Issuu on Google+

O Praiense

B O L E T I M

I N F O R M A T I V O

D A

U . C . R . D .

P R A I E N S E

E-mail: ucrdpraiense@gmail.com

E D I Ç Ã O Rua Principal, n.º 219 Praias do Sado 2910-345 Setubal Tel/Fax: 265718141

P Á G I N A B L O G U E :

N . 5

A B R I L

O F I C I A L : W W W . U C R D P R A I E N S E . C O M U C R D P R A I E N S E . B L O G S P O T . C O M

D E

2 0 0 8

D I S T R I B U I Ç Ã O G R A T U I T A

26.º Concurso do Vestido de Chita Conselho Editorial: Direcção UCRD Praiense Redacção: Vasco Silva

NESTA EDIÇÃO: Marchas Popu-

2

lares 2.º Concurso de 2 Fotografia Mês da Juventu- 2 de Noite da Ribal-

2

A União Praiense leva a cabo mais uma edição do tradicional Concurso do Vestido de Chita. Esta que é uma referência da actividade desenvolvida por esta Colectividade, continua a atrair jovens, crianças e costureiras para a criação de modelos originais tendo por base um tecido modesto, a chita.

alguma dificuldade, tecidos mui- e Danças Hip Hop da União to semelhantes com os tradi- Praiense. cionais padrões de bolinhas e cornucópias de várias cores.

A par do Concurso haverá um desfile infantil para crianças com menos de 13 anos. O evento conta ainda com a participação especial de Sabrina (representante portuguesa no Eurofestival da Canção de Este tecido praticamente já 2007), Vítor Hollywood, Tuna não é produzido, podendo “TASCA”, Maria João, Rodrigo encontrar-se, embora com Manuel, Danças da APPACDM

Assembleia-Geral de Sócios dia 10 de Maio

ta Academia de

3

Andebol Atletismo

3

Reunião sobre

4

encerramento Nó Variante À conversa com … Miguel Carvalho

4

No próximo dia 10 de Maio (Sábado), pelas 21 horas, irá ocorrer uma AssembleiaGeral de Sócios ordinária no pavilhão do Praiense com a seguinte ordem de trabalhos:

reçam na referida Assembleia a fim de participarem activamente na vida desta Colectividade.

A participação dos Sócios nestas Assembleias nos últi1) Apresentação e votação mos tempos tem sido marcado Relatório e Contas da pelo reduzido número de relativo ao segundo comparências o que afecta a semestre do ano de 2007. vitalidade e dinâmica de desenvolvimento que se pre2) Diversos. tende incutir na União Praiense. O Presidente da AssembleiaVem debater os assuntos da Geral, Óscar Santos, apela a tua Colectividade na sede todos os Sócios que compaprópria para o efeito.

Comparece! Não deixes que os outros decidam por ti! A tua presença é fundamental!


CULT URA

Marchas Populares 2008 Como vem sendo habitual nos últimos anos, a União Praiense participa uma vez mais nas Marchas Populares de Setúbal.

Marchas de Setúbal 2007 na Praça de Touros Carlos Relvas

Os trabalhos de preparação da Marcha estão a decorrer de acordo com o planeado, sob orientação de Francisco Branquinho. Apesar de ainda muito jovem, o encenador da Marcha do Praiense possui uma larga experiência na preparação de Marchas de

grande qualidade, tendo obtido diversos prémios. Francisco Branquinho conta ainda com a colaboração de Bruno Frazão, outro jovem de grande talento e com provas dadas neste tipo de certames. Os Marchantes e restante equipa sentem-se bastante motivados e esperançados com a obtenção de bons resultados.

Uma palavra de apreço para todas as pessoas que se encontram a ajudar a Marcha do Praiense com o seu trabalho voluntário e gratuito, com particular destaque para as costureiras, serralheiros, etc. A Madrinha da Marcha continua a ser a Maria João. Se queres participar na Marcha do Praiense não hesites em aparecer!!!

2.º Concurso de Fotografia

Cartaz do 2.º Concurso de Fotografia União Praiense / Clube de Fotografia de Setúbal

A União Praiense, em colaboração com o Clube de Fotografia de Setúbal, estão a desenvolver o 2.º Concurso de Fotografia, este ano subordinado ao tema “Água - Todo o ano, Todos os Dias, Para Todos”, e com o patrocínio da empresa Águas do Sado. Pretende-se com este con-

curso premiar a criatividade, a originalidade, a qualidade técnica e as fotografias que melhor interpretarem o tema do Concurso, realçando o papel que a água desempenha nas nossas vidas em diferentes vertentes. O período para a recepção das fotografias termina no dia 30 de Abril. A exposi-

Mês da Juventude

Palestra “Os Jovens, o Desporto e a Família”

O

A União Praiense associou-se uma vez mais ao m@rço.28 com a realização de diversas actividades:

• A 16 de Março realizouse um passeio de BTT pelo Estuário do Sado, com a participação de cerca de 50 pessoas.

• A 8 de Março o pavilhão do Praiense acolheu a 1.ª eliminatória do 4.º Concurso de Bandas de Garagem de Setúbal, na qual se apurou a banda Mons Lvnae de Cascais.

• A 20 de Março realizouse um debate sobre o tema “Os Jovens, o Desporto e a Família”

P RA IENSE

• De 27 a 29 Março - II Mostra Associativismo Jovem

ção das fotografias admitidas estará patente no pavilhão da União Praiense nos dias 17 e 18 de Maio. A cerimónia de entrega dos prémios decorrerá no primeiro dia da Exposição. As fotografias serão posteriormente expostas noutros locais da Cidade de Setúbal.

Noite da Ribalta No passado dia 5 de Abril a União Praiense levou a cena a “Noite da Ribalta”, um espectáculo pontuado por momentos musicais, poesia, teatro, humor e dança. Este espectáculo, encenado por Mário Pinela, contou com a participação dos artistas Rodrigo Manuel e Cármen de Matos.

P ÁGINA

2


EDIÇÃ O

N.5

DESP ORT O

Academia de Andebol do Praiense A Academia de Andebol do Praiense conta actualmente com cerca de 60 atletas provenientes de Praias do Sado, Faralhão e de vários bairros da Cidade de Setúbal. As equipas masculinas e femininas dos diferentes escalões encontram-se a competir em diversos campeonatos: • Juvenis Masculinos e Femininos - Campeonato Nacional de 1.ª Divisão. • Iniciadas Femininas - Campeonato Nacional de 2.ª Divisão e Campeonato Regional. • Infantis Masculinos - Campeonato

Nacional de 1.ª Divisão. De referir que a equipa de Juvenis Femininas participaram no 1.º Torneio Internacional de Andebol do Seixal, tendo obtido o honroso 4.º lugar. Ainda a título de curiosidade, destaca-se que a União Praiense é o único clube no Concelho de Setúbal com Andebol Feminino e que a atleta Ellen Magalhães é a melhor marcadora nacional na categoria de Juvenis. Todavia, a continuidade deste Projecto está dependente da angariação de apoios monetários para fazer face aos gastos elevados.

Atletismo do Praiense arrecada vitórias A Secção de Atletismo da União Praiense tem alcançado excelentes resultados nas provas em que os seus atletas têm participado.

pelo segundo ano consecutivo o 1º Lugar. O percurso com 19.500 metros foi percorrido no tempo de 1hora, 3 minutos e 25 segundos.

De salientar que a equipa de atletismo do Praiense participou na 21ª Estafeta da Zona Industrial de Setúbal organizado pelo INATEL - Delegação de Setúbal tendo alcançado

O nosso atleta Luís Cabral foi o vencedor absoluto da edição 2008 da Vivicitá, a prova internacional de estrada, aberta a todos os atletas, que se realiza em várias cidades europeias,

percorrendo os 12 Km do percurso setubalense no tempo de 39 minutos e 5 segundos, tendo o nosso atleta Yon Santos culminado na 5ª posição com 42 minutos e 53 segundos. Parabéns a todos e continuem a engrandecer o nome da União Praiense nesta modalidade!

Atleta Luís Cabral

Pagamento de quotas Todas as 3.ªas Feiras, a partir das Carlos Zuzarte, junto do qual deve21.30h, os Sócios podem deslocar-se rão regularizar a vossa situação. ao 1.º andar do pavilhão da União A União Praiense conta Praiense para proceder à actualização contigo!!! das fichas de sócio ou pedir alguma informação sobre as actividades Faz-te Sócio! Regulariza o desenvolvidas por esta Colectividade. O cobrador oficial das quotas é o Sr.

O

P RA IENSE

pagamento das tuas quotas!

P ÁGINA

3


APOIOS:

Variante Alto da Guerra/Mitrena - encerramento do acesso em Praias do Sado No passado dia 15 de Abril o pavilhão do Praiense acolheu uma sessão de esclarecimento sobre o encerramento do nó de acesso/saída à Variante Alto da Guerra/Mitrena em Praias do Sado. Esta sessão contou com a representação das Estradas de Portugal, da Câmara Municipal de Setúbal, da Junta de Freguesia do Sado e do Movimento Pró-Acesso das Praias do Sado. Na assistência estiveram mais de 200 cidadãos da freguesia do Sado que contestaram o encerramento deste acesso. Nos próximos dias irão decorrer reuniões de trabalho entre a Estradas de Portugal e representantes da população para se encontrar uma solução para este problema. Valeu a pena o esforço!!!

“Casa cheia” para protestar contra o encerramento do acesso à Variante

À conversa com… Miguel Carvalho bém como treinador dos infantis. PRA: O que te atrai numa Colectividade como esta?

Nome: Miguel Carvalho Idade: 16 anos Profissão: Estudante Sócio da U.C.R.D. Praiense

O Praiense (PRA): Há quanto tempo estás ligado à União Praiense? MC: A minha ligação a esta Colectividade remonta há alguns anos atrás, quando comecei a participar nos Jogos Juvenis. Há 3 anos comecei a participar nas Marchas do Praiense e no ano passado integrei o projecto da Academia de Andebol enquanto jogador e mais tarde tam-

MC: Para além do desporto que pratico, e que gosto bastante, destaco o convívio que tenho com várias pessoas, desde atletas, treinadores, dirigentes e outros sócios que estão envolvidos nas actividades da União Praiense, assim como os muitos amigos que fui fazendo aqui ultimamente. PRA: O que achas que deveria ser feito para melhorar a oferta de serviços aos sócios? MC: Em primeiro lugar acho que deveríamos abrir novamente o Bar, com uma decoração agradável para que os sócios se sintam atraídos em frequentá-

lo. Este é uma importante fonte de receitas para esta Colectividade. Deveriam ser criados postos de Internet para se fazerem jogos em rede; torneios de Ping-Pong e continuar com os torneios de Sueca. PRA: Como avalias o Projecto do Andebol do Praiense? MC: É um projecto de sucesso. O Praiense é um dos 3 clubes no Concelho com esta modalidade e o único com equipa feminina. Todavia, são necessários patrocínios, mais atletas e treinadores, meios de transporte próprios, ter um pavilhão fixo para os treinos e um maior envolvimento de alguns dos dirigentes do Praiense com responsabilidades neste Projecto. Gostaria, por último, de agradecer à União Praiense pelo que tem feito em prol dos jovens, ao Carlos Mata e em especial ao Paulo Gato por se preocupar connosco como um pai.


Boletim N.º 5