Page 354

deleitando-se com os versos rápidos e com o entrechocar das lanças imaginárias. Quando chegou nas linhas: O lanceiro teimoso ainda resistia Na floresta escura, impenetrável,

Anne parou extasiada para fechar os olhos e se imaginar melhor como um dos lanceiros daquele círculo heróico. Quando os reabriu, viu Diana, que passava pelo portão que dava para o campo dos Barry e caminhava com um ar tão importante que Anne adivinhou imediatamente que ela trazia uma notícia. Porém, ela se conteve, e não manifestou nenhuma curiosidade ansiosa. – Você não acha que esta tarde se parece com um sonho cor de púrpura, Diana? Ela me faz ficar tão feliz por estar viva. Eu sempre acho que não há nada melhor do que as manhãs; mas eu acho ainda mais maravilhoso quando entardece. – A tarde está muito bonita – concordou Diana –, mas, oh, eu tenho grandes notícias, Anne. Adivinha. Você tem três chances. – Charlotte Gillis vai casar na igreja, e a sra. Allan quer que nós a decoremos – gritou Anne. – Não. O noivo de Charlotte não concordou porque até hoje ninguém casou na igreja, e porque ele acha muito parecido com um enterro. É muita maldade da parte dele, porque seria muito divertido. Tente de novo. – A mãe de Jane vai permitir que ela dê uma festa para comemorar o seu aniversário? Diana sacudiu a cabeça, os olhos negros dançando de felicidade. – Não consigo imaginar o que possa ser – disse Anne meio desesperada –, a não ser que Moody Spurgeon MacPherson tenha acompanhado você até em casa depois do encontro religioso ontem à noite. Acompanhou? 354

Profile for lucasportop2

Anne de Green Gables  

Anne de Green Gables  

Advertisement