Page 275

estranho e fantasmagórico gostava, agora lembrava a profecia de uma tempestade e de um desastre para aquela jovenzinha que desejava muito que amanhã fosse um belo dia. Anne achou que a manhã nunca chegaria. Mas todas as coisas chegam ao fim, até as noites antes do dia que você foi convidada para tomar um chá no presbitério. Apesar das previsões de Matthew, o dia amanheceu bonito, e o ânimo de Anne subiu às alturas. – Oh, Marilla, hoje eu sinto algo em mim que me faz amar todas as pessoas que encontro – comentou, enquanto lavava a louça do desjejum. – Você não pode imaginar como estou me sentindo bem! Não seria ótimo se durasse? Eu acho que poderia me tornar uma menina modelo se fosse convidada para tomar chá todos os dias. Mas, oh, Marilla, a ocasião também é solene. Estou tão ansiosa. E se eu não me comportar direito? Você sabe que nunca tomei chá num presbitério antes, e não tenho certeza se conheço todas as regras de etiqueta, apesar de estudar as regras do Boletim do Departamento de Etiqueta da Família desde que cheguei. Estou com tanto medo de fazer uma bobagem ou de esquecer alguma coisa que deveria fazer. Seria de boas maneiras eu me servir pela segunda vez de tudo, se eu desejasse muito? – O problema com você, Anne, é que você pensa demais sobre você mesma. Você deveria pensar na sra. Allan e no que seria melhor e mais agradável para ela – disse Marilla, por uma vez na vida acertando em cheio ao dar um conselho fundamental e muito sensato. Anne entendeu imediatamente. – Você tem razão, Marilla. Eu vou tentar não pensar nem um pouco em mim. Evidentemente a visita de Anne ocorreu sem nenhuma quebra de “etiqueta” mais séria, porque, ao entardecer, ela voltou para casa feliz da vida debaixo de um céu glorioso, vasto e profundo, coberto de rastros de nuvens cor-de-rosa e cor de açafrão, e num estado 275

Profile for lucasportop2

Anne de Green Gables  

Anne de Green Gables