Page 1

arquitetura + urbanismo


CASA ESTÚDIO CASA DE CAMPO ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL

INTERVENÇÃO MERCADO CARLOS DE PINA PROJETO INTEGRADO URBANÍSTICO ARQUITETÔNICO


Perspectiva Externa


Perspectiva Externa


Perspectiva Interna


Perspectiva Externa


Perspectiva Interna Interna Perspectiva


Anápolis cresceu radialmente até meados de 1930 e com o surgimento da ferrovia em 1935, o traçado e a expansão urbana seguiram as linhas do trem. Em função dos trilhos e do desenvolvimento industrial, a cidade apresentou crescimento urbano descontínuo, com ocupação mais aberta e espalhada pelo território. A criação do DAIA em 1970, aliado a ferrovia impulsionou o crescimento da cidade em sua direção, abrigando os trabalhadores do novo distrito, criando um novo polo de crescimento. A partir de 1980 há a formação de bairros nas zonas periféricas da cidade, distante do processo inicial de expansão da cidade. As principais avenidas da cidade funcionam como linhas de crescimento catalisando a criação dos novos agrupamentos. Com bifurcação da GO-060 inicia-se a avenida Pedro Ludovico, único acesso à área de intervenção, localizada nos setores Novo Paraíso, Vila São João, Bairro são Joaquim, Jardim Calixto e setor Pedro Ludovico. A análise parte da sobreposição das vias principais da cidade, áreas de crescimento dos anos 40 á 60 e de 70 á 80 e o traçado viário dessas áreas de crescimento. Nota-se portanto que há uma diferença nítida do traçado entre a área do centro que se desenvolveu primeiro, e a área de análise, que é mais recente. O desenvolvimento em épocas diferentes causou um isolamento das áreas da periferia (a avenida Pedro Ludovico não chega diretamente ao centro) gerando novas centralidades para atender as áreas ao redor. A área de intervenção é resultado de uma ocupação mais recente datando de 1970, e se encontra afastada do centro da cidade. A região possui vegetação e topografia como barreiras ao crescimento do bairro, no qual força o adensamento e crescimento de forma desordenada com desenho irregular, ao contrario da área central, que teve um formação mais regular e quadrangular. O espaço urbano criado teve como objetivo proporcionar aos moradores da região espaços de convívio e respiro verde, bem como edifícios culturais, de lazer e habitacionais. Este último visou abastecer aqueles que deram espaço para o respiro do setor. A comunicação existente entre o caminho verde até a chegada no parque (determinadora do limite da área de intervenção) permite perceber que há uma unicidade no projeto, ou seja, há uma complementariedade tanto de espaços verdes quanto de edificações e pavimentações.

Rede de água Rede de água e esgoto Sem rede de água ou esgoto Vazio

Zona bastante adensada sem infraestrutura enquanto áreas vazias se concentram nos locais que recebem uma maior infraestrutura urbana.

Cordão de centralidades forma um percurso na área, e atrai pessoas para a região, aumentando a relação do publico x privado

AVENIDA PEDRO LUDOVICO PRAÇA CENTRO DE SAÚDE

CONDOMÍNIO PORTO RICO

IGREJA

HOSPITAL IDOSO

Eixo de potencialidade verde associado com áreas de vazios urbanos, favorecendo a existência de espaços capazes de fornecer convívio para os moradores do entorno.

O Estudo leva a divisão em 3 zonas com potencialidades e problemas a serem fortalecidos e resolvidos.

1 CULTURAL E HABITACIONAL

2 REESTRUTURAÇÃO

3 AMBIENTAL

NOVA CENTRALIDADE


Perspectiva Externa


Perspectiva Externa


Perspectiva Externa


IMPLANTAÇÃO

A sociedade contemporânea traz consigo novos arranjos familiares. Hoje não se pode mais falar em um modelo ideal de família, mas em composições diversificados que vão surgindo ao longo do tempo. O estudo para as habitações parte da análise das necessidades da população que será realocada para o novo empreendimento, e os possíveis novos moradores que podem se deslocar para a região, retomando sempre a questão dos novos arranjos familiares. O estudo leva a decisão de construção de 200 habitações, pensando na realocação de famílias e na chegada de novos moradores, foi pensado em três tipologias habitacionais: 35m², 70m² e 105m².

Criação de Platôs escalonados

Rampas de acesso, sugerindo percurso

Disposição dos módulos, quanto a ventilação

Adição de mais módulos pensando nos novos moradores

Corte Transversal


Tipologias


Implantação

Corte Longitudinal


Portfólio de Arquitetura - Lucas Teófilo  
Portfólio de Arquitetura - Lucas Teófilo  
Advertisement