Barbosa de Oliveira sublinhou que “qualquer placa que seja colocada em território da freguesia de Queluz, sem autorização da Junta, será retirada”.

AS

A segunda placa colocada pela Junta de Monte Abraão durou poucas horas Assim, Fátima Campos garantiu que a placa ia ser recolocada no local, o que veio a acontecer a 14 de Junho, embora cerca de 3 metros à frente em relação ao local original. Mas terá durado escassas horas – pouco depois dos trabalhos, já não era visível a informação da freguesia de Monte Abraão. A pou-

cos metros passou, no entanto, a existir uma placa da Junta de Queluz, anunciando “Uma autarquia presente”. A presidente Fátima Campos refere que Barbosa de Oliveira “confunde o território que administra por eleição com residência e propriedade”, além de frisar que este desconhece-

rá “a legislação sobre a colocação de sinalética que assinala a entrada numa nova Freguesia”, para além de ignorar “a mais importante das leis, a do bom senso”, salientando que “Monte Abraão faz “fronteira” com outras freguesias, nas mesmíssimas circunstâncias”. A autarca aguarda agora pela intervenção da Câmara Municipal, esperando que esta ponha “cobro a esta situação absurda e que zele pelo interesse dos munícipes/fregueses”. Além disso, afirma que agirá “do ponto de vista judicial, e também político, para que o responsável por esta enormidade seja penalizado”. O Actual Sintra tentou obter novas reacções de António Barbosa de Oliveira sobre o tema, sendo que, até ao fecho da edição, tal não se verificou possível. Neste momento, o local está sem qualquer identificação, dado que também a placa de Queluz foi retirada, pelos serviços da Câmara Municipal, que vão agora avaliar esta situação, para resolver o desentendimento. PUB


10

Regional

Sexta-feira22deJunho2012

Odivelas

Rápidas

Polícias de palmo e meio fazem operações STOP

Bombeiros de Fanhões festejam 84º aniversário

Chegou ao fim o Projecto SerSeguro, que decorreu durante o ano lectivo 2011/2012. E terminou da melhor forma possível: a Câmara Municipal de Odivelas levou, no dia 11 de junho, 125 alunos do 4º ano do 1º ciclo do Ensino Básico para a rua, fardados de polícia, protagonizando operações STOP em seis freguesias do concelho de Odivelas.

A

vereadora da educação, Fernanda Franchi, esteve na Operação STOP “montada” na rua Principal da Arroja (frente ao hipermercado modelo),“constatando a alegria e o profissionalismo de cada um dos alunos, ajudados nesta tarefa pelos agentes do programa “Escola Segura” da PSP”, referiu a autarquia de Odivelas. Mal se apercebiam da chegada dos pequenos agentes da autoridade, os condutores não conseguiram evitar um largo sorriso nos lábios, enquanto recebiam das mãos dos petizes, um panfleto com recomendações diversas sobre a segurança rodoviária. O sorriso foi ainda maior, e largamente contagiante para todos os presentes, quando uma das condutoras mandadas parar, reconheceu ser o próprio neto que lhe estava a fazer a continência. Com ar de verdadeiro espanto, a avó recebeu o panfleto e comprometeu-se perante o neto, a ser uma condutora consciente da necessidade de prevenir a sinistralidade e cumpridora das regras de segurança.

CMO

Oeiras realiza III Mostra Gastronómica O projecto, iniciado em 2003, tem-se revelado um sucesso junto dos alunos De salientar que esta campanha de sensibilização à população local “constitui o culminar do plano de formação dos alunos abrangidos pelo Projeto SerSeguro - Educação Rodoviária no 1º ciclo do Ensino Básico”, referiu ainda a Câmara Municipal. Este projecto municipal foi iniciado em

2003 e desenvolve-se em parceria com os Agrupamentos de Escolas, as Associações de Pais e Encarregados de Educação, Forças de Segurança do Concelho, as Juntas de Freguesia, e com o apoio da Rodoviária de Lisboa, da Editora Impala e da Escola de Condução OdivelCartas.

250 Automóveis e motas passaram pelos Centros Históricos

Veículos históricos desfilam no concelho Oeiras N

o âmbito da dinamização e revitalização dos Centros Históricos, a Câmara Municipal de Oeiras organizou, pela quinta vez, o programa ”Passeio de Automóveis Antigos” , que decorreu nos centros históricos de Algés, Carnaxide, Oeiras e Paço de Arcos, no passado dia 16 de Junho. Com concentração pelas 9h00 e partida às 10h00, em Algés, no parque de estacionamento frente ao Palácio Ribamar, formam cerca de 200 automóveis e 50 motas participantes nesta iniciativa. O autêntico desfile de raridades seguiu depois para o centro histórico de Carnaxide, de onde saiu depois em direcção à Avenida Marginal, até Santo Amaro de Oeiras e, depois, em direcção à Vila de Oeiras. O último destino foi Paço de Arcos, onde os diversos automóveis ficaram em exposição no Jardim Municipal, durante o período de almoço.

CML

Bombeiros, músicos, corpos sociais, associados e amigos j u nt a r a m - s e a 3 de Junho para cantar os parabéns pelos 84 anos celebrados pela Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Fanhões. Na sessão solene, foram distinguidos e condecorados bombeiros com as medalhas de 10, 15 e 20 anos de assiduidade e bons serviços prestados à causa dos bombeiros portugueses, os formadores da escola e feita a cerimónia da passagem a bombeiros estagiários de 3ª classe os que concluíram os cursos. Carlos Teixeira, Presidente da Câmara de Loures, destacou que “a vida está difícil e as populações, quando não conseguem chegar a outros lados, pedem auxílio às autarquias mas também recorrem aos bombeiros porque vêm nos bombeiros os cidadãos disponíveis para ajudar os próximos”.

DR

A terceira edição da Mostra Gastronómica, em Paço de Arcos, decorre este fim de semana, entre as 12h00 e as 23h00, na Av. Patrão Lopes, nº 13, em Paço de Arcos. Dos pratos mais elaborados à cozinha tradicional portuguesa e internacional, aos visitantes é apresentada uma vasta variedade gastronómica, através da presença no evento de alguns dos melhores restaurantes existentes naquele núcleo histórico. Esta iniciativa, co-organizada pela Câmara Municipal de Oeiras e a ACECOA - Associação Comercial e Empresarial dos Concelhos de Oeiras e Amadora, insere-se no âmbito das acções de requalificação dos Centros Históricos de Oeiras, de Paço de Arcos, de Carnaxide e da Baixa de Algés.

Acção debate Alzheimer em Odivelas

O desfile permitiu ao público ver várias raridades do mundo automóvel Este foi um desfile das mais variadas marcas e anos, que apresentou desde um Ford de 1910, um Cadillac de 1927 até um Lotus de 1996. O “Passeio de Automóveis

Antigos” é uma organização da autarquia, que conta com a colaboração da Associação Comercial e Empresarial de Oeiras e Amadora (ACECOA).

A Alzheimer Portugal veio a Odivelas, no dia 6 de Junho, promover uma acção de sensibilização dedicada ao tema “Cuidar do Idoso”. A sessão foi dirigida aos profissionais dos centros de dia existentes no concelho, estando integrada no Programa de Saúde Sénior “Saber Envelhecer para Melhor Viver” – Projeto Artes da Saúde da Câmara de Odivelas. Durante a iniciativa, foram abordados temas como: definição de doença de alzheimer, sinais de alerta para o diagnóstico precoce da doença, mudanças naturais do envelhecimento e ainda conselhos e dicas para os cuidadores de doentes com alzheimer.


Regional

Sexta-feira22deJunho2012

Rápidas

11

LOURES CMO

“Salvador vai a banhos”, cumpre tradição em Odivelas

Cumprindo a tradição, a Câmara Municipal de Odivelas, através do Serviço Municipal de Protecção Civil, voltou a promover, no final do presente ano lectivo, mais uma actividade de “O Salvador vai a Banhos”. Este ano, as acções decorreram nos dias 4, 6 e 11 de Junho. Nos primeiros dois dias, a manhã foi passada na Praia da Torre, em Oeiras, com os mais novos a aprenderem os cuidados a ter na praia. À tarde, a brincadeira didáctica aconteceu no Parque Aventura, na Paiã, e aqui foram sensibilizados para a preservação da floresta e para a prevenção dos fogos florestais. Já o dia 11 foi passado na Quinta da Fonte Santa, em Caneças, sendo dedicado, sobretudo, à transmissão de medidas de cuidados a ter nas piscinas.

Lauro António lança “Os Cinemas da Europa” em Oeiras

A Câmara Municipal de Oeiras lançou o livro “Os Cinemas da Europa”, de Lauro António, no dia 12 de Junho no Auditório Municipal Maestro César Batalha, localizado nas Galerias Alto da Barra, em Oeiras. Qual a identidade do cinema europeu? A resposta a esta pergunta foi o tema de sessões que ocuparam uma “masterclass”, durante o ano de 2011, através da qual Lauro António, realizador, crítico e professor de cinema, tentou aproximar-se de alguns dos aspectos que podem ou não definir, cinematograficamente, a identidade nacional e continental do cinema. Do resultado desse trabalho, surgiu a presente obra que agora se apresentou ao público.

Sacavém comemora 15 anos de elevação a cidade

Sacavém comemorou, no dia 4 de Junho, o 15º aniversário de elevação a cidade. Carlos Teixeira, presidente da Câmara de Loures, marcou presença na sessão solene onde foi assinalada a importância daquela data na história da freguesia. A abrir a cerimónia realizada na Quinta de São José, em Sacavém, esteve a Associação Cultural Portuguesa de AIKIDO, que demonstrou algumas técnicas desta arte marcial de origem japonesa. Seguiu-se a sessão solene, onde os intervenientes “relembraram o antes e o depois de uma freguesia em franco desenvolvimento”, referiu a Câmara de Loures.

II Assembleia Sénior debate problemas do concelho Contando com a participação de cidadãos das freguesias do concelho, o Palácio Marqueses da Praia e Monforte acolheu a II Assembleia Sénior, em 11 de Junho. Numa iniciativa caracterizada como “um espaço da democracia”e “de carácter inovador”, o executivo municipal ouviu críticas e sugestões dos participantes.

O

presidente da Câmara, Carlos Teixeira, abriu a sessão, que teve lugar no dia 11 de Junho, no Palácio Marqueses da Praia e Monforte, e, depois de saudar os “deputados seniores” informou “que é neste espaço da democracia que tomamos as decisões, quer sejam da Câmara, quer sejam dos serviços municipalizados”. Sónia Paixão, vereadora com o pelouro da Inovação Social e Promoção da Saúde, frisou que “esta é daquelas iniciativas que têm caráter inovador. Não é fácil virmos ouvir aqui o que não está bem mas darmos voz aos munícipes seniores é dá-la a quem está mais atento”. Dos vários temas abordados pelos seniores destacam-se a segurança rodoviária, a gestão dos encargos das instituições, o hospital de cuidados continuados e paliativos, o serviço de transportes públicos, a limpeza urbana e de vias, a substituição de ecopontos e contentores e a sua altura, a cedência de terrenos para novos equipamentos e o asfaltamento de ruas. Mas foram igualmente apontadas inicia-

CML

O município destacou a importância de “dar voz a quem está mais atento” tivas e sugestões para melhorar a qualidade de vida, não só da população sénior, mas de todos os munícipes, como o alargamento do horário da Biblioteca Municipal José Saramago, o acesso ao serviço “Loures Repara” a todos os reformados, o estímulo local para a realização de convívios e caminhadas abertas à comunidade e a realização de ações de

formação que não rejeitem a participação dos seniores. Às questões levantadas responderam Carlos Teixeira e Sónia Paixão, que informaram sobre os cortes orçamentais e o aumento do IVA impostos às autarquias, que retiram verbas a políticas sociais e a projetos de desenvolvimento.

FORTE DE S. JORGE DE OITAVOS

Rádio Amadores promovem Cascais em todo o mundo C

omo forma de divulgação do concelho de Cascais, a Associação de Radioamadores da Linha de Cascais promoveu, nos dias 16 e 17 de Junho, um encontro de radioamadorismo no Forte de S. Jorge de Oitavos. A partir de uma estação especial montada para o efeito, os radioamadores puderam efectuar contactos para todo o mundo, dando a conhecer o concelho, numa iniciativa apoiada pela Câmara Municipal. Este evento foi apadrinhado e contou com a presença de António Sala, voz da rádio, e foi ainda marcado por um espetáculo de acrobacia aérea em frente ao Forte de Oitavos com duas aeronaves do Team Aerobática. Além de promover o concelho pelo mundo fora, este encontro visou também divulgar o radioamadorismo junto dos jovens e adultos reformados, como prática científica na investigação das radiocomunicações. Os radioamadores vão demonstrar que, de forma autónoma, e a partir de um só

O evento colocou o concelho de Cascais em contacto com todo o mundo equipamento, conseguem falar para todo o mundo. Através de onda-curta, satélite, televisão de amador, código morse, entre outras formas, os contatos por radioamador permitem, por exemplo, falar com um navio, com um avião, ou com uma nave espacial.

Considerado de utilidade pública, o radioamador assume um papel importante em diversos contactos mundiais e em situações de emergência (SOS, Mayday), sobretudo quando outros meios de comunicação ficam inoperativos.


12 PUB

Regional

Sexta-feira22deJunho2012

Em 2013

Cascais embaixador internacional da democracia participativa O concelho de Cascais será o embaixador internacional da democracia participativa em 2013. Uma decisão tomada a 11 de Junho, pelo Observatório Internacional da Democracia Participativa (OIDP) que se encontram a realizar a sua conferência anual em Porto Alegre, no Brasil.

R

epresentado na reunião pelo vereador Nuno Piteira Lopes, o Município de Cascais, além da presidência do OIDP em 2013 e da organização da próxima conferência anual, foi distinguido com uma menção honrosa por parte de um júri internacional e independente, composto pela Presidência do Observatório (Porto Alegre, Brasil) e por especialistas de vários países e continentes. Trata-se de um reconhecimento internacional do trabalho desenvolvido pela Câmara Municipal Cascais através das várias iniciativas da Agenda 21 Local. Estiveram a concurso experiências de vários países e continentes, sendo que os prémios foram entregues no passado dia 11 de Junho, na sessão solene de abertura da XII Conferência do OIDP, a decorrer em Porto Alegre, no Brasil. Além disso, a Cascais, pelas provas dadas no âmbito do processo do Orçamento Participativo, que lhe mereceram também uma menção honrosa do júri, cabe ainda a tarefa de organizar a XIII conferência internacional, que PUB

irá decorrer no concelho. Anualmente, o Observatório Internacional de Democracia Participativa (OIDP), com sede em Barcelona, reconhece as melhores práticas internacionais de participação dos cidadãos nos processos de elaboração e implementação de políticas públicas a nível local. Trata-se de um prémio atribuído exclusivamente a governos locais, entidades municipais e supramunicipais, que sejam associadas do OIDP.As candidaturas para 2012 foram submetidas à apreciação do júri. A quarta edição do prémio foi ganha pela experiência de “Planos de Bairro, desenvolvida pelo Ayuntamiento de Madrid, sendo que todas as experiências candidatas demonstraram o seu potencial para o fortalecimento da democracia participativa local, bem como para a promoção da igualdade e da equidade social. Foram ainda tidos em conta aspetos relacionados com o potencial inovador das práticas em análise, bem como a capacidade de transferibilidade para outros territórios.


Desporto

Sexta-feira22deJunho2012

13

FUTEBOL

Iniciativa da CMS

Taça São Marcos Jovens coloca 100 crianças em competição

Férias Desportivas – Verão 2012 promove actividades para jovens

E

scalada, atletismo, bodyboard, e rugby são algumas das actividades que a autarquia sintrense vai disponibilizar gratuitamente para as crianças e jovens do concelho durante o período das férias de Verão, de 18 de Junho a 15 de Julho. O objectivo é a experimentação de novas modalidades como o atletismo, o badminton, o basquetebol, o bodyboard, os trampolins, a técnica de insuflados, o rugby, a escalada, a orientação, entre outras. As actividades são abertas a todas as crianças e jovens, dos 5 aos 18 anos, integrados em ATLs, IPSS ou Associações Juvenis mas também individualmente, desde que acompanhadas pelos pais ou encarregados de educação. As inscrições abrem dia 1 de Junho e devem ser feitas em formulário próprio e reenviadas paradjud@cm-sintra.pt. Neste momento, as inscrições estão encerradas para grupos, estando no entanto ainda em curso para individuais, que devem ser acompanhados sempre de um adulto nas actividades.

A

A Junta de Freguesia de São Marcos, em parceria com Sociedade Recreativa de São Marcos, encerrou, no dia 9 de Junho a Taça São Marcos Jovem 2012. A prova, com carácter desportivo e social, reuniu uma centena de jovens, numa saudável competição.

Taça São Marcos Jovem é uma prova destinada a todas as crianças e jovens da freguesia nascidos entre 1998 e 2006. A iniciativa, explica a Junta presidida por Nuno Anselmo,“teve como objetivo dinamizar e promover a prática desportiva entre a população mais jovem”. Esta acção apresentou, simultaneamente, um lado social, sendo que, no acto da inscrição, foram entregues géneros alimentares, que contribuirão para o Banco Alimentar da freguesia. Na prova, participaram cerca de 100

crianças distribuídas por três escalões Sub-8, Sub-11 e Sub-14. Os jogos realizaram-se ao longo de 2 meses e meio, aos sábados de manhã, de 24 de Março a 9 de Junho, no Campo Sintético, junto à Sociedade Recreativa de São Marcos. Quanto aos resultados, no Escalão Sub-8, as equipas da Escola de Desporto de São Marcos A e B alcançaram, respectivamente, o 1º e 2º lugar; no Escalão Sub-11, venceu a Escola de Desporto de São Marcos, ficando em segundo a “Mente Traquina”, e em tercei-

ro “El Nacional de São Marcos”. No Escalão Sub-14, os “Craques Rápidos” foram os vencedores, seguindo-se a Escola de Desporto de São Marcos e o “Dream Team”. A Junta de Freguesia salientou ainda que, “ao longo do torneio, estiveram presentes muitos espectadores dando grande animação a competição o que proporcionou um grande espetáculo de futebol entre os jovens jogadores da freguesia”.

João Pereira(*) joao.pereira.actualsintra@gmail.com

Pornobandalheiras de uma PJ

Cada um é para o que nasce, costuma dizer-se. No entanto, cada um, quando nasce, vem formatado para ser uma PJ. Eu também, quando nasci, nasci uma PJ. As agruras da vida, porém, fizeram com que deixasse de ser uma PJ. Concretizando: logo após o nosso nascimento, pespegam-nos duas etiquetas, uma física, outra moral. Uma no dedo grande do pé, a física, com um número, para que evitemos chamar, no futuro, mãe a outra; a etiqueta moral, igual para todos e colocada algures numa zona do espírito, refere: PJ. E PJ não é mais nem menos do que pessoa de juízo. PUBLICIDADE

Depois as coisas vão acontecendo. Mesmo assim, ainda há uma altura em que acreditamos que todos têm juízo. E as coisas continuam a acontecer, e chega outra altura em que já só acreditamos que nós somos os únicos realmente que temos juízo. E vai daí, chega aquela altura em que deixamos de acreditar que temos juízo e de que os poucos que o têm, foi porque não lhes proporcionaram ocasiões boas para se transformarem em pessoas más, isto é, sem juízo. Um dos que nasceram como todos os outros, PJ, e que as agruras da vida não alteraram o jaez até há bem pouco tempo, já que

grandinho continuou PJ, foi dirigente de um clube desportivo e tem sido um moço muito badalado nos órgãos de comunicação. Paulo Pereira Cristóvão (nome fictício - convém proteger o tipo) teve azar: no seu caminho apareceu-lhe uma ocasião boa que o levou a transformar-se numa pessoal eventualmente má. Aqueles ficheiros com moradas e matrículas de carros de árbitros, postos ao alcance do incauto senhor, aí sim, por verdadeiros criminosos, foi a pedra de toque para que uma PJ, se tenha transformado num verdadeiro bandalho. Não me parece justo tratá-lo

já assim, pois o homem não foi (ainda) condenado. Por ora, é apenas meio bandalho, desculpem, suspeito. Quando morremos, o céu não é o nosso destino. Se a malta cá em baixo só peca, como pode ter a veleidade de ali querer ir parar? De pecado em pecado, não me admirava nada que o diabo lhe atravancasse o caminho com uns ficheiros com moradas e matrículas de carros dos juízes e juízas que têm de o julgar, já que tal como par os jogadores daquele clube, o Paulo considera isso “uma necessidade, para os poder ajudar”. (*)Árbitro Licenciado da AFL


14

Vida & Lazer

Sexta-feira22deJunho2012

Destaques da semana DR

Agenda Cultural

Horóscopo CARNEIRO

Tabanka Djaz apresentam novo disco em Sintra T

FESTIVAL DE SINTRA APRESENTA BRUNO MONTEIRO E JOÃO PAULO SANTOS Bruno Monteiro foi considerado pelo Jornal Público como sendo «sem dúvida um dos melhores violinistas portugueses da actualidade». O Expresso afirmou que «é hoje um dos violinistas portugueses com maior visibilidade». O Jornal de Notícias descreveu o seu som como «cristalino e hipnótico» e elogiou o seu «virtuosismo». A Fanfare Magazine destacou igualmente o seu som como «maravilhosamente poético e dramático» e o Jornal de Letras referiu que as suas interpretações refletem «a atenção ao pormenor, o fraseado certo e o cuidado na expressão. João Paulo Santos concluiu o curso superior de Piano no Conservatório Nacional de Lisboa na classe de Adriano Jordão. A sua carreira atravessa os últimos 36 anos da biografia do Teatro Nacional de São Carlos. Na qualidade de pianista apresenta-se a solo, em grupos de câmara e em duo, nomeadamente, com a violoncelista Irene Lima e o violinista Bruno Monteiro. Dia 28 de Junho, às 21h30, no Palácio da Vila. STEPHEN KOVACEVICH DÁ CONCERTO NA QUINTA DA PIEDADE Este é um dos intérpretes mais interessantes da actualidade. Enquanto pianista, conquistou uma admiração quase insuperável pelas suas interpretações de Beethoven, Brahms, Mozart e Schubert. Para além da sua longa e prestigiosa carreira de solista tem-se distinguido também como maestro, obtendo a aclamação internacional pelas suas atuações com orquestra, com um repertório centrado sobretudo nos séculos XVIII e XIX. Dia 30, às 17h00, na Quinta da Piedade. WORLD PRESS CARTOON EM EXPOsIÇÃO ATÉ 30 DE JULHO Depois da escolha das obras premiadas pelo júri, para a exposição, patente em Sintra até 30 de Julho, foram seleccionadas 343 obras de 260 cartoonistas, também publicadas em catálogo disponível nas livrarias portuguesas. A entrada no Sintra Museu de Arte Moderna é livre, podendo ser visitado de terça-feira a domingo, entre as 10h00 e as 18h00. Os cartoons e caricaturas de autores de todos os continentes proporcionam uma retrospetiva sorridente do que foi a marcha da humanidade ao longo de um ano, vista pelo olhar mordaz dos cartoonistas. CEM ANOS DO NASCIMENTO DE JORGE AMADO ASSINALADOs EM SINTRA “Jorge Amado no Museu Ferreira de Castro” é o nome da exposição que inaugurou a 18 de Maio, e que ficará patente até 30 de Setembro, no Museu Ferreira de Castro. Ferreira de Castro foi o mais antigo e um dos maiores amigos portugueses de Jorge Amado. Mais velho 14 anos, os seus livros “Emigrantes” e “A Selva” tiveram um papel importante no despontar do jovem Amado para a escrita. No Dia Internacional dos Museus, a 18 de Maio, o Museu Ferreira de Castro assinalou o centenário do grande romancista brasileiro com uma exposição bibliográfica e documental, exibindo cartas inéditas, manuscritos e dactiloscritos, livros com dedicatórias, fotografias, jornais e recortes de imprensa e outras peças.

Porto Coimbra Lisboa Faro

21º 11º 23º 11º 24º 15º 32º 17º

Sábado Porto Coimbra Lisboa Faro

22º 11º 25º 12º 25º 17º 33º 20º

Domingo Porto

25º 15º

Coimbra 28º 15º Lisboa Faro

28º 18º 36º 23º

Regente: MARTE – 21/3 a 20/4 Amor: Poderá sentir por momentos alguma instabilidade na sua relação com a carametade… Trabalho: Está prestes a ser confrontado(a) com mais tarefas profissionais! Saúde: Algumas enxaquecas nos próximos dias…

DR

Quinta da Regaleira recebe Mozart Piano Quartet F

undado em 2000, o Mozart Piano Quartet tem vindo a desenvolver uma carreira impressionante. Todos os seus membros são professores da Universidade de Artes, em Berlim, da Hochschule Mendelssohn-Bartholdy, em Leipzig, ou da Royal Academy of Music, em Londres. Para além das suas atuações em quarteto, todos são intérpretes muito procurados, tanto como professores de instrumentos, como enquanto solistas e músicos de câmara. É a primeira vez que o Mozart Piano Quartet se apresenta em Portugal. O concerto terá lugar este domingo, dia 24 de Junho, às 17h00, na Quinta da Regaleira.

TOURO

Regente: VÉNUS – 1/4 a 20/5 Amor: Tire proveito dos momentos que se aproximam e saiba desfrutar de tudo o que vive a dois! Trabalho: Pode sentir que está a atravessar um período de grandes dúvidas. Não tenha receios. Saúde: Faça mais exercício físico.

GÉMEOS

Regente: MERCÚRIO – 21/5 a 20/6

Amor: Esteja disposto(a) a tudo e não hesite. Faça convites e aceite os que lhe fizerem. Seja audaz! Trabalho: Tendência para alguns momentos de pressão, mas não seja impaciente! Saúde: Nada de importante a assinalar.

CARANGUEJO

Regente: LUA – 21/6 a 21/7

Amor: Está na hora de definir o que sente… para o bem ou para o mal… decida! Trabalho: Poderá sentir um maior cansaço com o que faz… mas não desanime… Saúde: Combata as alergias desta época.

LEÃO

Regente: SOL – 22/7 a 22/8

CONCERTOS PARA BEBÉS – OS AMIGOS DE MOZART Os Concertos para Bebés são uma produção portuguesa pioneira no domínio das artes performativas para a primeira infância. Tiveram início em novembro de 1998 numa cidade no centro de Portugal, Leiria, e é seu autor o professor e musicólogo Paulo Lameiro. Têm a sua origem no trabalho com bebés desenvolvido pela Escola de Artes SAMP desde 1991 no programa Berço das Artes e são fortemente inspirados pela Teoria de Aprendizagem Musical do professor e pedagogo norte-americano Edwin Gordon. Depois de percorrerem as principais salas de concerto portuguesas estão presentes na programação de algumas das principais salas de concerto da Europa. Domingo, dia 24 de Junho, às 10h00 e às 11h30, na Quinta da Piedade. ORQUESTRA GULBENKIAN E HOWARD SHELLEY Howard Shelley realizou sua formação musical no Royal College of Music de Londres, onde lhe foi atribuído o 1º prémio logo no final do primeiro ano e onde lhe foi atribuída por Sua Alteza Real o Príncipe de Gales a distinção Honorary Fellowship. A sua carreira artística iniciou-se com um recital em Londres, altamente aclamado, e um concerto televisionado nos Concertos Promenade, na mesma temporada, com a Orquestra Sinfónica de Londres dirigida por Michael Tilson-Thomas. Enquanto maestro tem-se apresentado com inumeras orquestras e foi nomeado Maestro Adjunto e Maestro Convidado Principal dos London Mozart Players, numa relação de colaboração que durou quase trinta anos. Dia 26, às 21h30, no Olga Cadaval.

Amor: Está a viver um período agradável, viva com intensidade as suas emoções. Trabalho: Algumas vezes temos de parar. É o seu caso e faça aquela pausa… vá de férias! Saúde: Cuidado com as dores musculares…

VIRGEM

Regente: MERCÚRIO – 23/8 a 22/9

Amor: Mantenha a calma perante as dúvidas, mas não deixe que “abusem” de si e seja firme nas suas respostas… Trabalho: Está perante a possibilidade de iniciar um novo caminho profissional. Saúde: Possíveis dores de dentes!

BALANÇA

Regente: VÉNUS – 23/9 a 22/10

Amor: Consegue adivinhar os pensamentos de outros, mas tem poucas certezas… Trabalho: É chegada a hora de apostar em si e nas suas capacidades. Avance sem duvidar de si mesmo. Saúde: Tenha cuidado com as dores de estômago.

ESCORPIÃO

PALÁCIO VALENÇAS EXIBE MOSTRA SOBRE VINHO DE COLARES O Arquivo Histórico de Sintra (Palácio Valenças) acolhe, até 24 de Agosto, uma exposição documental que explora “O Grande Álbum de Sintra. Colares. Segundo volume”, organizado por D. Alberto de Velasco y Méra, em 1935, para oferta ao então Presidente da República, Óscar Carmona, e que nos dá uma ideia quase que “cinematográfica” da evolução que sofre todo o processo de produção do vinho de Colares. Cada imagem e peça utilizada nesta exposição transmitem ao público o espólio riquíssimo de Sintra guardado no Arquivo Histórico, e que proporciona um olhar singular e real sobre o concelho, em especial sobre a mais pequena região produtora de vinhos em Portugal, que remonta à fundação da nacionalidade e que produz um dos melhores vinhos de mesa portugueses, apreciado em todo o mundo. EXPOSIÇÃO HOMENAGEIA ARQUITECTO JORGE VIANA A Câmara de Oeiras apresenta uma exposição retrospetiva e de homenagem ao arquitecto Jorge Viana, intitulada “Jorge Viana, Arquiteturas - Natureza, Máquina, Sentimento”, no Centro Cultural Palácio do Egipto, de 9 de Junho a 8 de Julho. A obra do arquiteto Jorge Viana (19242010) é extensa e múltipla, tendo realizado projectos e edificações marcantes: o estádio do Restelo (1950), a igreja da Tabaqueira (1965), bem como projectos de habitação colectiva, de espaços portuários, projectos de planeamento urbanístico (concelhos de Oeiras e Moita), de edificação de equipamentos (Alentejo e Algarve), e ainda cerca de 60 projectos de habitações unifamiliares na região de Lisboa, onde trabalhou com grande participação de artistas plásticos.

Previsão do Tempo

Sexta

abanka Djaz é um dos grupos mais representativos da África Lusófona. Oriundo da Guiné – Bissau, este grupo conta com mais de 20 anos de existência e com um recorde de vendas de mais de 45 mil discos. No Centro Cultural Olga Cadaval apresentarão não só os temas de maior sucesso, mas também os temas do seu mais recente trabalho discográfico. O espectáculo está agendado para o próximo dia 6 de Julho, pelas 22h00, no Auditório Jorge Sampaio, no Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra. O preço único dos bilhetes para este concerto é de 15 Euros.

Por Desidério Zeffir

Regente: PLUTÃO – 23/10 a 21/11

Amor: Sente o apoio da sua cara-metade e deve apostar nesse amor. Está na hora! Trabalho: Verá finalmente os lucros do seu trabalho aparecerem em proporções agradáveis. Saúde: Tenha atenção à sua coluna e não faça grandes esforços.

SAGITÁRIO

Regente: JÚPITER – 22/11 a 21/12

Amor: Seja uma pessoa que acredita mais na partilha e verá que tudo fluirá da melhor forma. Trabalho: Dê ouvidos aos seus colegas e tome nota de algumas sugestões! Saúde: Faça aqueles exames de rotina.

CAPRICÓRNIO

Regente: SATURNO - 22/12 a 20/1

EXPOSIÇÃO “O FIGURA” HOMENAGEIA VICTOR LAGES, NA AMADORA A mostra “O Figura”, que homenageia o artista Victor Lages foi inaugurada no dia 24, na Galeria Municipal Artur Bual. Com esta exposição, homenageia-se informalmente trinta anos da carreira de Victor Lages, a que muitos se quiseram associar com as suas expressões criativas, manifestando assim a sua amizade e demonstrando a importância e impacto que a sua obra representa. Com entrada livre, a iniciativa decorre até 24 de Junho.

Amor: Quem procura sempre alcança… mas é preciso acreditar e esforçar-se nesse sentido! Trabalho: Está na hora de encarar de forma positiva as críticas de quem o(a) rodeia. Saúde: Procure beber mais água!

“ENSINAR A BRINCAR E A BRINCAR APRENDER” A Casa-Museu Leal da Câmara tem patente a exposição “Ensinar a Brincar e a Brincar Aprender”, com trabalhos de alunos da Escola Básica Alfredo da Silva. No ano lectivo 2010/2011, no âmbito da comemoração do centenário da República, o grupo disciplinar de educação visual e tecnológica, da Escola Básica Alfredo da Silva, considerou ser necessário dar a conhecer aos alunos o espólio da Casa-Museu Leal da Câmara, de forma a incutir nos alunos o interesse pelos museus e pela arte em geral. Esta mostra, com entrada gratuita, estará patente ao público até 31 de Agosto, apresentando trabalhos todos relacionados com a obra de Leal da Câmara, com diferentes conteúdos e técnicas de exploração – reutilização de materiais, pintura, colagem, corte/recorte, mosaico, modelagem, entre outras.

Regente: URANO – 21/1 a 19/2

EXPOSIÇÃO DE ESCULTURA AO AR LIVRE NA VOLTA DO DUCHE A Câmara de Sintra apresenta, pelo sétimo ano consecutivo, a maior exposição de escultura ao ar livre, – “Sintra Arte Pública VII” – sob o tema “Princípios Humanos” e que conta com a participação de 16 escultores. A exposição na Volta do Duche estará patente durante um ano, depois da inauguração a 17 de Julho, e é já aquela que tem um maior número de visitantes em Portugal. Cada peça será a representação de um dos múltiplos aspectos ligados à temática dos “Princípios Humanos”, que vai desde o início da existência, às problemáticas relacionadas com a ética, a moral ou a condição humana.

AQUÁRIO

Amor: As evidências são claras pois estão à sua frente. Acredite ou não, tem de seguir em frente! Trabalho: A sua criatividade é bem maior… não duvide de si nem do que faz! Saúde: Algumas enxaquecas nesta fase.

PEIXES

Regente: NÉPTUNO – 20/2 a 20/3

Amor: Os dias poderão mostrar-se demasiado longos e a saudade irá invadir o seu coração! Trabalho: Tudo corre da mesma forma, mas procure entusiasmar-se... Saúde: Procure o seu médico e marque exames de rotina.


Cultura

Sexta-feira22deJunho2012

15

DE 14 DE JUNHO A 28 DE OUTUBRO

Quinta da Regaleira apresenta “Romeu e Julieta”

Fazendo uso do cenário natural que são os magníficos e belos jardins da Quinta da Regaleira e oferecendo uma experiência única de teatro de rua - a Fundação Cultursintra apresenta de 14 de junho a 28 de outubro, “Romeu e Julieta”, um projecto teatral levado a cabo pela bYfurcação teatro. A peça sobe ao palco de quinta a domingo, sempre às 22h00.

O

s monumentais jardins e edifícios da Quinta da Regaleira – um dos mais belos e surpreendentes monumentos da Serra de Sintra, situada no termo do centro histórico da Vila – servirão de palco para a mais bela história de amor alguma vez exposta dramaturgicamente envolta na misteriosa noite de Sintra, numa produção envolvente e que irá apaixonar todos os espectadores. Eis a história de amor mais amada. Uma história de solidão a dois. De tudo ou nada. Num espaço dominado pela beleza natural em sintonia com os monumentos criados pela arte humana, não existem Capuletos nem Montéquios, apenas corpos que vão compondo as personagens da história que a lenda diz ter sido em Verona. Dois seres apenas têm a sua personalidade vincada: Romeu e Julieta. O universo parece girar em redor de ambos, mas impõe-lhes um destino que os separa.

DR

O Palácio da Regaleira configura o cenário perfeito para esta peça Juntos em segredo, os corações querem ir além desta vida para serem eternos.

Como no tempo de Shakespeare, as personagens deste drama são todas re-

presentadas por homens (e rapazes, bons rapazes). Quase todas. Um coro segue os acontecimentos e anuncia o que os ventos já sabem, e a ação decorre num tempo inexistente, onde passado e futuro se cruzam continuamente. O Palácio da Regaleira é o cenário perfeito, de verde e pedra, para este conto que não tem um final feliz, mas que afinal não tem fim. O bilhete normal para este espectáculo tem o preço de 15 Euros, o de desconto, de 12 Euros, havendo ainda a possibilidade de comprar o voucher espectáculo mais jantar pelo valor de 25 Euros. Estão ainda previstos descontos de 20% para clientes CP com bilhete família ou passe mensal; grupos com mais de 10 pessoas e sócios People Family Club. Mais informações ou reservas podem ser feitas através da Quinta da Regaleira, pelo telefone 219 106 650.

PUB

NO PARQUE FELÍCIO LOUREIRO

DR

ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE AGUALVA

Queluz promove Feira do Livro, do Artesanato e da Gastronomia T

erminada a Feira do Livro de Lisboa, esta iniciativa reveste-se como uma segunda oportunidade para comprar livros a preços mais acessíveis. Livros, palavras, ilustrações, horas do conto, lançamento de livros, debates, artesanato, ateliês e espaços de degustação são assim algumas das ofertas com que os visitantes podem contar nesta edição da Feira do Livro, do Artesanato e da Gastronomia, que se inicia hoje, dia 22 de Junho, e prolonga-se até 1 de Julho, no Parque Urbano Felício Loureiro, em Queluz. Nesta feira, o público que se deslocar ao espaço tem a possibilidade de assistir, ao vivo, ao trabalho de diversos artesãos do concelho de Sintra e de comprar os mais variados produtos artesanais, para além de poder contactar com um vasto leque de

editoras e livreiros que se farão representar neste evento. A animação musical é, de igual modo, uma constante, e contará com as actuações de bandas filarmónicas, ranchos folclóricos, grupos de música popular, grupos corais e de baile. Como habitualmente, também não faltarão os tradicionais espaços gastronómicos. Para além desta oferta, a iniciativa proporciona, nesta edição, uma novidade – o Espaço Família – com mais actividades a oferecer ao público, como workshops e ateliês para toda a família. Com entrada livre, a Feira do Livro, do Artesanato e da Gastronomia vai decorrer de segunda a quinta-feira, das 17h00 às 23h30; sexta-feira das 17h00 às 24h00; sábado e feriado das 15h00 às 24h00; e domingo das 15h00 às 23h30.

RUA ANTÓNIO NUNES SEQUEIRA, Nº 16 - 2735-054 AGUALVA-CACÉM TELEFONE: 219 188 540 * FAX: 219 146 129 E-Mail: geral@jf-agualva.pt * www.jf-agualva.pt

EDITAL Nº5/2012 Fernando Carlos Monteiro Ribeiro Gomes, Presidente da Assembleia de Freguesia de Agualva, ao abrigo do disposto no art.º 13 da lei nº 169/99, de 18 de setembro, com as alterações da lei 5-A/2002 de 11 de janeiro (em observância ao art.º 22º do Regimento da Assembleia de Freguesia de Agualva), convoca uma Sessão Ordinária da Assembleia de Freguesia, para o dia 27 de Junho de 2012 pelas 21h00 horas, na Rua António Nunes Sequeira, nº 16, com a seguinte ordem de trabalhos: ----------------------Ponto 1. Informação escrita do Presidente da Junta acerca da atividade por si ou pela Junta exercida, durante o 2º trimestre de 2012, conforme a alínea o) do nº 1 do artigo 17º da lei nº 169/99 de 18 de setembro, com as alterações da lei 5-A/2002, de 11 de janeiro. --------------------------------Ponto 2. Ratificação de todas as deliberações tomadas nas reuniões da Assembleia de Freguesia de Agualva de 13-09-2011, 30-09-2011 e 0411-2011. ---------------------------------------------------------------------------Agualva, 14 de Junho de 2012 O Presidente da Assembleia de Freguesia, ( Fernando Carlos Ribeiro Monteiro Gomes )


16

Publicidade

Sexta-feira22deJunho2012


Edição 125  

O Jornal Actual Sintra é uma publicação quinzenal, de distribuição gratuita, de informação generalista dos concelhos de Sintra, Cascais, Oei...

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you