Page 1

ed. 100

play

luanda.com.br/gravata.2017

UM RECORTE DO 25º ENCONTRO EM GRAVATÁ - PE O MAIOR EVENTO DO MERCADO DE MOTOPEÇAS p.28


CONTEÚDO

28 25º ENCONTRO MOTOMAGAZINE GRAVATÁ / PE AUDÁCIA E CONFIANÇA CULMINARAM EM SUCESSO

ARTIGO

12 EMPRESA TRADIÇÃO HÁ MAIS DE 60 ANOS

Seções

EDITORIAL

04

NOTAS

18

MARKETING ESPORTE

08 22

06 Joe Tolezano QUALIDADE ESTÁ NA PERCEPÇÃO DO USUÁRIO

LANÇAMENTOS

14


EDITORIAL Diretoria Osmar Silva José Haroldo G. Santos

Edição 100 - Abril | Maio 2017 Editor Osmar Silva osmar@luanda.com.br Redação Hylario Guerrero (MTB 13.468) Joelma Farias (MTB 78.793) redacao@luanda.com.br joelma.noticia@luanda.com.br Arte Bruno Ricardo Mello dos Santos Diego Igor de Oliveira arte@luanda.com.br

Diretor Comercial José Haroldo G. Santos haroldo@luanda.com.br Publicidade Ana Paula Lima José Rubens Bizarro Michele Silva vendas@luanda.com.br Skype: luandaeditores Administração Denis Jorge Thais Gonçalves luanda@luanda.com.br Jurídico Dra. Adriana Carla Gomes P. Silva Assessoria Gráfica PavaPrint Impressão AGNS Endereço Rua Joaquim de Almeida Moraes, 273 Jd. Magali - CEP: 02844-000 São Paulo/ SP - Brasil Tel.: + 55 (11) 3461-8400/ 3461-8401

www.luanda.com.br

Representante em Taiwan PRO MEDIA COMPANY LIMITED 500 彰化市公園路 一段 258 巷 8 號 6 樓 樓 6F., No.8, Ln. 258, Sec. 1, Gongyuan Rd., Changhua City, Changhua County 500, Taiwan Tel:+886-4-726 4437 Fax:+886-4-728 4657 www.motopromedia.com e.: promedia7@xuite.net info@motopromedia.com

Sensação muito gostosa é a de receber comentários com elogios a uma iniciativa que assumimos correndo riscos ao alterar algo que de alguma forma encontrava-se já estabilizado e reconhecido como de boa qualidade e provocador de bons resultados. Mas o importante mesmo é saber que mais uma vez conseguimos fazer valer a verba aplicada pelo cliente em nosso evento. Vê-los satisfeitos em ter participado, pois de uma forma ou de outra, atingiram os seus objetivos. Sabemos que é nossa obrigação primar pela busca da eficiência, oferecer oportunidades concretas para todos os envolvidos no processo. Não só os vendedores, no caso os expositores. Também os visitantes que aquiesceram ao nosso convite. Eles todos lá estiveram em busca de oportunidades comerciais, melhores produtos nacionais ou importados, com ofertas diferenciadas de preços e condições para pagamentos. Os bons negócios começam sempre por boas compras. A maioria declarou estar plenamente convencida da utilidade do evento como promotor de oportunidades de compra ou venda, gerando o começo de tratativas com esta finalidade. A aproximação das interfaces do segmento sem nenhum subterfúgio. A provocação de diálogos férteis para todos. De outro lado, há também os nossos fornecedores. Hotéis e montadores da mostra, entre outros. Criamos uma nova perspectiva de fornecimento de hospedagens e, consequentemente, a alocação de mão de obra no período. Isto em um momento no qual as estatísticas evidenciam o fechamento de postos de trabalho. São aproximadamente 13 milhões de desempregados em todo o país. Contribuímos certamente para a diminuição destes números, mesmo que temporariamente ou terceirizados. Ter uma empresa é também ter objetivos sociais, não só auferir lucro. Quando iniciamos a nossa trajetória neste segmento, tínhamos muitos outros componentes oferecendo a suas expertises, com mais ou menos experiências reais. Não nos intimidamos porque sabíamos que éramos capazes e estávamos trazendo uma nova alternativa válida para todos quantos acreditassem em nosso potencial. Seguimos com a nossa missão, sabedores que a cada dia seremos desafiados a melhorar nossos desempenhos, ofertas e criação de novas opções que permitam aos nossos parceiros aperfeiçoarem seus resultados. Esta nossa revista chega a edição de número 100. Número redondo de edições que iniciamos em 2003. Os nossos agradecimentos a todos aqueles que estiveram conosco nestes tempos. Sofridos em algumas épocas, lutando para obtermos reconhecimento de nossas qualidades e atributos, e felizes por termos chegado até aqui, onde grande parte do setor nos vê com bons olhos. Fica a promessa de trabalharmos incessantemente para aumentarmos nossos índices de aprovação junto ao segmento. Todos nós

A revista Motomagazine aceita matérias técnicas como colaboração para divulgação de projetos, trabalhos, novos produtos, etc. Os artigos deverão vir acompanhados de fotos ilustrativas com as respectivas legendas e curriculum do autor. A revista não se reponsabiliza por opiniões e artigos assinados que podem ou não expressar a mesma opinião do editor. As opiniões emitidas em artigos assinados são de responsabilidade do autor. A motomagazine não se responsabiliza pelo conteúdo dos anúncios veiculados, nem por aquisições em função destes. Todos os direitos reservados, sendo proibida a reprodução total ou parcial, por qualquer meio, sob pena de procedimentos legais. A revista Motomagazine é uma publicação bimestral da Luanda Editores Associados LTDA., e tem sua marca registrada no INPI sob o número 820.994.286.

Edição 01 - ano 2003


QUALIDADE ESTÁ NA PERCEPÇÃO DO USUÁRIO O que é qualidade? O estatístico William Deming dizia que é tudo aquilo que melhora o produto do ponto de vista do cliente. Já o empresário Philip Crosby defendia que é a conformidade do produto com as suas especificações, enquanto o engenheiro químico Kaoru Ishikawa garantia que é desenvolver, projetar, produzir e comercializar um produto de qualidade que seja mais econômico, mais útil e sempre satisfatório para o consumidor. Sinceramente, a melhor definição encontrada é de um autor desconhecido: “Não sei o que é, mas reconheço quando a vejo”. Qualidade é um conceito bastante subjetivo, que depende muito de quem a percebe. Em termos de benefícios, por exemplo, um voo em uma companhia low cost é infinitamente inferior ao oferecido por uma companhia cinco estrelas, no entanto o custo de seu ticket também é consideravelmente menor. No final, as duas voam e ambas servirão ao mesmo propósito, que é levar e trazer pessoas aos seus destinos. O que muda, aqui, é a percepção de qualidade do usuário. A qualidade evoluiu muito ao longo dos tempos. Dizem até que a evolução começou antes da invenção do dinheiro. Teve início com a necessidade de selecionar os alimentos que eram trocados para que a qualidade do que seria ingerido fosse garantida. Mais recentemente, durante a Segunda Guerra Mundial, a aeronáutica já realizava o controle rigoroso das peças fabricadas. A qualidade, como é conhecida hoje, começou a evoluir lá atrás. Durante a Revolução Industrial, com a chegada de mestres e supervisores, surgia a Era da Inspeção, cujo foco era o produto. Mais adiante, durante a Primeira Guerra Mundial, instituiu-se o conceito do Controle Estatístico com foco no processo. Nascia aí o famoso Controle Estatístico de Processo, o CEP. Já o Controle Total da Qualidade foi criado depois, na Segunda Guerra Mundial. Ali o foco era o sistema. Em seguida, nos idos da Guerra Fria, surgia a Gestão da Garantia Total, a TQM, com foco no negócio. *Joe Tolezano é

Até meados dos anos 1980, existiam somente normas militares como a Defense Standard (DEF.STAN), norma das Forças Armadas sobre os sistemas da qualidade. Foi com o surgimento da ISO 9001 que a qualidade começou a ser normalizada. Vale abrir um parêntese. A sigla ISO se refere à International Organization for Standardization. ISO vem da palavra isonomia, sinônimo de igualdade. A entidade foi criada em 1946, com o fim da Segunda Guerra Mundial, quando representantes de 25 países se reuniram em Londres e decidiram criar nova organização para padronização com o objetivo de "facilitar a coordenação internacional e a unificação de padrões industriais". A entidade não governamental iniciou suas atividades em 23 de fevereiro de 1947 na sede em Genebra, Suíça. Atualmente está presente em cerca de 160 países como Brasil, onde é representada pela Associação Brasileira de Normas Técnicas, a ABNT. Em 1987 surgiu a primeira norma, chamada ISO 9000:1987, que teve base na BS-5750 (British Standard), norma militar de origem britânica. No caso do Brasil, era a NBR ISO 9000:1987, que apresentava a tradução literal do texto original com seus 18 requisitos. Era a primeira de uma família de normas NBR ISO 9000:1987 (9001, 9002, 9003 e 9004) aprovadas. A evolução desta norma ocorreu com a NBR ISO 9001:1994, com foco em ações preventivas, projetos e serviços associados. Uma revisão com nova visão sobre a gestão do sistema de qualidade viria com a NBR ISO 9001:2000, com abordagem por processos e conceito PDCA (do inglês: Plan, Do, Check, Act) aplicado aos processos. Sua próxima versão, a NBR ISO 9001:2008, surgiu com mudanças sutis para melhoria do entendimento. Hoje, as organizações contam com o suporte do IQA (Instituto da Qualidade Automotiva), organismo de certificação acreditado pelo Inmetro, para implementar a nova versão da NBR ISO 9001:2015, que foi totalmente reformulada com enfoque no conceito de Qualidade Holística para uma gestão da qualidade com visão mais abrangente de todo o processo que a envolve. O prazo para realizar a transição é 18 de setembro de 2018. Melhor já começar!

coordenador técnico do IQA – Instituto da Qualidade Automotiva

06

motomagazine


g n i t e mark rápidas de

(01)

(02)

(03)

(04)

08

(01) TEMPORADA 2017 A Kawasaki apresentou oficialmente seus times para a temporada 2017. A marca amplia seus investimentos em competições para o ano e estende seus times oficiais para as categorias MX2 e MX JR nessa temporada. A grande novidade é a equipe chefiada pelo multicampeão Balbi Junior, que se chama Pro Tork 2B KAWASAKI Racing e competirá na categoria MX2, com os paranaenses Pepê Bueno e Leo Souza. (02) DUCATI ENTRA NO MERCADO DE ECONOMIA COMPARTILHADA A fabricante italiana, em parceria com a Class1One, lançou programa fractional ownership. No sistema, são formados grupos que dividem a compra e a manutenção de uma moto. Hoje, quatro modelos estão disponíveis para aquisição: XDiavel, Multistrada Enduro, 1299 Panigale S e Diavel Dark. Um grupo de quatro pessoas compram e compartilham uma 1299 Panigale S. Os custos de manutenção também são divididos de acordo com o número de participantes, que pode variar de dois a dez membros. Para a aquisição o grupo de compradores é transformado em pessoa jurídica. (03) PRIMEIRO TRIMESTRE REGISTRA ESTABILIDADE De acordo com os dados divulgados pela ABRACICLO saíram das linhas de produção 231.381 motocicletas no acumulado de janeiro a março, o que representa uma leve alta de 1,6%, frente às 227.626 unidades fabricadas no mesmo período de 2016. Sob a comparação mensal, março registrou 82.416 motos, expressivo crescimento de 22,4% em relação a fevereiro e de 2,3% contra o mesmo mês do ano passado. Todavia, vale ressaltar que o segundo mês do ano teve quatro dias úteis a menos, por conta das festividades do Carnaval. (04) NOVO PROJETO DE CELIO DOBRUCKI O artista Celio Dobrucki, está com novo projeto inspirado e pensado para mulheres. A primeira motocicleta do projeto é a Tiny Bike, uma bobber inspirada nos anos 70 que remete ao estilo “paz e amor” e ao Festival de Woodstock. A moto traz uma pintura com flores no tanque e no para-lama traseiro. Feita com base em uma Harley-Davidson Sportster 883R ano 2009, a Tiny Bike também tem adaptações feitas por Celio Dobrucki em peças como guidão, tanque de óleo, sissybar, filtro de ar e escapamento.

motomagazine


(05) NOVAS MOTOCICLETAS KYMCO E HAOJUE As fabricantes taiwanesa Kymco e chinesa Haojue abriram suas operações comerciais no mercado brasileiro com o lançamento dos modelos maxi scooter People GT 300i ABS e Downtown 300i ABS (Kymco), e o scooter Lindy 125, a custom compacta Chopper Road 150 e o CUB Nex (equipado com motor de 107 cm³), da Haojue. (06) CANAL “LAQUILA REPAROS” PARA LOJISTAS A Laquila anuncia o canal “Laquila Reparos”. Inserido dentro do site Mercado Livre, o investimento visa ampliar o atendimento ao cliente final quando a demanda é referente ao suporte em peças para reparo. Em determinadas situações, os motociclistas precisam de alguns pequenos reparos e como são peças com pouca procura, muitas vezes, os lojistas não contam com o material em estoque. A Laquila estudou estratégias para sanar esta questão e proporcionar serviço de qualidade com a novidade. (07) KAWASAKI APOSTA EM CONSÓRCIO A fabricante aposta no consórcio para alavancar as vendas este ano. De acordo com a empresa, em 2016, 4.569 novas cotas foram contratadas e o período fechou com 1.256 contemplados. No ano passado, o Consórcio Kawasaki Brasil firmou, em média, 380 contratos por mês. O modelo de negócio cresceu de forma uniforme nos diversos estados do País e alcançou 26% dos contratos e totalizou 1.205 cotas. (08) TRIUMPH FECHA PARCERIA COM PILOTO DUDU COSTA NETO O piloto de motovelocidade Dudu Costa Neto estreia 2017 a bordo da Triumph Daytona 675R. Com apoio da fabricante inglesa, Dudu vai disputar, entre abril e dezembro, as oito etapas do Superbike Brasil. Dudu atua há 18 anos como profissional, tendo disputado diversas categorias no mundo da motovelocidade. Além de utilizar a Daytona 675R no Superbike Brasil, Dudu será parceiro da Triumph ao longo deste ano em diversas ações de marketing e relacionamento com o público da marca. (09) HARLEY-DAVIDSON LANÇA WEBSÉRIE Aprofundando o movimento Dark Custom no Brasil, a fabricante lança exclusivamente para veiculação no Facebook, a websérie ‘Discover More’, em três capítulos. A série é protagonizada por três jovens com estilos de vida diferentes, mas com algo em comum: possuem identidade própria, fogem do convencional e das regras preestabelecidas, mas não deixam de ter uma vida que engloba trabalho, hobbie e pilotar suas motocicletas H-D.

motomagazine

(05)

(06)

(07)

(08)

(09)

09


g n i t e mark rápidas de

(10)

(11)

(12)

(13)

(14)

(10) INDIAN MOTORCYCLE A fabricante americana lança o modelo Chieftain Elite, que terá apenas 350 unidades fabricadas nos Estados Unidos. Com diferenciais na pintura artesanal, rodas de liga leve com 10 raios (aro 19 polegadas na dianteira e 16 polegadas na traseira), iluminação em LED, plataformas feitas em alumínio, além de um potente sistema de som de 200 watts. Porém, a marca traz ao Brasil os primeiros modelos da linha 2017: Springfield, Chief Classic e Chief Vintage. As mudanças ficaram por conta da adoção de novas cores. (11) CAIXA ABRE FINANCIAMENTO PARA MOTOS A Abraciclo e a Caixa Econômica Federal assinaram acordo em São Paulo, para ampliar o financiamento para motocicletas aos consumidores em todo País. As linhas de crédito também serão direcionadas para pessoas jurídicas como pequenos comerciantes. Entidade não divulgou os critérios de avaliação dos candidatos a usar o plano. As motocicletas acima de 150cc terão preferência de financiamento que serão realizados por meio da Caixa aos seus clientes e pelo Banco Pan, ligado ao banco federal. (12) STREET ROD 750 A Harley-Davidson revelou seu novo modelo de entrada da marca, a Street Rod 750, com foco no uso urbano e público jovem. É montada sobre o chassi e motor da Street 750 com alterações visuais mais agressivas e mudanças nas configurações do motor. A nova street tem o motor de 2 cilindros 20% mais potente e com 10% a mais de torque que a versão utilizada para sua montagem no propulsor High Output Revolution X V-Twin de 749 cm³ com freios ABS de série. (13) ROYAL ENFIELD INICIA OPERAÇÃO NO BRASIL A montadora indiana Royal Enfield inicia sua operação própria no Brasil. A marca inaugurou também a sua primeira concessionária brasileira, a Royal Enfield SP, loja localizada em São Paulo. O presidente da empresa, Rudratej Singh, anunciou a estratégia da marca para o mercado nacional. Na linha de montagem da Royal Enfield estão cinco modelos: “retrô street” Classic, a “standard street” Bullet a “café racer” Continental GT, a “cruiser” Thunderbird e a “aventureira” Himalayan. (14) HONDA 150SS RACER CONCEPT O conceito Honda 150SS Racer foi apresentado pela montadora na Tailândia, com visual bastante futurista e trazendo câmera instalada em sua rabeta. A Honda aproveitou o Salão de Bangkok para apresentar a nova motocicleta. Apresentada ainda como conceito e sem grandes detalhes técnicos confirmados, o modelo da nova Honda 150SS Racer tem um toque retrô bastante evidente, inspirado nas clássicas Café Racer.

10

motomagazine


empresa

TRADIÇÃO HÁ MAIS DE 60 ANOS A EMTECORP Importadora está há mais de seis décadas em atividade e traz ao mercado brasileiro produtos com a mais alta qualidade para atender as necessidades de consumidores que buscam a melhor relação custobenefício. Em um segmento que está em constante transformação, a empresa comprova que a tradição fala mais alto Texto: Joelma Farias Fotos: Divulgação

12

O

início de suas operações foi em meados de janeiro de 1954, na cidade de Casa Branca, interior de São Paulo. Com o nome de Emteco, a empresa atuava na importação de tratores, construção pesada, irrigação, rolamentos e esferas de aço e, desde então, tornou-se um bem sucedido negócio de família que já está em sua terceira geração. “A empresa começou com o meu avô em 1954, e depois de uma cisão, a Emteco virou Emtecorp na gestão de meu pai, Luiz Eduardo Dantas de Carvalho, em 2011. O meu pai se aposentou em Fevereiro de 2014 e então a empresa passou a ser administrada exclusivamente por mim e meus sócios”, esclarece Ricardo Carvalho, um dos proprietários da empresa que também tem como sócios Eduardo Carvalho, Fernando Carvalho e Ana Carolina Carvalho. Localizada atualmente em Ribeirão Preto, cidade a cerca de 315 km da capital paulista, próxima à Rodovia Anhan-

motomagazine


Ricardo Carvalho e Felipe Silva (vendas)

guera, a empresa conta com Galpão próprio e moderno, onde também fica a sede e o local onde ficam as mercadorias pronta entrega. A Emtecorp conta hoje com 7 colaboradores diretos, além dos quatro sócios que também trabalham na empresa e funcionários indiretos. Com foco em importação de peças no fornecimento de rolamentos importados, a empresa mantém a tradicional qualidade de seus produtos já reconhecida em todo o Brasil.

SOBRE LANÇAMENTOS DA MARCA

Com know-how de mais de 60 anos de mercado, a Emtecorp, importadora de esferas e componentes, traz ao mercado brasileiro produtos com a mais alta tecnologia para atender a demanda de produtos que equipam motores de diversos modelos. A Emtecorp atua no mercado de reposição com seleto portfólio de produtos. A Emtecorp participou do 25º Encontro Motomagazine, realizado em Gravatá (PE), onde apresentou os seus mais recentes lançamentos aos participantes do evento. “Temos kits de transmissão de motos que também chamados de kit relação. Esses produtos tem qualidade excelente e já estão em circulação no Brasil inteiro. Os kits levam a marca FANN e a nossa excelente qualidade. Todos os nossos kits têm aço 1045, com tratamento térmico, correntes de ótima qualidade, coroa zincada e ótima apresentação”, Ricardo. Não basta apenas ofertar produtos com preço justo, é preciso ter qualidade. É com esse lema que a importadora seleciona rigorosamente todos os seus produtos, pois o respeito ao consumidor ao oferecer alta qualidade em tudo o que leva a sua marca, é o que realmente importa. “Trabalhamos apenas com produtos de qualidade superior. Usamos marca própria e garantimos o produto. Não temos interesse em piorar a nossa qualidade para baixar o nosso preço. Trabalhamos com preço justo e com ótimo custo-benefício, sempre com o objetivo de satisfazer os nossos clientes e também os usuários finais, os quais são os verdadeiros usuários dos nossos produtos”, relata Ricardo que ainda complementa. “Cada produto da empresa passa por rigoroso processo de avaliação de qualidade, tanto no país de origem quanto no Brasil. Antes de importar, a fábrica é certificada, as amostras são aprovadas e depois avaliamos a fábrica presencialmente com grande frequência. A nossa intenção é sempre de receber elogios pelos nossos produtos e trabalhar com clientes que se importem com qualidade”, conclui.

motomagazine

PERSPECTIVA DE RECUPERAÇÃO DA ECONOMIA

Como em diversos setores da economia, o mercado de reposição também sofreu com as instabilidades econômicas que se arrastam desde 2014, mas que já indicam tímidos sinais de melhoria no que diz respeito às projeções a partir do segundo semestre de 2017. “O Brasil está passando por uma crise sem precedentes. Muitas empresas, de todos os segmentos, estão fechando as portas ou estão com dificuldades financeiras, mesmo nos setores de motos e bicicletas. Ainda assim, o setor de reposição está sendo um dos menos atingidos, mas realmente as empresas fornecedoras de peças de reposição colocam a sua margem lá em baixo para conseguir vender. No final, vira uma guerra de preços, na qual as empresas muitas vezes trabalham trocando mercadoria por dinheiro, sem qualquer lucro, visando apenas a sobrevivência. Outro problema é a baixa qualidade que essa guerra de preços traz, pois as empresas vão baixando a qualidade para conseguirem ficar mais competitivas”, diz Ricardo Carvalho. Gradativamente, os indicadores econômicos revelam que a economia no Brasil está em leve ritmo de crescimento, e que aos poucos está deixando o fundo do poço, o que devolve ao empresário a confiança para investir e o otimismo do consumidor para gastar. “A meu ver, a recuperação da economia deve ocorrer a partir do ano que vem, mas com mais força somente em 2019. Sendo assim, o nosso mercado vai continuar a operar da forma que vem operando, com aventureiros e empresas que querem se consolidar ou sobreviver oferecendo produtos pelo preço que compraram e muitas vezes sem se importar com a qualidade”, afirma o empresário. Ricardo Carvalho faz uma análise racional sobre os avanços na economia nos últimos meses e as perspectivas para o futuro. “Acredito que o pior já passou, mas a recuperação mesmo somente de 1 a 2 anos. A expectativa deste ano é de crescimento muito pequeno, tendendo a estabilidade. Graças a trabalho árduo e sério, A Emtecorp está em crescimento e acredito que a maior lição é a de se preocupar em como melhorar e atender melhor os seus clientes, ao invés de usar a crise como desculpa para qualquer insucesso ou falta de mobilização”, finaliza.

13


o t n e m a ç n a l 01

03 04

02 01 PEELS

ICON SWEET SKULL

Linhas agressivas que proporcionam resultados aerodinâmicos mantendo a estabilidade ao pilotar. Suas principais características são: Estrutura interna em EPS de alta absorção e externa em ABS, campo de visão panorâmico, sistema “Easy Visor Release” fácil e rápido a trocar da viseira, entradas de ar “AIR ON bidirecional” e muito mais. Tamanhos: 56, 58, 60 e 61 Cores: Preto Fosco/Grafite, Preto Fosco/ Laranja e Branco/Rosa peels.com.br

14

02

ÓCULOS OFF ROAD GAIA MX

Com lentes semi-espelhadas em seis de seus 10 modelos, sendo eles: Yellow Fluor, Orange Fire, Special Macaw, Special Red, Radical Blue e o infantil Playstyle. A lente, intitulada de Rainbow, proporciona mais claridade e maior visibilidade aos pilotos, principalmente em ambientes com pouca iluminação. Filtro com proteção UV, lente antiembaçante e tratamento antirrisco. Nos modelos: Carbon Master, Black Light, Radical Purple e Lizard Fluor. www.gaiamx.com.br

03 MXF

MINI MOTO MXF 100CC

Possui motor quatro tempos com 7,2cv de potência, partida elétrica, aros 14’ e 12’, câmbio automático, escapamento e ponteira esportivos, freios hidráulicos a disco nas duas rodas, suspensão hidráulica invertida, pneus biscoitos e acabamentos em alumínio. A MXF 100cc é feita para crianças de até 12 anos e proporciona toda segurança que elas precisam para iniciarem no universo off road. Disponível nas cores: azul e vermelha. www. mxfmotors.com.br

04 MOBIL

LINHA AUTHENTIC

Cuidado completo para motos com o relançamento da linha de produtos auxiliares Authentic, composta por: SUper Moto Brake Fluid; Super Moto Fork Oil; Super Moto Chain Lube; Super Moto Grease; Super Moto Authentic 10W-30. mobil.moovelub.com

motomagazine


07

05

08

06 05

K60 SCOUT

A importadora FW Performance, traz para o Brasil o pneu K60 Scout, da alemã Heidenau. O produto tem oito medidas diferentes e é voltado para o uso misto asfalto/terra. O diferencial do pneu é o seu desenho, permitindo a versatilidade nas superfícies. O pneu tem maior durabilidade e maior área de contato com a superfície. www.heidenau. com.br

motomagazine

06

HERO5 GOPRO

A GoPro traz para o Brasil as versões Hero5 Black e Hero5 Session com interface e comandos de voz em português. O Capture, Quik App e o Quik para desktop também estarão em língua portuguesa. A Black tem Touch Display de duas polegadas, resolução de vídeo de 4K a 30fps, fotos em até 12MP e GPS. A Session tem também resolução de vídeo de 4K a 30fps e faz fotos com até 10MP. gopro.com

07

SH 150I HONDA

A SH 150i oferece eficiência, praticidade e agilidade, com baixos custos durante o deslocamento urbano. Com tecnologia de última geração, a SH 150i contém a função Idling Stop, que desliga o motor em marcha lenta por até 3 segundos, religando-o automaticamente quando acelerado. Possui também tomada de 12 V, rodas de liga leve de 16 polegadas, tecnologia Smart Key e sistema de freios com ABS (antitravamento). www. honda.com.br

08THOR MX 2017

COLEÇÃO DE RACEWEAR

Com duas novas linhas inovadoras e variedade de itens de equipamentos e proteções. Desenvolvida para o piloto moderno e agressivo, a coleção proporciona alta tecnologia e qualidade em equipamentos esportivos. www.brasilracing.com.br

15


o t n e m a ç n a l 09

11 13 DIAFRAG

ESPELHOS DE FREIO E FRANGES

10 09 RAINHA DAS SETE

FAROL COMPLETO

Sem lâmpada CG TITAN 150 MIX - preto - 2011 até 2013. www.rainhadassete.com.br

16

12 10

PISTÃO DE ALTA COMPRESSÃO CRF230 PROX RACING

PARTS

A companhia desenvolveu para o mercado brasileiro o pistão de alta compressão para Honda CRF230. O kit vem completo pronto para instalar, disponível em dois tamanhos e gera mais torque em baixas rotações. Também atua em outros componentes externos ao motor como pastilhas de freio, coroas, pinhões e etc. Performance garantida. www.brasilracing.com.br

Matéria prima de alta resistência e acabamento preciso. Compatíveis com os principais modelos disponíveis no mercado. diafrag.com.br

11 INDIAN MOTORCYCLE

CHIEFTAIN ELITE

A montadora norteamericana lançou edição limitada (350 unidades). A edição tem rodas de liga leve com dez raios, 19 polegadas na dianteira e 16 na traseira. A pintura recebe detalhes cromados, a iluminação contínua de LED e o sistema de som conta com 100Watts de potência. As plataformas são feitas de alumínio. www. indianmotorcycle.com

12 GAERNE

SG 12 COLOR RACE

As novas botas off road da Gaerne tem qualidade mundialmente conhecida. Com novas cores, as botas são as mesmas utilizadas por grandes nomes do motocross mundial Agora também no país, as agressivas G-React, a bota de entrada GX1-Evo e para as crianças as SG-J. www.brasilracing.com.br

motomagazine


s a t no MUDANÇAS PARA HABILITAÇÃO Projeto de lei do deputado federal Ronaldo Fonseca que propõe alterações na classificação da carteira de habilitação de motociclistas foi aprovado pela Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados. O Projeto de Lei 3245/15 divisão da habilitação A em três subcategorias — A1, para motos com motores e até 300cm³, A2, para aquelas com até 700cm³, e A3, para as de cilindrada acima de 700cm³. Faz parte do texto exigências para que o habilitado “suba” de categoria. A mudança ainda não tem data para entrar e vigor.

15º BARRETOS MOTORCYCLES

Tendo como lema principal a segurança e o conforto dos visitantes, Os Independentes – associação organizadora do Barretos Motorcycles – realizou no Parque do Peão, em Barretos (SP), durante quatro dias, a 15ª edição do Barretos Motorcycles. Esse ano, medidas de segurança foram tomadas para evitar excessos que poderiam ser cometidos por motociclistas visitantes.

EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA

ARGENTINA ENTRA NO CALENDÁRIO 2018 DO WSBK O Campeonato Mundial Superbike 2018, terá etapa na Argentina. O Governo da Província de San Juan (Argentina) e a Dorna, organizadora do WSBK e da MotoGP, fizeram o anúncio conjunto de um acordo de três anos para sediar a competição. A pista que vai receber a competição é o Circuito El Villicum, que fica na cidade de Albardón e está localizado na Rota 40.

18

ESTRANGEIROS NAS RUAS DE SÃO PAULO

Dados do Detran-SP revelam que existem 26.152 estrangeiros habilitados pilotando motos no Estado de São Paulo. Desse total, 5.071 pessoas são cidadãos portugueses, seguido pelos italianos (2.337) e japoneses (2.142). A lista segue com argentinos (1.533), espanhóis (1.464), chineses (1.343), alemães (1.299), chilenos (1.078), colombianos (997) e franceses (872).

Equipamentos de proteção vão além do capacete e da jaqueta, que também são de extrema importância, mas não protegem todo o corpo. De acordo com levantamento feito pela Riffel Motospirit, a cada oito peças vendidas da marca, sete são jaquetas. É importante conhecer as peças mais adequadas para cada situação. Investir em peças que garantem a segurança, é essencial para o motociclista.

motomagazine


s a t no YAMAHA ANUNCIA RECALL

A fabricante anuncia o recall das motocicletas MT-09 e MT-09 TRACER, modelos 2015 a 2017. A marca japonesa solicita que os proprietários das motocicletas entrem em contato com uma concessionária autorizada para agendar a substituição gratuita dos suportes do guidão.

OFICINA MÓVEL OFERECE SERVIÇOS EXCLUSIVOS Em Cuiabá (MT), dois amigos abriram um serviço de conserto, manutenção e customização móvel. Com poucos meses de trabalho, eles já começaram a expandir a In Loco Motorcycle. Dos empresários Márcio Trevisan e Levi Oliveira, além das revisões programadas e preventivas, eles realizam lavagem a seco simples e Premium, manutenções e também customizações.

PUNIÇÃO AOS INFRATORES

Diante da concentração de acidentes e mortes com motociclistas nas marginais Tietê e Pinheiros, a prefeitura de São Paulo adotará uma forma de fiscalização inédita na cidade, por videomonitoramento. Agentes de trânsito poderão multar as motos por direção perigosa sem estar nas vias para flagrar os infratores, apenas com base nas imagens das câmeras da CET. A ação é inédita nas vias urbanas da capital paulista.

ESTACIONAR NA ÁREA AZUL GERA MULTA

Em Criciúma (SC), a Área Azul do controle de estacionamento rotativo é vetada para motocicletas. Estacionar em vagas demarcadas para carros resulta em penalidades e medidas administrativas. O motociclista conta com áreas específicas para estacionamento e, conforme o artigo 48 do Código de Trânsito Brasileiro, a motocicleta deve ser estacionada em ângulo perto de 90 graus em relação à calçada. A infração gera multa de R$ 195,23 (infração grave), mais cinco pontos na CNH.

20

motomagazine


e t r o esp rápidas do

CAMPEONATO NORTE-AMERICANO DE MOTOCROSS

Depois de passar pela Flórida e pelo Texas em Março, o piloto gaúcho Enzo Lopes voltou a competir na Califórnia. Mais uma vez o piloto esteve entre os melhores e carimbou seu passaporte para o ‘Loretta’, dessa vez na classificatória em Glenn Helen. Enzo ficou com o 2º lugar na geral da categoria 250A. Na categoria Open PRO Enzo conquistou o 3º lugar na geral.

CAMPEONATO MINEIRO DE MOTOCROSS

Na 2ª etapa do Campeonato Mineiro de Motocross e os pilotos da Kawasaki Racing Team subiram ao pódio e garantiram pódio com seus pilotos nas principais categorias do estadual. Dudu Lima se mantém isolado na liderança da categoria MX1 e seu irmão, Marcello Lima, ficou na vice-liderança, após a segunda rodada onde foram primeiro e terceiro lugar, respectivamente. Na MX2, pela categoria Junior, Pepê Bueno chegou na 2ª colocação e Leo Souza na 3ª posição.

22

motomagazine


RALLY CUESTA O Rally Cuesta Off-road acontece de 05 a 07 de maio, e será realizada na cidade de Botucatu, localizada a 230km da capital paulista. A Serra da Cuesta será o cenário da 5ª e 6ª provas do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country e Baja para motos, quadriciclos e UTVs. A concentração das equipes será no Shopping Botucatu. www.rallycuesta.com.br

UTVS E QUADRICICLOS TÊM AVENTURA OFF-ROAD A aventura off-road aconteceu entre Itajaí (SC) e Gramado (RS). O grupo formado por 16 integrantes a bordo de 11 veículos percorreu 980 km por caminhos nada convencionais, repletos de belas paisagens e muita adrenalina. A chegada foi na Serra Gaúcha, após uma semana de expedição.

O RETORNO DE SUZANE CARVALHO

Após um ano longe do motociclismo, a carioca Suzane Carvalho voltou às pistas. A piloto de 53 anos venceu, na categoria feminina, a etapa de abertura do SuperBike Brasil,em Interlagos (SP), pela Copa Honda CBR 500R. Ao todo, 12 mulheres competiram nas diversas categorias da SuperBike Brasil. A próxima etapa da competição está marcada para o dia 28 de maio, novamente em Interlagos.

1ª ETAPA DA SBK LIGHT Rodrigo Dazzi (#146), iniciou a temporada 2017 do SuperBike Brasil vencendo a primeira etapa da SuperBike Light, prova realizada no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Já o piloto Edson Errera (#86), da Errera Racing, foi o nono colocado na categoria Master.

COPA DE VELOCROSS A primeira etapa da Copa Interestadual de Velocross abriu a temporada 2017 com as disputas na cidade de Caçapava, região do Vale do Paraíba (SP). Destaque para Rafael Arruda o “Filé”, piloto de São José dos Campos, que conquistou a vitória na VX Open e na VX 30 importada. A piloto Sabrina Costa venceu a VXF e também a Junior.

motomagazine

23


e t r o esp rápidas do

1ª ETAPA DA SUPERSPORT EM INTERLAGOS

Maximiliano Gerardo (#41), dominou de ponta a ponta a corrida da categoria SuperSport e venceu a 1ª etapa do SuperBike Brasil, prova realizada no Autódromo de Interlagos em São Paulo (SP). Alex Schultz (#22) foi o terceiro colocado. Pela categoria Stock, Rafael Rigueiro (#52), da Pitico Race Team, venceu com facilidade a prova e Jefferson Valcézia (#99), da Tecfil Racing Team, faturou o lugar mais alto do pódio na Pro Amador.

MOTOGP O espanhol Marc Márquez conquistou, pelo quinto ano consecutivo, o Grande Prêmio das Américas, realizado nos Estados Unidos, o italiano Valentino Rossi ficou na segunda posição. O também espanhol Dani Pedrosa ficou com a terceira colocação.

BRASIL NORDESTE DE MX

AMA SOUTH EAST SUPERMOTO

O piloto brasileiro, Simão Lawant conquistou mais uma vitória, na categoria veteranos, no campeonato de inverno realizado em Bushnell, na Florida. A próxima etapa será a grande final, em Miami, Estados Unidos, no dia 27 de maio.

26

O Campeonato Brasil Nordeste de Motocross está de volta em 2017. Pilotos de todos os estados da região participarão da competição: Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Maranhão, Ceará e Piauí. A abertura está marcada para os dias 13 e 14 de maio, na cidade de Brejo Madre de Deus (PE). Estarão em disputa 11 categorias e as promocionais: Nacional Trilheiro, Nacional Iniciante e Especial Intermediária.

motomagazine


25º Encontro

Capa

AUDÁCIA E CONFIANÇA CULMINARAM EM SUCESSO Mudar local de evento que vinha colhendo excelentes resultados para os parceiros expositores e visitantes exigiu coragem e ousadia. Sem nenhuma presunção, apenas a confiança em que isto finalizaria em mais uma grande vitória para todos os envolvidos

E

Texto: Osmar Silva, com Hylario Guerrero e Joelma Farias Fotos: Equipe Luanda

90 expositores e mais não teve por que não havia espaços que pudessem ser utilizados, mesmo razoavelmente. Foi necessário improvisar, alocar ambientes que não estavam programados para acolher quantos foram possíveis. Infelizmente, não houve meios para atender a todos. Durante o evento, 320 clientes cadastrados (CNPJS), compostos por distribuidores, atacadistas e lojistas de todos os estados nordestinos, além de 40 profissionais representantes de vendas que circularam e promoveram troca de ideias e conhecimento de novos produtos, nacionais e importados. Aproximadamente, 2.000 pessoas visitaram a exposição de produtos e serviços. Para atender aos potenciais clientes que se dirigiram ao Hotel Canariu’s, onde estava instalada a feira, mais cinco hotéis foram utilizados para completarem as hospedagens oferecidas aos parceiros visitantes. Para satisfação geral, nenhum problema foi registrado quanto ao atendimento dos hotéis e hospedagens. Tudo saiu a contendo, segundo a maioria dos personagens do segmento presentes. Ao final, como sempre um jantar festivo, com músicos de bandas locais e show dos cantores Daniel Rey e Débora Nunes. Eles animaram os expositores e convidados. Só faltava o esperado sorteio do automóvel, em promoção patrocinada pelas empresas PROVISION e VEDOX.

PATROCINADORES

xpectativas tomaram conta da organização do Encontro Motomagazine Nordeste, nesta edição de 2017. Afinal, mudanças sempre causam preocupações. Ao trazer o evento para uma nova sede, o que já havia se tornado grande sucesso em todas as edições realizadas em Campina Grande-PB era um risco que normalmente não seria necessário correr. Mas, criar novos desafios que poderiam somar em possibilidades de novos êxitos para o mercado, se apresentou como algo que movia toda a organização. Outra cidade. Hotel que oferecia habitações mais novas, espaços amplos em local encravado no agreste pernambucano e, caminho obrigatório para importantes cidades da região do sertão. Gravatá, chamada de Suíça do Nordeste, de clima ameno durante a maior parte dos meses e frio no meio do ano. Ela, por si só é uma atração para os empresários de fora da região. De fácil acesso por estrada de rodagem, a Rodovia 232, a pequena distância da capital, Recife e de Caruaru, importante polo comercial do estado. Lançada a comunicação da alteração do local do “25º Encontro Motomagazine Nordeste”, as surpresas se iniciaram. Agradáveis, diga-se. O número de adesões de empresas expositoras alcançou recorde de participações. Foram

28

motomagazine


motomagazine

AÇÃO- MKT 2017

Preto: Pantone Process Black CMYK: 0 - 0 - 0 - 100%

CO-PATROCÍNIO

Azul: pantone 662C CMYK: 0 - 0 - 100% - 100%

29


25ยบ Encontro

TODOS NA ESPERANร‡A DE SEREM CONTEMPLADOS COM O MOBI, MODELO FIAT, ZERO KM.

30

motomagazine


25º Encontro

Cupons ao alto. A sorteada foi Adriana Canuto de Farias, proprietária da Central Motos, da cidade de João Pessoa (PB), representada no ato do recebimento das chaves do veiculo por Jone S.Batista, seu funcionário. Então, contrariando a máxima que diz: em time que está ganhando não se mexe..., a mudança trouxe comemorados resultados. A movimentação durante todos os dias foi muito grande e a realização de negócios, idem. Criar, ter coragem de modificar para incrementar os resultados auferidos por todos os parceiros que sempre depositam a sua confiança em nossas decisões estratégicas. Lógico que sempre haverá riscos. Campina Grande, é parte da história dos eventos e importante para a sua consolidação como o mais importante realizado no Nordeste Brasileiro e como retorno imediato, foi colocada na rota e calendário de grandes realizações voltadas para o business, acrescentando ao seu rotulo de “maior São João do Mundo”. Durante os anos nos quais os Encontros

foram sediados na “Princesa da Borborema”, ampliou-se consideravelmente a sua exposição para o público do segmento de motopeças e de todos os outros correlatos, confirmando a sua importância como centro de distribuição e entroncamento logístico. Agora, um novo enredo começa a ser desenvolvido para o Encontro Motomagazine Nordeste, e o cenário para a concretização passa a ser Gravatá. No futuro, talvez, venhamos a ter outras parcerias sempre com a busca do novo, do incremento de negócios e a afirmação desta formidável ferramenta para superação das dificuldades econômicas que tem atrapalhado o crescimento constante das empresas. Vivemos em um tobogã. Ora lá no alto, ora cá embaixo. Então temos que ser competentes para surfarmos nestas ondas e compartilharmos experiências que nos tirem das mesmices e cases ultrapassados. A cada dia vivemos um novo e maravilhoso momento com inúmeras novas oportunidades de realizações.


O 25º ENCONTRO DE GRAVATÁ-PE Na opinião da maioria dos expositores, o evento atingiu seu objetivo, congregando num mesmo espaço expositores, que adiantaram seus lançamentos para levar à região. Segundo Bruno Alves, gerente comercial da Filtran/Andorinha, no início do ano se ouviu muitas reclamações de recessão e falta de movimentação nas lojas. “Com isso aproveitamos para nos movimentar e buscar alternativas para atender ao mercado, e nossa estratégia deu certo. Estamos fechando o terceiro mês do ano com crescimento na linha. Atuamos no mercado há 10 anos, somos um dos principais players no nosso segmento atendendo a maioria dos distribuidores. Em sua opinião, o evento Motomagazine do Nordeste é um referencial no segmento. “Aproveitamos para estreitar relacionamentos e efetivar negócios”, diz Bruno Alves. Já Diego Soratto, gerente comercial da Maximo Retrovisores, vê o mercado retraído. “Porém buscamos alternativas para burlar esta retração. Em relação aos itens da Maximo vivemos em constante evolução e grande crescimento gerando força na marca, sempre inovando no segmento de retrovisores. Diego comenta que a feira da Motomagazine tem como ponto positivo a busca para integrar os clientes com fornecedores. “E não poderia ser diferente nessa feira de Gravatá, finaliza. “Nosso maior ‘share’ está na Região Nordeste, o que seja provável acontecer com os demais fabricantes. Nosso maior receio neste momento não é a crise em específico e sim a falta de chuva por um período mais prolongado”, explica Everton José Horn, gerente comercial da ERBS. “Estamos trabalhando na pulverização de nossa equipe de campo - representantes. Estamos trabalhando para aumentar


25º Encontro o nosso volume na região. O evento como sempre foi bom, bem organizado e de grande abrangência”, reitera Everton Horn. Na visão de Wendel de Santana, gerente comercial da Diafrag - Wabtec Brasil, o mercado está mais aquecido em 2017. Os distribuidores estão mais otimistas e investindo em seus estoques. Ainda temos muita concorrência desleal, mas o consumidor está mais propenso a comprar marcas com qualidade comprovada. Como a Dia-frag é fabricante de peças originais, nosso produto chega ao consumidor muito competitivo pela qualidade que entrega”, afirma. “O evento foi excelente, recebemos visitas de nossos principais distribuidores, fechamos muitos negócios e ainda iniciamos várias novas parcerias. O hotel onde o evento foi realizado é bem amplo e proporcionou bom nível de conforto a todos que estiveram presentes”, finalizou Wendel. Antonio Cesar Pereira, gerente comercial da WLS Pneumáticos & Moto-Parts, diz que o mercado de motopeças teve grande queda, porém muito menos que outros mercados, por exemplo o de ‘4’ rodas. “O usuário de 2 rodas não deixa de comprar peças para sua moto, ele sabe que o custo das peças compensa a diferença da passagem do coletivo. Porém, ele está postergando ao máximo a compra dessas peças e só comprando quando não há mais condições de uso”. “As câmaras de ar e os Kits de Transmissão Vulcan Bor foram os precursores na linha de 2 rodas, no Grupo WLS, e com esse sucesso a marca desenvolveu outros itens. Devido da qualidade e competitividade das câmaras de ar e dos Kits de Transmissão, os clientes acreditaram nos outros itens lançados pela marca, por isso a linha não para de crescer. O Evento está prestigiando outro ponto da Região Nordeste, por isso sempre é sucesso”, determina Antonio Cesar. Na opinião de Carlos Roberto Cunha, supervisor de vendas da RCC, o mercado hoje é pouco exigente na questão de qualidade. “Querem preços baixos. Tentamos manter o equilíbrio com produtos de qualidade e preço competitivo. A marca RCC já consolidada no atacado e varejo, porém ainda carece de mais informações para o consumidor final”.


25º Encontro

Vídeo exclusivo: www.luanda.com.br/gravata.2017


25º Encontro “Achamos uma ótima feira, bem movimentada com público específico do segmento, bem dirigida”, afirma Carlos Cunha. Walter Hélio, gerente comercial da Plasmoto, achou o espaço de exposição apertado. “Bom número de visitantes, fizemos bons negócios. Mas clientes do Ceará, Piauí e Maranhão foram prejudicados pela distância”, acredita. “De forma geral, o cenário ainda requer cautela, mas já sentimos uma reação do mercado de motopeças em diversas regiões do país. Para a Ri􀍜􀍜􀍜􀍜􀍜, as vendas vêm se mantendo estáveis. Em algumas linhas crescemos exponencialmente nos últimos meses e estamos prevendo novos produtos para o nosso mix”, afirma André Munhoz Moreira, marketing da Riffel. “Com o atual cenário econômico, o mercado de motocicleta vem apresentando queda no emplacamento de novas unidades, e quando isto acontece, a tendência do consumidor é investir na reposição, manutenção, de sua moto. E a consequência é o ‘impulsionamento’ deste setor”, explica Romildo Paiva, gerente de vendas da Motociclo. “Nossos produtos expostos são exclusivos, gerando assim maior confiança e competitividade ao lojista. O evento, como sempre, bem movimentado, visita de vários clientes dos Estados do Nordeste, se consagrando como importante evento de negócios”, termina Romildo. Para o gerente de vendas da Polivisor, Lucas Pena, o mercado vem numa crescente. “Iniciamos o ano de 2017 com uma melhora 8% em relação ao ano de 2016, no qual tivemos crescimento de 7,5%. Pelo feedback recebido de nossos clientes, nossos produtos se mantém como os preferidos, fruto da nossa constante melhoria...”, explica. “O evento mais uma vez provou a força na Região Nordeste, onde pudemos estreitar ainda mais nossos relacionamentos junto aos nossos clientes, apresentar novidades e consequentemente vender”, finaliza Lucas. “O mercado está retraído, principalmente na linha de acessórios na Região Nordeste. Isso se deve a pouca crença dos lojistas


de varejo no potencial de vendas destes produtos”, explica o supervisor externo da GIVI, Fabrício Politi. “Quanto ao mercado, com muito trabalho, a ampliação da linha de produtos e nacionalização, estamos buscando crescimento. Apesar de estarmos passando por um momento de baixo consumo pela população. De um modo geral, estamos conseguindo bater nossas metas.” afirma Fabrício. “Foi minha primeira participação neste evento, gostei do número de lojistas e distribuidores que realmente visitaram os estandes, e compareceram para fazer negócios”, reitera. Na visão da proprietária da Krater, Gislene Gianetti, o mercado está reagindo, ainda que timidamente, mas já está melhor que 2016. “Nossos produtos são bem aceitos, visto que temos dois fortes concorrentes. Lembrando que para a empresa, esse foi o melhor evento que já participamos”, informa Gianetti. Para Rodrigo Gonçalves, vendas e marketing da Vedamotors, o mercado parece estar reagindo, porém ainda deixa dúvidas. É preciso ter cautela e não se iludir... “Nossos produtos vão muito bem, mas sempre tem o que melhorar. O evento foi muito bom...”, diz Rodrigo. André Cassemiro Ventura, gerente de vendas da Baterias Raiom, o mercado de baterias para motos está muito competitivo e está crescendo há cada ano. Nosso produto tem boa aceitação no mercado, e nossas vendas se concentram na maior parte na Região Nordeste”, diz. “Entre todos os eventos da Motomagazine que participamos podemos classificar o evento de Gravatá como o melhor”, afirma Cassemiro. “Apesar dos últimos anos o mercado ter se retraído, as peças de reposição estão sendo muito procuradas. Acredito que devido ao aumento na compras de motos usadas. Nosso


25º Encontro produto continua tendo um ótimo desempenho. Estamos muito contentes de mês a mês podermos lançar produtos novos e ter uma grande procura por eles”, afirma Bianca Vogt, marketing da Laquila. “Os encontros Motomagazine são muito importantes para nós, pois nos aproxima muito de nossos clientes. A feira do Nordeste é a mais significativa e a que mais se concretiza negócios e vendas”, explica Bianca Vogt. Segundo Ricardo Carvalho, diretor da Emtecorp, o mercado não está aquecido, porém está conseguindo crescer, principalmente por estar trazendo novos produtos, que têm alta qualidade a preços competitivos e por isso sempre bem posicionados. “O evento foi bom, tinha muitos clientes em potencial e com isso o evento propiciou muitos contatos. Michele Alves, gerente nacional de vendas das Melc, revela que o ano iniciou com uma nova perspectiva, e que é possível esperar um pouco mais do que o ano passado. “O mercado apresenta uma tendência de crescimento depois de 2016 retraído. Estamos otimistas com o ano de 2017”, completa. Michele entende que a percepção de qualidade que se tem de um produto está ligada a maneira como ele é apresentado e, desta forma, a Melc está cada vez mais preocupada em colocar no mercado produtos modernos e repletos de tecnologia. “Estamos tendo muito sucesso na apresentação de uma nova filosofia no mercado aliado a qualidade e preços competitivos”. Para o diretor de vendas da Renascença Retrovisores, José Delena, a importância de realizar um trabalho de marketing e estar presente em diversas partes do Brasil para conquistar novos clientes, é tão importante quanto o fechamento de vendas. “O evento foi bom, com data e local adequados. Tivemos uma ótima hospedagem. Em minha opinião, a quantidade de visitantes não é tão importante, os interessados em conhecer o produto, sim”. O gerente comercial da Polimet, Rodrigo Carvalho, acredita que o setor foi um dos menos prejudicados pela profunda crise econômica que ainda deixa seu rastro de destruição em outros


segmentos. “O mercado de Motopeças se encontra em um momento favorável. Eventos bem estruturados e organizados como esse, ajudam muito o setor”. Especializada em peças de motos de baixa cilindrada (até 250cc), a Redfox apresentou suas principais novidades no mercado. O gerente comercial da empresa, Marcelo de Oliveira, entende que o momento é de recuperação nas vendas. “O mercado de motopeças está aquecido, mas tem sofrido influência do atual momento econômico, mas de modo geral ainda está muito bom e com muitas oportunidades. A Redfox tem um propósito muito claro no mercado que é assegurar a alta qualidade dos produtos e mesmo assim ter um preço justo e competitivo. Sem abrir mão da alta qualidade, estamos conseguindo aumentar nossa carteira de clientes de forma sólida e sustentável”. P2M Comércio de Peças S.A., especializada em peças de reposição compatíveis com diversos modelos de motocicletas, participou do evento onde apresentou suas principais novidades. Com seu portfólio composto por mais de 4000 peças diversas, a X Motos do Brasil, por intermédio de seu supervisor de comercial Wagner Xavier, evidenciou bom desempenho e revelou seu otimismo para novos e promissores negócios nesse ano. “O mercado 2 rodas segue constante, com resultados até melhores do que os obtidos no último trimestre de 2016. Crescemos 20% acima do esperado nesse trimestre”. Wagner revelou a satisfação de participar de mais um evento no Nordeste. “O evento como um todo foi bom. Local, data e horário, ok. O hotel escolhido para esse evento foi show de bola, não tendo reclamação do acolhimento e organização. O número de visitantes foi bom. A mudança de local foi uma ótima escolha”, finaliza. Maria Azevedo, supervisora de vendas da SPORTIVE, comemora o desempenho obtido pela empresa. “Estamos bem colocados, temos ótima qualidade além de excelentes parceiros”. A supervisora também revela a sua opinião sobre o evento. “Foi bom para a Sportive. A mudança para Gravatá surtiu efeito, pelo menos para nós. Tivemos a oportunidade de conhecermos clientes da região”.


25º Encontro Para Juan Boschetti, diretor geral da fabricante de amortecedores Mundopeças, a empresa está em ascensão e pode observar reação favorável no mercado. “O Encontro, foi muito bom, com local, data e horário, excelentes” sintetiza. A Borilli Racing expos pneus a sua linha de pneus Off Road. Segundo Wandilson Castro Lacerda, são a única fábrica nacional desta linha e, estão em constante aprimoramento para realmente oferecerem itens incomparáveis aos seus clientes. Quanto ao evento especificamente, considerou ótimo. “Este é um mercado novo para nós e o evento foi eficiente”, afirmou. O consultor Luiz Esteves, exibiu os produtos kit de transmissão, cabos de comando,câmaras de ar e amortecedores. “O mercado está aquecido, mesmo com as incertezas da época. Esperamos um bom ano”, opinou. A empresa vem conquistando a confiança dos clientes, apresentando produtos de qualidade e, assim tem a participação tem atingido patamares acima do esperado. “Considero este evento essencial para o mercado. É uma rica oportunidade de os aproximarmos de nossos clientes”, afirma. Afirmando estar conseguindo alta procura por seus produtos nas regiões nordeste e nordeste, bastante superior as outras nas quais também atua, Raimundo Rafael, da empresa Raimundo Rafael Martins de Oliveira-ME, expos capas de banco emborrachadas personalizadas, para modelos universais. “Um encontro desta magnitude sempre rende boas ações. Contatos, novos clientes, claro, inspirações. Mais que apenas corresponder as expectativas, elas foram largamente superadas”, considerou Raimundo.


“O mercado da região nordeste, sempre é positivo para a Chiptronic. A nossa participação em mais este Encontro Motomagazine, nos aproxima ainda mais de nossos clientes”, afirmou Rafael Villas Boas, com a concordância de Axel de Oliveira. A empresa, em constante expansão, em 2016 apresentou crescimento de 300%, também no mercado exterior. “Tínhamos a expectativa de que o nosso estande fosse visitado por clientes novos e ativos. E, isso realmente aconteceu”, afirmou Villas Boas. Leonor F. da Costa, do marketing da Technic do Brasil, produtores de pneus, considera que o mercado está apresentando sinais de aquecimento e os seus produtos com ótima aceitação. “Superando as nossas expectativas em várias situações, este evento foi excelente. Local perfeito, boa hospedagem e ótima alimentação”, definiu Leonor. “Procuramos fidelizar parcerias com clientes e representantes, para driblar as dificuldades atuais. Sabemos que o cenário não dos melhores, porém, iniciamos o ano com forte trabalho de campo, valorizando os lançamentos e materiais promocionais. Assim, o Encontro foi importante para continuarmos atentos e criarmos produtos que sejam exatamente o que os clientes desejam”, enfatizou Edilson Tenório, da GVS, fabricantes de retrovisores, piscas e lentes, guidões e outros vários acessórios. “O local inovador, com ótimos serviços de hospedagem e alimentação, correspondeu plenamente as nossas expectativas”, sentenciou Edilson. Francisco Konya Poszar, da Repool, fabricante de paralamas, carcaças. Kit San Marino, cintas de aro e outros itens de borracha, creditou o evento ‘como muito produtivo no contato direto com os clientes. Tenho somente uma palavra para definir o encontro: Sensacional!’. Ele está otimista quanto ao mercado. “Acredito em uma retomada rápida de crescimento e, felizmente


25º Encontro estamos em franca expansão, conquistando clientes em todo o país”, define Francisco. Tendo produtos bem conceituados no mercado, a Fabreck, expos toda a sua diversificada linha, mesmo considerando que em geral o cenário não é comprador. “O evento estava muito bom,tendo apresentado melhoras em comparação ao do ano anterior. Data e horários ‘bacanas’,local e hospedagens ótimos. Correspondeu as nossas expectativas” avaliação de Patricia Ferreira Reis, do departamento comercial. A gerente de Suplly, Luana Chaves, da empresa Unifort, tem uma visão de expansão no mercado de motos, onde estão conseguindo grande aceitação. Estão investindo acreditando em sua ascensão. Durante o evento mostraram kit de transmissão,câmaras de ar,pastilhas de freio, químicos diversos e ferramentas. “ O evento foi excelente e com bom publico, o que nos leva a participar dos próximos” definiu Luana. Definindo o evento como: local muito bom, data, horário e hospedagem, tudo OK , Marlise Milchert, gerente comercial da Wester, fabricante catarinense,acrescentou ainda “O evento foi bom para a Wester, tivemos contato com nossos clientes, e prospectamos várias novas oportunidades de negócios. A Wester, apresentou toda a linha de produtos atuais da empresa e, também, os próximos lançamentos. “Produzimos toda nossa linha com matéria prima de qualidade, e isso nos dá respaldo nas vendas, consequentemente conseguimos firmar ótimas parcerias” elencou.


Profile for Luanda Editores

Motomagazine 100  

Motomagazine 100  

Advertisement