Page 1


CERTIFICAÇÃO 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901

FSC e ONG TETO criam parceria para uso de madeira certificada, porém faltam fornecedores

O FSC® (Forest Stewardship Council®) e a organização TETO - Brasil, que atua em comunidades carentes com o intuito de superar a situação de pobreza em países latino-americanos, selam parceria para que todas as residências construídas pela organização no Brasil sejam feitas com madeiras certificadas. “Quando um projeto social que garante direitos à moradia escolhe, em seu processo de construção, produtos que também garantem direitos sociais, ambientais e econômicos, isso é muito importante. E essa é a força da parceria: duas formas de lutas se fortalecendo, FSC Brasil e TETO”, afirma Fabiola Zerbini, secretária do FSC Brasil. “Fecha um ciclo positivo que começa na floresta e termina num projeto de cunho social importante”. “Melhorar a qualidade e durabilidade da moradia que construímos é um grande objetivo do TETO. Contar com parcerias como a do FSC é fundamental. Usar madeira certificada, além de nos trazer tranquilidade sobre o meio ambiente, nos traz credibilidade e garantia de um bom trabalho com as comunidades em longo prazo”, afirma Denis Pacheco, Diretor de Construções do TETO – Brasil, sobre a parceria.

FALTA FORNECEDORES “De abril de 2013 a agosto de 2014, praticamente todas as casas emergenciais feitas pelo TETO no Brasil usam madeira certificada. O entrave, atualmente, é a falta de fornecedores em alguns estados, como o Rio de Janeiro. O próximo passo agora será ampliar essa rede e garantir 100% de casas certificadas”, reforça Pacheco.

SOBRE O FSC O FSC (Forest Stewardship Council®) é uma organização independente, não governamental, sem fins lucrativos, que promove o manejo florestal responsável ao redor do mundo desde 1994. Com sede na Alemanha, está presente em mais de 80 países, com um total de cerca de 183 milhões de hectares certificados. SOBRE A ONG TETO TETO é uma organização presente na América Latina e Caribe que busca superar a situação de pobreza em que vivem milhões de pessoas nas comunidades precárias, através da ação conjunta de seus moradores e jovens voluntários. Com a implementação de um modelo de intervenção focado no desenvolvimento comuni-

FOTO: DIVULGAÇÃO

O ciclo positivo começa na floresta e termina em um projeto social de melhoria de vida.

Da esquerda para a direita estão: Flávia Ferros, coordenadora de comunicação do FSC Brasil, Julio Lima, diretor social nacional do TETO Brasil, Fabíola Zerbini, diretora executiva do FSC Brasil, e Pedro Oliveira, diretor comercial do Teto Brasil

tário, o TETO busca, através da construção de moradias de emergência; planos de educação, saúde, fomento produtivo; e trabalho em rede, construir uma sociedade justa e sem pobreza, onde todas as pessoas tenham a oportunidade de desenvolver suas capacidades e possam exercer plenamente seus direitos. Informações: FSC Brasil & Teto | Madeira Total.


Editorial Um dos anos mais temidos pelo empresariado está chegando ao final. As oportunidades de fazer mais com menos também. Houveram oportunidades gigantescas, médias e pequeninas que aconteceram e marcaram a história de nosso país para sempre. Em muitos aspectos ficamos felizes, outros tantos decepcionados... Mas o que importa é que entre grandes negócios & pequenos lucros, salvaram-se a maioria! Um bom exemplo de operações inteligentes vem acontecendo mercado afora. É a movimentação da FIMMA Brasil 2015. Veja nesta edição do Madeira Total, que desde já, a feira gera investimentos e fortalece o empreendedorismo mesmo neste tempo de crise. Vale destacar que a iniciativa da promoção desta nova edição da feira é muito positiva às empresas e só é possível a partir do cenário atual e dos resultados da expertise no dia a dia destes profissionais e de outros eventos interligados como a Expoforest e o Congresso e Exposição de celulose e papel da ABTCP. Nesses termos, destacamos a estreante do ano: a Expo Arquitetura Sustentável - uma feira inovadora que tem a preocupação de popularizar a sustentabilidade e promover soluções em produtos e serviços. Um exemplo concreto de negócios gerados pelas feiras foi a da parceria firmada entre a empresa holandesa Gierkink e a Roder Brasil. Inovação para o setor, a garra tombadora GMT 035, é um equipamento multifuncional que deixa mais completa a linha de produtos da marca brasileira, com resultados fantásticos para o produtor de toda a cadeia florestal. Outra parceria firmada aconteceu entre o FSC e a ONG TETO para o uso de madeira certificada, o leitor vai poder saber como funciona o acordo e quais são os entraves. Quem traz destaques é a Komatsu com inovações que oferecem maior lucratividade às empresas: produtos fabricados com especificidades únicas para beneficiar o setor florestal: rentabilidade, produtividade, ergonomia, preservação do meio ambiente e muito mais! Além desta novidade, você poderá conferir a seção de notinhas para se manter informado de tudo o que acontece, gastando pouco tempo do seu dia e potencializando seus negócios. Nesta seção, conferimos que Santa Catarina será o polo de dois investimentos industriais que poderão levar desenvolvimento econômico e social e informações sobre as obras da Araupel que já iniciou a construção da nova planta no Paraná. Sim, esta última edição de 2014 do Madeira Total está recheada de informações que servirão de base para os negócios de 2015; e para fechar o ciclo, trouxemos mais duas matérias exclusivas e importantíssimas para você ficar por dentro das mudanças que estão acontecendo no segmento: a inclusão das informações de estoque e produção que devem ser declaradas à Receita Federal e uma entrevista valiosa que aponta o perfil atual e a expectativa do futuro no setor madeireiro. Gostou? Leia agora e todos os dias também no www.madeiratotal.com.br. Vamos lá, que todos tenham uma leitura proveitosa! Solange Andreassa | Fernanda Samizava

Feiras e Eventos CONFERÊNCIA: INDÚSTRIA & EXPORTAÇÃO DE PRODUTOS DE MADEIRA Data: 27/10/2014 Local: Radisson Hotel Curitiba - Brasil III CONGRESSO BRASILEIRO DE REFLORESTAMENTO AMBIENTAL Data: 05 a 07/11/2014 Local: Vitória - Espírito Santo - Brasil MINI CURSO SOBRE CLT - CROSS LAMINATED TIMBER Data: 07/11/2014 Local: LaMEM – Lab. de Madeiras e Estruturas de Madeira, Campus 1 da USP, Av. Trabalhador São Carlense, 400, Parque Arnold Shimdt - São Carlos – SP - Brasil III SIMPÓSIO NACIONAL DE INVENTÁRIO FLORESTAL NACIONAL Data: 10 a 12/11/2014 Local: Manaus - Brasil

PAPEREX Data: 3 a 4/12/2014 Local: Jakarta - Indonésia

FIMMA BRASIL Data: 16 a 20/03/2015 Local: Bento Gonçalves - Rio Grande do Sul - Brasil

PAPERWORLD Data: 31/01 a 03/02/2015 Local: Frankfurt - Alemanha

RECICLAÇÃO 2015 - Feira de Fornecedores para Meio Ambiente Industrial e Reciclagem - Edição Santa Catarina Data: 15 a 18/04/2015 Local: Parque de Exposições Vila Germânica. Rua Alberto Stein, 199. Blumenau - Santa Catarina - Brasil

PAPERWEEK Data: 02 a 05/02/2015 Local: Montreal - Canadá OREGON LOGGING CONFERENCE Data: 19 a 21/02/2015 Local: Headquarters Hotel, Eugene, Oregon - USA FEICON BATIMAT Data: 10 a 14/03/2015 Local: Anhembi - São Paulo - Brasil TISSUE WORLD BARCELONA Data: 17 a 19/03/2015 Local: Barcelona - Espanha

WOODEX Data: 24 a 27/11/2014 Local: Moscou - Rússia

TISSUE WORLD SÃO PAULO Data: 20 a 22/05/2015 Local: São Paulo - Brasil AGRONEGÓCIO BRASIL - Feira de Fornecedores para Agricultura, Pecuária, Floresta e Agroindústria - Edição Centro Sul Data: 20 a 23/05/2015 Local: Parque Exposições CTG Willy Lars. Irati – PR. 2ª FEIRA DA CADEIA PRODUTIVA DA INDÚSTRIA DE BASE FLORESTAL SUSTENTÁVEL DA REGIÃO DE TRÊS LAGOAS (MS) Data: 01 a 04/06/2015

Local: Parque de Exposições Joaquim Marques de Souza, Três Lagoas, MS 2º CONGRESSO FLORESTAL DO CERRADO E 4º SIMPÓSIO DE EUCALIPTOCULTURA 2015 Data: 10 a 12/06/2015 Local: Centro de Convenções de Goiânia - Goiás 26ª FENAM Data: 19 a 21/08/2015 Local: Expotrade Convention Center - São Paulo Brasil FLORESTAL & BIOMASSA 2015 Data: aguardando confirmação Local: Parque conta Dinheiro - Lages - Santa Catarina 48º CONGRESSO E EXPOSIÇÃO INTERNACIONAL DE CELULOSE E PAPEL Data: 06 a 08/10/2015 Local: Transamerica Expo Center - São Paulo - Brasil EXPOCORMA 2015 Data: 18 a 20/11/2015 Local: Coronel, Província de Concepción - Chile

Expediente INFORMA TIVO IMPRES SO MADEIRA TO TAL - ANO VI - N° 27 - AGO/SET.2014 - INFORMATIVO MADEIRA TOTAL - É UMA PUBLICAÇÃO DO GRUPO MULTIMÍDIA COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INFORMATIVO IMPRESSO TOT LTDA | REDAÇÃO - FERNANDA SAMIZAVA - GIOVANA SCHNORR REDACAO@GRUPOMULTIMIDIA.COM.BR | ADMINISTRAÇÃO - R. RAUL OBLADEN 939- JARDIM ITALIA - SÃO JOSÉ DOS ORIA - MARCELO PINHAIS - CEP: 83.020.500 - PR - BRASIL - FONE: 55 (41) 3058-0880 / 3235-5015 - WWW.MADEIRATOTAL.COM.BR - MADEIRATOTAL@MADEIRATOTAL.COM.BR | DIRET DIRETORIA AR TAMENT O COMERCIAL - IVETE COLAÇO DEPAR ART AMENTO COLAÇO - MARCELO@GRUPOMULTIMIDIA.COM.BR - SOLANGE ANDREASSA - SOLANGE@GRUPOMULTIMIDIA.COM.BR | DEP COMERCIAL@GRUPOMULTIMIDIA.COM.BR - BRUNA MELLO - BRUNA@GRUPOMULTIMIDIA.COM.BR - WANDA STARELLI - WANDA@GRUPOMULTIMIDIA.COM.BR | TI - ADILSON SÃO GRÁFICA - CORGRAF | PROJET O GRÁFICO E DIAGRAMAÇÃO - ALDEMIR BATISTA - EXCEUNI@UOL.COM.BR IMPRESSÃO PROJETO ALVES DA CRUZ | IMPRES ENVIE SUA SUGESTÃO DE PAUTA PARA REDACAO@GRUPOMULTIMIDIA.COM.BR. O INFORMATIVO MADEIRA TOTAL É BIMESTRAL COM CONTEÚDOS DO SETOR FLORESTAL, INDUSTRIAL, CONSTRUÇÃO CIVIL,CELULOSE E PAPEL E BIOMASSA. DISTRIBUIÇÃO É GRATUITA. NOSSO CONTEÚDO TRAZ INFORMAÇÕES QUE SÃO DE RESPONSABILIDADE DAS EMPRESAS E ENTIDADES E, NÃO EXPRIMEM A OPINIÃO DO GRUPO MULTIMIDIA E NEM DE SUA MARCA MADEIRA TOTAL.

4 | www.madeiratotal.com.br


NEGÓCIOS

12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234

FIMMA Brasil 2015 já impulsiona negócios para a indústria e fornecedores neste tempo de crise Em dados gerais, avaliase que mesmo com a retração econômica vivida pelo Brasil nos últimos anos, o mercado de feiras de negócios deve se recuperar neste segundo semestre. A previsão é de alta de 5% a 10% em 2014. Para especialistas, o momento é propício para o setor e a previsão é que em 2015 sejam realizadas mais de 2 mil feiras em nosso país. Mostrando reação, o setor de feiras e eventos recuperou em 33% o número de eventos programados para o período de julho a setembro deste ano. “Várias feiras foram recolocadas em um espaço de tempo menor (segundo semestre), mas não deixaram de acontecer”, disse o presidente da União Brasileira dos Promotores de Feiras (Ubrafe), Armando Arruda de Campos Mello. Segundo ele as feiras de negócios que deveriam ser realizadas no primeiro semestre deste ano foram concentradas devido ao carnaval tardio, além da Copa do Mundo e das eleições. E o setor Moveleiro? Em pesquisa realizada pelo Mega Moveleiros no período de 18/08 a 18/09/2014, por amostragem - via telefone nos 10 principais polos moveleiros do Brasil, constatou-se que marceneiros, gestores de revendas e líderes das indústrias de móveis do Brasil já estão se programando para visitarem a FIMMA BRASIL que acontecerá de 16 a 20 de março de 2015 em Bento Gonçalves no Rio Grande do Sul - o que já movimenta as vendas e reforça a solidez nos negócios gerados. No período, foram entrevistadas, 1.136 pessoas, entre diretores ou colaboradores com poder de decisão das empresas do segmento. Os expositores estão trabalhando muito para apresentarem novidades, tendências e potencializar assim seus negócios durante o tradicional evento, onde vários produtos já estão prontos e sendo comercializados. “Para a saúde das empresas do setor, é imprescindível que feiras como a FIMMA Brasil aconteçam”, afirma Marcelo Colaço - diretor geral do portal Mega Moveleiros. Segundo ele, as feiras são espaços de negócios, que devem ser utilizadas principalmente em tempos de crise econômica. Sem dúvida nenhuma, é um momento de firmar os relacionamentos que é que traz resultados”.

6 | www.madeiratotal.com.br

Grande Rio de Janeiro em última posição com 0,2% - refletindo 59,20% da produção - foram no total 282 milhões de unidades produzidas no período.

“É a oportunidade para as empresas realizarem um maior número de vendas num reduzido espaço de tempo e posteriormente finalizar o processo e entregar seus produtos e serviços ali comercializados. Com poucos eventos de negócios em 2015, a feira consegue garantir de três a cinco meses de trabalho e produção para as empresas”, reforça Colaço. Além de inovação em insumos, máquinas e equipamentos, matérias primas e acessórios, a feira propicia o ambiente perfeito para feedback entre compradores e vendedores, e benchmark dos próximos períodos econômicos das empresas. Vale destacar que a FIMMA BRASIL também atingiu alta no número de visitantes e operações de negócios realizados em todas as suas edições. Em 2013 foram US$ 439 milhões em negócios, 41 países participantes e mais de 45 mil visitantes espalhados pelos 7 pavilhões do Parque de eventos de Bento Gonçalves. Dados do setor De acordo a ABIMOVEL, as regiões Sul e Sudeste concentraram o maior volume de peças produzidas do setor moveleiro (base 2013). Num comparativo, foram constatados em termos percentuais que o maior polo produtor foi o de Bento Gonçalves com 17,7%; São Paulo (interior) com 9,1%; em terceiro lugar no ranking está Arapongas com 8,8% da produção, seguido da Grande São Paulo, com 6,6%. Ubá em Minas Gerais com 5,9%, Curitiba no Paraná com 3,8%, empatados estão os polos de São Bento do Sul e Linhares com 2,4% e com 1,5% está Grande Belo Horizonte, seguido de Lagoa Vermelha com 0,8% e o

Estrutura do parque O Parque de Eventos de Bento Gonçalves possui uma estrutura preparada para receber a FIMMA Brasil, expositores e visitantes. Dispondo de uma área territorial de 322.566m², sendo um dos maiores espaços cobertos e climatizados para eventos da América Latina com 58.000m². É a segunda maior área coberta do país para a finalidade a que se propõe. A estrutura dispõe ainda de torre de telefonia, internet, cobertura Wireless, heliponto, reservatórios de água próprios, estacionamento asfaltado, permitindo um fluxo de 2.500 automóveis dentro do Parque, possui três subastações totalizando uma potência de 10.000 kVA. Além disso, possui uma área coberta para embarque e desembarque, facilitando o acesso ao hall de entrada. Solange Andreassa

SERVIÇO FIMMA BRASIL 2015 Quando : 16 a 20 de março 2015 Onde: Fundaparque em Bento Gonçalves - RS Informações: www.fimma.com.br


FEIRAS E EVENTOS

Foto: Madeira Total

Programa Mais Árvores: incentivo a produtores rurais e plantio de florestas comerciais O Programa Mais Arvores - voltado para a silvicultura com âmbito nacional é originário do Programa Mai$ Floresta desenvolvido pela Federação da Agricultura e Pecuária do Mato Grosso do Sul (FAMASUL), desde 2011. A capilaridade do Sistema CNA em todos os estados do Brasil, por meio das Federações da Agricultura objetiva aplicar as diretrizes em todas as regiões produtoras de florestas, fornecendo ao produtor rural todas as informações necessárias sobre mercado, plantio e manejo florestal, tanto para quem quiser investir no segmento como atividade alternativa na propriedade, como para os que pretendem fazer da silvicultura sua principal fonte de renda.

123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123

Recordes na feira dinâmica A segunda edição dinâmica da Feira Florestal Brasileira bateu novos recordes. O público participante da Expoforest é especializado e formado especialmente por técnicos, engenheiros, gerentes e diretores que atuam nas empresas de base florestal. Contabilizou-se 9.352 visitantes no primeiro dia da feira, 11.112 no segundo e 4.643 no terceiro dia, totalizando 25.107 profissionais na edição 2014. Representantes de todos estados do Brasil estiveram presentes, contudo vieram também profissionais de outros países como África do Sul, Alemanha, Argentina, Áustria, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Congo, Equador,

Espanha, EUA, Finlândia, Hungria, Índia, Itália, Japão, Paraguai, Peru, Portugal, República Checa, Senegal, Suécia, Suíça, Uruguai e Venezuela potencializando negócios junto aos expositores. A Feira Florestal Brasileira 2014 contou com 208 expositores que apresentaram suas máquinas e equipamentos de forma estática e dinâmica. Segundo dados informados pela organizadora, foram mais de 152 milhões de reais negociados em máquinas e equipamentos e a próxima edição da Expoforest está programada para 2017.

Curiosidade A Advocacia Geral da União (AGU) em seu parecer nº 01/2008, ao limitar a aquisição de terras por estrangeiros, obrigou muitas empresas de base florestal a procurar alternativas para manter sua produção. Até mesmo as empresas que não possuem capital estrangeiro passaram a procurar alternativas devido à elevação do custo da terra, observada nos últimos anos. Quem quer e precisa Produtores interessados em aderir ao programa, assim como cooperativas e empresas, poderão procurar as federações estaduais de agricultura e pecuária ou os sindicatos rurais para obter as informações necessárias. O programa foi lançado durante o I Encontro da Cadeia Produtiva de Base Florestal em setembro deste ano, em Brasília. Informações CNA | Madeira Total

Balanço Expo Arquitetura Sustentável Novos conceitos e soluções de sustentabilidade para eficiência na construção de casas, escritórios e indústrias foram apresentados na Expo Arquitetura Sustentável, a Feira Internacional de Construção, Reforma, Paisagismo e Decoração. O evento aconteceu entre os dias 26 e 28 de agosto em São Paulo e levou aproximadamente 8.000 visitantes para conferir mais de 100 marcas expositoras internacionais e nacionais, além de poder escolher entre os 800 congressistas e cerca de 80 palestrantes. De acordo com a feira, já no primeiro dia foi superada a expectativa no número de Rodadas de Negócios, foram mais de 70 encontros com arquitetos, engenheiros, construtoras, varejistas e 35 empresas expositoras. Foi a primeira feira de negócios brasileira com a meta de popularizar a sustentabilidade na construção civil ao levar conhecimento técnico e soluções em produtos e serviços a pequenos e médios construtores.

8 | www.madeiratotal.com.br


CONGRESSO

1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456

Congresso Madeira 2014 destaca competitividade do setor

Nos dias 30 e 31 de outubro, o Rio de Janeiro vai sediar o 7º Congresso Internacional de Desenvolvimento Econômico Sustentável da Indústria de Base Florestal e de Geração de Energia – Madeira 2014. O evento acontecerá na sede da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) e vai destacar como tema central a competitividade do setor de base florestal no mercado internacional e as oportunidades de um setor que responde por 6% do PIB industrial brasileiro e emprega cerca de 4% da população economicamente ativa do país (fonte: IBA – Indústria Brasileira de Árvores). O Madeira 2014 deverá reunir, durante os dois dias de realização, cerca de 300 participantes para apresentação de projetos, temas e programas para o setor de florestas plantadas, incluindo debates e propostas. Jussara Ribeiro, presidente do Instituto Besc e coordenadora-geral do Congresso, diz que o objetivo é descortinar o panorama nacional e internacional, vislumbrando o desenvolvimento atual e futuro do setor. Qual a razão de o Brasil não ter, ainda, posição de liderança na maior parte dos mercados de produtos florestais do mundo se alcançamos as maiores produtividades nos plantios? Qual a explicação para nossa pouca expressão em mercados gigantes como o de compensados, madeira serrada e outros produtos de alto valor agregado? Quais os caminhos para a competitividade nesses mercados?

10 | www.madeiratotal.com.br

Como estamos nos preparando para novos desafios que surgirão nas próximas décadas, como o de energia, combustíveis e plásticos oriundos da madeira? Estas são discussões que estarão no Congresso Madeira 2014. A partir do enfoque sobre os mercados internacionais de alto valor agregado, como o de móveis e combustível verde, o Congresso continuará a atrair a atenção daqueles que pensam, desejam e lutam para tornar o uso racional das áreas destinadas ao plantio florestal e produção de ener-

gia mais eficiente. O INSTITUTO BESC DE HUMANIDADES E ECONOMIA, com sede em Belo Horizonte – Minas Gerais busca, desde 2009, mobilizar pensadores das áreas de Governo e academia, assim como líderes empresariais, para o amplo debate visando à formulação de políticas e o desenvolvimento socioeconômico do Brasil. Dessa forma, pretende dar sua contribuição para o crescimento e inserção de todas as regiões brasileiras no universo global do conhecimento, do saber e do bem-estar social.

PRINCIPAIS EVENTOS REALIZADO NOS DOIS ÚLTIMOS ANOS: 2014

- Pacto pela Infraestrutura Nacional e Eficiência Logística – PAINEL 2014, realizado em Brasília.

2013

- Terceira Cúpula sobre o Judiciário e os Interesses Vitais da Nação Brasileira - Cúpula Justina, realizado no Rio de Janeiro. - Fórum Internacional Habitat do Cidadão & 3° Congresso pela Sustentabilidade dos Investimentos em Saneamento, realizado em São Paulo - II Seminário Internacional Frotas & Fretes Verdes, realizado no Rio de Janeiro

2012

- VI Congresso Internacional da Indústria de Base Florestal e de Geração de Energia, Madeira 2012, no Espírito Santo. - Seminário O Brasil em meio às Transformações do Cenário Internacional – em uma parceria entre a Sociedade Brasileira de Estudos de Empresas Transnacionais e da Globalização Econômica – SOBEET e o Instituto Besc, realizado em São Paulo. - I Seminário Internacional Frotas & Fretes Verdes – em parceria entre o INEE e o Instituto Besc de Humanidades e Economia, realizado no Rio de Janeiro.


TECNOLOGIA

12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345

Comparativo entre picadores florestais, picadores de tocos e colheitadeira de madeiras com trituração simultânea

Empresa tradicional localizada em Campos Novos (SC) é a única do segmento no Brasil que opera com a certificação da ISO 9001-2000. As operações florestais atualmente passam por profundas avaliações para analisar custos x benefícios de cada item envolvido. Cada equipamento tem sua especificidade, operacionalização e beneficia o produtor conforme sua necessidade e aplicação. Nesta matéria exclusiva do Madeira Total, Edomar Jung, Diretor Técnico da Planalto Picadores, responde perguntas sobre o rendimento dos equipamentos, confira. Madeira Total: Iniciando nossa entrevista, existem vantagens dos picadores florestais sobre os picadores fixos? Como isso pode diminuir os custos de transporte? Planalto: sim, os picadores Florestais levam grande vantagem sobre os fixos. Como eles tem mobilidade, são direcionados até onde se encontram os resíduos e as madeiras. Antigamente, pelo volume, tornava-se difícil transportá-los em sua forma natural, contudo, atualmente com a fragmentação do resíduo in loco, o volume é reduzido em torno de 70% e o transporte fica muito menos oneroso. Quanto à madeira picada na floresta evita-se o manuseio; se processada para picar no pátio da empresa, é necessário carregar no caminhão, levar até o pátio, descarregar e alimentar o picador. No casa da picagem direto na floresta, apesar de aumentar o volume, otimiza-se o tempo. Madeira Total: Em termos de tecnologia x aplicação, como são estes equipamentos e porque facilitam o dia a dia no campo ? Planalto: nossa empresa atualiza os equipamentos constantemente. Isto significa que a cada nova necessidade do setor, a robustez se sobressai mantendo o bom funcionamento e a produção é novamente otimizada, suprindo a necessidade das empresas em produzir mais e melhor. Nossos picadores florestais são equipados com motores a diesel de 220 a 700cv, são rebocados facilmente com tratores agrícolas, oferecendo rápida locomoção no campo. Seu funcionamento é totalmente hidráulico,

o que proporciona uma alimentação homogênea e constante. Madeira Total: do que depende a produção? Planalto: a produção depende da floresta - do perfil das árvores, do tamanho do equipamento, bem como da capacidade do motor, entre outras variáveis. A produtividade pode chegar de 30 a 220 m² stéreos/hora. Madeira Total: e quanto às normas de certificação, como os picadores florestais auxiliam no processo de conquista ou ainda para as empresas manterem-se com a certificação? Planalto: atualmente as empresas produtoras de papel ou celulose e outras do setor, possuem as florestas certificadas - para cumprir com todas as normas da certificação, faz-se necessário também, efetuar a limpeza dos resíduos, que pode ser utilizada para gerar energia para suas caldeiras. Nossos picadores realizam muito bem este trabalho. Madeira Total: e quanto aos tocos das árvores antigamente descartados pelas empresas? Planalto: hoje existem equipamentos especializadas para processar os resíduos e produzir essa biomassa usando todos os resíduos sólidos, inclusive os tocos que antes eram esquecidos nas florestas. Os picadores florestais são adquiridos principalmente por prestadoras de serviço. Isso torna a produção de biomassa menos onerosa para os consumidores. Existem picadores inclusive adequados para os tocos das árvores, transformando esse material em combustíveis de muito boa qualidade.

PC equipada com um pinça para tirar os tocos e raízes – Colheitadeira de Madeira adensada 2 Anos

Madeira Total: como é este processo na floresta? Planalto: como existem também colheitadeiras de florestas plantadas adensadas e colhidas a partir dos 2º anos - fragmentando os mesmos, esses resíduos são depositados em contêineres rebocados por tratores agrícolas que acompanham a colheitadeira, o resultado é de economia com certeza. Madeira Total: Cite todos os produtos da empresa e como estes se destacam no setor florestal ? Planalto: fabricamos afiadores, desintegradores, peneiras, picadores e silos verticais e horizontais, redlers de correntes e alimentadores - atuamos também com reformas de equipamentos. Quando falamos de liderança, destacamos nossa robustez, força e qualidade dos equipamentos. Principalmente porque anteriormente ao processo de venda, trabalhamos com a identificação da necessidade de cada empresa, o que querem e precisam para otimizar seu processo. A certificação da ISO é um dos grandes diferenciais da Planalto, que garante qualidade em nossa tecnologia, satisfazendo os mais variados clientes em todos os setores em que atuamos. Destacamos que os picadores florestais são vendidos principalmente nos Estados do Sul, Sudoeste e Norte. É a Região onde mais se planta florestas. Madeira Total: concluindo o comparativo, qual destes equipamentos oferece mais vantagem às empresas de celulose e papel? Planalto: Os cavacos produzidos para o processo de celulose faz se necessário a extração da casca, devem ser cavacos limpos e de uma granulometria uniforme. Algumas fabrica de Celulose que processam eucalipto como matéria prima, com os cabeçotes de colheita eles já extraem as cascas dos troncos, ai o material pode ser processado na floresta. Normalmente as celulose possuem Picadores de Discos, com os quais os troncos são picados após o descasque no próprio pátio da empresa. Para mais informações, acessem: www.planaltopicadores.com.br. www.madeiratotal.com.br | 11


INOVAÇÃO

1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678

Roder e Gierkink trazem equipamento multifuncional ao mercado brasileiro Equipamento multifuncional para derrubada de árvores, traçamento e carregamento agora no Brasil, com exclusividade Roder.

Hoje os produtores e prestadores brasileiros de serviço de corte e movimentação de madeira já podem contar com a Garra Tombadora GMT 035 venda e pós-venda realizada pela Roder, com exclusividade em todo o Brasil. O implemento é fabricado pela empresa holandesa Gierkink que em junho de 2014, mais precisamente durante a Expoforest, fechou a parceria com a Roder Brasil para representar oficialmente o produto no mercado nacional. “Com relação à durabilidade do equipamento, temos excelentes referências de clientes que estão trabalhando na Europa, EUA e Chile. Aqui no Brasil, já temos equipamentos vendidos e iniciando as operações”, relata Dyme Anderson Roder, diretor comercial. A grande vantagem para os já produtores brasileiros é que a garra GMT pode operar com todo o tipo de máquinas que trabalha com uma garra florestal normal para madeira, pode ser guindastes e caminhões munck, escavadeiras hidráulicas de pequeno e médio porte, Forwarders, Gruas em tratores, carregadeiras, além de outras possibilidades de instalação. Graças ao sistema hidráulico (patenteado) ele não precisa de mangueiras extras ou partes elétricas, o que reduz tempo e custos de instalação - já que pode ser acoplada no lugar da Garra de carregamento sem qualquer tipo de modificação. Isto aumenta muito a agilidade do equipamento e também a gama de possibilidades de instalação em máquinas base de todos os tipos. Dyme Roder conta ainda que o equipamento tem giro ilimitado e serve para a operação de derrubada de árvores que tenham no máximo 35cm de diâmetro. Depois, ele pode ser utilizado para o traçamento e carregamento de madeira, ou seja, realiza 3 operações em um só equipamento multifuncional. “Para cortar árvores de até 35cm de diâme-

14 | www.madeiratotal.com.br

tro, a garra GMT 035 precisa apenas 40ltr/min de fluxo de óleo, e pesa somente 230 Kg. E por se tratar de um equipamento de troca rápida com a garra de carregamento, vai otimizar a operação com baixo custo”, explica. O desenvolvimento do GMT 035 começou em 2008, primeiro com uma garra corte como a faca, mas devido à variedade de diâmetros das árvores, foi pensado um sistema de corte com sabre. A Garra Tombadora GMT 035 deixou mais completa a linha de equipamentos da Roder que busca um produto pensando na necessidade do cliente. Os mesmos motivos buscados pela Gierkink Máquina Techniek, fundada em 1998, que trabalha com o serviço de venda de máquinas florestais para todo o mundo. Fernanda Samizava | Madeira Total


EMPRESA 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012

Obras da nova unidade da Araupel já iniciaram

Balanço ABCTP 2014 As atividades iniciaram em maio desse ano e seguem a todo vapor. Sobre 268 mil m², às margens da PR 466 e junto ao Distrito Industrial será construída a nova unidade com 35 mil m² de área construída. O projeto visa aumentar a produção da empresa. O que será produzido? Na unidade Guarapuava será mantida parte da mesma linha de produção

do que é feito hoje em Quedas do Iguaçu: molduras, blanks e boards. O aumento na capacidade de produção acompanhará a evolução natural dos mercados, podendo atingir até 100% da atual. O prazo para sua implementação é de 18 meses e o investimento demandará 120 milhões de reais. Porque Guarapuava? A expansão dos negócios para Gua-

rapuava foi motivada por diversos fatores. A boa localização da cidade em termos de escoamento de produção foi um dos pontos fortes na escolha, além da estrutura do distrito industrial, da proximidade de serviços, de maciços florestais e do mercado consumidor. “Guarapuava foi sem dúvida uma boa escolha para a Araupel também por sua infraestrutura em saúde, educação, lazer e transporte”, salienta o diretor administrativo da empresa, Tarso Giacomet. ECOLOGICAMENTE CORRETO Segundo o diretor da PH Engenharia e Consultoria, Paulino Gonçalves, profissional que coordena os projetos e obras da unidade Guarapuava, “a nova unidade terá um profundo respeito pelo meio ambiente, com uso de água de chuva em seu processo produtivo, além de iluminação e ventilação naturais, o que certamente melhora o bem-estar dos colaboradores”. Informações e imagens Araupel | Madeira Total

Com saldo positivo para a edição 2014, a exposição realizada pela ABTCP já tem data marcada para o próximo ano: o 48º Congresso e Exposição Internacional de Celulose e Papel será realizado de 6 a 8 de outubro no Transamérica Expo Center em São Paulo. Segundo a imprensa do evento a Exposição já tem 60% da área reservada e o Congresso - que seguirá o mesmo formato deste ano com mesas redondas, sessões técnicas e temáticas também já tem a programação da chamada de trabalhos. O congresso continua sendo o ponto de encontro de profissionais que desejam trocar conhecimento e experiências desta cadeia produtiva.


DESTAQUE

1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890

Komatsu: gigantes pela própria natureza

Conciliar a expansão dos negócios do setor florestal com um bom retorno às empresas é um desafio. Conheça nesta matéria exclusiva do Madeira Total os tratores florestais da Komatsu que ajudam a alcançar esse objetivo. Os gigantes da floresta apresentam concentração de força, precisão e funcionalidade. As setas da alta produtividade na floresta apontam em especial para os tratores 865 e 895. Com baixo custo de funcionamento, tecnologia de ponta e excelentes condições para o operador, destacam-se pontos fundamentais para que inteligentemente possa-se manter alta à produtividade:

penho e economia da máquina florestal. Técnicos bem treinados aliados ao ProSelect, o (conceito especial para peças de reposição e consumíveis) mantém o relacionamento com os clientes confiáveis e seguros. Presença no Brasil e no mundo O trator florestal Komatsu é encontrado no mundo todo. Por essa razão eles foram adaptados para fornecer a máxima rentabilidade, independente das condições em que operam. O mesmo pensamento existe por trás da rede de serviços e revendedores que diariamente apoiam os milhares de proprietários.

Rentabilidade A estratégia que fez da Komatsu líder de mercado também no setor florestal passa por seus veios. Motores econômicos, com operações altamente eficientes e manutenção rápida. Em ambos modelos, o empenho para obter máxima rentabilidade é uma das principais forças motrizes no desenvolvimento contínuo dos tratores florestais Komatsu. Todos os sistemas hidráulicos essenciais usam acoplamentos ORFS, o que reduz o risco de vazamentos e tempos de inatividade. No momento da escolha, cada detalhe, deve ser considerado. Produtividade Desde o startup da colheita na floresta até as infindáveis travessias de transporte: mais produção em menor tempo. Este é um comentário frequente que o corpo técnico da empresa recebe de seus clientes que trocaram outras máquinas, pelo trator florestal Komatsu. As razões são muitas e existem tanto em nível de detalhes como em todo o conjunto. As mais importantes são o ambiente do operador, de alto desempenho, a insuperável geometria da grua e a grande versatilidade e rapidez tanto no modelo 865 quanto no 895. Ergonomia: uma nova era As condições do operador devem propiciar um máximo desempenho. Estas são exigências desta nova era; onde a qualidade de vida e ergonomia estão em voga. Pensando nisto a Komatsu desenvolveu benefícios para o equilíbrio entre a máquina e o homem: conforto, estabilidade e o ambiente do operador com perfeita visibilidade, tanto dirigindo como trabalhando com a grua. Lembrando que a nova cabine foi projetada para ser também mais silenciosa.

16 | www.madeiratotal.com.br

Meio ambiente Os equipamentos da Komatsu não foram desenvolvidos somente para aumentar as receitas. A floresta é uma parte importante e sensível da ecologia global. Por isso cada novo produto da Komatsu é examinado profundamente em cada componente, tanto sob uma perspectiva atual de meio ambiente quanto a longo prazo. Estas ações conduzem a ganhos ambientais concretos, como o controle de emissão de gases altamente efetivos e a baixa pressão de trabalho igualmente distribuída no solo. A preocupação com o meio ambiente permeia até mesmo a mais ampla linha de peças e consumíveis como por exemplo, óleos especiais facilmente degradáveis no meio ambiente. Peças de reposição e consumíveis A força da transformação dos serviços rápidos e eficientes são de grande significado para o desem-

Novo Komatsu 865 Movidos pela causa de aumentar a lucratividade das empresas, otimizar os processos produtivos e potencializar os negócios do setor; o novo trator florestal 865 da Komatsu tem o inovador motor SCR potente, cuja tecnologia 3 power minimiza as emissões de gás carbônico e maximiza a eficiência de combustível. Tem torque potente para trabalhos duros, e ainda prova-se que, com esta tecnologia reduziram-se os gastos com manutenção, graças aos acoplamentos ORFS herméticos e ao número minimizado de pontos de lubrificação. Outra vantagem, são os modos otimizados de dirigir no trabalho e tração extra para subir terrenos íngremes e ultrapassar obstáculos. Estas características tornam o Komatsu 865 praticamente incomparável. Com adicionais importantes para a produção, você também pode incluir a funcionalidade abrangente do MaxiXplorer - principalmente o monitoramento superior de operação e da produção. Experimente. Sinta no bolso a diferença do rendimento. Diferenciais do 895 - Uma nova classe de trator florestal A junção entre a nova cabine e a nova solução de suspensão da cabine da Komatsu intitulado Comfort Ride (ainda não disponibilizado no Brasil) traz um mix de bons resultados: ambiente do operador espaçoso, de alto desempenho, ergonomicamente correto e silencioso. Somados os diferenciais dos novos tratores florestais, o resultado é uma classe de trator florestal totalmente nova para quando você desejar fazer o máximo possível com o menor esforço e impacto ambiental possível. A potência é ainda mais aperfeiçoada pelo novo bogie HD do 895, com redução de cubo e suas rodas e aros maiores exclusivos, que oferecem menor pressão sobre o solo e maior distância. Também totalmente novo é o sistema estrutural do 895 que oferece tudo, desde maior acessibilidade e capacidade de carga até a facilidade de manutenção. Outro opcional importante é o Flexgate, uma porta totalmente nova que aperfeiçoa tanto a segurança quanto a visibilidade. A manobrabilidade não é sacrificada graças ao desenho moderno do trator florestal. Para saber mais, acesse: www.komatsuforest.com.br


IMPOSTOS

1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890 1234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890

Informações & tributos: o cerco está fechando

Aumentaram as informações que devem ser enviadas à Receita Federal pelas empresas. A mudança deve ocorrer até 2015. Todas as empresas do setor madeireiro devem organizar-se até 2015 para a inclusão das informações do estoque e produção mensalmente enviadas a Receita Federal por meio digital - o Sped Fiscal. A partir de janeiro de 2015, os estabelecimentos industriais e também os atacadistas deverão informar seus estoques e produção por meio digital ao Sped Fiscal. Com isso, os documentos impressos, com informações contidas nos livros contábeis e fiscais tradicionais, deverão ser transformados em arquivos digitais. Um deles é o chamado Bloco K, que contempla o controle de todas as movimentações de estoque, incluindo perdas de processo, quebras por transporte, movimentações para terceiros e de terceiros, ajustes de inventario, compras, vendas e outras saídas de qualquer natureza. Trata-se da digitalização do Livro de Controle de Produção e Estoques, hoje atualizado manualmente com dados das fichas técnicas dos produtos e das perdas ocorridas no processo produtivo, entre outras informações. Com a eliminação do livro em papel, a expectativa é que a emissão de notas fiscais com informações incorretas seja reduzida, assim como notas fiscais subfaturadas, notas fiscais “frias” ou espelhadas, notas calçadas e as meia-no-

empresas disponham das informações de produção e de seu processo produtivo. Isso requer organização. Assim, a empresa ameniza os riscos de falhas e inconsistências nas informações a serem prestadas. Pela nossa experiência até o Fisco sentia-se pouco à vontade no exame do referido livro”, afirma o conselheiro. As grandes indústrias serão as primeiras obrigadas a digitalizar o documento, seguida das médias e pequenas empresas.

tas, além de manipulação dos estoques. Na prática, o Fisco também passa a ter acesso ao processo produtivo e à movimentação completa de cada item de estoque, o que possibilitará o cruzamento quantitativo dos saldos apurados eletronicamente pelo Sped com os informados pelas indústrias. O conselheiro do CFC Osvaldo Rodrigues da Cruz , com a eliminação das informações do Bloco K no papel, as empresas precisarão ter maior controle em relação aos registros eletrônicos de produção e estoque. A orientação, portanto, é readequar e requalificar os departamentos responsáveis com o objetivo de melhorar o processamento das informações e não deixar para última hora. “Essa exigência será amenizada desde que as

QUAL É A INOVAÇÃO? No mês de setembro/2014, o assunto foi tema de mais uma reunião do Grupo de Trabalho (GT), criado pelo CFC para discutir e estudar o Sped. Na ocasião, o coordenador do GT, contador Paulo Roberto da Silva, explicou que a principal inovação deste sistema é que haverá apenas uma contabilidade, e não mais uma comercial e outra fiscal. Além de Paulo Roberto da Silva, O GT do CFC para o Sped é formado pelos membros Tatiane Beilfuss Zastrow, Homero Rutkowski, Leuridia Aleixo da Silva e pelo conselheiro do CFC, Osvaldo Rodrigues da Cruz. Participaram técnicos da Receita Federal, profissionais da contabilidade de empresas privadas, além de representantes dos Conselhos Regionais de Contabilidade (CRC), entre outros. Informações Receita Federal, Ministério da Fazenda


ABIMCI EM AÇÃO

123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789 123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890123456789012123456789

O agora e o depois do setor madeireiro

Com a situação econômica do Brasil nos últimos anos, existe uma preocupação em comum de todos as empresas do setor: como será 2015? Por isso, nesta edição, o Madeira Total traz com exclusividade informações sobre o mercado interno e externo do setor de madeira e ainda as expectativas para 2015 através de entrevista com Paulo Pupo superintendente executivo da ABIMCI. Madeira Total: que mercado hoje é mais desejado pelos fabricantes de madeira serrada e compensado do Brasil? Porquê? ABIMCI: É notória a redução da demanda e do consumo no mercado interno, acompanhados de uma leve queda dos preços. Com isso, muitas fábricas que tradicionalmente tinham esse como seu principal mercado, tanto para o compensado como madeira serrada, voltam a buscar negócios no exterior motivados pela alta do dólar, para compensar a queda de faturamento. Madeira Total: como está a expectativa de fechamento do balanço anual, já que estamos a menos de 3 meses de 2015? ABIMCI: o cenário atual não é o ideal. Os números exportados ainda estão também aquém da expectativa do mercado para 2014 - o que pode causar um excesso de oferta. Madeira Total: qual a expectativa para este mercado em 2015? ABIMCI: será um ano de cautela para o setor, pois a recuperação e estabilização da demanda interna dependerá de vários fatores, sendo um dos principais a performance da economia pelo novo governo. Fatores como a inclusão de produtos madeireiros no plano de desonerações fiscais serão diretamente proporcionais ao desempenho e rendimento das empresas produtoras. Teremos também o já anunciado aumento da energia elétrica no decorrer do ano, que é um importante fator de custo para as empresas. Entre os vários segmentos industriais que consomem madeira, o setor da construção civil é um termômetro importante para medirmos o consumo de madeira pelo mercado, mas o mesmo de-

pende de crédito oficial para os programas de habitação avançarem. Por outro lado, o avanço do sistema wood frame - casas com madeira - pode contribuir para aumento do consumo, mas são ações ainda em desenvolvimento. Madeira Total: com relação às novas ações do próximo governo, o que o setor espera? ABIMCI: a expectativa do setor produtivo, incluindo a indústria madeireira, é de que sejam criadas novas medidas para exonerar, por exemplo, a folha de pagamento, iniciativa que contribuiria para redução dos custos e estimularia a contratação de novos trabalhadores. Outras necessidades urgentes da indústria brasileira passam por questões básicas de melhoria da infraestrutura e logística do país, que geram um grande impacto nos custos das empresas; contenção de tarifas como energia elétrica, que tem registrado aumentos expressivos; segurança jurídica e diminuição da burocracia. Madeira Total: e para as empresas do Paraná? Quais as necessidades urgentes? ABIMCI: no Paraná, por exemplo, um dos principais Estados de base florestal do País e responsável por importante fatia da produção nacional, ainda enfrentamos um alto preço dos pedágios e nos valores cobrados para movimentação de contêineres no Porto de Paranaguá, além de reajuste ao salário mínimo regional superior ao de outras regiões do país. Madeira Total: o que podemos esperar do mercado externo? O que tira nossa competitividade? ABIMCI: os Estados Unidos ainda é uma caixinha de surpresas, em 2014 não atingiu as expectativas, muito embora existam bons sinais de crescimento para o próximo ano. Isso está mais evidenciado nos dias atuais pelo recente anúncio pelo Governo Americano do incremento o PIB de 3% para 4%. Já a Europa, está comprando menos quando comparado ao mesmo período dos anos anteriores. Por isso, medidas como as anunciadas pelo go-

verno federal que beneficiam diretamente a indústrias exportadora são essenciais. A ABIMCI, em conjunto com outras entidades representativas nacionais, irá continuar pressionando para que ações como o Reintegra e o Programa de Financiamento às Exportações (Proex) permaneçam vigentes, independente do governante que assumir. Outra medida essencial para impulsionar a competitividade nacional é a necessidade de um novo posicionamento institucional do país com o intuito de firmar acordos de cooperação comercial, atuação básica de qualquer governo nas relações comerciais entre países. A ausência desses acordos está nos tirando a competitividade e inibindo assim novos investimentos tão necessários para a nossa sustentabilidade. Além disso, falta isonomia competitiva entre produtos madeireiros brasileiros e de países vizinhos, já que arcamos com taxas de importações que não recaem sobre a concorrência, dificultando ainda mais as exportações. Exemplos claros disso são os impostos cobrados para a importação de produtos brasileiros no mercado americano, de 8% e também para alguns itens no continente Europeu, de 7%. Madeira Total: no que a escassez de matéria prima em algumas regiões tem causado no mercado? ABIMCI: a escassez de matéria prima em algumas regiões está forçando os custos para cima, associada à valorização do dólar e às incertezas políticas antes das eleições. Assim, uma das expectativas é de que a próxima gestão do governo federal tenha como meta estabelecer e solidificar novas políticas de estímulo ao plantio e aumento da área florestal no Brasil, adotar uma política clara desenvolvimentista para com o setor de base florestal, que é um dos mais intensivos de mão de obra e responsável por uma importante parcela do saldo positivo da balança comercial brasileira. As informações são da ABIMCI em entrevista realizada 04/10/2014 com Paulo Pupo, superintendente executivo.

FENAM: a união faz a força Conhecida no setor florestal, a FENAM – Feira Internacional de Máquinas para Madeira e Floresta retoma o mercado com total apoio do portal Madeira Total. Programada para acontecer de 19 a 21 de agosto de 2015 no Expotrade em Pinhais (região metropolitana de Curitiba-PR), a feira volta através da iniciativa de empresários do setor que buscam oportunidades de negócios, aliados a organizadora Diretriz e contando especialmente com o apoio do maior portal de informações e negócios do setor, o Madeira Total. “Pelo histórico, imprime-se que a feira traz agilidade nos contatos com novos e antigos clientes; o famoso business to business que o setor precisa para manter-se progredindo; e mesmo com a complexi-

18 | www.madeiratotal.com.br

dade e a amplitude do setor florestal do Brasil, oportunamente a FENAM vem junto com cenários positivos quanto ao incremento das exportações; somado a manutenção da demanda e consumo de produtos no mercado interno e ainda aliado ao respeito conquistado pela feira ao longo dos anos junto às empresas” reforça Marcelo Colaço, diretor do portal que completa 15 anos neste período. Diante de tantas expectativas promissoras e investimentos vultosos, o gigantesco mercado da Região Sul do Brasil e pedidos expositores consagrados, foi lançada 26ª edição da FENAM.

“Traremos novas ferramentas para gestão de negócios aliados a perspicácia dos empresários na utilização destes sistemas, para conseguir alcançar as metas de negócios que o setor almeja, reforça Colaço”. Para que isso se concretize em inovação, novas gestões e principalmente em negócios, programe-se e faça parte deste grande evento! FENAM Quando: 19 a 21 de agosto de 2015 Onde: Expotrade em Pinhais - PR Mais informações: 41 3075.1143


NOTINHAS NOVO PICADOR MÓVEL DOPPSTADT DH 812 Q A Doppstadt apresenta ao setor o picador móvel DH 812 Q. Com design compacto e precisão do processamento das toras, o equipamento pica árvores de até 600 mm de diâmetro com potência mínima de 250 kW (340 hp) e máxima 370 kW (500 hp) variando de acordo com a necessidade de cada produtor. Pesando 19.000 kg, tem 6,36 m de comprimento, 2,55 m de largura, 3,75 m de altura e dois eixos no chassi de reboque, proporcionando maior facilidade de transporte para os locais de trabalho. Informações DOPPSTADT | Madeira Total CONHECENDO A ABIB BRASIL A ABIB BRASIL é a maior entidade do mundo responsável pela representação institucional da cadeira produtiva do setor de biomassa (florestal, industrial e agroindustrial - woodchips, bio woodpellets e bio woodbriquete) e bioenergia. São mais de 1.107 associados, é a única entidade com os estatutos sociais registrados no Ministério de Trabalho. Participa ativamente dos mais importantes fóruns e conselhos mundiais de biomassa e bioenergia. A agenda de desenvolvimento da associação engloba os temas florestais, industriais e agroindustriais, biomassa e biotecnologia e inovação; industriais, como competitividade, uso de resíduos e reciclagem; e socioambientais, woodchips, pellets e briquetes. Atua em defesa dos interesses do setor junto a autoridades e órgãos governamentais, entidades da cadeia produtiva e importantes setores da economia, organizações socioambientais, universidades, escolas, consumidores e imprensa – tanto nacional como internacionalmente. Informações ABIB | Madeira Total TIGERCAT APRESENTA AO MERCADO O FELLER BUNCHER 724G O lançamento possui motor mais potente do que o anterior, foi de 220 para 247 hp. Vale ressaltar que o compartimento onde o novo motor (FPT N67 Tier 4f) é instalado possui novo design, melhor layout para acesso aos componentes, o que proporciona maior facilidade na hora da manutenção. Para oferecer também um maior controle do funcionamento do motor, informações detalhadas são fornecidas ao operador por meio de uma tela com display colorido. Os motores FPT atendem os níveis de emissões de gases Tier 4, oferecem maior confiabilidade e menores custos de manutenção a longo prazo. A chave é a redução do catalisador seletiva (SCR), que converte os componentes nocivos de gás de escape para dentro de água, azoto e dióxido de carbono. Informações Tigercat | Madeira Total PROJETO PREVÊ INVESTIMENTO DE R$ 3 MILHÕES EM OBRA DE 1,3 MIL M² O SESI terá nova unidade no município de Xanxerê em Santa Catarina. O investimento será na ordem de 3 milhões de reais e beneficiará colaboradores, empresas e a comunidade em geral.

20 | www.madeiratotal.com.br

O anúncio foi feito no início de outubro deste ano pelo presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), Glauco José Côrte, durante evento de comemoração dos 25 anos do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Xanxerê e Região (Simmex). No momento estão em curso as tratativas relativas à definição do terreno e na sequência será finalizado o projeto executivo. O objetivo da FIESC é iniciar as obras no segundo semestre de 2015 e entregar a unidade em 2016, informou Côrte. O edifício, terá dois andares, academia, serviços de odontologia, saúde e segurança no trabalho, medicina do trabalho, audiometria, salas de aula, laboratório de informática e também área administrativa. A capacidade de atendimento em serviços para promoção da saúde e bem estar será de 18,6 mil horas e em saúde e segurança no trabalho de 20,3 mil horas anuais. Além disso, a unidade terá capacidade para 7 mil matrículas em educação continuada e de jovens e adultos por ano. Xanxerê possui atualmente 4 mil trabalhadores no setor industrial. Informações da FIESC | Madeira Total CATERPILLAR APRESENTA NOVA SÉRIE D DE SKIDDERS O motor foi projetado para proporcionar maior potência enquanto alcança níveis de eficiência total de fluidos, confiabilidade e durabilidade. O sistema de refrigeração de alta capacidade e sob demanda de acionamento hidráulico do ventilador reversível mantém a máquina funcionando na temperatura adequada, otimizando o desempenho, durabilidade e eficiência de combustível. A Série D tem transmissão de seis velocidades que eventualmente são distribuídas em zonas de trabalho para maximizar a eficiência em qualquer tipo de terreno ou condição do solo. A conversão de torque permite a máquina se mover facilmente mesmo quando o Skidder está arrastando grandes cargas em sua pinça. O bloqueio de embreagem é feito automaticamente e a transmissão permite a direção de forma eficiente, permitindo que a máquina desloque-se até 15% mais rápido na mesma marcha. Outras melhorias foram aplicadas na nova série, entre elas estão o arco da pinças, pinças, estrutura da máquina, cabine, acesso aos pontos e manutenção, e software de controle. Fonte Caterpillar | Madeira Total MAIOR UNIDADE INDUSTRIAL SUSTENTÁVEL DE PELLETS DE PINUS DO BRASIL SERÁ EM SC A Europellets Brasil após um estudo de viabilidade econômica, plano de negócios e diagnóstico florestal desenvolvido pela Brasil Biomassa decidiu pela implantação da maior unidade industrial sustentável de aproveitamento da matéria-prima (florestal industrial) de pinus para produção pellets em Lages - Santa Catarina. Unidade industrial vai utilizar tecnologia 100% nacional de equipamentos industriais e 216.000 toneladas/ano, proporcionando o desenvolvimento econômico e social para Santa

Catarina tornando a planta uma referência nacional. A FENAM – 26ª FEIRA INTERNACIONAL DE MÁQUINAS PARA MADEIRA E FLORESTA CONQUISTA UM IMPORTANTE APOIO AO EVENTO O SIMOV – Entidade de representação empresarial da indústria moveleira no Paraná – acaba de confirmar seu apoio institucional à FENAM. “ Estamos muito honrados e ainda mais confiantes”, afirma Cássio Dresch, Diretor Comercial da Diretriz, promotora do evento. Apoios como a SIMOV e também das principais entidades empresariais agremiativas dos diversos segmentos que representam o universo visitante e expositor credibilizam, repercutem e qualificam a FENAM, conclui Cássio. A FENAM acontece de 19 a 21 de agosto de 2015 no Expotrade – Pinhais. Informações Diretriz | Madeira Total CORTE, DESGALHE E PROCESSAMENTO Os Cabeçotes Harvester 500C e 500H da empresa finlandesa Nisula representados no Brasil pela TMO Forest fazem o corte, desgalhe e processamento de primeiro, segundo e até terceiro desbaste de árvores de forma rápida e eficiente, podendo ser acoplado na escavadeira de preferência do cliente. A tecnologia do implemento permite medir o volume cúbico produzido de madeira e também o volume e a quantidade de madeira produzida por sortimento através do seu sistema de controle inteligente NCU3. Mais informações acesse www.tmo.com.br NOVO CABEÇOTE KOMATSU C93 PARA OPERAÇÕES DE DESBASTE COM ALTA PRODUTIVIDADE Cabeçote para desbaste altamente produtivo que oferece benefícios extras para os produtores. Um cabeçote confeccionado para operações de desbaste e alta produtividade, este é o conceito do Komatsu C93. Com um chassi similar ao do popular 365, o novo modelo recebeu uma unidade de corte constante, com velocidade de corrente fixa de 40 m/s, que não só acelera o corte como também minimiza os riscos de disparos de corrente e de separação. O novo design dos rolos oferece pressão de alimentação alta sem comprometer o bom funcionamento. Além disso, as propriedades para árvores múltiplas foram otimizadas para os novos rolos e o rolo da estrutura em conjunto. Igualmente significativo, o rolo da estrutura elevado possibilita um manuseio mais eficiente para troncos tortos. Outra melhoria é o amplo grau de inclinação de 40 graus, que permite que a alimentação tenha início rapidamente mesmo em áreas íngremes de descida. O C93 se adapta perfeitamente aos Harvesters 911.5 e 931.1, mas o cabeçote também pode ser acoplado em outras máquinas-base, que sejam adequadas às características do equipamento. Informações Komatsu Forest | Madeira Total


NOSSA CAPA 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890 12345678901234567890123456789012123456789012345678901234567890121234567890123456789012345678901212345678901234567890

Produção que não pára

Com atendimento nacional, os estados do Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo, Minas Gerais Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia e Mato Grosso condensam os maiores volumes de equipamentos comercializados.

Os produtos Com tecnologia acessível, a empresa destaca-se na fabricação de equipamentos como o auto carregável, carregador florestal, carregador veicular, carregador frontal, mini skidders e perfuratriz de solo. Com maior durabilidade e manutenção acessível, os produtos Hegeza são feitos para durar e otimizar a produção visto o baixo índice de manutenção. Com equipamentos mais robustos e que acessam facilmente áreas em que grandes máquinas não entram, os equipamentos Hegeza tem garantia de 6 meses, treinamento gratuito na entrega técnica do produto e ainda diferenciais nas taxas de deslocamento, hospedagem e mão de obra - que não são cobradas quando o equipamento ainda esta em garantia. “Nossa garantia oferece cobertura inclusive da mão de obra causada eventualmente por mau uso”, reforça o diretor. “Nosso atendimento é personalizado e ágil, o que diminui o tempo de paradas para o nível mínimo, especialmente quando se realiza a manutenção preventiva e os operadores utilizam adequadamente o equipamento” enfatiza Diego. Cerca de 90% da manutenção é feita em campo - o que economiza tempo e dinheiro dos produtores. Costumamos dizer que o produto não volta para a fábrica, salvo raríssimas exceções” - reforça Diego.

Off Road : carretas e auto carregáveis Com maior torção, direção e inclinação; freio 4X4 e com carregamento útil de até 5,5 metros de madeira, estes equipamentos Hegeza são eleitos pelos usuários os mais fortes da categoria, especialmente quando citadas os processos de customização e vida útil dos mesmos.

prevenindo paradas não programadas. Contudo, quando falamos de Carregador Florestal, vale destacar que atualmente o equipamento já realiza até 3 movimentos ao mesmo tempo, oportuniza maior travamento da madeira - o que mantém no processo um aproveitamento de até 50% maior . Por isso o chamam de Carregador Florestal Inteligente. Outra novidade e com o opcional diversas vezes já instalado, a empresa destaca-se mais uma vez. O Joystick Florestal Hegeza - a corrida contra o tempo na colheita de madeira. Joystick é uma alavanca que trabalha em duas dimensões e é utilizada quando é requerido o controle simultâneo e continuo em duas dimensões ou para múltiplas operações, afinal nem só a robustez dos equipamentos é suficiente para manter as empresas mais competitivas nos dias atuais.

Fotos: Divulgação

A Hegeza - fabricante de equipamentos florestais e construção civil oferece também serviços de manutenção preventiva e corretiva para máquinas dos setores em que atua. Paranaense, foi fundada em julho de 1988, completando 26 anos de atuação. As atividades iniciaram-se com a venda de vedações hidráulicas, posteriormente a manutenção e fabricação de equipamentos em 1992. “Foi um processo evolutivo saudável e com base sólida”, reforça Diego Zavaschi, diretor geral.

Financiamentos A empresa atua com os financiamentos habituais - FINAME e Cartão BNDES, contudo, disponibiliza para seus clientes um financiamento próprio que permite que o produtor inicie suas atividades mais rapidamente com zero burocracia para pequenos, médios e grandes produtores.

Carregador Florestal Estacionário Com base de concreto, é fundamental para movimentação de madeira do pátio ou similares para as caldeiras - ou seja, ações que não precisam de maiores deslocamentos. Útil para diversos segmentos. Customização Equipamentos e peças podem ser customizados conforme necessidade de cada cliente avaliando questões climáticas, terrenos, inclinações entre outras. As maiores vantagens dos equipamentos da marca: qualidade na matéria prima e fabricação, o atendimento personalizado, a garantia estendida e ainda o custo reduzido, visto a inteligência das operações e estrutura enxuta. Lançamentos 2015 Diante da demanda do mercado e o processo de evolução dos maquinários florestais, a empresa apresentará novidades em 2015. Módulos eletrônicos e sensores para leitura - scanner (ambos opcionais) que otimizam ainda mais a operação e o processo de manutenção;

22 | www.madeiratotal.com.br

Construção Civil A perfuratriz fabricada pela empresa, pode realizar até 400m de furação/dia. Com alcance de perfuração: 0 x 11 MT, motor perfurador e motor de levante direto, oferece bomba hidráulica P-30 e reservatório com capacidade para 180 litros. Perfeito para perfuração em áreas de condomínios, prédios e outros de difícil acesso. Pode ser facilmente acoplado em tratores otimizando os dias de trabalho de áreas impossíveis para máquinas de grande porte e difíceis para ações mais rudimentares. O investimento é baixo (melhor custo beneficio) e oportuna retorno do capital investido rapidamente.

Saiba mais sobre os produtos da Hegeza www.hegeza.com.br +55 (41) 3283-3539 hegeza@hegeza.com.br


27ª edição Madeira Total | Out 2014