Page 1

SOU CIDADÃO INFORMA

ALUNOS DO PET E OBSERVATÓRIO PARTICIPAM DE AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE A LDO 2013. PROFESSOR DR. CHRISTIAN LUIZ DA SILVA JUNTAMENTE COM BOLSISTAS DO PET PARTICIPARAM DO IV SEMINÁRIO DE PESQUISA INTERDISCIPLINAR. LIVRO “POLÍTICAS PÚBLICAS E DESENVOLVIMENTO LOCAL: INSTRUMENTOS E PROPOSIÇÕES DE ANÁLISE PARA O BRASIL” É LANÇADO

IV SEMANA DE POLÍTICAS PÚBLICAS É REALIZADA ENTRE OS DIAS 21 E 25 DE MAIO

1

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


ALUNOS DO PET E OBSERVATÓRIO PARTICIPAM DE AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE A LDO 2011 No dia 11 de maio, em audiência pública no Memorial de Curitiba, foi apresentada a proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias 2013. A população participou na definição das prioridades da LDO por meio de debates e consultas públicas realizadas nas ruas da Cidadania. Além deste meio

de participação, a população também pôde dar suas sugestões através da Internet - na página da Prefeitura Municipal de Curitiba - e pelo telefone, no número 156. O gráfico a seguir mostra as 10 prioridades mais citadas pela população em porcentagem:

Para o ano de 2013, a previsão do orçamento de Curitiba é de R$ 5,6 bilhões, e a despesa total prevista corresponde a R$ 5,4 bilhões, deixando R$ 145 milhões como reserva de contingência. Para a saúde, a previsão é um investimento de R$ 1,1 bilhão (15,73%); na educação o investimento previsto é de R$ 800 milhões (25,5% do orçamento). Orçamentos previstos: Saúde: obras de reforma; construção de equipamentos novos; conclusão do laboratório municipal. Educação: obras de construção, ampliação e reforma nas escolas; construção, ampliação e reforma de CMEIs; construção de canchas cobertas em escolas municipais. Prosseguimento de obras: ligação Aeroporto – Rodoferroviária; reformulação da Avenida Cândido de Abreu; Linha Verde Sul; desalinhamento das estações tubo; obras do programa habitacional; rua da Cidadania Cajuru e Tatuquara; reforma da Rodoferroviária e do Terminal Santa Cândida; Clube da Gente Boa Vista, Tatuquara e Santa Felicidade.

Por: Andressa Caroline Portes da Cunha

2

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


PROFESSOR DR. CHRISTIAN LUIZ DA SILVA JUNTAMENTE COM BOLSISTAS DO PET PARTICIPARAM DO IV SEMINÁRIO DE PESQUISA INTERDISCIPLINAR. O IV Seminário de Pesquisa Interdisciplinar – IV SPI reuniu os Cursos de Administração, Arquitetura, Direito, Relações Internacionais, Turismo e o Programa de Pós Graduação em Administração da UNISUL (Universidade do Sul de Santa Catarina) em Florianópolis, nos dia 21, 22 e 23 de maio de 2012. Trata-se de um evento público-privado, que tem por objetivo estimular a produção científica de qualidade, oportunizando e socializando o conhecimento por meio de conferências, debates e apresentações de trabalhos técnico-científicos. Em sua 4ª edição com status de evento nacional, o tema geral foi "Democracia e informação como ferramentas de inclusão e gestão: um debate interdisciplinar", uma vez que o objetivo consiste na difusão de pesquisas, debates e experiências interdisciplinares no Brasil de estudos nas áreas da Administração, Direito, Relações Internacionais, Turismo e afins. O Professor Christian Luiz da Silva tutor do Grupo PET de Políticas Públicas esteve presente no evento com os bolsistas do PET: Juliana Nami Fugii, Marta Chaves Vasconcelos e Renata Weber Rodrigues. O Dr. Christian participou no dia 21 de maio, de uma mesa-redonda com o tema "Tecnologias, democracia e desenvolvimento" juntamente com a professora doutoranda Renata Guimarães Reynaldo da Universidade Federal de Santa Catarina.

Os bolsistas do PET Juliana Nami Fugii, Marta Chaves Vasconcelos e Renata Weber Rodrigues participaram no dia 22 de maio juntamente com o Dr. Christian na apresentação dos trabalhos. O artigo "Teorias e práticas da comunicação pública em projetos sociais: aproximando a universidade da comunidade" de Juliana Nami Fugii, Renata Weber Rodrigues e Christian Luiz da Silva da UTFPR; consiste em mostrar a importância da relação da Universidade com a sociedade. O Dr. Christian Luiz da Silva, o PET de Políticas Públicas e o Observatório Socioeconômico e de Políticas Públicas da UTFPR interagiram com os moradores da Vila Real, criando uma Feira local para aproveitar as potencialidades dos moradores da região. Atualmente os integrantes dos grupos mantêm contato com o pessoal da Vila Real, para verificar o andamento da Feira. O artigo "Governança pública, accountability e legislativo municipal: um estudo sobre a atuação dos vereadores da cidade de Curitiba no período 2008 – 2011" escrito por Marta Chaves Vasconcelos e Christian Luiz da Silva da UTFPR, mostra a atuação dos vereadores e os Projetos Lei na Cidade de Curitiba no período de 20082011. Destacando os projetos de Lei Ordinária, pois esses obtiveram maior quantidade de dados quantitativos. Além de destacar a função de um vereador, e o esclarecimento dos termos Governança pública, Accountability e Poder legislativo. Afirmando que é de extrema importância a participação da sociedade com o Estado para o bom uso dos recursos públicos.

Por: Marta Chaves Vasconcelos

3

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


LIVRO “POLÍTICAS PÚBLICAS E DESENVOLVIMENTO LOCAL: INSTRUMENTOS E PROPOSIÇÕES DE ANÁLISE PARA O BRASIL” É LANÇADO O livro “Políticas Públicas e Desenvolvimento Local: instrumentos e proposições de análise para o Brasil” organizado pelo professor doutor Christian Luiz da Silva foi lançado no dia 1° de junho de 2012, no miniauditório da Universidade Tecnológica Federal do Paraná. A obra está dividida em cinco capítulos, sendo que o primeiro, Políticas públicas e desenvolvimento local, escrito pelo organizador e por Nadia Solange Schmidt Bassi, introduz a noção de políticas públicas, bem como propõe um método de desenvolvimento de um projeto em comunidades. O segundo capítulo, Orçamento Público e Gestão Governamental, por Moises Francisco Farah Junior, trata dos conceitos fundamentais do orçamento, das diretrizes que orientam a construção do orçamento público e das etapas de elaboração do planejamento público para a gestão do governo. Já o terceiro capítulo, Introdução à análise e conhecimento das contas públicas, por Antonio Gonçalves Oliveira, oferece conhecimentos básicos das demonstrações contábeis, as quais são aplicadas no setor público e, dessa forma, apresenta instrumentos que auxiliam na análise dos balanços públicos, bem como na tomada de decisão. O quarto capítulo, Governo eletrônico, escrito por Ivan Carlos

Vicentin apresenta conceitos sobre inclusão digital, transparência de dados do governo e outros temas referentes ao governo eletrônico. Por fim, o último capítulo, Empreendedorismo público: discutindo seus níveis de análise, de Maria Lucia Figueiredo Gomes de Meza, explora o empreendedorismo tanto público como o privado, a partir dos conceitos de agente público, do empreendedor público e das atividades empreendedoras. A partir dessas informações e dos instrumentos apresentados, o livro visa promover a discussão da administração pública na sociedade, transformando esta de um simples agente para um que cobre ações do governo, além de participar do processo de decisão.

Por: Juliana Nami Fugii

4

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


VÍDEO “O QUE É SER CIDADÃO” É EXIBIDO EM LANÇAMENTO DE LIVRO UTFPR, perguntando “Para você, o que é ser cidadão?” As respostas totalmente heterogêneas deram ao vídeo uma atmosfera dinâmica. Também foi explicado o que é o projeto de extensão “Observatório Socioeconômico de Políticas Públicas para Inclusão Produtiva” seus princípios e objetivos. A Cartilha Sou Cidadão, produzida pelos membros do Observatório Socioeconômico e do PET Políticas Públicas, também foi apresentada. Nela podemos encontrar informações sobre o que é cidadania, o que são direitos e deveres e diversas outras informações.

Juntamente com o lançamento do livro “Políticas Públicas e Desenvolvimento Local: instrumentos e proposições de análise para o Brasil” ocorreu uma palestra com o Vereador Zé Maria e também a exibição do vídeo “Sou Cidadão” produzido pelo Observatório Socioeconômico de Políticas Públicas para Inclusão Produtiva em parceria com o PET Políticas Públicas. Os eventos também ocorreram no miniauditório da Universidade Tecnológica Federal do Paraná e contaram com a presença de professores do Departamento de Gestão e Economia, alunos dos cursos de Administração e do Mestrado.

A conversa com o Vereador Zé Maria foi de caráter informal. O Vereador colocou os principais pontos de o que é ser um político, falou um pouco de seus trabalhos realizados e também de seus projetos futuros.

Primeiramente o vídeo “O Que é Ser Cidadão” foi exibido. Os integrantes do Observatório Socioeconômico entrevistaram docentes e discentes da

Por: Marlon Garcia Silva

Exibição do Video “O que é Ser Cidadão?” Chefe de Departamento Prof. Msc. Hilda Alberton de Carvalho, Prof Dr. Christian Luiz da Silva, Vereador Zé Maria e Marcos Flávio de Oliveira Schiefler Filho, diretor do campus Curitiba da UTFPR

5

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


IV SEMANA DE POLÍTICAS PÚBLICAS É REALIZADA ENTRE OS DIAS 21 E 25 DE MAIO Durante IV Semana de Políticas Públicas da UTFPR ocorreram o Ciclo de Leitura e Cinema, Curso de Extensão e uma Palestra sobre Políticas Públicas na Saúde. Ciclo de Leitura “O Alienista” de Machado de Assis Simão Bacamarte é um médico conceituado em Portugal e na Espanha, decide enveredar-se pelo campo da psiquiatria e inicia um estudo sobre a loucura e seus graus, classificando-os. Funda a Casa Verde, um hospício na vila de Itaguaí e abastece-o de cobais humanas. Passa a internar todas as pessoas da cidade que ele julgue loucas. Muitas pessoas foram colocadas na Casa Verde: Costa, rapaz pródigo que dissipou seus bens em empréstimos infelizes; A tia de Costa que intercedeu pelo sobrinho também foi trancafiada; o poeta Martim Brito e nem D. Evarista, esposa do Alienista escapou. No começo a vila de Itaguaí aplaudiu a atuação do Alienista, mas os exageros de Simão Bacamarte ocasionaram um motim popular, a rebelião das canjicas, liderados pelo ambicioso barbeiro Porfírio. Porfírio acaba vitorioso, mas em seguida compreende a necessidade

da Casa Verde e alia-se a Simão Bacamarte. Há uma intervenção militar e os revoltosos são trancafiados no hospício e o alienista recupera seu prestígio. Analisando bem, Bacamarte verifica que ele próprio é o único sadio e reto. Por isso o sábio internou-se no casarão da Casa Verde, onde morreu dezessete meses depois, apesar do boato de que ele seria o único louco de Itaguaí, recebeu honras póstumas. O enredo deste conto, além de discutir ironicamente as fronteiras entre a razão e a loucura, também coloca a questão do poder. Todos os que o exercem em Itaguaí, incluindo-se dentre eles o revoltoso barbeiro Porfírio, fizeram uma composição com Simão Bacamarte, o que sugere que tanto a razão quanto a loucura são usadas pelo poder, dependendo de seu interesse. Por isso nada foi feito de efetivo contra a Casa Verde, tendo disso os prisioneiros liberados pelo próprio alienista. Por: Marta Chaves Vasconcelos

6

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


Ciclo de Cinema – “Contágio” de Steven Soderbergh “Contágio” narra a história de diversas pessoas em locais diferentes, afeadas pelo rápido progresso de um vírus letal, transmissível pelo ar, que mata em poucos dias. Steven Soderbergh quer prefere mostrar a reação do cidadão comum e também das grandes instâncias, como o governo, indústria médica, diante de um apocalipse iminente. As pessoas entram em pânico, quando a pandemia massa milhares de pessoas na Ásia e em poucos dias está instalada nos quatro continentes. O filme narra basicamente três histórias. A de um pai, um cidadão comum, (Matt Damon), que perde sua esposa que contraiu o vírus, e faz de tudo para que sua filha esteja a salvo. As instituições públicas (médicos, epidemiologistas e o governo) que precisam tomar rápidas decisões em meio ao caos e a corrupção, onde cada um está preocupado com a sua vida. E por fim a mídia, por meio de um blogueiro e repórter (Jude Law) que pretende mostrar ao povo o por trás das decisões políticas. O longa quer mostrar que, em meio a um apocalipse, a ideia de cidadania/cidadão são deixadas de lado. A ordem não existe mais, a única coisa que o ser humano se importa é a sobrevivência.

7

Após a exibição do filme foi aberto espaço para uma discussão. O primeiro ponto foi uma ponte entre os dois ciclos, leitura e cinema, onde foi apresentada a temática principal de “O Alienista” contraponde com as principais ideias do filme “Contágio”. A segunda discussão foi a paralisação de diversos trabalhadores e órgãos, quando a ordem de uma sociedade é deixada de lado pela luta da sobrevivência. O último ponto a ser discutido foi o papel da mídia e do governo em meio a pandemia. A mídia sai da história como vilã, pois é a ferramenta responsável de causar paranoia entre as pessoas, já o governo é visto como herói, pelo fato de uma personagem, representante do governo, cede sua vacina a uma criança. Por: Marlon Garcia Silva

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


Palestra “Políticas Públicas de Saúde” No dia 25 de maio foi realizada a palestra “Políticas Públicas de Saúde”, ministrada pelo professor Dennys Robson Girardi. A palestra enfatizou a implementação de políticas públicas de saúde no Brasil, envolvendo temas como a criação do SUS (Sistema Único de Saúde) e sua importância para a população brasileira. Criado no início dos anos 90, o SUS é um modelo baseado em três princípios doutrinários: deve ser universal – não apenas para classes de baixa renda; não contributivo; equânimo – algumas situações são priorizadas em virtude de outras, mas a todas são oferecidas a mesma qualidade e eficiência de atendimento. Com relação à atuação, o SUS possui três nichos distintos: promoção da

saúde, como por exemplo, por meio das políticas tabagistas; divisão em grupos de doenças, buscando manter uma doença para que ela não se desenvolva e traga consequências piores; divisão da população masculina e feminina em faixas etárias. A cidade de Curitiba representa o segundo melhor município no processo de implementação do SUS de acordo com o IDISUS. Em uma escala de 0 a 10, o município pontua 6,7, um número que, apesar de dar uma boa colocação à cidade, não representa um alto valor, comprovando que o SUS é um sistema bem planejado, porém encontra dificuldades de funcionamento em nosso país devido à grande demanda da população frente ao número de funcionários do sistema.

Por: Andressa Caroline Portes da Cunha

8

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


Curso de Extensão O curso de Extensão desta Semana de Políticas Públicas teve como tema “O Estado e as Armas: Políticas de Defesa no Brasil Contemporâneo”, ministrado pelo professor Jorge Carlos Correa Guerra, professor da UTFPR. O curso promoveu discussões especialmente sobre os assuntos de Estado, guerras, Forças Armadas e armas, relacionando-os com outros países na atual sociedade. O objetivo do debate em sala foi

promover os alunos como formadores de opinião. O curso foi ministrado em duas etapas e em ambas houve a formação de grupos entre os participantes para promover a discussão de temas, como a opinião sobre o gasto brasileiro de 180 bilhões de dólares nos próximos oito anos em armas. Além disso, como forma de enriquecer ainda mais o curso, foram exibidos vídeos e fotos de armamentos e guerras.

Confira agora os assuntos tratados nos dois dias de curso:

21 de maio Guerra – cada vez mais tecnológica e maior participação feminina nas Forças Armadas; Brasil como um país Imperialista, pois possui pretensões na América do Sul e África; Três eixos do Estado: militar, diplomacia e economia.

24 de maio Marinha e suas doutrinas/estratégias – domínio do mar e negação do mar, esta última que tem por objetivo criar dificuldades para usar o mar, especialmente através de mísseis; Afastamento militar dos Estados Unidos, fazendo alianças com Índia, Europa e China.

Por: Andressa Caroline Portes da Cunha

9

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012


EQUIPE TÉCNICA; Prof. Dr. Christian Luiz da Silva (coordenador) – Tutor Bolsista PET/ MEC

Bolsistas PET/ MEC: Gabriela Pelissari Machado – Graduanda em Tecnologia em Radiologia – UTFPR Heloisa Sbrissia Selzler – Graduanda em Administração – UTFPR Juliana Nami Fugii – Graduanda em Comunicação Institucional – UTFPR Leila Aparecida Szychta – Graduanda em Administração – UTFPR Leticia Sayuri Kumegawa – Graduanda em Comunicação Institucional – UTFPR Lucas Eduardo Mathias – Graduando em Engenheira Eletrotécnica UTFPR Marta Chaves Vasconcelos – Graduanda em Administração – UTFPR Renata Weber Rodrigues – Graduanda em Comunicação Institucional – UTFPR

Bolsistas PROEXT: Andressa Caroline da Cunha – Graduanda em Sistemas de Informação – UTFPR Conrado Gabriel S. A. de Moraes – Graduando em Engenharia Elétrica – UTFPR Marlon Garcia Silva – Graduando em Bacharelado em Design – UTFPR Ticiane de Farias Pietro – Graduanda em Bacharelado em Design – UTFPR

FINANCIAMENTO: Programa de Educação Tutorial (PET) – Ministério da Educação Proext 2010 – Programa de Extensão: projeto “Observatório Socioeconômico de Políticas Públicas e Inclusão Produtiva” APOIO: Programa de Pós-graduação em Planejamento e Governança Pública (PGP – UTFPR) Programa de Pós-graduação em Tecnologia (PPGTE – UTFPR) Departamento de Gestão e Economia (DAGEE - UTFPR)

www.soucidadão.com 10

Sou Cidadão – Informativo nº4 – Junho de 2012

Informativo Soucidadao 4  

Soucidadao

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you