Page 1


LUC

ES ARQUIT

APRESENTAÇÃO


CAS RAUPP

STUDANTE DE EURA E URBANISMO


PROJETOS


CASA BRITTO

ANEXO CASA LEMKE

C.C.Z.P

ESCOLA MEU AMIGUINHO


INTRODUÇÃO AO PROJETO ARQUITETÔNICO Prof: TARCÍSIO DA LUZ REIS

CASA BRITTO O PROJETO CONSISTE NA CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA RESIDÊNCIA PARA UMA FAMÍLIA COM A QUAL OS ALUNOS PUDESSEM TER CONTATO. DESSA FORMA, TANTO O TERRENO PARA ONDE A NOVA MORADIA É PROPOSTA COMO AS NECESSIDADES DOS FUTUROS MORADORES SÃO REAIS. NESSE CASO, O TERRENO ENCONTRASE EM CACHOEIRINHA, RS E A FAMÍLIA CONSISTE NUM CASAL DE JOVENS COM APENAS UMA FILHA. DENTRE AS EXIGÊNCIAS DO CASAL, DESTACA-SE A CRIAÇÃO DE UM NOVO DORMITÓRIO PARA VISITAS, UM ATELIER PARA ARTESANATOS, UMA GARAGEM PARA DOIS CARRO E UM ESPAÇO DE CONVIVÊNCIA AMPLO COM CONEXÃO COM A COZINHA.. DESSA FORMA, ADOTOU-SE UMA SOLUÇÃO DE DOIS VOLUMES CONECTADOS QUE POSSIBILITAM UM MELHOR ZONEMANTO POR NÍVEIS DE PRIVACIDADE, VENTILAÇÃO CRUZADA, ILUMINAÇÃO E VISTAS AGRADÁVEIS PARA TODO O PROJETO.


planta baixa do primeiro e segundo pavimento, respectivamente


PROJETO I 2016/2

Prof: EDSON MAHFUZ

PROJETO INTERMEDIÁRIO

ANEXO CASA LEMKE

PROEJTO DE MIES VAN DER ROHE, A CASA LEMKE FOI CONCEBIDA EM 1933 PARA O CASAL LEMKE, EM BERLIM, ALEMANHA. DEVIDO A SUA IMPORTÂNCIA, FOI DECLADO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DA ALEMANHA EM 197 7. COMO ATIVIDADE INTERMEDIÁRIA, FOI PROSPOSTO QUE DESENVOLVESSEMOS UM ANEXO PARA A CASA LEMKE. O OBJETIVO ERA CRIAR UM ESPAÇO DESTINADO A VISITANTES QUE POSSUÍSSE OS SEGUINTES AMBIENTES: UMA SALA DE ESTAR, UM QUARTO, UM ESCRITÓRIO E UM ESTAR EXTERNO COM PERGOLADO E PISCINA. ALÉM DISSO, O PROJETO DEVERIA TER NO MÍNIMO 40M2 E NO MÁXIMO 80M2. BUSCOU-SE ESTABELECER RELAÇÕES FORMAIS QUE RESPEITASSEM A PRÉ EXISTÊNCIA. ATRAVÉS DE ALINHAMENTOS DE RECUOS E ALTURAS, A VOLUMETRIA DA PROPOSTA PARA O ANEXO FOI DESENVOLVIDA.


planta baixa do anexo (à esquerda) e da casa lemke (à direita)


O

PRINCIPAL OBJETIVO DO PROJETO FOI RESPEITAR A EDIFICAÇÃO EXISTENTE E SUA IMPORTÂNCIA HISTÓRICA. PARA ISSO, NENHUMA ALTERAÇÃO FOI FEITA NA CASA LEMKE E O ANEXO NÃO BUSCA CHAMAR ATENÇÃO, POIS ASSUMIU-SE QUE O REAL PROTAGONISTA, NESTE CASO, É A PREEXISTÊNCIA. SENDO ASSIM, BUSCOU-SE DIFERENCIAR O NOVO DO ANTIGO ATRAVÉS DO EMPREGO DE MATERIAIS DIFERENTES E POUCO CHAMATIVOS. ALÉM DISSO, A TRANSPARÊNCIA FOI OUTRA IMPORTANTE CARACTERÍSTICA PROPOSTA PARA O ANEXO PARA DEIXÁ-LO MAIS DISCRETO.


PROJETO I 2016/2

Prof: EDSON MAHFUZ

CENTRO COMUNITÁRIO ZUMBI DOS PALMARES

O EXERCÍCIO CONSISTE NO PROJETO DE UM CENTRO COMUNITÁRIO COMPOSTO DE PRAÇA PÚBLICA, SALÃO DE EVENTOS, BIBLIOTECA, BAR-CAFÉ, E APOIOS, EM TERRENO DENOMINADO LARGO ZUMBI DOS PALMARES, ÁREA ATUALMENTE SEM TRATAMENTO PAISAGÍSTICO. O TERRENO É DEFINIDO PELA AV. LOUREIRO DA SILVA, RUA JOSÉ DO PATROCÍNIO, TRAVESSA DO CARMO E RUA JOÃO ALFREDO, TENDO UMA ÁREA DE 10.942,91 M2. A NATUREZA DO EXERCÍCIO É O PROJETO DE ARQUITETURA EM SENTIDO AMPLO, INCLUINDO A EDIFICAÇÃO E ESPAÇO ABERTO COMO PARTES INDISSOCIÁVEIS DE UM TODO. ASSIM, FOI DESENVOLVIDO UM EDIFÍCIO PARA UM CENTRO COMUNITÁRIO, O PAISAGISMO DO TERRENO EM QUE SERÁ IMPLANTADO, INCLUINDO O PASSEIO PÚBLICO, INTEGRANDO O PROJETO COM O ENTORNO IMEDIATO E CIRCUNDANTE.


proposta da praça para o largo do zumbi dos palmares


S

UBJACENTE AO EXERCÍCIO ESTÁ A IDEIA DE QUE CRIAR FORMA EM ARQUITETURA E URBANISMO É ESTABELECER RELAÇÕES INTENCIONADAS E SIGNIFICATIVAS ENTRE AS VÁRIAS PARTES DO CONJUNTO, EM TODAS AS ESCALAS ENVOLVIDAS. SENDO ASSIM, OS PROJETOS TANTO ARQUITETÔNICO QUANTO URBANÍSTICO APRESENTAM RELAÇÕES DE ALINHAMENTO E PROPORÇÕES COM SEU ENTORNO IMEDIATO CONFORMANDO, PORTANTO, UM GRANDE ESPAÇO PLANEJADO ATRAVÉS DE CONEXÕES FORMAIS MATERIALIZADAS NO AMBIENTE PROPOSTO.


planta baixa do primeiro e segundo pavimento, respectivamente


PROJETO II 2017/1

Prof: ANA ELÍSIA COSTA

AUTORES: HENRIQUE CLEZAR, JULIA FERRIGOLO, LUCAS RAUPP

ESCOLA MEU AMIGUINHO

O PROJETO CONSISTE NA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO DA PRAÇA BARTOLOMEU DE GUSMÃO, CONHECIDA COMO PRAÇA FLORIDA, QUE FICA SITUADA NO BAIRRO FLORESTA, NA CIDADE DE PORTO ALEGRE. A PRAÇA ABRIGA A ESCOLA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL MEU AMIGUINHO, OBJETO DE ESTUDO PARA A CONCEPÇÃO DA PROPOSTA ARQUITETÔNICA. A PARTIR DO CONHECIMNETO DA REGIÃO, COMUNIDADE E POTENCIALIDADES, BUSCAMOS EXPLORAR A INTEGRAÇÃO DA DIVERSIDADE DOS USUÁRIOS. O OBJETIVO PARA A ESCOLA É DE PROPORCIONAR, ATRAVÉS DE SOLUÇÕES ARQUITETÔNICAS,EXPERIÊNCIAS SENSORIAIS PARA COLABORAR COM O APRENDIZADO DAS CRIANÇAS.


O BAIRRO FLORESTA FAZ PARTE DE UM TOTAL DE 6 BAIRROS QUE COMPÕEM O CHAMADO DISTRITO C. O DISTRITO C É UMA ÁREA DE CONFIGURAÇÃO ESPONTÂNEA, NÃO POSSUI UM PERÍMETRO RÍGIDO E ESTÁ SITUADO NA PARTE OESTE DO QUARTO DISTRITO; ESTÁ VIVENDO UM PROCESSO DE RECUPERAÇÃO, PARTINDO DE UM PROJETO DA INDÚSTRIA CRIATIVA, REQUALIFICANDO O ESPAÇO, DE MODO QUE, A ZONA HISTORICAMENTE IMPORTANTE PARA A O URBANISMO DE PORTO ALEGRE VOLTE A SER ÂNCORA PARA A CIDADE. A PROPOSTA TRAZIDA PELA INDÚSTRIA CRIATIVA TEM POTENCIAL PARA SER BEM SUCEDIDA, POIS BUSCA DIALOGAR COM A CULTURA LOCAL.


CENTRO DE APOIO


O CONCEITO DE INTERVENÇÃO É UMA TENTATIVA DE AGIR SOBRE A NOVA GERAÇÃO, AFIM DE INTEGRAR A SOCIEDADE. A COMUNIDADE DO BAIRRO FLORESTA ENCONTRASE NUM PROCESSO DE SEGREGAÇÃO, DIVIDINDO-SE EM TRÊS GRANDES GRUPOS (MORADORES DE RUA, CRIANÇAS E MORADORES DO BAIRRO) QUE NÃO SE RELACIONAM, E O PROJETO TEM COMO OBJETIVO PROPORCIONAR ESPAÇOS QUE POTENCIALIZEM A INTERAÇÃO DOS GRUPOS, GERANDO TROCAS DE EXPERIÊNCIAS E RUPTURA DE PRECONCEITOS. PARA TAL, PROPÕE-SE UM CENTRO DE APOIO PARA OS MORADORES DE RUA PERTO DA PRAÇA, UMA HORTA COMUNITÁRIA E ESPAÇOS DE LAZER PARA TODA COMUNIDADE.


planta baixa do primeiro e segundo pavimento, respectivamente


ADOTOU-SE O CONCEITO PEDAGÓGICO REGGIO EMILIA. METODOLOGIA QUE ESTIMULA A INTERAÇÃO ENTRE OS ALUNOS E O APRENDIZADO SENSORIAL POR MEIO DA INTERDISCIPLINARIEDADE EM TEMÁTICAS COTIDIANAS, COMO NA CULINÁRIA, VEGETAÇÃO, CONEXÃO COM A NATUREZA E SEUS DIFERENTES PONTOS DE VISTA. DESSA FORMA, BUSCAMOS FORMALIZAR, NA PROPOSTA ARQUITETÔNICA, OS PRECEITOS DA REGGIO EMILIA ATRAVÉS DO USO DE GRANDES ABERTURAS PARA UM AMBIENTE EXTERNO COM VEGETAÇÃO ABUNDANTE, DANDO A DEVIDA IMPORTÂNCIA PARA O REFEITÓRIO COMO FERRAMENTA DE APRENDIZADO E CRIANDO DIVERSOS ESPAÇOS FLEXÍVEIS PARA A REALIZAÇÃO DE DIFERENTES ATIVIDADES.


obrigado pela atenção


Portfólio - Lucas Raupp  
Portfólio - Lucas Raupp  
Advertisement