Page 1

Companhia do Bem

Companhia do Bem

Plano de Neg贸cios Estruturando o nosso Bem

2012

Rua itupava 1299 cj 312, Alto da Gl贸ria - Curitiba / PR


Missão: Estabelecer, mediante a consolidação de rede local existente em Curitiba e Região, uma estrutura empreendedora fornecedora de subsídios teóricos e práticos, metodológicos e logísticos, capazes de dinamizar as inter-relações internas e processos de oferta de serviços e produtos de forma colaborativa. Visão: Ser um instrumento unificador das diferentes frentes empreendedoras da rede Companhia do Bem, dando-lhes maior amplitude e visibilidade com fins na projeção das iniciativas individuais vinculadas a um portfólio colaborativo, criando uma Gestão Estrutural horizontal, participativa e dinâmica, utilizando-se da Economia Solidária e Criativa para resolução de entraves produtivos e operacionais. Valores: Acreditamos que o Bem que buscamos refere-se à Vida, sob todos os aspectos e dimensões da Saúde, Arte e Educação, permeando o direito ao trabalho e sua justa remuneração, a alimentação de qualidade, a família, a partilha e o Bem Viver. A rede também trabalha para evidenciar valores estéticos, ligados a sensibilidade do Ser, fundamentados nos pilares da prudência, justiça, força coletiva e temperança. Visando assim, valorizar o intelecto criativo presente em cada integrante da rede, dando a estes, ambiente, metodologia e elementos que fomentam a produção inovadora das atividades desenvolvidas inserindo assim novos elementos de intercâmbio produtivo. Por fim, entendemos ser, no pleno exercício e na justa aplicação dos valores éticos e morais, dinamizados pelo trabalho em grupo, que se forma o homem honesto, virtuoso, cumpridor de seus deveres, como profissional e como cidadão. Estamos vinculados as práticas de consumo consciente, responsabilidade social e produção agroecológica livre de agrotóxicos e transgênicos, alinhados com os movimentos de reforma agrária, e movimentos sociais que promovam o bem estar social e a transição, na prática, da lógica de consumo degenerativo dos bens naturais, promovendo a Economia Solidária de modo criativo. Objetivos: Criar uma plataforma de vínculos, diálogos e intercâmbio de produtos e serviços, estruturados de forma autogestionada, gerando assim uma rede integrada com portfólio colaborativo de especialidades dos integrantes, desenvolvendo uma base virtual de dados interligados, diminuindo assim as distâncias entre ofertas e demandas dentro da rede, criando corporativamente um selo de qualidade e confiança; • Ofertar uma cesta de produtos integrados, aonde consumidor tem a possibilidade de selecionar via internet ou através de um dos pontos de comercialização da rede os produtos que serão incluídos na cesta. • Dar aos contratantes de serviços específicos individuais, as facilidades do vínculo de trabalho colaborativo, pois no portfólio de serviços ofertados, pode se encontrar profissionais das mais diversas áreas que dialogam com os processos de Economia Solidária de forma criativa. • Fomentar os coletivos de Produtores Culturais e Empreendedores Sociais, que tenham a capacidade de modelar propostas, idéias e projetos, para confluir as iniciativas, com potencial de disponibilizar subsídios infraestruturais, jurídicos, logísticos e de planejamento.


Impacto Social: Aos participantes da rede e vínculos próximos, a estrutura visa criar relações produtivas e econômicas, sanando demandas individuais e de coletivos, dando a estes potencial de usufruir de benefícios empresariais, como plano médico, assistência jurídica, auxílio desemprego e acesso a linhas de crédito. Clientes Internos: - Consolidação de uma sub-rede de economia solidária: armazenagem, logística, comercialização, venda, banco de dados, mutirões solidários. - Suporte administrativo: CNPJ, burocrático, consultoria contábil, jurídica, direcionamento estratégico, marketing, logística, consultoria técnica. - Consolidação de uma sub-rede de contatos de organizações e profissionais - Capacitação e formação ética dos membros: oferecer cursos e vivências para que os membros entendam e sejam capazes de passar adiante a importância dos temas abordados pelo grupo. Clientes Externos: - Mix de Produtos e Serviços (possibilita atuar em várias frentes conforme a necessidade do cliente, exemplo: integrar agroecologia a pedagogia, a alimentação consciente) - Credibilidade ( visto que todos os serviços levarão o selo) Mercado: Rede Companhia do Bem, Associação de Consumidores de Orgânicos (CAOPA), integrantes da Economia Solidária e de sua respectiva feira. Fornecedores: Produtos de integrantes da Rede Companhia do Bem, Associação de Orgânicos (AOPA), produtores vinculados a Rede ECOVIDA, Produtos da Reforma Agrária através da Via Campesina, participantes da rede de Economia Solidária local. Concorrentes: Aldeia Coowork, Hub Escola.


CONJUNTURA ESTRUTURAL:

Estruturando o nosso Bem


Plano de Negócios - CIA DO BEM  

modelo teste #1

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you